Dependência Química. Por que algumas pessoas ficam dependentes de drogas e outras não?

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Dependência Química. Por que algumas pessoas ficam dependentes de drogas e outras não?"

Transcrição

1 Dependência Química Por que algumas pessoas ficam dependentes de drogas e outras não? Os fatores relacionados ao desenvolvimento da dependência química são variados. O fator genético está bem estabelecido. Pessoas com alterações em genes específicos possuem um risco maior de desenvolver a dependência. Outro fator importante é o ambiental. Indivíduos com estrutura emocional desadaptada à vida cotidiana, associada à dificuldade de aprendizado com a experiência e elaboração das frustrações, são mais propensos a iniciar e dar continuidade ao uso de substâncias psicoativas diversas. Dependência química tem cura? A dependência química instalada é uma doença crônica, de longa evolução. Atualmente falamos em controle do quadro, mas evita-se o termo cura. Qual o melhor método de tratamento para dependência química? Não existe um melhor método. Sabe-se que uma equipe multidisciplinar especializada gera melhores resultados. Deve ser feita uma avaliação individualizada e escolher as melhores intervenções terapêuticas disponíveis, incentivando a participação do paciente e dos familiares no processo de tratamento. O que é redução de danos? Redução de danos é uma forma de tratamento em dependência química utilizada para pacientes que não querem ou não conseguem interromper o uso de drogas. O enfoque está na diminuição dos riscos e malefícios acarretados pela droga, e não diretamente na interrupção do uso. Não deve ser feita sem a direção e orientação de uma equipe experiente. Como a dependência química deve ser encarada pela família? Com entendimento, sensibilidade e atitude. Entendimento porque é uma doença grave; sensibilidade porque adotar uma postura de acusação prejudica o diálogo e não ajuda o indivíduo; atitude porque deve- se buscar, o mais rapidamente possível, aconselhamento e tratamento com equipe especializada.

2 Meu filho está diferente. Como fica alguém que está usando maconha? No início os principais sintomas são de euforia, ansiedade, desconfiança, riso inadequado e julgamento alterado das situações. Pode-se perceber o indivíduo com a boca seca, olhos vermelhos e aumento do apetite. Medicamentos podem me impedir de usar drogas? Os sintomas de intoxicação e abstinência são tratáveis através de medicação. Quadros psiquiátricos secundários ao abuso ou dependência de drogas, como depressão, ansiedade, pânico, insônias, melhoram com o tratamento medicamentoso. Não é possível afirmar, no entanto, que o uso de qualquer medicação específica impedirá o indivíduo de usar drogas. Quando a internação fechada é necessária? A internação é reservada para uma porcentagem muito pequena de casos. Ela deve tratar os sintomas agudos e vincular o indivíduo a uma proposta de tratamento posterior, como por exemplo, hospital dia. Se estes critérios não são observados a internação pode ser totalmente ineficaz. Em quais casos o hospital dia é eficaz para tratar dependentes químicos? O hospital dia é um excelente equipamento de tratamento para dependentes químicos, porque possibilita a melhora dos sintomas com a vantagem de oferecer maiores perspectivas de reinserção social e organização de vida, mantendo o paciente ligado a família, no contexto de inclusão social. Já internei meu filho diversas vezes, mas ele continua recaindo nas drogas. Notei que o ambiente conturbado da família não lhe faz bem. O que mais posso fazer para ajudá-lo? A internação fechada não é o único equipamento de tratamento para dependência química. Atualmente o hospital dia consegue trabalhar a redução ou interrupção do uso da droga, o desenvolvimento de estratégias de enfrentamento de estressores sócio-familiares e maior eficácia na prevenção da recaída e reorganização de vida.

3 Qual o efeito das drogas sobre o cérebro? Depende da droga. Todas elas têm algo em comum. Atuam junto ao chamado sistema de recompensa, formado por algumas estruturas cerebrais específicas, que, ativadas, produzem excesso de liberação de neurotransmissores, como dopamina, serotonina e adrenalina, ocasionando reação inicial de intenso prazer e bem estar. As drogas podem causar doenças mentais? Sim. Além da dependência química, o uso de drogas pode iniciar ou precipitar o surgimento de outras patologias psiquiátricas, como a síndrome do pânico, depressão, distúrbios alimentares, alucinações e delírios, e até mesmo quadros psicóticos mais graves. O Alcóolicos Anônimos funciona mesmo? Os grupos de mútua-ajuda são constituídos por dependentes em recuperação e não comportam a presença de um terapeuta propriamente dito. Eles visam o trabalho de aceitação da impotência perante a substância, a ajuda mútua e o desenvolvimento da espiritualidade por meio de 12 passos. Muita gente usa maconha. É uma droga recreativa. Existe algum risco? Riscos sempre existem. Há muita controvérsia e discussão nos meios de comunicação sobre este fato, principalmente pela liberação da comercialização em alguns países (vide redução de danos). No entanto, a maconha pode desencadear efeitos importantes, tais como, síndrome amotivacional (perda de interesse pelas coisas e prazer), queda de rendimento escolar ou profissional, ansiedade, depressão, infertilidade, delírios de perseguição e alucinações. Não consigo convencer meu marido a buscar tratamento, mas a situação está muito difícil, porque ele não para de beber. Me ajude. A negação da doença é mais uma característica da dependência de drogas. A negação pode ser até amplificada por uma abordagem de acusação e intolerância. Existem técnicas que possibilitam o desenvolvimento de uma crítica sobre a situação e, enfim, a aceitação do tratamento, mas cada caso deve ser avaliado nas suas particularidades.no teu caso, sugerimos o aconselhamento familiar.

4 Já tentei de tudo, mas não consigo parar de cheirar cocaína. O que mais posso fazer?não quero ser internado. O tratamento para a dependência de drogas pode ser longo e difícil, mas só tem uma saída para o sucesso: NÃO DESISTIR. No seu caso pode ser que seja necessário internação, ou tratamento intensivo em Hospital Dia, mas com certeza, mantendo e seguindo um tratamento especializado você verá que valeu todos os esforços. Trabalho normalmente. Sou responsável, tenho família e filhos.desde jovem uso maconha diariamentee cocaína ocasionalmente em pequena quantidade. Agora decidi parar, mas percebi que não consigo sozinho. Onde posso encontrar ajuda? A primeira coisa é procurar ajuda especializada; não espere até o padrão de uso piorar. Você apresenta o sintoma de não conseguir ficar sem o uso da substância, mesmo com intuito de fazê-lo, que é um dos critérios para dependência química. Com o tempo você corre o risco de desenvolver tolerância, que o levará a usar quantidades cada vez maiores da droga para obter os mesmos efeitos, o que pode agravar o quadro. Está cada vez mais difícil fumar pela proibição da lei anti-fumo. Quero aproveitar e me ver livre desse problema. O que posso fazer? Uma porcentagem muito pequena de tabagistas consegue parar de fumar sozinho. Atualmente dispomos de programas de tratamento do tabagismo que englobam técnicas psicoterápicas e uso de medicamentos específicos, com excelentes resultados e baixas taxas de recaída. Fico o dia todo na internet, não consigo parar de teclar e jogar no computador? Será que estou viciado? Pelo seu relato, seu padrão de uso não é equilibrado ou saudável. É preciso avaliar melhor o grau de prejuízo que a atividade está gerando em seu cotidiano, para diferenciarmos em uso abusivo, nocivo ou dependência. Procure uma avaliação especializada.

5 Depressão, Pânico, Ansiedade, Estresse e outros males do Século XXI Como posso saber se tenho depressão? O diagnóstico de depressão deve ser feito por um especialista em saúde mental. Em geral o indivíduo deve apresentar alteração significativa do humor ou do prazer nas atividades cotidianas por período mínimo de 15 dias, associados à alteração do apetite, sono, libido, com sentimentos de menos valia, diminuição da energia, entre outros. Tenho crises em que acho que vou morrer. Já procurei médicos e todos dizem que não tenho nada. Como posso me tratar? Pode ser que você esteja com ataques de pânico. Eles podem se precipitados por fatores estressores ou sem desencadeante aparente. Há métodos psicoterapêuticos e medicamentos com excelentes resultados no tratamento de quadros semelhantes. Falo muito rápido, quase não consigo acompanhar meus pensamentos, e sou muito impulsiva. Não estou trabalhando porque estou a ponto de agredir alguém de tanto nervosismo. Isso é ansiedade? Difícil dizer sem avaliar melhor seu caso. O prejuízo funcional é grande, já que você não está conseguindo trabalhar. Talvez haja necessidade de um tratamento intensivo em hospital dia para ajudá-la com estratégias de enfrentamento de estressores e controle de impulsividade. Qual o melhor tratamento para depressão? O transtorno depressivo tem vários tipos e gravidades específicas. Em geral o tratamento vai desde psicoterapia até medicações em altas doses. Nos casos mais graves, em que a pessoa não consegue exercer atividades de trabalho, indica-se o tratamento intensivo em HOSPITAL DIA.

6 Não consigo entender o que acontece comigo. Há dias em que estou super bem enão paro um minuto, outros em que não quero nem levantar da cama. Isso me prejudica demais, inclusive perdi empregos e oportunidades em função disso. Algum comentário? Você pode estar sofrendo de um transtorno de humor do espectro bipolar. O diagnóstico deve ser feito através de avaliação psiquiátrica e da exclusão de outras patologias orgânicas e psíquicas. O tratamento vai desde uso de medicamentos até encaminhamento para semi-internação em hospital dia. Quais os benefícios da psicoterapia de grupo? As psicoterapias de grupo estão bem indicadas na maior parte dos transtornos psiquiátricos conhecidos. O ambiente grupal oferece uma série de oportunidades de aprendizado, reflexão, identificação e experiências emocionais corretivas, essenciais na evolução do tratamento de patologias psíquicas. Só durmo com calmantes que o meu ginecologista passou. Isso é um problema? Existem mais de 50 causas de insônia. Ela deve ser investigada, inclusive com a realização de exames específicos, como a polissonografia. Se a causa for um transtorno psiquiátrico como a depressão ou ansiedade, o uso de calmantes não deve ser o tratamento principal, com risco adicional de desenvolver dependência. Procure um psiquiatra e faça uma avaliação. Preciso ler 3 vezes a mesma coisa para conseguir memorizar e estou perdendo rendimento na faculdade. Existe alguma vitamina para memória? Não. A perda de memória é um sintoma presente em boa parte dos transtornos ansiosos e de humor, além dos quadros de déficit de atenção. Se for o caso a solução é tratar dos quadros de base, do contrário a memória dificilmente melhorará.

7 Sofri um assalto no meu local de trabalho e desde então não consigo mais me concentrar. As cenas não saem da minha cabeça e às x nem consigo sair de casa. O que está acontecendo comigo? O que está acontecendo com você é cada vez mais comum em grandes centros urbanos. Pessoas submetidas a eventos traumáticos podem desenvolver sintomas específicos, chamados de reação aguda ao estresse ou transtorno de estresse póstraumático, Na maioria dos casos deve-se manter a pessoa afastada de suas atividades laborativas, iniciando tratamento psicoterápico e medicamentoso, inclusive com indicação de tratamento intensivo em regime de Hospital Dia. O estilo de vida é importante no controle do estresse? Sem dúvida. Prática de exercícios físicos, lazer com frequência, relacionamentos interpessoais satisfatórios, atividades voluntarias e aprendizado contínuo estão implicados em maior controle do estresse. Falta de produtividade e endividamento são fatores comumente associados ao aumento do nível de estresse do indivíduo. Quanto tempo dura o tratamento para depressão? Depende de uma série de fatores como idade, número de episódios anteriores, gravidade, existência de outros quadros psiquiátricos associados. Em geral, exige-se um período de 12 meses de estabilização para cogitar a ideia da retirada do antidepressivo. Existe recaída no tratamento para depressão? Com certeza. De cada 2 casos tratados de depressão, certamente 1 terá uma recaída no período de 5 anos. Assim, estratégias de prevenção e promoção da saúde devem ser instituídas, bem como o conhecimento dos sintomas iniciais, visando maior rapidez no diagnóstico e eventual tratamento. Não consigo sair de casa para trabalhar, sinto medo de locais com muitas pessoas e acabo passando mal. Como posso melhorar se já estou tomando medicação psiquiátrica? A medicação não é a única alternativa de tratamento dos casos fóbico -ansiosos. Admite-se o tratamento associado da psicoterapia para efetiva melhora dos sintomas. Nos casos mais graves, refratários ao tratamento habitual, surge como alternativa o tratamento intensivo em regime de hospital dia.

8 Meu psiquiatra disse que a depressão melhoraria com as medicações e a terapia, mas ainda não me sinto melhor, muitas vezes penso em morrer. A medicação pode estar errada? Antidepressivos não têm ação imediata, demoram alguns dias ou semanas para iniciar seu efeito benéfico. Há casos que não respondem a um único medicamento e são necessárias associações entre vários medicamentos. O local de tratamento também é importante. Por vezes um tratamento intensivo é necessário para gerar alívio dos sintomas e propiciar melhor resposta a medicação.

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição IDENTIFICANDO A DEPRESSÃO Querida Internauta, Lendo o que você nos escreveu, mesmo não sendo uma profissional da área de saúde, é possível identificar alguns sintomas de uma doença silenciosa - a Depressão.

Leia mais

Guia de Tratamento para Dependentes Químicos. Tudo isso você vai saber agora neste Guia de Tratamento para Dependentes Químicos

Guia de Tratamento para Dependentes Químicos. Tudo isso você vai saber agora neste Guia de Tratamento para Dependentes Químicos Guia de para Dependentes Químicos O que fazer para ajudar um dependente químico? Qual é o melhor procedimento para um bom tratamento? Internação Voluntária ou Involuntária Como decidir? Como fazer? O que

Leia mais

Dependência Química: Descrição da doença e conceito

Dependência Química: Descrição da doença e conceito Dependência Química: Descrição da doença e conceito Por Nelson Luiz Raspes* Alcoolismo e dependência de drogas é uma doença que se instala por uma predisposição mórbida ativada por fatores sociais e familiares

Leia mais

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação.

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Introdução Criar um filho é uma tarefa extremamente complexa. Além de amor,

Leia mais

DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO

DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO E- BOOK GRATUITO Olá amigo (a), A depressão é um tema bem complexo, mas que vêm sendo melhor esclarecido à cada dia sobre seu tratamento e alívio. Quase todos os dias novas

Leia mais

Dependência Química - Classificação e Diagnóstico -

Dependência Química - Classificação e Diagnóstico - Dependência Química - Classificação e Diagnóstico - Alessandro Alves Toda vez que se pretende classificar algo, deve-se ter em mente que o que se vai fazer é procurar reduzir um fenômeno complexo que em

Leia mais

A seguir enumeramos algumas caracteristicas do TBH:

A seguir enumeramos algumas caracteristicas do TBH: OQUEÉOTRANSTORNOBIPOLARDO HUMOR(TBH)? O transtorno bipolar do humor (também conhecido como psicose ou doença maníaco-depressiva) é uma doença psiquiátrica caracterizada por oscilações ou mudanças de humor

Leia mais

Uso de substâncias psicoativas em crianças e adolescentes

Uso de substâncias psicoativas em crianças e adolescentes Uso de substâncias psicoativas em crianças e adolescentes Alessandro Alves A pré-adolescência e a adolescência são fases de experimentação de diversos comportamentos. É nessa fase que acontece a construção

Leia mais

FARMACOTERAPIA EXCLUSIVA Nutracêuticos para o tratamento da dependência Química

FARMACOTERAPIA EXCLUSIVA Nutracêuticos para o tratamento da dependência Química FARMACOTERAPIA EXCLUSIVA Nutracêuticos para o tratamento da dependência Química NUTRACÊUTICOS PARA TRATAMENTO DAS DEPENDÊNCIAS QUÍMICAS TRATAMENTO COM ALTA EFETIVIDADE Os mais recentes estudos científicos

Leia mais

Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio

Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio Messiano Ladislau Nogueira de Sousa Médico Psiquiatra com aperfeiçoamento em terapia psicanalítica Abril, 2014 Sumário Conceitos

Leia mais

Quando o medo transborda

Quando o medo transborda Quando o medo transborda (Síndrome do Pânico) Texto traduzido e adaptado por Lucas Machado Mantovani, mediante prévia autorização do National Institute of Mental Health, responsável pelo conteúdo original

Leia mais

Psicoterapia e Psicofarmacologia. Como optar ou associá-las? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense e Psicogeriatra AMBULIM e ProMulher IPq - USP

Psicoterapia e Psicofarmacologia. Como optar ou associá-las? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense e Psicogeriatra AMBULIM e ProMulher IPq - USP e Psicofarmacologia. Como optar ou associá-las? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense e Psicogeriatra AMBULIM e ProMulher IPq - USP Estudo da forma e função dos Psicofármacos Psicofármacos / Psicotrópicos

Leia mais

Tratamento da Dependência Química: Um Olhar Institucional.

Tratamento da Dependência Química: Um Olhar Institucional. A dependência química é uma síndrome de números superlativos e desconfortáveis; A OMS (Organização Mundial de Saúde) aponta que mais de 10% de qualquer segmento populacional apresenta predisposição à dependência

Leia mais

Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica

Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica XXII Curso de Inverno em Atualização em Dependência Química do Hospital Mãe de Deus Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica Ana Paula Pacheco Psicóloga da Unidade de Dependência Química

Leia mais

A Saúde mental é componente chave de uma vida saudável.

A Saúde mental é componente chave de uma vida saudável. Transtornos mentais: Desafiando os Preconceitos Durante séculos as pessoas com sofrimento mental foram afastadas do resto da sociedade, algumas vezes encarcerados, em condições precárias, sem direito a

Leia mais

Organização de serviços para o tratamento da dependência química

Organização de serviços para o tratamento da dependência química Organização de serviços para o tratamento da dependência química Coordenação: Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira Apresentação: Dr. Elton P. Rezende UNIAD /INPAD/UNIFESP Agradecimentos: Dr. Marcelo Ribeiro Fatores

Leia mais

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH Distúrbio Bipolar, também conhecido como mania e depressão, é uma desordem do cérebro que causa mudanças não previstas no estado mental da pessoa,

Leia mais

Prevenção em saúde mental

Prevenção em saúde mental Prevenção em saúde mental Treinar lideranças comunitárias e equipes de saúde para prevenir, identificar e encaminhar problemas relacionados à saúde mental. Essa é a característica principal do projeto

Leia mais

A pessoa dependente do álcool, além de prejudicar a sua própria vida, acaba afetando a sua família, amigos e colegas de trabalho.

A pessoa dependente do álcool, além de prejudicar a sua própria vida, acaba afetando a sua família, amigos e colegas de trabalho. O que é Alcoolismo? Alcoolismo é a dependência do indivíduo ao álcool, considerada doença pela Organização Mundial da Saúde. O uso constante, descontrolado e progressivo de bebidas alcoólicas pode comprometer

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Cristina Soares Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Quando decidi realizar meu processo de coaching, eu estava passando por um momento de busca na minha vida.

Leia mais

Bipolaridade Curso Profissional de Técnico de Apoio Psicossocial- 2º ano Módulo nº5- Semiologia Psíquica Portefólio de Psicopatologia Ana Carrilho-

Bipolaridade Curso Profissional de Técnico de Apoio Psicossocial- 2º ano Módulo nº5- Semiologia Psíquica Portefólio de Psicopatologia Ana Carrilho- Bipolaridade Curso Profissional de Técnico de Apoio Psicossocial- 2º ano Módulo nº5- Semiologia Psíquica Portefólio de Psicopatologia Ana Carrilho- 11ºB Enquadramento Filme Mr.Jones Mr.Jones é um homem

Leia mais

Maconha. Alessandro Alves. Conhecendo a planta

Maconha. Alessandro Alves. Conhecendo a planta Maconha Alessandro Alves Entenda bem. A maconha é a droga ilícita mais utilizada no mundo. Está entre as plantas mais antigas cultivadas pelo homem. Na China seus grãos são utilizados como alimento e no

Leia mais

DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO

DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO E- BOOK GRATUITO Olá amigo (a), A depressão é um tema bem complexo, mas que vêm sendo melhor esclarecido à cada dia sobre seu tratamento e alívio. Quase todos os dias novas

Leia mais

Abordagem do Dependente Químico: papel do consultor Alessandra Mendes Calixto Enfermeira Papel do consultor em dependência química Como surge o papel do consultor 1912: Courtney Baylor foi treinado por

Leia mais

ENTREVISTA MOTIVACIONAL

ENTREVISTA MOTIVACIONAL ENTREVISTA MOTIVACIONAL Marcelo Ribeiro, MSc Unidade de Pesquisa em Álcool e Drogas (UNIAD ~ UNIFESP) Nos últimos trinta anos, a idéia da Ciência sobre a dependência mudou muito......porém muitas pessoas

Leia mais

Terapia cognitiva da esquizofrenia. IX Jornada CELPCYRO Porto Alegre, junho 2012

Terapia cognitiva da esquizofrenia. IX Jornada CELPCYRO Porto Alegre, junho 2012 Terapia cognitiva da esquizofrenia IX Jornada CELPCYRO Porto Alegre, junho 2012 Terapia cognitiva e as medicações Parte do trabalho da TCC é promover o aumento da adesão à medicação. As evidências de melhora

Leia mais

Casa de Apoio Médico e Psicológico

Casa de Apoio Médico e Psicológico ÍNDICE INTRODUÇÃO 02 I CONCEITO 03 II FASES DE PROGRESSÃO DA DEPENDÊNCIA 04 QUÍMICA III TRATAMENTO 05 IV PROCESSO DE RECUPERAÇÃO 06 V RECAÍDA 08 VI CO-DEPENDÊNCIA 11 1 A Dependência Química (DQ) é uma

Leia mais

Ansiedade Resumo de diretriz NHG M62 (fevereiro 2012)

Ansiedade Resumo de diretriz NHG M62 (fevereiro 2012) Ansiedade Resumo de diretriz NHG M62 (fevereiro 2012) Lieke Hassink-Franke, Berend Terluin, Florien van Heest, Jan Hekman, Harm van Marwijk, Mariëlle van Avendonk traduzido do original em holandês por

Leia mais

PLANOS DE TRATAMENTO METAS, OBJETIVOS E MÉTODOS. Conselheiro Tomé

PLANOS DE TRATAMENTO METAS, OBJETIVOS E MÉTODOS. Conselheiro Tomé PLANOS DE TRATAMENTO METAS, OBJETIVOS E MÉTODOS Conselheiro Tomé 1 Os planos de tratamento variam na sua apresentação de um serviço para outro, mas não na sua aplicação. Isto quer dizer o seguinte: As

Leia mais

DROGAS DE ABUSO. Profa. Dra. Eline Matheus

DROGAS DE ABUSO. Profa. Dra. Eline Matheus DROGAS DE ABUSO DROGAS QUE ATUAM NO SNC ESTIMULANTES DEPRESSORES DROGAS ESTIMULANTES COCAÍNA (CRACK & OXI) ANFETAMÍNICOS EFEDRINA ALUCINÓGENOS ANABOLIZANTES COCAÍNA Corte cerebral pós-mortem de um adicto

Leia mais

Organização de Serviços para o Tratamento dos Problemas Relacionados com Álcool e outras Drogas no Departamento de Psiquiatria da FCMSC

Organização de Serviços para o Tratamento dos Problemas Relacionados com Álcool e outras Drogas no Departamento de Psiquiatria da FCMSC Organização de Serviços para o Tratamento dos Problemas Relacionados com Álcool e outras Drogas no Departamento de Psiquiatria da FCMSC 1 - Introdução A organização dos serviços que tratam de pessoas com

Leia mais

Transtorno Bipolar. Entendendo e ajudando aqueles com mudanças as extremas de humor

Transtorno Bipolar. Entendendo e ajudando aqueles com mudanças as extremas de humor Transtorno Bipolar Entendendo e ajudando aqueles com mudanças as extremas de humor Introdução * O transtorno bipolar (TBP) é uma condição psiquiátrica relativamente freqüente, ente, com prevalência na

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DO TABAGISMO

PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DO TABAGISMO PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DO TABAGISMO Abordagem e Tratamento do Tabagismo PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DO TABAGISMO Abordagem e Tratamento do Tabagismo I- Identificação do Paciente Nome: Nº do prontuário:

Leia mais

DEPRESSÃO. O que você precisa saber. Fênix Associação Pró-Saúde Mental

DEPRESSÃO. O que você precisa saber. Fênix Associação Pró-Saúde Mental DEPRESSÃO O que você precisa saber Fênix Associação Pró-Saúde Mental Eu admito que preciso de ajuda, pois sozinho não consigo... (Grupo Fênix: Os 6 Passos para a Recuperação) a 1 Edição São Paulo 2010

Leia mais

Cliente: Sindicerv Veículo: www.qchute.com.br Data: 14-09-2010 Imagem Corporativa Loiras de cevada ou de trigo, ou simplesmente cerveja No Japão a indústria de cerveja é enorme, mesmo entre os brasileiros

Leia mais

(inicia no slide 17) Bipolaridade

(inicia no slide 17) Bipolaridade (inicia no slide 17) Bipolaridade Os Transtornos do Humor Bipolar são transtornos crônicos, recorrentes e, muitas vezes, com remissão incompleta e potencialmente letais. Os pólos de apresentação são: *

Leia mais

CONHECENDO A PSICOTERAPIA

CONHECENDO A PSICOTERAPIA CONHECENDO A PSICOTERAPIA Psicólogo Emilson Lúcio da Silva CRP 12/11028 2015 INTRODUÇÃO Em algum momento da vida você já se sentiu incapaz de lidar com seus problemas? Se a resposta é sim, então você não

Leia mais

Experiência com o tratamento de Dependentes Químicos

Experiência com o tratamento de Dependentes Químicos Experiência com o tratamento de Dependentes Químicos INSTITUTO BAIRRAL DE PSIQUIATRIA Dr. Marcelo Ortiz de Souza Dependência Química no Brasil (CEBRID, 2005) População Geral: 2,9% já fizeram uso de cocaína

Leia mais

Comorbidades Psiquiátricas na Dependência Química

Comorbidades Psiquiátricas na Dependência Química Comorbidades Psiquiátricas na Dependência Química Fernanda de Paula Ramos Psiquiatra Diretora da Villa Janus Especialista em Dependência Química UNIFESP Especialista em Psicoterapia pela UFRGS Coordenadora

Leia mais

Como lidar com transtornos internalizantes na sala de aula?

Como lidar com transtornos internalizantes na sala de aula? Como lidar com transtornos internalizantes na sala de aula? Rogéria Recondo Psiquiatra da Infância e Adolescência Preceptora em Psiquiatria Infantil no Hospital São Lucas da PUC Professores:cursos de capacitação

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CONSUMO DE ÁLCOOL

AVALIAÇÃO DO CONSUMO DE ÁLCOOL AVALIAÇÃO DO CONSUMO DE ÁLCOOL 1 Você faz uso de bebida alcoólica e bebe mais de uma vez por mês? 2 Alguma vez você sentiu que deveria diminuir a quantidade de bebida ou parar de beber? 3 As pessoas o

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

Promoção da qualidade de vida através de psicoterapia breve de grupo

Promoção da qualidade de vida através de psicoterapia breve de grupo Promoção da qualidade de vida através de psicoterapia breve de grupo PSICOTERAPIA Categoria: GRUPO Categoria: Custos administrativos e operacionais Área: Medicina Preventiva - Programa Viver Bem Responsáveis:

Leia mais

TERAPIA MOTIVACIONAL SISTÊMICA APLICADA ÁS FAMILIAS

TERAPIA MOTIVACIONAL SISTÊMICA APLICADA ÁS FAMILIAS TERAPIA MOTIVACIONAL SISTÊMICA APLICADA ÁS FAMILIAS XXI ABEAD - RECIFE ROBERTA PAYÁ ROBERTAPAYA@HOTMAIL.COM TERAPIA MOTIVACIONAL SISTÊMICA PARA O TRANSTORNO DO ABUSO DE SUBSTANCIAS Um Modelo Integrativo

Leia mais

DEPRESSÃO - Segundo a Classificação Internacional das Doenças (CID) 10ª revisão

DEPRESSÃO - Segundo a Classificação Internacional das Doenças (CID) 10ª revisão DEPRESSÃO - Segundo a Classificação Internacional das Doenças (CID) 10ª revisão - F32 Episódios depressivos Nos episódios típicos de cada um dos três graus de depressão: leve, moderado ou grave, o paciente

Leia mais

Leia sem moderação. Alcoolismo

Leia sem moderação. Alcoolismo Leia sem moderação. Alcoolismo ALCOOLISMO O alcoolismo é uma doença grave causada pela ingestão contínua de bebidas alcoólicas. A pessoa torna-se prisioneira do ato de beber, sofrendo conseqüências sociais,

Leia mais

22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO. MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail.

22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO. MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail. 22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail.com DEPRESSÃO 1. Afeta pelo menos 12% das mulheres e 8% dos homens

Leia mais

CONSUMO DE ÁLCOOL & ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS

CONSUMO DE ÁLCOOL & ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS CONSUMO DE ÁLCOOL & ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS O álcool é a «droga recreativa» mais utilizada em contexto universitário. Estudos recentes revelam que mais de metade dos estudantes universitários tiveram,

Leia mais

Saúde Mental do Trabalhador. Grazieli Barbier Barros Terapeuta Ocupacional Especialista em Saúde Pública e da família.

Saúde Mental do Trabalhador. Grazieli Barbier Barros Terapeuta Ocupacional Especialista em Saúde Pública e da família. Saúde Mental do Trabalhador Grazieli Barbier Barros Terapeuta Ocupacional Especialista em Saúde Pública e da família. Definição Para a OMS: Saúde é um estado de completo bem-estar físico mental e social,

Leia mais

No Brasil, a esquizofrenia ocupa 30% dos leitos psiquiátricos hospitalares; Ocupa 2ºlugar das primeiras consultas psiquiátricas ambulatoriais;

No Brasil, a esquizofrenia ocupa 30% dos leitos psiquiátricos hospitalares; Ocupa 2ºlugar das primeiras consultas psiquiátricas ambulatoriais; Curso - Psicologia Disciplina: Psicofarmacologia Resumo Aula 7- Psicofármacos e Esquizofrenia Esquizofrenia Uma das mais graves doenças neuropsiquiátricas e atinge 1% da população mundial; No Brasil, a

Leia mais

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2 Homeopatia A Homeopatia é um sistema terapêutico baseado no princípio dos semelhantes (princípio parecido com o das vacinas) que cuida e trata de vários tipos de organismos (homem, animais e plantas) usando

Leia mais

Diretrizes Assistenciais. Medicina Psicossomática e Psiquiatria

Diretrizes Assistenciais. Medicina Psicossomática e Psiquiatria Diretrizes Assistenciais Medicina Psicossomática e Psiquiatria Versão eletrônica atualizada em fev/2012 TRATAMENTO DE TABAGISMO Indicação: Pacientes tabagistas atendidos na SBIBAE Contraindicação: Não

Leia mais

Lidando com uma experiência difícil de parto e onde obter ajuda

Lidando com uma experiência difícil de parto e onde obter ajuda Lidando com uma experiência difícil de parto e onde obter ajuda Eu tive flashbacks dos momentos finais do parto por semanas e não pude parar de pensar nisto Eu culpo a mim mesma por não ter tido um bom

Leia mais

Encontro de Empresas Mesa redonda: Programa de Assistência ao Empregado: para onde encaminhar. Ambulatório

Encontro de Empresas Mesa redonda: Programa de Assistência ao Empregado: para onde encaminhar. Ambulatório XXI Congresso Brasileiro da ABEAD Do Uso à Dependência: a integração das políticas públicas com a clínica 08 a 11 de setembro de 2011 - Recife/PE Encontro de Empresas Mesa redonda: Programa de Assistência

Leia mais

Resiliência. Capacidade para superar os desafios da vida

Resiliência. Capacidade para superar os desafios da vida Resiliência Capacidade para superar os desafios da vida O que é resiliência? Resiliência pode ser definida como a capacidade de se renascer da adversidade fortalecido e com mais recursos. (...) Ela engloba

Leia mais

Projeto Diga Sim a Vida e Não as Drogas

Projeto Diga Sim a Vida e Não as Drogas Projeto Diga Sim a Vida e Não as Drogas PÚLBLICO ALVO: Toda a comunidade escolar e a sociedade local de modo geral. APRESENTAÇÃO: Todos concordam que a Escola tem um papel fundamental em nossa sociedade,

Leia mais

Dependência Química. Informação é grande aliada dos amigos e familiares.

Dependência Química. Informação é grande aliada dos amigos e familiares. Dependência Química Informação é grande aliada dos amigos e familiares. O QUE É DROGA-DEPENDÊNCIA? Droga-dependência é um transtorno psiquiátrico que se caracteriza pelo uso impulsivo e descontrolado de

Leia mais

Especialistas em Alcoolismo e Dependência Química

Especialistas em Alcoolismo e Dependência Química Especialistas em Alcoolismo e Dependência Química Entenda como funciona A Clínica Viva desenvolveu um programa intensivo de reabilitação do alcoolismo com abordagem médica e psicoterapêutica individual

Leia mais

O TABAGISMO COMO DEPENDÊNCIA

O TABAGISMO COMO DEPENDÊNCIA O TABAGISMO COMO DEPENDÊNCIA Ministério da Saúde - MS Instituto Nacional de Câncer - INCA Coordenação de Prevenção e Vigilância - Conprev Divisão de Programas de Controle do Tabagismo e outros Fatores

Leia mais

Afinal de contas, o que é ansiedade? Mas ser ansioso não é normal? Ansiedade é uma doença?

Afinal de contas, o que é ansiedade? Mas ser ansioso não é normal? Ansiedade é uma doença? Afinal de contas, o que é ansiedade? Mas ser ansioso não é normal? Ansiedade é uma doença? Ansiedade = falta de confiança na vida No senso comum, ansiedade é igual a aflição, angústia, nervosismo, perturbação

Leia mais

PAPO LEGAL CONVERSANDO COM JOVENS SOBRE PREVENÇÃO AO USO ABUSIVO DE DROGAS

PAPO LEGAL CONVERSANDO COM JOVENS SOBRE PREVENÇÃO AO USO ABUSIVO DE DROGAS PAPO LEGAL CONVERSANDO COM JOVENS SOBRE PREVENÇÃO AO USO ABUSIVO DE DROGAS APRESENTAÇÃO: A Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SASC) por meio da Diretoria de Programas sobre Drogas (DPSD) do

Leia mais

HISTÓRIA HISTÓRIA DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS. Paradigma da alienação mental. Paradigma das doenças mentais

HISTÓRIA HISTÓRIA DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS. Paradigma da alienação mental. Paradigma das doenças mentais DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS Prof. José Reinaldo do Amaral Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Psicologia PSICOPATOLOGIA GERAL 2013 / 2 HISTÓRIA Paradigma da

Leia mais

PAR. Torne-se um PAR para que sua vida seja ÍMPAR ACELBRA-RJ

PAR. Torne-se um PAR para que sua vida seja ÍMPAR ACELBRA-RJ PAR Torne-se um PAR para que sua vida seja ÍMPAR ACELBRA-RJ PAR Paciente Ativo e Responsável ACELBRA-RJ Ser um PAR celíaco Flávia Anastácio de Paula Adaptação do Texto de Luciana Holtz de Camargo Barros

Leia mais

Suicídio nos pacientes com Transtorno de Personalidade Borderline.

Suicídio nos pacientes com Transtorno de Personalidade Borderline. Suicídio nos pacientes com Transtorno de Personalidade Borderline. Instituto José Frota Messiano Ladislau Nogueira de Sousa Médico Psiquiatra - Formação no Hospital das Clínicas ( HUWC Fortaleza ) Maio

Leia mais

II Seminário de Integração sobre Saúde e Segurança Boas Práticas na Área Portuária

II Seminário de Integração sobre Saúde e Segurança Boas Práticas na Área Portuária II Seminário de Integração sobre Saúde e Segurança Boas Práticas na Área Portuária PROGRAMA PORTO SEGURO LIMPO EM TERRA E A BORDO Área de Abrangência Saúde Mental e Comportamental. Objetivo Prevenção,

Leia mais

FIQUE DE BOM HUMOR! Por Dra. Taís Baddo, nutricionista

FIQUE DE BOM HUMOR! Por Dra. Taís Baddo, nutricionista FIQUE DE BOM HUMOR! Por Dra. Taís Baddo, nutricionista A máxima de que você é o que come se aplica também ao bom humor. Há uma série de alimentos que podem contribuir para melhorar o ânimo porque estimulam

Leia mais

silêncio impresso pela família. Os sentimentos são proibidos por serem muito doloridos e causarem muito incômodo. O medo e a vergonha dominam.

silêncio impresso pela família. Os sentimentos são proibidos por serem muito doloridos e causarem muito incômodo. O medo e a vergonha dominam. Introdução O objetivo deste trabalho é compreender a possível especificidade das famílias nas quais um ou mais de seus membros apresentam comportamento adictivo a drogas. Para isto analisaremos que tipos

Leia mais

Todos sabemos a importância de uma boa noite de sono. O que nem todos sabem é que alternância entre o dormir e estar acordado resulta da ação

Todos sabemos a importância de uma boa noite de sono. O que nem todos sabem é que alternância entre o dormir e estar acordado resulta da ação QUÍMICA DO SONO Todos sabemos a importância de uma boa noite de sono. O que nem todos sabem é que alternância entre o dormir e estar acordado resulta da ação combinada de diversas substâncias químicas

Leia mais

Opções de tratamento. Desintoxicação e acompanhamento no Posto de Saúde; Desintoxicação no Domicílio;

Opções de tratamento. Desintoxicação e acompanhamento no Posto de Saúde; Desintoxicação no Domicílio; Opções de tratamento Desintoxicação e acompanhamento no Posto de Saúde; Desintoxicação no Domicílio; Opções de tratamento Grupos de alcoolistas: Participar de grupos de apoio na US e/ou na comunidade onde

Leia mais

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. Eu quero não parar coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - de consigo.o usar que eu drogas f o? aç e Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas?

Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas? Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense Ana Carolina S. Oliveira Psi. Esp. Dependência Química Importância Preocupação permanente de gestores

Leia mais

FIBROMIALGIA EXERCÍCIO FÍSICO: ESSENCIAL AO TRATAMENTO. Maj. Carlos Eugenio Parolini médico do NAIS do 37 BPM

FIBROMIALGIA EXERCÍCIO FÍSICO: ESSENCIAL AO TRATAMENTO. Maj. Carlos Eugenio Parolini médico do NAIS do 37 BPM FIBROMIALGIA EXERCÍCIO FÍSICO: ESSENCIAL AO TRATAMENTO Maj. Carlos Eugenio Parolini médico do NAIS do 37 BPM A FIBROMIALGIA consiste numa síndrome - conjunto de sinais e sintomas - com manifestações de

Leia mais

Sumário. Prefácio... 7 Nota do autor... 9. Parte 1: A natureza da depressão 1. A experiência da depressão... 13 2. Causas da depressão...

Sumário. Prefácio... 7 Nota do autor... 9. Parte 1: A natureza da depressão 1. A experiência da depressão... 13 2. Causas da depressão... Sumário Prefácio... 7 Nota do autor... 9 Parte 1: A natureza da depressão 1. A experiência da depressão... 13 2. Causas da depressão... 27 Parte 2: Passado doloroso 3. Entenda o passado... 45 4. Lide com

Leia mais

Todo homem tem poder suficiente para realizar aquilo que está convencido. (Goethe)

Todo homem tem poder suficiente para realizar aquilo que está convencido. (Goethe) PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA: FORMULAÇÃO DE OBJETIVOS E ESTRATÉGIAS: (CONDIÇÕES DE BOA FORMULAÇÃO) / / 1-DETERMINAÇAO DO OBJETIVO (RESULTADO DESEJADO): a) O que quero para mim? Colocação positiva (sem

Leia mais

Lucas Liberato Coaching Coach de Inteligência Emocional lucasliberato.com.br

Lucas Liberato Coaching Coach de Inteligência Emocional lucasliberato.com.br Script de Terapia de Liberação Emocional (EFT) para desfazer crenças relativas aos clientes que você merece ter. Eu não consigo atrair clientes dispostos a pagar preços altos A Acupuntura Emocional é uma

Leia mais

PROPOSTA DE SERVIÇOS EM PSICOLOGIA CLÍNICA

PROPOSTA DE SERVIÇOS EM PSICOLOGIA CLÍNICA PROPOSTA DE SERVIÇOS EM PSICOLOGIA CLÍNICA A importância do bem-estar psicológico dos funcionários é uma descoberta recente do meio corporativo. Com este benefício dentro da empresa, o colaborador pode

Leia mais

Resumo Aula 9- Psicofármacos e Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) na infância, na adolescência e na idade adulta

Resumo Aula 9- Psicofármacos e Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) na infância, na adolescência e na idade adulta Curso - Psicologia Disciplina: Psicofarmacologia Resumo Aula 9- Psicofármacos e Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) na infância, na adolescência e na idade adulta Psicofármacos:Transtorno

Leia mais

Meu Filho está usando Maconha. E agora?

Meu Filho está usando Maconha. E agora? Meu Filho está usando Maconha. E agora? Ana Carolina Schmidt de Oliveira Psicóloga Especialista em Dependência Química Professora da Pós-Graduação Vida Mental/UNIP Prevenção Conversa adequada à idade Infância

Leia mais

Grupo de estudos Anthony Robbins

Grupo de estudos Anthony Robbins Grupo de estudos Anthony Robbins Coaching e PNL caps 5-26/11/2013 Queria saber qualquer coisa e tudo sobre como podemos aumentar a qualidade de nossas vidas, e tentei aplicar a mim mesmo, além de partilhar

Leia mais

Os Remédios para Emagrecer são quase todos à base de Anfetaminas,

Os Remédios para Emagrecer são quase todos à base de Anfetaminas, 8 Remédios para Emagrecer Evandro Murer Especialista em Teorias e Métodos de Pesquisa em Educação Física, Esportes e Lazer na UNICAMP Os Remédios para Emagrecer são quase todos à base de Anfetaminas, que

Leia mais

O que você deve saber sobre

O que você deve saber sobre O que você deve saber sobre TOC Transtorno Obsessivo Compulsivo Fênix Associação Pró-Saúde Mental 1. O que é TOC? O Transtorno Obsessivo Compulsivo é uma doença mental crônica (transtorno psiquiátrico),

Leia mais

Questionário de Admissão à Clínica de Saúde Mental

Questionário de Admissão à Clínica de Saúde Mental Tribunal de Família de Rhode Island Questionário de Admissão à Clínica de Saúde Mental *OBSERVE QUE TODAS AS PERGUNTAS SE REFEREM AO SEU FILHO * 1. Dados demográficos: Nome do Adolescente: Data de Nascimento:

Leia mais

I Jornada de Saúde Mental do Vale do Taquari: Crack e outras drogas: perspectivas na abordagem psicossocial

I Jornada de Saúde Mental do Vale do Taquari: Crack e outras drogas: perspectivas na abordagem psicossocial I Jornada de Saúde Mental do Vale do Taquari: Crack e outras drogas: perspectivas na abordagem psicossocial 14 de junho de 2014 FATORES DE RISCO E COMORBIDADES PSIQUIÁTRICAS ASSOCIADOS AOS TRANSTORNOS

Leia mais

Eletroconvulsoterapia (ECT)

Eletroconvulsoterapia (ECT) Eletroconvulsoterapia (ECT) Electroconvulsive Therapy (ECT) - Portuguese UHN Informação para pacientes e seus familiares Leia esta brochura para saber: o que é e como trabalha a ECT como se preparar para

Leia mais

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO FAÇA ACONTECER AGORA MISSÃO ESPECIAL SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO RENATA WERNER COACHING PARA MULHERES Página 1 Q ue Maravilha Começar algo novo

Leia mais

ABUSO DO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS, UMA QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA. Senhor Presidente,

ABUSO DO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS, UMA QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA. Senhor Presidente, Discurso proferido pelo deputado GERALDO RESENDE (PMDB/MS), em sessão no dia 04/05/2011. ABUSO DO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS, UMA QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados,

Leia mais

CONCEITO EPISÓDIO MANÍACO 03/02/2014. Episódios depressivos e maníacos. Evolução recorrente. Plena recuperação nas intercrises

CONCEITO EPISÓDIO MANÍACO 03/02/2014. Episódios depressivos e maníacos. Evolução recorrente. Plena recuperação nas intercrises Prof. José Reinaldo do Amaral CONCEITO Episódios depressivos e maníacos Evolução recorrente Plena recuperação nas intercrises 1. Auto-estima inflada ou grandiosidade 2. Insônia 3. Mais falador que o habitual

Leia mais

DROGAS LÌCITAS E ILÌCITAS SUBSTÂNCIAS PSICOTRÒPICAS. Drogas Lícitas e Ilícitas Substancias Psicotrópicas

DROGAS LÌCITAS E ILÌCITAS SUBSTÂNCIAS PSICOTRÒPICAS. Drogas Lícitas e Ilícitas Substancias Psicotrópicas DROGAS LÌCITAS E ILÌCITAS SUBSTÂNCIAS PSICOTRÒPICAS Drogas Lícitas e Ilícitas Substancias Psicotrópicas SUBSTÂNCIAS PSICOTRÒPICAS São substancias psicoativas que agem no Sistema Nervoso Central. Produz

Leia mais

Instrumentos de Triagem para consumo de Bebidas Alcoólicas e Outras Drogas

Instrumentos de Triagem para consumo de Bebidas Alcoólicas e Outras Drogas Instrumentos de Triagem para consumo de Bebidas Alcoólicas e Outras Drogas DIFERENTES NÍVEIS DE CONSUMO ÁLCOOL ABSTINÊNCIA USO EXPERIMENTAL USO MODERADO ABUSO Leve DEPENDÊNCIA Moderada Grave Cerca de 10

Leia mais

Sumário. Prefácio... 15 Introdução... 17

Sumário. Prefácio... 15 Introdução... 17 Sumário Prefácio... 15 Introdução... 17 1. QUÊS E PORQUÊS... 21 1) O que é droga?... 21 2) O que é vício?... 21 3) O que é dependência?... 22 4) O que é abuso?... 24 5) Que drogas levam a abuso ou dependência?...

Leia mais

Síndrome de Burnout. Astrid Guerra Barros Psicóloga pós-graduanda em Terapias Cognitivas Comportamentais

Síndrome de Burnout. Astrid Guerra Barros Psicóloga pós-graduanda em Terapias Cognitivas Comportamentais Síndrome de Burnout Astrid Guerra Barros Psicóloga pós-graduanda em Terapias Cognitivas Comportamentais Zelia Simone Sobrosa Psicóloga com pós-graduação em Neuropsicopedagogia 2013 Conceito Burnout é

Leia mais

Abordagem familiar e instrumentos para profissionais da Atenção Primária à Saúde

Abordagem familiar e instrumentos para profissionais da Atenção Primária à Saúde Abordagem familiar e instrumentos para profissionais da Atenção Primária à Saúde 1 Carmen Luiza Correa Fernandes e Lêda Chaves Dias Curra Médicas de Família e Comunidade / Terapeutas de Família e Casais

Leia mais

CRACK. Alexandre de Araújo Pereira. Psiquiatra Mestre em Educação Médica ENSP/UECE Docente da Faculdade de Ciências Médicas UNIFENAS BH/ IPEMED

CRACK. Alexandre de Araújo Pereira. Psiquiatra Mestre em Educação Médica ENSP/UECE Docente da Faculdade de Ciências Médicas UNIFENAS BH/ IPEMED CRACK Alexandre de Araújo Pereira Psiquiatra Mestre em Educação Médica ENSP/UECE Docente da Faculdade de Ciências Médicas UNIFENAS BH/ IPEMED Breve histórico do uso de drogas Pré História 4.000 à 5.000

Leia mais

HISTÓRIA E PERSPECTIVAS DE VIDA DE ALCOOLISTAS

HISTÓRIA E PERSPECTIVAS DE VIDA DE ALCOOLISTAS HISTÓRIA E PERSPECTIVAS DE VIDA DE ALCOOLISTAS Jéssica Molina Quessada * Mariana Caroline Brancalhão Guerra* Renata Caroline Barros Garcia* Simone Taís Andrade Guizelini* Prof. Dr. João Juliani ** RESUMO:

Leia mais

Prefácio CÂNCER DE MAMA 7

Prefácio CÂNCER DE MAMA 7 Prefácio Quantas vezes você já não ouviu alguém contar uma experiência difícil que viveu em seu ministério? Quantos já não passaram por situações em que não souberam o que dizer ou fazer? Pastores, líderes

Leia mais

PONTA DELGADA AÇORES 08 a 10 de MAIO de 2013 Emmanuel Fortes S. Cavalcanti 3º Vice Presidente CFM - Brasil

PONTA DELGADA AÇORES 08 a 10 de MAIO de 2013 Emmanuel Fortes S. Cavalcanti 3º Vice Presidente CFM - Brasil PONTA DELGADA AÇORES 08 a 10 de MAIO de 2013 Emmanuel Fortes S. Cavalcanti 3º Vice Presidente CFM - Brasil Trabalho de educação continuada desenvolvido pelo CRM-AL em 2002. Atendimento de profissionais

Leia mais

Capítulo 50: centro de atenção psicossocial de álcool e drogas

Capítulo 50: centro de atenção psicossocial de álcool e drogas Capítulo 50: centro de atenção psicossocial de álcool e drogas Fernanda Marques Paz 1 Dependência Química: prevenção, tratamento e politicas públicas (Artmed; 2011; 528 páginas) é o novo livro de Ronaldo

Leia mais