FICHA DE INSCRIÇÃO Exclusivo para Técnicos Oficiais de Contas que pretendam usufruir dos créditos da CTOC

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FICHA DE INSCRIÇÃO Exclusivo para Técnicos Oficiais de Contas que pretendam usufruir dos créditos da CTOC"

Transcrição

1 Associado nº FICHA DE INSCRIÇÃO Exclusivo para Técnicos Oficiais de Contas que pretendam usufruir dos créditos da CTOC 1º MÓDULO O CÓDIGO DO TRABALHO 2º MÓDULO - SEGURANÇA SOCIAL e CÓDIGO DO TRABALHO Estas Acções de Formação, desde que frequentados os dois módulos, com duração superior a dezasseis horas, conferem 25,5 Créditos no âmbito do Controlo de Qualidade da CTOC LOCAL DA ACÇÃO DE FORMAÇÃO N/refª: AF LISBOA 16 DEZ (3ª-F) 1º Módulo 17 DEZ (4ª-F) 2º Módulo HOTEL TIARA (ex-meridien) / limite das inscrições: 400 PARTICIPANTES 120,00 - Associados/por pessoa - 400,00 - Não Associados/por pessoa (Preços com IVA à taxa legal incluído - no valor da inscrição está incluída a documentação e café) DADOS DA EMPRESA Cód.Postal: Localidade: Telf. Fax: FORMAS DE PAGAMENTO cheque nº s/banco no valor de à ordem da APECA, enviando por Correio, para a Rua Avelino Santos Leite, 16 * Apartado 1205 * Maia transferência para a conta da APECA NIB , (BES), no valor de (agradecemos o envio da ficha de inscrição acompanhada do comprovativo desta operação para o Fax nº ) NOTAS IMPORTANTES: A inscrição só é válida, após a recepção deste documento devidamente preenchido e acompanhado do respectivo pagamento. A mesma será ordenada por ordem de chegada, estando limitada à capacidade das salas reservadas. Para efeitos de preparação da logística destas acções de formação, nomeadamente dos processos a distribuir, agradecemos que as inscrições sejam efectuadas com antecedência de 2 dias úteis.

2 FICHA DE INSCRIÇÃO / Associado nº CÓDIGO DO TRABALHO (Módulo 1) A frequência apenas deste módulo, por ter duração inferior a dezasseis horas, NÃO confere créditos no âmbito do Controlo de Qualidade da CTOC. LISBOA 16 DEZ (3ªF) Hotel Tiara (ex-meridien) AF limite das inscrições: 400 Participantes: 60,00 - Associados 200,00 - Não Associados No valor da inscrição está incluída a documentação e café Preços com IVA à taxa legal incluído Dados da Empresa: Cód.Postal: Localidade: Telf. Fax: Pagamento da inscrição: Junto enviamos cheque nº s/banco no valor de emitido à ordem da APECA Foi efectuada a transferência para a conta da APECA NIB , (BES) no valor de - (neste caso agradecemos o envio da ficha de inscrição acompanhada do comprovativo desta operação para o Fax nº ) NOTAS IMPORTANTES: A inscrição só é válida, após a recepção deste documento devidamente preenchido e acompanhado do respectivo pagamento. A mesma será ordenada por ordem de chegada, estando limitada à capacidade das salas reservadas. Para efeitos de preparação da logística destas acções de formação, nomeadamente dos processos a distribuir, agradecemos que as inscrições sejam efectuadas com antecedência de 2 dias úteis.

3 FICHA DE INSCRIÇÃO / Associado nº SEGURANÇA SOCIAL e CÓDIGO DO TRABALHO (Módulo 2) A frequência apenas deste módulo, por ter duração inferior a dezasseis horas, NÃO confere créditos no âmbito do Controlo de Qualidade da CTOC. LISBOA 17 DEZ (4ªF) Hotel Tiara (ex-meridien) AF limite das inscrições: 400 Participantes: 60,00 - Associados 200,00 - Não Associados No valor da inscrição está incluída a documentação e café Preços com IVA à taxa legal incluído Dados da Empresa: Cód.Postal: Localidade: Telf. Fax: Pagamento da inscrição: Junto enviamos cheque nº s/banco no valor de emitido à ordem da APECA Foi efectuada a transferência para a conta da APECA NIB , (BES) no valor de - (neste caso agradecemos o envio da ficha de inscrição acompanhada do comprovativo desta operação para o Fax nº ) NOTAS IMPORTANTES: A inscrição só é válida, após a recepção deste documento devidamente preenchido e acompanhado do respectivo pagamento. A mesma será ordenada por ordem de chegada, estando limitada à capacidade das salas reservadas. Para efeitos de preparação da logística destas acções de formação, nomeadamente dos processos a distribuir, agradecemos que as inscrições sejam efectuadas com antecedência de 2 dias úteis.

4 O NOVO CÓDIGO DO TRABALHO SEGURANÇA SOCIAL Exposição teórico-prática segundo as necessidades das empresas de contabilidade MÓDULO I Código do Trabalho Contrato de trabalho. Noção Contrato de prestação de serviços. Noção Contratos a termo Fundamentos e regime jurídico Contratos a tempo parcial Trabalho intermitente Período experimental Organização do tempo de trabalho Adaptabilidade Banco de horas Horário concentrado Formação profissional Cessação do contrato de trabalho Formas de cessação Processo disciplinar Processo judicial Mobilidade funcional e geográfica Retribuição. Complementos remuneratórios Faltas. Regime e efeitos Nº PESSOA COLECTIVA Rua Avelino Santos Leite, 16 * Apartado 1205 * MAIA * Telfs Fax * Internet:

5 MÓDULO II Segurança Social I Agravamento da TSU nos contratos de prestação de serviços e nos contratos a termo Regime geral de segurança social Base de incidência contributiva Regime dos membros dos órgãos estatutários das pessoas colectivas Base de incidência contributiva Isenções Taxas contributivas Isenção contributiva do empregador na contratação de jovens à procura do primeiro emprego II Protecção à maternidade e à paternidade Regime jurídico, constante do Código do Trabalho Apoio social pela segurança social Código do Trabalho Suspensão do contrato de trabalho. Implicações Regime de férias Nº PESSOA COLECTIVA Rua Avelino Santos Leite, 16 * Apartado 1205 * MAIA * Telfs Fax * Internet:

Curso de Preparação para o Concurso Externo de Ingresso. Inspetores Estagiários da Polícia Judiciária. Data Limite de Inscrição: 06 de maio

Curso de Preparação para o Concurso Externo de Ingresso. Inspetores Estagiários da Polícia Judiciária. Data Limite de Inscrição: 06 de maio Curso de Preparação para o Concurso Externo de Ingresso Inspetores Estagiários da Polícia Judiciária Data Limite de Inscrição: 06 de maio Enquadramento: Na sequência da abertura do Concurso Externo de

Leia mais

CÓDIGO DO TRABALHO. CAPÍTULO I - Fontes do direito do trabalho CAPÍTULO II - Aplicação do direito do trabalho. CAPÍTULO I - Disposições gerais

CÓDIGO DO TRABALHO. CAPÍTULO I - Fontes do direito do trabalho CAPÍTULO II - Aplicação do direito do trabalho. CAPÍTULO I - Disposições gerais CÓDIGO DO TRABALHO Lei n.º 7/2009, de 12 de Fevereiro LIVRO I - Parte geral TÍTULO I - Fontes e aplicação do direito do trabalho CAPÍTULO I - Fontes do direito do trabalho CAPÍTULO II - Aplicação do direito

Leia mais

Ficha de Inscrição - VERÃO 2015

Ficha de Inscrição - VERÃO 2015 Ficha de Inscrição - VERÃO 2015 1. Dados Pessoais do Participante Nome Completo: Data de Nascimento: / / Idade: Nº BI/C. do Cidadão/Cédula Pessoal: N.º de Beneficiário: Nº de Contribuinte: Morada: Localidade:

Leia mais

Processo de Inscrição 50 cc

Processo de Inscrição 50 cc Processo de Inscrição 50 cc Estrada da Luz, nº90, 1º - 1600-160 Lisboa Portugal Tel.+351 210 036 600 Fax. +351 210 036 649 www.prp.pt e-mail: prp@prp.pt Instruções para inscrição no curso de formação de

Leia mais

TRANSFERÊNCIAS - 1.º CICLO - Direito

TRANSFERÊNCIAS - 1.º CICLO - Direito TRANSFERÊNCIAS - 1.º CICLO - Direito PORTARIA N.º 401/2007, DE 5 DE ABRIL, ALTERADA PELA PORTARIA N.º 232-A/2013, DE 22 DE JULHO, E REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA

Leia mais

TRABALHADOR - ESTUDANTE O QUE DIZ A LEI

TRABALHADOR - ESTUDANTE O QUE DIZ A LEI Ficha n.º 4 TRABALHADOR - ESTUDANTE O QUE DIZ A LEI OBSERVAÇÕES Trabalhador-Estudante Trabalhador que frequenta qualquer nível de educação escolar, bem como curso de pós-graduação, mestrado ou doutoramento

Leia mais

DESTINO: POLÓNIA OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS Enquadramento Legal

DESTINO: POLÓNIA OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS Enquadramento Legal DESTINO: POLÓNIA OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS Enquadramento Legal 1 SUMÁRIO 1. Tipos de Sociedades 2. Sociedades de Responsabilidade Limitada e Sociedades Anónimas 3. Constituição de sociedades 4. Regime

Leia mais

ÍNDICE. Págs. NOTA PRÉVIA... 5 ABREVIATURAS 9

ÍNDICE. Págs. NOTA PRÉVIA... 5 ABREVIATURAS 9 ÍNDICE NOTA PRÉVIA.............. 5 ABREVIATURAS 9.' 1.0 Direito do Trabalho: o quê, porquê e para quê?................... 11 2. Noção, objecto e características gerais do Direito do Trabalho....... 21

Leia mais

Luis Pavão Limitada Rua Rafael Andrade, Lisboa Telefone e Fax Correio electrónico - Site:

Luis Pavão Limitada Rua Rafael Andrade, Lisboa Telefone e Fax Correio electrónico - Site: Luis Pavão Limitada Rua Rafael Andrade, 29-1150-274 Lisboa Telefone e Fax 21 812 68 45 Correio electrónico lupa@lupa.com.pt - Site: www.lupa.com.pt Plano de Acções de Formação para o ano de 2008 Local

Leia mais

Exmo(s) Senhor(es), A FEIRA DA ÁGUA irá decorrer em Beja, no Parque de Feiras e Exposições, de 21 a 23 de Março.

Exmo(s) Senhor(es), A FEIRA DA ÁGUA irá decorrer em Beja, no Parque de Feiras e Exposições, de 21 a 23 de Março. Exmo(s) Senhor(es), A água constitui-se como um fator essencial para o desenvolvimento socioeconómico dos países, das sociedades e das empresas, e como tal deve ser encarado como um recurso estratégico

Leia mais

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Dispensa de Pagamento de Contribuições 1º

Leia mais

Curso de Formação Para. Animadores Científicos

Curso de Formação Para. Animadores Científicos Curso de Formação Para Animadores Científicos AEFCUP - Porto Ficha Informativa Curso de Formação para Cientistas 1. A Empresa A Science4you é uma empresa 100% Nacional que teve origem em Janeiro de 2008.

Leia mais

GUIA PRÁTICO MEDIDAS ESPECÍFICAS E TRANSITÓRIAS DE APOIO E ESTÍMULO AO EMPREGO

GUIA PRÁTICO MEDIDAS ESPECÍFICAS E TRANSITÓRIAS DE APOIO E ESTÍMULO AO EMPREGO GUIA PRÁTICO MEDIDAS ESPECÍFICAS E TRANSITÓRIAS DE APOIO E ESTÍMULO AO EMPREGO REDUÇÃO DE TAXA CONTRIBUTIVA APOIO À REDUÇÃO DA PRECARIEDADE NO EMPREGO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO

Leia mais

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Dispensa de Pagamento de Contribuições 1º

Leia mais

Pós-Graduação em Direito do Trabalho e da Segurança Social - 2ª Edição

Pós-Graduação em Direito do Trabalho e da Segurança Social - 2ª Edição Pós-Graduação em Direito do Trabalho e da Segurança Social - 2ª Edição Plano de Estudos: Sessões Docentes Data N.º de horas Contrato de trabalho: qualificação, presunção legal e figuras afins Nova ação

Leia mais

Plano de Formação 2011

Plano de Formação 2011 Manutenção Industrial Unipessoal, Lda. Calendário 2011 Data Designação Nº Horas Local Destinatário T/P PROCESSO DE BRASAGEM E SOLDOBRASAGEM EM MANUTENÇÃO PROCESSO DE SOLDADURA POR ARCO ELÉCTRICO MANUAL

Leia mais

Praznik Formação Monitores 2016

Praznik Formação Monitores 2016 Praznik Formação Monitores 2016 Índice: 1 Programa 1.1 Objectivos 1.2 A quem se destina 2 O Formando 2.1 Direitos e deveres 2.2 Assiduidade 2.3 Avaliação 3 Plano de Formação 3.1 Áreas de formação e formador

Leia mais

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES ROTAÇÃO EMPREGO-FORMAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES ROTAÇÃO EMPREGO-FORMAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES ROTAÇÃO EMPREGO-FORMAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Dispensa de Pagamento de Contribuições Rotação Emprego-Formação

Leia mais

O MERCADO FRANCÊS DA CONSTRUÇÃO CIVIL : Oportunidades Para As Empresas Portuguesas. Opportunités et partenariats potentiels

O MERCADO FRANCÊS DA CONSTRUÇÃO CIVIL : Oportunidades Para As Empresas Portuguesas. Opportunités et partenariats potentiels O MERCADO FRANCÊS DA CONSTRUÇÃO CIVIL : Oportunidades Para As Empresas Portuguesas Opportunités et partenariats potentiels 23 de Março de 2011 Hotel Mercure Gaia / Porto PARCEIROS OFICIAIS O CONTEXTO Com

Leia mais

aventura para todas as idades

aventura para todas as idades Campos de Férias do Castor Estadias de Grupo www.camposdeferias.com aventura para todas as idades O LOCAL As nossas Actividades realizam-se na Quinta Contente, em Nicolaus - Landeira - Concelho de Vendas

Leia mais

CURSO CERTIFICAÇÃO/QUALIFICAÇÃO DE AUDITORES INTERNOS DA QUALIDADE ISO 9001:2008

CURSO CERTIFICAÇÃO/QUALIFICAÇÃO DE AUDITORES INTERNOS DA QUALIDADE ISO 9001:2008 CURSO CERTIFICAÇÃO/QUALIFICAÇÃO DE AUDITORES INTERNOS DA QUALIDADE ISO 9001:2008 O curso de Certificação/Qualificação de Auditores Internos é constituído por 2 módulos com avaliação escrita: 1. Interpretação

Leia mais

CURSO ATENDIMENTO E RELACIONAMENTO COM O CLIENTE

CURSO ATENDIMENTO E RELACIONAMENTO COM O CLIENTE CURSO ATENDIMENTO E RELACIONAMENTO COM O CLIENTE ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO CONTÍNUA O REGIME DA FUNÇÃO PÚBLICA À LUZ DA NOVA LEI GERAL DO TRABALHO EM FUNÇÕES PÚBLICAS

CURSO DE FORMAÇÃO CONTÍNUA O REGIME DA FUNÇÃO PÚBLICA À LUZ DA NOVA LEI GERAL DO TRABALHO EM FUNÇÕES PÚBLICAS CURSO DE FORMAÇÃO CONTÍNUA O REGIME DA FUNÇÃO PÚBLICA À LUZ DA NOVA LEI GERAL DO TRABALHO EM FUNÇÕES PÚBLICAS I Objetivo pedagógico geral Esta oferta formativa, extracurricular, de preparação e aperfeiçoamento,

Leia mais

18º TORNEIO CONCELHIO DE FUTSAL SUB-13 GONDOMAR 2015

18º TORNEIO CONCELHIO DE FUTSAL SUB-13 GONDOMAR 2015 A Escola Desportiva e Cultural de Gondomar vai, uma vez mais e pelo 18º ano consecutivo, em colaboração com a Câmara Municipal de Gondomar, levar a efeito o 18º. Torneio Concelhio de Futsal Sub-13 (Jovens

Leia mais

DIREITO E PROCESSO DE TRABALHO

DIREITO E PROCESSO DE TRABALHO PROGRAMA E CONDIÇÕES DIREITO E PROCESSO DE TRABALHO Solicitadores Solicitadores Estagiários Maio a Junho de 2012 Albufeira Lisboa Figueira da Foz Braga Departamento de Formação - Câmara dos Solicitadores

Leia mais

Tabela Salarial / I Director Geral 1.822,00 II Director de Serviços 1.522,00 III Director Adjunto 1.216,00

Tabela Salarial / I Director Geral 1.822,00 II Director de Serviços 1.522,00 III Director Adjunto 1.216,00 Após processo de conciliação que decorreu no Ministério do Trabalho, foram concluídas as negociações do acordo de revisão do CCT para a Indústria de Carnes, para o ano 2009, do qual resultou a Tabela Salarial

Leia mais

Curso Prático de Pregão Eletrônico no Comprasnet, incluindo Registro de Preços

Curso Prático de Pregão Eletrônico no Comprasnet, incluindo Registro de Preços Curso Prático de Pregão Eletrônico no Comprasnet, incluindo Registro de Preços Responsabilidade Técnica Ms. JOSEVAN DUARTE MAGALHÃES Cód. do Curso:0132014 Controle Interno da Base Aérea de São Paulo SP.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA NORMAS ORIENTADORAS PARA A ÉPOCA DESPORTIVA 2009/10

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA NORMAS ORIENTADORAS PARA A ÉPOCA DESPORTIVA 2009/10 ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA NORMAS ORIENTADORAS PARA A ÉPOCA DESPORTIVA 2009/10 HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO ATENDIMENTO AO PÚBLICO: Segunda a sexta-feira das 09h30m às 12h30m e das 14h00m às 17h30m ÀS

Leia mais

VOU SER MAMÃ CURSO DE PREPARAÇÃO PARA A MATERNIDADE E PATERNIDADE

VOU SER MAMÃ CURSO DE PREPARAÇÃO PARA A MATERNIDADE E PATERNIDADE VOU SER MAMÃ CURSO DE PREPARAÇÃO PARA A MATERNIDADE E PATERNIDADE VOU SER MAMÃ CURSO DE PREPARAÇÃO PARA A MATERNIDADE E PATERNIDADE A gravidez e o momento do nascimento de um filho podem ser momentos da

Leia mais

O Regulamento de Inscrição prevê que o candidato a inscrição na OA, no âmbito do processo de admissão por estágio, frequente obrigatoriamente:

O Regulamento de Inscrição prevê que o candidato a inscrição na OA, no âmbito do processo de admissão por estágio, frequente obrigatoriamente: REGULAMENTO DE INSCRIÇÃO O actual modelo da formação de apoio ao estágio de admissão à Ordem dos Arquitectos (OA) resulta da implementação do REGULAMENTO DE INSCRIÇÃO (RI), aprovado em 12 de Setembro de

Leia mais

Alteração da taxa de IVA - PHC

Alteração da taxa de IVA - PHC Manual do Utilizador Alteração da taxa de IVA - PHC Data última versão: 16-12-2010 Data última versão Base de Dados: Data criação: 16-12-2010 Versão: 1.00 R. Dr. José Filipe Alvares, 31 8005-221 FARO Telf.

Leia mais

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES FISCAIS E DE SEGURANÇA SOCIAL JULHO 2016

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES FISCAIS E DE SEGURANÇA SOCIAL JULHO 2016 CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES FISCAIS E DE SEGURANÇA SOCIAL JULHO 2016 Até 10/07/2016 Envio da Declaração periódica acompanhada dos anexos que se mostrem devidos, pelos contribuintes do regime normal mensal,

Leia mais

INTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

INTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO MEDIDAS ESPECÍFICAS E TRANSITÓRIAS DE APOIO E ESTÍMULO AO EMPREGO APOIO À CONTRATAÇÃO DE JOVENS, DE DESEMPREGADOS DE LONGA DURAÇÃO E DE DETERMINADOS PÚBLICOS INTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL,

Leia mais

Edifícios a reabilitar Situação do edificado Processos de reabilitação. Estruturas Fogo Higrotérmica e Ventilação Acústica Térmica

Edifícios a reabilitar Situação do edificado Processos de reabilitação. Estruturas Fogo Higrotérmica e Ventilação Acústica Térmica INTRODUÇÃO OBJETIVOS DESTINATÁRIOS A intervenção da engenharia civil tem sofrido alterações ao longo do tempo em função da necessidade de resposta aos problemas concretos da sociedade. Hoje, em Portugal,

Leia mais

FORMULÁRIO RASCUNHO REGIMES NORMAL, ESTIMATIVA E OUTROS (PESSOA JURÍDICA) (ANTIGA DECLAN-IPM) IDENTIFICAÇÃO DA DECLARAÇÃO

FORMULÁRIO RASCUNHO REGIMES NORMAL, ESTIMATIVA E OUTROS (PESSOA JURÍDICA) (ANTIGA DECLAN-IPM) IDENTIFICAÇÃO DA DECLARAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA DECLARAÇÃO Ano-Base da Declaração: Nº Protocolo de Entrega: (anotar o número fornecido pelo Sistema da SEFAZ) Declaração de Baixa ( ) Sim ( ) Não Data encerramento atividades: / / Declaração

Leia mais

CURSOS DE INFORMÁTICA.

CURSOS DE INFORMÁTICA. CURSOS DE INFORMÁTICA E S P A Ç O I N T E R N E T www.carregal-digital.pt W I N D O W S I N T E R N E T W O R D E X C E L P O W E R P O I N T A C C E S S D C B E C D L F I C H A D E I N S C R I Ç Ã O Dados

Leia mais

REGULAMENTO CURSO DE GRAU II TREINADOR DE NATAÇÃO PURA, NATAÇÃO SINCRONIZADA E POLO AQUÁTICO

REGULAMENTO CURSO DE GRAU II TREINADOR DE NATAÇÃO PURA, NATAÇÃO SINCRONIZADA E POLO AQUÁTICO REGULAMENTO CURSO DE GRAU II 1. ORGANIZAÇÃO A organização do Curso de Grau II de Treinador de Natação Pura, Natação Sincronizada e Polo Aquático é da responsabilidade da Federação Portuguesa de Natação.

Leia mais

AV ANA SEQUEIRA VAREJÃO

AV ANA SEQUEIRA VAREJÃO Exmo. Senhor Secretário Geral do Sindicato dos Meios Audiovisuais O Gabinete Jurídico do SMAV foi incumbido de emitir parecer sobre o conceito de trabalho nocturno, nomeadamente sobre a posição assumida

Leia mais

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES FAQ s Regime Geral de Segurança Social dos Trabalhadores Independentes

PERGUNTAS MAIS FREQUENTES FAQ s Regime Geral de Segurança Social dos Trabalhadores Independentes PERGUNTAS MAIS FREQUENTES FAQ s Regime Geral de Segurança Social dos Trabalhadores Independentes 1 Que categorias profissionais se encontram abrangidas pelo regime dos trabalhadores independentes? Estão

Leia mais

Como Vender em Marrocos Uma acção à medida dos seus interesses

Como Vender em Marrocos Uma acção à medida dos seus interesses Como Vender em Marrocos Uma acção à medida dos seus interesses Ficha de Inscrição Encontre a resposta às suas dúvidas! Identifique a sessão pretendida: Lisboa AICEP (Av. 5 de Outubro, n.º 101) 21 (tarde)

Leia mais

INSTRUTIVO N.º 18/2016 de 08 de Agosto

INSTRUTIVO N.º 18/2016 de 08 de Agosto INSTRUTIVO N.º 18/216 de 8 de Agosto ASSUNTO: PRESTAÇÃO DE INFORMAÇÃO SOBRE A COMPOSIÇÃO DOS FUNDOS PRÓPRIOS E RÁCIO DE SOLVABILIDADE Havendo necessidade de regulamentar o envio de informação a ser prestada

Leia mais

13ª PROVA DE MAR BAÍA

13ª PROVA DE MAR BAÍA 13ª PROVA DE MAR BAÍA de SS 2016 ANEXO I PROVA de DIVULGAÇÃO 400metros Regulamento Específico 13ª PROVA DE MAR BAÍA de SS 2016 I PROVAS E IDADE MÍNIMA Prova de Divulgação: 400m Participação: Na prova de

Leia mais

XXV CAMPEONATO DE PORTUGAL DE JUNIORES E ABSOLUTO 2014

XXV CAMPEONATO DE PORTUGAL DE JUNIORES E ABSOLUTO 2014 XXV CAMPEONATO DE PORTUGAL DE JUNIORES E ABSOLUTO 2014 ANÚNCIO DE REGATA A Federação Portuguesa de Vela, com o apoio da Fidelidade Mundial, e em conjunto com a Associação Regional de Vela do Sul, em coorganização

Leia mais

CURSO NEGOCIAÇÃO E COMUNICAÇÃO COM CLIENTES DIFÍCEIS

CURSO NEGOCIAÇÃO E COMUNICAÇÃO COM CLIENTES DIFÍCEIS CURSO NEGOCIAÇÃO E COMUNICAÇÃO COM CLIENTES DIFÍCEIS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05

Leia mais

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO GABINETE DE APOIO AO EMPREGO, ÀS EMPRESAS E AO EMPREENDEDORISMO - GE 3

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO GABINETE DE APOIO AO EMPREGO, ÀS EMPRESAS E AO EMPREENDEDORISMO - GE 3 REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO GABINETE DE APOIO AO EMPREGO, ÀS EMPRESAS E AO EMPREENDEDORISMO - GE 3 REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO GE 3 SECÇÃO I Disposições Gerais Artigo 1.º Objeto 1. O presente regulamento

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL. (ao abrigo do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de Junho)

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL. (ao abrigo do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de Junho) FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL (ao abrigo do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de Junho) A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação da instituição de crédito 1.1.

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHADOR-ESTUDANTE (aprovado pelo Conselho Directivo em 2 de Dezembro de 2009, sob proposta do Conselho Pedagógico)

REGULAMENTO DO TRABALHADOR-ESTUDANTE (aprovado pelo Conselho Directivo em 2 de Dezembro de 2009, sob proposta do Conselho Pedagógico) REGULAMENTO DO TRABALHADOR-ESTUDANTE (aprovado pelo Conselho Directivo em 2 de Dezembro de 2009, sob proposta do Conselho Pedagógico) O novo Código do Trabalho aprovado pela Lei nº 7/2009, de 12 de Fevereiro,

Leia mais

SInOA - Sistema de Informação da Ordem dos Advogados INSCRIÇÃO NO SISTEMA DE ACESSO AO DIREITO. Manual de Utilizador

SInOA - Sistema de Informação da Ordem dos Advogados INSCRIÇÃO NO SISTEMA DE ACESSO AO DIREITO. Manual de Utilizador SInOA - Sistema de Informação da Ordem dos Advogados INSCRIÇÃO NO SISTEMA DE ACESSO AO DIREITO Manual de Utilizador INTRODUÇÃO O presente Manual tem por objectivo a descrição dos procedimentos a ter em

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INSTRUMENTO

CURSO BÁSICO DE INSTRUMENTO 2013 / 2014 CURSO DE NÍVEL II, COM EQUIVALÊNCIA AO 9ºANO DURAÇÃO DO CURSO Elaborado respeitando integralmente na Portaria nº1112/95 de 12 de Setembro de 1995, o Curso Básico de Instrumento tem a duração

Leia mais

NORMAS DE FUNCIONAMENTO DO ATELIER DE ARTES PLÁSTICAS

NORMAS DE FUNCIONAMENTO DO ATELIER DE ARTES PLÁSTICAS NORMAS DE FUNCIONAMENTO DO ATELIER DE ARTES PLÁSTICAS O Atelier de Artes Plásticas é um serviço que se encontra ao dispor de todos os interessados, visando instruí-los e dotá-los das ferramentas básicas

Leia mais

ENQUADRAMENTO LEGAL DO FCT E FGCT IMPLICAÇÕES DE NATUREZA LABORAL. Catarina Santos Ferreira. 7 de outubro de 2013

ENQUADRAMENTO LEGAL DO FCT E FGCT IMPLICAÇÕES DE NATUREZA LABORAL. Catarina Santos Ferreira. 7 de outubro de 2013 ENQUADRAMENTO LEGAL DO FCT E FGCT IMPLICAÇÕES DE NATUREZA LABORAL Catarina Santos Ferreira cs.ferreira@abbc.pt 7 de outubro de 2013 Largo de São Carlos, nº 3, 1200-410 Lisboa Portugal. - Tel: +351 21 358

Leia mais

ACADEMIA NACIONAL SUPERIOR DE ORQUESTRA. Ano lectivo de 2013/2014 REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDO. Capítulo I Disposições Gerais

ACADEMIA NACIONAL SUPERIOR DE ORQUESTRA. Ano lectivo de 2013/2014 REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDO. Capítulo I Disposições Gerais ACADEMIA NACIONAL SUPERIOR DE ORQUESTRA Ano lectivo de 2013/2014 REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDO Capítulo I Disposições Gerais Artigo 1 Objecto O presente Regulamento disciplina a atribuição de Bolsas

Leia mais

Auditorias Energéticas

Auditorias Energéticas Auditorias Energéticas Formação Profissional DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h30 às 13h00

Leia mais

LEI GERAL do TRABALHO

LEI GERAL do TRABALHO SEMINÁRIO 1ª EDIÇÃO LUANDA 5, 6 e 7 de JUNHO de 2012 HCTA - Hotel de Convenções de Talatona Analise em profundidade todas as implicações na CONTRATAÇÃO e GESTÃO dos trabalhadores Aplicação Prática da LEI

Leia mais

PROGRAMA DE ATIVIDADES 2014/2015

PROGRAMA DE ATIVIDADES 2014/2015 PROGRAMA DE ATIVIDADES 2014/2015 BEM VINDO AO CLUBE DE GINÁSTICA DE ALMADA! Caros/as Associados/as, Nesta época desportiva continuaremos a trabalhar com muito empenho e dedicação no sentido do cumprimento

Leia mais

Técnico de Informática

Técnico de Informática Técnico de Informática Redes e Sistemas Certificado - Inclui Certificação Formato: Presencial Preço: 1800 ( Os valores apresentados não incluem IVA. Oferta de IVA a particulares e estudantes. ) Horário:

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais.  PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

TORNEIO ESCADA 2015 REGULAMENTO

TORNEIO ESCADA 2015 REGULAMENTO TORNEIO ESCADA 2015 REGULAMENTO ORGANIZAÇÃO E LOCAL A organização do torneio está a cargo do Clube de Ténis do Estoril, e os jogos disputam-se apenas nos campos do Clube. A gestão de resultados, classificações,

Leia mais

CONTABILIDADE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA. ÁREA DE FORMAÇÃO Contabilidade e Fiscalidade PERFIL PROFISSIONAL

CONTABILIDADE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA. ÁREA DE FORMAÇÃO Contabilidade e Fiscalidade PERFIL PROFISSIONAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA CONTABILIDADE ÁREA DE FORMAÇÃO Contabilidade e Fiscalidade PERFIL PROFISSIONAL Técnico Especialista em Contabilidade LEGISLAÇÃO APLICÁVELL Decreto-lei nº 88/2006, de

Leia mais

GUIA PRÁTICO REDUÇÃO DE TAXA CONTRIBUTIVA PRÉ REFORMA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO REDUÇÃO DE TAXA CONTRIBUTIVA PRÉ REFORMA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO REDUÇÃO DE TAXA CONTRIBUTIVA PRÉ REFORMA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Redução de Taxa Contributiva Pré Reforma (2005 v5.4) PROPRIEDADE Instituto da

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES/AS

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES/AS Entidade Formadora: Questão de Igualdade Entidade Promotora: Edufoco FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES/AS Apresentação do curso e condições de frequência Certificado de Autorização de Funcionamento

Leia mais

Feira Franca de Avis 2016 Mostra Regional de Artesanato, Cultura, Turismo e Lazer Regras de Participação e Funcionamento

Feira Franca de Avis 2016 Mostra Regional de Artesanato, Cultura, Turismo e Lazer Regras de Participação e Funcionamento Feira Franca de Avis 2016 Mostra Regional de Artesanato, Cultura, Turismo e Lazer Regras de Participação e Funcionamento A Feira Franca de Avis - Mostra Regional de Artesanato, Cultura, Turismo e Lazer

Leia mais

Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC

Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC INTRODUÇÃO O Curso de preparação para os exames de avaliação profissional da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas, promovido pela Associação para a Extensão Universitária

Leia mais

III CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO EMPRESARIAL

III CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO EMPRESARIAL III CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO EMPRESARIAL (2013/2014) PROGRAMA Módulo 1 - Modelos empresariais e de negócio (aspectos gerais) (6 horas) Aspectos gerais da organização empresarial: em especial as

Leia mais

AVISO - MATRÍCULAS NO PRÉ-ESCOLAR. As inscrições decorrem de 15 de abril a 15 de junho.

AVISO - MATRÍCULAS NO PRÉ-ESCOLAR. As inscrições decorrem de 15 de abril a 15 de junho. AVISO - MATRÍCULAS NO PRÉ-ESCOLAR ANO LETIVO - 2015/2016 As inscrições decorrem de 15 de abril a 15 de junho. www.portaldasescolas.pt A ESCOLA DISPONIBILIZA COMPUTADOR PARA O EFEITO. O ENCARREGADO DE EDUCAÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DA CASA DA PRAIA

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DA CASA DA PRAIA REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DA CASA DA PRAIA O presente regulamento visa disciplinar a utilização do espaço acima referido, bem como dos equipamentos e serviços a ele adjacentes, visando o melhor aproveitamento

Leia mais

Duração: 30 Horas. Formador: Carla Ferreira

Duração: 30 Horas. Formador: Carla Ferreira GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS EM EQUIPAS DE SAÚDE Duração: 30 Horas Rua José Leite Vasconcelos, Lt. B, Loja B - Bº de Stª. Apolónia 3020-106 COIMBRA Tel.:239439243 Fax:239439243 Tlm.:961051559 saniforma.webnode.pt

Leia mais

Município de Viana do Alentejo NORMAS DE PARTICIPAÇÃO

Município de Viana do Alentejo  NORMAS DE PARTICIPAÇÃO NORMAS DE PARTICIPAÇÃO Feira D Aires Norma 1 Âmbito de Aplicação As presentes normas aplicam-se aos participantes na Feira D Aires que se realiza anualmente em Viana do Alentejo e é organizada pelo Município

Leia mais

Bélgica-Bruxelas: Curso de formação de formadores para o pessoal da sala de operações navais 2014/S Anúncio de concurso.

Bélgica-Bruxelas: Curso de formação de formadores para o pessoal da sala de operações navais 2014/S Anúncio de concurso. 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:363892-2014:text:pt:html Bélgica-Bruxelas: Curso de formação de formadores para o pessoal da sala de operações navais

Leia mais

Regulamento de Matrículas, Inscrições e Propinas

Regulamento de Matrículas, Inscrições e Propinas Regulamento de Matrículas, Inscrições e Propinas I - Matrículas 1. A matrícula é o acto administrativo, a realizar no início de cada ano lectivo e que confere ao estudante o direito a ingressar no estabelecimento

Leia mais

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO DISPENSA DE PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES 1º EMPREGO E DESEMPREGADO LONGA DURAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Dispensa de Pagamento de Contribuições 1º

Leia mais

AVISO DE RECRUTAMENTO FEB

AVISO DE RECRUTAMENTO FEB AVISO DE RECRUTAMENTO FEB 12 de Dezembro de 2013 1/6 2/6 1. OBJECTIVO a. O presente concurso visa dotar o sistema de operações de proteção e socorro com o efetivo aprovado para os elementos da Força Especial

Leia mais

Regulamento de Frequência - ADR

Regulamento de Frequência - ADR Academia do Profissional L. Teixeira & Melo, Lda. Regulamento de Frequência - ADR Rua Sousa Aroso, 556-4º Esq. / 4º Esq. Tr. 4450-287 Matosinhos Tel. 229 396 700 Fax: 229 396 709 Avenida D. João II, Lote

Leia mais

SOME VANTAGENS AO SEU ORDENADO

SOME VANTAGENS AO SEU ORDENADO 9889_MonoVoucher_Plano Colaborador_2.ai 1 6/25/15 12:25 PM SOME VANTAGENS AO SEU ORDENADO Solução Integrada de Produtos e Serviços Bancários MILLENNIUM. É PARA AVANÇAR. 9889_MonoVoucher_Plano Colaborador_2.ai

Leia mais

O Código do Trabalho e a Legislação da Segurança Social na Vida das Empresas

O Código do Trabalho e a Legislação da Segurança Social na Vida das Empresas O Código do Trabalho e a Legislação da Segurança Social na Vida das Empresas ação de Formação Brochura a O Código do Trabalho e a Legislação da Segurança Social na Vida das Empresas objetivos da ação de

Leia mais

26 horas / De 05 a 09 de Outubro / De 4.ª Feira a Domingo / horas / De 10 a 21 de Outubro / 2.ª, 4.ª e 6.ª Feiras, das 19h00 às 22h00 / 150

26 horas / De 05 a 09 de Outubro / De 4.ª Feira a Domingo / horas / De 10 a 21 de Outubro / 2.ª, 4.ª e 6.ª Feiras, das 19h00 às 22h00 / 150 A ARQCOOP é uma instituição sem fins lucrativos e aposta em formação inovadora, prática e actualizada, melhorando conhecimentos e práticas profissionais e contribuindo para a sua empregabilidade ou desenvolvimento

Leia mais

- Para uma contabilidade mais específica, o serviço base pode ser complementado com a contabilidade por centro de custos.

- Para uma contabilidade mais específica, o serviço base pode ser complementado com a contabilidade por centro de custos. Solução RCR GERIR Destinatários Micro e pequenas empresas Objectivo da solução A Solução RCR GERIR disponibiliza os serviços e o apoio essencial para introduzir mais tranquilidade e segurança na gestão

Leia mais

calendário fiscal para pessoas colectivas jan2016dez2016

calendário fiscal para pessoas colectivas jan2016dez2016 calendário fiscal para pessoas colects jan2016dez2016 janeiro... 02 fevereiro... 04 março... 05 abril... 06 maio... 08 junho... 09 julho... 10 agosto... 12 setembro... 13 outubro... 14 novembro... 15 dezembro...

Leia mais

Joana de Almeida Neves Advogada

Joana de Almeida Neves Advogada Adaptabilidade na Relação Laboral A Flexibilidade Temporal, os Horários Concentrados e os Bancos de Horas Joana de Almeida Neves Advogada PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DO CÓDIGO DE TRABALHO INTERVENÇÃO DO LEGISLADOR

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DE VILA DO PORTO

JUNTA DE FREGUESIA DE VILA DO PORTO ANEXO II Formulário de candidatura a Contrato-Programa A preencher pela Junta de Freguesia DATA DE ENTRADA / / A preencher pela Junta de Freguesia DELIBERAÇÃO DA JUNTA: APROVADO NÃO APROVADO DATA / / ASSINATURA

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA CA NOTA 20

REGULAMENTO DO PROGRAMA CA NOTA 20 REGULAMENTO DO PROGRAMA CA NOTA 20 1. Objectivos O Programa CA Nota 20 é um concurso promovido pela Caixa Central Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo, CRL, contribuinte nº 501 464 301, com sede na

Leia mais

Direito do Trabalho. Ano Lectivo 2008/2009. Docente: Catarina Frade

Direito do Trabalho. Ano Lectivo 2008/2009. Docente: Catarina Frade Direito do Trabalho Ano Lectivo 2008/2009 Docente: Catarina Frade Sumário 24 O acesso ao trabalho: o contrato de trabalho A cessação do contrato de trabalho Mútuo acordo Despedimento Rescisão Extinção

Leia mais

MISSÃO EMPRESARIAL BRASIL BLUMENAU INFOFAIR JULHO 2016 MISSÃO EMPRESARIAL SECTOR TICE UM PROJECTO

MISSÃO EMPRESARIAL BRASIL BLUMENAU INFOFAIR JULHO 2016 MISSÃO EMPRESARIAL SECTOR TICE UM PROJECTO BLUMENAU INFOFAIR 2016 26-31 JULHO 2016 SECTOR TICE UM PROJECTO DO SECTOR TICE INFOFAIR 2016 A QUEM SE DIRIGE ESTA MISSÃO? Esta Missão Empresarial é destinada a todas a empresas Portuguesas do Sector das

Leia mais

Regulamento de Deslocações da Universidade da Madeira

Regulamento de Deslocações da Universidade da Madeira Regulamento de Deslocações da Universidade da Madeira A Lei nº 59/2008, de 11 de Setembro, que regula o Regime de Contrato de Trabalho em Funções Públicas, com efeitos a partir de 1 de Janeiro de 2009,

Leia mais

INSTITUTO DE GESTÃO FINANCEIRA DA SEGURANÇA SOCIAL, IP DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS. Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, I.P.

INSTITUTO DE GESTÃO FINANCEIRA DA SEGURANÇA SOCIAL, IP DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS. Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, I.P. BALANÇO SOCIAL 2004 INSTITUTO DE GESTÃO FINANCEIRA DA SEGURANÇA SOCIAL, IP DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, I.P. Notas Explicativas do Balanço Social

Leia mais

Disposições gerais. Artigo 1º (Objectivo)

Disposições gerais. Artigo 1º (Objectivo) REGULAMENTO DESPORTIVO DA ASSOCIAÇÃO DE ESTUDANTES DA FACULDADE DE ARQUITECTURA DA UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA PARA O ANO LECTIVO 2010/2011 CAPÍTULO I Disposições gerais Artigo 1º (Objectivo) A Associação

Leia mais

DESPACHO N. GR.03/05/2011

DESPACHO N. GR.03/05/2011 DESPACHO N. GR.03/05/2011 Regulamento Estatuto de Trabalhador-Estudante da Universidade do Porto No uso da competência que me é consagrada na alínea o) do n 1 do artigo 400 dos Estatutos da Universidade

Leia mais

LEGISLAÇÃO LABORAL PARA RECURSOS HUMANOS

LEGISLAÇÃO LABORAL PARA RECURSOS HUMANOS WWW.IFE.PT CURSO PRÁTICO LEGISLAÇÃO LABORAL PARA RECURSOS HUMANOS Analisar o Código do Trabalho, as consequências e suas implicações para as empresas 28 horas / 4 Dias 1ª Edição Lisboa, 24, 25 e 31 de

Leia mais

FCA Capital Portugal I.F.I.C. S.A.

FCA Capital Portugal I.F.I.C. S.A. Preçário FCA Capital Portugal I.F.I.C. S.A. Instituição Financeira de Crédito Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 01-04-2016 O preçário completo da FCA Capital Portugal

Leia mais

CAMPEONATO DISTRITAL DE LISBOA DE JOVENS PARTIDAS LENTAS AXL 2015/1016 REGULAMENTO

CAMPEONATO DISTRITAL DE LISBOA DE JOVENS PARTIDAS LENTAS AXL 2015/1016 REGULAMENTO CAMPEONATO DISTRITAL DE LISBOA DE JOVENS PARTIDAS LENTAS AXL 2015/1016 6 a 10 de Fevereiro de 2016 REGULAMENTO 1. Organização O Campeonato Distrital de Lisboa de Jovens de partidas lentas é organizado

Leia mais

GUIA PRÁTICO DOENÇA PROFISSIONAL - CERTIFICAÇÃO

GUIA PRÁTICO DOENÇA PROFISSIONAL - CERTIFICAÇÃO GUIA PRÁTICO DOENÇA PROFISSIONAL - CERTIFICAÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Pág. 1/12 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Doença Profissional - Certificação (N28 v4.06) PROPRIEDADE Instituto

Leia mais

Protecção na Parentalidade

Protecção na Parentalidade Protecção na Parentalidade UMA VISÃO JURÍDICA NA PREPARAÇÃO PARA O NASCIMENTO João Almeida Costa Jurista jc@joaocosta.pt Quadro Legal Constituição da República Portuguesa (CRP) Artigos 67º e 68º; Lei n.º

Leia mais

Negociação Particular Recepção de propostas até 12/05/2016

Negociação Particular Recepção de propostas até 12/05/2016 Negociação Particular Recepção de propostas até 12/05/2016 Insolvente: Fisaram - Sociedade de Construções, Lda. COMARCA DE LISBOA OESTE, SINTRA - INST. CENTRAL PROC. N.º 12878/15.9T8SNT - SEC. COMÉRCIO

Leia mais

Regulamento de Certificação de Técnicos

Regulamento de Certificação de Técnicos Regulamento de Certificação de Técnicos O presente documento estabelece o Regulamento de certificação dos técnicos responsáveis pela instalação, deteção de fugas, recuperação e manutenção ou assistência

Leia mais

UAlg Careers Fair. Regulamento 14/15 MARÇO. Universidade do Algarve

UAlg Careers Fair. Regulamento 14/15 MARÇO. Universidade do Algarve 14/15 MARÇO Universidade do Algarve Complexo Pedagógico do Campus da Penha Faro UAlg Careers Fair 2017 Regulamento Apresentação de Empresas / Recrutamento / Workshops Stand Empresa / 1. Introdução A UAlg

Leia mais

1. Podem participar pessoas de ambos os sexos com idade igual ou superior a 10 anos.

1. Podem participar pessoas de ambos os sexos com idade igual ou superior a 10 anos. Regulamento 4ª Edição ECOBIKETOUR Rota das Salinas Organização 1. A organização deste passeio é da responsabilidade da empresa VLT Unip Lda, em cooperação com a Camara Municipal da Figueira da Foz. Foi

Leia mais

CURSO GRAU I - TREI INADOR/ MONITOR DE NATAÇÃO REGULAMENTO e Natação do Distrito de Leiria

CURSO GRAU I - TREI INADOR/ MONITOR DE NATAÇÃO REGULAMENTO e Natação do Distrito de Leiria CURSO GRAU I - TREI INADOR/ MONITOR DE NATAÇÃO REGULAMENTO - 2017 ANDL Associação de e Natação do Distrito de Leiria 1. Organização A organização do Curso de Grau I de Treinador/ Monitor de Natação, é

Leia mais

20. OPERAÇÕES DE CRÉDITO (OUTROS CLIENTES) (ÍNDICE)

20. OPERAÇÕES DE CRÉDITO (OUTROS CLIENTES) (ÍNDICE) 20.1. Linhas de crédito e contas correntes Empréstimos a taxa variável 1. Conta - corrente 2. Empréstimo MLP Taxa Anual Nominal (TAN) 4,75 a 10,25 6,50 a 10,25 Taxa Anual Efectiva (TAE) Outras condições

Leia mais

OCC. Ojetivos. Programa detalhado. Créditos. Atribuição de. O direito à dedução do IVA: A dedução do IVA nos inputs mistos:

OCC. Ojetivos. Programa detalhado. Créditos. Atribuição de. O direito à dedução do IVA: A dedução do IVA nos inputs mistos: O direito à dedução do IVA - O caso particular dos sujeitos passivos mistos Ação de Formação fiscalidade formação acreditada pela OCC www.academia.jmmsroc.pt Brochura a O Direito à Dedução do IVA e o caso

Leia mais

INSTRUÇÕES DE INSCRIÇÃO

INSTRUÇÕES DE INSCRIÇÃO ESCOLA DE TÉNIS - PROCESSO DE INSCRIÇÃO INSTRUÇÕES DE INSCRIÇÃO DOCUMENTOS PRIMEIRA INSCRIÇÃO: Ficha de inscrição; 2 Fotografias; Fotocopia do BI ou Cartão de Cidadão do Atleta; Fotocopia do BI ou Cartão

Leia mais