O Principio da Publicidade tem seu campo de maior atuação no Administrativo, Assim, José Afonso da Silva 2, diz que:

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Principio da Publicidade tem seu campo de maior atuação no Administrativo, Assim, José Afonso da Silva 2, diz que:"

Transcrição

1 Principio da Publicidade. O Presente Trabalho vem elucidar dois princípios da suma importância para o Estado democrático de direito ao qual estamos inseridos, freqüentemente ouvimos falar sobre esses princípios, porem não damos devida importância a eles e o presente trabalho vem demonstrar de forma sucinta dois princípios, o principio da publicidade, pilar indispensável para controle dos atos públicos, e o principio da razoabilidade, daremos maior enfoque no processo, iniciaremos nosso estudo com o principio da publicidade, com uma exceção do Art. 5º LX que diz. Art. 5º, LX - a lei só poderá restringir a publicidade dos atos processuais quando a defesa da intimidade ou o interesse social o exigirem Em regra todos os atos são públicos, exceto o Art. 5º, LX Supracitado. O clássico principio da Administração Publica, que esta inserida em nossa Constituição Federal de , em seu art. 37, Caput, Reza. Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência e, também, ao seguinte: (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998). A Publicidade é a transparência publica do ato administrativo, vejamos também o que diz o art. 225, IV da Constituição no Capitulo que trata do meio ambiente. Art. 225, IV - exigir, na forma da lei, para instalação de obra ou atividade potencialmente causadora de significativa degradação do meio ambiente, estudo prévio de impacto ambiental, a que se dará publicidade; (Regulamento) O Principio da Publicidade tem seu campo de maior atuação no Administrativo, Assim, José Afonso da Silva 2, diz que: "A publicidade sempre foi tida como um princípio administrativo, porque se entende que o Poder Público, por ser público, deve agir com a maior transparência possível, a fim de que os administrados tenham, a toda hora, conhecimento do que os administradores estão fazendo." Em face ao interesse coletivo o principio da publicidade vem colocar transparente e de forma eficiente a pratica da administração publica, tendo assim a garantia de acesso do cidadão aos registros públicos, ressalvando o que diz o Art. 5º, LX. 1 Constituição da Republica Federativa do Brasil de Curso de Direito Constitucional Positivo, Malheiros, 2000, pág. 653

2 Temos também um remédio constitucional que promove essa publicidade dos atos administrativos que é o habeas data, essa publicidade no entanto, restringe-se a informação do próprio requerente, mais pode ter como conteúdo informações de interesse coletivo. Como já dissemos a publicidade é mais estudada no direito Administrativo, todavia, todas as esferas de poder da republica deverão prestar a publicidade como forma transparência para a sociedade, vejamos: Do Executivo espera-se a prestação de contas do direito publico, também se aplicando o principio da publicidade na elaboração de leis, Do Judiciário segundo o Art. 93, IX, 3 que estabelece. Todos os Julgamentos dos órgãos do Poder Judiciário serão Públicos e fundamentados todas as decisões, sob pena de nulidade.... A Lei 5869/73 Código de Processo Civil, Art. 155 Os Atos Processuais são públicos... também no Código de Processo Penal, diz em seu Art As audiências, sessões e os atos processuais serão, em regra, públicos.... Nas palavras de Hely Lopes Meirelles 4, ao tratar sobre o tema, expõem alguns ensinamentos: "Enfim, a publicidade, como princípio da administração pública abrange toda a atuação estatal, não só sob o aspecto da divulgação oficial de seus atos, como também de propiciação de conhecimento da conduta interna de seus agentes..." Podemos concluir que o principio da publicidade é uma ferramenta no controle democrático, revelando-se de suma importância no controle dos atos dos gestores públicos, uma importante conquista obtida ao longo de todo o processo evolutivo vivenciado pela democracia Brasileira, Vale ressaltar também uma forma adotada hoje pela mídia de massa, a Televisão são as sessões abertas ao publico, sessões do plenário, da câmara do judiciário, todos em TV aberta, essa é a materialização do principio da publicidade. 3 RR MEIRELLES, Hely Lopes, "Direito Administrativo Brasileiro", Malheiros Editores, São Paulo, 1996;

3 Principio da Razoabilidade. Por vezes chamado de principio da proporcionalidade. O principio da razoabilidade por vezes chamado de Principio da Proporcionalidade 5 é um método utilizado para resolver colisões que envolvem princípios jurídicos, nas palavras de Paulo Bonavides 6,... existem princípios mais fáceis de entender do que definir, sendo que a proporcionalidade se enquadraria nesta situação. A Contento temos um julgado que transborda o principio da razoabilidade, HC PE 7, rel. Min. Marcos Aurélio. Usando o principio da Razoabilidade para eximir de responsabilidade Prefeita, que no exercício de chefia do poder executivo de certo município, contratou sem concurso publico um cidadão para prestação de serviços como gari pelo período de noves meses, Alem disso, considerou-se atentatório a ordem natural das coisas, e, por conseguinte, ao principio da razoabilidade, exigir a realização de um concurso publico para uma única admissão para exercício de atividade de menor hierarquia BONAVIDES, Paulo. Curso de Direito Constitucional. 4. ed. São Paulo: Saraiva, Ávila, Humberto Teoria dos Princípios Ed 11º, pg. 46

4 Vivemos em um Estado democrático de direito, fundamentado no art. 1 da Constituição da Republica Federativa do Brasil, onde diz: Art. 1º A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos: Entretanto A EC/45 de 2004 em seu 3 reza: 3º Os tratados e convenções internacionais sobre direitos humanos que forem aprovados, em cada Casa do Congresso Nacional, em dois turnos, por três quintos dos votos dos respectivos membros, serão equivalentes às emendas constitucionais. Os Tratados e convenções internacionais supracitados, tem equivalência constitucional, o Brasil é signatário Convenção Americana de Direitos Humanos (1969) 8, em seu Artigo 8, item 1, coloca como garantia jurídica a Razoabilidade, aqui citado o processo, abaixo a transcrição do texto: Artigo 8º - Garantias judiciais. 1. Toda pessoa terá o direito de ser ouvida, com as devidas garantias e dentro de um prazo razoável, por um juiz ou Tribunal competente, independente e imparcial, estabelecido anteriormente por lei, na apuração de qualquer acusação penal formulada contra ela, ou na determinação de seus direitos e obrigações de caráter civil, trabalhista, fiscal ou de qualquer outra natureza. Em nossa constituição, acrescida pela EC/45 de 2004, temos a razoável duração no processo, Art. 5º Inc. LXXVIII: LXXVIII a todos, no âmbito judicial e administrativo, são assegurados a razoável duração do processo e os meios que garantam a celeridade de sua tramitação A Lei 9784/99, em seu Art. 2 º A Administração Pública obedecerá, dentre outros, aos princípios da legalidade, finalidade, motivação, razoabilidade, proporcionalidade, moralidade, ampla defesa, contraditório, segurança jurídica, interesse público e eficiência. Mostrando o valor desse principio, já no Código de processo penal em seu Art. 156 versa: Art A prova da alegação incumbirá a quem a fizer, sendo, porém, facultado ao juiz de ofício: I ordenar, mesmo antes de iniciada a ação penal, a produção antecipada de provas consideradas urgentes e relevantes, observando a necessidade, adequação e proporcionalidade da medida; 8 Tratados Internacionais de Direitos Humanos - Pacto de São Jose da Costa Rica ( 1969 )

5 Contudo podemos notar o quão importante se faz o principio da Razoabilidade em nosso ordenamento jurídico porem é com essa garantia que se fundamenta o nosso Estado Democrático de Direito.

DIREITO ADMINISTRATIVO E ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

DIREITO ADMINISTRATIVO E ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DIREITO ADMINISTRATIVO E ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Autonomia e controle no setor público Controlar é qualquer ação tomada pela administração pública com o objetivo de atingir metas preestabelecidas. A administração

Leia mais

PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS DO PROCESSO E O ESTADO DE DIREITO. CONCEITO DE PROCESSO

PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS DO PROCESSO E O ESTADO DE DIREITO. CONCEITO DE PROCESSO ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA DO ESTADO DO CEARÁ ESMEC ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO CONSTITUCIONAL MÓDULO: PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS DO PROCESSO Profa. Ms. Ana Paula Lima de Melo EMENTA: PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO IV DAS FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA Seção I Do Ministério Público Art. 127. O Ministério Público é instituição

Leia mais

Direito processual penal Conceito e finalidade

Direito processual penal Conceito e finalidade Direito processual penal Conceito e finalidade O Direito é uno, logo não devemos interpretar as disciplinas do direito de forma isolada, mas sim em um sistema único que se comunica com as outras disciplinas

Leia mais

Das Normas Fundamentais do Processo Civil

Das Normas Fundamentais do Processo Civil Das Normas Fundamentais do Processo Civil UMA ANÁLISE LUSO-BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA 2015 Artur César de Souza \11X ALMEDINA DAS NORMAS FUNDAMENTAIS DO PROCESSO CIVIL UMA ANÁLISE LUSO-BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA

Leia mais

O TCU e a contratação de empregados nos Serviços Sociais Autônomos

O TCU e a contratação de empregados nos Serviços Sociais Autônomos O TCU e a contratação de empregados nos Serviços Sociais Autônomos Da natureza das Unidades do Sistema S São entidades paraestatais, sem finalidade lucrativa, criadas por lei que: trabalham ao lado do

Leia mais

PORTARIA N.º 002 / 2007

PORTARIA N.º 002 / 2007 PORTARIA N.º 002 / 2007 Portaria n. 002, de 14 de maio de 2007, da Vara Federal da Subseção Judiciária de Carazinho/RS: dispõe sobre o horário do setor de execução de mandados de sua Secretaria. OS EXCELENTÍSSIMOS

Leia mais

Princípios da Administração Pública

Princípios da Administração Pública Princípios da Administração Pública PRINCÍPIO DA LEGALIDADE Conceito: Ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei (art. 5º, II da CF). O Princípio da legalidade

Leia mais

DA JUSTIÇA DE PAZ: sua história e as funções do Juiz de Paz no novo ordenamento jurídico brasileiro pós Constituição da República de 1988.

DA JUSTIÇA DE PAZ: sua história e as funções do Juiz de Paz no novo ordenamento jurídico brasileiro pós Constituição da República de 1988. DA JUSTIÇA DE PAZ: sua história e as funções do Juiz de Paz no novo ordenamento jurídico brasileiro pós Constituição da República de 1988. Arthur de Almeida Quaresma (Oficial de Registro Civil de Barão

Leia mais

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL 1 Constituição. 1.1 Conceito, classificações, princípios fundamentais. 2 Direitos e garantias fundamentais. 2.1 Direitos e deveres individuais e coletivos, Direitos sociais,

Leia mais

Organização da Aula 2. Gestão do Orçamento Público. Aula 2. Contextualização

Organização da Aula 2. Gestão do Orçamento Público. Aula 2. Contextualização Organização da Aula 2 Gestão do Orçamento Público Aula 2 Base legal e orçamento público Princípios Constitucionais; Legislação e instrumentos legais de planejamento público orçamentário. Prof. Nivaldo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO MESTRADO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO MESTRADO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO MESTRADO JURISDICIZAÇÃO DA DISCRICIONARIEDADE ADMINISTRATIVA: VALORAÇÃO PRINCIPIOLÓGICA CONSTITUCIONAL DA ATUAÇÃO DISCRICIONÁRIA DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

O que é orçamento público?

O que é orçamento público? O que é orçamento público? É a previsão de arrecadação de receitas e a fixação de despesas para um período determinado. É computar, avaliar, calcular a previsão da arrecadação de tributos e o gasto de

Leia mais

A Importância do Controle Interno na Administração Pública. Leônidas Monteiro Gonçalves Analista de Controle Externo TCE/PA

A Importância do Controle Interno na Administração Pública. Leônidas Monteiro Gonçalves Analista de Controle Externo TCE/PA A Importância do Controle Interno na Administração Pública Leônidas Monteiro Gonçalves Analista de Controle Externo TCE/PA A importância do Controle Interno na Administração Pública Fins do Estado - Satisfação

Leia mais

Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade

Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade 19. Segundo a Constituição Federal, os tratados e convenções internacionais sobre direitos humanos que forem aprovados, em cada Casa do Congresso Nacional,

Leia mais

CRÍTICAS À ALTERAÇÃO NO REGIMENTO INTERNO DO TST cancelamento de sustentações orais. Da Academia Nacional de Direito do Trabalho.

CRÍTICAS À ALTERAÇÃO NO REGIMENTO INTERNO DO TST cancelamento de sustentações orais. Da Academia Nacional de Direito do Trabalho. CRÍTICAS À ALTERAÇÃO NO REGIMENTO INTERNO DO TST cancelamento de sustentações orais. José Alberto Couto Maciel. Da Academia Nacional de Direito do Trabalho. O Tribunal Superior do Trabalho, em decisão

Leia mais

Natureza Jurídica. Características. Gerações.

Natureza Jurídica. Características. Gerações. Natureza Jurídica. Características. Gerações. Direitos humanos estão relacionados com a importância da própria pessoa humana. A pessoa humana, que é o bem mais valioso da humanidade, estará acima de qualquer

Leia mais

ARTIGO: O controle incidental e o controle abstrato de normas

ARTIGO: O controle incidental e o controle abstrato de normas ARTIGO: O controle incidental e o controle abstrato de normas Luís Fernando de Souza Pastana 1 RESUMO: Nosso ordenamento jurídico estabelece a supremacia da Constituição Federal e, para que esta supremacia

Leia mais

Processo do Trabalho I

Processo do Trabalho I Processo do Trabalho I»Aula 5 Jurisdição e Competência Parte 1 Introdução Jurisdição Competência Em razão da Matéria Competência Funcional Jurisdição e competência da Justiça a do Trabalho I Introdução

Leia mais

Da Advocacia Pública arts , e Seção III Da Advocacia e da Defensoria Pública arts

Da Advocacia Pública arts , e Seção III Da Advocacia e da Defensoria Pública arts ADVOCACIA CF/1988 - Título IV - Da Organização dos Poderes; Capítulo IV - Das Funções Essenciais à Justiça; Seção II Da Advocacia Pública arts. 131-132, e Seção III Da Advocacia e da Defensoria Pública

Leia mais

PARECER: 02/2015 ASSESSORIA JURIDICA Requerente: Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rafael Godeiro.

PARECER: 02/2015 ASSESSORIA JURIDICA Requerente: Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rafael Godeiro. PARECER: 02/2015 ASSESSORIA JURIDICA Requerente: Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rafael Godeiro. ASSUNTO: Contratação de Servidores Temporários para Atender as Necessidades da Administração Municipal.

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º, de (DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO)

PROJETO DE LEI N.º, de (DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO) PROJETO DE LEI N.º, de 2011. (DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO) Dispõe sobre a criação de Varas do Trabalho na jurisdição do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região e dá outras providências. O Congresso

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÇOIABA DA SERRA

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÇOIABA DA SERRA DECRETO Nº. 1491, DE 10 DE JANEIRO DE 2013. Institui a Mesa Permanente de Negociação com os Servidores Municipais - MESA e dá outras providências.. MARA LÚCIA FERREIRA DE MELO, Prefeita Municipal da Cidade

Leia mais

http://bd.camara.leg.br Dissemina os documentos digitais de interesse da atividade legislativa e da sociedade. ISONOMIA ENTRE ENTES FEDERADOS MÁRCIO SILVA FERNANDES Consultor Legislativo da Área I Direito

Leia mais

SUMÁRIO. Direito do Trabalho Direito Processual Civil Direito Processual do Trabalho

SUMÁRIO. Direito do Trabalho Direito Processual Civil Direito Processual do Trabalho SUMÁRIO Direito do Trabalho... 05 Direito Processual Civil... 139 Direito Processual do Trabalho... 195 DIREITO DO TRABALHO ÍNDICE CAPÍTULO 01... 7 Fontes e Princípios de Direito do Trabalho... 7 Surgimento

Leia mais

HABEAS CORPUS NAS TRANSGRESSÕES DISCIPLINARES MILITARES

HABEAS CORPUS NAS TRANSGRESSÕES DISCIPLINARES MILITARES HABEAS CORPUS NAS TRANSGRESSÕES DISCIPLINARES MILITARES Autor: TC Alexandre CARVALHO de Araújo Credenciais: - Curso de Direção para Engenheiros-Militares (ECEME, 2006); - Graduação em Direito (UERJ, 2000);

Leia mais

EC 7/77 (Congresso fechado) falta de um perfil nacional previsão de uma lei complementar regras gerais preparação da LC 40/81

EC 7/77 (Congresso fechado) falta de um perfil nacional previsão de uma lei complementar regras gerais preparação da LC 40/81 Escola Superior do Ministério Público SP O Promotor de Justiça como agente político Hugo Nigro Mazzilli Antecedentes históricos Origem ligada à defesa do rei e à acusação penal Fins do Séc. XIII instituição

Leia mais

PROJETO DE EMENDA A LEI ORGÂNICA Nº 13/2011

PROJETO DE EMENDA A LEI ORGÂNICA Nº 13/2011 PROJETO DE EMENDA A LEI ORGÂNICA Nº 13/2011 Acrescenta o art. 109-A ao Capítulo II do Título IV da Lei Orgânica do Município. A Câmara Municipal de São Paulo PROMULGA: Art. 1º Fica acrescido o art. 109

Leia mais

21 e 22/10/2013/10/2013 Brasília DF SINDICÂNCIA E PROCESSO ADMINISTRATIVO DISCIPLINAR. Apresentação. Objetivo. Público-Alvo. Conteúdo Programático

21 e 22/10/2013/10/2013 Brasília DF SINDICÂNCIA E PROCESSO ADMINISTRATIVO DISCIPLINAR. Apresentação. Objetivo. Público-Alvo. Conteúdo Programático Apresentação Apresentar-se-á uma exposição dos dispositivos legais com uma rica abordagem teórica e principiológica do regime disciplinar, com firme fundamento na jurisprudência dos Tribunais Superiores,

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO PROJETO DE LEI Nº 1.277, DE 2015

COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO PROJETO DE LEI Nº 1.277, DE 2015 COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO. PROJETO DE LEI Nº 1.277, DE 2015 (Apenso: PL 2117/2015) Altera o art. 11 da Lei nº 8.429, de 2 de junho de 1992, para caracterizar como atos

Leia mais

ÉTICA UMA QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA

ÉTICA UMA QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA ÉTICA UMA QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA 1 MEMBROS DA COMISSÃO DE ÉTICA: Port. 216-2009-SEFAZ e alterações 1- Selma Pedroso de Barros Presidente 2- Karina T. Velho Membro Executivo 3- Roseli Raquel Ricas Membro

Leia mais

AULA 1: ORGANIZAÇÃO DOS PODERES

AULA 1: ORGANIZAÇÃO DOS PODERES AULA 1: ORGANIZAÇÃO DOS PODERES EMENTÁRIO DE TEMAS: São Poderes da União, independentes e harmônicos entre si, o Legislativo, o Executivo e o Judiciário (Art. 2º, da CRFB/88) Organização dos Poderes: separação

Leia mais

LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL VEDAÇÕES EM ÚLTIMO ANO DE MANDATO

LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL VEDAÇÕES EM ÚLTIMO ANO DE MANDATO LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL VEDAÇÕES EM ÚLTIMO ANO DE MANDATO 1 ART. 42 - VEDAÇÕES de 1º de maio a 31 de dezembro: Contrair obrigação de despesa, nos últimos 8 meses, que não possa ser cumprida (paga)

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010.

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. EMENTA: Regulamenta a concessão e o pagamento de auxílio funeral no

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS LEI MUNICIPAL Nº. 1.070, DE 21DE DEZEMBRO DE 2009. Autoriza o Poder Executivo a criar a Empresa Pública denominada FRIGORÍFICO PÚBLICO MUNICIPAL DE COLINAS DO TOCANTINS FRIGOCOL, e dá outras providências.

Leia mais

O PAPEL DO LEGISLATIVO NO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO. Ari Vainer Outubro de 2012

O PAPEL DO LEGISLATIVO NO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO. Ari Vainer Outubro de 2012 O PAPEL DO LEGISLATIVO NO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO Ari Vainer Outubro de 2012 I - INTRODUÇÃO AS FASES DO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO 1 Elaboração da Proposta Orçamentária; 2 Análise, Votação e Aprovação da Lei

Leia mais

Regula o processo administrativo no âmbito da Administração Pública Federal.

Regula o processo administrativo no âmbito da Administração Pública Federal. LEI Nº 9.784, DE 29 DE JANEIRO DE 1999 Business Online Comunicação de Dados Regula o processo administrativo no âmbito da Administração Pública Federal. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso

Leia mais

PLANEJAMENTO DE ESTUDOS Você merece se preparar com os melhores! Simulado 001 Lei 8429/92 Improbidade Administrativa PROFESSOR: LEANDRO PEREIRA Questões Comentadas 1. Dentre as possíveis sanções pela prática

Leia mais

EXCENTÍSSIMO SENHOR PREFEITO MUNICIPAL DE CURITIBA DR LUCIANO DUCCI

EXCENTÍSSIMO SENHOR PREFEITO MUNICIPAL DE CURITIBA DR LUCIANO DUCCI EXCENTÍSSIMO SENHOR PREFEITO MUNICIPAL DE CURITIBA DR LUCIANO DUCCI..., servidor público municipal de Curitiba, matrícula funcional...,rg..., CPF..., residente e domiciliado à Rua..., número...,cep...,

Leia mais

Hugo Goes Direito Previdenciário Módulo 02 Aula Direito Previdenciário para o Concurso do INSS

Hugo Goes Direito Previdenciário Módulo 02 Aula Direito Previdenciário para o Concurso do INSS Hugo Goes Direito Previdenciário Módulo 02 Aula 001-005 Direito Previdenciário para o Concurso do INSS Fontes Hierarquia (ordem de graduação) Autonomia (entre os diversos ramos) Aplicação (conflitos entre

Leia mais

Como a Constituição trata tal imposto:

Como a Constituição trata tal imposto: Como a Constituição trata tal imposto: Art. 155. Compete aos Estados e ao Distrito Federal instituir impostos sobre: (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 3, de 1993) (...) II - operações relativas

Leia mais

O processo penal é um instrumento de. determinado fato histórico...

O processo penal é um instrumento de. determinado fato histórico... TEORIA GERAL DA PROVA NO PROCESSO PENAL O processo penal é um instrumento de retrospecção, de reconstrução aproximativa de um determinado fato histórico... as provas são os meios através dos quais se fará

Leia mais

Comentários às questões de Direito Constitucional Prova: Técnico do Seguro Social Professor: Jonathas de Oliveira

Comentários às questões de Direito Constitucional Prova: Técnico do Seguro Social Professor: Jonathas de Oliveira Comentários às questões de Direito Constitucional Prova: Professor: Jonathas de Oliveira 1 de 5 Comentário às questões de Direito Constitucional Técnico do INSS Caderno Beta 1 No cômputo do limite remuneratório

Leia mais

COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA

COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA PROJETO DE LEI N o 2.189, DE 2007 Estabelece normas para a utilização de marca publicitária pelo Governo Federal e para seus investimentos em

Leia mais

Ofício P.358/2014. Santos, 21 de outubro de

Ofício P.358/2014. Santos, 21 de outubro de Ofício P.358/2014 Santos, 21 de outubro de 2.014. Exmo. Sr. AUGUSTO NARDES MD Ministro Presidente do Tribunal de Contas da União TCU SAFS Qd 4 Lote 1 Ed. Sede Sala 151/159 BRASÍLIA/DF CEP: 70.042-900 Fones:

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Reorganiza as atribuições gerais e as classes dos cargos da Carreira Policial Federal, fixa a remuneração e dá outras providências.

Leia mais

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 00096/2016

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 00096/2016 Dispõe sobre critérios para elaboração da relação dos chefes de governo, gestores municipais, e demais responsáveis pela administração de dinheiros, bens e valores públicos, a ser encaminhada pelo TCM

Leia mais

LIMINAR EXMO. SR. DR. DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS TJGO.

LIMINAR EXMO. SR. DR. DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS TJGO. EXMO. SR. DR. DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS TJGO. LIMINAR SINDICATO DOS TRABALHADORES DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE DO ESTADO DE GOIÁS SINDSAUDE/GO, entidade sindical com

Leia mais

Evolução da Disciplina. Direito Constitucional CONTEXTUALIZAÇÃO INSTRUMENTALIZAÇÃO

Evolução da Disciplina. Direito Constitucional CONTEXTUALIZAÇÃO INSTRUMENTALIZAÇÃO Evolução da Disciplina Direito Constitucional Aula 1: Evolução histórica das constituições brasileiras Aula 2: Princípios fundamentais Aula 3: Direitos e garantias fundamentais Prof. Silvano Alves Alcantara

Leia mais

O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA

O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA ESTADO Conjunto de regras, pessoas e organizações que se separam da sociedade para organizá-la. - Só passa a existir quando o comando da comunidade

Leia mais

I CONCEITOS PROCESSUAIS BÁSICOS

I CONCEITOS PROCESSUAIS BÁSICOS I CONCEITOS PROCESSUAIS BÁSICOS 1) Pretensão: A pretensão é o desejo de uma pessoa de submeter ao seu o interesse de terceiro, de obter certo benefício, como o recebimento de alguma importância ou a imposição

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2015

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2015 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2015, DE Dá nova redação aos arts. 45 e 46 da Constituição Federal para reduzir o número de membros da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. As Mesas da Câmara

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO PROCESSO Nº 01/2016

DISPENSA DE LICITAÇÃO PROCESSO Nº 01/2016 DISPENSA DE LICITAÇÃO PROCESSO Nº 01/2016 1 - CARACTERIZAÇÃO DO OBJETO DA DISPENSA 1.1 - Objeto: Contratação do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial SENAC, através da sua Unidade Caxias do Sul RS

Leia mais

Sistemas de Controle das empresas estatais

Sistemas de Controle das empresas estatais Sistemas de Controle das empresas estatais Alexandre Luis Bragança Penteado Gerente Setorial do Jurídico Corporativo de Órgãos Externos da Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Sistemas de controle do Estado

Leia mais

Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP

Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP Guerra Fiscal 2.0 O Protocolo Confaz 21/2011 e as operações interestaduais pela internet para consumidor final Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP CONVÊNIOS CTN - Art. 199. A Fazenda Pública

Leia mais

CONTROLE E TRANSPARÊNCI NA GESTÃO PÚBLICA

CONTROLE E TRANSPARÊNCI NA GESTÃO PÚBLICA Slide 1 CONTROLE E TRANSPARÊNCI NA GESTÃO PÚBLICA Maria Clara Bugarim Slide 2 Corrupção (34%) Saúde (16%) Desemprego (10%) Educação (8%) Violência (8%) Economia (5%) CORRUPÇÃO O MAIOR PROBLEMA DO PAÍS

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA DE ACORDO COM O EDITAL N 1, DE 24 DE NOVEMBRO DE 201, DO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO, TRE-SP CONHECIMENTOS BÁSICOS

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO MARANHÃO

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO MARANHÃO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO MARANHÃO Procedimento Administrativo nº:1.19.000.000988/2010-60 Assunto: Matrícula de alunos aprovados no Vestibular do IFMA e da UFMA mediante apresentação

Leia mais

EIXO FUNDAMENTAL CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TCC LINHAS DE PESQUISA

EIXO FUNDAMENTAL CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TCC LINHAS DE PESQUISA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TCC LINHAS DE PESQUISA Direito Constitucional e Teoria Geral do Estado * O Poder Constituinte * Processo Legislativo

Leia mais

O SISTEMA FEDERATIVO E A INTERVENÇÃO FEDERAL

O SISTEMA FEDERATIVO E A INTERVENÇÃO FEDERAL O SISTEMA FEDERATIVO E A INTERVENÇÃO FEDERAL GUSTAVO GUSMÃO O SISTEMA FEDERATIVO E A INTERVENÇÃO FEDERAL INTRODUÇÃO: O Brasil é uma República Federativa, isto é, uma Federação composta de Estados- membros

Leia mais

Controle de preços em obras públicas:

Controle de preços em obras públicas: Controle de preços em obras públicas: Princípios gerais na utilização dos sistemas oficiais de preços Rafael Jardim Cavalcante Contextualização Decisão Lei para o caso concreto; Interpretação da Lei direito

Leia mais

Nota, xi Nota à 9a edição, xiii

Nota, xi Nota à 9a edição, xiii Nota, xi Nota à 9a edição, xiii 1 Direito Administrativo, 1 1.1 Introdução ao estudo do Direito Administrativo, 1 1.2 Ramo do direito público, 3 1.3 Conceito de Administração Pública e de Direito Administrativo,

Leia mais

RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA N 03/2014

RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA N 03/2014 RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA N 03/2014 O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PARANÁ, por seu Promotor de Justiça que adiante assina, no uso de suas atribuições legais, CONSIDERANDO o contido no artigo 127 da

Leia mais

A requerente solicita ALTERAÇÃO DO GABARITO da questão 44.

A requerente solicita ALTERAÇÃO DO GABARITO da questão 44. CANDIDATO (A): Talita de Oliveira Lopes CARGO: Assistente de Saúde A requerente solicita ALTERAÇÃO DO GABARITO da questão 44. Ao analisar o conteúdo escrito no formulário ANEXO V, do Edital nº 001/2016,

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA. PROJETO DE LEI N o 4.727, DE 2004

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA. PROJETO DE LEI N o 4.727, DE 2004 COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROJETO DE LEI N o 4.727, DE 2004 Dá nova redação aos arts. 523 e 527 da Lei nº 5.869, de 11 de Janeiro de 1973 Código de Processo Civil, relativos ao

Leia mais

ESCOLA DE DIREITO CURSO DE DIREITO ROBERTO FREIRE CURSO DE DIREITO FLORIANO PEIXOTO

ESCOLA DE DIREITO CURSO DE DIREITO ROBERTO FREIRE CURSO DE DIREITO FLORIANO PEIXOTO 3ª. Série 06 09 21 22 25 38 CONHECIMENTOS GERAIS DIR. ADMINISTRATIVO DIR. PENAL DIR. PENAL DIR. PENAL DIR. (conteúdo cumulado) A questão trata da temática do Êxodo, decorrente de infortúnios provisórios,

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA. Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO Código da Disciplina: JUR214 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: 3º

PROGRAMA DE DISCIPLINA. Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO Código da Disciplina: JUR214 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: 3º PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO Código da Disciplina: JUR214 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: 3º Faculdade responsável: DIREITO Programa em vigência a partir

Leia mais

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Sujeitos Processuais. Gustavo Badaró aula de

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Sujeitos Processuais. Gustavo Badaró aula de Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Sujeitos Processuais Gustavo Badaró aula de 11.10.2016 1. Noções Gerais 2. Juiz PLANO DA AULA Peritos, interpretes e auxiliares da justiça 3. Ministério

Leia mais

Fontes do Direitos: Constituição, lei, costumes, jurisprudência, doutrina e contrato. A Constituição Federal e os tópicos da Economia

Fontes do Direitos: Constituição, lei, costumes, jurisprudência, doutrina e contrato. A Constituição Federal e os tópicos da Economia Fontes do Direitos: Constituição, lei, costumes, jurisprudência, doutrina e contrato. A Constituição Federal e os tópicos da Economia No Brasil, vigora o princípio da Supremacia da Constituição, segundo

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO DE DEFESA CONTAS ANUAIS DE GESTÃO FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE JACIARA EXERCÍCIO 2012

RELATÓRIO TÉCNICO DE DEFESA CONTAS ANUAIS DE GESTÃO FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE JACIARA EXERCÍCIO 2012 RELATÓRIO TÉCNICO DE DEFESA CONTAS ANUAIS DE GESTÃO FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE JACIARA EXERCÍCIO 2012 PROCESSO N.º : 12386-2/2012 PRINCIPAL : Fundo Municipal de Previdência Social

Leia mais

PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO: 14/12/06 RELATOR: CONSELHEIRO PRESIDENTE ELMO BRAZ PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº NOTAS TAQUIGRÁFICAS

PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO: 14/12/06 RELATOR: CONSELHEIRO PRESIDENTE ELMO BRAZ PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº NOTAS TAQUIGRÁFICAS PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO: 14/12/06 RELATOR: CONSELHEIRO PRESIDENTE ELMO BRAZ PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 25584 NOTAS TAQUIGRÁFICAS CONSELHEIRO PRESIDENTE ELMO BRAZ: Tratam os autos de Processo Administrativo

Leia mais

TRABALHOS TÉCNICOS Divisão Sindical A APLICAÇÃO DA REVELIA PARA O EMPREGADOR EM PROCESSO TRABALHISTA NA ÓTICA DO PROJETO DE LEI (PL) Nº 1.

TRABALHOS TÉCNICOS Divisão Sindical A APLICAÇÃO DA REVELIA PARA O EMPREGADOR EM PROCESSO TRABALHISTA NA ÓTICA DO PROJETO DE LEI (PL) Nº 1. TRABALHOS TÉCNICOS Divisão Sindical A APLICAÇÃO DA REVELIA PARA O EMPREGADOR EM PROCESSO TRABALHISTA NA ÓTICA DO PROJETO DE LEI (PL) Nº 1.502/2007 Roberto Lopes Advogado O Projeto de Lei (PL) nº 1.502/2007,

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE REDAÇÃO. PROJETO DE LEI N o 2.079, DE 2003

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE REDAÇÃO. PROJETO DE LEI N o 2.079, DE 2003 COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE REDAÇÃO PROJETO DE LEI N o 2.079, DE 2003 Determina a perda de mandato para Prefeito e Vice-Prefeito que transferir domicílio eleitoral. Autor: Deputado Lupércio

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO

DIREITO ADMINISTRATIVO DIREITO ADMINISTRATIVO 01. Assinale a alternativa incorreta acerca dos princípios constitucionais da Administracao Publica a) A Administração e imprescindível justificar seus atos. b) Ao administrador

Leia mais

REGULAMENTO DO ACONSELHAMENTO ETICO E DEONTOLÓGICO NO ÂMBITO DO DEVER DE SIGILO

REGULAMENTO DO ACONSELHAMENTO ETICO E DEONTOLÓGICO NO ÂMBITO DO DEVER DE SIGILO REGULAMENTO DO ACONSELHAMENTO ETICO E DEONTOLÓGICO NO ÂMBITO DO DEVER DE SIGILO Proposta apresentada pelo Conselho Directivo Lisboa, 5 de Maio de 2010 Aprovado em Assembleia Geral de 29 de Maio de 2010

Leia mais

CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 PLANO DE CURSO

CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 PLANO DE CURSO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: DIREITO MUNICIPAL Código: DIR- 466 Pré-Requisito: --------- Período Letivo: 2016.1 Professor: EDIVALDO

Leia mais

PROMOTORIA DE JUSTIÇA DO CONSUMIDOR Rua Riachuelo, o andar CEP fone /fax São Paulo Capital

PROMOTORIA DE JUSTIÇA DO CONSUMIDOR Rua Riachuelo, o andar CEP fone /fax São Paulo Capital 1 PORTARIA DE INQUÉRITO CIVIL Indiciados: CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL CBF E SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA DESPORTIVA - STJD CONSIDERANDO que a 4ª Comissão Disciplinar do STJD Superior Tribunal de

Leia mais

COMISSÃO NACIONAL DE ESTÁGIO E FORMAÇÃO

COMISSÃO NACIONAL DE ESTÁGIO E FORMAÇÃO COMISSÃO NACIONAL DE ESTÁGIO E FORMAÇÃO Prática Processual Civil Programa I CONSULTA JURÍDICA 1.1 Consulta jurídica 1.2 Tentativa de resolução amigável 1.3 Gestão do cliente e seu processo II PATROCÍNIO

Leia mais

Prof. Cristiano Lopes

Prof. Cristiano Lopes Prof. Cristiano Lopes Poder Legislativo Federal ü No Brasil vigora o bicameralismo federativo, no âmbito federal. Ou seja, o Poder Legislativo no Brasil, em âmbito federal, é bicameral, isto é, composto

Leia mais

DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS CONSELHO SUPERIOR DELIBERAÇÃO Nº 006/2011

DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS CONSELHO SUPERIOR DELIBERAÇÃO Nº 006/2011 DELIBERAÇÃO Nº 006/2011 Dispõe sobre os programas de estágio e serviço voluntário da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais, com base na Lei Federal n 11.788, de 25 de setembro de 2008, e Lei Federal

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL PROFESSOR: Fábio Ramos 2015 FGV TJ/PI Analista Judiciário Escrivão Judicial 1. A Constituição de 1988, ao enunciar os seus princípios fundamentais, fez menção, em seu art. 1º, à

Leia mais

CARF ESTRUTURA ATUAL E ASPECTOS JURISPRUDENCIAIS. DENISE LUCENA CAVALCANTE Gramado-RS, 25 /06/2010. Denise Lucena Cavalcante

CARF ESTRUTURA ATUAL E ASPECTOS JURISPRUDENCIAIS. DENISE LUCENA CAVALCANTE Gramado-RS, 25 /06/2010. Denise Lucena Cavalcante CARF ESTRUTURA ATUAL E ASPECTOS JURISPRUDENCIAIS DENISE LUCENA CAVALCANTE Gramado-RS, 25 /06/2010 1 Denise Lucena Cavalcante HISTÓRICO DO CONSELHO ADMINISTRATIVO 1924 Conselho de Contribuintes do Imposto

Leia mais

42) Quanto aos elementos ou requisitos de validade dos atos administrativos não podemos afirmar:

42) Quanto aos elementos ou requisitos de validade dos atos administrativos não podemos afirmar: Finalmente, hoje, terminaremos os comentários ao simulado da 2ª Feira do Concurso. 41) Analise as situações abaixo e assinale a alternativa correta: I Ronaldo é Auditor Fiscal da Receita Federal aposentado

Leia mais

Barra do Garças Estado de Mato Grosso. O Emenda

Barra do Garças Estado de Mato Grosso. O Emenda Rejeitado por OsZ votos CONTRA e '!J votos AFAVOR. Em sessão de OJ /. d o2 /o2oj lf Barra do Garças Estado de Mato Grosso Ano 2014 Poder Legislativo Municipal Plenário das Protocolo N. 0 798, Liv. 24,

Leia mais

CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Professor Alessandro Dantas Coutinho CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 1 - Introdução A Administração Pública atua por meio de seus órgãos e seus agentes, os quais são incumbidos do exercício das funções

Leia mais

Notas prévias à 12ª edição 7 Agradecimentos (1ª edição) 9 Abreviaturas 11 Prefácio (1ª edição) 15 Sumário 19 Notas introdutórias 21

Notas prévias à 12ª edição 7 Agradecimentos (1ª edição) 9 Abreviaturas 11 Prefácio (1ª edição) 15 Sumário 19 Notas introdutórias 21 Índice geral Notas prévias à 12ª edição 7 Agradecimentos (1ª edição) 9 Abreviaturas 11 Prefácio (1ª edição) 15 Sumário 19 Notas introdutórias 21 1ª P A R T E O Sistema dos Direitos Fundamentais na Constituição:

Leia mais

0c D-1 ILMA. SENHORA CORDENADORA DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO

0c D-1 ILMA. SENHORA CORDENADORA DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO 0c29.0.2.D-1 ILMA. SENHORA CORDENADORA DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS (CFN) CFN PROTOCOLOS- DATA5J..J25.JZI$ RESPONSAVEL REF.: CONCORRÊNCIA CFN N 1/2015 SANTA CLARA ENGENHARIA

Leia mais

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL SUMÁRIO Noções de Direito Constitucional...9 Noções de Direito Administrativo...140 Noções de Direito do Trabalho...235 Noções de Direito Processual do Trabalho...399 Noções de Gestão Pública...470 Redação...525

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: PROCESSO CONSTITUCIONAL Código da Disciplina: JUR318 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: Faculdade responsável: DIREITO Programa em vigência a partir de:

Leia mais

PROGRAMA DIDÁTICO. CARGA HORÁRIA: 80 horas

PROGRAMA DIDÁTICO. CARGA HORÁRIA: 80 horas PROGRAMA DIDÁTICO CURSO: GRADUAÇÃO EM DIREITO COMPONENTE CURRICULAR: Direito Processual Penal III (Quinta-feira - 18:50 às 22:20) CÓDIGO: CARGA HORÁRIA: 80 horas PROFESSOR (ES): Vera Lúcia de Oliveira

Leia mais

BASES CONCEITUAIS - SISTEMA DE NEGOCIAÇÃO PERMANENTE da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL

BASES CONCEITUAIS - SISTEMA DE NEGOCIAÇÃO PERMANENTE da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL BASES CONCEITUAIS - SISTEMA DE NEGOCIAÇÃO PERMANENTE da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL 1- As bases conceituais do Sistema de Negociação Permanente da Administração Pública Federal - SINP/FEDERAL

Leia mais

Direito Constitucional PARA CONCURSO DE. Juiz do Trabalho

Direito Constitucional PARA CONCURSO DE. Juiz do Trabalho Direito Constitucional PARA CONCURSO DE Juiz do Trabalho Direito Constitucional PARA CONCURSO DE Juiz do Trabalho Janice Helena Ferreri Morbidelli con cursos Direito Constitucional para concurso de Juiz

Leia mais

Sumário. LRF_Book.indb 15 19/03/ :29:01

Sumário. LRF_Book.indb 15 19/03/ :29:01 Sumário Capítulo 1 Disposições Gerais... 1 1.1. Introdução... 1 1.2. Objetivo da obra... 6 1.3. Apresentando a LRF... 6 1.4. Origem da LRF... 7 1.5. Previsão constitucional para implementação da LRF...

Leia mais

No que concerne à licitação, ao controle da administração pública e ao regime jurídico administrativo, julgue os itens de 57 a 60.

No que concerne à licitação, ao controle da administração pública e ao regime jurídico administrativo, julgue os itens de 57 a 60. 01 Q360917 Direito Administrativo Regime jurídico administrativo Ano: 2014 Banca: CESPE Órgão: MDICProva: Agente Administrativo BETA No que concerne à licitação, ao controle da administração pública e

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 473 Registro: 2015.0000798098 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Embargos de Declaração nº 1003251-59.2014.8.26.0053/50000, da Comarca de, em que é embargante SINDICATO DOS TRABALHADORES

Leia mais

DECRETO LEGISLATIVO Nº 17/2014. O Presidente da Câmara Municipal, no uso e gozo de suas atribuições legais,

DECRETO LEGISLATIVO Nº 17/2014. O Presidente da Câmara Municipal, no uso e gozo de suas atribuições legais, DECRETO LEGISLATIVO Nº 17/2014 DECRETA: Aprova a Instrução Normativa SPA nº. 01/2014 na Versão 001 do Controle Interno da Câmara Municipal de Paranatinga e dá outras Providências. O Presidente da Câmara

Leia mais

PARTICIPAÇÃO DO SINAL EM ATIVIDADES POLÍTICAS CIDADANIA. Relatores da proposta: Paulo Eduardo de Freitas Laerte Silveira Porto

PARTICIPAÇÃO DO SINAL EM ATIVIDADES POLÍTICAS CIDADANIA. Relatores da proposta: Paulo Eduardo de Freitas Laerte Silveira Porto PARTICIPAÇÃO DO SINAL EM ATIVIDADES POLÍTICAS CIDADANIA Relatores da proposta: Paulo Eduardo de Freitas Laerte Silveira Porto EDUCAÇÃO FINANCEIRA PROPOSTA AUTOR: Laerte Silveira Porto Participação efetiva

Leia mais

Faculdade Novos Horizontes EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO ADMINISTRAÇÃO/CONTÁBEIS INSTITUIÇÕES DE DIREITO PÚBLICO E PRIVADO - IDPP TAÍS CRUZ HABIBE

Faculdade Novos Horizontes EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO ADMINISTRAÇÃO/CONTÁBEIS INSTITUIÇÕES DE DIREITO PÚBLICO E PRIVADO - IDPP TAÍS CRUZ HABIBE Faculdade Novos Horizontes EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO CURSO: DISCIPLINA: PROFA.: ALUNO (A): ADMINISTRAÇÃO/CONTÁBEIS INSTITUIÇÕES DE DIREITO PÚBLICO E PRIVADO - IDPP TAÍS CRUZ HABIBE Primeiro Questionário Introdução,

Leia mais

PROJETO DE LEI 055/98

PROJETO DE LEI 055/98 PROJETO DE LEI 055/98 Fixa os subsídios do Prefeito, do Vice-Prefeito e dos Secretários Municipais e dá outras providências PREFEITO MUNICIPAL DE FAZENDA VILANOVA, RS, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

Processo penal eficiente? Prof. Dr. Nestor E. A. Santiago Unifor

Processo penal eficiente? Prof. Dr. Nestor E. A. Santiago Unifor Processo penal eficiente? Prof. Dr. Nestor E. A. Santiago Unifor Perguntas 1. O que é um processo penal eficiente? 2. Há como conceituar o princípio da eficiência, especialmente no processo penal? 3. Eficiência,

Leia mais