Critérios e Instrumentos de Avaliação Cursos Profissionais Técnico de Energias Renováveis

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Critérios e Instrumentos de Avaliação Cursos Profissionais Técnico de Energias Renováveis"

Transcrição

1 Critérios e Instrumentos de Avaliação Cursos Profissionais Técnico de Energias Renováveis Português COMPETÊNCIAS DOS DOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR 80% Compreende enunciados orais de natureza diversa; COMPREENSÃO/EXPRESSÃO ORAL COMPREENSÃO/EXPRESSÃO ESCRITA FUNCIONAMENTO DA LÍNGUA Produz enunciados orais conformes à gramática da língua; Adequa o discurso ao objetivo comunicativo, ao assunto e ao interlocutor; Apreende criticamente o significado e a intencionalidade de textos literários e não literários; Domina técnicas fundamentais da escrita ao nível da estrutura, léxico, pontuação e correção ortográfica e morfossintática; Usa multifuncionalmente a escrita de acordo com a gramática da língua; Conhece/aplica de forma sistematizada os aspetos fundamentais da estrutura e do uso do Português padrão. COMPETÊNCIAS DE CONVIVÊNCIA E COLABORAÇÃO SOCIAL - 20% Respeita as regras 10% Participa nas atividades Participação oral 5% Realização de tarefas em aula 5% 10%

2 Matemática COMPETÊNCIAS DOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR > 90% INSTRUMENTOS PESO Adquire e compreende os conceitos básicos Aplica os conceitos matemáticos nas diversas situações Interpreta e resolve problemas Comunica por escrito e/ou oralmente conhecimentos matemáticos Testes sumativos Trabalhos realizados ( em aula ou extra aula, como fichas, composições, etc.) 70% 20% COMPETÊNCIAS DO DOMÍNIO ATITUDES > 10% INSTRUMENTOS PESO Registo de participação Registo de observação 10% Física-Química COMPETÊNCIAS NO DOMÍNIO COGNITIVO/MOTOR 80% INSTRUMENTOS PESO Adquire, compreende e aplica conhecimentos. Testes sumativos e/ou trabalho de pesquisa. 50% Relaciona o conhecimento científico com o meio envolvente. Relatórios de visitas de estudo, trabalhos práticos. 30% Domina técnicas e procedimentos. COMPETÊNCIAS NO DOMÍNIO ATITUDES 20% INSTRUMENTOS PESO Respeita o Regulamento Interno da Escola. Grelhas de observação 10% Participa nas atividades. Grelhas de observação 10%

3 Língua Estrangeira - Inglês SKILLS / INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO READING WRITING LISTENING SPEAKING / PROJECT COMPREHENSION TEST WRITING TEST LISTENING TEST PROJECT Projeto SPEAKING TEST CLASS PERFORMANCE TOTAL Testes de compreensão Testes de expressão Testes de compreensão Testes de escrita e funcionamento Observação de aula escrita oral da língua Trabalhos expressão oral de grupo 15% 15% 15% 15% 20% 20% 100% Área de Integração COMPETÊNCIAS DOS DOMÍNIOS COGNITIVO//MOTOR > 80% % INSTRUMENTOS % Pesquisa de forma autónoma e seleciona qualitativamente a informação Mobiliza conhecimentos para fundamentar e argumentar ideias Testes Escritos 50 Comunica ideias, oralmente ou por escrito, com correção linguística Utiliza conceitos específicos e reconhece quadros de referência teóricos Elabora respostas refletidas Fichas de atividades na aula, Trabalhos de casa, 30 COMPETÊNCIAS DO DOMÍNIO ATITUDES > 20% % INSTRUMENTOS % Respeita o Regulamento Interno da Escola 10 Grelhas de registo de observação 20 Participa nas atividades 10

4 Tecnologia e Processos COMPETÊNCIAS DOS DOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR % INSTRUMENTOS Peso Testes sumativos 24% Conforme programa da componente da formação técnica (DGFV/2005) 80 Fichas de trabalho 8% Trabalhos práticos 24% Trabalhos de grupo 24% COMPETÊNCIAS DO DOMÍNIO DAS ATITUDES % INSTRUMENTOS Peso

5 Práticas Oficinais COMPETÊNCIAS DOSDOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR % INSTRUMENTOS Peso Testes 10 % Conforme programa da componente da formação técnica (DGFV/2005) 80 Trabalhos Laboratoriais 30% Relatórios de trabalhos laboratoriais 40% COMPETÊNCIA DO DOMÍNIO DAS ATITUDES % INSTRUMENTOS Peso

6 Desenho Técnico COMPETÊNCIAS DOS DOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR % INSTRUMENTOS Peso Testes sumativos 40 % Conforme programa da componente da formação técnica (DGFV/2005) 80 Trabalhos formativos 25 % Trabalhos práticos 15 % COMPETÊNCIA DO DOMÍNIO DAS ATITUDES % INSTRUMENTOS Peso Organização Industrial COMPETÊNCIAS DOS DOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR % INSTRUMENTOS Peso Conforme programa da componente da formação técnica (DGFV/2005) 80 Testes 30% Trabalhos práticos 50% COMPETÊNCIA DO DOMÍNIO DAS ATITUDES % INSTRUMENTOS Peso

7 Educação Física DOMÍNIO COGNITIVO//MOTOR > 100% INSTRUMENTOS % Realiza com oportunidade e correção as ações técnico-táticas Grelhas de registo de observação 70 Realiza diversos processos de elevação e manutenção das capacidades físicas Testes de aptidão física - Fitnessgram 15 Analisa e interpreta a realização das atividades físicas selecionadas, demonstrando conhecimentos na esfera da cultura e aptidão física Teste / Relatório / Trabalho de projeto 15

Critérios e Instrumentos de Avaliação Cursos Profissionais Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos

Critérios e Instrumentos de Avaliação Cursos Profissionais Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Critérios e Instrumentos de Avaliação Cursos Profissionais Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Português COMPETÊNCIAS DOS DOMÍNIOS COGNITIVO/MOTOR 80% Compreende enunciados orais de natureza

Leia mais

Direção Geral de Estabelecimentos Escolares - DSRN AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PÓVOA DE LANHOSO

Direção Geral de Estabelecimentos Escolares - DSRN AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PÓVOA DE LANHOSO ATITUDES E VALORES (5%) CONHECIMENTOS E CAPACIDADES (95%) Direção Geral de Estabelecimentos Escolares - DSRN 2016/2017 Português Leitura/ Educação Literária Componente escrita: Compreensão de textos escritos

Leia mais

Critérios de avaliação

Critérios de avaliação II Critérios de avaliação Cursos profissionais 2014/15 Na avaliação dos alunos que frequentam os cursos profissionais deste estabelecimento de ensino aplicamse os diplomas legais em vigor. A avaliação

Leia mais

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO ANO LETIVO 2015/2016 DOMÍNIOS DE AVALIAÇÃO. Assiduidade/Pontualidade (2%) Comportamento / Relação com os outros (6%)

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO ANO LETIVO 2015/2016 DOMÍNIOS DE AVALIAÇÃO. Assiduidade/Pontualidade (2%) Comportamento / Relação com os outros (6%) PORTUGUÊS DOMÍNIOS DE Leitura / Educação literária (25) Escrita (25) Gramática (15) Oralidade (15) 80 Assiduidade/Pontualidade (2) Comportamento / Relação com os outros (6) Organização do material (2)

Leia mais

Critérios de Avaliação dos CEF Curso de Operador Informático 2012/2013

Critérios de Avaliação dos CEF Curso de Operador Informático 2012/2013 Critérios de Avaliação dos CEF Curso de Operador Informático Língua Portuguesa 2012/2013 ATITUDES Formação para a cidadania. Apresentação dos materiais necessários, cumprimento de tarefas propostas, assiduidade,

Leia mais

Curso: 1ºciclo Disciplina: Inglês Ano(s): 4º

Curso: 1ºciclo Disciplina: Inglês Ano(s): 4º Domínios Objetivos Instrumentos de avaliação Peso Domínio Intercultural Compreensão / Listening Interação Leitura / Reading e Escrita / Writing - Conhecer-se a si e ao outro. - Conhecer o dia a dia na

Leia mais

3º Ciclo do Ensino Básico Critérios de avaliação 7º Ano

3º Ciclo do Ensino Básico Critérios de avaliação 7º Ano CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO A avaliação do aluno nas diferentes disciplinas e áreas curriculares disciplinares realiza-se em três domínios: afetivo, cognitivo, e psicomotor. Ou, usando uma terminologia

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA ERICEIRA. 1º Ciclo CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Disciplina: Português

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA ERICEIRA. 1º Ciclo CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Disciplina: Português Disciplina: Português Lê com fluência, correção e expressividade Lê para apreciar textos literários Compreende mensagens orais Oralidade (O) Leitura e Escrita (LE) Educação Literária (EL) Gramática (G)

Leia mais

Critérios e Instrumentos de Avaliação Ensino Básico

Critérios e Instrumentos de Avaliação Ensino Básico Critérios e Instrumentos de Avaliação Ensino Básico Português COMPETÊNCIAS NO DOMÍNIO COGNITIVO/MOTOR > 90% INSTRUMENTOS PESO Compreende criticamente discursos orais em diferentes variedades do Compreensão/expressão

Leia mais

Os conteúdos programáticos serão trabalhados de acordo com os seguintes parâmetros:

Os conteúdos programáticos serão trabalhados de acordo com os seguintes parâmetros: 3º ciclo Oferta Complementar: Apoio ao estudo da disciplina de Português Domínios Ponderação Componente cognitiva (capacidades e conhecimentos) Oralidade Leitura Escrita Gramática 80% Componente socioafetiva

Leia mais

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO A letivo: 2016/2017 O trabalho desenvolvido na disciplina de Francês, 3º Ciclo, visa propiciar, estimular e desenvolver, ao longo dos três as do Ciclo, competências de comunicação s domínios da oralidade

Leia mais

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO PARA O 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO PARA O 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO Agrupamento de Escolas Fernão de Magalhães Departamento Curricular do 1º Ciclo Ano Letivo 2015/2016 CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO PARA O 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO Avaliação das Atitudes/Comportamentos

Leia mais

Departamento de 2.º Ciclo Disciplina de Inglês

Departamento de 2.º Ciclo Disciplina de Inglês Aprender a ser / Aprender a viver com os outros Pilar de Aprendizagem Aprender a conhecer / Aprender a fazer CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Departamento de 2.º Ciclo ED. SETEMBRO DE 2016 DOMÍNIOS DE AVALIAÇÃO

Leia mais

Critérios de Avaliação de Francês 2016 / ºano

Critérios de Avaliação de Francês 2016 / ºano Critérios de Avaliação de Francês 2016 / 2017 7ºano A avaliação certifica as aprendizagens e tem como objetivo a melhoria dessas aprendizagens. Os conteúdos programáticos serão trabalhados, desenvolvendo

Leia mais

CURSO OPERADOR DE INFORMÁTICA

CURSO OPERADOR DE INFORMÁTICA Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Direção de Serviços da Região Centro SETOR DE COORDENAÇÃO E SUPERVISÃO PEDAGÓGICA CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO CURSOS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO ANO LETIVO DE 2016/2017

Leia mais

TÉCNICO DE ELETRÓNICA, AUTOMAÇÃO E COMPUTADORES TÉCNICO DE GESTÃO DE EQUIPAMENTOS INFORMÁTICOS

TÉCNICO DE ELETRÓNICA, AUTOMAÇÃO E COMPUTADORES TÉCNICO DE GESTÃO DE EQUIPAMENTOS INFORMÁTICOS Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Direção de Serviços da Região Centro Núcleo de Ofertas Formativas CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO CURSOS PROFISSIONAIS ANO LETIVO DE 2016/2017 TÉCNICO DE ELETRÓNICA,

Leia mais

Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar,

Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar, DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PORTUGUÊS 8º ANO A Ano Letivo: 2012/2013 Introdução /Metas Consigna-se no Despacho n.º 5306/2012, de 18 de abril de 2012, que o desenvolvimento do ensino será orientado por Metas

Leia mais

TÉCNICO DE ELETRÓNICA, AUTOMAÇÃO E COMPUTADORES

TÉCNICO DE ELETRÓNICA, AUTOMAÇÃO E COMPUTADORES Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Direção de Serviços da Região Centro Núcleo de Ofertas Formativas CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO CURSOS PROFISSIONAIS ANO LETIVO DE 2016/2017 TÉCNICO DE ELETRÓNICA,

Leia mais

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS NÍVEL 2 NÍVEL 3 NÍVEL 4 NÍVEL 5. * Consegue compreender aquilo que ouve.

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS NÍVEL 2 NÍVEL 3 NÍVEL 4 NÍVEL 5. * Consegue compreender aquilo que ouve. PORTUGUÊS 3º CICLO CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO COMPREENSÃO DO ORAL Compreensão de formas complexas do oral, exigidas para o prosseguimento de estudos e para a entrada na vida profissional. * Capacidade de extrair

Leia mais

Critérios Específicos de Avaliação. PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (7.º Ano) 2016/2017

Critérios Específicos de Avaliação. PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (7.º Ano) 2016/2017 Critérios Específicos de Avaliação PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (7.º Ano) 2016/2017 Domínio de Avaliação Saber e Saber Fazer Instrumentos de Avaliação. Atividades de planeamento de produções orais: grelhas

Leia mais

Planificação do trabalho a desenvolver com a turma

Planificação do trabalho a desenvolver com a turma Planificação do trabalho a desenvolver com a turma DISCIPLINA: PORTUGUÊS (METAS) Módulo 1 - (Poesia trovadoresca/ Fernão Lopes) Módulo 2- (Gil Vicente/ Rimas de Camões) Módulo 3 - Textos dos Media I Módulo

Leia mais

Critérios Específicos de Avaliação - 1º ciclo

Critérios Específicos de Avaliação - 1º ciclo Critérios Específicos de Avaliação - 1º ciclo A avaliação, como parte integrante do processo de ensino/ aprendizagem, deverá ter em conta: Os programas e as metas curriculares em vigor para o 1º ciclo;

Leia mais

Ponderação dos domínios por disciplina

Ponderação dos domínios por disciplina Critérios de Avaliação - 1º ciclo Domínio Instrumentos de avaliação Peso % Cognitivo Trabalhos individuais e de grupo 15% Participação e intervenção 15% Fichas de avaliação 50 % Socioafetivo Registos 20%

Leia mais

Colégio Laura Vicunha Ano Letivo 2016/ º Ciclo Português (1.º/ 2.º ano) CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO

Colégio Laura Vicunha Ano Letivo 2016/ º Ciclo Português (1.º/ 2.º ano) CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO Colégio Laura Vicunha Ano Letivo 20162017 1.º Ciclo Português (1.º 2.º ano) CRITÉRIOS GRAIS D AVALIAÇÃO 1.º e 2.º ano Ponderação Domínios Objetivos Instrumentos de avaliação ORALIDAD Respeitar regras da

Leia mais

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO PORTUGUÊS

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO PORTUGUÊS CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO PORTUGUÊS DIRETRIZES GERAIS A Avaliação no Ensino Básico de 2º e 3º Ciclos: Resulta da ponderação das evidências das competências manifestadas pelo aluno nas diferentes atividades

Leia mais

Escola Básica e Secundária de Alvide

Escola Básica e Secundária de Alvide Informação-Exame de equivalência à frequência de Inglês (prova escrita) Prova 21 2016 3.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência

Leia mais

L. PORTUGUESA /PORTUGUÊS. Ensino Básico e Secundário

L. PORTUGUESA /PORTUGUÊS. Ensino Básico e Secundário Ano Letivo 2012/2013 L. PORTUGUESA /PORTUGUÊS Ensino Básico e Secundário Critérios de Avaliação COMPETÊNCIAS PONDERAÇÃO ELEMENTOS DE AVALIAÇÃO COGNITIVAS / OPERACIONAIS Æ 60% Testes / Fichas de Avaliação

Leia mais

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 4 DE ÉVORA SEDE: ESCOLA SECUNDÁRIA ANDRÉ DE GOUVEIA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO outubro

Leia mais

Cursos Profissionais Disciplina: PORTUGUÊS Anos: 10º; 11º e 12º

Cursos Profissionais Disciplina: PORTUGUÊS Anos: 10º; 11º e 12º PARÂMETROS GERAIS DE AVALIAÇÃO Integração escolar e profissionalizante Intervenções e Atividades na sala de aula: PESOS PARÂMETROS ESPECÍFICOS INSTRUMENTOS Peso 2 Peso 5 Comportamento-assiduidade-pontualidadecumprimento

Leia mais

Planificação anual de Português 12º ano

Planificação anual de Português 12º ano Planificação anual de Português 12º ano 1 OBJETIVOS Desenvolver os processos linguísticos, cognitivos e metacognitivos necessários à operacionalização de cada uma das competências de compreensão e produção

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO RESTELO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO RESTELO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO RESTELO CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÂO DA DISCIPLINA DE PORTUGUÊS 2º CICLO ANO LETIVO 2015 / 2016 DOMÍNIOS DE APRENDIZAGEM DOMÍNIOS DE REFERÊNCIA PONDERAÇÃO INSTRUMENTOS DE

Leia mais

Critérios de avaliação. Matriz Curricular Ensino Básico - 1.º ciclo (*)

Critérios de avaliação. Matriz Curricular Ensino Básico - 1.º ciclo (*) Matriz Curricular Ensino Básico - 1.º ciclo (*) Componentes do currículo Áreas disciplinares de frequência obrigatória: Português Matemática Estudo do Meio Expressões: Artísticas e Físico-Motoras. Apoio

Leia mais

PORTUGUÊS LÍNGUA NÃO MATERNA (PLNM) ENSINO SECUNDÁRIO 2016/2017

PORTUGUÊS LÍNGUA NÃO MATERNA (PLNM) ENSINO SECUNDÁRIO 2016/2017 Critérios Específicos de Avaliação PORTUGUÊS LÍNGUA NÃO MATERNA (PLNM) ENSINO SECUNDÁRIO 2016/2017 Domínio de Avaliação Saber e Saber Fazer Instrumentos de Avaliação Domínios a desenvolver Descritores

Leia mais

Critérios de Avaliação 2014/2015. Cursos Profissionalizantes

Critérios de Avaliação 2014/2015. Cursos Profissionalizantes Critérios de Avaliação 2014/2015 Cursos Profissionalizantes Índice Português 2 Comunicar em francês 3 Economia/Área de Integração/Gestão e Controlo/Comercializar e Vender/Comunicar no Ponto de Venda/Organizar

Leia mais

FRANCÊS 9ºano ABRIL 2015

FRANCÊS 9ºano ABRIL 2015 INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS 9ºano ABRIL 2015 Prova 16 2015 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 139/2012, de 05 de julho) 1. Introdução O presente documento dá a conhecer

Leia mais

Planificação do trabalho a desenvolver no 10ºA Grelha de Conteúdos/Aulas Previstas

Planificação do trabalho a desenvolver no 10ºA Grelha de Conteúdos/Aulas Previstas Ano Letivo 2016/2017 Planificação do trabalho a desenvolver no 10ºA Grelha de Conteúdos/Aulas Previstas Português Período Aulas Previstas Diagnose. ORALIDADE Reportagem Documentário Síntese LEITURA Artigo

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DE INGLÊS. 2º Ciclo do Ensino Básico

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DE INGLÊS. 2º Ciclo do Ensino Básico 2º Ciclo do Ensino Básico Testes e fichas que avaliam a compreensão e a expressão escritas (compreensão da leitura; controlo da competência linguística; produção, interação e mediação Trabalhos escritos

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Competências de Interpretação CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 3.º Ciclo do Ensino Básico 7º Ano Departamento de Línguas Disciplina: Inglês Domínios Objeto de avaliação Domínios/ Metas de aprendizagem Instrumentos

Leia mais

E S C O L A S E C U N D Á R I A C O M 2 º E 3 º C I C L O S A N S E L M O D E A N D R A D E. Departamento de Línguas Ensino Básico - 3º Ciclo

E S C O L A S E C U N D Á R I A C O M 2 º E 3 º C I C L O S A N S E L M O D E A N D R A D E. Departamento de Línguas Ensino Básico - 3º Ciclo Proposta de Critérios Específicos de Avaliação de Língua Estrangeira Disciplina: Espanhol nível de Iniciação 7º/ 8º e 9º Ano Letivo: 2013/ 2014 Domínios Competências Gerais Competências Específicas Peso

Leia mais

Realizam a prova, alunos autopropostos que se encontram abrangidos pelos planos de estudo instituídos pelo Decreto-Lei n.º 139/ 2012, de 5 de julho.

Realizam a prova, alunos autopropostos que se encontram abrangidos pelos planos de estudo instituídos pelo Decreto-Lei n.º 139/ 2012, de 5 de julho. grupamento de Escolas Padre João Coelho Cabanita INFORMÇÃO PROV DE EQUIVLÊNCI À FREQUÊNCI Inglês 2016 Prova código 06 2.º Ciclo do Ensino Básico o abrigo do Despacho normativo n.º 1-G/ 2016, de 6 de abril

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PLANIFICAÇÃO DOS S - DISCIPLINA:PORTUGUÊS S 10 TEMPOS INÍCIO TÉRMINUS Textos épicos e textos épico-líricos 36 48 16.09 19.11 11 Textos de teatro II 21 28 20.11 15.01 12 Textos narrativos/descritivos II

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE Informação Prova de Equivalência à Frequência 3º Ciclo do Ensino Básico 2015/2016 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 julho Decreto -Lei nº 17/2016, de 4 de abril Aprovado

Leia mais

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO Domínio Cognitivo (Nível dos Conhecimentos) Compreensão oral e escrita; Conhecimento de formas e regras de funcionamento da língua materna; Conhecimento e compreensão de conceitos

Leia mais

Critérios de Avaliação 2015/2016

Critérios de Avaliação 2015/2016 Critérios de Avaliação Ano letivo 2015/2016 Critérios de Avaliação 2015/2016 Introdução As principais orientações normativas relativas à avaliação na educação pré-escolar estão consagradas no Despacho

Leia mais

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS E HUMANIDADES

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS E HUMANIDADES DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS E HUMANIDADES CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO DAS SECÇÕES DISCIPLINARES DE: Português Inglês Francês e Espanhol História e Geografia de Portugal História Geografia Ano Letivo

Leia mais

ENSINO SECUNDÁRIO CURSO PROFISSIONAL

ENSINO SECUNDÁRIO CURSO PROFISSIONAL Escola Secundária Dr. Solano de Abreu Abrantes ENSINO SECUNDÁRIO CURSO PROFISSIONAL DISCIPLINA: PORTUGUÊS ANO: 11º ANO LETIVO 2012/2013 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS PREVISTAS INSTRUMENTOS

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português Ensino Básico Ano letivo: 16/17 5º ANO Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz: Domínios Interpretar discursos orais breves (Referir

Leia mais

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO. EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR, ENSINOS BÁSICO e SECUNDÁRIO. NOTA INTRODUTÓRIA Ano letivo 2016/2017

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO. EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR, ENSINOS BÁSICO e SECUNDÁRIO. NOTA INTRODUTÓRIA Ano letivo 2016/2017 CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR, ENSINOS BÁSICO e SECUNDÁRIO NOTA INTRODUTÓRIA Ano letivo 2016/2017 Sendo a avaliação um «processo regulador do ensino, orientador do percurso escolar

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE FRANCÊS Componente de Formação Complementar Curso Vocacional de Informática e Multimédia Ano letivo 2015/2016

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE FRANCÊS Componente de Formação Complementar Curso Vocacional de Informática e Multimédia Ano letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL DE FRANCÊS Componente de Formação Complementar Curso Vocacional de Informática e Multimédia Ano letivo 2015/2016 Competências Transversais Promoção da educação para a cidadania A língua

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. JOÃO V ESCOLA SECUNDÁRIA c/ 2º e 3º CICLOS D. JOÃO V

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. JOÃO V ESCOLA SECUNDÁRIA c/ 2º e 3º CICLOS D. JOÃO V Ensino Básico 2º Ciclo CIÊNCIAS NATURAIS Peso na Avaliação Final Testes de avaliação e/ou outros trabalhos escritos; Aquisição de conhecimentos; Domínio da Língua Portuguesa ao nível da expressão oral

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês LE I (2 anos) 2016

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês LE I (2 anos) 2016 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês LE I (2 anos) 2016 Prova 06 --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Critérios específicos de avaliação

Critérios específicos de avaliação Critérios específicos de 1. Aspetos a considerar na específica A sumativa expressa-se de forma descritiva em todas as áreas curriculares, com exceção das disciplinas de Português e Matemática no 4º ano

Leia mais

ANO LETIVO 2015/ º ano nível VI - Inglês Planificação a Longo Prazo

ANO LETIVO 2015/ º ano nível VI - Inglês Planificação a Longo Prazo Conteúdos Procedimentos Blocos previstos Unidade O trabalho diagnóstico - Leitura de textos Unidade 1 - Um mundo de muitas línguas: contacto com outras línguas, experiências e culturas Línguas e culturas

Leia mais

Português 3.º ciclo Ano letivo 2013/ Critérios de avaliação 1.º Período

Português 3.º ciclo Ano letivo 2013/ Critérios de avaliação 1.º Período Domínio cognitivo Domínio das atitudes e valores Português 3.º ciclo Ano letivo 2013/ 2014 Docente: Malvina da Silva Teixeira Sousa Turma: 7.º A Critérios de avaliação 1.º Período Domínios de Avaliação

Leia mais

CURRÍCULO DAS ÁREAS DISCIPLINARES / CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CURRÍCULO DAS ÁREAS DISCIPLINARES / CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Domínios e subdomínios Metas/Objetivos Objetivos gerais 3º Ciclo Matemática 7º Ano Conteúdos Programáticos Critérios de Avaliação Instrumentos de Avaliação Números e Operações: Números racionais Álgebra:

Leia mais

» INTRODUÇÃO. Realização de Provas e Exames JNE/2015 Alunos com Necessidades Educativas Especiais, da

» INTRODUÇÃO. Realização de Provas e Exames JNE/2015 Alunos com Necessidades Educativas Especiais, da INFORMAÇÃO - PROVA FINAL A NÍVEL DE ESCOLA PORTUGUÊS PROVA 51 2015 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho)» INTRODUÇÃO Este documento foi construído de acordo com a Informação

Leia mais

Critérios específicos de avaliação HISTÓRIA 3.º ciclo Ano letivo

Critérios específicos de avaliação HISTÓRIA 3.º ciclo Ano letivo Objeto de avaliação Conhecimentos e Capacidades Específicos Critérios específicos de avaliação HISTÓRIA 3.º ciclo Ano letivo 2016-2017 Itens/Parâmetros Compreensão histórica (Temporalidade Espacialidade

Leia mais

GRUPO DISCIPLINAR DE HISTÓRIA - Ano Letivo 2016/ º ciclo do Ensino Básico

GRUPO DISCIPLINAR DE HISTÓRIA - Ano Letivo 2016/ º ciclo do Ensino Básico DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS GRUPO DISCIPLINAR DE HISTÓRIA - Ano Letivo 2016/2017 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DA DISCIPLINA DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL 1. A avaliação é contínua e sistemática.

Leia mais

INGLÊS INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova º Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA.

INGLÊS INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova º Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Prova 21 2014 Tipo de prova: Escrita e Oral 1ª e 2ª Fases 3º Ciclo do Ensino Básico O presente documento divulga

Leia mais

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO (APROVADOS EM CP 2014/2015)1 1.º Introdução A avaliação constitui um processo regulador do ensino, orientador do percurso escolar e certificador dos conhecimentos adquiridos

Leia mais

Escola Secundária com 3º Ciclo D. Manuel I de Beja

Escola Secundária com 3º Ciclo D. Manuel I de Beja Escola Secundária com 3º Ciclo D. Manuel I de Beja Psicologia B 12º ano Ano lectivo 2011/2012 Critérios de avaliação Competências: Equacionar a Psicologia no panorama geral das ciências; Capacidades de

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Turismo, Hospitalidade e Lazer CURSO: Técnico em Eventos FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

CURRÍCULO DA DISCIPLINA DE PORTUGUÊS/ CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2013/2014

CURRÍCULO DA DISCIPLINA DE PORTUGUÊS/ CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2013/2014 1º Ciclo Metas/Domínios Objetivos gerais Conteúdos Programáticos Critérios 2º Ano Oralidade O2 Comprensão do oral Expressão oral Respeitar regras da interação discursiva Respeitar o princípio de cortesia

Leia mais

I Atribuições e atividades profissionais relativas à qualificação ou à habilitação profissional, que justificam o desenvolvimento das competências pre

I Atribuições e atividades profissionais relativas à qualificação ou à habilitação profissional, que justificam o desenvolvimento das competências pre Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 69 aprovado pela portaria Cetec nº 733 de 10 / 09 /2015 Etec Tiquatira Código: Município: São Paulo Eixo Tecnológico: CONTROLE E PROCESSOS

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 294 aprovado pela portaria Cetec nº 774 de 24 / 09 / 2015. ETEC de Tiquatira Código: 208 Município: São Paulo Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LETIVO 2012 / 2013

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LETIVO 2012 / 2013 09-10-2012 PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LETIVO 2012 / 2013 N.º ORDEM N.º DE HORAS CURSO DE TÉCNICO DE GESTÃO EQUINA DISCIPLINA: FRANCÊS CONTINUAÇÃO N.º TOTAL DE MÓDULOS: 3 DESIGNAÇÃO DO MÓDULO 1 27 PARCOURS

Leia mais

Educação / Expressão Expressões Artística s Plástica. Físicomotoras. Artísticas Musical

Educação / Expressão Expressões Artística s Plástica. Físicomotoras. Artísticas Musical Fevereiro Janeiro Dezembro Novembro Setembro Outubro Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Estudo do Meio Língua Portuguesa Matemática Físicomotoras Educação / Expressão Expressões Artística

Leia mais

ENSINO BÁSICO METAS DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES ESTRATÉGIAS INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO AULAS PREVISTAS PERÍODO LETIVO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

ENSINO BÁSICO METAS DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES ESTRATÉGIAS INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO AULAS PREVISTAS PERÍODO LETIVO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ENSINO BÁSICO Agrupamento de Escolas N.º 1 de Abrantes ESCOLA BÁSICA DOS 2.º E 3.º CICLOS D. MIGUEL DE ALMEIDA DISCIPLINA: PORTUGUÊS ANO: 8.º ANO 2013/2014 METAS DE APRENDIZAGEM LEITURA/EDUCAÇÃO LITERÁRIA:

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA _ 7.º ANO

PLANIFICAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA _ 7.º ANO ESCOLA BÁSICA DOS 2º E 3º CICLOS DE CADAVAL PLANIFICAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA _ 7.º ANO Manual adoptado: Entre Linhas Língua Portuguesa, Santillana/Constância Ano lectivo 2009/2010 1º Período (aproximadamente

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês 2015 2º Ciclo do Ensino Básico O presente documento divulga informação relativa à prova final do 2.º Ciclo da disciplina de Inglês, a realizar em 2015,

Leia mais

Estrutura e Referenciais da Prova de Avaliação de Capacidade

Estrutura e Referenciais da Prova de Avaliação de Capacidade Estrutura e Referenciais da Prova de Avaliação de Capacidade Introdução Relativamente ao Curso Técnico Superior Profissional em Assessoria e Comunicação Organizacional, a área a que se refere o n. 1 do

Leia mais

A G R U P A M ENTO DE ESC O L A S A N S ELMO D E A N D R A D E

A G R U P A M ENTO DE ESC O L A S A N S ELMO D E A N D R A D E A G R U P A M ENTO DE ESC O L A S A N S ELMO D E A N D R A D E DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS - Grupo de Português Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Português Ensino Profissional 12º. Ano

Leia mais

Escola B 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo. Critérios de Avaliação em Língua Estrangeira. (3º ciclo)

Escola B 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo. Critérios de Avaliação em Língua Estrangeira. (3º ciclo) Escola B 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo Critérios de Avaliação em Língua Estrangeira (3º ciclo) Departamento de Língua Estrangeira Ano Lectivo 2009/2010 1. Considerações Gerais 1. Pretende-se que a avaliação

Leia mais

ANO LETIVO 2016/2017 PROFISSIONAIS

ANO LETIVO 2016/2017 PROFISSIONAIS ANO LETIVO 2016/2017 PROFISSIONAIS Departamento: Línguas Românicas Grupo Disciplinar: 350 Disciplina: ESPANHOL Módulo: 1 a 6 Ano: 1º, 2º, 3º Curso: Ensino Profissional- componente sociocultural Objeto

Leia mais

Conteúdos/Objetivos Estrutura da prova Critérios gerais de correção Cotações

Conteúdos/Objetivos Estrutura da prova Critérios gerais de correção Cotações MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA ESCOLA SECUNDÁRIA DE AVELAR BROTERO MATRIZ DA PROVA DE AVALIAÇÃO SUMATIVA MODALIDADE NÃO PRESENCIAL DISCIPLINA: Português 10.º ANO MÓDULO conjunto: 1 2 3 DURAÇÃO: 135 MINUTOS

Leia mais

INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 2º Ciclo do Ensino Básico

INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 2º Ciclo do Ensino Básico INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 2º Ciclo do Ensino Básico Despacho Normativo nº 1-G/2016 de 6 de abril Disciplina: INGLÊS - PCA Código: 06 Tipo de Prova: ESCRITA E ORAL (Língua Estrangeira

Leia mais

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Planificação Anual º Ciclo- Português- Curso Vocacional

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Planificação Anual º Ciclo- Português- Curso Vocacional Módulo 1 - Texto narrativo Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Planificação Anual 2015-2016 2º Ciclo- Português- Curso Vocacional Organização modular Módulos Conteúdos Carga horária Conto Popular

Leia mais

Introdução. 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro)

Introdução. 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro) INFORMAÇÃO PROVA LÍNGUA ESTRANGEIRA I INGLÊS Escrita e Oral 2016 Prova 21 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro) Introdução O presente documento divulga informação relativa

Leia mais

INSTITUTO MACHADO DE ASSIS Seriedade, compromisso e competência.

INSTITUTO MACHADO DE ASSIS Seriedade, compromisso e competência. CARGO: PROFESSOR DE ARTES D A B C D A D B B A B B C B B A A B C D CARGO: PROFESSOR DE CIÊNCIAS D A B C D D A A B A C B D C D C C D C B CARGO: PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA D A B C D C B A D D D A D C A

Leia mais

PORTUGUÊS 3º ANO março de 2015

PORTUGUÊS 3º ANO março de 2015 MATRIZ DA PROVA DE AVALIAÇÃO INTERNA PORTUGUÊS 3º ANO março de 2015 5 Páginas 1.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução O presente documento visa divulgar informação relativa à prova de avaliação interna

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO - PERFIL DE APRENDIZAGENS ESPECÍFICAS PORTUGUÊS 1.º CICLO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO - PERFIL DE APRENDIZAGENS ESPECÍFICAS PORTUGUÊS 1.º CICLO Leitura e escrita Aprendizagem cognitiva (80%) Oralidade CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO - PERFIL DE APRENDIZAGENS ESPECÍFICAS PORTUGUÊS 1.º CICLO ANO LETIVO 2016 / 2017 Domínio Insuficiente Suficiente Bom Muito

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Porto de Mós

Agrupamento de Escolas de Porto de Mós Prova de Equivalência à Frequência Educação Física Prova Código 26-2015 3º Ciclo do Ensino Básico 9º Ano de Escolaridade 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da Prova de

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS-2º CICLO maio 2016

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS-2º CICLO maio 2016 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS-2º CICLO maio 2016 PROVA 06 2016 Modalidade ESCRITA /ORAL -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Informação Prova Final a Nível de Escola

Informação Prova Final a Nível de Escola ESCOLA E.B. 2,3 DE MARCO DE CANAVESES Informação Prova Final a Nível de Escola Português - 2º Ciclo 51 1. Introdução Ano Letivo 2014/2015 Prova Escrita abril 2015 O presente documento divulga informação

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO GRUPO DISCIPLINAR DE BIOLOGIA E GEOLOGIA CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A avaliação é uma componente essencial do processo de ensino-aprendizagem e deve ser sistemática e cuidadosa para ser objetiva e rigorosa.

Leia mais

DISCIPLINA: INGLÊS CÓDIGO DA PROVA: 367. Ensino Secundário ANO DE ESCOLARIDADE: 11.º

DISCIPLINA: INGLÊS CÓDIGO DA PROVA: 367. Ensino Secundário ANO DE ESCOLARIDADE: 11.º DISCIPLINA: INGLÊS CÓDIGO DA PROVA: 367 Ensino Secundário ANO DE ESCOLARIDADE: 11.º O presente documento divulga informação relativa à prova de equivalência à frequência do ensino secundário da disciplina

Leia mais

HORÁRIO DE AULA Educação Infantil

HORÁRIO DE AULA Educação Infantil HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE MÚSICA MÚSICA HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE MÚSICA HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE HIGIENE MÚSICA HIGIENE HIGIENE

Leia mais

NA MATEMÁTICA TU CONTAS

NA MATEMÁTICA TU CONTAS PLANO AÇÃO ESTRATÉGICA 41ª MEDIDA NA MATEMÁTICA TU CONTAS OBJETIVO Melhorar o sucesso em Matemática. ANO(S) ESCOLARIDA A ABRANGER - Do 1.º ao 9.º de escolaridade. ATIVIDAS A SENVOLVER NO ÂMBITO DA MEDIDA:

Leia mais

DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA Critérios de Avaliação

DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA Critérios de Avaliação DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA Critérios de Avaliação Níveis de Desempenho e Atribuição de Classificações (/ ) O processo de ensino em Educação Física visa desencadear nos alunos efeitos contínuos e progressivos,

Leia mais

Critérios Gerais de Avaliação

Critérios Gerais de Avaliação Critérios Gerais de Avaliação Ensino Secundário 11º ano Cursos Científico Humanísticos Ano Letivo 2016/2017 1 O presente documento pretende materializar a execução dos princípios orientadores da avaliação,

Leia mais

Departamento de Matemática Ano letivo 2016/17 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA O ENSINO BÁSICO Grupo 230 Matemática (2ºciclo)

Departamento de Matemática Ano letivo 2016/17 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA O ENSINO BÁSICO Grupo 230 Matemática (2ºciclo) Departamento de Matemática Ano letivo 2016/17 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA O ENSINO BÁSICO Grupo 230 Matemática (2ºciclo) Objeto de avaliação Itens/Parâmetros Instrumentos Ponderação Conteúdos da Testes

Leia mais

Ano letivo

Ano letivo ESCOLA SECUNDÁRIA DE EMÍDIO NAVARRO VISEU (401626) Critérios de avaliação das disciplinas do Curso Profissional de Técnico de Apoio à Infância Ano letivo 2016-2017 DEPARTAMENTO: LÍNGUAS DISCIPLINA: PORTUGUÊS

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: FRANCÊS

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: FRANCÊS Interação Produção Interação CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: FRANCÊS Ensino Básico Ano letivo: 2016/2017 7º ANO Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz: O aluno identifica

Leia mais

Realizam a prova alunos autopropostos que se encontram abrangidos pelos planos de estudo instituídos pelo Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho.

Realizam a prova alunos autopropostos que se encontram abrangidos pelos planos de estudo instituídos pelo Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho. Agrupamento de Escolas Padre João Coelho Cabanita INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Francês (escrita e oral) 2016 Prova 16 3.º Ciclo do Ensino Básico Ao abrigo do Despacho normativo n.º 1-G/2016,

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 9.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 9.º ANO DE PORTUGUÊS - 9.º ANO Ano Letivo 2014 2015 PERFIL DO ALUNO No final do 9.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir discursos/textos orais com diferentes graus de formalidade,

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto

Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto Escola Básica e Secundária de Cabeceiras de Basto Telefone 253 662 338 * Fax 253 662 826 Informação de Exame de Recuperação de Módulo em Atraso Curso Profissional

Leia mais

1ª/2ª Fase. As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do programa da disciplina.

1ª/2ª Fase. As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do programa da disciplina. Agrupamento de Escolas de Barrancos INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DO ENSINO BÁSICO INGLÊS maio de 2016 Prova 21 2016 1ª/2ª Fase 3.º Ciclo do Ensino Básico Tipo de Prova: Escrita + Oral

Leia mais

Prova de Exame de Equivalência à Frequência de Inglês - (Continuação) Formação Geral

Prova de Exame de Equivalência à Frequência de Inglês - (Continuação) Formação Geral Prova de Exame de Equivalência à Frequência de Inglês - (Continuação) Formação Geral Prova 367 2016 10º/11º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Introdução O presente documento visa

Leia mais

Escola Básica 2,3 com Ensino Secundário de Alvide

Escola Básica 2,3 com Ensino Secundário de Alvide Informação da prova de equivalência à frequência de Francês Prova 16 2016 3.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência o Programa

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS PORTUGUÊS 8.º ANO 2015/2016

PLANO DE ESTUDOS PORTUGUÊS 8.º ANO 2015/2016 PLANO DE ESTUDOS PORTUGUÊS 8.º ANO 2015/2016 O aluno, no final do 8.º ano, deve ser capaz de: Domínio da diversificados e recorrendo a mecanismos de Produzir textos orais de Domínio da Domínio da Domínio

Leia mais