REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL"

Transcrição

1 REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL EDIÇÃO

2 REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL EDIÇÃO 2014 SUMÁRIO Apresentação, Dos Objetivos, Dos Participantes, Das Categorias, Da possibilidade de premiação Estadual/Distrital, Da Abrangência dos Projetos, Do Cronograma, Da Inscrição, Das Condições Gerais de Inscrição, Da Documentação de Inscrição, Do Procedimento de Inscrição, Da Comissão Técnica e da Comissão Julgadora, Da Comissão Técnica, Da Comissão Julgadora, Da Metodologia de Avaliação de Projeto, Dos critérios de avaliação, 11 2

3 Da Inovação e Criatividade, Da Sustentabilidade, Das Publicações, Dos relatórios de acompanhamento do projeto, Dos beneficiários do projeto, Das Etapas de Avaliação, Da Pré-Análise dos Projetos, Da Análise de Campo dos Projetos, Da Classificação dos Projetos, Da Avaliação Final dos Projetos, Da Pontuação, Da Premiação, Das vedações, Da Periodicidade das Edições, Da Divulgação, Dos Resultados, Do Regulamento da Edição 2013, Das Informações sobre o Regulamento, Das Omissões do Regulamento, Da Aprovação do Regulamento Edição 2014, 15 Anexo I (Formulário de inscrição), 16 3

4 APRESENTAÇÃO A Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais - FEBRAFITE entidade representativa do Fisco Estadual e Distrital, em âmbito nacional, tem observado que a grande maioria dos brasileiros desconhece a função socioeconômica do tributo e pagam seus impostos sem o conhecimento do que estão efetivamente pagando. Ante o panorama narrado, a FEBRAFITE assinou convênio com o Programa Nacional de Educação Fiscal, desenvolvido pela ESAF Escola de Administração Fazendária, órgão integrante da estrutura do Ministério da Fazenda, tendo por meta disseminar a educação fiscal na sociedade brasileira. Nesse sentido, lançou e executou de forma pioneira em 2012 com muito sucesso o Prêmio Nacional de Educação Fiscal com a parceria da ESAF e o apoio das associações filiadas à FEBRAFITE, sindicatos do Fisco Estadual/Distrital, Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, ENCAT Encontro Nacional das Administrações Tributárias, Congresso em Foco, Rede Globo de Televisão, Mapfre Seguros, VIP s Corretora de Seguros. Agora, põe em execução a Edição 2014 do Prêmio Nacional de Educação Fiscal com a expectativa de renovado sucesso e ampliação dos apoios recebidos na 1ª Edição. Brasília/DF, em 20 de março Roberto Kupski Presidente FEBRAFITE 4

5 1.0 DOS OBJETIVOS A Edição 2014 do Prêmio Nacional de Educação Fiscal será realizada pela FEBRAFITE em parceria com a ESAF Escola de Administração Fazendária com o apoio das associações filiadas e outras entidades de classe parceiras e patrocinadoras, tendo por principais objetivos: Valorizar, promover e premiar ações que envolvam matérias específicas de Educação Fiscal, oportunizando a discussão sobre a importância social do tributo. Incentivar o acompanhamento da qualidade dos gastos públicos por meio de mecanismos de controle social, como forma de efetivo exercício da cidadania. Desenvolver atividades em parceria com suas associações filiadas e Administração Pública de qualquer esfera de governo, no sentido de aperfeiçoar conhecimentos teórico-práticos referentes à Educação Fiscal em todos os Estados brasileiros e no Distrito Federal. Incentivar mecanismos de aprendizagem com propósito de permitir ao cidadão o acompanhamento da correta aplicação dos recursos materiais colocados à disposição da Administração Pública para atendimento das demandas sociais existentes. Propiciar a participação do cidadão no funcionamento e aperfeiçoamento dos instrumentos de controle social e fiscal do Estado por meio de atividades de educação fiscal. 2.0 DOS PARTICIPANTES Poderão participar do Prêmio Nacional de Educação Fiscal escolas, universidades, órgãos públicos, dentre outras pessoas jurídicas que desenvolvam, diretamente, projetos voltados à área da Educação Fiscal em suas comunidades locais, excetuando-se entidades ligadas à categoria dos Fiscos. 3.0 DAS CATEGORIAS Os inscritos ao Prêmio Nacional de Educação Fiscal, Edição 2014 concorrerão nas seguintes categorias: 5

6 a. Escolas: Esta categoria abrange instituições de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio. b. Instituições: Categoria que abrange Organizações Não Governamentais (ONG s), universidades, Prefeituras Municipais e Secretarias Municipais e demais instituições da iniciativa privada. 4.0 DA POSSIBILIDADE DE PREMIAÇÃO ESTADUAL/DISTRITAL As Associações estaduais/distrital filiadas à FEBRAFITE (entidade instituidora do presente certame nacional) poderão instituir no âmbito das respectivas unidades federadas premiação regional aos projetos inscritos no Prêmio Nacional de Educação Fiscal implantados na respectiva unidade da Federação A premiação estadual/distrital se dará por iniciativa da respectiva associação estadual/distrital filiada à FEBRAFITE e observará, por simetria, os critérios adotados para a premiação nacional descritos neste Regulamento Todas as despesas inerentes à premiação estadual/distrital correrão por conta da associação organizadora As melhores iniciativas em educação fiscal selecionadas em âmbito estadual/distrital serão submetidas à Comissão Julgadora para avaliação final. 5.0 DA ABRANGÊNCIA DOS PROJETOS Poderão ser inscritos projetos em desenvolvimento que abranjam as seguintes ênfases em Educação Fiscal, permitindo aspectos de transversalidades com outras áreas de formação ou de conhecimento, como por exemplo: iniciação tributária conceitos básicos de tributo; a. Iniciação tributária conceitos básicos de tributo; b. A importância social dos tributos; c. Atuação fiscal no Estado Brasileiro; d. O retorno dos tributos para a sociedade; e. Acompanhamento das Contas Públicas; f. A preservação do patrimônio público/combate ao vandalismo; 6

7 g. Combate à pirataria; h. A exigência da Nota e do Cupom Fiscal, direito e dever; i. Outras (justifique). 6.0 DO CRONOGRAMA Em 2014, a execução do PRÊMIO obedecerá ao seguinte cronograma de desenvolvimento: a. Lançamento: 20 de março de ; b. Período de divulgação e inscrição: de 21 de março a 30 de maio de 2014; c. Prazo máximo para postagem de documentação: 10 de junho de 2014; d. Período de verificação pelas equipes técnicas: de 01 de julho a 19 de setembro de 2014; e. Período de trabalho da Comissão Julgadora: de 01 de outubro a 31 de outubro de 2014; f. Divulgação nominal dos dez projetos inscritos com maior pontuação até: 05 de novembro de 2014, no site do Prêmio; g. Solenidade de premiação: 18 de novembro de 2014, em Brasília/DF. 7.0 DA INSCRIÇÃO O prazo de inscrição, previsto no item b da seção anterior deste Regulamento, poderá ser prorrogado a critério e por ato da FEBRAFITE. 7.1 Das Condições Gerais de Inscrição A inscrição dar-se-á por iniciativa dos órgãos/pessoas jurídicas interessadas, observadas as condições estabelecidas nesta seção, bem como o prazo de que trata o item b da seção anterior deste Regulamento. 1 Em local a ser divulgado pela organização do Prêmio, no site oficial. 7

8 7.1.2 Os projetos inscritos deverão: a) estar em execução ou, já executados com previsão de continuidade, na data da verificação in loco, desde que seja possível mensurar os resultados atingidos; b) ter data de início e estimativa de término; c) estimular a conscientização do valor social do tributo; e d) estarem devidamente inscritos, com observância de todas as demais normas e condições previstas neste Regulamento Não serão aceitas, sob qualquer condição, inscrições fora do dos padrões ou dos prazos exigidos neste Regulamento, salvo eventual decisão de prorrogação do prazo nos termos do estabelecido no item Da Documentação de Inscrição A inscrição deverá conter os seguintes documentos: a. Formulário de Inscrição de Projeto (Anexo I), devidamente preenchido; b. Envio da seguinte documentação: 1. Cópia do formulário de inscrição de projeto (Anexo I) devidamente preenchido; 2. Projeto; 3. Recursos materiais utilizados no projeto; 4. Especificação dos meios de comunicação social utilizados para execução e divulgação do projeto, tais como fotos, DVD s, CD s, reportagens, panfletos; 5. Demais materiais/documentos utilizados pelo projeto Caso haja a necessidade de outras informações, a Coordenação do Prêmio poderá entrar em contato para atendimento da solicitação desejada. 7.3 Do Procedimento de Inscrição A inscrição do projeto processar-se-á nas seguintes etapas: 8

9 A PREENCHIMENTO DO ANEXO I FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO O FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO DE PROJETO (Anexo I), a ser disponibilizado de 21 de março a 30 de maio de 2014, exclusivamente via internet, pelo site deve ser preenchido e enviado pelo referido site no ato da inscrição. Será enviado ao da pessoa jurídica inscrita o comprovante de envio de inscrição; Desde que devidamente preenchido. B ENVIO DE DOCUMENTAÇÃO À FEBRAFITE A candidata deverá imprimir o Anexo I na página do Prêmio no site preenchê-lo com a assinatura do responsável pela candidata, e em conjunto com os documentos elencados no item 7.2.1, B encaminhar no prazo máximo de 10 (dez) dias, contados da data em que houver remetido eletronicamente o Formulário de Inscrição de Projeto (Anexo I): a. via correio (sedex) ou em mãos, diretamente à sede da FEBRAFITE, se possível e preferencialmente em mídia eletrônica, no seguinte endereço: SRTVN QD. 702, Bl. P, Ed. Rádio Center, 1º andar, salas 1056/1057, Asa Norte, Brasília/DF. CEP: C - HOMOLOGAÇÃO DA INSCRIÇÃO Mediante a apresentação, no prazo e forma definidos nos itens 7.3 A e B deste Regulamento, do formulário de inscrição devidamente assinado pelo representante legal do órgão/pessoa jurídica interessada, e documentos elencados no item 7.2.1, B, desta seção. 8.0 DA COMISSÃO TÉCNICA E DA COMISSÃO JULGADORA 8.1 Da Comissão Técnica À Comissão Técnica compete: a. Analisar e avaliar, em caráter preliminar e subsidiário, os projetos inscritos, observados os critérios e etapas definidos neste Regulamento; b. Prestar assessoramento técnico à Comissão Julgadora. 9

10 A Comissão Técnica será constituída por até 03 (três) integrantes da carreira do Fisco Estadual/Distrital, Federal e Municipal, por Unidade da Federação com projeto inscrito no Prêmio e atuarão unicamente em regime de trabalho voluntário. 8.2 Da Comissão Julgadora Compete à Comissão Julgadora, observadas as normas estabelecidas neste Regulamento, o julgamento e seleção dos projetos premiados. A Comissão Julgadora, de composição interinstitucional, será integrada por: Representante da FEBRAFITE; Representante da ESAF; Representante do Ministério da Educação; Representante da Câmara dos Deputados; Representante do Senado Federal; Representante do Ministério Público; Representante do Poder Judiciário; Representante da Ordem dos Advogados do Brasil; Representante do Tribunal de Contas; Representante do ENCAT; Representante de entidades representativas do Fisco das três esferas de Poder; Outras Entidades/Órgãos convidados pela organização do Prêmio A Comissão Julgadora deverá ser constituída por 01 (um) representante de cada entidade acima elencada, respeitado o mínimo de 05 (cinco) participantes. 10

11 9.0 - DA METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO DE PROJETO A entidade instituidora do PRÊMIO executará a avaliação dos projetos mediante a aplicação dos critérios e cumprimento das etapas estabelecidas nesta secção, através do trabalho exclusivo da Comissão Técnica, sendo que a definição e aplicação dos critérios são privativas da equipe avaliadora (Comissão Técnica). 9.1 Dos Critérios de Avaliação Da Inovação e Criatividade Neste quesito serão avaliados as técnicas e os documentos relacionados à fase do planejamento do projeto inscrito pelo órgão/pessoa jurídica interessada participante, sendo considerados a justificativa do projeto, a definição clara do objetivo geral e dos objetivos específicos, se o projeto estimula a conscientização do valor social do tributo e controle do gasto público e promove ações com este foco, inclusive de forma criativa e inovadora Da Sustentabilidade Tendo em vista que os projetos devem estar em conformidade com as instruções do Regulamento, notadamente do item 5.0, deve se analisar também se o projeto apresenta transversalidade dos temas, bem como analisar a existência do cronograma de execução do projeto, a presença de indicador(es) para análise de acompanhamento da execução e dos resultados alcançados, o desenvolvimento e a periodicidade do projeto Das Publicações As publicações realizadas pelos projetos inscritos serão analisadas taxativamente, considerando como material didático todo aquele destinado ao apoio pedagógico da iniciativa, tais como cartilhas, panfletos, vídeos, impressos ou confeccionados pelos próprios alunos, etc Dos Relatórios de acompanhamento do projeto Neste quesito será examinada a metodologia de acompanhamento da execução e dos resultados do projeto, em especial a utilização de formulários, planilhas e programas de gerenciamento, devendo comprovar o atendimento dos objetivos propostos, por meio de documentos, tais como: a. Relatórios de progresso do projeto; b. Pesquisa de satisfação do público beneficiário; 11

12 c. Relatório da entidade financeira, se for o caso Dos beneficiários do projeto Neste quesito serão avaliadas as participações dos gestores e/ou responsáveis do projeto, bem como os beneficiários diretos atingidos pelo mesmo em relação ao potencial de abrangência do projeto. Estes dados devem ser quantificados em números pela pessoa jurídica participante. 10 DAS ETAPAS DE AVALIAÇÃO 10.1 Da Pré-Análise dos Projetos: Os projetos inscritos serão submetidos à análise preliminar com o objetivo específico de verificação do correto preenchimento dos quesitos e informações previstas na seção Da Análise de Campo dos Projetos A análise de campo será executada por equipe designada pela FEBRAFITE, ficando facultada à entidade instituidora do Prêmio, a realização de pesquisa de satisfação junto aos beneficiários diretos e população em geral onde se localiza a ação, para fins de complementação da avaliação do projeto analisado Da Classificação dos Projetos Após a análise de campo, a Comissão Técnica procederá, em caráter preliminar e subsidiário, a análise e avaliação dos projetos, organizando o rol daqueles que serão submetidos à Comissão Julgadora para avaliação final Da Avaliação Final dos Projetos Será procedida pela Comissão Julgadora com base nos critérios definidos nesta seção. 11 DA PONTUAÇÃO A pontuação máxima atribuível aos projetos será de 100 pontos divididos da seguinte forma: a. 30 pontos referente à inovação e criatividade; b. 20 pontos sustentabilidade; 12

13 c. 10 pontos - números de publicações, se houver; d. 20 pontos - referente ao número de atividades já executadas; e. 10 pontos - número de beneficiários diretos já atendidos pelo projeto (estudantes); f. 10 pontos - número de pessoas envolvidas (gestores e/ou responsáveis pelo projeto). 12 DA PREMIAÇÃO Serão agraciadas com Certificado de Reconhecimento as 10 (dez) melhores iniciativas nas categorias Escolas e Instituições selecionadas pela Comissão Julgadora, sendo 06 (seis) da categoria Escolas e 04 (quatro) da categoria Instituições. Na categoria Escolas serão contemplados, dentre as selecionadas, as três melhores iniciativas, conforme deliberado pela Comissão Julgadora, com o Troféu PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL, categoria Escolas e com a seguinte premiação financeira: 1º - Colocado R$ 15, (quinze mil Reais); 2º - Colocado R$ 10, (dez mil Reais); 3º - Colocado R$ 5, (cinco mil Reais). Na categoria Instituições serão contempladas, dentre as selecionadas, as duas melhores iniciativas, conforme deliberado pela Comissão Julgadora, com o Troféu PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL, categoria Instituições, e com a seguinte premiação: 1º - Colocado R$ 15, (quinze mil Reais); 2º - Colocado R$ 10, (dez mil Reais). A coordenação do Prêmio irá convidar 01 (um) representante dos órgãos/pessoas jurídicas das dez primeiras selecionadas para participar da solenidade de premiação que ocorrerá no dia 18 de novembro de 2014, em Brasília-DF, com custos por conta da organização do Prêmio Das vedações As iniciativas em Educação Fiscal premiadas nas Edições anteriores do certame não poderão ser premiadas nesta edição

14 Àquelas que por ventura se inscrevam na edição 2014 poderão ser agraciadas, por deliberação da Comissão Julgadora do certame, com Certificado de Reconhecimento. 13 DA PERIODICIDADE DAS EDIÇÕES O PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL poderá ser realizado por prazo indeterminado. 14 DA DIVULGAÇÃO Os participantes cedem automaticamente à entidade instituidora, sem exclusividade, em caráter não oneroso e por prazo indeterminado, o direito de divulgação dos projetos inscritos e apresentados para efeito de concorrer ao PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL Edição 2014, nos sites das entidades filiadas, apoiadoras e também em revista alusiva ao prêmio. A cessão de direitos de que trata o item anterior abrange o direito de veiculação na mídia impressa, televisiva, em emissoras de rádio, sites na internet, congressos, seminários, cursos e outros meios de comunicação social, inclusive publicação em qualquer idioma e lugar, e, em especial o direito de reprodução dos projetos. 15 DOS RESULTADOS O rol dos projetos premiados e os resultados mensurados de cada projeto avaliado serão formalizados em documentos próprios pela entidade instituidora em sua sede na cidade de Brasília/DF. A FEBRAFITE manterá um Banco de Dados contendo todas as informações sobre os projetos inscritos. 16 DO REGULAMENTO DA EDIÇÃO Das informações sobre o Regulamento Todas as informações sobre este Regulamento poderão ser obtidas no: a. site: b. c. Telefone: (61) /

15 17 DAS OMISSÕES DO REGULAMENTO Os casos omissos neste Regulamento serão resolvidos por ato da Entidade promotora do Prêmio DA APROVAÇÃO DO REGULAMENTO EDIÇÃO 2014 Este Regulamento da Edição 2014 do PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL foi aprovado na reunião do Conselho deliberativo da FEBRAFITE Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais, realizada nos dias 20 e 21 de março de 2014, em Brasília/DF. Brasília/DF, 20 de março de Roberto Kupski, Presidente da FEBRAFITE 15

16 Formulário de Inscrição - Prêmio Nacional de Educação Fiscal ANEXO I [campos obrigatórios] IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO/ÓRGÃO EXECUTOR DO PROJETO Nome (ex: nome da escola, da Universidade, Prefeitura, etc): CNPJ: Telefones: Endereço: Cidade: UF: CEP: Marque a Categoria ( ) Escolas ( ) Instituições 16

17 IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO Nome do Projeto: Nome do Coordenador Responsável: do Coordenador: Telefone fixo: Telefone celular: DESCRIÇÃO DO PROJETO Utilize este espaço para descrever resumidamente o projeto (Histórico, detalhes técnicos, objetivos, resultados alcançados e materiais elaborados, se houver). Limitação para 2,4 mil caracteres. 17

18 Observações importantes: Após envio via internet, imprima este formulário preenchido e encaminhe via sedex, com data de postagem em até 10 dias, juntamente com os materiais que comprovam a execução da iniciativa (Item b do Regulamento), tais como: fotos em arquivo eletrônico, cartilhas, DVDs, CDs, reportagens, panfletos e outros. Endereço para envio da documentação: FEBRAFITE Prêmio Nacional de Educação Fiscal 2014 SRTVN - Qd Bl. "P" - Ed. Rádio Center - Salas 1056 e Asa Norte CEP: Brasília / DF Mais informações: (61) /

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012 REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012 1.0 DOS OBJETIVOS A 1ª. Edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal será realizada pela FEBRAFITE com o apoio das associações filiadas

Leia mais

Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. R$ 90 mil em prêmios

Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. R$ 90 mil em prêmios R$ 90 mil em prêmios Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. UM GRANDE PRÊMIO PARA GRANDES PROFISSIONAIS SUMÁRIO 1.

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES Lançamento e Abertura das Inscrições Encerramento das Inscrições Anúncio Oficial dos Finalistas Cerimônia de Premiação dos Vencedores

Leia mais

II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO

II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO O II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO é um programa institucional desenvolvido pelo Sistema OCB-SESCOOP/MS - Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado no Mato Grosso do Sul e Serviço Nacional

Leia mais

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO 1.1. O Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) é um concurso jornalístico instituído pelo Sebrae Nacional Serviço Brasileiro

Leia mais

1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento

1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento 1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO Regulamento 1. OBJETIVO: O PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO é uma iniciativa do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias,

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA O Prêmio Mulheres que Fazem a Diferença é uma realização do Núcleo Multissetorial da Mulher Empresária da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis

Leia mais

Edital Instituto Sabin - 01/2015

Edital Instituto Sabin - 01/2015 Edital Instituto Sabin - 01/2015 Seleção pública de iniciativas empreendedoras socioambientais inovadoras para parceria com o Instituto Sabin O Instituto Sabin, torna público o presente Edital e convoca

Leia mais

Modalidade Franqueado

Modalidade Franqueado PRÊMIO o cumprimento ABF DESTAQUE de todos os critérios FRANCHISING deste Categoria regulamento, selecionando Sustentabilidade os melhores trabalhos. Modalidade Franqueado REGULAMENTO Objetivos O Prêmio

Leia mais

V Prêmio AMRIGS de Jornalismo

V Prêmio AMRIGS de Jornalismo 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS 1.1 Conceitos V Prêmio AMRIGS de Jornalismo REGULAMENTO O Prêmio AMRIGS de Jornalismo, quinta edição, é uma iniciativa da Associação Médica do Rio Grande do Sul, com o apoio do

Leia mais

PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL

PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO O Prêmio OAB-GO de Jornalismo é um concurso jornalístico instituído pela Seção de Goiás da Ordem dos Advogados do Brasil para premiar matérias

Leia mais

CONQUISTASAVANÇOS SOLIDARIEDADE DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO TRANSPORTE AVANÇOS SOLIDARIEDADE CRÉDITO DESENVOLVIMENTO RENDA COOPERAÇÃO COMUNICAÇÃO

CONQUISTASAVANÇOS SOLIDARIEDADE DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO TRANSPORTE AVANÇOS SOLIDARIEDADE CRÉDITO DESENVOLVIMENTO RENDA COOPERAÇÃO COMUNICAÇÃO PRORROGADO 06/NOV I N S C RI Ç Ã O E V EIC U L A Ç Ã O TRANSPORTE C OMU NID ADE AGRONEGÓCIO E DUC A Ç Ã O RENDA C OMU NID A D E FELICIDADE CRÉDITO RENDA COMUNICAÇÃO CONSUMO EQUIDADE DEMOCRACIA S A Ú D

Leia mais

2º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento

2º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento 2º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO Regulamento 1. OBJETIVO: O PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO é uma iniciativa do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias,

Leia mais

COMISSÃO DO CONCURSO PARA SELEÇÃO DO SELO COMEMORATIVO DOS 10 ANOS DA ESCOLA DO LEGISLATIVO SENADOR JOSÉ LINDOSO

COMISSÃO DO CONCURSO PARA SELEÇÃO DO SELO COMEMORATIVO DOS 10 ANOS DA ESCOLA DO LEGISLATIVO SENADOR JOSÉ LINDOSO COMISSÃO DO CONCURSO PARA SELEÇÃO DO SELO COMEMORATIVO DOS 10 ANOS DA ESCOLA DO LEGISLATIVO SENADOR JOSÉ LINDOSO Inscrição: 15.9.2015 a 30.10.2015 Prazo de Entrega dos Trabalhos: 17 horas do dia 30.10.2015

Leia mais

CONCURSO Nº: 001/2015 PROCESSO Nº: E-11/002/2318/2015 MINUTA DE EDITAL PRÊMIO EMPREENDEDOR 2015

CONCURSO Nº: 001/2015 PROCESSO Nº: E-11/002/2318/2015 MINUTA DE EDITAL PRÊMIO EMPREENDEDOR 2015 GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, ENERGIA, INDÚSTRIA E SERVIÇOS. AGÊNCIA DE FOMENTO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO S.A. CONCURSO Nº: 001/2015 PROCESSO

Leia mais

Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo 2015

Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo 2015 1 OBJETIVO Regulamento 1.1 - O, promovido pelo Sistema Fecomércio, Sesc, Senac e Instituto Fecomércio Tocantins, visa fomentar a produção de reportagens e a divulgação de informações sobre o setor do comércio

Leia mais

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA Regulamento do Prêmio O PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA é uma iniciativa da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) com o objetivo de premiar os melhores trabalhos

Leia mais

PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS

PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS REGULAMENTO PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS DISPOSIÇÕES GERAIS 1º. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Sul, sob coordenação da Gerência de Comunicação e Marketing

Leia mais

PRÊMIO CARLOS DREHER. Um negócio que não produz nada além de dinheiro é um negócio pobre. (Henry Ford) REGULAMENTO

PRÊMIO CARLOS DREHER. Um negócio que não produz nada além de dinheiro é um negócio pobre. (Henry Ford) REGULAMENTO PRÊMIO CARLOS DREHER Um negócio que não produz nada além de dinheiro é um negócio pobre. (Henry Ford) Carlos Dreher dedicou mais de duas décadas a uma fotografia transformadora, aquela que propicia cidadania

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 I OBJETIVO DA PREMIAÇÃO 1.1 - O PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 é uma iniciativa do SINEPE/PR

Leia mais

IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO

IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO 1. Considerações gerais 1.1 Conceitos O Prêmio AMRIGS de Jornalismo, quarta edição, é uma iniciativa da Associação Médica do Rio Grande do Sul.

Leia mais

TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2013

TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2013 TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2013 1. OBJETIVOS DA PREMIAÇÃO A premiação TROFÉU SOLIDARIEDADE - DESTAQUE SOCIAL 2013 instituída pelo Sindicato das Empresas de Asseio, Conservação e Serviços Terceirizados

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO PARAR 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO PARAR 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO PARAR 2015 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES: Lançado pelo Instituto PARAR, o Prêmio PARAR foi pioneiro no reconhecimento de empresas e gestores que, na administração de suas frotas, adotaram

Leia mais

REGULAMENTO II CONCURSO CULTURAL UMA NOVA PEDAGOGIA PARA A SOCIEDADE FUTURA TEMA: PROTAGONISMO RESPONSÁVEL 2015

REGULAMENTO II CONCURSO CULTURAL UMA NOVA PEDAGOGIA PARA A SOCIEDADE FUTURA TEMA: PROTAGONISMO RESPONSÁVEL 2015 REGULAMENTO II CONCURSO CULTURAL UMA NOVA PEDAGOGIA PARA A SOCIEDADE FUTURA TEMA: PROTAGONISMO RESPONSÁVEL 2015 SEÇÃO 1 - OBJETIVOS - Valorizar e divulgar experiências educativas atuais que tenham obtido

Leia mais

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal A Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap) torna público o regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal.

Leia mais

MaxPrêmios O Sistema que automatiza todas as etapas de um processo de premiação

MaxPrêmios O Sistema que automatiza todas as etapas de um processo de premiação MaxPrêmios O Sistema que automatiza todas as etapas de um processo de premiação Um processo tradicional de premiação esbarra nas seguintes dificuldades: Logística difícil e custosa de transporte, envio

Leia mais

Regulamento. Prêmio Dr. Cidadão Edição 2013

Regulamento. Prêmio Dr. Cidadão Edição 2013 Regulamento Prêmio Dr. Cidadão Edição 2013 Objetivos Certificar, valorizar, incentivar e divulgar projetos idealizados e executados por acadêmicos de medicina nas áreas de saúde, educação, meio ambiente

Leia mais

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE AÇÕES VOLUNTÁRIAS DO PROGRAMA VOLUNTÁRIOS VALE

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE AÇÕES VOLUNTÁRIAS DO PROGRAMA VOLUNTÁRIOS VALE EDITAL PARA A SELEÇÃO DE AÇÕES VOLUNTÁRIAS DO PROGRAMA VOLUNTÁRIOS VALE A VALE S.A., no cumprimento de sua missão de transformar recursos naturais em prosperidade e desenvolvimento sustentável, tem implementado

Leia mais

CLIQUE CIDADÃO 2015 CONCURSO FOTOGRÁFICO DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO PARANÁ REGULAMENTO

CLIQUE CIDADÃO 2015 CONCURSO FOTOGRÁFICO DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO PARANÁ REGULAMENTO CLIQUE CIDADÃO 2015 CONCURSO FOTOGRÁFICO DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO PARANÁ CAPÍTULO I - DO OBJETO REGULAMENTO Art. 1º. A Procuradoria-Geral de Justiça, com a finalidade de valorizar talentos, incentivar

Leia mais

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea"

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea" EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PREÂMBULO A Fundação Bienal de São Paulo convoca interessados

Leia mais

SELEÇÃO PARA CRIAÇÃO DE LOGOMARCA DO 3º CONGRESSO BRASILEIRO DE POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE

SELEÇÃO PARA CRIAÇÃO DE LOGOMARCA DO 3º CONGRESSO BRASILEIRO DE POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE SELEÇÃO PARA CRIAÇÃO DE LOGOMARCA DO 3º CONGRESSO BRASILEIRO DE POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE A Associação Brasileira de Saúde Coletiva ABRASCO, representada pelo Núcleo de Estudos em Saúde

Leia mais

O Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas é dirigido às empresas que se enquadrem nas seguintes características:

O Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas é dirigido às empresas que se enquadrem nas seguintes características: Regulamento MPE Brasil - 2015 Artigo 1º - Objetivo O MPE Brasil - Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas se constitui no reconhecimento estadual e nacional às micro e pequenas empresas

Leia mais

PRÊMIO CAPES DE TESE - EDIÇÃO 2015. Edital nº 08/2015

PRÊMIO CAPES DE TESE - EDIÇÃO 2015. Edital nº 08/2015 PRÊMIO CAPES DE TESE - EDIÇÃO 2015 Edital nº 08/2015 Publicado no DOU de 09/04/15 seção 3 pág. 29 A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Capes, instituída como Fundação Pública,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO 1. DO OBJETIVO: Reconhecer, disseminar e premiar boas práticas e bons

Leia mais

Esperamos com isto, incentivar e fortalecer o serviço voluntário, além de reconhecer a atuação daqueles que se dedicam à causa.

Esperamos com isto, incentivar e fortalecer o serviço voluntário, além de reconhecer a atuação daqueles que se dedicam à causa. O Programa Escola da Família em parceria com o Programa SP Voluntário realizará nas escolas estaduais participantes do programa o Festival de vídeos: Ação Voluntária no Programa Escola da Família boas

Leia mais

TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2015

TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2015 TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2015 1. OBJETIVOS DA PREMIAÇÃO A premiação TROFÉU SOLIDARIEDADE - DESTAQUE SOCIAL 2015 instituída pelo Sindicato das Empresas de Asseio, Conservação e Serviços Terceirizados

Leia mais

Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam

Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam A UPB torna pública a prorrogação do prazo, até o dia 30/06/2014, das inscrições dos relatos de iniciativa para concorrerem ao Prêmio

Leia mais

IV Prêmio Confea de Jornalismo

IV Prêmio Confea de Jornalismo IV Prêmio Confea de Jornalismo O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA - Confea FAZ SABER que, juntamente com a Federação Nacional dos Jornalistas - Fenaj, entidade partícipe do Concurso

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2012 EDUCAÇÃO: CARTÃO INSTITUTO HSBC SOLIDARIEDADE REGULAMENTO

PROCESSO SELETIVO 2012 EDUCAÇÃO: CARTÃO INSTITUTO HSBC SOLIDARIEDADE REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO 2012 EDUCAÇÃO: CARTÃO INSTITUTO HSBC SOLIDARIEDADE REGULAMENTO Criado em 2006, o é responsável por gerenciar o investimento social do Grupo HSBC Brasil e tem como missão contribuir para

Leia mais

Desafio INOVA Paula Souza IDEIAS a NEGÓCIOS - 2014

Desafio INOVA Paula Souza IDEIAS a NEGÓCIOS - 2014 Desafio INOVA Paula Souza IDEIAS a NEGÓCIOS - 2014 É uma competição de Modelo de Negócios, apresentados via tela do Modelo de Negócios CANVAS, entre equipes formadas por estudantes do ensino médio, técnico,

Leia mais

5º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR

5º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 5º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR R E G U L A M E N T O 1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 1.1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR é uma iniciativa do Comitê Consultivo

Leia mais

12ª Edição do Prêmio Servidor Cidadão

12ª Edição do Prêmio Servidor Cidadão 12ª Edição do Prêmio Servidor Cidadão REGULAMENTO A Secretaria de Administração do Estado da Bahia torna público o Regulamento da 12ª Edição do Prêmio Servidor Cidadão. O Prêmio será regido de acordo com

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES DATA Lançamento no site Encerramento das inscrições Anúncio oficial dos finalistas Cerimônia de premiação dos vencedores 03 de

Leia mais

Concurso das Melhores Matérias Jornalísticas sobre Panificação e. Confeitaria. Prêmio SINDIPAN / AIPAN SÃO PAULO DE JORNALISMO 2012.

Concurso das Melhores Matérias Jornalísticas sobre Panificação e. Confeitaria. Prêmio SINDIPAN / AIPAN SÃO PAULO DE JORNALISMO 2012. Concurso das Melhores Matérias Jornalísticas sobre Panificação e Confeitaria Prêmio SINDIPAN / AIPAN SÃO PAULO DE JORNALISMO 2012 Regulamento 2012 CAPÍTULO I Do Concurso Art. 1º - O Sindicato das Indústrias

Leia mais

Regulamento Prêmio CNT de Jornalismo 2010

Regulamento Prêmio CNT de Jornalismo 2010 Regulamento Prêmio CNT de Jornalismo 2010 1. Objetivo 1.1. O Prêmio CNT de Jornalismo tem como objetivos estimular, divulgar e prestigiar trabalhos jornalísticos sobre o transporte. Com a finalidade de

Leia mais

1. Apresentação. 2. Tema. 3. Objetivos. 4. Categorias. 5. Requisitos de participação e habilitação

1. Apresentação. 2. Tema. 3. Objetivos. 4. Categorias. 5. Requisitos de participação e habilitação 1. Apresentação Por reconhecer a função social da mídia e sua importante ação como formadora de opinião e difusora de informações, o Ministério Público do Estado de Acre (MPAC), realiza, em 2014, a 5ª

Leia mais

Rodovia MS 80, Km 10 Campo Grande, MS CEP: 79114-901 fone: 0XX67 368-0100 www.detran.ms.gov.br

Rodovia MS 80, Km 10 Campo Grande, MS CEP: 79114-901 fone: 0XX67 368-0100 www.detran.ms.gov.br EDITAL 01 DICOE DETRAN-MS O Diretor Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais, torna público para conhecimento dos interessados que, no período

Leia mais

GINCANA CULTURAL DO PROGRAMA COOPERJOVEM Cooperando a gente conquista o mundo. Maio a Novembro de 2013. Realização:

GINCANA CULTURAL DO PROGRAMA COOPERJOVEM Cooperando a gente conquista o mundo. Maio a Novembro de 2013. Realização: GINCANA CULTURAL DO PROGRAMA COOPERJOVEM Cooperando a gente conquista o mundo Maio a Novembro de 2013 Realização: GINCANA CULTURAL DO PROGRAMA COOPERJOVEM COOPERANDO A GENTE CONQUISTA O MUNDO. I. PROMOÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO XI PRÊMIO AMB DE JORNALISMO (2016)

REGULAMENTO XI PRÊMIO AMB DE JORNALISMO (2016) REGULAMENTO XI PRÊMIO AMB DE JORNALISMO (2016) O XI Prêmio AMB de Jornalismo será regido pelo presente regulamento, registrado no Cartório do 1º Ofício Marcelo Ribas, da Cidade de Brasília, DF. A Associação

Leia mais

REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa

REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 Categoria MPE Homenageia as Micro e Pequenas Empresas catarinenses

Leia mais

FACULDADES SÃO CAMILO RIO DE JANEIRO II JORNADA CIENTÍFICA 17 DE MAIO DE 2008

FACULDADES SÃO CAMILO RIO DE JANEIRO II JORNADA CIENTÍFICA 17 DE MAIO DE 2008 FACULDADES SÃO CAMILO RIO DE JANEIRO II JORNADA CIENTÍFICA 17 DE MAIO DE 2008 EDITAL QUE REGULAMENTA A INSCRIÇÃO, APRESENTAÇÃO, AVALIAÇÃO E PREMIAÇÃO DOS TRABALHOS PARA A II JORNADA CIENTÍFICA DAS FACULDADES

Leia mais

PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS. Edital nº 04/2014

PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS. Edital nº 04/2014 PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS Edital nº 04/2014 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. O presente Edital trata das normas que regerão o Prêmio Melhores Práticas - Versão 2015, instituído pela Deliberação TCE-RJ nº

Leia mais

Concurso Melhores Matérias Jornalísticas sobre Panificação e Confeitaria. Prêmio SAMPAPÃO DE JORNALISMO 2015. Regulamento 2015. CAPÍTULO I Do Concurso

Concurso Melhores Matérias Jornalísticas sobre Panificação e Confeitaria. Prêmio SAMPAPÃO DE JORNALISMO 2015. Regulamento 2015. CAPÍTULO I Do Concurso Concurso Melhores Matérias Jornalísticas sobre Panificação e Confeitaria Prêmio SAMPAPÃO DE JORNALISMO 2015 Regulamento 2015 CAPÍTULO I Do Concurso Art. 1º - O Sindicato das Indústrias de Panificação e

Leia mais

PORTARIA Nº 286, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2013

PORTARIA Nº 286, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2013 PORTARIA Nº 286, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2013 O DIRETOR-PRESIDENTE DA AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS - ANA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 63, incisos III e XIII, do Anexo I da Resolução nº 567, de

Leia mais

R E G U L A M E N T O* PRÊMIO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS SOBRE INFORMAÇÃO DE CUSTOS E QUALIDADE DO GASTO NO SETOR PÚBLICO

R E G U L A M E N T O* PRÊMIO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS SOBRE INFORMAÇÃO DE CUSTOS E QUALIDADE DO GASTO NO SETOR PÚBLICO R E G U L A M E N T O* PRÊMIO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS SOBRE INFORMAÇÃO DE CUSTOS E QUALIDADE DO GASTO NO SETOR PÚBLICO DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Idealizado pela Secretaria Executiva do Ministério da Fazenda

Leia mais

1º FESTIVAL DE CURTAS EDUCAÇÃO FISCAL PARA A CIDADANIA 2010 DERAT/SP

1º FESTIVAL DE CURTAS EDUCAÇÃO FISCAL PARA A CIDADANIA 2010 DERAT/SP A Delegacia da Receita Federal do Brasil de Administração Tributária em São Paulo, doravante denominada apenas DERAT/SPO, com sede na Rua Luís Coelho, 197, Consolação, São Paulo, SP, vem tornar público,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 1ª REGIÃO DISTRITO FEDERAL - GOIÁS - MATO GROSSO - TOCANTINS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 1ª REGIÃO DISTRITO FEDERAL - GOIÁS - MATO GROSSO - TOCANTINS IV PRÊMIO CIENTÍFICO HELENA FEIJÓ 2011 REGULAMENTO CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO DO PRÊMIO SEÇÃO I DOS OBJETIVOS Art. 1º O IV PRÊMIO CIENTÍFICO HELENA FEIJÓ, promovido pelo Conselho Regional de Nutricionistas

Leia mais

CAMPANHA DE SUSTENTABILIDADE (mudança no título antes chamada de Campanha Indústria Farmacêutica & Iniciativas de Responsabilidade Corporativa)

CAMPANHA DE SUSTENTABILIDADE (mudança no título antes chamada de Campanha Indústria Farmacêutica & Iniciativas de Responsabilidade Corporativa) CAMPANHA DE SUSTENTABILIDADE (mudança no título antes chamada de Campanha Indústria Farmacêutica & Iniciativas de Responsabilidade Corporativa) A categoria SUSTENTABILIDADE é a antiga categoria Indústria

Leia mais

REGULAMENTO MASTERCANA SOCIAL 2015

REGULAMENTO MASTERCANA SOCIAL 2015 REGULAMENTO MASTERCANA SOCIAL 2015 1. OBJETIVOS O Prêmio MASTERCANA SOCIAL promovido pelo GERHAI - Grupo de Estudos em Recursos Humanos na Agroindústria em parceria com a ProCana Brasil, tem por objetivo

Leia mais

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE ARTIGO I DEFINIÇÃO E NATUREZA O Prêmio Cidadania, categoria Estudante, premia trabalhos de caráter técnico ou científico, referente a implementação

Leia mais

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO O PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO (PNUD), EM PARCERIA COM A SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DA

Leia mais

PRÊMIO MELHOR EMPRESA PARA SE TRABALHAR NO ESPÍRITO SANTO. Regulamento

PRÊMIO MELHOR EMPRESA PARA SE TRABALHAR NO ESPÍRITO SANTO. Regulamento Regulamento A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos - Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição não governamental que dissemina conhecimento

Leia mais

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1 INTRODUÇÃO O 1º Prêmio de Comunicação Grupo SMS 2014, com o tema Mobilidade Urbana é uma iniciativa do Grupo SMS, formado pelas empresas Auto Viação Salineira,

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO A Promotora do Prêmio Comigo de Jornalismo alterou os itens [1.1 e 1.2], tornando-se necessário ajustar o Regulamento do mesmo, que

Leia mais

CHAMADA PARA APRESENTAÇÃO DE CASOS/EXEMPLOS DE SUCESSO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO ROTEIROS DO BRASIL

CHAMADA PARA APRESENTAÇÃO DE CASOS/EXEMPLOS DE SUCESSO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO ROTEIROS DO BRASIL CHAMADA PARA APRESENTAÇÃO DE CASOS/EXEMPLOS DE SUCESSO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO ROTEIROS DO BRASIL Considerações Gerais Para comemorar os cinco anos do Programa de Regionalização

Leia mais

35º Prêmio Ser Humano ABRH-RJ - Edição 2015

35º Prêmio Ser Humano ABRH-RJ - Edição 2015 35º Prêmio Ser Humano ABRH-RJ - Edição 2015 O que é? O Prêmio Ser Humano ABRH-RJ é um reconhecimento aos profissionais que atuam na atividade de gestão com pessoas, às organizações do setor privado e do

Leia mais

Regulamento para Inscrições no X Prêmio Innovare. Nota de Esclarecimento do Instituto Innovare

Regulamento para Inscrições no X Prêmio Innovare. Nota de Esclarecimento do Instituto Innovare Regulamento para Inscrições no X Prêmio Innovare Nota de Esclarecimento do Instituto Innovare Em razão da recente resolução do CNJ sobre o tema, o Instituto Innovare decidiu que não distribuirá mais premiação

Leia mais

Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social - 2013 Regulamento

Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social - 2013 Regulamento 1. Do Conceito de Tecnologia Social 1.1 Tecnologia Social compreende produtos, técnicas ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidas na interação com a comunidade e que representem efetivas soluções de

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Primeiro Concurso de Desenho, Poesia e Redação da DESO: Por uma cultura de Saneamento Ambiental

Leia mais

PORTARIA Nº 1.813, DE 9 DE NOVEMBRO DE 2006.

PORTARIA Nº 1.813, DE 9 DE NOVEMBRO DE 2006. PORTARIA Nº 1.813, DE 9 DE NOVEMBRO DE 2006. O MINISTRO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais, e em conformidade às decisões da Comissão Organizadora Nacional, resolve Art. 1º Aprovar

Leia mais

12º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2015

12º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2015 12º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2015 1. Objetivos Incentivar o desenvolvimento e qualificação da propaganda na região de Londrina, por meio do reconhecimento da qualidade e da criatividade no planejamento

Leia mais

XIII PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE ARTE ENSAIO FOTOGRÁFICO 2014

XIII PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE ARTE ENSAIO FOTOGRÁFICO 2014 XIII PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE ARTE ENSAIO FOTOGRÁFICO 2014 REGULAMENTO I. Introdução 1. O XIII Prêmio FCW de Arte 2014 é promovido pela Fundação Conrado Wessel, situada à Rua Pará, 50 15º andar,

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O R E G U L A M E N T O I CONCURSO MUNICIPAL DE JINGLE CAPÍTULO I - DO OBJETO Art. 1º A Associação Comercial e Industrial de Bagé-ACIBa, a Administração Pública Municipal e as Entidades parceiras, através

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 455, DE 16 DE DEZEMBRO DE 2014

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 455, DE 16 DE DEZEMBRO DE 2014 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 455, DE 16 DE DEZEMBRO DE 2014 Aprova o Regulamento do PRÊMIO GUERREIRO RAMOS DE GESTÃO PÚBLICA, e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da competência

Leia mais

V Prêmio DEST Monografias Empresas Estatais REGULAMENTO

V Prêmio DEST Monografias Empresas Estatais REGULAMENTO Art. 1º Idealizado pelo Departamento de Coordenação e Controle das Empresas Estatais e instituído pela Portaria nº 113, de 1º de junho de 2005, cuja nova denominação foi dada pela Portaria 137, de 9 de

Leia mais

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA REGULAMENTO A Universidade Comunitária da Região de Chapecó, em conjunto com a Caixa Econômica Federal, abre inscrições para 6º Prêmio Unochapecó/Caixa de Jornalismo Ambiental 2014 e dá outras providências.

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA RESOLUÇÃO Nº 1.925, DE 30 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre o Regulamento do XXI Prêmio Brasil de Economia. O CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

São Paulo, 12 de janeiro de 2015

São Paulo, 12 de janeiro de 2015 Artigo 1º - DO OBJETIVO 1.1) O Prêmio Excelência em Gestão de Saúde e Segurança do Trabalho tem por objetivo o reconhecimento das empresas que comprovaram adotar, de maneira ampla e continuada, ações,

Leia mais

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PUBLICAÇÃO DIA 30/10/2011

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PUBLICAÇÃO DIA 30/10/2011 CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PUBLICAÇÃO DIA 30/10/2011 1. VAGA OFERECIDA - CARGO I ADI NS Iniciante - Projeto ABDI - FOCEM Adensamento e Complementação Automotiva e Petróleo e Gás no Âmbito do MERCOSUL (PII- 009/010)

Leia mais

3.1. MOSTRA ESTUDANTIL

3.1. MOSTRA ESTUDANTIL REGULAMENTO 2015 1 - O EVENTO O 14º Festival Nacional de Cinema Estudantil de Guaíba / RS, o CinestudantilGuaíba acontece de 20 a 29 de novembro de 2015, em Guaíba, Rio Grande do Sul. O evento tem por

Leia mais

DISPOSIÇÕES GERAIS DO PERÍODO

DISPOSIÇÕES GERAIS DO PERÍODO REGULAMENTO 1 DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Idealizado pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e instituído pela Portaria nº 26, de 18 de fevereiro de 2014, da Escola de Administração Fazendária (Esaf),

Leia mais

PRÊMIO PORTO MARAVILHA CULTURAL. EDITAL de PRÊMIO Nº 01/2013 EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS

PRÊMIO PORTO MARAVILHA CULTURAL. EDITAL de PRÊMIO Nº 01/2013 EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS PRÊMIO PORTO MARAVILHA CULTURAL EDITAL de PRÊMIO Nº 01/2013 EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS 1. INTRODUÇÃO 1.1. A COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO DA REGIÃO DO PORTO DO RIO DE JANEIRO ( CDURP

Leia mais

Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014

Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014 Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014 O que é O concurso Mandando bem no trânsito é uma ação lançada no ano de 2012 pela Concessionária Nascentes das Gerais, empresa responsável pela administração do

Leia mais

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Seção I - Introdução Art. 1º O Prêmio Telecentros Brasil, criado pela Associação Telecentro de Informação e Negócios (ATN) em parceria com o SEBRAE, TICKET, Ministério

Leia mais

PROGRAMA REDE CULTURA JOVEM PRÊMIO CULTURA JOVEM EDITAL 2009

PROGRAMA REDE CULTURA JOVEM PRÊMIO CULTURA JOVEM EDITAL 2009 PROGRAMA REDE CULTURA JOVEM PRÊMIO CULTURA JOVEM EDITAL 2009 O Programa Rede Cultura Jovem, iniciativa da Secretaria de Estado da Cultura do Espírito Santo e do Instituto Sincades, em parceria com a Entidade

Leia mais

11º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2014

11º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2014 11º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2014 1. Objetivos Incentivar o desenvolvimento e qualificação da propaganda na região de Londrina, por meio do reconhecimento da qualidade e da criatividade no planejamento

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2011 FUNDO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (FIA) REGULAMENTO

PROCESSO SELETIVO 2011 FUNDO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (FIA) REGULAMENTO - 1 - PROCESSO SELETIVO 2011 FUNDO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (FIA) REGULAMENTO Prezado Gestor, Criado em 2006, o Instituto HSBC Solidariedade é responsável por gerenciar o investimento social

Leia mais

PRÊMIO PROTEÇÃO BRASIL 2014

PRÊMIO PROTEÇÃO BRASIL 2014 PRÊMIO PROTEÇÃO BRASIL 2014 1. OBJETIVOS O Prêmio Proteção Brasil de Saúde e Segurança do Trabalho visa reconhecer o esforço de organizações e profissionais na melhoria do ambiente de trabalho dos brasileiros

Leia mais

Prêmio CAPES-INTERFARMA de Inovação e Pesquisa Edital 09/2015

Prêmio CAPES-INTERFARMA de Inovação e Pesquisa Edital 09/2015 Prêmio CAPES-INTERFARMA de Inovação e Pesquisa Edital 09/2015 A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Capes, instituída como Fundação Pública, criada pela Lei nº. 8.405, de 09 de

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB III Concurso Nacional de Fotografia para Magistrados R E G U L A M E N T O Fica instituído pela ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB - com sede em Brasília,

Leia mais

O que é: O tipo de linguagem, dentro da área: Teatro adulto, infantil, Teatro de rua, Dança, Dança de rua, Bonecos, Formas animadas, Circo...

O que é: O tipo de linguagem, dentro da área: Teatro adulto, infantil, Teatro de rua, Dança, Dança de rua, Bonecos, Formas animadas, Circo... ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS CULTURAIS E PREENCHIMENTO DE FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO O SESC Rio Grande do Norte tem como missão contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e para a

Leia mais

EDITAL N. 4/2013 CES-TJMT II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE MATO GROSSO

EDITAL N. 4/2013 CES-TJMT II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE MATO GROSSO EDITAL N. 4/2013 CES-TJMT II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DO DO ESTADO DE MATO GROSSO O Tribunal de Justiça/MT realiza o II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DOS MAGISTRADOS E SERVIDORES DO /MT, mediante

Leia mais

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA 1. APRESENTAÇÃO Com base nos valores da economia solidária e da cultura livre, o Estúdio Gunga empresa de comunicação focada na criação de sites, editoração gráfica,

Leia mais