Constantes, Variáveis, tipos de dados e expressões

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Constantes, Variáveis, tipos de dados e expressões"

Transcrição

1 FTC Faculdade de Tecnologia e Ciências Engenharia Civil 1º Semestre Constantes, Variáveis, tipos de dados e expressões Rafael Barbosa Neiva

2 Variáveis Como referenciar e recuperar os dados armazenados no computador: Os valores são armazenados na memória Cada tipo de dado diferente ocupa um número específico de bytes de memória Para recuperar o valor é necessário saber seu tipo e o endereço do byte inicial ocupado na memória

3 Variáveis Definição e características Representação simbólica dos elementos de memória de um computador Corresponde a uma posição na memória, cujo conteúdo pode ser alterado ao longo do tempo durante a execução do programa Somente pode armazenar um valor a cada instante Não pode armazenar um valor diferente de tipo de dado diferente daquele para qual foi criada

4 Variáveis Regras de criação Em geral, as linguagens de programação exigem nomes de identificadores com as seguintes características: Somente letras e números. O primeiro caractere deve ser uma letra. Não é permitido o uso de caracteres especiais, somente pode ser utilizado o _. Ex: ç,~,%,$,-,\... Não pode ser utilizada uma palavra reservada.ex: inicio,fim, lógico, inteiro, real...

5 Exemplo de Variáveis Válidas A1, custoproduto, quantidade_vendida Inválidas 1A, quantidade-vendida, custo Produto

6 Constantes - Definição é um determinado valor fixo que não se modifica ao longo do tempo, durante a execução de um algoritmo ou programa, é a informação propriamente dita. Possuem um único nome para sua identificação, chamado de identificador As constantes, na verdade, são valores inseridos na memória do computador, ou seja, dentro das variáveis definidas pelo usuário. Possuem as mesmas características de regras para nome de variáveis

7 Constantes - Sintaxe Constante <identificador> = valor Exemplo: inicio constante inteiro pi <- 3 constante texto teste <- "rafael" escrever pi, \n Escrever teste Fim

8 Tipos de Dados - Definição Define os possíveis caracteres que podem ser digitados, também delimita a quantidade de memória que o computador deve deixar disponível para armazenar a informação.

9 Tipos de Dados - Numérico Variável específica para armazenamento de números, que posteriormente poderão ser utilizados para cálculos. São classificadas como Inteiros ou Reais. As variáveis do tipo inteiro são para armazenamento de números inteiros e Os Reais são para o armazenamento de números que possuam ou não casas decimais.

10 Exemplos - Numérico Inteiros Número de pessoas em um projeto Número par ou impar Idade de uma pessoa Quantidade de recursos Reais Peso de uma pessoa Percentual Média Preço de um produto

11 Tipos de Dados - Texto Específica para dados que contenham letras, números ou símbolos. Pode, em determinados momentos, conter somente letras, ou somente números, ou somente símbolos ou, então,conter qualquer combinação de letras, números e símbolos. Vale salientar que se usado somente para armazenamento de números,não poderá ser utilizada para operações matemáticas.

12 Exemplo - Texto Nome de um funcionário Endereço Cep Número de telefone Cargos ocupados numa empresa

13 Tipos de Dados - Lógicos Variáveis que armazenam somente dados lógicos, ou seja o valor Verdadeiro ou o valor Falso. Exemplo: Se a pessoa é homem ou mulher Se a pessoa é maior de idade Se o projeto chegou a um número limite de participantes

14 Exemplo Tipos de Dados Inicio variável Inteiro IDADE, NUMERO Real PESO, SALARIO Texto NOME, ENDERECO, FILIACAO Logico teste fim

15 Variáveis no computador

16 Exercício Resolvido Construa um algoritmo de cadastro de alunos em um site de internet de uma escola, cujos dados são: nome, sexo, endereço, cidade, estado, CEP,telefone, data de nascimento, RG e grau de escolaridade, trabalha (sim ou não), peso e altura. Utilize pseudocódigo para declarar as variáveis.

17 Resposta - Exercício Variáveis utilizadas sexo, endereço, cidade, estado, CEP, telefone, data de nascimento, RG,grau de escolaridade, trabalha, peso,altura. Tipos de dados Variáveis literais: nome, sexo, endereço, cidade, estado, CEP, telefone,data de nascimento, RG. Variáveis numéricas inteiras: grau de escolaridade. Exemplo: grau 1, 2 ou 3, representando nível fundamental, médio e superior respectivamente. Variáveis numéricas real: altura,peso. Variáveis lógicas: trabalha

18 Resposta - Pseudocódigo Inicio variável Texto NOME, SEXO, ENDERECO, CIDADE, ESTADO, CEP, TELEFONE, DATA_NASC, RG Inteiro GRAUESC Logico TRABALHA Real ALTURA,PESO fim

19 Comentário Um fato importante a ser considerado é que um bom algoritmo tem como características ser claro e legível. Além disso, muitas vezes o algoritmo é utilizado por outras pessoas que não o projetista do mesmo. Assim, algumas informações auxiliares são importantes. Ex: Variáveis //variável para armazenar o nome de um cliente Texto NOME //variável para armazenar a idade do cliente Inteiro IDADE

20 Atribuição Capacidade de alterar as variáveis durante um algoritmo Dois elementos estão envolvidos Elemento para qual realizamos a atribuição => variável Elemento que fornece o valor a ser atribuído => expressão O valor a ser atribuído deve ser do mesmo tipo de dado da variável.

21 Atribuição - Sintaxe Variável <- valor Variável <- expressão Exemplos X <- 25 y <- x * 2 Sexo <- masculino Salário <

22 Exemplo - Atribuição Início Variavel texto NOME inteiro IDADE NOME <- "João" //João é um texto //Por isso deve estar entre aspas duplas IDADE <- 25 fim

23 Atribuição no computador

24 Atribuição - Pseudocódigo inicio NOME <- Paulo Martins SEXO <- Masculino ENDERECO <- Avenida Santa Catarina, número 20 CIDADE <- Florianópolis ESTADO <- Santa Catarina CEP < TELEFONE <- (048) DATA_NASC < RG < {número da carteira identidade} GRAUESC <- 3 {representa o terceiro grau e não precisa colocar entre aspas, pois é numérico} TRABALHA <- VERDADEIRO ALTURA < PESO < fim

25 Expressões é um conjunto de elementos (constantes e variáveis) interligados por operador aritmético relacionais lógico concatenação

26 Operadores Aritméticos Operador Operação Descrição + - * / ^ Adição Subtração Multiplicação Divisão Potenciação Soma de dois números Subtração de dois números Multiplicação de um número pelo outro Divisão de um número pelo outro Faz a elevação de um número a uma potência

27 Exemplos operações aritméticas inicio inteiro i1 <- 5, i2 <- 2 escrever "\n", i1, " + ", i2, " = ", i1 + i2 escrever "\n", i1, " - ", i2, " = ", i1 - i2 escrever "\n", i1, " * ", i2, " = ", i1 * i2 escrever "\n", i1, " / ", i2, " = ", i1 / i2 escrever "\n", i1, " % ", i2, " = ", i1 % i2 escrever "\n", i1, " ^ ", i2, " = ", i1 ^ i2 fim

28 Funções aritméticas EXP exponenciação ABS valor absoluto RAIZ raiz quadrada INT parte inteira de um número real FRAC parte fracionária de um número real ARRED Arredondamento um número real

29 Exemplo funções aritméticas inicio real n1 < real n2 <- 1.0 escrever "\nexp (", n2, ")\t= ", exp ( n2 ) escrever "\nabs (", n1, ")\t= ", abs ( n1 ) escrever "\nraiz (", n2 * 4, ")\t= ", raiz ( n2 * 4 ) escrever "\nint (", n1, ")\t= ", int ( n1 ) escrever "\nfrac (", n1, ")\t= ", frac ( n1 ) escrever "\narred (", n1, ")\t= ", arred ( n1 ) fim

30 Operadores Relacionais Operador Operação Descrição = =/= < > <= >= Igualdade diferença Menor que Maior que Menor igual a Maior igual a Verifica se dois valores são iguais. Se forem iguais,o teste de igualdade é verdadeiro, senão, é falso. Verifica se dois valores são diferentes. Se forem diferentes, o teste é verdadeiro, senão, é falso. Verifica se um número é menor do que o outro. Verifica se um número é maior do que o outro. Verifica se um número é menor ou igual ao outro. Verifica se um número é maior ou igual ao outro.

31 Exemplo Operadores Relacionais inicio real l1<-5.0, l2<-3 escrever "\n", l1, " = ", l2, "\t= ", l1 = l2 escrever "\n", l1, " =/= ", l2, "\t= ", l1 =/= l2 escrever "\n", l1, " > ", l2, "\t= ", l1 > l2 escrever "\n", l1, " >= ", l2, "\t= ", l1 >= l2 escrever "\n", l1, " < ", l2, "\t= ", l1 < l2 escrever "\n", l1, " <= ", l2, "\t= ", l1 <= l2 fim

32 Operadores Lógicos Operador Operação Descrição E OU Interseção União Operação de conjunção Operação de disjunção NÃO Negação Operação de negação

33 Exemplo Operadores Lógicos inicio logico l1, l2 l1 <- verdadeiro l2 <- falso escrever "\n não ", l1, "\t= ", nao l1 escrever "\n\n", l1, " e \t", l2, " = ", l1 e l2 escrever "\n", l1, " ou \t", l2, " = ", l1 ou l2 fim

34 Operador de concatenação Junta dois ou mais textos Símbolo:, Exemplo inicio texto teste teste <- "texto" escrever teste, " A" fim

35 Prioridade Operadores Durante a execução de uma expressão que envolve vários operadores, é necessário a existência de prioridades, caso contrário, poderemos obter valores que não representam o resultado esperado.

36 Prioridades 1º - Efetuar operações embutidas em parênteses mais internos. 2º - Efetuar funções. 3º - Efetuar multiplicação e/ou divisão. 4º - Efetuar adição e/ou subtração e/ou concatenação. 5º - Operadores relacionais. 6º - Operadores lógicos. Nos operadores lógicos, a prioridade mais alta é a negação, a operação e, e por fim a operação ou.

37 Pseudocódigo Resolvido Início Variável real A, B, C, D D <- 9.0 B <- (RAIZ (ABS (D))) C <- B^(FRAC(D)) A <- (B * C) / 4 ^ 2 escrever "O valor de A é: ",A, "\n" escrever "O valor de B é: ",B, "\n" escrever "O valor de C é: ",C, "\n" escrever "O valor de D é: ",D, "\n" fim

38 Exercício 1 Construa um algoritmo de cadastro de funcionários em um sistema de uma construtora, cujos dados são: nome, sexo, endereço, cidade, estado, CEP,telefone, data de nascimento, CPF, idade, efetivo (sim ou não), salário e horas trabalhadas por dia. Inicialize cada variável com um valor do seu tipo. Utilize pseudocódigo para declarar as variáveis.

39 Exercício 2 Qual o resultado de cada variável no final do algoritmo abaixo: início real X, Y, Z logico W, K X <- INT(7.2) + FRAC(5.2) Y <- RAIZ(9) Z <- X ^ Y * X / 5 W <- (X > Y) E (Y = Z) K <- (NÃO W) OU (X=Y) E Z > 10 escrever X,"\n",Y,"\n", Z,"\n", W,"\n", K,"\n" fim

01/08/2011. Tipos de dados Numéricos Alfanuméricos Lógicos. Numéricos. Tipos de dados. Dados Numéricos Inteiros. Dados Numéricos Reais.

01/08/2011. Tipos de dados Numéricos Alfanuméricos Lógicos. Numéricos. Tipos de dados. Dados Numéricos Inteiros. Dados Numéricos Reais. Engenharia de Controle e Automação Programação I Prof. Ricardo Sobjak ricardo.sobjak@ifsc.edu.br Tipos de dados Numéricos Alfanuméricos Lógicos Tipos de dados Os tipos de dados primitivos ou básicos são

Leia mais

Ciência da Computação. Prof. Dr. Leandro Alves Neves Prof. Dr. Adriano M. Cansian

Ciência da Computação. Prof. Dr. Leandro Alves Neves Prof. Dr. Adriano M. Cansian Algoritmos e Programação Informática II Ciência da Computação Prof. Dr. Leandro Alves Neves Prof. Dr. Adriano M. Cansian 1 Sumário Tipos de Dados Variáveis Modelo esquemático Características e Regras para

Leia mais

Variáveis, Expressões Aritméticas e Entrada e Saída de Dados

Variáveis, Expressões Aritméticas e Entrada e Saída de Dados Escola de Ciências e Tecnologia UFRN Variáveis, Expressões Aritméticas e Entrada e Saída de Dados ECT1103 INFORMÁTICA FUNDAMENTAL Manter o telefone celular sempre desligado/silencioso quando estiver em

Leia mais

Fábio Rodrigues / Israel Lucania

Fábio Rodrigues / Israel Lucania Fábio Rodrigues / Israel Lucania Variável é um local na memória principal, isto é, um endereço que armazena um conteúdo. Em linguagem de alto nível nos é permitido dar nomes a esse endereço, facilitando

Leia mais

PORTUGUÊS ESTRUTURADO: INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO PROF. ALEXANDRO DOS SANTOS SILVA

PORTUGUÊS ESTRUTURADO: INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO PROF. ALEXANDRO DOS SANTOS SILVA PORTUGUÊS ESTRUTURADO: INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO PROF. ALEXANDRO DOS SANTOS SILVA SUMÁRIO Introdução Conceitos básicos Formato básico Tipos primitivos Variáveis Constantes Operadores Operações

Leia mais

Conceitos Básicos. Professor: Juliano Lucas Gonçalves.

Conceitos Básicos. Professor: Juliano Lucas Gonçalves. Conceitos Básicos Professor: Juliano Lucas Gonçalves juliano.goncalves@ifsc.edu.br Agenda Revisão Algoritmos Memória, variáveis e constantes Estrutura básica de um algoritmo em pseudocódigo 2 O que já

Leia mais

Introdução à Computação

Introdução à Computação Your Logo Here Prof. Bruno de Jesus bruno.jesus@ic.ufal.br Introdução à Computação Tipos de dados, variáveis e expressões Conteúdo de hoje... Tipos de dados Dados numéricos Inteiro Real Dados literais

Leia mais

Pseudocódigo. Regras para nomear um algoritmos: Variáveis. Exemplo: Exemplo: Exemplo: O valor do dolar; O peso de uma pessoa;

Pseudocódigo. Regras para nomear um algoritmos: Variáveis. Exemplo: Exemplo: Exemplo: O valor do dolar; O peso de uma pessoa; Pseudocódigo Português estruturado Mais formal e estruturado Facilidade de compreensão /* Algoritmo que descreve os passos para trocar uma lâmpada */ comentário Algoritmo TrocaLampada nome do algoritmo

Leia mais

Definições de Algoritmos. Algoritmos e Programação I. Conceitos Básicos de Algoritmos. Relação entre Algoritmos e Programação

Definições de Algoritmos. Algoritmos e Programação I. Conceitos Básicos de Algoritmos. Relação entre Algoritmos e Programação Definições de Algoritmos Algoritmos e Programação I Aula 2 Prof a. Márcia Cristina Moraes mmoraes@inf.pucrs.br Prof a. Sílvia M.W. Moraes silvia@inf.pucrs.br Algoritmo é um conjunto finito de regras, bem

Leia mais

Noções de algoritmos - Aula 1

Noções de algoritmos - Aula 1 Noções de algoritmos - Aula 1 Departamento de Física UFPel Definição de algoritmo Sequência ordenada e finita de operações para a realização de uma tarefa. Tarefa: Experimento de Física I. Passo 1: Reunir

Leia mais

ALGORITMOS 3ª Aula. 3. Introdução Tipos de dados, variáveis e operadores Tipos de dados

ALGORITMOS 3ª Aula. 3. Introdução Tipos de dados, variáveis e operadores Tipos de dados 3. Introdução Segundo alguns especialistas, qualquer programa de computador pode ser escrito utilizando apenas três estruturas básicas: Seqüência, Condição e Repetição. Isto significa que, na construção

Leia mais

Variável. Expressões. Atribuição. Tipos básicos Declaração. Aritméticas Lógicas. Professor Leandro Augusto Frata Fernandes

Variável. Expressões. Atribuição. Tipos básicos Declaração. Aritméticas Lógicas. Professor Leandro Augusto Frata Fernandes Programação de Computadores III Aula 3 Professor Leandro Augusto Frata Fernandes laffernandes@ic.uff.br Material disponível em http://www.ic.uff.br/~laffernandes/teaching/2011.1/tcc-03.063 Roteiro da Aula

Leia mais

UNIDADE 2 ALGORITMOS E PSEUDOCÓDIGO

UNIDADE 2 ALGORITMOS E PSEUDOCÓDIGO 1 UNIDADE 2 ALGORITMOS E PSEUDOCÓDIGO 2.1 INTRODUÇÃO Um algoritmo é uma seqüência ordenada, finita de operações bem definidas e eficazes que, quando executadas por um computador operando sobre dados caracterizando

Leia mais

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores ! Variáveis, Tipos de Dados e Operadores Engenharias Informática Aplicada 2.o sem/2013 Profa Suely (e-mail: smaoki@yahoo.com) VARIÁVEL VARIÁVEL É um local lógico, ligado a um endereço físico da memória

Leia mais

Algoritmos: Conceitos Fundamentais. Slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza

Algoritmos: Conceitos Fundamentais. Slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza Algoritmos: Conceitos Fundamentais Slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza DADOS E EXPRESSÕES Uso da Informação Computador manipula informações contidas em sua memória. Classificadas

Leia mais

Professora Martha Spalenza Professora de Informática da Faetec

Professora Martha Spalenza Professora de Informática da Faetec Algoritmos em Estrutura seqüencial 1. Tipos de dados São quatro os tipos básicos de dados, e podem assumir os seguintes valores válidos: - números inteiros: -,, -3, -2, -1, 0, 1, 2, 3,, + ; - números reais:

Leia mais

Programação de Computadores:

Programação de Computadores: Instituto de C Programação de Computadores: Introdução a Algoritmos (Parte II) Luis Martí Instituto de Computação Universidade ederal luminense lmarti@ic.uff.br - http://lmarti.com Roteiro da Aula de Hoje

Leia mais

TIPOS DE DADOS E VARIÁVEIS

TIPOS DE DADOS E VARIÁVEIS AULA 3 TIPOS DE DADOS E VARIÁVEIS 3.1 Tipos de dados Os dados manipulados por um algoritmo podem possuir natureza distinta, isto é, podem ser números, letras, frases, etc. Dependendo da natureza de um

Leia mais

Introdução a Programação. Curso: Sistemas de Informação Programação I José R. Merlin

Introdução a Programação. Curso: Sistemas de Informação Programação I José R. Merlin Introdução a Programação Curso: Sistemas de Informação Programação I José R. Merlin Programas Programas são instruções para o computador executar uma tarefa Estas instruções seguem uma lógica Lógica: modo

Leia mais

Aula 3 Conceitos de memória, variáveis e constantes Cleverton Hentz

Aula 3 Conceitos de memória, variáveis e constantes Cleverton Hentz Aula 3 Conceitos de memória, variáveis e constantes Cleverton Hentz Sumário de Aula } Conceito de Memória } Variáveis e Tipos de Dados } Constantes 2 Conceito de Memória } A memória de um computador é

Leia mais

Português Estruturado

Português Estruturado Português Estruturado Português Estruturado Para que o algoritmo possa ser executado por uma máquina é importante que as instruções sejam corretas e sem ambigüidades. O português estruturado é, na verdade,

Leia mais

ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO

ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com OPERADORES ARITMÉTICOS OPERAÇÃO OPERADOR SIGNIFICADO SOMA + Efetuar soma de duas

Leia mais

ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO - MEMÓRIA, VARIÁVEIS E CONSTANTES, OPERADORES. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc.

ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO - MEMÓRIA, VARIÁVEIS E CONSTANTES, OPERADORES. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO - MEMÓRIA, VARIÁVEIS E CONSTANTES, OPERADORES Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Memória Variáveis e constantes Tipos primitivos de

Leia mais

ALGORITMOS VARIÁVEIS E OPERADORES. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc.

ALGORITMOS VARIÁVEIS E OPERADORES. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. ALGORITMOS VARIÁVEIS E OPERADORES Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br ESTRUTURA DE UM ALGORITMO VISUALG Algoritmo Exemplo var valor_a, valor_b, valor_c : inteiro soma : inteiro

Leia mais

Algoritmo e Programação. Capítulo 2 Tópicos Preliminares

Algoritmo e Programação. Capítulo 2 Tópicos Preliminares Algoritmo e Programação Capítulo 2 Tópicos Preliminares Tópicos Preliminares Neste capítulo Tipos Primitivos Variáveis Expressões Aritméticas, Lógicas e Relacionais Comandos de Entrada e Saída Blocos Tópicos

Leia mais

Algoritmo e Programação Matemática

Algoritmo e Programação Matemática Algoritmo e Programação Matemática Fundamentos de Algoritmos Parte 1 Renato Dourado Maia Instituto de Ciências Agrárias Universidade Federal de Minas Gerais Dados A funcionalidade principal de um computador

Leia mais

CONCEITOS DE ALGORITMOS

CONCEITOS DE ALGORITMOS CONCEITOS DE ALGORITMOS Fundamentos da Programação de Computadores - 3ª Ed. 2012 Editora Prentice Hall ISBN 9788564574168 Ana Fernanda Gomes Ascênsio Edilene Aparecida Veneruchi de Campos Algoritmos são

Leia mais

Algoritmos. Seqüência finita e ordenada de procedimentos que resolvem um determinado problema. Exemplo: O que preciso fazer para preparar um omelete?

Algoritmos. Seqüência finita e ordenada de procedimentos que resolvem um determinado problema. Exemplo: O que preciso fazer para preparar um omelete? Algoritmos Seqüência finita e ordenada de procedimentos que resolvem um determinado problema Exemplo: O que preciso fazer para preparar um omelete? Pegar os ovos na geladeira; Bater os ovos; Escolher o

Leia mais

Introdução à Programação de Computadores Fabricação Mecânica

Introdução à Programação de Computadores Fabricação Mecânica Introdução à Programação de Computadores Fabricação Mecânica Edilson Hipolito da Silva edilson.hipolito@ifsc.edu.br - http://www.hipolito.info Aula 06 - Introdução a algoritmos Roteiro Algoritmos Formas

Leia mais

ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO PRÉ AULA PRÉ AULA 31/08/2015

ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO PRÉ AULA PRÉ AULA 31/08/2015 ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com PRÉ AULA De acordo com a sua compreensão acerca da representação das fórmulas

Leia mais

Capítulo 2 Operadores. A função scanf()

Capítulo 2 Operadores. A função scanf() Capítulo 2 Operadores A função scanf() A função scanf() é outra das funções de E/S implementadas em todos os compiladores e nos permite ler dados formatados da entrada padrão (teclado). Sintaxe: scanf(

Leia mais

Introdução à Pseudo-código PROGRAMAÇÃO I (COM06842) LÓGICA E TÉCNICA DE PROGRAMAÇÃO (COM06039)

Introdução à Pseudo-código PROGRAMAÇÃO I (COM06842) LÓGICA E TÉCNICA DE PROGRAMAÇÃO (COM06039) Introdução à Pseudo-código PROGRAMAÇÃO I (COM06842) LÓGICA E TÉCNICA DE PROGRAMAÇÃO (COM06039) F REDDY BRASILEIRO www.inf.ufes.br/~fbrasileiro fbrasileiro@inf.ufes.br Conteúdo 4. Elementos fundamentais

Leia mais

Material Didático Unificado. Variáveis correspondem a nomes para endereços de memória que são gerenciados pelo Scilab.

Material Didático Unificado. Variáveis correspondem a nomes para endereços de memória que são gerenciados pelo Scilab. Universidade Federal de Ouro Preto -UFOP Departamento de Computação - DECOM Comissão da Disciplina Programação de Computadores I CDPCI Programação de Computadores I BCC701 www.decom.ufop.br/bcc701 Material

Leia mais

Programação de Computadores I Dados, Operadores e Expressões PROFESSORA CINTIA CAETANO

Programação de Computadores I Dados, Operadores e Expressões PROFESSORA CINTIA CAETANO Programação de Computadores I Dados, Operadores e Expressões PROFESSORA CINTIA CAETANO Dados em Algoritmos Quando escrevemos nossos programas, trabalhamos com: Dados que nós fornecemos ao programa Dados

Leia mais

Algoritmos e Estruturas de Dados I (DCC/003) 2013/1. Estruturas Básicas. Aula Tópico 4

Algoritmos e Estruturas de Dados I (DCC/003) 2013/1. Estruturas Básicas. Aula Tópico 4 Algoritmos e Estruturas de Dados I (DCC/003) 2013/1 Estruturas Básicas Aula Tópico 4 1 Problema 3 Exibir o maior número inteiro que pode ser representado no computador. 2 Qual o maior número inteiro? Para

Leia mais

Fundamentos de Programação. Turma CI-240-EST. Josiney de Souza.

Fundamentos de Programação. Turma CI-240-EST. Josiney de Souza. Fundamentos de Programação Turma CI-240-EST Josiney de Souza josineys@inf.ufpr.br Agenda do Dia Aula 3 (12/08/15) Saídas Entradas Operadores Atribuição Aritméticos Expressões Aritméticas Saída Permite

Leia mais

Programação de Computadores:

Programação de Computadores: Instituto de C Programação de Computadores: Introdução ao FORTRAN Luis Martí Instituto de Computação Universidade Federal Fluminense lmarti@ic.uff.br - http://lmarti.com Introdução ao FORTRAN Cinco aspectos

Leia mais

TÉCNICO DE INFORMÁTICA - SISTEMAS

TÉCNICO DE INFORMÁTICA - SISTEMAS 782 - Programação em C/C++ - estrutura básica e conceitos fundamentais Linguagens de programação Linguagem de programação são conjuntos de palavras formais, utilizadas na escrita de programas, para enunciar

Leia mais

Algoritmo e Introdução a Programação. Prof. Josino Rodrigues

Algoritmo e Introdução a Programação. Prof. Josino Rodrigues Algoritmo e Introdução a Programação Prof. Josino Rodrigues Um algoritmo é qualquer procedimento computacional bem definido que toma algum valor ou conjunto de valores como entrada e produz algum valor

Leia mais

Algoritmos Computacionais

Algoritmos Computacionais Material produzido por professores da UFABC Objetivos Aprender a sintaxe e a semântica de instruções de saída e de entrada de dados na linguagem PORTUGOL Aprender alguns operadores pra uso na parte de

Leia mais

Pseudocódigo e visualg

Pseudocódigo e visualg Pseudocódigo e visualg Professor: Juliano Lucas Gonçalves juliano.goncalves@ifsc.edu.br Agenda Revisão Algoritmos Estrutura de dados Estrutura básica de um algoritmo em pseudocódigo Teste de mesa Operadores

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA E MATEMÁTICA APLICADA. DIM0320 Algoritmos e Programação de Computadores

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA E MATEMÁTICA APLICADA. DIM0320 Algoritmos e Programação de Computadores UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA E MATEMÁTICA APLICADA DIM0320 Algoritmos e Programação de Computadores #VARIÁVEIS #TIPOS DE DADOS E L I EZ I O S O A R ES E L I EZ

Leia mais

Algoritmos e Lógica de Programação Introdução e formas de representação

Algoritmos e Lógica de Programação Introdução e formas de representação Algoritmos e Lógica de Programação Introdução e formas de representação Agostinho Brito Departamento de Engenharia da Computação e Automação Universidade Federal do Rio Grande do Norte 15 de agosto de

Leia mais

Estruturas da linguagem C. 1. Identificadores, tipos primitivos, variáveis e constantes, operadores e expressões.

Estruturas da linguagem C. 1. Identificadores, tipos primitivos, variáveis e constantes, operadores e expressões. 1 Estruturas da linguagem C 1. Identificadores, tipos primitivos, variáveis e constantes, operadores e expressões. Identificadores Os identificadores seguem a duas regras: 1. Devem ser começados por letras

Leia mais

Lógica de Programação I. Gilson de Souza Carvalho

Lógica de Programação I. Gilson de Souza Carvalho Gilson de Souza Carvalho gaucho.gilson@hotmail.com 1. Estruturas básicas Apresentaremos um resumo com os comandos estudados para criação de algoritmos. Para utilizar estes comandos, usaremos uma sintaxe

Leia mais

Bacharelado em Ciência e Tecnologia Processamento da Informação. Equivalência Portugol Java. Linguagem Java

Bacharelado em Ciência e Tecnologia Processamento da Informação. Equivalência Portugol Java. Linguagem Java Linguagem Java Objetivos Compreender como desenvolver algoritmos básicos em JAVA Aprender como escrever programas na Linguagem JAVA baseando-se na Linguagem Portugol aprender as sintaxes equivalentes entre

Leia mais

Resolução De Problemas Em Informática. Docente: Ana Paula Afonso Resolução de Problemas. 1. Analisar o problema

Resolução De Problemas Em Informática. Docente: Ana Paula Afonso Resolução de Problemas. 1. Analisar o problema ALGORITMIA Resolução De Problemas Em Informática Docente: Ana Paula Afonso 2000-2001 Resolução de Problemas 1. Analisar o problema Conhecer o bem o problema Descrever o problema: subdividir, detalhar 2.

Leia mais

Tipos de Dados e Expressões

Tipos de Dados e Expressões Tipos de Dados e Expressões Prof. Ranieri Alves dos Santos ranieri@ranierisantos.com www.ranierisantos.com Tipos de dados Real Inteiro Lógico Literal Variáveis Estrutura de algoritmos Expressões Aritméticas

Leia mais

Introdução a Programação de Jogos

Introdução a Programação de Jogos Introdução a Programação de Jogos Aula 03 Introdução a Linguagem C Edirlei Soares de Lima Estrutura de um Programa C Inclusão de bibliotecas auxiliares: #include Definição

Leia mais

Introdução à Programação. 2ª aula. Prof. José Honorato F. Nunes

Introdução à Programação. 2ª aula. Prof. José Honorato F. Nunes Introdução à Programação 2ª aula Resumo da aula Representação de algoritmos Atividades de revisão de algoritmos Variáveis Tipos de dados Constantes Atividades Formas de Representação de Algoritmos As principais

Leia mais

Aula 4 Estruturas Condicionais

Aula 4 Estruturas Condicionais Departamento de Sistemas de Computação Universidade de São Paulo SSC 600 Introdução a Ciência de Computação I Aula 4 Estruturas Condicionais Seiji Isotani, Rafaela V. Rocha sisotani@icmc.usp.br rafaela.vilela@gmail.com

Leia mais

Conceitos Básicos de Algoritmos

Conceitos Básicos de Algoritmos Conceitos Básicos de Algoritmos 35 TIPOS PRIMITIVOS Palavra-reservada: inteiro - define variáveis numéricas do tipo inteiro, ou seja, sem casas decimais Palavra-reservada: real - define variáveis numéricas

Leia mais

Aula 4 Expressões e Operadores Cleverton Hentz

Aula 4 Expressões e Operadores Cleverton Hentz Aula 4 Expressões e Operadores Cleverton Hentz Sumário de Aula } Expressões } Operadores } Linearização de Expressões 2 Expressões Uma expressão é composta por variáveis, constantes, ou qualquer combinação

Leia mais

Introdução a Computação

Introdução a Computação Edirlei Soares de Lima Introdução a Computação Aula 02 Lógica de Programação Lógica de Programação Lógica de Programação é a técnica de criar sequências lógicas de ações para atingir

Leia mais

Conceitos Básicos Linguagem C

Conceitos Básicos Linguagem C Conceitos Básicos Linguagem C PROF. MAURÍCIO A DIAS MACDIASPAE@GMAIL.COM 2 Método Método básico para construção de algoritmos 1. Compreender completamente o problema a ser resolvido, se possível dividindo

Leia mais

Exercícios Repetição

Exercícios Repetição Curso de Engenharia de Controle e Automação Disciplina: Informática para a Automação Professor: Marcelo Cendron Exercícios Repetição 1.1 8.3 Exercícios 1. Faça um programa utilizando o comando while, que

Leia mais

Introdução à Computação MAC0110

Introdução à Computação MAC0110 Introdução à Computação MAC0110 Prof. Dr. Paulo Miranda IME-USP Aula 2 Variáveis e Atribuições Memória Principal: Introdução Vimos que a CPU usa a memória principal para guardar as informações que estão

Leia mais

Linguagem de Descrição de algoritmos

Linguagem de Descrição de algoritmos FTC Faculdade de Tecnologia e Ciências Engenharia Civil 1º Semestre Linguagem de Descrição de algoritmos Rafael Barbosa Neiva rafael@prodados.inf.br Definição - Algoritmo Diariamente, executamos uma série

Leia mais

PARTE I I: ARITMÉTICA COMPUTACIONAL ARQUITETURA DE COMPUTADORES ANTONIO RAMOS DE CARVALHO JÚNIOR

PARTE I I: ARITMÉTICA COMPUTACIONAL ARQUITETURA DE COMPUTADORES ANTONIO RAMOS DE CARVALHO JÚNIOR PARTE I I: ARITMÉTICA COMPUTACIONAL ARQUITETURA DE COMPUTADORES ANTONIO RAMOS DE CARVALHO JÚNIOR Introdução Como representar números em memória? Como representar números negativos e de ponto flutuante?

Leia mais

Variáveis e Entrada de Dados Marco André Lopes Mendes marcoandre.googlepages.

Variáveis e Entrada de Dados Marco André Lopes Mendes  marcoandre.googlepages. Variáveis e Entrada de Dados Marco André Lopes Mendes marcoandre@ifc-araquari.edu.br marcoandre@gmail.com marcoandre.googlepages.com Algoritmos é a base Primeiro programa Este programa possui apenas uma

Leia mais

Métodos Computacionais. Operadores, Expressões Aritméticas e Entrada/Saída de Dados

Métodos Computacionais. Operadores, Expressões Aritméticas e Entrada/Saída de Dados Métodos Computacionais Operadores, Expressões Aritméticas e Entrada/Saída de Dados Tópicos da Aula Hoje aprenderemos a escrever um programa em C que pode realizar cálculos Conceito de expressão Tipos de

Leia mais

Resolução de Algoritmos

Resolução de Algoritmos Resolução de Algoritmos Disciplina: Algoritmos e Programação Luciano Moraes Da Luz Brum Universidade Federal do Pampa Unipampa Campus Bagé Email: lucianobrum18@gmail.com Tópicos Resolução dos exercícios

Leia mais

Processamento Sequencial e Condicional

Processamento Sequencial e Condicional FTC Faculdade de Tecnologia e Ciências Engenharia Civil 1º Semestre Processamento Sequencial e Condicional Rafael Barbosa Neiva rafael@prodados.inf.br Processamento Sequencial Processamento sequencial

Leia mais

Estrutura de um Algoritmo, Variáveis, Comandos de Entrada e Saída e Expressões Aritméticas

Estrutura de um Algoritmo, Variáveis, Comandos de Entrada e Saída e Expressões Aritméticas Estrutura de um Algoritmo, Variáveis, Comandos de Entrada e Saída e Expressões Aritméticas Estrutura de um Programa em Linguagem Algorítmica Nesse curso nós vamos utilizar a linguagem algorítmica para

Leia mais

Prof. Esp. Fabiano Taguchi PHP. Como surgiu o PHP? PHP

Prof. Esp. Fabiano Taguchi  PHP. Como surgiu o PHP? PHP Prof. Esp. Fabiano Taguchi fabianotaguchi@gmail.com http://fabianotaguchi.wordpress.com PHP Como surgiu o PHP? PHP 1 PHP 1994 Rasmus Lerdorf resolveu criar um gerenciador de visitas para sites, a ferramenta

Leia mais

PROGRAMAÇÃO I E N T R A DA E S A Í DA D E DA D O S

PROGRAMAÇÃO I E N T R A DA E S A Í DA D E DA D O S PROGRAMAÇÃO I VA R I Á V E I S, C O N S TA N T E S, O P E R A D O R E S E N T R A DA E S A Í DA D E DA D O S Variáveis 2 Variáveis são locais onde são armazenados os valores na memória. Toda variável é

Leia mais

Exercícios Repetição. 8.3 Exercícios

Exercícios Repetição. 8.3 Exercícios Curso de Graduação em Ciência da Computação Disciplina: Algoritmos Professor: Marcelo Cendron Exercícios Repetição 8.3 Exercícios 1. Faça um programa utilizando o comando while, que fica lendo números

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3. Revisão Estrutura de Decisão Se Então

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3. Revisão Estrutura de Decisão Se Então CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3 Revisão Estrutura de Decisão Se Então Revisão da aula anterior 1. Variáveis 2. Estrutura de um Algoritmo 3. Operadores 4. Visualg Variável Revisão da aula anterior É

Leia mais

Conceitos básicos de algoritmos

Conceitos básicos de algoritmos Conceitos básicos de algoritmos Operadores Aritméticos Unários: +, - Exemplos: +1-5.9... var a: inteiro... a

Leia mais

7 Operadores e Expressões

7 Operadores e Expressões 7 Operadores e Expressões 7.1 Definição de operador, expressão e operando Um operador é um símbolo utilizado para identificar que uma determinada operação deve ser realizada sobre um ou mais parâmetros,

Leia mais

5. Expressões aritméticas

5. Expressões aritméticas 5. Expressões aritméticas 5.1. Conceito de Expressão O conceito de expressão em termos computacionais está intimamente ligado ao conceito de expressão (ou fórmula) matemática, onde um conjunto de variáveis

Leia mais

Algoritmos I Aula 13 Linguagem de Programação Java

Algoritmos I Aula 13 Linguagem de Programação Java Algoritmos I Aula 13 Linguagem de Programação Java Professor: Max Pereira http://paginas.unisul.br/max.pereira Ciência da Computação IDE Eclipse IDE (Integrated development environment) Criar um projeto

Leia mais

Introdução. 17-out-08 Leandro Tonietto 2

Introdução. 17-out-08 Leandro Tonietto 2 Programação II Leandro Tonietto Algoritmos e Programação em C++ Curso de Segurança da Informação ltonietto@unisinos.br http://www.inf.unisinos.br/~ltonietto/tsi/ica/programacao2.pdf out-08 Introdução O

Leia mais

Roteiro para Aula 1 de laboratório. 1) Mostrar estrutura básica de um código em Fortran. algoritmo. program nome_da_codificacao.

Roteiro para Aula 1 de laboratório. 1) Mostrar estrutura básica de um código em Fortran. algoritmo. program nome_da_codificacao. Universidade do Estado do Rio de Janeiro Instituto de Física Armando Dias Tavares Departamento de Física Aplicada e Termodinâmica Laboratório de Física Computacional/IF Roteiro para Aula 1 de laboratório

Leia mais

Noções de algoritmos - Aula 1

Noções de algoritmos - Aula 1 Noções de algoritmos - Aula 1 Departamento de Física UFPel Definição de algoritmo Sequência ordenada e finita de operações para a realização de uma tarefa. Tarefa: Experimento de Física I. Passo 1: Reunir

Leia mais

ALGORITMO. Professor: RODRIGO GOBBI TIPOS DE DADOS E INSTRUÇÕES PRIMITIVAS

ALGORITMO. Professor: RODRIGO GOBBI TIPOS DE DADOS E INSTRUÇÕES PRIMITIVAS ALGORITMO Professor: RODRIGO GOBBI As instruções são os comandos que identificarão a máquina qual deverá ser a ação executada; Os dados são números, medidas, valores relacionados ao problema em que se

Leia mais

INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO - EPET006 -

INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO - EPET006 - INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO - EPET006 - Heleno Pontes Bezerra Neto - helenopontes@lccv.ufal.br Introdução ao MATLAB Tipos Primitivos 3. TÓPICOS PRELIMINARES Tipos Primitivos - ATÉ AGORA TRABALHAMOS NO MATLAB

Leia mais

BCC Introdu c ao ` a Programa c ao Portugol Guillermo C amara-ch avez UFOP 1/35

BCC Introdu c ao ` a Programa c ao Portugol Guillermo C amara-ch avez UFOP 1/35 BCC 201 - Introdução à Programação Portugol Guillermo Cámara-Chávez UFOP 1/35 Introdução I Lógica A lógica é usada no dia a dia das pessoas que trabalham com computação para solucionar problemas de forma

Leia mais

Algoritmos. Prof. Jonatas Bastos Site:

Algoritmos. Prof. Jonatas Bastos   Site: Algoritmos Prof. Jonatas Bastos Email: jonatasfbastos@gmail.com Site: http://jonatasfbastos.wordpress.com/ 1 Exemplo de Algoritmo { declaração de variáveis } real: p1, p2, p3, p4, Media; inicio { comandos

Leia mais

Unidade 5: Introdução à Programação com C/C++

Unidade 5: Introdução à Programação com C/C++ Lógica de Programação para Engenharia 1 Unidade 5: Introdução à Programação com C/C++ Prof. Daniel Caetano Objetivo: Explicitar os elementos básicos envolvidos na programação com a linguagem C/C++. Bibliografia:

Leia mais

Disciplina de Algoritmos e Programação

Disciplina de Algoritmos e Programação Disciplina de Algoritmos e Programação Aula Passada Prática com declaração e inicialização de variáveis Capacidade de representação (estouro de representação) Tamanho ocupado pela variável na memória (comando

Leia mais

Lógica de Programação: aula 2. Dariel Mazzoni Maranhão. Uninove: Universidade Nove de Julho. 22 de agosto de 2010

Lógica de Programação: aula 2. Dariel Mazzoni Maranhão. Uninove: Universidade Nove de Julho. 22 de agosto de 2010 Uninove: Universidade Nove de Julho 22 de agosto de 2010 Tipos de Dados Primitivos São informações manipuladas pelos usuários. Classificam-se em quatro tipos: Inteiro; Tipos de Dados Primitivos São informações

Leia mais

Aula 4B. Lógica e Algoritmos. Profª. Fabiany

Aula 4B. Lógica e Algoritmos. Profª. Fabiany Fundamentos de Programação 1 Aula 4B Lógica e Algoritmos. Profª. Fabiany Lógica A lógica de programação é a técnica de encadear pensamentos para atingir determinado objetivo. Sequência Lógica São passos

Leia mais

Programação de Computadores I Conhecendo a Linguagem C. Prof. Ramon Figueiredo Pessoa

Programação de Computadores I Conhecendo a Linguagem C. Prof. Ramon Figueiredo Pessoa Programação de Computadores I Conhecendo a Linguagem C Prof. Ramon Figueiredo Pessoa 1 Variáveis e tipos Variáveis são simplesmente posições de memória que o compilador aloca ao programa Mas quantas posições

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3. Revisão Estrutura de Decisão Se Então

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3. Revisão Estrutura de Decisão Se Então CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3 Revisão Estrutura de Decisão Se Então Revisão da aula anterior 1. Variáveis 2. Estrutura de um Algoritmo 3. Operadores 4. Portugol Studio Variável Revisão da aula anterior

Leia mais

Algoritmos. Algoritmos. Linguagem de programação. Conceitos. Conceitos. Conceitos. Sintaxe do comando para incluir bibliotecas no programa:

Algoritmos. Algoritmos. Linguagem de programação. Conceitos. Conceitos. Conceitos. Sintaxe do comando para incluir bibliotecas no programa: Algoritmos Algoritmos Leandro Tonietto Unisinos ltonietto@unisinos.br http://www.inf.unisinos.br/~ltonietto/inf/pg1/algoritmosi_java.pdf Mar-2008 Possuem sintaxe flexível e são mais úteis para descrição

Leia mais

Ambiente Scilab Variáveis, expressões, comando de atribuição Entrada e Saída básica

Ambiente Scilab Variáveis, expressões, comando de atribuição Entrada e Saída básica Universidade Federal de Ouro Preto -UFOP Departamento de Computação - DECOM Programação de Computadores I BCC701 www.decom.ufop.br/moodle Ambiente Scilab Variáveis, expressões, comando de atribuição Entrada

Leia mais

Expressões, Atribuições, Entrada e Saída. Givanaldo Rocha

Expressões, Atribuições, Entrada e Saída. Givanaldo Rocha Expressões, Atribuições, Entrada e Saída Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha Expressões Expressão: em termos computacionais, está ligado ao conceito de

Leia mais

4 Variáveis. Unesp Campus de Guaratinguetá

4 Variáveis. Unesp Campus de Guaratinguetá 4 Variáveis Unesp Campus de Guaratinguetá Curso de Programação Computadores Prof. Aníbal Tavares Profa. Cassilda Ribeiro Ministrado por: Prof. André Amarante Composição do Hardware MEMÓRIA UNIDADES FUNCIONAIS

Leia mais

Processamento de Dados aplicado à Geociências. AULA 3: Algoritmos computacionais Representação de Algoritmos Sintaxe Tipos de dados Expressões

Processamento de Dados aplicado à Geociências. AULA 3: Algoritmos computacionais Representação de Algoritmos Sintaxe Tipos de dados Expressões Processamento de Dados aplicado à Geociências 1 AULA 3: Algoritmos computacionais Representação de Algoritmos Sintaxe Tipos de dados Expressões UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS CENTRO DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Entrada/Saída, Operadores. Curso: Técnico em Informática Disciplina: Algoritmos Prof. Abrahão Lopes

Entrada/Saída, Operadores. Curso: Técnico em Informática Disciplina: Algoritmos Prof. Abrahão Lopes 1 Entrada/Saída, Operadores Curso: Técnico em Informática Disciplina: Algoritmos Prof. Abrahão Lopes abrahao.lopes@ifrn.edu.br O Visualg Editor e interpretador de algoritmoscriado pelo professor Cláudio

Leia mais

Lógica de Programação Teoria. rogerioaraujo.wordpress.com - 1

Lógica de Programação Teoria. rogerioaraujo.wordpress.com - 1 Lógica de Programação Teoria rogerioaraujo.wordpress.com twitter: @rgildoaraujo - rgildoarauj@gmail.com 1 Tópicos Algoritmos Critérios para algoritmos Regras básicas para construção de um algoritmo Forma

Leia mais

CAPÍTULO 4 - OPERADORES E EXPRESSÕES

CAPÍTULO 4 - OPERADORES E EXPRESSÕES CAPÍTULO 4 - OPERADORES E EXPRESSÕES 4.1 - OPERADORES ARITMÉTICOS Os operadores aritméticos nos permitem fazer as operações matemáticas básicas, usadas no cálculo de expressões aritméticas. A notação usada

Leia mais

Linguagens de Programação PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES. Linguagem C. Linguagem C Estrutura Básica. Constante (literais) Linguagem C Primeiro Programa

Linguagens de Programação PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES. Linguagem C. Linguagem C Estrutura Básica. Constante (literais) Linguagem C Primeiro Programa Linguagens de Programação PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES Linguagem C - Introdução Linguagens de Máquina Representação numérica Difícil utilização e compreensão Específica para cada máquina Linguagens Simbólicas(Assembly)

Leia mais

Cap. 2 Expressões na linguagem C

Cap. 2 Expressões na linguagem C Programação de Computadores II Cap. 2 Expressões na linguagem C Livro: Waldemar Celes, Renato Cerqueira, José Lucas Rangel. Introdução a Estruturas de Dados, Editora Campus (24) Slides adaptados dos originais

Leia mais

LP - Lógica de Programação

LP - Lógica de Programação LP - Prof. Arnaldo M. Hidalgo Jr. arnaldo@flash.tv.br Prof. Rodrigo Ramos dos Santos rodrigo-etec@hotmail.com 5,0 h/a (2 aulas semanais) Currículo Graduado em Tecnologia em Processamento de Dados Unilins

Leia mais

PSEUDO-CÓDIGO. Nickerson Fonseca Ferreira

PSEUDO-CÓDIGO. Nickerson Fonseca Ferreira 1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS JOÃO CÂMARA PSEUDO-CÓDIGO Nickerson Fonseca Ferreira nickerson.ferreira@ifrn.edu.br Introdução 2 Um algoritmo pode ser

Leia mais

Teoria da Computação e Algoritmos. Introdução à Linguagem Pascal. ALGORITMO ; ; INÍCIO ; FIM.

Teoria da Computação e Algoritmos. Introdução à Linguagem Pascal. ALGORITMO <Nome do algoritmo>; <definições>; INÍCIO <Comandos>; FIM. Teoria da Computação e Algoritmos Introdução à Linguagem Pascal 1 Estrutura de um programa INÍCIO FIM. PROGRAM END.

Leia mais

ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE)

ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE) Algoritmos e Estruturas de Dados 1 Prof. Eduardo 1 ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE) Até o momento da disciplina vimos comandos de entrada, processamento e saída

Leia mais

Apêndice A. Pseudo-Linguagem

Apêndice A. Pseudo-Linguagem Apêndice A. Pseudo-Linguagem Apostila de Programação I A.1 Considerações Preliminares Os computadores convencionais se baseiam no conceito de uma memória principal que consiste de células elementares,

Leia mais