SETEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SETEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES"

Transcrição

1 SETEMBRO/213 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

2 ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o desenvolvimento sócioeconômico sustentável de Itabirito, através da interação entre iniciativa privada, poder público e sociedade civil, e apoiando empresários e empreendedores. VISÃO DE FUTURO: Ser reconhecida como centro empresarial e do terceiro setor responsável pelo desenvolvimento de Itabirito, sendo o fórum aglutinador e articulador da cidade. Relatório de Atividades por Setor Atendimentos à Comunidade em Setembro/ ADESITA 221 SINE Sistema Nacional de Emprego 51 Posto do Ministério do Trabalho e Emprego

3 ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito Relatório de Atividades Comparativo Serviços Setembro Acumulado Ano Meta 213 Quantidade Valor/ nº pessoas Quantidade Valor/ nº pessoas Quantidade Valor/ nº pessoas Atendimentos Sebrae Orientação abertura de Empresas Orientações Pesquisa Mercado Orientações Pesquisa Marketing Orientação Linhas de Crédito Orientações Planos de Negócios 14 1 Orientações Empreendedor Individual Orientação sobre Gestão Adm/Financeira Orientação sobre Projetos 5 Propostas de Financiamento , Proger Fundi BDMG BNDES Outros (Finame,Leasing,etc.) Cursos/Palestas Capacitações 35 Matriz de Capacitação SEBRAE 1 1 Empretec 1 22 Semana de Des. Econômico Minicursos Palestras Visitantes 185 Expositores 117 Volume de negócios gerados 3.., Missões Empresariais Sebrae 1 Palestras 1 Capacitações Técnicos Agência 7 Capacitação do 3º setor 1 Apoio TécnicoGerencial Planos de Negócios Consultoria 6 Nº atendimentos consultoria empresas expansão Nº atendimentos consultoria empresas implantação Nº atendimentos consultoria empresas acompanhamento 1 2 Pesquisa de Mercado/ Marketing 6 11 Planos de Viabilidade EconômicoFinanceira 5 Implantação de novos negócios 2 Convênios , Contratos ,2 Elaboração de Projetos 4 Captação de Recursos para Projetos Diagnóstico Empresarial/ Municipal 1 Reuniões Diversas Discriminação dos Atendimentos (nº de atendimentos) Plano de Negócios: Em andamento: JAC Posto de Combustível /Cooperativa de Costureira (5), Projeto Hseven (2), Lanternagem (5) Concluído: Projeto Comércio de Materiais de Construção (2) Consultorias Expansão: Consultorias Implantação: Consultorias Acompanhamento: Concluído: M & M Distribuidora (1) Curso/Capacitação: Em andamento: Capacitação Nota 1 (2); EMPRETEC (38), Capacitação 3º Setor (63) Pesquisa de Mercado/ Marketing: Em andamento: JAC Posto de Combustível Empresários e População, Cooperativa de Costureira (5) Viabilidade EconômicoFinanceira: Implantação de Novos negócios: Convênio: Em andamento: 9ª Semana de Desenvolvimento Econômico (9) Contrato: Em andamento: Projeto Ribeirão do Eixo Passarela, Projeto Ribeirão do Eixo Esgoto (4), Projeto Ribeirão do Eixo Água (2), Sebrae Integra (2), APAC (11), Capacitação Empreendedor Individual (6); Escritório de Projetos (7); IX Feira do Livro (14), Natal Iluminado (4) Projetos: Em andamento: Elaboração Projeto Apicultura, Elaboração Projeto Subvenção (2) Captação de Recursos para Projetos: Palestras: Capacitações Técnicos: Observações: Observações 2/9/213 Reunião com comissão social da APAC 3/9 a 5/9/213 Projeto Capacitação Nota 1 3/9/213 Visita técnica a Ribeirão do Eixo Local a ser instalado a ETA Estação de Tratamento de Água 3/9/213 Reunião na Gerdau em Miguel Bunier com a equipe de voluntários Gerdau do proejto capacitando o 3º Setor Alinhamento do projeto 4/9/213 Reunião com a gerência executiva da CDL Itabirito projeto Natal Iluminado 4/9/213 Participação na abertura oficial do projeto Festival de Turismo Rural 5/9/213 Reunião de apresentação da feira do livro MIP, UTC, Mascarenha Barbosa e Secretaria de cultura 5/9/213 Reunião com prefeito e o vereador Max Projeto Subvenção 6/9/213 Reunião com coordenado do comitê de parceiros da Adesita Alinhamento dos projetos 9/9/213 Reunião secretaria de estado de defesa social, cidade administrativa Captação de recursos projeto APAC 9/9/213 Reunião com o presidente sindicato rural de Itabirito e os secretários de Ouro Preto Desenvolvimento Social e Agropecuária 11/9/213 Reunião com a diretoria da PRESMET Solicitação de parceria 11/9/213 Reunião 9ª Semana de Desenvolvimento na SEMDE 12/9/213 Reunião na secretaria de cultura, projeto natal iluminado 13/9/213 Reunião com CDL Projeto Natal Iluminado 13/9/213 Reunião com o fornecedor dos biodigestor Projeto Ribeirão Projeto de melhoria proteção dos biodigestores 18/9/213 Reunião do Comitê de Parceiros 18/9/213 Visita técnica em Miguel Bunier com representantes da Gerdau, Sindicato Rural e da prefeitura de Ouro Preto 23/9/213 Reunião com empresa Mlins ganhadora do processo da construção civil da ETA Projeto Ribeirão do Eixo 24/9/213 Reunião do COMTUR 24/9/213 Benchmarking na EXPOSIBRAM 24/9/213 Reunião com representante da empresa Mlins ganhadora do processo da obra civil da ETA Ribeirão do Eixo

4 Sistema Nacional de Emprego Ministério do Trabalho e Emprego Governo do Estado de Minas Gerais POSTO: Período: 1/9/213 a 3/9/213 Produção do Posto de Atendimento Sine Itabirito Situação no Período Solicitado Total de Vagas Captadas Formais: 165 Aumento de Quadro: 128 Reposição: 37 Não Definido: Total de Vagas Captadas Informais: Total Geral de Vagas Captadas: 165 Total Geral de Atendimentos: Total detrabalhadores Inscritos (via atendimento): 24 Total de Retornos ao Posto (Atendimentos): Total de Convocações: Total Geral de Encaminhamentos: 189 Total de Colocações Formais: 18 Aumento de Quadro: Reposição: Não Definido: Total de Colocações Informais: Total Geral de Colocações Total Geral de Trabalhadores no Cadastro até 3/9/ Total Geral de Homologações Trabalhistas: 47 RELATÓRIO MENSAL REFERENTE A SEGURO DESEMPREGO E CTPS DE SETEMBRO DE 213 Carteira de Trabalho SeguroDesemprego 1ª e 2ª Via Entrada Andrisa C.Brito Silva Eduardo Coordenadora Sine Itabirito

5 Quantidade Gráficos SINE Setembro/213 Comparativo Vagas X Colocações X Encaminhamentos Pedidos de Seguro Desemprego out/12 nov/12 dez/12 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/ Meses out/12 nov/12 dez/12 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 Encaminhamentos Vagas Captadas Colocações Formais Pedidos de Seguro Desemprego Homologações Trabalhistas Emissão de Carteira de Trabalho out/12 nov/12 dez/12 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 out/12 nov/12 dez/12 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 Homologações Trabalhistas Emissão de Carteira de Trabalho

6 GLOSSÁRIO ACEI: Associação Comercial Empresarial de Itabirito AIAA: Associação Itabiritense de Artistas e Artesãos. CDL: Câmara Dirigente Lojistas. CASEMI: Caixa Assistencial dos Servidores do Município de Itabirito CEPEP: Centro Público de Educação Profissional José Toledo CMDE: Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico. COMTUR: Conselho Municipal de Turismo OCEMG: Organização das Cooperativas de Minas Gerais. PMI: Prefeitura Municipal de Itabirito. SEBRAE: Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. SEMCULT: Secretaria Municipal da Cultura. SEMDE: Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico. SINCOVITA: Sindicato do Comércio Varejista de Itabirito. SAAE: Serviço Autônomo de Água e Esgoto. UNIPAC: Universidade Presidente Antônio Carlos PARCEIROS

DEZEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

DEZEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES DEZEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer

Leia mais

ABRIL/2012 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

ABRIL/2012 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ABRIL/212 RELATÓRIO DE ATIVIDADES Relatório de Atividades por Setor Atendimentos à Comunidade em Abril/212 97 ADESITA 346 SINE Sistema Nacional de Emprego 43 Posto do Min. do Trabalho e Emprego ADESITA

Leia mais

JANEIRO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

JANEIRO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES JANEIRO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o

Leia mais

MARÇO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

MARÇO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES MARÇO/214 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o desenvolvimento

Leia mais

MAIO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

MAIO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES MAIO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o desenvolvimento

Leia mais

JUNHO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

JUNHO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES JUNHO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o desenvolvimento

Leia mais

FEVEREIRO/ 2015 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

FEVEREIRO/ 2015 RELATÓRIO DE ATIVIDADES FEVEREIRO/ 215 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer

Leia mais

Relatório de Atividades por Setor

Relatório de Atividades por Setor DEZEMBRO/212 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES MAIO /2016

RELATÓRIO DE ATIVIDADES MAIO /2016 MAIO /2016 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o desenvolvimento

Leia mais

SETEMBRO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

SETEMBRO/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES SETEMBRO/214 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer o

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl Acum 14 set/11 15

Leia mais

Como obter recursos da iniciativa privada por meio de agência de desenvolvimento

Como obter recursos da iniciativa privada por meio de agência de desenvolvimento Como obter recursos da iniciativa privada por meio de agência de desenvolvimento Palestrante: Norma Sueli dos Santos Contadora, MBA em Administração do Terceiro Setor, Chefe do Setor Contábil e financeiro

Leia mais

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES Página 1 de 28 Atualização: da poupança jun/81 1 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00 26.708,00-0,000% - 26.708,00 26.708,00 26.708,00 jul/81 2 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

RELATÓRIO DE MENSAL SIMPLIFICADO RMS RMS N. 14

RELATÓRIO DE MENSAL SIMPLIFICADO RMS RMS N. 14 RELATÓRIO DE MENSAL SIMPLIFICADO RMS RMS N. 14 PERÍODO: 01 de fevereiro de 2016 a 29 de fevereiro de 2016 DATA: 01/03/2016 INTRODUÇÃO Este relatório tem como objetivo atender as demandas estabelecidas

Leia mais

IX Seminário de Tecnologia em Saneamento Ambiental da Regional São Paulo

IX Seminário de Tecnologia em Saneamento Ambiental da Regional São Paulo (ISO Em Processo de Implantação) IX Seminário de Tecnologia em Saneamento Ambiental da Regional São Paulo Vantagens de um sistema de gestão da qualidade nos serviços de saneamento básico Manoel Carlos

Leia mais

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,8 21-Jul-00 Real 0,6493 Sem frete - PIS/COFINS

Leia mais

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2015

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2015 Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços Junho de 2015 Definições A Pesquisa de Emprego em Serviços é desenvolvida pela CNS/FESESP com base em dados do sistema RAIS- CAGED do Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

Agendamento de grupos na Pró-Sangue: Estratégias e Resultados

Agendamento de grupos na Pró-Sangue: Estratégias e Resultados Agendamento de grupos na Pró-Sangue: Estratégias e Resultados Sílvia Petrossi Gallo Polato Graduada em Publicidade e Propaganda pela PUC/SP Especialista em Gestão de Processos Comunicacionais pela USP

Leia mais

Programa de Cooperação Científica e Tecnológica Subprograma de Empresas Juniores. Plano de trabalho

Programa de Cooperação Científica e Tecnológica Subprograma de Empresas Juniores. Plano de trabalho Programa de Cooperação Científica e Tecnológica Subprograma de Empresas Juniores Plano de trabalho 2016-2017 1. JUSTIFICATIVA O Subprograma de Empresas Juniores, vinculado ao PDI PROGRAMA 10 PROGRAMA UNESP

Leia mais

33ª Novembro de 2010

33ª Novembro de 2010 33ª Novembro de 2010 EXPEDIENTE DA FUNDAÇÃO SOCIAL DO TRABALHO DE CAMPO GRANDE PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE Nelson Trad Filho Prefeito Municipal Maria Antonieta Amorim Trad Secretária Munic. de

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS JANEIRO/16

PRESTAÇÃO DE CONTAS JANEIRO/16 PRESTAÇÃO DE CONTAS JANEIRO/16 INDICE RELATÓRIO DE ATIVIDADES ATENDIMENTO P.A. ADULTO & PEDIATRIA INTERNAÇÕES PRESTAÇÃO DE CONTAS FINANCEIRO RECEBIMENTOS DESPESAS ESTUDOS PRÉ ABERTURA DA SANTA CASA AÇÕES

Leia mais

Contexto dos Pequenos Negócios Empresariais no Brasil

Contexto dos Pequenos Negócios Empresariais no Brasil Contexto dos Pequenos Negócios Empresariais no Brasil 2010 2011 2012 2013 2014 4,6milhões 5,6 milhões 6,8 milhões 7,9 milhões 9,5 milhões Fonte: DataSebrae, a partir de dados da Receita Federal do Brasil.

Leia mais

FÓRUM TECNICO DAS COOPERATIVAS EDUCACIONAIS SEGMENTO PAIS DE ALUNOS. Bauru/SP 20 de Outubro 2016

FÓRUM TECNICO DAS COOPERATIVAS EDUCACIONAIS SEGMENTO PAIS DE ALUNOS. Bauru/SP 20 de Outubro 2016 FÓRUM TECNICO DAS COOPERATIVAS EDUCACIONAIS SEGMENTO PAIS DE ALUNOS Bauru/SP 20 de Outubro 2016 ENCONTRO DE DIRIGENTES DAS COOPERATIVAS EDUCACIONAIS 2015 Dificuldades Inadimplência Marketing Integração

Leia mais

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12 JANEIRO 2,8451 2,7133 2,4903 2,3303 2,1669 1,9859 1,7813 1,6288 1,4527 1,3148 1,1940 1,0684 FEVEREIRO 2,8351 2,6895 2,4758 2,3201 2,1544 1,9676 1,7705 1,6166 1,4412 1,3048 1,1840 1,0584 MARÇO 2,8251 2,6562

Leia mais

RANCHOdo CRÉDITO RURAL. BALCÃOdoMICROCRÉDITO

RANCHOdo CRÉDITO RURAL. BALCÃOdoMICROCRÉDITO RANCHOdo CRÉDITO RURAL BALCÃOdoMICROCRÉDITO QUEM SOMOS O SEBRAE-SP é uma entidade privada e de interesse público, que apoia a abertura e expansão dos pequenos negócios e transforma a vida de milhões de

Leia mais

72ª Fevereiro de 2014

72ª Fevereiro de 2014 72ª Fevereiro de 2014 EXPEDIENTE DA FUNDAÇÃO SOCIAL DO TRABALHO - FUNSAT PREFEITURA DE CAMPO GRANDE Alcides Jesus Peralta Bernal Prefeito de Campo Grande - MS Thaís Helena Vieira Rosa Gomes Secretária

Leia mais

MODELO AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE LABORATIVA E DO NEXO TECNICO PREVIDENCIÁRIO

MODELO AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE LABORATIVA E DO NEXO TECNICO PREVIDENCIÁRIO MODELO AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE LABORATIVA E DO NEXO TECNICO PREVIDENCIÁRIO Brasília Julho/2013 GRANDES NÚMEROS DO INSS 1.501 Agências da Previdência Social 39.392 servidores (4.730 peritos médicos) 198.000

Leia mais

Monitoramento e assessoria técnica para ações de saneamento básico

Monitoramento e assessoria técnica para ações de saneamento básico Monitoramento e assessoria técnica para ações de saneamento básico EIXO3: Desenvolvimento de Projeto Executivo dos sistemas de esgotamento sanitário dos Povoados de Chapada e Manchão do Meio em Xambioá/TO

Leia mais

CONERGE Mercado Brasil. Brasil, 16 de Junho de 2016

CONERGE Mercado Brasil. Brasil, 16 de Junho de 2016 CONERGE Mercado Brasil Brasil, 16 de Junho de 2016 Diretoria de Mercado Coelce O que fazemos Arrecadação Atendimento ao Cliente Cobranças 2 Diretoria de Mercado O que fazemos? Cuidamos de todo o processo

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA DE VOTORANTIM / SP

PLANO MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA DE VOTORANTIM / SP PLANO MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA DE VOTORANTIM / SP 1ª Conferência - março de 2016 tema: lançamento do processo de elaboração do Plano O QUE É MOBILIDADE URBANA? Mobilidade é a forma de deslocamento

Leia mais

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016 Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado do Paraná Safra 2016/2017 Mar/16 0,6048 0,6048 0,6048 66,04 73,77 Abr 0,6232 0,6232 0,5927 64,72 72,29 Mai 0,5585 0,5878 0,5868

Leia mais

CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS

CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS JANEIRO 31 01 Dia Mundial da Paz (Confraternização Universal) - Feriado 04 a 31 Férias docentes e discentes FEVEREIRO 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 3

Leia mais

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2014

Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços. Junho de 2014 Pesquisa Mensal de Atividade em Serviços Junho de 2014 Definições A Pesquisa de Emprego em Serviços é desenvolvida pela CNS/FESESP com base em dados do sistema RAIS- CAGED do Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Sindipetro RJ. Petroleiros do Rio de Janeiro. Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE. julho de 2012

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Sindipetro RJ. Petroleiros do Rio de Janeiro. Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE. julho de 2012 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Petroleiros do Rio de Janeiro Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE julho de 2012 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-setembro-2011 até 31-agosto-2012

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA CONTRATO 07/2013 EXERCÍCIO 2013 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 out/13 nov/13 dez/13 Número da Nota Fiscal emitida - - - - - - 92 99 110 121/133-157 - - Depósitos realizados

Leia mais

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - JULHO

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - JULHO PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - JULHO 2014 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico Coordenação de Campo: Roberto Guerra SUMÁRIO

Leia mais

EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO

EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO 2010 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico AD HOC Revisão Técnica: José Varela Donato SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS

Leia mais

CONEXÕES CRIATIVAS - BETIM Projetos inseridos na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura

CONEXÕES CRIATIVAS - BETIM Projetos inseridos na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura CONEXÕES CRIATIVAS - BETIM Projetos inseridos na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura. Conexões para transformar www.planetacultura.com.br Introdução O que é o Conexões Criativas - Betim? Conhecendo o PTB

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego em Serviços. Março de 2014

Pesquisa Mensal de Emprego em Serviços. Março de 2014 Pesquisa Mensal de Emprego em Serviços Março de 2014 Definições A Pesquisa de Emprego em Serviços é desenvolvida pela CNS/FESESP com base em dados do sistema RAIS- CAGED do Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego em Serviços. Abril de 2013

Pesquisa Mensal de Emprego em Serviços. Abril de 2013 Pesquisa Mensal de Emprego em Serviços Abril de 2013 Definições A Pesquisa de Emprego em Serviços é desenvolvida pela CNS/FESESP com base em dados do sistema RAISCAGED do Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

Mercado de Trabalho INDICADORES GERAIS. Ortigueira Aspectos sócio-econômicos MERCADO DE TRABALHO

Mercado de Trabalho INDICADORES GERAIS. Ortigueira Aspectos sócio-econômicos MERCADO DE TRABALHO Mercado de Trabalho A leitura do mercado de trabalho foi embasada em dados de empregos formais, trabalhados pelos dados do RAIS (Relação Anula de Informações Sociais), agência do trabalhador e CAGED (Cadastro

Leia mais

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - SETEMBRO

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - SETEMBRO Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - SETEMBRO 2016 - SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS DA PESQUISA...

Leia mais

Mecanismos Municipais de Fomento à Inovação

Mecanismos Municipais de Fomento à Inovação Mecanismos Municipais de Fomento à Inovação Marcus J. Rocha Superintendente Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação Secretaria Municipal de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Florianópolis

Leia mais

Especialista em políticas públicas de desenvolvimento econômico atuando em:

Especialista em políticas públicas de desenvolvimento econômico atuando em: Currículo Políticas Públicas 15/12/2014 FLÁVIO BARCELLOS GUIMARÃES flavio@prolucro.com.br www.prolucro.com.br Diretor / Consultor 31 9992 3984 / 31 3284 3984 Especialista em políticas públicas de desenvolvimento

Leia mais

Alturas mensais de precipitação (mm)

Alturas mensais de precipitação (mm) Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos AGUASPARANÁ - Instituto das Águas do Paraná Sistema de Informações Hidrológicas - SIH Alturas mensais de precipitação (mm) Estação: Município: Tipo: Altitude:

Leia mais

INSTITUTO SENAI DE TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE E QUIMICA ELABORAÇÃO DO PLANO DE LOGISTICA REVERSA VESTUÁRIO E TÊXTIL

INSTITUTO SENAI DE TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE E QUIMICA ELABORAÇÃO DO PLANO DE LOGISTICA REVERSA VESTUÁRIO E TÊXTIL INSTITUTO SENAI DE TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE E QUIMICA ELABORAÇÃO DO PLANO DE LOGISTICA REVERSA VESTUÁRIO E TÊXTIL SINDICATOS PARTICIPANTES SINDICOURO Sindicato das Indústrias de Artefatos de Couro do

Leia mais

INICIATIVA DO ENSINO MÉDIO. Histórico e Ações do GT. Maio de 2017

INICIATIVA DO ENSINO MÉDIO. Histórico e Ações do GT. Maio de 2017 INICIATIVA DO ENSINO MÉDIO Histórico e Ações do GT Maio de 2017 INICIATIVA DO ENSINO MÉDIO DECLARAÇÃO DE ESCOPO Entendimento do contexto e proposta da iniciativa: CONTEXTO E NECESSIDADE OBJETIVO DA INICIATIVA

Leia mais

CONTRIBUINDO PARA A COMPETITIVIDADE SUSTENTÁVEL

CONTRIBUINDO PARA A COMPETITIVIDADE SUSTENTÁVEL CONTRIBUINDO PARA A COMPETITIVIDADE SUSTENTÁVEL Uma organização autossustentável e não Governamental, que atua através de um sistema de Rede de Comitês, utilizando trabalho voluntário. Agentes Multiplicadores

Leia mais

PRAÇA DO EMPREENDEDOR

PRAÇA DO EMPREENDEDOR PRAÇA DO EMPREENDEDOR PRAÇA DO EMPREENDEDOR Inaugurada em 23 de junho de 2015, a Praça do Empreendedor foi criada com o intuito de simplificar e desburocratizar os processos para abertura de empresas no

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Fevereiro Tema: Emprego

Boletim de Conjuntura Econômica Fevereiro Tema: Emprego Boletim de Conjuntura Econômica Fevereiro Tema: Emprego Setor de Serviços lidera a geração de empregos com 48% dos empregos Gerados em Janeiro O setor de Serviços lidera a geração de empregos em 211, começou

Leia mais

COOPERATIVAS DE CRÉDITO DESEMPENHO ECONÔMICO SUSTENTABILIDADE

COOPERATIVAS DE CRÉDITO DESEMPENHO ECONÔMICO SUSTENTABILIDADE COOPERATIVAS DE CRÉDITO PERFIL INSTITUCIONAL DESEMPENHO ECONÔMICO SOLUÇÕES FINANCEIRAS SUSTENTABILIDADE AGENTES DA PROMOÇÃO DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL DAS COMUNIDADES ONDE ATUAM Principais funções

Leia mais

Presidência PR Diretoria de Administração DA. PID - Plano de Incentivo ao Desligamento Empresas Eletrobras

Presidência PR Diretoria de Administração DA. PID - Plano de Incentivo ao Desligamento Empresas Eletrobras Presidência PR Diretoria de Administração DA PID - Plano de Incentivo ao Desligamento Empresas Eletrobras Comissão de Minas e Energia Câmara dos Deputados 02 de julho de 2013 Estrutura Analítica do Projeto

Leia mais

Cenário Futuro do Consumo de Água no Espírito Santo. 15/12/ Vitória/ES

Cenário Futuro do Consumo de Água no Espírito Santo. 15/12/ Vitória/ES Cenário Futuro do Consumo de Água no Espírito Santo 15/12/2015 - Vitória/ES AGENDA A CESAN Principais resultados alcançados Cenário hídrico Ações e projetos futuros 52 municípios atendidos 72 % da população

Leia mais

COMPROMISSO COM A FORMALIDADE Regulamentação da Lei Geral Municipal

COMPROMISSO COM A FORMALIDADE Regulamentação da Lei Geral Municipal COMPROMISSO COM A FORMALIDADE Regulamentação da Lei Geral Municipal Prefeitura Municipal de Aperibé RJ. Secretária Municipal de Planejamento e Fazenda. 2009 Município: APERIBÉ- RJ Formação do Grupo de

Leia mais

Conjuntura - Saúde Suplementar

Conjuntura - Saúde Suplementar Conjuntura - Saúde Suplementar 28º Edição - Setembro 2015 Sumário Conjuntura - Saúde Suplementar Seção Especial 3 Nível de Atividade 4 Emprego 5 Emprego direto em planos de saúde 6 Renda 6 Inflação 7 Câmbio

Leia mais

Fatores Críticos de Sucesso na Implementação do Escritório de Projetos (PMO)

Fatores Críticos de Sucesso na Implementação do Escritório de Projetos (PMO) Fatores Críticos de Sucesso na Implementação do Escritório de Projetos (PMO) Mauro Tonon, PMP, MBA Ago/2017 17 AGOSTO Sobre o Palestrante e a Palestra Mauro Tonon é graduado em Tecnologia da Informação,

Leia mais

PROJETO START EXPORT/PAIIPME. Florianópolis, 28/11/2008

PROJETO START EXPORT/PAIIPME. Florianópolis, 28/11/2008 PROJETO START EXPORT/PAIIPME Florianópolis, 28/11/2008 Estrutura da Apresentação ü Histórico ü Fundamentos ü Público-alvo ü Descrição do produto ü Etapas de desenvolvimento na empresa ü Principais benefícios

Leia mais

MTE MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO. Seminário sobre Políticas Públicas Intersetoriais: Proteção Social e Emprego

MTE MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO. Seminário sobre Políticas Públicas Intersetoriais: Proteção Social e Emprego MTE MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO Seminário sobre Políticas Públicas Intersetoriais: Proteção Social e Emprego Rio de Janeiro, 30 de novembro e 01 de dezembro de 2010 A experiência Brasileira: Qualificação

Leia mais

AÇÕES DESENVOLVIDAS PELA ACIAI 2014

AÇÕES DESENVOLVIDAS PELA ACIAI 2014 AÇÕES DESENVOLVIDAS PELA ACIAI 0 PARTICIPAÇÃO EM REUNIÕES/EVENTOS/CURSOS LOCAL PARTICIPANTE No. Part. /jan Assembléia Sicoob Curitiba Rogério /fev Reunião Unimed Aciai Rogerio/Simone 8/fev Pre Assembleia

Leia mais

MISSÃO TÉCNICA EXPERIENCIAS E BENCHMARK MINISTÉRIO DEL AMBIENTE DEL PERÚ E CTB - AGENCIA BELGA DE DESARROLLO

MISSÃO TÉCNICA EXPERIENCIAS E BENCHMARK MINISTÉRIO DEL AMBIENTE DEL PERÚ E CTB - AGENCIA BELGA DE DESARROLLO MISSÃO TÉCNICA EXPERIENCIAS E BENCHMARK MINISTÉRIO DEL AMBIENTE DEL PERÚ E CTB - AGENCIA BELGA DE DESARROLLO SEBRAE NA UAIN Apoio SEBRAE CDT AL Paraná 21 a 24 agosto de 2012 INTRODUÇÃO A UAIN - SEBRAE

Leia mais

Junto à Associação dos Jovens Empreendedores

Junto à Associação dos Jovens Empreendedores Capacitação Reunião de Sensibilização do SAGS Junto à Associação dos Jovens Empreendedores No dia 21 de maio foi realizada a 1ª Reunião do SAGS, no Senac, com a condução do Instrutor Evilásio Luveriaga,

Leia mais

SEBRAE SEBRAE DA LEI GERAL DAS. Quem são os Pequenos Negócios?

SEBRAE SEBRAE DA LEI GERAL DAS. Quem são os Pequenos Negócios? A IMPLEMENTAÇÃO DA LEI GERAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS EM MATO GROSSO Quem são os Pequenos Negócios? PRODUTOR RURAL Pessoa física ou jurídica que explora a terra, com fins econômicos ou de subsistência

Leia mais

AGEREG P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E C A M P O G R A N D E

AGEREG P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E C A M P O G R A N D E AGEREG A G Ê N C I A D E R E G U L A Ç Ã O D O S S E R V I Ç O S P Ú B L I C O S D E L E G A D O S D E C A M P O G R A N D E Águas Guariroba P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E C A M P O G R A N

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MODALIDADE A DISTÂNCIA CRONOGRAMA ACADÊMICO 2011 MBA EM ADMINISTRAÇÃO E MARKETING TURMAS 2011

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MODALIDADE A DISTÂNCIA CRONOGRAMA ACADÊMICO 2011 MBA EM ADMINISTRAÇÃO E MARKETING TURMAS 2011 2 3 4 5 6 7 8 9 0 2 3 4 5 6 7 8 9 20 22 Aula Data Evento 7/0 a 22/0 Período para solicitação de provas de 2ª chamada 23 24 25 26 27 28 29 26/jan Entrada de novos alunos + AVA (OFERTA JANEIRO 20) 30 3 3/0

Leia mais

CURSO TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - SEMESTRAL

CURSO TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - SEMESTRAL JANEIRO 31 FEVEREIRO 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 MARÇO 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 JANEIRO

Leia mais

1. Mercado e Construção Civil. 2. Números do Crédito Imobiliário. 3. Informações MCMV. 4. funding. 5. Ações relevantes. 6.

1. Mercado e Construção Civil. 2. Números do Crédito Imobiliário. 3. Informações MCMV. 4. funding. 5. Ações relevantes. 6. Reunião Fev 2016 1. Mercado e Construção Civil 2. Números do Crédito Imobiliário 3. Informações MCMV 4. funding 5. Ações relevantes 6. Pauta CAIXA 2 Mercado de Trabalho Construção Civil #00 Fonte: CAGED

Leia mais

EMPREGO E SALÁRIO DO COMERCIO VAREJISTA DE MACEIÓ (AL) - AGOSTO

EMPREGO E SALÁRIO DO COMERCIO VAREJISTA DE MACEIÓ (AL) - AGOSTO EMPREGO E SALÁRIO DO COMERCIO VAREJISTA DE MACEIÓ (AL) - AGOSTO 2010 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico AD HOC Revisão Técnica: José Varela Donato SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS

Leia mais

PIB BRASILEIRO (variação anual, %)

PIB BRASILEIRO (variação anual, %) PIB PIB BRASILEIRO (variação anual, %) 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 7.5 7.0 5.0 3.0 1.0 4.4 1.4 3.1 1.1 5.8 3.2 4.0 6.1 5.1 4.0 1.9 3.0

Leia mais

Promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional.

Promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional. QUEM SOMOS O SEBRAE-SP é uma entidade privada e de interesse público, que apoia a abertura e expansão dos pequenos negócios e transforma a vida de milhões de pessoas por meio do empreendedorismo. Estas

Leia mais

PATROCINAR A FNQ É INVESTIR NA GESTÃO

PATROCINAR A FNQ É INVESTIR NA GESTÃO PATROCINAR A FNQ É INVESTIR NA GESTÃO Sobre nós 2 Instituição sem fins lucrativos Criada em 1991, por representantes dos setores público e privado Responsável pela organização, promoção e avaliação do

Leia mais

VARIAÇÃO ANUAL DO PIB BRASILEIRO (%)

VARIAÇÃO ANUAL DO PIB BRASILEIRO (%) PIB 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 VARIAÇÃO ANUAL DO PIB BRASILEIRO (%) 7.5 7.0 5.0 3.0 1.0 4.4 1.4 3.1 1.1 5.8 3.2 4.0 6.1 5.1 3.9 1.9 3.0

Leia mais

A MARKETUP É UMA STARTUP QUE ACREDITA NA IMPORTÂNCIA DAS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS E SUA ATITUDE EMPREENDEDORA

A MARKETUP É UMA STARTUP QUE ACREDITA NA IMPORTÂNCIA DAS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS E SUA ATITUDE EMPREENDEDORA QUEM SOMOS A MARKETUP É UMA STARTUP QUE ACREDITA NA IMPORTÂNCIA DAS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS E SUA ATITUDE EMPREENDEDORA 2 SÓCIOS E EQUIPE 3 MERCADO BRASIL O Brasil possui hoje mais de 16 milhões

Leia mais

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14 31-jan-14 a - Juros 6.691.919,50 a - Juros 1.672.979,81 b - Amortização 3.757.333,97 b - Amortização 939.333,65 a - Saldo atual dos CRI Seniors (984.936.461,48) b - Saldo atual dos CRI Junior (246.234.105,79)

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS JUNHO/15

PRESTAÇÃO DE CONTAS JUNHO/15 PRESTAÇÃO DE CONTAS JUNHO/15 INDICE RELATÓRIO DE ATIVIDADES ATENDIMENTO P.A. ADULTO & PEDIATRIA INTERNAÇÕES PRESTAÇÃO DE CONTAS FINANCEIRO RECEBIMENTOS DESPESAS ESTUDOS PRÉ ABERTURA DA SANTA CASA AÇÕES

Leia mais

Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais FIEMG

Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais FIEMG Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais FIEMG Vídeo: A Força de quem FAZ O SISTEMA FIEMG A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais representa as indústrias do Estado e atua na defesa

Leia mais

SEBRAE - SP apresenta :

SEBRAE - SP apresenta : SEBRAE - SP apresenta : 2015 O SEBRAE-SP O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) - em SP, tem a missão de promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos empreendimentos

Leia mais

As obras que ilustram este material pertencem ao acervo do BRDE.

As obras que ilustram este material pertencem ao acervo do BRDE. www.brde.com.br As obras que ilustram este material pertencem ao acervo do BRDE. DADOS PESSOAIS Nome Endereço nº complemento CEP Cidade Estado Telefone E-mail DADOS PROFISSIONAIS Empresa Endereço nº complemento

Leia mais

VARIAÇÃO ANUAL DO PIB BRASILEIRO (%)

VARIAÇÃO ANUAL DO PIB BRASILEIRO (%) PIB 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 VARIAÇÃO ANUAL DO PIB BRASILEIRO (%) 9.0 8.0 7.6 7.0 6.0 5.0 4.0 3.0 2.0 1.0-1.0 4.4 1.3 3.1 1.2 5.7 3.1 4.0 6.0

Leia mais

PORTFÓLIO. Alimentos

PORTFÓLIO. Alimentos Alimentos QUEM SOMOS? Entidade privada que promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos empreendimentos de micro e pequeno porte aqueles com faturamento bruto anual de até R$ 3,6 milhões.

Leia mais

SHELL BRASIL PETRÓLEO LTDA. PEA SHELL FASE 2

SHELL BRASIL PETRÓLEO LTDA. PEA SHELL FASE 2 SHELL BRASIL PETRÓLEO LTDA. PEA SHELL FASE 2 BIJUPIRÁ & SALEMA E PARQUE DAS CONCHAS Plano de Trabalho ANEXO B CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO NOVEMBRO DE 2013 CRONOGRAMA MENSAL DE 2012 Abr Mai Jun Jul Ago

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Novembro Tema: Emprego

Boletim de Conjuntura Econômica Novembro Tema: Emprego Boletim de Conjuntura Econômica Novembro Tema: Emprego Brasil Atinge a marca histórica de 2.4 milhões de empregos em 21 Setor de Serviços lidera a geração de empregos com 36% dos empregos Gerados no período

Leia mais

O QUE É UM OBSERVATÓRIO SOCIAL

O QUE É UM OBSERVATÓRIO SOCIAL eeeee O QUE É UM OBSERVATÓRIO SOCIAL É um espaço democrático e apartidário; Reúne em sua estrutura o maior número possível de entidades representativas da sociedade civil; Tem como objetivo de contribuir

Leia mais

Construção civil: balanço e perspectivas 2/12/2013

Construção civil: balanço e perspectivas 2/12/2013 Construção civil: balanço e perspectivas 2/12/2013 Balanço 2013 As expectativas eram modestas Lançamentos e vendas no mercado imobiliário voltam a crescer; Investimentos em infraestrutura crescem mais

Leia mais

EM % Média : 3,8% Média : 2,7% FONTE: IBGE ELABORAÇÃO: BRADESCO

EM % Média : 3,8% Média : 2,7% FONTE: IBGE ELABORAÇÃO: BRADESCO PIB 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015* Fonte: IBGE e IPEA CRESCIMENTO Elaboração

Leia mais

Em junho foram criados empregos formais em Santa Catarina

Em junho foram criados empregos formais em Santa Catarina Informativo Caged nº 07/2009 16/07/2009 Em junho foram criados 1.121 empregos formais em Santa Catarina No 1º semestre foram abertas 11,7 mil vagas e foi o pior resultado para o acumulado no primeiro semestre

Leia mais

CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS: ANUAL

CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS: ANUAL JANEIRO JANEIRO 01 Feriado Nacional (Confraternização Universal) 04 Início das férias dos docentes 05 Publicação das notas e faltas de 2015 05 a 29 Solicitação de retificação de notas de 2015 18 a 20 Matrícula

Leia mais

Governança de Empreendimentos na Sabesp. Práticas Atuais e Novos Desafios

Governança de Empreendimentos na Sabesp. Práticas Atuais e Novos Desafios Governança de Empreendimentos na Sabesp Práticas Atuais e Novos Desafios OBJETIVO APRESENTAR O MODELO DE GOVERNANÇA DE EMPREENDIMENTOS REALIZADO NA SABESP O QUE É GOVERNANÇA DE EMPREENDIMENTOS Grupo de

Leia mais

Relatório Anual do Serviço de Informação ao Cidadão Banpará

Relatório Anual do Serviço de Informação ao Cidadão Banpará Relatório Anual do Serviço de Informação ao Cidadão Banpará Exercício 6 BELÉM/PA Página APRESENTAÇÃO Este Relatório foi elaborado pela Autoridade de Gerenciamento do BANCO DO ESTADO DO PARÁ S.A., responsável

Leia mais

APL JOIAS FOLHEADAS BIJUTERIAS DE LIMEIRA-SP

APL JOIAS FOLHEADAS BIJUTERIAS DE LIMEIRA-SP APL JOIAS FOLHEADAS BIJUTERIAS DE LIMEIRA-SP 154km de São Paulo Região Administrativa de Campinas, localizado no entroncamento das Rodovias Anhanguera, Washington Luiz, Rodovia Mogi Mirim/Piracicaba e

Leia mais

Projeto de Capacitação da Comunidade USP Campus Ribeirão Preto

Projeto de Capacitação da Comunidade USP Campus Ribeirão Preto Projeto de Capacitação da Comunidade USP Campus Ribeirão Preto Agosto de 2017 Objetivo Apresentar à comunidade acadêmica, por meio de uma série de atividades de capacitação (gratuitas), a importância da

Leia mais

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE DOCUMENTO 2 LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE 100.105.025 644425 10 10 fev/05 fev/10 9660 10/10/2005 13/10/2005

Leia mais

BOLETIM DE ENCADEAMENTO PRODUTIVO

BOLETIM DE ENCADEAMENTO PRODUTIVO BOLETIM DE ENCADEAMENTO PRODUTIVO 01/2015 O Encadeamento Produtivo é uma estratégia para aumentar a competitividade das empresas de pequeno porte por meio de relacionamentos cooperativos com grandes empresas

Leia mais

OS DESAFIOS DO CONGRESSO PARA 2017 LEGISLAÇÃO TRABALHISTA HÉLIO ZYLBERSTAJN FEA/USP E FIPE

OS DESAFIOS DO CONGRESSO PARA 2017 LEGISLAÇÃO TRABALHISTA HÉLIO ZYLBERSTAJN FEA/USP E FIPE HÉLIO ZYLBERSTAJN FEA/USP E FIPE Brasília 08/02/2017 1. Introdução 2. Terceirização (PL da Câmara 30/2015) 3. Trabalho Intermitente (PL do Senado 218/2016 4. Programa Seguro-Emprego (MP 761/2016) 5. Reforma

Leia mais

BANCO DO EMPREENDEDOR ALTERNATIVAS DE CRÉDITO PARA MICRO E PEQUENA INDUSTRIA WORKSHOP PARA CERVEJARIAS ARTESANAIS FLORIANÓPOLIS/SC 31/03/2017

BANCO DO EMPREENDEDOR ALTERNATIVAS DE CRÉDITO PARA MICRO E PEQUENA INDUSTRIA WORKSHOP PARA CERVEJARIAS ARTESANAIS FLORIANÓPOLIS/SC 31/03/2017 BANCO DO EMPREENDEDOR ALTERNATIVAS DE CRÉDITO PARA MICRO E PEQUENA INDUSTRIA WORKSHOP PARA CERVEJARIAS ARTESANAIS FLORIANÓPOLIS/SC 31/03/2017 MISSÃO Promover o desenvolvimento econômico e social, de forma

Leia mais

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Aquário 25 Dez 1939 Vênus Em Peixes 18 Jan 1940 Vênus Em Áries 12 Fev 1940 Vênus Em Touro 8 Mar 1940 Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Câncer 6 Maio 1940 Vênus Em Gêmeos 5 Jul 1940 Vênus Em

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE DIADEMA

OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE DIADEMA OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE DIADEMA Relatório Mensal: A Movimentação do Mercado de Trabalho Formal no Município de Diadema Março de 2008 Termo de Contrato Nº. 226/2007 MAIO de 2008 SUMÁRIO Apresentação

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DA BAHIA-CRA-BA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO E REGISTRO PLANO DE TRABALHO

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DA BAHIA-CRA-BA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO E REGISTRO PLANO DE TRABALHO CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DA BAHIA-CRA-BA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO E REGISTRO PLANO DE TRABALHO - 2013 PROGRAMA: Fiscalização in loco e Preventiva da Profissão de Administrador. PROJETO: Fiscalizar

Leia mais

CRESCIMENTO DO PIB BRASILEIRO

CRESCIMENTO DO PIB BRASILEIRO PIB 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015* Fonte: IBGE e IPEA CRESCIMENTO DO PIB

Leia mais