Leitura e Mediação Pedagógica

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Leitura e Mediação Pedagógica"

Transcrição

1 Protocolo Colaborador: ######## 66 Leitura e Mediação Pedagógica AC Pesquisador: Paula Maria Cobucci Ribeiro Dias Transcrição (1) P: As coisas mudam ou não mudam? Olha só: tem umas coisas boas. Olha só. Aqui diz... Ah... Eh... Vamos ver se tem coisas que mudaram. Aqui diz assim: As pessoas morrerão apenas em acidentes, mas não definitivamente, os mortos serão congelados para serem tratados mais tarde. (2) AC: Ãh? (3) P: Isso mudou? (4) AC: Não. (5) P: As pessoas continuam morrendo, não é? Pode ser rica, milionária que morre. A cocaína será legalizada. E com a legalização da maconha irá aumentar a arrecadação de impostos. (6) AC: Que que é isso? (7) P: A cocaína O que que é cocaína? Você sabe? (8) AC: Sei. É uma droga (9) P: Iiiiisso. É uma droga que as pessoas cheiram. Muito bem. Agora, ela é legalizada? (10) AC: Não. (11) P: Assim, eu posso ir ali na padaria e comprar cocaína? (12) AC: Não. (13) P: Não. Se eu comprar, se eu usar, eu posso ser presa, não posso? (14) AC: Pode. (15) P: Então, ela é legalizada? (16) AC: Não. (17) P: Não, né? Não é legal. Eu não posso comprar assim, não, né? Então continua sendo ilegal. Então isso mudou? Não, não mudou, não. Impresso quinta-feira, 24 de março de 2011 Página 1 de 5

2 (18) AC: Não. (19) P: Esportes. O recorde... (20) AC: O que que cê tá vendo? Eu não estou entendendo. (21) P: Só pra te falar uma coisa. Recorde de Bob no salto em distância só será superado daqui a mil anos. Ah. Eu acho que já superaram. Qual é a sua pergunta? (22) AC: Tá aqui, rapidão. Ó. Não é posso conhecer... Não é esse aqui, não, mamãe. (23) P: Não. Não é esse outro aqui? (24) AC: Então. Se as casas são sempre casas, se os carros são sempre os carros, os aviões são sempre aviões, os homens são sempre os homens, porque ouvimos dizer que o mundo mudou ou não é mais o mesmo? (25) P: Então. Aí ele fala algumas coisas. Por exemplo, as casas são sempre as casas, mas as casas continuam iguais? (26) AC: Não. (27) P: Você sabe como eram as casas antigamente? (28) AC: Não. (30) P: Como elas eram construídas? (31) AC: Uhm uhm. (32) P: Não? Pensa lá em história. Primeiro, o homem, eh, vivia em quê? (33) AC: Cavernas. (34) P: Em caverna. Hoje ele vive em caverna? (35) AC: Não. (36) P: Não. Antes, assim também, já já viveram em uma casa construída de outra coisa. Que vivia até um bicho nessa casa. (37) AC: Madeira. (38) P: De madeira pode até ser que tenha tenha cupim xxx mas, uma outra casa. (39) AC: Na sua casa tinha muito cupim, mãe? (40) P: Não. Não tinha cupim, não. Eles botam... Hoje em dia eles botam uma uma... um material, Impresso quinta-feira, 24 de março de 2011 Página 2 de 5

3 uma... um produto pra num ter cupim. Mas uma coisa, essa casa que eu estou falando, é casa de barro, sabia? (41) AC: De barro? (42) P: Já fizeram casa de barro, aí morava um bicho que é o barbeiro. Que dava doença. (43) AC: Que que é barbeiro? (44) P: Um bicho. Um bicho que dava doença? (45) AC: É? (46) P: É. Depois até a gente pode falar mais sobre isso. (47) AC: Então eu vou ter que apagar tudo? (48) P: Não. Não. Não vai Ter que apagar nada. Eh, os carros são iguais? (49) AC: Não. (50) P: O que que tem de diferente os carros? (51) AC: As marcas. (52) P: Só as marcas? (53) AC: As marcas. O câmbio automático. (54) P: Câmbio automático. Fala mais, coisas mais seguras do carro. (55) AC: Air bag. (56) P: Air bag. Muito bom. Tem o freio que chama ABS. Que é mais seguro. O air bag foi bem lembrado. Então os carros também não são. Os aviões? Também não. Porque ouvimos dizer que o mundo mudou? Porque que ouvimos dizer que o mundo mudou? (57) AC: Por que a segunda guerra cerca xxx pessoas desempregadas, pessoas morando em lugares desconfortáveis xxx missão. Mas eu acho que com essas coisas que acontecem às vezes eu penso como antes o mundo era melhor, mas eu acho que o mundo não é mais o mesmo. (58) P: Eu acho que com essas coisas... Olha só: você aqui botou "eu acho" e aqui "eu penso". Escolho só um dos dois. Mas eu acho que com essas coisas que acontecem hoje, o mundo antes era melhor. (59) AC: Xxxx (60) P: Mas eu acho que... Então tá. Eu penso... penso que, vírgula depois do que... depois, depois. (61) AC: Depois? Impresso quinta-feira, 24 de março de 2011 Página 3 de 5

4 (62) P: É. Penso que... (63) AC: Vírgula. (64) P: Eh... Como essas coisas que acontecem... Aqui já tem a vírgula, aí tira essa partezinha, né? Que já tem no texto lá, tira o às vezes eu penso... (65) AC: Por quê? (66) P: Boa pergunta, gostei. É porque se você colocar assim, vou deixar eu acho aqui, tá? Mas eu acho que, com essas coisas eu penso que, né? Então a gente coloca uma vez só. Mas penso que, como antes... que antes o mundo era melhor, isso, isso, até como. (67) AC: (risos) (68) P: Isso. Vão ver como fica, ó. Mas penso que, com essas coisas que acontecem... (69) AC: Hoje em dia. (70) P: Só que você colocou antes o mundo era melhor. Ah tá. Que acontecem hoje em dia... Ótimo, gostei da sugestão. (71) P e AC: Antes o mundo era melhor. (72) P: Aí ponto. Pode até colocar... Isso, tiro só o mais. Pronto. Aí coloca... Isso. (73) AC: Ãham. (74) P: Maiúscula. Isso. Eu acho... Eu acho que o mundo não é mais o mesmo. Aí outro parágrafo. (75) AC: Xxxx (76) P: Aí você... A minha sugestão... Você vai avaliar se você quer fazer porque o texto é seu. Mas a minha sugestão, assim, você falou das coisas negativas, está tendo guerra, as secas, corruptos, pessoas desempregadas, pessoas morando em lugares desconfortáveis, a poluição, então um monte de lugares, de coisa ruim, certo? (77) AC: Uhum. (78) P: Agora fala de coisas boas que também mudaram. Então assim, eh, minhas sugestão seria você começar assim: Isso, também, por outro lado, também tem as coisas boas. Isso. (79) AC: O quê? (80) P: As coisas positivas. Ah! Então vamos testar. O que que tem de positivo? (81) AC: Tecnologia. Impresso quinta-feira, 24 de março de 2011 Página 4 de 5

5 (82) P: Tecnologia. Que ajuda a fazer o quê? Tem coisas boas. A tecnologia... Isso. (83) AC: Tecnologia... (84) P: Tecnologia que nos ajuda a fazer o quê? Observações: Protocolo: O mundo mudou Análise Local Análise Comparativa Impresso quinta-feira, 24 de março de 2011 Página 5 de 5

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 40 Leitura e Mediação Pedagógica B. Pesquisador: Elizete Cristina de Souza Índices de Natalidade. Retirado do livro didático de Geografia Índices de natalidade#luzineth\natalidade.pdf#

Leia mais

Real Brazilian Conversations #21 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #21 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: How it is like to live in Uberlândia MG. Context: In this conversation André talks to his aunt Edmárcia, about the city of Uberlândia, in Minas Gerais state. She tells us

Leia mais

Subjects on this conversation: Nathanael s first contact with Portuguese and his experience living in Brazil.

Subjects on this conversation: Nathanael s first contact with Portuguese and his experience living in Brazil. Subjects on this conversation: Nathanael s first contact with Portuguese and his experience living in Brazil. Context: In this conversation André talks to his friend Nathanael, who has lived in Brazil

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 13 Leitura e Mediação Pedagógica G. Pesquisador: Rosineide Magalhães de Sousa Transcrição 241) P: Nós vamos fazer o protocolo número 3... sobre o livro A origem da vida.. e o nome

Leia mais

AS MELHORES PRÁTICAS PARA ATRAIR CLIENTES PARA O SEU NEGÓCIO

AS MELHORES PRÁTICAS PARA ATRAIR CLIENTES PARA O SEU NEGÓCIO AS MELHORES PRÁTICAS PARA ATRAIR CLIENTES PARA O SEU NEGÓCIO João Carlos Nunes INTRODUÇÃO Não interessa se você tem uma academia, um estúdio ou mesmo se é um treinador pessoal, o seu negócio não teria

Leia mais

Real Brazilian Conversations #19 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #19 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: The 2016 Olympic Games in Rio de Janeiro. Context: In this conversation André and Guilherme discuss some interesting topics about the Olympic Games in Brazil. André describes

Leia mais

Real Brazilian Conversations #37 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #37 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: The life in Montes Claros, hobbies and life in general. Context: In this conversation André talks to his cousins, Melissa e Larissa. They about their lives, what they like

Leia mais

Olhando o Aluno Deficiente na EJA

Olhando o Aluno Deficiente na EJA Olhando o Aluno Deficiente na EJA ConhecendoJoice e Paula Lúcia Maria Santos Tinós ltinos@ffclrp.usp.br Apresentando Joice e Paula Prazer... Eu sou a Joice Eu sou a (...), tenho 18 anos, gosto bastante

Leia mais

Real Brazilian Conversations #20 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #20 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: The city of Belo Horizonte Minas Gerais state. Context: In this conversation André and Guilherme talk about the city of Belo Horizonte, in Minas Gerais state. Cultural notes,

Leia mais

FILHO 1: Ô mãe! Onde está o meu sapato? Onde está o meu sapato? Onde está o meu sapato?

FILHO 1: Ô mãe! Onde está o meu sapato? Onde está o meu sapato? Onde está o meu sapato? CENA I LOCUTOR: Apresentamos uma família qualquer, com mãe, pai, filhos, tia e avó. Todos morando em uma casa simples. A família com seus mais diversos membros deve ser uma semente plantada com atenção,

Leia mais

AÇÕES GARANTEM O FUTURO. Sr. Luiz Barsi

AÇÕES GARANTEM O FUTURO. Sr. Luiz Barsi AÇÕES GARANTEM O FUTURO Sr. Luiz Barsi Relatório 26-17/04/2017 A série de cartas Ações Garantem O Futuro, são escritas em uma parceria entre Luiz Barsi e a Suno Research Quer aumentar seus resultados investindo?

Leia mais

O VELÓRIO DA DONA JUSTINA

O VELÓRIO DA DONA JUSTINA O VELÓRIO DA DONA JUSTINA (MINI COMÉDIA) Autor: Ivan Ferretti Machado Sinopse: O texto tenta mostrar a intensidade e ao mesmo tempo o poder mutativo que envolve as palavras, através dos diálogos, onde

Leia mais

AI-011-CAS.doc. Doc.: sexo masculino/idade: 28 anos/escolaridade: Superior Data da entrevista 12/11/2006 Duração (em minutos) 16 minutos e 20 segundos

AI-011-CAS.doc. Doc.: sexo masculino/idade: 28 anos/escolaridade: Superior Data da entrevista 12/11/2006 Duração (em minutos) 16 minutos e 20 segundos Amostra Tipo de textos coletados Dados do informante e do documentador AI-011 Transcrição Arquivos de som AI-011-CAS.doc AI-011-CAS.wav Inf.: sexo feminino/idade: 23 anos/escolaridade: Superior Doc.: sexo

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 25 Leitura e Mediação Pedagógica RAP Pesquisador: Ana Aparecida Vieira de Moura TEXTO: TRANSPORTE E A DECOMPOSIÇÃO. Transcrição (1) P: Qual a sua série? (2) RAP: 5ª série (3) P:

Leia mais

Garoto extraordinário

Garoto extraordinário Garoto extraordinário (adequada para crianças de 6 a 8 anos) Texto: Lucas 2:40-52 Princípio: ser como Jesus Você vai precisar de um fantoche de cara engraçada, um adulto para manipular o fantoche atrás

Leia mais

TRANSCRIÇÃO PRÉVIA PROJETO PROFALA TRANSCRITOR(A): Késsia Araújo 65ª ENTREVISTA (J.D.T.S) Cabo Verde

TRANSCRIÇÃO PRÉVIA PROJETO PROFALA TRANSCRITOR(A): Késsia Araújo 65ª ENTREVISTA (J.D.T.S) Cabo Verde TRANSCRIÇÃO PRÉVIA PROJETO PROFALA TRANSCRITOR(A): Késsia Araújo 65ª ENTREVISTA (J.D.T.S) Cabo Verde PERGUNTAS METALINGUÍSTICAS Doc.: J. quais são as línguas que você fala " Inf.: eu " (+) inglês né falo

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 32 Leitura e Mediação Pedagógica B. Pesquisador: Elizete Cristina de Souza Envelhecimento da população. Livro Didático de Geografia, 6ª série. O envelhecimento da população mundial#luzineth\envelhecimento.pdf#

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: ######## 36 Leitura e Mediação Pedagógica J Pesquisador: Keila Núbia de Jesus Barbosa Transcrição 01) P: Hoje é dia 19 de agosto, é o nosso terceiro encontro, não é isso, /J/? É

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Fabrício Local: Núcleo de Arte do Neblon Data: 26.11.2013 Horário: 14h30 Duração da entrevista: 20min COR PRETA

Leia mais

Subjects on this conversation: Vestibular, ENEM e Ouro Preto

Subjects on this conversation: Vestibular, ENEM e Ouro Preto Subjects on this conversation: Vestibular, ENEM e Ouro Preto Context: In this conversation Guilherme talks to his friend Gustavo Rocha, who has lives in Ouro Preto - MG, about his life, how to get into

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 23 Leitura e Mediação Pedagógica S. Pesquisador: Helen Danyane Soares Caetano de Souza 04-set-10 Dentro de casa tem Transcrição (1) P: Bom dia S.? (2) C: Bom dia. (3) P: Tudo bem?

Leia mais

IRMÃO. meu irmão ficou louco quando eu matei o cachorro. tá aí, eu gostava dele! eu gostava dele. cara muito bom aquele.

IRMÃO. meu irmão ficou louco quando eu matei o cachorro. tá aí, eu gostava dele! eu gostava dele. cara muito bom aquele. O IRMÃO WALDEN CAMILO DE CARVALHO meu irmão ficou louco quando eu matei o cachorro. tá aí, eu gostava dele! eu gostava dele. cara muito bom aquele. o frio está ficando meio bravo. assim é capaz do pessoal

Leia mais

Minha História de amor

Minha História de amor Minha História de amor Hoje eu vou falar um pouco sobre a minha história de amor! Bem, eu namoro à distância faz algum tempinho. E não é uma distância bobinha não, são 433 km, eu moro em Natal-Rn, e ela

Leia mais

-Oi Vô! Vamos pra água? -Calma! Ainda tem que pintar a canoa!

-Oi Vô! Vamos pra água? -Calma! Ainda tem que pintar a canoa! Sabedoria do mar Pesquisa: Fábio G. Daura Jorge, Biólogo. Leonardo L. Wedekin, Biólogo. Natália Hanazaki, Ecóloga. Roteiro: Maurício Muniz Fábio G. Daura Jorge Ilustração: Maurício Muniz Apresentação Esta

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 59 Leitura e Mediação Pedagógica I. Pesquisador: Deise Transcrição (L. 201) P - Vamos começar a leitura hoje, com o texto do Chico Buarque de Holanda, "Paratodos". Cada um de vocês

Leia mais

Hospital do Barreiro, em BH, passa a funcionar com 20% da

Hospital do Barreiro, em BH, passa a funcionar com 20% da 1 de 11 22/11/2016 15:24 g1 globoesporte gshow famosos & etc vídeos ASSINE JÁ CENTRAL E-MAIL ENTRAR MENU G1 Minas Gerais MENU G1 Minas Gerais 22/11/2016 14h38 - Atualizado em 22/11/2016 14h38 Hospital

Leia mais

Iracema ia fazer aniversário. Não

Iracema ia fazer aniversário. Não Estórias de Iracema Maria Helena Magalhães Ilustrações de Veridiana Magalhães Iracema ia fazer aniversário. Não sabia muito bem se ela podia convidar a turma do Hospital por motivos fáceis de explicar,

Leia mais

Na escola do Carlinhos, na hora do recreio, aconteceu algo muito interessante! Vamos ver o que houve? Lá no pátio...

Na escola do Carlinhos, na hora do recreio, aconteceu algo muito interessante! Vamos ver o que houve? Lá no pátio... Na escola do Carlinhos, na hora do recreio, aconteceu algo muito interessante! Vamos ver o que houve? TRIIIIIMMMMM!!!! Eba! Recreio!! Vamos descer lá no pátio, Carlinhos? Vamos, sim, Bruno! Você depois

Leia mais

Agendamento. A alma do nosso negócio!!!!

Agendamento. A alma do nosso negócio!!!! Agendamento A alma do nosso negócio!!!! Oportunidade de Emprego Salário: R$ 2.500,00/mês Atribuições do cargo Entrar em contato com 5 pessoas por dia Agendar 3 encontros a cada dois dias Realizar no mínimo

Leia mais

Nossa, até o número é legal! Bonito o número! - Ah, que isso! - É sério! Tem gente que tudo é bonito! Rosto, corpo, papo...

Nossa, até o número é legal! Bonito o número! - Ah, que isso! - É sério! Tem gente que tudo é bonito! Rosto, corpo, papo... Seis ou sete? - Oi. Eu tava te reparando ali, você.. - É mesmo? - Pois é, você me lembra aquela atriz... Como que ela chama mesmo? - Todos me dizem isso. É a Bruna, não é? - Ela mesma! Você é a cara dela.

Leia mais

Construir o resultado de forma que no início do mês você já saberá qual resultado terá no fim do mês.

Construir o resultado de forma que no início do mês você já saberá qual resultado terá no fim do mês. Construir o resultado de forma que no início do mês você já saberá qual resultado terá no fim do mês. Falar com um monte de gente e vender para alguns Ninguém vende para 100% dos contatos Perde-se 3 em

Leia mais

Não Fale com Estranhos

Não Fale com Estranhos Não Fale com Estranhos Texto por: Aline Santos Sanches PERSONAGENS Cachorro, Gato, Lobo, Professora, Coelho SINOPSE Cachorro e Gato são colegas de classe, mas Gato é arisco e resolve falar com um estranho.

Leia mais

O Poder da Sua Mente!

O Poder da Sua Mente! O Poder da Sua Mente! Se você acredita que pode, então você pode. Se você acredita que não pode, você está certa. Mary Kay Ash Quem sou eu? Juliana David Yamazaki Diretora Sênior de Vendas Independente

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 50 Leitura e Mediação Pedagógica Fernando Pesquisador: Esmeralda Figueira Queiroz Transcrição (01) P: Então tá! J, então hoje nós vamos fazer uma leitura é... esse texto nós vamos

Leia mais

PING & PONG. por. Lisandro Gaertner

PING & PONG. por. Lisandro Gaertner PING & PONG por Lisandro Gaertner lgaertner@gmail.com lisandrogaertner.net INT. TELA DE VÍDEO GAME Entrada de Jogo de Vídeo 8 bits. Música estridente e vibrante. Cores Básicas e explosivas. Durante a mesma

Leia mais

Aliaksandra Pushchanka, O Português de Minas Gerais. Anexo I Os três falares mineiros, proposta do EALMG

Aliaksandra Pushchanka, O Português de Minas Gerais. Anexo I Os três falares mineiros, proposta do EALMG Anexo I Os três falares mineiros, proposta do EALMG I Anexo II Mapa de Mesorregiões do estado de Minas Gerais II Anexo Guia de conversação em mineirês O Sotaque das Mineiras Carlos Drummond de Andrade

Leia mais

A Patricinha. Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer

A Patricinha. Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer Roleta Russa 13 A Patricinha Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer Oi. Eu sou a Patrícia. Prazer. Você é?... Quer sentar? Aceita uma bebida, um chá, um

Leia mais

1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela

1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela anoitecer 1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela chamado pio,bom o cara e legal mas tem um

Leia mais

July: Eu também! Achei o máximo as coisas que ela faz. Vou pedir para a minha mãe fazer umas roupinhas novas. Estou pensando até em montar um guarda-r

July: Eu também! Achei o máximo as coisas que ela faz. Vou pedir para a minha mãe fazer umas roupinhas novas. Estou pensando até em montar um guarda-r Série Ao infinito e além... Sua vida além das estrelas! 4 a 8 anos Aprendendo a Viver! Conceito Viver a vida como se fosse o melhor presente. Versículo-chave Não desperdicem nenhum pouco desta maravilhosa

Leia mais

Analisando as falas das personagens, assinale a alternativa que contenha as expressões utilizadas em seu sentido conotativo:

Analisando as falas das personagens, assinale a alternativa que contenha as expressões utilizadas em seu sentido conotativo: LISTA DE LÍNGUA PORTUGUESA P2 Aluno (a): Série: 1º BIMESTRE Professor (a): Leila de Souza Goiânia, / / 2015. Referências para estudo: Capítulos 4 (A construção do sentido) e 5 (Efeitos de Sentido) do Livro

Leia mais

ENTREVISTA USF CARUARU USUARIA DIABETES 14/07/14. R - não. Porque eu to deficiente. Eu trabalho m casa. Amputei a perna.

ENTREVISTA USF CARUARU USUARIA DIABETES 14/07/14. R - não. Porque eu to deficiente. Eu trabalho m casa. Amputei a perna. ENTREVISTA USF CARUARU USUARIA DIABETES 14/07/14 P - por favor, me diga sua idade. R - 56. Vou fazer para o mês. P - a senhora estudou? R - estudei até a 3ª série. P - 3ª série. A senhora tem alguma ocupação,

Leia mais

Uma lição de vida. Graziele Gonçalves Rodrigues

Uma lição de vida. Graziele Gonçalves Rodrigues Uma lição de vida Graziele Gonçalves Rodrigues Ele: Sente sua falta hoje na escola, por que você não foi? Ela: É, eu tive que ir ao médico. Ele: Ah, mesmo? Por que? Ela: Ah, nada. Consultas anuais, só

Leia mais

Falará sobre o NTI auxiliando no processo de apoio às ações de ensino dos alunos, particularmente os alunos do Curso de Letras da UFAC.

Falará sobre o NTI auxiliando no processo de apoio às ações de ensino dos alunos, particularmente os alunos do Curso de Letras da UFAC. UFAC RBR-AC 31.10.2011 Falará sobre o NTI auxiliando no processo de apoio às ações de ensino dos alunos, particularmente os alunos do Curso de Letras da UFAC. [Se identificou, identificou o setor e o Diretor

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 16 Leitura e Mediação Pedagógica B. Pesquisador: Elizete Cristina de Souza Extinção Animal#Luzineth\extincao.pdf# Transcrição CHIARELLO, Adriano, BRESCOVIT, Antônio D, FIGUEIRA,

Leia mais

Apresentação de empresa: qual conteúdo utilizar

Apresentação de empresa: qual conteúdo utilizar Apresentação de empresa: qual conteúdo utilizar Quando estamos falando sobre apresentação de empresa em power point, podem surgir algumas dúvidas sobre qual é o conteúdo ideal para se colocar nos slides

Leia mais

coleção Conversas #5 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #5 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. coleção Conversas #5 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo de facilitar diálogos que muitas vezes podem

Leia mais

ELA ERA A GAROTA MAIS BONITA DA NOVA PARÓQUIA, ONDE INGRESSAMOS PORQUE MEUS PAIS ACHAVAM O NOSSO ANTIGO PADRE UM IDIOTA.

ELA ERA A GAROTA MAIS BONITA DA NOVA PARÓQUIA, ONDE INGRESSAMOS PORQUE MEUS PAIS ACHAVAM O NOSSO ANTIGO PADRE UM IDIOTA. ELA ERA A GAROTA MAIS BONITA DA NOVA PARÓQUIA, ONDE INGRESSAMOS PORQUE MEUS PAIS ACHAVAM O NOSSO ANTIGO PADRE UM IDIOTA. Olá! Oi. TODA SEMANA EU SAÍA DA AULA DE PIANO E IA PARA A AULA DE RELIGIÃO COM A

Leia mais

Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes

Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes O ATAQUE NA PISCINA Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes de Natália, Bárbara não queria que

Leia mais

MÃE, QUANDO EU CRESCER...

MÃE, QUANDO EU CRESCER... MÃE, QUANDO EU CRESCER... Dedico este livro a todas as pessoas que admiram e valorizam a delicadeza das crianças! Me chamo Carol, mas prefiro que me chamem de Cacau, além de ser um apelido que acho carinhoso,

Leia mais

E: Qual é seu nome? I: NP. E: Quantos anos cê tem, NP? I: 13, vou completar 14. E: 14, que série cê tá? I: Eu vô pra 8ª.

E: Qual é seu nome? I: NP. E: Quantos anos cê tem, NP? I: 13, vou completar 14. E: 14, que série cê tá? I: Eu vô pra 8ª. 1 E: Qual é seu nome? I: NP. E: Quantos anos cê tem, NP? I: 13, vou completar 14. E: 14, que série cê tá? I: Eu vô pra 8ª. E: Ah, então cê fez a 7ª né? I- Foi. E- Cê mora aqui em Lontra tem quanto tempo?

Leia mais

Suelen e Sua História

Suelen e Sua História Suelen e Sua História Nasci em Mogi da Cruzes, no maternidade Santa Casa de Misericórdia no dia 23 de outubro de 1992 às 18 horas. Quando eu tinha 3 anos de idade fui adotada pela tia da minha irmã, foi

Leia mais

Em um feriado, a família do Fernando resolveu dar uma volta no parque, em uma cidadezinha no interior. Muitas coisas interessantes

Em um feriado, a família do Fernando resolveu dar uma volta no parque, em uma cidadezinha no interior. Muitas coisas interessantes Em um feriado, a família do Fernando resolveu dar uma volta no parque, em uma cidadezinha no interior. Muitas coisas interessantes aconteceram. Vamos ver o que houve? Vovô! Chegamos, finalmente! Eu já

Leia mais

Tais (risos nervosos) Tem muita gente ne? (Se assusta com alguém que esbarra na corda) as pessoas ficam todas se esbarrando

Tais (risos nervosos) Tem muita gente ne? (Se assusta com alguém que esbarra na corda) as pessoas ficam todas se esbarrando Não me leve a mal Começa a cena no meio de um bloco. Ao redor há confetes, purpurinas e latas de bebida para todo o lado. A música está alta. No centro há um grupo de foliões delimitados por uma corda

Leia mais

Jogo do século. por Sulamita Ricardo

Jogo do século. por Sulamita Ricardo Jogo do século por Sulamita Ricardo Personagens Narrador- Comentarista- Repórter- Cristiano- Ronaldo- Primo- Rogério- Torcida do Cristiano- Torcida do Ronaldo- Narrador- Bem, amigos de Piraquara, daqui

Leia mais

Todo mundo vai à festa da Giovanna. MADE Oi, tudo bem gente? Eu sou a Made, a mãe da Nana e da Nina, e queria contar um história também? Eu posso?

Todo mundo vai à festa da Giovanna. MADE Oi, tudo bem gente? Eu sou a Made, a mãe da Nana e da Nina, e queria contar um história também? Eu posso? Todo mundo vai à festa da Giovanna MADE Oi, tudo bem gente? Eu sou a Made, a mãe da Nana e da Nina, e queria contar um história também? Eu posso? SEU LOCUTOR É claro, Dona Made! Que bom! A senhora é muito

Leia mais

O melhor amigo Interpretação de Texto para 4º e 5º Ano

O melhor amigo Interpretação de Texto para 4º e 5º Ano O melhor amigo Interpretação de Texto para 4º e 5º Ano O melhor amigo Interpretação de Textos para 4º e 5º Ano O melhor amigo A mãe estava na sala, costurando. O menino abriu a porta da rua, meio ressabiado,

Leia mais

CONVITES EFICIENTES PARA APC

CONVITES EFICIENTES PARA APC CONVITES EFICIENTES PARA APC Como fazer convites que se convertem em inícios. Rômulo Ferreira COACH Executivo CONVITES PARA A.P.C GATILHOS MENTAIS VALOR X PREÇO OBJETIVO! + INTERESSANTE - INTERESSADO 3N5S

Leia mais

Meditação Sala Verde MISSÕES NA ÁFRICA. Nome: Professor: Telefone Versículo para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional)

Meditação Sala Verde MISSÕES NA ÁFRICA. Nome: Professor: Telefone Versículo para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional) 1ª Semana Mês das Missões Meditação Sala Verde MISSÕES NA ÁFRICA Nome: Professor: Telefone Versículo para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional) Vão pelo mundo todo e preguem o

Leia mais

Abordagem e Agendamento. Futura Diretora Executiva Daniela Alessi

Abordagem e Agendamento. Futura Diretora Executiva Daniela Alessi Abordagem e Agendamento Futura Diretora Executiva Daniela Alessi Abordagem Saia de casa pronta... Imagem Profissional A primeira impressão é a que fica! Apresente-se na sua melhor forma! 1. Comportamentos,

Leia mais

Como Gerar 1 Me s de Vendas Em 7 Dias

Como Gerar 1 Me s de Vendas Em 7 Dias Como Gerar 1 Me s de Vendas Em 7 Dias Eu sei que o seu tempo, assim como o meu, é bem corrido. Então vou ser bem direto para quem sem perca de tempo já comece a entender como que eu fiz para conseguir

Leia mais

BOM DIA, SÔ JOÃO! BOM DIA, DONA ESPERANÇA!

BOM DIA, SÔ JOÃO! BOM DIA, DONA ESPERANÇA! ESTE MATERIAL FOI PREPARADO PELA EQUIPE DA SECRETARIA DE ESTADO DE DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO PARA QUE VOCÊ POSSA SABER MAIS SOBRE REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA RURAL DE TERRAS DEVOLUTAS. VAMOS COMEÇAR? A HISTÓRIA

Leia mais

OLÁ, CRIANÇAS DE TODO O BRASIL! O MEU NOME É QUEROSABER, PORQUE GOSTO DE APRENDER TUDO SOBRE O NOSSO PAÍS. EU MORO EM SALVADOR, CAPITAL

OLÁ, CRIANÇAS DE TODO O BRASIL! O MEU NOME É QUEROSABER, PORQUE GOSTO DE APRENDER TUDO SOBRE O NOSSO PAÍS. EU MORO EM SALVADOR, CAPITAL O MENINO QUERO SABER EO PROFESSOR SABETUDO SOBRE EDUCAÇÃO FISCAL LIVRO 1 ESCOLA AUTORIA: PERPÉTUA MARIA VIEIRA FIGUEREDO ILUSTRAÇÕES/ARTEGRÁFICA: SUELIDASILVA ALCÂNTARA OLÁ, CRIANÇAS DE TODO O BRASIL!

Leia mais

ENTREVISTA BIOGRÁFICA. Método de Gabriele Rosenthal Apresentação de Kamila Almeida

ENTREVISTA BIOGRÁFICA. Método de Gabriele Rosenthal Apresentação de Kamila Almeida ENTREVISTA BIOGRÁFICA Método de Gabriele Rosenthal Apresentação de Kamila Almeida A AUTORA Gabriele Rosenthal é alemã e tem 60 anos. o É psicóloga, socióloga e cientista política É professora de métodos

Leia mais

FICHA SOCIAL Nº 123 INFORMANTE: SEXO: IDADE: ESCOLARIZAÇÃO: LOCALIDADE: PROFISSÃO: DOCUMENTADORA: TRANSCRITORA: DIGITADORA: DURAÇÃO:

FICHA SOCIAL Nº 123 INFORMANTE: SEXO: IDADE: ESCOLARIZAÇÃO: LOCALIDADE: PROFISSÃO: DOCUMENTADORA: TRANSCRITORA: DIGITADORA: DURAÇÃO: FICHA SOCIAL Nº 123 INFORMANTE: M.A.M.B. SEXO: Masculino IDADE: 27 anos - Faixa II ESCOLARIZAÇÃO: 9 a 11 anos (2º grau incompleto) LOCALIDADE: Batateira - Zona Urbana PROFISSÃO: Comerciante DOCUMENTADORA:

Leia mais

Você sabe de quem são as histórias de fada, bruxa e duende? Será que YAHUVAH gosta dessas coisas? Vamos ver?

Você sabe de quem são as histórias de fada, bruxa e duende? Será que YAHUVAH gosta dessas coisas? Vamos ver? Você sabe de quem são as histórias de fada, bruxa e duende? Será que YAHUVAH gosta dessas coisas? Vamos ver? Como foi a aula hoje, filha? Eu gostei muito, mamãe! Hoje nós tivemos aula de boas maneiras!

Leia mais

AÇÕES GARANTEM O FUTURO. Sr. Luiz Barsi

AÇÕES GARANTEM O FUTURO. Sr. Luiz Barsi AÇÕES GARANTEM O FUTURO Sr. Luiz Barsi Relatório 32-29/05/2017 A série de cartas Ações Garantem O Futuro, são escritas em uma parceria entre Luiz Barsi e a Suno Research Descubra as vantagens de ser um

Leia mais

Para que serve abordagem fria? Realizar uma nova venda; Fidelizar cliente; Novos inícios.

Para que serve abordagem fria? Realizar uma nova venda; Fidelizar cliente; Novos inícios. ABORDAGEM FRIA Receita do sucesso Para que serve abordagem fria? Realizar uma nova venda; Fidelizar cliente; Novos inícios. Abordagem fria E agora? Como fazer? Para quem não sabe o que é, significa você

Leia mais

Marcio Amandus Atletas de Ouro

Marcio Amandus Atletas de Ouro Marcio Amandus Atletas de Ouro UMA CONTRIBUIÇÃO GRATUITA DO PROGRAMA ATLETAS DE OURO 2 De Coração, Para Todos Os Atletas Em especial, para o Mateus, Iohann e Henrique. Para todos os atletas que um dia

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 12 por

Leia mais

Qual é o problema? >> Por que é um problema? >> Quais as causas desse problema? >> Qual a solução para esse problema? >> Por que essa solução deveria

Qual é o problema? >> Por que é um problema? >> Quais as causas desse problema? >> Qual a solução para esse problema? >> Por que essa solução deveria ESTRUTURA BÁSICA PARA UMA BOA REDAÇÃO PRIMEIRO PASSO: entenda bem o tema da redação. Faça perguntas relacionadas ao assunto. Coloque seu conhecimento de mundo em ação. Pense no problema relacionado a esse

Leia mais

Priscila foi passear com a sua mamãe! Lá no parque, a pequena Priscila viu alguém um tanto diferente... Vamos ver quem foi?

Priscila foi passear com a sua mamãe! Lá no parque, a pequena Priscila viu alguém um tanto diferente... Vamos ver quem foi? Priscila foi passear com a sua mamãe! Lá no parque, a pequena Priscila viu alguém um tanto diferente... Vamos ver quem foi? Mamãe! Mamãe! Vamos no balanço? Vamos, filha! Espera só um instantinho que a

Leia mais

Um dos "mandamentos" para altas vendas é o bom atendimento aos clientes e sua capacidade de encontrar meios para solucionar as necessidades deles!

Um dos mandamentos para altas vendas é o bom atendimento aos clientes e sua capacidade de encontrar meios para solucionar as necessidades deles! Personal Shopper Um dos "mandamentos" para altas vendas é o bom atendimento aos clientes e sua capacidade de encontrar meios para solucionar as necessidades deles! ENTÃO É NATAL... Aproveite os M A R A

Leia mais

DESABITUAÇÃO. MULHER 1 Foi agora? MULHER 2 Foi. MULHER 1 Você viu? MULHER 2 Não, eu não vi nada. Não sei de nada.

DESABITUAÇÃO. MULHER 1 Foi agora? MULHER 2 Foi. MULHER 1 Você viu? MULHER 2 Não, eu não vi nada. Não sei de nada. DESABITUAÇÃO (Duas mulheres e um homem estão em volta de algo que não podemos ver. Os três olham para a presença ausente, um mesmo ponto fixo no chão. Durante a cena, todos agem com uma naturalidade banal,

Leia mais

Anexo 2.2- Entrevista G1.2

Anexo 2.2- Entrevista G1.2 Entrevistado: E1.2 Idade: Sexo: País de origem: Tempo de permanência 53 anos Masculino Cabo-Verde 40 anos em Portugal: Escolaridade: 4ª classe Imigrações prévias : -- Língua materna: Outras línguas: Agregado

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Igor Local: Núcleo de Arte Nise da Silveira Data: 05 de dezembro de 2013 Horário: 15:05 Duração da entrevista:

Leia mais

A MULHER VESTIDA DE PRETO

A MULHER VESTIDA DE PRETO A MULHER VESTIDA DE PRETO Uma Mulher abre as portas do seu coração em busca de uma nova vida que possa lhe dar todas as oportunidades, inclusive de ajudar a família. Ela encontra nesse caminho a realização

Leia mais

ano 05 - nº 13 NESTA EDIÇÃO: A AGITADA VIDA VIRTUAL

ano 05 - nº 13  NESTA EDIÇÃO: A AGITADA VIDA VIRTUAL 2014 - ano 05 - nº 13 www.acmsaopaulo.org NESTA EDIÇÃO: A AGITADA VIDA VIRTUAL E AÍ, AMIGUINHO(A)! NESTA EDIÇÃO, A TURMINHA VAI SE AVENTURAR NO CIBERESPAÇO E DESCOBRIR OS BENEFÍCIOS E OS ALERTAS PARA AQUELES

Leia mais

Identificação. ML01 Duração da entrevista 21:39 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1953 (59) Local de nascimento/residência

Identificação. ML01 Duração da entrevista 21:39 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1953 (59) Local de nascimento/residência 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 Identificação ML01 Duração da entrevista 21:39 Data da entrevista 4-8-2012 Ano de nascimento (Idade) 1953 (59) Local de nascimento/residência

Leia mais

Real Brazilian Conversations #22 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #22 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: Board Games Context: In this conversation Guilherme talks to his friend Anderson about board games. Anderson explains when some board games first appeared, their Brazilian

Leia mais

Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Engraçadinha... Bem, nós vamos contar algumas histórias pra vocês...

Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Engraçadinha... Bem, nós vamos contar algumas histórias pra vocês... Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Oi! Eu sou a Giovanna, a Nana! NINA - E eu sou a Nina! NANA - Ah, fala o teu nome inteiro, né, Marina! NINA - Ué, pra quê? Você acabou de dizer! NANA

Leia mais

Real Brazilian Conversations #23 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #23 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: The Luxemburgo neighborhood, Elections and Cellphones. Context: In this conversation André and Guilherme talk about moving to Belo Horizonte, how the 2016 elections were

Leia mais

A sanita mutante! Coleção. Os Mutantes. Já publicados A sanita mutante. A publicar Os óculos mutantes A esferográfica mutante

A sanita mutante! Coleção. Os Mutantes. Já publicados A sanita mutante. A publicar Os óculos mutantes A esferográfica mutante Coleção A sanita mutante! Os Mutantes Já publicados A sanita mutante A publicar Os óculos mutantes A esferográfica mutante O prego mutante Frutas mutantes Estrela mutante A irmã mutante Maio de 2016 20

Leia mais

Identificação. F03 Duração da entrevista 18:12 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1974 (36) Local de nascimento/residência

Identificação. F03 Duração da entrevista 18:12 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1974 (36) Local de nascimento/residência 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Identificação F03 Duração da entrevista 18:12 Data da entrevista 4-5-2011 Ano de nascimento (Idade) 1974 (36) Local de

Leia mais

Lição 7 - ÚLTIMAS COISAS QUE PODEM IMPEDIR VOCÊ DE EXPERIMENTAR ALEGRIA: MEDO E COVARDIA Texto Bíblico: Filipenses 1.28

Lição 7 - ÚLTIMAS COISAS QUE PODEM IMPEDIR VOCÊ DE EXPERIMENTAR ALEGRIA: MEDO E COVARDIA Texto Bíblico: Filipenses 1.28 Lição 7 - ÚLTIMAS COISAS QUE PODEM IMPEDIR VOCÊ DE EXPERIMENTAR ALEGRIA: MEDO E COVARDIA Texto Bíblico: Filipenses 1.28 E em nada vos espanteis dos que resistem o que para eles, na verdade, é indício de

Leia mais

Reforma Monetária Caderno de Educação Financeira Nº 3

Reforma Monetária Caderno de Educação Financeira Nº 3 Reforma Monetária 2018 Caderno de Educação Financeira Nº 3 Banco Central de S. Tomé e Príncipe Agosto de 2017 A Família Amador Eu sou o Amador Eu sou a Alda Amador Eu sou a Carmo Amador Ó Carmo! Está na

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte II Neuroassociações assuma o controle da sua mente Página 2 de 9 Ola tudo bem? Como passou estes últimos dias.

Leia mais

Pré-Requisitos de informações sobre a vitima:

Pré-Requisitos de informações sobre a vitima: Pré-Requisitos de informações sobre a vitima: Nome completo da vitima Endereço Comercial Endereço Residencial Podem ser facilmente obtidos utilizando uma lista telefônica. Se passando pelo serviço de telemarking

Leia mais

TRABALHANDO OS 6 PONTOS

TRABALHANDO OS 6 PONTOS TRABALHANDO OS 6 PONTOS 6 Pontos para o Sucesso Ana Paula Melo Dir. Nacional Agendamento Acompanhamento de Clientes 2+2+2 Oportunidade A Roda da Consultora de Excelência Sessão Fechamento Indicação 6 Pontos

Leia mais

Um método comprovado para você desenvolver os textos do seu TCC muito mais rápido e sem perder qualidade. Que tal entregar o seu trabalho antes do

Um método comprovado para você desenvolver os textos do seu TCC muito mais rápido e sem perder qualidade. Que tal entregar o seu trabalho antes do Um método comprovado para você desenvolver os textos do seu TCC muito mais rápido e sem perder qualidade. Que tal entregar o seu trabalho antes do prazo de entrega e sem travar na frente do seu computador

Leia mais

José Sidinei Rodrigues Dias e João Vittor Rodrigues Brito

José Sidinei Rodrigues Dias e João Vittor Rodrigues Brito José Sidinei Rodrigues Dias e João Vittor Rodrigues Brito As Aventuras de Derry Pirce Derry Pirse é um adolescente órfão que mora com o tio porque os pais morreram em um incêndio onde tiveram 12 mortos

Leia mais

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô.

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô. Parabéns para o Dan Tocou o telefone lá em casa. Meu pai atendeu na sala. Alô. Meu avô, pai do meu pai, do outro lado da linha, fez voz de quem não gostou da surpresa. Eu liguei pra dar parabéns ao Dan.

Leia mais

Como você se sentiria se alguém dissesse uma mentira sobre você? Lá na escola do Luiz, algo aconteceu! Vamos ver o que houve?

Como você se sentiria se alguém dissesse uma mentira sobre você? Lá na escola do Luiz, algo aconteceu! Vamos ver o que houve? Como você se sentiria se alguém dissesse uma mentira sobre você? Lá na escola do Luiz, algo aconteceu! Vamos ver o que houve? Professora, o Luiz ainda não acabou o dever! Acabei, sim, Joana! Não acabou,

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 41 Leitura e Mediação Pedagógica B. Pesquisador: Elizete Cristina de Souza Crescimento Vegetativo Natural.Retirado do livro didático de Geografia. Crescimento natural ou vegetativo#luzineth\crescimento.pdf#

Leia mais

A Procura. de Kelly Furlanetto Soares

A Procura. de Kelly Furlanetto Soares A Procura de Kelly Furlanetto Soares Peça escrita durante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR. Teatro Guaíra, sob orientação de Andrew Knoll, no ano de 2012. 1 Cadeiras dispostas como se

Leia mais

2. Pensar no tipo de news que vai mandar para seus clientes e a periodicidade

2. Pensar no tipo de news que vai mandar para seus clientes e a periodicidade Esse post é bem simples e prático, focado em quem sabe o potencial que o email marketing tem como uma ferramenta de relacionamento (e futuras vendas) com seus clientes e potenciais clientes. Para quem

Leia mais

EVENTOS PARA O MÊS DA MULHER

EVENTOS PARA O MÊS DA MULHER EVENTOS PARA O MÊS DA MULHER Vamos ganhar dinheiro e muitos contatos em Março? É um mês SEM DESCULPAS: Já passaram as festas, as férias e o carnaval!!!! GRAÇAS A DEUS!!!! E o melhor: É o mês das mulheres

Leia mais

1 filho de 11 anos Local da entrevista Local de trabalho entrevistada no local de trabalho, numa sala ao lado da sala Comentários

1 filho de 11 anos Local da entrevista Local de trabalho entrevistada no local de trabalho, numa sala ao lado da sala Comentários 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 Identificação F01 Duração da entrevista 24:58 Data da entrevista 6-5-2011 Ano de nascimento (Idade) 1971 (39) Local de nascimento/residência

Leia mais

Doido pelo Rio. Transcrição em Português. Seu nome é Ernesto, né? É... Ernest. Como é que é? Ernest. Ernest. É, ja, isso, isso. Ernest.

Doido pelo Rio. Transcrição em Português. Seu nome é Ernesto, né? É... Ernest. Como é que é? Ernest. Ernest. É, ja, isso, isso. Ernest. Doido pelo Rio Transcrição em Português Seu nome é Ernesto, né? É... Ernest. Como é que é? Ernest. Ernest. É, ja, isso, isso. Ernest. É a primeira vez que tu vem? Não, não, eu vem muitas vezes. Ah, é mesmo?

Leia mais

Real Brazilian Conversations #26 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #26 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: T-Shirts, Waking up early, Wining the Lottery. Context: In this conversation André and Guilherme talk about the main differences between camisetas and camisas, the ritual

Leia mais

Uma empresa com coração

Uma empresa com coração A Empresa Multinacional americana de venda direta de cosméticos Fundada em 13 de setembro de 1963 por Mary Kay Ash (no Brasil 1998) Criada para Enriquecer a Vida das Mulheres Presente em 40 países O Brasil

Leia mais