PEQUENA CASA DA CRIANÇA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PEQUENA CASA DA CRIANÇA"

Transcrição

1 PROJETO REDE EXTENSIVA DE APRENDIZAGEM ENTIDADE BREVE HISTÓRICO DA INSTITUIÇÃO MISSÃO VISÃO VALORES IMPACTO DIAGNÓSTICO DA REGIÃO Pequena Casa da Criança CNPJ: / Registrada sob o nº 429 no CMDCA de Porto Alegre Registrada no CMAS através da Resolução 125/2002 Sede: Rua Mário de Artagão, 13 Partenon CEP: Porto Alegre RS Fone/Fax: (51) A Pequena Casa da Criança foi fundada em 1956 por Irmã Nely Capuzzo religiosa integrante da Congregação Missionárias de Jesus Crucificado. É uma instituição não governamental, filantrópica, educacional e de assistência social, declarada de Utilidade Pública Federal, Estadual e Municipal que atende. Está situada no interior da Vila Maria da Conceição, em Porto Alegre, bairro Partenon. Atualmente é Presidente, Pierina Lorenzoni. Seu trabalho a fez reconhecida como referência e modelo, pois desenvolve projetos de educação, profissionalização, mobilização comunitária e Assistência Social junto a uma população de cerca de mil pessoas, em situação de vulnerabilidade e extrema vulnerabilidade social. Oportunizar o desenvolvimento social à população, através da participação da sociedade, educação, profissionalização e inclusão socioeconômica para a geração dos resultados. Buscar a sustentabilidade da Organização, solidificar a nossa missão, com uma equipe qualificada e um sistema de gestão eficiente em uma estrutura adequada. 1. Igualdade: Consciência de que todos somos iguais nos direitos. 2. Justiça e Paz: Cultivo da Justiça e paz social (sem lutas de classe) 3. Respeito: Atitudes de profundo respeito ao ser humano 4. Ética: Comportamento ético nos objetivos da Instituição e das pessoas envolvidas. 5. Trabalho em Equipe: Valorização e desenvolvimento do trabalho em equipe 6. Consciência política: Entendimento da política institucional, não vinculando a partidos políticos. 7. Base Teológica: Presença cristã e evangelizadora. Nos últimos cinco anos ( ) a Pequena Casa, através do Programa de Aprendizagem Profissional, capacitou e encaminhou para o mercado de trabalho uma média de adolescentes e jovens, em 10 parcerias com empresas públicas e privadas. Aumento da renda familiar e garantia de permanência na escola e baixo índice de reprovação escolar, projeto de vida para adolescentes e jovens. A Pequena Casa da Criança está localizada no bairro Partenon, com 118,923 habitantes, sendo que desse total 33,879 são de 1

2 etnia afrodescendente, isso representa 49% sobre o total da população desta região, 13,31% das famílias possuem renda per capta de ½ salário mínimo, 36,26% é o percentual de morte por homicídio de jovens do sexo masculino de 15 a 29 anos, segundo Relatório da FASC Leituras dos Territórios das Regiões de Assistência Social, Porto Alegre, A realidade na qual está inserida a comunidade é de violência, tráfico de drogas e interiorização de outros tipos de vulnerabilidades que envolvem o dia-a-dia dos adolescentes e jovens. Como alternativa, a instituição se propõe a ser espaço de conhecimento de si e do outro, apoio para o jovem e referência de aprendizado e preparação para o mundo do trabalho, cooperação e vida em grupo. Para tanto tem a necessidade de ampliar as parcerias com empresas e parceiros que prezam pelo crescimento social do Estado e assim, superar as desigualdades sociais do entorno, mediante a qualificação e promoção de jovens e adultos para o mundo do trabalho, bem como abrir novas possibilidades para a superação da vulnerabilidade social, para o empreendedorismo e autonomia sustentável. Captar recursos para melhor atender aos jovens e a comunidade do Bairro Partenon, entorno e região metropolitana de Porto Alegre- RS. Projeto: Eixo de Atendimento: Rede Extensiva de Aprendizagem Qualificação para o mercado de trabalho Proteção Social Básica: Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família - PAIF Período de execução: Março/2016 a Outubro de 2016 Responsável (eis): Pierina Lorenzoni Presidente 2. Descrição do Projeto Origem e Justificativa: A aprendizagem tem impacto direto na vida do aprendiz e da renda familiar, mas ainda está circunscrita ao âmbito das necessidades básicas das famílias, uma vez que estas não possuem qualificação que permita autonomia profissional e empreendedora. Para promover maior ação no que tange à vida produtiva, a Pequena Casa propõe-se criar uma rede extensiva de aprendizagem autossustentável para preparar e qualificar familiares dos aprendizes, jovens e adultos da comunidade na área de gestão e administração de negócio, que potencialize o ingresso ao mercado de trabalho. O projeto será uma extensão do programa de aprendizagem como estratégia de vínculo e permanência dos beneficiários, ancorada em três eixos: jovem, família e comunidade. Compreende-se que dessa forma, o impacto nesses três 2

3 eixos se sucederá em espiral progressivamente. Público Alvo Jovens e adultos, familiares dos aprendizes da comunidade com idade entre 16 e 50 anos, comprovadamente carentes, residentes na Vila Maria da Conceição, no Bairro Partenon e Região Metropolitana de Porto Alegre-RS, que buscam o primeiro emprego, qualificar-se, ingressar e reingressar no mercado de trabalho. Objetivo Geral Criar Rede Extensiva de Aprendizagem que gere impacto na vida do jovem, na família e na comunidade através de qualificação profissional e geração de renda. Objetivos específicos Meta a) Qualificar jovens e adultos carentes da comunidade Vila Maria da Conceição e bairros Lindeiros; b) Proporcionar ao final do curso, encaminhamento ao mercado de trabalho; c) Potencializar a autonomia, empreendedorismo na comunidade, geração de renda; Beneficiar 50 pessoas; Viabilidade Econômico-Financeira O Projeto Rede Extensiva de Aprendizagem será viabilizado pela parceria da Pequena Casa da Criança com o Instituto Cyrela. Com valor total do projeto R$ ,00 (Cinquenta e cinco mil reais). Avaliação do projeto Será avaliado processual e continuamente mediante planejamento e projeção. Estes princípios serão aplicados com o apoio das ferramentas. 3

4 - Relatório quantitativo de acompanhamento; - Instrumentos quantitativos e qualitativos respondidos pelos participantes do projeto e pela comunidade beneficiada com os serviços; - Relatórios de execução e acompanhamento das atividades pelos instrutores; - Relatório I previsto para 30 dias após a conclusão do Modulo I; - Relatório final e Prestação de Contas 30 (trinta) dias após formatura/conclusão do curso; 3. Detalhamento das atividades e metodologia de execução. PROJEÇÃO DA OFERTA DE CURSO PARA 2016 Atividades Específicas Descrição Informações dos cursos Responsável ** Período Previsto a) Implantação Divulgação, Inscrições, seleção de alunos e RH. Março e Abril, 2016 Módulo I 30h Projeção do Curso b) Técnicas de Recepção, Telefonia e Secretariado Módulo II 60h Equipe técnica do projeto Maio a Setembro, 2016 Módulo III 30h c) Formatura e Relatório Final Outubro,

5 ** O cronograma poderá sofrer alteração em casos de melhor execução do projeto e com aviso prévio; 4. Orçamento Simplificado do Projeto ORÇAMENTO GERAL DO PROJETO* PROJETO: ESTABELECIMENT O: RESPONSÁVEL: PÚBLICO ALVO: Rede Extensiva de Aprendizagem Pequena Casa da Criança Pierina Lorenzoni Jovens e adultos, familiares ou não de aprendizes com idade entre 16 e 50 anos, comprovadamente carentes, residentes na Vila Maria da Conceição, no Bairro Partenon e Região Metropolitana de Porto Alegre-RS, que buscam se qualificar, ingressar e reingressar no mercado de trabalho. DURAÇÃO: Março a Outubro de 2016 PROJETO SIMPLIFICADO Projeção do curso de Qualificação Profissional: a) Técnicas de Recepção, Telefonia e Secretariado 120 horas Quantidade de Turmas no projeto: 02 (25 alunos cada turma) Meta de Beneficiários: 50 pessoas Previsão de início do projeto: Março/2016 Previsão de Término do projeto: Outubro/2016 5

6 4. Prestação de Contas Após a execução do projeto, a instituição terá o prazo de 30 dias para apresentar a prestação de contas do período e relatório final. Ao término do projeto em 2016, a entidade almeja renovação para 2017 para beneficiar um número maior de jovens e adultos carentes da Vila Maria da Conceição e bairros lindeiros. Porto Alegre, 05/02/2016 6

PROJETO: CURSO INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PREDIAIS (180H)

PROJETO: CURSO INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PREDIAIS (180H) PROJETO: CURSO INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PREDIAIS (180H) FUNDO: INSTITUTO CYRELA INSTITUTO TIBAGI Fone: (41) 3024-9848 E-mail: projetos@institutotibagi.org.br Curitiba, 25/01/2016 Sumário 1. Apresentação do

Leia mais

II - CADASTRO DA ORGANIZAÇÃO

II - CADASTRO DA ORGANIZAÇÃO PRÊMIO ITAÚ-UNICEF 2017 Parceria OSC e Escola Pública FICHA DE INSCRIÇÃO I Dados de Acesso Nº CNPJ da organização Nome da organização E-mail da organização Telefone da organização Nome do responsável pela

Leia mais

Relatório Anual. Associação das Damas de Caridade de Florianópolis

Relatório Anual. Associação das Damas de Caridade de Florianópolis Resumo da ONG A (ADAC), é uma instituição filantrópica sem fins lucrativos,fundada em 1907 por senhoras católicas que tinham por objetivo assistir a pessoas doentes e carentes. Tendo em vista o atual contexto

Leia mais

Marisa Vidovix. Superintendente

Marisa Vidovix. Superintendente Marisa Vidovix Superintendente Contribuir para a promoção humana e a inclusão socioeconômica, a partir da assistência e da qualificação profissional e cultural de pessoas com e sem deficiência. Ser referência

Leia mais

EDUCADOR SOCIAL SITE: FACEBOOK: CARITAS ARQUIDIOCESANA DE PORTO ALEGRE SAS FACEBOOK: MENSAGEIRO DA CARIDADE

EDUCADOR SOCIAL SITE:  FACEBOOK: CARITAS ARQUIDIOCESANA DE PORTO ALEGRE SAS FACEBOOK: MENSAGEIRO DA CARIDADE EDUCADOR SOCIAL SITE: WWW.CARITASPORTOALEGRE.ORG FACEBOOK: CARITAS ARQUIDIOCESANA DE PORTO ALEGRE SAS FACEBOOK: MENSAGEIRO DA CARIDADE ATUAÇÃO PROFISSIONAL CRIANÇAS ADOLESCENTES ADULTOS IDOSOS ÁREAS DE

Leia mais

convocatória programa

convocatória programa convocatória programa recode 2017 1. Sobre a ONG Recode Somos uma organização social voltada ao empoderamento digital, que busca formar jovens autônomos, conscientes e conectados, aptos a reprogramar o

Leia mais

PREFEITURA DE MONTES CLAROS SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL Centro de Referência de Assistência Social PLANO ANUAL DE AÇÃO 2015

PREFEITURA DE MONTES CLAROS SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL Centro de Referência de Assistência Social PLANO ANUAL DE AÇÃO 2015 CRAS: Maracanã COORDENADOR(A): Eliana de Araújo Vieira PREFEITURA DE MONTES CLAROS PLANO ANUAL DE AÇÃO 2015 QUADRO I Atividades de fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários: Objetivo Atividades

Leia mais

Informações da Organização

Informações da Organização Informações da Organização Nome: ASSOCIACAO DE MULHERES DE NEGOCIOS E PROFISSIONAIS DA GRANDE FLORIANOPOLIS? BPW FLORIANOPOLIS CNPJ: 00.885.218/0001-70 Endereço: Rua Irmã Bonavita Endereço Complemento:

Leia mais

Futuro Integral. Categoria do projeto: III Projetos finalizados (projetos encerrados) Nome da Instituição/Empresa: SESC Parana Unidade Apucarana

Futuro Integral. Categoria do projeto: III Projetos finalizados (projetos encerrados) Nome da Instituição/Empresa: SESC Parana Unidade Apucarana Futuro Integral Mostra Local de: Apucarana (Municípios do Vale do Ivaí) Categoria do projeto: III Projetos finalizados (projetos encerrados) Nome da Instituição/Empresa: SESC Parana Unidade Apucarana Cidade:

Leia mais

Programas de Atendimento aos Estudantes

Programas de Atendimento aos Estudantes Programas de Atendimento aos Estudantes Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - IFSP Câmpus Guarulhos 1. Integração dos Ingressantes O atendimento ao estudante no IFSP Guarulhos

Leia mais

Programa Nacional de Acesso ao Mundo do Trabalho ACESSUAS Trabalho

Programa Nacional de Acesso ao Mundo do Trabalho ACESSUAS Trabalho O que é? É uma iniciativa da Política Nacional de Assistência Social para promover o acesso de seus usuários a oportunidades no mundo do trabalho, através de ações integradas e articuladas voltadas para

Leia mais

Secretaria de Políticas para as Mulheres Presidência da República

Secretaria de Políticas para as Mulheres Presidência da República Secretaria de Políticas para as Mulheres Presidência da República Apresentação de propostas e formalização de Convênios com a SPM - PR Vitória, maio de 2011 Secretaria de Políticas para as Mulheres Criada

Leia mais

DESAFIOS DO ENFRENTAMENTO AOS CRIMES LETAIS INTENCIONAIS NO ESPÍRITO SANTO

DESAFIOS DO ENFRENTAMENTO AOS CRIMES LETAIS INTENCIONAIS NO ESPÍRITO SANTO DESAFIOS DO ENFRENTAMENTO AOS CRIMES LETAIS INTENCIONAIS NO ESPÍRITO SANTO ANTECEDENTES HISTÓRICOS O processo de concentração demográfica nos centros metropolitanos do país nas últimas décadas foi acompanhado

Leia mais

O BPC Trabalho. XIV ENCONTRO NACIONAL DO CONGEMAS Oficina de Operacionalização do BPC Trabalho e BPC na Escola Fortaleza, março de 2012

O BPC Trabalho. XIV ENCONTRO NACIONAL DO CONGEMAS Oficina de Operacionalização do BPC Trabalho e BPC na Escola Fortaleza, março de 2012 O BPC Trabalho XIV ENCONTRO NACIONAL DO CONGEMAS Oficina de Operacionalização do BPC Trabalho e BPC na Escola Fortaleza, março de 2012 Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome - MDS Secretaria

Leia mais

O Plano Nacional de Educação. Maria Alice Setubal, educadora e presidente dos conselhos do Cenpec e da Fundação Tide Setubal

O Plano Nacional de Educação. Maria Alice Setubal, educadora e presidente dos conselhos do Cenpec e da Fundação Tide Setubal O Plano Nacional de Educação Maria Alice Setubal, educadora e presidente dos conselhos do Cenpec e da Fundação Tide Setubal Plano Nacional de Educação Diretrizes Superação das desigualdades educacionais

Leia mais

ANEXO I ROTEIRO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS FMIG 2016

ANEXO I ROTEIRO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS FMIG 2016 ANEXO I ROTEIRO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS FMIG 2016 Cada projeto deve conter no máximo 20 páginas 1. APRESENTAÇÃO Faça um resumo claro e objetivo do projeto, considerando a situação do idoso, os dados

Leia mais

Mostra de Projetos º Feirão de Empregos - Novo Emprego, Nova Vida

Mostra de Projetos º Feirão de Empregos - Novo Emprego, Nova Vida Mostra de Projetos 2011 1º Feirão de Empregos - Novo Emprego, Nova Vida Mostra Local de: Araucária Categoria do projeto: I - Projetos em implantação, com resultados parciais. Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

cada órgão de segurança, através de publicação, de forma acessível.

cada órgão de segurança, através de publicação, de forma acessível. EIXO I - Gestão Democrática: Controle Social e Externo, Integração e Federalismo 1. Divulgação das atribuições específicas de cada órgão de segurança, através de publicação, de forma acessível. 1 EIXO

Leia mais

Programa IOS de Capacitação Profissional. Tecnologia Social - 1ª edição Maio/2017

Programa IOS de Capacitação Profissional. Tecnologia Social - 1ª edição Maio/2017 Programa IOS de Capacitação Profissional Tecnologia Social - 1ª edição Maio/2017 ANEXO I - Formulário de Inscrição Leia atentamente o regulamento do nosso edital antes de iniciar o preenchimento deste

Leia mais

ASSOCIAÇÃO KODOKAN. Projeto Kodokan

ASSOCIAÇÃO KODOKAN. Projeto Kodokan ASSOCIAÇÃO KODOKAN Projeto Kodokan INFORMAÇÕES BÁSICAS NOME DO PROJETO: KODOKAN ORGANIZAÇÃO PROPONENTE: ASSOCIAÇÃO DE JUDÔ KODOKAN ABRANGÊNCIA DO PROJETO: NOVA MUTUM/MT LINHA DE ATUAÇÃO DO PROJETO: ATENDIMENTO

Leia mais

O SUAS PARÁ NO PLANO ESTADUAL DE AÇÕES INTEGRADAS SOBRE DROGAS. Meive Ausonia Piacesi

O SUAS PARÁ NO PLANO ESTADUAL DE AÇÕES INTEGRADAS SOBRE DROGAS. Meive Ausonia Piacesi O SUAS PARÁ NO PLANO ESTADUAL DE AÇÕES INTEGRADAS SOBRE DROGAS Meive Ausonia Piacesi POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL PROTEÇÃO SOCIAL Sistema Único de Assistência Social - SUAS INDIVÍDUOS E FAMÍLIAS EM SITUAÇÃO

Leia mais

Desafios e perspectivas do Programa Bolsa Família

Desafios e perspectivas do Programa Bolsa Família Desafios e perspectivas do Programa Bolsa Família Rodrigo Lofrano Coordenador-Geral de Acompanhamento das Condicionalidades Decon/Senarc/MDS Brasília, 19 de agosto de 2015 As três dimensões do Programa

Leia mais

Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro. Prefeitura de São Paulo União Européia

Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro. Prefeitura de São Paulo União Européia Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro Prefeitura de São Paulo União Européia Histórico do Projeto Cooperação técnica bilateral da Prefeitura de São Paulo com a União Européia com duração de quatro

Leia mais

PDT PRTB PTN PT PR PV PSL DEM PHS PSC PRB PTB PC DO B - PSB EIXOS DE DESENVOLVIMENTO

PDT PRTB PTN PT PR PV PSL DEM PHS PSC PRB PTB PC DO B - PSB EIXOS DE DESENVOLVIMENTO PLANO MUNICIPAL DE GOVERNO 2017 A 2020 COLIGAÇÃO PEDRO AFONSO A PRESSA CONTUNUA PDT PRTB PTN PT PR PV PSL DEM PHS PSC PRB PTB PC DO B - PSB EIXOS DE DESENVOLVIMENTO SOCIEDADE DESENVOVIMENTO ECONOMICO DESENVOVIMENTO

Leia mais

Plano de Trabalho e Relatório de atividades. Justificativa:

Plano de Trabalho e Relatório de atividades. Justificativa: Plano de Trabalho e Relatório de atividades Justificativa: Nova Campinas é uma comunidade carente de infraestrutura e de serviços como a pratica de esporte, lazer, cultura, cursos, etc. A Fundação Jesus

Leia mais

GERENCIA DE APOIO À ECONOMIA SOLIDÁRIA, CRIATIVA E APLS

GERENCIA DE APOIO À ECONOMIA SOLIDÁRIA, CRIATIVA E APLS GERENCIA DE APOIO À ECONOMIA SOLIDÁRIA, CRIATIVA E APLS 1 Organograma da SEMPTQ Secretaria da Micro e Pequena Empresa Trabalho e Qualificação SECRETARIO DA SEMPETQ Carolina Soares SECRETARIA EXECUTIVA

Leia mais

Informações da Organização

Informações da Organização Informações da Organização Nome: Associação Junior Achievement de Santa Catarina CNPJ: 01.852.526/0001-62 Endereço: Rua Camilo Silveira de Souza Endereço Complemento: Numero: 193 Bairro: Capoeiras Cidade:

Leia mais

Há 53 anos transformando o futuro dos jovens. Quem Somos

Há 53 anos transformando o futuro dos jovens. Quem Somos Há 53 anos transformando o futuro dos jovens Quem Somos Fundado em 21 de agosto de 1962 por membros do Rotary Club Santo André, o Corpo de Patrulheiros Mirins de Santo André é uma Entidade sem fins lucrativos

Leia mais

UNIOESTE - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL N 0 018/2016-PROEX

UNIOESTE - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL N 0 018/2016-PROEX UNIOESTE - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL N 0 018/2016-PROEX SELEÇÃO DE DOCENTES OPERAÇÃO TOCANTINS/ PROJETO RONDON A Pró-Reitoria de Extensão da Universidade

Leia mais

FUTEBOL. Instituto de Esportes. anos NOS BAIRROS. Projetos Incentivados Lei Paulista de Incentivo ao Esporte

FUTEBOL. Instituto de Esportes. anos NOS BAIRROS. Projetos Incentivados Lei Paulista de Incentivo ao Esporte NOS BAIRROS Instituto de Esportes Projetos Incentivados Lei Paulista de Incentivo ao Esporte anos Projetos Aprovados PROJETO Futebol nos Bairros OBJETIVO GERAL Proporcionar, através da prática sistemática

Leia mais

Escrito por Administrator Seg, 22 de Novembro de :55 - Última atualização Seg, 22 de Novembro de :09

Escrito por Administrator Seg, 22 de Novembro de :55 - Última atualização Seg, 22 de Novembro de :09 MISSÃO O Serviço Social tem como missão dar suporte psico-social e emocional ao colaborador e sua família. Neste sentido, realiza o estudo de casos, orientando e encaminhando aos recursos sociais da comunidade,

Leia mais

ESPORTE SEM LIMITES 2015

ESPORTE SEM LIMITES 2015 ESPORTE SEM LIMITES 2015 1 - APRESENTAÇÃO A SORRI-BAURU é uma Associação sem fins lucrativos habilitada como Centro Especializado em Reabilitação pelo Ministério da Saúde como CER III nas modalidades reabilitação

Leia mais

Projeto de Financiamento para Aquisição de Transporte

Projeto de Financiamento para Aquisição de Transporte Projeto de Financiamento para Aquisição de Transporte Objetivo Geral:Agilizar e dinamizar ações no atendimento às crianças/adolescentes e familiares, assistidos pela OSCIP/FEAS Fundação Educativa Albert

Leia mais

Rede Mobilizadores. Elaboração de Projetos Sociais: aspectos gerais

Rede Mobilizadores. Elaboração de Projetos Sociais: aspectos gerais Atividade Final: Elaboração de Pré-Projeto Aluno: Maurício Francheschis Negri 1 Identificação do Projeto Rede Mobilizadores Elaboração de Projetos Sociais: aspectos gerais Um dia na escola do meu filho:

Leia mais

Revitalização de Salas de Aula da Sede Círculo de Amigos do Menor Patrulheiro de Praia Grande

Revitalização de Salas de Aula da Sede Círculo de Amigos do Menor Patrulheiro de Praia Grande Revitalização de Salas de Aula da Sede Círculo de Amigos do Menor Patrulheiro de Praia Grande Objetivo: Propiciar ampliação dos locais de capacitação profissional de adolescentes na entidade, para que

Leia mais

Usuários Trabalhadores Entidades Quais e quantos eventos de mobilização antecederam a Conferência? Tipo de Eventos de Mobilização

Usuários Trabalhadores Entidades Quais e quantos eventos de mobilização antecederam a Conferência? Tipo de Eventos de Mobilização REGISTRO DO PROCESSO DA CONFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 2015 Informações Gerais da Conferência Municipal: 1. Nome do Município /UF: SURUBIM-PE 2. Identificação da Conferência: VII CONFERÊNCIA MUNICIPAL

Leia mais

MATRIZ 4: ESTRATÉGIA NACIONAL DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL

MATRIZ 4: ESTRATÉGIA NACIONAL DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS SECRETARIA NACIONAL DE PROMOÇÃO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE MATRIZ 4: ESTRATÉGIA NACIONAL DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL CARTA

Leia mais

Informações da Organização

Informações da Organização Informações da Organização Nome: CENTRO CULTURAL ESCRAVA ANASTÁCIA CNPJ: 02.573.208/0001-25 Endereço: Rua Pref. Tolentino de Carvalho Endereço Complemento: Numero: 01 Bairro: Balneário Cidade: Florianópolis

Leia mais

Fundação de Assistência Social e Cidadania FASC Direção Técnica Coordenaçao Rede Básica

Fundação de Assistência Social e Cidadania FASC Direção Técnica Coordenaçao Rede Básica Fundação de Assistência Social e Cidadania FASC Direção Técnica Coordenaçao Rede Básica PROTEÇÃO SOCI AL BÁSI CA - PSB Centro de Referência da Assistência Social CRAS Organização da Rede Socioassistencial

Leia mais

Aprendiz Legal é um programa voltado para a preparação e inserção de jovens no mundo do trabalho, que se apoia na Lei da Aprendizagem (10.097/2000).

Aprendiz Legal é um programa voltado para a preparação e inserção de jovens no mundo do trabalho, que se apoia na Lei da Aprendizagem (10.097/2000). INSTITUCIONAL O Centro de Integração Empresa-Escola - CIEE é uma associação filantrópica de direito privado, sem fins lucrativos, beneficente de assistência social e reconhecida de utilidade pública que,

Leia mais

Entidades. Coordenadora ACM - Associação Cristã da Mocidade de Setúbal

Entidades. Coordenadora ACM - Associação Cristã da Mocidade de Setúbal CLDS Setúbal Entidades Coordenadora ACM - Associação Cristã da Mocidade de Setúbal Executoras ACM - Associação Cristã da Mocidade de Setúbal (Bela Vista e zona envolvente) APACCF - Associação de Professores

Leia mais

II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação

II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação 25 de maio de 2016 EIXO 1: PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e avaliação Fragilidades Melhorar as reuniões da CPA e reestruturar

Leia mais

Relatório de Atividades

Relatório de Atividades P á g i n a 1 2016 Relatório de Atividades Fundação Comunidade da Graça Escola da Moda 31/12/2016 P á g i n a 2 Sumário Relatório Anual de Atividades... 3 Apresentação da Fundação Comunidade da Graça...

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS APICULTORES DE BAIXA GRANDE BAHIA (AABG) Fundada em 11 de junho de 2001 CNPJ /

ASSOCIAÇÃO DOS APICULTORES DE BAIXA GRANDE BAHIA (AABG) Fundada em 11 de junho de 2001 CNPJ / ASSOCIAÇÃO DOS APICULTORES DE BAIXA GRANDE BAHIA (AABG) Fundada em 11 de junho de 2001 CNPJ- 05.151.398/0001-80 EDITAL Nº 001/2016 PROCESSO DE SELEÇÃO DE PESSOAL A Comissão Permanente de Seleção de Pessoal

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN MCT 1 VAGA

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN MCT 1 VAGA INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN 3.1.6 - MCT 1 VAGA 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Prestação de serviços de pessoa física para a elaboração de documento

Leia mais

PROJETO DETRANSPORTE ACESSÍVEL ANDANDO MAIS.

PROJETO DETRANSPORTE ACESSÍVEL ANDANDO MAIS. PROJETO DETRANSPORTE ACESSÍVEL ANDANDO MAIS 1 IDENTIFICAÇÃO 1.1 Da Entidade Social Nome: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Jaboticabal Endereço: Rua Ana Ramos de Carvalho, 69 Bairro: Nova

Leia mais

SUAS, SUS E TERRITÓRIO: INTERFACES DO CUIDADO

SUAS, SUS E TERRITÓRIO: INTERFACES DO CUIDADO 1º MÓDULO SUAS, SUS E TERRITÓRIO: INTERFACES DO CUIDADO Profª Dione Menz 2016 HISTÓRICO - SUAS Sistema Único da Assistência Social é fruto de quase duas décadas de debates e coloca em prática os preceitos

Leia mais

PROJETO. #SouAlterosa

PROJETO. #SouAlterosa EDITAL 03/2016 DIST II DESENVOLVIMENTO INTEGRADO E SUSTENTÁVEL DO TERRITÓRIO PROJETO #Sou Contratação de Agente comunitário 1. Objetivo do Projeto O Projeto #Sou tem por objetivo contribuir para a melhoria

Leia mais

ÁREAS TEMÁTICAS COMUNICAÇÃO CULTURA DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA EDUCAÇÃO MEIO AMBIENTE SAÚDE TECNOLOGIA E PRODUÇÃO TRABALHO

ÁREAS TEMÁTICAS COMUNICAÇÃO CULTURA DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA EDUCAÇÃO MEIO AMBIENTE SAÚDE TECNOLOGIA E PRODUÇÃO TRABALHO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA LIMA - TRINDADE CEP: 88040-900 - FLORIANÓPOLIS - SC TELEFONE (048)

Leia mais

APRESENTAÇÃO Faculdades Integradas IPEP IPEP de Portas Abertas

APRESENTAÇÃO Faculdades Integradas IPEP IPEP de Portas Abertas 08 2 APRESENTAÇÃO As Faculdades Integradas IPEP, instituição de Ensino sem fins lucrativos, tem como missão desenvolver, orientar e estimular as competências pessoais e profissionais dos nossos alunos,

Leia mais

Edital DE PROJETOS DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL

Edital DE PROJETOS DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL A Merck Brasil torna pública a abertura do programa de doações e patrocínios da empresa e define o processo seletivo para o ano de 2017, consoante os termos deste Edital. O Programa Merck Brasil de Patrocínios

Leia mais

MÓDULO I IRACI DE ANDRADE DRA. SERVIÇO SOCIAL

MÓDULO I IRACI DE ANDRADE DRA. SERVIÇO SOCIAL MÓDULO I IRACI DE ANDRADE DRA. SERVIÇO SOCIAL ACOMPANHAMENTO E ATENDIMENTO FAMILIAR Configura-se como um ato Configura como um processo continuado ACOMPANHAMENTO FAMILIAR ACOMPANHAMENTO FAMILIAR O QUE

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE DIRIGENTES CRISTÃOS DE EMPRESAS DE CAXIAS DO SUL - ADCE

ASSOCIAÇÃO DE DIRIGENTES CRISTÃOS DE EMPRESAS DE CAXIAS DO SUL - ADCE ASSOCIAÇÃO DE DIRIGENTES CRISTÃOS DE EMPRESAS DE CAXIAS DO SUL - ADCE EDITAL PARA SELEÇÃO DE ENTIDADES E POSTERIOR DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS PROVENIENTES DO EVENTO TÁ NA MESA COM A ADCE - EDIÇÃO DE 26.08.2017

Leia mais

1. DO OBJETO 1.1 O presente Edital tem como objeto a seleção de candidatos visando o desenvolvimento das atividades descritas no item 2.2.

1. DO OBJETO 1.1 O presente Edital tem como objeto a seleção de candidatos visando o desenvolvimento das atividades descritas no item 2.2. EDITAL SEDETEC Nº 01/2013, DE 26 DE AGOSTO DE 2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CHAMADA PARA INSCRIÇÕES NO PROJETO DE EXTENSÃO DISSEMINAÇÃO DA CULTURA DO EMPREENDEDORISMO E DA INOVAÇÃO DA UFJF

Leia mais

O planejamento estratégico configura-se em ações que foram construídas com base nos objetivos consolidados na Lei nº

O planejamento estratégico configura-se em ações que foram construídas com base nos objetivos consolidados na Lei nº PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: 2016-2020 O planejamento estratégico configura-se em ações que foram construídas com base nos objetivos consolidados na Lei nº 8.246. As ações estratégicas serão monitoradas e

Leia mais

Plano Municipal Contra a Violência Doméstica Prolongamento

Plano Municipal Contra a Violência Doméstica Prolongamento Plano Municipal Contra a Violência Doméstica 2011-14 Prolongamento Plano Municipal Contra a Violência 2011 2013 Prolongamento O Plano Municipal Contra a Violência 2011/13, teve por objetivo estruturar

Leia mais

Processo Seletivo para Cadastro e Recadastro de Instituições Sociais Nº 001/2017

Processo Seletivo para Cadastro e Recadastro de Instituições Sociais Nº 001/2017 Departamento Regional Amazonas Programa Mesa Brasil SESC Processo Seletivo para Cadastro e Recadastro de Instituições Sociais Nº 001/2017 Apresentação O Mesa Brasil SESC é uma rede nacional de bancos de

Leia mais

Informações básicas para. Doação a Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente 2017/2018

Informações básicas para. Doação a Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente 2017/2018 Informações básicas para Doação a Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente 2017/2018 Antes de enviar um Projeto, saiba que Rio Paranapanema No caso dos Conselhos Municipais dos Direitos

Leia mais

Instituto Pobres Servos da Divina Providência - Centro Educacional e Social de Marituba

Instituto Pobres Servos da Divina Providência - Centro Educacional e Social de Marituba Instituto Pobres Servos da Divina Providência - Centro Educacional e Social de Marituba Relatório Social Marituba Pa Ano 2016 CNPJ/MF 92.726.819/0013-91 O presente relatório apresenta as ações, programas

Leia mais

O COMITÊ GRAVATAHY E SEU TERRITÓRIO DE IRRIGAÇÃO E USOS MÚLTIPLOS DA ÁGUA

O COMITÊ GRAVATAHY E SEU TERRITÓRIO DE IRRIGAÇÃO E USOS MÚLTIPLOS DA ÁGUA O COMITÊ GRAVATAHY E SEU TERRITÓRIO DE IRRIGAÇÃO E USOS MÚLTIPLOS DA ÁGUA PAULO ROBINSON DA SILVA SAMUEL¹; KELY BOSCATO PEREIRA² ¹ Engenheiro atuando na área de Gestão Ambiental na Universidade Federal

Leia mais

NOTA TÉCNICA PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE OU PROJETOS SIMILARES DE ATIVIDADE FÍSICA

NOTA TÉCNICA PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE OU PROJETOS SIMILARES DE ATIVIDADE FÍSICA NOTA TÉCNICA 22 2012 PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE OU PROJETOS SIMILARES DE ATIVIDADE FÍSICA Repasse de recursos financeiros do Piso Variável de Vigilância e Promoção da Saúde para apoio técnico, monitoramento

Leia mais

04 Federações Integrantes: Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos #juntossomosmaisfortes

04 Federações Integrantes: Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos #juntossomosmaisfortes 04 Federações Integrantes: Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos #juntossomosmaisfortes Resolução 01/2015 do CONAD de 28/08/2016: Principais Tópicos MUDANÇAS DE NOMENCLATURAS: Diferenciar de

Leia mais

ATIVIDADES DE EXTENSÃO REGULAMENTO

ATIVIDADES DE EXTENSÃO REGULAMENTO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS AVANÇADO ARCOS ATIVIDADES DE EXTENSÃO REGULAMENTO A Extensão

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO:

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: 2016-2020 O planejamento estratégico configura-se em ações que foram construídas com base nos objetivos consolidados na Lei nº 8.246. As ações estratégicas serão monitoradas e

Leia mais

PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÌPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA PROGREDIR BOM JESUS

PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÌPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA PROGREDIR BOM JESUS PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÌPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA PROGREDIR BOM JESUS PROGRAMA DE REVITALIZAÇÃO EMPRESARIAL E DESENVOLVIMENTO INTEGRADO RURAL PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Promovendo desenvolvimento integral na primeira infância. Outubro de 2016

Promovendo desenvolvimento integral na primeira infância. Outubro de 2016 Promovendo desenvolvimento integral na primeira infância Outubro de 2016 MARCO LEGAL DA PRIMEIRA INFÂNCIA Lei nº 13.257, de 8 de março de 2016 DIRETRIZES E ESTRATÉGIAS de apoio às famílias em sua função

Leia mais

Políticas Públicas Integradas no Território A experiência da UPP SOCIAL*

Políticas Públicas Integradas no Território A experiência da UPP SOCIAL* Políticas Públicas Integradas no Território A experiência da UPP SOCIAL* Ricardo Henriques Seminário Internacional: Determinantes sociais da saúde, intersetorialidade e equidade social na América Latina

Leia mais

EDITAL INTERNO USJ Nº 026/2016/USJ

EDITAL INTERNO USJ Nº 026/2016/USJ EDITAL INTERNO USJ Nº 026/2016/USJ ABRE INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO PARA O SEGUNDO SEMESTRE DE 2016. O Reitor do Centro Universitário Municipal de São José, Prof. Dr. Juarez Perfeito,

Leia mais

Missão. Visão. Objetivos Estratégicos (OE)

Missão. Visão. Objetivos Estratégicos (OE) Identidade Organizacional - Acesso à informação - IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos R O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) é uma autarquia

Leia mais

Promovendo o esporte e a inclusão social.

Promovendo o esporte e a inclusão social. Em resposta à 1º DILIGÊNCIA ANÁLISE TÉCNICA EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS ESPORTIVOS 01/2015, recebida em 24/02/2016 1. Identificação do executor: Associação Ajudôu CNPJ: 05.444.603/0001-04 Nome do Projeto

Leia mais

27 de junho de Domingos Lopes

27 de junho de Domingos Lopes 27 de junho de 2016 Domingos Lopes Objetivos Temáticos OT 8. Promover a sustentabilidade e a qualidade do emprego e apoiar a mobilidade dos trabalhadores assumindo como meta nacional, até 2020, o aumento

Leia mais

Câmara Municipal de Rebouças - Paraná

Câmara Municipal de Rebouças - Paraná LEI N. 1.815/2014 Súmula: Institui o Programa Jovem Aprendiz no âmbito do Município de Rebouças-PR, e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE REBOUÇAS, ESTADO DO PARANÁ, DECRETOU E EU, PRESIDENTE,

Leia mais

PLANOS DE MONITORAMENTO E ACOMPANHAMENTO DO PAIR

PLANOS DE MONITORAMENTO E ACOMPANHAMENTO DO PAIR S DE MONITORAMENTO E ACOMPANHAMENTO DO PAIR DE MONITORAMENTO E ACOMPANHAMENTO DO PAIR ANÁLISE DA SITUAÇÃO NACIONAL 1. Identificar causas/ fatores de vulnerabilidade e modalidades de violência sexual contra

Leia mais

Parte 1 (solicitante) 1 Campus: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - Campus Araranguá

Parte 1 (solicitante) 1 Campus: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - Campus Araranguá MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO

Leia mais

I ENCONTRO ESTADUAL DE COORDENADORES REGIONAIS. Defesa de Direitos e Mobilização Social. Informática e Comunicação. Artes

I ENCONTRO ESTADUAL DE COORDENADORES REGIONAIS. Defesa de Direitos e Mobilização Social. Informática e Comunicação. Artes I ENCONTRO ESTADUAL DE COORDENADORES REGIONAIS Defesa de Direitos e Mobilização Social Informática e Comunicação Artes FENAPAES FEDERAÇÃO NACIONAL DAS APAEs Sede em Brasília DF Detentora da marca APAE

Leia mais

Edital VC 002/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE CURRÍCULOS DE CANDIDATOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS:

Edital VC 002/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE CURRÍCULOS DE CANDIDATOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: Edital VC 002/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE CURRÍCULOS DE CANDIDATOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: Modalidade Produto Área de Ciências Humanas e Direitos Humanos SELECIONA CURRÍCULOS

Leia mais

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL O Centro Educacional de Realengo apresenta seu Plano de Atendimento, consubstanciado pelo Programa de Assistência Estudantil PAE-CER em atendimento à Lei Nº 12.101/2009

Leia mais

Propostas para o desenvolvimento de Lucas do Rio Verde. Rede Potencializa

Propostas para o desenvolvimento de Lucas do Rio Verde. Rede Potencializa Propostas para o desenvolvimento de Lucas do Rio Verde Rede Potencializa Este passaporte pertence a: NOME: TELEFONE: E-MAIL: Rede Potencializa Fundação André e Lúcia Maggi 3 O que é o Potencializa O Potencializa

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CMAS RESOLUÇÃO 02/2011

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CMAS RESOLUÇÃO 02/2011 CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CMAS RESOLUÇÃO 02/2011 Dispõe sobre os requisitos necessários para a obtenção de inscrição dos serviços, programas, projetos e benefícios socioassistenciais no

Leia mais

RESUMO DO EDITAL SECULT BA Nº 02/2017 APOIO A AÇÕES CONTINUADAS DE INSTITUIÇÕES CULTURAIS 2017/2010

RESUMO DO EDITAL SECULT BA Nº 02/2017 APOIO A AÇÕES CONTINUADAS DE INSTITUIÇÕES CULTURAIS 2017/2010 RESUMO DO EDITAL SECULT BA Nº 02/2017 APOIO A AÇÕES CONTINUADAS DE INSTITUIÇÕES CULTURAIS 2017/2010 Abril/2017 EDITAL SECULT BA Nº 02/2017 APOIO A AÇÕES CONTINUADAS DE INSTITUIÇÕES CULTURAIS 2017/2010

Leia mais

Investimento Social no Entorno do Cenpes. Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE)

Investimento Social no Entorno do Cenpes. Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE) Investimento Social no Entorno do Cenpes Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE) MBA em Desenvolvimento Sustentável (Universidade Petrobras) Abril / 2010 PETR ROBRAS RESPONSABILIDADE

Leia mais

EDITAL 002/2015 Processo Seletivo do Projeto Jovem Aprendiz 1º Semestre de 2016

EDITAL 002/2015 Processo Seletivo do Projeto Jovem Aprendiz 1º Semestre de 2016 EDITAL 002/2015 Processo Seletivo do Projeto Jovem Aprendiz 1º Semestre de 2016 1. DO PROGRAMA 1.1. O curso de aprendizagem: Auxiliar de Administração ocorre em parceria com o SENAI e está fundamentado

Leia mais

RESOLUÇÃO UnC-CONSUN 033/2013 (PARECER Nº 033/2013 CONSUN)

RESOLUÇÃO UnC-CONSUN 033/2013 (PARECER Nº 033/2013 CONSUN) RESOLUÇÃO UnC-CONSUN 033/2013 (PARECER Nº 033/2013 CONSUN) Dispõe sobre a adequação do Programa Nacional de Incentivo à Leitura PROLER-UnC. O Presidente do Conselho Universitário CONSUN da Universidade

Leia mais

Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade

Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA, ALFABETIZAÇÃO, DIVERSIDADE E INCLUSÃO Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade Antônio Lidio de Mattos Zambon Coordenador Geral de Políticas

Leia mais

RELATORIO DE ATIVIDADE 2016

RELATORIO DE ATIVIDADE 2016 RELATORIO DE ATIVIDADE 2016 OBJETIVOS E METAS 2016 O QUE FOI CONQUISTADO? 1. Implantar o Núcleo de Assistência Social operando projetos próprios e cooperando em projetos de terceiros, que atendam às demandas

Leia mais

Relatório Anual. Conselho Comunitário de Aririú da Formiga. Conselho Comunitário de Aririú da Formiga

Relatório Anual. Conselho Comunitário de Aririú da Formiga. Conselho Comunitário de Aririú da Formiga Resumo da ONG No ano de 2012 atendemos: 78 crianças de 2 a 6 anos a maioria em período integral oferecendo-lhes alimentação, educação, saúde, lazer etc. 46 Idosos desenvolvendo atividades como: trabalhos

Leia mais

Departamento de Assistência Social DAS Unidade Rio de Janeiro

Departamento de Assistência Social DAS Unidade Rio de Janeiro Departamento de Assistência Social DAS Unidade Rio de Janeiro Programas e Serviços de Atenção à População em Situação de Vulnerabilidade Social, Econômica e Pessoal. Programa Dignidade O Programa Dignidade

Leia mais

CONTRIBUINDO PARA A COMPETITIVIDADE SUSTENTÁVEL

CONTRIBUINDO PARA A COMPETITIVIDADE SUSTENTÁVEL CONTRIBUINDO PARA A COMPETITIVIDADE SUSTENTÁVEL Uma organização autossustentável e não Governamental, que atua através de um sistema de Rede de Comitês, utilizando trabalho voluntário. Agentes Multiplicadores

Leia mais

Wanessa Dose Bittar Formação Cursos Extras Experiências

Wanessa Dose Bittar Formação Cursos Extras Experiências Wanessa Dose Bittar Formação -Especializada em Engenharia de Produção ( UFJF) -Graduada em Educação Artística ( UFJF) -Técnica em Design ( CTU) Cursos Extras -Educação Empreendedora pelo Endeavor Brasil

Leia mais

Perfil do Município IDHM. População. Renda per capita em R$ 0, hab. 593,90. Fonte: PNUD, Ipea e FJP

Perfil do Município IDHM. População. Renda per capita em R$ 0, hab. 593,90. Fonte: PNUD, Ipea e FJP IDHM 0,717 População Perfil do Município 700.000 hab. Renda per capita em R$ 593,90 Fonte: PNUD, Ipea e FJP Regionalização da Gestão Mapa dos Quatro Eixos Igualdade Competitividade Habitabilidade Modernidade

Leia mais

RELATÓRIO DE MENSAL SIMPLIFICADO RMS RMS N. 14

RELATÓRIO DE MENSAL SIMPLIFICADO RMS RMS N. 14 RELATÓRIO DE MENSAL SIMPLIFICADO RMS RMS N. 14 PERÍODO: 01 de fevereiro de 2016 a 29 de fevereiro de 2016 DATA: 01/03/2016 INTRODUÇÃO Este relatório tem como objetivo atender as demandas estabelecidas

Leia mais

PROJETO KANIMAMBO. Fábio e Zuleika da Silva. 1.3 Contatos: Fone - (32) e

PROJETO KANIMAMBO. Fábio e Zuleika da Silva. 1.3 Contatos: Fone - (32) e 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO 1.1 Título do projeto: Projeto Kanimambo 1.2 Coordenador do projeto: Fábio Botelho da Silva 1.3 Contatos: Fone - (32) 9988-5971 E-mail- fabiobdsilva@gmail.com e zuleikarqf@gmail.com

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE PROMOÇÃO DO ACESSO AO MUNDO DO TRABALHO ACESSUAS TRABALHO

PROGRAMA NACIONAL DE PROMOÇÃO DO ACESSO AO MUNDO DO TRABALHO ACESSUAS TRABALHO PROGRAMA NACIONAL DE PROMOÇÃO DO ACESSO AO MUNDO DO TRABALHO ACESSUAS TRABALHO O SUAS e a mobilização para promoção do acesso ao mundo do Trabalho A assistência social é política pública, direito do cidadão

Leia mais

SINTESE DO DIAGNÓSTICO TERRITÓRIO DE PAZ GRANDE VARGAS SAPUCAIA DO SUL 2010/2011

SINTESE DO DIAGNÓSTICO TERRITÓRIO DE PAZ GRANDE VARGAS SAPUCAIA DO SUL 2010/2011 SINTESE DO DIAGNÓSTICO TERRITÓRIO DE PAZ GRANDE VARGAS SAPUCAIA DO SUL 2010/2011 REALIZAÇÃO: Diagnóstico Local - Território de Paz Grande Vargas Sapucaia do Sul Página 1 DIAGNÓSTICO LOCAL TERRITÓRIO DE

Leia mais

Relatório Anual. Comitê da Cidadania Contra a Fome e a Miséria de Sapucaia do Sul

Relatório Anual. Comitê da Cidadania Contra a Fome e a Miséria de Sapucaia do Sul Resumo da ONG Foco de Atuacão O Comitê da Cidadania foi criado em 1993, partindo da ideia do sociólogo Betinho: criar comitês de combate à fome e à exclusão dos menos favorecidos. Iniciamos com a distribuição

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CUIABÁ PARA INGRESSO EM 2015/2

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CUIABÁ PARA INGRESSO EM 2015/2 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CUIABÁ PARA INGRESSO EM 2015/2 A Diretora-Regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial SENAI/MT,

Leia mais

Diretoria de Ensino Guarulhos Norte PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO. 1 - E.E Jardim Santa Cecilia

Diretoria de Ensino Guarulhos Norte PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO. 1 - E.E Jardim Santa Cecilia - Breve histórico da escola: : A EE JARDIM SANTA CECÍLIA, está localizada na Rua Lagoa Dourada nº 275 - cocaia - Guarulhos S.P.- CEP 07130-210 Código da escola: 0046314 Telefone: 2279-1810/2279-1921 E-mail

Leia mais

Critérios de para análise Projetos para captação de recursos do FIA Palhoça

Critérios de para análise Projetos para captação de recursos do FIA Palhoça Critérios de para análise Projetos para captação de recursos do FIA Palhoça Resolução 001/2013 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), de Palhoça, No uso de suas atribuições

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PROJETO PROVIDÊNCIA

ASSOCIAÇÃO PROJETO PROVIDÊNCIA ASSOCIAÇÃO PROJETO PROVIDÊNCIA A Associação Projeto Providência é uma associação civil, de cunho filantrópico, de natureza educacional, cultural e assistencial, fundada em 1988, por Pe. Mário Pozzoli,

Leia mais

1. SCFV - SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS

1. SCFV - SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS IAÇU-BA 2017 1. SCFV - SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS De acordo com a Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais (Resolução CNAS Nº 109/2009) o Serviço de Convivência e Fortalecimento

Leia mais