Comunicado ao Mercado VAREJO DESACELERA EM MARÇO E TEM CRESCIMENTO DE 2,2% CONTRA O MESMO MÊS EM 2013 NA RECEITA DEFLACIONADA, APONTA ÍNDICE DA CIELO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Comunicado ao Mercado VAREJO DESACELERA EM MARÇO E TEM CRESCIMENTO DE 2,2% CONTRA O MESMO MÊS EM 2013 NA RECEITA DEFLACIONADA, APONTA ÍNDICE DA CIELO"

Transcrição

1 CIELO S.A. CNPJ/MF / NIRE Comunicado ao Mercado VAREJO DESACELERA EM MARÇO E TEM CRESCIMENTO DE 2,2% CONTRA O MESMO MÊS EM 2013 NA RECEITA DEFLACIONADA, APONTA ÍNDICE DA CIELO Se descontados efeitos de calendário que impactaram negativamente o desempenho no mês, o ICVA registrou alta de 5% na comparação com o mesmo período de O desempenho é 3,6 pontos percentuais menor do que o registrado em fevereiro deste ano. Barueri, 17 de abril de 2014 Após um janeiro forte e uma diminuição de ritmo em fevereiro, a atividade varejista apresentou desaceleração em março. É o que informa o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA), divulgado nesta quinta-feira (17). O aumento foi de 2,2%, descontada a inflação, na comparação com o mesmo mês de 2013 uma queda de 9,2 pontos percentuais em relação ao crescimento de fevereiro de Pelo Índice nominal, o crescimento de março foi de 9,0% sobre o mesmo período do ano passado. A alta observada em março é menor do que a registrada em janeiro e fevereiro deste ano, quando o ICVA apontou expansão real de 8,8% e 11,4%, respectivamente. O impacto dos feriados explica, em parte, esse menor crescimento. Feriados alteram o padrão de vendas do comércio. No Carnaval, por exemplo, muitos dos estabelecimentos não abrem, explica Gabriel Mariotto, gerente da área de Inteligência da Cielo. 1

2 Mariotto observa ainda que o mês contou com uma segunda-feira a mais e uma sexta-feira a menos na comparação com março de Essa troca de dias da semana também resultou em impactos negativos. Pelos nossos dados, sabemos que as vendas em uma sexta-feira são, em média, 30% a 40% maiores do que as de uma segunda-feira, explica. Porém, os efeitos de calendário não foram os únicos fatores responsáveis pelo menor crescimento do índice, de acordo com o especialista. De fato, o varejo desacelerou neste mês. Ainda que descontados esses efeitos, março teria crescido 5,0% em receita deflacionada, índice 3,6 pontos percentuais menor que o de fevereiro, afirma. Setores e regiões Os setores que mais contribuíram positivamente para o resultado de março foram os de Alimentação (Bares e Restaurantes), Drogarias e Farmácias e Postos de Gasolina. Já o setor de Supermercados e Hipermercados, que se destacou em janeiro, acumula dois meses seguidos de desaceleração. Se olharmos para os primeiros meses de 2014, o setor de Alimentação (Bares e Restaurantes), mesmo fortemente impactado pela inflação 0,96% em março de 2014 e 10,1% no acumulado de 12 meses, de acordo com o IPCA do setor, apresentou um crescimento real consistente. Os setores de Farmácias e Drogarias e Postos de Gasolina mantiveram bom desempenho durante todo o trimestre, tanto no ICVA nominal quanto no deflacionado. 2

3 No recorte regional, a região Centro-Oeste liderou a expansão para o mês de março, com crescimento de 11,1% na receita nominal de vendas, seguida do Norte, com alta de 9,8%, e o Nordeste, com 9,5%. A região Sul teve crescimento de 9,3%, ligeiramente superior ao ICVA geral nacional. Já a região Sudeste teve crescimento inferior à média brasileira, com crescimento de 8,3% nas vendas em março. 1T14 A atividade do varejo brasileiro registrou crescimento de 6,8% no 1º trimestre de 2014, descontada a inflação. Pelo ICVA nominal, a alta foi de 14,0%. Assim, na comparação com o último trimestre de 2013, quando o ICVA apontava uma alta deflacionada de 7,1% e nominal de 14,8%, também houve desaceleração do volume de vendas. 3

4 No recorte regional, as regiões Nordeste e Centro-Oeste lideraram o crescimento nominal do varejo no primeiro trimestre, com altas de 15,5% e 15,4%, respectivamente. A região Norte apresentou expansão de 15,2%, seguida da região Sul, com alta de 14,0%, e Sudeste, com 13,5%. O Índice Cielo do Varejo Ampliado ICVA acompanhará mensalmente a evolução do varejo de acordo com a receita nominal de vendas, com base em um grupo de 24 setores mapeados pela Cielo, de pequenos lojistas a grandes varejistas. 4

5 Como é calculado o ICVA O ICVA não tem correlação com o desempenho financeiro da Cielo. Para criar um indicador neutro que refletisse puramente a atividade econômica e o apetite de consumo no comércio, sem qualquer inferência a seus resultados, a companhia desenvolveu modelos matemáticos para isolar os efeitos do comportamento competitivo do mercado de credenciamento como a variação de market share, por exemplo. Também foram isolados os efeitos da maior participação de cartões na economia pela substituição de cheque e dinheiro. Os dados que compõem o Índice são capturados, de forma agregada, da base de 1,4 milhão de pontos de venda ativos credenciados à Cielo em todo o Brasil, tanto nas lojas físicas como nos canais mobile e e-commerce. CLOVIS POGGETTI JUNIOR Vice Presidente Executivo de Finanças e Diretor de Relações com Investidores 5

ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO DE 3,7% PARA O VAREJO EM OUTUBRO

ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO DE 3,7% PARA O VAREJO EM OUTUBRO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO DE 3,7% PARA O VAREJO EM OUTUBRO Alta foi registrada em comparação com outubro de 2013 e leva em conta a receita

Leia mais

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,6% PARA O VAREJO EM NOVEMBRO

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,6% PARA O VAREJO EM NOVEMBRO I C V A N O V E M BRO D E 2 0 1 6 CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,6% PARA O VAREJO EM NOVEMBRO Indicador considera a receita deflacionada de vendas

Leia mais

ICVA: VAREJO AMPLIADO TEM RETRAÇÃO DE 1,4% EM MAIO

ICVA: VAREJO AMPLIADO TEM RETRAÇÃO DE 1,4% EM MAIO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA: VAREJO AMPLIADO TEM RETRAÇÃO DE 1,4% EM MAIO Indicador da Cielo considera a receita deflacionada de vendas em relação ao mesmo mês do ano

Leia mais

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 4,8% PARA O VAREJO EM 2016

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 4,8% PARA O VAREJO EM 2016 CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 4,8% PARA O VAREJO EM 2016 Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação ao ano de 2015.

Leia mais

VAREJO AMPLIADO TEM RETRAÇÃO DE 1,9% EM MARÇO, APONTA ICVA

VAREJO AMPLIADO TEM RETRAÇÃO DE 1,9% EM MARÇO, APONTA ICVA CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado VAREJO AMPLIADO TEM RETRAÇÃO DE 1,9% EM MARÇO, APONTA ICVA Mês de março apresentou a menor queda de vendas desde julho de 2015 Crescimento da

Leia mais

APÓS 2 ANOS DE RETRAÇÃO, VAREJO APRESENTA CRESCIMENTO REAL EM AGOSTO

APÓS 2 ANOS DE RETRAÇÃO, VAREJO APRESENTA CRESCIMENTO REAL EM AGOSTO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado APÓS 2 ANOS DE RETRAÇÃO, VAREJO APRESENTA CRESCIMENTO REAL EM AGOSTO Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) apresentou crescimento de sobre o

Leia mais

VENDAS NO VAREJO DEIXAM DE CAIR PELA PRIMEIRA VEZ EM DOIS ANOS

VENDAS NO VAREJO DEIXAM DE CAIR PELA PRIMEIRA VEZ EM DOIS ANOS I C V A J U L H O D E 2 0 1 7 CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado VENDAS NO VAREJO DEIXAM DE CAIR PELA PRIMEIRA VEZ EM DOIS ANOS Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) não apontou

Leia mais

Maio Divulgado em 16 de junho de 2015.

Maio Divulgado em 16 de junho de 2015. Maio - 2015 Divulgado em 16 de junho de 2015. VAREJO AMPLIADO CRESCE 0,4% EM MAIO, APONTA ICVA Percentual é calculado a partir da receita de vendas deflacionada pelo IPCA em comparação com maio de 2014;

Leia mais

Abril Divulgado em 16 de maio de 2016.

Abril Divulgado em 16 de maio de 2016. Abril - 2016 Divulgado em 16 de maio de 2016. VAREJO REGISTRA RETRAÇÃO DE 5,2% EM ABRIL, APONTA ICVA Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação a abril de 2015. Descontados

Leia mais

VAREJO AMPLIADO CRESCE 0,4% EM MAIO, APONTA ICVA

VAREJO AMPLIADO CRESCE 0,4% EM MAIO, APONTA ICVA CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado VAREJO AMPLIADO CRESCE 0,4% EM MAIO, APONTA ICVA Percentual é calculado a partir da receita de vendas deflacionada pelo IPCA em comparação com

Leia mais

VAREJO AMPLIADO CRESCE 1,1% EM ABRIL, APONTA ICVA

VAREJO AMPLIADO CRESCE 1,1% EM ABRIL, APONTA ICVA CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado VAREJO AMPLIADO CRESCE 1,1% EM ABRIL, APONTA ICVA Indicador considera a receita de vendas deflacionada pelo IPCA em comparação com abril de 2014;

Leia mais

Março Divulgado em 14 de abril de 2016.

Março Divulgado em 14 de abril de 2016. Março - 2016 Divulgado em 14 de abril de 2016. ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 5,8% PARA O VAREJO EM MARÇO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação a março de 2015. Sem os efeitos

Leia mais

Março Divulgado em 14 de abril de 2015.

Março Divulgado em 14 de abril de 2015. Março - 2015 Divulgado em 14 de abril de 2015. VAREJO AMPLIADO CRESCE 3,3% EM MARÇO, APONTA ICVA O comércio varejista brasileiro apresentou alta de 3,3% em março em relação ao mesmo período do ano passado,

Leia mais

Fevereiro Divulgado em 15 de março de 2016.

Fevereiro Divulgado em 15 de março de 2016. Fevereiro - 2016 Divulgado em 15 de março de 2016. ICVA: BENEFICIADO PELO CALENDÁRIO, VAREJO AMPLIADO REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,4% EM FEVEREIRO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo

Leia mais

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,1% PARA O VAREJO EM JUNHO

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,1% PARA O VAREJO EM JUNHO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,1% PARA O VAREJO EM JUNHO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação a junho de 2015

Leia mais

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,3% NO VAREJO EM OUTUBRO

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,3% NO VAREJO EM OUTUBRO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,3% NO VAREJO EM OUTUBRO Indicador considera a receita de vendas do varejo deflacionada pelo IPCA em relação a outubro

Leia mais

Agosto Divulgado em 15 de setembro de 2015.

Agosto Divulgado em 15 de setembro de 2015. Agosto - 2015 Divulgado em 15 de setembro de 2015. ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 2,8% PARA O VAREJO EM AGOSTO Indicador considera a receita de vendas do varejo deflacionada pelo IPCA em comparação com agosto

Leia mais

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 4,9% PARA O VAREJO EM SETEMBRO

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 4,9% PARA O VAREJO EM SETEMBRO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 4,9% PARA O VAREJO EM SETEMBRO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação ao mesmo mês

Leia mais

ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO TÍMIDO DE 0,5% DO VAREJO EM JUNHO

ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO TÍMIDO DE 0,5% DO VAREJO EM JUNHO ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO TÍMIDO DE 0,5% DO VAREJO EM JUNHO Número refere-se ao aumento da receita de vendas deflacionada pelo IPCA em relação a junho de 2013; com os ajustes dos efeitos de calendário,

Leia mais

Junho Divulgado em 17 de julho de 2017

Junho Divulgado em 17 de julho de 2017 Junho - 2017 Divulgado em 17 de julho de 2017 ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 0,1% PARA O VAREJO EM JUNHO Receita de vendas no varejo apresenta a menor queda desde julho de 2015; indicador, calculado pela Cielo,

Leia mais

Outubro Divulgado em 16 de novembro de 2015.

Outubro Divulgado em 16 de novembro de 2015. Outubro - 2015 Divulgado em 16 de novembro de 2015. ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,3% NO VAREJO EM OUTUBRO Indicador considera a receita de vendas do varejo deflacionada pelo IPCA em relação a outubro de

Leia mais

Junho Divulgado em 15 de julho de 2016.

Junho Divulgado em 15 de julho de 2016. Junho - 2016 Divulgado em 15 de julho de 2016. ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 3,1% PARA O VAREJO EM JUNHO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação a junho de 2015 A receita

Leia mais

Janeiro Divulgado em 16 de fevereiro de 2016.

Janeiro Divulgado em 16 de fevereiro de 2016. Janeiro - 2016 Divulgado em 16 de fevereiro de 2016. ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 6,0% PARA O VAREJO EM JANEIRO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação a janeiro de 2015.

Leia mais

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 6,2% PARA O VAREJO EM AGOSTO

ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 6,2% PARA O VAREJO EM AGOSTO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA RETRAÇÃO DE 6,2% PARA O VAREJO EM AGOSTO Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação ao mesmo mês

Leia mais

COM IMPACTO DO CARNAVAL, VAREJO TEM RETRAÇÃO DE 2,4% EM FEVEREIRO, APONTA ICVA

COM IMPACTO DO CARNAVAL, VAREJO TEM RETRAÇÃO DE 2,4% EM FEVEREIRO, APONTA ICVA CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado COM IMPACTO DO CARNAVAL, VAREJO TEM RETRAÇÃO DE 2,4% EM FEVEREIRO, APONTA ICVA O desempenho das vendas do comércio varejista brasileiro, medido

Leia mais

Junho Divulgado em 15 de julho de 2015.

Junho Divulgado em 15 de julho de 2015. Junho - 2015 Divulgado em 15 de julho de 2015. ICVA REGISTRA CRESCIMENTO DE 1,9% PARA O VAREJO EM JUNHO O indicador é calculado a partir da receita de vendas do comércio varejista deflacionada pelo IPCA

Leia mais

Setembro Divulgado em 15 de outubro de 2015.

Setembro Divulgado em 15 de outubro de 2015. Setembro - 2015 Divulgado em 15 de outubro de 2015. ICVA APONTA RETRAÇÃO DE 3,4% PARA O VAREJO EM SETEMBRO Indicador considera a receita de vendas do varejo deflacionada pelo IPCA em comparação com setembro

Leia mais

CIELO S.A. CNPJ/MF / Comunicado ao Mercado

CIELO S.A. CNPJ/MF / Comunicado ao Mercado CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado ICVA REGISTRA CRESCIMENTO DE 1,9% PARA O VAREJO EM JUNHO O indicador é calculado a partir da receita de vendas do comércio varejista deflacionada

Leia mais

Dezembro e consolidado 2015

Dezembro e consolidado 2015 Dezembro e consolidado 2015 Divulgado em 14 de janeiro de 2016. VAREJO REGISTRA RETRAÇÃO DE 1,4% EM 2015, APONTA ICVA Indicador considera a receita deflacionada de vendas do varejo em relação a 2014. Em

Leia mais

INDICADOR APONTA ALTA DE 2,1% PARA O VAREJO EM JANEIRO

INDICADOR APONTA ALTA DE 2,1% PARA O VAREJO EM JANEIRO CIELO S.A. CNPJ/MF 01.027.058/0001-91 Comunicado ao Mercado INDICADOR APONTA ALTA DE 2,1% PARA O VAREJO EM JANEIRO O comércio varejista brasileiro, medido pelo Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA), registrou

Leia mais

Copyright Cielo Todos os direitos reservados

Copyright Cielo Todos os direitos reservados Copyright Cielo Todos os direitos reservados Copyright Cielo Todos os direitos reservados Copyright Cielo Todos os direitos reservados Copyright Cielo Todos os direitos reservados Copyright

Leia mais

ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO TÍMIDO DE 0,5% DO VAREJO EM JUNHO

ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO TÍMIDO DE 0,5% DO VAREJO EM JUNHO ÍNDICE CIELO APONTA CRESCIMENTO TÍMIDO DE 0,5% DO VAREJO EM JUNHO Número refere-se ao aumento da receita de vendas deflacionada pelo IPCA em relação a junho de 2013; com os ajustes dos efeitos de calendário,

Leia mais

Fevereiro - 2015. Divulgado em 16 de março de 2015.

Fevereiro - 2015. Divulgado em 16 de março de 2015. Fevereiro - 2015 Divulgado em 16 de março de 2015. I C V A F E V E R E I R O D E 2 0 1 5 COM IMPACTO DO CARNAVAL, VAREJO TEM RETRAÇÃO DE 2,4% EM FEVEREIRO, APONTA ICVA O desempenho das vendas do comércio

Leia mais

Abril - 2015. Divulgado em 14 de maio de 2015.

Abril - 2015. Divulgado em 14 de maio de 2015. Abril - 2015 Divulgado em 14 de maio de 2015. VAREJO AMPLIADO CRESCE 1,1% EM ABRIL, APONTA ICVA Indicador considera a receita de vendas deflacionada pelo IPCA em comparação com abril de 2014; no índice

Leia mais

Inadimplência PF no setor de Comércio Dados referentes a março de 2014 Release de Imprensa

Inadimplência PF no setor de Comércio Dados referentes a março de 2014 Release de Imprensa Inadimplência PF no setor de Comércio Dados referentes a março de 2014 Release de Imprensa Dívidas com o comércio têm o quinto recuo anual consecutivo, revela SPC Brasil No mês de março, os atrasos no

Leia mais

COMENTÁRIOS comércio varejista comércio varejista ampliado

COMENTÁRIOS comércio varejista comércio varejista ampliado COMENTÁRIOS Em junho de 2015, o comércio varejista nacional registrou variação de -0,4% no volume de vendas frente ao mês imediatamente anterior, na série livre de influências sazonais, quinta taxa negativa

Leia mais

Despesas de estabelecimentos com taxas de cartões registram primeira queda real da história

Despesas de estabelecimentos com taxas de cartões registram primeira queda real da história INFORMATIVO PARA A IMPRENSA ML&A Comunicações Fernanda Elen fernanda@mla.com.br (11) 3811-2820 ramal 833 Despesas de estabelecimentos com taxas de cartões registram primeira queda real da história Segundo

Leia mais

Como os Aplicativos (smartphones) estão mudando os hábitos de Consumo

Como os Aplicativos (smartphones) estão mudando os hábitos de Consumo Como os Aplicativos (smartphones) estão mudando os hábitos de Consumo O usuário integrado O maior acesso da população à internet e aos smartphones vem mudando o comportamento do consumidor de e-commerce.

Leia mais

Indicadores da Semana

Indicadores da Semana Indicadores da Semana O volume de vendas no varejo registrou queda de 0,4%, quando comparado ao mês imediatamente anterior, na série com ajuste sazonal, marcando a quinta queda consecutiva. Sete das dez

Leia mais

TERMÔMETRO DE VENDAS Março/2016

TERMÔMETRO DE VENDAS Março/2016 TERMÔMETRO DE VENDAS Março/2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Economista Ana Pala Bastos Estatística - Sarah Ribeiro Analista André Fernandes Técnico em Pesquisa - Amanda Santos

Leia mais

ECONOMIA A informação que fala direto ao seu bolso 30 de setembro de 2016

ECONOMIA  A informação que fala direto ao seu bolso 30 de setembro de 2016 Associação Brasileira de Supermercados Nº68 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 30 de setembro de 2016 Autosserviço completa três meses com vendas estáveis Supermercadistas

Leia mais

Comércio Varejista Resultados de Junho de 2012

Comércio Varejista Resultados de Junho de 2012 Comércio Varejista Resultados de Junho de 2012 1. No mês de Junho, o comércio varejista cresceu 1,5% no volume de vendas e 1,9% no faturamento (receita nominal), em relação a Maio. No comparativo com Junho

Leia mais

Setor de Serviços tem o melhor desempenho na RARP

Setor de Serviços tem o melhor desempenho na RARP Brasil e estado de São Paulo criam vagas pelo quarto mês consecutivo em Julho de 2017 Os dados de Julho de 2017 do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) indicam destruição líquida de vagas

Leia mais

Relatório de Resultado de Vendas do Natal 2015

Relatório de Resultado de Vendas do Natal 2015 Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina Relatório de Resultado de Vendas do Natal 2015 O perfil do empresário e resultado de vendas para o período de Natal em Santa Catarina

Leia mais

Varejo Brasileiro. Antônio Guimarães 24 de Junho de 2008

Varejo Brasileiro. Antônio Guimarães 24 de Junho de 2008 Varejo Brasileiro Antônio Guimarães 24 de Junho de 2008 1 Agenda 1. Wal-Mart 2. Setor Supermercadista 3. Desempenho 2008 4. Ameaças e Oportunidades 5. Tendências 2 Wal-Mart Brasil 2006-2008 2005 2004 1995-2000

Leia mais

SAQUES NAS CONTAS DO FGTS INJETARAM R$ 10,8 BI NO VAREJO

SAQUES NAS CONTAS DO FGTS INJETARAM R$ 10,8 BI NO VAREJO SAQUES NAS CONTAS DO FGTS INJETARAM R$ 10,8 BI NO VAREJO Do total de R$ 44 bilhões sacados das contas inativas entre março e julho deste ano, 25% chegaram ao varejo. De acordo com levantamento da Confederação

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de 2015

Resultados 1º Trimestre de 2015 Resultados 1º Trimestre de 2015 07 de Maio de 2015 Principais Destaques do Resultado do Receita Líquida de R$ 5,4 bilhões, estável vs. excluindo-se o 1 efeito CADE 1 Ganho de market share no período 2

Leia mais

Câmara de Dirigentes Lojistas de Caxias do Sul

Câmara de Dirigentes Lojistas de Caxias do Sul MARÇO 2016 Câmara de Dirigentes Lojistas de Caxias do Sul Presidente ANALICE CARRER Assessor de Economia e Estatística Prof. Mosár Leandro Ness 2 SUMÁRIO INTRODUÇÃO 3 1. Faturamento 4 1.1. Quadro Desempenho

Leia mais

ECONOMIA. Vendas do setor acumulam crescimento de 2,05% Nº40. Associação Brasileira de Supermercados. Renda e emprego mantêm crescimento do setor

ECONOMIA. Vendas do setor acumulam crescimento de 2,05% Nº40. Associação Brasileira de Supermercados. Renda e emprego mantêm crescimento do setor Associação Brasileira de Supermercados Nº40 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Maio de 2014 Vendas do setor acumulam crescimento de 2,05% Em abril, as vendas reais

Leia mais

Indicadores do Autosserviço. 27 de Janeiro 2016

Indicadores do Autosserviço. 27 de Janeiro 2016 Indicadores do Autosserviço 27 de Janeiro 2016 Pauta da Coletiva Índice Nacional de Vendas Abras Índice de Confiança do Supermercadista Abrasmercado (GfK) Índice de Volume e Desempenho de Canais Índice

Leia mais

ANÁLISE MENSAL - PMC

ANÁLISE MENSAL - PMC ANÁLISE MENSAL - PMC Novembro / 2016 Varejo cresce 2,0% em novembro Segundo a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) do IBGE, o volume das vendas do Varejo brasileiro voltou a ficar positivo em novembro de

Leia mais

Indicador de vendas e de inadimplência

Indicador de vendas e de inadimplência Indicador de vendas e de inadimplência CNDL SPC Brasil Janeiro de 2014 Presidentes Roque Pellizzaro Junior (CNDL) Roberto Alfeu Pena Gomes (SPC Brasil) Publicado em fevereiro de 2014 1 Inadimplência abre

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica de Goiás N.1/mar. 2010

Boletim de Conjuntura Econômica de Goiás N.1/mar. 2010 Boletim de Conjuntura Econômica de Goiás N.1/mar. 2010 1 Na primeira edição do Boletim de Conjuntura Econômica de Goiás serão apresentadas análises de quatro índices que retratam a dinâmica da economia

Leia mais

ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA - JULHO/2015

ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA - JULHO/2015 ANÁLISE DO VOLUME DE VENDAS DO COMÉRCIO VAREJISTA - JULHO/2015 O COMÉRCIO VAREJISTA NO BRASIL CONTINUA EM QUEDA A Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Leia mais

TURISMO DO RJ JÁ PERDEU R$ 320 MILHÕES COM AUMENTO DA VIOLÊNCIA EM 2017

TURISMO DO RJ JÁ PERDEU R$ 320 MILHÕES COM AUMENTO DA VIOLÊNCIA EM 2017 TURISMO DO RJ JÁ PERDEU R$ 320 MILHÕES COM AUMENTO DA VIOLÊNCIA EM 2017 Avanço da criminalidade no Estado somado ao contexto econômico ainda desfavorável provocou queda de 7,9% na receita bruta do setor.

Leia mais

Pesquisa Mensal de Comércio - PMC

Pesquisa Mensal de Comércio - PMC Pesquisa Mensal de Comércio - PMC Resultado de julho de 2017 12/09/2017 Diretoria de Pesquisas Coordenação de Serviços e Comércio Pesquisa Mensal do Comércio Objetivo Produzir indicadores que permitam

Leia mais

Boletim de Serviços. Maio de Economia de Serviços

Boletim de Serviços. Maio de Economia de Serviços Boletim de Serviços Maio de 17 www.economiadeservicos.com Economia de Serviços Destaques O volume do setor de serviços registrou contração de % em fevereiro na comparação anual, com destaque negativo para

Leia mais

Receita nominal. Setembro/Agosto 0,5 0,1 1,5 1,2 Média móvel trimestral 1,0 0,1 1,1 0,5 Setembro 2015 / Setembro 2014

Receita nominal. Setembro/Agosto 0,5 0,1 1,5 1,2 Média móvel trimestral 1,0 0,1 1,1 0,5 Setembro 2015 / Setembro 2014 Vendas no varejo variam 0,5% em setembro Período Volume de vendas Varejo Receita nominal Varejo Ampliado Volume de vendas Receita nominal Setembro/Agosto 0,5 0,1 1,5 1,2 Média móvel trimestral 1,0 0,1

Leia mais

Vendas do varejo caem 0,5% entre julho e agosto 11/10/2017

Vendas do varejo caem 0,5% entre julho e agosto 11/10/2017 Vendas do varejo caem 0,5% entre julho e agosto 11/10/2017 Editoria: Estatísticas Econômicas Produto: Em agosto de 2017, o volume de vendas do comércio varejista nacional recuou 0,5%, enquanto a receita

Leia mais

Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL

Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL Dados referentes a novembro de 2016 RESUMO ANÁLISE ECONÔMICA METODOLOGIA DOS INDICADORES INFORMAÇÕES RELEVANTES Presidentes Honório Pinheiro

Leia mais

(resultados de dezembro de 2013) Fevereiro/14

(resultados de dezembro de 2013) Fevereiro/14 (resultados de dezembro de 2013) Fevereiro/14 Destaques Em 2013, o faturamento real das micro e pequenas empresas (MPEs) paulistas apresentou aumento de 2,0% sobre 2012. Por setores, no mesmo período,

Leia mais

ANÁLISE MENSAL - PMC

ANÁLISE MENSAL - PMC ANÁLISE MENSAL - PMC Outubro/ 2015 Comércio tem crescimento após 8 meses de quedas consecutivas O comércio varejista nacional registrou crescimento nas vendas de 0,6% em outubro frente ao mês imediatamente

Leia mais

Resultados do 1T17 27 de Abril de 2017

Resultados do 1T17 27 de Abril de 2017 Resultados do 27 de Abril de 2017 Transformação Negócio Online Evolução Estratégica do Marketplace 4 mil parceiros, 2 milhões de SKUs selecionados pelo nível de serviço e alinhamento com a nossa visão

Leia mais

IBGE DIVULGA ATUALIZAÇÃO DO RETRATO DO COMÉRCIO BRASILEIRO

IBGE DIVULGA ATUALIZAÇÃO DO RETRATO DO COMÉRCIO BRASILEIRO IBGE DIVULGA ATUALIZAÇÃO DO RETRATO DO COMÉRCIO BRASILEIRO Pesquisa Anual de Comércio radiografou as principais variáveis do comércio no Brasil ao fim do ciclo de forte expansão do setor. Entre 2007 e

Leia mais

INDICADORES ,95% -2,00% - 4,06% ABIP ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA

INDICADORES ,95% -2,00% - 4,06% ABIP ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA 1 INDICADORES 216 DESEMPENHO DE EMPRESAS DE PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA BRASILEIRAS EM 216 FONTE: Levantamento realizado pelo Instituto Tecnológico de Panificação e Confeitaria (ITPC) em parceria com a Associação

Leia mais

Na média de 2015, a economia brasileira fechou mais de 525,3 mil postos de trabalho em relação aos dez primeiros meses de O setor de serviços,

Na média de 2015, a economia brasileira fechou mais de 525,3 mil postos de trabalho em relação aos dez primeiros meses de O setor de serviços, Novembro de 2015 1 Na média de 2015, a economia brasileira fechou mais de 525,3 mil postos de trabalho em relação aos dez primeiros meses de 2014. O setor de serviços, contudo, continuou abrindo vagas.

Leia mais

Boletim de Serviços. Junho de Economia de Serviços

Boletim de Serviços. Junho de Economia de Serviços Boletim de Serviços Junho de 17 www.economiadeservicos.com Economia de Serviços Destaques O volume do setor de serviços registrou leve queda de,1% em março na comparação anual, com destaque negativo para

Leia mais

Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL

Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL Dados referentes a dezembro de 2016 RESUMO ANÁLISE ECONÔMICA METODOLOGIA DOS INDICADORES INFORMAÇÕES RELEVANTES Presidentes Honório Pinheiro

Leia mais

SAQUES NAS CONTAS DO FGTS JÁ INJETARAM R$ 7,2 BI NO VAREJO

SAQUES NAS CONTAS DO FGTS JÁ INJETARAM R$ 7,2 BI NO VAREJO SAQUES NAS CONTAS DO FGTS JÁ INJETARAM R$ 7,2 BI NO VAREJO Do total de R$ 16,6 bilhões sacados das contas inativas entre março e abril deste ano, 43% chegaram ao varejo. De acordo com levantamento da Confederação

Leia mais

ANÁLISE MENSAL - PMC

ANÁLISE MENSAL - PMC ANÁLISE MENSAL - PMC Setembro/ 2015 Comércio apresenta em setembro 8º recuo mensal consecutivo O comércio varejista brasileiro registrou queda de 0,5% no mês de setembro de 2015 em relação ao mês anterior,

Leia mais

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO LONDRINA

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO LONDRINA FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO ANÁLISE CONJUNTURAL DO MÊS DE JANEIRO DE 2014 LONDRINA Este relatório, referente ao mês de Janeiro de 2014, da Pesquisa Conjuntural do Comércio

Leia mais

Pesquisa Anual de Comércio 2010

Pesquisa Anual de Comércio 2010 Pesquisa Anual de Comércio 2010 28/06/2012 IBGE INFORMA: Pesquisa Anual de Comércio 2010 movimenta cerca de R$ 2 trilhões de receita e ocupa perto de 9,5 milhões de pessoas Pesquisa Anual de Comércio 2010

Leia mais

PIB trimestral tem crescimento em relação ao mesmo período do ano anterior após 3 anos

PIB trimestral tem crescimento em relação ao mesmo período do ano anterior após 3 anos PIB trimestral tem crescimento em relação ao mesmo período do ano anterior após 3 anos No 2º tri./2017, o PIB brasileiro a preços de mercado apresentou crescimento de 0,23% quando comparado ao 2º tri./2016,

Leia mais

Regiões Norte e Sudeste apresentam aumento expressivo de dívidas atrasadas e menor crescimento econômico

Regiões Norte e Sudeste apresentam aumento expressivo de dívidas atrasadas e menor crescimento econômico Resumo Regiões Norte e Sudeste apresentam aumento expressivo de dívidas atrasadas e menor crescimento econômico A alta do número de dívidas em atraso em fevereiro no Brasil (0,80% na comparação com janeiro)

Leia mais

(resultados de fevereiro de 2014) Abril/14

(resultados de fevereiro de 2014) Abril/14 (resultados de fevereiro de 2014) Abril/14 Destaques Em fevereiro de 2014, o faturamento real das micro e pequenas empresas (MPEs) paulistas apresentou aumento de 9,7% sobre fevereiro de 2013. Por setores,

Leia mais

INDX apresenta alta de 2,67% em março

INDX apresenta alta de 2,67% em março INDX apresenta alta de 2,67% em março Dados de Março/11 Número 51 São Paulo O Índice do Setor Industrial (INDX), composto pelas ações mais representativas do segmento, encerrou o mês de março de 2010,

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de de Abril de 2017

Resultados 1º Trimestre de de Abril de 2017 Resultados 1º Trimestre de 2017 28 de Abril de 2017 Principais Destaques R$ mil 1T17 Alimentar Multivarejo Assaí Variação vs. 1T16 1T17 Variação vs. 1T16 1T17 Variação vs. 1T16 Receita líquida 10,552 +6.7%

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de de Abril de 2017

Resultados 1º Trimestre de de Abril de 2017 Resultados 1º Trimestre de 2017 28 de Abril de 2017 Principais Destaques R$ mil 1T17 Alimentar Multivarejo Assaí Variação vs. 1T16 (1) EBITDA e Lucro líquido (prejuízo) ajustados por Outras Receitas e

Leia mais

Indicador de Confiança do Micro e Pequeno Empresário. SPC Brasil e Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL)

Indicador de Confiança do Micro e Pequeno Empresário. SPC Brasil e Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) Indicador de Confiança do Micro e Pequeno Empresário SPC Brasil e Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) INDICADOR DE CONFIANÇA DO MICRO E PEQUENO EMPRESÁRIO DE VAREJO E SERVIÇOS RESUMO Em

Leia mais

Pesquisa mensal de comércio Junho de 2012 IBGE

Pesquisa mensal de comércio Junho de 2012 IBGE Pesquisa mensal de comércio Junho de 212 IBGE PMC Varejo restrito e ampliado Sumário Varejo Restrito - Receita nominal - Volume de vendas (Deflação da receita bruta com o IPCA e SINAPI) Varejo Ampliado

Leia mais

Boletim de Serviços. Fevereiro de Economia de Serviços

Boletim de Serviços. Fevereiro de Economia de Serviços Boletim de Serviços Fevereiro de 17 www.economiadeservicos.com Economia de Serviços Destaques Em novembro, receita nominal do setor de serviços registrou variação positiva de 8,9% no acúmulo anual, enquanto

Leia mais

(resultados de janeiro de 2014) Março/14

(resultados de janeiro de 2014) Março/14 (resultados de janeiro de 2014) Março/14 Destaques Em janeiro de 2014, o faturamento real das micro e pequenas empresas (MPEs) paulistas apresentou aumento de 12,3% sobre janeiro de 2013. Foi a segunda

Leia mais

Estabelecimentos e Empregos nas Micro e Pequenas Empresas 1

Estabelecimentos e Empregos nas Micro e Pequenas Empresas 1 Estabelecimentos e Empregos nas Micro e Pequenas Empresas 1 Neste texto é analisada exclusivamente a base de dados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), com destaque para algumas características

Leia mais

Trabalho. Mercado BOLETIM. Ribeirão Preto/SP. Prof. Dr. Sergio Naruhiko Sakurai Gabriel Tamancoldi Couto e Jenifer Barbosa

Trabalho. Mercado BOLETIM. Ribeirão Preto/SP. Prof. Dr. Sergio Naruhiko Sakurai Gabriel Tamancoldi Couto e Jenifer Barbosa Ano III Mai/ Criação líquida empregos é positiva em março, mas mercado trabalho segue frágil Os dados março do Cadastro Geral Empregados e Desempregados (CAGED) mostram um mercado trabalho ainda com sinais

Leia mais

Brasil e SP fecharam postos de trabalho em todos os setores da economia

Brasil e SP fecharam postos de trabalho em todos os setores da economia Brasil e SP fecharam postos de trabalho em todos os setores da economia Os dados de março de 2016 do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) reafirmam a desaceleração do mercado de trabalho.

Leia mais

ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL. Fevereiro/2013 (dados até Janeiro)

ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL. Fevereiro/2013 (dados até Janeiro) ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL (ICPN) Fevereiro/2013 (dados até Janeiro) Características da pesquisa Objetivo: - medir o impacto da conjuntura econômica nos Pequenos Negócios e suas

Leia mais

Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL

Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL Indicador de inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL Dados referentes a outubro de 2016 RESUMO ANÁLISE ECONÔMICA METODOLOGIA DOS INDICADORES INFORMAÇÕES RELEVANTES Presidentes Honório Pinheiro

Leia mais

ECONOMIA A informação que fala direto ao seu bolso 02 Março de 2017

ECONOMIA  A informação que fala direto ao seu bolso 02 Março de 2017 Associação Brasileira de Supermercados Nº73 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 02 Março de 2017 Setor inicia o ano com estabilidade nas vendas Confiança e desemprego não

Leia mais

CONFIANÇA DO COMÉRCIO AUMENTA PELA SÉTIMA VEZ NAS VÉSPERAS DO NATAL

CONFIANÇA DO COMÉRCIO AUMENTA PELA SÉTIMA VEZ NAS VÉSPERAS DO NATAL CONFIANÇA DO COMÉRCIO AUMENTA PELA SÉTIMA VEZ NAS VÉSPERAS DO NATAL O de Confiança do Empresário do Comércio (Icec) atingiu 98,9 pontos em novembro, ante os 97,3 pontos observados em outubro. Na série

Leia mais

Pesquisa de Resultado de Vendas do Natal 2016

Pesquisa de Resultado de Vendas do Natal 2016 Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina Pesquisa de Resultado de Vendas do Natal 2016 O perfil do empresário e

Leia mais

Economia Brasileira em Perspectiva

Economia Brasileira em Perspectiva 13 de agosto - 2010 O relatório é publicado bimestralmente pelo Ministério da Fazenda Essa versão do Relatório correspondente ao bimestre junho/julho foi divulgada no dia 10/08. Seu objetivo é apresentar

Leia mais

INTENÇÃO DE INVESTIR DOS COMERCIANTES CRESCE COM PERSPECTIVA DE AUMENTO NO VOLUME DE VENDAS NO NATAL

INTENÇÃO DE INVESTIR DOS COMERCIANTES CRESCE COM PERSPECTIVA DE AUMENTO NO VOLUME DE VENDAS NO NATAL INTENÇÃO DE INVESTIR DOS COMERCIANTES CRESCE COM PERSPECTIVA DE AUMENTO NO VOLUME DE VENDAS NO NATAL O de Confiança do Empresário do Comércio (Icec) registrou aumento (+0,3%) na passagem de setembro para

Leia mais

PESQUISA DE DESEMPENHO 2º TRIMESTRE 2017

PESQUISA DE DESEMPENHO 2º TRIMESTRE 2017 PESQUISA DE DESEMPENHO 2º TRIMESTRE 2017 DESEMPENHO DO FRANCHISING 2017 2º TRIMESTRE 2017 No ano de 2017 a pesquisa de Desempenho do Setor de Franchising está sendo realizada de forma trimestral com o

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Maio de 205 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO T5 2 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO T5

Leia mais

ANÁLISE MENSAL - PMC

ANÁLISE MENSAL - PMC ANÁLISE MENSAL - PMC Janeiro/ 2016 Varejo inicia o ano com recuo de -1,5% O Varejo brasileiro inicia o ano de 2016 dando continuidade à tendência de queda no volume de vendas com o primeiro mês do ano

Leia mais

ECONOMIA A informaçãoque fala direto ao seu bolso 29 de março de 2016

ECONOMIA  A informaçãoque fala direto ao seu bolso 29 de março de 2016 Associação Brasileira de Supermercados Nº62 ECONOMIA www.abras.com.br A informaçãoque fala direto ao seu bolso 29 de março de 2016 Com recessão, vendas do setor continuam em queda Queda da renda e expectativas

Leia mais

Vice-Presidência de Produtos. Dilson Ribeiro

Vice-Presidência de Produtos. Dilson Ribeiro Vice-Presidência de Produtos Dilson Ribeiro Aviso Legal A companhia faz declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas Tais declarações têm como base crenças e suposições de

Leia mais

ECONOMIA A informação que fala direto ao seu bolso 27 Abril de 2017

ECONOMIA  A informação que fala direto ao seu bolso 27 Abril de 2017 Associação Brasileira de Supermercados Nº75 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 Abril de 2017 Índice de Vendas acumula queda de -1,40% no ano Em março, as vendas reais

Leia mais

CRESCIMENTO DE VENDAS APESAR DE FORTE DEFLAÇÃO DE ALIMENTOS Crescimento de vendas total, sem gasolina, de 5,5% no 3T17 e 8,0% em 9 meses

CRESCIMENTO DE VENDAS APESAR DE FORTE DEFLAÇÃO DE ALIMENTOS Crescimento de vendas total, sem gasolina, de 5,5% no 3T17 e 8,0% em 9 meses CRESCIMENTO DE VENDAS APESAR DE FORTE DEFLAÇÃO DE ALIMENTOS Crescimento de vendas total, sem gasolina, de 5,5% no 3T17 e 8,0% em 9 meses Ganhos de participação de mercado em todos os formatos no ano Atacadão:

Leia mais

Resultados de Maio 2017

Resultados de Maio 2017 Diretoria de Pesquisas Coordenação de Serviços e Comércio - COSEC Pesquisa Mensal de Comércio - PMC Resultados de o 2017 Data 12/07/2017 Objetivo Pesquisa Mensal do Comércio Produzir indicadores que permitam

Leia mais