Direito Constitucional -Poder Legislativo- Profº. Cleiton Coutinho

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Direito Constitucional -Poder Legislativo- Profº. Cleiton Coutinho"

Transcrição

1 Direito Constitucional -Poder Legislativo- Profº. Cleiton Coutinho

2 01. Quanto ao Congresso Nacional, considere: I. O número total de Deputados, bem como a representação por Estado e pelo Distrito Federal, será estabelecido por lei complementar, proporcionalmente à população, procedendo-se aos ajustes necessários, no ano anterior às eleições, para que nenhuma daquelas unidades da Federação tenha menos de oito ou mais de setenta Deputados. II. O Senado Federal compõe-se de representantes dos Estados e do Distrito Federal, eleitos segundo o princípio majoritário.

3 III. Cada Estado e o Distrito Federal elegerão quatro Senadores, com mandato de oito anos. IV. Cada Senador será eleito com três suplentes. É correto o que consta APENAS em (A) I, II e III. (B) II e III. (C) I e II. (D) I, III e IV. (E) III e IV.

4 02. Na composição do Congresso Nacional, a representação é do povo, pelo a) princípio majoritário, na Câmara dos Deputados; no Senado Federal, a representação é dos Estados e do Distrito Federal, pelo sistema proporcional. b) sistema proporcional, na Câmara dos Deputados; no Senado Federal, a representação é dos Estados e do Distrito Federal, pelo sistema majoritário. c) sistema proporcional, na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, por ser o Brasil uma República Federativa.

5 d) princípio majoritário, na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, por ser o Brasil uma República Federativa. e) sistema proporcional, na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, porque o princípio majoritário só é usado na escolha dos membros das Assembléias Legislativas Estaduais.

6 03. É correto afirmar que a) o Poder Legislativo nacional é exercido pelos Deputados e pelos Senadores. b) o Congresso Nacional se compõe da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. c) o Senado compõe-se de representantes do povo, com mandato de oito anos. d) a Câmara dos Deputados compõe-se de representantes dos Estados e do Distrito Federal, com mandato de quatro anos. e) o Congresso Nacional se compõe dos Deputados e dos Senadores.

7 04. Compete privativamente ao Senado Federal: (A) Aprovar, previamente, a alienação ou concessão de terras públicas com área superior a dois mil e quinhentos hectares. (B) Proceder a tomada de contas do Presidente da República, quando não apresentadas ao Congresso Nacional dentro de sessenta dias após a abertura da sessão legislativa. (C) Autorizar o Presidente e o Vice-Presidente da República a se ausentarem do País, quando a ausência exceder a quinze dias.

8 (D) Apreciar os atos de concessão e renovação de concessão de emissoras de rádio e televisão. (E) Aprovar previamente, por voto secreto, após argüição em sessão secreta, a escolha dos chefes de missão diplomática de caráter permanente.

9 05. Cabe ao Congresso Nacional, de regra, com a sanção do Presidente da República, dispor sobre todas as matérias de competência da União e dentre outras, especialmente sobre (A) montante da dívida mobiliária dos Estados e do Distrito Federal. (B)) operações de crédito, dívida pública e emissões de cunho forçado.

10 (C) criação e extinção de órgãos públicos superiores federais e estaduais. (D) bens do domínio da União, Estados e Distrito Federal. (E) incorporação de área de Municípios, ouvidas as Câmaras Municipais.

11 06. Dentre as atribuições do Congresso Nacional, é também de sua competência exclusiva (A) sustar os atos normativos do Poder Executivo que exorbitem do poder regulamentar ou dos limites de delegação legislativa. (B) eleger os membros do Conselho da República quanto à escolha de seis cidadãos brasileiros natos.

12 (C) autorizar operações externas de natureza financeira, de interesse da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e Municípios. (D) dispor sobre limites e condições para a concessão de garantia da União em operações de crédito externo e interno. (E) suspender a execução, no todo ou em parte, de lei declarada inconstitucional por decisão definitiva do Supremo Tribunal Federal.

13 07. Analise: I. Autorizar, por dois terços de seus membros, a instauração de processo contra o Presidente e o Vice- Presidente da República e os Ministros de Estado. II. Dispor sobre limites e condições para a concessão de garantia da União em operações de crédito externo e interno. III. Apreciar os atos de concessão e renovação de concessão de emissoras de rádio e televisão. IV. Aprovar previamente, por voto secreto, após argüição pública, a escolha do Presidente e Diretores do Banco Central.

14 Tais assertivas estão respectivamente relacionadas às competências privativas (A) da Câmara dos Deputados, da Câmara dos Deputados, do Senado Federal e do Congresso Nacional. (B) do Senado Federal, do Congresso Nacional, do Congresso Nacional e da Câmara dos Deputados. (C) do Congresso Nacional, da Câmara dos Deputados, da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

15 (D) do Senado Federal, da Câmara dos Deputados, do Senado Federal e da Câmara dos Deputados. (E) da Câmara dos Deputados, do Senado Federal, do Congresso Nacional e do Senado Federal.

16 08. Compete privativamente à Câmara dos Deputados (A) proceder à tomada de contas do Presidente da República, quando não apresentadas ao Congresso Nacional dentro de sessenta dias após a abertura da sessão legislativa. (B) aprovar previamente, por voto secreto, após argüição pública, a escolha de Ministros do Tribunal de Contas da União indicados pelo Presidente da República. (C) aprovar previamente, por voto secreto, após argüição em sessão secreta, a escolha dos chefes de missão diplomática de caráter permanente.

17 (D) autorizar operações externas de natureza financeira, de interesse da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e dos Municípios. (E) fixar, por proposta do Presidente da República, limites globais para o montante da dívida consolidada da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

18 09. Considere as afirmações abaixo. I - A imunidade dos deputados federais e senadores somente se aplica em matéria penal. II - Os vereadores não gozam de imunidade processual. III - A imunidade dos deputados federais e senadores somente se aplica às opiniões e palavras proferidas no recinto do Congresso Nacional.

19 IV - Após a diplomação, os deputados federais e senadores serão processados penalmente pelo Supremo Tribunal Federal, após prévia autorização da respectiva casa legislativa. Estão corretas a) I, II, III e IV. b) apenas II, III e IV. c) apenas III e IV. d) apenas III. e) apenas II.

20 10. As imunidades parlamentares material e formal constituem garantia significativa para o exercício do mandato concedido pelo povo aos integrantes do Poder Legislativo. a) As imunidades podem ser objeto de renúncia. b) A imunidade parlamentar material obsta a propositura de ação penal ou indenizatória contra o membro do Poder Legislativo pelas opiniões, palavras e votos que proferir e exige relação de pertinência com o exercício da função.

21 c) A imunidade parlamentar formal somente garante ao integrante do Poder Legislativo a impossibilidade de ser ou de permanecer preso. d) A imunidade parlamentar material será aplicável somente nos casos em que a manifestação do pensamento ocorrer dentro do recinto legislativo.

22 11. Os Deputados e os Senadores NÃO poderão, desde a expedição do diploma: (A) ser diretores de empresa que goze de favor decorrente de contrato com pessoa jurídica de direito público. (B) ser proprietários de empresa que goze de favor decorrente de contrato com pessoa jurídica de direito público, ou nela exercer função remunerada.

23 (C) firmar ou manter contrato com pessoa jurídica de direito público, salvo quando o contrato obedecer a cláusulas uniformes. (D) patrocinar causa em que seja interessada pessoa jurídica de direito público. (E) ser titulares de mais de um cargo ou mandato público eletivo.

Direito Constitucional

Direito Constitucional Direito Constitucional Poder Legislativo: Funções Típicas e Atípicas / Congresso Nacional Professora Kerolinne Barboza www.acasadoconcurseiro.com.br Direito Constitucional PODER LEGISLATIVO: FUNÇÕES TÍPICAS

Leia mais

Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade

Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade 19. Segundo a Constituição Federal, os tratados e convenções internacionais sobre direitos humanos que forem aprovados, em cada Casa do Congresso Nacional,

Leia mais

Art. 44. O Poder Legislativo é exercido pelo Congresso Nacional, que se. eleitos, pelo sistema proporcional, em cada Estado, em cada Território e no

Art. 44. O Poder Legislativo é exercido pelo Congresso Nacional, que se. eleitos, pelo sistema proporcional, em cada Estado, em cada Território e no Art. 44. O Poder Legislativo é exercido pelo Congresso Nacional, que se compõe da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. Parágrafo único. Cada legislatura terá a duração de quatro anos. Art. 45. A Câmara

Leia mais

TRE/RN CICLO DE PALESTRAS

TRE/RN CICLO DE PALESTRAS 01 Vereador: Papel Constitucional e Sistema de Eleição Juiz JAILSOM LEANDRO DE SOUSA 02 Quem é o vereador? O Vereador é o Membro do Poder Legislativo Municipal. 03 Qual é o papel do Vereador? O papel do

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional Direito Constitucional Dos Deputados e dos Senadores (Art. 053 a 056) Professor André Vieira www.acasadoconcurseiro.com.br Direito Constitucional Seção V DOS DEPUTADOS E DOS SENADORES Art. 53. Os Deputados

Leia mais

CURSO ON-LINE - D. CONSTITUCIONAL NAS 5 FONTES PROFESSOR: VÍTOR CRUZ Aula 10 - Poder Legislativo:

CURSO ON-LINE - D. CONSTITUCIONAL NAS 5 FONTES PROFESSOR: VÍTOR CRUZ Aula 10 - Poder Legislativo: Aula 10 - Poder Legislativo: Fala Pessoal, tudo certo? Hoje adentraremos na estrutura dos Poderes do Estado. Para começar, veremos o nosso Poder Legislativo. Vamos nessa... ESTRUTURA DO PODER LEGISLATIVO:

Leia mais

O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA

O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA ESTADO Conjunto de regras, pessoas e organizações que se separam da sociedade para organizá-la. - Só passa a existir quando o comando da comunidade

Leia mais

E mail: face: wwwfacebook.com/prof.fabioramos 1

E mail: face: wwwfacebook.com/prof.fabioramos 1 Art. 48. Cabe ao Congresso Nacional, com a sanção do Presidente da República, não exigida esta para o especificado nos arts. 49, 51 e 52, dispor sobre todas as matérias de competência da União, especialmente

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2015

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2015 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2015, DE Dá nova redação aos arts. 45 e 46 da Constituição Federal para reduzir o número de membros da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. As Mesas da Câmara

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A DAR PARECER ÀS PROPOSTAS DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO RELACIONADAS À REFORMA POLÍTICA (PEC 182, DE 2007, E APENSADAS)

COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A DAR PARECER ÀS PROPOSTAS DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO RELACIONADAS À REFORMA POLÍTICA (PEC 182, DE 2007, E APENSADAS) COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A DAR PARECER ÀS PROPOSTAS DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO RELACIONADAS À REFORMA POLÍTICA (PEC 182, DE 2007, E APENSADAS) SUBSTITUTIVO À PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N o 14,

Leia mais

Fontes do Direitos: Constituição, lei, costumes, jurisprudência, doutrina e contrato. A Constituição Federal e os tópicos da Economia

Fontes do Direitos: Constituição, lei, costumes, jurisprudência, doutrina e contrato. A Constituição Federal e os tópicos da Economia Fontes do Direitos: Constituição, lei, costumes, jurisprudência, doutrina e contrato. A Constituição Federal e os tópicos da Economia No Brasil, vigora o princípio da Supremacia da Constituição, segundo

Leia mais

Prof. Cristiano Lopes

Prof. Cristiano Lopes Prof. Cristiano Lopes Poder Legislativo Federal ü No Brasil vigora o bicameralismo federativo, no âmbito federal. Ou seja, o Poder Legislativo no Brasil, em âmbito federal, é bicameral, isto é, composto

Leia mais

PODER LEGISLATIVO PODER LEGISLATIVO PODER LEGISLATIVO DIVISÃO DE FUNÇÕES ESTATAIS ORGANIZAÇÃO DOS PODERES ESTUDO DOS PODERES SEPARAÇÃO DE PODERES

PODER LEGISLATIVO PODER LEGISLATIVO PODER LEGISLATIVO DIVISÃO DE FUNÇÕES ESTATAIS ORGANIZAÇÃO DOS PODERES ESTUDO DOS PODERES SEPARAÇÃO DE PODERES ORGANIZAÇÃO DOS PODERES SEPARAÇÃO DE PODERES ART. 2.º,, DA CF/88: São Poderes da União, independentes e harmônicos entre si, o Legislativo,, o Executivo e o Judiciário rio. FUNÇÕES LEGISLATIVA EXECUTIVA

Leia mais

O Que Fazem Deputados Federais, Estaduais, Senadores e o Governador? (competências e âmbito de atuação)

O Que Fazem Deputados Federais, Estaduais, Senadores e o Governador? (competências e âmbito de atuação) O Que Fazem Deputados Federais, Estaduais, Senadores e o Governador? (competências e âmbito de atuação) Patricia Brasil Advogada Delegada do Partido Humanista da Solidariedade Junto ao TRE/SP Especialista

Leia mais

DARIO CÉSAR BARBOSA

DARIO CÉSAR BARBOSA DARIO CÉSAR BARBOSA dariobarbosa@bol.com.br RESPONSABILIDADE NA GESTÃO FISCAL? O ADMINISTRADOR PÚBLICO QUE ATUA DE ACORDO COM O MODELO DE RESPONSABILIDADE NA GESTÃO FISCAL É AQUELE QUE SE EMPENHA NA PRESERVAÇÃO

Leia mais

CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Professor Alessandro Dantas Coutinho CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CONTROLE REALIZADO PELO PODER LEGISLATIVO Legislativo! Representa a vontade da coletividade. Em âmbito Federal é composto pelo Senado

Leia mais

Simulado D. Constitucional - Câmara dos Deputados

Simulado D. Constitucional - Câmara dos Deputados Simulado D. Constitucional - Câmara dos Deputados - 2012 Fala pessoal, tudo bem com vocês?! Prontos para gabaritar a prova da Câmara dos Deputados? Espero que sim... Tenham confiança! A vitória se aproxima.

Leia mais

(Técnico Judiciário/Área administrativa e segurança e transporte/ TRF/5ª Região/2012)

(Técnico Judiciário/Área administrativa e segurança e transporte/ TRF/5ª Região/2012) Olá amigo(a), tudo bem? Irei começar nossa comunicação pelo site da Editora Ferreira com um importante toque para testar seus conhecimentos de Direito Constitucional nesta provinha para Técnico Judiciário

Leia mais

AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE

AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE Competência De acordo com o art. 102, I, a, CR(Constituição da República Federativa do Brasil), compete ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar, originariamente,

Leia mais

DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES PODER EXECUTIVO & PODER LEGISLATIVO

DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES PODER EXECUTIVO & PODER LEGISLATIVO DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES PODER EXECUTIVO & PODER LEGISLATIVO 1 PODER EXECUTIVO É a função estatal que envolve a prática de atos chefia do Estado, atos de Governo, além da condução da Administração Pública

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2003 (Do Sr. Marcelo Castro e outros)

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2003 (Do Sr. Marcelo Castro e outros) PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2003 (Do Sr. Marcelo Castro e outros) Suprime o 5º do art. 14 e dá nova redação ao 1º do art. 27, ao caput do art. 28, ao inciso I do art. 29, ao parágrafo único

Leia mais

Quadro Sinótico Competência por Prerrogativa de Função

Quadro Sinótico Competência por Prerrogativa de Função 2016 Quadro Sinótico Competência por Prerrogativa de Função Lucas Rodrigues de Ávila Prova da Ordem 2016 O que é competência por prerrogativa de função? "Um dos critérios determinadores da competência

Leia mais

LEI PENAL EM RELAÇÃO ÀS PESSOAS PROFESSOR: LEONARDO DE MORAES

LEI PENAL EM RELAÇÃO ÀS PESSOAS PROFESSOR: LEONARDO DE MORAES LEI PENAL EM RELAÇÃO ÀS PESSOAS PROFESSOR: LEONARDO DE MORAES 1 - Introdução Subdividem-se em imunidades diplomáticas e de chefes de governo estrangeiro e as imunidades parlamentares. 2 Imunidades diplomáticas

Leia mais

Processo Legislativo II. Prof. ª Bruna Vieira

Processo Legislativo II. Prof. ª Bruna Vieira Processo Legislativo II Prof. ª Bruna Vieira 1.4. Espécies normativas (art. 59 da CF) a) emendas à Constituição b) leis complementares c) leis ordinárias d) leis delegadas e) medidas provisórias f) decretos

Leia mais

Noções de Estado. Organização da Federação e Poderes do Estado

Noções de Estado. Organização da Federação e Poderes do Estado Noções de Estado Noções de Estado Organização da Federação e Poderes do Estado Estado É a sociedade política e juridicamente organizada, dotada de soberania, dentro de um território, sob um governo, para

Leia mais

PODER LEGISLATIVO. Profa. Érica Rios

PODER LEGISLATIVO. Profa. Érica Rios PODER LEGISLATIVO Profa. Érica Rios erica.carvalho@ucsal.br FUNÇÕES DO P. LEGISLATIVO TÍPICAS: Legislar Fiscalizar as contas do P. Executivo ATÍPICAS: Administrar (ao prover cargos da sua estrutura ou

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional CEM CADERNO DE EXERCÍCIOS MASTER Direito Constitucional Polícia Legislativa Câmara dos Deputados Período: 2007-2017 Sumário Direito Constitucional... 3 Eficácia das Normas Constitucionais... 3 Dos direitos

Leia mais

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL 145 QUESTÕES DE PROVAS IBFC POR ASSUNTOS 06 QUESTÕES DE PROVAS FCC 24 QUESTÕES ELABORADAS PELO EMMENTAL Edição Maio 2017 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É vedada a reprodução

Leia mais

(e) As Administrações Regionais integram a estrutura político-administrativa do DF.

(e) As Administrações Regionais integram a estrutura político-administrativa do DF. 1. (CESPE - 2014 - TC-DF - Técnico de Administração Pública) Com base nos dispositivos da LODF, julgue os itens subsequentes. A edição, pelo governador do DF, de ato normativo com o fim de melhorar as

Leia mais

Como pensa o examinador em provas para a Magistratura do TJ-RS? MAPEAMENTO DAS PROVAS - DEMONSTRAÇÃO -

Como pensa o examinador em provas para a Magistratura do TJ-RS? MAPEAMENTO DAS PROVAS - DEMONSTRAÇÃO - Curso Resultado Um novo conceito em preparação para concursos! Como pensa o examinador em provas para a Magistratura do TJ-RS? MAPEAMENTO DAS PROVAS - DEMONSTRAÇÃO - Trabalho finalizado em julho/2015.

Leia mais

Cotas para mulheres?

Cotas para mulheres? Cotas para mulheres? Direito: PEC propõe alterar a Constituição Federal para que, nas eleições para Câmara dos Deputados, Assembleias Legislativas dos Estados, Câmara Legislativa do Distrito Federal e

Leia mais

Papéis dos Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário. O art. 224 do Código Eleitoral dispõe:

Papéis dos Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário. O art. 224 do Código Eleitoral dispõe: Sistemas Eleitorais Voto e Eleições A expressão "sistema eleitoral" designa o modo, os instrumentos e os mecanismos empregados nos países de organização política democrática para constituir seus Poderes

Leia mais

Questões fundamentadas do PODER LEGISLATIVO. Art. 44 a 69 da CF. 300 Questões Fundamentadas do Poder Legislativo Art.

Questões fundamentadas do PODER LEGISLATIVO. Art. 44 a 69 da CF. 300 Questões Fundamentadas do Poder Legislativo Art. APOSTILA AMOSTRA Para adquirir a apostila de 300 Questões Fundamentadas do Poder Legislativo acesse o site: www.odiferencialconcursos.com.br S U M Á R I O Apresentação...3 Questões...4 Respostas...79 Bibliografia...127

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL PEÇA PROFISSIONAL O governo brasileiro, preocupado com os índices crescentes de ataques terroristas no mundo, vinculou-se à Convenção sobre os Direitos Humanos das Vítimas de Atividades

Leia mais

AS QUESTÕES DA DEFESA E O CONGRESSO NACIONAL

AS QUESTÕES DA DEFESA E O CONGRESSO NACIONAL AS QUESTÕES DA DEFESA E O CONGRESSO NACIONAL João Paulo Batista Botelho Consultor Legislativo do Senado Federal 10/4/2014 OBJETIVO Apresentar aspectos gerais do Poder Legislativo brasileiro e seu papel

Leia mais

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL 496 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS DA FCC COM GABARITOS 1ª Edição JUL 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É vedada a reprodução total ou parcial deste material, por qualquer

Leia mais

Banco Central Direito Constitucional Poder Legislativo Cristiano Lopes Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

Banco Central Direito Constitucional Poder Legislativo Cristiano Lopes Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. Banco Central Direito Constitucional Poder Legislativo Cristiano Lopes 2013 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. Prof. Cristiano Lopes No Brasil vigora o bicameralismo

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL PEÇA PROFISSIONAL O presidente da República apresenta ao Congresso Nacional proposição legislativa que trata de criação, transformação em estado ou reintegração ao estado de origem

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N.º, DE (do Sr. Deputado Zé Geraldo e outros)

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N.º, DE (do Sr. Deputado Zé Geraldo e outros) 1 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N.º, DE 2013. (do Sr. Deputado Zé Geraldo e outros) Altera dispositivos constitucionais, instituindo mandato com duração de 10 anos, vedando a recondução para os Ministros

Leia mais

DIREITOS POLITICOS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS

DIREITOS POLITICOS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS DIREITOS FUNDAMENTAIS CONCEITO: O direito democrático de participação do povo no governo, por seus representantes, acabou exigindo a formação de um conjunto de normas legais permanentes, que recebe a denominação de direitos

Leia mais

NORMA DE REMUNERAÇÃO DOS DIRETORES E MEMBROS DOS CONSELHOS - NOR 223

NORMA DE REMUNERAÇÃO DOS DIRETORES E MEMBROS DOS CONSELHOS - NOR 223 MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS COD. 200 ASSUNTO: REMUNERAÇÃO DOS DIRETORES E MEMBROS DOS CONSELHOS DE ADMINISTRAÇÃO, FISCAL E CURADOR. APROVAÇÃO: Deliberação CONSAD nº 076, de 12/12/ 2013 VIGÊNCIA:

Leia mais

PROVA DE NOÇÕES DE DIREITO

PROVA DE NOÇÕES DE DIREITO 7 PROVA DE NOÇÕES DE DIREITO QUESTÃO 21 Considera-se como lei meramente material a norma: a) dependente de regulamentação. b) dotada de obrigatoriedade absoluta. c) instituída por órgão não legislativo,

Leia mais

In:

In: Carta de Curitiba aprovada em 21-06-1986, no 1º Encontro Nacional de Procuradores-Gerais de Justiça e Presidentes de Associações de Ministério Público (Curitiba, Paraná) Do Ministério Público Seção I Das

Leia mais

Brasileiros natos: Brasileiros naturalizados: São brasileiros naturalizados:

Brasileiros natos: Brasileiros naturalizados: São brasileiros naturalizados: Brasileiros natos: a) Os nascidos na República Federativa do Brasil, ainda que de pais estrangeiros, desde que estes não estejam a serviço de seu país; b) Os nascidos no estrangeiro, de pai brasileiro

Leia mais

NACIONALIDADE. Questões CESPE

NACIONALIDADE. Questões CESPE NACIONALIDADE Ano: 2015Banca: CESPEÓrgão: MPOGProva: Analista Técnico Administrativo - Cargo 2 Acerca dos princípios fundamentais e dos direitos e deveres individuais e coletivos, julgue o item a seguir.

Leia mais

Ministério da Administração do Território

Ministério da Administração do Território Ministério da Administração do Território Lei nº 23/92 de 16 de Setembro LEI DE REVISÃO CONSTITUCIONAL As alterações à Lei Constitucional introduzidas em Março de 1991, através da Lei nº. 12/91 destinaram

Leia mais

Definição como se transformam votos em poder

Definição como se transformam votos em poder Definição. Sistema eleitoral é o conjunto de regras que define como, em uma determinada eleição, o eleitor pode fazer suas escolhas e como os votos são contabilizados para serem transformados em mandatos.

Leia mais

Páginas: DECRETO LEGISLATIVO Nº. 006/2016. O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE BIRITINGA, ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições legais, e ainda,

Páginas: DECRETO LEGISLATIVO Nº. 006/2016. O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE BIRITINGA, ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições legais, e ainda, Páginas: 8 Índice do diário Atos Oficiais Decreto - N 006/2016 Projeto de Lei - N 001/2015 EMENDA/JUSTIFICAVA Atos Oficiais Decreto N 006/2016 DECRETO LEGISLATIVO Nº. 006/2016 O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

O STF e o Direito à Vida: Onde começa e onde termina?

O STF e o Direito à Vida: Onde começa e onde termina? O STF e o Direito à Vida: Onde começa e onde termina? Sociedade Brasileira de Direito Público - SBDP Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC/SP Interrupção de Gravidez de Feto Anencéfalo ADPF

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2013

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2013 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2013, DE Altera a redação do 1º do art. 128 da Constituição Federal, para dispor sobre a nomeação do Procurador-Geral da República a partir de lista tríplice encaminhada

Leia mais

EMAIL/FACE: prof.fabioramos@hotmail.com www.facebook.com/prof.fabioramos 1

EMAIL/FACE: prof.fabioramos@hotmail.com www.facebook.com/prof.fabioramos 1 DIREITOS POLÍTICOS Prof. Fábio Ramos prof.fabioramos@hotmail.com Conjunto de normas que disciplinam as formas de exercício da soberania popular. Princípio da Soberania Popular: Art. 1º, par. único: Todo

Leia mais

OFICINA PARLAMENTAR Brasília (DF) 18 e 19 de agosto de 2016

OFICINA PARLAMENTAR Brasília (DF) 18 e 19 de agosto de 2016 OFICINA PARLAMENTAR Brasília (DF) 18 e 19 de agosto de 2016 CONTRUÇÃO DA PROPOSTA e PROCESSO LEGISLATIVO Delegacia Sindical de Brasília - Sindifisco Nacional Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da

Leia mais

f ÅâÄtwÉ wx IED / V Çv t céä à vt `öüv t cxä áátü INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO CIÊNCIA POLÍTICA

f ÅâÄtwÉ wx IED / V Çv t céä à vt `öüv t cxä áátü INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO CIÊNCIA POLÍTICA INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO CIÊNCIA POLÍTICA 01) Não se enquadra na subdivisão de "Público" o direito: a) Constitucional b) Administrativo. c) Judiciário / processual. d) Penal. e) Comercial. 02) Não

Leia mais

Prof. Raul de Mello Franco Jr. - UNIARA PODER EXECUTIVO. 3ª aula. Prof. Raul de Mello Franco Jr.

Prof. Raul de Mello Franco Jr. - UNIARA PODER EXECUTIVO. 3ª aula. Prof. Raul de Mello Franco Jr. PODER EXECUTIVO 3ª aula Prof. Raul de Mello Franco Jr. SUBSÍDIOS do PRESIDENTE, do VICE e dos MINISTROS São fixados pelo CN, por decreto-legislativo (art. 49, VIII, CF). Devem ser fixados em parcela única.

Leia mais

Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO. Prof. Me. Edson Guedes

Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO. Prof. Me. Edson Guedes Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO Prof. Me. Edson Guedes 1. Introdução ao Direito 1.1 Origem do Direito: Conflitos humanos; Evitar a luta de todos contra todos; 1. Introdução ao Direito 1.2 Conceito de

Leia mais

LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL. Professor Rodrigo Francelino

LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL. Professor Rodrigo Francelino LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL Professor Rodrigo Francelino 1.4 LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL (3 QUESTÕES) Título I Dos Fundamentos da Organização dos Poderes e do Distrito Federal. Título II Da

Leia mais

PODER EXECUTIVO (art. 76 a 91, CRFB/88)

PODER EXECUTIVO (art. 76 a 91, CRFB/88) PODER EXECUTIVO PODER EXECUTIVO (art. 76 a 91, CRFB/88) Sistema de Governo Presidencialista Junção das funções de Chefe de Estado e Chefe de Governo É exercido, no âmbito federal, desde 1891, pelo Presidente

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL PARA REALIZAÇÃO DE LEILÕES

REGULAMENTO MUNICIPAL PARA REALIZAÇÃO DE LEILÕES REGULAMENTO MUNICIPAL PARA REALIZAÇÃO DE LEILÕES (Aprovado na 24ª Reunião Ordinária de Câmara Municipal realizada em 16 de Dezembro de 2003, na 2ª Reunião da 5ª Sessão Ordinária de Assembleia Municipal,

Leia mais

Regimento do Conselho Geral da Universidade de Évora

Regimento do Conselho Geral da Universidade de Évora Regimento do Conselho Geral da Universidade de Évora O Conselho Geral da Universidade de Évora, adiante designado por Conselho Geral, é o órgão de governo previsto no n.º 1 da alínea a) do artigo 11.º

Leia mais

Cargo: Efetivo (de carreira ou isolado) adquire estabilidade Em comissão livre exoneração Vitalício adquire vitaliciedade

Cargo: Efetivo (de carreira ou isolado) adquire estabilidade Em comissão livre exoneração Vitalício adquire vitaliciedade CAMPUS Capítulo 5 Administração Pública e Servidores Públicos Disposições Constitucionais 189 Servidor público em sentido estrito (regime estatutário) Cargo efetivo Cargo em comissão Adm. Direta, autárquica

Leia mais

Parte II Espécies Normativas PROCESSO LEGISLATIVO

Parte II Espécies Normativas PROCESSO LEGISLATIVO Parte II Espécies Normativas PROCESSO LEGISLATIVO I. EMENDAS CONSTITUCIONAIS LIMITAÇÕES Expressas Materiais Cláusulas pétreas CF, art. 60, 4º. Circunstanciais CF.art. 60, 1º. Formais Referentes ao processo

Leia mais

VOTO E PARTIDOS POLÍTICOS: OS PRINCÍPIOS BÁSICOS DA DEMOCRACIA Nathássia FORATO 1

VOTO E PARTIDOS POLÍTICOS: OS PRINCÍPIOS BÁSICOS DA DEMOCRACIA Nathássia FORATO 1 VOTO E PARTIDOS POLÍTICOS: OS PRINCÍPIOS BÁSICOS DA DEMOCRACIA Nathássia FORATO 1 RESUMO: A pesquisa, intitulada Voto e Partidos Políticos: Os princípios básicos da democracia - têm como objeto de estudo

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, de 2006.

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, de 2006. PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, de 2006. Altera os artigos 46, 56 e 79 da Constituição Federal. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do art. 60 da Constituição Federal,

Leia mais

MUNICÍPIO DE ROLADOR/RS. Parecer 039/13/PJM

MUNICÍPIO DE ROLADOR/RS. Parecer 039/13/PJM Parecer 039/13/PJM Consulente: Prefeito. Assunto: Controle preventivo de constitucionalidade. Referência: Processo Administrativo nº. 564/2013. Ementa: DIREITO CONSTITUCIONAL. PROCESSO LEGISLATIVO. PROJETO

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 254/X

PROJECTO DE LEI N.º 254/X Grupo Parlamentar PROJECTO DE LEI N.º 254/X ALTERA A LEI N.º64/93, DE 26 DE AGOSTO (ESTABELECE O REGIME JURÍDICO DE INCOMPATIBILIDADES E IMPEDIMENTOS DOS TITULARES DE CARGOS POLÍTICOS E ALTOS CARGOS PÚBLICOS)

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL DO PODER LEGISLATIVO. Do Poder Legislativo. Do Poder Legislativo. Do Poder Legislativo. Do Poder Legislativo

DIREITO CONSTITUCIONAL DO PODER LEGISLATIVO. Do Poder Legislativo. Do Poder Legislativo. Do Poder Legislativo. Do Poder Legislativo DIREITO CONSTITUCIONAL DO PODER PROF. EDUARDO TANAKA PROF. EDUARDO TANAKA 1 2 Senado Federal Congresso Nacional Câmara dos Deputados Art. 44 O Poder Legislativo é exercido pelo Congresso Nacional, que

Leia mais

PELA REDUÇÃO DO SALARIO DOS DEPUTADOS ESTADUAIS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO JÁ!

PELA REDUÇÃO DO SALARIO DOS DEPUTADOS ESTADUAIS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO JÁ! PROJETO DE EMENDA CONSTITUCIONAL DE INICIATIVA POPULAR Projeto de Iniciativa Popular de Emenda à Constituição do Estado do Espírito Santo, que altera os Art.49, 2º e art. 26, IV, a a,b,c,d,e,f. PELA REDUÇÃO

Leia mais

Zurich Corporate Conference Guarujá SP 21 e 22 de outubro de 2015

Zurich Corporate Conference Guarujá SP 21 e 22 de outubro de 2015 Zurich Corporate Conference 2015 Guarujá SP 21 e 22 de outubro de 2015 O Momento Polí,co e a Conjuntura Jurídica Origem em Requerimento Julgamento do TCU O procedimento no Superior Tribunal Eleitoral Aberto

Leia mais

Direito Constitucional Momento TJ Emilly Albuquerque

Direito Constitucional Momento TJ Emilly Albuquerque Direito Constitucional Momento TJ Emilly Albuquerque DIREITO CONSTITUCIONAL CESPE MS 2013 No que se refere a direitos e garantias fundamentais; direitos sociais, políticos e de nacionalidade; e direitos

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO SENADO FEDERAL. Professor Julio Ponte

REGIMENTO INTERNO DO SENADO FEDERAL. Professor Julio Ponte REGIMENTO INTERNO DO SENADO FEDERAL Professor Julio Ponte TÍTULO I FUNCIONAMENTO DO SENADO FEDERAL SEDE O Senado Federal tem sede no Palácio do Congresso Nacional, em Brasília. Em caso de guerra, de comoção

Leia mais

DA JUSTIÇA DE PAZ: sua história e as funções do Juiz de Paz no novo ordenamento jurídico brasileiro pós Constituição da República de 1988.

DA JUSTIÇA DE PAZ: sua história e as funções do Juiz de Paz no novo ordenamento jurídico brasileiro pós Constituição da República de 1988. DA JUSTIÇA DE PAZ: sua história e as funções do Juiz de Paz no novo ordenamento jurídico brasileiro pós Constituição da República de 1988. Arthur de Almeida Quaresma (Oficial de Registro Civil de Barão

Leia mais

Comentários à Prova de Técnico Judiciário Área Administrativa TRE/GO provas em

Comentários à Prova de Técnico Judiciário Área Administrativa TRE/GO provas em à Prova de Técnico Judiciário Área à Prova de Técnico Judiciário Área TRE/GO provas em 01.03.2015 PROVA TIPO 1 Prova http://www.cespe.unb.br/concursos/tre_go_14/arquivos/136tre_go_0 03_01.pdf Gabarito

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL PEÇA PROFISSIONAL O Secretário de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro edita Resolução que fixa o horário de funcionamento de bares e restaurantes situados na cidade do

Leia mais

DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 8/2007 REGIME DAS PRECEDÊNCIAS PROTOCOLARES E DO LUTO REGIONAL NA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES

DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 8/2007 REGIME DAS PRECEDÊNCIAS PROTOCOLARES E DO LUTO REGIONAL NA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 8/2007 REGIME DAS PRECEDÊNCIAS PROTOCOLARES E DO LUTO REGIONAL NA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES A particular configuração que as regras das precedências protocolares assumem

Leia mais

FASES DO PROCESSO LEGISLATIVO (TRAMITAÇÃO) O conjunto de atos (fases) devidamente ordenados para a criação de normas de direito, são elas:

FASES DO PROCESSO LEGISLATIVO (TRAMITAÇÃO) O conjunto de atos (fases) devidamente ordenados para a criação de normas de direito, são elas: FASES DO PROCESSO LEGISLATIVO (TRAMITAÇÃO) O conjunto de atos (fases) devidamente ordenados para a criação de normas de direito, são elas: 1ª Fase INICIATIVA = A iniciativa é a proposta de edição de direito

Leia mais

Poder Legislativo I. Prof. ª Bruna Vieira

Poder Legislativo I. Prof. ª Bruna Vieira Poder Legislativo I Prof. ª Bruna Vieira 1. Introdução Para evitar os abusos cometidos pelos detentores do poder, foi necessário dividir as funções estatais. Isso se consagrou por meio do sistema dos freios

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL PROFESSOR: Fábio Ramos 2015 FGV TJ/PI Analista Judiciário Escrivão Judicial 1. A Constituição de 1988, ao enunciar os seus princípios fundamentais, fez menção, em seu art. 1º, à

Leia mais

001. A representação de cada um dos Estados e do DF, no Senado Federal, será renovada

001. A representação de cada um dos Estados e do DF, no Senado Federal, será renovada SELECIONADAS POR ANDRÉ VIEIRA 001. A representação de cada um dos Estados e do DF, no Senado Federal, será renovada de a) quatro em quatro anos, sucessivamente, por dois e um terço. b) quatro em quatro

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL 01. Considere as seguintes normas constitucionais: I. A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social e cultural dos povos da América Latina, visando

Leia mais

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO. Processo Legislativo

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO. Processo Legislativo INTRDUÇÃ A ESTUD D DIREIT Processo Legislativo PDER LEGISLATIV (Arts. 44 ao 75, CF/88) PDER LEGISLATIV NACINAL Possui funções típicas e atípicas: Funções típicas: legislar e fiscalizar. Ex. Art. 59; 49,

Leia mais

Nacionalidade. Prof. ª Bruna Vieira

Nacionalidade. Prof. ª Bruna Vieira Nacionalidade Prof. ª Bruna Vieira 1. Nacionalidade (art. 12 da CF) É o vínculo de natureza jurídica e política que integra o indivíduo a um determinado Estado. Após isso, o sujeito passa a fazer parte

Leia mais

TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO I DO PODER LEGISLATIVO. Seção I DO CONGRESSO NACIONAL

TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO I DO PODER LEGISLATIVO. Seção I DO CONGRESSO NACIONAL TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO I DO PODER LEGISLATIVO Seção I DO CONGRESSO NACIONAL Art. 44. O Poder Legislativo é exercido pelo Congresso Nacional, que se compõe da Câmara dos Deputados

Leia mais

Material para PERISCOPE Composição e Competência dos Órgãos da Justiça Eleitoral

Material para PERISCOPE Composição e Competência dos Órgãos da Justiça Eleitoral Material para PERISCOPE Composição e Competência dos Órgãos da Justiça Eleitoral Questão 1 O Tribunal Regional Eleitoral de um Estado da Federação foi assim constituído: dois Desembargadores do Tribunal

Leia mais

Professora Susanna Schwantes

Professora Susanna Schwantes 1) São Órgãos do Poder Judiciário do Rio Grande do Sul: (a) Tribunal de Alçada e Tribunal de Justiça. (b) Pretores e Conselho da Magistratura. (c) Tribunal do Júri e Juizes de Paz. (d) Juizes de Direito

Leia mais

DIREITOS DE CIDADANIA. Sumário

DIREITOS DE CIDADANIA. Sumário Direitos Humanos PC-SP 2017 Investigador de Polícia Aula 01 - Prof. Ricardo Torques AULA 01 DIREITOS DE CIDADANIA Sumário 1 - Considerações Iniciais... 2 2 Direitos Humanos e Cidadania... 2 3 - Constituição

Leia mais

REGULAMENTO DO PREÂMBULO

REGULAMENTO DO PREÂMBULO REGULAMENTO DO CONSELHO MUNICIPAL DE SEGURANÇA DA PÓVOA DE VARZIM PREÂMBULO A Lei n.º 33/98 de 18 de Julho institui os Conselhos Municipais de Segurança, os quais deverão ser criados no âmbito dos Municípios

Leia mais

CAPÍTULO 1: NOTAS INTRODUTÓRIAS...1

CAPÍTULO 1: NOTAS INTRODUTÓRIAS...1 Sumário CAPÍTULO 1: NOTAS INTRODUTÓRIAS...1 1. Introdução...1 2. Pressupostos Teóricos do Controle de Constitucionalidade...2 3. Supremacia Constitucional Fundamento do Mecanismo de Controle de Constitucionalidade...2

Leia mais

Obtendo a Nacionalidade brasileira

Obtendo a Nacionalidade brasileira Direito Constitucional Da Nacionalidade A nacionalidade é o vínculo jurídico-político que liga um indivíduo a um certo e determinado Estado, fazendo deste indivíduo um componente do povo, da dimensão pessoal

Leia mais

Sumário CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988... 21 PREÂMBULO... 21. TÍTULO III Da Organização do Estado... 39

Sumário CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988... 21 PREÂMBULO... 21. TÍTULO III Da Organização do Estado... 39 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988... 21 PREÂMBULO... 21 TÍTULO I Dos Princípios Fundamentais... 21 TÍTULO II Dos Direitos e Garantias

Leia mais

4 PODER LEGISLATIVO 4.1 PERDA DOS MANDATOS DOS PARLAMENTARES CONDENADOS CRIMINALMENTE 14, 3º, II,

4 PODER LEGISLATIVO 4.1 PERDA DOS MANDATOS DOS PARLAMENTARES CONDENADOS CRIMINALMENTE 14, 3º, II, 4 PODER LEGISLATIVO 4.1 PERDA DOS MANDATOS DOS PARLAMENTARES CONDENADOS CRIMINALMENTE Se uma pessoa perde ou tem suspensos seus direitos políticos, a consequência disso é que ela perderá o mandato eletivo

Leia mais

Professor Otávio Piva

Professor Otávio Piva CONTROLE DE CONSTITUCIONALIDADE 1) (Analista/TRT-6/2012) Segundo a Constituição Federal, a decisão proferida na ADC-19 produzirá (A) eficácia contra todos e efeito vinculante, relativamente aos demais

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2012

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2012 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2012 Altera os arts. 102, 105, 108 e 125 da Constituição Federal para extinguir o foro especial por prerrogativa de função nos casos de crimes comuns. As Mesas

Leia mais

TÍTULO VIII PODER LOCAL

TÍTULO VIII PODER LOCAL TÍTULO VIII PODER LOCAL CAPÍTULO I Princípios gerais Artigo 235.º Autarquias locais 1. A organização democrática do Estado compreende a existência de autarquias locais. 2. As autarquias locais são pessoas

Leia mais

1. DIREITOS POLÍTICOS (art. 1o, II; artigos 14 a 17, da CF) ESPÉCIES: DIREITOS POLÍTICOS POSITIVOS DIREITOS POLÍTICOS NEGATIVOS

1. DIREITOS POLÍTICOS (art. 1o, II; artigos 14 a 17, da CF) ESPÉCIES: DIREITOS POLÍTICOS POSITIVOS DIREITOS POLÍTICOS NEGATIVOS 1. DIREITOS POLÍTICOS (art. 1o, II; artigos 14 a 17, da CF) ESPÉCIES: DIREITOS POLÍTICOS POSITIVOS DIREITOS POLÍTICOS NEGATIVOS DIREITOS POLÍTICOS e REGIME DEMOCRÁTICO O REGIME DEMOCRÁTICO como princípio:

Leia mais

Ministério da Educação Decreto-Lei nº 344/93 De 1 de Outubro

Ministério da Educação Decreto-Lei nº 344/93 De 1 de Outubro Ministério da Educação Decreto-Lei nº 344/93 De 1 de Outubro Criado em 1979, pelo Decreto-Lei nº 513-L1/79, de 27 de Dezembro, então como Conselho Coordenador da Instalação dos Estabelecimentos de Ensino

Leia mais

VOTO EM SEPARADO. AUTORIA: Senador RANDOLFE RODRIGUES I RELATÓRIO

VOTO EM SEPARADO. AUTORIA: Senador RANDOLFE RODRIGUES I RELATÓRIO VOTO EM SEPARADO Perante a COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre a Proposta de Emenda à Constituição nº 43, de 2013 (nº 349, de 2001, na Câmara dos Deputados), primeiro signatário o Deputado

Leia mais

1º SIMULADO DE DIREITO ELEITORAL P/ TRE/RS E TRE/AC FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC)

1º SIMULADO DE DIREITO ELEITORAL P/ TRE/RS E TRE/AC FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC) Prezados(as) Alunos(as)! Visando ajudar a todos os concurseiros nesta corrida em prol da aprovação nestes 2 concursos de Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) vigentes, TRE/RS e TRE/AC, disponibilizo abaixo

Leia mais

Processo Legislativo I. Prof. ª Bruna Vieira

Processo Legislativo I. Prof. ª Bruna Vieira Processo Legislativo I Prof. ª Bruna Vieira 1. Processo legislativo (art. 59 ao 69 da CF) É o procedimento formal que deve ser seguido pelos órgãos e pessoas que têm a função de elaborar as normas jurídicas,

Leia mais

CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA. Victor Barau

CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA. Victor Barau CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA Victor Barau 1- O Conceito da palavra Democracia Democracia demos = povo, e kratos = autoridade Origem Conceito Moderno: Revoluções Francesa e Americana.

Leia mais

2º É vedada a constituição de cooperativa mista com seção de crédito.

2º É vedada a constituição de cooperativa mista com seção de crédito. Dispõe sobre o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo e revoga dispositivos das Leis 4.595/64 de 31 de dezembro de 1964 e 5.764/71 de 16 de dezembro de 1971. Art. 1º As instituições financeiras constituídas

Leia mais