Seção Temática: Políticas Públicas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Seção Temática: Políticas Públicas"

Transcrição

1 Agricultura familiar do município de Monte Carmelo-MG: Acesso as políticas públicas Family farming in the city of Monte Carmelo - MG: Access to public policy LIMA, Tatiane Lima 1 ; SILVA, Adriane de Andrade 2 ; COSTA, Andressa Giovannini 3, SIQUIEROLI, Ana Carolina 4 ; MUNDIM, Laura Maria 5 ; CARVALHO, Fabio Janoni 6 1Universidade Federal de Uberlândia, 2 Universidade Federal de Uberlândia, 3 Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; 4 Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia, Seção Temática: Políticas Públicas Resumo As políticas públicas se configuram como um importante instrumento para o desenvolvimento da agricultura familiar. O objetivo do trabalho foi elaborar o diagnóstico sobre o acesso às políticas públicas pela agricultura familiar do município de Monte Carmelo. A pesquisa foi realizada no município de Monte Carmelo/MG, localizado na região do Triangulo mineiro e Alto Paranaíba. A metodologia utilizada foi de natureza qualitativa. Contudo, os resultados dessa pesquisa indicam que os agricultores familiares do município de Monte Carmelo possuem acesso limitado às políticas públicas. Isso mostra que são necessárias ações de Assistência técnica e Extensão rural que fomente e oriente os agricultores para o acesso aos programas de fortalecimento da categoria. Palavras-chave: PRONAF; PAA; PNAE. Abstract: Public policies are configured as an important tool for the development of family farming. The objective was to elaborate a diagnosis on access to public policies for family farming in the city of MonteCarmelo-MG. The methodology was qualitative. However, the results of this research indicate that the family farmers of Mount Carmel municipality have limited access to public policies. This shows that are necessary technical assistance and rural extension actions to promote and orient farmers to access to building programs category. Keywords: PRONAF; PAA; PNAE. Introdução A agricultura familiar está presente em todo território brasileiro, tendo importante papel dentro da agricultura e pecuária nacional, inclusive contribuindo com a preservação do patrimônio histórico e cultural do meio camponês. O Brasil conta com 4,8 milhões dos estabelecimentos rurais, sendo 85% destes considerados de produção familiar (IBGE, 2006).

2 Apesar da inegável importância agricultura desenvolvida com base no trabalho familiar, esta foi deixada às margens das políticas de modernização da agricultura Brasileira. De acordo com Telles et al. (2008) as políticas públicas em prol da agricultura familiar surgiram, no Brasil, a partir de meados da década de 90. Através desse instrumento, o estado tem conseguido promover o desenvolvimento e a melhoria da qualidade vida de famílias agricultoras, por meio da distribuição indireta de renda. Considerando a importância dos programas de fortalecimento da agricultura familiar, como PRONAF, PAA E PNA, esse trabalho buscará compreender a articulação dos agricultores familiares de Monte Carmelo frente às políticas capazes de estimular e promover o desenvolvimento rural. O objetivo do trabalho foi elaborar o diagnóstico sobre o acesso às políticas públicas pela agricultura familiar do município de Monte Carmelo, visando à obtenção de uma base referencial para a elaboração e desenvolvimentos de projetos que poderão promover o desenvolvimento rural sustentável das comunidades. Metodologia A pesquisa foi realizada no município de Monte Carmelo/MG, localizado na região do Triangulo mineiro e Alto Paranaíba. A metodologia utilizada foi de natureza qualitativa. Com base nos objetivos, a mesma é exploratória, pelo fato de proporcionar uma visão geral do acesso às políticas públicas pela agricultura familiar do município de Monte Carmelo. A metodologia adotada para a realização dessa pesquisa foi dividida em três etapas, a saber: 1ª Etapa: Envolveu a pesquisa bibliográfica, documental a partir dos dados disponibilizados pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 2ª Etapa: Consistiu na coleta de informações por meio de pesquisas de campo com a realização de visitas as propriedades dos lideres das associações de agricultores familiares. A pesquisa envolveu os lideres das associações comunitárias das comunidades rurais de Monte Carmelo. A pesquisa foi realizada em dez das 16

3 comunidades tradicionais.a coleta de dados se deu por meio de um questionário que considerou as principais demandas dos agricultores. 3ª Etapa: Sistematização dos resultados e fundamentação teórica, relacionando os dados fornecidos pelo IBGE e os dados coletados no Município, e elaboração de tabelas. Resultados e discussões A agricultura familiar no município de Monte Carmelo representa uma importante categoria para a economia local, sendo responsável pela produção de cereais, hortaliças leite e carne. No município 64% dos estabelecimentos rurais pertence à agricultura familiar, no entanto ocupa 26% da área do município. Em Monte Carmelo a agricultura familiar persiste em comunidades tradicionais, onde existem 880 famílias agricultoras distribuídas entre as comunidades visitadas durante a pesquisa (IBGE, 2006). Destas, 395 possuem a Declaração de Aptidão ao Pronaf, ou seja, apenas 44 % possui a identidade do agricultor familiar, sendo esta a parcela de agricultores aptos a acessar as políticas públicas conforme apresenta a Tabela 1. Tabela 1. Número de agricultores familiares que possuem DAP e PRONAF na safra 2014/2015. Agricultores Familiares Pessoa Física DAP PRONAF 2014/2015 Pessoa Jurídica Contrato s Valores (R$) Fonte: adaptado MDA, Diante do que foi apresentado na Tabela 1, verifica-se que são poucos agricultores beneficiários do PRONAF, além disso, percebe-se que existe uma parcela significativa de agricultores que não tem recebido investimentos do governo federal, isso influencia diretamente no desenvolvimento rural das comunidades rurais de

4 Monte Carmelo, pois estão deixando de receber os estímulos capazes de promover o desenvolvimento rural dessa categoria de agricultores. Além disso, para que o agricultor consiga acessar as políticas de comercialização dos produtos da agricultura familiar é necessário que a família agricultora tenha sua DAP, dessa forma a desarticulação dos agricultores de Monte Carmelo os impede de comercializar seus produtos no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar. Com relação às políticas comercialização, os agricultores do referido município tem uma participação muito pequena nos programas de aquisição de alimentos, em 2012 foram comercializados no PNAE apenas reais. Os agricultores entrevistados relataram que a principal atividade econômica da Agricultura Familiar em Monte Carmelo é a Pecuária Leiteira, em alguns casos há a diversificação da produção com a exploração agrícola de café e horticultura. Quando os agricultores foram questionados sobre as principais limitações das atividades que desenvolvem eles citaram, por ordem de relevância: As péssimas condições das estradas; falta de financiamento; falta de assistência médica; falta de assistência técnica; dificuldades para aquisição de insumos e falta de água. Dentre as dificuldades relatadas, vale destacar a reclamação pela falta de financiamento, sendo esta uma questão contraditória, pois como foi demonstrado na Tabela 1, menos da metade dos agricultores tiraram a DAP, documento que garante a aptidão necessária para acessar o PRONAF. Isso evidencia que não é a falta da política de crédito, mas que os agricultores têm enfrentado outros problemas que inviabiliza o acesso ao financiamento. De acordo Rocha & Santiago (2013), com a dificuldade de acesso às informações por parte dos agricultores em como adquirir o crédito e a própria natureza do meio rural, em que os riscos envolvidos são maiores dificultam a concessão do crédito a uma parcela considerável de produtores rurais. Conclusões

5 Contudo, os resultados dessa pesquisa indicam que os agricultores familiares do município de Monte Carmelo possuem acesso limitado às políticas públicas. Isso mostra que são necessárias ações de Assistência técnica e Extensão rural que fomente e oriente os agricultores para o acesso aos programas de fortalecimento da categoria. Esse fato se configura como um desafio para o desenvolvimento rural sustentável, cabendo às Universidade e instituições de ATER o papel de romper com essa situação. Agradecimentos Os autores desse trabalho agradecem o apoio da Universidade Federal de Uberlândia; PROEX; FAPEMIG. Referências bibliográficas: IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Acesso: 13/04/2015 Disponível em: MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO. BRASIL Disponível em: Acesso em: 20/04/2015 SANTIAGO,T. S.; ROCHA, L.F. As dificuldades do acesso ao crédito rural para os agricultores familiares através da ascoob-sisal no município de Serrinha- BA In: Congresso Virtual Brasileiro - Administração, 9., 2013,. Anais... Disponível em: acesso em: 25/04/2015 Telles, T. S.; Tanaka, J.M. U.; Pellini, T. Agricultura familiar: pecuária leiteira como locus das políticas públicas paranaenses Semina: Ciências Agrárias, Londrina, v. 29, n.3, p , 2008

Necessidades e Oportunidades de Investimentos no Agronegócio: da Pesquisa ao Consumo. Como chegar ao campo os avanços da ciência e da tecnologia

Necessidades e Oportunidades de Investimentos no Agronegócio: da Pesquisa ao Consumo. Como chegar ao campo os avanços da ciência e da tecnologia Necessidades e Oportunidades de Investimentos no Agronegócio: da Pesquisa ao Consumo Como chegar ao campo os avanços da ciência e da tecnologia Como transmitir o conhecimento às Assistência Técnica: pessoas

Leia mais

ATER e SETOR PÚBLICO no BRASIL

ATER e SETOR PÚBLICO no BRASIL Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal ABRIL 2015 ATER e SETOR PÚBLICO no BRASIL MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO MAPA GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Geraldo Agostinho de Jesus

Geraldo Agostinho de Jesus Universidade Federal de Minas Gerais Departamento de Geografia Geraldo Agostinho de Jesus AGRICULTURA CAMPONESA/FAMILIAR E AÇÃO DO ESTADO (PRONAF) NO VALE DO JEQUITINHONHA-MG: O CASO DE MINAS NOVAS. Minas

Leia mais

Políticas brasileiras de segurança alimentar e nutricional: compras públicas da agricultura familiar

Políticas brasileiras de segurança alimentar e nutricional: compras públicas da agricultura familiar Políticas brasileiras de segurança alimentar e nutricional: compras públicas da agricultura familiar Tópicos de abordagem Políticas públicas para a agricultura familiar Contexto e criação dos instrumentos

Leia mais

O crédito como agente de desenvolvimento da política agrícola no Brasil

O crédito como agente de desenvolvimento da política agrícola no Brasil O crédito como agente de desenvolvimento da política agrícola no Brasil aperfeiçoamentos nos instrumentos e políticas inerentes ao setor rural redução da volatilidade da renda agrícola e pecuária, em decorrência

Leia mais

O papel da AGRICULTURA FAMILIAR no

O papel da AGRICULTURA FAMILIAR no O papel da AGRICULTURA FAMILIAR no desenvolvimento do RS e do BRASIL Oportunidades de negócios para a Região Nordeste do Estado do Rio Grande do Sul Ministro Pepe Vargas Agricultura Familiar RS Receitas

Leia mais

SECRETARIA ESPECIAL DE AGRICULTURA FAMILIAR E DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - SEAD. Delegacia Federal - DFDA/ES

SECRETARIA ESPECIAL DE AGRICULTURA FAMILIAR E DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - SEAD. Delegacia Federal - DFDA/ES SECRETARIA ESPECIAL DE AGRICULTURA FAMILIAR E DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - SEAD Delegacia Federal - DFDA/ES Site da SEAD www.mda.gov.br Fique sempre atualizado... Editais Informativos Programas Eventos

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE. Governadora do Estado ROSALBA CIARLINI SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, DA PECUÁRIA E DA PESCA SAPE.

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE. Governadora do Estado ROSALBA CIARLINI SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, DA PECUÁRIA E DA PESCA SAPE. GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE Governadora do Estado ROSALBA CIARLINI SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, DA PECUÁRIA E DA PESCA SAPE. Secretário TARCÍSIO DANTAS BEZERRA INSTITUTO DE ASSISTENCIA

Leia mais

CURSO POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: PARTICIPAÇÃO E JUVENTUDE. Profº Guilherme Soares UFRPE

CURSO POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: PARTICIPAÇÃO E JUVENTUDE. Profº Guilherme Soares UFRPE POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: PARTICIPAÇÃO E JUVENTUDE. Profº Guilherme Soares UFRPE : POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: Módulo III O AMBIENTE OPERACIONAL DAS POLÍTICAS PÚBLICAS:

Leia mais

PRONAF - AGRICULTURA FAMILIAR ANO AGRÍCOLA 2015/2016

PRONAF - AGRICULTURA FAMILIAR ANO AGRÍCOLA 2015/2016 PRONAF - AGRICULTURA FAMILIAR ANO AGRÍCOLA 2015/2016 Linha Risco Beneficiários (1) Finalidade Limites (R$) Juros Prazo/Carência CUSTEIO Pronaf Custeio Grupo "A/C" (2) /FCO Assentados da Reforma Agrária

Leia mais

Delegacia Federal de Desenvolvimento Agrário - DFDA-ES. Políticas Estruturantes da SEAD: DAP, Crédito e ATER. Eng. Agrônomo Max Ribas

Delegacia Federal de Desenvolvimento Agrário - DFDA-ES. Políticas Estruturantes da SEAD: DAP, Crédito e ATER. Eng. Agrônomo Max Ribas Delegacia Federal de Desenvolvimento Agrário - DFDA-ES Políticas Estruturantes da SEAD: DAP, Crédito e ATER Eng. Agrônomo Max Ribas Identificação e acesso à políticas públicas Dados sobre a DAP PESSOA

Leia mais

Palma de Óleo. Pronaf Eco Dendê

Palma de Óleo. Pronaf Eco Dendê Palma de Óleo Pronaf Eco Dendê 1 A Archer Daniels Midland Company (ADM) O que fazemos: Líder no processamento e transformação de produtos agrícolas; Uma das empresas mais admiradas no ramo de produção

Leia mais

Programa de Aquisição de Alimentos PAA

Programa de Aquisição de Alimentos PAA Programa de Aquisição de Alimentos PAA PROGRAMA DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS PAA O PAA, instituído pela Lei federal 10.696 em 2003, consiste na compra de alimentos da agricultura familiar com dispensa de

Leia mais

Eixo Temático: Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial.

Eixo Temático: Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial. 1 POLÍTICAS PÚBLICAS PARA AGRICULTURA FAMILIAR: ANALISE DO PRONAF, PAA E PNAE EM TAQUARITINGA E MUNICIPIOS VIZINHOS. SILVA, Talita de Souza Martin 1 COIMBRA, Caroline Cleonice 2 MUNDO NETO, Martin 3 CAVICHIOLI,

Leia mais

Módulo 4 do curso: Diagnóstico Comunitário Participativo.

Módulo 4 do curso: Diagnóstico Comunitário Participativo. Módulo 4 do curso: Diagnóstico Comunitário Participativo. 1 2 Curso: Diagnóstico Comunitário Participativo. Créditos Coordenação: Gleyse Peiter e Marcos Carmona. Modelo do questionário: Marcelo Vale Elaboração

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEAPA SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO CRÉDITO RURAL EM MINAS GERAIS

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEAPA SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO CRÉDITO RURAL EM MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEAPA SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO CRÉDITO RURAL EM DEZEMBRO/2013 EVOLUÇÃO DO CRÉDITO RURAL DISPONIBILIZADO - BRASIL (R$ BILHÕES) 157* 32,6

Leia mais

Lista de Siglas e Abreviaturas

Lista de Siglas e Abreviaturas Lista de Siglas e Abreviaturas - ADENE - Agência de Desenvolvimento do Nordeste - APA - Área de Proteção Ambiental - ASA - Projetos de Articulação do Semi-Árido - BDMG - Banco de Desenvolvimento de Minas

Leia mais

Rede de Pesquisa, Inovação, Tecnologia, Serviços e Desenvolvimento Sustentável. em Microbacias Hidrográficas

Rede de Pesquisa, Inovação, Tecnologia, Serviços e Desenvolvimento Sustentável. em Microbacias Hidrográficas PROGRAMA RIO RURAL Núcleo de Pesquisa Participativa Pesagro-Rio / Rio Rural Rede de Pesquisa, Inovação, Tecnologia, Serviços e Desenvolvimento Sustentável em Microbacias Hidrográficas Facilitar a integração

Leia mais

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento Agenda Contexto O Nordeste Territorial Fórum de Governança da Atividade Econômica Formas de Financiamento Área de atuação do BNB Nordeste: 1.554,4 mil Km 2 Semi-árido: 974,4 mil Km 2 (62,7% do território

Leia mais

MUDANÇAS NO PRONAF. 1. Enquadramento no Pronaf. - assentados da Reforma Agrária e beneficiários do Crédito Fundiário que

MUDANÇAS NO PRONAF. 1. Enquadramento no Pronaf. - assentados da Reforma Agrária e beneficiários do Crédito Fundiário que MUDANÇAS NO PRONAF O Banco Central publicou, em 28 de março de 2008, a Resolução No. 3.559 promovendo alterações no Capítulo 10 do MCR Manual de Crédito Rural, que trata do PRONAF Programa Nacional de

Leia mais

ANO INTERNACIONAL DO COOPERATIVISMO Audiência pública da Comissão de Agricultura Câmara dos Deputados

ANO INTERNACIONAL DO COOPERATIVISMO Audiência pública da Comissão de Agricultura Câmara dos Deputados Ministério do Desenvolvimento Agrário - MDA ANO INTERNACIONAL DO COOPERATIVISMO Audiência pública da Comissão de Agricultura Câmara dos Deputados Cesar José de Oliveira MDA 1 CONTEXTUALIZAÇÃO DO COOPERATIVISMO

Leia mais

Assistência Técnica ao produtor rural: ações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Assistência Técnica ao produtor rural: ações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Assistência Técnica ao produtor rural: ações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento O papel da Assistência Técnica como base da segurança alimentar Secretaria de Mobilidade Social, do Produtor

Leia mais

Filiação: Coordenadoria de Assistência Integral - CATI. 3

Filiação: Coordenadoria de Assistência Integral - CATI.   3 EXTENSÃO RURAL E POLÍTICAS PÚBLICAS: DESENVOLVIMENTO RURAL COM A IMPLANTAÇÃO DE PROGRAMAS E PROJETOS NO MUNICÍPIO DE PONTALINDA/SP Autores: Alessandro Nunes Ferreira 1,2, Monalisa Verginia Felicio Ferreira

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEAPA SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO CRÉDITO RURAL EM MINAS GERAIS

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEAPA SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO CRÉDITO RURAL EM MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEAPA SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO CRÉDITO RURAL EM MINAS GERAIS Maio/2014 EVOLUÇÃO DO CRÉDITO RURAL DISPONIBILIZADO - BRASIL (R$ BILHÕES)

Leia mais

Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar

Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar Maio de 2014 AGRICULTURA FAMILIAR LEI Nº 11.326, DE 24 DE JULHO DE 2006 Art. 3º considera-se agricultor familiar e empreendedor familiar rural

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: IIII Encontro Catarinense de Alimentação Escolar

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: IIII Encontro Catarinense de Alimentação Escolar PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: IIII Encontro Catarinense de Alimentação Escolar Atualização sobre a compra da Agricultura Familiar Resolução do FNDE nº04/2015 Olavo Braga COSAN - CECANE/SC

Leia mais

ASPECTOS DA IMPORTÂNCIA DA AGRICULTURA FAMILIAR NO ESTADO DO AMAPÁ

ASPECTOS DA IMPORTÂNCIA DA AGRICULTURA FAMILIAR NO ESTADO DO AMAPÁ 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 ASPECTOS DA IMPORTÂNCIA DA AGRICULTURA FAMILIAR NO ESTADO DO AMAPÁ Irenildo Costa da Silva 1 ; Roni Mayer Lomba 2 RESUMO: Esta pesquisa tem como objetivo

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR PRONAF

PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR PRONAF C. S. Tecnologia do Agronegócio 3º Semestre PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR PRONAF Acadêmicos: Bruno Farias, Clodinei Uria,Mauricio, Renan Fontoura, Milton Fábrica, Ricardo

Leia mais

(Do Sr. Rubens Otoni) O Congresso Nacional decreta:

(Do Sr. Rubens Otoni) O Congresso Nacional decreta: PROJETO DE LEI N o 6220, DE 2005 (Do Sr. Rubens Otoni) Insere o parágrafo 4º no art. 2º da Lei nº 11.097, de 13 de janeiro de 2005, que dispõe sobre a introdução do biodiesel na matriz energética brasileira.

Leia mais

Movimento dos Pequenos Agricultores MPA. Apresentação - Embrapa. Movimento dos Pequenos Agricultores. Brasilia, 18 de Dezembro 2013 MENSAGEM

Movimento dos Pequenos Agricultores MPA. Apresentação - Embrapa. Movimento dos Pequenos Agricultores. Brasilia, 18 de Dezembro 2013 MENSAGEM Movimento dos Pequenos Agricultores MPA Apresentação - Embrapa Movimento dos Pequenos Agricultores Brasilia, 18 de Dezembro 2013 MENSAGEM SISTEMA CAMPONÊS DE PRODUÇÃO: Sustentabilidade da Agricultura Camponesa

Leia mais

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural. Secretaria de Agricultura

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural. Secretaria de Agricultura Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural Secretaria de Agricultura 6º Congresso de Educação Agrícola Superior e 51ª Reunião Anual da ABEAS A Sustentabilidade das Profissões da Área Rural e a Inovação

Leia mais

Rurais no Brasil ( )

Rurais no Brasil ( ) Contextualização das Políticas Públicas Rurais no Brasil (2003-2016) Karina Kato (OPPA/CPDA) Chapecó, 12 de setembro de 2016. Panorama Geral das Políticas Públicas para o Desenvolvimento Rural (2003-2016)

Leia mais

O Mercado Institucional para a agricultura Familiar

O Mercado Institucional para a agricultura Familiar O Mercado Institucional para a agricultura Familiar Porto Alegre, 14 de novembro de 2014 Lecian Gilberto Conrad Assessor Técnico SDR/IICA lecian.conrad@iica.int (51) 3218.3378 Mercado institucional conceito

Leia mais

Os mercados institucionais: mecanismos e modalidades de compras públicas

Os mercados institucionais: mecanismos e modalidades de compras públicas Os mercados institucionais: mecanismos e modalidades de compras públicas Lecian Gilberto Conrad Especialista em cooperativismo e Consultor em Políticas Públicas para a Agricultura Familiar. leciangilberto@yahoo.com.br

Leia mais

Territorialidades associativas e cooperativas dos pequenos produtores rurais de corumbataí do sul pr

Territorialidades associativas e cooperativas dos pequenos produtores rurais de corumbataí do sul pr Desenvolvimento Regional e Territorial Territorialidades associativas e cooperativas dos pequenos produtores rurais de corumbataí do sul pr Aurea Andrade Viana de Andrade 1 Resumo: A pesquisa trata da

Leia mais

PARTICIPAÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NOS MUNICÍPIOS DO RIO GRANDE DO SUL

PARTICIPAÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NOS MUNICÍPIOS DO RIO GRANDE DO SUL Eixo Temático: Estratégia e Internacionalização de Empresas PARTICIPAÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NOS MUNICÍPIOS DO RIO GRANDE DO SUL PARTICIPATION OF FAMILY FARMING IN SCHOOL FEEDING

Leia mais

Agricultura familiar e mercados: algumas reflexões

Agricultura familiar e mercados: algumas reflexões Agricultura familiar e mercados: algumas reflexões Claudia Job Schmitt CPDA/UFRRJ 1. A construção social dos mercados na agricultura camponesa e familiar: perspectivas de análise 2. Diversidade e historicidade

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 009/2015

NOTA TÉCNICA Nº 009/2015 NOTA TÉCNICA Nº 009/2015 Brasília, 01 de outubro de 2015. ÁREAS: Agricultura e Jurídico TÍTULO: Programa de Aquisição de Alimentos (PAA): reedição do MOC na modalidade compra com Doação Simultânea executada

Leia mais

O PROGRAMA DE MICROCRÉDITO RURAL AGROAMIGO NA BUSCA PELA MELHORIA NA RENDA E NAS CONDIÇÕES DE VIDA DOS BENEFICIÁRIOS NO MUNICÍPIO DE RIO TINTO - PB

O PROGRAMA DE MICROCRÉDITO RURAL AGROAMIGO NA BUSCA PELA MELHORIA NA RENDA E NAS CONDIÇÕES DE VIDA DOS BENEFICIÁRIOS NO MUNICÍPIO DE RIO TINTO - PB UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO O PROGRAMA DE MICROCRÉDITO RURAL AGROAMIGO NA BUSCA PELA MELHORIA

Leia mais

ARRANJOS PÚBLICOS. Sistema Público de Agricultura. Novembro de 2012

ARRANJOS PÚBLICOS. Sistema Público de Agricultura. Novembro de 2012 ARRANJOS PÚBLICOS Função do estado Sistema Público de Agricultura Novembro de 2012 O Sistema Público de Agricultura do Distrito Federal Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural SEAGRI/DF Empresa

Leia mais

PLANO SAFRA AMAZÔNIA

PLANO SAFRA AMAZÔNIA Ministério do Desenvolvimento Agrário Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária Incra PLANO SAFRA AMAZÔNIA Janeiro 2014 AMAZÔNIA LEGAL 771 MUNICÍPIOS 9 ESTADOS 61% DO TERRITÓRIO BRASILEIRO 5.217.423

Leia mais

Brasil Sem Miséria RURAL

Brasil Sem Miséria RURAL Brasil Sem Miséria RURAL O desafio de acabar com a miséria Nos últimos anos, 28 milhões de brasileiros superaram a pobreza; Apesar disso, ainda há 16 milhões de pessoas extremamente pobres no Brasil; Para

Leia mais

Projeto Palma Pará BRASIL. ADM do BRASIL Ltda.

Projeto Palma Pará BRASIL. ADM do BRASIL Ltda. Projeto Palma Pará BRASIL ADM do BRASIL Ltda. 2014 A Archer Daniels Midland Company (ADM) MUNDO A ADM é uma das maiores processadoras de grãos do mundo; 71 Países/30.000 funcionários/250 Unidades; Desenvolvimento

Leia mais

Sessão de Divulgação PDR DLBC Terras de Basto

Sessão de Divulgação PDR DLBC Terras de Basto Sessão de Divulgação PDR 2020 - DLBC Terras de Basto Operação 10.2.1.1 - Pequenos investimentos nas explorações agrícolas Promover a melhoria das condições de vida, de trabalho e de produção dos agricultores;

Leia mais

O PAPEL DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NO DESENVOLVIMENTO E SEGURANÇA ALIMENTAR DOS ASSENTAMENTOS: O CASO DA COOPPSAF EM JARDIM-MS

O PAPEL DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NO DESENVOLVIMENTO E SEGURANÇA ALIMENTAR DOS ASSENTAMENTOS: O CASO DA COOPPSAF EM JARDIM-MS O PAPEL DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NO DESENVOLVIMENTO E SEGURANÇA ALIMENTAR DOS ASSENTAMENTOS: O CASO DA COOPPSAF EM JARDIM-MS Arcilei da Silva Lima 1 ; Ana Maria Soares de Oliveira 2 UEMS/Jardim MS - arcy.silva.lima@gmail.com/ageo@uems.br

Leia mais

Como acessar. Crédito Rural. Banco do Brasil. seu

Como acessar. Crédito Rural. Banco do Brasil. seu Como acessar seu Crédito Rural no Banco do Brasil Produtor Familiar Documentos necessários Produtor Familiar Documentação necessária: - Documento de Identidade e CPF; - DAP Declaração de Aptidão ao Pronaf;

Leia mais

CASO DE SUCESSO: Inspeção Municipal de Nossa Senhora do Livramento Gerência de Projetos e Produtos Sebrae/MT Dezembro/2016

CASO DE SUCESSO: Inspeção Municipal de Nossa Senhora do Livramento Gerência de Projetos e Produtos Sebrae/MT Dezembro/2016 CASO DE SUCESSO: Inspeção Municipal de Nossa Senhora do Livramento Gerência de Projetos e Produtos Sebrae/MT Dezembro/2016 O MUNICÍPIO DE NOSSA SENHORA DO LIVRAMENTO Municipio localizado a 49 km de Cuiabá

Leia mais

Palavras-chave: Abate de animais. Serviço de Inspeção Municipal. SIM. Município.

Palavras-chave: Abate de animais. Serviço de Inspeção Municipal. SIM. Município. O Crescimento dos Abates Inspecionados pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM) Osni Morinishi Rocha RESUMO Considerando a importância da produção pecuária com destaque para aves, bovinos e suínos para

Leia mais

Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental

Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental Produção de Hortaliças dos Agricultores Familiares

Leia mais

Banco do Brasil Desenvolvimento Sustentável. Financiamento do Desenvolvimento Regional

Banco do Brasil Desenvolvimento Sustentável. Financiamento do Desenvolvimento Regional Banco do Brasil Desenvolvimento Sustentável Financiamento do Desenvolvimento Regional Desenvolvimento Regional Sustentável - DRS Visão Participativa - Concertação BB Associações Universidades Região Empresas

Leia mais

O PROGRAMA BOLSA VERDE, INSTITUÍDO PELA LEI ESTADUAL , DE 13 DE AGOSTO DE 2008, E SEUS IMPACTOS SOBRE OS MEIOS DE VIDA DA COMUNIDADE RURAL

O PROGRAMA BOLSA VERDE, INSTITUÍDO PELA LEI ESTADUAL , DE 13 DE AGOSTO DE 2008, E SEUS IMPACTOS SOBRE OS MEIOS DE VIDA DA COMUNIDADE RURAL O PROGRAMA BOLSA VERDE, INSTITUÍDO PELA LEI ESTADUAL 17.727, DE 13 DE AGOSTO DE 2008, E SEUS IMPACTOS SOBRE OS MEIOS DE VIDA DA COMUNIDADE RURAL CONDÉ, Marimar de Fátima¹; PEREIRA, Marlene de Paula². 1.

Leia mais

ARROIO GRANDE/RS Cidade Simpatia, Terra de Mauá.

ARROIO GRANDE/RS Cidade Simpatia, Terra de Mauá. ARROIO GRANDE/RS Cidade Simpatia, Terra de Mauá. EMATER Associação Riograndense de Empreendimento de Assistência Técnica e Extensão Rural ASCAR Associação Sulina de Crédito e Assistência Rural Escritório

Leia mais

DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL E AGRICULTURA FAMILIAR

DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL E AGRICULTURA FAMILIAR UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA FACULDADE DE ENGENHARIA DE ILHA SOLTEIRA CURSO DE ZOOTECNIA DISCIPLINA SOCIOLOGIA E ÉTICA DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL E AGRICULTURA FAMILIAR Prof. Antonio Lázaro Sant

Leia mais

DO VALE DO AÇU DO VALE DO AÇU. Joacir Rufino de Aquino

DO VALE DO AÇU DO VALE DO AÇU. Joacir Rufino de Aquino II FÓRUM SOCIAL E SUSTENTÁVEL DO VALE DO AÇU EVOLUÇÃO E DESAFIOS DA AGROPECUÁRIA DO VALE DO AÇU Joacir Rufino de Aquino Economista. Mestre em Economia Rural e Regional. Professor Adjunto IV do Curso de

Leia mais

Mais de 200 anos de história

Mais de 200 anos de história Atuação do Banco do Brasil no Agronegócio Cooperativas Agropecuárias Safra 2017/18 Perfil Corporativo Postos de Atendimento1 16.492 Fundado em 1808 1ª empresa listada em bolsa de valores no Brasil Maior

Leia mais

Gerência de Assessoramento Técnico ao Agronegócio Gerag SP

Gerência de Assessoramento Técnico ao Agronegócio Gerag SP Gerência de Assessoramento Técnico ao Agronegócio Gerag SP Diretoria de Agronegócios Gerag São Paulo Safra 2012/2013 Programa ABC Agricultura de Baixo Carbono ABC - Mitigar a Emissões de GEE pela Agropecuária

Leia mais

PRODUÇÃO E GERAÇÃO DE RENDA DE PRODUTOS ARTESANAIS NO. MUNICÍPIO DE PEREIRA BARRETO: um estudo de caso.

PRODUÇÃO E GERAÇÃO DE RENDA DE PRODUTOS ARTESANAIS NO. MUNICÍPIO DE PEREIRA BARRETO: um estudo de caso. PRODUÇÃO E GERAÇÃO DE RENDA DE PRODUTOS ARTESANAIS NO MUNICÍPIO DE PEREIRA BARRETO: um estudo de caso. RAPASSI, R.M.A. 1 PROENÇA, É. R. 1 TARSITANO, R.A. 2 TEZZIN, K.V.M. 3 RESUMO: A agregação de valor

Leia mais

CAPÍTULO 3 - AGROPECUÁRIA E AGRONEGÓCIO PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ 7º ANO

CAPÍTULO 3 - AGROPECUÁRIA E AGRONEGÓCIO PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ 7º ANO CAPÍTULO 3 - AGROPECUÁRIA E AGRONEGÓCIO PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ 7º ANO QUEM SÃO OS TRABALHADORES BRASILEIROS E ONDE DESENVOLVEM SUAS ATIVIDADES ECONÔMICAS P. 37 PEA do Brasil: 100 milhões

Leia mais

Mais Crédito para a Produção de Alimentos Saudáveis. 30 Bilhões 2017/ Bilhões 2016/ ,9 Bilhões

Mais Crédito para a Produção de Alimentos Saudáveis. 30 Bilhões 2017/ Bilhões 2016/ ,9 Bilhões Mais Crédito para a Produção de Alimentos Saudáveis 30 Bilhões 2017/2018 30 Bilhões 2016/2017 28,9 Bilhões 2015/2016 FACILIDADES DO CRÉDITO RURAL DA CRESOL OS JUROS FORAM MANTIDOS Para diminuir o custo

Leia mais

III CONFERÊNCIA DO DESENVOLVIMENTO CODE/IPEA

III CONFERÊNCIA DO DESENVOLVIMENTO CODE/IPEA III CONFERÊNCIA DO DESENVOLVIMENTO CODE/IPEA CARACTERIZAÇÃO DO PÚBLICO POTENCIAL DO PRONAF "B" NA REGIÃO NORDESTE E NO ESTADO DE MINAS GERAIS: UMA ANÁLISE BASEADA NOS DADOS DO CENSO AGROPECUÁRIO 2006 Brasília/DF,

Leia mais

agricultura Crédito que fortalece as raízes do campo.

agricultura Crédito que fortalece as raízes do campo. agricultura PRONAF BRB familiar Crédito que fortalece as raízes do campo. O Banco de brasília e O PRONAF O Pronaf Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar foi criado pelo Governo Federal

Leia mais

Linhas de Investimento Baixa emissão de carbono Suinocultura

Linhas de Investimento Baixa emissão de carbono Suinocultura Linhas de Investimento Baixa emissão de carbono Suinocultura Eng. Agr. Leandro Capuzzo Banco do Brasil S/A #interna Pré-requisitos para o crédito Ø Cadastro atualizado Ø Verificação de situações impeditivas

Leia mais

ASSISTÊNCIA TÉCNICA CONTINUADA NA AGRICULTURA FAMILIAR DE SERRARIA (PB) RESUMO

ASSISTÊNCIA TÉCNICA CONTINUADA NA AGRICULTURA FAMILIAR DE SERRARIA (PB) RESUMO ASSISTÊNCIA TÉCNICA CONTINUADA NA AGRICULTURA FAMILIAR DE SERRARIA (PB) RESUMO Gustavo José Barbosa O presente artigo é relatar a experiência do trabalho realizado pela Empresa de Assistência Técnica e

Leia mais

Perfil Territorial. Grande Cárceres - MT. Desenvolvimento Territorial. Dados Básicos do Território

Perfil Territorial. Grande Cárceres - MT. Desenvolvimento Territorial. Dados Básicos do Território Grande Cárceres - MT O Território Rural Grande Cárceres - MT está localizado na região Centro-Oeste e é composto por 20 municípios: Araputanga, Cáceres, Comodoro, Conquista D'Oeste, Curvelândia, Figueirópolis

Leia mais

Agricultura Orgânica para a Conservação da Biodiversidade PROBIO II

Agricultura Orgânica para a Conservação da Biodiversidade PROBIO II Agricultura Orgânica para a Conservação da Biodiversidade PROBIO II Seminário de Integração e Missão de Supervisão DEZEMBRO-2010 COAGRE/DEPROS/SDC Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento PROJETO:

Leia mais

Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: I - construir uma sociedade livre, justa e solidária

Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: I - construir uma sociedade livre, justa e solidária Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: I - construir uma sociedade livre, justa e solidária Constituição do Brasil O que é SCJS Uma Estrategia De Reconhecimento e

Leia mais

O Desenvolvimento da Agricultura e Política Rural

O Desenvolvimento da Agricultura e Política Rural 7º Seminário Estadual de Agricultura O Desenvolvimento da Agricultura e Política Rural Deputado Estadual José Milton Scheffer Vice-Presidente da Comissão de Agricultura e Política Rural da ALESC Território

Leia mais

Sul de Tocantins - TO

Sul de Tocantins - TO Sul de Tocantins - TO O Território Rural Sul de Tocantins - TO está localizado na região Norte e é composto por 12 municípios: Alvorada, Araguaçu, Brejinho de Nazaré, Cariri do Tocantins, Dueré, Figueirópolis,

Leia mais

IX Simpósio de Pesquisas dos Cafés do Brasil

IX Simpósio de Pesquisas dos Cafés do Brasil IX Simpósio de Pesquisas dos Cafés do Brasil Experiências Minas Gerais / EMATER - MG Curitiba Junho de 2015 PRESENÇA NO ESTADO DE MINAS GERAIS 93% dos municípios mineiros Escritório Central em Belo Horizonte

Leia mais

PROGRAMA LEITE GAÚCHO MANUAL OPERATIVO

PROGRAMA LEITE GAÚCHO MANUAL OPERATIVO PROGRAMA LEITE GAÚCHO MANUAL OPERATIVO PORTO ALEGRE, NOVEMBRO DE 2011 GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL TARSO GENRO SECRETÁRIO DE DESENVOLVIMENTO RURAL, PESCA E COOPERATIVISMO IVAR PAVAN DIRETOR

Leia mais

Quadro resumo do crédito do Pronaf

Quadro resumo do crédito do Pronaf Pronaf custeio Quadro resumo do crédito do Pronaf 2016-2017 Linha Finalidade/empreendimento Condições Encargos (taxa de juros) Para financiamentos destinados ao cultivo de arroz, feijão, mandioca, feijão

Leia mais

Serviços Técnicos e Gestão Ambiental no Agronegócio Diretoria de Agronegócios

Serviços Técnicos e Gestão Ambiental no Agronegócio Diretoria de Agronegócios 47º Café com Sustentabilidade - Febraban Pecuária Sustentável: Agentes financeiros como indutores de boas práticas Modelos de financiamento e investimento: incentivos à adoção de boas práticas socioambientais

Leia mais

Chapada dos Veadeiros - GO

Chapada dos Veadeiros - GO Chapada dos Veadeiros - GO O Território da Cidadania Chapada dos Veadeiros - GO está localizado na região Centro-Oeste e é composto por 8 municípios: Alto Paraíso de Goiás, Campos Belos, Cavalcante, Colinas

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSA ACADÊMICA DE EXTENSÃO PBAEX / EDIÇÃO 2016 CAMPUS ANEXO III

PROGRAMA DE BOLSA ACADÊMICA DE EXTENSÃO PBAEX / EDIÇÃO 2016 CAMPUS ANEXO III PROGRAMA DE BOLSA ACADÊMICA DE EXTENSÃO PBAEX / EDIÇÃO 2016 CAMPUS ANEXO III FORMULÁRIO DA VERSÃO ELETRÔNICA DO PROJETO / DA ATIVIDADE DE EXTENSÃO PBAEX 2016 01. Título do Projeto Diagnóstico da ovinocaprinocultura

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL RURAL

POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL RURAL MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL RURAL Pepe Vargas Ministro de Estado do Desenvolvimento Agrário Fonte: IBGE Censo Agropecuário 2006 Os agricultores

Leia mais

A Avaliação de Políticas e Programas no Banco do Nordeste do Brasil (BNB)

A Avaliação de Políticas e Programas no Banco do Nordeste do Brasil (BNB) DIÁLOGOS RBMA_NE Limites e Possibilidades da avaliação das políticas públicas: a prática do Nordeste A Avaliação de Políticas e Programas no Banco do Nordeste do Brasil (BNB) Recife, 28 de Julho de 2016.

Leia mais

MODALIDADE - COMPRA INSTITUCIONAL

MODALIDADE - COMPRA INSTITUCIONAL MODALIDADE - COMPRA INSTITUCIONAL 1. Introdução O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) tem sua origem no Programa Fome Zero. A partir dessa concepção cria-se o Programa de Aquisição de Alimentos. Instituído

Leia mais

II Municípios Mato-Grossenses em Foco

II Municípios Mato-Grossenses em Foco O banco que acredita nas pessoas II Municípios Mato-Grossenses em Foco As ações e possibilidades de atuação da Caixa nos municípios Atuação da CAIXA: Urbano + Rural Linhas Gerais Linhas Propostas: Linhas

Leia mais

PLANO AGRÍCOLA E PECUÁRIO PAP 2016/17 ANÁLISE DAS MEDIDAS ANUNCIADAS EM 04 DE MAIO DE 2016

PLANO AGRÍCOLA E PECUÁRIO PAP 2016/17 ANÁLISE DAS MEDIDAS ANUNCIADAS EM 04 DE MAIO DE 2016 PLANO AGRÍCOLA E PECUÁRIO PAP 2016/17 ANÁLISE DAS MEDIDAS ANUNCIADAS EM 04 DE MAIO DE 2016 I - Medidas Anunciadas 1. Montante de Recursos Aumento de 8% no total de recursos do crédito rural, passando para

Leia mais

HISTÓRICO DE ATUAÇÃO E DEMANDAS TECNOLÓGICAS DO SETOR AGROPECUÁRIO DO DF

HISTÓRICO DE ATUAÇÃO E DEMANDAS TECNOLÓGICAS DO SETOR AGROPECUÁRIO DO DF HISTÓRICO DE ATUAÇÃO E DEMANDAS TECNOLÓGICAS DO SETOR AGROPECUÁRIO DO DF Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal SETEMBRO 2016 O QUE É A EMATER-DF? Empresa Pública, criada em

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS E AGRICULTURA FAMILIAR: O CASO DO MUNICÍPIO DE DRACENA-SP

POLÍTICAS PÚBLICAS E AGRICULTURA FAMILIAR: O CASO DO MUNICÍPIO DE DRACENA-SP POLÍTICAS PÚBLICAS E AGRICULTURA FAMILIAR: O CASO DO MUNICÍPIO DE DRACENA-SP Maryna Vieira Martins Antunes Rosangela Ap. de Medeiros Hespanhol Faculdade de Ciências e Tecnologia UNESP Presidente Prudente

Leia mais

Tarauacá - Envira - AC

Tarauacá - Envira - AC Tarauacá - Envira - AC O Território Rural Tarauacá - Envira - AC está localizado na região Norte e é composto por 3 municípios: Feijó, Jordão e Tarauacá. Desenvolvimento Territorial Dados Básicos do Território

Leia mais

O Programa de Aquisição de Alimentos - modalidade leite (PAA- Leite) na regional de Arapiraca no agreste alagoano: limites e potencialidades

O Programa de Aquisição de Alimentos - modalidade leite (PAA- Leite) na regional de Arapiraca no agreste alagoano: limites e potencialidades Diversitas Journal ISSN 2525-5215 DOI: 10.17648/diversitas-journal-v1i1.247 Volume 1, Número 1 (jan./abr. 2016) pp: 21-25. www.kentron.ifal.edu.br/index.php/diversitas_journal Diversitas Journal O Programa

Leia mais

20 ANOS DO PRONAF: UMA ANÁLISE DO FINANCIAMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR NO PERÍODO RECENTE 1. Luis Henrique Teixeira Franqui 2.

20 ANOS DO PRONAF: UMA ANÁLISE DO FINANCIAMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR NO PERÍODO RECENTE 1. Luis Henrique Teixeira Franqui 2. 20 ANOS DO PRONAF: UMA ANÁLISE DO FINANCIAMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR NO PERÍODO RECENTE 1 Luis Henrique Teixeira Franqui 2. 1 Resumo expandido de pesquisa para elaboração de artigo científico sobre

Leia mais

A MANDIOCA NA AGRICULTURA FAMILIAR

A MANDIOCA NA AGRICULTURA FAMILIAR A MANDIOCA NA AGRICULTURA FAMILIAR 13º CONGRESSO BRASILEIRO DE MANDIOCA Kelma Christina M. S. Cruz Botucatu/SP, 15 de julho de 2009 SISAN Alimentação Escolar PAA Política de Abastecimento Sociobio diversidade

Leia mais

Perfil Territorial. Salgado - PA. Desenvolvimento Territorial. Dados Básicos do Território

Perfil Territorial. Salgado - PA. Desenvolvimento Territorial. Dados Básicos do Território Salgado - PA O Território Rural Salgado - PA está localizado na região Norte e é composto por 16 municípios: Castanhal, Colares, Curuçá, Igarapé-Açu, Inhangapi, Magalhães Barata, Maracanã, Marapanim, Santa

Leia mais

Agricultura familiar em área periurbana: estratégias de reprodução e participação no mercado institucional

Agricultura familiar em área periurbana: estratégias de reprodução e participação no mercado institucional Guidelines for submitting papers to the IX Brazilian Congress of Agroecology Belém, Pará BRAZIL, 2015 Agricultura familiar em área periurbana: estratégias de reprodução e participação no mercado institucional

Leia mais

FORMAÇÃO AGRICULTURA, AMBIENTE E INOVAÇÃO

FORMAÇÃO AGRICULTURA, AMBIENTE E INOVAÇÃO FORMAÇÃO AGRICULTURA, AMBIENTE E INOVAÇÃO PROJECTO RURAL VALUE Desenvolvimento sustentável de sistemas agrícolas extensivos ameaçados Programa Castro Verde Sustentável Centro de Educação Ambiental do Vale

Leia mais

I PLANO ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DE SANTA CATARINA E A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. Patrícia Maria de Oliveira Machado

I PLANO ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DE SANTA CATARINA E A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. Patrícia Maria de Oliveira Machado I PLANO ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DE SANTA CATARINA E A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Patrícia Maria de Oliveira Machado Florianópolis, 2015 Histórico do processo e marcos legais ESTADUAL 2011

Leia mais

A FEIRA DO PRODUTOR DA AGRICULTURA FAMILIAR FEIRA CORUJÃO NO MUNICÍPIO DE RIO CLARO - SP

A FEIRA DO PRODUTOR DA AGRICULTURA FAMILIAR FEIRA CORUJÃO NO MUNICÍPIO DE RIO CLARO - SP A FEIRA DO PRODUTOR DA AGRICULTURA FAMILIAR FEIRA CORUJÃO NO MUNICÍPIO DE RIO CLARO - SP Wilyan Rodrigo LUCIANO¹ Palavras chaves: Agricultura Familiar, Feiras Livres, Comercialização. 1 Bolsista do Programa

Leia mais

OFICINA. Programa de Aquisição de Alimentos - PAA: Controle Social e Compra Institucional. CONGEMAS Fortaleza - Abril/2015

OFICINA. Programa de Aquisição de Alimentos - PAA: Controle Social e Compra Institucional. CONGEMAS Fortaleza - Abril/2015 OFICINA Programa de Aquisição de Alimentos - PAA: Controle Social e Compra Institucional. CONGEMAS Fortaleza - Abril/2015 O PAA Garantia de acesso a alimentos de qualidade e diversidade por parte da rede

Leia mais

Conhecimentos Bancários. Item Crédito Rural

Conhecimentos Bancários. Item Crédito Rural Conhecimentos Bancários Item 2.2.7- Crédito Rural Conhecimentos Bancários Item 2.2.7- Crédito Rural Sistema Nacional de Crédito Rural (SNCR) Normas BACEN Conhecimentos Bancários Item 2.2.7- Crédito Rural

Leia mais

ELEVAÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO NA AGRICULTURA

ELEVAÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO NA AGRICULTURA ELEVAÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO NA AGRICULTURA Trabalho Elaborado pela Gerência Técnica e Econômica da Ocepar Curitiba, julho de 2008 ELEVAÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO I - INTRODUÇÃO: A agricultura brasileira

Leia mais

Prof. Clésio Farrapo

Prof. Clésio Farrapo Prof. Clésio Farrapo Podemos dividir a área agrícola em dois tipos de Iavoura: cultura permanente e cultura temporária. No primeiro caso, as culturas Ievam mais de um ano para produzir; podem ser retiradas

Leia mais

III ENCONTRO ESTADUAL DE AGROECOLOGIA E II FESTA ESTADUAL DAS SEMENTES CARTA POLÍTICA E AGENDA DE LUTAS

III ENCONTRO ESTADUAL DE AGROECOLOGIA E II FESTA ESTADUAL DAS SEMENTES CARTA POLÍTICA E AGENDA DE LUTAS III ENCONTRO ESTADUAL DE AGROECOLOGIA E II FESTA ESTADUAL DAS SEMENTES CARTA POLÍTICA E AGENDA DE LUTAS novembro de 2013 CARTA POLÍTICA Durante os dias em que participamos do III Encontro de Agroecologia

Leia mais

Antonio Trevisan, eng.agr. Secretaria de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural

Antonio Trevisan, eng.agr. Secretaria de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural Fonte: Res. 3.375, de 19/06/2006 - Pronaf Res.. 3.369 e 3.370, de 14/06/06 Bedes e R.P. Atualização MCR 477, de 16/03/2006 do Bacen Governo do Estado Antonio Trevisan, eng.agr. Secretaria de Estado da

Leia mais

OFICINA 6: Como elaborar projetos de vendas da agricultura familiar para o PNAE. IV Encontro Catarinense de Alimentação Escolar.

OFICINA 6: Como elaborar projetos de vendas da agricultura familiar para o PNAE. IV Encontro Catarinense de Alimentação Escolar. IV Encontro Catarinense de Alimentação Escolar OFICINA 6: Como elaborar projetos de vendas da agricultura familiar para o Monitores: Daniela (Eng. Agrônoma) Raphael (Nutricionista) PNAE Compras Públicas

Leia mais

COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, ABASTECIMENTO E DESENVOLVIMENTO RURAL

COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, ABASTECIMENTO E DESENVOLVIMENTO RURAL COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, ABASTECIMENTO E DESENVOLVIMENTO RURAL PROJETO DE LEI N o 1.587, DE 2011 Altera o inciso I do art. 3º da Lei n 11.326, de 24 de julho de 2006. Autor: Deputado Zé Silva

Leia mais

Projeto de lei para florestas plantadas no Rio Grande do Sul

Projeto de lei para florestas plantadas no Rio Grande do Sul SECRETARIA DA AGRICULTURA E PECUÁRIA CÂMARA SETORIA DA CADEIA PRODUTIVA DE FLORESTAS PLANTADAS Projeto de lei para florestas plantadas no Rio Grande do Sul Congresso Florestal Nova Prata Maio 2015 Migração

Leia mais

IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL

IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL PERNAMBUCO RELATÓRIO FINAL COMISSÃO EECUTIVA Pesqueira/PE Setembro/2011 1 IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL ALIMENTAÇÃO

Leia mais