Uso do se : indeterminador ou apassivador?

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Uso do se : indeterminador ou apassivador?"

Transcrição

1 Uso do se : indeterminador ou apassivador? Um assunto bastante explorado em provas de concursos é a classificação do vocábulo se. Sabemos que ele pode ser rotulado como pronome reflexivo, conjunção condicional, conjunção integrante entre outros. Nesta aula, porém, estudaremos apenas duas classificações importantes para você que prestará concurso ou vestibular: Pronome Indeterminador do Sujeito (PIS) e Pronome Apassivador (PA). O Pronome Indeterminador do Sujeito ocorre com quatro tipos de verbos: transitivos indiretos (VTI), de ligação (VL), intransitivos (VI) e verbo transitivo direto (com objeto direto preposicionado). Veja: a) Precisa-se de muitos professores. b) Era-se, por alguns momentos, feliz. c) Vive-se com esperança. d) Ama-se a Deus. Análise a) Precisa-se de muitos professores. VTI PIS OI b) Era-se, por alguns momentos, feliz. VL PIS Adj. Adverbial Predicativo do Sujeito c) Vive-se com esperança. VI PIS Adj. Adverbial d) Ama-se a Deus. VTD PIS OD preposicionado Nos quatro exemplos, há sujeito indeterminado. O vocábulo se funciona como pronome indeterminador do sujeito e a frase está na voz ativa. Veja outros exemplos: e) Ama-se a criança. f) Pediu-se silêncio aos candidatos.

2 Análise e) Ama-se a criança. VTD PA Sujeito paciente f) Pediu-se silêncio aos candidatos. VTDI PA Suj. paciente OI Nas duas últimas orações, existe sujeito paciente, o se funciona como pronome apassivador. Nas letras "e" e "f", ao contrário de "a, b, c e d", existe a possibilidade de transposição para voz passiva analítica. Observe: A criança é amada. Silêncio é pedido aos candidatos. É importante lembrar que o sujeito paciente deve concordar com o verbo a que faz referência. Segundo a norma culta, há incorreção em frases do tipo: Aluga-se casas. Conserta-se sapatos. Como os termos casas e sapatos funcionam como sujeito paciente da oração, há obrigatoriedade de concordância entre tais termos e os verbos alugar e consertar. Temos, então: Alugam-se casas. Consertam-se sapatos. Hora do Treino! 1. O vocábulo "se" é pronome apassivador em: a) Come-se bem naquela casa. b) Falou-se de muitas coisas no congresso. c) Reconstruiu-se o prédio inteiro.

3 d) Concordou-se com suas ideias. e) O rapaz queixou-se do médico. 2. Considere a palavra "se" nas seguintes orações: I. Plastificaram-se as carteirinhas. II. Precisa-se de funcionários eficientes. III. Reformam-se sofás. IV. Morreu-se de câncer. Podemos afirmar corretamente que: a) em I é pronome de indeterminação do sujeito. b) em II é pronome apassivador. c) em III e IV tem a mesma função. d) em II e III é pronome indeterminador do sujeito. e) em I é pronome apassivador e em IV é pronome indeterminador do sujeito. 3. Assinale a alternativa em que o "se" é pronome indeterminador do sujeito. a) Escreve-se carta aos rapazes. b) Aqui não se alugam ternos. c) Vende-se a casa. d) Não se pensa em mudanças. e) Julgava-se um ótimo professor. 4. O é se pronome indeterminador do sujeito na oração: a) Não se ouvia o sino. b) Assiste-se a novelas de época. c) Comentou-se o assunto nos corredores. d) Perdeu-se uma bolsa no ônibus. e) Compraram-se tortas de morango. 5. O se é pronome apassivador em: a) Precisa-se de uma bermuda nova. b) Proibiram-se as palestras naquele auditório. c) Produziram-se aparelhos eficientes. d) Acredita-se em novas amizades. e) Morava-se longe da cidade. 6. O vocábulo se não é pronome indeterminador do sujeito em a) Gosta-se de doces. b) Jamais se precisou dos seus serviços. c) Morreu-se de amor. d) Vivia-se por amor.

4 e) Ofereceu-se ajuda ao senhor. Gabarito 1. C 2. E 3. D 4. B 5. B 6. E

ESCOLA SÃO DOMINGOS BATERIA DE EXERCÍCIOS 3º TRIMESTRE LÍNGUA PORTUGUESA 7º ANO

ESCOLA SÃO DOMINGOS BATERIA DE EXERCÍCIOS 3º TRIMESTRE LÍNGUA PORTUGUESA 7º ANO ESCOLA SÃO DOMINGOS BATERIA DE EXERCÍCIOS 3º TRIMESTRE LÍNGUA PORTUGUESA 7º ANO 1. Informe a função sintática (OD ou OI) dos pronomes oblíquos átonos. a) Nós lhe telefonamos no fim de semana. b) O professor

Leia mais

DICAS PARA FALAR E ESCREVER MELHOR

DICAS PARA FALAR E ESCREVER MELHOR DICAS PARA FALAR E ESCREVER MELHOR 1. CONCORDÂNCIA 2. CRASE 3. PONTUAÇÃO (VÍRGULA) 4. REGÊNCIA 5. DIFICULDADES GERAIS 1 CONCORDÂNCIA 1. Cuidado com verbos que iniciam períodos, assim: CHEGOU, depois de

Leia mais

Nunca é tarde para tentar o desconhecido. Nunca é tarde para se ir mais além.

Nunca é tarde para tentar o desconhecido. Nunca é tarde para se ir mais além. PROVA M03 V ATENÇÃO: MANHÃ VERIFIQUE SE CÓDIGO E PROVA DESTE CADERNO DE QUESTÕES CONFEREM COM O SEU CARTÃO DE RESPOSTAS Ministério Público do Estado de Rondônia CARGO: TÉCNICO INFORMÁTICA FRASE PARA EXAME

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 001/2009 PROVAS OBJETIVAS

CONCURSO PÚBLICO 001/2009 PROVAS OBJETIVAS ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE PROPRIÁ CONCURSO PÚBLICO 001/2009 PROVAS OBJETIVAS Sala: Data: 28/06/2009 Turno: Cargo: 199008 VIGIA INSTRUÇÕES PARA A PROVA O candidato terá 3h (três horas) para

Leia mais

Como uma onda no mar...

Como uma onda no mar... Como uma onda no mar... A UU L AL A Certa vez a turma passou férias numa pequena cidade do litoral. Maristela costumava ficar horas a fio admirando a imensidão azul do mar, refletindo sobre coisas da vida

Leia mais

Como fazer para deixar firme uma estante de hastes com prateleiras que está balançando para os lados?

Como fazer para deixar firme uma estante de hastes com prateleiras que está balançando para os lados? cesse: http://fuvestibular.com.br/ o triângulo é uma das figuras mais importantes da Geometria, e também uma das mais interessantes. Na nossa vida diária, existem bons exemplos de aplicação de triângulos

Leia mais

do dia Técnico Gerais Assembleia Você receberá candidato. providências. Informações na folha de respostas. Somente após identidade; objetiva o campo

do dia Técnico Gerais Assembleia Você receberá candidato. providências. Informações na folha de respostas. Somente após identidade; objetiva o campo Governo do Estado da Bahia Assembleia Legislativa do Estado da Bahia ALBA Prova Escrita Objetiva Técnico de Nível Médio Tarde Técnico em Eletricidade TIPO 1 BRANCAA Informações Gerais 1. 2. 3. 4. 5. Você

Leia mais

CAPÍTULO 9: CONCORDÂNCIA DO VERBO SER

CAPÍTULO 9: CONCORDÂNCIA DO VERBO SER CAPÍTULO 9: CONCORDÂNCIA DO VERBO SER Vejamos os exemplos de concordância do verbo ser: 1. A cama eram (ou era) umas palhas. Isto são cavalos do ofício. A pátria não é ninguém: são todos. (Rui Barbosa).

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO SEMANA 04

RACIOCÍNIO LÓGICO SEMANA 04 1) (FCC/TRT-PR) Considere a seguinte proposição: Na eleição para a prefeitura, o candidato A será eleito ou não será eleito. Do ponto de vista lógico, a afirmação da proposição caracteriza: (A) um silogismo;

Leia mais

Onde habitar é possível

Onde habitar é possível Onde habitar é possível Rafaela Arrigoni O habitar não se limita a uma habitação, no sentido de uma casa ou de um abrigo, mas estende-se na medida em que o espaço construído é palco para a vida. Habitamos

Leia mais

Bases Matemáticas. Aula 2 Métodos de Demonstração. Rodrigo Hausen. v. 2013-7-31 1/15

Bases Matemáticas. Aula 2 Métodos de Demonstração. Rodrigo Hausen. v. 2013-7-31 1/15 Bases Matemáticas Aula 2 Métodos de Demonstração Rodrigo Hausen v. 2013-7-31 1/15 Como o Conhecimento Matemático é Organizado Definições Definição: um enunciado que descreve o significado de um termo.

Leia mais

Direito de ter direitos

Direito de ter direitos Direito de ter direitos CONHECIMENTO DE LÍNGUA PORTUGUESA Cidadania é o direito de ter uma idéia e poder expressá-la. É poder votar em quem quiser sem constrangimento. É processar um médico que cometa

Leia mais

CARGO: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO II

CARGO: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO II CARGO: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO II SÓ ABRA ESTE CADERNO QUANDO AUTORIZADO LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES 1. Somente quando for autorizado, abra o caderno de prova, verifique se este contém 50 questões

Leia mais

ANÁLISE COMBINATÓRIA. 1) De quantas formas diferentes cinco pessoas podem se sentar em cinco cadeiras de uma fila de cinema?

ANÁLISE COMBINATÓRIA. 1) De quantas formas diferentes cinco pessoas podem se sentar em cinco cadeiras de uma fila de cinema? ANÁLISE COMBINATÓRIA Questões de análise combinatória serão aquelas que perguntarão de quantas formas pode ocorrer um determinado evento. Vejamos alguns exemplos: 1) De quantas formas diferentes cinco

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO TOCANTINS CADERNO DE PROVAS QUESTÕES OBJETIVAS E SUBJETIVA TIPO ÚNICO

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO TOCANTINS CADERNO DE PROVAS QUESTÕES OBJETIVAS E SUBJETIVA TIPO ÚNICO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO TOCANTINS 2º Processo Seletivo Público de 2014 da Procuradoria da República no Tocantins - contratação de Estagiário de Nível Superior da área de

Leia mais

MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO: QUANTO SOBRA PARA SUA EMPRESA?

MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO: QUANTO SOBRA PARA SUA EMPRESA? MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO: QUANTO SOBRA PARA SUA EMPRESA? Que nome estranho! O que é isso? Essa expressão, Margem de Contribuição, pode soar estranha aos ouvidos, mas entender o que significa ajudará muito

Leia mais

Aprendendo através de uma experiência que não foi como o que se esperava.

Aprendendo através de uma experiência que não foi como o que se esperava. Aprendendo através de uma experiência que não foi como o que se esperava. Laila Cristina Cezar Rezende (UFRJ / FE) Eixo Temático: A idéia parecia boa, mas não deu muito certo. Da próxima vez... Resumo

Leia mais

TdB e Vez da Voz por um mundo mais inclusivo. vez. dobem

TdB e Vez da Voz por um mundo mais inclusivo. vez. dobem TdB e Vez da Voz por um mundo mais inclusivo vez dobem ÍNDICE: 3 4 7 10 12 INTRODUÇÃO DEFICIÊNCIA AUDITIVA DEFICIÊNCIA VISUAL DEFICIÊNCIA FÍSICA DEFICIÊNCIA INTELECTUAL A TdB, em parceria com a ONG Vez

Leia mais

QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir:

QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir: Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO EM 2012 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir: No último quadrinho, Calvin constata

Leia mais

Escrever Bem: o caminho do sucesso

Escrever Bem: o caminho do sucesso Escrever Bem: o caminho do sucesso Priscila Fernanda Furlanetto Introdução Redigir com clareza é atualmente uma exigência das empresas em relação à escolha de sua equipe. Estamos em pleno processo de globalização,

Leia mais

COMO FAZER UMA DISSERTAÇÃO

COMO FAZER UMA DISSERTAÇÃO CURSO DE REDAÇÃO- Profª Sônia Targa COMO FAZER UMA DISSERTAÇÃO Na dissertação desenvolve-se um tema sob os mais diversos aspectos. Ela é baseada principalmente em uma análise e sempre expõe ideias. Por

Leia mais

RESPOSTAS AOS RECURSOS PROVA 1

RESPOSTAS AOS RECURSOS PROVA 1 RESPOSTAS AOS RECURSOS PROVA 1 1 3 9 10 As afirmativas I e II estão corretas, de acordo com o que se pode depreender do texto, a exemplo das linhas 26 a 30 e 62 a 67. A afirmativa III encontra-se incorreta,

Leia mais

J.Wilson Granjeiro A DISCIPLINA DE UM MARATONISTA

J.Wilson Granjeiro A DISCIPLINA DE UM MARATONISTA J.Wilson Granjeiro A DISCIPLINA DE UM MARATONISTA 4ª Edição 2014 06/2014 - Editora Gran Cursos GRANJEIRO, José Wilson. A Disciplina de um Maratonista / José Wilson Granjeiro 4. ed. Brasília: Ed. Gran Cursos,

Leia mais

PORTUGUÊS EFICIENTE. Prof. Matheus Gustavo

PORTUGUÊS EFICIENTE. Prof. Matheus Gustavo PORTUGUÊS EFICIENTE Prof. Matheus Gustavo 10 Dicas simples do que NÃO FAZER em uma REDAÇÃO 1 FUGA DO TEMA Fugir ao tema solicitado pela prova é motivo para invalidar o texto, a FUVEST, por exemplo, informa

Leia mais

FICHA DOUTRINÁRIA. Diploma: CIVA. Artigo: 6º; n.º 2 do artigo 7.º do Regulamento de Execução (UE) n.º 282/2011 do Conselho.

FICHA DOUTRINÁRIA. Diploma: CIVA. Artigo: 6º; n.º 2 do artigo 7.º do Regulamento de Execução (UE) n.º 282/2011 do Conselho. FICHA DOUTRINÁRIA Diploma: Artigo: Assunto: CIVA 6º; n.º 2 do artigo 7.º do Regulamento de Execução (UE) n.º 282/2011 do Conselho Localização de operações - Transmissão, por via eletrónica, de licenças

Leia mais

POR UMA VIDA MELHOR : ABORDAGEM DA VARIAÇÃO LINGUISTICA NO LIVRO DIDÁTICO DE PORTUGUÊS

POR UMA VIDA MELHOR : ABORDAGEM DA VARIAÇÃO LINGUISTICA NO LIVRO DIDÁTICO DE PORTUGUÊS POR UMA VIDA MELHOR : ABORDAGEM DA VARIAÇÃO LINGUISTICA NO LIVRO DIDÁTICO DE PORTUGUÊS Sueilton Junior Braz de Lima (Graduando do Curso Letras/Língua Portuguesa - UERN) Maria Leidiana Alves (Professora

Leia mais

Vamos fazer um mundo melhor?

Vamos fazer um mundo melhor? Vamos fazer um mundo melhor? infanto-junvenil No mundo em que vivemos há quase 9 milhões de espécies de seres vivos, que andam, voam, nadam, vivem sobre a terra ou nos oceanos, são minúsculos ou enormes.

Leia mais

COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS

COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS 3 4 2007 Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais Nenhuma parte ou todo desta publicação poderá ser reproduzido -

Leia mais

Lixo é um luxo. Trabalho desenvolvido com alunos do curso de CIPA. Funcionários dos Correios e da Pedreira Beira Rio

Lixo é um luxo. Trabalho desenvolvido com alunos do curso de CIPA. Funcionários dos Correios e da Pedreira Beira Rio Apresentação Participantes Trabalho desenvolvido com alunos do curso de CIPA Funcionários dos Correios e da Pedreira Beira Rio file:///c /Dokumente%20und%20Einstellungen/All%20Users/Dokumente/Horizonte04/paedagogische_hilfen/Teilnehmer/TARCSIO/LIXOUMLU.HTM

Leia mais