Hipérico Extrato Seco

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Hipérico Extrato Seco"

Transcrição

1 Material Técnico Hipérico Extrato Seco Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável DCB / DCI: Não aplicável Peso molecular: Não aplicável CAS: Não aplicável INCI: Não aplicável Denominação botânica: Hypericum perforatum L. Sinonímia: Hipérico, Hiperikum,Hipericum, Hyperici herba, Orelha-de-Gato, Alegrim-Bravo, Arruda-de-São Paulo, Arruda-do-campo, Milfurada e Erva-de-São João. Descrição / especificação técnica: Pó fino marrom escuro, odor e sabor característicos, padronizado em no mínimo 0,3% de Hipericina. Propriedades: Hipérico Extrato Seco é amplamente utilizado em alguns países para o tratamento da depressão ligeira a moderada e desordens depressivas. Composição: Substância isolada. Parte utilizada: Planta toda. Solvente: Água e etanol. Aplicações Indicações: Tratamento de depressões (ligeira a moderada); Desordens depressivas. Posologia / concentração: 300mg a 900mg. Via de administração: Oral.

2 Solução magistral: Possibilidade do uso de dosagens flexíveis; Possibilidade de associações sinérgicas; Possibilidade de uso de formas farmacêuticas variadas. Formulações Fórmula Antiobesidade Citrus Aurantium ext.seco...150mg Hypericum Ext. Seco...150mg Cafeína...150mg Ação termogênica; Propriedades Tratamentos de estados depressivos e de ansiedade. Posologia: 2 Vcaps 2 vezes ao dia, meia hora antes das refeições. Antidepressivo Fitoterápico Hypericum Ext. Seco...150mg Excipiente... qsp 1 capsula Tratamento de estados depressivos; Tratamento de distúrbios psicovegetativos acompanhados de ansiedade. Mande Vcaps TM Posologia: 1 cápsula 2 a 3 vezes ao dia, após as refeições. Referências científicas Estudos clínicos / Estudos pré-clínicos: A eficácia de Hypericum perforatum (erva de São João) para o tratamento da síndrome pré-menstrual: um, duplo-cego, placebo-controlado randomizado. Síndrome pré-menstrual (TPM) é uma condição comum. Alguns dos medicamentos mais amplamente prescritos são inibidores seletivos da recaptação da serotonina (SSRIs), com base na hipótese de o papel da serotonina na produção de sintomas de PMS. TPM sofrem especialmente aqueles que experimentam sintomas leves a moderados, são muitas vezes relutantes em tomar este tipo de medicação e, em vez comprar preparativos over-the-counter (sem receita) para tratar os seus sintomas, para o qual a base de evidências no que diz respeito à eficácia é limitada. Hypericum perforatum (erva de São João) influencia o sistema serotoninérgico. Como tal, esta erva amplamente disponível merece atenção como um tratamento de PMS. Para investigar a eficácia de Hypericum perforatum sobre os sintomas da TPM. Este duplo-cego, placebo-controlado, randomizado, e cruzado foi realizado entre novembro de 2005 e junho de 2007.

3 Instituto de Ciências Psicológicas da Universidade de Leeds, Leeds, Reino Unido. PARTICIPAÇÃO: 36 mulheres com idade entre anos, com ciclos menstruais regulares (25-35 dias), que foram prospectivamente diagnosticados com PMS leves. As mulheres que ficaram elegíveis após três ciclos de triagem (n = 36) foram submetidos a um placebo, em dois ciclos de run-in de fase. Eles foram então distribuídos aleatoriamente para receber comprimidos de Hypericum perforatum 900 mg / dia (normalizado para 0,18% de hipericina, hiperforina 3,38%) ou placebo comprimidos idênticos para dois ciclos menstruais. Depois de um tratamento com placebo ciclo de lavagem, as mulheres cruzadas para receber placebo ou Hypericum perforatum por dois ciclos adicionais. Os sintomas foram avaliados diariamente durante todo o julgamento com o Relatório Sintoma Daily. Desfechos secundários foram o Inventário de Ansiedade Estado, Beck Depression Inventory, Questionário de Agressão e Escala de Impulsividade de Barratt. Hormona no plasma (hormona folículo-estimulante [FSH], hormona luteinizante [LH], estradiol, progesterona, testosterona e prolactina) e citoquinas (interleucina [IL]-1beta, IL-6, IL-8, o interferon [IFN]-gama e os níveis de factor de necrose [TNF]-alfa) de tumor foram medidos em fases foliculares e luteal durante Hypericum perforatum e o tratamento com placebo. Hypericum perforatum foi estatisticamente superior ao placebo na melhora dos sintomas físicos e comportamentais de PMS (p <0,05). Não houve efeitos significativos de Hypericum perforatum em comparação com o tratamento com placebo para os sintomas da TPM de humor e dor relacionados (p> 0,05). Níveis de hormona no plasma (FSH, LH, estradiol, progesterona, testosterona e prolactina) e citocinas (IL-1 beta, IL-6, IL-8, TNF-alfa e IFNgama), e relatórios semanais de ansiedade, depressão, agressão e impulsividade, também fez não diferiram significativamente durante os ciclos de Hypericum perforatum e de placebo (p> 0,05). O tratamento diário com Hypericum perforatum foi mais eficaz do que o tratamento com placebo para os sintomas físicos e comportamentais mais comuns associados com o PMS. Farmacologia Estabilidade: Informação não encontrada nas referências consultadas. Mecanismo de ação: O mecanismo de ação do Hipérico com timolépico ainda não foi esclarecido. Evidências experimentais sugerem que a hipericina, um dos componentes do extrato de Hypericum, inibe a recaptura das monoaminas serotonina e noradrenalina. Além disto, alguns estudos sugerem existência de um efeito inibidor da monoaminoxidase (MAO), embora esta inibição ocorra com concentrações de hipericina mais altas do que aquelas alcançadas com a administração da dose recomendada. O efeito antidepressivo é percebido a partir da segunda semana de tratamento. Efeitos adversos: Com maior frequência são observados: náuseas, vômitos, diarréia, constipação, enjôos, dores abdominais, ansiedade, secura de boca, confusão, sedação e desânimo. A

4 manifestação mais grave associada ao uso do extrato de Hypericum é a fotossensibilização, que pode favorecer a aparição de queimaduras nos pacientes expostos ao sol, nos quais a proteção usual torna-se insuficiente; este efeito é mais frequente em indivíduos de pele clara. Contraindicações / precauções: A duração mínima do tratamento para obter a atividade antidepressiva plena deveria ser de 4 a 6 semanas. Em geral, recomenda-se a manutenção da terapia com antidepressivos por períodos não-inferiores a seis meses. A informação sobre interações com outros fármacos é escassa, embora seja aconselhável vigiar toda associação com fármacos fotossensibilizantes. Desaconselha-se a exposição solar dos pacientes durante tratamento com Hypericum. Caso a exposição não possa ser evitada, sugere-se o uso de protetores solares. Não se recomenda a utilização deste medicamento em pacientes com antecedentes de câncer de pele ou queratoses solares. Não se aconselha seu uso em pediatria. Farmacotécnica Equivalência: 1,00. Concentração / Diluição (fabricante): Informação não encontrada nas referências consultadas. Solubilidade: Informação não encontrada nas referências consultadas. Excipiente sugerido: Aerosil 1 10% + Carbonato de Magnésio q.s.p 100%. ph estabilidade (produto final): Informação não encontrada nas referências consultadas. Orientações farmacotécnicas: Informação não encontrada nas referências consultadas. Incompatibilidades: Informação não encontrada nas referências consultadas. Conservação / armazenamento: Armazenar ao abrigo de calor e umidade. Produto higroscópico, usar sílica de gel. Referências bibliográficas 1. Fórmula Antiobesidade ColkerCM et al. Effects of Citrus aurantium Extract, Cafferine and St. John s Wort on body fat loss, lipid levels, and mood states in overweight healthy adults. Current Therapeutic Research. 1999; 60(3): ; 2. A eficácia de Hypericum perforatum (erva de São João) para o tratamento da síndrome prémenstrual: um, duplo-cego, placebo-controlado randomizado - Institute of Psychological Sciences, University of Leeds, Leeds, UK; 3. Martindale The Complete Drug Reference, 36 th Edition. St John s Wort, pag. 422;

5 4. Guia Prático da Farmácia Magistral, 4 Edição

Naproxeno. Identificação. Denominação botânica: Não aplicável. Aplicações

Naproxeno. Identificação. Denominação botânica: Não aplicável. Aplicações Material Técnico Naproxeno Identificação Fórmula Molecular: C 14 H 14 O 3 Peso molecular: 230,3 DCB / DCI: 06233 -Naproxeno CAS: 22204-53-1 INCI: Não aplicável. Denominação botânica: Não aplicável. Sinonímia:

Leia mais

Fenulife. Identificação. Peso molecular: Não aplicável. Denominação botânica: Não aplicável

Fenulife. Identificação. Peso molecular: Não aplicável. Denominação botânica: Não aplicável Material Técnico Fenulife Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável DCB / DCI: Não aplicável INCI: Não aplicável Peso molecular: Não aplicável CAS: Não aplicável Denominação botânica: Não aplicável

Leia mais

Amilorida HCl dihidratada

Amilorida HCl dihidratada Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 6 H 8 ClN 7 O,HCl,2H 2 O Peso molecular: 302,1 DCB/ DCI: 2352- amiloride hydrochloride dihydrate CAS: 17440-83-4 INCI: Não aplicável Sinonímia: Amilorid

Leia mais

Bupropiona Cloridrato

Bupropiona Cloridrato Material Técnico Bupropiona Cloridrato Identificação Fórmula Molecular: C 13 H 18 CINO - HCl Peso molecular: 276,21 DCB / DCI: 01558 CAS: 31677-93-7 INCI: Não aplicável Denominação botânica: Não aplicável

Leia mais

Aromas/Flavorizantes

Aromas/Flavorizantes Material Técnico Aromas/Flavorizantes Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável DCB / DCI: Não aplicável INCI: Não aplicável Peso molecular: Não aplicável CAS: Não aplicável Denominação botânica:

Leia mais

Nicotinamida. Identificação

Nicotinamida. Identificação Material Técnico Nicotinamida Identificação Fórmula Molecular: C 6 H 6 N 2 O Peso molecular: 122.1 DCB / DCI: 06346 - nicotinamida CAS: 98-92-0 INCI: Não aplicável Denominação botânica: Não aplicável Sinonímia:

Leia mais

Clomifeno Citrato. Aplicações. Possibilidade do uso de diferentes dosagens de acordo com a necessidade do paciente. Indicações

Clomifeno Citrato. Aplicações. Possibilidade do uso de diferentes dosagens de acordo com a necessidade do paciente. Indicações Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 26 H 28 ClNO.C 6 H 8 O 7 Peso molecular: 598,08 DCB/ DCI: 02293 citrato de clomifeno CAS: 50-41-9 INCI: Não aplicável Sinonímia: Citrato de Clomifeno

Leia mais

D-Panthenol (Dexpanthenol)

D-Panthenol (Dexpanthenol) Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 9 H 19 NO 4 Peso molecular: 205,25 DCB/ DCI: 02855 - dexpantenol CAS: 81-13-0 INCI: D-Panthenol Sinonímia: Pró-Vitamina B5 Denominação botânica: Não

Leia mais

Sinonímia: Ascorbate de Calcium; Ascorbato cálcico; Calcii ascorbas; Calcii Ascorbas Dihydricus; Calcium, ascorbate de.

Sinonímia: Ascorbate de Calcium; Ascorbato cálcico; Calcii ascorbas; Calcii Ascorbas Dihydricus; Calcium, ascorbate de. Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: (C 6 H 7 O 6 )2Ca,2H 2 O Peso molecular: 426.3. DCB/ DCI: 00106 Ascorbato de cálcio. CAS: 5743-27-1. INCI:. Sinonímia: Ascorbate de Calcium; Ascorbato

Leia mais

Lauril éter sulfato de sódio

Lauril éter sulfato de sódio Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável Peso molecular: Não aplicável DCB/ DCI: 05177 - lauriletersulfato de sódio CAS: 1335-72-4 INCI: Sodium laureth-2 sulfate Sinonímia: LESS

Leia mais

Descrição/ especificação técnica: Pó cristalino branco a quase branco, com especificação de 98 a 101% de Aciclovir.

Descrição/ especificação técnica: Pó cristalino branco a quase branco, com especificação de 98 a 101% de Aciclovir. Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 8 H 11 N 5 O 3 Peso molecular: 225,2 DCB/ DCI: 00082 aciclovir CAS: 59277-89-3 INCI: Não aplicável Sinonímia: Acicloguanosina; Aciclovirum; Aciklovír;

Leia mais

Iperisan Hypericum perforatum L.

Iperisan Hypericum perforatum L. Iperisan Hypericum perforatum L. MEDICAMENTO FITOTERÁPICO Nomenclatura botânica: Hypericum perforatum L. Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos revestidos - caixas com 20, 30 e 60 comprimidos. USO

Leia mais

Descrição/ especificação técnica: Pó branco a quase branco com o mínimo 99% de Ácido azeláico.

Descrição/ especificação técnica: Pó branco a quase branco com o mínimo 99% de Ácido azeláico. Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 9 H 16 O 4 Peso molecular: 188,2 DCB/ DCI: 00113 ácido azeláico CAS: 123-99-9 INCI: Lipoic acid Sinonímia: Acid azélaiique; Acidum azelaicum; Anchic

Leia mais

Zinco quelato. Identificação. Peso molecular: Não aplicável. CAS: Não aplicável

Zinco quelato. Identificação. Peso molecular: Não aplicável. CAS: Não aplicável Material Técnico Zinco quelato Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável DCB / DCI: Não aplicável INCI: Não aplicável Peso molecular: Não aplicável CAS: Não aplicável Denominação botânica: Não aplicável

Leia mais

Tansulosina HCl. Identificação. Aplicações. Material Técnico

Tansulosina HCl. Identificação. Aplicações. Material Técnico Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 20 H 28 N 2 O 5 S.HCl Peso molecular: 445,0 DCB/ DCI: 08296 cloridrato de tansulosina CAS: 106463-17-6 INCI: Não aplicável. Sinonímia: Amsulosin Hydrochloride;

Leia mais

Paracetamol pó. Identificação. Aplicações

Paracetamol pó. Identificação. Aplicações Material Técnico Paracetamol pó Identificação Fórmula Molecular: C 8 H 9 NO 2 Peso molecular: 151,2 DCB / DCI: 06827-Paracetamol CAS: 103-90-2 INCI: Não aplicável. Denominação botânica: Não aplicável.

Leia mais

Pode ser utilizada isolada ou associada no tratamento adjuvante e paliativo de câncer gastrointestinal, onde pode ser associada ao ácido fólico.

Pode ser utilizada isolada ou associada no tratamento adjuvante e paliativo de câncer gastrointestinal, onde pode ser associada ao ácido fólico. Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 4 H 3 FN 2 O 2 Peso molecular: 130,1 DCB/ DCI: 04174 - fluoruracila CAS: 51-21-8 INCI: Não aplicável Sinonímia: Fluorouracil, 5-Fluorouracil, 5-Fluoropyrimidine-2,4(1H,3H)-dione.

Leia mais

Probiótico. Identificação. Descrição / especificação técnica: Pó creme a marrom claro, contendo no mínimo 10 bilhões de UFC/g.

Probiótico. Identificação. Descrição / especificação técnica: Pó creme a marrom claro, contendo no mínimo 10 bilhões de UFC/g. Material Técnico Probióticos Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável DCB / DCI: Não aplicável INCI: Não aplicável Peso molecular: Não aplicável CAS: Não aplicável Denominação botânica: Não aplicável

Leia mais

Descrição/ especificação técnica: Pó cristalino amarelo, amarelo amarronzado ou laranja amarelado, inodoro, com o mínimo 97% de Ácido fólico.

Descrição/ especificação técnica: Pó cristalino amarelo, amarelo amarronzado ou laranja amarelado, inodoro, com o mínimo 97% de Ácido fólico. Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 19 H 19 N 7 O 6 Peso molecular: 441,41 DCB/ DCI: 00194 - ácido fólico CAS: 59-30-3 INCI: Não aplicável Sinonímia: Acide folique; Ácido fólico; Acidum

Leia mais

Sibutramina. Comportamento alimentar

Sibutramina. Comportamento alimentar Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Sibutramina Sibutramina é uma amina terciária que sofre desmetilação rápida ao ser ingerida por animais

Leia mais

Alendronato de sódio trihidrat

Alendronato de sódio trihidrat Material Técnico Alendronato de sódio trihidrat Identificação Fórmula Molecular: C 4 H 12 NNaO 7 P 2. 3 H 2 O Peso molecular: 325.1 DCB / DCI: 00097-Alendronato de sódio tri-hidratado CAS 121268-17-5 INCI:

Leia mais

Metronidazol Base. Identificação. Aplicações

Metronidazol Base. Identificação. Aplicações Material Técnico Metronidazol Base Identificação Fórmula Molecular: C 6 H 9 N 3 O 3 Peso molecular: 171,2 DCB / DCI: 05902-Metronidazol CAS: 443-48-1 INCI: Não aplicável Denominação botânica: Não aplicável

Leia mais

Aesculus hippocastanum

Aesculus hippocastanum Novarrutina Aesculus hippocastanum FITOTERÁPICO Parte utilizada: semente Nomenclatura botânica Nome científico: Aesculus hippocastanum Nome popular: Castanha da Índia Família: Hippocastanaceae. Formas

Leia mais

APRESENTAÇÃO Comprimido revestido - extrato seco de folhas de Trifolium pratense L. - Embalagem contendo 30 comprimidos.

APRESENTAÇÃO Comprimido revestido - extrato seco de folhas de Trifolium pratense L. - Embalagem contendo 30 comprimidos. Promensil Trifolium pratense L. Nomenclatura botânica: Trifolium pratense L. Nomenclatura popular: red clover ou trevo vermelho Família: Leguminosae (Fabaceae) Parte utilizada: folhas APRESENTAÇÃO Comprimido

Leia mais

Ácido Retinóico (Tretinoina)

Ácido Retinóico (Tretinoina) Material Técnico Ácido Retinóico (Tretinoina) Identificação Fórmula Molecular: C 20 H 28 O 2 Peso molecular: 300,4 DCB / DCI: 08848 Tretinoina CAS: 302-79-4 INCI: Não aplicável Denominação botânica: Não

Leia mais

Peróxido de benzoíla

Peróxido de benzoíla Material Técnico Peróxido de benzoíla Identificação Fórmula Molecular: C 14 H 10 O 4 Peso molecular: 242,2 DCB / DCI: 07003 Peróxido de benzoíla CAS 94-36-0 INCI: Benzoyl peroxide Denominação botânica:

Leia mais

Curcuma longa extrato seco

Curcuma longa extrato seco Material Técnico Curcuma longa extrato seco Identificação Fórmula Molecular: não aplicável Peso molecular: não aplicável DCB / DCI: não aplicável CAS 458-37-7. INCI: não aplicável Denominação botânica:

Leia mais

APRESENTAÇÕES Solução oral extrato etanólico das raízes de Pelargonium sidoides D.C. Eps 7630-825 mg. Embalagens com 20 ml e 50 ml.

APRESENTAÇÕES Solução oral extrato etanólico das raízes de Pelargonium sidoides D.C. Eps 7630-825 mg. Embalagens com 20 ml e 50 ml. Umckan Pelargonium sidoides Extrato Eps 7630 Nomenclatura botânica: Pelargonium sidoides, D.C. Nomenclatura popular: Umckaloabo Família: Geraniaceae Parte utilizada: raízes APRESENTAÇÕES Solução oral extrato

Leia mais

TEGAN alfaestradiol Solução tópica (capilar) 0,25 mg/ml

TEGAN alfaestradiol Solução tópica (capilar) 0,25 mg/ml TEGAN alfaestradiol Solução tópica (capilar) 0,25 mg/ml USO TÓPICO USO ADULTO FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES Solução tópica capilar contendo 0,25 mg de alfaestradiol. Embalagem com 1 frasco plástico

Leia mais

Antioxidante Auxílio tratamento depressão Alívio sintomas TPM Reduz desejo de petiscar Saciedade Supressor natural do apetite

Antioxidante Auxílio tratamento depressão Alívio sintomas TPM Reduz desejo de petiscar Saciedade Supressor natural do apetite 0,2% SAFRANAL Antioxidante Auxílio tratamento depressão Alívio sintomas TPM Reduz desejo de petiscar Saciedade Supressor natural do apetite 0,2% SAFRANAL NOME CIENTÍFICO: Crocus sativus L NOME COMUM: Saffron

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO. Amethopterin; 4-Amino-4-deoxy-10-methylpteroyl-L-glutamic Acid; -Methopterin;t; Méthotrexate; Methotrexatum; MTX.

IDENTIFICAÇÃO. Amethopterin; 4-Amino-4-deoxy-10-methylpteroyl-L-glutamic Acid; -Methopterin;t; Méthotrexate; Methotrexatum; MTX. IDENTIFICAÇÃO Nome Metotrexato Fórmula Molecular C20H22N8O5 Peso molecular 454,44 DCB / DCI 05884 - metotrexato CAS 59-05-2 INCI Não aplicável Denominação Não aplicável botânica Sinonímia Amethopterin;

Leia mais

Esta bula é continuamente atualizada. Favor proceder a sua leitura antes de utilizar o medicamento.

Esta bula é continuamente atualizada. Favor proceder a sua leitura antes de utilizar o medicamento. MODELO DE BULA Esta bula é continuamente atualizada. Favor proceder a sua leitura antes de utilizar o medicamento. NATURETTI Senna alexandrina Miller + Cassia fistula 28,9 mg + 19,5 mg Espécie vegetal

Leia mais

Entenda tudo sobre a Síndrome do Intestino Irritável

Entenda tudo sobre a Síndrome do Intestino Irritável Entenda tudo sobre a Síndrome do Intestino Irritável Apesar de ainda não existir cura definitiva para esse problema de saúde crônico, uma diferenciação entre essa patologia e a sensibilidade ao glúten

Leia mais

Glicinato de Alumínio Hidratado

Glicinato de Alumínio Hidratado Material Técnico Identificação Fórmula Molecular: C 2 H 6 AlNO 4 x H 2 O Peso molecular: 135,05 g/mol DCB/ DCI: 04473 - glicinato de alumínio CAS: 1382-92-3 INCI: Não aplicável Sinonímia: Aminoacetato

Leia mais

Cobavital cobamamida cloridrato de ciproeptadina

Cobavital cobamamida cloridrato de ciproeptadina MODELO DE BULA DO PACIENTE I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Cobavital cobamamida cloridrato de ciproeptadina APRESENTAÇÕES Microcomprimidos COBAVITAL (1 mg cobamamida + 4 mg cloridrato de ciproeptadina):

Leia mais

Tenag. Vitex agnus-castus

Tenag. Vitex agnus-castus Tenag Vitex agnus-castus MEDICAMENTO FITOTERÁPICO Nome científico: Vitex agnus-castus Família: Verbenaceae Parte da planta utilizada: fruto Nomenclatura popular: Chaste tree APRESENTAÇÃO Comprimidos revestidos

Leia mais

Rhodiola rosea extrato seco

Rhodiola rosea extrato seco IDENTIFICAÇÃO Produto Rhodiola rosea extrato seco Estrutura Molecular Peso molecular DCB / DCI / Denominação científica INCI CAS Apresentação / especificação Extratto seco padronizado de raiz de Rhodiola

Leia mais

DRAMIN BULA DO PACIENTE

DRAMIN BULA DO PACIENTE DRAMIN BULA DO PACIENTE Takeda Pharma Ltda. Cápsula gelatinosa mole 50 mg/cápsula (dimenidrinato) BULA PARA PACIENTE RDC 47/2009 APRESENTAÇÕES Cápsula gelatinosa mole de 50 mg. Embalagem com 4, 10 ou 100

Leia mais

ALERGOLOGIA ÍNDICE. ORIENTAÇÕES FARMACOTÉCNICA pág 2 a 3. RELAÇÃO DOS FÁRMACOS pág 4. SUGESTÕES DE FÓRMULAS pág 5 a 6. Teleatendimento: (21) 3433-7720

ALERGOLOGIA ÍNDICE. ORIENTAÇÕES FARMACOTÉCNICA pág 2 a 3. RELAÇÃO DOS FÁRMACOS pág 4. SUGESTÕES DE FÓRMULAS pág 5 a 6. Teleatendimento: (21) 3433-7720 G U I A D E P R E S C R I Ç Ã O ALERGOLOGIA ÍNDICE ORIENTAÇÕES FARMACOTÉCNICA pág 2 a 3 RELAÇÃO DOS FÁRMACOS pág 4 SUGESTÕES DE FÓRMULAS pág 5 a 6 ORIENTAÇÕES FARMACOTÉCNICAS CÁPSULAS: NOMENCLATURA E CONSIDERAÇÕES

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE FITOTERÁPICOS NO TRATAMENTO DA ANSIEDADE: UM ESTUDO DE CASO

UTILIZAÇÃO DE FITOTERÁPICOS NO TRATAMENTO DA ANSIEDADE: UM ESTUDO DE CASO UTILIZAÇÃO DE FITOTERÁPICOS NO TRATAMENTO DA ANSIEDADE: UM ESTUDO DE CASO Autor: JOSE TEOFILO VIEIRA DA SILVA Orientador: Karla Deisy Morais Borges Coautor(es): Francisca Eritânia Passos Rangel, Maria

Leia mais

Mais da metade dos adultos norte-americanos estão acima do peso (61%) necessidade de uma terapia adicional para combater a obesidade

Mais da metade dos adultos norte-americanos estão acima do peso (61%) necessidade de uma terapia adicional para combater a obesidade Fitoterapia para Nutricionistas Citrus aurantium como um termogênico na redução de peso: uma visão geral. 1 Citrus aurantium: A obesidade é um problema de saúde ao redor do mundo. Mais da metade dos adultos

Leia mais

APRESENTAÇÃO Comprimidos: embalagem contendo 30 comprimidos de 25 mg. Xarope: embalagem contendo 1 frasco de 120 ml de 2 mg/ml.

APRESENTAÇÃO Comprimidos: embalagem contendo 30 comprimidos de 25 mg. Xarope: embalagem contendo 1 frasco de 120 ml de 2 mg/ml. Hixizine cloridrato de hidroxizina Uso adulto e pediátrico Uso oral APRESENTAÇÃO Comprimidos: embalagem contendo 30 comprimidos de 25 mg. Xarope: embalagem contendo 1 frasco de 120 ml de 2 mg/ml. COMPOSIÇÃO

Leia mais

Dióxido Titânio V Rutilo (T-2000)

Dióxido Titânio V Rutilo (T-2000) Material Técnico Dióxido Titânio V Rutilo (T-2000) Identificação Fórmula Molecular: Não aplicável DCB / DCI: 03108 - Dióxido de Titânio INCI: Titanium Dioxide*, Alumina, Simethicone Peso molecular: Não

Leia mais

Ministério da Saúde Consultoria Jurídica/Advocacia Geral da União

Ministério da Saúde Consultoria Jurídica/Advocacia Geral da União Nota Brasília, Técnica maio N de 38 2012. /2012 Princípio Nomes Comerciais1 Ativo: metilfenidato. Sumário e de Referência: Ritalina, Ritalina LA e Concerta 1. 2. que é o metilfenidato? 3. ANVISA? Para

Leia mais

APRESENTAÇÕES Solução oral extrato etanólico das raízes de Pelargonium sidoides D.C. Eps 7630-825 mg. Embalagens com 20 ml e 50 ml.

APRESENTAÇÕES Solução oral extrato etanólico das raízes de Pelargonium sidoides D.C. Eps 7630-825 mg. Embalagens com 20 ml e 50 ml. Umckan Pelargonium sidoides Extrato Eps 7630 Nomenclatura botânica: Pelargonium sidoides, D.C. Nomenclatura popular: Umckaloabo Família: Geraniaceae Parte utilizada: raízes APRESENTAÇÕES Solução oral extrato

Leia mais

Genéricos - Guia Básico. Autor: Cesar Roberto CRF-RJ: 7461

Genéricos - Guia Básico. Autor: Cesar Roberto CRF-RJ: 7461 Autor: Cesar Roberto CRF-RJ: 7461 Versão 3.00 2001 Introdução: Este guia visa a orientar o profissional farmacêutico sobre os genéricos, e como este deve proceder na hora de aviar uma receita nesta nova

Leia mais

Composição Cada grama contém: 2 mg de carbômer; Excipientes: cetrimida 0,1 mg (conservante), sorbitol, edetato dissódico e hidróxido de sódio.

Composição Cada grama contém: 2 mg de carbômer; Excipientes: cetrimida 0,1 mg (conservante), sorbitol, edetato dissódico e hidróxido de sódio. VISCOTEARS carbômer 2 mg / g Lágrima artificial Forma farmacêutica e apresentação Gel líquido oftálmico: tubo de 10 g. USO ADULTO E PEDIÁTRICO Composição Cada grama contém: 2 mg de carbômer; Excipientes:

Leia mais

APRESENTAÇÕES Solução e pó para preparação de uso oral. Embalagem com 10 e 20 frascos de 10 ml para preparação antes do uso.

APRESENTAÇÕES Solução e pó para preparação de uso oral. Embalagem com 10 e 20 frascos de 10 ml para preparação antes do uso. IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Forten poliaminoácidos APRESENTAÇÕES Solução e pó para preparação de uso oral. Embalagem com 10 e 20 frascos de 10 ml para preparação antes do uso. USO ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO

Leia mais

MODELO DE BULA. USO ADULTO E PEDIÁTRICO (crianças acima de dois anos de idade)

MODELO DE BULA. USO ADULTO E PEDIÁTRICO (crianças acima de dois anos de idade) MODELO DE BULA Logo Novartis Lacrigel TM A palmitato de retinol 10 mg/g Lágrima artificial estéril Forma farmacêutica e apresentação Gel oftálmico: cada tubo contém 10 g de gel. USO ADULTO E PEDIÁTRICO

Leia mais

ESTIMORAL. Daiichi Sankyo Brasil Farmacêutica LTDA Comprimidos 3 mg

ESTIMORAL. Daiichi Sankyo Brasil Farmacêutica LTDA Comprimidos 3 mg ESTIMORAL Daiichi Sankyo Brasil Farmacêutica LTDA Comprimidos 3 mg IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO ESTIMORAL lisado bacteriano Staphylococcus aureus, Streptococcus pyogenes, Streptococcus mitis, Streptococcus

Leia mais

AVICIS alfaestradiol 0,025% Solução Capilar FORMA FARMACÊUTICA, VIA DE ADMINISTRAÇÃO E APRESENTAÇÃO

AVICIS alfaestradiol 0,025% Solução Capilar FORMA FARMACÊUTICA, VIA DE ADMINISTRAÇÃO E APRESENTAÇÃO MODELO DE BULA (COMPLETA) AVICIS alfaestradiol 0,025% Solução Capilar FORMA FARMACÊUTICA, VIA DE ADMINISTRAÇÃO E APRESENTAÇÃO Solução para uso tópico no couro cabeludo. Embalagens com 1 frasco plástico

Leia mais

LABIRIN. dicloridrato de betaistina APSEN. FORMA FARMACÊUTICA Comprimidos. APRESENTAÇÕES Comprimidos de 24 mg. Caixa com 30 comprimidos.

LABIRIN. dicloridrato de betaistina APSEN. FORMA FARMACÊUTICA Comprimidos. APRESENTAÇÕES Comprimidos de 24 mg. Caixa com 30 comprimidos. LABIRIN dicloridrato de betaistina APSEN FORMA FARMACÊUTICA Comprimidos APRESENTAÇÕES Comprimidos de 24 mg. Caixa com 30 comprimidos. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido contém: 24 mg dicloridrato

Leia mais

Vitex agnus castus. Alternativa terapêutica eficaz, segura e bem tolerada para os sintomas da síndrome pré-menstrual moderada a severa 1.

Vitex agnus castus. Alternativa terapêutica eficaz, segura e bem tolerada para os sintomas da síndrome pré-menstrual moderada a severa 1. Atualização em Nutracêuticos 1 Alternativa terapêutica eficaz, segura e bem tolerada para os sintomas da síndrome pré-menstrual moderada a severa 1. O extrato seco de é um tratamento que demonstra resultados

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 417/2014 Encefalopatia Alcoólica

RESPOSTA RÁPIDA 417/2014 Encefalopatia Alcoólica RESPOSTA RÁPIDA 417/2014 Encefalopatia Alcoólica SOLICITANTE Drª Herilene de Oliveira Andrade Juíza de Direito Comarca de Itapecerica NÚMERO DO PROCESSO 0335.14.1606-4 DATA 25/07/2014 Ao NATS, SOLICITAÇÃO

Leia mais

MODELO DE BULA PARA O PACIENTE

MODELO DE BULA PARA O PACIENTE MODELO DE BULA PARA O PACIENTE IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO MEDICAMENTO FITOTERÁPICO VENOCUR FIT Nomenclatura botânica oficial: Aesculus hippocastanum L. Nomenclatura popular: Castanha-da-Índia Família:

Leia mais

KAVA KAVA HERBARIUM. Kava kava Herbarium é indicado para o tratamento da ansiedade, agitação e insônia.

KAVA KAVA HERBARIUM. Kava kava Herbarium é indicado para o tratamento da ansiedade, agitação e insônia. BULA PARA O PACIENTE KAVA KAVA HERBARIUM Piper methysticum, Piperaceae. PARTE UTILIZADA Rizoma. NOMENCLATURA POPULAR Kava kava. APRESENTAÇÕES Cápsulas gelatinosas duras Extrato seco do rizoma de Piper

Leia mais

Cranberry. Tratamento e prevenção infecção urinária

Cranberry. Tratamento e prevenção infecção urinária Cranberry Tratamento e prevenção infecção urinária Nome científico: Vaccinium macrocarpon Família: Ericaceae Parte utilizada: fruto Ativos: antocianidinas, flavonóides, proantocianidinas, taninos condensados

Leia mais

BENFLUX / BENFLUX FORTE (Cloridrato de ambroxol)

BENFLUX / BENFLUX FORTE (Cloridrato de ambroxol) FOLHETO INFORMATIVO BENFLUX / BENFLUX FORTE (Cloridrato de ambroxol) Leia atentamente este folheto ANTES de utilizar o medicamento - Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler. - Caso tenha

Leia mais

DI-INDOL METANO. Composto natural que previne o envelhecimento. Informações Técnicas

DI-INDOL METANO. Composto natural que previne o envelhecimento. Informações Técnicas Informações Técnicas DI-INDOL METANO Composto natural que previne o envelhecimento NOME QUÍMICO: 3,3'-Diindolylmethane. CAS: 1968-05-4. FÓRMULA MOLECULAR: C 17 H 14 N 2. PESO MOLECULAR: 246.31. INTRODUÇÃO

Leia mais

AZILECT mesilato de rasagilina 1 mg

AZILECT mesilato de rasagilina 1 mg AZILECT mesilato de rasagilina 1 mg APRESENTAÇÕES Comprimidos de 1 mg. AZILECT (mesilato de rasagilina) é apresentado em embalagem contendo 30 comprimidos. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido

Leia mais

Forma farmacêutica e apresentação: Comprimido revestido. Display contendo 25 blísteres com 6 comprimidos revestidos.

Forma farmacêutica e apresentação: Comprimido revestido. Display contendo 25 blísteres com 6 comprimidos revestidos. LACTO-PURGA bisacodil 5mg Forma farmacêutica e apresentação: Comprimido revestido. Display contendo 25 blísteres com 6 comprimidos revestidos. USO ADULTO E PEDIÁTRICO (crianças acima de 4 anos) USO ORAL

Leia mais

Capilarema. Laboratórios Baldacci Ltda. Comprimidos. 75 mg

Capilarema. Laboratórios Baldacci Ltda. Comprimidos. 75 mg Capilarema Laboratórios Baldacci Ltda. Comprimidos 75 mg CAPILAREMA aminaftona APRESENTAÇÕES Comprimidos simples de 75 mg cartucho contendo 30 ou 60 comprimidos. VIA ORAL - USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido

Leia mais

Duphalac lactulose MODELO DE BULA. DUPHALAC (lactulose) é apresentado em cartuchos contendo 1 frasco de 200 ml e um copo medida.

Duphalac lactulose MODELO DE BULA. DUPHALAC (lactulose) é apresentado em cartuchos contendo 1 frasco de 200 ml e um copo medida. MODELO DE BULA Duphalac lactulose FORMA FARM ACÊUTICA E APRESENTAÇ ÃO DUPHALAC (lactulose) é apresentado em cartuchos contendo 1 frasco de 200 ml e um copo medida. VIA ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO

Leia mais

MECLIN. cloridrato de meclizina APSEN

MECLIN. cloridrato de meclizina APSEN MECLIN cloridrato de meclizina APSEN FORMA FARMACÊUTICA Comprimido APRESENTAÇÕES Comprimidos de 25 mg em embalagem com 15 comprimidos. Comprimidos de 50 mg em embalagem com 15 comprimidos. USO ORAL USO

Leia mais

Nausedron (cloridrato de ondansetrona)

Nausedron (cloridrato de ondansetrona) Nausedron (cloridrato de ondansetrona) Cristália Produtos Químicos Farmacêuticos Ltda. Comprimidos Revestidos 8 mg Modelo de Bula para Paciente I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Nausedron cloridrato de

Leia mais

Mirtazapina é Indicada para o Tratamento de Fibromialgia

Mirtazapina é Indicada para o Tratamento de Fibromialgia Mirtazapina é Indicada para o Tratamento de Fibromialgia Melhora a Qualidade de Vida dos Pacientes Diminui a Dor Musculoesquelética Beneficia a Qualidade do Sono Reduz a Incapacidade Relacionada à Doença

Leia mais

COMPOSIÇÃO: Cada drágea de STABLON (tianeptina sódica) contém: tianeptina sódica...12,5 mg excipientes q.s.p...1 drágea

COMPOSIÇÃO: Cada drágea de STABLON (tianeptina sódica) contém: tianeptina sódica...12,5 mg excipientes q.s.p...1 drágea IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: STABLON tianeptina sódica APRESENTAÇÕES: Embalagem contendo 30 ou 60 drágeas de 12,5mg. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO: Cada drágea de STABLON (tianeptina sódica) contém:

Leia mais

Composição Cada grama de Ilosone Gel Tópico contém: eritromicina base... 20 mg excipiente q.s.p... 1 g

Composição Cada grama de Ilosone Gel Tópico contém: eritromicina base... 20 mg excipiente q.s.p... 1 g Ilosone Gel Tópico eritromicina Forma farmacêutica e apresentação Gel Tópico: Cartucho com 1 bisnaga contendo 60 g. USO ADULTO E PEDIÁTRICO USO EXTERNO Composição Cada grama de Ilosone Gel Tópico contém:

Leia mais

TEMA: FINGOLIMODE NA ESCLEROSE MÚLTIPLA

TEMA: FINGOLIMODE NA ESCLEROSE MÚLTIPLA NTRR 253/2013 Solicitante: Alyrio Ramos Desembargador da 8ª Câm. Cível - TJMG Data: 13/12/2013 Medicamento X Material Procedimento Cobertura Número do processo: 1.0702.13.078195-9/001 TEMA: FINGOLIMODE

Leia mais

Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos revestidos - Embalagem com 15 comprimidos.

Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos revestidos - Embalagem com 15 comprimidos. Dolamin Flex clonixinato de lisina cloridrato de ciclobenzaprina Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos revestidos - Embalagem com 15 comprimidos. USO ADULTO VIA ORAL Composição Cada comprimido

Leia mais

MODELO DE BULA. Piascledine 300

MODELO DE BULA. Piascledine 300 MODELO DE BULA Piascledine 300 Persea gratissima Glycine max Extrato insaponificável de abacate e soja MEDICAMENTO FITOTERÁPICO FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Cápsulas Caixa com 15 e 30 cápsulas USO

Leia mais

Tratamento Farmacológico da Gagueira

Tratamento Farmacológico da Gagueira Tratamento Farmacológico da Gagueira Gerald A. Maguire, M.D. Associate Professor Kirkup Endowed Chair in Stuttering Treatment Department of Psychiatry Senior Associate Dean, Educational Affairs University

Leia mais

Naxogin nimorazol. Naxogin 500 mg em embalagem contendo 8 comprimidos. Cada comprimido de Naxogin contém 500 mg de nimorazol.

Naxogin nimorazol. Naxogin 500 mg em embalagem contendo 8 comprimidos. Cada comprimido de Naxogin contém 500 mg de nimorazol. Naxogin nimorazol PARTE I IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO Nome: Naxogin Nome genérico: nimorazol Forma farmacêutica e apresentações: Naxogin 500 mg em embalagem contendo 8 comprimidos. USO ADULTO USO ORAL Composição:

Leia mais

PLESONAX. (bisacodil)

PLESONAX. (bisacodil) PLESONAX (bisacodil) Brainfarma Indústria Química e Farmacêutica S.A. Comprimidos Revestidos 5mg I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: PLESONAX bisacodil APRESENTAÇÃO Comprimidos revestidos Embalagem contendo

Leia mais

Transamin Ácido Tranexâmico

Transamin Ácido Tranexâmico Transamin Ácido Tranexâmico 250 mg Zydus Nikkho Farmacêutica Ltda Comprimidos Bula do Paciente I- IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO TRANSAMIN ácido tranexâmico APRESENTAÇÕES Comprimidos de 250 mg. Embalagem

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 15 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Fertagyl, 0,1 mg/ml solução injetável para bovinos e coelhos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml

Leia mais

Depressão. A depressão afecta pessoas de formas diferentes e pode causar vários sintomas físicos, psicológicos (mentais) e sociais.

Depressão. A depressão afecta pessoas de formas diferentes e pode causar vários sintomas físicos, psicológicos (mentais) e sociais. Depressão Introdução A depressão é uma doença séria. Se estiver deprimido, pode ter sentimentos de tristeza extrema que duram longos períodos. Esses sentimentos são muitas vezes suficientemente severos

Leia mais

Neo Fresh. (carmelose sódica)

Neo Fresh. (carmelose sódica) Neo Fresh (carmelose sódica) Brainfarma Indústria Química e Farmacêutica S.A. Solução oftálmica estéril 5mg/mL (0,5%) I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: NEO FRESH carmelose sódica 0,5% APRESENTAÇÃO Solução

Leia mais

Assistência Farmacêutica na Depressão

Assistência Farmacêutica na Depressão Definição Assistência Farmacêutica na Depressão Grupo de atividades relacionadas com o medicamento, destinadas a apoiar as ações de saúde demandadas por uma comunidade, envolvendo o abastecimento de medicamentos

Leia mais

Iguassina hidroclorotiazida triantereno

Iguassina hidroclorotiazida triantereno Iguassina hidroclorotiazida triantereno Forma Farmacêutica e Apresentação: Comprimido: Embalagem com 20 comprimidos. USO ADULTO USO ORAL Composição: Cada comprimido contém: hidroclorotiazida 50 mg triantereno

Leia mais

loratadina Merck S/A Comprimidos revestidos 10 mg

loratadina Merck S/A Comprimidos revestidos 10 mg loratadina Merck S/A revestidos 10 mg loratadina Medicamento genérico Lei nº 9.797, de 1999 APRESENTAÇÕES revestidos de 10 mg em embalagem com 12 comprimidos. USO ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE

Leia mais

ENEMAPLEX fosfato de sódio monobásico monoidratado + fosfato de sódio dibásico heptaidratado. Forma farmacêutica: Solução de enema

ENEMAPLEX fosfato de sódio monobásico monoidratado + fosfato de sódio dibásico heptaidratado. Forma farmacêutica: Solução de enema ENEMAPLEX fosfato de sódio monobásico monoidratado + fosfato de sódio dibásico heptaidratado Forma farmacêutica: Solução de enema 1 MODELO DE BULA ENEMAPLEX fosfato de sódio monobásico monoidratado + fosfato

Leia mais

CITRATO DE TAMOXIFENO ANTIESTROGÊNICO/ ANTINEOPLÁSICO

CITRATO DE TAMOXIFENO ANTIESTROGÊNICO/ ANTINEOPLÁSICO CITRATO DE TAMOXIFENO ANTIESTROGÊNICO/ ANTINEOPLÁSICO Nome químico: Base: (Z)-2-[4-(1,2-Difenil-1- butenil)fenoxi]-n,ndimetiletanamina Fórmula química: C 26 H 29 NO.C 6 H 8 O 7 Peso molecular: 563,64 Fator

Leia mais

FORMA FARMACÊUTICA, VIA DE ADMINISTRAÇÃO E APRESENTAÇÃO

FORMA FARMACÊUTICA, VIA DE ADMINISTRAÇÃO E APRESENTAÇÃO REFRESH álcool polivinílico 1,4% povidona 0,6% FORMA FARMACÊUTICA, VIA DE ADMINISTRAÇÃO E APRESENTAÇÃO Solução Oftálmica Via de administração tópica ocular Caixa com 32 flaconetes plásticos para aplicação

Leia mais

cabergolina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999

cabergolina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 cabergolina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 APRESENTAÇÕES Comprimidos 0,5 mg: embalagem com 2 ou 8 comprimidos. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO cabergolina 0,5 mg: Cada comprimido contém 0,5

Leia mais

Cloridrato de Ondansetrona

Cloridrato de Ondansetrona BULA DO PACIENTE Cloridrato de Ondansetrona HALEX ISTAR SOLUÇÃO INJETÁVEL 2mg/mL 2mL 2mg/mL 4mL cloridrato de ondansetrona Medicamento genérico - Lei nº 9.787 de 1.999 APRESENTAÇÕES Solução injetável -

Leia mais

Rivastigmina (Port.344/98 -C1)

Rivastigmina (Port.344/98 -C1) Rivastigmina (Port.344/98 -C1) Alzheimer DCB: 09456 CAS: 129101-54-8 Fórmula molecular: C 14 H 22 N 2 O 2.C 4 H 6 O 6 Nome químico: (S)-N-Ethyl-3-[(1-dimethylamino)ethyl]-N-methylphenylcarbamate hydrogen

Leia mais

Informação de Segurança para os Profissionais de Saúde

Informação de Segurança para os Profissionais de Saúde Agomelatina Informação de Segurança para os Profissionais de Saúde Monitorização da função hepática 03 Valdoxan está indicado para o tratamento de episódios de depressão major em adultos. Para assegurar

Leia mais

CETIRIZINA HISTACET 10 mg COMPRIMIDOS REVESTIDOS

CETIRIZINA HISTACET 10 mg COMPRIMIDOS REVESTIDOS FOLHETO INFORMATIVO Leia atentamente este folheto antes de tomar o medicamento -Conserve este folheto: Pode ter necessidade de o reler. -Caso tenha dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico. -Este

Leia mais

SALSEP cloreto de sódio Solução nasal 9 mg/ml

SALSEP cloreto de sódio Solução nasal 9 mg/ml SALSEP cloreto de sódio Solução nasal 9 mg/ml USO INTRANASAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES Solução nasal com 9 mg/ml de cloreto de sódio. Embalagem com 1 frasco spray nasal

Leia mais

MÉTODOS HORMONAIS. São comprimidos que contêm estrogênio e progestogênio associados.

MÉTODOS HORMONAIS. São comprimidos que contêm estrogênio e progestogênio associados. MÉTODOS HORMONAIS 1 - ANTICONCEPCIONAIS HORMONAIS ORAIS (PÍLULAS) É o método mais difundido e usado no mundo. As pílulas são consideradas um método reversível muito eficaz e o mais efetivo dos métodos

Leia mais

FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES: - EBASTEL COMPOSIÇÃO: - EBASTEL INFORMAÇÕES AO PACIENTE: - EBASTEL. Ebastel. ebastina. Oral.

FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES: - EBASTEL COMPOSIÇÃO: - EBASTEL INFORMAÇÕES AO PACIENTE: - EBASTEL. Ebastel. ebastina. Oral. Ebastel ebastina Oral Xarope USO PEDIÁTRICO (ACIMA DE 2 ANOS) Comprimido USO PEDIÁTRICO (ACIMA DE 12 ANOS) E ADULTO FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES: - EBASTEL Comprimidos revestidos contendo 10 mg

Leia mais

MODELO DE BULA PARA O PROFISSIONAL DE SAÚDE

MODELO DE BULA PARA O PROFISSIONAL DE SAÚDE MODELO DE BULA PARA O PROFISSIONAL DE SAÚDE IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO MEDICAMENTO FITOTERÁPICO VENOCUR FIT Nomenclatura botânica oficial: Aesculus hippocastanum L. Nomenclatura popular: Castanha-da-índia

Leia mais

dicloridrato de betaistina

dicloridrato de betaistina dicloridrato de betaistina Althaia S.A. Indústria Farmacêutica. Comprimidos 16 mg dicloridrato de betaistina Medicamento Genérico, Lei n o 9.787, de 1999. APRESENTAÇÕES: Comprimidos simples: embalagem

Leia mais

Actifedrin. cloridrato de triprolidina cloridrato de pseudoefedrina

Actifedrin. cloridrato de triprolidina cloridrato de pseudoefedrina Actifedrin cloridrato de triprolidina cloridrato de pseudoefedrina Formas farmacêuticas e apresentações Xarope embalagem contendo 100 ml Comprimidos embalagem contendo 20 comprimidos USO ADULTO E PEDIÁTRICO

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 57/2014 Informações sobre Depressão: Pondera e Amytril

RESPOSTA RÁPIDA 57/2014 Informações sobre Depressão: Pondera e Amytril RESPOSTA RÁPIDA 57/2014 Informações sobre Depressão: Pondera e Amytril SOLICITANTE NÚMERO DO PROCESSO Drª Renata Perdigão, Juiza do MUNICÍPIO DE CRISTAIS/MG Autos nº 112.14.000762-9 DATA 07/02/2014 SOLICITAÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO PARA REGISTRO DE ANTIMICROBIANOS DE USO VETERINÁRIO

REGULAMENTO TÉCNICO PARA REGISTRO DE ANTIMICROBIANOS DE USO VETERINÁRIO MERCOSUL/GMC/RES. Nº 3/97 REGULAMENTO TÉCNICO PARA REGISTRO DE ANTIMICROBIANOS DE USO VETERINÁRIO TENDO EM VISTA: O Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro Preto, as Resoluções Nº 11/93 e 91/93 do Grupo

Leia mais

maleato de trimebutina

maleato de trimebutina maleato de trimebutina Althaia S.A. Indústria Farmacêutica Cápsulas Gelatinosas Mole 200 mg maleato de trimebutina Medicamento genérico Lei n o 9.787, de 1999. I IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO APRESENTAÇÃO:

Leia mais