CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Regulamento das Atividades Complementares

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Regulamento das Atividades Complementares"

Transcrição

1 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Regulamento das Atividades Complementares JUATUBA 2011

2 2 SUMÁRIO 1 - REGULAMENTO TABELA DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES ORIENTAÇÕES - ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENSINO PESQUISA EXTENSÃO FLUXOGRAMA PROCEDIMENTO PASSO A PASSO RELAÇÃO DE ANEXOS Anexos...14

3 3 1- REGULAMENTO: CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Com o objetivo de consolidar num único instrumento as normas relativas ao aproveitamento das atividades complementares do Curso de Administração e considerando-se o disposto na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB - Lei n 9.394/96), e na Resolução ATA/CONSU de 06 de Outubro de 2011, estabeleceu-se o Regulamento das Atividades Complementares, conforme deliberação do Conselho do Curso de Administração. Consideram-se Atividades Complementares do Curso de Graduação em Administração, na modalidade presencial, aquelas realizadas fora da matriz curricular e pertinentes à formação acadêmica na área da Administração, de acordo com as seguintes disposições: Art. 1º - O cumprimento das Atividades Complementares é obrigatório a todos os alunos regularmente matriculados, sendo feito por meio da participação em eventos que podem ser internos e ou externos, promovidos pela própria instituição ou promovidos por outras organizações. Art. 2º - São passíveis de validação apenas as Atividades Complementares realizadas a partir do ingresso do aluno no Curso de Administração, devendo totalizar 270 (duzentos e setenta) horas para o seu cumprimento. Estas constituem um dos requisitos para a integralização do curso e colação de grau. Art. 3º - As Atividades Complementares classificam-se em 3 (três) grupos, a saber: Grupo I Atividades de Ensino, Grupo II Atividades de Pesquisa e Grupo III Atividades de Extensão. Art. 4º - A carga horária referida no artigo 2º deve abranger, no mínimo, dois dos três grupos mencionados no artigo anterior. Art. 5º - Entendem-se como passíveis de inclusão no Grupo de Ensino as seguintes atividades: 1 - Disciplinas de outros cursos do Ensino Superior, não contempladas pela matriz curricular do Curso de Administração, mas relevantes para a formação acadêmica do aluno. Aproveitamento máximo de 40 horas. 2 Cursos de curta duração relacionados à Administração, realizados internamente ou em outra Instituição. Aproveitamento máximo de 40 horas.

4 4 3 - Estágios não obrigatórios e/ou extracurriculares na área de Administração, realizados em organizações de qualquer setor, desde que atendidas às exigências legais do estágio. Aproveitamento máximo de 40 horas. 4 - Participação do aluno como monitor em tarefas de ensino do curso de Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas. 5 - Estudos complementares relacionados à Administração orientados pelos professores responsáveis pela disciplina ou pelos professores tutores, sendo consideradas até 4 (quatro) horas para cada trabalho, devendo o mesmo ser apresentado conforme ficha de avaliação específica para este fim. Aproveitamento máximo de 40 horas. 6 Visitas técnicas, relacionadas à administração. Cada visita terá um aproveitamento de até 4 horas. Aproveitamento máximo de 40 horas. Art. 6º - Entende-se, entre outras, como passíveis de inclusão no grupo de Pesquisa as seguintes atividades: 1 - Participação em projeto de pesquisa como aluno bolsista ou voluntário, orientado por professor pesquisador da área de Administração. Aproveitamento máximo de 60 horas. 2 - Apresentação de trabalho em seminário, palestra, simpósio, congresso, conferência, workshop, encontro nacional ou regional de caráter científico. Aproveitamento máximo de 40 horas. 3 Publicações de caráter científico, ou de assuntos relevantes para a área da Administração. Aproveitamento máximo de 60 horas. 4 - Participação como convidado na apresentação de trabalhos de conclusão de curso, teses e dissertações na Instituição, ou em outra, sendo consideradas 2 (duas) horas por trabalho assistido. Aproveitamento máximo de 40 horas. Art. 7º - Entende-se entre outras como passíveis de inclusão no grupo de Extensão as seguintes atividades: 1 - Cursos de língua estrangeira realizados dentro ou fora da Instituição (IJAA), realizados durante o curso de Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas. 2 - Cursos técnicos com aplicação em Administração, realizados no transcorrer do curso de Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas. 3 - Representação em entidades estudantis e no colegiado do Curso de Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas. 4 - Participação em cursos de extensão relacionados com as áreas da Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas.

5 5 5 - Participação efetiva em atividades de trabalho voluntário. Aproveitamento máximo de 40 horas. 6 - Participação efetiva em Empresa Júnior do Curso de Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas. 7 - Participação em seminário, palestra, simpósio, congresso, conferência, workshop, encontros nacional ou regional, relacionados à área de Administração. Aproveitamento máximo de 40 horas. Art. 8 - É de inteira responsabilidade do aluno, apresentar na Secretaria de ensino certificados, declarações e outros documentos hábeis e legais, bem como acompanhar a validação das atividades complementares e zelar pelo cumprimento da carga horária total de 270 horas (prevista no Art. 2 deste regulamento). Parágrafo único: Recomenda-se, para que não haja imprevistos no lançamento das atividades complementares, que o aluno, no início de cada período letivo (a contar do 6º) faça requerimento para contagem de horas. Obtendo assim resposta para controle próprio. Art. 9º - Os documentos comprobatórios deverão ser apresentados pelos alunos com o original e uma cópia para ser autenticada pela Coordenação. Ficando a cópia arquivada na pasta do aluno na Secretaria da Instituição e o original devolvido para o aluno. Art. 10º - É responsabilidade do Coordenador de Curso encaminhar as tabelas de controle das Atividades Complementares dos alunos com as atividades realizadas, no início de cada semestre a contar do 6º período, para que sejam lançadas no sistema. Art O Coordenador do curso ou funcionário por ele designado, fica responsável por repassar o Regulamento de Atividades Complementares ao aluno no início do curso e sempre que houver alterações no mesmo. Art. 12º - Para a análise da validação das atividades complementares será utilizado o formulário: Tabela das Atividades Complementares (apresentado no item 2 deste regulamento). Art. 13º - Casos omissos serão decididos pela Coordenação e Colegiado do Curso de Administração. Art. 14º - Este Regulamento entra em vigor na data de sua aprovação, revogando-se as disposições em contrário. NDE (Núcleo Docente Estruturante) do Curso de Administração PROF. HÉLDER MENDONÇA DUARTE PROF. IZABEL CRISTINA PROF. ADM. MARCELO ALVES PROF. CRISTINA MARA PROF. PAULO VICENTE COELHO

6 2 - TABELA DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES 6

7 7 3 - ORIENTAÇÕES - Atividades Complementares Neste item são apresentadas as atividades para cada categoria iniciando pelas atividades de ensino, seguindo com as de pesquisa e por último, as de extensão. Considera-se para fins de validação da documentação, apresentada pelo aluno, como dados de identificação básica o nome da Instituição de Ensino ou Empresa, o nome do aluno, a identificação da atividade, a carga horária, a data e local da realização, o carimbo e assinatura do responsável. Documentos sem essas informações não tem validade para fins de aproveitamento como atividades complementares. 3.1 Ensino APROVEITAMENTO DE DISICPLINAS As disciplinas cursadas em A comprovação será através do Documento: Cópia do histórico cursos presenciais ou em EAD próprio histórico onde conste o escolar (autenticada pela No IJAA ou em outras nome da disciplina, a carga secretaria da Instituição). instituições de ensino, durante horária e a nota de aprovação. Local: Pasta do Aluno. o transcorrer do curso, que não foram aproveitadas e que estiverem devidamente registradas no histórico do acadêmico, com carga horária e nota de aprovação. CURSOS FORMAIS/INFORMAIS Cursos formais ou informais, Estes cursos deverão ser Documento: Cópia do realizados em áreas correlatas a comprovados por documentos certificado ou atestado Administração vinculadas à onde conste a identificação (autenticada pela secretaria da instituições públicas ou básica do evento. Instituição). privadas. Local: Pasta do Aluno. ESTÁGIO EXTRACURRICULAR Estágios não obrigatórios Deverá ser realizado um Documento: Cópia do Contrato realizados em organizações contrato entre o acadêmico e o de Estágio (autenticada pela onde o aluno desenvolve agente de integração (Ex: secretaria da Instituição) atividades compatíveis com o PROBEST). Este deverá ser Local: Pasta do Aluno. nível que se encontra no curso. assinado pelo acadêmico, empresa, agente de integração e pelo representante da instituição de ensino.

8 8 MONITORIA A monitoria é realizada por um Através de documento próprio Documento: Cópia do atestado aluno indicado por um professor, da instituição onde foi de monitoria anexo 1 para auxiliar os colegas nas realizada a monitoria, com (autenticada pela secretaria da dúvidas e dificuldades carimbo e assinatura do Instituição). relacionadas a uma coordenador da IES. Local: Pasta do Aluno. determinada disciplina. O Professor deve observar como critério para indicação do monitor, a média de aprovação que o aluno obteve na disciplina (igual ou superior a 90) e sua aptidão para o desempenho dessa tarefa (facilidade de comunicação, interação, disponibilidade de tempo, entre outras). A monitoria ocorrerá na Instituição. Obs: A monitoria não pode ser realizada na mesma turma do monitor e no horário de aula do mesmo. ESTUDOS COMPLEMENTARES São leituras de livros que A avaliação do trabalho será Documento: Cópia do atestado poderão ser eleitos por realizada pelo professor que de estudos complementares módulos de estudos ou por poderá atribuir validade de 2 ou 4 anexo 2 (autenticada pela disciplinas. A escolha deverá horas pela atividade. Se o mesmo secretaria da Instituição). ser realizada por compreender que o trabalho Local: Pasta do Aluno. professor(es). está totalmente de acordo com Após a escolha do o solicitado, valerá 4 horas, se livro, os alunos serão o trabalho estiver parcialmente orientados a: construírem uma de acordo, 2 horas e se o ficha de leitura, realizar uma trabalho estiver fora do padrão resenha crítica ou marcarem que se esperava não terá um seminário para discutir o validação. Isto significa que livro. Para as atividades de simplesmente entregar o ficha de leitura e resenha crítica trabalho não implica em não é necessário que todos validação das horas. participem, apenas os que Os alunos tiverem interesse, mas no caso receberão pela atividade da escolha de um seminário o Atestado de Estudos deve-se ter o consenso da Complementares. turma, pois o mesmo terá que ser discutido na aula presencial e por esse motivo a participação de todos é necessária.

9 9 VISITAS TÉCNICAS Visitas realizadas a locais e O responsável pela organização Documento: Cópia do relatório estabelecimentos ligados às da visita deverá apresentar um de visitas técnicas anexo 3 áreas da Administração. Estas relatório onde constem o (autenticada pela secretaria da visitas deverão ser planejadas objetivo da visita e uma síntese Instituição). pelo professor e ou coordenador de do que foi observado, a este, Local: Pasta do Aluno. curso com a devida sempre que possível, deve-se antecedência. juntar elementos que comprovem a visita realizada, como fotos, folders, etc. O aluno para ter direito a validação da visita técnica terá que entregar ao tutor o formulário para comprovação de Visitas Técnicas preenchido. O professor utilizará para controlar a participação na Visita Técnica a planilha de controle de visitas técnicas. 3.2 Pesquisa ALUNO BOLSISTA OU VOLUNTÁRIO Atividade acadêmica de Através de certificado onde Documento: Cópia do atestado iniciação na área da pesquisa conste a identificação básica de participação em atividades realizada em Instituição de da atividade. de iniciação científica anexo 4 Ensino Superior, ou no IJAA. (autenticada pela secretaria do IJAA). Local: Pasta do Aluno. APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CARÁTER CIENTÍFICO Trabalhos apresentados em Documento ou certificado Documento: Cópia do atestado Instituições com atividades emitido pela instituição que ou certificado (autenticada pela relacionadas à pesquisa promoveu o evento contendo a secretaria do IJAA). científica. identificação básica do Local: Pasta do Aluno. mesmo. PUBLICAÇÕES CIENTÍFICAS Trabalhos/artigos publicados Apresentação de um exemplar Documento: um exemplar ou em revistas, jornais, anais de contendo o trabalho do aluno. cópia do trabalho do aluno (no eventos científicos de maneira Validação de 20 horas para caso de cópia deve ser individual ou em grupo, de cada artigo científico, 50 horas autenticada pela secretaria do assuntos relativos a área de para livros técnicos ou IJAA). Administração. científicos e 10 horas para Local: Pasta do Aluno. outras publicações.

10 10 PARTICIPAÇÃO EM DEFESAS DE TCC Atividade que deve ser Apresentar um atestado de Documento: Cópia do realizada com o conhecimento participação emitido pela Formulário para Comprovação do professor, onde se deve Instituição de Ensino que de Participação em Banca de destacar: proporcionou a atividade. TCC anexo 5 (autenticada nome do trabalho, nome do pela secretaria do IJAA). autor, se é monografia, Local: Pasta do Aluno. dissertação ou tese, área da pesquisa, tema e uma síntese do trabalho. 3.3 Extensão CURSOS DE LÍNGUA ESTRANGEIRA Curso de idiomas realizado em Através de Documento: Cópia do atestado outras instituições de ensino ou atestados/certificados onde ou certificado (autenticada pela no próprio IJAA. constem os dados de secretaria do IJAA). identificação básica. Local: Pasta do Aluno. CURSOS TÉCNICOS Cursos técnicos que tenham Com a apresentação de Documento: Cópia do atestado aproveitamento para a atestados/certificados onde ou certificado (autenticada pela Administração, como por constem os dados de secretaria do IJAA). exemplo: Excel Avançado, identificação básica. Local: Pasta do Aluno. digitação, utilização da HP 12C, entre outros. REPRESENTAÇÃO ESTUDANTIL Atividades administrativas e de A comprovação destas Documento: Cópia do atestado representação estudantil atividades será realizada a de participação em atividades realizada na IES. partir de um atestado emitido de representação estudantil pela IES. anexo 8 (autenticada pela secretaria do IJAA). Local: Pasta do Aluno. CURSOS DE EXTENSÃO São projetos e programas Com a apresentação de Documento: Cópia do atestado oferecidos em diferentes áreas atestados/certificados onde ou certificado (autenticada pela pelo IJAA ou constem os dados de secretaria do IJAA). outras Instituições de Ensino identificação básica. Local: Pasta do Aluno. Superior.

11 11 TRABALHO VOLUNTÁRIO Atividades realizadas junto a Com a apresentação de Documento: Cópia do atestado ONGs, projetos de atestados/certificados onde ou certificado (autenticada pela responsabilidade social nas constem os dados de secretaria do IJAA). empresas. identificação básica. Local: Pasta do Aluno. PATICIPAÇÃO EM EMPRESA JÚNIOR Atividades pertinentes a uma A comprovação dar-se-á Documento: Cópia do atestado Empresa Júnior do curso de através de um atestado emitido de Participação em Atividade de Administração. pelo Coordenação contendo os Empresa Júnior Anexo 7 dados de identificação básica. (autenticada pela secretaria do IJAA). Local: Pasta do Aluno. SEMINÁRIOS, PALESTRAS E OUTROS Atividade que o acadêmico Com a apresentação de Documento: Cópia do atestado pode realizar em espaços atestados/certificados onde ou certificado (autenticada pela nacionais e internacionais constem os dados de secretaria do IJAA). relacionados à área de identificação básica. Local: Pasta do Aluno. Administração. 4 FLUXOGRAMA VALIDAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES RECEPÇÃO DOS COMPROVANTES DOS ALUNOS (ORIGINAL E CÓPIA) ENCAMINHAMENTO PARA AVALIAÇÃO DA COORDENAÇÃO. DOCUMENTO APROVADO? NÃO DEVOLUÇÃO AO ALUNO E INFOMAÇÃO SOBRE A RECUSA PELA COORDENAÇÃO SIM INFORMAÇÃO AO ALUNO SOBRE A ACEITAÇÃO E DEVOLUÇÃO OS ORIGINAIS. REGISTRO NA TABELA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO ALUNO. FIM

12 PROCEDIMENTO PASSO A PASSO 1º PASSO Receber do aluno os comprovantes de realização da atividade juntamente com uma cópia do mesmo. (Original e Cópia) Responsabilidade da secretaria da IES. 2º PASSO Enviar a documentação para a Coordenação para verificação e validação. (Em conformidade com este regulamento) 3º PASSO Informar ao aluno se houve o aceite dos documentos. Em caso positivo devolver os originais, e em caso negativo devolver toda documentação entregue. Responsabilidade da secretaria. 4º PASSO No caso de aceite da documentação, o registro deverá ser feito na Tabela de Atividades Complementares do Aluno, que será disponibilizada conforme Artª 10º.

13 13 6 RELAÇÃO DE ANEXOS Anexo 1: Atestado de Monitoria Anexo 2: Atestado de Estudos Complementares Anexo 3: Formulário para Comprovação de Visitas Técnicas Anexo 4: Atestado de Realização de Atividades de Iniciação Científica Anexo 5: Formulário para Comprovação de Participação em Banca de TCC Anexo 6: Atestado de Realização de Atividades de Representação Estudantil Anexo 7: Atestado de Participação em Atividades de Empresa Junior

14 14 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATESTADO DE MONITORIA Atestamos para os devidos fins, que o(a) aluno(a), RA, realizou monitoria para disciplina de nesta Instituição. A monitoria teve início em / / e término em / /, totalizando horas de monitoria. Coordenação de Curso: (Assinatura e Carimbo) Local e Data:, / / ANEXO I

15 15 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATESTADO DE ESTUDOS COMPLEMENTARES TIPO DE ESTUDO: ( ) Ficha de Leitura ( ) Resenha Crítica ( ) Seminário Atestamos para os devidos fins, que o(a) aluno(a), RA Realizou estudo complementar relativo ao livro, autor(es) para a disciplina de nesta Instituição. A atividade foi validada em horas. Coordenação de Curso: (Assinatura e Carimbo) Local e Data:, / / ANEXO II

16 16 VISITA TÉCNICA (04 HORAS PARA ATIVIDADES COMPLMENTARES) ALUNO(A): PROFESSOR(A): RA: TURMA: LOCAL VISITADO: DISCIPLINA(S) ENVOLVIDA(S): DATA: OBJETIVO(S) DA VISITA: RELATÓRIO DA VISITA: Coordenador do Curso: Local e Data: (Carimbo e Assinatura) ANEXO III

17 17 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATESTADO REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Atestamos para os devidos fins, que o(a) aluno(a), RA realizou atividades de iniciação científica como ( )Bolsista ou ( )Voluntário nesta Instituição. As atividades de iniciação científica tiveram início em / / e término em / /. A atividade foi validada em horas. Coordenação de Curso: (Assinatura e Carimbo) Local e Data:, / / ANEXO IV

18 18 TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (02 HORAS PARA ATIVIDADES COMPLMENTARES) ALUNO(A): PROFESSOR(A): TURMA: TÍTULO DO TRABALHO: NOME DO AUTOR ORIENTADOR RA: DATA: MEMBROS DA BANCA AVALIADORA AVALIADOR 1 AVALIADOR QUAL É A IDÉIA CENTRAL DO TRABALHO? 2 - QUAIS ÁREAS DA ADMINISTRAÇÃO SÃO EVIDENCIADAS NO TRABALHO? 3 - QUAL A CORRELAÇÃO EXISTENTE ENTRE O TRABALHO E APRÁTICA NAS ORGANIZAÇÕES? 4- COMENTÁRIOS SOBRE A APRESENTAÇÃO. Coordenador do Curso: (Carimbo e Assinatura) Local e Data: ANEXO V

19 19 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATESTADO REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE REPRESENTAÇÃO ESTUDANTIL Atestamos para os devidos fins, que o(a) aluno(a), RA realizou atividades de representação estudantil, desempenhando a função de nesta Instituição. As atividades de representação estudantil tiveram início em / / e término em / /. A atividade foi validada em horas. Coordenação de Curso: (Assinatura e Carimbo) Local e Data:, / / ANEXOVI

20 20 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATESTADO DE PARTICIPAÇÃO EM ATIVIDADES DE EMPRESA JÚNIOR Atestamos para os devidos fins, que o(a) aluno(a), RA, participou de atividades junto a Empresa Júnior, desempenhando a função de nesta Instituição. As atividades tiveram início em / / e término em / /. A atividade foi validada em horas. Coordenação de Curso: (Assinatura e Carimbo) Local e Data:, / / ANEXO VI

REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA

REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA I - INTRODUÇÃO Art. 1º Art. 2º O presente regulamento tem por finalidade normatizar as Atividades Complementares do Curso de

Leia mais

Manual de Atividades Complementares

Manual de Atividades Complementares CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Manual de Atividades Complementares Belo Horizonte 1 Prezado(a) aluno(a): Este é o Manual de Atividades Complementar

Leia mais

Regulamento das. Atividades Complementares

Regulamento das. Atividades Complementares BACHARELADO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS Regulamento das Atividades Complementares Osasco 2013 Apresentação Este documento apresenta um conjunto geral de normas e orientações sobre a realização das Atividades

Leia mais

Fatec Zona Sul REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FATEC- ZONA ZUL

Fatec Zona Sul REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FATEC- ZONA ZUL Fatec Zona Sul REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FATEC- ZONA ZUL SÃO PAULO 2011 2 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 1º - As Atividades Complementares têm por objetivo propiciar, além

Leia mais

NORMAS ESPECÍFICAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES

NORMAS ESPECÍFICAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES NORMAS ESPECÍFICAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES Art. 1º As Complementares Independentes integram o currículo do curso de graduação de Direito, objetivando sua flexibilização, sendo seu cumprimento

Leia mais

Centro Universitário de Belo Horizonte - UniBH. Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde - ICBS

Centro Universitário de Belo Horizonte - UniBH. Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde - ICBS Centro Universitário de Belo Horizonte - UniBH Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde - ICBS Manual Atividades Complementares de Graduação - ACG Curso de Educação Física / Licenciatura e Bacharelado

Leia mais

Regulamento Atividades Complementares. Faculdade da Cidade de Santa Luzia - FACSAL

Regulamento Atividades Complementares. Faculdade da Cidade de Santa Luzia - FACSAL Regulamento Atividades Complementares Faculdade da Cidade de Santa Luzia - 2014 Regulamento das Atividades Complementares CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Artigo 1º - As Atividades

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA MANUAL DE ATIVIDADES COMPLENTARES

CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA MANUAL DE ATIVIDADES COMPLENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA MANUAL DE ATIVIDADES COMPLENTARES 1 Prezado(a) aluno(a): Este é o Manual de Atividades Complementares do Curso Superior

Leia mais

REGULAMENTO NÚCLEO FLEXÍVEL CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO NÚCLEO FLEXÍVEL CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO NÚCLEO FLEXÍVEL CURSO DE DIREITO Art. 1º O presente conjunto de regras tem por finalidade normatizar as atividades que compõem o núcleo flexível do Currículo de Graduação em Direito e cujo

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art.1º O presente regulamento tem por finalidade estabelecer normas para a realização e o registro das Atividades Complementares nos

Leia mais

FACULDADE SANTA TEREZINHA CEST CURSO DE DIREITO NORMAS ESPECÍFICAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES

FACULDADE SANTA TEREZINHA CEST CURSO DE DIREITO NORMAS ESPECÍFICAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES NORMAS ESPECÍFICAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES Art. 1º As Complementares Independentes integram o currículo do curso de graduação de Direito, objetivando sua flexibilização, sendo seu cumprimento

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CAMPUS OSÓRIO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL Conforme determina o Regulamento das Atividades Complementares da Faculdade Visconde de Cairu FAVIC, este regulamento especifica como

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Diretoria de Ensino Curso de Agronomia - Câmpus Sertão

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA. Mantenedora Faculdade Cenecista de Sinop Facenop/FASIPE Mantida REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO SINOP / MATO GROSSO

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO ICSP/FESP CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO ICSP/FESP CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS 1 FESP ICSP INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DO PARANÁ Mantenedora: Fundação de Estudos Sociais do Paraná CGC/MF: 76.602.895/0001-04 Inscr. Estadual: Isento Rua General Carneiro, 216 Fone/Fax (0xx41) 264-3311

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE GEOGRAFIAA DISTÂNCIA CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE GEOGRAFIAA DISTÂNCIA CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE GEOGRAFIAA DISTÂNCIA CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento visa normatizar as Atividades Complementares do Curso de Pedagogia.

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE FISIOTERAPIA Junho/2011 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES As atividades complementares são prática acadêmicas

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLENTARES

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA CURSO DE ENFERMAGEM MANUAL DE ATIVIDADES COMPLENTARES Belo Horizonte 2011 1 Presidente do Grupo Splice Antônio Roberto Beldi Reitor Luis Carlos de Souza Vieira Pró-Reitor

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Designamos atividades complementares o conjunto de eventos oferecidos aos alunos de

Leia mais

- CURSO DE DIREITO -

- CURSO DE DIREITO - REGULAMENTO AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES - CURSO DE DIREITO - FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC SUMÁRIO... 3 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3... 3 DA CARGA HORÁRIA NO CURSO... 3... 3 DAS ATIVIDADES

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES - 2014

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES - 2014 REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES - 2014 O presente regulamento visa a atender os requisitos propostos pela Resolução CNE/CES n 9/2004 normatizando as Atividades Acadêmicas Complementares dos cursos

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Instituto de Ciências Ambientais Químicas e Farmacêuticas Curso Ciências Ambientais

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Instituto de Ciências Ambientais Químicas e Farmacêuticas Curso Ciências Ambientais RESOLUÇÃO N. 01 DE 29/06/2011 Regulamenta as normas para o exercício e a validação das Atividades Complementares do Curso de Graduação Bacharelado em Ciências Ambientais (CBCA) do Instituto de Ciências

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEME MENTARES CURSO DE ENFERMAGEM. Belo Horizonte

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEME MENTARES CURSO DE ENFERMAGEM. Belo Horizonte MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEME MENTARES CURSO DE ENFERMAGEM Belo Horizonte 2013 ÍNDICE 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 FINALIDADE... 3 3 DEVERES DO COORDENADOR EM RELAÇÃO AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES... 4 4 DEVERES

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares

Regulamento das Atividades Complementares Regulamento das Atividades Complementares Curso de Design de Moda FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE - FAPEPE I. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente regulamento tem por finalidade normatizar as Atividades

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFESSOR ME. ORLEI JOSÉ POMBEIRO REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFESSOR ME. ORLEI JOSÉ POMBEIRO REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFESSOR ME. ORLEI JOSÉ POMBEIRO REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURITIBA 2015 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO- CIENTÍFICO-CULTURAIS DO CURSO DE LETRAS DA FACULDADE VILLAS BOAS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO- CIENTÍFICO-CULTURAIS DO CURSO DE LETRAS DA FACULDADE VILLAS BOAS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO- CIENTÍFICO-CULTURAIS DO CURSO DE LETRAS DA FACULDADE VILLAS BOAS São Paulo, 2014 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS CURSO DE LETRAS - LICENCIATURA

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Carga Horária Total exigida no curso: 200 horas

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Carga Horária Total exigida no curso: 200 horas REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Carga Horária Total exigida no curso: 200 LONDRINA/PR 2014 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO

Leia mais

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA FACULDADE DE ARACRUZ - FAACZ ARACRUZ 2010 CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Este Regulamento define, no âmbito da Faculdade INEDI, as atividades complementares, bem como os procedimentos a serem

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 1º- A análise e registro das atividades complementares será realizada pela Coordenação das Atividades Complementares

Leia mais

ATUALIZAÇÃO - REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS

ATUALIZAÇÃO - REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS ATUALIZAÇÃO - REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS Fixa normas para o funcionamento das atividades Complementares no âmbito do Curso de Graduação em Enfermagem da FAKCEN CAPÍTULO I DA

Leia mais

Regulamento para as Atividades Acadêmicas Científico- Culturais para os Cursos de Licenciatura e Bacharelado* CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

Regulamento para as Atividades Acadêmicas Científico- Culturais para os Cursos de Licenciatura e Bacharelado* CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Regulamento para as Atividades Acadêmicas Científico- Culturais para os Cursos de Licenciatura e Bacharelado* CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1. º - As Atividades Acadêmicas Científico-Culturais

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares Obrigatórias ACO

Regulamento das Atividades Complementares Obrigatórias ACO Art. 1º. Este Regulamento tem por finalidade regular o aproveitamento e a validação das Atividades Complementares Obrigatórias ACO que compõem a Matriz Curricular do Curso de Graduação em Administração

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURRICULO DOS CURSOS DE BACHARELADO E LICENCIATURA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURRICULO DOS CURSOS DE BACHARELADO E LICENCIATURA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURRICULO DOS CURSOS DE BACHARELADO E LICENCIATURA CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ART.1º -O presente regulamento tem por finalidade normatizar

Leia mais

ANEXO I: REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ANEXO I: REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES ANEXO I: REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Fixa normas para o funcionamento das Atividades Complementares para o curso de Administração da Universidade Federal de Mato Grosso, campus Rondonópolis/Mato

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FATEC/BA

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FATEC/BA 0 FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FATEC/BA ALAGOINHAS 2014 1 SUMÁRIO I - Disposições Preliminares... 2 II Das Atividades

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 177, de 11 de setembro de 2015. R E S O L V E:

RESOLUÇÃO nº 177, de 11 de setembro de 2015. R E S O L V E: RESOLUÇÃO nº 177, de 11 de setembro de 2015. O Conselho Universitário CONSUNI, no uso de suas atribuições, em conformidade com Parecer nº 030, de 20 de agosto de 2015, R E S O L V E: Art. 1º - Aprovar

Leia mais

ORIENTAÇOES GERAIS PARA A ORGANIZAÇÃO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES (AAC) Curso Geografia, modalidade: Licenciatura.

ORIENTAÇOES GERAIS PARA A ORGANIZAÇÃO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES (AAC) Curso Geografia, modalidade: Licenciatura. ORIENTAÇOES GERAIS PARA A ORGANIZAÇÃO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES (AAC) Curso Geografia, modalidade: Licenciatura. Art. 1º - As Atividades Acadêmicas Curriculares (AAC) são todas as atividades

Leia mais

RESOLUÇÃO N o 02/2011

RESOLUÇÃO N o 02/2011 RESOLUÇÃO N o 02/2011 O Colegiado do Curso de Licenciatura em Matemática da UVA, considerando as disposições contidas na Lei 9394, de 20/12/1996, no Estatuto e no Regimento Geral da UVA, nas Diretrizes

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamento das Atividades Complementares dos Cursos de Graduação da Faculdade Barretos Art. 1º - O presente Regulamento tem por finalidade definir normas e critérios para a seleção

Leia mais

RESOLUÇÃO FADISA Nº. 005/2006 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA

RESOLUÇÃO FADISA Nº. 005/2006 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA RESOLUÇÃO FADISA Nº. 005/2006 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA O Presidente do CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO- FADISA, Professor Dr. ELTON DIAS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 031/07 CONSUNI

RESOLUÇÃO Nº 031/07 CONSUNI RESOLUÇÃO Nº 031/07 CONSUNI APROVA O REGULAMENTO QUE NORMATIZA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. A Presidente do Conselho Universitário CONSUNI do Centro Universitário de Jaraguá

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PALMEIRAS DE GOIÁS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PALMEIRAS DE GOIÁS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS Unidade Universitária de Palmeiras de Goiás Rua S-7, s/ nº _ Setor Sul_ Palmeiras de Goiás-GO Fone/ Fax: (64) 3571-1198 (64) 3571-1173 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

Curso de Pedagogia REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Curso de Pedagogia REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamenta as atividades complementares do curso de Pedagogia da UNINOVA. As atividades complementares previstas pela resolução n. 4 de 13 de julho de 2005, em

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 58/2009

RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 58/2009 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA-UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual nº 9.996, de 02 de maio de 2006 CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO-CONSEPE RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 58/2009

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO)

CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO) CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO (BACHARELADO) O Curso de Graduação em Turismo da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ibitinga foi reformulado no ano de 2008, tendo a proposta de adaptação do seu

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES As Atividades Complementares são componentes curriculares que possibilitam o reconhecimento, por avaliação, de habilidades, conhecimentos e competências do estudante,

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA COORDENAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA REGULAMENTO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CACOAL 2010 Considerando as exigências

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. O presente Regulamento tem por finalidade normatizar as atividades complementares que compõem o currículo pleno dos

Leia mais

FACITEC - Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico

FACITEC - Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas IESST Instituto de Ensino Superior Social e Tecnológico RESOLUÇÃO CONSU Nº. 01/2009 DE 28/01/2009 Aprova o Regulamento das Atividades Complementares Científico-Culturais de Engenharia de Produção da Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas - Facitec. O

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE FARMÁCIA. CAPITULO I Dos Fins

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE FARMÁCIA. CAPITULO I Dos Fins REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE FARMÁCIA Aprovado na CamEx, na 80ª Sessão, realizada em 11 de junho de 2014, apreciada no CONSEPE, na 47ª Sessão, realizada

Leia mais

Curso de Nutrição MANUAL DO ACADÊMICO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Curso de Nutrição MANUAL DO ACADÊMICO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Curso de Nutrição MANUAL DO ACADÊMICO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Caxias do Sul 2014 Escola de Educação e Saúde Curso de Nutrição Esp. Nelson Felipe de Vargas Diretor da Da. Delzimar da Costa Lima Coordenadora

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA 1 - O aluno que ingressar no Curso de Psicologia da PUC-Rio deverá obrigatoriamente completar 12 (doze) créditos (180 horas)

Leia mais

FACULDADE PRUDENTE DE MORAES MANUAL DE ATIVIDADE COMPLEMENTAR

FACULDADE PRUDENTE DE MORAES MANUAL DE ATIVIDADE COMPLEMENTAR FACULDADE PRUDENTE DE MORAES MANUAL DE ATIVIDADE COMPLEMENTAR DESCRIÇÃO DAS MODALIDADES OFERECIDAS a) ESTÁGIOS NÃO CURRICULARES Exercício de estágios não curriculares deverá ser realizado de acordo com

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACERES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACERES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACERES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º As Atividades Complementares são componentes curriculares obrigatórios

Leia mais

Art. 1º - Aprovar o Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Turismo da Faculdade de Sinop FASIP, nos termos abaixo expostos.

Art. 1º - Aprovar o Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Turismo da Faculdade de Sinop FASIP, nos termos abaixo expostos. FACULDADE DE SINOP FASIP - Faculdade de SINOP Credenciada pela portaria: RESOLUÇÃO CAS Nº. 14/2007 DE 06/04/2007 Aprova o Regulamento das atividades complementares do Curso de Turismo da Faculdade de Sinop

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO Modalidade: PRESENCIAL REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO Modalidade: PRESENCIAL REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ADMINISTRAÇÃO MODALIDADE: PRESENCIAL SÃO PAULO 2011 2 UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO Modalidade: PRESENCIAL REGULAMENTO

Leia mais

MANUAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE BACHARELADO EM SAÚDE

MANUAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE BACHARELADO EM SAÚDE 1 MANUAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE BACHARELADO EM SAÚDE Olinda PE Agosto / 2014 2 Introdução As atividades complementares representam um conjunto de atividades extracurriculares que

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DO SUL DO MARANHÃO IESMA

REGULAMENTO GERAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DO SUL DO MARANHÃO IESMA REGULAMENTO GERAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DO SUL DO MARANHÃO IESMA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. O presente regulamento tem

Leia mais

Regulamento das Atividades Acadêmicas Complementares. Curso: Gestão da Tecnologia da Informação

Regulamento das Atividades Acadêmicas Complementares. Curso: Gestão da Tecnologia da Informação Regulamento das Atividades Acadêmicas Complementares Curso: Gestão da Tecnologia da Informação Março de 2011 Regulamento das Atividades Acadêmicas Complementares Curso de Gestão da Tecnologia da Informação

Leia mais

Parágrafo Único. As Atividades Complementares não se confundem com as disciplinas do Curso de Direito.

Parágrafo Único. As Atividades Complementares não se confundem com as disciplinas do Curso de Direito. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO Dispõe sobre as Atividades Complementares do Curso de Direito do Centro Universitário do Cerrado-Patrocínio UNICERP. Capítulo I Das Disposições

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES PRÓ REITORIA ACADÊMICA BURITIS/ FACISA/ SILVA LOBO ATIVIDADES COMPLEMENTARES As Atividades Complementares, conforme as Diretrizes Curriculares do MEC são atividades extracurriculares obrigatórias nos cursos

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES PRÓ-REITORIA ACADÊMICA BURITIS / CARLOS LUZ / SILVA LOBO ATIVIDADES COMPLEMENTARES As Atividades Complementares, conforme as Diretrizes Curriculares do MEC, são atividades extracurriculares obrigatórias

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAPÍTULO II DA ORGANIZAÇÃO E DO FUNCIONAMENTO DO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAPÍTULO II DA ORGANIZAÇÃO E DO FUNCIONAMENTO DO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ARTIGO 1º - O presente Regulamento tem por finalidade disciplinar as atividades complementares como componentes curriculares obrigatórios para o Curso de Direito,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento visa normatizar as Atividades Complementares do Curso de Ciências Contábeis.

Leia mais

Fundação de Ensino Superior de Cajazeiras - FESC Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Cajazeiras - FAFIC

Fundação de Ensino Superior de Cajazeiras - FESC Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Cajazeiras - FAFIC REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA Art. 1º As atividades acadêmico-científico-culturais, denominadas atividades complementares, compreendem

Leia mais

Serão consideradas atividades complementares de todos os cursos as seguintes modalidades:

Serão consideradas atividades complementares de todos os cursos as seguintes modalidades: Este regulamento normatiza o componente curricular Atividades Complementares, do Curso de Enfermagem da FACULDADE DE CAMPO LIMPO PAULISTA, observando as recomendações das Diretrizes Curriculares Nacionais

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE LETRAS

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE LETRAS MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE LETRAS Belo Horizonte 2013 SUMÁRIO 1 Informações e procedimentos... 2 2 Atividades que irão complementar a formação... 2 4 As atividades complementares podem

Leia mais

FACULDADE DE CIENCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL COORDENAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA

FACULDADE DE CIENCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL COORDENAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA FACULDADE DE CIENCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL COORDENAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MEDICINA CACOAL 2012 1 ATIVIDADES COMLEMENTARES.

Leia mais

ANEXO 2. NORMATIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ANEXO 2. NORMATIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 ANEXO 2. NORMATIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1. A partir das Diretrizes Curriculares Nacionais para os Cursos de Graduação em Serviço Social o planejamento acadêmico do deve assegurar, em termos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA LICENCIATURA

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA LICENCIATURA REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA LICENCIATURA I Da Exigência das Atividades Complementares As Atividades Complementares do Curso de graduação em Educação Artística,

Leia mais

Faculdade de Educação de Alta Floresta FEAFLOR

Faculdade de Educação de Alta Floresta FEAFLOR REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DA - FACULDADE DE EDUCAÇÃO - ALTA FLORESTA - Alta Floresta/2009 1 SUMÁRIO 1 Apresentação... 3 2 DA DEFINIÇÃO... 3 3 DA FINALIDADE... 5 4 DAS DISPOSIÇOES

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 1 REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Regulamento de Atividades Complementares previstas para o Curso de Administração da Faculdade Del Rey. BELO HORIZONTE 2012 2 Regulamento

Leia mais

Faculdades Ibmec-MG. Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Relações Internacionais

Faculdades Ibmec-MG. Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Relações Internacionais Faculdades Ibmec-MG Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Relações Internacionais I. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: Art.1. O presente regulamento tem por finalidade estatuir

Leia mais

NORMAS DE FUNCIONAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

NORMAS DE FUNCIONAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Página 1 de 12 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA DIRETORIA DE ENSINO (DIREN) DEPARTAMENTO DE ENSINO SUPERIOR (DEPES) DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE INFORMÁTICA (DEPIN) CURSO SUPERIOR

Leia mais

FACULDADE RADIAL SÃO PAULO - FARSP CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO

FACULDADE RADIAL SÃO PAULO - FARSP CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO FACULDADE RADIAL SÃO PAULO - FARSP CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO 1 SUMÁRIO DAS DISPOSIÇÕES GERAIS...3 DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES...3 DA COORDENAÇÃO DAS

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares Obrigatórias ACO do Curso de Direito da Faculdade Arthur Thomas

Regulamento das Atividades Complementares Obrigatórias ACO do Curso de Direito da Faculdade Arthur Thomas Art. 1º. Este Regulamento tem por finalidade regular o aproveitamento e a validação das Atividades Complementares Obrigatórias ACO que compõem a Matriz Curricular do Curso de Graduação em Direito da Faculdade

Leia mais

III REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE DIREITO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM

III REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE DIREITO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM III REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE DIREITO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM I Das Disposições Preliminares Art. 1º - O presente regulamento tem por

Leia mais

FACULDADE SANTA TEREZINHA CEST CURSO DE ADMINISTRAÇÃO NORMAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES

FACULDADE SANTA TEREZINHA CEST CURSO DE ADMINISTRAÇÃO NORMAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES NORMAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES Art. 1º As Complementares Independentes são componente curricular do curso de Administração, objetivando a flexibilização da formação do aluno,

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG CONSELHO UNIVERSITÁRIO

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG CONSELHO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG CONSELHO UNIVERSITÁRIO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FISIOTERAPIA (Ato de Aprovação:

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE TECNOLOGIA

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE TECNOLOGIA -1- REGULAMENTAÇÃO DAS ATIVIDADES FORMATIVAS DO Os alunos do Curso Noturno de Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Paraná deverão cumprir um conjunto de atividades formativas complementares,

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS

MANUAL DE ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS Faculdade de Tecnologia de Mogi das Cruzes (FATEC-MC) MANUAL DE ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Setembro - 2014 1 Sumário 1. Objetivo...

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES 0 FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIA DA BAHIA FATEC/BA ATIVIDADES COMPLEMENTARES Alagoinhas/BA 2014 1 SUMÁRIO I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 2 II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES... 2 ANEXO I - CRITÉRIOS

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º - As Atividades Complementares constituem ações que devem ser desenvolvidas ao longo do curso, criando

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS DE RIO PARANAÍBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS DE RIO PARANAÍBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS DE RIO PARANAÍBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS NORMAS PARA COMPENSAÇÃO DE CARGA HORÁRIA DE ATIVIDADES EXTRACURRICULARES Trata de documento que regulamenta

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE CRISTO REI

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE CRISTO REI REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE CRISTO REI 1 APRESENTAÇÃO O Presente Regulamento visa esclarecer ao acadêmico, a estrutura e o funcionamento das Atividades

Leia mais

O CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA, no uso de suas atribuições, e CONSIDERANDO a importância do Princípio da Indissociabilidade, estabelecido pelo

O CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA, no uso de suas atribuições, e CONSIDERANDO a importância do Princípio da Indissociabilidade, estabelecido pelo REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA Aprovado na CamEx, na 84 Sessão, realizada em 18 de março de 2015, apreciada no CONSEPE, na 54ª Sessão,

Leia mais

DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA

DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA CACOAL - RO 2011 Considerando as exigências da LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL, no atinente às Atividades Complementares

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Estabelece normas operacionais para acompanhamento e registro das Atividades Complementares. O Colegiado do Curso de Administração da

Leia mais

CURSO DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL REGULAMENTO PARA ACREDITAÇÃO DAS ATIVIDADES FORMATIVAS INTEGRADORAS

CURSO DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL REGULAMENTO PARA ACREDITAÇÃO DAS ATIVIDADES FORMATIVAS INTEGRADORAS CURSO DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL REGULAMENTO PARA ACREDITAÇÃO DAS ATIVIDADES FORMATIVAS INTEGRADORAS Este documento regulamenta as atividades Acadêmica Formativas Integradoras do Curso de Tecnologia

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 1º. O presente Regulamento baseia-se na obrigatoriedade do cumprimento de horas destinadas as Atividades Complementares dos Cursos de Graduação da Faculdade

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES PALMAS TO, 2014 2 1. AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Este manual define as orientações básicas da Escola Politécnica da Católica do Tocantins com a finalidade de normatizar

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (ACs)

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (ACs) REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (ACs) CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Florianópolis (SC), 2013 1 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA INSTITUIÇÃO Mantenedora: Sistema Barddal de Ensino Grupo UNIESP Mantida:

Leia mais

Manual Geral de Normas para Atividades Complementares

Manual Geral de Normas para Atividades Complementares CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Curso de Administração - EaD Manual Geral de Normas para Atividades Complementares 2012 Núcleo de Educação a Distância Coordenação do Curso de Administração

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2015 SUMÁRIO CAPÍTULO I...4 Disposições preliminares...4 CAPÍTULO II...4 Das atividades complementares...4 Seção I...4 Atividades de iniciação científica...4 Seção

Leia mais

GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA

GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA 2013 ATIVIDADES COMPLEMENTARES O que são? São práticas acadêmicas de múltiplos formatos, obrigatórias, que podem ser realizadas dentro ou fora

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE QUÍMICA, CAMPUS PATO BRANCO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE QUÍMICA, CAMPUS PATO BRANCO Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Pato Branco Coordenação do Curso Superior de Química: Bacharelado em Química Industrial e Licenciatura em Química REGULAMENTO DAS

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATIVIDADES COMPLEMENTARES INSTRUÇÃO NORMATIVA 001/2015. Rev.: 10 10/02/2015

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATIVIDADES COMPLEMENTARES INSTRUÇÃO NORMATIVA 001/2015. Rev.: 10 10/02/2015 CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATIVIDADES COMPLEMENTARES INSTRUÇÃO NORMATIVA 001/2015 Rev.: 10 10/02/2015 CURITIBA 2015 1 SUMÁRIO CAPITULO I DAS ATIVIDADES... 2 CAPITULO II - DO APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES...

Leia mais

REGULAMENTO ATIVIDADES

REGULAMENTO ATIVIDADES REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES Jandira 2012 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Atividades Complementares são componentes que possibilitam o reconhecimento, de habilidades, conhecimentos e

Leia mais