Codigo de Ética e Conduta Profissional ÉTICA.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Codigo de Ética e Conduta Profissional ÉTICA."

Transcrição

1 Codigo de Ética e Conduta Profissional ÉTICA. Imagine Imaginou it Feito Done

2 Caro colega: Um comportamento ético é essencial para nosso sucesso. Espera-se que todos os funcionários, diretores e conselheiros da Unisys ajam a todo o momento com integridade, honestidade, responsabilidade e respeito. Um dos princípios operacionais da Unisys consiste em se ter integridade absoluta, e este princípio constitui o âmago de nossa reputação. Através dos anos, os funcionários da Unisys construíram nossa reputação, conduzindo todas as nossas atividades e relações profissionais de maneira justa e honesta. Manter nossa reputação é essencial para o nosso sucesso. É importante que você compreenda sua responsabilidade em seguir os mais altos padrões éticos. Nós precisamos agir de acordo com todos os requerimentos jurídicos e com o nosso Código de Ética e Conduta Profissional. O objetivo do Código é fornecer informações e normas a respeito de como esperamos que você conduza assuntos profissionais. Ele inclui exemplos que irão ajudá-lo a compreender, por exemplo, o que significa conflito de interesses, ou o que é permitido em termos de oferecer entretenimento a clientes. Se você tiver dúvidas sobre o significado do Código ou sobre a maneira certa de agir, podemos ajudá-lo. Sinta-se à vontade para contatar o Departamento de Ética Corporativa ou o Departamento de Assuntos Jurídicos para receber orientação. O Código se aplica a todos os funcionários, não importando seu local de trabalho, e também a nossos conselheiros. É importante que você o leia e compreenda. Cada um de vocês é responsável por agir de acordo com nossos padrões éticos. Espera-se que todos os funcionários assumam uma liderança ética, dando o exemplo para os outros. Todos os dias, cada um de nós toma decisões que afetam nossa reputação. Eu espero que vocês continuem a fazer as escolhas certas, sabendo o que se espera de vocês ou, quando em dúvida, buscando orientação antes de agir. Lembre-se que seu comportamento afeta a Unisys como um todo. Ao cumprirmos o que determina nosso Código de Ética e Conduta Profissional, nós continuaremos a construir nossa reputação de empresa que age de acordo com os mais altos padrões éticos. Lawrence A. Weinbach Presidente do Conselho, Presidente e Diretor Executivo Outubro de 2003

3 Índice Introdução O Código se aplica a todos Cumpra as leis, normas e regulamentos vigentes e as normas da Unisys Evite conflitos de interesse Atividades fora da empresa Membro do conselho administrativo de outras empresas Auditores externos Relações familiares e pessoais Investimentos pessoais Empréstimos pessoais Usar oportunidades da empresa para ganho pessoal Compra e venda de ações com base em informações sigilosas (insider trading, em inglês) Registre informações de maneira completa, correta e oportuna Trate todas as pessoas de maneira honesta e justa Presentes, entretenimento e outras cortesias profissionais Regras especiais para conduzir negócios com clientes governamentais Respeite seu local de trabalho Diversidade e práticas no local de trabalho Normas ambientais, de saúde e segurança Use os recursos da empresa de maneira apropriada , voic e Internet Contribuições e atividades políticas Proteja informações confidenciais e manuseie os registros da Unisys de forma adequada Informações confidenciais da Unisys Informações confidenciais sobre terceiros Proteção à privacidade de dados pessoais Leis de software e direitos autorais Informações confidenciais e de seleção de fornecedores do governo americano Gerenciamento dos registros da Unisys Reporte imediatamente suspeitas ou iminência de violações Como entrar em contato com o Departamento de Ética Investigações sobre ética e disciplina

4 Introdução Espera-se que você, na qualidade de funcionário ou conselheiro da Unisys, aja sempre de acordo com nosso Código de Ética e Conduta Profissional. Quatro princípios essenciais compõem nosso Código: Integridade Respeito Responsabilidade Civismo Somos honestos em todas as nossas atividades e defendemos o que é correto. Demonstramos respeito mútuo, tratando todos com dignidade e justiça. Somos responsáveis por nossos atos e honramos nossos compromissos. Conduzimos nossas atividades profissionais como cidadãos responsáveis, de acordo com as leis e regulamentos vigentes em todos os países nos quais operamos. Apesar de o Código não cobrir todas as situações possíveis, ele fornece orientações gerais. Se você tem dúvidas a respeito de como agir em uma determinada situação profissional, consulte o Código e, o que é mais importante, busque orientação junto ao Departamento de Ética Corporativa ou ao Departamento de Assuntos Jurídicos. Se tiver dúvidas, pergunte. O Código se aplica a todos O Código se aplica a todos os funcionários da Unisys no mundo inteiro, inclusive diretores corporativos e funcionários de subsidiárias da Unisys, assim como a todos os membros do Conselho Administrativo da Unisys. O Código também se aplica a terceiros que representam a Unisys, inclusive consultores, agentes, representantes de vendas e lobistas. Os funcionários que trabalham com esses terceiros devem fornecer a eles uma cópia do Código e obter deles seu compromisso em cumprir seus dispositivos. As solicitações de uma possível dispensa de qualquer um dos dispositivos do Código feitas por um funcionário devem ser submetidas à aprovação do Departamento de Ética Corporativa da Unisys. As solicitações de uma possível dispensa feita por um diretor ou conselheiro da Empresa devem ser submetidas ao Diretor Jurídico para a consideração do Comitê de Auditoria do Conselho Administrativo da Unisys. As dispensas concedidas aos diretores ou conselheiros da Empresa serão divulgadas de acordo com as exigências jurídicas ou regulamentais. 2

5 Cumpra as leis, normas e regulamentos vigentes e as normas da Unisys A Unisys é uma empresa mundial totalmente empenhada em conduzir seus negócios dentro do total cumprimento da lei. Espera-se que você, como funcionário ou conselheiro da Unisys, cumpra todas as leis, normas e regulamentos vigentes em todos os países, estados ou localidades do mundo onde operamos. O número e a complexidade dessas leis aumentaram muito. Sabemos que não é possível que cada funcionário conheça profundamente cada lei que afeta suas responsabilidades profissionais. No entanto, espera-se que você tenha o conhecimento necessário das atividades permitidas em sua área de trabalho. Algumas das leis que você deve cumprir dizem respeito às áreas de antitruste e concorrência, controles de exportação, anti-suborno, compra e venda de ações com base em informações sigilosas, segredos comerciais, meio-ambiente, assuntos de saúde e segurança e práticas relacionadas ao local de trabalho. Se você tiver dúvidas sobre as leis ou regulamentos que se aplicam a uma determinada situação, ou se precisar interpretar uma exigência legal ou regulamentar específica, entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Você também é responsável por se familiarizar com as normas e os procedimentos da Empresa, que estão disponíveis através da Intranet da Unisys, e por cumprir os mesmos [http://iwww.unisys.com/policies/]. Nenhum funcionário ou conselheiro da Unisys cometerá atos ilícitos ou antiéticos, nem instruirá ou encorajará outros, direta ou indiretamente, a fazê-lo, por qualquer razão que seja. Evite conflitos de interesse Tanto os funcionários como os conselheiros devem evitar relacionamentos, circunstâncias, investimentos ou situações nas quais sua lealdade seja dividida entre os interesses da Unisys e seus interesses pessoais. É importante evitar até mesmo situações que tenham a aparência de um conflito de interesses. Os funcionários devem analisar, juntamente com seus supervisores e com o Departamento de Ética Corporativa, qualquer situação que possa envolver um conflito de interesses. Os conselheiros devem analisar qualquer possível conflito de interesses juntamente com o Diretor Executivo ou com o Diretor Jurídico. Listamos abaixo áreas particularmente delicadas que requerem uma análise cuidadosa. Outras informações sobre conflitos de interesses podem ser encontradas na norma ETH 11.0 [http://iwww.unisys.com/policies/eth/eth11_0.asp] sobre ética. 3

6 Imagine a seguinte situação: Você está pensando em abrir uma empresa de consultoria externa na área de serviços de desenvolvimento de websites semelhante aos serviços que você executa dentro da Unisys. Isto é permitido? Essa situação poderia interferir com sua capacidade de executar seu trabalho na Unisys de maneira eficiente e objetiva. Ela também poderia roubar parte do tempo que você dedica à Unisys. Além disso, ela poderia gerar um conflito, uma vez que você poderia estar competindo com a Unisys pelos mesmos clientes, ou ainda, seus clientes poderiam pensar que você está representando a Unisys quando, na verdade, você está representando seu próprio negócio. Você deve obter a aprovação de seu supervisor e do Departamento de Ética Corporativa antes de abrir essa empresa. Atividades fora da empresa Cada funcionário deve se empenhar ao máximo para executar suas tarefas dentro da Unisys. Evite assumir obrigações que interfiram com sua capacidade de executar seu trabalho de maneira eficaz, inclusive obrigações que reduzam seu estado de alerta ou sua eficiência normal. Além disso, evite assumir qualquer tipo de atividade externa que seja conflitante, ou mesmo, que pareça ser conflitante, com suas obrigações e responsabilidades dentro da Unisys. Seu supervisor e o Departamento de Ética Corporativa devem aprovar todos os trabalhos e atividades realizadas fora da Empresa que possam gerar conflito de interesses. Membro do conselho administrativo de outras empresas Um funcionário que esteja interessado em ocupar o cargo de conselheiro em outra empresa deve obter a aprovação para isso de acordo com a norma ETH 11.0 sobre ética [http://iwww.unisys.com/policies/eth/eth11_0.asp],que explica os procedimentos necessários para se conseguir a aprovação requerida. Os consultores externos da Unisys que ocupam, ou estejam interessados em ocupar, cargos de conselheiro em outras empresas devem consultar o Diretor Executivo ou o Diretor Jurídico. Auditores externos A Empresa tem restrições a respeito da contratação de funcionários da empresa de contabilidade que nos presta serviços. Se você está pensando em contratar alguém da empresa de contabilidade mencionada, consulte a norma HRM 3.1 [http://iwww.unisys.com/policies/hrm/hrm3_1.asp] de Recursos Humanos. Se você tiver alguma dúvida, consulte o Auditor Geral ou o Departamento de Assuntos Jurídicos. Relações familiares e pessoais Pode haver conflito de interesses, caso um membro da família de um funcionário ou de um conselheiro da Unisys seja funcionário de uma empresa concorrente, cliente ou fornecedora da Unisys, ou realize negócios com os mesmos. Evite estabelecer relações comerciais entre a Unisys e membros de sua família. 4

7 A contratação feita pela Unisys de membros de sua família, parentes ou outras pessoas com quem você tenha um relacionamento pessoal poderia gerar dúvidas quanto à integridade e objetividade das relações profissionais. Apesar de a Unisys não proibir a contratação de parentes ou pessoas com as quais funcionários mantêm relações pessoais, não é permitido que funcionários supervisionem membros de sua família ou amigos pessoais. Investimentos pessoais Dependendo do caso e das circunstâncias, o fato de funcionários ou conselheiros possuírem ações de empresas concorrentes, clientes ou fornecedoras da Unisys pode gerar conflito de interesses. Se um funcionário detiver um por cento ou mais do capital de uma empresa concorrente, cliente ou fornecedora, o caso deverá ser analisado pelo Departamento de Ética Corporativa. Caso um conselheiro tenha qualquer participação financeira numa empresa fornecedora, cliente ou concorrente, ele deverá se afastar de qualquer atividade do Conselho Administrativo que afete diretamente o relacionamento da Unisys com tais empresas. Não será considerado conflito de interesses sob esta norma o fato de funcionários ou conselheiros da Unisys deterem menos que um por cento do capital de uma empresa de capital aberto. Imagine a seguinte situação: Seu cônjuge trabalha para um fornecedor da Unisys e você ocupa um cargo que envolve a contratação de fornecedores e outros terceiros. Isto representa um conflito de interesses? De maneira geral, seria impróprio que você estivesse numa posição com autoridade para contratar uma empresa onde seu cônjuge trabalha. Haveria conflito se o fato de seu cônjuge trabalhar para um determinado fornecedor influenciasse sua decisão de fazer negócios com este fornecedor. O funcionário deve revelar um fato como este a seu gerente. Dependendo de fatores como, por exemplo, o tamanho do fornecedor ou o cargo do cônjuge, poderia ser necessário que o funcionário da Unisys fosse afastado do processo de tomada de decisão envolvendo o fornecedor em questão, ou que sua decisão de fazer negócios com esse fornecedor fosse avaliada por outro gerente. Empréstimos pessoais A Empresa não pode, direta ou indiretamente, conceder ou administrar crédito (ou ainda tomar medidas para obter uma concessão de crédito) na forma de empréstimo pessoal a favor de qualquer diretor corporativo ou conselheiro. O Diretor Executivo deve aprovar qualquer empréstimo feito a outros funcionários. Usar oportunidades da empresa para ganho pessoal Os funcionários ou conselheiros não podem (1) tirar proveito de oportunidades descobertas através do uso de bens, informações ou cargos corporativos; (2) usar bens, informações ou cargos corporativos para ganho pessoal; (3) concorrer com a Empresa. 5

8 Compra e venda de ações com base em informações sigilosas (insider trading, em inglês) Os funcionários e conselheiros da Unisys que possuem informações importantes não disponíveis ao público ( inside information, em inglês) são proibidos de negociar ações da Unisys ou de outra empresa (inclusive empresas clientes, parceiras ou fornecedoras). Essas informações importantes se referem a informações que um Imagine a seguinte situação: Você foi designado para trabalhar com um cliente e se tornou amigo pessoal do gerente de Tecnologia da Informação. Ele lhe conta que sua empresa está em negociação para uma possível fusão com a Empresa X e sugere que você compre ações da Empresa X antes que a notícia seja dada ao público. Você não pode comprar ações da Empresa X antes de a notícia ser publicada. As leis que regem a compra e venda de ações com base em informações sigilosas proíbem que você negocie ações da Unisys ou papéis de seus clientes, parceiros ou fornecedores quando você possui informações sobre estas empresas que poderiam ser vistas como importantes para um investidor e ainda não são de domínio público. investidor normal poderia desejar obter antes de fazer um investimento. Informações não disponíveis ao público são informações que não foram reveladas ou disponibilizadas para o público geral. Essas informações podem incluir planos empresariais, financeiros ou de marketing, dados financeiros ou técnicos, aquisições ou vendas pendentes ou potenciais, mudanças administrativas importantes e outros projetos corporativos. Se você possuir informações importantes não disponíveis ao público, referentes à Unisys ou a qualquer outra empresa, você não deve negociar ações da Unisys ou dessa outra empresa antes que essa informação tenha sido revelada e seja de domínio público. Duas regras simples podem protegê-lo nessa área: (1) não use informações não disponíveis ao público para seu ganho pessoal; e (2) não revele essa informação a ninguém que não precise conhecê-la. Sempre consulte nossa norma jurídica LEG 3.1 [http://iwww.unisys.com/policies/leg/leg3_1.asp],sobre insider trading, para uma melhor orientação sobre este assunto ou entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Registre informações da maneira completa, correta e justa Todos os pagamentos e outras transações da Unisys devem ser autorizados de maneira apropriada pela direção da Empresa e registradas corretamente e dentro do prazo certo nos livros e registros da Unisys em conformidade com os princípios contábeis normalmente aceitos e com as normas contábeis corporativas da Empresa. Você também deve cumprir com os requerimentos contábeis vigentes de cada país 6

9 onde a Unisys opera. Todos os pagamentos e outras transações devem ser processados dentro do prazo e dos sistemas contábeis da Empresa. Esses sistemas incorporam controles internos que defendem nossos bens e nos protegem contra fraudes. As normas e procedimentos de controles internos da Unisys são descritos detalhadamente no Manual Financeiro da Unisys (MFU, ou UFM, em inglês) [http://iwww.unisys.com/policies/ufm],que está disponível na Intranet da Empresa. Qualquer informação deve ser sempre divulgada e relatada de maneira correta, oportuna e honesta. Isso inclui notas fiscais, registros de vendas, relatórios de despesas de viagens, resumos de horas trabalhadas, e todos os relatórios e registros públicos. Em nenhuma circunstância pode-se criar lançamentos ou registros falsos, incompletos ou enganosos. Todas as transações devem possuir documentação completa e correta. Valores não divulgados ou não registrados não podem ser separados ou alocados para quaisquer fins, e recursos da Unisys não podem ser depositados em contas pessoais ou que não sejam da Empresa. Se você tiver alguma reclamação a respeito da contabilidade, dos controles contábeis internos, ou de questões de auditoria, entre imediatamente em contato com o Departamento de Ética Corporativa ou com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Imagine as seguintes situações: Você acha que uma nota fiscal de vendas da Unisys, que está sendo enviada a um cliente, lista serviços a mais além dos que foram executados e está incorreta. Você leva isso a conhecimento do gerente responsável e do Diretor Financeiro, que lhe dizem para ignorar o fato. Como você deve lidar com essa situação? Isso é um assunto sério, que deve ser imediatamente levado ao conhecimento do Departamento de Ética Corporativa ou do Departamento de Assuntos Jurídicos. Qualquer registro da Empresa deve ser preenchido de maneira correta e fiel. O não cumprimento dessa norma pode trazer conseqüências sérias para a Empresa e para as pessoas envolvidas. Uma unidade da Empresa já atingiu os resultados previstos para o ano e ainda irá ter receitas adicionais antes do final do ano. A direção da unidade gostaria de não lançar essas receitas adicionais e registrá-las no primeiro trimestre do ano seguinte. Isto é certo? Não. Todas as receitas devem ser registradas no período em que são realmente realizadas. O final do trimestre se aproxima. Você está quase concluindo uma negociação com o cliente e aguarda apenas o acordo final. Você diz ao pessoal de Registro de Pedidos para registrar um pedido no sistema com a data de hoje. Isto está correto? Não. Registrar um pedido antes que este seja realmente feito é impróprio e constitui uma violação do Código. Um cliente solicita que você adie o faturamento da mercadoria já entregue, de forma que ele possa adiar o pagamento para o trimestre seguinte. O que você deve fazer? A solicitação é imprópria e você deve dizer ao cliente que a Unisys irá faturar a mercadoria normalmente, de acordo com as normas e os procedimentos vigentes da Unisys. 7

10 Trate todas as pessoas de maneira honesta e justa Nossos funcionários e conselheiros devem tratar os clientes, parceiros, fornecedores e concorrentes, e também uns aos outros, com honestidade e justiça. Presentes, entretenimento e outras cortesias profissionais Nossos funcionários e conselheiros devem agir de maneira totalmente imparcial quando lidarem com pessoas e empresas que estejam fazendo, ou tentando fazer, negócios com a Empresa, sem outras intenções que não sejam o puro interesse da Empresa. Espera-se que você evite qualquer envolvimento ou situação que possa interferir, ou mesmo, que pareça interferir, com o cumprimento de suas funções de forma imparcial. Problemas surgem quando presentes, entretenimento e outras cortesias profissionais são usados, ou parecem ser usados, de maneira imprópria, para influenciar decisões profissionais ou para obter vantagens profissionais inadequadas. As regras para a oferta de presentes e entretenimento variam, dependendo de se estar realizando negócios com o setor privado ou com o público. Oferta de presentes, entretenimento ou outras cortesias profissionais ao setor privado São proibidos subornos, propinas e trocas de favores com clientes, fornecedores e outros. No setor privado, é permitido que você ofereça apenas presentes de baixo valor. Além disso, você pode oferecer refeições e entretenimento dentro de um valor modesto, desde que ocasionalmente e quando não solicitado pelo beneficiário da oferta. Use seu discernimento e respeite as regras do próprio beneficiário a respeito do recebimento de presentes e entretenimento. Nossos funcionários não devem se oferecer para pagar despesas de acomodação ou viagem de clientes ou fornecedores (exceto em casos limitados de viagens locais) sem a prévia autorização do responsável por sua unidade e do Departamento de Ética Corporativa. Há regras mais rígidas para lidar com clientes ou funcionários do setor público. Veja as Regras especiais para conduzir negócios com clientes governamentais na página 9. 8

11 Aceitação de presentes, entretenimento ou outras cortesias profissionais do setor privado Você pode aceitar apenas presentes de baixo valor oferecidos pelo setor privado, e deve apenas aceitar entretenimento ou cortesias profissionais que sejam de valor modesto. Presentes, entretenimento e outras cortesias profissionais devem estar relacionados aos interesses comerciais da Empresa. A aceitação de convites para atividades de lazer deve ser limitada e estar sempre de acordo com as práticas profissionais normais e aceitas. Nossos funcionários não devem aceitar reembolso de despesas realizadas com acomodação e viagens (exceto em casos limitados de viagens locais) sem a autorização do responsável por sua unidade e de um membro do Departamento de Assuntos Jurídicos. Não aceite presentes, ofertas de entretenimento ou outras cortesias profissionais que possam parecer ter influência sobre suas decisões. Você não deve, em hipótese alguma, aceitar presentes em dinheiro, valores ou ações. Caso você receba um presente que não deveria aceitar, de acordo com o previsto no Código, você deve notificar a direção da Empresa e Imagine a seguinte situação: devolver o presente com a explicação de que o Código da Unisys o proíbe de aceitar o presente. Caso o costume local, fora dos Estados Unidos, faça com que a recusa do presente seja considerada estranha ou ofensiva, você pode aceitar o presente, caso esteja dentro da legalidade, mas deve informar imediatamente a direção da Empresa. Esses presentes devem ser encaminhados à Empresa para um emprego adequado, seja para uso interno da Unisys, como benefício para os funcionários em geral, ou para doação a uma instituição de caridade. Regras especiais para conduzir negócios com clientes del governamentais Há muitos regulamentos no mundo inteiro que regem negócios realizados com clientes governamentais, e geralmente existem regras mais rígidas para o setor governamental do que para o setor privado. Nossos funcionários e conselheiros devem consultar a norma ETH 6.0 [http://iwww.unisys.com/policies/eth/eth6_0.asp] sobre ética e também o Departamento de Assuntos Jurídicos, caso tenham dúvida sobre essa área. Você e seu cônjuge são convidados para um evento de valorização dos clientes organizado por um fornecedor num local turístico com todas as despesas pagas pelo mesmo. Você e seu cônjuge podem aceitar? Você não deve aceitar se o evento tiver fins recreativos ou trouxer benefício pessoal, não havendo uma razão profissional genuína. Se houver uma razão profissional real e importante, pergunte a seu supervisor. Com a autorização adequada do responsável por sua unidade e do Departamento de Assuntos Jurídicos, você poderá comparecer ao evento com a Unisys pagando suas despesas de acomodação e viagem. 9

12 Oferecimento de coisas de valor ao setor governamental e recebimento de coisas de valor do setor governamental Regras rígidas controlam o oferecimento de coisas de valor ao setor governamental e o recebimento de coisas de valor desse setor. Você deve consultar o Departamento de Assuntos Jurídicos antes de oferecer qualquer coisa de valor a um cliente governamental ou de aceitar qualquer coisa de valor de um cliente governamental ou de um fornecedor ou um possível fornecedor em um contrato ou subcontrato governamental. São proibidos subornos, propinas e trocas de favores com representantes, fornecedores e outras pessoas do setor governamental. A Empresa proíbe que se dê ou ofereça Imagine a seguinte situação: Um cliente governamental está visitando a Empresa para uma demonstração de um produto. Você pode convidá-lo para o almoço? As regras variam para os diversos clientes governamentais. Em muitos casos, seria permitido oferecer o almoço ao cliente do setor governamental desde que este almoço estivesse relacionado à demonstração do produto. Você deve buscar orientação junto ao Departamento de Assuntos Jurídicos ou ao Departamento de Ética Corporativa antes de oferecer qualquer presente, entretenimento ou favor a um cliente do setor governamental. qualquer coisa de valor a um representante do governo em troca de vantagens comerciais. Cortesias profissionais podem ser permitidas em certas circunstâncias. Antes de oferecer qualquer presente, entretenimento ou favores de qualquer natureza a um funcionário do governo, consulte o Departamento de Assuntos Jurídicos para ter certeza de que isso é permitido e que esteja de acordo com as regras e os regulamentos. Nossos funcionários e conselheiros devem ter muito cuidado ao aceitar qualquer presente, entretenimento ou favores no contexto governamental. Apesar de cortesias profissionais serem geralmente permitidas, você é proibido de aceitar qualquer presente, entretenimento ou favor de um fornecedor, quando este fornecedor fizer a oferta visando a receber um tratamento privilegiado. Se você tiver dúvidas sobre alguma situação, consulte o Departamento de Assuntos Jurídicos. Lei Americana contra Práticas Corruptas no Estrangeiro (sigla FCPA, em inglês) É ilegal oferecer ou efetuar pagamentos, ou dar ou oferecer presentes, gratificações ou qualquer coisa de valor a um representante governamental estrangeiro (não americano) em troca de vantagem comercial. Representantes estrangeiros incluem representantes governamentais ou candidatos a um cargo eletivo, partidos políticos ou representantes de partidos. A FCPA se aplica a todos os funcionários (inclusive funcionários de subsidiárias) e conselheiros da Unisys. A lei também se aplica a terceiros independentes que são contratados para representar a Unisys. Isso inclui consultores, agentes, parceiros em joint-ventures, representantes de vendas, distribuidores, contratados e parceiros empresariais. A Unisys não pode fazer indiretamente, através desses terceiros, o que é proibido que faça diretamente. 10

13 Se você suspeita de uma possível violação da FCPA, você deve relatar imediatamente o ocorrido ao Departamento de Ética Corporativa ou o Departamento de Assuntos Jurídicos. Para mais orientações, consulte o Guia sobre o Cumprimento da Lei Americana de Práticas Corruptas no Estrangeiro, que você pode acessar na página de Ética, ou entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Consultores de marketing, lobistas e outros Antes de contratar lobistas, consultores e outros para auxiliar no marketing de nossos produtos e serviços junto a clientes governamentais, devemos tomar medidas especiais para assegurar que esses terceiros cumpram as diversas leis e regulamentos existentes nessa área. Devemos trabalhar apenas com agentes ou empresas confiáveis e de boa reputação, assegurando que estejamos cientes do trabalho que eles estão realizando em nosso nome, e oferecendo uma remuneração justa para os serviços prestados. Os consultores devem se comprometer em seguir os padrões do Código de Ética e Conduta Profissional da Unisys e não devem nunca ser contratados para agir fora de nossos padrões éticos. As normas éticas ETH 3.0 e 4.0 [http://iwww.unisys.com/policies/ ETH/Eth3_0.asp e unisys.com/policies/eth/eth4_0.asp] da Unisys regem a contratação e renovação de contratos com consultores de marketing e lobistas. Essas normas devem ser cumpridas antes que se contrate qualquer consultor de marketing ou lobista. Contratação de funcionários governamentais Imagine a seguinte situação: De modo a conseguir um contrato importante com um governo estrangeiro, a Empresa Z está pensando em oferecer ao representante de compras do governo uma viagem de férias com todas as despesas pagas. Para evitar qualquer acusação de impropriedade, a Empresa Z está planejando usar um consultor de marketing como intermediário entre a Empresa Z e o representante do governo para oferecer a viagem de férias. Isto é proibido. A Empresa Z estaria oferecendo algo de valor (uma viagem de férias com todas as despesas pagas) ao representante de um governo estrangeiro (representante de compras do governo) com o fim de obter uma vantagem comercial (para assegurar que ganhará a concorrência pública). O fato de a Empresa Z utilizar os serviços de um consultor não a exime da responsabilidade ou culpa. A FCPA proíbe que a Empresa Z use terceiros para facilitar pagamentos ou ofertas de presentes feitas a representantes de governos estrangeiros. Regras complexas regem o recrutamento e emprego de funcionários atuais e ex-funcionários do governo, sejam eles militares ou civis, por empresas privadas. Várias restrições e regulamentos regem tanto as atividades de pré-contratação como as de pós-contratação. Se você está pensando em contratar uma pessoa que trabalha atualmente ou que já trabalhou para um órgão governamental, você deve, primeiro, consultar o Departamento de Assuntos Jurídicos para assegurar-se de que todas as leis e regulamentos vigentes sejam compreendidos e cumpridos. 11

14 Cobrança de custos e de horas trabalhadas Os funcionários que trabalham com clientes dos setores governamental ou público devem ter cuidado especial para garantir que as horas trabalhadas e os custos incorridos sejam corretamente registrados e aplicados ao contrato ou projeto executado. Nenhum custo pode ser cobrado em um contrato com o governo ou órgão do governo se esse custo não for permitido por lei ou pelos termos do contrato. Respeite seu local de trabalho Diversidade e práticas no local de trabalho Nós, da Unisys, comprometemo-nos em criar um ambiente profissional onde a diversidade seja respeitada, buscada e valorizada. Desejamos criar um ambiente, onde a diversidade seja bem vinda e a individualidade de todos os funcionários seja respeitada. Para maiores informações, consulte as normas de recursos humanos da Empresa [http://iwww.unisys.com/policies/hrm/]. Não toleramos e julgamos inaceitável qualquer tipo de assédio ou discriminação de qualquer natureza em virtude de raça, cor, religião, gênero, idade, origem, cidadania, deficiência física, orientação sexual ou estado civil ou de ex-combatente. Além disso, as leis de vários países, estados e diferentes localidades proíbem expressamente este tipo de discriminação. Normas ambientais, de saúde e segurança A Unisys compromete-se a garantir um local de trabalho seguro e saudável. De acordo com nossa política geral, faz parte da política da Unisys cumprir todas as leis e regulamentos ambientais, de saúde e de segurança vigentes. Cada funcionário é responsável por respeitar comunicados de alerta e regulamentos, e por relatar à direção da Empresa qualquer acidente ou ferimento sofrido no local de trabalho. Questões específicas ligadas ao meioambiente, à saúde e à segurança são tratadas na norma da Empresa sobre meioambiente, saúde e segurança [http://iwww.unisys.com/policies/esh/]. 12

15 Use os recursos da empressa de maneira apropriada Todos os funcionários e conselheiros da Unisys devem proteger os bens da Empresa e assegurar o uso adequado dos mesmos. Você deve ter cuidado para não desperdiçar os bens e recursos da Empresa. , voic e Internet A Unisys disponibiliza sistemas de telefone, e voic , além de acesso à Internet, para serem usados nas atividades relacionadas aos negócios da Empresa. Eventualmente, os funcionários podem usar esses sistemas para comunicação de caráter pessoal, desde que este uso seja breve e não seja freqüente. O acesso a esses recursos, que são oferecidos pela Empresa, consitui uma ferramenta a ser usada para executar tarefas profissionais. Os funcionários não podem, por exemplo, usar esses sistemas para: visualizar ou passar adiante material obsceno, discriminatório, ou que simbolize ódio ou assédio; realizar negócios particulares; jogar ou exercer outras atividades ilícitas; carregar no sistema, ou descarregar do sistema, software protegido por direitos autorais, em casos de infração a tais direitos, e/ou software restrito que esteja sujeito a controle de exportação; ou ainda acessar mídia não relacionada ao negócio, tal como rádio, música ou vídeo de esportes. Imagine as seguintes situações: De vez em quando, você acessa a Internet e o disponibilizado pela Empresa para uso pessoal, para, por exemplo, comunicar-se com familiares, checar seus investimentos ou fazer compras on-line. Isto é aceitável? O acesso ao , voic e à Internet é disponibilizado pela Empresa para facilitar seu desempenho na execução de seu trabalho e se destina a atividades relacionadas à Empresa. Reconhecemos que os funcionários possam eventualmente usar esses sistemas para fins pessoais. O ponto é que, no entanto, isso deve ser feito apenas ocasionalmente e dentro dos limites. O uso regular e prolongado desses sistemas para fins pessoais não é aceitável. Você presta trabalho voluntário a uma instituição de caridade local e concordou em receber e distribuir toda a comunicação dessa instituição via . Você pode usar o do escritório? Não. O uso constante dos recursos da Empresa (seu tempo e o sistema de da Empresa) para negócios não relacionados à Empresa é proibido e constitui uso indevido dos recursos da Empresa. Todos os s, voic s e informações de qualquer natureza armazenados em equipamento da Unisys são considerados propriedade da Unisys. A Unisys tem o direito de monitorar esses sistemas periodicamente. Os usuários não devem esperar de maneira alguma que haja privacidade em suas mensagens ou informações passadas via telefone, , 13

16 voic , Internet ou outros sistemas da Empresa. Para maiores informações sobre este tópico, consulte as normas UIT 1.12 e 1.13 [http://iwww.unisys.com/policies/uit/uit1_12.asp e de tecnologia global da informação. Contribuições e atividades políticas Não se pode contribuir com valores, produtos, serviços ou outros recursos corporativos, direta ou indiretamente, para representantes eleitos, candidatos ou partidos políticos do nível federal nos Estados Unidos. A Unisys estabeleceu um Comitê de Ação Política (sigla PAC, em inglês) nos Estados Unidos, chamado de Comitê de Ação Política dos Funcionários da Unisys. O PAC da Unisys aceita doações de funcionários para fazer contribuições políticas para candidatos federais dos E.U.A. que apóiam os interesses dos funcionários da Unisys. Todas as contribuições feitas ao PAC são voluntárias, e os funcionários podem optar por não contribuir sem receio de sofrerem represálias. Fora dos Estados Unidos; e dentro dos Estados Unidos, nos níveis estadual e local; os recursos da Empresa podem ser usados em contribuições, em certas circunstâncias, a representantes eleitos, candidatos ou partidos políticos, dentro do limite permitido por lei. Tais contribuições requerem a aprovação de certos níveis hierárquicos. Consulte a delegação de autoridade para saber sobre os níveis necessários para a aprovação na norma UFM 2.1 [http://iwww.unisys.com/policies/ufm/ufm2_1.asp] do Manual Financeiro da Unisys (UFM, em inglês). A Unisys encoraja seus funcionários a participar como indivíduos do processo político fora do local de trabalho. Nunca se dever dizer que contribuições pessoais são feitas ou apoiadas pela Unisys. Os funcionários e os conselheiros não devem solicitar reembolso da Unisys por contri-buições pessoais de cunho político. O apoio da Unisys a qualquer (1) instituição de caridade, (2) evento esportivo ou outros eventos, ou (3) atividades patrocinadas por um partido político, represen-tante eleito, candidato indicado para concorrer a uma eleição, ou um grupo destas entidades, deve ser aprovado de acordo com a delegação de autoridade norma UFM 2.1 [http://iwww.unisys.com/policies/ufm/ufm2_1.asp] do Manual Financeiro da Unisys (UFM, em inglês). Para maiores informações, consulte a norma ETH 7.0 [http://iwww.unisys.com/policies/eth/eth7_0.asp] da Unisys sobre éticaou entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos ou com o Departamento de Ética Corporativa. 14

17 Proteja informações confidenciais e manuseie os registros da Unisys de forma adequada Informações confidenciais da Unisys As informações confidenciais da Unisys são de propriedade da Unisys. Os funcionários e os conselheiros devem seguir passos adequados para garantir que qualquer informação confidencial da Empresa seja protegida contra divulgação externa e contra divulgação não autorizada dentro da Unisys. Este requerimento se aplica a informações armazenadas em computadores pessoais, servidores ou estações de trabalho, assim como a informações existentes nos escritórios dos funcionários. Informações confidenciais incluem planos empresariais, financeiros e de marketing, listas de clientes, informação de propostas ou preços, dados empregatícios de funcionários, desenhos técnicos, aquisições ou vendas de ativos pendentes ou potenciais, processos de manufatura e discussões internas. Consulte o Departamento de Assuntos Jurídicos caso não saiba com certeza que informações são consideradas confidenciais e devem ser protegidas. Se as necessidades do negócio requerem que se divulgue e compartilhe informações confidenciais, deve-se garantir a proteção adequada dessas informações. Você deve consultar o Departamento de Assuntos Jurídicos para obter orientação sobre como proteger a confidencialidade da informação. Consulte a norma jurídica LEG 6.1 [http://iwww.unisys.com/policies/leg/leg6_1.asp] para uma orientação mais completa sobre essas questões. Você não pode utilizar nenhuma informação confidencial da Empresa para obter vantagens pessoais. Esta restrição é válida por tempo indeterminado, indo além da duração de seu vínculo empregatício ou de seu cargo no Conselho Administrativo. Cada um de nós é responsável por impedir que informações sejam usadas de forma inadequada. Seja cuidadoso em conversas informais, em mensagens de e em salas de bate-papo da Internet para não revelar informações confidenciais. Não converse com familiares, amigos e colegas de trabalho sobre assuntos confidenciais da Empresa. Não Imagine a seguinte situação: Sua vizinha lhe perguntou sobre um rumor que ela ouviu sobre a Unisys estar para comprar uma outra empresa. deixe memorandos, documentos, desenhos ou qualquer outro tipo de informação confidencial em locais visíveis ou em áreas públicas. Você não deve comentar rumores e nem compartilhar informações confidenciais sobre a Unisys que ainda não sejam de domínio público. Você não deve fazer nenhum investimento em qualquer empresa ligada a essa informação, mesmo que se trate apenas de um rumor. 15

18 Imagine a seguinte situação: Informações confidenciais sobre terceiros Do mesmo modo que nos empenhamos em proteger nossas informações, outras empresas também o fazem. Nossos funcionários não podem solicitar, receber ou usar qualquer informação confidencial sobre terceiros sem a autorização necessária. Se você receber qualquer informação confidencial sobre outra empresa, que não tenha sido incluída num acordo de não-divulgação ou outra forma de proteção, entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos para receber orientação sobre como lidar com essa informação. Não se considera informação confidencial qualquer informação sobre nossos clientes, fornecedores, concorrentes, parceiros e consultores que já tenha sido publicada, seja de domínio público ou tenha sido desenvolvida de maneira independente. No entanto, se essa informação estiver marcada como confidencial ou proprietária, entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos antes de usá-la ou distribuí-la. Você não pode usar terceiros para conseguir ilicitamente informações confidenciais sobre outras empresas. Se você tiver dúvidas sobre esta área, consulte a norma jurídica LEG 6.1 [http://iwww.unisys.com/ policies/leg/leg6_1.asp] ou entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Enquanto trabalha na empresa do cliente, alguém oferece a você um material contendo informações sobre algum produto técnico e seu respectivo preço, produto esse de uma tecnologia concorrente, na qual a Unisys possa estar interessada. Esse material está marcado como confidencial. O fato de a marcação confidencial estar estampada nos documentos indica que a informação deve ser tratada como sigilosa, e que a outra empresa impôs limites a seu uso. O curso prudente de ação seria não aceitar o material mencionado ou obtê-lo mediante um acordo de não-divulgação que tenha sido aprovado pelo Departamento de Assuntos Jurídicos. A aceitação de material confidencial pertencente a terceiros sem a proteção adequada pode sujeitar você e a Unisys a penalidades. Proteção à privacidade de dados pessoais A Unisys coleta e processa dados pessoais de nossos clientes, acionistas, parceiros comerciais, funcionários e outros. Dados pessoais referem-se a qualquer informação que possa ser usada, direta ou indiretamente, para identificar um individuo vivo, e pode conter categorias sensíveis de informações, tais como informações que revelam origem étnica ou racial, credo político, participação como membro em sindicatos, saúde ou orientação sexual. 16

19 Nós, da Unisys, comprometemo-nos em cumprir as leis vigentes de privacidade e proteção de dados dos países onde operamos e em proteger totalmente todos os dados pessoais em conformidade com nossa Política Global de Privacidade de Dados Pessoais. Para maiores informações sobre essa política, visite a Página Global de Privacidade na Intranet da Unisys no endereço [http://iwww.unisys.com/privacy/],ou entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Leis de software e direitos autorais A Unisys obtém licenças de muitos produtos de software para uso em seu negócio. Leis americanas e internacionais de direitos autorais protegem os direitos dos criadores do software. Essas leis de direitos autorais proíbem a cópia, a distribuição e o uso do software para fins que não sejam aqueles para os quais o software foi licenciado para a Unisys. Você tem a responsabilidade de ajudar a garantir que o software instalado em seu computador, ou nos equipamentos de armazenagem da rede que estejam sob seu controle, seja utilizado licitamente. Você não pode copiar, instalar ou, de qualquer outra maneira, usar o software ou os documentos de modo a violar o contrato de licença ou os direitos autorais desse software ou documento. Para informações adicionais, consulte a norma jurídica LEG 4.1 [http://iwww.unisys.com/policies/leg/leg4_1.asp]. Qualquer dúvida a respeito do cumprimento da lei de direitos autorais ou licenças deve ser encaminhada ao Departamento de Assuntos Jurídicos. Informações confidenciais e de seleção de fornecedores do governo americano A Empresa tem uma obrigação especial de cumprir as leis e regulamentos que protegem informações confidenciais do governo americano. Nossos funcionários e conselheiros que possuem permissões válidas para acesso a informações confidenciais devem usar essas informações de acordo com os procedimentos vigentes do governo federal americano. Essas restrições se aplicam a qualquer tipo de informação, seja ela escrita ou eletrônica. Se você tem dúvidas sobre como lidar com informações confidenciais, consulte seu encarregado de segurança de informações. 17

20 Você não deve solicitar nem receber informações referentes à seleção de fornecedores para o governo americano a não ser que tenha autorização para isso e que seja através dos canais oficiais do governo americano. Informações sobre a seleção de fornecedores para o governo americano incluem: lista de licitantes e preços, identificação das empresas participantes de concorrências antes da abertura do processo de concorrência, planos de Imagine a seguinte situação: Você está limpando seu escritório e precisa decidir quais documentos da Empresa devem ser guardados e quais devem ser jogados fora. Os documentos são mantidos em seu escritório, então você pode fazer com eles o que bem entender, certo? Não. O Programa de Gerenciamento de Registros da Unisys oferece orientação específica sobre a retenção ou disposição de registros. Analise a Política de Gerenciamento de Registros e consulte o Departamento de Assuntos Jurídicos ou o Gerente do Programa de Gerenciamento de Registros da Unisys, se tiver dúvidas. seleção de fornecedores e de avaliação técnica, avaliações técnicas de ofertas concorrentes, determinações do poder competitivo, classificação e relatórios do comitê de seleção de fornecedores, avaliações e recomendações. Se você, sem querer, conseguir acesso a informações confidenciais do governo americano ou informações sobre a seleção de fornecedores para o governo, entre imediatamente em contato com o Departamento de Ética Corporativa ou com o Departamento de Assuntos Jurídicos. Gerenciamento dos registros da Unisys Os registros da Unisys são um recurso corporativo importante. Você deve seguir os passos necessários para proteger esse recurso, garantindo que os registros da Unisys sejam administrados e controlados de acordo com as práticas aceitas de guarda de registros, conforme estabelecido no Programa de Gerenciamento de Registros da Unisys. Isso inclui práticas relacionadas à retenção e à disposição de registros da Unisys. Para informações adicionais, consulte a Política de Gerenciamento de Registros RMP 1.0 [http://iwww.unisys.com/policies/rmp/rmp1_0.asp] ou entre em contato com o Departamento de Assuntos Jurídicos ou o Gerente do Programa de Gerenciamento de Registros da Unisys para resolver suas dúvidas. 18

21 Reporte imediatamente suspeitas ou iminência de violações Você tem a responsabilidade e a obrigação de reportar imediatamente qualquer suspeita, iminência ou ocorrência real de qualquer violação do Código ao Departamento de Ética Corporativa ou ao Departamento de Assuntos Jurídicos. Se tal fato for reportado a um supervisor, este deve notificar imediatamente o Departamento de Ética Corporativa ou o Departamento de Assuntos Jurídicos. Você deve reportar imediatamente qualquer reclamação referente a assuntos ligados à contabilidade, aos controles contábeis internos ou à auditoria diretamente ao Departamento de Ética Corporativa ou ao Departamento de Assuntos Jurídicos. Você pode entrar em contato com o Departamento de Ética Corporativa de forma confidencial ou anônima, sem medo de sofrer represálias. Nenhuma medida punitiva será tomada e nenhuma represália será feita a alguém que reporte de boa fé a suspeita de violação do código de ética. A Unisys não irá tolerar nenhum tipo de retaliação feita por um conselheiro ou funcionário a alguém que tenha prestado informações de boa fé. Os procedimentos para notificação de violações encontram-se estabelecidos na norma ETH 10.0 [http://iwww.unisys.com/eth/eth10_0.asp] sobre ética. Além disso, se você tiver alguma dúvida sobre o Código, alguma prática profissional ou um problema ético, sinta-se livre para entrar em contato com o Departamento de Ética Corporativa para receber orientação. 19

22 Como entrar em contato com o Departamento de Ética Nos Estados Unidos Ethics Helpline: Direct Net: Net Fora dos Estados Unidos Ethics Helpline: Direct Net: Net Endereço de Endereço Postal Corporate Ethics Office Unisys Corporation Unisys Way Blue Bell, PA M/S E8-108 Página da Ética Página do Departamento de Assuntos Jurídicos 20

23 Investigações sobre ética e disciplina O Departamento de Assuntos Jurídicos é responsável por investigar possíveis violações do Código, inclusive qualquer reclamação relacionada à contabilidade, aos controles contábeis internos ou à auditoria. Você deve prestar sua total cooperação para com qualquer investigação interna. Medidas corretivas, inclusive medidas disciplinares, serão tomadas para violações do Código. Medidas disciplinares podem incluir um aviso ou repreensão, suspensão sem direito a salário, transferência para um cargo inferior ou demissão. Você terá a oportunidade de explicar suas ações antes que qualquer medida disciplinar seja imposta. Em relação a reclamações sobre a contabilidade, os controles contábeis internos ou a auditoria, os achados da investigação e as recomendações para medidas corretivas serão informados ao Comitê de Auditoria do Conselho Administrativo para sua análise e aprovação. Outras violações do Código e as respectivas medidas corretivas tomadas serão informadas periodicamente ao Comitê de Auditoria. Observação para todos os funcionários da Unisys que trabalham nos E.U.A. Nada neste Código de Ética e Conduta Profissional deve ser interpretado como o estabelecimento expresso ou implícito de um contrato de trabalho. A manutenção deste Código ou de outras normas, procedimentos ou planos de benefícios não modificam o relacionamento do tipo emprego por tempo indeterminado que existe entre a Unisys e seus funcionários. Qualquer exceção reivindicada deve ser feita por escrito e assinada pelo Vice- Presidente Sênior, Recursos Humanos Globais. 21

ICTSI CÓDIGO DE CONDUTA NOS NEGÓCIOS

ICTSI CÓDIGO DE CONDUTA NOS NEGÓCIOS ICTSI CÓDIGO DE CONDUTA NOS NEGÓCIOS MENSAGEM DO PRESIDENTE A ICTSI tem crescido de forma sólida ao longo dos anos, tornando-se uma empresa líder na gestão de portos, com um alcance global que se estende

Leia mais

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta Página 1 de 7 A LDR é uma empresa de equipamentos médicos comprometida com o desenvolvimento, marketing, distribuição e venda de implantes vertebrais para implantação em seres humanos no tratamento de

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO MAGNA INTERNATIONAL INC. DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO Oferecer ou receber presentes e entretenimento é muitas vezes uma

Leia mais

Código de Conduta. Código de Conduta Schindler 1

Código de Conduta. Código de Conduta Schindler 1 Código de Conduta Código de Conduta Schindler 1 2 Código de Conduta Schindler Código de Conduta da Schindler Os colaboradores do Grupo Schindler no mundo inteiro devem manter o mais alto padrão de conduta

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN 1 Introdução A EVEN conduz seus negócios de acordo com os altos padrões éticos e morais estabelecidos em seu Código de Conduta, não tolerando qualquer forma de corrupção e suborno.

Leia mais

Código de Conduta de Fornecedor

Código de Conduta de Fornecedor Código de Conduta de Fornecedor www.odfjelldrilling.com A Odfjell Drilling e suas entidades afiliadas mundialmente estão comprometidas em manter os mais altos padrões éticos ao conduzir negócios. Como

Leia mais

Código de Conduta do Fornecedor. Em vigor a partir de 2 de julho de 2012. Ethics. Matters

Código de Conduta do Fornecedor. Em vigor a partir de 2 de julho de 2012. Ethics. Matters Código de Conduta do Fornecedor Em vigor a partir de 2 de julho de 2012 Ethics Matters Mensagem do CPO [Chief Procurement Officer - Diretor de Compras] A Duke Energy está comprometida com a segurança,

Leia mais

Código de Conduta da Dachser

Código de Conduta da Dachser Código de Conduta da Dachser 1. Introdução A fundação de todas as atividades na Dachser é a nossa adesão a regulamentos juridicamente vinculativos em nível nacional e internacional, assim como a quaisquer

Leia mais

RGIS POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO

RGIS POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO RGIS POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO I. DECLARAÇÃO DA POLÍTICA A política da RGIS ( Companhia ) é conduzir as operações mundiais de forma ética e conforme as leis aplicáveis, não só nos EUA como em outros países.

Leia mais

Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros

Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros* Objetivo Estabelecer as diretrizes básicas de conduta

Leia mais

Padrões Nidera para Parceiros de Negócio

Padrões Nidera para Parceiros de Negócio Padrões Nidera para Parceiros de Negócio Caro Parceiro de Negócio, A história da nossa empresa inclui um compromisso de longa data em estar de acordo com as leis onde quer que atuemos e realizar nossos

Leia mais

Código de Ética e Conduta Profissional da MRC Consultoria e Sistema de Informática Ltda. - ME

Código de Ética e Conduta Profissional da MRC Consultoria e Sistema de Informática Ltda. - ME 1 - Considerações Éticas Fundamentais Como um colaborador da. - ME eu devo: 1.1- Contribuir para a sociedade e bem-estar do ser humano. O maior valor da computação é o seu potencial de melhorar o bem-estar

Leia mais

de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética ca Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Códig

de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética ca Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Códig de Ética Código CÓDIGO de Ética Código de Ética Código DE de Ética Código de Ética de Ética Código de Ética Código ÉTICA de Ética Código de Ética Código de Ética Fazendo Negócios com Integridade Realizamos

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER I. PROPÓSITO POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER A corrupção é proibida pelas leis de quase todas as jurisdições do mundo. A Danaher Corporation ( Danaher ) está comprometida em obedecer as leis

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação NORMAS DE CONDUTA Apresentação Adequando-se às melhores práticas de Governança Corporativa, a TITO está definindo e formalizando as suas normas de conduta ( Normas ). Estas estabelecem as relações, comportamentos

Leia mais

Código de Conduta. Data [12-01-2014] Responsável pela política: Departamento de Auditoria Interna Global. Stephan Baars Diretor Financeiro (CFO)

Código de Conduta. Data [12-01-2014] Responsável pela política: Departamento de Auditoria Interna Global. Stephan Baars Diretor Financeiro (CFO) Código de Conduta Data [12-01-2014] Responsável pela política: Departamento de Auditoria Interna Global John Snyder Presidente e Diretor Executivo (CEO) Mike Janssen Diretor de Operações (COO) Stephan

Leia mais

XEROX GLOBAL ETHICS HELPLINE

XEROX GLOBAL ETHICS HELPLINE ALCANCE: Xerox Corporation e suas subsidiárias. OBJETIVO: Este documento descreve a conduta ética que deve ser adotada durante as negociações pelos empregagos da Xerox Corporation. Todos os empregados

Leia mais

2015 Guia do Código de Conduta

2015 Guia do Código de Conduta 2015 Guia do Código de Conduta Comitê de Conformidade Corporativa Joe Puishys Jim Porter Pat Beithon Warren Planitzer Nós, da Apogee, conduzimos nossos negócios com o mais alto padrão de honestidade e

Leia mais

ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA

ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA A Eldorado Gold Corporation e suas subsidiárias e afiliadas estão comprometidas com os mais elevados padrões de conduta

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS

NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS Página 1 de 9 UL NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS Página 2 de 9 ÍNDICE 1.0 OBJETIVO... 4 2.0 ESCOPO... 4 3.0 DEFINIÇÕES... 4 4.0 PRÁTICAS DE CONTRATAÇÃO... 5 4.1 TRABALHO FORÇADO... 5 4.2 TRABALHO

Leia mais

Código de Conduta de Negócios & Ética. Efetivo a partir de 1º de abril de 2014

Código de Conduta de Negócios & Ética. Efetivo a partir de 1º de abril de 2014 Código de Conduta de Negócios & Ética Efetivo a partir de 1º de abril de 2014 Mensagem do Presidente & CEO A integridade pessoal, os valores compartilhados e a conduta ética dos negócios por todos os funcionários

Leia mais

Código de Conduta Empresarial da Nestlé. 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza)

Código de Conduta Empresarial da Nestlé. 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza) Código de Conduta Empresarial da Nestlé 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza) Introdução Desde a sua fundação, as práticas comerciais da Nestlé

Leia mais

DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc.

DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc. DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc. Estes princípios de conduta aplicam-se a todos os funcionários, diretores, empresas e subsidiárias da ITW ao redor do mundo. Espera-se que

Leia mais

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA SUMÁRIO APRESENTAÇÃO COLABORADORES Princípios éticos funcionais Emprego e Ambiente de trabalho Conflito de interesses Segredos e informações comerciais SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE

Leia mais

Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias

Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias Código de Conduta de Negócios e Ética ECOLOGY BRASIL 1. Princípios Gerais O propósito deste Código é descrever os nossos padrões de ética de conduta de negócios.

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA G UPO

CÓDIGO DE ÉTICA G UPO CÓDIGO DE ÉTICA G UPO 1 Sumário APRESENTAÇÃO... 2 1. APLICABILIDADE... 3 ESCLARECIMENTOS... 3 O COMITÊ DE ÉTICA... 3 ATRIBUIÇÕES DO COMITÊ... 3,4 2. ASSUNTOS INTERNOS... 4 OUVIDORIA... 4 PRECONCEITO...

Leia mais

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda.

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda. Código de Ética SPL Consultoria e Informática Ltda. Introdução Segundo o dicionário Aurélio ética é o estudo dos juízos de apreciação que se referem à conduta humana suscetível de qualificação do ponto

Leia mais

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Introdução 5 INTRODUÇÃO A seguir, são descritos os comportamentos e princípios gerais de atuação esperados dos Colaboradores da Endesa

Leia mais

Carpathian Gold Inc.

Carpathian Gold Inc. Carpathian Gold Inc. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA EM NEGÓCIOS I. PROPÓSITO DESTE CÓDIGO Este Código de Conduta e Ética em Negócios ("Código") da Carpathian Gold Inc. ("Carpathian") é um acréscimo ao Código

Leia mais

Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson

Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson Finalidade e escopo Na Pearson (incluindo suas subsidiárias e empresas com controle acionário), acreditamos fortemente que agir de forma ética e responsável

Leia mais

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO

DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO I. Declaração da Diretriz. É a diretriz da Global Crossing Limited ( Global Crossing ou a Empresa ) conduzir todos os seus negócios de uma maneira honesta e ética. Ao fazer

Leia mais

POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO DA UL

POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO DA UL Setor jurídico N. do documento: 00-LE-P0030 Edição: 5.0 Data da publicação: 09/04/2010 Data da revisão: 16/09/2013 Data de entrada em vigor: 16/09/2013 Página 1 de 8 POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO

Leia mais

WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS

WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS 1. Code of Ethics WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS Honestidade, integridade e transparência são valores fundamentais da William E. Connor & Associates Limited (a

Leia mais

REGAL-BELOIT CORPORATION PROGRAMA Corporativo Anticorrupção Política de Contratação de Terceiros Anexo 1

REGAL-BELOIT CORPORATION PROGRAMA Corporativo Anticorrupção Política de Contratação de Terceiros Anexo 1 Instruções: O REPRESENTANTE DEVIDAMENTE AUTORIZADO DO TERCEIRO DEVE RESPONDER ÀS QUESTÕES DA VERIFICAÇÃO MINUCIOSA E PREENCHER O TERMO DE CERTIFICAÇÃO E ENVIAR TODAS AS INFORMAÇÕES PARA O FUNCIONÁRIO REGAL

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA ALCOA INC.

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA ALCOA INC. POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA ALCOA INC. a JUSTIFICATIVA: A Alcoa Inc. ( Alcoa ) e sua administração têm o compromisso de conduzir todas as suas operações em todo o mundo com ética e em conformidade com todas

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A.

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A. 1 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A. Este código de ética e conduta foi aprovado pelo Conselho de Administração da INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A. ( Companhia

Leia mais

Quais tipos de informações nós obteremos para este produto

Quais tipos de informações nós obteremos para este produto Termos de Uso O aplicativo Claro Facilidades faz uso de mensagens de texto (SMS), mensagens publicitárias e de serviços de internet. Nos casos em que houver uso de um serviço tarifado como, por exemplo,

Leia mais

Padrões de conduta de Negócios

Padrões de conduta de Negócios Padrões de conduta de Negócios A integridade da Dana está em suas mãos A importância destes padrões A Dana Holding Corporation e todas as suas subsidiárias controladas devem conduzir os negócios de forma

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Código de Ética e Conduta O Código de Ética e Conduta do ESA - Externato Santo Antônio estabelece o comportamento esperado de todos aqueles que trabalham na, para e com a instituição, e tem por objetivo

Leia mais

I - Você e a DBA. II - Construir relacionamentos

I - Você e a DBA. II - Construir relacionamentos O código de ética DBA representa a necessidade de reforço aos valores e à cultura da empresa através da ética. Assim, é fundado nos valores essenciais da corporação e pode ser definido pelas normas padrões

Leia mais

FLEXPAG - Política de Privacidade

FLEXPAG - Política de Privacidade FLEXPAG - Política de Privacidade A infocusweb/flexpag tem um compromisso com o respeito à sua privacidade. Política de Privacidade Nós reconhecemos que ao optar por nos informar alguns de seus dados pessoais,

Leia mais

Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial

Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial É sempre exigido um comportamento legal e ético Este Resumo das políticas de conduta comercial (este "Resumo") fornece uma descrição

Leia mais

Política Anti-Suborno da ADP Questões Frequentes (FAQs)

Política Anti-Suborno da ADP Questões Frequentes (FAQs) Política Anti-Suborno da ADP Questões Frequentes (FAQs) AS COMUNICAÇÕES ENTRE ADVOGADO E CLIENTE SÃO ESTRITAMENTE CONFIDENCIAIS Este documento destina-se a abordar questões que possam surgir no decurso

Leia mais

Experian plc. Código de Conduta Global. Versão 1.2. Fazendo negócios com integridade

Experian plc. Código de Conduta Global. Versão 1.2. Fazendo negócios com integridade Experian plc Código de Conduta Global Versão 1.2 Fazendo negócios com integridade Adotado em 13 de maio de 2010 Corrigido em 15 de maio de 2011 Código de Conduta Global v 1.2 15 de Maio 2011 Experian Restrito

Leia mais

Prezado associado, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 -

Prezado associado, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 - Prezado associado, Há mais de sessenta anos, o nome Tupperware representa os mais altos padrões de qualidade de produto. Também levamos a sério a qualidade e a integridade dos nossos produtos e somos uma

Leia mais

As melhores empresas e os seus funcionários sabem comportar-se

As melhores empresas e os seus funcionários sabem comportar-se Código de conduta As melhores empresas e os seus funcionários sabem comportar-se A nossa visão consiste em ser a melhor empresa de embalagens global para o consumidor. Neste sentido, é importante que actuemos,

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética MENSAGEM DA DIRETORIA A todos os dirigentes e empregados A Companhia de Seguros Aliança do Brasil acredita no Respeito aos princípios éticos e à transparência de conduta com as

Leia mais

Código de Conduta e Ética

Código de Conduta e Ética Página 1 de 5 Código de Conduta e Ética 2012 Resumo A SAVEWAY acredita que seu sucesso está pautado na prática diária de elevados valores éticos e morais, bem como respeito às pessoas, em toda sua cadeia

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA COMERCIAL

CÓDIGO DE ÉTICA COMERCIAL CÓDIGO DE ÉTICA COMERCIAL Os funcionários (incluindo todos os funcionários temporários, de tempo integral ou meio período) da Ag Growth International Inc. e suas entidades correspondentes, incluindo sem

Leia mais

HILLENBRAND, INC. E SUBSIDIÁRIAS. Anticorrupção Global Declaração de Política e Manual de Conformidade

HILLENBRAND, INC. E SUBSIDIÁRIAS. Anticorrupção Global Declaração de Política e Manual de Conformidade HILLENBRAND, INC. E SUBSIDIÁRIAS Anticorrupção Global Declaração de Política e Manual de Conformidade A Hillenbrand, Inc., incluindo todas suas subsidiárias (referidas em conjunto como a Empresa ), mantém

Leia mais

Amway - Política de privacidade

Amway - Política de privacidade Amway - Política de privacidade Esta Política de Privacidade descreve como a Amway Brasil e determinadas filiadas, inclusive a Amway América Latina (conjuntamente Amway ) utilizam dados pessoais coletados

Leia mais

POLÍTICA ANTI-CORRUPÇÃO. Política Anti-corrupção Versão 02 1/9

POLÍTICA ANTI-CORRUPÇÃO. Política Anti-corrupção Versão 02 1/9 POLÍTICA ANTI-CORRUPÇÃO Política Anti-corrupção Versão 02 1/9 RESUMO Resumo dos princípios fundamentais A Securitas acredita num mercado livre para a prestação dos seus serviços, e num ambiente competitivo

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DO FORNECEDOR SODEXO APRIL 2014

CÓDIGO DE CONDUTA DO FORNECEDOR SODEXO APRIL 2014 CÓDIGO DE CONDUTA DO FORNECEDOR SODEXO APRIL 2014 Índice INTRODUÇÃO INTEGRIDADE NOS NEGÓCIOS DIREITOS HUMANOS E DIREITOS FUNDAMENTAIS NO TRABALHO Eliminação de todas as formas de trabalho forçado ou compulsório

Leia mais

Hilti do Brasil Comercial Ltda. Política de Privacidade e Proteção de Informações Pessoais

Hilti do Brasil Comercial Ltda. Política de Privacidade e Proteção de Informações Pessoais Hilti do Brasil Comercial Ltda. Política de Privacidade e Proteção de Informações Pessoais Nós, Hilti (Brasil) Comercial Ltda. (coletivamente, referido como Hilti, "nós", "nosso" ou "a gente") nessa Política

Leia mais

AMMPL (BME) Código de Conduta

AMMPL (BME) Código de Conduta AMMPL (BME) Código de Conduta 1 Código de Conduta da AMMPL (BME) I Introdução A Association Materials Management, Purchasing and Logistics (Associação de Gestão de Materiais, Compras e Logística, AMMPL

Leia mais

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE USO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Revisado em agosto de 2010

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE USO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Revisado em agosto de 2010 FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE USO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Revisado em agosto de 2010 A. Propósito O propósito desta Política de Uso da Tecnologia da Informação ("Política") é oferecer diretrizes

Leia mais

POLÍTICA DE PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO E OUTROS ATOS LESIVOS

POLÍTICA DE PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO E OUTROS ATOS LESIVOS POLÍTICA DE PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO E OUTROS ATOS LESIVOS 1. Introdução A presente Política, aplicável à WEG S/A e todas as suas controladas, representa uma síntese das diretrizes existentes na

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Índice Nossos princípios diretivos 03 Proteção do patrimônio e uso dos ativos 04 Informação confidencial 05 Gestão e Tratamento dos Colaboradores 06 Conflitos de interesse 07

Leia mais

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

POLÍTICA DE PRIVACIDADE POLÍTICA DE PRIVACIDADE A FUNCIONAL, com o escopo de firmar o compromisso junto aos USUÁRIOS visando a segurança e privacidade das informações transitadas e recepcionadas através de seus sites www.funcionalcorp.com.br

Leia mais

POLÍTICA DE DENÚNCIAS

POLÍTICA DE DENÚNCIAS (constituída nas Bermudas com responsabilidade limitada) (Código de negociação em bolsa: 1768) (a Sociedade ) POLÍTICA DE DENÚNCIAS 1. Objetivo Esta Política estabelece os meios que: a) os funcionários

Leia mais

4 Princípio 1 Responsabilizar-se pela Própria Segurança e pela Segurança dos Outros

4 Princípio 1 Responsabilizar-se pela Própria Segurança e pela Segurança dos Outros Aplicação O Código de Conduta e Ética Comercial("Código") da Apolo Tubulars S.A. ( Apolo ) se aplica a todos nós -- diretores, funcionários e empregados em tempo integral e meio-expediente da Apolo. No

Leia mais

Manual Anticorrupção

Manual Anticorrupção Manual Anticorrupção pág. 2 Estrutura do Manual Anticorrupção 1. Introdução pág. 04 2. Definições pág. 06 3. Regras e Procedimentos pág. 08 4. Violações e Sanções Aplicáveis pág. 16 pág. 3 1. Introdução

Leia mais

Resposta de pergunta para funcionários

Resposta de pergunta para funcionários Resposta de pergunta para funcionários Sobre a EthicsPoint Geração de Denúncias - Geral Segurança e Confidencialidade da Geração de Denúncias Dicas e Melhores Práticas Sobre a EthicsPoint O que é a EthicsPoint?

Leia mais

Guia de Conduta do Colaborador e Prestador de Serviço Aker. 1 Aker Security Solutions www.aker.com.br

Guia de Conduta do Colaborador e Prestador de Serviço Aker. 1 Aker Security Solutions www.aker.com.br Guia de Conduta do Colaborador e Prestador de Serviço Aker 1 Importante Este guia faz parte da política interna da Aker Security Solutions e sua utilização é restrita a colaboradores e prestadores de serviço

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DOS COLABORADORES DA FUNDAÇÃO CASA DA MÚSICA

CÓDIGO DE CONDUTA DOS COLABORADORES DA FUNDAÇÃO CASA DA MÚSICA CÓDIGO DE CONDUTA DOS COLABORADORES DA FUNDAÇÃO CASA DA MÚSICA Na defesa dos valores de integridade, da transparência, da auto-regulação e da prestação de contas, entre outros, a Fundação Casa da Música,

Leia mais

Ivan Drummond Filho C.E.O. International Health Care Offshore CNPJ 07.527.778/0001-00. Sobre o Código

Ivan Drummond Filho C.E.O. International Health Care Offshore CNPJ 07.527.778/0001-00. Sobre o Código Página 1 de 8 International Health Care Offshore CNPJ 07.527.778/0001-00 Sobre o Código As relações interpessoais devem seguir as normas de respeito individual e coletivo sempre considerando o bem estar

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL. Informações confidenciais; Proteção e uso adequado dos ativos da empresa 4

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL. Informações confidenciais; Proteção e uso adequado dos ativos da empresa 4 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL Introdução e Propósito 2 Padrões gerais de ética 2 Conflito de interesses 3 Informações confidenciais; Proteção e uso adequado dos

Leia mais

Padrões de Conduta de Negócios

Padrões de Conduta de Negócios Padrões de Conduta de Negócios A integridade da Dana está em suas mãos A importância destes padrões A Dana Holding Corporation e todas as suas subsidiárias devem conduzir os negócios de uma forma ética

Leia mais

Introdução: Código de Conduta Corporativa

Introdução: Código de Conduta Corporativa Transporte Excelsior Ltda Código de Conduta Corporativa Introdução: A Transporte Excelsior através desse Código Corporativo de Conduta busca alinhar e apoiar o cumprimento de nossa Missão, Visão e Valores,

Leia mais

Termos & Condições www.grey.com (o website ) é de propriedade do Grupo Grey e operado por ele ( nosso, nós e nos ).

Termos & Condições www.grey.com (o website ) é de propriedade do Grupo Grey e operado por ele ( nosso, nós e nos ). Condições de Uso do Website Termos & Condições www.grey.com (o website ) é de propriedade do Grupo Grey e operado por ele ( nosso, nós e nos ). Ao acessar este site, você concorda em ficar vinculado a

Leia mais

Membros da AESC devem usar seus melhores esforços para proteger as informações confidenciais de seus clientes. Especificamente, um membro deverá:

Membros da AESC devem usar seus melhores esforços para proteger as informações confidenciais de seus clientes. Especificamente, um membro deverá: INTRODUÇÃO A Association of Executive Search Consultants (AESC), como uma associação global de Retained Executive Search e Consultoria em Liderança, esforça-se em elevar o profissionalismo dos seus parceiros.

Leia mais

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética SUMÁRIO CONCEITO OBJETIVO ABRANGÊNCIA PRINCÍPIOS DE RELACIONAMENTOS CONFLITOS DE INTERESSE CONFIDENCIALIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESERVAÇÃO

Leia mais

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00 Páginas 1/8 1. OBJETIVO O Código de Ética é um conjunto de diretrizes e regras de atuação, que define como os empregados e contratados da AQCES devem agir em diferentes situações no que diz respeito à

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução.

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução. CÓDIGO DE ÉTICA Introdução. Os princípios Éticos que formam a consciência e fundamentam nossa imagem no segmento de recuperação de crédito e Call Center na conduta de nossa imagem sólida e confiável. Este

Leia mais

2.1. Cumprimos leis e regulamentos nacionais e internacionais. Obedecemos a todas as leis e regulamentos internacionais e nacionais relevantes.

2.1. Cumprimos leis e regulamentos nacionais e internacionais. Obedecemos a todas as leis e regulamentos internacionais e nacionais relevantes. CÓDIGO DE CONDUTA 1. Introdução O Código de Conduta Ahlstrom descreve os princípios éticos que sustentam o modo como conduzimos os negócios em nossa empresa. Baseia-se em nossos principais valores Agir

Leia mais

22 de Dezembro de 2009

22 de Dezembro de 2009 W. L. GORE & ASSOCIATES, INC. 555 PAPER MILL ROAD P.O. BOX 9329 NEWARK, DE 19714-9329 Telefone 302.738.4880 Fax 302.738.7710 22 de Dezembro de 2009 RE: NORMAS DE CONDUTA ÉTICA DOS ASSOCIADOS Caro Associado:

Leia mais

MAGNA INTERNATIONAL INC

MAGNA INTERNATIONAL INC MAGNA INTERNATIONAL INC CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Este Código de Conduta e Ética apresenta os princípios básicos com os quais estamos comprometidos em relação à nossa forma de lidar com todos os grupos

Leia mais

Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função

Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função Título Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função Departamento Jurídico da Holding Documento BGHP_version1_03032011 1. Finalidade A finalidade desta

Leia mais

O site www.grey.com é operado e de propriedade do Grupo Grey.

O site www.grey.com é operado e de propriedade do Grupo Grey. Termos e Condições O site www.grey.com é operado e de propriedade do Grupo Grey. Ao acessar este site, você concorda em cumprir estes termos e condições. Leia atentamente. CASO NÃO CONCORDE EM CUMPRIR

Leia mais

Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com outros associados. Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com fornecedores

Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com outros associados. Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com fornecedores Conflito de Interesses Geral Conflito de Interesses - Investimentos Financeiros Conflito de Interesses - Brindes e Gratificações Conflito de Interesses - Emprego paralelo ao Walmart Conflito de Interesses

Leia mais

Código de Conduta e Ética nos Negócios do Parceiro

Código de Conduta e Ética nos Negócios do Parceiro Oracle PartnerNetwork Código de Conduta e Ética nos Negócios do Parceiro 1 I. ADEQUAÇÃO Este Código aplica-se a você como Oracle Partner, a seus revendedores e a todo o pessoal empregado ou envolvido na

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DE FORNECEDOR

CÓDIGO DE CONDUTA DE FORNECEDOR CÓDIGO DE CONDUTA DE FORNECEDOR É fundamental que os funcionários da Jones Lang LaSalle Incorporated (incluindo a LaSalle Investment Management e suas demais subsidiárias, Jones Lang LaSalle, doravante

Leia mais

QUEST SOFTWARE, INC. CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA. (Emendado em novembro de 2009)

QUEST SOFTWARE, INC. CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA. (Emendado em novembro de 2009) QUEST SOFTWARE, INC. CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA (Emendado em novembro de 2009) Introdução A Quest Software, Inc ( Quest ) tem como compromisso manter em tudo o que fazemos um alto padrão em ética e conduta

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA

CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA 2004 CÓDIGO DE ÉTICA PASQUALE NATUZZI Fundador e Presidente do Grupo Natuzzi A missão do Grupo Natuzzi é criar valor com integridade: para clientes, colaboradores e acionistas. Criar valor

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE CADASTRAMENTO NO BANCO DE CONSULTORES DA ACOI EXPERT NETWORK 1

TERMOS E CONDIÇÕES DE CADASTRAMENTO NO BANCO DE CONSULTORES DA ACOI EXPERT NETWORK 1 TERMOS E CONDIÇÕES DE CADASTRAMENTO NO BANCO DE CONSULTORES DA ACOI EXPERT NETWORK 1 Os Termos e Condições abaixo dizem respeito aos requisitos exigidos dos profissionais especializados para seu cadastramento

Leia mais

Termos de Serviço do Code Club World

Termos de Serviço do Code Club World Termos de Serviço do Code Club World POR FAVOR LEIA ESTE DOCUMENTO CUIDADOSAMENTE. CONTÉM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE SEUS DIREITOS E OBRIGAÇÕES. CONTÉM TAMBÉM A ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE E A CLÁUSULA

Leia mais

Código de Conduta Ética da Hix Investimentos Ltda.

Código de Conduta Ética da Hix Investimentos Ltda. Código de Conduta Ética da Hix Investimentos Ltda. Objetivo O presente Código de Conduta Ética tem por objetivo estabelecer os aspectos e postura exigidos de administradores, colaboradores e funcionários

Leia mais

Jaguar Mining Inc. Canal de Denúncias. Responsável: Comitê de Auditoria. Política número: 2. Versão: 1

Jaguar Mining Inc. Canal de Denúncias. Responsável: Comitê de Auditoria. Política número: 2. Versão: 1 Jaguar Mining Inc. Canal de Denúncias Responsável: Comitê de Auditoria Política número: 2 Versão: 1 Data de início da vigência: 30 de Setembro de 2007 Índice Aprovações e Histório de Revisões 2 Política

Leia mais

CÓDIGO EMPRESARIAL DA MAHLE

CÓDIGO EMPRESARIAL DA MAHLE CÓDIGO EMPRESARIAL DA MAHLE INTRODUÇÃO O nome MAHLE está relacionado ao desempenho, precisão, perfeição e inovação. Buscando performance como fazemos, nosso objetivo primordial é maximizar a satisfação

Leia mais

Conduta nos negócios

Conduta nos negócios Conduta nos negócios Como funcionários, voluntários e representantes da USP, devemos conhecer e cumprir o Código e todas as leis ou POPs relacionados às nossas responsabilidades na USP, conforme aplicável.

Leia mais

ESTATUTO DO COMITÊ DE AUDITORIA DO CONSELHO DIRETOR 23 DE OUTUBRO DE 2014

ESTATUTO DO COMITÊ DE AUDITORIA DO CONSELHO DIRETOR 23 DE OUTUBRO DE 2014 ESTATUTO DO COMITÊ DE AUDITORIA DO CONSELHO DIRETOR 23 DE OUTUBRO DE 2014 I. FINALIDADE A finalidade do Comitê de Auditoria da AGCO Corporation (a Empresa ) é auxiliar o Conselho Diretor (o Conselho )

Leia mais

Código de Conduta. Os fundamentos

Código de Conduta. Os fundamentos Os fundamentos A ética e a integridade nos negócios asseguram nossa credibilidade. Nem é preciso dizer que todos os colaboradores devem observar as leis e regulamentações dos locais em que trabalham e

Leia mais

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Setembro de 2010

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Setembro de 2010 FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE PRIVACIDADE A. Propósito Setembro de 2010 A Franklin Electric Co., Inc. e suas subsidiárias e afiliadas (em conjunto, a Empresa ) têm o compromisso de proteger a

Leia mais

Princípios Gerais de Negócios da ARCADIS Logos

Princípios Gerais de Negócios da ARCADIS Logos Princípios Gerais de Negócios da ARCADIS Logos Conteúdo 1 Página Capítulo 2 1. Introdução 3 2. Nossos Compromissos 3! Compromissos com a sociedade 3! Compromissos para com os clientes 4! Compromissos para

Leia mais

.1 Comportamentos esperados

.1 Comportamentos esperados Normas de Conduta Normas de Conduta Este documento contém normas de conduta que devem ser respeitadas pelos diretores, auditores, líderes e todos os empregados do Grupo Pirelli, e também por todos que

Leia mais

POLÍTICA GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DA DUN & BRADSTREET

POLÍTICA GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DA DUN & BRADSTREET POLÍTICA GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DA DUN & BRADSTREET JUNHO DE 2015 OBJETIVO DA POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO A Dun & Bradstreet está comprometida com os mais elevados padrões éticos. Acreditamos em conduzir os negócios

Leia mais