Ministério dos Petróleos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ministério dos Petróleos"

Transcrição

1 Ministério dos Petróleos Resolução nº 19/04 de 30 de Julho Considerando o bom nível de relações político-diplomáticas e de cooperação com a República Democrática do Congo e o interesse de ambos os países em estreitarem estas relações. Considerando a necessidade de se proceder à exploração racional, equilibrada e no interesse comum da Bacia Inferior do Congo, enquanto não forem delimitados os limites fronteiriços nesta região pelos dois países. Nestes termos e ao abrigo das disposições combinadas do artigo 113 e da alínea g) do nº 2 do artigo 114º, ambos da Lei Constitucional, o Governo emite a seguinte resolução: 1º É aprovado o Memorando de Entendimento sobre Exploração Petrolífera Comum da Bacia Inferior do Congo assinado aos 18 de Junho de 2003, entre os Governos da República de Angola e da República Democrática do Congo. 2º A presente resolução entra em vigor na data da sua publicação.

2 MEMORANDO DE ENTENDIMENTO PARA UMA EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA COMUM DAS ÁGUAS PROFUNDAS DA BACIA INFERIOR DO CONGO O presente memorando de entendimento Memorandos é celebrado entre: A República Democrática do Congo, representada pelo Vice-Ministro encarregue da pasta dos hidrocarbonetos, adiante designada por RDC, de uma Parte e a República de Angola, representada pelo Vice-Minístro dos Petróleos, adiante designada por <<Angola>>, de outra Parte. Considerando a vontade da RDC e de Angola em promover relações económicas frutuosas na Bacia Inferior do Congo; Considerando a necessidade da RDC ter acesso à Zona Marítima Internacional, enquanto se aguarda a regulamentação definitiva da questão relativa à delimitação da fronteira marítima dos dois países; Considerando a vontade política dos chefes de Estado da RDC e de Angola, bem como a determinação dos Governos dos dois países em reunir, no mais curto prazo, todas as condições que permitam a exploração comum dos recursos petrolíferos da zona económica de interesse comum definida no presente Memorando. As duas Partes acordam e determinam o seguinte: 1. A criação de um corredor marítimo de exploração comum petrolífera <<Corredor>> a partir do qual serão definidas zonas de interesse comum <<Zonas>>. Excepto se em contrário for estabelecido no presente Memorando todos os recursos petrolíferos das Zonas serão propriedade indivisa das duas Partes. 2. O Corredor localizar-se-á na região marítima compreendida entre o Sul do Bloco 14, o Norte do Bloco 15 e o Norte do Bloco 31 das concessões petrolíferas angolanas e encontra-se definida no Anexo I ao presente Memorando. 3. As Zonas serão constituídas por jazigos que serão identificados a partir do Corredor e definidas por comum acordo das Partes. 4. O Corredor não integra os jazigos petrolíferos já descobertos pejas empresas operadoras das concessões petrolíferas angolanas e que são indicados no Anexo II a este Memorando, a não ser que os mesmos sejam abandonados ou libertados. As Partes comprometem-se a tempo possível. Os trabalhos de identificação das estruturas petrolíferas do Corredor (algumas das quais se indicam no Anexo III) processar-se-ão na Sonangol, em Luanda, de acordo com o calendário constante do Anexo IV a este Memorando. 5. A repartição dos interesses entre as Partes no Corredor relativamente a cada zona será a seguinte: Angola: 50%; República Democrática do Congo: 50%.

3 6. A participação associativa do Operador será dividida paritariamente entre as duas Partes. 7. A repartição dos interesses da RDC e Angola no Corredor entre as sociedades nacionais (Cohydro e Sonangol) e os privados será definida respectivamente pelas duas Partes. 8. As duas Partes comprometem-se, após a assinatura do presente Memorando, a proceder à sua rápida ratificação pelas entidades competentes dos respectivos países, bem como a designar os peritos encarregues de preparar os acordos que estabeleçam modalidades de exploração conjunta dos recursos petrolíferos no Corredor. 9. As duas Partes acordam que, caso se torne necessário fazer a ligação, através de condutas, de estruturas petrolíferas entre as concessões angolanas localizadas ao Norte do Rio Congo e as que se encontrem situadas ao Sul deste rio, que tenham de atravessar o Corredor ou o território marítimo da RDC, as mesmas poderão ser instaladas gratuitamente e sem necessidade de quaisquer autorizações das Partes, devendo a estas apenas ser comunicada a sua localização e respectivas especificações técnicas. 10. O presente Memorando é celebrado em dois exemplares originais em francês e em dois exemplares em português, fazendo fé todas as versões.

4

5

6

7 ANEXO IV Calendário dos Trabalhos de Interpretação e Avaliação das Estruturas e Prospectos do Corredor 90 dias úteis durante o período de...a...de Inventário dos dados disponíveis e contacto com os operadores para complemento dos dados. 2. Realização da síntese geológica geral. 3. Interpretação geofísica. 4. Correlação dos dados dos poços e dos dados geofísicos. 5. Relatório final da avaliação do potencial petrolífero das estruturas ou prospectos identificados.

MINISTÉRIO DOS PETRÓLEOS

MINISTÉRIO DOS PETRÓLEOS MINISTÉRIO DOS PETRÓLEOS Conselho de Ministros Decreto nº 69/05 de 26 de Setembro Considerando que a Lei Constitucional e a Lei nº 10/04, de 12 de Novembro, determinam que todos os jazigos de hidrocarbonetos

Leia mais

Decreto n.º 7/1992 Acordo de Cooperação no Domínio dos Petróleos entre a República Portuguesa e a República Popular de Angola

Decreto n.º 7/1992 Acordo de Cooperação no Domínio dos Petróleos entre a República Portuguesa e a República Popular de Angola Decreto n.º 7/1992 Acordo de Cooperação no Domínio dos Petróleos entre a República Portuguesa e a República Popular de Angola Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da Constituição, o Governo

Leia mais

LEI DO PETRÓLEO - Nº 9.478, DE 6 DE AGOSTO DE Presidência da República - Subchefia para Assuntos Jurídicos

LEI DO PETRÓLEO - Nº 9.478, DE 6 DE AGOSTO DE Presidência da República - Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI DO PETRÓLEO - Nº 9.478, DE 6 DE AGOSTO DE 1997 Presidência da República - Subchefia para Assuntos Jurídicos Dispõe sobre a política energética nacional, as atividades relativas ao monopólio do petróleo,

Leia mais

ACORDO QUADRO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA ISLÂMICA DA MAURITÂNIA

ACORDO QUADRO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA ISLÂMICA DA MAURITÂNIA Decreto n.º 33/99 Acordo Quadro de Cooperação entra a República Portuguesa e a República Islâmica da Mauritânia, assinado em Nouakchott, em 19 de Dezembro de 1998 Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo

Leia mais

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO MEMORANDO DE ENTENDIMENTO Sob o Alto Patrocínio do MINISTRO DA ECONOMIA E DESENVOLVIMENTO DA REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DE Ti MOR-LESTE e da MINISTRA DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL DE PORTUGAL É OUTORGADO:

Leia mais

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA ÁUSTRIA SOBRE EQUIVALÊNCIAS NO ÂMBITO DO ENSINO UNIVERSITÁRIO

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA ÁUSTRIA SOBRE EQUIVALÊNCIAS NO ÂMBITO DO ENSINO UNIVERSITÁRIO Decreto do Governo n.º 32/84 Acordo entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República da Áustria sobre Equivalências no Âmbito do Ensino Universitário O Governo decreta, nos termos da alínea

Leia mais

Diploma legal. Convindo regulamentar tais procedimentos; 1 / 7

Diploma legal. Convindo regulamentar tais procedimentos; 1 / 7 O Decreto n.º 13/10, de 10 de Fevereiro faz a regulamentação ao Decreto-Lei n.º 17/09, de 26 de Junho (que regula a Formação do Pessoal Angolano no Sector Petrolífero) nomeadamente do recrutamento, integração,

Leia mais

DECRETO N.º 189/IX DEFINE O REGIME JURÍDICO DA ASSISTÊNCIA NOS LOCAIS DESTINADOS A BANHISTAS. Artigo 1.º Objecto

DECRETO N.º 189/IX DEFINE O REGIME JURÍDICO DA ASSISTÊNCIA NOS LOCAIS DESTINADOS A BANHISTAS. Artigo 1.º Objecto DECRETO N.º 189/IX DEFINE O REGIME JURÍDICO DA ASSISTÊNCIA NOS LOCAIS DESTINADOS A BANHISTAS A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, para valer como

Leia mais

Decreto n.º 17/94 Acordo Cinematográfico entre a República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe

Decreto n.º 17/94 Acordo Cinematográfico entre a República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe Decreto n.º 17/94 Acordo Cinematográfico entre a República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da Constituição, o Governo decreta

Leia mais

ACORDO QUADRO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REGIÃO ADMINISTRATIVA ESPECIAL DE MACAU DA REPÚBLICA POPULAR DA CHINA.

ACORDO QUADRO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REGIÃO ADMINISTRATIVA ESPECIAL DE MACAU DA REPÚBLICA POPULAR DA CHINA. Resolução da Assembleia da República n.º 17/2003 Acordo Quadro de Cooperação entre a República Portuguesa e a Região Administrativa Especial de Macau da República Popular da China, assinado em Macau em

Leia mais

Decreto n.º 35/95 Acordo de Cooperação Técnica e de Intercâmbio no Domínio da Comunicação Social entre a República Portuguesa e a República de Angola

Decreto n.º 35/95 Acordo de Cooperação Técnica e de Intercâmbio no Domínio da Comunicação Social entre a República Portuguesa e a República de Angola Decreto n.º 35/95 Acordo de Cooperação Técnica e de Intercâmbio no Domínio da Comunicação Social entre a República Portuguesa e a República de Angola Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da

Leia mais

Acordo sobre a Concessão de Visto para Estudantes Nacionais dos Estados membros da CPLP

Acordo sobre a Concessão de Visto para Estudantes Nacionais dos Estados membros da CPLP Acordo sobre a Concessão de Visto para Estudantes Nacionais dos Estados membros da CPLP e-mail: geral@info-angola.com portal: www.info-angola.com Página 1 / 5 Considerando que um dos principais objectivos

Leia mais

TRATADO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA FRANCESA RELATIVO À COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA DEFESA

TRATADO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA FRANCESA RELATIVO À COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA DEFESA Resolução da Assembleia da República n.º 30/2000 Tratado entre a República Portuguesa e a República Francesa Relativo à Cooperação no Domínio da Defesa, assinado em Paris em 30 de Julho de 1999 Resolução

Leia mais

ACORDO ENTRE O GOVERNO DA REPÚBLICA PORTUGUESA E O GOVERNO DA REPÚBLICA CHECA SOBRE A COOPERAÇÃO ECONÓMICA, INDUSTRIAL E TÉCNICO-CIENTÍFICA.

ACORDO ENTRE O GOVERNO DA REPÚBLICA PORTUGUESA E O GOVERNO DA REPÚBLICA CHECA SOBRE A COOPERAÇÃO ECONÓMICA, INDUSTRIAL E TÉCNICO-CIENTÍFICA. Decreto n.º 3/95 Acordo entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República Checa sobre a Cooperação Económica, Industrial e Técnico-Científica Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º

Leia mais

SEGUNDO PROTOCOLO AO ACORDO GERAL SOBRE O COMÉRCIO DE SERVIÇOS

SEGUNDO PROTOCOLO AO ACORDO GERAL SOBRE O COMÉRCIO DE SERVIÇOS Decreto n.º 4/97 Segundo e Terceiro Protocolos ao Acordo Geral sobre o Comércio de Serviços e as alterações à lista de compromissos específicos das Comunidades Europeias e seus Estados membros em matéria

Leia mais

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA FRANCESA RELATIVO À READMISSÃO DE PESSOAS EM SITUAÇÃO IRREGULAR.

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA FRANCESA RELATIVO À READMISSÃO DE PESSOAS EM SITUAÇÃO IRREGULAR. Resolução da Assembleia da República n.º 15/1994 Acordo entre a República Portuguesa e a República Francesa Relativo à Readmissão de Pessoas em Situação Irregular Aprova o Acordo entre a República Portuguesa

Leia mais

Acordo entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Reino de Espanha sobre Cooperação no Sector do Turismo

Acordo entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Reino de Espanha sobre Cooperação no Sector do Turismo Decreto do Governo n.º 80/84 Acordo entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Reino de Espanha sobre Cooperação no Sector do Turismo, bem como o seu Protocolo Adicional O Governo decreta,

Leia mais

AVISO N.º 11/2016 ASSUNTO: ABERTURA E ENCERRAMENTO DE AGÊNCIAS E DEPENDÊNCIAS

AVISO N.º 11/2016 ASSUNTO: ABERTURA E ENCERRAMENTO DE AGÊNCIAS E DEPENDÊNCIAS AVISO N.º 11/2016 ASSUNTO: ABERTURA E ENCERRAMENTO DE AGÊNCIAS E DEPENDÊNCIAS Havendo necessidade de se estabelecer os procedimentos e requisitos a serem observados no âmbito do dever de informação inerente

Leia mais

Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da Constituição, o Governo decreta o seguinte: Artigo único

Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da Constituição, o Governo decreta o seguinte: Artigo único Decreto n.º 31/1994 Protocolo de Cooperação entre a República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe visando a gestão e o funcionamento do Hospital Escolar Dr. António Agostinho Neto

Leia mais

ACORDO SOBRE O BENEFÍCIO DA JUSTIÇA GRATUITA E ASSISTÊNCIA JURÍDICA GRATUITA ENTRE OS ESTADOS PARTES DO MERCOSUL

ACORDO SOBRE O BENEFÍCIO DA JUSTIÇA GRATUITA E ASSISTÊNCIA JURÍDICA GRATUITA ENTRE OS ESTADOS PARTES DO MERCOSUL MERCOSUL/CMC/DEC Nº 49/00 ACORDO SOBRE O BENEFÍCIO DA JUSTIÇA GRATUITA E ASSISTÊNCIA JURÍDICA GRATUITA ENTRE OS ESTADOS PARTES DO MERCOSUL TENDO EM VISTA: O Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro Preto,

Leia mais

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA NO DOMÍNIO DA DEFESA

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA NO DOMÍNIO DA DEFESA PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA NO DOMÍNIO DA DEFESA Os Governos da: República de Angola; República Federativa do Brasil; República de Cabo Verde; República da Guiné-Bissau;

Leia mais

I - Disposições gerais. Artigo 1.º

I - Disposições gerais. Artigo 1.º Decreto n.º 55/97 de 4 de Outubro Acordo de Cooperação entre a República Portuguesa e a República de Moçambique nos Domínios do Desenvolvimento Marítimo, Hidrografia, Cartografia Náutica, Segurança e Ajudas

Leia mais

AVISO N.º05/2015. Considerando a necessidade de promover o aumento da segurança dos cheques, designadamente, ao nível dos respectivos formulários;

AVISO N.º05/2015. Considerando a necessidade de promover o aumento da segurança dos cheques, designadamente, ao nível dos respectivos formulários; Publicado no Diário da República, I série, nº 53, de 20 de Abril AVISO N.º05/2015 ASSUNTO: SISTEMA DE PAGAMENTOS DE ANGOLA - Cheque Normalizado Considerando a necessidade de promover o aumento da segurança

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA ÍNDIA

ACORDO DE COOPERAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA ÍNDIA Decreto n.º 15/99 Acordo de Cooperação Científica e Tecnológica entre a República Portuguesa e a República da Índia, assinado em Nova Deli em 3 de Dezembro de 1998 Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo

Leia mais

De destacar, a obrigatoriedade de igualdade de tratamento, pelo Empregador, entre o Trabalhador Nacional e o Trabalhador Estrangeiro.

De destacar, a obrigatoriedade de igualdade de tratamento, pelo Empregador, entre o Trabalhador Nacional e o Trabalhador Estrangeiro. O Decreto n.º 6/01, de 19 de Janeiro aprova o Regulamento Sobre o Exercício da Actividade Profissional do Trabalhador Estrangeiro Não Residente, quer no sector público, quer no sector privado, tendo entrado

Leia mais

Decreto n.º 142/79 Acordo de Pescas entre o Governo de Portugal e o Governo do Japão

Decreto n.º 142/79 Acordo de Pescas entre o Governo de Portugal e o Governo do Japão Decreto n.º 142/79 Acordo de Pescas entre o Governo de Portugal e o Governo do Japão O Governo decreta, nos termos da alínea c) do artigo 200.º da Constituição, o seguinte: Artigo único. É aprovado o Acordo

Leia mais

Decreto n.º 6/01 de 19 de Janeiro - Regulamento sobre o Exercício da Actividade Profissional do Trabalhador Estrangeiro Não Residente

Decreto n.º 6/01 de 19 de Janeiro - Regulamento sobre o Exercício da Actividade Profissional do Trabalhador Estrangeiro Não Residente Decreto n.º 6/01 de 19 de Janeiro - Regulamento sobre o Exercício da Actividade Profissional do Trabalhador Estrangeiro Não Residente e-mail: geral@info-angola.com portal: www.info-angola.com Página 1

Leia mais

Decreto n.º 3/2000 Acordo Geral de Cooperação entre a República Portuguesa e a República do Mali, assinado em Lisboa em 14 de Setembro de 1999

Decreto n.º 3/2000 Acordo Geral de Cooperação entre a República Portuguesa e a República do Mali, assinado em Lisboa em 14 de Setembro de 1999 Decreto n.º 3/2000 Acordo Geral de Cooperação entre a República Portuguesa e a República do Mali, assinado em Lisboa em 14 de Setembro de 1999 Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 197.º da Constituição,

Leia mais

Decreto n.º 98/77 Acordo Comercial e de Cooperação Económica, Industrial e Técnica entre o Governo de Portugal e o Governo da Índia

Decreto n.º 98/77 Acordo Comercial e de Cooperação Económica, Industrial e Técnica entre o Governo de Portugal e o Governo da Índia Decreto n.º 98/77 Acordo Comercial e de Cooperação Económica, Industrial e Técnica entre o Governo de Portugal e o Governo da Índia O Governo decreta, nos termos da alínea c) do artigo 200.º da Constituição,

Leia mais

PROTOCOLO DE MONTEVIDÉU SOBRE COMPROMISSO COM A DEMOCRACIA NO MERCOSUL (USHUAIA II)

PROTOCOLO DE MONTEVIDÉU SOBRE COMPROMISSO COM A DEMOCRACIA NO MERCOSUL (USHUAIA II) PROTOCOLO DE MONTEVIDÉU SOBRE COMPROMISSO COM A DEMOCRACIA NO MERCOSUL (USHUAIA II) A República Argentina, a República Federativa do Brasil, a República do Paraguai, a República Oriental do Uruguai, Estados

Leia mais

A Resolução n." 13/96, de 4 de Outubro, da Comissão Permanente do Conselho de Ministros, estabelece no n." 2 do artigo 6.

A Resolução n. 13/96, de 4 de Outubro, da Comissão Permanente do Conselho de Ministros, estabelece no n. 2 do artigo 6. MINISTÉRIO DOS PETRÓLEOS Despacho n," 16/97 de 16 de Maio A Resolução n." 13/96, de 4 de Outubro, da Comissão Permanente do Conselho de Ministros, estabelece no n." 2 do artigo 6. que a forma de aplicação

Leia mais

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DAS FINANÇAS PÚBLICAS ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE.

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DAS FINANÇAS PÚBLICAS ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE. Decreto n.º 11/99 Protocolo de Cooperação no Domínio das Finanças Públicas entre a República Portuguesa e a República de Moçambique, assinado em Maputo aos 10 de Outubro de 1998 Nos termos da alínea c)

Leia mais

Memorando de Entendimento. Entre A COMUNIDADE DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA A ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE TURISMO

Memorando de Entendimento. Entre A COMUNIDADE DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA A ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE TURISMO Memorando de Entendimento Entre A COMUNIDADE DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E A ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE TURISMO Considerando que a Comunidade de Países de Língua Oficial Portuguesa doravante designada por

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE NO DOMÍNIO DA DEFESA

ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE NO DOMÍNIO DA DEFESA ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE NO DOMÍNIO DA DEFESA A República Portuguesa e a República de Moçambique, doravante designadas por Partes : Animadas pela vontade

Leia mais

ACORDO INTERNACIONAL SOBRE A UTILIZAÇÃO DE ESTAÇÕES TERRENAS DE NAVIO DA INMARSAT NOS LIMITES DO MAR TERRITORIAL E NOS PORTOS.

ACORDO INTERNACIONAL SOBRE A UTILIZAÇÃO DE ESTAÇÕES TERRENAS DE NAVIO DA INMARSAT NOS LIMITES DO MAR TERRITORIAL E NOS PORTOS. Decreto n.º 16/94 de 28 de Maio Acordo Internacional sobre a Utilização de Estações Terrenas de Navio da INMARSAT nos Limites do Mar Territorial e nos Portos Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo

Leia mais

CRIAÇÃO DO GRUPO TÉCNICO DE ESTUDO PARA A EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO CONJUNTAS DE HIDROCARBONETOS NO ESPAÇO DA CPLP

CRIAÇÃO DO GRUPO TÉCNICO DE ESTUDO PARA A EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO CONJUNTAS DE HIDROCARBONETOS NO ESPAÇO DA CPLP CRIAÇÃO DO GRUPO TÉCNICO DE ESTUDO PARA A EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO CONJUNTAS DE HIDROCARBONETOS NO ESPAÇO DA CPLP Índice 1. Contexto..3 2. Criação do Grupo Técnico de Estudo para a Exploração e Produção de

Leia mais

A República Portuguesa e a República Federativa do Brasil (doravante denominadas «Partes»):

A República Portuguesa e a República Federativa do Brasil (doravante denominadas «Partes»): Decreto n.º 30/2002 Acordo entre a República Portuguesa e a República Federativa do Brasil sobre o Exercício de Actividades Remuneradas por parte de Dependentes do Pessoal Diplomático, Consular, Administrativo,

Leia mais

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS DE VERÃO

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS DE VERÃO REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS DE VERÃO Nos termos do art.º 24º da Lei nº 62/2007 de 10 de Setembro, compete às Instituições de Ensino Superior apoiar a inserção dos seus estudantes no mundo do trabalho. Tal

Leia mais

I - Disposições gerais

I - Disposições gerais Decreto n.º 56/89 de 9 de Novembro Acordo de Cooperação entre a República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe nos Domínios do Desenvolvimento Marítimo, Hidrografia, Cartografia,

Leia mais

Protocolo de Cooperação. entre COMITÉ OLÍMPICO DE PORTUGAL INSTITUTO CIVIL DA AUTODISCIPLINA DA COMUNICAÇÃO COMERCIAL

Protocolo de Cooperação. entre COMITÉ OLÍMPICO DE PORTUGAL INSTITUTO CIVIL DA AUTODISCIPLINA DA COMUNICAÇÃO COMERCIAL Protocolo de Cooperação entre COMITÉ OLÍMPICO DE PORTUGAL e INSTITUTO CIVIL DA AUTODISCIPLINA DA COMUNICAÇÃO COMERCIAL ENTRE: Comité Olímpico de Portugal, instituição de utilidade pública, com personalidade

Leia mais

ISÉRIE N.º203 DE25DEOUTUBRODE Despacho Presidencial n.º 66/10. Apreciado em Conselho de Ministros, em Luanda, aos29desetembrode2010.

ISÉRIE N.º203 DE25DEOUTUBRODE Despacho Presidencial n.º 66/10. Apreciado em Conselho de Ministros, em Luanda, aos29desetembrode2010. ISÉRIE N.º203 DE25DEOUTUBRODE2010 3301 Despacho Presidencial n.º 66/10 de25deoutubro Considerando a importância dos minerais, para a economia nacional; Considerando que o território nacional possui um

Leia mais

Senhores Membros do Congresso Nacional,

Senhores Membros do Congresso Nacional, Mensagem n o 691 Senhores Membros do Congresso Nacional, Nos termos do disposto no art. 49, inciso I, combinado com o art. 84, inciso VIII, da Constituição, submeto à elevada consideração de Vossas Excelências,

Leia mais

Publicado no Diário da República, I série, nº 223, de 24 de Dezembro AVISO N.º 13/2014. investidores privados externos

Publicado no Diário da República, I série, nº 223, de 24 de Dezembro AVISO N.º 13/2014. investidores privados externos Publicado no Diário da República, I série, nº 223, de 24 de Dezembro AVISO N.º 13/2014 ASSUNTO: OPERAÇÕES DE INVISÍVEIS CORRENTES - Transferências para o exterior de lucros ou dividendos dos investidores

Leia mais

Publicado no Diário da República, I série, nº 72, de 18 de Abril. Decreto Presidencial n.º 65/11 de 18 de Abril

Publicado no Diário da República, I série, nº 72, de 18 de Abril. Decreto Presidencial n.º 65/11 de 18 de Abril Publicado no Diário da República, I série, nº 72, de 18 de Abril Decreto Presidencial n.º 65/11 de 18 de Abril O Executivo atribui a maior relevância, no seu programa, à modernização e solidez do sistema

Leia mais

Publicado no Diário da República, I Série, nº 102, de 22 de Junho AVISO N.º 06/2016

Publicado no Diário da República, I Série, nº 102, de 22 de Junho AVISO N.º 06/2016 Publicado no Diário da República, I Série, nº 102, de 22 de Junho AVISO N.º 06/2016 ASSUNTO: ADOPÇÃO PLENA DAS NORMAS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE/NORMAS INTERNACIONAIS DE RELATO FINANCEIRO Havendo

Leia mais

CONVENÇÃO EUROPEIA PARA A PROTECÇÃO DO PATRIMÓNIO ARQUEOLÓGICO (REVISTA) Preâmbulo

CONVENÇÃO EUROPEIA PARA A PROTECÇÃO DO PATRIMÓNIO ARQUEOLÓGICO (REVISTA) Preâmbulo Resolução da Assembleia da República n.º 71/97 Convenção Europeia para a Protecção do Património Arqueológico (revista), aberta à assinatura em La Valetta, Malta, em 16 de Janeiro de 1992 Aprova, para

Leia mais

Artigo 1.º. Entre Barca de Alva e La Fregeneda, sobre o rio Águeda, será construída uma ponte internacional que una Portugal e Espanha.

Artigo 1.º. Entre Barca de Alva e La Fregeneda, sobre o rio Águeda, será construída uma ponte internacional que una Portugal e Espanha. Decreto n.º 18/96 de 28 de Junho Convénio entre a República Portuguesa e o Reino de Espanha para a Construção de Uma Ponte Internacional sobre o Rio Águeda entre as Localidades da Barca de Alva (Portugal)

Leia mais

AVISO N.º 06/2012 de 29 de Março

AVISO N.º 06/2012 de 29 de Março Publicado no Diário da República, I série, nº 61, de 29 de Março AVISO N.º 06/2012 de 29 de Março Considerando a necessidade de se estabelecer os padrões para o exercício do serviço de remessas de valores

Leia mais

Protocolo. entre. A Procuradoria-Geral da República. A Inspeção-Geral das Atividades Culturais. A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica

Protocolo. entre. A Procuradoria-Geral da República. A Inspeção-Geral das Atividades Culturais. A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica Auto exame direto Protocolo entre A Procuradoria-Geral da República A Inspeção-Geral das Atividades Culturais e A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica Protocolo entre A Procuradoria-Geral da República

Leia mais

3 O Concessionário não poderá iniciar Teste de Poço de Longa Duração sem a autorização prévia pela ANP.

3 O Concessionário não poderá iniciar Teste de Poço de Longa Duração sem a autorização prévia pela ANP. AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO PORTARIA Nº 259, DE 5 DE DEZEMBRO DE 2000 Aprova o Regulamento Técnico do Plano de Avaliação de Descobertas de Petróleo e/ou Gás Natural. O DIRETOR-GERAL da AGÊNCIA NACIONAL

Leia mais

REGULAMENTO RESPEITANTE AO FUNCIONAMENTO DA EXPOSIÇÃO DE VELHARIAS E ANTIGUIDADES DE BRAGA. Artigo 1º. Lei Habilitante

REGULAMENTO RESPEITANTE AO FUNCIONAMENTO DA EXPOSIÇÃO DE VELHARIAS E ANTIGUIDADES DE BRAGA. Artigo 1º. Lei Habilitante REGULAMENTO RESPEITANTE AO FUNCIONAMENTO DA EXPOSIÇÃO DE VELHARIAS E ANTIGUIDADES DE BRAGA Artigo 1º Lei Habilitante O presente Regulamento é elaborado ao abrigo do disposto na alínea a) do n. 0 2 do art.

Leia mais

Decreto n.º 19/94 Acordo de Cooperação em Matéria de Protecção Civil entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Reino de Marrocos

Decreto n.º 19/94 Acordo de Cooperação em Matéria de Protecção Civil entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Reino de Marrocos Decreto n.º 19/94 Acordo de Cooperação em Matéria de Protecção Civil entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Reino de Marrocos Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da Constituição,

Leia mais

Decreto n.º 23/2000 Protocolo à Convenção Europeia de Segurança Social, aberto à assinatura em Estrasburgo em 11 de Maio de 1994

Decreto n.º 23/2000 Protocolo à Convenção Europeia de Segurança Social, aberto à assinatura em Estrasburgo em 11 de Maio de 1994 Decreto n.º 23/2000 Protocolo à Convenção Europeia de Segurança Social, aberto à assinatura em Estrasburgo em 11 de Maio de 1994 A Convenção Europeia de Segurança Social, de que Portugal é Parte Contratante,

Leia mais

A República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe:

A República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe: Decreto n.º 12/93 Protocolo de Cooperação entre a República Portuguesa e a República Democrática de São Tomé e Príncipe Relativo à Instalação do Centro de Formação e de Investigação Jurídica e Judiciária

Leia mais

Regulamento Geral das Comissões de Curso

Regulamento Geral das Comissões de Curso Regulamento Geral das Comissões de Curso ARTIGO 1º Enquadramento O presente Regulamento visa desenvolver e complementar o regime instituído pelo Capítulo II e VIII dos Estatutos da AEFEUP. ARTIGO 2º Definição

Leia mais

Relatório de Certificação de Reservas de Manati. Referente a 31 de dezembro de Agosto de 2013

Relatório de Certificação de Reservas de Manati. Referente a 31 de dezembro de Agosto de 2013 Agosto de 2013 Relatório de Certificação de Reservas de Manati Referente a 31 de dezembro de 2012 QGEP Av Almirante Barroso, N.52, Sala 1301 Centro Rio de Janeiro - RJ Cep: 20031-918 T 55 21 3509-5800

Leia mais

XIII REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE MINISTROS DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA Lisboa, 24 de Julho de 2008

XIII REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE MINISTROS DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA Lisboa, 24 de Julho de 2008 XIII REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE MINISTROS DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA Lisboa, 24 de Julho de 2008 Acordo de Cooperação Consular entre os Estados Membros da Comunidade dos Países

Leia mais

DESTAQUES LEGISLATIVOS FEVEREIRO 2014

DESTAQUES LEGISLATIVOS FEVEREIRO 2014 ANGOLA MARÇO 2014 DESTAQUES LEGISLATIVOS FEVEREIRO 2014 ADMINISTRAÇÃO LOCAL DECRETO PRESIDENCIAL N.º 53/14 PRESIDENTE DA REPÚBLICA Sumário: Nomeia Fernando Pontes Pereira para o cargo de Secretário de

Leia mais

Decreto n.º 7/90 Acordo entre Portugal e Espanha para a Construção de Uma Ponte Internacional no Rio Minho, entre Monção e Salvaterra

Decreto n.º 7/90 Acordo entre Portugal e Espanha para a Construção de Uma Ponte Internacional no Rio Minho, entre Monção e Salvaterra Decreto n.º 7/90 Acordo entre Portugal e Espanha para a Construção de Uma Ponte Internacional no Rio Minho, entre Monção e Salvaterra Pelo Decreto n.º 19/89, de 3 de Maio, foi aprovado, para ratificação,

Leia mais

ANEXO. da proposta alterada. de Decisão do Conselho

ANEXO. da proposta alterada. de Decisão do Conselho COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 6.9.2016 COM(2016) 552 final ANNEX 1 ANEXO da proposta alterada de Decisão do Conselho relativa à assinatura e aplicação provisória do Acordo de Transporte Aéreo entre os Estados

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA SÉRVIA NO DOMÍNIO DA DEFESA

ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA SÉRVIA NO DOMÍNIO DA DEFESA ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DA SÉRVIA NO DOMÍNIO DA DEFESA A República Portuguesa e a República da Sérvia, doravante designadas por Partes, Tendo em conta os princípios

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 406/IX PROMOÇÃO DA SEGURANÇA NOS LOCAIS DESTINADOS A BANHISTAS

PROJECTO DE LEI N.º 406/IX PROMOÇÃO DA SEGURANÇA NOS LOCAIS DESTINADOS A BANHISTAS PROJECTO DE LEI N.º 406/IX PROMOÇÃO DA SEGURANÇA NOS LOCAIS DESTINADOS A BANHISTAS As praias marítimas; fluviais e; em geral, todos os locais destinados à prática de banhos constituem, pela sua natureza,

Leia mais

ACORDO QUE ALTERA O ACORDO SOBRE SEGURANÇA SOCIAL OU SEGURIDADE SOCIAL ENTRE O GOVERNO DA REPÚBLICA PORTUGUESA

ACORDO QUE ALTERA O ACORDO SOBRE SEGURANÇA SOCIAL OU SEGURIDADE SOCIAL ENTRE O GOVERNO DA REPÚBLICA PORTUGUESA -1- ACORDO QUE ALTERA O ACORDO SOBRE SEGURANÇA SOCIAL OU SEGURIDADE SOCIAL ENTRE O GOVERNO DA REPÚBLICA PORTUGUESA E O GOVERNO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL -2- Acordo que altera o Acordo sobre Segurança

Leia mais

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO PAVILHÃO GIMNODESPORTIVO MUNICIPAL

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO PAVILHÃO GIMNODESPORTIVO MUNICIPAL REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO PAVILHÃO GIMNODESPORTIVO MUNICIPAL O desporto e a actividade física são elementos que contribuem para o bem-estar, para a saúde e para a qualidade de vida dos cidadãos. Assim,

Leia mais

Acordos sobre Estabelecimento de Requisitos Comuns Máximos para a Instrução de Processos de Visto de Curta Duração

Acordos sobre Estabelecimento de Requisitos Comuns Máximos para a Instrução de Processos de Visto de Curta Duração Acordos sobre Estabelecimento de Requisitos Comuns Máximos para a Instrução de Processos de Visto de Curta Duração e-mail: geral@info-angola.com portal: www.info-angola.com Página 1 / 5 Considerando que

Leia mais

PROTOCOLO ENTRE O EXÉRCITO PORTUGUÊS E A CARHOST. 1. Preâmbulo

PROTOCOLO ENTRE O EXÉRCITO PORTUGUÊS E A CARHOST. 1. Preâmbulo / CARHOSl A sua Oficina de Confiança PROTOCOLO ENTRE O EXÉRCITO PORTUGUÊS E A CARHOST 1. Preâmbulo A celebração do presente protocolo tem como objectivo assegurar aos militares e aos trabalhadores do mapa

Leia mais

PROTOCOLO ENTIDADE ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DO PORTO MGEN MUTUELLE DES PROFESSIONNELS DE L ÉDUCATION

PROTOCOLO ENTIDADE ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DO PORTO MGEN MUTUELLE DES PROFESSIONNELS DE L ÉDUCATION PROTOCOLO ENTIDADE ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DO PORTO E MGEN MUTUELLE DES PROFESSIONNELS DE L ÉDUCATION Lisboa, 1 de Julho de 2016 DISPOSIÇÕES GERAIS DO PROTOCOLO ENTRE, Associação Comercial do Porto, com sede

Leia mais

MINISTÉRIO DAS PESCAS. Decreto Executivo, n, o 47/98 de 28 de Agosto

MINISTÉRIO DAS PESCAS. Decreto Executivo, n, o 47/98 de 28 de Agosto MINISTÉRIO DAS PESCAS Decreto Executivo, n, o 47/98 de 28 de Agosto Havendo necessidade de ordenar o mecanismo de formação de contratos de fretamento para embarcações de pesca; No uso da faculdade que

Leia mais

Decreto n.º 129/82 Acordo Cultural entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Grão-Ducado do Luxemburgo

Decreto n.º 129/82 Acordo Cultural entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Grão-Ducado do Luxemburgo Decreto n.º 129/82 Acordo Cultural entre o Governo da República Portuguesa e o Governo do Grão-Ducado do Luxemburgo O Governo decreta, nos termos da alínea c) do artigo 200.º da Constituição, o seguinte:

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Proposta de Lei n.º 45/XIII. Exposição de Motivos

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Proposta de Lei n.º 45/XIII. Exposição de Motivos Exposição de Motivos A livre circulação de trabalhadores é uma liberdade fundamental dos cidadãos da União Europeia (UE) e assume um relevo determinante para o desenvolvimento de um verdadeiro mercado

Leia mais

Anexo I Contrato-Tipo de Participação no BPnet. CONTRATO DE PARTICIPAÇÃO NO BPnet

Anexo I Contrato-Tipo de Participação no BPnet. CONTRATO DE PARTICIPAÇÃO NO BPnet Anexo à Instrução nº 30/2002 Anexo I Contrato-Tipo de Participação no BPnet CONTRATO DE PARTICIPAÇÃO NO BPnet No âmbito do BPnet é estabelecido entre o BANCO DE PORTUGAL, pessoa colectiva de direito público

Leia mais

O Governo da República Portuguesa e o Governo da República Francesa acordam o seguinte: Artigo 1.º

O Governo da República Portuguesa e o Governo da República Francesa acordam o seguinte: Artigo 1.º Resolução da Assembleia da República n.º 36/95 Acordo Relativo à Modificação do Acordo entre a República Portuguesa e a República Francesa, assinado em Lisboa a 3 de Abril de 1984, Respeitante à Utilização

Leia mais

DECRETO N.º 42/XIII. A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte:

DECRETO N.º 42/XIII. A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte: DECRETO N.º 42/XIII Regime da restituição de bens culturais que tenham saído ilicitamente do território de um Estado membro da União Europeia (transpõe a Diretiva 2014/60/UE do Parlamento Europeu e do

Leia mais

OS REPRESENTANTES DOS GOVERNOS DOS ESTADOS-MEMBROS DA COMUNIDADE EUROPEIA, REUNIDOS NO CONSELHO,

OS REPRESENTANTES DOS GOVERNOS DOS ESTADOS-MEMBROS DA COMUNIDADE EUROPEIA, REUNIDOS NO CONSELHO, ACORDO INTERNO ENTRE OS REPRESENTANTES DOS GOVERNOS DOS ESTADOS-MEMBROS, REUNIDOS NO CONSELHO, QUE ALTERA O ACORDO INTERNO DE 18 DE SETEMBRO DE 2000 RELATIVO ÀS MEDIDAS A ADOPTAR E AOS PROCEDIMENTOS A

Leia mais

Resolução n.º 39/141, de Dezembro de 1984, da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas; CAPÍTULO I Definições e campo de aplicação

Resolução n.º 39/141, de Dezembro de 1984, da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas; CAPÍTULO I Definições e campo de aplicação Decreto n.º 12/88 Convenção sobre Assistência Mútua Administrativa entre Estados de Língua Oficial Portuguesa em Matéria de Luta contra o Tráfico Ilícito de Estupefacientes e de Substâncias Psicotrópicas

Leia mais

MINISTÉRIO DO AMBIENTE E DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO

MINISTÉRIO DO AMBIENTE E DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO N. o 152 4 de Julho de 2000 DIÁRIO DA REPÚBLICA ISÉRIE-A 2893 Artigo 2. o Celebração de contratos a termo certo Aos novos contratos de trabalho a termo certo a celebrar pelo Serviço de Prevenção e Tratamento

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO

ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO ----- ENTRE ----- A REPÚBLICA DE ANGOLA, A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL, A REPÚBLICA DE CABO VERDE, A REPÚBLICA DA GUINÉ-BISSAU, A REPÚBLICA

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL DOS HORÁRIOS DOS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS DO CONCELHO DE SINES. Preâmbulo

REGULAMENTO MUNICIPAL DOS HORÁRIOS DOS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS DO CONCELHO DE SINES. Preâmbulo REGULAMENTO MUNICIPAL DOS HORÁRIOS DOS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS DO CONCELHO DE SINES Preâmbulo Na sequência da publicação do Decreto-Lei nº 111/2010, de 15 de outubro, e do Decreto-lei nº 48/2011, de

Leia mais

PROTOCOLO ENTRE O EXÉRCITO PORTUGUÊS E A PRECISION - Oficina Automóvel. 1. Preâmbulo

PROTOCOLO ENTRE O EXÉRCITO PORTUGUÊS E A PRECISION - Oficina Automóvel. 1. Preâmbulo " PROTOCOLO ENTRE O EXÉRCITO PORTUGUÊS E A PRECISION - Oficina Automóvel. 1. Preâmbulo A celebração do presente protocolo tem como objectivo assegurar aos militares e aos trabalhadores do mapa de pessoal

Leia mais

S.R. DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E EQUIPAMENTOS, S.R. DA SAÚDE, S.R. DO AMBIENTE E DO MAR Portaria n.º 74/2009 de 14 de Setembro de 2009

S.R. DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E EQUIPAMENTOS, S.R. DA SAÚDE, S.R. DO AMBIENTE E DO MAR Portaria n.º 74/2009 de 14 de Setembro de 2009 S.R. DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E EQUIPAMENTOS, S.R. DA SAÚDE, S.R. DO AMBIENTE E DO MAR Portaria n.º 74/2009 de 14 de Setembro de 2009 O Plano Estratégico de Gestão de Resíduos da Região Autónoma dos Açores,

Leia mais

Publicado em Diário da República Iª Série, nº 51 de 30 de Março de 2017 AVISO N.º 03/2017

Publicado em Diário da República Iª Série, nº 51 de 30 de Março de 2017 AVISO N.º 03/2017 Publicado em Diário da República Iª Série, nº 51 de 30 de Março de 2017 AVISO N.º 03/2017 ASSUNTO: POLÍTICA MONETÁRIA - ISENÇÃO DE COMISSÕES NO ÂMBITO DOS SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Considerando o desenvolvimento

Leia mais

Guia de Boas Práticas sobre Requerimentos e Perguntas dos Deputados

Guia de Boas Práticas sobre Requerimentos e Perguntas dos Deputados Guia de Boas Práticas sobre Requerimentos e Perguntas dos Deputados Resolução da Assembleia da República n.º 18/2008, de 15 de maio (TP) 1 A Assembleia da República resolve, nos termos do n.º 5 do artigo

Leia mais

Decreto n.º 5/82 Convenção Europeia para a Protecção dos Animais nos Locais de Criação

Decreto n.º 5/82 Convenção Europeia para a Protecção dos Animais nos Locais de Criação Decreto n.º 5/82 Convenção Europeia para a Protecção dos Animais nos Locais de Criação O Governo decreta, nos termos da alínea c) do artigo 200.º da Constituição, o seguinte: Artigo único. É aprovada,

Leia mais

PROPOSTA DE PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO ENTRE O CONSELHO DISTRITAL DE LISBOA DA ORDEM DOS ADVOGADOS O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA

PROPOSTA DE PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO ENTRE O CONSELHO DISTRITAL DE LISBOA DA ORDEM DOS ADVOGADOS O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA PROPOSTA DE PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO ENTRE O CONSELHO DISTRITAL DE LISBOA DA ORDEM DOS ADVOGADOS E O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Considerando que, A Constituição da República Portuguesa, inspirada no artigo

Leia mais

Lei n.º 28/2013 de 12 de Abril

Lei n.º 28/2013 de 12 de Abril Lei n.º 28/2013 de 12 de Abril Define as Competências, a Estrutura e o Funcionamento da Autoridade Aeronáutica Nacional A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição,

Leia mais

CONVÊNIO DE INTEGRAÇÃO CINEMATOGRÁFICA IBERO-AMERICANA

CONVÊNIO DE INTEGRAÇÃO CINEMATOGRÁFICA IBERO-AMERICANA CONVÊNIO DE INTEGRAÇÃO CINEMATOGRÁFICA IBERO-AMERICANA Os Estados signatários do presente Convênio, Conscientes de que a atividade cinematográfica deve contribuir para o desenvolvimento e para a identidade

Leia mais

Lei n.º /2015. de de

Lei n.º /2015. de de Lei n.º /2015 de de Considerando o impacto significativo que as alterações do comportamento do preço do barril de petróleo no mercado internacional têm, ao nível das finanças públicas e do mercado cambial,

Leia mais

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO ENTRE A PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA A INSPEÇÃO-GERAL DA AGRICULTURA, DO MAR, DO AMBIENTE E DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO ENTRE A PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA A INSPEÇÃO-GERAL DA AGRICULTURA, DO MAR, DO AMBIENTE E DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO ENTRE A PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA E A INSPEÇÃO-GERAL DA AGRICULTURA, DO MAR, DO AMBIENTE E DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO As atribuições legalmente cometidas ao Ministério Público

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE

ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE PROOURADDRIA-GERAL DA REPÚBLICA ACORDO DE COOPERAÇÃO ENTRE A PORTUGUESA EA PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA DE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE PROOURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA PROOURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA ACORDO

Leia mais

O Governo Português e o Conselho da Europa:

O Governo Português e o Conselho da Europa: Resolução da Assembleia da República n.º 21/96 Acordo Suplementar ao Acordo Geral sobre Privilégios e Imunidades do Conselho da Europa, concluído entre Portugal e o Conselho da Europa, referente ao Centro

Leia mais

Ministério da Comunicação Social

Ministério da Comunicação Social Ministério da Comunicação Social Decreto Executivo Nº 79 /2007 de 2 Julho Convindo regulamentar o funcionamento da Direcção Nacional de Publicidade do Ministério da Comunicação Social; Nestes termos, ao

Leia mais

O Governo da República Federativa do Brasil e o Governo da República Cooperativista da Guiana (doravante denominados Partes ),

O Governo da República Federativa do Brasil e o Governo da República Cooperativista da Guiana (doravante denominados Partes ), ACORDO DE ALCANCE PARCIAL DE COMPLEMENTAÇÃO ECONÔMICA N 38, SUBCRITO AO AMPARO DO ARTIGO 25 DO TRATADO DE MONTEVIDÉU 1980, ENTRE A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E A REPÚBLICA COOPERATIVISTA DA GUIANA

Leia mais

A entidade, adiante designado por dotada de personalidade jurídica nº com sede na (morada), representado por

A entidade, adiante designado por dotada de personalidade jurídica nº com sede na (morada), representado por Termo de Aceitação Considerando que: A Portaria nº 242/2013, de 2 de agosto, regulamenta o Programa Agora Nós com o objetivo de promover e estimular a prática do voluntariado, como meio de aquisição de

Leia mais

REGIMENTO DA CONFERÊNCIA DE MINISTROS DA JUVENTUDE E DESPORTO DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA

REGIMENTO DA CONFERÊNCIA DE MINISTROS DA JUVENTUDE E DESPORTO DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA REGIMENTO DA CONFERÊNCIA DE MINISTROS DA JUVENTUDE E DESPORTO DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA Aprovado na VII Reunião da Conferência de Ministros da Juventude e do Desporto da Comunidade

Leia mais

ENTIDADE REGULADORA DA SAÚDE

ENTIDADE REGULADORA DA SAÚDE ENTIDADE REGULADORA DA SAÚDE REGULAMENTO DO CONSELHO CONSULTIVO 10 DE SETEMBRO DE 2014 R u a S. J o ã o d e B r i t o, 6 2 1 L 3 2, 4 1 0 0-4 5 5 P O R T O e-mail: g e r a l @ e r s. p t telef.: 222 092

Leia mais

Decreto n.º 101/80 Convenção sobre Zonas Húmidas de Importância Internacional, especialmente como Habitat de Aves Aquáticas

Decreto n.º 101/80 Convenção sobre Zonas Húmidas de Importância Internacional, especialmente como Habitat de Aves Aquáticas Decreto n.º 101/80 Convenção sobre Zonas Húmidas de Importância Internacional, especialmente como Habitat de Aves Aquáticas O Governo decreta nos termos da alínea c) do artigo 200.º da Constituição, o

Leia mais

MINISTÉRIO DA QUALIDADE DE VIDA

MINISTÉRIO DA QUALIDADE DE VIDA MINISTÉRIO DA QUALIDADE DE VIDA Decreto-Lei n.º 321/83 de 5 de Julho O primeiro passo na concretização de uma política de ordenamento do território à escala nacional foi dado com a institucionalização

Leia mais

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E A PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA DE CUBA

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E A PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA DE CUBA r R epública de C uba M inistério Público Federal,y/'i;U '< t/í(i v e n e m / r/e / o ^ Â e fm //.e * MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E A

Leia mais

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DAS MAURÍCIAS SOBRE A PROMOÇÃO E A PROTECÇÃO RECÍPROCA DE INVESTIMENTOS

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E A REPÚBLICA DAS MAURÍCIAS SOBRE A PROMOÇÃO E A PROTECÇÃO RECÍPROCA DE INVESTIMENTOS Decreto n.º 25/98 Acordo entre a República Portuguesa e a República das Maurícias sobre a Promoção e a Protecção Recíproca de Investimentos, assinado em Port Louis no dia 12 de Dezembro de 1997, que visa

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 28 de outubro de Série. Número 166

JORNAL OFICIAL. Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 28 de outubro de Série. Número 166 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Quarta-feira, 28 de outubro de 2015 Série Suplemento Sumário PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Decreto Regulamentar Regional n.º 19/2015/M Aprova a Orgânica da Direção

Leia mais