TEORIA DO DESIGN. Aula 03 Composição e a História da arte. Prof.: Léo Diaz

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TEORIA DO DESIGN. Aula 03 Composição e a História da arte. Prof.: Léo Diaz"

Transcrição

1 TEORIA DO DESIGN Aula 03 Composição e a História da arte Prof.: Léo Diaz

2 O QUE É ARTE? Definição: Geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada a partir da percepção, das emoções e das ideias, com o objetivo de estimular essas instâncias da consciência e dando um significado único e diferente para cada obra. Arte (do latim ars, significando técnica e/ou habilidade) 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 2

3 FORMAS DE ARTE A arte apresenta-se através de diversas formas como, a plástica, música, escultura, cinema, teatro, dança, arquitetura etc. 1ª Arte - Música; 2ª Arte - Dança / Coreografia; 3ª Arte - Pintura; 4ª Arte - Escultura; 5ª Arte - Teatro; Alguns autores (como Hegel e Ricciotto Canudo) e pensadores organizaram as diferentes artes em uma lista numerada. 6ª Arte - Literatura; 7ª Arte - Cinema; 8ª Arte - Fotografia; 9ª Arte - Histórias em Quadrinhos; 10ª Arte - Jogos de Computador e de Vídeo; 11ª Arte - Arte digital. 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 3

4 COMPOSIÇÃO A composição é a essência da comunicação visual. Trata-se basicamente das regras para organizar os elementos visuais - formas e superfícies 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 4

5 COMPOSIÇÃO Composição Artística A composição nada mais é do que o modo que artistas encontram formas, cores e linhas. Muitas vezes, as composições de alguns artistas não apresentam o tema identificável, enquanto em alguns percebe-se sua história, praticamente no que se basearam para fazer um desenho, pintura ou escultura. Composição digital É o processo de juntar digitalmente múltiplas imagens para fazer uma imagem final, tipicamente para impressão, filmes ou exibição em tela. Isso é a evolução da composição tradicional. 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 5

6 REGRA DOS TERÇOS 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 6

7 REGRA DOS TERÇOS Segundo a regra dos terços devemos posicionar o motivo a ser fotografado no encontro das linhas (pontos verdes) e não dentro dos quadrados. Existem estudos de composição que dizem que nossos olhos têm mais interesse nos motivos que estão nestes pontos. Sendo assim se tirarmos fotos utilizando essa regra, temos mais chances de ter uma foto mais bem sucedida 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 7

8 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 8

9 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 9

10 PERSPECTIVA A perspectiva é usada para criar desenhos tridimensionais, sendo estes, os que contém altura, largura e comprimento. É uma ilusão de profundidade, distância e volume, sendo criada em superfícies planas, manualmente ou no computador. Entre os softwares que podem ser utilizados para criação de objetos com perspectiva estão o AutoCAD, 3ds Max, Blender, entre outros. 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 10

11 PERSPECTIVA Sem Perspectiva Com Perspectiva 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 11

12 PONTO DE FUGA Ponto de Fuga ou PF, é o que define a perspectiva. Em um desenho geométrico definimos o ponto de fuga e traçamos linhas, assim o nosso desenho terá profundidade, tonandose tridimensional(3d). 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 12

13 LUZ E SOMBRA A luz e sombra é a parte do acabamento mais importante, não dá para você imaginar um objeto finalizado se este não tiver luz e sombra. Antes de desenhar a luz e as sombras que você vê, você precisa treinar seus olhos para ver como um artista. Os valores são os diferentes tons de cinza entre o branco e o preto. Os artistas usam valores para traduzir a luz e as sombras que vêem em sombreamento, criando assim a ilusão de uma terceira dimensão. 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 13

14 LUZ E SOMBRA 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 14

15 HISTÓRIA DA ARTE Arte pré-histórica (c a.c.) Arte antiga (c a.c.) Arte clássica (1000 a.c.-300 d.c.) Arte medieval (c ) Arte na Idade Moderna (c ) Arte contemporânea (c atualidade) 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 15

16 IDADE MODERNA DC o Renascimento - Período de grande esplendor cultural na Europa o Maneirismo - Maior individualismo e um senso de drama e extravagância o Barroco o Rococó - Meados do século XVIII o Romantismo - enfatizava a experiência individual do artista, com obras arrebatadas, visionárias e dramáticas oneoclassicismo - recuperava o ideal equilibrado do classicismo e impunha uma função social moralizante e política para a arte 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 16

17 RENASCIMENTO (XIII -XVII) Principais Artistas da Época Michelangelo Giovanni Bellini Rafael Da Vinci Bramante Giotto Donatello Agostino di Duccio 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 17

18 Rafael Sanzio Escola de Atenas 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 18

19 A Anunciação - Leonardo da Vinci /06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 19

20 Michelangelo: Moisés Igreja de São Pedro Acorrentado, Roma. Antonio Canova: Perseu com a cabeça da Medusa c Museus Vaticanos 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 20

21 Michelangelo: A criação de Adão. Capela Sistina 16/06/2013 TEORIA DO DESIGN - [ AULA 3] POR LÉO DIAZ 21

Professor Roberson Calegaro

Professor Roberson Calegaro Elevar? Libertar? O que é arte? Do latim ars, significando técnica e/ou habilidade) pode ser entendida como a atividade humana ligada às manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada por meio

Leia mais

ENASCIMENTO. Prof. Igor Pelegrini

ENASCIMENTO. Prof. Igor Pelegrini ENASCIMENTO Prof. Igor Pelegrini RENASCIMENTO ITALIANO TRECENTO (SÉC. XIV) TRECENTO ESSE PERÍODO SE DESTACA COMO O INÍCIO DO MOVIMENTO RENASCENTISTA. ONDE ENCONTRAMOS ESSENCIALMENTE NA ITÁLIA, EM ESPECIAL

Leia mais

RENASCIMENTO CULTURAL. CENSA 2017 Edenice Rinaldi

RENASCIMENTO CULTURAL. CENSA 2017 Edenice Rinaldi RENASCIMENTO CULTURAL CENSA 2017 Edenice Rinaldi O Renascimento foi um movimento de renovação cultural e artístico que surgiu no século XIV, na Itália, e se estendeu para toda a Europa até o século XVI,

Leia mais

Curso de História. Prof. Fabio Pablo. efabiopablo.wordpress.com

Curso de História. Prof. Fabio Pablo. efabiopablo.wordpress.com efabiopablo.wordpress.com Conteúdo O humanismo e o Renascimento Cultural Marco Polo. Multimídia A arte renascentista e o mecenato A Revolução Científica #Conceito O Renascimento foi um movimento artístico,

Leia mais

O QUE HÁ EM COMUM NESTES DESENHOS?

O QUE HÁ EM COMUM NESTES DESENHOS? O QUE HÁ EM COMUM NESTES DESENHOS? E O QUE OS DIFERE DESTES? A RESPOSTA É PERSPECTIVA. A PERSPECTIVA é um campo de estudo da geometria, em especial a geometria descritiva. Desenhar em PERSPECTIVA é representar

Leia mais

ARTES. 4 o Bimestre 1. Instrumentos musicais 2. Classificação dos instrumentos musicais (sopro, percussão, cordas, eletrônico)

ARTES. 4 o Bimestre 1. Instrumentos musicais 2. Classificação dos instrumentos musicais (sopro, percussão, cordas, eletrônico) PREFEITURA MUNICIPAL DE POMERODE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO EMPREENDEDORA CNPJ 83.102.251/0001-04 Fone: (47) 3395-6300 E-mail: educacao@pomerode.sc.gov.br Rua 15 de Novembro, 649 Bairro Centro 89107-000

Leia mais

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Disciplina: Artes Curso: Técnico Em Eletromecânica Integrado Ao Ensino Médio Série: 1º Carga Horária: 67 h.r Docente Responsável: EMENTA O universo da arte, numa abordagem

Leia mais

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio DISCIPLINA: ARTE SÉRIE/ TURMA: 6º ANO BIMESTRE: 1º 01 O mundo da arte É hora de produzir - pág. 5 Caso não der tempo de realizar a atividade em sala a mesma ira para casa. 02 O ponto gráfico Atividade

Leia mais

O ontem e o hoje no ensino de artes, suas diretrizes curriculares e as competências atuais do professor desta disciplina.

O ontem e o hoje no ensino de artes, suas diretrizes curriculares e as competências atuais do professor desta disciplina. O ontem e o hoje no ensino de artes, suas diretrizes curriculares e as competências atuais do professor desta disciplina. Daniela Pedroso Secretaria Municipal da Educação de Curitiba EQUIPE CLEONICE DOS

Leia mais

CAESP - Artes Aula 12-27/07/2017 RENASCIMENTO: PRIMADO DA ARTE COMO SABER, FAZER E CONHECER

CAESP - Artes Aula 12-27/07/2017 RENASCIMENTO: PRIMADO DA ARTE COMO SABER, FAZER E CONHECER CAESP - Artes Aula 12-27/07/2017 RENASCIMENTO: PRIMADO DA ARTE COMO SABER, FAZER E CONHECER Masaccio: Santíssima Trindade (1427) Sandro Botticelli: Adoração dos Magos (1482) Características gerais do Renascimento:

Leia mais

A fotografia como processo [Alterações no olhar] Curso de Comunicação Social 3º período Fotografia

A fotografia como processo [Alterações no olhar] Curso de Comunicação Social 3º período Fotografia A fotografia como processo [Alterações no olhar] Curso de Comunicação Social 3º período Fotografia Félix Nadar (1865) Retrato de Charles Baudelaire Professor Jorge Felz - 2007 2 A fotografia nasceu de

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Centro de Comunicação e Letras Curso de Propaganda, Publicidade e Criação PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Centro de Comunicação e Letras Curso de Propaganda, Publicidade e Criação PLANO DE ENSINO PLANO DE ENSINO CÓDIGO 042 UNIDADE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CÓD. CURSO CURSO PROPAGANDA, PUBLICIDADE E CRIAÇÃO CÓD. DISC. 17031461 DISCIPLINA EVOLUÇÃO DAS ARTES VISUAIS I ETAPA 1 CH ANO 2009 CRÉDITOS

Leia mais

RENASCIMENTO Q U E S T Õ E S

RENASCIMENTO Q U E S T Õ E S RENASCIMENTO Q U E S T Õ E S O renascimento cultural e artístico do século XVI teve grandes nomes da pintura entre os seus protagonistas. Assinale a alternativa que indica o artista renascentista italiano

Leia mais

DISCIPLINA HISTÓRIA DA ARTE

DISCIPLINA HISTÓRIA DA ARTE PROF. ESPECIALISTA LAILE ALMÉRIA DE MIRANDA e-mail: lailealmeria@hotmail.com DISCIPLINA HISTÓRIA DA ARTE APRESENTAÇÃO EMENTA BOAS VINDAS FORMAÇÃO ACADÊMICA 1ª Pós Graduação 2004/2005. Campanha Nacional

Leia mais

DICAS PARA FACILITAR SEU ESTUDO

DICAS PARA FACILITAR SEU ESTUDO Nome Nº Série Ensino Turma 1ª Medio Disciplina Professora Natureza Código / Tipo Trimestre / Ano Data Educação Artística Cátia Roteiro 2 o / 2016 05/08/2016 Tema VALOR: Roteiro de estudos 5,0 NOTA DICAS

Leia mais

D - DEMONSTRAR COMPETÊNCIAS PESSOAIS Desenvolver capacidade de observação. Documentar e organizar informações e material produzido pertinente a cada p

D - DEMONSTRAR COMPETÊNCIAS PESSOAIS Desenvolver capacidade de observação. Documentar e organizar informações e material produzido pertinente a cada p Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 59 aprovado pela portaria Cetec nº 747 de 10/09/2015 Etec Tiquatira Código: 208 Município: São Paulo Eixo Tecnológico: Produção cultural

Leia mais

DISCIPLINA DE ARTE OBJETIVOS: 1 Ano

DISCIPLINA DE ARTE OBJETIVOS: 1 Ano DISCIPLINA DE ARTE OBJETIVOS: 1 Ano Desenvolver e explorar as percepções manuais, artísticas e de ludicidade, desenvolvendo ainda as habilidades motoras e intelectuais. Estimular os sentidos e a sensibilidade

Leia mais

História das artes e estética. UNIARAXÁ - ARQUITETURA E URBANISMO 2015/2!!! Prof. M.Sc. KAREN KELES!

História das artes e estética. UNIARAXÁ - ARQUITETURA E URBANISMO 2015/2!!! Prof. M.Sc. KAREN KELES! UNIARAXÁ - ARQUITETURA E URBANISMO 2015/2 Prof. M.Sc. KAREN KELES Curso Arquitetura e Urbanismo Carga Horária 80 Horas - 4 horas semanais Ementa: Estética como campo filosófico. 66 horas teórica - prática

Leia mais

Filosofia da Arte. Unidade II O Universo das artes

Filosofia da Arte. Unidade II O Universo das artes Filosofia da Arte Unidade II O Universo das artes FILOSOFIA DA ARTE Campo da Filosofia que reflete e permite a compreensão do mundo pelo seu aspecto sensível. Possibilita compreender a apreensão da realidade

Leia mais

Artes visuais AULA 3 Barroco, Rococó e Neoclassicismo

Artes visuais AULA 3 Barroco, Rococó e Neoclassicismo Artes visuais AULA 3 Barroco, Rococó e Neoclassicismo Prof. André de Freitas Barbosa Altar do Mosteiro de São Bento (Rio de Janeiro, 1617), traçado original de Francisco Frias de Mesquita. Numa época de

Leia mais

História das artes visuais Professora Vaz

História das artes visuais Professora Vaz História das artes visuais - 2015 Professora Vaz Antes da Renascença: - Naturalismo por si mesmo, - Pintura e escultura deixaram de ser totalmente símbolo, - Conexão com o mundo e não caráter transcendental

Leia mais

O Renascimento da Arte. Profª Sthephane Godoi

O Renascimento da Arte. Profª Sthephane Godoi O Renascimento da Arte Profª Sthephane Godoi Todos os caminhos partem de Florença A Renascença: o começo da pintura moderna No ínicio dos anos de 1400, o mundo acordou. Tendo início em Florença, a Renascença,

Leia mais

se desenvolveu entre 1300 e 1650

se desenvolveu entre 1300 e 1650 RENASCIMENTO se desenvolveu entre 1300 e 1650 ocorreram nesse período muitos progressos e incontáveis realizações no campo das artes, da literatura e das ciências. a valorização do Humanismo e da natureza,

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE PTD

PLANO DE TRABALHO DOCENTE PTD Professor-Carlos Juscimar de Souza Série: 1º Turma:D Período:NOTURNO Ano: 2014 ESTRUTURANTE: ESPECÍFICO: Objetivo/Justificativa Metodologia Critério de. História Conhecer, contextualizar e da Arte: desenvolver

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma D Professor: Renato Albuquerque. 8.junho.

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma D Professor: Renato Albuquerque. 8.junho. ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A 10º Ano Turma D Professor: Renato Albuquerque Duração da ficha: 15 minutos. Tolerância: 5 minutos 3 páginas 8.junho.2012 NOME:

Leia mais

Artes visuais AULA 2 Arte Bizantina, Renascimento e Maneirismo Prof. André de Freitas Barbosa

Artes visuais AULA 2 Arte Bizantina, Renascimento e Maneirismo Prof. André de Freitas Barbosa Artes visuais AULA 2 Arte Bizantina, Renascimento e Maneirismo Prof. André de Freitas Barbosa Retrato dos Reis Magos na Basílica de Santo Apolinário (Ravena, Itália, séc. VI) A principal característica

Leia mais

Escola Secundária e Artística António Arroio HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES

Escola Secundária e Artística António Arroio HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES Escola Secundária e Artística António Arroio Prova 824 / 8 Páginas Prova de Equivalência à Frequência de HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES 12º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei Nº 74/2004) Duração da Prova

Leia mais

Colégio Pedro II Campus São Cristóvão II APOSTILA DE ARTES VISUAIS. 7º ano 2º trimestre. Unidade III. Renascimento. Nome: Nº.

Colégio Pedro II Campus São Cristóvão II APOSTILA DE ARTES VISUAIS. 7º ano 2º trimestre. Unidade III. Renascimento. Nome: Nº. Colégio Pedro II Campus São Cristóvão II APOSTILA DE ARTES VISUAIS 7º ano 2º trimestre Unidade III Renascimento Nome: Nº.: Turma: Ano: Professor(a): Renascimento Vamos lembrar um pouquinho o que você aprendeu

Leia mais

R enascimento. Prof.: André Vinícius Magalhães

R enascimento. Prof.: André Vinícius Magalhães R enascimento Prof.: André Vinícius Magalhães O que é Renascimento????? O termo Renascimento é comumente aplicado à Europa entre 1300 e 1650. Além de reviver a antiga cultura greco-romana, ocorreram nesse

Leia mais

Renascimento. Prof. Adriano Portela

Renascimento. Prof. Adriano Portela Renascimento Prof. Adriano Portela O que é o Renascimento? Dados Início: século 14 Local: Península Itálica Se estendeu até o século 17 por toda Europa. Artistas, escritores e pensadores exprimiam em suas

Leia mais

- Transição da Idade Média para Idade Moderna

- Transição da Idade Média para Idade Moderna Renascimento - Transição da Idade Média para Idade Moderna - Movimento que começou na Itália por volta do século XV devido ao grande desenvolvimento econômico das cidades italianas (Genova, Veneza, Milão,

Leia mais

Unidade I Tecnologia Corpo, movimento e linguagem na era da informação.

Unidade I Tecnologia Corpo, movimento e linguagem na era da informação. Unidade I Tecnologia Corpo, movimento e linguagem na era da informação. 2 Aula 3.1 Conteúdo: Luz e sombra. 3 Habilidade: Reconhecer, diferenciar e saber utilizar diversas técnicas de arte, com procedimentos

Leia mais

ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL

ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL Disciplina: Arte Prof.: Paula Caroline de Souza Turmas: 61 e 62 ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL Rua Prof Guilherme Butler, 792 - Barreirinha - CEP 82.700-000 - Curitiba/PR

Leia mais

Estudo dirigido. Segunda Avaliação. Capitulo 2 A arte no Egito

Estudo dirigido. Segunda Avaliação. Capitulo 2 A arte no Egito Segunda Avaliação Estudo dirigido Capitulo 2 A arte no Egito 01 É do nosso conhecimento que a Civilização Egípcia era socialmente complexa e culturalmente muito rica, mas podemos destacar desse contexto

Leia mais

ANEXO I. QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I

ANEXO I. QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I ANEXO I QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I Desemho básico Desemho intermediário Desemho básico de observação Desenho de observação Fotografia

Leia mais

MODERNIDADE Renascimento

MODERNIDADE Renascimento MODERNIDADE Renascimento O fim do feudalismo e o início da modernidade: rompimentos e resgates A modernidade Nova Economia Comércio Manufatura Nova política Absolutismo Novas relações sociais Burguesia

Leia mais

LICENCIATURA EM ARTES/DESENHO

LICENCIATURA EM ARTES/DESENHO LICENCIATURA EM ARTES/DESENHO Despacho n.º 15385/2007 - Diário da República, 2.ª série, n.º 134, de 13 de julho de 2007. Alterado em 22 de janeiro de 2015 com o registo n.º R/A-Ef 77/2011/AL01, publicado

Leia mais

SANTAELLA, L. Por que as comunicações e as artes estão convergindo? São Paulo: Paulus, 2005.

SANTAELLA, L. Por que as comunicações e as artes estão convergindo? São Paulo: Paulus, 2005. SANTAELLA, L. Por que as comunicações e as artes estão convergindo? São Paulo: Paulus, 2005. Maria Lúcia Santaella Braga (Catanduva, 13 de agosto de 1944). Pesquisadora brasileira e professora titular

Leia mais

Arte (do latim ars, significando técnica e/ou habilidade) geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou

Arte (do latim ars, significando técnica e/ou habilidade) geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou Arte (do latim ars, significando técnica e/ou habilidade) geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada a partir da percepção, das emoções

Leia mais

Guião de visionamento do filme ESTÓRIA DO GATO E DA LUA, de Pedro Serrazina, 1995

Guião de visionamento do filme ESTÓRIA DO GATO E DA LUA, de Pedro Serrazina, 1995 Por Dentro do Filme II / Construção de Guiões de trabalho Julho 2011 Tavira André Mantas Guião de visionamento do filme ESTÓRIA DO GATO E DA LUA, de Pedro Serrazina, 1995 Planificação de actividades para

Leia mais

Continente: Europa Capital: Roma Território: 301.268 Km² População: 58.876.835 habitantes Moeda: Euro Idioma: Italiano Religião: 83,2% católicos, 16,8% sem filiação e outras. Forma de governo: República

Leia mais

Introdução Geral a Computação Gráfica. Universidade Católica de Pelotas Curso de Engenharia da Computação Disciplina de Computação Gráfica

Introdução Geral a Computação Gráfica. Universidade Católica de Pelotas Curso de Engenharia da Computação Disciplina de Computação Gráfica Introdução Geral a Computação Gráfica Universidade Católica de Pelotas Curso de Engenharia da Computação Disciplina de 2 Introdução Geral a O que é CG? Áreas de Atuação Definição, Arte e Matemática Mercado

Leia mais

EDITAL Nª 01/ UEMG UNIDADE DIVINÓPOLIS 2ª SEMANA DE ARTES

EDITAL Nª 01/ UEMG UNIDADE DIVINÓPOLIS 2ª SEMANA DE ARTES EDITAL Nª 01/2016 - UEMG UNIDADE DIVINÓPOLIS 2ª SEMANA DE ARTES CAPÍTULO I DO OBJETIVO 1.1 A comissão organizadora da 2 Semana de Artes UEMG Unidade Divinópolis- torna público o presente edital para seleção

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio Etec Etec: Paulino Botelho Código:091 Município:São Carlos Eixo Tecnológico: Técnico e Processo Industrial Habilitação Profissional: Técnico

Leia mais

Prof. Hélder Pereira

Prof. Hélder Pereira Prof. Hélder Pereira Pergunta 1 Em que país da Europa surgiu o Renascimento? Itália Portugal França Pergunta 2 Em que séculos este movimento se afirmou? XIII e XIV XV e XVI XVII e XVIII Pergunta 3 Qual

Leia mais

CURRÍCULO DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO ARTES - 6º ANO AO 9º ANO

CURRÍCULO DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO ARTES - 6º ANO AO 9º ANO Tipos de Letras Diferenciação entre o espaço bi e tridimensional, espaço e volume e suas conexões com as formas o espaço teatral, o corpo em movimento e o som no espaço. Cores Arte rupestre 6ª ANO 5ª SÉRIE

Leia mais

BACHARELADO EM HISTÓRIA DA ARTE UFRGS MATRIZ CURRICULAR

BACHARELADO EM HISTÓRIA DA ARTE UFRGS MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM HISTÓRIA DA ARTE UFRGS MATRIZ CURRICULAR ETAPA 1 ART 02199 Fundamentos das Artes Visuais ART 02189 História da Arte I ART 02187 História da Cultura ART 02116 Práticas Artísticas ART 02122

Leia mais

ARTES 7 ANO PROF.ª ARLENE AZULAY PROF. LÚCIA REGINA ENSINO FUNDAMENTAL

ARTES 7 ANO PROF.ª ARLENE AZULAY PROF. LÚCIA REGINA ENSINO FUNDAMENTAL ARTES 7 ANO PROF. LÚCIA REGINA ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ARLENE AZULAY CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade I Tecnologia: Corpo, movimento e linguagem na era da informação 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 2.1

Leia mais

Quem faz arte? O homem criou objetos para satisfazer as suas necessidades práticas, como as ferramentas para cavar a terra e os utensílios de

Quem faz arte? O homem criou objetos para satisfazer as suas necessidades práticas, como as ferramentas para cavar a terra e os utensílios de ROTULAÇÃO Rotulação na arte A arte é uma criação humana com valores estéticos (beleza, equilíbrio, harmonia, revolta) que sintetizam as suas emoções, sua história, seus sentimentos e a sua cultura. É um

Leia mais

CRONOGRAMA DE AVALIAÇÕES DE ARTE 3 TRIMESTRE 2017 Professora: Fernanda Bastos TURMA DATA AVALIAÇÂO CONTEÚDOS PESO

CRONOGRAMA DE AVALIAÇÕES DE ARTE 3 TRIMESTRE 2017 Professora: Fernanda Bastos TURMA DATA AVALIAÇÂO CONTEÚDOS PESO CRONOGRAMA DE AVALIAÇÕES DE ARTE 3 TRIMESTRE 2017 Professora: Fernanda Bastos TURMA DATA AVALIAÇÂO CONTEÚDOS PESO 611 22/11 Trabalho 1: Desenho inspirado nos Gatos do artista Aldemir Martins e pintura

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO. Mínimo: 7 semestres. Prof. Dr. Paulo de Tarso Mendes Luna

CURRÍCULO DO CURSO. Mínimo: 7 semestres. Prof. Dr. Paulo de Tarso Mendes Luna Documentação: Objetivo: Titulação: Diplomado em: Resolução 12/CGRAD/2015 de 09/09/2015 Fornecer meios para formação de profissionais capazes para atuar em ambientes dinâmicos plurais, atendendo necessidades

Leia mais

O RENASCIMENTO NA ITÁLIA Renascimento súbito reviver dos ideais grecoromanos.

O RENASCIMENTO NA ITÁLIA Renascimento súbito reviver dos ideais grecoromanos. O RENASCIMENTO NA ITÁLIA Renascimento súbito reviver dos ideais grecoromanos. Interpretação científica do mundo. Humanismo valorização do ser humano em oposição ao divino e ao sobrenatural. Razão traduzida

Leia mais

Prof.: Thiago Oliveira

Prof.: Thiago Oliveira Prof.: Thiago Oliveira O Renascimento foi um conjunto de transformações (Sociais, Econômicas, Políticas, Religiosas, Científicas e Artísticas) ocorridas na Europa a partir do Séc. XI, tendo seu auge durante

Leia mais

1.1. Identificar os elementos de composição de obras de artes visuais Usar vocabulário apropriado para a análise de obras de artes visuais.

1.1. Identificar os elementos de composição de obras de artes visuais Usar vocabulário apropriado para a análise de obras de artes visuais. Conteúdo Básico Comum (CBC) em Arte do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano Os tópicos obrigatórios são numerados em algarismos arábicos Os tópicos complementares são numerados em algarismos romanos Eixo

Leia mais

METODOLOGIA DE PROJETO

METODOLOGIA DE PROJETO METODOLOGIA DE PROJETO DE INTERIORES AULA 06: PERSPECTIVA LINEAR DE 1 PONTO. MÃO LIVRE Disciplina do Curso Superior em Design de Interiores da UNAES/Anhanguera Educacional Arq. Urb. Octavio F. Loureiro

Leia mais

Colégio Avanço de Ensino Programado

Colégio Avanço de Ensino Programado α Colégio Avanço de Ensino Programado Trabalho de Recuperação1º Semestre - 1º Bim. /2016 Nota: Professor (a): Lúcia Disciplina: Arte Turma: 9º Ano Ensino Fundamental Nome: Nº: ORIENTAÇÕES PARA DESENVOLVIMENTO

Leia mais

CURSO DE BACHARELADO EM ARTES VISUAIS GRADE CURRICULAR ATUAL E EMENTAS

CURSO DE BACHARELADO EM ARTES VISUAIS GRADE CURRICULAR ATUAL E EMENTAS CURSO DE BACHARELADO EM ARTES VISUAIS GRADE CURRICULAR ATUAL E EMENTAS Carga Horária Pré- Área de Fase Disciplina Crédito Departamento Teórica Prática Total Requisito Conhecimento* 1ª Introdução ao Desenho

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA ARTÍSTICA DE SOARES DOS REIS PLANIFICAÇÃO ANUAL DE HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES - 11.º ANO ANO LECTIVO DE 2010/2011

ESCOLA SECUNDÁRIA ARTÍSTICA DE SOARES DOS REIS PLANIFICAÇÃO ANUAL DE HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES - 11.º ANO ANO LECTIVO DE 2010/2011 Comum Módulo inicial Continuidade e Rupturas Caso Prático: Helena Almeida, Sente-me, Ouve-me, Vê-me 4 A Cultura da Catedral As Cidades de Deus Tempo e o espaço: Do século XII à primeira metade do século

Leia mais

3ª Geralda Helena. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade

3ª Geralda Helena. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade Filosofia 3ª Geralda Helena 6º Ano E.F. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade Competência 1 teoria do conhecimento sobre os quais se compôs a produção filosófica, elaboradas a partir dos diferentes

Leia mais

A Arte na Roma Antiga

A Arte na Roma Antiga A Arte na Roma Antiga 01 Quais as civilizações que influenciaram Roma no campo artístico? R. na pag. 51 02 Como a arte grego-helenística contribuiu com a expressão artística romana? R. na pag. 52 (na caixa

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio Etec Plano de Curso nº 187 aprovado pela portaria Cetec nº 107 de 18 /10 /2011 Etec: Tiquatira Código:208 Município: São Paulo Eixo Tecnológico:

Leia mais

CAMINHOS DA ESCOLA Arte na Escola

CAMINHOS DA ESCOLA Arte na Escola CAMINHOS DA ESCOLA Arte na Escola Resumo A série Caminhos da Escola nos apresenta neste episódio Arte na Escola, uma coletânea de matérias gravadas a partir de experiências em escolas de formação técnica

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma C Professor: Renato Albuquerque. 8.junho.

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma C Professor: Renato Albuquerque. 8.junho. ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A 10º Ano Turma C Professor: Renato Albuquerque Duração da ficha: 15 minutos. Tolerância: 5 minutos 3 páginas 8.junho.2012 NOME:

Leia mais

RECRO ARTE - 6º ANO. pensamento religioso dos egípcios Identificar a Lei da Frontalidade, pintura mural e simbologia nas artes. influenciou sua arte.

RECRO ARTE - 6º ANO. pensamento religioso dos egípcios Identificar a Lei da Frontalidade, pintura mural e simbologia nas artes. influenciou sua arte. RECRO ARTE - 6º ANO EIXO: REFLEXAO SOBRE O SIGNIFICADO DA ARTE / ARTE PRE-HISTÓRICA Analisar a Arte como registro e como Reconhecer as diversas linguagens artísticas e seus elementos. produto cultural.

Leia mais

LICENCIATURA EM ARTES/GRAFISMO MULTIMÉDIA

LICENCIATURA EM ARTES/GRAFISMO MULTIMÉDIA LICENCIATURA EM ARTES/GRAFISMO MULTIMÉDIA Despacho n.º 15385/2007 - Diário da República, 2.ª série, n.º 134, de 13 de julho de 2007. Alterado em 26 de janeiro de 2015 com o registo n.º R/A-Ef 78/2011/AL01,

Leia mais

NEOCLASSICISMO Neoclassicismo

NEOCLASSICISMO Neoclassicismo NEOCLASSICISMO Movimento cultural do fim do século XVIII, e início do século XIX (1780 1830), o NEOCLASSICISMO está identificado com a retomada da cultura clássica (Grécia e Roma) por parte da Europa Ocidental

Leia mais

PLANO BIMESTRAL DE ENSINO: 3º BIMESTRE/2016

PLANO BIMESTRAL DE ENSINO: 3º BIMESTRE/2016 ESCOLA ESTADUAL FERNANDO NOBRE Endereço: Rua Riacho Grande nº 50 Jd. Guerreiro Cotia SP E mail: e010509a@see.sp.gov.br Blog : HTTP://oficinanobre.blogspot.com Fone: 4702 2326/4617 4305 Disciplina : Atividades

Leia mais

SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO

SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO O ser humano procurou desde sempre inventar sistemas geométricos para poder representar num plano (papel, parede, tela) os objectos tridimensionais. Esta necessidade de desenhar

Leia mais

Planificação Anual Disciplina - Expressões - 4 º Ano. Ano letivo: 2017/2018. Expressão Físico- Motora

Planificação Anual Disciplina - Expressões - 4 º Ano. Ano letivo: 2017/2018. Expressão Físico- Motora Planificação Anual Disciplina - Expressões - 4 º Ano Ano letivo: 2017/2018 Calendarização Bloco/Conteúdos N.º de aulas Expressão Físico- Motora Ginástica - Realização de habilidades gímnicas básicas em

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS ARTE

LISTA DE EXERCÍCIOS ARTE LISTA DE EXERCÍCIOS ARTE P2-1º BIMESTRE 7º ANO FUNDAMENTAL II Aluno (a): Turno: Turma: Unidade Data: / /2016 HABILIDADES E COMPETÊNCIAS Reconhecer elementos formais e recursos da linguagem visual; Compreender

Leia mais

BARROCO PINTURA Caravaggio Andrea Pozzo

BARROCO PINTURA Caravaggio Andrea Pozzo BARROCO A arte barroca originou-se na Itália (séc. XVII), mas não tardou a irradiar-se por outros países da Europa e a chegar também ao continente americano, trazida pelos colonizadores portugueses e espanhóis.

Leia mais

Características do Renascimento: - Humanismo - Valorização da cultura greco-romana - Antropocentrismo - Racionalismo - Individualismo - Naturalismo

Características do Renascimento: - Humanismo - Valorização da cultura greco-romana - Antropocentrismo - Racionalismo - Individualismo - Naturalismo Leonardo da Vinci:. Características do Renascimento: - Humanismo - Valorização da cultura greco-romana - Antropocentrismo - Racionalismo - Individualismo - Naturalismo A Renascença foi um período de grande

Leia mais

LICENCIATURA EM ARTES/BD/ILUSTRAÇÃO

LICENCIATURA EM ARTES/BD/ILUSTRAÇÃO LICENCIATURA EM ARTES/BD/ILUSTRAÇÃO Despacho n.º 15385/2007 - Diário da República, 2.ª série, n.º 134, de 13 de julho de 2007. Alterado em 25 de junho de 2014 com o registo n.º R/A-Ef 76/2011/AL01, publicado

Leia mais

NEOCLASSICISMO De volta ao lirismo da Grécia antiga

NEOCLASSICISMO De volta ao lirismo da Grécia antiga NEOCLASSICISMO De volta ao lirismo da Grécia antiga O ideal romântico de ressuscitar os valores estéticos da antiguidade clássica inspirou o movimento artístico conhecido como neoclassicismo, que dominou

Leia mais

Disciplina: Estética e Teoria das Formas

Disciplina: Estética e Teoria das Formas Disciplina: Estética e Teoria das Formas Catedral Metropolitana de Brasília Oscar Niemeyer Estética (do grego aisthésis: percepção, sensação) é um ramo da filosofia que tem por objeto o estudo da natureza

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

Idade Média. Barroco RENASCIMENTO. Prof. Vinicius Rodrigues

Idade Média. Barroco RENASCIMENTO. Prof. Vinicius Rodrigues Idade Média, RENASCIMENTO Barroco e Prof. Vinicius Rodrigues LITERATURA MEDIEVAL Alta Idade Média TROVADORISMO (Século XI-XIV) Novelas de Cavalaria (PROSA) - O herói-cavaleiro carrega os ideias da Igreja

Leia mais

Programa Anual ARTE. A proposta. O trabalho do aluno. O trabalho do professor

Programa Anual ARTE. A proposta. O trabalho do aluno. O trabalho do professor Programa Anual ARTE A proposta O ensino da Arte na escola precisa possibilitar a produção de um auto-retrato das múltiplas faces e funções desta área de conhecimento, revelando as formas de ser e habitar

Leia mais

Prof. Eloy Gustavo. Aula 4 Renascimento

Prof. Eloy Gustavo. Aula 4 Renascimento Aula 4 Renascimento Renascimento ou Renascença O florescimento intelectual e artístico que começou na Itália no século XIV, culminou nesse país no século XVI e influenciou enormemente outras partes da

Leia mais

Geometria Projetiva. Claudio Esperança Paulo Roma Cavalcanti

Geometria Projetiva. Claudio Esperança Paulo Roma Cavalcanti Geometria Projetiva Claudio Esperança Paulo Roma Cavalcanti Euclides Considerado o pai da geometria. Grego, viveu em 300 AC, e acredita-se que esteve ativo em Alexandria (Egito) durante o reinado de Ptolomeu

Leia mais

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO/LONGO PRAZO

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO/LONGO PRAZO 017/018 1.º Período PLANIFICAÇÃO A MÉDIO/LONGO PRAZO DISCIPLINA: História da Cultura e das Artes ANO: 11º CURSO: Cientifico humanísticos Total de aulas Previstas: 74 Mês Set. Out. Nov. Apresentação Ficha

Leia mais

PLANIFICAÇÕES OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) Relacionar o Estádio Municipal de Braga com as artes do jogo e a dignificação do corpo.

PLANIFICAÇÕES OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) Relacionar o Estádio Municipal de Braga com as artes do jogo e a dignificação do corpo. PLANIFICAÇÕES PROFESSORES CURSOS PROFISSIONAIS: TÉCNICO DE MULTIMÉDIA / TÉCNICO DE TURISMO PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES 10º ANO DE ESCOLARIDADE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio Etec Plano de Curso nº 187 aprovado pela portaria Cetec nº 107 de 18 /10 /2011 Etec: Tiquatira Código:208 Município: São Paulo Eixo Tecnológico:

Leia mais

Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia

Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia Explicações religiosas sobre o mundo - INSUFICIENTES 1- Rupturas e continuidades Inspiração greco-romana cultura Influências da Igreja Católica

Leia mais

CURSO DE ARTES PLÁSTICAS PINTURA E INTERMEDIA PLANO CURRICULAR ADEQUAÇÃO A BOLONHA

CURSO DE ARTES PLÁSTICAS PINTURA E INTERMEDIA PLANO CURRICULAR ADEQUAÇÃO A BOLONHA CURSO DE ARTES PLÁSTICAS PINTURA E INTERMEDIA PLANO CURRICULAR ADEQUAÇÃO A BOLONHA 1.º ANO Introdução às Artes Plásticas anual Iniciação da prática oficinal da pintura - as tecnologias clássicas e a prática

Leia mais

ARTES CÊNICAS Cenografia: Segunda-feira 16h55 às 18h30 14 vagas Dramaturgia I: Segunda-feira 18h35 às 20h10 15 vagas Dramaturgia II:

ARTES CÊNICAS Cenografia: Segunda-feira 16h55 às 18h30 14 vagas Dramaturgia I: Segunda-feira 18h35 às 20h10 15 vagas Dramaturgia II: ARTES CÊNICAS Cenografia: A disciplina trabalhará a criação da cenografia para um espetáculo teatral. Desenvolverá os processos de análise dramatúrgica, pesquisa sobre as especificidades do texto teatral,

Leia mais

Luiz Sacilotto. O artista plástico Luiz Sacilotto nasceu em Santo André, São Paulo, em 1924.

Luiz Sacilotto. O artista plástico Luiz Sacilotto nasceu em Santo André, São Paulo, em 1924. 1 Luiz sacilotto 14 O artista plástico nasceu em Santo André, São Paulo, em 1924. Sacilotto participou do Movimento Concretista Brasileiro, movimento cujas obras não se baseavam em modelos naturais ou

Leia mais

3ª Priscila Marra. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade

3ª Priscila Marra. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade História 3ª Priscila Marra 6º Ano E.F. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade Hebreus e fenícios Hebreus e fenícios H6 - Identificar e/ou comparar os modos de vida e as práticas culturais das sociedades

Leia mais

paul ramírez jonas domínio público

paul ramírez jonas domínio público paul ramírez jonas No desenho que organiza as diversas atividades do espaço urbano, sua circulação e formas de ocupação, os monumentos representam uma pontuação, a demarcação de um território coletivo

Leia mais

Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO OESTE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014 PROVA TIPO 01 CADERNO DE PROVAS CARGO: PROFESSOR ARTES

Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO OESTE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014 PROVA TIPO 01 CADERNO DE PROVAS CARGO: PROFESSOR ARTES 1 Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO OESTE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014 PROVA TIPO 01 CADERNO DE PROVAS CARGO: PROFESSOR ARTES HABILITADO Nome do candidato... Data./.../2014 2 Leia atentamente

Leia mais

Renascimento. Clique para adicionar texto

Renascimento. Clique para adicionar texto Clique para adicionar texto DEFINIÇÃO Renascimento: movimento artísticocultural, ocorrido na Europa Ocidental entre os séculos XV e XVI; conjunto de manifestações artísticointelectuais-científicas que

Leia mais

Dicas para fazer esboços da natureza. adriaans.com/on- painting/

Dicas para fazer esboços da natureza.  adriaans.com/on- painting/ Dicas para fazer esboços da natureza. http://www.pieter- adriaans.com/on- painting/ geral Sempre Obrigue- se a trabalhar para e na natureza. Nunca copiar imagens, especialmente desenhos de outros. Estudá-

Leia mais

Renascimento Leonardo Da Vinci

Renascimento Leonardo Da Vinci Renascimento O renascimento começou por meados do século XVII e por fim do século XVIII, Idade Média ~ Idade Moderna. A palavra renascimento veio em virtude da redescoberta e revalorização das referências

Leia mais

ARTE DE PERTO. Conteúdo programático. Encontre bons resultados em aprendizagem. Junte nossa experiência em fazer bons

ARTE DE PERTO. Conteúdo programático. Encontre bons resultados em aprendizagem. Junte nossa experiência em fazer bons Junte nossa experiência em fazer bons livros à sua competência para ensinar: Encontre bons resultados em aprendizagem. ARTE DE PERTO Conteúdo programático MATERIAL DE DIVULGAÇÃO - ESCALA EDUCACIONAL E

Leia mais

Arte Renascentista. Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com

Arte Renascentista. Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com Arte Renascentista Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com ARTE É UM TODO ORGÂNICO E ORDENADO, DIRIGIDO POR LEIS PRÓPRIAS, QUE REGEM, QUER OS ELEMENTOS DO MACROCOSMO, DOS ASTROS, QUER DO

Leia mais

Filosofia da Arte Aula 01. Introdução à compreensão da arte e sua história. Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr.

Filosofia da Arte Aula 01. Introdução à compreensão da arte e sua história. Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. Filosofia da Arte Aula 01 Introdução à compreensão da arte e sua história Prof. Arlindo F. Gonçalves Jr. http://www.mural-2.com Trivium (Gramática, a Retórica e a Lógica/Dialética) Quadrivium (Música,

Leia mais