Conta-me Histórias. Lê atentamente o texto que se segue.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Conta-me Histórias. Lê atentamente o texto que se segue."

Transcrição

1 Prova de Língua Portuguesa 5.º Ano de escolaridade Ano letivo 2013 / ª Chamada Ano lectivo 2012 / 2013 Lê atentamente o texto que se segue. Conta-me Histórias Quando eu era pequena, os campos estavam cheios de flores. Não me lembro dos dias de chuva. Só me lembro de uma grande clareira onde os gafanhotos saltavam e sei que havia uma ribeira perto. Eu tinha 12 anos e tinha um namorado. Não me recordo do seu nome, mas sei que era meu namorado porque um dia quando brincávamos (e éramos muito crianças) só ele soube apanhar e soube oferecer-me uma flor. No dia seguinte, trazia uma roda de borracha, um pneu autêntico e minúsculo de um dos seus carros de corrida. Era tão pequeno que cabia na palma da minha mão, mas os sulcos de pneu verdadeiro fascinaram-me. Eu não disse que o queria, não disse sequer que o achava bonito. Mesmo assim, ele deu-mo: - Toma, é para ti. Deu-me uma flor e depois um pneu. Então eu pensei que a amizade era uma coisa muito bela. Queria dar-lhe também o quê? uma erva, uma pedra, o quê? Pequenos objetos que afinal ele também podia apanhar, mas que talvez oferecidos por mim lhe parecessem mais belos. Perguntei-lhe: - O que queres? - Queria que me contasses uma história. Eu sabia muitas histórias. Umas, de as ter ouvido; outras, de as ter imaginado. Mas receava que alguém já lhas tivesse contado. Então comecei a modificar, a transformar as histórias minhas conhecidas, na esperança de que ele não as reconhecesse. - É diferente, essa tua história. Gostei dela. Sabes mais? Eu não sabia mais. Ou melhor, sabia muitas, muitas porque me era sempre possível inventar. Não me lembro de quantas contei. Menéres, Maria Alberta, A Chave Verde ou os Meus Irmãos, Edições ASA (texto com supressões)

2 Responde às seguintes questões com frases completas. Tem cuidado com a ortografia e com a pontuação. I Compreensão do texto 1. Indica a obra de onde foi retirado o texto que leste. 2. Quando eu era pequena, os campos estavam ( ) 2.1. Esta menina guardava algumas recordações da sua infância. De que se lembrava ela? _ 3. Eu tinha 12 anos e tinha um namorado Aquele rapaz teve duas atitudes que levaram a menina a considerá-lo seu namorado. O que é que ele lhe deu? _ 4. A menina não conseguiu decidir-se sozinha sobre o que havia de oferecer ao amigo. O que resolveu fazer? 5. O menino aceitou uma espécie de prenda, mas nada do que a menina estava a pensar. O que lhe pediu ele? 6. A menina sabia dois tipos de histórias. Explica esta afirmação. _

3 7. Para fazer uma surpresa ao amigo, o que resolveu fazer a menina às histórias que lhe contou? ll Conhecimento Explícito da Língua 1. Atenta nas seguintes palavras do texto: flores ribeira pneu gafanhotos carros campos 1.1. Escreve-as por ordem alfabética. 2. Lê os vários significados da palavra mar, tal como aparecem no dicionário. Mar, n.m Grande massa e extensão de água salgada que cobre a maior parte (73%) da superfície da Terra; oceano. 2. Grande quantidade de qualquer coisa; imensidão. 3. Grande quantidade de pessoas; multidão. AA.W.,2010.Grande Dicionário Língua Portuguesa. Porto:Porto Editora 2.1. Nas três frases que se seguem, a palavra mar é utilizada com significados diferentes. Escolhe e escreve o significado que serve para a palavra mar em cada uma das frases. a. Durante a pesquisa, perdi-me num mar de jornais! mar b. Ao chegar ao cinema, percebi que havia um mar de gente à espera para comprar bilhete. mar c. Quando a bandeira está vermelha, não se deve entrar no mar. mar

4 3. Completa o quadro de acordo com o exemplo. Palavras Número de sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas pequena três trissílabo era não imaginado 4. De acordo com o exemplo, preenche o quadro. Palavras Sílaba tónica Classificação das palavras quanto à acentuação pequena penúltima grave brincávamos dançar borracha 5. Os gafanhotos saltavam nos campos floridos Indica o tempo e o modo em que se encontra a forma verbal sublinhada Volta a escrever a frase, iniciando-a como se indica: a) Neste momento, os gafanhotos. b) Amanhã, os gafanhotos. 6. Lê a seguinte frase: O rapaz ofereceu um pneu minúsculo à menina e ela contou-lhe histórias fantásticas Completa o quadro com as palavras sublinhadas na frase. Nomes Adjetivos Verbos

5 III Expressão Escrita A narradora do texto que acabaste de ler contou muitas histórias àquele menino que ela considerou o seu primeiro namorado. Com certeza que tu também sabes histórias que te foram contando e ainda aquelas que já leste. Recorda-te de uma que gostes mais e que queiras contar num texto de quinze a vinte linhas. Se for muito longa, faz um resumo, no qual contes apenas as partes principais. Dá um título ao teu texto. Não te esqueças de: organizar devidamente as ideias; ser cuidadoso ao nível da caligrafia, ortografia, acentuação e pontuação; ser cuidadoso ao nível da construção frásica e do vocabulário usado.

6 Concurso de Admissão aos Estabelecimentos Militares de Ensino 2013 \ ºAno 1ª chamada Cotação do teste Conta-me histórias I - Compreensão do texto 50 pontos pontos pontos pontos 4. 6 pontos 5. 6 pontos 6. 8 pontos 7. 8 pontos ll - Conhecimento Explícito da Língua 20 pontos pontos (0,5 x 6) pontos (1 x 3) 3. 3 pontos (0,5 x 6) 4. 3 pontos (0,5 x 6) ponto pontos (2 x 2) pontos (0,5 x 6) III - Expressão Escrita 30 pontos Total 100 pontos

7 2013 \ ºAno 1ª chamada Correção e cotação do teste Conta-me histórias I Compreensão do texto 50 pontos 1. Indica a obra de onde foi retirado o texto que leste. Este texto foi retirado da obra A Chave Verde ou os Meus Irmãos. 2. Quando eu era pequena, os campos estavam ( ) 2.1. Esta menina guardava algumas recordações da sua infância. De que se lembrava ela? A menina lembrava-se de um amigo que ela achava ser o seu namorado, por ele lhe ter oferecido pequenos presentes, com muita simpatia. Lembrava-se também de um lugar especial uma clareira, onde uma ribeira passava perto. 3. Eu tinha 12 anos e tinha um namorado Aquele rapaz teve duas atitudes que levaram a menina a considerá-lo seu namorado. O que é que ele lhe deu? O rapaz deu-lhe uma flor e um pneu de um dos seus carros de corrida. 4. A menina não conseguiu decidir-se sozinha sobre o que havia de oferecer ao amigo. O que resolveu fazer? Resolveu perguntar-lhe o que ele queria. 5. O menino aceitou uma espécie de prenda, mas nada do que a menina estava a pensar. O que lhe pediu ele? Ele pediu à menina que lhe contasse uma história. 6. A menina sabia dois tipos de histórias. Explica esta afirmação. A menina sabia as histórias que tinha ouvido e outras que ela tinha imaginado. 7. Para fazer uma surpresa ao amigo, o que resolveu fazer a menina às histórias que lhe contou? Resolveu modificar as histórias que sabia, para que ele não as reconhecesse. II Conhecimento Explícito da Língua - 20 pontos 1. Atenta nas seguintes palavras do texto: flores chuva ribeira clareira gafanhotos carros corrida campos

8 1.1. Escreve-as por ordem alfabética. campos, carros, flores, gafanhotos, pneu, ribeira 2. Lê os vários significados da palavra mar, tal como aparecem no dicionário. Mar, n.m Grande massa e extensão de água salgada que cobre a maior parte (73%) da superfície da Terra; oceano. 2. Grande quantidade de qualquer coisa; imensidão. 3. Grande quantidade de pessoas; multidão. AA.W.,2010.Grande Dicionário Língua Portuguesa. Porto:Porto Editora A 2.1.Nas três frases que se seguem, a palavra mar é utilizada com significados diferentes. Escolhe e escreve o significado que serve para a palavra mar em cada uma das frases. a. Durante a pesquisa, perdi-me num mar de jornais! mar - Grande quantidade; imensidão. b. Ao chegar ao cinema, percebi que havia um mar de gente à espera para comprar bilhete. mar - Grande quantidade de pessoas; multidão. c. Quando a bandeira está vermelha, não se deve entrar no mar. mar - Oceano. 3. Completa o quadro de acordo com o exemplo: Palavras Número de sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas pequena três trissílabo era duas dissílabo não uma monossílabo imaginado cinco polissílabo 4. De acordo com o exemplo, preenche o quadro. Palavras Sílaba tónica Classificação das palavras quanto à acentuação pequena penúltima grave brincávamos antepenúltima esdrúxula dançar última aguda borracha penúltima grave

9 5. Os gafanhotos saltavam nos campos floridos Indica o tempo e o modo em que se encontra a forma verbal sublinhada. saltavam pretérito imperfeito do modo indicativo Volta a escrever a frase, iniciando-a como se indica: a) Neste momento, os gafanhotos saltam nos campos floridos. b) Amanhã, os gafanhotos saltarão nos campos floridos. 6. Lê a seguinte frase: O rapaz ofereceu um pneu minúsculo à menina e ela contou-lhe histórias fantásticas Completa o quadro com as palavras sublinhadas na frase. Nomes Adjetivos Verbos rapaz minúsculo ofereceu histórias fantásticas contou III Expressão Escrita 30 pontos

10

I.ª Parte. Nome: Ano: Lê o texto que se segue com muita atenção.

I.ª Parte. Nome: Ano: Lê o texto que se segue com muita atenção. Nome: Ano: Turma: Classificação: I.ª Parte Lê o texto que se segue com muita atenção. O JARDIM DO TIO RICARDO O meu tio Ricardo tem um jardim. Como gosta muito de flores e de árvores e outras plantas e

Leia mais

A lenda do café. Revista 24 horas, 28 de Julho de 2006 (excertos)

A lenda do café. Revista 24 horas, 28 de Julho de 2006 (excertos) A lenda do café Revista 24 horas, 28 de Julho de 2006 (excertos) Provavelmente já se questionou como é que o café foi descoberto. A história parece ser universal, já que tudo aponta para a Lenda de Kaldi,

Leia mais

Escutar discursos breves para aprender e construir conhecimentos.

Escutar discursos breves para aprender e construir conhecimentos. METAS CURRICULARES 2º ANO Português Oralidade Respeitar regras da interação discursiva. Escutar discursos breves para aprender e construir conhecimentos. Produzir um discurso oral com correção. Produzir

Leia mais

A PREENCHER PELO ALUNO

A PREENCHER PELO ALUNO Prova Final do 1.º e do 2.º Ciclos do Ensino Básico PLNM (A2) Prova 43 63/2.ª Fase/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura

Leia mais

Caderno 1. Língua Portuguesa. Teste Intermédio de Língua Portuguesa. Caderno 1. Teste Intermédio. 2.º Ano de Escolaridade

Caderno 1. Língua Portuguesa. Teste Intermédio de Língua Portuguesa. Caderno 1. Teste Intermédio. 2.º Ano de Escolaridade Teste Intermédio de Língua Portuguesa Caderno 1 Teste Intermédio Língua Portuguesa 2.º Ano de Escolaridade Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 31.05.2012 Nome do

Leia mais

Questão 21 ANULADA PADRÃO DE CORREÇÃO LINGUA PORTUGUESA

Questão 21 ANULADA PADRÃO DE CORREÇÃO LINGUA PORTUGUESA Questão 21 ANULADA PADRÃO DE CORREÇÃO LINGUA PORTUGUESA QUESTÃO 01 HABILIDADE: Escrever texto, com correspondência sonora; Escrever texto, a partir do tema proposto. 1. Escreve textos, sem erros ortográficos,

Leia mais

TEXTO. Visual texto em que a comunicação se dá apenas por meio de imagens. Verbal - texto em que a comunicação se dá por meio de palavras escritas.

TEXTO. Visual texto em que a comunicação se dá apenas por meio de imagens. Verbal - texto em que a comunicação se dá por meio de palavras escritas. Língua Portuguesa 1º trimestre Temas para estudo Em nossas primeiras aulas, vimos que, conforme sua configuração/diagramação, um TEXTO pode ser classificado como: Visual texto em que a comunicação se dá

Leia mais

INSTRUÇÕES GERAIS SOBRE A PROVA. Esta prova é constituída por duas partes, separadas por um intervalo de 30 minutos. 1.ª Parte (45 minutos)

INSTRUÇÕES GERAIS SOBRE A PROVA. Esta prova é constituída por duas partes, separadas por um intervalo de 30 minutos. 1.ª Parte (45 minutos) PA-LP 3 INSTRUÇÕES GERAIS SOBRE A PROVA Esta prova é constituída por duas partes, separadas por um intervalo de 30 minutos. 1.ª Parte (45 minutos) Durante este tempo, vais ler, com muita atenção, um texto

Leia mais

Ficha de trabalho/ treino 7º ano de escolaridade Modos verbais: indicativo, imperativo e conjuntivo

Ficha de trabalho/ treino 7º ano de escolaridade Modos verbais: indicativo, imperativo e conjuntivo Ficha de trabalho/ treino 7º ano de escolaridade Modos verbais: indicativo, imperativo e conjuntivo 1. Observa uma lista de indicações para uma correta operação de lavagem dos dentes. 1. Pegar na escova

Leia mais

6) Sublinhe com lápis colorido a frase em que o verbo papar é empregado como nesta: (...) Ele já papou muitos e muitos livros!

6) Sublinhe com lápis colorido a frase em que o verbo papar é empregado como nesta: (...) Ele já papou muitos e muitos livros! FICHA DA SEMANA 5º ANO A / B Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno,

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS

REVISÃO E AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS LINGUAGENS REVISÃO 1 REVISÃO 2 AULA: 67 REVISÃO E AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS 2 Número de Sílabas e Classificações Experimente pronunciar as palavras de um modo bem devagar: maçã bola sol mão lâmpada bolacha

Leia mais

Sophia de Mello Breyner Andersen

Sophia de Mello Breyner Andersen Sophia de Mello Breyner Andersen Autora: H. F. Publicado em http://www.escolovar.org 1 A menina do mar A. Lê a pág. 5 e responde 1. Descreve a casa. 2. Que plantas cresciam no jardim? 3. Quem morava nessa

Leia mais

AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE COD. 242 937 COD. 152 870

AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE COD. 242 937 COD. 152 870 CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO (Aprovados em Conselho Pedagógico de 16 outubro de 2012) No caso específico da disciplina de PORTUGUÊS, do 3.º ano de escolaridade, a avaliação incidirá ainda ao nível

Leia mais

Lição 3. O Chicote. Coleção ABCD - Lição 3. Uma Atividade Para Cada Dia: 365 Dias do Ano. São Paulo: Vergara Brasil, 2004. p. 86.

Lição 3. O Chicote. Coleção ABCD - Lição 3. Uma Atividade Para Cada Dia: 365 Dias do Ano. São Paulo: Vergara Brasil, 2004. p. 86. Coleção ABCD - Lição 3 Lição 3 O Chicote Para que idade? A partir dos 8 anos. Quantos podem brincar? Desde 5 jogadores. De que precisamos? De nada. Como é que se joga? Tira-se a sorte para ver quem será

Leia mais

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados.

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados. Teste Intermédio de Português Teste Intermédio Português Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 28.05.2013 2.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro

Leia mais

Tenho um filho. Já tive um marido. Tenho agora um filho

Tenho um filho. Já tive um marido. Tenho agora um filho o príncipe lá de casa Tenho um filho. Já tive um marido. Tenho agora um filho e talvez queira outra vez um marido. Mas quando se tem um filho e já se teve um marido, um homem não nos serve exatamente para

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2013-2014

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2013-2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL 2013-2014 Agrupamento de Escolas Domingos Sequeira Área Disciplinar: Português Ano de Escolaridade: 3º Mês: outubro Domínios de referência Objetivos/Descritores Conteúdos Oralidade 1

Leia mais

Síntese da Planificação da Disciplina de Português - 5 º Ano

Síntese da Planificação da Disciplina de Português - 5 º Ano Síntese da Planificação da Disciplina de Português - 5 º Ano Dias de aulas previstos Período 2.ª 3.ª 4.ª 5.ª 6.ª 1.º período 13 13 13 12 13 2.º período 9 9 9 11 11 3.º período 9 11 10 10 11 (As Aulas previstas

Leia mais

2015/2016 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1.º CICLO 3.º ANO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO JACQUES DE MAGALHÃES

2015/2016 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1.º CICLO 3.º ANO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO JACQUES DE MAGALHÃES 2015/2016 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1.º CICLO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO JACQUES DE MAGALHÃES Disciplina: PORTUGUÊS Agrupamento de Escolas Pedro Jacques de Magalhães CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1.º CICLO - Ano

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

REVISÕES DO FUNCIONAMENTO DA LÍNGUA PORTUGUESA

REVISÕES DO FUNCIONAMENTO DA LÍNGUA PORTUGUESA REVISÕES DO FUNCIONAMENTO DA LÍNGUA PORTUGUESA A COMUNICAÇÃO E A LINGUAGEM A comunicação pode ser: Comunicação Pessoal diálogo, telefone, carta, Internet Comunicação Social jornais, revistas,livros,televisão

Leia mais

1. Agrupa as palavras segundo o número de sílabas e distribui-as pelo quadro, conforme o exemplo.

1. Agrupa as palavras segundo o número de sílabas e distribui-as pelo quadro, conforme o exemplo. 1. Agrupa as palavras segundo o número de sílabas e distribui-as pelo quadro, conforme o exemplo. computador mesa livraria órgão lápis bolo pá Monossílabos Dissílabos Polissílabos 2. Separa as sílabas

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Eugénio de Castro 1.º Ciclo

Agrupamento de Escolas de Eugénio de Castro 1.º Ciclo Agrupamento de Escolas de Eugénio de Castro 1.º Ciclo PLANIFICAÇÃO ANUAL Ano Letivo 2014/2015 Português 3.º Ano DISCIPLINA DOMÍNIOS CONTEÚDOS INTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO CALENDARIZAÇÃO PORTUGUÊS Pesquisa

Leia mais

Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA Modelo matemático prevê gols no futebol Moacyr Scliar

Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA Modelo matemático prevê gols no futebol Moacyr Scliar PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 5 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA

Leia mais

Prova bimestral. Língua portuguesa. A água. 4 o Bimestre 3 o ano. 1. Leia um trecho do texto A água, de Millôr Fernandes.

Prova bimestral. Língua portuguesa. A água. 4 o Bimestre 3 o ano. 1. Leia um trecho do texto A água, de Millôr Fernandes. Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Ensino fundamental Publicado em 2011 Prova bimestral 4 o Bimestre 3 o ano Língua portuguesa Data: / / Nível: Escola: Nome: 1. Leia um trecho do texto A água,

Leia mais

Prova Escrita de Português Língua Não Materna

Prova Escrita de Português Língua Não Materna EXAME NACIONAL DO ENSINO BÁSICO E DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova 28 2.ª Chamada / 739 2.ª Fase / 2010 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro, e Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março A PREENCHER PELO ESTUDANTE

Leia mais

Habilidades: - Reconhecer as sílabas tônicas das palavras, separar sílabas, classificar as palavras em oxítonas, paroxítonas e proparoxítonas.

Habilidades: - Reconhecer as sílabas tônicas das palavras, separar sílabas, classificar as palavras em oxítonas, paroxítonas e proparoxítonas. Conteúdos: - Os sinais de pontuação e a sua importância na compreensão textual. - Classificação das palavras quanto ao número de sílabas. - Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica.

Leia mais

Avaliação: 1.ª Parte. Lê o texto atentamente. Unidade Didáctica Língua Portuguesa. Nome: Data: / / A Salta-Pocinhas

Avaliação: 1.ª Parte. Lê o texto atentamente. Unidade Didáctica Língua Portuguesa. Nome: Data: / / A Salta-Pocinhas Avaliação: Unidade Didáctica Língua Portuguesa Nome: Data: / / 1.ª Parte Lê o texto atentamente A Salta-Pocinhas Havia três dias e três noites que a Salta-Pocinhas, raposa matreira, fagueira e lambisqueira

Leia mais

Colégio dos Santos Anjos Avenida Iraí, 1330 Planalto Paulista www.colegiosantosanjos.g12.br A Serviço da Vida por Amor

Colégio dos Santos Anjos Avenida Iraí, 1330 Planalto Paulista www.colegiosantosanjos.g12.br A Serviço da Vida por Amor Colégio dos Santos Anjos Avenida Iraí, 1330 Planalto Paulista www.colegiosantosanjos.g12.br A Serviço da Vida por Amor Curso: Nome do (a) Aluno (a): Ano: 3º Componente Curricular: Língua Portuguesa Professor

Leia mais

Caderno 1: 50 minutos. Tolerância: 20 minutos.

Caderno 1: 50 minutos. Tolerância: 20 minutos. PROVA FINAL DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO Português/Prova 41/1.ª Fase/2013 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ESTUDANTE Nome completo Documento de CC n.º ou BI n.º Emitido em Não

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

Projecto Curricular de Grupo/Turma

Projecto Curricular de Grupo/Turma Projecto Curricular de Grupo/Turma SEMINÁRIO EDUCAÇÃO NO SECTOR SOLIDÁRIO OS PROJECTOS EDUCATIVOS A PARTIR DA CRECHE Projecto Curricular de Grupo/Turma A circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007, emanada do Ministério

Leia mais

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter Distribuição digital, não-comercial. 1 Três Marias Teatro Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter O uso comercial desta obra está sujeito a direitos autorais. Verifique com os detentores dos direitos da

Leia mais

Histórias Tradicionais Portuguesas. Alice Vieira AS MOEDAS DE OURO. Autora: Lina. Publicado em: www.escolovar.org

Histórias Tradicionais Portuguesas. Alice Vieira AS MOEDAS DE OURO. Autora: Lina. Publicado em: www.escolovar.org Histórias Tradicionais Portuguesas Alice Vieira AS MOEDAS DE OURO DE PINTO PINTÃO VAMOS CONHECER O LIVRO A CAPA A CONTRACAPA A LOMBADA Observa a capa do livro e responde: 1.Título 2. Nome da autora 3.

Leia mais

Cont_13V4_2015.docx pág. 1 de 6

Cont_13V4_2015.docx pág. 1 de 6 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidades 1, 2, 3 e 4) Gêneros História em versos História em prosa História em quadrinhos Letra de canção Conto

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

MÚSICAS. Hino da Praznik Sempre Quando vens p ras colónias Sei de alguém Menino de Bronze Tenho Vontade VuVu & ZéZé

MÚSICAS. Hino da Praznik Sempre Quando vens p ras colónias Sei de alguém Menino de Bronze Tenho Vontade VuVu & ZéZé MÚSICAS Hino da Praznik Sempre Quando vens p ras colónias Sei de alguém Menino de Bronze Tenho Vontade VuVu & ZéZé Hino da Praznik Do Fá Gosto de aqui estar Sol Do E contigo brincar E ao fim vou arranjar

Leia mais

Disciplina: Português Período: 1º. Equipe - 3 ano - turmas: 31, 32 e 33.

Disciplina: Português Período: 1º. Equipe - 3 ano - turmas: 31, 32 e 33. Disciplina: Português Período: 1º Unidade 1 Eu me comunico Linguagem : formal e informal Variação regional de vocabulário Usando diferentes linguagens Ortografia: L e U,A/AI; E/I; O/OU; Usando diferentes

Leia mais

Provas a Nível de Escola

Provas a Nível de Escola Provas a Nível de Escola PROVA FINAL DO 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO Português/Prova 51/1ª Fase/2014 Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ESTUDANTE Nome completo Documento de CC identificação

Leia mais

Ficha Técnica Texto e Edição: Daniela Costa Ilustração: Vera Guedes Impressão: Colorshow. www.biografiasporencomenda.com

Ficha Técnica Texto e Edição: Daniela Costa Ilustração: Vera Guedes Impressão: Colorshow. www.biografiasporencomenda.com O balão. Ficha Técnica Texto e Edição: Daniela Costa Ilustração: Vera Guedes Impressão: Colorshow www.biografiasporencomenda.com O Balão Ainda não tinhas nascido quando recebeste o teu primeiro presente.

Leia mais

AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS PONTUAÇÃO: 10,0

AVALIAÇÃO DE LINGUAGENS PONTUAÇÃO: 10,0 DE LINGUAGENS PONTUAÇÃO: 10,0 2 QUESTÃO 01 (1,0) Leia a frase a seguir. Há coisas na vida que não dependem de você, mas ofereça sempre o seu melhor para tudo que por acaso depender. 3 As palavras destacadas

Leia mais

Atividade 3 O Futuro. Um dia... Instrução em sala de aula

Atividade 3 O Futuro. Um dia... Instrução em sala de aula Atividade 3 O Futuro Um dia... Instrução em sala de aula Nuno Carvalho PROJETO: Estratégias e materiais de ensino-aprendizagem para Português Língua Não Materna (PLNM) Ilustração: Ana, Agrupamento de Escolas

Leia mais

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa MODELO 1 Compreensão da Leitura e Expressão Escrita Parte 1 Questões 1 20 O Luís enviou cinco mensagens através do telemóvel. Leia as frases 1 a 5. A cada frase corresponde uma mensagem enviada pelo Luís.

Leia mais

Pessoais Do caso reto Oblíquo. Possessivos. Demonstrativos. Relativos. Indefinidos. Interrogativos

Pessoais Do caso reto Oblíquo. Possessivos. Demonstrativos. Relativos. Indefinidos. Interrogativos Pessoais Do caso reto Oblíquo Possessivos Demonstrativos Relativos Indefinidos Interrogativos Os pronomes is indicam diretamente as s do discurso. Quem fala ou escreve, assume os pronomes eu ou nós, emprega

Leia mais

1.º CEB. Clara Amorim

1.º CEB. Clara Amorim 1.º CEB Metas Curriculares de Português Documento de referência para o ensino e a aprendizagem e para a avaliação interna e externa, de progressiva utilização obrigatória. Contém os conteúdos do programa

Leia mais

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados.

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados. Teste Intermédio de Língua Portuguesa Teste Intermédio Língua Portuguesa Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 31.05.2012 2.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 6/2001,

Leia mais

VAMOS ESTUDAR OS VERBOS

VAMOS ESTUDAR OS VERBOS VAMOS ESTUDAR OS VERBOS Autores: Ana Catarina; Andreia; Bibiana; Pedro Cardoso. Ano/Turma: 6º A Ano Lectivo: 2007/2008 Índice. 1 Introdução... 2 Pág. Primeira Parte 1-OS VERBOS 1.1 Conceito.. 3 1.2 Tempo.

Leia mais

1.º Ciclo do Ensino Básico Critérios de Avaliação

1.º Ciclo do Ensino Básico Critérios de Avaliação 1.º Ciclo do Ensino Básico Critérios de Avaliação PORTUGUÊS Domínios em Domínios/Competências Fatores de ponderação Instrumentos de Domínio Cognitivo Compreensão oral 20% Registos e grelhas de observação

Leia mais

Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa

Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa A Universidade de Lisboa está a fazer um estudo que procura saber como é que as crianças e os jovens portugueses utilizam a internet e o que pensam

Leia mais

A folha e o pirilampo

A folha e o pirilampo Ficha de Avaliação Trimestral (dezembro) PORTUGUÊS Nome Data 10.dez.2013 Classificação O Professor Enc. de Educação I PARTE Lê, com muita atenção, o texto seguinte: A folha e o pirilampo 5 10 15 20 25

Leia mais

EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO

EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO 12.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 286/89, de 29 de Agosto programas novos e Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março) PROVA 239/5 Págs. Duração da prova: 120

Leia mais

- Papá, é hoje! É hoje, papá! Temos que montar o nosso pinheirinho de Natal. disse o rapaz, correndo na direção de seu pai.

- Papá, é hoje! É hoje, papá! Temos que montar o nosso pinheirinho de Natal. disse o rapaz, correndo na direção de seu pai. Conto de Natal Já um ano havia passado desde o último Natal. Timóteo estava em pulgas para que chegasse o deste ano. Menino com cara doce, uma tenra idade de 10 aninhos, pobre, usava roupas ou melhor,

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência da disciplina de FRANCÊS

Informação Prova de Equivalência à Frequência da disciplina de FRANCÊS Informação Prova de Equivalência à Frequência da disciplina de FRANCÊS Prova 16 2015 3º Ciclo do Ensino Básico Despacho normativo n.º 6-A/2015 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 1º BIMESTRE 4º ANO. Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737. Língua Portuguesa

ENSINO FUNDAMENTAL MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 1º BIMESTRE 4º ANO. Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737. Língua Portuguesa ENSINO FUNDAMENTAL Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737 www.ciman.com.br MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 1º BIMESTRE 4º ANO CPG Língua Portuguesa Leitura e interpretação de textos (características e função

Leia mais

Conteúdos: Pronomes possessivos e demonstrativos

Conteúdos: Pronomes possessivos e demonstrativos Conteúdos: Pronomes possessivos e demonstrativos Habilidades: Reconhecer os pronomes demonstrativos como marca em relação à posição, ao espaço e ao tempo no texto; Habilidades: Compreender os pronomes

Leia mais

Prova Final/Prova de Exame Nacional de Português Língua Não Materna (A2)

Prova Final/Prova de Exame Nacional de Português Língua Não Materna (A2) PROVA FINAL DO 2.º E do 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO PLNM (A2) Prova 63 93/2.ª Chamada/2012 PLNM (A2) Prova 739/2.ª Fase/2012 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro,

Leia mais

Como percebemos a duração do que é descrito por um verbo? *

Como percebemos a duração do que é descrito por um verbo? * Como percebemos a duração do que é descrito por um verbo? * 1.Nesta actividade, vamos estudar de que forma os verbos podem significar situações com durações diferentes. Quando consultamos o dicionário,

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ROMEU CORREIA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ROMEU CORREIA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ROMEU CORREIA EB FEIJO Nº1/EB1 Nº2 DO FEIJÓ/EB1/JI DE VALE FLORES 3.º Ano Ano Letivo: 2013-2014 Plano Curricular Simplificado da Disciplina de Português CONTEÚDOS (SÍNTESE) Oralidade

Leia mais

Areias 19 de Janeiro de 2005. Querida Mãezita

Areias 19 de Janeiro de 2005. Querida Mãezita Areias 19 de Janeiro de 2005 Querida Mãezita Escrevo-te esta carta para te dizer o quanto gosto de ti. Sem ti, eu não teria nascido, sem ti eu não seria ninguém. Mãe, adoro- -te. Tu és muito importante

Leia mais

Caderno 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico. prova de aferição do ensino básico.

Caderno 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico. prova de aferição do ensino básico. prova de aferição do ensino básico 2011 A preencher pelo aluno Rubrica do Professor Aplicador Nome A preencher pelo agrupamento Número convencional do Aluno Número convencional do Aluno A preencher pela

Leia mais

Que calorão! Entenda por que o efeito estufa ameaça nosso planeta.

Que calorão! Entenda por que o efeito estufa ameaça nosso planeta. Nome: Ensino: F undamental 4 o ano urma: Língua Por ortuguesa T Data: 5/8/2009 Que calorão! Entenda por que o efeito estufa ameaça nosso planeta. O clima na Terra não é sempre igual e a temperatura aumenta

Leia mais

APRENDER A ESCREVER. Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola

APRENDER A ESCREVER. Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola http://luizsoaresdecassia.blogspot.com.br APRENDER A ESCREVER Como ajudar as crianças a se alfabetizar no início da vida escola Todos os anos, milhares de meninos e meninas do ensino fundamental de todo

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VILA VIÇOSA Ficha de Avaliação de Língua Portuguesa 4º Ano Nome: Data: Resultado: Professor:

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VILA VIÇOSA Ficha de Avaliação de Língua Portuguesa 4º Ano Nome: Data: Resultado: Professor: AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VILA VIÇOSA Ficha de Avaliação de Língua Portuguesa 4º Ano Nome: Data: Resultado: Professor: Era uma velha muito velha que vivia numa casa velhíssima. E dentro da casa só havia

Leia mais

ortuguesa Língua Por Meu cachorro Pepe D 6/8/2009

ortuguesa Língua Por Meu cachorro Pepe D 6/8/2009 Nome: Ensino: F undamental 4 o ano urma: Língua Por ortuguesa T ata: D 6/8/2009 Meu cachorro Pepe Sou filho único, meus pais sempre trabalharam fora e como passei a infância toda na cidade do Rio de Janeiro,

Leia mais

Animais em extinção - Formação de palavras (jogo de sílabas) - Letra O - Letra P - Formação de palavras (jogo de sílabas e jogo de letras)

Animais em extinção - Formação de palavras (jogo de sílabas) - Letra O - Letra P - Formação de palavras (jogo de sílabas e jogo de letras) ABEU COLÉGIOS Disciplina: Língua Portuguesa Série: 1 ano / Fundamental I 1 Caderno 1 Seleção de módulos do Sistema de Ensino Ser 2014 Símbolos e Mensagens - Diferenciação de letra, palavra e número - Placas

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa de Português do Ensino Básico; Metas Curriculares de Português- 1º Ciclo 1º

Leia mais

Formanda: Sónia Machado Garcia Formadoras: Rosa Santos e Isabel Silva. Ano letivo 2013/2014

Formanda: Sónia Machado Garcia Formadoras: Rosa Santos e Isabel Silva. Ano letivo 2013/2014 Formanda: Sónia Machado Garcia Formadoras: Rosa Santos e Isabel Silva Ano letivo 2013/2014 ATIVIDADE 1 DOMÍNIO: ORALIDADE 4º ANO A MÁQUINA DE FAZER PALAVRAS Objetivo: Escutar para aprender e construir

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO 2012/2013 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 3) 6º Ano / Ensino Fundamental

CONCURSO DE ADMISSÃO 2012/2013 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 3) 6º Ano / Ensino Fundamental Leia atentamente todas as questões e assinale a única alternativa correta. Texto 1 A menina que desenhava 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA ALUNOS NOVOS. 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental 2016 Unidade Recreio

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA ALUNOS NOVOS. 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental 2016 Unidade Recreio PROCESSO DE SELEÇÃO PARA ALUNOS NOVOS 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental 2016 Unidade Recreio I ORIENTAÇÕES GERAIS a) As famílias que desejarem conhecer a Escola e inscrever seus filhos para o processo

Leia mais

Brasileiros esperam ganhar salário três vezes maior após fazer MBA

Brasileiros esperam ganhar salário três vezes maior após fazer MBA COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 6º Ano Profª: Margareth Rodrigues Dutra Disciplina: Língua Portuguesa Aluno(a): TRABALHO DE RECUPERAÇÃO Data de entrega: 18/12/14 Questão 1- Leia o texto a seguir. Brasileiros

Leia mais

RIMAS PERFEITAS, IMPERFEITAS E MAIS-QUE-PERFEITAS JOGOS E ACTIVIDADES

RIMAS PERFEITAS, IMPERFEITAS E MAIS-QUE-PERFEITAS JOGOS E ACTIVIDADES RIMAS PERFEITAS, IMPERFEITAS E MAIS-QUE-PERFEITAS JOGOS E ACTIVIDADES Recorda! Verbos são palavras que refer acções ou processos praticados ou desenvolvidos por alguém. Os verbos distribu-se por vários

Leia mais

Avaliação 1 o Bimestre

Avaliação 1 o Bimestre Avaliação 1 o Bimestre NOME: N º : CLASSE: Como você se sente quando está na sua casa? Você já parou para pensar que quando estamos em casa parece que nada de mal pode nos acontecer? Isso acontece principalmente

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 4º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidades 1, 2, 3 e 4) Gêneros Poema Crônica História em quadrinhos Conto de fadas Conto maravilhoso História de

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 1º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 1º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO 1º PERÍODO/2015 5º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA (Unidade 1) Gêneros Poema Crônica Descrição História em quadrinhos Conto de fadas Conto maravilhoso Fábula Leitura

Leia mais

TÍTULO: Plano de Aula SÍLABAS. Ensino Fundamental I / Anos Iniciais 3 ano. Língua Portuguesa. Gramática. 2 aulas (50 min cada ) Educação Presencial

TÍTULO: Plano de Aula SÍLABAS. Ensino Fundamental I / Anos Iniciais 3 ano. Língua Portuguesa. Gramática. 2 aulas (50 min cada ) Educação Presencial Org.: Claudio André - 1 TÍTULO: SÍLABAS Nível de Ensino: Ano/Semestre de Estudo Componente Curricular: Tema: Duração da Aula: Ensino Fundamental I / Anos Iniciais 3 ano Língua Portuguesa Gramática 2 aulas

Leia mais

Meu pássaro de papel

Meu pássaro de papel ALUNO (A): ANO: 3º TURMA: (A) (C) PROFESSOR (A): VALOR DA AVALIAÇÃO: 40 pontos DATA: CENTRO EDUCACIONAL SAGRADA FAMÍLIA 22 / 08 / 2013 TRIMESTRE: 2º NOTA: COMPONENTE CURRICULAR: LÍNGUA PORTUGUESA ENSINO

Leia mais

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR: Bicharada

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR: Bicharada PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARIPE SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA DO PROGRAMA LUZ DO SABER INFANTIL PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Rotina de Sala de Aula TEMA GERADOR:

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS (Planificação anual) 3º ano de escolaridade 1º Período

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS (Planificação anual) 3º ano de escolaridade 1º Período PROGRAMÁTICOS (Planificação anual) 3º ano de escolaridade 1º Período DISCIPLINA: Língua Portuguesa Compreensão do oral; Ouvinte (DT); Vocabulário; Notas, esquemas; Oralidade (DT); Texto oral e texto escrito

Leia mais

6 Estimular a Criatividade

6 Estimular a Criatividade OZARFAXINARS N.2 DEZEMBRO 2005 121 6 Estimular a Criatividade Como aspecto menos valorizado pela Escola, a criatividade pode estimular novas formas de o jovem se relacionar com o mundo, desenvolvendo atitudes

Leia mais

Inglesar.com.br Aprender Inglês Sem Estudar Gramática

Inglesar.com.br Aprender Inglês Sem Estudar Gramática 1 Sumário Introdução...04 O segredo Revelado...04 Outra maneira de estudar Inglês...05 Parte 1...06 Parte 2...07 Parte 3...08 Por que NÃO estudar Gramática...09 Aprender Gramática Aprender Inglês...09

Leia mais

C 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico 16 Páginas. Língua Portuguesa/2012

C 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico 16 Páginas. Língua Portuguesa/2012 PROVA DE AFERIÇÃO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO Língua Portuguesa/2012 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro A PREENCHER PELO ALUNO Rubrica do Professor Aplicador Nome completo A PREENCHER PELO AGRUPAMENTO

Leia mais

Furor suave. O Ar. À beira mar Está um homem a pescar Peixe está a apanhar E sem nunca parar. (Pedro Ernesto, 10 anos)

Furor suave. O Ar. À beira mar Está um homem a pescar Peixe está a apanhar E sem nunca parar. (Pedro Ernesto, 10 anos) 6 Furor suave Vou fazer um poema com ar; mas não é com este ar. Qual ar? Este, aqui, este ar. Este qual? O que se respira? Sim, esse, não é com o que se respira, é com o ar de ar. Qual ar? Queres dizer

Leia mais

Diversidade. Linguística. na Escola Portuguesa. Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC)

Diversidade. Linguística. na Escola Portuguesa. Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC) Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC) www.iltec.pt www.dgidc.min-edu.pt www.gulbenkian.pt VOCABULÁRIO ESPECÍFICO DA ESCOLA acrescentar juntar ou adicionar Acrescenta a pontuação adequada

Leia mais

Diversidade. Linguística. na Escola Portuguesa. Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC)

Diversidade. Linguística. na Escola Portuguesa. Projecto Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC) Diversidade Linguística na Escola Portuguesa (ILTEC) www.iltec.pt www.dgidc.min-edu.pt www.gulbenkian.pt VOCABULÁRIO ESPECÍFICO DA ESCOLA acrescentar Definição Exemplo Mandarim juntar ou adicionar alguma

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência de Francês Prova escrita 9ºano de escolaridade

Informação Prova de Equivalência à Frequência de Francês Prova escrita 9ºano de escolaridade Ano Letivo 2012/2013 Informação Prova de Equivalência à Frequência de Francês Prova escrita 9ºano de escolaridade Introdução O presente documento visa divulgar as características do exame de equivalência

Leia mais

Historinhas para ler durante a audiência dos pais. Pio Giovani Dresch

Historinhas para ler durante a audiência dos pais. Pio Giovani Dresch Historinhas para ler durante a audiência dos pais Pio Giovani Dresch Historinhas para ler durante a audiência dos pais Pio Giovani Dresch Ilustrações: Santiago Arte: www.espartadesign.com.br Contatos

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Modo: indicativo O modo indicativo expressa um fato de maneira definida, real, no presente, passado ou futuro, na frase afirmativa, negativa ou interrogativa. Presente Presente Passado (=Pretérito) Pretérito

Leia mais

Prova Escrita de Português Língua Não Materna

Prova Escrita de Português Língua Não Materna EXAME NACIONAL DO ENSINO BÁSICO E DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova 28 739 /1.ª Chamada 1.ª Fase / 2008 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro e Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março A PREENCHER PELO ESTUDANTE

Leia mais

Língua Portuguesa. Prova a de Aferição de. 1.º Ciclo do Ensino Básico. A preencher pelo aluno (não escrevas o teu nome): idade sexo: F M.

Língua Portuguesa. Prova a de Aferição de. 1.º Ciclo do Ensino Básico. A preencher pelo aluno (não escrevas o teu nome): idade sexo: F M. A preencher pelo aluno (não escrevas o teu nome): idade sexo: F M A preencher pelo GAVE: n.º convencional da escola 2004 Prova a de Aferição de Língua Portuguesa 1.º Ciclo do Ensino Básico A B C D E Observações

Leia mais

ENSINO SECUNDÁRIO CIENTIFICO HUMANÍSTICO

ENSINO SECUNDÁRIO CIENTIFICO HUMANÍSTICO Escola Secundária Dr. Solano de Abreu Abrantes ENSINO SECUNDÁRIO CIENTIFICO HUMANÍSTICO DISCIPLINA: Espanhol Iniciação ANO: 10º ANO LETIVO 2012/2013 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS

Leia mais

7 Tal pai, tal filho. Acabada a assembléia da comunidade de. Cenatexto

7 Tal pai, tal filho. Acabada a assembléia da comunidade de. Cenatexto JANELA A U L A 7 Tal pai, tal filho Cenatexto Acabada a assembléia da comunidade de Júpiter da Serra, em que se discutiu a expansão da mineradora, dona Ana volta para casa com o Samuel, seu garotinho.

Leia mais

Problemas no recreio

Problemas no recreio Problemas no recreio Sabias que 1 Mais de 3 milhões de pessoas nos Estados Unidos da America gaguejam. 2 Há uma relação de 3 ou 4 meninos que gaguejam para cada menina que o faz. 3 As pessoas que gaguejam

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

Avaliação diagnóstica da alfabetização 1 AQUISIÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA

Avaliação diagnóstica da alfabetização 1 AQUISIÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA Avaliação diagnóstica da alfabetização 1 http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/proletr/fasciculo_port.pdf Antônio Augusto Gomes Batista Ceris S. Ribas Silva Maria das Graças de Castro Bregunci Maria

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

GRITO CONTRA AS DROGAS

GRITO CONTRA AS DROGAS 7.º A GRITO CONTRA AS DROGAS As drogas são boas no início mas no fim, apanhas o vicio. Ficas intoxicado não te preocupes eu estou ao teu lado. Não tomes drogas ou ficas nas lonas não queiras ficar pedrado

Leia mais

Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet Brasil licencia seus materiais de forma aberta através do Creative Commons.

Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet Brasil licencia seus materiais de forma aberta através do Creative Commons. Olá, você esta acessando um dos materiais vencedores no concurso InternÉtica 2011, realizado pela SaferNet Brasil e o Instituto Childhood Brasil. Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet

Leia mais