Greve termina após Mercedes suspender as 500 demissões

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Greve termina após Mercedes suspender as 500 demissões"

Transcrição

1 Funcionários do Hospital Christóvão da Gama pedem 15% de reajuste, melhores condições de trabalho e fim da terceirização de equipamentos. PÁG. 8 andris bovo EXEMPLAR GRATUITO ANO 9 Nº de ABRIL de 2015 Greve termina após Mercedes suspender as 500 demissões Os trabalhadores da fábrica da Mercedes-Benz de São Bernardo encerraram nesta segunda-feira (27/04) a greve iniciada há cinco dias por causa do anúncio da demissão de 500 funcionários. A empresa suspendeu o corte e abriu um novo Programa de Demissões Voluntárias. PÁG. 10 projeto do estado vai poluir o rio pequeno A retirada de mais água do que produz o braço Rio Pequeno, na represa Billings, como pretende o governo do Estado, pode causar contaminação desse braço por metais pesados e outros poluentes. O alerta é da bióloga Marta Marcondes (foto), da USCS, que a pedido do ABCD MAIOR analisou a água do Rio Pequeno. Página 7 andris bovo política termina greve dos servidores em diadema PÁG. 6 política auricchio deve R$ 1 milhão a s. caetano PÁG. 4 cidades estado REGISTRA RECORDE DE CASOS DE DENGUE PÁG. 9 esportes azulão AJUDA e ÁGUA SANTA fica PERTO da A-1 PÁG. 15

2 2 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 opinião EDITORIAL A defesa da produção de caminhões A decisão da Mercedes-Benz de suspender as 500 demissões programadas para a fábrica de caminhões em São Bernardo pode ser considerada um passo positivo, embora ainda sejam necessárias algumas medidas, principalmente do governo federal. Pela segunda vez este ano, o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC conseguiu evitar demissões em larga escala em montadoras da Região. Primeiro foi na fábrica da Volkswagen, também em São Bernardo, e agora na Mercedes. Um exemplo de que a negociação é uma arma eficaz para evitar o desemprego. No caso específico da Mercedes-Benz, uma crise localizada no setor de caminhões motivou a decisão da empresa em demitir. Sempre é bom lembrar que a unidade produtiva de São Bernardo foi garantia para preservar a Mercedes-Benz mundial da crise que afetou a Comunidade Europeia e os Estados Unidos. Foi a filial brasileira que segurou as pontas em uma época em que as vendas de caminhões no Brasil eram grandes. Erradamente, a direção da multinacional não hesitou em apelar para as demissões na filial brasileira que lhe deu garantias diante da crise mundial que começou há sete anos. No entanto, a negociação entabulada pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC evitou o pior. Agora há tempo para que medidas sejam tomadas, que corrijam as deficiências do setor de caminhões. A primeira delas é a adoção, por parte do governo federal, do Plano de Defesa do emprego, que defenderia o trabalho diante dos altos e baixos do capital. Plano semelhante funciona com êxito na Alemanha. Outra medida que a presidente Dilma precisa incorporar em suas ações é o Programa de Renovação da Frota de Caminhões. Cerca de 230 mil caminhões com mais de 30 anos rodam pelas estradas do País, poluindo e sendo uma séria ameaça à segurança no trânsito. Tal programa permite principalmente ao caminhoneiro autônomo comprar novos veículos com facilidades de financiamento. Se o fim da greve na Mercedes significou um avanço, essas duas medidas podem ser importantes para a Região. Do ABCD saem 50% da produção nacional de caminhões. A defesa dessa produção é de interesse de todos. Aqui tem ABCD MAIOR Nunca uma separação teve um final tão feliz Sebastião Ney Vaz Junior* O Semasa coloca na rua neste mês a nova campanha para estimular a coleta seletiva em Santo André. Sob o conceito Nunca uma separação teve um final tão feliz, serão desenvolvidas ações porta a porta e na mídia para sensibilizar munícipes para a importância da separação do lixo seco (reciclável) do úmido (orgânico). Numa segunda fase, atingirá condomínios e escolas. Com a campanha, esperamos alcançar novamente o índice de 20% de resíduos destinados à reciclagem, marca que outrora foi realidade em Santo André. O município deve se orgulhar de ser pioneiro na coleta seletiva porta a porta no Brasil. O programa existe desde 1996 e, em 2000, passou a recolher resíduos secos em todas as ruas da cidade. Na década passada, chegamos a reciclar 20% do material recolhido nas casas. Ao longo dos anos, porém, o programa foi perdendo a adesão da população e, atualmente, os índices estão em 8%. A consequência do descaso com que a coleta seletiva foi tratada na última gestão está expressa nos resultados da gravimetria (estudo que analisa o que há lixo) realizada em 2013: do volume total de resíduo úmido recolhido na cidade, apenas 50,81% eram orgânicos. Ou seja, muita gente ainda mistura o resíduo seco com o úmido! Materiais passíveis de serem reciclados estão sendo enterrados no aterro sanitário o que acelera o esgotamento de um espaço que deveria receber apenas orgânicos. Não podemos mais conceber que plástico, vidro e metal deixem de ter destinação ambiental e socialmente adequada. Em Santo André, a coleta seletiva colabora para o aumento da renda dos mais de 60 cooperados e suas famílias, que vivem da venda destes materiais. A campanha pretende virar este jogo, retomando e qualificando a coleta seletiva na cidade. Aí podem perguntar: por que uma campanha após três anos do início do governo? Porque antes tínhamos que reestruturar o processo de coleta e triagem dos materiais recicláveis. A primeira ação foi a ampliação do aterro municipal, reaberto em 2014 para receber 100% dos resíduos gerados na cidade. A segunda foi a conclusão, há dois meses, da Central de Triagem de Resíduos Recicláveis, um espaço que permite o trabalho de separação com muito mais qualidade e segurança para os cooperados. Em dois meses, já foi possível ampliar em 50% o aproveitamento do material que chega para ser triado. Santo André tem mais de 700 mil habitantes. Cada um produz, em média, 1 kg de resíduos por dia. Se cada morador separar embalagens, plásticos, vidros e metais e destinar à reciclagem, todos serão beneficiados. A campanha pela coleta seletiva começa agora, mas não tem prazo para terminar. Nela, você é o protagonista e o principal colaborador para a construção de uma cidade melhor. *Sebastião Ney Vaz Junior é superintendente do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André). ABCD MAIOR na internet: Av. Dr. Rudge Ramos (Largo Rudge) Ver lista completa no Expediente MP Editora Ltda Endereço: Trav. Monteiro Lobato, 95, Centro, SBC CEP (11) Diretor e Jornalista Responsável: Walter Venturini Diretor Executivo: Silvio Berengani Editores: Política: Júlio Gardesani, (11) , Cidades: Mauricio Milani, (11) , Economia: Silvio Berengani, (11) , Cultura: Marina Bastos, (11) , Esportes: Antonio Kurazumi, (11) , Fotografia: Amanda Perobelli, (11) , Projeto Gráfico: Ligia Minami Diagramação e editoração: Evelyn Domingues Tratamento de imagem: Fabiano Ibidi Comercial: Paulo Lima (11) , Distribuição: Casa da Arte - abcdmaior.com.br (11) Publicação trissemanal Os artigos são de responsabilidade dos autores e não expressam a opinião deste jornal. Circulação em Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra TIRAGEM 20 mil exemplares certificação: FONE

3 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 3 política Acelerando o PAC O Consórcio Intermunicipal se reuniu na manhã desta segunda-feira (27/04) com o secretário do PAC, Maurício Muniz, para apresentar os estágios de contratos de obras de Mobilidade na Região. Após críticas, Alex Manente bloqueia eleitores no Facebook Deputado votou a favor da terceirização, mas não gostou de ouvir críticas, afirmam internautas Karen Marchetti Eleitores que seguiam Alex Manente (PPS) nas redes sociais foram bloqueados pelo deputado federal de sua página no Facebook, após criticar a atuação do parlamentar, que votou favoravelmente à terceirização na Câmara dos Deputados - projeto que ameaça direitos trabalhistas como férias e 13º salário. Diante da medida, internautas procuraram o ABCD MAIOR para relatar o que consideram ser uma atitude antidemocrática e de censura. O deputado não só votou pela aprovação da proposta, como também apoiou emenda que o deputado parece que não gosta de questionamento. Pedi que ele respondesse, mas fui bloqueada Beatriz Carlos Mendes, moradora de São Bernardo precariza ainda mais as relações de trabalho e reduz de 24 para 12 meses o período que um ex-empregado registrado pela CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) deve cumprir antes que possa oferecer seus serviços como terceirizado. Vicente Paulo da Silva, o Vicentinho (PT), também representante da Região no Congresso, votou contra a proposta. Relatos dos eleitores apontam que, após questionamentos nas páginas das redes sociais do deputado, foram bloqueados e agora não podem mais acompanhar e debater sobre as ações do parlamentar. Foi o que aconteceu com a morada de São Bernardo Beatriz Carlos Mendes, que foi excluída diante dos pedidos de explicação. Acompanho alguns políticos pelas redes sociais para saber o que eles fazem. É um direito e a rede social é uma boa ferramenta para isso. Mas o deputado parece que não gosta de ser questionado. Fui pedir explicação e saber o motivo de ele ter aprovado a terceirização. Pedi que ele respondesse para que todos que o seguiam pudessem saber sobre sua atuação, mas fui bloqueada, lamentou Beatriz. O mesmo aconteceu com a instrumentadora cirúrgica Kátia Roa, também moradora de São Bernardo. Kátia afirma que tem como costume acompanhar os debates feitos por políticos da Região pelo Facebook. Nunca usei palavrão para fazer qualquer questionamento. Pelo contrário, faço porque me interesso pelo assunto. E não é só com Manente. Faço o mesmo com outros políticos e nunca fui bloqueada por nenhum. O deputado Orlando Morando reprodução facebook Facebook do deputado não traz muitos comentários críticos à postura na Câmara dos Deputados, como aprovação da terceirização (PSDB), por exemplo, me responde. Acho um pouco antidemocrático, avaliou Kátia. A reportagem entrou em contato com o deputado que, por meio de assessoria de imprensa, afirmou que não comentaria o assunto.

4 4 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 política Para ampliar a receita... A Comissão de Avaliação de Áreas da Prefeitura de Santo André realizou reunião nesta segunda-feira (27/04) para estipular valores de alguns terrenos que serão colocados à venda na cidade para gerar receita para o município. Ex-prefeito, Auricchio deve R$ 1 milhão a São Caetano Tribunal de Contas do Estado afirma que petebista pagou férias e horas extras irregulares a funcionários Gislayne Jacinto O TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) determinou que o exprefeito de São Caetano José Auricchio Júnior (PTB) faça o ressarcimento de R$ 809,7 mil aos cofres públicos referentes a pagamentos indevidos a cinco secretários municipais. A devolução deve ser feita em 30 dias. A ilegalidade ocorreu no exercício de 2009, primeiro ano do segundo mandato de Auricchio. Entre as irregularidades está o pagamento adicional por tempo de serviço, horas extras e férias. A prática é vedada pela Constituição Federal, conforme relatou o Tribunal de Contas. Servidores comissionados não têm direito a tais benefícios. Na defesa da Prefeitura, foi argumentado que os secretários que receberam horas extras, adicionais e férias são funcionários públicos concursados. Sobre o caso, o TCE informou que tais agentes políticos só teriam direito aos benefícios se, ao assumirem como secretários, tivessem optado por continuar a receber o salário referente ao cargo efetivo de origem. O Tribunal solicitou que o caso seja encaminhado para conhecimento da Câmara Municipal e também ao Ministério Público. Júlio Marcucci Sobrinho, secretário de Obras em 2009 e que voltou ao cargo recentemente, foi o que mais recebeu remunerações indevidas, um total de R$ 270,5 mil. A segunda maior quantia foi recebida por Mauro Chekin, ex- -secretário de Esporte e Turismo, somando R$ 236 mil. Em seguida aparece Magali Aparecida Selva Pinto, ex-secretária de Educação e atual vereadora pelo PSD, que recebeu a mais R$ 129,5 mil. O ex-prefeito foi procurado pela reportagem do ABCD MAIOR, mas não deu retorno até o fechamento desta edição. andris bovo Quando prefeito, Auricchio pagou mais do que devia para alguns comissionados em foco Deputados e vereadores do PT discutem reforma política Deputados e vereadores do PT se reuniram nesta segunda-feira (27/04) na Câmara de Santo André para discutir a conjuntura política e as possíveis mudanças na legislação eleitoral a serem promovidas por meio de votações no Congresso Nacional. Entre os temas, a reforma política, a aprovação da voto distrital pelo Senado, o fim das coligações e o financiamento público de campanha. Para aprofundar o assunto, novo encontro foi marcado para 25 de maio, na subsede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em Diadema, quando estará presente o presidente nacional do PT, Rui Falcão, e representantes do Senado e da Câmara Federal. (Gislayne Jacinto ) Orçamento de São Bernardo supera R$ 5 bilhões para 2016 Lei de Diretrizes Orçamentárias foi debatida na Câmara, na última sexta amanda perobelli O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), apresentou durante audiência pública no Teatro Cacilda Becker, no Centro, a proposta de LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias). O documento prevê que o orçamento do poder público municipal em 2016 será de mais de R$ 5 bilhões, entre receitas e despesas. De acordo com a LDO, serão investidos na saúde, em 2016, em torno de R$ 1 bilhão para a manutenção dos hospitais municipais e aprimoramento da atenção especializada e da saúde mental, e também para a reforma e ampliação de unidades de saúde do município. O documento reserva para o setor de habitação cerca de R$ 402 milhões a obras de urbanização integrada, ao programa de produção de unidades habitacionais - em particular por meio do Programa Minha, Casa Minha Vida -, e para ações emergenciais e de redução de risco. Para a Educação, o documento prevê R$ 925 milhões, que contemplarão a construção de escolas para atender as crianças que se encontram fora da sala de aula. Também está assegurada a manutenção dos principais programas educacionais, como merenda diferenciada, transporte escolar, fornecimento de uniformes e material escolar e a manutenção das escolas em operação. Em Transporte serão cerca de R$ 634 milhões, investidos no programa de Mobilidade Urbana e Modernização do Transporte Coletivo, que tem o objetivo de aumentar a segurança, a capacidade do sistema viário e a fluidez do tráfego. O prefeito explicou que os investimentos vão permitir a continuidade do crescimento da cidade. O município está se desenvolvendo em várias frentes, como Saúde, Esporte, Cultura e Educação. Para isso, contamos com a participação da população, que nos ajuda indicando as demandas que devem ser priorizadas no orçamento. Para 2016, novas demandas serão inseridas. A LDO agora segue para aprovação na Câmara. (Redação)

5 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 5 Gilson no pdt O ex-prefeito de Diadema Gilson Menezes se filiou ao PDT, após deixar o PSB em março. Duas vezes chefe do Executivo no município, o agora pedetista não descarta futura candidatura em Gilson foi o primeiro prefeito da história do PT em Legislativo A Câmara de Santo André vota nesta terça-feira (28/04) projeto do Executivo que altera lei que cria cargos e funções gratificadas no quadro da Prefeitura. Governo indica Rômulo para comandar autarquia Donisete Braga manda projeto de lei para vereadores aprovarem nomeação para a Arsep Bruno Coelho O prefeito de Mauá, Donisete Braga (PT), encaminhou ao Legislativo, para a sessão desta terça- -feira (28/04), o projeto de lei que indica o líder de governo, vereador Rômulo Fernandes (PT), à superintendência da Arsep (Agência Reguladora de Serviços Públicos), criada no começo do mês no lugar da extinta Arsae (Agência Reguladora dos Serviços de Água e Esgoto). A autarquia é responsável por fiscalizar contratos firmados pela Anuncio 26cm x 17cm.pdf 1 06/04/15 17:37 Prefeitura com empresas terceirizadas e avalizar futuras PPPs (Parcerias Público-Privadas). Sem perspectiva de resistência entre os vereadores, a indicação de Rômulo ao comando da autarquia entra em regime de urgência para votação. Pela redação aprovada na Casa no fim do mês passado, em que ficaram estabelecidas as novas atribuições da Arsep, a nomeação do novo superintendente necessita de autorização dos parlamentares. Recém-criado, o departamento fiscaliza contratos do governo nos setores de saneamento e abastecimento de água, varrição, coleta de lixo, destinação de resíduos sólidos e drenagem. Antes, a Arsae, criada em 2000, tinha apenas como papel a arregimentação dos trabalhos da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá), responsável pela distribuição de água, e da Foz do Brasil, concessionária do serviço de esgoto e pertencente ao grupo Odebrecht. Com a designação do petista, o suplente Dario Duarte Coelho (PT) será convocado pela Mesa Diretora a assumir a vereança. Rômulo deixará liderança do governo; definição ainda depende da Câmara rodrigo pinto C M Y CM MY CY CMY K

6 6 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 política Em campanha Os servidores de São Bernardo, após decretar estado de greve na última sexta, realizarão nesta semana visitas a unidades públicas para conscientizar os servidores da campanha salarial. A Prefeitura pediu prazo até maio. rodrigo pinto Após pressão, Michels muda proposta e greve acaba Prefeito resolveu rever oferta e condiciona reposição a crescimento da receita neste ano; antes, Michels chegou a desdenhar da paralisação Prefeito promete dar reajuste de 7,89%, mas reajuste depende da economia; servidores não descartam novas paralisações MAIS PERTO DE VOCÊ CANAL 44.1 HD DIGITAL EM TODA GRANDE SÃO PAULO ASSISTA TAMBÉM EM Canal 2 Net: São Paulo (das 19h às 20h30) Canal 46: Mogi das Cruzes Canal 12 Net: Grande ABCD No site: tvt.org.br Satélite C3, frequência 3851, symbol rate 6247, vertical: em todo o Brasil Bruno Coelho é uma vitória, pois receberemos a inflação. Foi uma greve pela dignidade dos servidores José Aparecido da silva, presidente do Sindema Após 13 dias de greve, os servidores municipais de Diadema venceram parcialmente a queda de braço com o prefeito Lauro Michels (PV), que assegurou o reajuste de 7,89% da inflação sobre a folha salarial, condicionado à melhoria na arrecadação no exercício Dessa forma, o Sindema (Sindicato dos Funcionários Públicos de Diadema), por meio de assembleia geral da categoria, decretou fim das paralisações na tarde desta segunda-feira (27/04), sem descartar novas interrupções nos serviços públicos nos próximos meses caso o acordo não seja cumprido. A proposta do governo mantém o reajuste salarial de 3,5% oferecido inicialmente, sendo depositados 1% em maio com retroativo de abril, 1% em setembro e 1,5% em dezembro. A nova oferta, porém, acrescenta mais três parcelas de 1,39% aos vencimentos dos servidores nos meses de julho, novembro e dezembro, mediante ao não comprometimento da receita da gestão municipal ao limite prudencial de 51,30% da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal). Os percentuais acumulados resultariam na reposição de 7,89% calculados pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). Com clima de vitória nas negociações, o Sindema propôs a retomada do diálogo em assembleia com cerca de 200 pessoas, após Michels desdenhar da paralisação. É uma vitória, pois arrancamos a inflação. Mas faremos reuniões mensais entre os dias 15 e 20, todos os meses, para acompanhar (o cumprimento da reposição inflacionária). Foi uma greve pela dignidade dos servidores, avaliou o presidente do sindicato, José Aparecido da Silva, o Neno. Apesar do recuo da Prefeitura, o Sindema não descartou novas greves durante o ano, caso não sejam depositados os valores condicionados à melhoria na receita municipal. Nas mesmas condições, o governo também propôs reajustar em 7,89% o vale alimentação e vale refeição, cujas negociações para datar os depósitos serão iniciadas a partir de maio. A Administração também assegurou que não descontará os dias de ausência dos grevistas. Nos quatro últimos meses de 2014, Diadema fechou os gastos da receita com a folha salarial dos 7,5 mil funcionários municipais em 52,04%, superando o limite prudencial de 51,30% da LRF. O teto máximo da legislação é 54%. rdb104.indd 52 3/3/15 3:04 PM

7 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 7 cidades Mais Médicos melhora assistência Pesquisa do Ministério da Saúde realizada com 14 mil pessoas mostra que a qualidade da assistência à população melhorou, para 85% dos entrevistados, com a chegada dos profissionais do Programa Mais Médicos. Sistema Rio Grande pode contaminar o Rio Pequeno Governo do Estado atrasa obra que pode acabar com único volume de água quase limpa no ABCD Renan Fonseca O governador Geraldo Alckmin (PSDB) está prestes a recorrer novamente ao ABCD para salvar a Região Metropolitana da crise hídrica. Desta vez, o braço Rio Pequeno, da represa Billings, é o alvo do governo. Essas águas dos mananciais do Rio Pequeno, que se apresentam quase intocadas pela ocupação humana, correm sério risco de contaminação por metais pesados e outros poluentes altamente tóxicos. As nascentes do braço do rio Pequeno produzem cerca de 2 metros cúbicos por segundo de água limpa. A meta do governo do Estado é retirar 4 metros cúbicos por segundo, isto é, o dobro da capacidade de produção de água do Rio Pequeno. O resultado é que a direção do escoamento das águas será invertida. O braço do rio Pequeno, até agora praticamente intocado, passará a receber mais água do corpo central da represa Billings, que está infectada por esgoto, metais pesados e POPs (Poluentes Orgânicos Persistentes), consideradas as substâncias mais perigosas e tóxicas do mundo. O alerta é feito pela professora Marta Ângela Marcondes, da USCS (Universidade Municipal de São Caetano), que a pedido do ABCD MAIOR produziu um laudo inédito sobre as condições do Rio Pequeno (acompanhe vídeo da expedição em www. abcdmaior.com.br). A capacidade de produção do Rio Pequeno é de 2 metros cúbicos por segundo. O plano do governo do Estado é retirar dali até 4 metros cúbicos por segundo. Isso vai exaurir o sistema, explicou a especialista. O que deveria ser feito era ter planejado melhor antes des- sa crise hídrica. Existem técnicas de descontaminação da água que poderiam ter limpado a Billings. Por que isso não foi praticado até hoje, questionou a professora. TRANSPOSIÇÃO O projeto de transposição de águas foi encaminhado pela Sabesp à Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental) em fevereiro, para o licenciamento. Até o momento, o projeto não recebeu parecer positivo e por isso o governo estadual não informa prazo para início das intervenções. Pelo projeto, as águas do Rio Pequeno serão encaminhadas para o Sistema Alto Tietê, que dá mostras de seguir o histórico de seca do Sistema Cantareira. O Rio Pequeno fica à esquerda da Estrada Velha para Santos, para quem segue no sentido Baixada Santista. Permeia as divisas de Santo André, São Bernardo, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e um pequeno trecho de Suzano. Tal como fez com o Rio Grande, a professora da USCS coletou amostras de seis pontos. A bióloga também é responsável pelo projeto Expedição Billings, em parceria com o ecoesportista Dan Robson, que todos os dias parte para remar em todo o corpo da represa para levantar informações sobre a degradação ambiental. As conclusões da professora revelam que, de forma geral, o Rio Pequeno está apto para servir ao abastecimento humano, desde que a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico de São Paulo) cuide do tratamento da água antes de enviá-la às residências. Porém, o braço da represa, assim como boa parte dela, está contaminado por coliformes fecais. Coleta de água para análise foi feita em seis pontos distintos do braço Rio Pequeno pela bióloga Marta Ângela Marcondes Bactéria aparece em todas as análises De acordo com a professora da USCS Marta Ângela Marcondes, a bactéria Escherichia coli foi encontrada em todas as amostras coletadas no braço Rio Pequeno. Essa bactéria faz parte da flora intestinal de animais de sangue quente, como seres humanos, por isso a presença na água se deve à contaminação com fezes, informou a especialista. A E. coli pode causar, por exemplo, gastroenterite e infecção urinária. As quantidades de coliformes fecais só superaram o limite imposto pelo Conama em uma amostra. A resolução nacional especifica para aquele braço o máximo de UFC (unidades formadoras de colônia) para cada 100 ml. No ponto mais próximo onde andris bovo possivelmente a Sabesp deve instalar os dutos de captação no braço Rio Grande, a concentração de coliformes chegou aos UFCs. O relatório se baseia na Resolução 357/05 do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente), que considera o Rio Pequeno como classe 2: serve ao abastecimento, após tratamento convencional.

8 8 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 cidades Pombo com celular é capturado no CDP de Mauá Os agentes de segurança do CDP (Centro de Detenção Provisória) de Mauá capturaram nesta segunda-feira (27/04) um pombo que carregava um telefone celular e um cabo de conexão USB em uma espécie de mochila improvisada, presa às costas. Trabalhadores protestam contra precarização no Christóvão da Gama Funcionários do hospital em Santo André pedem 15% de reajuste, melhores condições de trabalho e fim de equipamento terceirizado Nicole Briones Trabalhadores do Hospital e Maternidade Christóvão da Gama, em Santo André, protestaram na manhã desta segunda- -feira (27/04) contra a precarização do centro hospitalar e por reajuste salarial. Os funcionários pedem 15% de aumento e o fim da terceirização no equipamento. O protesto, organizado pelo SindSaúde ABC, sindicato que representa os trabalhadores na saúde privada na Região, reuniu cerca de 30 trabalhadores na porta do hospital em uma manifestação silenciosa. De acordo com o presidente da entidade, Waldir Tadeu David, cerca de 200 funcionários já foram demitidos desde agosto. Esse hospital já chegou a ter trabalhadores, hoje são em torno de 800. Eles sempre demitem nessa época e logo contratam por salários menores, afirmou o presidente do SindSaúde. Uma das principais queixas da categoria é a terceirização e as filas de espera nos últimos meses, que levam os pacientes a aguardarem até cinco horas pelo atendimento. Nosso protesto também vai contra a demissão de vários funcionários que apoiaram a campanha e foram desligados por criticarem o hospital publicamente, destacou Waldir. CAMPANHA SALARIAL A campanha salarial teve início em fevereiro. A data base da categoria é 1 de maio. O SindSaúde representa todos os funcionários que atuam nos hospitais de rede privada do ABCD, como agentes de limpeza e enfermeiros. O salário base é de R$ Além do Christóvão da Gama, o sindicato está em campanha salarial no Hospital Brasil, também em Santo André. Procurada pela reportagem do ABCD MAIOR, a administração do Hospital e Maternidade Christóvão da Gama afirmou que não se pronunciaria sobre o caso. Trabalhadores realizaram manifestação silenciosa na manhã desta segunda-feira, organizada pelo SindSaúde ABC andris bovo Federal do ABC promove cadastro para doadores de medula óssea Um gesto de solidariedade pode salvar a vida de quem foi diagnosticado com câncer. Nesta terça-feira (28/04), haverá a oportunidade de cadastrar-se como doador de medula óssea. A ação ocorre no Piso Vermelho do campus Santo André da UFABC (Universidade Federal do ABC), das 9h30 às 14h, na avenida dos Estados, 5.001, Bairro Bangu. Para se voluntariar, basta ter entre 18 e 54 anos. No local, uma amostra de sangue será coletada e ficará armazenada. Quando houver um paciente compatível, o doador será chamado ao hemocentro da Santa Casa, na Capital, para passar por exames físicos e testes laboratoriais. Não é necessário ir em jejum para realizar a coleta, basta portar um documento de identidade. Serão feitos no máximo 200 cadastros de doadores. O número é uma logística estabelecida pelo Ministério da Saúde para campanhas externas, conforme contou a enfermeira chefe da seção de Promoção à Saúde da UFABC. É muito difícil encontrar pessoas compatíveis com os pacientes. O cadastro aumenta essa possibilidade, disse. Salvação Um doador de medula óssea trouxe a vida ao pequeno João Pedro Klen Lorenzoni. Hoje, o garoto está com dois anos e dez meses e uma saúde de ferro, mas quando tinha um ano e sete meses, passou por um momento de fragilidade. Diagnosticado com uma deficiência genética grave, conhecida como síndrome de Wiskott-Aldrich, precisava de um transplante de medula óssea. Após nove meses de espera, a salvação chegou por meio de uma ligação. Eu comecei a chorar de alegria quando recebi a notícia do doador compatível, contou a mãe de João, Luciana Lorenzoni. Hoje ele esbanja saúde e alegria. Brinca com as crianças do prédio e é apaixonado pela coleção de trenzinhos, disse. (Jessica Marques)

9 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 9 número de cirurgias cresce no nardini O Nardini, hospital público 100% SUS de Mauá, registrou aumento de 85% no número de cirurgias realizadas em 2014 em comparação ao ano anterior. O número saltou de procedimentos para no período, números que incluem os partos cesáreos. Começa novo prazo para renovar Fies Começou nesta segunda-feira (27/04) o novo prazo para renovação semestral dos contratos do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil). As renovações poderão ser feitas até 29 de maio. Estado registra recorde histórico de casos de dengue Até a semana passada, 222 mil novos casos da doença foram registrados em municípios paulistas Rosângela Dias Abril ainda não terminou, mas já é responsável pelo recorde histórico de casos de dengue no Estado. Dados do CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica) mostram que São Paulo somou até a última quarta-feira (22/04) mais de 222 mil novos diagnósticos da doença, sendo autóctones, ou seja, contraídos em municípios paulistas, e outros importados. O montante já é superior a todo o ano de 2013, quando foram registradas mais de 209 mil ocorrências. A situação não é diferente no ABCD, que teve alta de 300% na comparação entre o primeiro trimestre deste ano com o mesmo período de Nas primeiras semanas de abril, outros 936 novos registros foram confirmados na Região, que totaliza casos de janeiro até a semana passada. Na última sexta-feira (24/04), a Prefeitura de Diadema confirmou a primeira morte causada pela doença no ABCD neste ano. A vítima foi uma mulher de 37 anos, moradora da Vila São José, que passou por atendimento em hospital particular em São Bernardo. Após diagnóstico, permaneceu internada entre os dias 12 e 15 de março e faleceu no dia 16. POUCO FREQUENTE O professor de Infectologia da FMABC (Faculdade de Medicina do ABC), Munir Akar Ayub, esclarece que a evolução da doença para óbito é pouco frequente e que a gravidade está associada a determinados fatores. Em geral acontece com pessoas com comorbidade, ou seja, com outras doenças (preexistentes), como diabetes, doenças graves como câncer, ou mesmo grávidas, idosos e pessoas que já tiveram dengue. Munir Akar Ayub salienta que na maior parte dos episódios o paciente convive de sete a 10 dias com os sintomas, que vão desde febre alta, dor de cabeça e no corpo e manchas vermelhas, em caso de dengue clássica, e vômitos, dores abdominais e sangramento na chamada dengue hemorrágica. Nos casos mais simples não há necessidade de internação e pelos exames e acompanhamentos iniciais já é possível saber pelos sinais de alerta quando a doença pode evoluir mal. Betina Carcuchinski/PMPA Nebulização é um dos métodos utilizados na eliminação do mosquito da dengue, que também causa outras doenças Mosquito costuma estar dentro de casa O combate aos criadouros do mosquito Aedes aegypti, responsável não apenas pela transmissão da dengue, mas também da febre chikungunya e febre amarela, ainda é a melhor forma de prevenir a proliferação da doença. A água parada é essencial para a reprodução do mosquito, por isso a importância de esvaziar recipientes que possam acumular água, como pneus, garrafas e vasos. Em 80% dos casos, o mosquito pode ser encontrado dentro das residências. Quatro tipos de vírus de dengue circulam no Estado, com predominância do tipo 1. A Secretaria estadual de Saúde informou em nota que cerca de dois terços de todos os casos de dengue neste ano foram concentrados em 30 municípios paulistas, entre eles a Capital. Dos 645 municípios paulistas, 365, ou seja, mais da metade, não apresentaram quadro de epidemia neste ano.

10 10 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 economia Saúde do trabalhador é lembrada Sindicatos e Centros de Referência em Saúde do Trabalhador do ABCD fazem na manhã de hoje (28/04) ato pelo Dia Mundial da Saúde e Segurança no Trabalho. No Teatro Cacilda Becker, no Centro de São Bernardo, haverá seminário sobre o tema a partir das 9h. Trabalhadores suspendem greve após Mercedes cancelar demissões Paralisação durou cinco dias e foi deflagrada em protesto a 500 demissões que a montadora de caminhões pretendia fazer dia 4 de maio Iara Voros Após cinco dias em greve, os trabalhadores na unidade da Mercedes-Benz em São Bernardo suspenderam a paralisação motivada pelo anúncio da demissão de 500 funcionários que estão em regime de lay-off (suspensão temporária de contrato de trabalho). Em assembleia na manhã desta segunda-feira (27/04) foi decidido suspender a greve até o dia 18 de maio, quando será avaliado o resultado do novo PDV (Programa de Demissão Voluntária). Se tiver boa adesão e administrar o excedente de mão de obra, estará resolvido. Se não, haverá nova negociação e a mobilização será retomada, explicou o secretário-geral da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Sérgio Nobre. As demissões aconteceriam devido ao prazo do lay-off se encerrar no dia 30 de abril, mas com as negociações entre o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e a direção da montadora alemã, o período de afastamento dos trabalhadores foi prorrogado até o dia 15 de junho. Também foi aberto novo PDV, com condições melhores para adesão dos funcionários. Em nota oficial, a Mercedes informa que foi oferecido pacote de R$ 55 mil (equivalente a 12 meses de salário) específico para metalúrgicos em lay-off sem estabilidade no emprego, e um outro pacote para horistas diretos e mensalistas em atividade na empresa, de meio salário por ano de casa com teto de Adonis Guerra/SMABC Metalúrgicos no acampamento montado em frente à fábrica pouco antes da assembleia que suspendeu a greve nesta terça R$ 65 mil. O presidente do sindicato, Rafael Marques, ressaltou que, apesar do quadro difícil em que estão sendo feitas as negociações com a empresa, a solução foi a melhor saída para o momento. Conseguimos barrar as demissões sumárias, que não podíamos aceitar. Agora, vamos continuar a negociação, pois os encaminhamentos dados fortaleceram a mobilização dos trabalhadores, destacou. Acampamento Durante a greve, os trabalhadores chegaram a montar acampamento em frente aos sete portões da fábrica. De acordo com o vice-presidente do sindicato, Aroaldo Oliveira da Silva, a organização dos funcionários surpreendeu a empresa. O movimento deu condições de a empresa voltar a conversar com compromisso de discutir o excedente de forma negociada, afirmou. A montadora informou que não tem como manter o excesso de pessoas na fábrica de São Bernardo do Campo, sendo 750 hoje em lay-off e outro excedente de pessoas gerado neste ano devido à forte retração das vendas de veículos comerciais no País. As vendas da Mercedes-Benz nos três primeiros meses deste ano tiveram 40% de queda. Simpósio debate consequências da paralisação de 41 dias em 1980 A greve dos metalúrgicos do ABC em 1980 marcou a história brasileira e deu início a importantes transformações nas condições dos trabalhadores nas fábricas. Após 35 anos da grande paralisação, o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC reúne especialistas para discutir avanços conquistados e os próximos passos do movimento sindical na atualidade, especialmente no campo da negociação coletiva. O simpósio Ação Coletiva, Democracia, Trabalho e Transformação Social será realizado nesta terça-feira (28/04) às 18h e quarta-feira (29/04) das 9h às 12h na sede da entidade, em São Bernardo. Em 1º de abril de 1980, mais de 220 mil metalúrgicos em toda a Região cruzaram os braços e deram início à paralisação de 41 dias. Esta greve ficou muito conhecida pela organização e período que abrangeu e pelo enfrentamento ao governo militar. Durante a ditadura militar (1964 a 1985), os sindicatos sofreram uma série de intervenções, inclusive com a prisão de ativistas e diretores. E a partir deste movimento tivemos mais força e organização para conquistar uma série de melhorias para a categoria, explicou o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Rafael Marques, para quem um saldo importante da greve e para os anos de 1980 foi o processo de organização no local de trabalho, com as conquistas das comissões de fábrica. O simpósio analisará a história do movimento sindical brasileiro e a ação coletiva na defesa e na consolidação do estado democrático de direito. O evento é promovido pelo sindicato em conjunto com a ESMPU (Escola Superior do Ministério Público da União). Reunirá membros do Ministério Público e do Poder Judiciário, além de entidades sindicais. A conferência de abertura será ministrada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nesta terça-feira, a partir das 18h, e contará com a presença do procurador-geral do Trabalho, Luis Antonio Camargo de Melo. O Lula vai recordar essa greve que comandou e foi política pela importância que teve para a queda da ditadura militar e para a redemocratização brasileira. Foi a greve do amadurecimento da consciência política, da luta e do espírito da classe trabalhadora, afirmou Marques. Na quarta-feira haverá mesas redondas e debates, que abordarão temas como o papel das instituições do mundo do trabalho na negociação coletiva, os avanços obtidos pela negociação coletiva no Brasil e os desafios para o exercício da função negocial dos sindicatos. Será um balanço de todas as conquistas e pontos que estão emperrados nestes 35 anos. Temos muitas barreiras ainda para quebrar e será um debate interessante diante do cenário econômico e de demissões que estamos vivenciando neste momento no País, disse o sindicalista. (Michelly Ciryllo)

11 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 11 nacional/internacional Cresce número de vítimas de terremoto O número de mortos após o terremoto que atingiu o Nepal no último sábado passou de quatro mil nesta segunda-feira (27/04), segundo balanço do Centro Nacional de Operações de Emergência do país asiático. Por terceirização, centrais se reúnem com Renan Calheiros Objetivo de reunião nesta terça-feira em Brasília é pedir debate mais amplo sobre o tema Rede Brasil Atual O primeiro encontro entre os trabalhadores e senadores após a aprovação do projeto de lei 4330, que regulamenta a terceirização e precariza as relações de trabalho, está programado para a tarde desta terça-feira (28/04), quando o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), recebe em reunião os presidentes de CUT, CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil), Nova Central e UGT (União Geral dos Trabalhadores). A audiência foi solicitada pelo presidente da CUT, Vagner Freitas, para dar continuidade à mobilização por uma terceirização que não seja precarizante desde o início da entrada da proposta ao Senado. A luta contra esse projeto é ininterrupta e envolve várias frentes de batalha: dias nacionais de paralisações, atos em frente ao Congresso Nacional e nos aeroportos e, também, audiências com os parlamentares que ainda vão apreciar o projeto, afirmou. De acordo com o presidente da CUT, o objetivo do encontro é explicar aos senadores que o projeto representa um ataque aos direitos trabalhistas assegurados em 1943, pela CLT e aos que foram conquistados posteriormente em lutas históricas da classe trabalhadora. Essa avaliação não é só da CUT. É unânime no Judiciário Trabalhista e tem avaliações contrárias entre advogados, economistas e estudiosos do mundo do trabalho. Para Freitas, as mobilizações organizadas pelas centrais sindicais e movimentos populares contrários ao PL, desde a abertura das votações da matéria no plenário da Câmara, contribuíram para que muitos dos parlamentares passassem a analisar melhor o ataque frontal aos direitos dos trabalhadores que o projeto representa, fazendo muitos deles voltarem atrás em suas decisões. O resultado da votação das emendas (230 votos a favor e 203 contra, na última semana), comparado com a votação do texto- -base no dia 8 de abril (324 a 137 contra), demonstra que a luta está conseguindo conscientizar muitos deputados, acentuou Freitas. equilíbrio No Senado, conforme já adian- Centrais como a CUT, do presidente Vagner Freitas, se reunirão com Renan para reforçar apelo contra a terceirização tado por Renan Calheiros, a matéria deverá tramitar com mais calma do que o foi no plenário da Câmara, de forma a ser realizado um amplo debate em torno do tema o PL original da ofensiva patronal aos direitos dos trabalhadores é de Além de ter dito que não será feita uma apreciação da matéria de forma corrida como ocorreu na Câmara, Renan disse que tanto ele como a maioria dos senadores trabalharão para que uma versão final ampla, geral e irrestrita da terceirização seja aprovada. Desta Casa não sairá um texto que suprima direitos dos trabalhadores, disse o presidente da Casa. O grande problema é que, por rodrigo pinto ser originário da Câmara dos Deputados, é para lá que o projeto retornará para nova apreciação, caso seja totalmente alterado. Motivo pelo qual o momento é, avaliam representantes das centrais sindicais, importantíssimo para o reforço da conscientização da sociedade junto aos parlamentares sobre os riscos do texto. Desigualdade de gênero no mercado de trabalho persiste, diz ONU O relatório Progresso das Mulheres no Mundo : Transformar as economias para realizar os direitos, divulgado nesta segunda-feira (27/04) pela ONU, mostra que no mundo, em média, os salários das mulheres são 24% inferiores aos dos homens na mesma função. As mulheres continuam recebendo em todo o mundo um salário diferente pelo mesmo tipo de trabalho e têm menores probabilidades que os homens de receber uma pensão, o que resulta em grandes desigualdades em termos de recursos recebidos ao longo da vida, informa o relatório. O estudo mostra que 50% das mulheres com idade para trabalhar fazem parte da população ativa. No caso dos homens, o índice é 77%. A pesquisa revela que, em todas as regiões, as mulheres fazem quase duas vezes e meia mais trabalho doméstico e de cuidados de outras pessoas não remunerados do que os homens. Conforme a ONU, elas são responsáveis por uma carga excessiva de trabalho doméstico não remunerado referente aos cuidados com filhos, com pessoas idosas e doentes e com a administração do lar. Para a organização, o período atual representa um tempo de riquezas sem precedentes mas, apesar disso, as mulheres ainda ocupam os empregos com menores remunerações e menos qualificados, e continuam vivendo em condições mais precárias de saúde, acesso à água e saneamento. O documento informa que frequentemente os direitos econômicos e sociais das mulheres são limitados porque elas vivem em um mundo machista e com práticas discriminatórias. Os recursos públicos não estão indo para a direção onde são mais necessários: por exemplo, para a água potável e saneamento, cobertura de saúde com qualidade e serviços decentes de cuidados de crianças e idosos. Onde não há serviços públicos, o déficit recai sobre mulheres e meninas, disse, em nota, a diretora executiva da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka. O relatório reconhece que houve avanços desde 1995, quando foi realizada a 4ª Conferência Mundial sobre a Mulher, em Pequim. O número de meninas na escola e de mulheres que fazem trabalhos remunerados aumentou, e a luta contra a violência doméstica entrou na agenda política. (Agência Brasil)

12 12 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015

13 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 13 cultura 43º Salão de Arte Contemporânea O Salão de Exposições do Paço Municipal de Santo André (praça 4º Centenário, s/nº, Centro) segue em cartaz com as obras do 43º Salão de Arte Contemporânea Luiz Sacilotto. A visitação é gratuita e vai de terça a sábado, das 14h às 19h. agenda Da fábrica a Genebra: exoperário lança livro na Suíça Cauê Borges, de São Bernardo, está em Genebra para o lançamento do seu livro infantil sobre Rousseau São Caetano Dança Encerrando a programação do 14º Festival de Dança da Fundação das Artes, o Teatro Paulo Machado de Carvalho (alameda Conde de Porto Alegre, 840, Santa Maria) receberá nesta quinta-feira (30/04), a partir das 20h, um espetáculo dos coletivos da instituição. Mesclando técnicas e apresentando repertórios, a ação é gratuita com ingressos retirados no local. Mais informações: Santo André Debate Paranapiacaba receberá nesta terça-feira (28/04) um debate sobre gestão de patrimônio cultural. Realizado no Clube União Lyra Serrano (avenida Antonio Olyntho, s/nº), das 10h às 16h30, o workshop terá participação do museólogo Julio Abe, da artista visual Lilian Amaral e dos caciques Tukumbó Dyeguaká e Karai Werá, que discorrerão sobre as culturas dos povos e a prática estética e sensorial da Vila Ferroviária. Entrada franca. Mais informações: Mauá Teatro O Sesi Mauá (avenida Presidente Castelo Branco, 237, Jardim Zaira) recebe neste final de semana (02 e 03/05), a partir das 16h, a comédia musical Panos e Lendas. Realizada pela Cia. Pic Nic, a peça utiliza cantigas de roda e de ninar para passar histórias e tradições que tratam sobre a criação do universo e o ciclo da vida. A entrada é gratuita e os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência. Informações: Marina Bastos Até 3 de maio alguns escritores brasileiros representarão o País no Salão do Livro e da Imprensa em Genebra, na Suíça. Um deles é Cauê Borges, de São Bernardo, autor do livro infantil intitulado Jean-Jacques Rousseau. Não parece nome de livro de criança? Pois o volume faz parte de uma coleção toda idealizada para apresentar filosofia para os pequenos. Cauê é ex-metalúrgico e seu interesse por literatura e pensadores como Marx e Descartes é antigo. Filosofia é assunto recorrente entre ele e seu filho de 12 anos, e foi procurando livros sobre Rousseau que Cauê tomou conhecimento sobre a Coleção Filosofinhos. A Coleção coordenada pela filósofa Maria de Nazareth Agra Hassen é um convite para conhecer um pouco da filosofia acompanhando histórias cujos personagens são grandes filósofos quando ainda eram pequenos. Nessas histórias, os pensadores são crianças, mas já apresentam ideias revolucionárias. Em 2012 a data do tricentenário do nascimento de Rousseau estava se aproximando e Cauê viu uma boa oportunidade para oferecer um livro sobre o pensador. É uma obra para quem está se alfabetizando, mas que também pode ser direcionada a adultos que se interessam pelo tema, contou o autor, que depois do lançamento naquele ano fez palestras e visitas em escolas. O convite para ir a Genebra lançar o Rosseauzinho surgiu durante a Semana Francofonia, que reúne em São Paulo uma série de ações culturais relativas à língua francesa. Cauê foi convidado a lançar seu livro no evento e lá teve contato com o consulado suíço, que ao conhecer a obra sobre Rosseau - que era genovês - convidou o escritor bernardense para participar da Semana do Salão do Livro e da Imprensa Do chão de fábrica da Mercedes-Benz, onde trabalhou por 15 anos, até Genebra, teve muita leitura. Estudando filosofia, Cauê entendia a teoria do que vivia na prática Sempre gostei de escrever, essa é minha válvula de escape. Rousseau fala sobre o princípio da desigualdade entre os homens e foi um dos primeiros a falar sobre o socialismo. Sou do ABCD, fui operário e vem daí minha ligação de atrito com o trabalho explorado, lendo eu entendia o sistema que eu fazia parte, isso é apaixonante. Com livros de autores como Proudhoun, Bakunin e Tolstoi na estante da sala de sua casa, Cauê usava essa bibliografia para conversar com o filho, que, estudando em escola pública, já começava ter suas primeiras impressões sobre desigualdade. Não se pode subestimar a inteligência da criança, querer estipular até onde ela pode ir, ela deve ser instigada sem cair na besteira da facilidade, contou. A ideia é tornar a criança uma perguntadora, completou. O autor considera que o livro é uma boa maneira de iniciar boas conversas entre pais e filhos. Podemos dessa forma criar uma sociedade mais pensante e crítica. Para ele, é preciso ensinar as crianças a questionarem o mundo que vivemos. Rousseau disse certa vez, sobre as leis: As leis existem para combater abusos que não existiriam sem elas. Não é preciso levar ao pé da letra, mas é sadio pensar sobre isso ao invés de simplesmente ensinar a obedecer. Edu Guimarães Para Borges, não se pode subestimar a capacidade da criança de entender a realidade, e a literatura pode torná-las mais críticas Filosofia amplia o olhar sobre a realidade Les Petits Philosophes Além de Rousseau a Coleção Filosofinhos já retratou René Descartes; Sigmund Freud; Sócrates; Sartre e Simone de Beauvoir; Platão; Karl Marx; e Immanuel Kant, todos com ilustração de Francisco Juska Filho. As histórias são bilíngues português/ francês, pois a coleção visa alargar as fronteiras da criança, mostrando que a mesma história pode ser lida em outra língua. E para estimular uma relação saudável com natureza, a Coleção Filosofinhos/ Les Petits Philosophes é toda impressa em papel reciclado. O Rousseau está à venda nas principais livrarias. Também é possível adquirir um exemplar entrando em contato através de: e

14 14 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 esportes Tabelão da várzea Excepcionalmente, o tabelão da várzea não foi publicado nesta terça-feira (28/04), mas pode ser consultado no site do ABCD Maior (www.abcdmaior. com.br). Vitória do 4º Centenário sobre o Sta Cristina abre torneio andreense Jogo que marcou a rodada de abertura da 1ª Divisão de Santo André foi disputado e decidido no fim com gols de Élcio e Matheus Marcelo Mendez Os dois maiores campeões do futebol amador de Santo André no ano passado se encontraram logo na abertura da 1ª Divisão, domingo (26/04), no campo do Nacional. Em um duelo equilibrado, decidido apenas no fim, o 4º Centenário (em busca do segundo título seguido) derrotou o Santa Cristina atual campeão da 2ª Divisão por 2 a 0. Em um primeiro tempo disputado em alta velocidade, o time do 4º Centenário tomou conta das ações. O Santa Cristina, sentindo o começo da competição, não conseguiu sair da pressão e contou com ótima atuação do goleiro Alex para conter as investidas do rival. Na segunda etapa, o panorama não mudou. Alex pegando tudo para o Santa Cristina e o Centenário em cima, buscando o gol. Finalmente, aos 21 do segundo tempo, após ótima jogada, Élcio chegou na área para abrir o placar com um chute cruzado. Em desvantagem, o Santa Cristina se perdeu em campo e o segundo gol de Matheus, aos 37 da etapa final, sacramentou a supremacia do Rubro-Negro. Ao término do jogo, o técnico Fabio Bolinha, do 4º Centenário, afirmou que projeta um futuro promissor para sua equipe na competição. O time mudou um pouco, ainda faltam chegar outros jogadores, mas temos confiança e certeza de que tem valor, tem potencial e vamos com eles, em busca do bicampeonato. Nossa meta para esse ano é essa, comentou. Do lado do Santa Cristina, o técnico Flávio Fafá creditou a derrota a má sorte. Acredito que até que fizemos um bom jogo, conseguimos equilibrar as ações e em um vacilo tomamos um gol que desmontou tudo. A equipe estava meio desatenta, 4º Centenário e Santa Cristina fizeram no campo do Nacional o clássico da primeira rodada de Santo André isso nos custou caro Falando do sucesso que o Santa Cristina teve com dois acessos consecutivos, Fafá é prudente e contido para Temos que ter o pé no chão. Sabemos que a primeira divisão não é fácil, times com grandes investimentos amanda perobelli largam com vantagem e nós do Santa Cristina não estamos nesse patamar. A meta para esse ano é ficar na 1ª. Canela de ferro por marcelo Mendez De Izidoro para Gazela, com amor e classe... Por um milhão e outros vieses que por vezes fogem ao caminho lógico da razão, se faz uma verdadeira epifania de sonhos, histórias e lendas, que desaguarão em uma cascata de poesias e odes. Ao longo dessa minha trajetória em busca do que realmente importa para essa coisa lúdica que é a arte de jogar futebol de verdade, como se faz em um terrão de várzea, encontrei encantos das mais diversas formas, das maneiras mais imprevisivelmente lindas. Sábado último foi assim. Em um tempo que me era de folga, decidi que daria um pulinho até a várzea. O bom amigo Geovanio, conhecido como Cabelo, me deu um toque de que haveria no campo do Jardim Elba a final da Copa Gazela de Veteranos, entre os times do Sambreja e do Sacadura Cabral. Motivado pela emoção da homenagem do nome da Copa, fui. Gazela foi um craque de bola que em vida jamais quis saber de outro compromisso ludopédico que não fosse com a várzea. Nunca quis saber de contratos, treinos, responsabilidades chatas e outros interesses tolos que atentassem contra o prazer que encontrava em pegar sua chuteira velha, metê-la debaixo do braço e cair para um campo de várzea para desfilar sua habilidade, sua categoria, sua boa malandragem pelos 90 minutos que durava a peleja. E mais. Após os jogos, o bate-papo com Gazela era uma delícia. O negão alto, magro, classudo, dava aulas de sabedoria e boleragem. Gazela foi uma lenda na várzea. Fiquei triste em saber através de Geovanio que ele tinha morrido. Mas também sensibilizado em saber que o bom amigo criou uma Copa para homenageá-lo. Por conta disso tudo fui para o campo. Confesso que não esperava nada do jogo. Pouco me importava se ali haveria 22 pernas de pau, ou 15 Zidanes. Minha ida para o campo do Jardim Elba era um tributo ao passado, uma ode velada, uma homenagem ao mestre que ali não mais estava em vida. Mas talvez por conta da aura do bom Gazela, eis que o jogo me deu o futebol dele; Izidoro. Izidoro... Conheci Izidoro ainda menino, quando o amigo era pivô do time de futsal do Abrev/Charm, de São Bernardo. Vi Izidoro jogar mais bola de costas do que qualquer um desses toscos que hoje infestam o futebol elitizado. Por algumas vezes, jogamos juntos aqui e ali. Não dá pra dizer que fomos amigos, mas, sem dúvida, Izidoro foi o jogador mais inteligente com quem já tive o prazer de jogar bola. O reencontrei em campo. Do mesmo jeito. O moço de rosto de jazz, semblante tranquilo, sóbrio, bonito, pouco envelheceu e aos 42 anos apresentava o mesmo bom preparo físico, a velha inteligência, agora, aditivada de experiência. E quando a bola chegou aos seus pés... Que coisa linda vê-lo em campo. Com a 10 do Sacadura Cabral às costas, Izidoro jogou futebol como um Rafael, um Michelangelo, ou um Da Vinci iam às tintas. Foi de uma grandeza, de uma classe, de uma magnitude de técnica digna de qualquer um desses grandes. Izidoro joga futebol como um homem da Renascença o faria. Era quieto em campo. Sua calma contrastava com todo o redor daquela final. Seu silêncio era a maneira com a qual dialogava com a torcida. Seus pés o regiam pelo encanto. Foi um espetáculo. Izidoro jogou futebol naquele sábado como se não houvesse amanhã. Levou seu time ao título e pouco importou se veio através da disputa de pênaltis, isso foi um mero detalhe. O que valeu foi a sagração de Izidoro. Através dele, todo mundo que gosta de futebol foi muito feliz. Gazela, decerto ficou...

15 28 de abril de 2015 ABCDMAIOR 15 quase zerado em clássicos O Mauaense perdeu para o CAD por 1 a 0 no último sábado (25/04) e segue sem vitórias na quarta divisão do Campeonato Paulista. O time de Mauá só disputou clássicos e ainda não ganhou nenhum, com um empate (com o EC São Bernardo) e uma derrota. Tarde demais Ainda pela Série A-2 do Campeonato Paulista, que tem o Água Santa bem perto da elite, o Santo André derrotou o Catanduvense no sábado, mas apenas cumpre tabela nessa reta final da competição. Azulão diz adeus e Água Santa pode até perder no domingo Com derrota do São Caetano, Netuno só não sobe para a primeira divisão se acontecer um desastre Guilherme Menezes Um time do ABCD triste e outro, por consequência, muito feliz. O São Caetano perdeu para a Ferroviária por 2 a 0, nesta segunda-feira (27/04), no estádio Anacleto Campanella, e não tem mais chance de acesso na Série A-2 do Campeonato Paulista. Por outro lado, Diadema é só festa. Com a derrota do Azulão, o Água Santa está com uma mão e nove dedos na elite estadual. Mesmo que seja derrotado pelo Velo Clube, em Rio Claro, no domingo (03/05), o time de Diadema só perderá a vaga na A-1 se o Mirassol, sexto colocado, golear o União Barbarense. O Netuno tem nove gols a mais de saldo que o adversário do Interior, único com condições de estragar a alegria iminente. No Anacleto Campanella, o Azulão pressionou desde o primeiro minuto de jogo. Com a marcação alta e explorando o toque de bola, criou algumas situações, mas as finalizações deixaram a desejar, principalmente nos pés do artilheiro Diogo Acosta. Do outro lado, com muita vontade para quem já é campeão e não luta por mais nada, a Ferrinha não deixou por menos, saindo em velocidade e buscando o gol. Antes ainda do intervalo, Ro bson teve grande chance para colocar o time do ABCD em vantagem, mas chutou por cima do gol já quase na pequena área. Quem não faz, normalmente toma. Nos acréscimos, em saída rápida pela direita, Tiago Adan foi acionado em velocidade, ficando na cara do gol e batendo com categoria para São Caetano tropeçou mais uma vez no Anacleto Campanella e praticamente colocou o Água Santa na A-1 em 2016 rodrigo pinto abrir o placar. O técnico Luis Carlos Martins alterou o São Caetano no intervalo, tirando o zagueiro Luiz Eduardo e colocando o centroavante Thiago Resende. No entanto, apenas nas bolas paradas o Azulão criava algo. O goleiro da Ferroviária Rodolfo foi o vilão da noite. Para piorar, aos 45 minutos do segundo tempo, em erro da arbitragem ao não dar impedimento claro, Milton Júnior fez o segundo e decretou o fim do acesso para o São Caetano. A torcida, em tom de revolta, ainda jogou objetos no gramado. Netuno prepara invasão em Rio Claro A um passo de garantir o acesso no Campeonato Paulista da Série A-2 e disputar a elite estadual em 2016, o Água Santa se reforçará com todas as suas armas para não deixar escapar a oportunidade de fazer história. Além de contar com o time completo, sem suspensões e contundidos, o clube promete se mobilizar para levar um grande público a Rio Claro para a partida final diante do Velo Clube, domingo (03/05), às 10h. Contando com mais de 5 mil pagantes nos jogos em que é mandante, o Água Santa também leva torcida para fora do ABCD, com um número entre 500 e mil apoiadores. A ideia da diretoria é elevar bastante o número na decisão, de acordo com o presidente Paulo Sirqueira. Vamos combinar um valor com a diretoria do Velo Clube e cada torcedor que comprar o ingresso já terá vaga nos ônibus que disponibilizaremos. A ideia é tomarmos as arquibancadas e ter mais público que o mandante, disse. Apesar de toda euforia e da proximidade na conquista da vaga, o plano é ter pés no chão e para isso o dirigente acredita no trabalho do técnico Márcio Ribeiro, que está no Netuno desde o início no profissionalismo. Acredito que o Márcio trabalhará bem este lado psicológico durante a semana, ele faz isso muito bem. Manter a concentração de todos e com calma buscaremos o objetivo. Ainda não dá para pensar o que é estar em uma Série A-1. A ficha só cairá domingo. O atacante Rafael Martins, artilheiro do Netuno na competição com dez gols, pede foco e lembra da derrota na final do primeiro acesso, pela quarta divisão, para servir de exemplo. Vamos enfrentar um adversário que também quer algo no campeonato, disse. (Guilherme Menezes) Série A-2 do Campeonato paulista Pontos corridos CLASSIFICAÇÃO P J V E D GP GC SG 1 Ferroviária Novorizontino Água Santa Oeste Independente-SP Mirassol São Caetano Guarani União Barbarense Paulista Santo André Rio Branco-SP Monte Azul Atlético Sorocaba Velo Clube Batatais Comercial-SP Matonense Catanduvense Guaratinguetá *Os quatro primeiros sobem para a Série A-1 do Campeonato Paulista

16 16 ABCDMAIOR 28 de abril de 2015 Em forma aos 37 O fundista Marílson Gomes, que compete por São Caetano, terminou em 9º lugar a Maratona de Hamburgo e, mesmo aos 37 anos, assumiu o ranking nacional e sonha com os Jogos Olímpicos de Damas em São Bernardo Inscrições ao Torneio de Damas de São Bernardo estão abertas, com 50 vagas para damistas, sem limite de idade. A competição acontece no domingo, na Sala de Damas, R. Olavo Bilac, 240, V. Euclides. Após não de Mauá, São Bernardo está perto de sediar os Regionais Cidade recebeu convite da secretaria de Esporte de São Paulo e organizará evento em julho, desde que o Estado repasse verba Antonio Kurazumi Com a desistência de Mauá, São Bernardo foi a escolhida pela secretaria de Esporte, Lazer e Juventude de São Paulo para sediar os Jogos Regionais em julho. São Bernardo aceitou o convite, mas uma questão financeira vem impedindo o acerto. Segundo o secretário de Esportes de São Bernardo, José Alexandre Devesa, a cidade aguarda R$ 400 mil do Estado para organizar os Regionais. As tratativas estão encaminhadas, mas não temos uma definição. É um repasse padrão usado para alimentação da arbitragem, transporte, locação de equipamento e construção de quadras de areia, explicou Devesa. O problema está no tempo, afinal a competição começa em menos de três meses, no dia 15 de julho. O grande problema é que o repasse do Estado chegue a tempo de fazer as licitações para os Jogos, acrescentou o dirigente. A disputa da 1ª Região, na qual estão os municípios do ABCD, Baixada Santista e Região Metropolitana, se transformou em uma corrida contra o tempo pela saída de Mauá. Eleita por unanimidade em 2013, a cidade calculou que gastaria pelo menos R$ 2 milhões para o evento e aí preferiu priorizar a reforma das praças esportivas. A reportagem apurou que os municípios passam por dificuldades financeiras, diminuindo bastante as opções dos organizadores. São Bernardo, porém, já tem estrutura pronta. Nossa condição para receber os Regionais é não gastar um real do tesouro. Ninguém tem uma infra-estrutura igual a nossa e ninguém, tirando nós, consegue fazer o evento sem reformas, opinou o secretário de Esportes de São Bernardo. Há pouco tempo, foram entregues os Centros de atletismo e ginástica e ainda há o ginásio Poliesportivo, um dos melhores de São Paulo. Em nota oficial, a secretaria de Esporte, Lazer e Juventude desconversou e informou que ainda não está definida Estádio de Atletismo é um dos equipamentos que colocam São Bernardo em condições de organizar os Jogos Regionais a cidade substituta de Mauá. A secretaria tem trabalhado no sentido de dialogar com os municípios a fim de definir a sede no menor tempo possível, diz a nota. Mas, a verdade é que São Bernardo acabou escolhida e os Regionais ficarão no ABCD se a verba chegar. Sabemos da responsabilidade que temos e vamos nos esforçar para contribuir com o esporte, completou Devesa. Já é certo que em 2016 os Jogos Abertos serão disputados na maior cidade da Região. rodrigo pinto Supremacia De 2011 para cá, São Bernardo não ficou com o título dos Regionais apenas em 2012, tirando a supremacia de São Caetano. Venceu as duas últimas edições e vai em busca do pentacampeonato em julho. Atleta mais veloz do Brasil quer correr os 100 m abaixo de 11 segundos Ana Cláudia Lemos treina em São Caetano há cinco temporadas ADONIS GUERRA/Arquivo ABCDMAIOR A velocista Ana Cláudia Lemos Silva mostrou excelente forma no camping de velocidade que a Seleção Brasileira fez nos Estados Unidos, às vésperas do Mundial de Revezamentos das Bahamas, em Nassau, que acontece sábado (02/05) e domingo (03/05). A atleta de São Caetano estabeleceu recentemente um novo recorde sul-americano para os 100 metros rasos com o tempo de 11s01, no 57º Mt. Sac Relays, no Estádio Hilmer Lodge, em Walnut, Califórnia, há cerca de uma semana. Superou o seu próprio recorde, que era de 11s05 e ficou a 2 centésimos de segundos de quebrar a barreira dos 11 segundos. A mira da Ana é mesmo superar a barreira dos 11 segundos, o que nenhuma brasileira fez até agora, mas para isso sabe que tem de continuar com o seu trabalho, sem focar apenas no tempo. Bom, eu estou preparada para correr abaixo dos 11 segundos. Meu corpo está bem, minha cabeça está forte e estou focada nos treinamentos e competições. Acredito que estamos fazendo um bom trabalho, disse. No Mundial de Revezamentos quero ajudar o time no meu melhor, a ganhar uma medalha, completou. Natural do Ceará, Ana Cláudia foi à Olimpíada de Pequim, em 2008, e ao Mundial de Atletismo de Berlim, em 2009, integrando a equipe do revezamento 4x100 m. No final de 2009, procurou o técnico Katsuhico Nakaya, a quem sempre considerou um profissional de primeira linha, e entrou para o Clube de Atletismo BM&FBOVESPA/ São Caetano. Desde então vem melhorando o recorde sul-americano. Ana bateu o recorde dos 100 m pela primeira vez, com 11s17, nas eliminatórias dos 100 m do Sul-Americano Sub- 23 de Medellín, em 2010; na mesma temporada fez 11s15, em São Paulo. Em 2013 bateu o recorde com 11s05. (Redação)

Maior hospital do Centro-Norte começa a receber pacientes Ruber Couto

Maior hospital do Centro-Norte começa a receber pacientes Ruber Couto GOIÂNIA, SEGUNDA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2015 - ANO 11 - Nº 3.159 FUNDADO EM 23 DE ABRIL DE 2004 Maior hospital do Centro-Norte começa a receber pacientes Ruber Couto Equipamentos de ponta em estrutura para

Leia mais

MPF pressiona por questão ambiental e CSN reclama

MPF pressiona por questão ambiental e CSN reclama Ano 13 Edição nº 725 www.focoregional.com.br Poucas & Boas Partidos se movem para montar as nominatas de vereador em 2016 Página 9 Sul Fluminense 6 a 12 de julho de 2015 Distribuição dirigida MPF pressiona

Leia mais

Quatro homens explodem dois cashes em Arauá

Quatro homens explodem dois cashes em Arauá JORNAL DA CIDADE FECHAMENTO DESTA EDIÇÃO 00h30 www.jornaldacidade.net SEM LIBERDADE DE CRITICAR, NÃO EXISTE ELOGIO SINCERO. BEAUMARCHAIS SÁBADO Aracaju-SE, 4 de julho de 2015 - Ano XLIV - Nº 12.899 Sergipe

Leia mais

Voos diários voltam a ser cancelados no inverno. Obras paradas GRAFITE PARA RENOVAR PROFESSORES

Voos diários voltam a ser cancelados no inverno. Obras paradas GRAFITE PARA RENOVAR PROFESSORES PROFESSORES Após retomada da greve, TJ determina volta às aulas Pág. 03 TRANSPORTE COLETIVO Empresas vão à Justiça para evitar paralisação Pág. 04 R$ 1,00 Cascavel, terça-feira, 28 de abril de 2015 Edição

Leia mais

Liberar o uso faz a sua cabeça?

Liberar o uso faz a sua cabeça? edição especial 45.000 exemplares junho/julho de 2009 www.arauto.info circulação em Salto e Itu distribuição gratuita Arauto Nº 7 O Jornal O Arauto é uma publicação da Faculdade de Comunicação e Artes

Leia mais

Educação pública de qualidade: quanto custa esse direito?

Educação pública de qualidade: quanto custa esse direito? Educação pública de qualidade: quanto custa esse direito? B r a s i l 2011 Síntese do CAQi (2010) (valores atualizados conforme PIB per capita de 2010) Ensino fundamental Ensino fundamental no campo Tipo

Leia mais

VALEU A PENA. SOU DA PAZ: OS PRIMEIROS 10 ANOS.

VALEU A PENA. SOU DA PAZ: OS PRIMEIROS 10 ANOS. VALEU A PENA. SOU DA PAZ: OS PRIMEIROS 10 ANOS. VALEU A PENA. SOU DA PAZ: OS PRIMEIROS 10 ANOS. E sta publicação conta a história dos dez anos do Sou da Paz. Uma história que começou com uma campanha

Leia mais

Professores da rede estadual entram em greve de novo

Professores da rede estadual entram em greve de novo PREFEITURA LAMENTA MORTES E RESTRINGE OBRA A ARRANCADÃO P.05 DIÁRIO METROPOLITANO Professores da rede estadual entram em greve de novo Adolescente é morto a tiros em Assis Motoqueiro rouba posto no Jardim

Leia mais

GRUPO JALLES MACHADO INVESTE R$ 410 MILHÕES. Pró-Industrial

GRUPO JALLES MACHADO INVESTE R$ 410 MILHÕES. Pró-Industrial GRUPO JALLES MACHADO INVESTE R$ 410 MILHÕES Pró-Industrial ADIAL - Associação Pró-Desenvolvimento Industrial do Estado de Goiás Setembro - 2011 - ANO IV - Nº 24 ADIAL Informa - www.adial.com.br Plano Brasil

Leia mais

empreender Tempo de Saiba quais são os incentivos, programas e serviços a favor do desenvolvimento da pequena empresa Desoneração

empreender Tempo de Saiba quais são os incentivos, programas e serviços a favor do desenvolvimento da pequena empresa Desoneração ANO V / Nº 33 / NOV-DEZ 2012 Tempo de empreender Saiba quais são os incentivos, programas e serviços a favor do desenvolvimento da pequena empresa Compras governamentais Veja como pequenas empresas aumentam

Leia mais

Sem tabela, caminhoneiros protestam na BR 467 em Toledo

Sem tabela, caminhoneiros protestam na BR 467 em Toledo JUSTIÇA MANDA ABILUX RECOLHER LÂMPADAS HOJE EM TOLEDO P.03 DIÁRIO METROPOLITANO Sem tabela, caminhoneiros protestam na BR 467 em Toledo A ÓTICA DA FAMÍLIA A ÓTICA DA FAMÍLIA CAMPANHA DE DECLARAÇÃO DO IMPOSTO

Leia mais

SAÚDE DA MULHER Um diálogo aberto e participativo

SAÚDE DA MULHER Um diálogo aberto e participativo MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa Departamento de Apoio à Gestão Participativa SAÚDE DA MULHER Um diálogo aberto e participativo Série B. Textos Básicos de Saúde Brasília

Leia mais

Defesa da concorrência no Brasil. 50 anos

Defesa da concorrência no Brasil. 50 anos Defesa da concorrência no Brasil 50 anos Defesa da concorrência no Brasil 50 anos INSTITUCIONAL Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro da Justiça José Eduardo Cardozo Presidente do Cade Vinicius

Leia mais

DIVULGAÇÃO. Festival de Música abre a temporada de espetáculos

DIVULGAÇÃO. Festival de Música abre a temporada de espetáculos DIVULGAÇÃO R$ 1,00 Cascavel, domingo, 05 de julho de 2015 Edição 7303 - Ano XXXIX ARTE Festival de Música abre a temporada de espetáculos Pág. 10 NA SEGUNDA Câmara vota projeto que prevê isenção do IPTU

Leia mais

O CAMINHO DE UMA O CAMINHO DE UMA NOVA ERA. INDUSTRIAL Sistema Federação das Indústrias do Estado do Acre. Governador Binho Marques avalia mandato

O CAMINHO DE UMA O CAMINHO DE UMA NOVA ERA. INDUSTRIAL Sistema Federação das Indústrias do Estado do Acre. Governador Binho Marques avalia mandato Ano 05 Número 17 Dezembro/2010 INDUSTRIAL Sistema Federação das Indústrias do Estado do Acre MODERNIZAÇÃO Usina Álcool Verde começa a produzir DESPEDIDA Governador Binho Marques avalia mandato Arquivo

Leia mais

A C pa. do Mundo. 15 km. País se prepara para sediar o maior evento do planeta, que irá abrir oportunidades de negócios. Perfil do Consumidor

A C pa. do Mundo. 15 km. País se prepara para sediar o maior evento do planeta, que irá abrir oportunidades de negócios. Perfil do Consumidor ANO V / Nº 32 / set-out 2012 A C pa do Mundo É NOSSA 15 km País se prepara para sediar o maior evento do planeta, que irá abrir oportunidades de negócios Mudanças Radicais Itaquera, na Zona Leste da capital,

Leia mais

P/1 Boa tarde, Rodrigo. Obrigado por você ter vindo. Você podia começar falando o seu nome completo, data e local de nascimento?

P/1 Boa tarde, Rodrigo. Obrigado por você ter vindo. Você podia começar falando o seu nome completo, data e local de nascimento? Projeto SOS Mata Atlântica 18 Anos Depoimento de Rodrigo Antonio Mendonça Entrevistado por Beth Quintino e Rodrigo Godoy Local: São Paulo, 8 de março de 2005 Realização Museu da Pessoa Entrevista número

Leia mais

O SUS pode ser seu melhor plano de saúde

O SUS pode ser seu melhor plano de saúde O SUS pode ser seu melhor plano de saúde Organizadores Andrea Salazar Karina Grou Rodrigues Lynn Silver Mário Scheffer Agradecimentos Gilson Carvalho Ligia Bahia Silvia Vignola Diagramação José Humberto

Leia mais

NApresentação. Como Vender a Imagem da sua Escola

NApresentação. Como Vender a Imagem da sua Escola NApresentação Nesta época de grande concorrência, exposição de marca, novas diretrizes e outras confusões, fica apenas uma certeza: não se tem certeza de nada. Afinal, como fazer uma escola destacarse

Leia mais

VIVERBEM.VIVERVERDE DIRETRIZES PROGRAMÁTICAS PARA O PARTIDO VERDE 2014

VIVERBEM.VIVERVERDE DIRETRIZES PROGRAMÁTICAS PARA O PARTIDO VERDE 2014 VIVERBEM.VIVERVERDE DIRETRIZES PROGRAMÁTICAS PARA O PARTIDO VERDE 2014 INTRODUÇÃO Tratamos aqui das diretrizes para elaboração de um programa do PV para o Brasil/2014. Pedimos que sejam avaliadas, criticadas,

Leia mais

objetivos de desenvolvimento do milênio

objetivos de desenvolvimento do milênio Apoio: Casa Civil da Presidência da República Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República Secretaria de Planejamento de Longo Prazo da Presidência

Leia mais

Trabalho Escravo no Brasil do Século XXI

Trabalho Escravo no Brasil do Século XXI Trabalho Escravo no Brasil do Século XXI ISBN 92-2-819328-X 978-92-2-819328-2 Primeira edição 2006 Coordenação do estudo: Leonardo Sakamoto As designações empregadas nas publicações da OIT, segundo a praxe

Leia mais

INPA. ciência. Aqui se faz. Ciência para todos Nº 01 - ano 1 (distribuição gratuita) ISSN 19847653

INPA. ciência. Aqui se faz. Ciência para todos Nº 01 - ano 1 (distribuição gratuita) ISSN 19847653 INPA Revista de divulgação científica do Ciência para todos Nº 01 - ano 1 (distribuição gratuita) ISSN 19847653 Aqui se faz ciência Projetos aprovados pelo CNPq garantem avanço da pesquisa científica Árvores

Leia mais

alorização da Mulher esas com a V omisso das Empr O Compr

alorização da Mulher esas com a V omisso das Empr O Compr Patrocinadores BankBoston Na carta de valores do BankBoston lê-se que respeitamos e valorizamos as diferenças entre nós e ajudamos todos a desenvolver seu pleno potencial. Promover a igualdade de oportunidades

Leia mais