PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS. (em local fixo)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS. (em local fixo)"

Transcrição

1 PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS (em local fixo) 4.º TRIMESTRE DE º trimestre 2014

2 Índice SUMÁRIO Prestadores dos serviços em pacote Número de subscritores e penetração dos serviços em pacote Receitas e fatura média mensal dos serviços em pacote Estrutura da oferta e mudança de prestador... 9 Índice de gráficos Gráfico 1 Evolução do número de subscritores de pacotes de serviços, por tipo... 6 Gráfico 2 Distribuição dos clientes de pacotes multiple play pelo tipo de pacote... 7 Gráfico 3 Fatura média mensal dos clientes residenciais com as ofertas em multiple play... 9 Gráfico 4 Intenção de mudança de prestador do serviço em pacote nos próximos 3 meses pelos clientes residenciais Índice de tabelas Tabela 1 - Entidades com ofertas em pacotes 4.º trimestre de Tabela 2 Número de prestadores de pacotes de serviços por tipo de oferta... 5 Tabela 3 Número de subscritores de pacotes de serviços, por tipo... 5 Tabela 4 Taxa de penetração de subscritores de ofertas em pacotes por 100 famílias... 6 Tabela 5 - Receita de pacotes de serviços, por tipo... 8 Tabela 6 Receita média mensal por subscritor de pacote de serviços, por tipo... 8 Tabela 7 Quotas de subscritores de serviços prestados em pacote multiple play Tabela 8 Quotas de subscritores de serviços prestados em pacote por modalidade no 4.º trimestre de Tabela 9 Quotas de receitas de serviços prestados em pacote multiple play Tabela 10 Quotas de receitas de serviços prestados em pacote no 4.º trimestre de º trimestre

3 SUMÁRIO No 4T14 o número de assinantes das ofertas em pacote atingiu 2,9 milhões de assinantes (+3,3 por cento face ao trimestre anterior e +11,7 por cento face ao trimestre homólogo). O acréscimo do número de subscritores no 4T14 (+93 mil subscritores) foi o mais elevado desde 1T12. Estima-se que cerca de 73 em 100 famílias clássicas dispunham de um pacote multiple play no 4T14 (+7,9 pontos percentuais que no 4T13). Os pacotes triple/quadruple/quintuple play representam 82,2 por cento do total das ofertas em pacote. A modalidade mais utilizada é o triple play (46,5 por cento). Os pacotes quintuple play já representam cerca de um terço (33,2 por cento) do total de ofertas em pacote no 4T14. As receitas dos serviços em pacote atingiram cerca de milhões em 2014 (+14,7 por cento que no ano anterior). A receita média mensal por subscritor foi de 34,8 euros (+4,7 por cento face ao ano anterior). Segundo o BTC da Marktest, no 4T14 a fatura média mensal dos agregados familiares com ofertas em pacote foi de 50,79 euros incluindo IVA (+8,1 por cento face a 2013). Em termos de número de subscritores, a PT Comunicações é o prestador com maior quota de serviços em pacote (44,2 por cento no 4T14), seguindo-se o Grupo NOS (38,3 por cento), a Vodafone (10,1 por cento) e o Grupo Altice (7,3 por cento). O Grupo NOS lidera nas modalidades triple play e quadruple play, enquanto a PT Comunicaçoes/MEO lidera no quintuple play. Em termos de receitas é o Grupo NOS que lidera (43,1 por cento), seguindo-se a PT Comunicações/MEO (41,6 por cento). No 4T14, a Vodafone foi o único prestador a aumentar a sua quota. A Vodafone é o prestador que mais tem vindo a aumentar a sua quota de pacotes nos últimos trimestres, quer em termos de subscritores (+3,8 pontos percentuais face ao 4T13), quer em termos de receitas (+4,3 pontos percentuais face ao 4T13). 4.º trimestre

4 1. Prestadores dos serviços em pacote No 4.º trimestre de 2014 (4T14) eram 12 as entidades que dispunham de ofertas em pacote de serviços de comunicações eletrónicas (em local fixo) 1, o mesmo número registado no trimestre anterior, (Tabela 1). Tabela 1 - Entidades com ofertas em pacotes 4.º trimestre de 2014 Designação CABOVISÃO Televisão por Cabo, S.A. COLT Technology Services, Unipessoal, Lda. CYCLOP NET Informática e Telecomunicações, Lda. IPTV TELECOM Telecomunicações, Lda. MEO Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A. 2 NOS Açores Comunicações, S.A NOS Madeira Comunicações, S.A NOS Comunicações, S.A. ONITELECOM Infocomunicações, S.A. STV Sociedade de Telecomunicações do Vale do Sousa, S.A. UNITELDATA Telecomunicações, S.A. VODAFONE PORTUGAL Comunicações Pessoais, S.A. Atualmente são oito os prestadores que oferecem três ou mais serviços integrados em pacote (triple/quadruple/quintuple play). 1 Até 2010 consideraram-se pacotes de serviços todas as ofertas comerciais de um único operador que incluem dois ou mais serviços e dispõem de um tarifário integrado e uma fatura única. Entre 2011 e 2013 a definição de pacote passou a ser uma oferta comercial de um único operador que inclua dois ou mais serviços, comercializada como oferta única e com uma única fatura. A partir de 2014, eliminou-se a referência a "único operador" (Deliberação da ANACOM de 27 de março de 2014: Até ao 2T14 os pacotes reportados pelos prestadores não consideravam o plafond de tráfego de Internet no telemóvel como um serviço adicional. A partir do 2T14, esta situação foi alterada. No entanto, o número de subscritores e as receitas de pacotes de períodos anteriores não foram alterados de acordo com este entendimento. 2 Em 29 de dezembro de 2014 ocorreu a fusão por incorporação da sociedade MEO Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A. na sociedade PT Comunicações, S.A., e verificou-se a alteração da denominação social desta para MEO Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A. No entanto, neste relatório, ambas as entidades são ainda apresentadas de forma autónoma, visto que foi assim que a informação foi enviada à ANACOM. 4.º trimestre

5 Tabela 2 - Número de prestadores de pacotes de serviços por tipo de oferta 4T13 3T14 4T14 Multiple play pacotes double play dos quais: STF+BLF dos quais: STF+TVS dos quais: BLF+TVS pacotes triple/quadruple/quintuple play Unidade: número de prestadores Nota: STF Serviços telefónico fixo; BLF Banda larga fixa; TVS TV por subscrição. 2. Número de subscritores e penetração dos serviços em pacote No 4T14 o número de assinantes das ofertas em pacote atingiu 2,9 milhões de assinantes (+3,3 por cento face ao trimestre anterior e +11,7 por cento face ao trimestre homólogo). O acréscimo do número de subscritores no 4T14 (+93 mil subscritores) foi o mais elevado desde o 1T12. Foi a evolução dos pacotes triple/quadruple/quintuple play, que representam 82,2 por cento do total, que explica este crescimento, visto que o número de subscritores de double play diminuiu. Os pacotes triple/quadruple/quintuple play atingiram cerca de 2,4 milhões de assinantes no 4T14 (82,2 por cento do total de ofertas em pacote), tendo crescido 5,3 por cento no 4T14 e 21,2 por cento nos últimos 12 meses. Tabela 3 - Número de subscritores de pacotes de serviços, por tipo 4T13 3T14 4T14 trimestral homóloga Multiple play ,3% 11,7% pacotes double play ,3% -17,7% dos quais: STF+BLF ,4% -16,1% dos quais: STF+TVS ,4% -18,2% dos quais: BLF+TVS ,1% -14,0% pacotes triple/quadruple/quintuple play ,3% 21,2% Unidades: milhares de subscritores, % Nota: STF Serviços telefónico fixo; BLF Banda larga fixa; TVS TV por subscrição. 4.º trimestre

6 3T2011 4T2011 1T2012 2T2012 3T2012 4T2012 1T2013 2T2013 3T2013 4T2013 1T2014 2T2014 3T2014 4T2014 Gráfico 1 Evolução do número de subscritores de pacotes de serviços, por tipo Triple/quadruple/quintuple play Double play Unidades: milhares de subscritores A penetração dos pacotes de serviços atingiu 73 por 100 famílias clássicas no 4T14 (+2,3 pontos percentuais face ao trimestre anterior e +7,9 pontos percentuais face ao trimestre homólogo). Estima-se que 3 em cada 5 famílias clássicas dispunham de um pacote de serviços triple/quadruple/quintuple play. Tabela 4 Taxa de penetração de subscritores de ofertas em pacotes por 100 famílias 4T13 3T14 4T14 trimestral homóloga Multiple play 65,4 71,0 73,3 2,3 7,9 pacotes double play 15,8 13,8 13,1-0,7-2,8 dos quais: STF+BLF 3,7 3,2 3,1-0,1-0,6 dos quais: STF+TVS 10,5 9,2 8,6-0,6-1,9 dos quais: BLF+TVS 1,5 1,3 1,3-0,1-0,2 pacotes triple / quadruple / quintuple play 49,5 57,2 60,2 3,1 10,7 Unidades: número de ofertas por 100 famílias clássicas, pontos percentuais Nota 1: Recorreu-se às estimativas anuais de famílias clássicas do INE. Nota 2: STF Serviços telefónico fixo; BLF Banda larga fixa; TVS: TV por subscrição. 4.º trimestre

7 No 4T14 a modalidade de pacotes de serviços mais utilizada foi o triple play (46,5 por cento), seguindo-se o quintuple play (33,2 por cento) que já representa cerca de um terço do total de ofertas em pacote. A modalidade quintuple play foi a que mais aumentou a sua importância relativa (+5 pontos percentuais) e o triple play a que mais baixou (-3,5 pontos percentuais), por comparação ao trimestre anterior. Gráfico 2 Distribuição dos clientes de pacotes multiple play pelo tipo de pacote 4T ,8% 46,5% 33,2% 3T ,5% 50,1% 28,2% 0% 20% 40% 60% 80% 100% Pacotes double play Pacotes triple play Pacotes quadruple play Pacotes quintuple play Unidade: % O crescimento da modalidade quintuple play resulta em parte do lançamento no final do 2T14 e durante o 3T14 de novas ofertas que integram serviços móveis, nomeadamente: pacotes 4P, com preços de cerca de 50 euros, e que incluem o serviço telefónico fixo (STF), a banda larga fixa (BLF), a TV por subscrição (TVS), o serviço telefónico móvel (STM) e a designada Internet no telemóvel (com apenas um utilizador para os serviços móveis), e pacotes 5P que integram adicionalmente a banda larga móvel (BLM) através de placas/modem (disponível apenas para 2 utilizadores ou mais). Durante o 3T14 surgiram ainda novas ofertas em pacote 2P e 3P integrando o serviço telefónico móvel para apenas um utilizador: TVS+STF+STM e TVS+STM. De referir que os aumentos verificados resultaram em parte de upgrades de pacotes com um menor número de serviços ou upgrades de ofertas single-play. 4.º trimestre

8 3. Receitas e fatura média mensal dos serviços em pacote As receitas com os serviços em pacote em 2014 atingiram cerca de milhões de euros (+14,7 por cento que no ano anterior). Foram as receitas dos pacotes triple/quadruple/quintuple play que determinaram esta evolução. Tabela 5 - Receita de pacotes de serviços, por tipo janeiro dezembro 2013 janeiro dezembro 2014 homóloga Multiple play ,7% pacotes double play ,8% dos quais: STF+BLF ,9% dos quais: STF+TVS ,5% dos quais: BLF+TVS ,7% pacotes triple/quadruple/quintuple play ,5% Unidades: milhares de euros (sem IVA), % Nota: STF Serviços telefónico fixo; BLF Banda larga fixa; TVS TV por subscrição. A receita média mensal por subscritor dos serviços em pacote atingiu 34,8 euros (+4,7 por cento face ao período homólogo). Tabela 6 Receita média mensal por subscritor de pacote de serviços, por tipo janeiro dezembro 2013 janeiro dezembro 2014 homóloga Multiple play 33,27 34,83 4,7% pacotes double play 24,22 23,15-4,4% dos quais: STF+BLF 25,96 24,17-6,9% dos quais: STF+TVS 22,59 22,64 0,2% dos quais: BLF+TVS 32,01 24,82-22,5% pacotes triple/quadruple/quintuple play 36,39 37,91 4,2% Unidade: euros (sem IVA), % Nota 1: O cálculo da receita média mensal recorreu ao número médio de subscritores no respetivo período. Nota 2: STF Serviços telefónico fixo; BLF Banda larga fixa; TVS TV por subscrição. 4.º trimestre

9 Multiple play (total) STF+TVS BLF+TVS STF+BLF STF+BLF+TVS STF+STM+BL F+TVS STF+BLF+BL M+TVS STF+STM+BL F+BLM+TVS 31,83 31,62 28,76 46,66 47,00 50,79 45,69 41,49 34,23 27,36 27,55 28,93 49,08 49,17 45,43 54,02 53,34 51,96 78,23 67,03 75,98 76,62 Fatura média mensal dos agregados familiares Segundo o Barómetro de Telecomunicações da Marktest, no 4.º trimestre de 2014 a fatura média mensal dos agregados familiares com ofertas em pacote foi de 50,79 euros, incluindo IVA. A fatura média aumentou 8,1 por cento face a Gráfico 3 Fatura média mensal dos clientes residenciais com as ofertas em multiple play T Unidade: euros (com IVA) com base nos microdados do BTC da Marktest, 2012, 2013 e 4T2014 Base: Total de lares com ofertas em pacote multiple play (não tem em conta as não respostas) Nota 1: As margens de erro relativas das médias são inferiores a 6 por cento Nota 2: Categoria multiple play (total) refere-se à fatura média mensal dos clientes residenciais com serviços em pacote, incluindo outras modalidades não listas no gráfico com menor expressão amostral. Nota 3: No BTC da Marktest a BLM no pacote não considera o acesso móvel à Internet através do telemóvel. Nota 4: STF Serviços telefónico fixo; BLF Banda larga fixa; TVS TV por subscrição; STM Serviço telefónico móvel; BLM Banda larga móvel. 4. Estrutura da oferta e mudança de prestador Em termos de número de subscritores, a PT Comunicações/MEO continua a ser o principal prestador de serviços em pacote com uma quota de 44,2 por cento no 4T14, seguindo-se o Grupo NOS (38,3 por cento), a Vodafone (10,1 por cento) e o Grupo Altice (7,3 por cento). 4.º trimestre

10 No 4T14 a Vodafone foi o único prestador que aumentou a quota de subscritores nos pacotes multiple play (+0,7 ponto percentual face ao trimestre anterior e +3,8 pontos percentuais face ao trimestre homólogo 4T13). Tabela 7 Quotas de subscritores de serviços prestados em pacote multiple play 4T13 3T14 4T14 trimestral (p.p) homóloga (p.p) PT Comunicações / MEO 44,1 44,3 44,2-0,1 0,1 NOS 3 40,8 38,5 38,3-0,1-2,4 NOS Comunicações 2,1 35,8 35,7-0,1 33,6 NOS Madeira 1,9 1,8 1,8 0,0-0,1 NOS Açores 1,0 0,9 0,9 0,0-0,1 ZON TV CABO Portugal 35,9 : : 0,0-35,9 Vodafone 6,3 9,4 10,1 0,7 3,8 Grupo Altice 8,7 7,7 7,3-0,4-1,4 Outros prestadores 0,1 0,1 0,1 0,0 0,0 Unidade: %, p.p Nota: Existem operadores que atuam em segmentos específicos de mercado. A posição relativa que ocupam nesta tabela não deve ser interpretada como um indicador da qualidade dos serviços prestados ou do desempenho desses operadores nos segmentos em que atuam. De acordo com a informação disponível, o Grupo NOS lidera nas modalidades triple play e quadruple play, enquanto que a PT Comunicações/MEO lidera na modalidade quintuple play. 3 Em 16 de maio de 2014, a sociedade Zon TV Cabo Portugal, S.A. foi incorporada, por fusão, na sociedade Optimus - Comunicações, S.A. (sociedade incorporante). Também nesta data a Optimus - Comunicações, S.A alterou a sua designação para NOS Comunicações, S.A.. A 24 de junho de 2014 a ZON TV Cabo Madeirense alterou a sua designação para NOS Madeira Comunicações, S.A e a ZON TV Cabo Açoreana alterou a sua designação para NOS Açores Comunicações, S.A., constituindo o Grupo NOS. 4.º trimestre

11 Tabela 8 Quotas de subscritores de serviços prestados em pacote por modalidade no 4.º trimestre de 2014 Multiple play Double play Triple play Quadruple play Quintuple play PT Comunicações / MEO 44,2 35,5 36,0 29,0 61,4 NOS 4 38,3 41,3 39,8 62,7 33,0 NOS Comunicações 35,7 38,5 36,1 44,7 33,0 NOS Madeira 1,8 1,7 2,3 15,8 0,0 NOS Açores 0,9 1,0 1,5 2,2 0,0 Vodafone 10,1 7,1 14,6 8,4 5,7 Grupo Altice 7,3 15,8 9,6 0,0 0,0 Outros prestadores 0,1 0,2 0,1 0,0 0,0 Unidade: % Nota 1: Existem operadores que atuam em segmentos específicos de mercado. A posição relativa que ocupam nesta tabela não deve ser interpretada como um indicador da qualidade dos serviços prestados ou do desempenho desses operadores nos segmentos em que atuam. Nota 2: A classificação das ofertas em triple play, quadruple play e quintuple play não é necessariamente idêntica à utilizada pelos prestadores visto que, de acordo com as definições em vigor a nível da U.E., a ANACOM considera a designada Internet no telemóvel como um serviço autónomo. Em termos de receitas, em 2014 o Grupo NOS é o principal prestador de serviços em pacote, com uma quota de cerca de 43,1 por cento, seguindo-se a PT Comunicações/MEO (41,6 por cento), a Vodafone (8,8 por cento) e o Grupo Altice (6,4 por cento). Também nas receitas a Vodafone foi o único prestador que aumentou a sua quota nos pacotes multiple play no 4T14 (+0,4 ponto percentual face ao trimestre anterior e +4,3 pontos percentuais face ao trimestre homólogo 4T13). 4 Em 16 de maio de 2014, a sociedade Zon TV Cabo Portugal, S.A. foi incorporada, por fusão, na sociedade Optimus - Comunicações, S.A. (sociedade incorporante). Também nesta data a Optimus - Comunicações, S.A alterou a sua designação para NOS Comunicações, S.A.. A 24 de junho de 2014 a ZON TV Cabo Madeirense alterou a sua designação para NOS Madeira Comunicações, S.A e a ZON TV Cabo Açoreana alterou a sua designação para NOS Açores Comunicações, S.A., constituindo o Grupo NOS. 4.º trimestre

12 Tabela 9 Quotas de receitas de serviços prestados em pacote multiple play 4T13 3T14 4T14 trimestral (p.p) homóloga (p.p) NOS 5 45,8 43,0 43,1 0,2-2,6 NOS Comunicações 2,4 40,2 40,3 0,2 37,9 NOS Madeira 2,1 1,7 1,8 0,0-0,3 NOS Açores 1,2 1,1 1,0 0,0-0,2 ZON TV CABO Portugal 40,1 : : 0,0-40,1 PT Comunicações / MEO 42,2 41,9 41,6-0,3-0,6 Vodafone 4,5 8,4 8,8 0,4 4,3 Grupo Altice 7,4 6,7 6,4-0,3-1,1 Outros prestadores 0,1 0,1 0,1 0,0 0,0 Unidade: %, p.p Nota: Existem operadores que atuam em segmentos específicos de mercado. A posição relativa que ocupam nesta tabela não deve ser interpretada como um indicador da qualidade dos serviços prestados ou do desempenho desses operadores nos segmentos em que atuam. Por modalidade de pacote, o Grupo NOS tem as maiores quotas de receitas nos pacotes triple play e quadruple play (44,7 e 75,9 por cento, respetivamente) enquanto a PT Comunicações/MEO lidera as receitas nas modalidades double play e quintuple play (38,7 e 50,7 por cento, respetivamente). 5 Em 16 de maio de 2014, a sociedade Zon TV Cabo Portugal, S.A. foi incorporada, por fusão, na sociedade Optimus - Comunicações, S.A. (sociedade incorporante). Também nesta data a Optimus - Comunicações, S.A alterou a sua designação para NOS Comunicações, S.A.. A 24 de junho de 2014 a ZON TV Cabo Madeirense alterou a sua designação para NOS Madeira Comunicações, S.A e a ZON TV Cabo Açoreana alterou a sua designação para NOS Açores Comunicações, S.A., constituindo o Grupo NOS. 4.º trimestre

13 Tabela 10 - Quotas de receitas de serviços prestados em pacote por modalidade no 4.º trimestre de 2014 Multiple play Double play Triple play Quadruple play Quintuple play NOS 6 43,1 33,6 44,7 75,9 41,6 NOS Comunicações 40,3 32,0 40,4 66,9 41,6 NOS Madeira 1,8 0,6 2,7 8,6 0,0 NOS Açores 1,0 1,0 1,6 0,5 0,0 PT Comunicações / MEO 41,6 38,7 39,0 14,1 50,7 Vodafone 8,8 9,5 9,1 10,0 7,7 Grupo Altice 6,4 17,9 7,1 0,0 0,0 Outros prestadores 0,1 0,4 0,0 0,0 0,0 Unidade: % Nota: A classificação das ofertas em triple play, quadruple play e quintuple play não é necessariamente idêntica à utilizada pelos prestadores visto que, de acordo com as definições em vigor a nível da U.E., a ANACOM considera a designada Internet no telemóvel como um serviço autónomo. Mudança de prestador No 4.º trimestre de 2014, e de acordo com o Barómetro de Telecomunicações da Marktest (BTC) 7, cerca de 5,9 por cento dos clientes de serviços em pacote manifestaram intenção de mudar de prestador nos próximos 3 meses e 65,9 por cento referiu não ter qualquer intenção de o fazer (+3,7 pontos percentuais do que no período homólogo e -3,7 pontos percentuais do que o trimestre anterior). 6 Em 16 de maio de 2014, a sociedade Zon TV Cabo Portugal, S.A. foi incorporada, por fusão, na sociedade Optimus - Comunicações, S.A. (sociedade incorporante). Também nesta data a Optimus - Comunicações, S.A alterou a sua designação para NOS Comunicações, S.A.. A 24 de junho de 2014 a ZON TV Cabo Madeirense alterou a sua designação para NOS Madeira Comunicações, S.A e a ZON TV Cabo Açoreana alterou a sua designação para NOS Açores Comunicações, S.A., constituindo o Grupo NOS. 7 O Barómetro de Telecomunicações é um estudo regular da Marktest para o sector das Telecomunicações. O universo do Barómetro de Telecomunicações - Rede Fixa é composto pelos lares de Portugal Continental e Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores. Mensalmente é recolhida uma amostra proporcional ao universo em estudo e representativa do mesmo. 4.º trimestre

14 Gráfico 4 Intenção de mudança de prestador do serviço em pacote nos próximos 3 meses pelos clientes residenciais ,3 65, ,2 28,1 6,5 5,9 2T2013 3T2013 4T2013 1T2014 2T2014 3T2014 4T2014 Evidencia intenção de mudar de prestador nos próximos 3 meses (1 a 4) Indecisão (5 a 9 e Ns/Nr) Não tem qualquer intenção de mudar de prestador nos próximos 3 meses (10) Unidade: % com base nos microdados do BTC da Marktest, 2T2013 a 4T2014 Nota 1: A escala de resposta original é: 1 "Vai mudar de certeza",, 10 "Não vai mudar de certeza" Nota 2: Significado da sinalética das estimativas: (#) Estimativa não fiável; (*) Estimativa aceitável; (sem sinalética) Estimativa fiável 8. 8 Recorre-se ao coeficiente de variação enquanto indicador de avaliação do erro de amostragem, tendo por base a variância do estimador proporção de uma amostragem aleatória simples. Considera-se a seguinte classificação: estimativa fiável quando o coeficiente de variação é inferior a 10 por cento; estimativa aceitável quando o coeficiente de variação é superior ou igual a 10 por cento e inferior a 25 por cento; estimativa não fiável quando o coeficiente de variação é superior ou igual a 25 por cento. A precisão das estimativas não depende somente da dimensão da amostra, sendo também influenciada pelo valor da própria estimativa (por exemplo, para uma amostra de dimensão fixa, a fiabilidade medida pelo coeficiente de variação é tanto menor quanto menor for o valor da estimativa). 4.º trimestre

PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS

PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS 2º TRIMESTRE DE 2015 Pacotes de serviços de comunicações eletrónicas - 2º trimestre 2015 Versão 2 / 21-08-2015 Índice SUMÁRIO... 3 1. Prestadores dos serviços

Leia mais

PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS

PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS 1.º TRIMESTRE DE 2017 Pacotes de serviços de comunicações eletrónicas 1.º trimestre 2017 Versão 1 / 11-05-2017 Índice SUMÁRIO... 3 1. Prestadores dos serviços

Leia mais

PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS. Versão 1 /

PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS. Versão 1 / PACOTES DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS 2015 ANACOM, Fevereiro de 2016 Versão 1 / 11-02-2016 Índice 1. Introdução... 4 2. Síntese... 5 3. Penetração dos serviços em pacote... 7 4. Número de subscritores...

Leia mais

15T1. 16T1 / 15T4 16T1 / 15T1 Total de subscritores de pacotes de serviços ,7% 8,3%

15T1. 16T1 / 15T4 16T1 / 15T1 Total de subscritores de pacotes de serviços ,7% 8,3% Número de Subscritores 15T1 15T4 16T1 16T1 / 15T4 16T1 / 15T1 Estações móveis ativas/ assinantes STM 16.455 16.790 16.770-0,1% 1,9% Estações móveis ativas com utilização efetiva 12.755 12.779 12.781 0,0%

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2014

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2014 SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2014 Serviço de Televisão por subscrição 3º trimestre 2014 Versão 2 / 15-12-2014 Índice SUMÁRIO... 4 1. Assinantes do serviço

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2º TRIMESTRE DE 2013

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2º TRIMESTRE DE 2013 SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2º TRIMESTRE DE 2013 Serviço de Televisão por subscrição 2º trimestre 2013 Versão 1 / 06-08-2013 Índice SUMÁRIO... 4 1. Assinantes do serviço

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 1.º TRIMESTRE DE 2016

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 1.º TRIMESTRE DE 2016 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 1.º TRIMESTRE DE 2016 Serviço Telefónico Fixo 1º Trimestre de 2016 Versão 18/05/2016 Índice SUMÁRIO... 4 1. Prestadores dos Serviços Telefónico Fixo, Voz

Leia mais

MEIOS DE ACESSO AO SINAL DE TV

MEIOS DE ACESSO AO SINAL DE TV MEIOS DE ACESSO AO SINAL DE TV População residencial (Trabalho de campo em junho de 2017) Agosto de 2017 ANACOM 1. Introdução Apresenta-se de seguida uma síntese dos resultados do Barómetro de Telecomunicações

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 2.º TRIMESTRE DE 2017

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 2.º TRIMESTRE DE 2017 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 2.º TRIMESTRE DE 2017 Serviço Telefónico Fixo 2º Trimestre de 2017 Versão 04/08/2017 Índice SUMÁRIO... 4 1. Prestadores dos Serviços Telefónico Fixo, Voz

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2013

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2013 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 2.º TRIMESTRE DE 2013 Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2013 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados... 6 2. Taxa de

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º trimestre de 2016 Versão /

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º trimestre de 2016 Versão / INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 1.º TRIMESTRE DE 2016 Serviço de Acesso à Internet 1.º trimestre de 2016 Versão / 18-05-2016 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados...

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2012

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2012 SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2012 Serviço de Televisão por subscrição 3º trimestre 2012 Versão 1 / 09-11-2012 Índice SUMÁRIO... 4 1. Introdução... 6 2. Serviço

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2015

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2015 SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2015 Serviço de Televisão por subscrição 3º trimestre 2015 Versão 1 / 09-11-2015 Índice SUMÁRIO... 4 1. Assinantes do serviço

Leia mais

INQUÉRITO SOBRE PERÍODOS DE FIDELIZAÇÃO

INQUÉRITO SOBRE PERÍODOS DE FIDELIZAÇÃO INQUÉRITO SOBRE PERÍODOS DE FIDELIZAÇÃO População residencial (Trabalho de campo realizado em outubro de 2016) Novembro de 2016 ANACOM 1. Introdução Na sequência da revisão da LCE que torna obrigatório

Leia mais

SERVIÇOS OVER-THE-TOP (OTT):

SERVIÇOS OVER-THE-TOP (OTT): SERVIÇOS OVER-THE-TOP (OTT): Utilização de instant messaging, chamadas de voz e TV pela Internet em Portugal e na U.E. (dados de inquéritos amostrais à população residencial) Fevereiro de 16 ANACOM 1.

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º trimestre de 2016

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º trimestre de 2016 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 2.º TRIMESTRE DE 2016 Serviço de Acesso à Internet 2.º trimestre de 2016 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados... 6 2. Taxa de

Leia mais

SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO DE SINAIS DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2º TRIMESTRE DE 2016

SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO DE SINAIS DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2º TRIMESTRE DE 2016 SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO DE SINAIS DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2º TRIMESTRE DE 2016 Serviço de Distribuição de Sinais de Televisão por subscrição 2º trimestre 2016 Versão 2 / 29-08-2016

Leia mais

SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO DE SINAIS DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2016

SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO DE SINAIS DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2016 SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO DE SINAIS DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 3º TRIMESTRE DE 2016 Serviço de Distribuição de Sinais de Televisão por subscrição 3º trimestre 2016 Versão 1 / 09-11-2016

Leia mais

SERVIÇOS MÓVEIS INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 4.º TRIMESTRE DE 2014

SERVIÇOS MÓVEIS INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 4.º TRIMESTRE DE 2014 SERVIÇOS MÓVEIS INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 4.º TRIMESTRE DE 2014 1ª Versão 10/02/2015 Índice SUMÁRIO... 4 1. Taxa de penetração do serviço móvel... 6 2. Estações móveis / equipamentos de utilizador ativos...

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 4º TRIMESTRE DE 2010

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 4º TRIMESTRE DE 2010 SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 4º TRIMESTRE DE 2010 Serviço de Televisão por subscrição 4º trimestre 2010 1/22 Índice 1. Introdução... 4 2. Serviços de televisão por cabo...

Leia mais

I. Serviço telefónico em local fixo

I. Serviço telefónico em local fixo http://www.anacom.pt/template12.jsp?categoryid=229503 Data de publicação 22.3.2007 Inquérito ao consumo das comunicações electrónicas - Dezembro 2006 Principais resultados I. Serviço telefónico em local

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO 2015 NCOM, Fevereiro de 2016 Versão 2 / 16-03-2016 Índice 1. Introdução... 5 2. Síntese... 6 3. Penetração do serviço... 8 4. Nível de utilização do serviço de TV por

Leia mais

INQUÉRITO AOS MEIOS DE ACESSO AO SINAL DE TV

INQUÉRITO AOS MEIOS DE ACESSO AO SINAL DE TV INQUÉRITO AOS MEIOS DE ACESSO AO SINAL DE TV População residencial (Trabalho de campo em julho de 2016) Setembro de 2016 ANACOM 1. Introdução Apresenta-se de seguida uma síntese dos resultados do Inquérito

Leia mais

Reclamações sobre serviços de comunicações

Reclamações sobre serviços de comunicações Reclamações sobre serviços de comunicações Ano de 2016 Versão 2 / 18-05-2017 Índice 1. Introdução... 5 2. Sumário... 7 3. Reclamações registadas pela ANACOM em 2016... 9 3.1. Volume de por sector... 10

Leia mais

INFORMAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 1ºTRIMESTRE DE 2013

INFORMAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 1ºTRIMESTRE DE 2013 INFORMAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DO SERVIÇO TELEFÓNICO FIXO 1ºTRIMESTRE DE 2013 Indicadores de Qualidade de Serviço 1º trimestre 2013 Índice 1. Introdução... 5 2. Qualidade de serviço relativa às ofertas de

Leia mais

Serviços de Telecomunicações para Utilizadores Residenciais

Serviços de Telecomunicações para Utilizadores Residenciais Serviços de Telecomunicações para Utilizadores Residenciais Estudantes & Autores: Henrique A. Sousa up201505343@fe.up.pt Manuel M. Mendonça up201503414@fe.up.pt João B. Matos up201504878@fe.up.pt Pedro

Leia mais

Reclamações sobre serviços de comunicações Relatório do 1.º Semestre de 2016

Reclamações sobre serviços de comunicações Relatório do 1.º Semestre de 2016 Reclamações sobre serviços de comunicações Relatório do 1.º Semestre de 2016 (janeiro a junho) Versão 2 / 13-09-2016 Índice 1. Introdução... 5 2. Sumário... 7 3. Reclamações registadas pela ANACOM no 1.º

Leia mais

SITUAÇÃO DAS COMUNICAÇÕES 2010

SITUAÇÃO DAS COMUNICAÇÕES 2010 SITUAÇÃO DAS COMUNICAÇÕES 2010 ICP-ANACOM 1/401 Índice Introdução... 23 Parte I Comunicações electrónicas... 25 1. O utilizador de comunicações electrónicas... 27 1.1. Principais aspectos... 27 1.2. Perfil

Leia mais

SERVIÇOS MÓVEIS INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2.º TRIMESTRE DE 2017

SERVIÇOS MÓVEIS INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2.º TRIMESTRE DE 2017 SERVIÇOS MÓVEIS INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 2.º TRIMESTRE DE 2017 1.ª Versão 02/08/2017 Índice SUMÁRIO... 4 1. Taxa de penetração do serviço móvel... 6 2. Estações móveis / equipamentos de utilizador ativos...

Leia mais

SERVIÇOS MÓVEIS. Versão

SERVIÇOS MÓVEIS. Versão SERVIÇOS MÓVEIS 2016 ANACOM, Fevereiro de 2017 Versão 1 16-02-2016 Índice 1. Introdução... 6 2. Síntese... 7 3. Taxa de penetração do serviço móvel... 10 4. Nível de utilização dos serviços móveis... 12

Leia mais

ROAMING INTERNACIONAL INFORMAÇÃO GERAL E DADOS ESPECÍFICOS SOBRE AS COMUNICAÇÕES REGULAMENTADAS PELA COMISSÃO EUROPEIA ABRIL 2007 DEZEMBRO 2009

ROAMING INTERNACIONAL INFORMAÇÃO GERAL E DADOS ESPECÍFICOS SOBRE AS COMUNICAÇÕES REGULAMENTADAS PELA COMISSÃO EUROPEIA ABRIL 2007 DEZEMBRO 2009 ROAMING INTERNACIONAL INFORMAÇÃO GERAL E DADOS ESPECÍFICOS SOBRE AS COMUNICAÇÕES REGULAMENTADAS PELA COMISSÃO EUROPEIA ABRIL 2007 DEZEMBRO 2009 Índice 1. O serviço de roaming internacional e a intervenção

Leia mais

Evolução de preços dos serviços de comunicações eletrónicas Análise contextualizada

Evolução de preços dos serviços de comunicações eletrónicas Análise contextualizada Evolução de preços dos serviços de comunicações eletrónicas Análise contextualizada Índice 1. Introdução... 3 2. A evolução real dos preços dos serviços de comunicações eletrónicas... 3 3. A evolução do

Leia mais

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 1.º TRIMESTRE DE 2015

SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 1.º TRIMESTRE DE 2015 SERVIÇO DE TELEVISÃO POR SUBSCRIÇÃO INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA 1.º TRIMESTRE DE 2015 Serviço de Televisão por subscrição 1.º trimestre 2015 Versão 2 / 04-06-2015 Índice SUMÁRIO... 4 1. Assinantes do serviço

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2015 Versão / 8-5-2015

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2015 Versão / 8-5-2015 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 1.º TRIMESTRE DE 2015 Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2015 Versão / 8-5-2015 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados...

Leia mais

EVOLUÇÃO DOS PREÇOS DAS TELECOMUNICAÇÕES MAR 17

EVOLUÇÃO DOS PREÇOS DAS TELECOMUNICAÇÕES MAR 17 EVOLUÇÃO DOS PREÇOS DAS TELECOMUNICAÇÕES MAR 17 Evolução dos preços das telecomunicações 1 Síntese Em março de 2017, os preços das telecomunicações1 aumentaram 0,11% em relação ao mês anterior (-0,4% em

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2015 Versão / 25-8-2015

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2015 Versão / 25-8-2015 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 2.º TRIMESTRE DE 2015 Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2015 Versão / 25-8-2015 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados...

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 4.º TRIMESTRE DE 2009

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 4.º TRIMESTRE DE 2009 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 4.º TRIMESTRE DE Índice 1. Evolução do número de prestadores habilitados para a prestação do Serviço de Acesso à Internet... 3 2. Número de clientes

Leia mais

Sentido provável de decisão relativo à designação de um novo código de identificação da área geográfica de Braga no Plano Nacional de Numeração

Sentido provável de decisão relativo à designação de um novo código de identificação da área geográfica de Braga no Plano Nacional de Numeração Sentido provável de decisão relativo à designação de um novo código de identificação da área geográfica de Braga no Plano Nacional de Numeração destinado à prestação do serviço telefónico acessível ao

Leia mais

SERVIÇOS OVER-THE-TOP (OTT):

SERVIÇOS OVER-THE-TOP (OTT): SERVIÇOS OVER-THE-TOP (OTT): Utilização de instant messaging, chamadas de voz e outras aplicações online em Portugal e na U.E. (população residencial) Dezembro de 2016 ANACOM Serviços OTT em Portugal e

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DAS REDES E SERVIÇOS DE ALTA VELOCIDADE EM LOCAL FIXO - FTTH/B E DOCSIS º TRIMESTRE DE 2017

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DAS REDES E SERVIÇOS DE ALTA VELOCIDADE EM LOCAL FIXO - FTTH/B E DOCSIS º TRIMESTRE DE 2017 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DAS REDES E SERVIÇOS DE ALTA VELOCIDADE EM LOCAL FIXO - FTTH/B E DOCSIS 3.0 1.º TRIMESTRE DE 2017 Redes e Serviços Alta Velocidade 1.º Trimestre de 2017 Versão 2 01/06/2017 Índice

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 4.º Trimestre de 2013

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 4.º Trimestre de 2013 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 4.º TRIMESTRE DE 2013 Serviço de Acesso à Internet 4.º Trimestre de 2013 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados... 6 2. Taxa de

Leia mais

RELATÓRIOS OBERCOM ANUÁRIO DA COMUNICAÇÃO

RELATÓRIOS OBERCOM ANUÁRIO DA COMUNICAÇÃO RELATÓRIOS OBERCOM ANUÁRIO DA COMUNICAÇÃO Observatório da Comunicação Palácio Foz - Praça dos Restauradores 1250-187 Lisboa Portugal www.obercom.pt obercom@obercom.pt Tel.: +351 213 221 319 Fax.: +351

Leia mais

Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias 2011

Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias 2011 04 de novembro de 2011 Sociedade da Informação e do Conhecimento Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias 2011 98% dos agregados domésticos com acesso à Internet

Leia mais

Data de publicação RELATÓRIO ECSI PORTUGAL 2007 ÍNDICE NACIONAL DE SATISFAÇÃO DO CLIENTE SÍNTESE

Data de publicação RELATÓRIO ECSI PORTUGAL 2007 ÍNDICE NACIONAL DE SATISFAÇÃO DO CLIENTE SÍNTESE Data de publicação 14.7.2008 RELATÓRIO ECSI PORTUGAL 2007 ÍNDICE NACIONAL DE SATISFAÇÃO DO CLIENTE SÍNTESE 1. ENQUADRAMENTO Em mercados progressivamente concorrenciais, a informação sobre as características

Leia mais

Taxa de variação homóloga do índice de preços da habitação foi 8,0%

Taxa de variação homóloga do índice de preços da habitação foi 8,0% 2T2012 3T2012 4T2012 1T2013 2T2013 3T2013 4T2013 1T2014 2T2014 3T2014 4T2014 1T2015 2T2015 3T2015 4T2015 1T2016 2T2016 3T2016 4T2016 1T2017 2T2017 20 de setembro de 2017 Índice de Preços da Habitação 2º

Leia mais

O Mercado das Telecomunicações Progressos e Desafios

O Mercado das Telecomunicações Progressos e Desafios O Mercado das Telecomunicações Progressos e Desafios João Cadete de Matos 25.10.2017 Indice 1. Progressos 1.1 Cobertura de redes 1.2 Penetração de serviços 2. Desafios 2.1 Comércio eletrónico 2.2 Neutralidade

Leia mais

TOTAL DE MERCADO Unidade 1T07

TOTAL DE MERCADO Unidade 1T07 8 S E R V I Ç O T E L E F Ó N I C O M Ó V E L Tráfego de roaming in 1 2007 Var. Trimestral Var. Homóloga 1º Trim. (+/-) % (+/-) % Chamadas em roaming in 20 878-3 976-16,0% 2 413 13,1% Nº de minutos em

Leia mais

PORTABILIDADE DOCUMENTOS EXIGIDOS PELOS DIVERSOS PRESTADORES DE SERVIÇOS TELEFÓNICOS PARA A DENÚNCIA CONTRATUAL

PORTABILIDADE DOCUMENTOS EXIGIDOS PELOS DIVERSOS PRESTADORES DE SERVIÇOS TELEFÓNICOS PARA A DENÚNCIA CONTRATUAL Atualizado em 2012.10.19 PORTABILIDADE DOCUMENTOS EXIGIDOS PELOS DIVERSOS PRESTADORES DE SERVIÇOS TELEFÓNICOS PARA A DENÚNCIA CONTRATUAL Visando permitir a todas as empresas com intervenção em processos

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 3.º Trimestre de 2012

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 3.º Trimestre de 2012 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 3.º TRIMESTRE DE 2012 Serviço de Acesso à Internet 3.º Trimestre de 2012 Índice SUMÁRIO... 5 1. Evolução do número de prestadores habilitados para

Leia mais

Evolução dos preços das telecomunicações 1

Evolução dos preços das telecomunicações 1 Evolução dos preços das telecomunicações 1 Síntese Em setembro de 2015, os preços das telecomunicações 1 não sofreram qualquer alteração face ao mês anterior. Em comparação com o mês homólogo do ano anterior,

Leia mais

Portugal Telecom apresenta o novo MEO

Portugal Telecom apresenta o novo MEO Portugal Telecom apresenta o novo MEO Date : 11 de Janeiro de 2013 A Portugal Telecom apresentou hoje o novo MEO, o qual inclui o reposicionamento da marca e o lançamento do primeiro serviço quadruple

Leia mais

Edifícios licenciados aumentaram 7,4% e edifícios concluídos cresceram 12,2%

Edifícios licenciados aumentaram 7,4% e edifícios concluídos cresceram 12,2% Construção: Obras licenciadas e concluídas 2º Trimestre de 2017 - Dados preliminares 13 de setembro de 2017 Edifícios licenciados aumentaram 7,4% e edifícios concluídos cresceram 12,2% No 2º trimestre

Leia mais

Períodos contratuais mínimos compensações por resolução antecipada APRITEL. Lisboa 10 de dezembro de

Períodos contratuais mínimos compensações por resolução antecipada APRITEL. Lisboa 10 de dezembro de Períodos contratuais mínimos compensações por resolução antecipada APRITEL Lisboa 10 de dezembro de 2015 1 AGENDA 1. O Setor no contexto da economia portuguesa 2. Perfis de consumo e liberdade de escolha

Leia mais

Valor médio de avaliação bancária acentuou tendência crescente

Valor médio de avaliação bancária acentuou tendência crescente Dez-14 Jan-15 Fev-15 Mar-15 Abr-15 Mai-15 Jun-15 Jul-15 Ago-15 Set-15 Out-15 Nov-15 Dez-15 Inquérito à Avaliação Bancária na Dezembro de 2015 25 de janeiro de 2016 Valor médio de avaliação bancária acentuou

Leia mais

AVISO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA PARA PÓS-DOUTORAMENTO

AVISO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA PARA PÓS-DOUTORAMENTO AVISO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA PARA PÓS-DOUTORAMENTO Referência 01_2016_DAC-AE Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa para Pós-Doutoramento no âmbito do projeto de investigação, com

Leia mais

A taxa de desemprego estimada foi 13,5%

A taxa de desemprego estimada foi 13,5% 4 de fevereiro de 2015 Estatísticas do Emprego 4º trimestre de 2014 A taxa de desemprego estimada foi 13,5 A taxa de desemprego estimada para o 4º trimestre de 2014 foi 13,5. Este valor é superior em 0,4

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 27 de outubro de 2009.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 27 de outubro de 2009. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 27 de outubro de 2009. Embratel Participações S.A. ( Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ), 100,0

Leia mais

INQUÉRITO À UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS PELAS PME - 2014. Principais resultados

INQUÉRITO À UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS PELAS PME - 2014. Principais resultados INQUÉRITO À UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS PELAS PME - 2014 Principais resultados Fevereiro/2015 ÍNDICE Introdução... 4 1. Sumário... 4 2. Nível de utilização dos serviços de comunicações

Leia mais

A taxa de desemprego situou-se em 10,5% no 4.º trimestre e em 11,1% no ano de 2016

A taxa de desemprego situou-se em 10,5% no 4.º trimestre e em 11,1% no ano de 2016 8 de fevereiro de 217 Estatísticas do Emprego 4.º trimestre de 216 A taxa de desemprego situou-se em 1,5 no 4.º trimestre e em 11,1 no ano de 216 A taxa de desemprego do 4.º trimestre de 216 foi de 1,5.

Leia mais

Alterações à LCE. Audição Assembleia da República. Comissão Economia, Inovação e Obras Públicas. 2 de Novembro 2016

Alterações à LCE. Audição Assembleia da República. Comissão Economia, Inovação e Obras Públicas. 2 de Novembro 2016 Alterações à LCE Audição Assembleia da República Comissão Economia, Inovação e Obras Públicas 2 de Novembro 2016 Duração de contratos e períodos de fidelização Distribuição da duração dos contratos 13,4%

Leia mais

As ofertas anunciadas estão sujeitas às alterações de mercado e limitadas ao stock existente, pelo que deverá sempre obter mais informação junto dos

As ofertas anunciadas estão sujeitas às alterações de mercado e limitadas ao stock existente, pelo que deverá sempre obter mais informação junto dos As ofertas anunciadas estão sujeitas às alterações de mercado e limitadas ao stock existente, pelo que deverá sempre obter mais informação junto dos serviços comerciais da PT Negócios. Os produtos e serviços

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2014

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2014 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 1.º TRIMESTRE DE 2014 Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2014 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados... 6 2. Taxa de

Leia mais

Inquérito ao Consumo de Serviços Postais 2016 (população residencial)

Inquérito ao Consumo de Serviços Postais 2016 (população residencial) Inquérito ao Consumo de Serviços Postais 2016 (população residencial) Principais resultados Janeiro de 2017 ANACOM Versão 2 / 07-02-2017 ÍNDICE Introdução... 4 I. Sumário... 4 II. A utilização das estações

Leia mais

Em 2015, o Algarve foi a região com maior crescimento, impulsionado pelo setor do turismo

Em 2015, o Algarve foi a região com maior crescimento, impulsionado pelo setor do turismo Contas Regionais 2014 e 2015Pe 16 de dezembro de 2016 Em 2015, o Algarve foi a região com maior crescimento, impulsionado pelo setor do turismo De acordo com os resultados preliminares de 2015, no Algarve

Leia mais

RELATÓRIO DE EVOLUÇÃO

RELATÓRIO DE EVOLUÇÃO 1.º SEMESTRE 215 RELATÓRIO DE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE SEGURADORA ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões Relatório de evolução da atividade seguradora 1.º Semestre 215 I. Produção e custos

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2010

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2010 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 2.º TRIMESTRE DE 2010 Serviço de Acesso à Internet 2.º Trimestre de 2010 Índice de gráficos Gráfico 1 - Evolução do número de clientes de banda larga...

Leia mais

O consumidor de comunicações eletrónicas 2015

O consumidor de comunicações eletrónicas 2015 O consumidor de comunicações eletrónicas 2015 ANACOM, janeiro de 2016 1/158 Índice 1. Introdução... 10 2. Síntese... 13 3. O consumidor residencial de comunicações eletrónicas... 16 3.1 Tipologia dos consumidores

Leia mais

97% Dos indivíduos com idade entre os 10 e os 15 anos utilizam computador, 93% acedem à Internet e 85% utilizam telemóvel

97% Dos indivíduos com idade entre os 10 e os 15 anos utilizam computador, 93% acedem à Internet e 85% utilizam telemóvel Sociedade da Informação e do Conhecimento Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias: Indivíduos dos 1 aos 15 anos 3 de Fevereiro 9 97% Dos indivíduos com idade

Leia mais

Tarifário VPNCC-M- PROT_ON NET

Tarifário VPNCC-M- PROT_ON NET Tarifário individual de minutos/sms/dados com comunicações para todas as redes (Portugal ou Espanha), WiFi PT ilimitado e plafond de desconto para aquisição de equipamentos. (Sujeito a política de utilização

Leia mais

MERCADOS GROSSISTAS DE TERMINAÇÃO DE CHAMADAS DE VOZ EM REDES MÓVEIS INDIVIDUAIS

MERCADOS GROSSISTAS DE TERMINAÇÃO DE CHAMADAS DE VOZ EM REDES MÓVEIS INDIVIDUAIS MERCADOS GROSSISTAS DE TERMINAÇÃO DE CHAMADAS DE VOZ EM REDES MÓVEIS INDIVIDUAIS - Definição dos mercados do produto e mercados geográficos, avaliação de PMS e imposição, manutenção, alteração ou supressão

Leia mais

5. Serviço de televisão por subscrição

5. Serviço de televisão por subscrição COMUNICÇÕES ELECTRÓNICS 234 5. Serviço de televisão por subscrição presenta-se neste capítulo a evolução do serviço de televisão por subscrição ocorrida durante o ano de 2009 e anos anteriores. O serviço

Leia mais

A taxa de desemprego estimada foi 13,1%

A taxa de desemprego estimada foi 13,1% 5 de novembro de 2014 Estatísticas do Emprego 3º trimestre de 2014 A taxa de desemprego estimada foi 13,1 A taxa de desemprego estimada para o 3º trimestre de 2014 foi de 13,1. Este valor é inferior em

Leia mais

Estatísticas do Emprego 4º trimestre de A taxa de desemprego do 4º trimestre de 2008 foi de 7,8% 17 de Fevereiro de 2009

Estatísticas do Emprego 4º trimestre de A taxa de desemprego do 4º trimestre de 2008 foi de 7,8% 17 de Fevereiro de 2009 Estatísticas do Emprego 4º trimestre de 2008 17 de Fevereiro de 2009 A taxa de desemprego do 4º trimestre de 2008 foi de 7,8% A taxa de desemprego estimada para o 4º trimestre de 2008 foi de 7,8%. Este

Leia mais

Estimativa da taxa de desemprego em maio: 13,2%

Estimativa da taxa de desemprego em maio: 13,2% Estimativas Mensais de Emprego e Desemprego o de 29 de junho de Estimativa da taxa de desemprego em maio: 13,2% A estimativa provisória da taxa de desemprego para maio de situa-se em 13,2%, valor superior

Leia mais

Aumento dos preços da carne, seguros e transportes públicos

Aumento dos preços da carne, seguros e transportes públicos Informação à Comunicação Social 14 de Março de 2001 ÍNDICE DE PREÇOS NO CONSUMIDOR Fevereiro de 2001 Comentário Síntese Aumento dos preços da carne, seguros e transportes públicos O Índice de Preços no

Leia mais

Taxa de desemprego de 17,7%

Taxa de desemprego de 17,7% 9 de maio de 2013 Estatísticas do Emprego 1º trimestre de 2013 Taxa de desemprego de 17,7% A taxa de desemprego estimada para o 1º trimestre de 2013 foi de 17,7%. Este valor é superior em 2,8 pontos percentuais

Leia mais

VAB das empresas não financeiras aumenta 3,7%, em termos nominais, em 2014

VAB das empresas não financeiras aumenta 3,7%, em termos nominais, em 2014 Empresas em Portugal 2010-28 de setembro de 2015 VAB das empresas não financeiras aumenta 3,7%, em termos nominais, em Os dados preliminares de das estatísticas das empresas reforçam os sinais positivos

Leia mais

Taxa de variação homóloga do índice de preços da habitação foi 0,8%

Taxa de variação homóloga do índice de preços da habitação foi 0,8% 25 de junho de 2015 Índice de Preços da Habitação 1º trimestre de 2015 Taxa de variação homóloga do índice de preços da habitação foi 0,8% No primeiro trimestre de 2015, o Índice de Preços da Habitação

Leia mais

Nota de Abertura Estrutura do Relatório

Nota de Abertura Estrutura do Relatório 000 Nota de Abertura Estrutura do Relatório Nota de Abertura Nota de Abertura A actividade de regulação do ICP Autoridade Nacional de Comunicações (ICP-ANACOM), no que se refere às comunicações electrónicas,

Leia mais

Taxa de desemprego de 15,0%

Taxa de desemprego de 15,0% 14 de agosto de 2012 Estatísticas do Emprego (versão corrigida em 17-08-2012, às 11.10H) 2º trimestre de 2012 Retificação, no Quadro 3, da informação relativa a inativos à procura de emprego mas não disponíveis

Leia mais

Planos de Preços. Planos de Preços para Chamadas na Rede Fixa. Plano Fixo 24. Mensalidade. Chamadas com destino a qualquer rede móvel nacional

Planos de Preços. Planos de Preços para Chamadas na Rede Fixa. Plano Fixo 24. Mensalidade. Chamadas com destino a qualquer rede móvel nacional Planos de Preços Preços incluem IVA a 23% Planos de Preços para Chamadas na Rede Fixa Plano Fixo 24 Chamadas grátis para a Rede Fixa, se ainda não tem um pacote com chamadas ilimitadas Mensalidade 4 Chamadas

Leia mais

Períodos contratuais mínimos compensações por resolução antecipada APRITEL. Lisboa 23 de Setembro de

Períodos contratuais mínimos compensações por resolução antecipada APRITEL. Lisboa 23 de Setembro de Períodos contratuais mínimos compensações por resolução antecipada APRITEL Lisboa 23 de Setembro de 2014 1 PRINCIPAIS CONCLUSÕES Estatísticas sobre reclamações na Anacom demonstram a real diminuta dimensão

Leia mais

A taxa de desemprego estimada foi de 15,6%

A taxa de desemprego estimada foi de 15,6% 7 de novembro de 2013 Estatísticas do Emprego 3º trimestre de 2013 A taxa de desemprego estimada foi de 15,6% A taxa de desemprego estimada para o 3º trimestre de 2013 foi de 15,6%. Este valor é inferior

Leia mais

A taxa de desemprego do 3º trimestre de 2008 foi de 7,7%

A taxa de desemprego do 3º trimestre de 2008 foi de 7,7% Estatísticas do Emprego 3º trimestre de 2008 18 de Novembro de 2008 A taxa de desemprego do 3º trimestre de 2008 foi de 7,7 A taxa de desemprego estimada para o 3º trimestre de 2008 foi de 7,7. Este valor

Leia mais

Disponibilidade geográfica da banda larga em Portugal

Disponibilidade geográfica da banda larga em Portugal Data de publicação 22.9.2008 Disponibilidade geográfica da banda larga em Portugal A disponibilidade das ofertas de banda larga depende da existência de centrais da rede telefónica pública comutada nas

Leia mais

Taxa de desemprego estimada em 12,4%

Taxa de desemprego estimada em 12,4% 11 de maio de 216 Estatísticas do Emprego 1.º trimestre de 216 Taxa de desemprego estimada em 12,4 A taxa de desemprego no 1.º trimestre de 216 foi 12,4. Este valor é superior em,2 pontos percentuais (p.p.)

Leia mais

Comércio Extracomunitário - Exportações aumentam 15,0% e Importações 23,6%

Comércio Extracomunitário - Exportações aumentam 15,0% e Importações 23,6% 08 de Agosto de 2008 Estatísticas do Comércio Extracomunitário Junho de 2008 Comércio Extracomunitário - Exportações aumentam 15,0% e Importações 23,6% No segundo trimestre de 2008, as exportações registaram

Leia mais

Metodologia SIP 2013

Metodologia SIP 2013 Metodologia SIP 2013 I. Comunicações Eletrónicas A informação relativa a Serviço Telefónico Fixo, Serviço Telefónico Móvel, Redes de Distribuição por Cabo e Serviço de Acesso à Internet tem como universo

Leia mais

A taxa de desemprego estimada foi de 16,4%

A taxa de desemprego estimada foi de 16,4% 7 de agosto de 2013 Estatísticas do Emprego 2º trimestre de 2013 A taxa de desemprego estimada foi de 16,4% A taxa de desemprego estimada para o 2º trimestre de 2013 foi de 16,4%. Este valor é superior

Leia mais

Reclamações sobre serviços de comunicações

Reclamações sobre serviços de comunicações Reclamações sobre serviços de comunicações Comunicações eletrónicas Serviços postais Análise do ano 2015 Data de publicação: 5 de maio de 2016 Índice 1. Sumário... 3 2. Evolução das reclamações... 4 3.

Leia mais

A taxa de desemprego estimada para o 1º trimestre de 2014 foi 15,1%

A taxa de desemprego estimada para o 1º trimestre de 2014 foi 15,1% 09 de maio de 2014 Estatísticas do Emprego 1º trimestre de 2014 A taxa de desemprego estimada para o 1º trimestre de 2014 foi 15,1 A taxa de desemprego estimada para o 1º trimestre de 2014 foi 15,1. Este

Leia mais

A taxa de desemprego de fevereiro de 2017 foi de 9,9%

A taxa de desemprego de fevereiro de 2017 foi de 9,9% Estimativas Mensais de Emprego e Desemprego ço de 28 de abril de A taxa de desemprego de fevereiro de foi de 9,9% A taxa de desemprego de fevereiro de situou-se em 9,9%, menos 0,2 pontos percentuais (p.p.)

Leia mais

Serviço Telefónico em Local Fixo (STF)

Serviço Telefónico em Local Fixo (STF) Comunicações electrónicas 1 Serviço Telefónico em Local Fixo (STF) Apresenta-se, neste capítulo, a situação do STF no final de 27, descrevendo-se, nomeadamente, a oferta deste serviço, o perfil da utilização

Leia mais

Nota de Informação Estatística Lisboa, 21 de outubro de 2013

Nota de Informação Estatística Lisboa, 21 de outubro de 2013 Nota de Informação Estatística Lisboa, 1 de outubro de 13 Novas estatísticas das não financeiras da Central de Balanços O Banco de Portugal passa a divulgar no Boletim Estatístico (secção A.19 e Capítulo

Leia mais

ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11

ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11 ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11 AGOSTO 2011 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 2 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 3 Ofertas por Segmento DESTAQUES

Leia mais

Título do trabalho: Serviços de Telecomunicações para Utilizadores Residenciais

Título do trabalho: Serviços de Telecomunicações para Utilizadores Residenciais Título do trabalho: Serviços de Telecomunicações para Utilizadores Residenciais Projeto FEUP 2015/2016 --MIECC : J. N. Fidalgo Paulo Portugal Supervisor: Mário Jorge Leitão Equipa MIEEC05 05: Monitora:

Leia mais

Valor médio de avaliação bancária acentua diminuição

Valor médio de avaliação bancária acentua diminuição 25 de novembro de 2014 Inquérito à Avaliação Bancária na Habitação Outubro de 2014 Valor médio de avaliação bancária acentua diminuição O valor médio de avaliação bancária 1 do total do País diminuiu 1,5%

Leia mais

Serviço postal universal. Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas

Serviço postal universal. Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas Serviço postal universal Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas 20 de janeiro de 2017 Sector Postal em Portugal Abril 2012: liberalização plena do sector Parte do tráfego que antes era reservado

Leia mais

Tarifário VPNCC-M- PROT_ON NET

Tarifário VPNCC-M- PROT_ON NET A sua empresa a comunicar sem limites. Chamadas de voz e SMS ilimitadas para todas as redes, desconto na aquisição de smartphones e acesso à internet no telemóvel. (Ver política de utilização responsável)

Leia mais

TARIFÁRIOS A PARTIR DE 1 DE JANEIRO DE 2014

TARIFÁRIOS A PARTIR DE 1 DE JANEIRO DE 2014 Tarifários MEO a partir de 1 de janeiro de 2014: CONTINENTE (IVA 23%) MEO FIBRA Internet Telemóvel MEO Jogos M 3 O --- M 4 O 100 Mb 10 Mb M 3 O Plus --- M 4 O Plus 120 100 Mb 10 Mb e SMS ilimitados + 200MB

Leia mais