Wireless. Crescimento da Rede Wireless. Sistemas de Informação Rui Silva. Rui Silva. Jan 08

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Wireless. Crescimento da Rede Wireless. Sistemas de Informação Rui Silva. Rui Silva. Jan 08"

Transcrição

1 Wireless Sistemas de Informação Crescimento da Rede Wireless 1

2 Caso de Estudo: Intel, etc. Tempo dispendido por ligação em média m 5 minutos para cada nova ligação; Independência do local de trabalho dentro e for a das instalações, ou ainda noutro país; Alocação de tempo mais flexível; Novos produtos e serviços; Telemática combinando a comunicação sem fios com capacidades de localização por GPS, e.g Subaru,Volkswagen, Audi, and Isuzu. Transportadoras Aéreas; A hotéis; restaurantes;. Bandas de Frequências 2

3 Comunicação sem Fios Dispositivos Pagers; handhelds; personal digital assistants (PDAs); telefones moveis; computadores pessoais; Etc. Standards GSM (Global System for Mobile Communication) ) 900 MHz e 1.9 GHz Europa e resto do mundo; Vários standards no EUA Lei de livre competição preços altos Gerações de telemóveis 1ª Geração (1G) 1980 com base em tecnologia analógica; suporte de voz 2ª Geração (2G) - **** - evolução de 1G com suporte de comunicação digital limitada; introdução do SMS; transmissão de dados de 9.6 a 14.4 Kbps 3ª Geração (3G) suporte comunicação digital de alta velocidade até 2 Mbps; ; devido aos custos elevados de implementação existe uma solução intermédia a 2.5G com velocidades de comunicação na ordem dos 144 Kbps. Standards para Acesso à Web Wireless Application Protocol (WAP) protocolos e tecnologias que permitem que pequenos dispositivos acedam à Internet; pequena largura de banda; memória reduzida; utiliza Wireless Markup Language (WML) que é baseada na Extensible Markup Language (XML). Utiliza uma WAP gateway converter HTML em WML. I-mode serviço wireless utilizado no Japão Semelhante ao WAP; Já utiliza côr e transmissão de vídeo 3

4 Standard IEEE para comunicações moveis conjunto de protocolos onde se encontram também m os protocolos: a 54 Mbps a uma frequência de 5 GHz com alcance de 10 a 30 metros; b 11 Mbps a uma frequência de 2.5 GHz com alcance de 30 a 50 metros; g 54 Mbps a uma frequência de 2.4 GHz. Modos de operação Infra-estrutura dispositivos sem fios comunicação com pontos de acesso; Ad-hoc (peer-to-peer) dispositivos comunicação directamente entre si. Wi-Fi 4

5 Vantagens e Desafios da WI-FI Vantagens Criação de redes LAN a custo reduzido; Custos de manutenção reduzidos; Desafios Criação de roaming automático tico entre redes; Segurança a reduzida da rede; Problemas de interferência. WiMax e EV-DO O alcance da DSL é de 5 Km e requer infraestruturas; O alcance da Wi-Fi não supera os 50 m; WinMax Novo standard desenvolvido pela IEEE; WorldWide Interoperability for Microwave Access ; Alcance de 50 km; 75 Mbps; Suporta vídeo v e voz; Para acesso em áreas rurais. Frequência de transporte entre 2 e 11 GHz. A Intel irá incluir funções associadas no seu Centrino; A Nokia irá disponibilizar em breve esta tecnologia nos seus dispositivos. EV-DO Evolution Data Optimized; Primariamente desenvolvido para aceder à Internet na rede 3G - USA; Conectividade A Nokia,, LG Electronics,, e Samsung estaão a adicionar Wi-Fi aos telefones moveis; O Motorola s s CN620 clamshell combina Wi-Fi e GSM; O Hewlett-Packard Packard s ipaq H6315 Pocket PC handheld suporta Wi-Fi Fi, Bluetooth,, e GSM/GPRS. 5

6 M-COMMERCE e MOBILE COMPUTING 6

7 Acesso à Informação - Wireless O portal wireless da Microsoft providencia acesso a noticias, transito, directoria a de restaurantes, páginas amarelas, etc. conteúdos preparados para dispositivos moveis; O portal da AOL providencia serviços semelhantes e operados por comandos de voz; Customer Relationship Management - Providenciar informação actualizada para vendas; RFID Supply Chain Management e Radio Frequency Identification (RFID) Capacidade adicional ao nível n da mobilidade; mysap já oferece múltiplas m capacidades moveis através s de PDAs; mysap também m jáj utiliza RFID para localização e identificação; RFID Sinais rádio r que emitem informação contida em microship; Programados individualmente; Alcance até 300 m. 7

8 Sensores Wireless Debate! Será a tecnologia sem fios uma ameaça à privacidade? 8

Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador

Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registada da Microsoft Corporation nos E.U.A. Bluetooth

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS Trabalho Individual Área / UFCD

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS Trabalho Individual Área / UFCD 1 de 9 Desde o nascimento do telemóvel e o seu primeiro modelo vários se seguiram e as transformações tecnológicas que estes sofreram ditaram o nascimento de várias gerações. O Motorola DynaTac 8000X é

Leia mais

Sem fios (somente em alguns modelos)

Sem fios (somente em alguns modelos) Sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador Copyright 2006 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft e Windows são marcas registadas da Microsoft Corporation nos EUA. Bluetooth

Leia mais

Computação Móvel: Redes sem Fio (WAN / LAN)

Computação Móvel: Redes sem Fio (WAN / LAN) Computação Móvel: Redes sem Fio (WAN / LAN) Mauro Nacif Rocha DPI/UFV 1 Os Primórdios Final da década de 80 e década de 90 2 1 Wide Area Mobile Data Services ARDIS EMBARC MobileComm Nextel RadioMail RAM

Leia mais

Conexão Sem Fio Guia do Usuário

Conexão Sem Fio Guia do Usuário Conexão Sem Fio Guia do Usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registrada da Microsoft Corporation nos Estados Unidos. Bluetooth é marca comercial dos respectivos

Leia mais

Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos)

Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos) Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos) Guia do Usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft é uma marca registrada da Microsoft Corporation nos Estados Unidos.

Leia mais

Comunicação sem fio (somente para determinados modelos)

Comunicação sem fio (somente para determinados modelos) Comunicação sem fio (somente para determinados modelos) Guia do Usuário Copyright 2006 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft e Windows são marcas registradas da Microsoft Corporation nos

Leia mais

NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO

NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO Profª. Kelly Hannel Novas tecnologias de informação 2 HDTV WiMAX Wi-Fi GPS 3G VoIP Bluetooth 1 HDTV 3 High-definition television (também conhecido por sua abreviação HDTV):

Leia mais

IEEE 802.16 - WiMAX. Ewaldo Luiz de Mattos Mehl Universidade Federal do Paraná Departamento de Engenharia Elétrica mehl@eletrica.ufpr.

IEEE 802.16 - WiMAX. Ewaldo Luiz de Mattos Mehl Universidade Federal do Paraná Departamento de Engenharia Elétrica mehl@eletrica.ufpr. IEEE 802.16 - WiMAX Ewaldo Luiz de Mattos Mehl Universidade Federal do Paraná Departamento de Engenharia Elétrica mehl@eletrica.ufpr.br WiMax - Worldwide Interoperability for Microwave Access WiMAX Forum:

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito - WPAN: Bluetooth www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Bluetooth (IEEE 802.15.1) O Bluetooth é o nome comercial que faz referência ao Padrão IEEE 802.15.1

Leia mais

Computação Portátil. Profa. Késsia Marchi

Computação Portátil. Profa. Késsia Marchi Computação Portátil Profa. Késsia Marchi Evolução Tecnologia de Informação + Tecnologia de Comunicação; a partir de conexão com internet ou via celular. Pagamentos de contas, Compras, Reservas, etc. Pesquisas,

Leia mais

Java. para Dispositivos Móveis. Thienne M. Johnson. Novatec. Desenvolvendo Aplicações com J2ME

Java. para Dispositivos Móveis. Thienne M. Johnson. Novatec. Desenvolvendo Aplicações com J2ME Java para Dispositivos Móveis Desenvolvendo Aplicações com J2ME Thienne M. Johnson Novatec Capítulo 1 Introdução à computação móvel 1.1 Computação móvel definições Computação móvel está na moda. Operadoras

Leia mais

Redes Sem Fio e Móveis

Redes Sem Fio e Móveis Telecomunicação Redes Sem Fio e Móveis Geraldo Robson. Mateus Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal de Minas Gerais Belo Horizonte - MG Tecnologia de comunicação à distância que possibilita

Leia mais

Informática. Aula 9. A Internet e seu Uso nas Organizações

Informática. Aula 9. A Internet e seu Uso nas Organizações Informática Aula 9 A Internet e seu Uso nas Organizações Curso de Comunicação Empresarial 2º Ano O Que é a Internet? A Internet permite a comunicação entre milhões de computadores ligados através do mundo

Leia mais

TELEFONIA CELULAR. Roteiro: História Como funciona WAP

TELEFONIA CELULAR. Roteiro: História Como funciona WAP TELEFONIA CELULAR Roteiro: História Como funciona WAP Milhões de pessoas em todo o planeta utilizam a telefonia celular, tecnologia que, atualmente, se tornou popular e barata. Muitas são as coisas que

Leia mais

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani Redes de Dados e Comunicações Prof.: Fernando Ascani Redes Wireless / Wi-Fi / IEEE 802.11 Em uma rede wireless, os adaptadores de rede em cada computador convertem os dados digitais para sinais de rádio,

Leia mais

8/3/2009. TE155-Redes de Acesso sem Fios. TE155-Redes de Acesso sem Fios

8/3/2009. TE155-Redes de Acesso sem Fios. TE155-Redes de Acesso sem Fios Panorama atual das Redes de Acesso sem Fios para Computadores Ewaldo Luiz de Mattos Mehl Universidade Federal do Paraná Departamento de Engenharia Elétrica mehl@eletrica.ufpr.br Computação do Passado Computadores

Leia mais

19/07/2013. Camadas. Camadas de Enlace e Física. Camadas de Enlace e Física. Topologias de Rede NOÇÕES DE REDE: CAMADAS DE ENLACE E FÍSICA

19/07/2013. Camadas. Camadas de Enlace e Física. Camadas de Enlace e Física. Topologias de Rede NOÇÕES DE REDE: CAMADAS DE ENLACE E FÍSICA 2 Camadas NOÇÕES DE REDE: CAMADAS DE ENLACE E FÍSICA Introdução à Microinformática Prof. João Paulo Lima Universidade Federal Rural de Pernambuco Departamento de Estatística e Informática Aplicação Transporte

Leia mais

Redes sem Fio 2016.1. WMANs (IEEE 802.16) Wi-MAX. Ricardo Kléber. Ricardo Kléber

Redes sem Fio 2016.1. WMANs (IEEE 802.16) Wi-MAX. Ricardo Kléber. Ricardo Kléber Redes sem Fio 2016.1 WMANs (IEEE 802.16) Wi-MAX Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet Turma: TEC.SIS.5M Redes sem Fio Onde Estamos? Sistemas de comunicação wireless Redes locais wireless

Leia mais

Redes WI-FI COMO EVOLUIU A NORMA IEEE 802.11?

Redes WI-FI COMO EVOLUIU A NORMA IEEE 802.11? Redes WI-FI COMO EVOLUIU A NORMA IEEE 802.11? Wi-Fi: evolução e funcionamento Surgiu em 1995,pela empresa Ericsson, o Bluetooth, que permitiu transmitir dados entre vários dispositivos, mas sem fios. Este

Leia mais

A mobilidade da HP em suas mãos

A mobilidade da HP em suas mãos Pocket PCs HP ipaq e Smartphones A mobilidade da HP em suas mãos A mobilidade em suas mãos Hoje em dia, os negócios exigem que você fique o tempo todo conectado. Mas não basta ficar conectado, é preciso

Leia mais

Comunicação sem fios (somente em alguns modelos)

Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca comercial registada da Microsoft Corporation nos EUA.

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 1 OBJETIVOS 1. O que é a nova infra-estrutura informação (TI) para empresas? Por que a conectividade é tão importante nessa infra-estrutura

Leia mais

Fundamentos da Computação Móvel

Fundamentos da Computação Móvel Fundamentos da Computação Móvel (Sistemas Computacionais Móveis) Programação de Dispositivos Móveis Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto

Leia mais

Roteiro I Redes WiMAX. WiMAX, de onde deriva a tecnologia e perspectivas de evolução. Taxas de transferência, características quanto a mobilidade.

Roteiro I Redes WiMAX. WiMAX, de onde deriva a tecnologia e perspectivas de evolução. Taxas de transferência, características quanto a mobilidade. Curso: Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores Disciplina: Redes I Professor: Marco Câmara Aluno: Guilherme Machado Ribeiro Turma: 12 matutino Roteiro I Redes WiMAX 1-Histórico WiMAX, de

Leia mais

3 INTEFACES E PROTOCOLOS PARA REDES DE SENSORES INTELIGENTES SEM FIOS

3 INTEFACES E PROTOCOLOS PARA REDES DE SENSORES INTELIGENTES SEM FIOS Capítulo 3 Interfaces e Protocolos para Redes de Sensores Inteligentes sem Fios 36 3 INTEFACES E PROTOCOLOS PARA REDES DE SENSORES INTELIGENTES SEM FIOS A tecnologia sem fios vem sendo comumente utilizada

Leia mais

Acesso a internet em trens de alta velocidade e aviões

Acesso a internet em trens de alta velocidade e aviões Acesso a internet em trens de alta velocidade e aviões MAC 5743 Computação móvel Eduardo Teruo Katayama Sumário Introdução Acesso a Internet em aviões Dificuldades Tipos de conexões disponíveis Acesso

Leia mais

Visão geral das redes sem fio

Visão geral das redes sem fio Visão geral das redes sem fio 1 - Introdução O termo redes de dados sem fio pode ser utilizado para referenciar desde dispositivos de curto alcance como o Bluetooth à sistemas de altas taxas de transmissão

Leia mais

WiMAX. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com

WiMAX. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com WiMAX é uma tecnologia padronizada de rede sem fio que permite substituir as tecnologias de acesso de banda larga por cabo e ADSL. O WiMAX permite a

Leia mais

Introdução à Computação Móvel. Carlos Maurício Seródio Figueiredo

Introdução à Computação Móvel. Carlos Maurício Seródio Figueiredo Introdução à Computação Móvel Carlos Maurício Seródio Figueiredo Sumário Visão da Computação Móvel Oportunidades de Pesquisa Alguns Interesses de Pesquisas Futuras Visão da Computação Móvel O que é Computação

Leia mais

Wireless LAN (IEEE 802.11x)

Wireless LAN (IEEE 802.11x) Wireless LAN (IEEE 802.11x) WLAN: Wireless LAN Padrão proposto pela IEEE: IEEE 802.11x Define duas formas de organizar redes WLAN: Ad-hoc: Sem estrutura pré-definida. Cada computador é capaz de se comunicar

Leia mais

SSC0748 - Redes Móveis

SSC0748 - Redes Móveis - Redes Móveis Introdução Redes sem fio e redes móveis Prof. Jó Ueyama Agosto/2012 1 Capítulo 6 - Resumo 6.1 Introdução Redes Sem fo 6.2 Enlaces sem fo, características 6.3 IEEE 802.11 LANs sem fo ( wi-f

Leia mais

Sistemas Multimédia. Instituto Superior Miguel Torga. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações

Sistemas Multimédia. Instituto Superior Miguel Torga. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações Sistemas Multimédia Instituto Superior Miguel Torga Redes e Comunicações Francisco Maia famaia@gmail.com Estrutura das Aulas 5 Aulas Aula 10 (20 de Abril) Classificação Componentes Aula 11 (27 de Abril)

Leia mais

Capítulo 2 Sistemas Rádio Móveis

Capítulo 2 Sistemas Rádio Móveis Capítulo 2 Sistemas Rádio Móveis 2.1. Histórico e Evolução dos Sistemas Sem Fio A comunicação rádio móvel teve início no final do século XIX [2], quando o cientista alemão H. G. Hertz demonstrou que as

Leia mais

Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios

Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Capítulo 6 Pág. 167 Telecomunicações, Internet e Tecnologia Sem

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS. Mede a capacidade de comunicação de computadores e dispositivos. Operam em diferentes plataformas de hardware

LISTA DE EXERCÍCIOS. Mede a capacidade de comunicação de computadores e dispositivos. Operam em diferentes plataformas de hardware 1. A nova infra-estrutura de tecnologia de informação Conectividade Mede a capacidade de comunicação de computadores e dispositivos Sistemas abertos Sistemas de software Operam em diferentes plataformas

Leia mais

Rede Wireless Para LAN e WAN

Rede Wireless Para LAN e WAN Rede Wireless Para LAN e WAN Marcos Macoto Iwashita CERNET Tecnologia e Sistemas macoto@cernet.com.br www.cernet.com.br INTRODUÇÃO Toda a tecnologia wireless não é nova, porém, em nossos dias apresenta

Leia mais

Fundação Oswaldo Aranha Centro Universitário de Volta Redonda RJ

Fundação Oswaldo Aranha Centro Universitário de Volta Redonda RJ Fundação Oswaldo Aranha Centro Universitário de Volta Redonda RJ Curso Seqüencial de Redes de Computadores Disciplina: Metodologia da Pesquisa Científica Outros trabalhos em: www.projetoderedes.com.br

Leia mais

Orientações para implantação e uso de redes sem fio

Orientações para implantação e uso de redes sem fio Orientações para implantação e uso de redes sem fio Define requisitos e orientações técnicas para implantação e uso de redes sem fio na Universidade Estadual de Campinas. I. Introdução Este documento apresenta

Leia mais

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 9.1

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 9.1 Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 9.1 9 OBJETIVOS OBJETIVOS A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO O que é a nova infra-estrutura de tecnologia de informação

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO Capítulo 9 A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 9.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS O que é a nova infra-estrutura de tecnologia de informação (IT) para empresas? Por que a conectividade

Leia mais

Compartilhamento de Internet/ Wireless. Wilson Rubens Galindo

Compartilhamento de Internet/ Wireless. Wilson Rubens Galindo Compartilhamento de Internet/ Wireless Wilson Rubens Galindo Compartilhamento de Internet Ganhe dinheiro fácil com compartilhamento de Internet: Habilite um plano de Internet Banda Larga Compre um hub-switch

Leia mais

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Magistério Superior Especialista em Docência para Educação

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS Trabalho Individual Área / UFCD

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS Trabalho Individual Área / UFCD 1 de 7 Na minha opinião o telemovél na sociedade tem uma boa vantagem porque com tem uma grande mobilidade (pode-se levar para todo o lado), através dele podemos entrar em contacto com amigos ou familiares

Leia mais

Tecnologia de redes celular GSM X CDMA

Tecnologia de redes celular GSM X CDMA Tecnologia de redes celular GSM X CDMA GSM (Global Standard Mobile) GSM (Global Standard Mobile) Também baseado na divisão de tempo do TDMA, o GSM foi adotado como único sistema europeu em 1992, e se espalhou

Leia mais

Atualmente dedica-se à Teleco e à prestação de serviços de consultoria em telecomunicações.

Atualmente dedica-se à Teleco e à prestação de serviços de consultoria em telecomunicações. Roteiro de Estudos Redes PAN II O Portal Teleco apresenta periodicamente Roteiros de Estudo sobre os principais temas das Telecomunicações. Os roteiros apresentam uma sugestão de tutoriais publicados para

Leia mais

REDE DE COMPUTADORES

REDE DE COMPUTADORES SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL REDE DE COMPUTADORES Tecnologias de Rede Arquitetura Padrão 802.11 Prof. Airton Ribeiro de Sousa E-mail: airton.ribeiros@gmail.com 1 Arquitetura Wireless Wi-Fi

Leia mais

WiMAX no Brasil. Rodrigo Constantin Ctenas Zaccara Computação Móvel IME USP

WiMAX no Brasil. Rodrigo Constantin Ctenas Zaccara Computação Móvel IME USP WiMAX no Brasil Rodrigo Constantin Ctenas Zaccara Computação Móvel IME USP 2008 INTRODUÇÃO WiMAX é acrônimo para Worldwide Interoperability for Microwave Access, sendo este uma definição de protocolo para

Leia mais

Formadora: Daniela Azevedo Módulo 11 IGRI13 Rui Bárcia - 15

Formadora: Daniela Azevedo Módulo 11 IGRI13 Rui Bárcia - 15 Formadora: Daniela Azevedo Módulo 11 IGRI13 Rui Bárcia - 15 Introdução, com algumas características Uma rede sem fios ou uma rede Wireless é uma infraestrutura das comunicações sem fio que permite a transmissão

Leia mais

1. Introdução 1.1 Os sistemas de 4 a geração Quando falamos em redes de quarta geração (4G), dois nomes vem imediatamente à nossa cabeça: LTE (Long

1. Introdução 1.1 Os sistemas de 4 a geração Quando falamos em redes de quarta geração (4G), dois nomes vem imediatamente à nossa cabeça: LTE (Long 16 1. Introdução 1.1 Os sistemas de 4 a geração Quando falamos em redes de quarta geração (4G), dois nomes vem imediatamente à nossa cabeça: LTE (Long Term Evolution) e WiMAX [11]. A tecnologia LTE é um

Leia mais

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Composição Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Aterramento Fio de boa qualidade A fiação deve ser com aterramento neutro (fio Terra) trabalhando em tomadas tripolares Fio negativo,

Leia mais

Brampton Telecom, PhD em Engenharia de Telecomunicações (Unicamp).

Brampton Telecom, PhD em Engenharia de Telecomunicações (Unicamp). Wireless LAN (WLAN) Este tutorial apresenta alguns aspectos da arquitetura e protocolos de comunicação das Redes Locais sem fio, ou Wireless Local Area Networks (WLAN's), que são baseados no padrão IEEE

Leia mais

Tecnologias Wireless WWAN Wireless Wide Area Network WLAN Wireless Local Area Network WPAN Wireless Personal Area Network

Tecnologias Wireless WWAN Wireless Wide Area Network WLAN Wireless Local Area Network WPAN Wireless Personal Area Network Fundamentos de Tecnologias Wireless Parte 1 Assunto Tecnologias Wireless Introdução à Wireless LAN Algumas questões e desafios Tecnologias Wireless WWAN Wireless Wide Area Network WLAN Wireless Local Area

Leia mais

Padrões de Rede 15/02/2014. Padrões de rede. Padrão Ethernet IEEE 802.3 802.3

Padrões de Rede 15/02/2014. Padrões de rede. Padrão Ethernet IEEE 802.3 802.3 Padrões de Rede Fundamentos de Redes de Computadores Prof. Marcel Santos Silva Padrões de rede Existem diversos padrões Ethernet, que são utilizados pela maioria das tecnologias de rede local em uso. Definem

Leia mais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Topologias de Redes; Meios de Transmissão; Arquitetura de Redes; Conteúdo deste

Leia mais

Módulo 16 Redes sem Fio (Wireless)

Módulo 16 Redes sem Fio (Wireless) Módulo 16 Redes sem Fio (Wireless) A comunicação sem o uso de cabo já existe a milhares de anos, como exemplo mais antigo temos a fala e a comunicação através de gestos. No mundo computacional o conceito

Leia mais

DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALGARVE Escola Básica Doutor João Lúcio

DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALGARVE Escola Básica Doutor João Lúcio DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALGARVE Escola Básica Doutor João Lúcio Introdução à Internet Nos dias de hoje a Internet encontra-se massificada, e disponível nos quatro cantos do mundo devido às suas

Leia mais

Capítulo 6 Redes sem fio e redes móveis

Capítulo 6 Redes sem fio e redes móveis Capítulo 6 Redes sem fio e redes móveis Todo o material copyright 1996-2009 J. F Kurose e K. W. Ross, Todos os direitos reservados slide 1 2010 2010 Pearson Prentice Hall. Hall. Todos Todos os os direitos

Leia mais

INF-111 Redes Sem Fio Aula 06 Tecnologias para WMAN Prof. João Henrique Kleinschmidt

INF-111 Redes Sem Fio Aula 06 Tecnologias para WMAN Prof. João Henrique Kleinschmidt INF-111 Redes Sem Fio Aula 06 Tecnologias para WMAN Prof. João Henrique Kleinschmidt Santo André, outubro de 2014 Roteiro Sistemas de Telefonia Celular Evolução dos Sistemas Celulares WMAN WiMAX Arquitetura

Leia mais

INTRODUÇÃO A REDES SEM FIO

INTRODUÇÃO A REDES SEM FIO INTRODUÇÃO A REDES SEM FIO Alternativas aos tradicionais meios para transmissão de dados Maior flexibilidade de recursos Mobilidade dos computadores na empresa Saída para os problemas de comunicação ocasionados

Leia mais

Guia das Cidades Digitais

Guia das Cidades Digitais Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais Módulo 4: Tecnologia Wi-Fi INATEL Competence Center treinamento@inatel.br Tel: (35) 3471-9330 Este módulo trata da tecnologia de acesso sem fio mais amplamente

Leia mais

Campus Virtuais. Arquitectura de Roaming Nacional. Nuno Gonçalves, Pedro Simões FCCN

Campus Virtuais. Arquitectura de Roaming Nacional. Nuno Gonçalves, Pedro Simões FCCN Campus Virtuais Arquitectura de Roaming Nacional Nuno Gonçalves, Pedro Simões FCCN Versão 2.0 03 de Julho de 2009 Requisitos de uma solução nacional de roaming A implementação de uma solução de nacional

Leia mais

TEORIA GERAL DE SISTEMAS

TEORIA GERAL DE SISTEMAS TEORIA GERAL DE SISTEMAS A Internet global A World Wide Web Máquinas de busca Surgiram no início da década de 1990 como programas de software relativamente simples que usavam índices de palavras-chave.

Leia mais

Desenvolva Sistemas de Medições Distribuídos e Portáteis

Desenvolva Sistemas de Medições Distribuídos e Portáteis Desenvolva Sistemas de Medições Distribuídos e Portáteis Henrique Tinelli Engenheiro de Marketing Técnico NI Nesta apresentação, iremos explorar: Plataforma NI CompactDAQ Distribuída Sistemas de Medição

Leia mais

1 Introdução O avanço da tecnologia viabilizou a implementação de comunicação em faixa larga ( broadband ) que possibilita o tráfego de grandes volumes de informação em altas taxas. Novas tecnologias vêm

Leia mais

WPAN ZigBee & Bluetooth SDIC Cap6. Redes Sem Fios

WPAN ZigBee & Bluetooth SDIC Cap6. Redes Sem Fios Redes Sem Fios As recomendações do IEEE (Institute of Electrical and Eletronics Engineers), particularmente as recomendações da série IEEE 802.11, são os exemplos mais conhecidos para os padrões de redes

Leia mais

GT GPRS RASTREADOR VIA GPS COM BLOQUEADOR

GT GPRS RASTREADOR VIA GPS COM BLOQUEADOR GT GPRS RASTREADOR VIA GPS COM BLOQUEADOR O GT GPRS é um equipamento wireless que executa a função de recepção e transmissão de dados e voz. Está conectado à rede de telefonia celular GSM/GPRS, para bloqueio

Leia mais

André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes

André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes Noções de Redes: Estrutura básica; Tipos de transmissão; Meios de transmissão; Topologia de redes;

Leia mais

Wireless Red e e d s e s s e s m e m fi f o

Wireless Red e e d s e s s e s m e m fi f o Wireless Redes sem fio A tecnologia Wireless (sem fio) permite a conexão entre diferentes pontos sem a necessidade do uso de cabos (nem de telefonia, nem de TV a cabo, nem de fibra óptica), através da

Leia mais

ROUTER BANDA LARGA SEM FIOS 11N 300MBPS

ROUTER BANDA LARGA SEM FIOS 11N 300MBPS ROUTER BANDA LARGA SEM FIOS 11N 300MBPS Manual de Instalação Rápida DN-70591 INTRODUÇÃO DN-70591 é um dispositivo conjunto de rede com fios/sem fios destinado especificamente para as necessidades de pequenas

Leia mais

Serviços de telecomunicações de uso pessoal e exposição a radiações de serviços móveis GSM

Serviços de telecomunicações de uso pessoal e exposição a radiações de serviços móveis GSM Serviços de telecomunicações de uso pessoal e exposição a radiações de serviços móveis GSM Trabalho realizado pelo grupo: 1MIEEC06_03 Índice Introdução...1 A importância dos serviços de telecomunicações

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

BREVE MANUAL WIRELESS

BREVE MANUAL WIRELESS BREVE MANUAL WIRELESS Introdução O Projecto Municipal Seixal Digital pretende dotar o município do Seixal de equipamentos e infraestruturas que permitam o acesso às tecnologias de informação e comunicação.

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

WWAN DE BANDA LARGA: VANTAGENS PARA O PROFISSIONAL MÓVEL

WWAN DE BANDA LARGA: VANTAGENS PARA O PROFISSIONAL MÓVEL ARTIGO WWAN DE BANDA LARGA WWAN DE BANDA LARGA: VANTAGENS PARA O PROFISSIONAL MÓVEL Cada vez mais, a conectividade imediata de alta-velocidade é essencial para o sucesso dos negócios bem como para a eficiência

Leia mais

Principais Introduções Tecnológicas Vodafone Portugal

Principais Introduções Tecnológicas Vodafone Portugal Principais Introduções Tecnológicas Vodafone Portugal A Vodafone tem estado sempre na linha da frente da introdução de novas tecnologias e desenvolvimento de serviços de dados móveis. Foi pioneira em Portugal

Leia mais

ZigBee: arquitetura e aplicações

ZigBee: arquitetura e aplicações ZigBee: arquitetura e aplicações Prof. Felipe da Rocha Henriques Abril, 2011 CEFET/RJ UnED Petrópolis UnED Petrópolis Laboratório de Multimídia, Animação, Redes e Comunicações MARC Professores: Dalbert

Leia mais

LNet Mobility WIRELESS SOLUTIONS

LNet Mobility WIRELESS SOLUTIONS LNet Mobility WIRELESS SOLUTIONS INTRODUÇÃO: Entende-se por Mobilidade a possibilidade de poder se comunicar em qualquer momento e de qualquer lugar. Ela é possível graças às redes wireless, que podem

Leia mais

Introdução às Redes de Computadores. Por José Luís Carneiro

Introdução às Redes de Computadores. Por José Luís Carneiro Introdução às Redes de Computadores Por José Luís Carneiro Portes de computadores Grande Porte Super Computadores e Mainframes Médio Porte Super Minicomputadores e Minicomputadores Pequeno Porte Super

Leia mais

Módulos de Comunicação Wireless para Sensores

Módulos de Comunicação Wireless para Sensores Módulos de Comunicação Wireless para Sensores Identificação de características desejáveis Para uma adequada integração no ambiente industrial / de linha produtiva a que se destinam, os módulos de comunicação

Leia mais

Evolução Telefonia Móvel

Evolução Telefonia Móvel 1 Evolução Telefonia Móvel RESUMO De modo geral o artigo visa esclarecer formas de comunicações utilizadas no passado e atualmente em celulares, tablets, modens portáteis entre outras aparelhos de comunicação

Leia mais

REDES SEM FIO. Prof. Msc. Hélio Esperidião

REDES SEM FIO. Prof. Msc. Hélio Esperidião REDES SEM FIO Prof. Msc. Hélio Esperidião WIRELESS O termo wireless, significa sem fio, possui alguns sinônimos tais como: Rede sem fio Comunicação sem fio Computação Móvel Wi-FI? WI-FI? Wi-Fié uma marca

Leia mais

FUNCIONAMENTO, VANTAGENS E DESVANTAGENS DAS DIVERSAS TECNOLOGIAS

FUNCIONAMENTO, VANTAGENS E DESVANTAGENS DAS DIVERSAS TECNOLOGIAS FUNCIONAMENTO, VANTAGENS E DESVANTAGENS DAS DIVERSAS TECNOLOGIAS FUNCIONAMENTO DOS RFID s O Um sistema de RFID é composto, basicamente, por uma antena, que funciona como receptor, faz a leitura do sinal

Leia mais

Prof. Othon M. N. Batista Mestre em Informática. Página 1 de 25

Prof. Othon M. N. Batista Mestre em Informática. Página 1 de 25 Mestre em Informática Página 1 de 25 Roteiro Introdução Definição História Requerimentos IMT-Advanced Padrões 4G LTE Advanced Padrões 4G WirelessMAN Advanced 4G no Brasil Perguntas Página 2 de 25 Introdução

Leia mais

Módulo 5 Cablagem para LANs e WANs

Módulo 5 Cablagem para LANs e WANs CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes Módulo 5 Cablagem para LANs e WANs Cablagem de LANs Nível Físico de uma Redes Local Uma rede de computadores pode ser montada utilizando vários tipos de meios físicos.

Leia mais

Wireless Network: Comunicação sem fio

Wireless Network: Comunicação sem fio Wireless Network: Comunicação sem fio Objetivos: Identificar os tipos de redes sem fio e a utilização de cada uma delas. Descrever as técnicas de transmissão utilizadas. Descrever as características da

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Redes Sem Fio Fabricio Breve Tipos de transmissão sem fio Rádio Infravermelho Laser Aplicações Em ambientes internos: Ideal para situações onde não é possível utilizar cabeamento

Leia mais

Case Study Grupo Amorim. Eng. Paulo Sérgio Mota Director de Infra-estrutras OSI / Grupo Amorim

Case Study Grupo Amorim. Eng. Paulo Sérgio Mota Director de Infra-estrutras OSI / Grupo Amorim Case Study Grupo Amorim Eng. Paulo Sérgio Mota Director de Infra-estrutras OSI / Grupo Amorim 1 Central de Compras Tecnologias Informação Serviços de BPO Consultoria e Gestão Projectos IT a OSI Grupo Amorim

Leia mais

Infrared Data Association

Infrared Data Association IRDA Infrared Data Association Jorge Pereira DEFINIÇÃO Define-se protocolo como um conjunto de regras que estabelece a forma pela qual os dados fluem entre transmissor e receptor, critérios para verificação

Leia mais

Primeiro Técnico TIPOS DE CONEXÃO, BANDA ESTREITA E BANDA LARGA

Primeiro Técnico TIPOS DE CONEXÃO, BANDA ESTREITA E BANDA LARGA Primeiro Técnico TIPOS DE CONEXÃO, BANDA ESTREITA E BANDA LARGA 1 Banda Estreita A conexão de banda estreita ou conhecida como linha discada disponibiliza ao usuário acesso a internet a baixas velocidades,

Leia mais

I N T R O D U Ç Ã O W A P desbloqueio,

I N T R O D U Ç Ã O W A P desbloqueio, INTRODUÇÃO Para que o Guia Médico de seu Plano de Saúde esteja disponível em seu celular, antes de mais nada, sua OPERADORA DE SAÚDE terá de aderir ao projeto. Após a adesão, você será autorizado a instalar

Leia mais

Como Montar uma Rede Wireless Passo-a-Passo

Como Montar uma Rede Wireless Passo-a-Passo Outras apostilas em: www.projetoderedes.com.br Como Montar uma Rede Wireless Passo-a-Passo Redes Wireless estão em franco crescimento. Novas redes são implementadas, com soluções mais rápidas, abrangentes

Leia mais

Sistemas Integrados em Rede para aula 9 iniciado em 04/10/2012 segundo texto. Redes moveis. Redes sem fio e redes móveis. 1.

Sistemas Integrados em Rede para aula 9 iniciado em 04/10/2012 segundo texto. Redes moveis. Redes sem fio e redes móveis. 1. Sistemas Integrados em Rede para aula 9 iniciado em 04/10/2012 segundo texto Redes moveis Redes sem fio e redes móveis 1. Usuários móveis 2. Redes sem fios 2.1. Interconexão de sistemas 2.2. LAN sem fio

Leia mais

O GPS IKE 1000 oferece velocidade, segurança e verificação. Com este equipamento a carga de trabalho e tempo dispendidos são minimizados devido a:

O GPS IKE 1000 oferece velocidade, segurança e verificação. Com este equipamento a carga de trabalho e tempo dispendidos são minimizados devido a: Os equipamentos IKE 1000 são equipamentos GPS de elevada precisão, robustos, adequados para recolher diferentes tipos de informação no campo, tais como dados geoespaciais com informação alfanumérica associada,

Leia mais

Cidades Digitais. Desmistificando a Tecnologia. Bruno Soares Henriques. www.inatel.br

Cidades Digitais. Desmistificando a Tecnologia. Bruno Soares Henriques. www.inatel.br Cidades Digitais Desmistificando a Tecnologia INATEL Competence Center Av. João de Camargo, 510 Santa Rita do Sapucai MG Tel: (35) 3471 9330 Bruno Soares Henriques O que é Cidade Digital City Cloud, Digital

Leia mais

LG MG 110 Tela colorida. Agenda com 200 posições de memória no TIMChip + 500 registros no aparelho. Jogos. Calculadora, calendário, conversor de moedas, despertador, data e hora e alerta vibratório. TIM

Leia mais

Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores

Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores Disciplina - Sistemas Distribuídos Prof. Andrey Halysson Lima Barbosa Aula 2 Caracterização dos SD Sumário Introdução Principais motivações

Leia mais

WiMAX. Miragem ou Realidade? Jorge Rodrigues PT Comunicações Universidade da Beira Interior, 4 de Outubro de 2005. WiMAX

WiMAX. Miragem ou Realidade? Jorge Rodrigues PT Comunicações Universidade da Beira Interior, 4 de Outubro de 2005. WiMAX 1 1 Miragem ou Realidade? Jorge Rodrigues PT Comunicações Universidade da Beira Interior, 4 de Outubro de 2005 2 2 Enquadramento A tecnologia 802.16 / afecta domínios tecnológicos cruciais para os operadores:

Leia mais

CDMA, 3G e Aplicações. Luiz Gustavo Nogara nogara@inf.puc-rio.br

CDMA, 3G e Aplicações. Luiz Gustavo Nogara nogara@inf.puc-rio.br CDMA, 3G e Aplicações Luiz Gustavo Nogara nogara@inf.puc-rio.br Tópicos da apresentação História CDMA Padrões 3G Aplicações História Conceito básico: reuso de frequência 1969 Primeiro sistema celular com

Leia mais