Boletim Econômico Edição nº 80 agosto de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Boletim Econômico Edição nº 80 agosto de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico"

Transcrição

1 Boletim Econômico Edição nº 80 agosto de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico O desempenho financeiro do BNDES, fusões e Petrobrás 1

2 Lucro do BNDES foi de R$ 5,47 bilhões no semestre e cresce 67,8% O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) registrou lucro líquido de R$ 5,471 bilhões no primeiro semestre de O resultado é o maior já apresentado para o período e 67,8% superior aos R$ 3,261 bilhões obtidos no mesmo semestre de O lucro foi influenciado pelo bom desempenho da BNDESPar, empresa de participações do banco, que registrou lucro de R$ 2,148 bilhões, superando em 236,4% o valor do primeiro semestre do ano passado. Os demais indicadores do período também foram muito positivos. A rentabilidade sobre o patrimônio líquido médio do Sistema BNDES alcançou 8,53%, acima dos 6,73% do mesmo semestre de 2013; e o índice de Basiléia atingiu 18,4%, situação confortável diante dos 11,0% exigidos pelo Banco Central e superior aos 17,1% de março deste ano e dos 15,8% apurados em junho de Além do desempenho da BNDESPar, o lucro do Sistema BNDES foi composto pelos resultados do banco e da Finame, respectivamente, de R$ 2,994 bilhões (R$ 1,969 bilhão em junho de 2013) e R$ 330,9 milhões (R$ 443,9 milhões em junho de 2013). O principal impacto positivo sobre o lucro do Sistema BNDES veio do crescimento de 108,2% do resultado com participações societárias, que passou de R$ 1,779 bilhão no primeiro semestre de 2013 para R$ 3,703 bilhões no mesmo período deste ano. Historicamente, o desempenho obtido por meio da boa gestão das operações da carteira da BNDESPar tem permitido ao banco reduzir ao máximo os custos de seus créditos em renda fixa. 2

3 O aumento do lucro líquido consolidado do BNDES foi decorrente, basicamente, de três fatores: 1) alta de 31,8% da receita com dividendos e juros sobre capital próprio, que saiu de R$ 1,999 bilhão em 2013 para R$ 2,634 bilhões em 2014; 2) melhora do resultado com derivativos, que passou de R$ 187 milhões no primeiro semestre de 2013 para R$ 657 milhões no mesmo semestre de 2014; 3) redução de 57,7% da despesa com provisão para perdas em investimentos no montante de R$ 795 milhões, ante R$ 336 milhões no semestre corrente. Outro fator que influenciou positivamente o lucro de junho foi o aumento de 19,3% do resultado de intermediação financeira, que passou de R$ 5,025 bilhões no primeiro semestre de 2013 para R$ 5,994 bilhões em igual período de A expansão foi conseqüência do crescimento da carteira de crédito e repasses, da gestão dos recursos de tesouraria e da melhora do resultado com provisão para risco de crédito. O patrimônio de referência (PR), que determina a capacidade de financiamento do Banco, atingiu R$ 110,458 bilhões em junho de 2014, superior aos R$ 108,669 bilhões registrados em dezembro de 2013 e dos R$ 96,021 bilhões de junho do ano passado. Sistema financeiro: número de fusões e aquisições cresce em julho de 2014 Em julho foram registradas 68 fusões e aquisições entre empresas e outros tipos de instituições financeiras. Esse número é superior ao atingido no mesmo mês durante os quatro anos anteriores, mostrou balanço divulgado pela PwC. De janeiro a julho foram anunciadas 461 transações, desempenho semelhante ao registrado no mesmo período de

4 Das transações anunciadas no Brasil, 59% possuem investidores de origem nacional, totalizando 247 negócios. Os investidores de origem estrangeira registraram 41% das transações de compra de participação societárias, com 175 negócios. Segundo a pesquisa, o perfil mais buscado no mercado entre janeiro e julho foram as compras de participações majoritárias, com 50,8%, totalizando 234 negócios. As compras de participações minoritárias contabilizaram 188 transações, 40,8%. Ao final de julho, o setor de TI permaneceu na liderança, com 69 transações anunciadas, mantendo a primeira posição pelo sétimo mês consecutivo. Entretanto, a PwC apontou que o movimento de fusões e aquisições no Brasil continua de perfil multi-setorial. Em segundo lugar está o setor de serviços auxiliares, com 48 transações. Encerra a lista o setor de serviços financeiros, com 47 negócios anunciados, seguido pelo setor de varejo, com 44 transações anunciadas no ano. No acumulado do ano, os fundos de Private Equity registraram um total de 167 participações, o equivalente a 36% do mercado de fusões e aquisições brasileiro. Reajuste de combustíveis vai aliviar Petrobrás e afetar bolso da população A Petrobras continuará reivindicando o reajuste dos preços dos combustíveis, apesar da recente redução da defasagem entre os preços praticados no mercado interno e externo, segundo fonte do setor. Isso porque, os preços de petróleo no mercado externo atingiram as mínimas de vários meses, pressionando na mesma medida os preços dos combustíveis que a estatal compra no mercado global para atender a 4

5 demanda interna. As cotações do petróleo Brent, referência do mercado internacional, do petróleo nos Estados Unidos acumulam queda de cerca de US$ 10 por barril desde junho. O cenário de preços menores no exterior dá um alívio ao caixa da empresa, cujo acionista controlador, o governo federal, não permite o repasse aos consumidores brasileiros dos preços mais elevados praticados no exterior, para não pressionar a inflação. No primeiro semestre, a estatal importou 415 mil barris de derivados de petróleo por dia, 31 por cento acima do registrado no mesmo período de 2013, de 318 mil barris/dia. A defasagem do preço da gasolina no Brasil ante o valor registrado nas refinarias nos EUA deve ficar em 11% em agosto, abaixo da defasagem de 13% em julho e dos 18% de junho. Esse percentual é o menor registrado desde novembro do ano passado, quando houve o último reajuste do combustível no Brasil, de 4% nas refinarias. Os preços estão se aproximando dos internacionais; mas ainda há uma defasagem. A diferença do preço do diesel deverá ficar neste mês em 4%, menor nível desde o início dos registros pela consultoria em agosto de Em agosto do ano passado, a defasagem do diesel ante a cotação externa era de 22%. As fortes importações de combustíveis têm pressionado o caixa da Petrobras. No segundo trimestre a área de abastecimento, responsável pela compra e venda de combustíveis, registrou prejuízo de R$ 3,9 bilhões. Para que a situação da empresa melhore e o caixa seja menos pressionado, além de um reajuste nos preços dos combustíveis, a Petrobras precisaria aumentar a produção interna de petróleo e ampliar sua capacidade de refino, ressaltou a fonte. Uma das apostas é a entrada em operação da Refinaria do Nordeste (Rnest) no mês de novembro. A construção de duas novas unidades de processamento, Premium 1 e 2, no Nordeste do país, estão no Plano de Negócios da Petrobras, mas a viabilidade econômica dos projetos ainda não foi comprovada. Com a entrada das unidades, o Brasil poderá eventualmente se tornar autosuficiente na produção de óleo diesel. 5

6 Não se resolve a questão da importação de uma tacada só. Um monte de coisa tem que acontecer. Tem que entrar refinaria, aumentar produção para chegar na questão do preço. Outro fator que reduzirá a dependência externa será o aumento da produção de petróleo, que esse ano pode chegar a 7,5% (com margem de erro de 1 ponto para cima ou para baixo), nas estimativas da própria estatal. 6

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre Coletiva de Imprensa 12 de Maio de 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre Coletiva de Imprensa 12 de Maio de 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre 2016 Coletiva de Imprensa 12 de Maio de 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas

Leia mais

4º trimestre de 2010 BANCO ABC BRASIL

4º trimestre de 2010 BANCO ABC BRASIL 11 de fevereiro de 2011 BANCO ABC BRASIL Teleconferências 14 de fevereiro de 2011 Português 11h00 São Paulo / 8h00 US EST +55 (11) 2188-0155 Inglês 12h00 São Paulo / 9h00 US EST +55 (11) 2188-0155 1 866

Leia mais

BNDES e o Apoio ao Setor de P&G. André Pompeo do Amaral Mendes Gerente AIB/DEGAP Novembro / 2014

BNDES e o Apoio ao Setor de P&G. André Pompeo do Amaral Mendes Gerente AIB/DEGAP Novembro / 2014 BNDES e o Apoio ao Setor de P&G André Pompeo do Amaral Mendes Gerente AIB/DEGAP Novembro / 2014 BNDES BNDES Fundado em 20 de Junho de 1952 Empresa pública de propriedade integral da União Instrumento chave

Leia mais

Boletim Econômico Edição nº 78 agosto de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico

Boletim Econômico Edição nº 78 agosto de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Boletim Econômico Edição nº 78 agosto de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico A disparidade entre o lucro dos bancos e a remuneração dos bancários 1 Lucro dos bancos sobe com

Leia mais

DESTAQUES. Após tornar-se efetiva a operação, a EDF Internacional remanescerá com 10% das ações da Companhia.

DESTAQUES. Após tornar-se efetiva a operação, a EDF Internacional remanescerá com 10% das ações da Companhia. Rio de Janeiro, Brasil, 25 de Julho de 2006 - A LIGHT S.A. ( LIGT3 ), controladora das empresas do GRUPO LIGHT, anuncia seu resultado relativo ao 1 Semestre de 2006. A cotação do dólar em 30/06/2006 era

Leia mais

Com inadimplência e provisões sob controle, Santander Brasil alcança lucro líquido de R$ 1,7 bilhão NOTA DE IMPRENSA

Com inadimplência e provisões sob controle, Santander Brasil alcança lucro líquido de R$ 1,7 bilhão NOTA DE IMPRENSA NOTA DE IMPRENSA RESULTADOS 1º TRIMESTRE 2016 Com inadimplência e provisões sob controle, Santander Brasil alcança lucro líquido de R$ 1,7 bilhão Os bancos, no atual momento da economia, têm um papel fundamental,

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de 2015 Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015 1 AVISOS Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P N O V E M B R O, 2 0 1 5 D E S T A Q U E S D O M Ê S Poupança SBPE Captação Líquida: - R$ 962 milhões Saldo: R$ 501,2 bilhões Financiamentos

Leia mais

Earnings Release 3T13

Earnings Release 3T13 UNIPAR CARBOCLORO ANUNCIA OS RESULTADOS DO 3T13 E DOS 9M13 São Paulo, 12 de novembro de 2013 A UNIPAR CARBOCLORO S.A. (BM&FBOVESPA: UNIP3, UNIP5 e UNIP6) divulga hoje os resultados referentes ao terceiro

Leia mais

Confab Anuncia Resultados para o Terceiro Trimestre de 2008

Confab Anuncia Resultados para o Terceiro Trimestre de 2008 Confab Anuncia Resultados para o Terceiro Trimestre de 2008 São Paulo, 30 de outubro de 2008. Confab Industrial S.A. (BOVESPA: CNFB4), uma empresa Tenaris, anunciou hoje os resultados correspondentes ao

Leia mais

Sexta-Feira, 06 de janeiro de 2017

Sexta-Feira, 06 de janeiro de 2017 Sexta-Feira, 06 de janeiro de 2017 Bom dia, O Índice Geral de Preços - DI acelera no último mês do ano. O IGP-DI variou 0,83%, em dezembro, ante uma variação registrada em novembro de 0,05%. No comparativo

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P D E Z E M B R O, 2 0 1 6 D E S T A Q U E S D O M Ê S Poupança SBPE Captação Líquida: R$ 9,0 bilhões Saldo: R$ 516,0 bilhões Financiamentos

Leia mais

A semana em revista. Relatório Semanal 08/06/2015

A semana em revista. Relatório Semanal 08/06/2015 Relatório Semanal 08/06/2015 A semana em revista No cenário doméstico, os principais destaques da semana foram os dados da Pesquisa Industrial Mensal e o resultado da reunião do COPOM. A produção industrial

Leia mais

Goodwill, mais valia de ativos, menos valia de ativos e Ganho por compra vantajosa

Goodwill, mais valia de ativos, menos valia de ativos e Ganho por compra vantajosa Goodwill, mais valia de ativos, menos valia de ativos e Ganho por compra vantajosa Universidade Federal de Pernambuco Disciplina: Contabilidade Societária 2 Profa. Márcia Ferreira E- mail: marcia@ferreiraauditores.com.br

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P J U L H O, 2 0 1 7 D E S T A Q U E S D O M Ê S Poupança SBPE Captação Líquida: R$ 4,9 bilhões Saldo: R$ 525,4 bilhões Financiamentos

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Exercício de de Abril de 2015

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Exercício de de Abril de 2015 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Exercício de 2014 22 de Abril de 2015 AVISOS Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores

Leia mais

Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 2T08 2T09 2T10 2T11

Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 2T08 2T09 2T10 2T11 Comercializamos 51 unidades de implementos rodoviários no 2T11 Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 108 45 38 51 Durante o 2T11 nosso desempenho comercial foi fortemente afetado pelas

Leia mais

APRESENTAÇÃO 2016 INSTITUCIONAL 1º 3º TRIMESTRE

APRESENTAÇÃO 2016 INSTITUCIONAL 1º 3º TRIMESTRE APRESENTAÇÃO 2016 INSTITUCIONAL 1º 3º TRIMESTRE Agenda O grupo Visão Geral do Paraná Banco Destaques Financeiros Destaques Operacionais Contatos 2 O Grupo O Grupo JMalucelli tem 50 anos de história. Taxa

Leia mais

SETOR EXTERNO EM MAIO DE 2002

SETOR EXTERNO EM MAIO DE 2002 SETOR EXTERNO EM MAIO DE 22 O PESO DA CONTA DE SERVIÇOS E RENDA Em maio de 22, o balanço de pagamentos mostrou um déficit em transações correntes abaixo daquele registrado em maio do ano passado. O resultado

Leia mais

Lucro líquido da Petrobras foi de R$ 9 bilhões 214 milhões no 1º trimestre de 2012

Lucro líquido da Petrobras foi de R$ 9 bilhões 214 milhões no 1º trimestre de 2012 Lucro líquido da Petrobras foi de R$ 9 bilhões 214 milhões no 1º trimestre de 2012 Nota à Imprensa 15 de maio de 2012 O lucro líquido do trimestre aumentou 82% na comparação com o 4º trimestre de 2011

Leia mais

BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE DEZEMBRO DE 2004

BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE DEZEMBRO DE 2004 BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE DEZEMBRO DE 2004 I. A EMPRESA O BNDES foi criado em 20 de junho de 1952, pela Lei n.º 1.628, como Autarquia

Leia mais

NIM, líquida de provisões

NIM, líquida de provisões Brasil 26 Var. M 15 / M 14 +6% / 4T'14 Volumes 1 +2% / 4T'14 Atividade Margem Líquida de Juros NIM 6,5% 6,3% 5,9% 5,7% 5,8% Milhões de EUR L&P 1T15 %4T14 %1T14 * NII + receita de tarifas 2.997 2,2 5,2

Leia mais

Comercializamos 55 unidades de implementos rodoviários no 1T11 Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 1T08 1T09 1T10 1T11

Comercializamos 55 unidades de implementos rodoviários no 1T11 Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 1T08 1T09 1T10 1T11 Comercializamos 55 unidades de implementos rodoviários no 1T11 Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 116 33 40 55 Nosso desempenho comercial no 1T11 foi aquém do esperado. O faturamento

Leia mais

Haitong Banco de Investimento do Brasil S.A.

Haitong Banco de Investimento do Brasil S.A. Haitong Banco de Investimento do Brasil S.A. Resultados Financeiros (Não auditado) 31 de Dezembro de 2015 (Valores em milhares de reais) Haitong Banco de Investimento do Brasil S.A. Av. Brigadeiro Faria

Leia mais

Resultados R$ Milhões

Resultados R$ Milhões 1 Resultados R$ Milhões Lucro Líquido 2 Resultados R$ Milhões Lucro Líquido Ajustado CAGR: 13,6%aa CAGR: 30,1%aa 3 Resultados R$ Milhões Lucro Líquido Trimestral Recorrente 4 Resultados R$ Milhões Patrimônio

Leia mais

O desafio. energia. Plano Estratégico Plano de Negócios e Gestão Indicadores. 1,2% 1% 1% US$ 220,6 bilhões 0,4% 5% 4% 16% 12% 18% 20%

O desafio. energia. Plano Estratégico Plano de Negócios e Gestão Indicadores. 1,2% 1% 1% US$ 220,6 bilhões 0,4% 5% 4% 16% 12% 18% 20% PANORAMA O desafio é a nossa energia Criada em 1953, a Petrobras atua de forma integrada nas atividades de exploração e produção, refino, comercialização, transporte e petroquímica, distribuição de derivados,

Leia mais

Lucro líquido da Petrobras no 1º semestre de 2013 foi de R$ 13 bilhões e 894 milhões

Lucro líquido da Petrobras no 1º semestre de 2013 foi de R$ 13 bilhões e 894 milhões Lucro líquido da Petrobras no 1º semestre de 2013 foi de R$ 13 bilhões e 894 milhões Nota à Imprensa 9 de agosto de 2013 O lucro líquido no 1º semestre de 2013 subiu 77% em relação ao semestre anterior,

Leia mais

Conjuntura econômica: Cenários e Desafios

Conjuntura econômica: Cenários e Desafios Conjuntura econômica: Cenários e Desafios Sinergia -abril de 2014 Patrícia Toledo Pelatieri Elementos para Reflexão O cenário recente é carregado de muita incerteza, o que gera um pessimismo muito além

Leia mais

Fusões e Aquisições no Brasil

Fusões e Aquisições no Brasil Corporate Finance Fusões e Aquisições no Brasil O momento da indústria de Private Equity Junho de 2009 Ambiente de M&A O início do ano de 2009 é marcado por um ambiente de turbulências e incertezas, construído

Leia mais

Safra Fundo de Investimento em Ações da Petrobrás (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 de

Safra Fundo de Investimento em Ações da Petrobrás (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 de Safra Fundo de Investimento em Ações da Petrobrás Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 de setembro de 2003 e parecer dos auditores independentes Parecer dos auditores independentes

Leia mais

SEÇÃO 1 Panorama Internacional. Petróleo 1.1 Reservas 1.2 Produção 1.3 Refino 1.4 Preços. Gás Natural 1.5 Reservas 1.6 Produção

SEÇÃO 1 Panorama Internacional. Petróleo 1.1 Reservas 1.2 Produção 1.3 Refino 1.4 Preços. Gás Natural 1.5 Reservas 1.6 Produção SEÇÃO 1 Panorama Internacional Petróleo 1.1 Reservas 1.2 Produção 1.3 Refino 1.4 Preços Gás Natural 1.5 Reservas 1.6 Produção 1 Esta seção apresenta informações sobre o desempenho da indústria mundial

Leia mais

Sumário do Resultado 1T17

Sumário do Resultado 1T17 Sumário do Resultado 1T17 Sumário do Resultado Lucro Líquido Ajustado de R$ 2,5 bilhões O Banco do Brasil registrou lucro líquido ajustado de R$ 2,5 bilhões no 1T17, impactado principalmente pelo aumento

Leia mais

Fundos de Investimento

Fundos de Investimento Fundos de Investimento BALANÇO ANUAL 10/01/2012 1. Evolução do Patrimônio Líquido A Indústria de Fundos registra R$ 1,9 tri de PL sob gestão, o que representa US$ 1,0 trilhão. O PL da indústria apresentou

Leia mais

Impactos do Setor Petrolífero na Economia Brasileira

Impactos do Setor Petrolífero na Economia Brasileira Impactos do Setor Petrolífero na Economia Brasileira A elevação acentuada dos preços do petróleo tem sido, historicamente, fator de desequilíbrio nas transações correntes do balanço de pagamentos brasileiro,

Leia mais

Setor Externo: Panorama Internacional em Transformação

Setor Externo: Panorama Internacional em Transformação 8 análise de conjuntura Setor Externo: Panorama Internacional em Transformação Vera Martins da Silva (*) Dentro de um quadro recessivo, o setor externo continua como um fator de otimismo na economia brasileira.

Leia mais

Press Release. Terça-feira, 10/02/2009 Divulgação do Resultado do 4º Trimestre de 2008

Press Release. Terça-feira, 10/02/2009 Divulgação do Resultado do 4º Trimestre de 2008 Press Release Bovespa: BRSR3, BRSR5, BRSR6 Este Press Release pode conter informações sobre eventos futuros. Tais informações não seriam apenas fatos históricos, mas refletiriam os desejos e as expectativas

Leia mais

O LUCRO RECORDE DOS SEIS MAIORES BANCOS DO PAÍS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2007

O LUCRO RECORDE DOS SEIS MAIORES BANCOS DO PAÍS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2007 O LUCRO RECORDE DOS SEIS MAIORES BANCOS DO PAÍS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2007 No primeiro semestre de 2007, o setor bancário superou mais uma vez o lucro de períodos anteriores. O balanço semestral dos

Leia mais

José Sergio Gabrielli de Azevedo Diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores. Julho de 2004

José Sergio Gabrielli de Azevedo Diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores. Julho de 2004 José Sergio Gabrielli de Azevedo Diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores Julho de 2004 As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

Divulgação dos Resultados 4T13 e 2013

Divulgação dos Resultados 4T13 e 2013 Divulgação dos Resultados 4T13 e 2013 Market Share Indicadores dez/09 dez/10 dez/11 dez/12 set/13 Ativo Total * 10º 11º 11º 11º 11º Patrimônio Líquido * 11º 12º 11º 11º 11º Depósitos Totais 8º 8º 8º 7º

Leia mais

Release de Resultados

Release de Resultados São Paulo, 14 de novembro de 2016 O Banco Sofisa S.A. (SFSA4), banco múltiplo, especializado na concessão de crédito para empresas de pequeno e médio porte, anuncia hoje seu resultado do 3º trimestre de

Leia mais

Banco Cruzeiro do Sul

Banco Cruzeiro do Sul Banco Cruzeiro do Sul Apresentação dos Resultados 4T09 Pontos de Destaque 4T09 No quarto trimestre de 2009 mantivemos a estratégia de crescimento de ativos de crédito não abandonando a atenção quanto à

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO DE 2009 E 2008 ATIVO CIRCULANTE

BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO DE 2009 E 2008 ATIVO CIRCULANTE BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO DE 2009 E 2008 A T I V O 31.12.2009 31.12.2008 ATIVO CIRCULANTE 77.677 45.278 DISPONIBILIDADES 46 45 APLICAÇÕES INTERFINANCEIRAS DE LIQUIDEZ 1.641 314 APLICAÇÕES EM

Leia mais

Market Share Indicadores Mar/09 Mar/10 Mar/11 Mar/12 Mar/13 Ativo Total Patrimônio Líquido Depósitos Totais Nº de Agências

Market Share Indicadores Mar/09 Mar/10 Mar/11 Mar/12 Mar/13 Ativo Total Patrimônio Líquido Depósitos Totais Nº de Agências Market Share Indicadores Mar/09 Mar/10 Mar/11 Mar/12 Mar/13 Ativo Total 10º 11º 11º 11º 11º Patrimônio Líquido 12º 11º 12º 11º 11º Depósitos Totais 8º 8º 8º 8º 7º Nº de Agências 7º 7º 7º 7º 7º Fonte: Banco

Leia mais

A Geradora Aluguel de Máquinas S.A.

A Geradora Aluguel de Máquinas S.A. Balanço patrimonial em 31 de dezembro Ativo Passivo e patrimônio líquido Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa (Nota 6) 25.888 67.330 Fornecedores 4.797 8.340 Aplicações financeiras 3.341

Leia mais

Resultados 4T de Março de 2011

Resultados 4T de Março de 2011 Resultados 4T10 22 de Marçode 2011 1 AGENDA DESTAQUES Providência USA RESULTADOS PERSPECTIVAS 2 DESTAQUES Conclusão do projeto da primeira planta da Companhia nos Estados Unidos, com uma linha de produção

Leia mais

1. ANÁLISE DE DESEMPENHO OPERACIONAL DA AUTOBAN. Janeiro a Março/2013

1. ANÁLISE DE DESEMPENHO OPERACIONAL DA AUTOBAN. Janeiro a Março/2013 1. ANÁLISE DE DESEMPENHO OPERACIONAL DA AUTOBAN Janeiro a Março/2013 As informações financeiras e operacionais abaixo são apresentadas de acordo com a Legislação Societária e as comparações são referentes

Leia mais

Coligadas, Controladas e Método da Equivalência Patrimonial (MEP)

Coligadas, Controladas e Método da Equivalência Patrimonial (MEP) UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍCAS E ECONÔMICAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS CONTABILIDADE AVANÇADA Coligadas, Controladas e Método da Equivalência Patrimonial (MEP)

Leia mais

Banco Santander (Brasil) S.A. Resultados em BR GAAP 1S12 26 de Julho de 2012

Banco Santander (Brasil) S.A. Resultados em BR GAAP 1S12 26 de Julho de 2012 Banco Santander (Brasil) S.A. Resultados em BR GAAP 1S12 26 de Julho de 2012 INFORMAÇÃO Esta apresentação pode conter certas declarações prospectivas e informações relativas ao Banco Santander (Brasil)

Leia mais

25 de abril de 2016 LOJAS RENNER S.A. (BM&FBOVESPA: LREN3), maior varejista de moda no Brasil, anuncia seus resultados do primeiro trimestre (1T16).

25 de abril de 2016 LOJAS RENNER S.A. (BM&FBOVESPA: LREN3), maior varejista de moda no Brasil, anuncia seus resultados do primeiro trimestre (1T16). 25 de abril de 2016 LOJAS RENNER S.A. (BM&FBOVESPA: LREN3), maior varejista de moda no Brasil, anuncia seus resultados do primeiro trimestre (1T16). COMENTÁRIOS DA ADMINISTRAÇÃO Informações Consolidadas

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T14

Teleconferência de Resultados 4T14 Teleconferência de Resultados DESTAQUES A Receita Operacional Líquida (ROL) atingiu R$ 3.452,2 MM em. Forte crescimento das operações Contact Center na América Latina (ex-brasil), que totalizaram uma receita

Leia mais

mestre Clique para editar o texto Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015 Clique para editar o texto mestre

mestre Clique para editar o texto Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015 Clique para editar o texto mestre Clique Plano de para Negócios editar e o Gestão título mestre 2015-2019 Clique para editar o texto mestre Clique para editar o texto mestre Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015 AVISOS Clique

Leia mais

PERMANENTE

PERMANENTE BALANÇO PATRIMONIAL EM 30 DE JUNHO DE 2009 E 2008 A T I V O 30.06.2009 30.06.2008 ATIVO CIRCULANTE 62.969 46.291 DISPONIBILIDADES 46 47 APLICAÇÕES INTERFINANCEIRAS DE LIQUIDEZ 13.419 593 APLICAÇÕES EM

Leia mais

Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO

Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO André Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO Osvaldo B. Schirmer Vice-Presidente Executivo de Finanças e Controladoria

Leia mais

Quinta-Feira, 29 de dezembro de 2016

Quinta-Feira, 29 de dezembro de 2016 Quinta-Feira, 29 de dezembro de 2016 Bom dia, Temer veta parcialmente PL de renegociação da dívida dos estados. Com a retirada das contrapartidas exigidas para os estados em situação de recuperação fiscal

Leia mais

Maior desaceleração e alerta para inadimplência

Maior desaceleração e alerta para inadimplência jan/11 jul/11 jan/11 jul/11 Maior desaceleração e alerta para inadimplência O crescimento do crédito total do SFN em 12 meses desacelerou 0,7 p.p. em abril, fechando em 10,, totalizando R$ 3,1 trilhões,

Leia mais

Confab Anuncia Resultados para o Segundo Trimestre de 2006

Confab Anuncia Resultados para o Segundo Trimestre de 2006 Confab Anuncia Resultados para o Segundo Trimestre de 2006 São Paulo, 03 de agosto de 2006. Confab Industrial S.A. (BOVESPA:CNFB4), uma empresa Tenaris, anunciou hoje os resultados correspondentes aos

Leia mais

Safra Fundo de Investimento em Ações Vale do Rio Doce (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30

Safra Fundo de Investimento em Ações Vale do Rio Doce (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 Safra Fundo de Investimento em Ações Vale do Rio Doce Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 de setembro de 2003 e parecer dos auditores independentes Parecer dos auditores independentes

Leia mais

Contas Nacionais Trimestrais

Contas Nacionais Trimestrais Contas Nacionais Trimestrais Indicadores de Volume e Valores Correntes 2º Trimestre de 2013 Coordenação de Contas Nacionais 30 de agosto de 2013 Tabela Resumo Principais resultados do PIB a preços de mercado

Leia mais

Divulgação de Resultados Quarto Trimestre de 2013

Divulgação de Resultados Quarto Trimestre de 2013 Divulgação de Resultados Quarto Trimestre de Apresentação da Teleconferência 19 de fevereiro de 2014 Favor ler cuidadosamente o aviso no início desta apresentação. Aviso Legal Esta apresentação foi preparada

Leia mais

Análise Conjuntural: Variáveis- Instrumentos e Variáveis- meta

Análise Conjuntural: Variáveis- Instrumentos e Variáveis- meta Análise Conjuntural: Variáveis- Instrumentos e Variáveis- meta Fernando Nogueira da Costa Professor do IE- UNICAMP h;p://fernandonogueiracosta.wordpress.com/ Estrutura da Apresentação Variáveis- instrumentos:

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P A G O S T O, 2 0 1 5 D E S T A Q U E S D O M Ê S Poupança SBPE Captação Líquida: - R$ 7,2 bilhões Saldo: R$ 500,8 bilhões Financiamentos

Leia mais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ANÁLISE MENSAL DO MERCADO DE BIODIESEL: EDIÇÃO Nº 17 JUNHO DE 214 A, documento elaborado pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE, possui o intuito de levar ao mercado informações

Leia mais

DILLON S.A. DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS. CNPJ /

DILLON S.A. DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS. CNPJ / DILLON S.A. DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS. BALANÇO PATRIMONIAL FINDO EM 31/12/2012 E 2011 EM R$ Mil A T I V O 31/12/2012 31/12/2011 ATIVO CIRCULANTE 12.353 2.888 DISPONIBILIDADE 2.718

Leia mais

Sumário do Resultado 4T16

Sumário do Resultado 4T16 Sumário do Resultado Lucro Líquido Ajustado de R$ 7,2 bilhões O Banco do Brasil registrou Lucro Líquido Ajustado de R$ 7,2 bilhões em 2016, impactado principalmente pelo aumento da despesa de provisão.

Leia mais

RESUMO DOS RESULTADOS (R$ MM) 1T11 1T10 Variação % Receita Líquida Total da Companhia 598,8 505,7 18,4%

RESUMO DOS RESULTADOS (R$ MM) 1T11 1T10 Variação % Receita Líquida Total da Companhia 598,8 505,7 18,4% DESTAQUES A Receita Líquida das Vendas de Mercadorias apresentou crescimento de 17,6% no período As Vendas em Mesmas Lojas alcançaram 11,2% A Margem Bruta da Operação de Varejo manteve-se estável em 53,0%

Leia mais

Avaliação de Investimentos

Avaliação de Investimentos Avaliação de Investimentos 1) A Cia. Investidora adquiriu por $ 72.000, em 31-12-1, 60% das ações da Cia. Investida, cujo patrimônio líquido nessa data era de $ 120.000. Em 31-12-2, a Cia. Investida apurou

Leia mais

DESEMPENHO DAS. Fundação Nacional da Qualidade / MEG Base de balanços de 12/2000 a 12/2011. Novembro / 2012

DESEMPENHO DAS. Fundação Nacional da Qualidade / MEG Base de balanços de 12/2000 a 12/2011. Novembro / 2012 DESEMPENHO DAS EMPRESAS AFILIADAS Fundação Nacional da Qualidade / MEG Base de balanços de 12/2000 a 12/2011 Novembro / 2012 Objetivo O estudo foi elaborado a partir dos demonstrativos financeiros de uma

Leia mais

RELATÓRIO DA POLÍTICA DE PREÇOS DE GASOLINA E DIESEL 1 o TRIMESTRE DE 2017 HISTÓRICO

RELATÓRIO DA POLÍTICA DE PREÇOS DE GASOLINA E DIESEL 1 o TRIMESTRE DE 2017 HISTÓRICO HISTÓRICO A nova política de preços de gasolina e diesel foi anunciada pela Petrobras em fato relevante publicado em 14/10/2016, tendo dentre os seus princípios a prática de preços nunca abaixo da paridade

Leia mais

Divulgação de resultados 4T13

Divulgação de resultados 4T13 Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre e do ano de 2013 Rio de Janeiro, 18 de março de 2013. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado

Leia mais

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) 4T04 3T05 4T05

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) 4T04 3T05 4T05 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 09 de fevereiro de 2006. Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (NYSE:EMT; BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

SOMOS Educação ER 1T17

SOMOS Educação ER 1T17 SOMOS Educação ER 1T17 1 São Paulo, 15 de maio de 2017 A SOMOS Educação S.A. (BM&FBOVESPA: SEDU3) divulga seus resultados do 1º trimestre de 2017 ( 1T17 ). Os comentários aqui incluídos referem-se aos

Leia mais

Juros sobem acompanhando mercado americano, alta do dólar e fiscal ruim no Brasil;

Juros sobem acompanhando mercado americano, alta do dólar e fiscal ruim no Brasil; 01-nov-2013 Juros sobem acompanhando mercado americano, alta do dólar e fiscal ruim no Brasil; Dólar inicia novembro em alta respondendo aos dados ruins de economia brasileira; Ibovespa em ligeira queda

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P N O V E M B R O, 2 0 1 6 D E S T A Q U E S D O M Ê S Poupança SBPE Captação Líquida: R$ 2,6 bilhões Saldo: R$ 503,8 bilhões Financiamentos

Leia mais

Divulgação de Resultados

Divulgação de Resultados Divulgação de Resultados 2º trimestre de 2010 (legislação societária) 13 de agosto de 2010 Conferência com a Imprensa Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores 1 AVISO

Leia mais

Demonstrações Contábeis Consolidadas Demonstrações Contábeis Consolidadas Em 31 de Dezembro de 2006 e Em 31 de Dezembro de 2007 e 31 Dezembro de 2006

Demonstrações Contábeis Consolidadas Demonstrações Contábeis Consolidadas Em 31 de Dezembro de 2006 e Em 31 de Dezembro de 2007 e 31 Dezembro de 2006 Demonstrações Contábeis Consolidadas Demonstrações Contábeis Consolidadas Em 31 de Dezembro de 2006 e Em 31 de Dezembro de 2007 e 31 Dezembro de 2006 Parecer dos Auditores Independentes 2007 Insol Intertrading

Leia mais

Impactos Macroeconômicos da Indústria de Petróleo Prof.: Marcelo Colomer

Impactos Macroeconômicos da Indústria de Petróleo Prof.: Marcelo Colomer Impactos Macroeconômicos da Indústria de Petróleo Prof.: Marcelo Colomer GEE - UFRJ Milhões de Reais Importância do Setor de Petróleo na Economia Brasileira (I) Desde de 2006 os investimentos na indústria

Leia mais

Comentário da administração sobre a evolução financeira

Comentário da administração sobre a evolução financeira CAF INFORME ANUAL 2012 175 Comentário da administração sobre a evolução financeira Resumo dos estados financeiros 178 Carteira de empréstimos 178 Ativos líquidos 179 Financiamento 179 Capital 181 Administração

Leia mais

1- Introdução: 2- Resultados do Mercado:

1- Introdução: 2- Resultados do Mercado: 1- Introdução: Os números aqui analisados foram extraídos do sistema da SES da SUSEP referente ao período de jan a outubro de 2013. Esses dados decorrem dos FIPES que são encaminhados mensalmente a essa

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T15

Teleconferência de Resultados 2T15 Teleconferência de Resultados 2T15 Destaques Encerramento do 5º ano de fornecimento de cana-de-açúcar, entregando 724 mil toneladas. Área total plantada de 78.044 hectares. Construção de um silo na Bahia,

Leia mais

Cenário Atual do Setor de Petróleo & Gás e suas Perspectivas

Cenário Atual do Setor de Petróleo & Gás e suas Perspectivas Cenário Atual do Setor de Petróleo & Gás e suas Perspectivas Setembro 2014 07/10/2014 1 A Dinamus Somos uma empresa de consultoria e inteligência de mercado especializada no desenvolvimento de negócios

Leia mais

Endividamento das Grandes Empresas. Fonte: Nota do Centro de Estudos do Instituto IBMEC (CEMEC), Agosto/2016

Endividamento das Grandes Empresas. Fonte: Nota do Centro de Estudos do Instituto IBMEC (CEMEC), Agosto/2016 Endividamento das Grandes Empresas Fonte: Nota do Centro de Estudos do Instituto IBMEC (CEMEC), Agosto/2016 Sumário A partir de dados das demonstrações contábeis de uma amostra de 605 empresas não financeiras

Leia mais

Vigor Alimentos S.A. Apresentação de Resultados 4º Trimestre e ano de 2015

Vigor Alimentos S.A. Apresentação de Resultados 4º Trimestre e ano de 2015 Vigor Alimentos S.A. Apresentação de Resultados 4º Trimestre e ano de 2015 Teleconferência de Resultados (Tradução Simultânea) 16 de março de 2016 15:30 (horário de Brasília) 14:30 (horário de Nova York)

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P A B R I L, 2 0 1 6 D E S T A Q U E S D O M Ê S São Paulo, 27 de maio de 2016 Crédito imobiliário alcança R$ 3,5 bilhões em abril

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P A B R I L, 2 0 1 7 D E S T A Q U E S D O M Ê S São Paulo, 25 de abril de 2017 Crédito imobiliário totaliza R$ 4,01 bilhões em março

Leia mais

Nota Técnica Sobre o Lucro Recente do BNDES

Nota Técnica Sobre o Lucro Recente do BNDES 1 Nota Técnica Sobre o Lucro Recente do BNDES Mansueto Almeida Versão atualizada de 18 de abril de 2011 1. Em 2010, o lucro líquido do BNDES foi de R$ 9,9 bilhões, um crescimento de 47% em cima do lucro

Leia mais

REFINARIA DE PETRÓLEO NO BRASIL, ESPECIALMENTE NO NORTE FLUMINENSE

REFINARIA DE PETRÓLEO NO BRASIL, ESPECIALMENTE NO NORTE FLUMINENSE A VIABILIDADE ADE DE UMA NOVA REFINARIA DE PETRÓLEO NO BRASIL, ESPECIALMENTE NO NORTE FLUMINENSE PAULO CÉSAR RIBEIRO LIMA Consultor Legislativo da Área XII ESTUDO NOVEMBRO/2003 Câmara dos Deputados Praça

Leia mais

Cia. Hering D É B O R A D A R I N

Cia. Hering D É B O R A D A R I N Cia. Hering D É B O R A D A R I N G I O VA N N A S A R T O R V E R Í S S I M O C R E D I T S U I S S E A WA R D S 2 0 1 6 0 2 D E J U N H O D E 2 0 1 6 M A R C O A N T O N I O PAT H E F I L H O M A R I

Leia mais

BALANÇA COMERCIAL US$ MILHÕES FONTE: BACEN ELABORAÇÃO E ESTIMATIVA: BRADESCO

BALANÇA COMERCIAL US$ MILHÕES FONTE: BACEN ELABORAÇÃO E ESTIMATIVA: BRADESCO BALANÇA COMERCIAL 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 BALANÇA COMERCIAL US$ MILHÕES 50.000 44.703 46.457 45.166 40.000 30.000 24.794

Leia mais

BALANÇA COMERCIAL US$ MILHÕES FONTE: BACEN ELABORAÇÃO E ESTIMATIVA: BRADESCO 60,000 50,000 47,284 47,842 44,703 46,457 40,032 37,841 40,000 33,641

BALANÇA COMERCIAL US$ MILHÕES FONTE: BACEN ELABORAÇÃO E ESTIMATIVA: BRADESCO 60,000 50,000 47,284 47,842 44,703 46,457 40,032 37,841 40,000 33,641 BALANÇA COMERCIAL 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 BALANÇA COMERCIAL US$ MILHÕES 60,000 50,000 24,794 33,641 44,703 46,457 40,032

Leia mais

Balanço 2016 Perspectivas Cana-de-açúcar

Balanço 2016 Perspectivas Cana-de-açúcar Cana-de-açúcar 85 86 Balanço 2016 Perspectivas 2017 Perspectivas 2017 DÉFICIT NA PRODUÇÃO MUNDIAL DE AÇÚCAR, AUMENTO DA DEMANDA E QUEDA NOS ESTOQUES MANTERÃO TENDÊNCIA DE PREÇOS ALTOS A perspectiva é de

Leia mais

Carteira de Investimentos 2003 a 2007

Carteira de Investimentos 2003 a 2007 Workshop Temático - PROMINP Carteira de Investimentos 2003 a 2007 Empresas de petróleo (exceto Petrobras) Angra dos Reis, 07 de Agosto de 2003 A carteira de investimentos prevista pela indústria de petróleo

Leia mais

Resultados 3º Trimestre 2012

Resultados 3º Trimestre 2012 Resultados 3º Trimestre 2012 jan/03 abr/03 jul/03 out/03 jan/04 abr/04 jul/04 out/04 jan/05 abr/05 jul/05 out/05 jan/06 abr/06 jul/06 out/06 jan/07 abr/07 jul/07 out/07 jan/08 abr/08 jul/08 out/08 jan/09

Leia mais

Gas Brasiliano Distribuidora S.A.

Gas Brasiliano Distribuidora S.A. Balanço patrimonial em 31 de março (não auditado) Ativo 2016 2015 Passivo e patrimônio líquido 2016 2015 Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa 78.050 132.536 Fornecedores 23.096 19.064 Contas

Leia mais

GP Investments, Ltd. Segundo Trimestre de 2008 Divulgação de Resultados. Teleconferências. Release de Resultados do 2T08

GP Investments, Ltd. Segundo Trimestre de 2008 Divulgação de Resultados. Teleconferências. Release de Resultados do 2T08 Segundo Trimestre de 2008 Divulgação de Resultados Teleconferências Português 12 de agosto de 2008 10:00 (Horário de Brasília) 09:00 (Horário de Nova York) Telefone: +55 11 4688-6301 Código: GP Replay:

Leia mais

DESTAQUES DO PERÍODO. Teleconferência 2T13 Data: 26 de julho de 2013.

DESTAQUES DO PERÍODO. Teleconferência 2T13 Data: 26 de julho de 2013. SANTOS BRASIL REGISTRA CRESCIMENTO OPERACIONAL EM TODAS AS UNIDADES DE NEGÓCIO: 10% DE CRESCIMENTO NO VOLUME DE CONTÊINERES MOVIMENTADOS; 19% DE CRESCIMENTO NO VOLUME DE CONTÊINERES ARMAZENADOS; E AUMENTO

Leia mais

Pré-sal e o futuro da Indústria do Petróleo no Brasil

Pré-sal e o futuro da Indústria do Petróleo no Brasil Pré-sal e o futuro da Indústria do Petróleo no Brasil Professor Helder Queiroz Pinto Jr. Grupo de Economia da Energia Instituto de Economia / UFRJ X CBPE Gramado, 27 de Setembro 2016 Plano de Apresentação

Leia mais

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança

Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança Boletim Informativo de Crédito Imobiliário e Poupança D A T A A B E C I P J U N H O, 2 0 1 6 D E S T A Q U E S D O M Ê S Poupança SBPE Captação Líquida: - R$ 2,79 bilhões Saldo: R$ 493,3 bilhões Financiamentos

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Durante a Distribuição, o administrador adquiriu Ações da Petrobrás ON no montante do patrimônio líquido do fundo. Banco Itaú S.A.

Durante a Distribuição, o administrador adquiriu Ações da Petrobrás ON no montante do patrimônio líquido do fundo. Banco Itaú S.A. São Paulo, setembro de 2006 Prezado Cotista, Em atendimento à instrução CVM n 279, estamos encaminhando o balanço do fundo ITAÚ PETROBRAS Fundo Mútuo de Privatização FGTS, para que você obtenha informações

Leia mais

Teleconferência. Resultados do 2T de Agosto de 2011

Teleconferência. Resultados do 2T de Agosto de 2011 Teleconferência Resultados do 2T11 1 12 de Agosto de 2011 AVISO LEGAL Esta apresentação poderá conter considerações referentes as perspectivas futuras do negócio, estimativas de resultados operacionais

Leia mais