Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ""

Transcrição

1 Comparação dos comportamentos tácticos realizados por futebolistas de quatro escalões do futebol no teste GR3-3GR Comparación de las acciones tácticas realizadas por jugadores de fútbol de cuatro categorías del fútbol en la prueba GR3-3GR Comparing tactical behaviours of youth soccer teams through the test GK3-3GK *Centro Universitário de Belo Horizonte, UNI- BH, Belo Horizonte, MG, Brasil **Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Belo Horizonte, MG, Brasil ***Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, FADEUP, Porto, Portugal. ****Centro de Investigação, Formação, Inovação e Intervenção em Desporto CIFI2D, FADEUP, Portugal Prof. Ms. Israel Teoldo da Costa* *** Prof. Dr. Júlio Garganta*** **** Prof. Dr. Pablo Juan Greco** Profa. Dra. Isabel Mesquita*** **** Prof. Ezequiel Müller*** Prof. Bernardo Silva*** Prof. Daniel Castelão*** Resumo O presente estudo teve por objetivo comparar os comportamentos tácticos realizados por jogadores de Futebol pertencentes a quatro escalões, através do teste GR3-3GR. Foram analisadas 2853 acções tácticas desempenhadas por 52 jogadores das categorias Sub-11, Sub-13, Sub-15 e Sub-19 de quatro clubes portugueses. Para o tratamento dos dados foi utilizado o software SPSS. Foi realizada a análise descritiva e análise estatística a partir dos testes Kolmogorov-Smirnov, Qui-quadrado e Kappa de Cohen. Verificou-se diferenças significativas entre os escalões para as acções tácticas em função dos princípios de jogo e localização. Constata-se que os jogadores do escalão de Sub-19 mantém mais a posse de bola em busca da melhor solução para a sequência da jogada e que, em termos percentuais, os jogadores do escalão Sub-13 se posicionam mais atrás da linha da bola quando a sua equipa está em processo ofensivo. Conclui-se que os comportamentos tácticos de jogadores de futebol apresentam diferenças entre escalões, o que requer dos treinadores uma elevada capacidade de sistematização do processo de formação dos jogadores. Unitermos: Comportamentos tácticos. Princípios de jogo. Futebol Abstract This study aimed to compare the tactical behaviours performed by youth soccer players from four different age groups, using the GK3-3GK test. For such a purpose, 52 players (16 Under-11s, 12 Under- 13s, 12 Under-15s and 12 Under-19s) from four Portuguese teams have been analyzed. These players performed 2853 tactical actions. It was carried out descriptive analysis, Kolmogorov-Smirnov, Chi-square and Kappa de Cohen. The results point up significant statistical differences between the youth teams for tactical actions performed according to game principles and place of action (p 0.05). Statistical differences were found on the "Defensive Unity" between Under-11 and Under-13 players (p=0.03). Another differences can be seen regarding the principles of "Penetration", "Defensive Coverage" and "Balance", between Under-15 and Under-19 (p=0.00). It is also possible to assert that Under-19 players show of the highest time of ball possession and Under-13 players were placed many times behind the line of the ball while they are attacking. In conclusion, it is stated that tactical behaviours performed by soccer players are different, concerning players' age. Thus, it is recommendable that the coach should have great knowledge and evaluation about abilities and difficulties of each player to improve them with the training process. Keywords: Tactical behaviours. Game principles. Soccer Agradecimento Com o apoio do Programa AlBan, Programa de bolsas de alto nível da União Européia para América Latina, bolsa nº E07D400279BR. Esse trabalho foi apresentado na forma de pôster no I International Symposium of Sports Performance: Performance Enhanced by Bridging the Gap between Theory and Practice, Vila Real, Portugal Julho Revista Digital - Buenos Aires - Año 15 - Nº Mayo de / 1 Introdução

2 Nas últimas décadas as capacidades tácticas e os processos cognitivos têm sido considerados essenciais para a performance de jogadores e equipas de Futebol (1-2). O crescimento do interesse de pesquisadores por esses tópicos tem contribuído para o aumento das investigações que objectivam compreender e caracterizar as acções do jogo no âmbito organizacional individual e colectivo (3). Para analisar o jogo e obter informações a respeito do desempenho dos jogadores e equipas, alguns investigadores têm recorrido à Análise Notacional (4) e/ou à Metodologia Observacional (5) as quais possibilitam aceder a conhecimentos relevantes sobre os comportamentos dos jogadores e retirar ilações a propósito das tendências evolutivas do jogo. Diante disto, e na medida em que evidências científicas revelam que o conhecimento táctico processual pode ser diverso entre jogadores de diferentes escalões de formação (6), com o presente estudo pretende-se comparar os comportamentos tácticos realizados por jogadores de Futebol pertencentes a quatro escalões, através do teste GR3-3GR. Material e métodos Amostra Foram analisadas 2853 acções tácticas desempenhadas por 52 jogadores das categorias Sub-11, Sub-13, Sub-15 e Sub-19 de quatro clubes portugueses. Não foram analisadas as acções em que não houve movimentação do jogador. Instrumento O instrumento utilizado para a recolha e análise de dados foi o teste GR3-3GR desenvolvido no Centro de Estudos dos Jogos Desportivos da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto. O teste visa avaliar as acções tácticas desempenhadas por cada um dos jogadores participantes, de acordo com dez princípios tácticos fundamentais do jogo de Futebol, tendo em conta a localização e o resultado final das mesmas, num campo reduzido de 36m x 27m, durante 4min. Procedimento Após a definição das equipas, os atletas foram informados sobre os objectivos do teste. Posteriormente, foram concedidos 30 segundos para familiarização, findos os quais se deu início ao mesmo. Material

3 A gravação dos jogos efectuada a partir de uma câmara digital PANASONIC NV DS35EG. As imagens foram introduzidas em formato digital num computador portátil via cabo (IEEE 1394). Para o processamento dos dados foram utilizados os softwares Utilius VS e Soccer Analyser. Análise estatística Para o tratamento dos dados foi utilizado o software SPSS (Statistical Package for Social Science) for Windows, versão Foi realizada a análise descritiva (frequência, percentual) para as variáveis (princípio de jogo, localização e resultado da acção). Após aplicação do teste de normalidade de Kolmogorov-Smirnov (p 0,05), recorreu-se ao teste Qui-quadrado (c²), com um nível de significância p 0,05, para verificar a associação entre as frequências de realização dos princípios de jogo para os quatro escalões avaliados. O teste Kappa de Cohen foi utilizado para aferir as fiabilidades intra e inter-observadores. Análise da fiabilidade As observações foram realizadas por três observadores treinados que possuíam concordâncias inter-observadores de 0,93 (erro padrão=0,014), 0,82 (erro padrão=0,022) e 0,85 (erro padrão=0,020). Para efeitos de aferição da fiabilidade intra-observador, foram reavaliadas 1008 acções tácticas desempenhadas dos jogadores, o que representa 35,3% da amostra, portanto, uma percentagem acima do valor de referência (10%) apontado pela literatura (7). Os resultados da fiabilidade intra-observadores exibiram valores de Kappa de 0,95 (erro padrão=0,014), 0,89 (erro padrão=0,022) e 0,92 (erro padrão=0,018) para os três avaliadores, que também são superiores aos valores de referência (0,61) apontados pela literatura (8). Resultados e discussão A Tabela 1 apresenta a frequência das acções tácticas em função dos princípios de jogo, localização e resultado da acção. Verifica-se na Tabela 1 que a média de acções por atleta no escalão Sub-19 é superior à verificada para os demais escalões, provavelmente devido à maior frequência de passes realizados entre os jogadores no Meio Campo Defensivo onde o risco de perder a bola é menor. Já os atletas da categoria Sub-11 apresentaram maior número de acções do que os Sub-13, o que pode ser explicado pelas maiores dificuldades no controlo de bola, o que aumenta o número de acções fragmentadas. Tabela 1. Princípios, localização e resultados das acções tácticas decorrentes do teste GR3-3GR

4 SUB-11 (16) SUB-13 (12) SUB-15 (12) SUB-19 (12) PRINCÍPIOS N % N % N % N % Penetração* 48 5,4 28 6,1 36 5,2 47 5,8 Cobertura Ofensiva , , , ,8 Espaço , , , ,3 Mobilidade de Ruptura 37 4,2 16 3,5 31 4,4 25 3,1 Unidade Ofensiva 51 5, ,5 25 3,6 64 7,9 Contenção 81 9,1 39 8,5 54 7,7 45 5,6 Cobertura Defensiva* 3 0,3 1 0,2 7 1,0 3 0,4 Equilíbrio* ,3 45 9, , ,8 Concentração 67 7,5 31 6,8 63 9,0 57 7,1 Unidade Defensiva* , , , ,3 LOCALIZAÇÃO - PRINCÍPIOS OFENSIVOS Meio Campo Ofensivo* , , , ,0 Meio Campo Defensivo , , , ,0 - PRINCÍPIOS DEFENSIVOS Meio Campo Ofensivo , , , ,8 Meio Campo Defensivo , , , ,3 RESULTADO - FASE OFENSIVA Remate à Baliza 29 3,3 22 4,8 28 4,0 29 3,6 Manutenção da Posse de Bola , , , ,3 Perda da Posse de Bola 94 10,6 42 9, ,3 41 5,1 - FASE DEFENSIVA Recuperação da posse de Bola ,9 40 8, ,3 44 5,5 Posse de Bola do Adversário , , , ,1 Remate do Adversário à Baliza 30 3,4 24 5,3 28 4,0 20 2,5 Média de Acções por Atleta 55,6 38,1 58,3 67,3 Desvio Padrão 11,8 7,1 11,7 5,2 TOTAL

5 (*) Diferenças estatisticamente significativas (p 0,05) entre os escalões de Sub-11 e de Sub-13 no princípio Unidade Defensiva e entre Sub-15 e Sub-19 (p=0,003) para os princípios de Penetração, Cobertura Defensiva e Equilíbrio. Para os Principios Ofensivos efetuados no Meio Campo Ofensivo entre Sub-13 e Sub-11, Sub-15 e Sub-19. Na mesma Tabela pode observar-se que as maiores frequências percentuais para as acções ofensivas em função dos princípios de jogo nos escalões Sub-11, Sub-15 e Sub-19 dizem respeito ao princípio Espaço. A categoria Sub-13 difere das demais no que toca ao princípio Unidade Ofensiva, porque, não raramente, os atletas desta faixa etária se situam com maior frequência atrás da linha da bola e fora do centro de jogo quando a equipe está em situação de ataque. No âmbito defensivo, a frequência mas elevada de acções em função dos princípios pertencem ao princípio Unidade Defensiva, para todas as categorias. No entanto, para os Sub-15 o percentual é reduzido em relação aos outros escalões. Também se verifica que o percentual relativo ao princípio Equilíbrio é inferior para os Sub-13, o que leva a supor que defensivamente os jogadores desse escalão não se aproximam tanto do centro de jogo quanto os jogadores dos outros escalões, até porque no princípio Unidade Defensiva apresentam um valores superiores. Foram encontradas diferenças estatisticamente significativas para as acções tácticas em função dos princípios de jogo apenas entre os escalões de Sub-11 e de Sub-13 (p=0,029) no princípio Unidade Defensiva, e entre Sub-15 e Sub-19 (p=0,003) para os princípios de Penetração, Cobertura Defensiva e Equilíbrio. Ainda na Tabela 1 constata-se que o escalão de Sub-13 diverge dos demais nas acções relacionadas com o local em que realiza os princípios ofensivos. De facto, os valores mais expressivos dizem respeito ao Meio Campo Ofensivo, com diferenças significativas (p<0,001), o que indica uma organização espacial mais avançada no terreno, em comparação com os demais escalões. Já para os princípios defensivos, os jogadores que apresentaram comportamentos dissemelhantes em relação à localização das acções, pertencem ao escalão Sub-15, tendo apresentado um número superior de acções relativas aos princípios defensivos no meio campo ofensivo. Isto pode indicar uma organização defensiva com maior pressão em sectores mais avançados do que nos outros grupos estudados. Ao comparar as frequências percentuais dos resultados na fase ofensiva, verifica-se que as categorias Sub-11, Sub-13 e Sub-15 mostraram resultados semelhantes, enquanto que na categoria Sub-19 o percentual para a variável Manutenção da Posse de Bola foi superior ao dos outros escalões, com uma variação média de 16,1% ±1,7. Já na variável Perda da Posse

6 de Bola a frequência percentual foi menor, com variação média de 96,4% ±14,3, o que atesta que os atletas pertencentes ao escalão de maior idade (Sub-19) tendem a seleccionar mais as acções mantendo mais a posse da bola. Para a fase defensiva observou-se também diferenças percentuais entre os escalões de faixa etária mais baixa em comparação com os Sub-19, principalmente para os indicadores Recuperação da posse de Bola e Remate do Adversário à Baliza. Nestes casos, a frequência percentual atingiu valores inferiores em comparação com os outros grupos, com variações médias de 87,7%±28,7 e 68,4%±38,3, respectivamente. Em relação aos resultados das acções tácticas não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas. Conclui-se que existem diferenças significativas entre os escalões somente para as acções tácticas em função dos princípios de jogo. Não obstante, em termos percentuais também se verificam diferenças para as variáveis localização e resultado da acção. Tal permite constatar que os jogadores do escalão de Sub-19 estudados seleccionaram mais as acções tácticas em comparação com os outros escalões e que em termos percentuais os jogadores do escalão Sub- 13 estiveram mais situados atrás da linha da bola quando a sua equipa estava em processo ofensivo. Com base nestes resultados é possível concluir que os comportamentos tácticos de jogadores de futebol apresentam diferenças entre escalões. Assim, o treinador deve conhecer e avaliar as habilidades e dificuldades de cada jogador para sistematizar o processo de formação. Referências 1. Greco P. Conhecimento técnico-tático: o modelo pendular do comportamento e da ação tática nos esportes coletivos. Revista Brasileira de Psicologia do Esporte 2006: Garganta J. Modelação táctica do jogo de futebol estudo da organização da fase ofensiva em equipas de alto rendimento. [Tese de Doutoramento]. Porto: Universidade do Porto; Gréhaigne JF, Bouthier D, Godbout P. Performance assessment in team sports (Evaluation de la performance en sports collectifs). Journal of Teaching in Physical Education 1997;16(4): Hughes C, Franks I. Notational analysis of sport. London: E. & F.N Spon; Anguera M, Blanco A, Losada J, Hernández A. La metodología observacional en el deporte: Conceptos básicos. Lecturas: Educación Fisica y Deportes, Revista Digital. Buenos Aires. Nº 2000 Agosto.

7 6. Giacomini DS. Conhecimento tático declarativo e processual no futebol: estudo comparativo entre jogadores de diferentes categorias e posições. [Dissertação de Mestrado]. Belo Horizonte: Universidade Federal de Minas Gerais; Tabachnick B, Fidell L. Using Multivariate Statistics. New York: Harper & Row Publishers; Landis JR, Koch GC. The measurement of observer agreement for categorical data. Biometrics 1977; 33:

Revista Digital - Buenos Aires - Año 15 - Nº Mayo de 2010 Introdução

Revista Digital - Buenos Aires - Año 15 - Nº Mayo de 2010 Introdução Análise da performance táctica de futebolistas de quatro escalões de formação Análisis del rendimiento táctico de jugadores de fútbol en los cuatro escalones de la formación Analysis of tactical performance

Leia mais

Agradecimento Com o apoio do Programa AlBan, Programa de bolsas de alto nível da União Européia para América Latina, bolsa nº E07D400279BR

Agradecimento Com o apoio do Programa AlBan, Programa de bolsas de alto nível da União Européia para América Latina, bolsa nº E07D400279BR Análise do comportamento táctico de futebolistas através do teste de GR3-3GR : estudo de caso de uma equipa sub-11 Análisis del comportamiento táctica de futbolistas por medio del test GR3-3GR : estudio

Leia mais

Revista Digital - Buenos Aires - Año 14 - Nº Febrero de 2010

Revista Digital - Buenos Aires - Año 14 - Nº Febrero de 2010 Análise do comportamento e do desempenho táctico de jogadores de futebol sub-15: estudo comparativo entre dois clubes portugueses Análisis del comportamiento y del desempeño táctico de jugadores de fútbol

Leia mais

Estudo comparativo do comportamento táctico na variante 'GR3x3GR' utilizando

Estudo comparativo do comportamento táctico na variante 'GR3x3GR' utilizando Estudo comparativo do comportamento táctico na variante 'GR3x3GR' utilizando balizas de futsal e de futebol de sete Estudio comparativo del comportamiento táctico en la variante 'GR3x3GR' utilizando arcos

Leia mais

EFICIÊNCIA DO COMPORTAMENTO TÁTICO DOS JOGADORES DE FUTEBOL DE ACORDO COM O ESTATUTO POSICIONAL.

EFICIÊNCIA DO COMPORTAMENTO TÁTICO DOS JOGADORES DE FUTEBOL DE ACORDO COM O ESTATUTO POSICIONAL. 1117 EFICIÊNCIA DO COMPORTAMENTO TÁTICO DOS JOGADORES DE FUTEBOL DE ACORDO COM O ESTATUTO POSICIONAL. Elton Ribeiro Resende /NUPEF - UFV Fernanda Lobato/NUPEF - UFV Davi Correia da Silva/NUPEF UFV Israel

Leia mais

COMPARAÇÃO DO DESEMPENHO TÁTICO ENTRE RESULTADOS FINAIS DOS JOGOS REDUZIDOS DE FUTEBOL

COMPARAÇÃO DO DESEMPENHO TÁTICO ENTRE RESULTADOS FINAIS DOS JOGOS REDUZIDOS DE FUTEBOL COMPARAÇÃO DO DESEMPENHO TÁTICO ENTRE RESULTADOS FINAIS DOS JOGOS REDUZIDOS DE FUTEBOL Marcelo Odilon Cabral de Andrade / UFV Israel Teoldo da Costa / UFV marcelo.andrade@ufv.br ոո Palavras-chave: Tática,

Leia mais

EFICIÊNCIA DE REALIZAÇÃO DOS PRÍNCIPIOS TÁTICOS EM JOGOS REDUZIDOS NO FUTEBOL: comparação entre vitória e derrota

EFICIÊNCIA DE REALIZAÇÃO DOS PRÍNCIPIOS TÁTICOS EM JOGOS REDUZIDOS NO FUTEBOL: comparação entre vitória e derrota EFICIÊNCIA DE REALIZAÇÃO DOS PRÍNCIPIOS TÁTICOS EM JOGOS REDUZIDOS NO FUTEBOL: comparação entre vitória e derrota Felipe Moniz Carvalho / UFV Israel Teoldo da Costa / UFV felipe.moniz@ufv.br ոո Palavras-chave:

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL, FUTSAL E FUTEBOL DE 7.

CARACTERIZAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL, FUTSAL E FUTEBOL DE 7. 482 CARACTERIZAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL, FUTSAL E FUTEBOL DE 7. Pedro Emílio Drumond Moreira-UFMG Gibson Moreira Praça-UFVJM Pablo Juan Greco-UFMG pedrodrumondmoreira@hotmail.com

Leia mais

O ANO DE NASCIMENTO DETERMINA A ESCOLHA DO ESTATUTO POSICIONAL EM JOGADORES DE FUTEBOL NAS CATEGORIAS DE BASE?

O ANO DE NASCIMENTO DETERMINA A ESCOLHA DO ESTATUTO POSICIONAL EM JOGADORES DE FUTEBOL NAS CATEGORIAS DE BASE? 980 O ANO DE NASCIMENTO DETERMINA A ESCOLHA DO ESTATUTO POSICIONAL EM JOGADORES DE FUTEBOL NAS CATEGORIAS DE BASE? Felipe Ruy Dambroz - NUPEF/UFV João Vítor de Assis - NUPEF/UFV Israel Teoldo da Costa

Leia mais

DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL EM JOGOS REDUZIDOS CONDICIONADOS: O EFEITO DO CURINGA EM APOIO INTERNO

DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL EM JOGOS REDUZIDOS CONDICIONADOS: O EFEITO DO CURINGA EM APOIO INTERNO 907 DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL EM JOGOS REDUZIDOS CONDICIONADOS: O EFEITO DO CURINGA EM APOIO INTERNO Felipe Moniz/NUPEF-UFV Davi Correia Silva/NUPEF-UFV Israel Teoldo/NUPEF-UFV fmcarvalho1@gmail.com

Leia mais

ANÁLISE DOS COMPORTAMENTOS TÁTICOS NO RESULTADO FINAL DE JOGOS REDUZIDOS

ANÁLISE DOS COMPORTAMENTOS TÁTICOS NO RESULTADO FINAL DE JOGOS REDUZIDOS ANÁLISE DOS COMPORTAMENTOS TÁTICOS NO RESULTADO FINAL DE JOGOS REDUZIDOS Felipe Moniz Carvalho Israel Teoldo da Costa RESUMO O objetivo do estudo foi analisar o comportamento tático no resultado final

Leia mais

UNIVERSIDADE DE COIMBRA. Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física

UNIVERSIDADE DE COIMBRA. Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física UNIVERSIDADE DE COIMBRA Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física Parametrização das Estruturas Tácticas em Jogos Desportivos Colectivos Investigação Aplicada à Equipa Campeã Nacional no Escalão

Leia mais

COMPARAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-15 DE DIFERENTES POSIÇÕES 1

COMPARAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-15 DE DIFERENTES POSIÇÕES 1 COMPARAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-15 DE DIFERENTES POSIÇÕES 1 Adeilton dos Santos Gonzaga Eder Gonçalves, Israel Teoldo da Costa RESUMO O objetivo do estudo é

Leia mais

COMPARAÇÃO DA CIRCULAÇÃO DE BOLA ENTRE EQUIPES BRASILEIRAS EM UMA COMPETIÇÃO REGIONAL

COMPARAÇÃO DA CIRCULAÇÃO DE BOLA ENTRE EQUIPES BRASILEIRAS EM UMA COMPETIÇÃO REGIONAL 708 ROLHFS, I. C. P. M; et al. A escala de humor de Brunel (Brums): instrumetno para detecção precoce da síndrome do excesso de treinamento. Rev Bras Med Esporte. v. 14, n. 3, mar/jun, p. 176-181, 2008.

Leia mais

AVALIAÇÃO DAS AÇÕES TÉCNICAS EM SITUAÇÕES DE PEQUENOS JOGOS NO FUTEBOL COM SUPERIORIDADE NUMÉRICA

AVALIAÇÃO DAS AÇÕES TÉCNICAS EM SITUAÇÕES DE PEQUENOS JOGOS NO FUTEBOL COM SUPERIORIDADE NUMÉRICA 1052 AVALIAÇÃO DAS AÇÕES TÉCNICAS EM SITUAÇÕES DE PEQUENOS JOGOS NO FUTEBOL COM SUPERIORIDADE NUMÉRICA Raphael Brito e Sousa/ CECA Pedro Emilio Drumond Moreira/ CECA Gibson Moreira Praça/ CECA Pablo Juan

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO DAS AÇÕES DE FINALIZAÇÃO EM JOGOS DE FUTSAL: uma análise técnico-tática

CARACTERIZAÇÃO DAS AÇÕES DE FINALIZAÇÃO EM JOGOS DE FUTSAL: uma análise técnico-tática CARACTERIZAÇÃO DAS AÇÕES DE FINALIZAÇÃO EM JOGOS DE FUTSAL: uma análise técnico-tática Alexandre Andrade Gomes / UNI-BH Leonardo Henrique Silva Fagundes / UNI-BH Pablo Ramon Coelho de Souza / UNI-BH Alessandro

Leia mais

Artigo Original. Endereço: Ramon Cardoso Lima Telefone:

Artigo Original. Endereço: Ramon Cardoso Lima Telefone: ISSN: 1983-7194 A organização do treino baseado nos princípios fundamentais do jogo de futebol e sua relação com o desempenho tático de jogadores da categoria sub 13 The organization of training based

Leia mais

PADRÕES DE OBTENÇÃO DE GOLS EM PEQUENOS JOGOS NO FUTEBOL EM IGUALDADE NUMÉRICA

PADRÕES DE OBTENÇÃO DE GOLS EM PEQUENOS JOGOS NO FUTEBOL EM IGUALDADE NUMÉRICA 875 PADRÕES DE OBTENÇÃO DE GOLS EM PEQUENOS JOGOS NO FUTEBOL EM IGUALDADE NUMÉRICA Gibson Moreira Praça UFVJM Pablo Juan Greco UFMG gibson_moreira@yahoo.com.br RESUMO Este estudo analisou os padrões de

Leia mais

ANÁLISE DE JOGO NO FUTSAL ESCOLAR: situação e efetividade de finalização

ANÁLISE DE JOGO NO FUTSAL ESCOLAR: situação e efetividade de finalização ANÁLISE DE JOGO NO FUTSAL ESCOLAR: situação e efetividade de finalização Fabiola de Araujo Cabral / UFMG Gibson Moreira Praça / UFMG Camila de Souza Teixeira / UFMG Cristino Júlio Alves da Silva Matias

Leia mais

Como a eficiência do comportamento tático e a data de nascimento condicionam o desempenho de jogadores de futebol?

Como a eficiência do comportamento tático e a data de nascimento condicionam o desempenho de jogadores de futebol? Como a eficiência do comportamento tático e a data de nascimento condicionam o desempenho de jogadores de futebol? CDD. 20.ed. 796.073 796.33 http://dx.doi.org/10.1590/1807-55092015000300465 Marcelo Odilon

Leia mais

ARTICLE IN PRESS. Revista Brasileira de CIÊNCIAS DO ESPORTE.

ARTICLE IN PRESS. Revista Brasileira de CIÊNCIAS DO ESPORTE. 1 2 +Model Rev Bras Ciênc Esporte. 2016;xxx(xx):xxx -xxx Revista Brasileira de CIÊNCIAS DO ESPORTE www.rbceonline.org.br 3 4 5 6 Q2 ARTIGO ORIGINAL Análise tática no futsal: estudo comparativo do desempenho

Leia mais

Comportamento e desempenho táticos: estudo comparativo entre jogadores de futebol e futsal

Comportamento e desempenho táticos: estudo comparativo entre jogadores de futebol e futsal Artigo Original Comportamento e desempenho táticos: estudo comparativo entre jogadores de futebol e futsal Tactical behaviour and performance: comparative study between soccer and futsal players MÜLLER,

Leia mais

COMPORTAMENTO TÁTICO INDIVIDUAL DE ATLETAS DE FUTEBOL EM SITUAÇÕES DE PEQUENOS JOGOS

COMPORTAMENTO TÁTICO INDIVIDUAL DE ATLETAS DE FUTEBOL EM SITUAÇÕES DE PEQUENOS JOGOS COMPORTAMENTO TÁTICO INDIVIDUAL DE ATLETAS DE FUTEBOL EM SITUAÇÕES DE PEQUENOS JOGOS Marcelo Vilhena Silva / UFMG - PUC MINAS Gibson Moreira Praça / UFMG Ciro Guerra Torres / UFMG Pablo Juan Greco / UFMG

Leia mais

ESTUDO COMPARATIVO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DESEMPENHADO POR JOGADORES DE FUTEBOL DAS CATEGORIAS SUB-13 E SUB-15

ESTUDO COMPARATIVO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DESEMPENHADO POR JOGADORES DE FUTEBOL DAS CATEGORIAS SUB-13 E SUB-15 DOI: 10.4025/reveducfis.v26i4.26830 ESTUDO COMPARATIVO DO COMPORTAMENTO TÁTICO DESEMPENHADO POR JOGADORES DE FUTEBOL DAS CATEGORIAS SUB-13 E SUB-15 COMPARATIVE STUDY OF TACTICAL BEHAVIOR PERFORMED BY UNDER-13

Leia mais

A FUNÇÃO DO LÍBERO NA RECEPÇÃO DE SAQUE E DEFESA DURANTE AS PARTIDAS DA SUPERLIGA FEMININA DE VOLEIBOL 2009/2010.

A FUNÇÃO DO LÍBERO NA RECEPÇÃO DE SAQUE E DEFESA DURANTE AS PARTIDAS DA SUPERLIGA FEMININA DE VOLEIBOL 2009/2010. A FUNÇÃO DO LÍBERO NA RECEPÇÃO DE SAQUE E DEFESA DURANTE AS PARTIDAS DA SUPERLIGA FEMININA DE VOLEIBOL 2009/2010. MARLON MENEZES DE ARRUDA (1), ANDERSON HENRIQUE SOUZA DE ALMEIDA (1), SARAH ABRAHÃO GOMES

Leia mais

CAPÍTULO III METODOLOGIA

CAPÍTULO III METODOLOGIA CAPÍTULO III METODOLOGIA 1. Amostra Para a realização deste trabalho foram recolhidos dados de 4 jogos completos de Hóquei em Patins, relativos ao Campeonato Europeu de Juvenis, nos quais havia necessariamente

Leia mais

TOMADA DE DECISÃO NO FUTEBOL: A INFLUÊNCIA DAS ESTRATÉGIAS DE BUSCA VISUAL SOBRE O TEMPO DE DECISÃO

TOMADA DE DECISÃO NO FUTEBOL: A INFLUÊNCIA DAS ESTRATÉGIAS DE BUSCA VISUAL SOBRE O TEMPO DE DECISÃO 180 TOMADA DE DECISÃO NO FUTEBOL: A INFLUÊNCIA DAS ESTRATÉGIAS DE BUSCA VISUAL SOBRE O TEMPO DE DECISÃO João Vítor de Assis/ NUPEF-UFV Guilherme Machado/ NUPEF-UFV Felippe Cardoso/ NUPEF-UFV Israel Teoldo/

Leia mais

Habilidades motoras específicas do basquetebol e formação técnica do treinador

Habilidades motoras específicas do basquetebol e formação técnica do treinador Lecturas: Educación Física y Deportes, Revista Digital. Buenos Aires, Año 13, Nº 122, Julio de 2008. http://www.efdeportes.com/efd122/habilidades-motoras-especificas-do-basquetebol.htm Habilidades motoras

Leia mais

AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO INDIViDUAL DE PRATICANTES DE FUTEBOL E FUTSAL

AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO INDIViDUAL DE PRATICANTES DE FUTEBOL E FUTSAL AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO TÁTICO INDIViDUAL DE PRATICANTES DE FUTEBOL E FUTSAL Gibson Moreira Praça / UFMG Juan Carlos Perez Morales / UFMG Pablo Juan Greco / UFMG gibson_mroeira@yahoo.com.br ոո Palavras-chave:

Leia mais

Análise do Comportamento Tático de Jogadores de Futebol através da aplicação do Teste Gr3-3Gr, em dois períodos de jogo distintos

Análise do Comportamento Tático de Jogadores de Futebol através da aplicação do Teste Gr3-3Gr, em dois períodos de jogo distintos ISSN: 1983-7194 Análise do Comportamento Tático de Jogadores de Futebol através da aplicação do Teste Gr3-3Gr, em dois períodos de jogo distintos Analysis of Tactical Behaviour performed by Soccer players

Leia mais

INFLUÊNCIA DO EFEITO DA IDADE RELATIVA E DO COMPORTAMENTO TÁTICO SOBRE O DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-17

INFLUÊNCIA DO EFEITO DA IDADE RELATIVA E DO COMPORTAMENTO TÁTICO SOBRE O DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-17 DOI: 10.4025/reveducfis.v26i2.23952 INFLUÊNCIA DO EFEITO DA IDADE RELATIVA E DO COMPORTAMENTO TÁTICO SOBRE O DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-17 INFLUENCE OF THE RELATIVE AGE

Leia mais

Avaliação do comportamento tático no futebol: princípios táticos fundamentais nas categorias sub-14 e sub-15

Avaliação do comportamento tático no futebol: princípios táticos fundamentais nas categorias sub-14 e sub-15 Artigo Original Avaliação do comportamento tático no futebol: princípios táticos fundamentais nas categorias sub-14 e sub-15 Tactical behavior assessment in soccer: fundamental tactical principles between

Leia mais

ÍNDICE GERAL ÍNDICE DE TABELAS.. INDICE DE QUADROS.. ÍNDICE DE FIGURAS.. ÍNDICE DE ANEXOS ABREVIATURAS.. CAPÍTULO I:. 1 INTRODUÇÃO..

ÍNDICE GERAL ÍNDICE DE TABELAS.. INDICE DE QUADROS.. ÍNDICE DE FIGURAS.. ÍNDICE DE ANEXOS ABREVIATURAS.. CAPÍTULO I:. 1 INTRODUÇÃO.. ÍNDICE GERAL ÍNDICE DE TABELAS.. INDICE DE QUADROS.. ÍNDICE DE FIGURAS.. ÍNDICE DE ANEXOS ABREVIATURAS.. CAPÍTULO I:. 1 INTRODUÇÃO.. 2 1.1. Apresentação do problema.. 2 1.2. Pertinência do estudo. 3 1.3.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA Carlos Sacadura Outubro de 2011 Possibilitar a todas as crianças do nosso distrito a oportunidade de praticar futebol como um desporto de recreação, tempo livre e formação;

Leia mais

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO TÁTICO DOS JOGADORES DE FUTEBOL DE CATEGORIA DE BASE

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO TÁTICO DOS JOGADORES DE FUTEBOL DE CATEGORIA DE BASE DOI: 10.4025/jphyseduc.v27i1.2710 Artigo Original ANÁLISE DO COMPORTAMENTO TÁTICO DOS JOGADORES DE FUTEBOL DE CATEGORIA DE BASE ANALYSIS OF THE TACTICAL BEHAVIOR IN SOCCER PLAYERS OF DIFFERENT AGE LEVELS

Leia mais

técnico assim como o local de embate

técnico assim como o local de embate técnico AVALIAÇÃO TÁCTICA NO VOLEIBOL - O POSICIONAMENTO DEFENSIVO E ZONAS VULNERÁVEIS EM FUNÇÃO DA ZONA DO ATAQUE ADVERSÁRIO NO 5º JOGO DA FASE FINAL DO PLAY-OFF DIVISÃO A1 AUTORES Francisco Gonçalves

Leia mais

ANÁLISE DAS FINALIZAÇÕES E POSSE DE BOLA EM RELAÇÃO AO RESULTADO DO JOGO DE FUTEBOL

ANÁLISE DAS FINALIZAÇÕES E POSSE DE BOLA EM RELAÇÃO AO RESULTADO DO JOGO DE FUTEBOL ANÁLISE DAS FINALIZAÇÕES E POSSE DE BOLA EM RELAÇÃO AO RESULTADO DO JOGO DE FUTEBOL José Cícero Moraes / UFRGS Daniel Perin / UFRGS Marcelo Francisco da Silva Cardoso Cardoso / UFRGS Alberto de Oliveira

Leia mais

Metodologia CAPITULO III METODOLOGIA

Metodologia CAPITULO III METODOLOGIA CAPITULO III METODOLOGIA 1. AMOSTRA Com o objectivo de identificar as habilidades psicológicas e avaliar a ansiedade traço, participaram neste estudo 69 praticantes federados de Futebol com idades compreendidas

Leia mais

RELAÇÃO ENTRE O SETOR DA QUADRA E O DESFECHO DO CONTRA-ATAQUE NO FUTSAL FEMININO DE ALTO RENDIMENTO

RELAÇÃO ENTRE O SETOR DA QUADRA E O DESFECHO DO CONTRA-ATAQUE NO FUTSAL FEMININO DE ALTO RENDIMENTO RELAÇÃO ENTRE O SETOR DA QUADRA E O DESFECHO DO CONTRA-ATAQUE NO FUTSAL FEMININO DE ALTO RENDIMENTO Loani Landin Istchuk / UEL Wilton Carlos de Santana / UEL Hélcio Rossi Gonçalves / UEL loaniistchuk@hotmail.com

Leia mais

e os comportamentos táticos do jogador de futebol

e os comportamentos táticos do jogador de futebol Relação entre a dimensão do campo de jogo e os comportamentos táticos do jogador de futebol Relação entre a dimensão do campo de jogo CDD. 20.ed. 796.017 796.33 Israel Teoldo da COSTA * Júlio GARGANTA

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 111 NÍVEL DE CONHECIMENTO DECLARATIVO DOS PRINCÍPIOS TÁTICOS DE JOGO POR PARTE DE JOGADORES DE FUTEBOL NAS DIFERENTES CATEGORIAS Mizael Costa 1 Juan Pablo Reyes 2 RESUMO Tendo em vista a importância dos

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 131 ANÁLISE DE GOLS QUANTO A FORMA E LOCAL DA EQUIPE SUB-8 DO CLUBE DE REGATAS FLAMENGO NO CAMPEONATO ESTADUAL DA LIGA RIOFUTSAL, MÓDULO NOVOS TALENTOS DE 2012 Luiz Fernando A. Serpas Filgueiras 1 RESUMO

Leia mais

A INFLUÊNCIA DA DATA DE NASCIMENTO SOBRE O DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-13

A INFLUÊNCIA DA DATA DE NASCIMENTO SOBRE O DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-13 A INFLUÊNCIA DA DATA DE NASCIMENTO SOBRE O DESEMPENHO TÁTICO DE JOGADORES DE FUTEBOL DA CATEGORIA SUB-13 Elton Ribeiro Resende / Núcleo de Pesquisa e Estudos em Futebol-UFV Israel Teoldo da Costa / Núcleo

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN 1984-4956 versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN 1984-4956 versão eletrônica 77 ANÁLISE DA MANIPULAÇÃO DAS BALIZAS SOBRE O COMPORTAMENTO DO FLUXO DE JOGO E PERFIL TÁTICO EM JOGOS REDUZIDOS E CONDICIONADOS NO FUTEBOL Diego Hilgemberg Figueiredo 1, Diogo Hilgemberg Figueiredo 1 Alex

Leia mais

ANDEBOL: ESTUDO DO TEMPO DE JOGO E DO TEMPO DE PAUSA

ANDEBOL: ESTUDO DO TEMPO DE JOGO E DO TEMPO DE PAUSA ANDEBOL: ESTUDO DO TEMPO DE JOGO E DO TEMPO DE PAUSA Análise do Tempo de Jogo e Tempo de Pausa, em função da alteração de uma regra de jogo (reinício de jogo após golo) Sequeira, P. & Alves, R. Instituto

Leia mais

Influência do desempenho tático sobre o resultado final em jogo reduzido de futebol 1

Influência do desempenho tático sobre o resultado final em jogo reduzido de futebol 1 DOI: 10.4025/reveducfis.v24.3.18902 Influência do desempenho tático sobre o resultado final em jogo reduzido de futebol 1 Influence of tactical performance over the final score of small-sided soccer matches

Leia mais

JOGO (MAR 2017) - PORTO

JOGO (MAR 2017) - PORTO OBSERVAçãO, ANáLISE E INTERPRETAçãO DO JOGO (MAR 2017) - PORTO Neste curso completo de 26 horas, perceba como observar, analisar e interpretar o jogo e o jogador de futebol, assim como identificar talentos,

Leia mais

A Análise do Jogo e a Planificação do Treinamento Como a Análise do Jogo pode ser útil para a Planificação do Treinamento de uma equipe de futebol?

A Análise do Jogo e a Planificação do Treinamento Como a Análise do Jogo pode ser útil para a Planificação do Treinamento de uma equipe de futebol? A Análise do Jogo e a Planificação do Como a Análise do Jogo pode ser útil para a Planificação do de uma equipe de futebol? Autor: Felipe D. Bressan* O estudo do jogo a partir da observação dos comportamentos

Leia mais

Motricidade ISSN: X Desafio Singular - Unipessoal, Lda Portugal

Motricidade ISSN: X Desafio Singular - Unipessoal, Lda Portugal Motricidade ISSN: 1646-107X motricidade.hmf@gmail.com Desafio Singular - Unipessoal, Lda Portugal Duarte, Ricardo Análise da utilização da posse de bola durante o processo ofensivo no futsal. Contributo

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 27 ANÁLISE DOS GOLS EM JOGOS DE FUTSAL SUB-17 NO CAMPEONATO ESTADUAL DE SÃO PAULO 2012 Jussiê de Melo de Campos 1,2 RESUMO Introdução: Atualmente o futsal é um jogo imprevisível por definição e são várias

Leia mais

Projecto: "Manifestação da competência do árbitro de andebol. em situação de competição"

Projecto: Manifestação da competência do árbitro de andebol. em situação de competição Projecto: "Manifestação da competência do árbitro de andebol em situação de competição" Luísa Estriga, Fadeup, CIFID Paula Batista, Fadeup, CIFID Alexandre Monteiro, aluno FadeUP Jorge Costa, aluno FadeUP

Leia mais

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now.

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now. v LISTA DE TABELAS Página TABELA 1 - Categorias de IMC...13 TABELA 2 - Valores do teste Shapiro Wilks... 20 TABELA 3 - Distribuição dos praticantes e não praticantes de futsal segundo calssificação de

Leia mais

METODOLOGIAS DE ENSINO NA APRENDIZAGEM DO FUTSAL MÉTODO ANALÍTICO OU GLOBAL

METODOLOGIAS DE ENSINO NA APRENDIZAGEM DO FUTSAL MÉTODO ANALÍTICO OU GLOBAL METODOLOGIAS DE ENSINO NA APRENDIZAGEM DO FUTSAL MÉTODO ANALÍTICO OU GLOBAL Artur Monteiro / UTAD Luís Vaz / UTAD / CIDESD lvaz@utad.pt ոո Palavras-chave: Educação Física, Ensino, Futsal. INTRODUÇÃO Como

Leia mais

Performance da equipe da Espanha e seus adversários nos jogos da Copa do Mundo FIFA 2010.

Performance da equipe da Espanha e seus adversários nos jogos da Copa do Mundo FIFA 2010. ISSN: 1983-7194 Performance da equipe da Espanha e seus adversários nos jogos da Copa do Mundo FIFA 2010. Performance of Spain s team and their opponents in the matches of the FIFA World Cup 2010. Añon,

Leia mais

INICIAÇÃO AO FUTEBOL. Concepções metodológicas do treinamento INTRODUÇÃO:

INICIAÇÃO AO FUTEBOL. Concepções metodológicas do treinamento INTRODUÇÃO: INICIAÇÃO AO FUTEBOL Concepções metodológicas do treinamento INTRODUÇÃO: O jogo de futebol não é feito apenas de fundamentos (movimentos técnicos), a relação com a bola é uma das competências essênciais

Leia mais

Desempenho tático de jovens jogadores de futebol: comparação entre equipes vencedoras e perdedoras em jogo reduzido

Desempenho tático de jovens jogadores de futebol: comparação entre equipes vencedoras e perdedoras em jogo reduzido Artigo Original Desempenho tático de jovens jogadores de futebol: comparação entre equipes vencedoras e perdedoras em jogo reduzido Tactical performance of youth soccer players: comparison between winners

Leia mais

JOGO (OUT 2016) - PORTO

JOGO (OUT 2016) - PORTO OBSERVAçãO, ANáLISE E INTERPRETAçãO DO JOGO (OUT 2016) - PORTO Neste curso completo de 24 horas, perceba como observar, analisar e interpretar o jogo e o jogador de futebol, assim como identificar talentos,

Leia mais

SÉRIES TEMPORAIS COM INTERVALOS-ALVO DIFERENTES EM TAREFAS DE TAPPING COM CRIANÇAS: O PARADIGMA DE STEVENS REVISITADO

SÉRIES TEMPORAIS COM INTERVALOS-ALVO DIFERENTES EM TAREFAS DE TAPPING COM CRIANÇAS: O PARADIGMA DE STEVENS REVISITADO UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA FACULDADE DE MOTRICIDADE HUMANA SÉRIES TEMPORAIS COM INTERVALOS-ALVO DIFERENTES EM TAREFAS DE TAPPING COM CRIANÇAS: O PARADIGMA DE STEVENS REVISITADO Dissertação elaborada

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 67 A INCIDÊNCIA DE GOLS NA FASE CLASSIFICATÓRIA PARA A COPA DO MUNDO DE 2010 NA ÁFRICA DO SUL Taciano Cestari Barrios Santos 1 RESUMO Introdução: O futebol é o esporte coletivo mais popular do Mundo. A

Leia mais

ORIENTAÇÃO PARA A TAREFA E ORIENTAÇÃO PARA O EGO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20

ORIENTAÇÃO PARA A TAREFA E ORIENTAÇÃO PARA O EGO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20 ORIENTAÇÃO PARA A TAREFA E ORIENTAÇÃO PARA O EGO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20 (2009) Susana Isabel Vicente Ramos Professora na Faculdade de Ciências do Desporto e Educação

Leia mais

ANÁLISE DA RELAÇÃO ENTRE A CIRCULAÇÃO E O TEMPO DE POSSE DE BOLA DA SELEÇÃO ESPANHOLA DE FUTEBOL NA COPA DO MUNDO FIFA 2010

ANÁLISE DA RELAÇÃO ENTRE A CIRCULAÇÃO E O TEMPO DE POSSE DE BOLA DA SELEÇÃO ESPANHOLA DE FUTEBOL NA COPA DO MUNDO FIFA 2010 ANÁLISE DA RELAÇÃO ENTRE A CIRCULAÇÃO E O TEMPO DE POSSE DE BOLA DA SELEÇÃO ESPANHOLA DE FUTEBOL NA COPA DO MUNDO FIFA 2010 Rodrigo de Miranda Monteiro Santos Marcelo Odilon Cabral de Andrade Israel Teoldo

Leia mais

iii AGRADECIMENTOS Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now.

iii AGRADECIMENTOS Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now. iii AGRADECIMENTOS Aos jogadores e comissão técnica das equipes Sub-13 e Sub-15 do E.C. Banespa. Ao Luiz Paes de Barros, companheiro de estudos sobre o futsal. Aos amigos do Grupo de Estudo e Pesquisa

Leia mais

PROJECTO DE INVESTIGAÇÃO DESTINADO À ELABORAÇÃO DE UMA DISSERTAÇÃO ORIGINAL NO ÂMBITO DO CURSO DE MESTRADO EM EPIDEMIOLOGIA (1ª EDIÇÃO)

PROJECTO DE INVESTIGAÇÃO DESTINADO À ELABORAÇÃO DE UMA DISSERTAÇÃO ORIGINAL NO ÂMBITO DO CURSO DE MESTRADO EM EPIDEMIOLOGIA (1ª EDIÇÃO) PROJECTO DE INVESTIGAÇÃO DESTINADO À ELABORAÇÃO DE UMA DISSERTAÇÃO ORIGINAL NO ÂMBITO DO CURSO DE MESTRADO EM EPIDEMIOLOGIA (1ª EDIÇÃO) Prevalência e Factores de Sucesso do Aleitamento Materno no Hospital

Leia mais

DEFESA À ZONA: ROUBAR SEM CORRER, A GESTÃO DO ESPAÇO COMO ESTRATÉGIA RESUMO

DEFESA À ZONA: ROUBAR SEM CORRER, A GESTÃO DO ESPAÇO COMO ESTRATÉGIA RESUMO DEFESA À ZONA: ROUBAR SEM CORRER, A GESTÃO DO ESPAÇO COMO ESTRATÉGIA RESUMO A fim de desejar uma organização defensiva estruturada e coesa, os treinadores geralmente pensam em milhões formas de treinar

Leia mais

Palavras-chave: Futebol; Performance; Posse de bola; Seleção espanhola.

Palavras-chave: Futebol; Performance; Posse de bola; Seleção espanhola. ANÁLISE DA POSSE DE BOLA DA SELEÇÃO ESPANHOLA NA COPA DO MUNDO DE FUTEBOL FIFA - ÁFRICA DO SUL/2010: ESTUDO COMPARATIVO ENTRE AS FASES CLASSIFICATÓRIA E ELIMINATÓRIA. Andrade, M.O.C a ; Padilha, M. a.b

Leia mais

COMPORTAMENTOS TÁTICOS NO JOGO DE FUTSAL: OS PRINCÍPIOS DO JOGO

COMPORTAMENTOS TÁTICOS NO JOGO DE FUTSAL: OS PRINCÍPIOS DO JOGO COMPORTAMENTOS TÁTICOS NO JOGO DE FUTSAL: OS PRINCÍPIOS DO JOGO LUÍS BRAVO 1 MARIA TERESA OLIVEIRA 2 1 Docente no Agrupamento de Escolas de Sátão Portugal. (e-mail: luisbrav@gmail.com) 2 Docente da Escola

Leia mais

Análise dos padrões ofensivos da Seleção Espanhola de Futebol na Copa do Mundo FIFA 2010 em relação ao status da partida

Análise dos padrões ofensivos da Seleção Espanhola de Futebol na Copa do Mundo FIFA 2010 em relação ao status da partida Análise dos padrões ofensivos da Seleção Espanhola de Futebol na Copa do Mundo FIFA 2010 em relação ao status da partida CDD. 20.ed. 796.33 796.334 http://dx.doi.org/10.1590/1807-55092014000300361 Emerson

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 42 ANÁLISE DOS GOLS DE EQUIPES DA CATEGORIA SUB-15 EM PARTIDAS DE UM TORNEIO REGIONAL DE FUTSAL Augusto Luís da Silva Araújo 1 Nicolas Lawall Moreira 1 Helder Barra de Moura 2 Vinicius de Oliveira Damasceno

Leia mais

VALORES NO DESPORTO - O QUE É PARA MIM IMPORTANTE NO DESPORTO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20

VALORES NO DESPORTO - O QUE É PARA MIM IMPORTANTE NO DESPORTO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20 VALORES NO DESPORTO - O QUE É PARA MIM IMPORTANTE NO DESPORTO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20 (2009) Susana Isabel Vicente Ramos Professora na Faculdade de Ciências do Desporto

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 327 ANÁLISE DOS GOLS SOFRIDOS E GOLS FEITOS PELA EQUIPE DE FUTSAL DE NOVA ITABERABA-SC CATEGORIA SUB-17 NO CAMPEONATO CATARINENSE 2013/2014 Ismael Schneider 1 Rogério da Cunha Voser 2 Patrícia Eloi Gomes

Leia mais

[OBSERVAÇÃO E ANÁLISE NO FUTEBOL PROFISSIONAL] Protocolo Treinador Adjunto/Observador e Analista

[OBSERVAÇÃO E ANÁLISE NO FUTEBOL PROFISSIONAL] Protocolo Treinador Adjunto/Observador e Analista 2016 Pedro Monteiro [OBSERVAÇÃO E ANÁLISE NO FUTEBOL PROFISSIONAL] Protocolo Treinador Adjunto/Observador e Analista Índice Objetivos da Observação e Análise no Futebol... 3 Enquadramento na equipa técnica...

Leia mais

CAPITULO III METODOLOGIA

CAPITULO III METODOLOGIA CAPITULO III METODOLOGIA A metodologia seguida neste trabalho é referente a um estudo descritivo e quantitativo. Isto porque a natureza do trabalho desenvolve-se na correlação e comparação entre as diferentes

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso DESPORTO Ano letivo 2015-16 Unidade Curricular PRÁTICA DE DESPORTOS I - FUTEBOL ECTS 3 Regime Obrigatório Ano 1 Semestre 1º Horas de trabalho globais Docente (s) Carlos Nuno Pires Lourenço Sacadura

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 162 DETERMINAÇÃO DA EFICIÊNCIA COLETIVA OFENSIVA NO FUTSAL DE ALTO RENDIMENTO Otávio Nogueira Balzano 1 Werlayne Stuart Soares Leite 1 Rodolfo R. Santos 1 RESUMO O presente estudo tem como objetivo o desenvolvimento

Leia mais

ARTICLE IN PRESS. Revista Brasileira de CIÊNCIAS DO ESPORTE.

ARTICLE IN PRESS. Revista Brasileira de CIÊNCIAS DO ESPORTE. 1 2 +Model Rev Bras Ciênc Esporte. 2015;xxx(xx):xxx -xxx Revista Brasileira de CIÊNCIAS DO ESPORTE www.rbceonline.org.br 3 4 5 6 Q2 ARTIGO ORIGINAL Análise sequencial de comportamentos ofensivos desempenhados

Leia mais

Santa Cruz do Bispo, 13 de Junho 2009 I CONGRESSO DE FUTSAL DE FORMAÇÃO. Guarda-redes. Posturas de Prontidão Desportiva.

Santa Cruz do Bispo, 13 de Junho 2009 I CONGRESSO DE FUTSAL DE FORMAÇÃO. Guarda-redes. Posturas de Prontidão Desportiva. Santa Cruz do Bispo, 13 de Junho 2009 I CONGRESSO DE FUTSAL DE FORMAÇÃO Guarda-redes Posturas de Prontidão Desportiva Posturas de Prontidão Desportiva no Guarda-redes de Futsal Posturas de prontidão desportiva

Leia mais

CURSO DE TREINADORES DE FUTSAL NÍVEL II TÉCNICO TÁCTICA CADERNO DE EXERCÍCIOS ESTRUTURA DOS CONTEÚDOS A ABORDAR NAS DIFERENTES SESSÕES:

CURSO DE TREINADORES DE FUTSAL NÍVEL II TÉCNICO TÁCTICA CADERNO DE EXERCÍCIOS ESTRUTURA DOS CONTEÚDOS A ABORDAR NAS DIFERENTES SESSÕES: CURSO DE TREINADORES DE FUTSAL NÍVEL II TÉCNICO TÁCTICA CADERNO DE EXERCÍCIOS ESTRUTURA DOS CONTEÚDOS A ABORDAR NAS DIFERENTES SESSÕES: 1. Activação geral 2. Técnica Individual 3. Acções Colectivas Complexas

Leia mais

Atitude dos Consumidores face aos Apelos Emocionais e Racionais da Publicidade:

Atitude dos Consumidores face aos Apelos Emocionais e Racionais da Publicidade: Atitude dos Consumidores face aos Apelos Emocionais e Racionais da Publicidade: estudo do sector alimentar por Elisa Margarida Lopes Canedo Tese de Mestrado em Marketing Orientada por: Prof. Doutor Paulo

Leia mais

Aprender a Observar...Observando!

Aprender a Observar...Observando! FCUL Mestrado em Didáctica das Ciências 2004/2006 Metodologia da Investigação I Aprender a Observar...Observando! António Barão Mestrado Formação Pessoal e Social Marisa Temporão Paula David Mestrado Didáctica

Leia mais

CAPÍTULO VI- CONCLUSÕES, LIMITAÇÕES E RECOMENDAÇÕES

CAPÍTULO VI- CONCLUSÕES, LIMITAÇÕES E RECOMENDAÇÕES CAPITULO VI CONCLUSÕES, LIMITAÇÕES E RECOMENDAÇÕES Neste capítulo iremos apresentar as conclusões do presente estudo, tendo também em conta os resultados e a respectiva discussão, descritas no capítulo

Leia mais

Produção científica em língua portuguesa: padrão de citação e avaliação dos indicadores de citação atuais de revistas biomédicas de língua portuguesa

Produção científica em língua portuguesa: padrão de citação e avaliação dos indicadores de citação atuais de revistas biomédicas de língua portuguesa Produção científica em língua portuguesa: padrão de citação e avaliação dos indicadores de citação atuais de revistas biomédicas de língua portuguesa 30 Março/2012 AGENDA Enquadramento Objetivos Metodologia

Leia mais

Processo automático de identificação de termos MeSH em falta: caso prático de Farmácia

Processo automático de identificação de termos MeSH em falta: caso prático de Farmácia Processo automático de identificação de termos MeSH em falta: caso prático de Farmácia Fernando MINGUET, Lucienne van den BOOGERD, Silvia C. LOPES, Teresa M. SALGADO, Cassyano J. CORRER, Fernando FERNANDEZ-LLIMOS

Leia mais

INÉDITOS IDECCA N.º 1

INÉDITOS IDECCA N.º 1 2- Estudo Europeu Sobre Educação e Cuidados de Crianças de Idade Pré-escolar (1992-1997) [European Study of Education and Care of Preschool Children (1992-1997)] OBJECTIVOS [GOALS OF THE STUDY] Objectivo

Leia mais

ANÁLISE DAS SITUAÇÕES DE 1X1 EM JOGOS DE FUTSAL

ANÁLISE DAS SITUAÇÕES DE 1X1 EM JOGOS DE FUTSAL ANÁLISE DAS SITUAÇÕES DE 1X1 EM JOGOS DE FUTSAL Alessandro Júnior Mendes Fidelis¹, Fabricio da Mata Fernandes 2, Frederico Falconi Costa 2, Ricardo Valério Leão 2, Bruno da Mata Fernandes 3, Wilton Carlos

Leia mais

ANÁLISE DO CONHECIMENTO TÁTICO EM ATLETAS DE HANDEBOL

ANÁLISE DO CONHECIMENTO TÁTICO EM ATLETAS DE HANDEBOL ANÁLISE DO CONHECIMENTO TÁTICO EM ATLETAS DE HANDEBOL Noce, F. a, Simim, M.A.M. b, Penna, E.M. b, Ferreira, R.M. b-c, Costa, V.T. b a Universidade Federal de Ouro Preto UFOP b Laboratório de Psicologia

Leia mais

PORTUGAL FOOTBALL SCHOOL. Capacitar e qualificar os agentes desportivos com vista à promoção e ao desenvolvimento do Futebol em Portugal

PORTUGAL FOOTBALL SCHOOL. Capacitar e qualificar os agentes desportivos com vista à promoção e ao desenvolvimento do Futebol em Portugal PORTUGAL FOOTBALL SCHOOL Capacitar e qualificar os agentes desportivos com vista à promoção e ao desenvolvimento do Futebol em Portugal TREINADORES ARBITRAGEM ÁRBITROS OBSERVADORES PRAIA FORMAÇÃO CONTÍNUA

Leia mais

UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA FACULDADE DE MOTRICIDADE HUMANA

UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA FACULDADE DE MOTRICIDADE HUMANA UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA FACULDADE DE MOTRICIDADE HUMANA QUESTIONÁRIO AOS TREINADORES DE FUTEBOL Este questionário faz parte de um estudo sobre a Análise do perfil de competências e das necessidades

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 308 INICIAÇÃO NO FUTSAL ENTRE CRIANÇAS DE 7 A 14 ANOS Verena Ancila da Rocha Carvalho 1 RESUMO Introdução: A proposta desse trabalho tem como finalidade através de uma pesquisa bibliográfica e um questionário

Leia mais

A Matemática e a Resolução de Problemas por crianças de 4 anos

A Matemática e a Resolução de Problemas por crianças de 4 anos UNIVERSIDADE DO ALGARVE ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO Curso de Mestrado em Educação Pré-escolar A Matemática e a Resolução de Problemas por crianças de 4 anos Sob orientação de: Orientadora:

Leia mais

Palavras chave: trabalho colaborativo, desenvolvimento profissional, articulação curricular, tarefas de investigação e exploração.

Palavras chave: trabalho colaborativo, desenvolvimento profissional, articulação curricular, tarefas de investigação e exploração. RESUMO Esta investigação, tem como objectivo perceber como é que o trabalho colaborativo pode ajudar a melhorar as práticas lectivas dos professores, favorecendo a articulação curricular entre ciclos na

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 16 ANÁLISE DO TEMPO DE POSSE DE BOLA E A SUA INFLUÊNCIA NO RESULTADO DOS JOGOS DO CAMPEONATO MUNDIAL DE FUTSAL Rafael Acosta Caetano 1 Rogério Cunha Voser 2 José Cícero Moraes 2 Marcelo Silva Cardoso 2

Leia mais

Gols e partidas da Copa do Mundo do Futebol, 1930 a 2010

Gols e partidas da Copa do Mundo do Futebol, 1930 a 2010 Gols e partidas da Copa do Mundo do Futebol, 1930 a 2010 Goles y partidos de la Copa del Mundo de Fútbol, 1930 a 2010 Goals and matches in Soccer World Cup, 1930 to 2010 Mestre em Ciência da Motricidade

Leia mais

ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DO SAQUE NO VOLEIBOL FEMININO DO MUNDIAL DE 2009.

ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DO SAQUE NO VOLEIBOL FEMININO DO MUNDIAL DE 2009. ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DO SAQUE NO VOLEIBOL FEMININO DO MUNDIAL DE 200. Neryano Ferraz Pazetto (UEL), Juliana Astolpho Lopes (UEL), Karina Alves da Silva (UEL), Marcos Augusto Rocha (UEL) RESUMO Trata-se

Leia mais

Modelos de análise do scout para o futebol baseado na copa das confederações de 2013

Modelos de análise do scout para o futebol baseado na copa das confederações de 2013 ISSN: 1983-7194 Modelos de análise do scout para o futebol baseado na copa das confederações de 2013 Model analysis of scout for soccer based on fifa confederations cup 2013 Santos MS 1 ; Mezêncio B 2

Leia mais

Michel Lacerda Baitelli. Posicionamento Competitivo dentro dos Grupos Estratégicos da Indústria de Higiene Pessoal e Cosméticos

Michel Lacerda Baitelli. Posicionamento Competitivo dentro dos Grupos Estratégicos da Indústria de Higiene Pessoal e Cosméticos Michel Lacerda Baitelli Posicionamento Competitivo dentro dos Grupos Estratégicos da Indústria de Higiene Pessoal e Cosméticos Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para

Leia mais

Avaliação do Sistema de Avaliação de Alunos da Disciplina de Pediatria I 3:1 Parte

Avaliação do Sistema de Avaliação de Alunos da Disciplina de Pediatria I 3:1 Parte Acta Pediam. Port., 2001; N. 6; Vol. 32: 399-406 EDUCAÇÃO MÉDICA PEDIÁTRICA Avaliação do Sistema de Avaliação de Alunos da Disciplina de Pediatria I 3:1 Parte LEONOR LEVY * Professora Auxiliar da Faculdade

Leia mais

A elaboração da presente dissertação foi apoiada, em parte, por um financiamento da Junta Nacional de Investigação Científica e Tecnológica, no

A elaboração da presente dissertação foi apoiada, em parte, por um financiamento da Junta Nacional de Investigação Científica e Tecnológica, no Dissertação de Mestrado em Psicologia, especialização em Psicologia Desportiva, sob a orientação conjunta do Prof. Doutor José Fernando da Silva Azevedo Cruz e do Prof. Doutor Leandro da Silva Almeida.

Leia mais

ANÁLISE DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM- TREINAMENTO NAS CATEGORIAS DE BASE DO FUTEBOL: relações com as capacidades cognitivas e motoras

ANÁLISE DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM- TREINAMENTO NAS CATEGORIAS DE BASE DO FUTEBOL: relações com as capacidades cognitivas e motoras VINÍCIUS DE OLIVEIRA VIANA SOARES ANÁLISE DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM- TREINAMENTO NAS CATEGORIAS DE BASE DO FUTEBOL: relações com as capacidades cognitivas e motoras BELO HORIZONTE 2011 VINÍCIUS

Leia mais

CURSO DE TREINADORES DE FUTSAL NÍVEL I TÉCNICO TÁCTICA CADERNO DE EXERCÍCIOS ESTRUTURA DOS CONTEÚDOS A ABORDAR NAS DIFERENTES SESSÕES:

CURSO DE TREINADORES DE FUTSAL NÍVEL I TÉCNICO TÁCTICA CADERNO DE EXERCÍCIOS ESTRUTURA DOS CONTEÚDOS A ABORDAR NAS DIFERENTES SESSÕES: CURSO DE TREINADORES DE FUTSAL NÍVEL I TÉCNICO TÁCTICA CADERNO DE EXERCÍCIOS ESTRUTURA DOS CONTEÚDOS A ABORDAR NAS DIFERENTES SESSÕES: 1. Activação geral 2. Técnica Individual 3. Acções Colectivas Elementares

Leia mais

ANÁLISE DAS AÇÕES TÉCNICO-TÁTICAS EM JOGOS REDUZIDOS NO FUTEBOL

ANÁLISE DAS AÇÕES TÉCNICO-TÁTICAS EM JOGOS REDUZIDOS NO FUTEBOL ANÁLISE DAS AÇÕES TÉCNICO-TÁTICAS EM JOGOS REDUZIDOS NO FUTEBOL Marcelo Figueiró Baldi 1 Crystian Henrique da Silva 2 Luiz Vacari 2 Nelson Lourena Néia Neto 2 Rodrigo dos Santos 2 Cesar Augusto Pelegrinelli

Leia mais