DISTRITOS DE MEDIÇÃO E CONTROLE COMO FERRAMENTA DE GESTÃO DE PERDAS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA. José do Carmo de Souza Júnior

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISTRITOS DE MEDIÇÃO E CONTROLE COMO FERRAMENTA DE GESTÃO DE PERDAS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA. José do Carmo de Souza Júnior"

Transcrição

1 DISTRITOS DE MEDIÇÃO E CONTROLE COMO FERRAMENTA DE GESTÃO DE PERDAS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA José do Carmo de Souza Júnior

2 AUTORES José do Carmo de Souza Júnior Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo SABESP Mestrando pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP Prof. Dr. Paulo Vatavuk Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

3 Perdas em Sistemas de Distribuição de Água INTRODUÇÃO Perdas Reais (vazamentos) Redes Ramais Reservatórios Válvulas Perdas Aparentes Irregularidades Problemas de Medição Volume Produzido x Volume Não Contabilizado 32 bilhões de m 3 /ano - vazamentos de água em redes de distribuição 16 bilhões de m 3 /ano irregularidades ou problemas de medição Custo Anual 14 bilhões de dólares (Relatório do Banco Mundial, Kingdom et.al, 2006)

4 SETORIZAÇÃO Devido a complexidade dos sistemas de abastecimento, a divisão em sistemas menores permite analisar cada componente e definir ações que proporcionem uma gestão mais adequada (GOMES, 2011). Figura 1 - Setorização clássica em redes de distribuição de água Fonte: Gonçalves e Lima (2007)

5 DISTRITOS DE MEDIÇÃO E CONTROLE (DMC s) Dividir uma rede de abastecimento de água em distritos de medição e controle (DMC s), que são áreas menores e mais gerenciáveis, é internacionalmente aceito como uma das melhores práticas para redução de perdas de água (Farley et.al, 2008) Figura 2 - Configuração típica em DMC s Fonte: Adaptado de Klingel & Knobloch (2011)

6 CRITÉRIOS PARA IMPLANTAÇÃO DE DMC S A concepção de um conjunto de distritos de medição e controle é muito subjetiva, e é improvável que dois engenheiros trabalhando em um mesmo sistema de abastecimento venham a propor a mesma concepção (FARLEY et.al, 2008). Segundo a IWA (2007), diversos fatores devem ser considerados para implantação dos DMC s, são eles: Nível atual de vazamentos Nível econômico de perdas Número de ligações de água Problemas de qualidade da água Requisitos de pressão mínima e máxima Capacidade de combate a incêndios Número de válvulas Número de medidores de vazão Grandes consumidores Condições da infraestrutura Área geográfica Uso e ocupação da área Topografia

7 NÚMERO DE LIGAÇÕES DE ÁGUA EM DMC S

8 NÚMERO DE LIGAÇÕES DE ÁGUA EM DMC S

9 GERENCIAMENTO DE PERDAS DE ÁGUA EM DMC s GERENCIAMENTO DAS PRESSÕES Segundo Katja et. al (2011), a gestão das pressões é o único método que tem um impacto positivo em todos os três componentes de perdas de água reais: vazamentos visíveis, vazamentos não-visíveis (detectáveis) e vazamentos inerentes (não detectáveis).

10 DMC s EM ÁREAS DE VÁLVULAS REDUTORAS DE PRESSÃO A área de abrangência desta VRP pode também ser utilizada como DMC, bastando para isto, a instalação de um medidor de vazão junto a VRP. Fonte: Adaptado de Klingel & Knobloch (2011)

11 A área abastecida pelo booster pode ser utilizada também como um DMC, bastando para isso a implantação de um macromedidor junto ao bombeamento. controle das vazões controle das pressões de montante e jusante DMC s EM ÁREAS DE BOMBEAMENTO ( BOOSTERS ) Fonte: Disponível em Acesso em 25/06/13

12 GERENCIAMENTO DE PERDAS DE ÁGUA EM DMC s GERENCIAMENTO DAS VAZÕES A medição de vazão em redes, também chamada macromedição, é um fator importante no controle de perdas, pois sua correta utilização tem influência direta nos índices de perdas (TSUTIYA, 2004).

13 VAZÃO MÍNIMA NOTURNA EM DMC s IWA (2007), apresenta os componentes da vazão mínima onde se podem verificar a variação da pressão de acordo com a vazão, volumes de consumos noturnos e volumes perdidos por vazamentos de rede e vazamentos inerentes.

14 ESTUDO DE CASO BRAGANÇA PAULISTA/SP IMPLANTAÇÃO DE DMC s EM ÁREAS DE VRP s E BOOSTER s Fonte: CCO Bragança Paulista - Sabesp (2013)

15 ESTUDO DE CASO BRAGANÇA PAULISTA/SP DISTRITOS DE MEDIÇÃO E CONTROLE - DMCs 600 Km redes ligações 35 DMC s 150mil Habitantes Fonte: CCO Bragança Paulista - Sabesp (2013)

16 ESTUDO DE CASO BRAGANÇA PAULISTA/SP SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA - SIGNOS Fonte: CCO Bragança Paulista - Sabesp (2013)

17 ESTUDO DE CASO BRAGANÇA PAULISTA/SP MONITORAMENTO ATRAVÉS DE TELEMETRIA Fonte: CCO Bragança Paulista - Sabesp (2013)

18 ESTUDO DE CASO BRAGANÇA PAULISTA/SP ANÁLISE DOS DADOS E DETECÇÃO DE VAZAMENTOS Fonte: Adaptado de Klingel & Knobloch (2011)

19 ESTUDO DE CASO BRAGANÇA PAULISTA/SP REDUÇÃO DO ÍNDICE DE PERDAS DE ÁGUA Fonte: CCO Bragança Paulista - Sabesp (2013)

20 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E. GONÇALVES; C.V. LIMA. Controle de Pressões e Operação de Válvulas Reguladoras de Pressão. Guias práticos Técnicas de operação em sistemas de abastecimento de água. Brasil. Ministério das Cidades. Programa Nacional de Combate ao desperdício de água. 65p. Brasília, FARLEY et.al. The Manager s Non-Revenue Water Handbook a Guide to Understanding Water Losses. Ranhill Utilities Berhad and the United States Agency for International Development (USAID). 110p. Malaysia, INTERNATIONAL WATER ASSOCIATION (IWA). District Metered Areas Guidance Notes. DMA Team of the Water Loss Task Force.100p. London, KATJA, H.; ZIEGLER, D.; HAPPICH, L. Water Loss Reduction Through Pressure Management. In: Capacity Development for Drinking Water Loss Reduction: Challenges and Experiences. United Nations University. UN-Water Decade Programme on Capacity Development (UNW-DPC). 184p. Munich, KINGDOM, B.; MARIN, P.; LIEMBERGER R. The Challenge of Reducing Non-Revenue Water (NRW) in Developing Countries. How the Private Sector Can Help: A Look at Performance-Based Service Contracting. In: World Bank Discussion Paper Number 8. 52p. Washington D.C., KLINGEL, P; KNOBLOCH, A. Methods and Instruments for Reducing Real Water Losses. In: Guidelines for Water Loss Reduction. A Focus on Pressure Management. Germany. Federal Ministry for Economic Cooperation and Development (GIZ) and VAG Armaturen. 236p LAMBERT, A.; TAYLOR, R. Water Loss Guidelines. Water New Zealand. 102p. New Zealand, MOLEIRO PEDROSO. Estação Pressurizadora de Água Tratada Booster Submersíveis. Disponível em: < Acesso em SABESP. Distrito de Medição e Controle DMC. Distrito de Manobra DM.. Superintendência de Planejamento e Desenvolvimento da Metropolitana. 78p. São Paulo, SABESP. Relatórios da Central de Controle doabastecimento - CCO Bragança Paulista. Bragança Paulista, TSUTIYA, Milton Tomoyuki. Abastecimento de Água. 1ª Edição. Departamento de Engenharia Hidráulica e Sanitária da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. 643p. São Paulo, 2004.

21 OBRIGADO GRACIAS JOSÉ DO CARMO DE SOUZA JÚNIOR

Programa de Redução de Perdas de Água e Eficiência Energética ÍNDICE Visão Geral das Perdas na SABESP Programa de Redução de Perdas de Água e Eficiência Energética Benefícios do Programa Visão Geral das

Leia mais

PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO

PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO REDE METROLÓGICA DO ESTADO DE SÃO PAULO - REMESP REDE DE SANEAMENTO E ABASTECIMENTO DE ÁGUA - RESAG Aplicação de Metodologia para medição de perdas em redes de abastecimento de água

Leia mais

Programa Corporativo de Redução de Perdas de Água da Sabesp

Programa Corporativo de Redução de Perdas de Água da Sabesp Workshop Inovação e Tecnologias Globais em Saneamento Programa Corporativo de Redução de Perdas de Água da Sabesp Eric C Carozzi 29.07.2014 Visão geral das Perdas de Água na Sabesp - Balanço Hídrico Balanço

Leia mais

Redes de águas inteligentes e a gestão de perdas. Glauco Montagna Gerente de Contas Estratégicas - Saneamento

Redes de águas inteligentes e a gestão de perdas. Glauco Montagna Gerente de Contas Estratégicas - Saneamento Redes de águas inteligentes e a gestão de perdas Glauco Montagna Gerente de Contas Estratégicas - Saneamento ABIMAQ / SINDESAM ABIMAQ Fundada em 1937, com 4.500 empresas representadas em 26 Câmaras Setoriais.

Leia mais

REDUÇÃO DE PERDAS REAIS NA ÁREA PILOTO DO PARQUE CONTINENTAL.

REDUÇÃO DE PERDAS REAIS NA ÁREA PILOTO DO PARQUE CONTINENTAL. REDUÇÃO DE PERDAS REAIS NA ÁREA PILOTO DO PARQUE CONTINENTAL. TEMA DO TRABALHO: ABASTECIMENTO DE ÁGUA Nome dos Autores: Luiz Eduardo Mendes Divisão de Manutenção e Operação Cargo: Engenheiro Civil - Formação:

Leia mais

I-036 EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA CIDADE DE UBATUBA, ESTADO DE SÃO PAULO

I-036 EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA CIDADE DE UBATUBA, ESTADO DE SÃO PAULO I-036 EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA CIDADE DE UBATUBA, ESTADO DE SÃO PAULO Milton Tomoyuki Tsutiya (1) Engenheiro Civil pela Escola Politécnica da USP (1975). Mestre em Engenharia

Leia mais

SEMINÁRIO WATER LOSS 2007

SEMINÁRIO WATER LOSS 2007 1º Encontro Técnico da Baixada Santista EFICIÊNCIA OPERACIONAL EM REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA SEMINÁRIO WATER LOSS 2007 IWA International Water Association BUCARESTE - ROMÊNIA Jairo Tardelli Filho MPI/Sabesp

Leia mais

PLANO DE REDUÇÃO DE PERDAS FÍSICAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE GUARULHOS

PLANO DE REDUÇÃO DE PERDAS FÍSICAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE GUARULHOS PLANO DE REDUÇÃO DE PERDAS FÍSICAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE GUARULHOS TEMA I: ABASTECIMENTO DE ÁGUA AUTORES: Silvano Silvério da Costa: Ex-Diretor de Manutenção e Operação do SAAE de Guarulhos.

Leia mais

PLANO DIRETOR PARA COMBATE ÀS PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DE ÁGUA

PLANO DIRETOR PARA COMBATE ÀS PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DE ÁGUA PLANO DIRETOR PARA COMBATE ÀS PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DE ÁGUA A PERDA DE ÁGUA NO ABASTECIMENTO PÚBLICO O índice de perdas é um dos principais indicadores da eficiência da operação dos

Leia mais

GESTÃO OPERACIONAL NO CONTROLE DE PERDAS NA CORSAN

GESTÃO OPERACIONAL NO CONTROLE DE PERDAS NA CORSAN GESTÃO OPERACIONAL NO CONTROLE DE PERDAS NA CORSAN 1º Seminário Nacional de Gestão e Controle de Perdas Porto Alegre/RS 13 e 14 de julho de 2015 REDUÇÃO DE PERDAS SOB A PERSPECTIVA FINANCEIRA 01) Garantir

Leia mais

Perdas em Sistemas de Abastecimento de Água

Perdas em Sistemas de Abastecimento de Água Universidade Mackenzie Perdas em Sistemas de Abastecimento de Água Dante Ragazzi Pauli Presidente ABES Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental S. Paulo, fevereiro 2014 Conceitos Sistema

Leia mais

I - 098 - GANHO DE EFICIÊNCIA EM MICROZONAS DE VRP S

I - 098 - GANHO DE EFICIÊNCIA EM MICROZONAS DE VRP S º gresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental I - 98 - GANHO DE EFICIÊNCIA EM MICROZONAS DE VRP S Pierre Ribeiro de Siqueira () Engenheiro Mecânico pela Escola de Engenharia Mauá, Especialista

Leia mais

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A TÍTULO: Metodologia para Detecção de Vazamentos não Aparentes utilizando Armazenadores de Ruídos de Vazamento em Setores isolados na cidade de Campinas. AUTOR: Engº Paulo Sérgio Vicinança RESPONSÁVEL PELA

Leia mais

Gestão de Perdas. Glauco Montagna

Gestão de Perdas. Glauco Montagna Gestão de Perdas Glauco Montagna Agenda 1. A perda de água 2. Gestão de perda de água 3. Redes de água inteligentes 4. Caso de Sucesso Componentes (1) Componentes (2) A perda de água é a somatória de:

Leia mais

Orçamento Estimativo - Programa de Desenvolvimento Operacional Desembolso no ano 2000

Orçamento Estimativo - Programa de Desenvolvimento Operacional Desembolso no ano 2000 1. Macromedição e Pitometria 1.1 Materiais e equipamentos aquisição de macromedidores aquisição de equip. de pitometria aquisição de veículo sub-total 1.1 1.2 Serviços contratação de serviço de instalação

Leia mais

1º Seminário Nacional de Gestão e Controle de Perdas de Água ABES-RS. Eng. Gustavo Lamon

1º Seminário Nacional de Gestão e Controle de Perdas de Água ABES-RS. Eng. Gustavo Lamon 1º Seminário Nacional de Gestão e Controle de Perdas de Água ABES-RS Eng. Gustavo Lamon JULHO DE 2015 TÓPICOS ABORDADOS NESTA APRESENTAÇÃO PRINCIPAIS NÚMEROS NO BRASIL PITOMETRIA SETORIZAÇÃO MACROMEDIDOR

Leia mais

EFEITOS DA PESQUISA DE VAZAMENTOS NA REDUÇÃO DAS PERDAS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE PONTE NOVA - MG

EFEITOS DA PESQUISA DE VAZAMENTOS NA REDUÇÃO DAS PERDAS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE PONTE NOVA - MG EFEITOS DA PESQUISA DE VAZAMENTOS NA REDUÇÃO DAS PERDAS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE PONTE NOVA - MG Guilherme Resende Tavares (1) Graduado em Engenharia Ambiental pela Universidade Fumec. Antes de ingressar

Leia mais

REDUÇÃO DA PERDA DE ÁGUA COM O CONTROLE DE VAZÃO EM SUBSETOR DE ABASTECIMENTO DA CIDADE DO SALVADOR, BAHIA.

REDUÇÃO DA PERDA DE ÁGUA COM O CONTROLE DE VAZÃO EM SUBSETOR DE ABASTECIMENTO DA CIDADE DO SALVADOR, BAHIA. 05 a 07 de Dezembro de 2013 Salvador- BA REDUÇÃO DA PERDA DE ÁGUA COM O CONTROLE DE VAZÃO EM SUBSETOR DE ABASTECIMENTO DA CIDADE DO SALVADOR, BAHIA. Sérgio Ricardo dos Santos Silva (1) Engenheiro Civil,

Leia mais

Diretoria Metropolitana

Diretoria Metropolitana Diretoria Metropolitana Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - Sabesp Diretoria Metropolitana Unidade de Negócio Sul MS Modelo de Contrato de Performance para Redução de Perdas Reais e

Leia mais

Perdas de água Experiências e Tecnologias do Japão

Perdas de água Experiências e Tecnologias do Japão Seminário do Planejamento à Prática: Uso Sustentável dos Recursos Hídricos Perdas de água Experiências e Tecnologias do Japão Renata Sayuri Muranaka TOR-Departamento de Gestão do Programa Corporativo de

Leia mais

Norma Técnica Interna SABESP NTS 024

Norma Técnica Interna SABESP NTS 024 Norma Técnica Interna SABESP NTS 024 REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA Elaboração de Projetos Procedimento São Paulo Maio - 1999 NTS 024 : 1999 Norma Técnica Interna SABESP S U M Á R I O 1 RECOMENDAÇÕES DE

Leia mais

Diretoria Técnica Gerência de Controle de Perdas e Sistemas

Diretoria Técnica Gerência de Controle de Perdas e Sistemas Título: Gestão da Pesquisa de vazamentos não visíveis AUTORES: Claudio Luiz Tiozzi Rubio Cargo Atual: Coordenador Macromedição e Pesquisas Formação: Engenharia Mecânica Área de Atuação: Controle de Perdas,

Leia mais

PROJETO DE READEQUAÇÃO HIDRÁULICA BUSCANDO REGULARIDADE NAS CONDIÇÕES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

PROJETO DE READEQUAÇÃO HIDRÁULICA BUSCANDO REGULARIDADE NAS CONDIÇÕES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA PROJETO DE READEQUAÇÃO HIDRÁULICA BUSCANDO REGULARIDADE NAS CONDIÇÕES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA APLICAÇÃO NA REGIÃO DO BOMBEAMENTO ITAPUÍ EM BLUMENAU/SC Marcelo Torresani Pós-graduado do curso de Gestão

Leia mais

METODOLOGIA PARA ESTUDO DE PERDAS EM SETOR DE ABASTECIENTO DE ÁGUA. Eng. Adalberto Cavalcanti Coelho

METODOLOGIA PARA ESTUDO DE PERDAS EM SETOR DE ABASTECIENTO DE ÁGUA. Eng. Adalberto Cavalcanti Coelho METODOLOGIA PARA ESTUDO DE PERDAS EM SETOR DE ABASTECIENTO DE ÁGUA Eng. Adalberto Cavalcanti Coelho Resumo As perdas nas empresas de abastecimento de abastecimento de água do Brasil apresentam valores

Leia mais

APLICAÇÃO DE VÁLVULAS REDUTORAS DE PRESSÃO NA REDUÇÃO DE PERDAS REAIS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA NA UNIDADE DE NEGÓCIO LESTE SABESP

APLICAÇÃO DE VÁLVULAS REDUTORAS DE PRESSÃO NA REDUÇÃO DE PERDAS REAIS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA NA UNIDADE DE NEGÓCIO LESTE SABESP UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI FILIPE FORCINITO PEREIRA APLICAÇÃO DE VÁLVULAS REDUTORAS DE PRESSÃO NA REDUÇÃO DE PERDAS REAIS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA NA UNIDADE DE NEGÓCIO LESTE SABESP SÃO PAULO

Leia mais

I-028 CONTROLE DE PERDAS ATRAVÉS DE MACROMEDIDORES ELETROMAGNÉTICOS

I-028 CONTROLE DE PERDAS ATRAVÉS DE MACROMEDIDORES ELETROMAGNÉTICOS I-28 CONTROLE DE PERDAS ATRAVÉS DE MACROMEDIDORES ELETROMAGNÉTICOS Kleber Castilho Polisel (1) Engenheiro Mecânico pela Universidade de Taubaté 1986. Especialização em Engenharia de Saneamento Básico pela

Leia mais

I-132 - EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA TRATADA

I-132 - EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA TRATADA I-132 - EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA TRATADA Alex Orellana (1) Engenheiro de Produção Mecânica pelo Centro Universitário Nove de Julho. Pós-graduado

Leia mais

CON O TR T AT A O T : O C : SS 2 SS.2.

CON O TR T AT A O T : O C : SS 2 SS.2. : CONTRATO: CSS 2.213/03 Prestação de Serviços Técnicos Especializados de Engenharia para o desenvolvimento do Programa de Redução das Perdas Globais e Avaliação da Sua Eficiência e Viabilidade Econômica

Leia mais

3º Congresso Internacional de Tecnologias para o Meio Ambiente. Bento Gonçalves RS, Brasil, 25 a 27 de Abril de 2012

3º Congresso Internacional de Tecnologias para o Meio Ambiente. Bento Gonçalves RS, Brasil, 25 a 27 de Abril de 2012 Estimativa dos tipos de perdas de água pelo método balanço hídrico no sistema de abastecimento de Goiatuba, Goiás Camila Cristina Rodrigues da Costa 1, Antônio Pasqualetto 2 1 Pontifícia Universidade Católica

Leia mais

REDUÇÃO DE PERDAS REAIS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE ITAPIRA/SP ATRAVÉS DA PESQUISA E COMBATE DE VAZAMENTOS

REDUÇÃO DE PERDAS REAIS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE ITAPIRA/SP ATRAVÉS DA PESQUISA E COMBATE DE VAZAMENTOS REDUÇÃO DE PERDAS REAIS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE ITAPIRA/SP ATRAVÉS DA PESQUISA E COMBATE DE VAZAMENTOS Denis Augusto Mathias (1) Engenheiro Ambiental. Pós-graduado em Infraestrutura de Saneamento Básico

Leia mais

Seminário Nacional AESBE 30 anos

Seminário Nacional AESBE 30 anos Experiências de Sucesso nas Empresas Estaduais de Saneamento TELEMETRIA 26/08/2015 Silvana Corsaro Candido da Silva de Franco, Gerente do Departamento de Planejamento, Gestão e Operação da Produção Seminário

Leia mais

FICHA DE BOAS PRÁTICAS Eficiência dos Sistemas de Abastecimento de Água

FICHA DE BOAS PRÁTICAS Eficiência dos Sistemas de Abastecimento de Água FICHA DE BOAS PRÁTICAS Eficiência dos Sistemas de Abastecimento de Água Versão de: Junho 2014 Página: 1 7 TEMA: SETORIZAÇÃO DA REDE ENQUADRAMENTO O controlo de perdas de água é fundamental para melhorar

Leia mais

A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA DE CONTROLE E REDUÇÃO DE PERDAS DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM GUARULHOS - SP

A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA DE CONTROLE E REDUÇÃO DE PERDAS DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM GUARULHOS - SP A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA DE CONTROLE E REDUÇÃO DE PERDAS DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM GUARULHOS - SP Sérgio Braga* Engenheiro Civil e Sanitarista Diretor do Departamento de Obras Cícero Felipe

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE PROGRAMA Nº- 148

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE PROGRAMA Nº- 148 PROGRAMA Nº- 148 GESTÃO E CONTROLE DE PERDAS FUNÇÃO: 17 SANEAMENTO SUB-FUNÇÃO: 512 SANEAMENTO BÁSICO URBANO - Reduzir perdas de água reais e aparentes; reduzir os custos de exploração, produção e distribuição

Leia mais

Luiz Celso Pinto Gerente de Controle de Perdas CAGECE Brasil. 28 a 30 de Setembro de 2010 Centro de Convenções Frei Caneca São Paulo BRASIL

Luiz Celso Pinto Gerente de Controle de Perdas CAGECE Brasil. 28 a 30 de Setembro de 2010 Centro de Convenções Frei Caneca São Paulo BRASIL Luiz Celso Pinto Gerente de Controle de Perdas CAGECE Brasil 28 a 30 de Setembro de 2010 Centro de Convenções Frei Caneca São Paulo BRASIL Desenvolvimento Interno de Soluções AMI/AMR Advanced Metering

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento. Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento. Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água Setembro/2010 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL A. A OPORTUNIDADE A.1 Qual foi a oportunidade

Leia mais

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A Diretoria Técnica

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A Diretoria Técnica TÍTULO: PLANO DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA PARA REDES DE ÁGUA E ESGOTO NUMA CIDADE DE 01 MILHÃO DE HABITANTES. TEMA: Organização e Gestão dos Serviços de Saneamento. Nome dos Autores: 1 - Engº Marco Antonio

Leia mais

II SEMINÁRIO ESTADUAL DE SANEAMENTO AMBIENTAL Painel IV: Saneamento Básico Palestra: Florianópolis, 13 de agosto de 2010

II SEMINÁRIO ESTADUAL DE SANEAMENTO AMBIENTAL Painel IV: Saneamento Básico Palestra: Florianópolis, 13 de agosto de 2010 II SEMINÁRIO ESTADUAL DE SANEAMENTO AMBIENTAL Painel IV: Saneamento Básico Palestra: Controle e redução de perdas de água e uso eficiente de energia em sistemas de abastecimento de água Eng. Airton Gomes

Leia mais

TÍTULO: PORQUE O ÍNDICE DE PERDAS POR LIGAÇÃO IPL NÃO É RECOMENDADO COMO INDICADOR DESEMPENHO

TÍTULO: PORQUE O ÍNDICE DE PERDAS POR LIGAÇÃO IPL NÃO É RECOMENDADO COMO INDICADOR DESEMPENHO TÍTULO: PORQUE O ÍNDICE DE PERDAS POR LIGAÇÃO IPL NÃO É RECOMENDADO COMO INDICADOR DESEMPENHO AUTORES: Claudio Luiz Tiozzi Rubio responsável pela apresentação oral Cargo Atual: Coordenador Macromedição

Leia mais

Profa. Margarita Ma. Dueñas Orozco margarita.unir@gmail.com

Profa. Margarita Ma. Dueñas Orozco margarita.unir@gmail.com Profa. Margarita Ma. Dueñas Orozco margarita.unir@gmail.com FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA UNIR CAMPUS DE JI-PARANÁ DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AMBIENTAL CONCEITO CONCEITO Unidade do SAA constituída

Leia mais

PROGRAMA DE INTERCÂMBIO, COOPERAÇÃO E INCENTIVO À MELHORIA DA GESTÃO DE PERDAS E EFICIENTIZAÇÃO ENERGÉTICA

PROGRAMA DE INTERCÂMBIO, COOPERAÇÃO E INCENTIVO À MELHORIA DA GESTÃO DE PERDAS E EFICIENTIZAÇÃO ENERGÉTICA PROGRAMA DE INTERCÂMBIO, COOPERAÇÃO E INCENTIVO À MELHORIA DA GESTÃO DE PERDAS E EFICIENTIZAÇÃO ENERGÉTICA Airton Sampaio Gomes - Consultor Equipe Aesbe Brasília, junho de 2012 Sumário 1) APRESENTAÇÃO...

Leia mais

Sistemas produtores capacidades

Sistemas produtores capacidades Sistemas produtores capacidades CAPACIDADES DE PRODUÇÃO ATUAIS SISTEMA INTEGRADO SISTEMA PRODUTOR Nominal Máxima (m³/s) (m³/s) Cantareira 33,0 35,0 Guarapiranga 14,0 15,0 Alto Tietê 10,0 12,0 Rio Claro

Leia mais

SÃO LEOPOLDO - RS SEMINÁRIO TÉCNICO DE AUTOMAÇÃO PARA SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO AUTOMAÇÃO PARA SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO

SÃO LEOPOLDO - RS SEMINÁRIO TÉCNICO DE AUTOMAÇÃO PARA SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO AUTOMAÇÃO PARA SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO 01 DEZEMBRO 2005 SÃO LEOPOLDO - RS SEMINÁRIO TÉCNICO DE AUTOMAÇÃO PARA SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO AUTOMAÇÃO PARA SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO SCAI Automação Ltda. INSTRUMENTAÇÃO NÍVEL PRESSÃO VAZÃO GRANDEZAS

Leia mais

Controle Operacional à Distância Ferramenta Operacional

Controle Operacional à Distância Ferramenta Operacional Controle Operacional à Distância Ferramenta Operacional MÁRCIO MARTINEZ KUTSCHER mkutscher@comusa.com.br Responsável pela automação e manutenção de sistemas eletromecânicos. Eng Eletricista formado pela

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Categoria IGS - Inovação da Gestão em Saneamento Monitoramento à Distância de Pontos Críticos de Abastecimento de Água e de VRP s com a utilização da estrutura

Leia mais

NOTA TÉCNICA CRFEF 07/2016

NOTA TÉCNICA CRFEF 07/2016 NOTA TÉCNICA CRFEF 07/2016 Programa de Controle de Perdas - Revisão Tarifária Periódica de 2016 da Companhia de Saneamento Municipal de Juiz de Fora Cesama (Versão Audiência Pública) Coordenadoria Técnica

Leia mais

ESTUDO DE CASO: ESTUDO DE REDUÇÃO DE PERDAS NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE PEDERNEIRAS/SP ATRAVÉS DE FERRAMENTA DE MODELAGEM

ESTUDO DE CASO: ESTUDO DE REDUÇÃO DE PERDAS NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE PEDERNEIRAS/SP ATRAVÉS DE FERRAMENTA DE MODELAGEM ESTUDO DE CASO: ESTUDO DE REDUÇÃO DE PERDAS NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE PEDERNEIRAS/SP ATRAVÉS DE FERRAMENTA DE MODELAGEM Mariana Machado Bastos (1) Engenheira Ambiental Sérgio Henrique

Leia mais

Cadastro Técnico de Sistemas de Abastecimento de Água

Cadastro Técnico de Sistemas de Abastecimento de Água 1 NORMA GT/FE/ Número / versão / ano ENG/CA/049/01/08 Data de aprovação 05 /11 / 2008 Doc. de aprovação Resolução nº 4950/2008 Cadastro Técnico de Sistemas de Abastecimento de Água SUMÁRIO 1 OBJETIVO...

Leia mais

GIS COM SOFTWARE LIVRE NO SAEAN EM ARTUR NOGUEIRA

GIS COM SOFTWARE LIVRE NO SAEAN EM ARTUR NOGUEIRA GIS COM SOFTWARE LIVRE NO SAEAN EM ARTUR NOGUEIRA José Maria Villac Pinheiro (1) Engenheiro pela Universidade de São Paulo USP Escola de Engenharia de São Carlos EESC. Especialização em computação gráfica

Leia mais

I-067 MINI DISTRITOS CONSUMO DE LIGAÇÕES NÃO MEDIDAS, CLANDESTINAS E COM FRAUDES

I-067 MINI DISTRITOS CONSUMO DE LIGAÇÕES NÃO MEDIDAS, CLANDESTINAS E COM FRAUDES I-067 MINI DISTRITOS CONSUMO DE LIGAÇÕES NÃO MEDIDAS, CLANDESTINAS E COM FRAUDES Abal Simões de Magalhães (1) Engenheiro Civil pela (UFBa/BA - 1982). Superintendente da Embasa na Região Metropolitana de

Leia mais

CDHU Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano CBCS Conselho Brasileiro da Construção Sustentável

CDHU Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano CBCS Conselho Brasileiro da Construção Sustentável CDHU Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano CBCS Conselho Brasileiro da Construção Sustentável Seminário i Eficiência Energética e HIS no Estado de São Paulo Sistemas Prediais e a Medição Individualizada

Leia mais

METODOLOGIA PARA A IMPLANTAÇÃO DE ÁREAS PILOTO DE CONTROLE E COMBATE ÀS PERDAS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE GUARULHOS-SP.

METODOLOGIA PARA A IMPLANTAÇÃO DE ÁREAS PILOTO DE CONTROLE E COMBATE ÀS PERDAS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE GUARULHOS-SP. METODOLOGIA PARA A IMPLANTAÇÃO DE ÁREAS PILOTO DE CONTROLE E COMBATE ÀS PERDAS DE ÁGUA NO MUNICÍPIO DE GUARULHOS-SP. Silvano Silvério da Costa * Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Guarulhos SAAE Engenheiro

Leia mais

Indicador de vulnerabilidade da infraestrutura de redes de distribuição de água uma proposta para a tomada de decisões no combate às perdas

Indicador de vulnerabilidade da infraestrutura de redes de distribuição de água uma proposta para a tomada de decisões no combate às perdas Indicador de vulnerabilidade da infraestrutura de redes de distribuição de água uma proposta para a tomada de decisões no combate às perdas Eng. Edison Garcia da Silva Junior / Eng. Rodrigo Chimenti Cabral

Leia mais

Workshop Internacional Transientes Hidráulicos: uma abordagem inovadora e prática

Workshop Internacional Transientes Hidráulicos: uma abordagem inovadora e prática CONVITE O EVENTO Você está convidado a participar do sobre Transientes Hidráulicos: uma, a realizar-se nos dias 02 e 03 de dezembro de 2013, no auditório da Faculdade de Engenharia Civil da Universidade

Leia mais

Controle de Indicadores por Setor de Manobra Ferramenta para o Gerenciamento de Redes

Controle de Indicadores por Setor de Manobra Ferramenta para o Gerenciamento de Redes Controle de Indicadores por Setor de Manobra Ferramenta para o Gerenciamento de Redes JOÃO RICARDO LETURIONDO PUREZA jpureza@comusa.com.br Responsável pelo setor de operação da Companhia, Eng Civil formado

Leia mais

Estação Elevatória de Água de Santana: um Caso de Sucesso na Redução de Perdas e Consumo de Energia no Setor de Saneamento

Estação Elevatória de Água de Santana: um Caso de Sucesso na Redução de Perdas e Consumo de Energia no Setor de Saneamento Estação Elevatória de Água de Santana: um Caso de Sucesso na Redução de Perdas e Consumo de Energia no Setor de Saneamento M. A. Braghiroli a, M. B. dos Santos b, D. Brega Filho c a. Sabesp, São Paulo,

Leia mais

Avaliação da metodologia para controle de perdas de água em rede de distribuição no Recife-PE 1

Avaliação da metodologia para controle de perdas de água em rede de distribuição no Recife-PE 1 Avaliação da metodologia para controle de perdas de água em rede de distribuição no Recife-PE 1 Evaluation of the methodology for control of water losses in distribuition network in Recife PE Danielle

Leia mais

Planos de Segurança da Água no cenário internacional e nacional

Planos de Segurança da Água no cenário internacional e nacional Ministério da Saúde Secretaria de Vigilância em Saúde Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador Planos de Segurança da Água no cenário internacional e nacional Guilherme Franco

Leia mais

Atual situação de perdas em Indaiatuba. Situação pretendida nos próximos 4 anos - Meta

Atual situação de perdas em Indaiatuba. Situação pretendida nos próximos 4 anos - Meta Atual situação de perdas em Indaiatuba Dez / 2011-36,9% de índice de perdas na distribuição 370 litros / ligação / dia de perdas Dez / 2012-33,30% de índice de perdas na distribuição 334 litros / ligação

Leia mais

COPASA PROGRAMA DE REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO

COPASA PROGRAMA DE REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO COPASA PROGRAMA DE REDUÇÃO DE PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO Diretoria Técnica e de Meio Ambiente Superintendência de Desenvolvimento Tecnológico Belo Horizonte Setembro/2003 2003. Companhia

Leia mais

PROGRAMA DE TRABALHO PARA ESTRUTURAÇÃO E MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO OPERACIONAL DAS LOCALIDADES BENEFICIADAS PELO SISTEMA PRODUTOR SUL- PIRAPAMA

PROGRAMA DE TRABALHO PARA ESTRUTURAÇÃO E MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO OPERACIONAL DAS LOCALIDADES BENEFICIADAS PELO SISTEMA PRODUTOR SUL- PIRAPAMA PROGRAMA DE TRABALHO PARA ESTRUTURAÇÃO E MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO OPERACIONAL DAS LOCALIDADES BENEFICIADAS PELO SISTEMA PRODUTOR SUL- PIRAPAMA SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO; 2. OBJETIVO; 3. LOCALIDADES BENEFICIADAS;

Leia mais

A EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA COMO ALIADA NO COMBATE ÁS PERDAS e a melhora da eficiência operacional.

A EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA COMO ALIADA NO COMBATE ÁS PERDAS e a melhora da eficiência operacional. A EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA COMO ALIADA NO COMBATE ÁS PERDAS e a melhora da eficiência operacional. Mariano Michael Bergman Gerente de Produtos & Sistemas LAM Preparado especialmente para ASSEMAE 9º Seminário

Leia mais

AVALIAÇÃO DA RELEVÂNCIA DOS PARÂMETROS INTERVENIENTES NO CONSUMO DE ÁGUA NA CIDADE DE MARINGÁ. Rodrigo Fernandes Junqueira 1

AVALIAÇÃO DA RELEVÂNCIA DOS PARÂMETROS INTERVENIENTES NO CONSUMO DE ÁGUA NA CIDADE DE MARINGÁ. Rodrigo Fernandes Junqueira 1 AVALIAÇÃO DA RELEVÂNCIA DOS PARÂMETROS INTERVENIENTES NO CONSUMO DE ÁGUA NA CIDADE DE MARINGÁ Rodrigo Fernandes Junqueira 1 Paulo José Alves Lourenço 2 Sandro Rogério Lautenschlager 3 RESUMO Neste trabalho

Leia mais

CEMEO - A INOVAÇÃO NO MONITORAMENTO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO E COLETA COM FOCO NA GESTÃO DA INFORMAÇÃO

CEMEO - A INOVAÇÃO NO MONITORAMENTO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO E COLETA COM FOCO NA GESTÃO DA INFORMAÇÃO PNQS 2012 Categoria IGS Inovação da Gestão em Saneamento RDPG Relatório de Descrição de Prática de Gestão CEMEO - A INOVAÇÃO NO MONITORAMENTO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO E COLETA COM FOCO NA GESTÃO DA

Leia mais

Universidade Federal do ABC. Graduação em Engenharia Ambiental e Urbana. Natally Annunciato Siqueira

Universidade Federal do ABC. Graduação em Engenharia Ambiental e Urbana. Natally Annunciato Siqueira Universidade Federal do ABC Graduação em Engenharia Ambiental e Urbana Natally Annunciato Siqueira REDUÇÃO DE PERDAS EM SISTEMAS DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA: ESTUDO DE CASO DERIVAÇÃO SACOMÃ Monografia Santo

Leia mais

Nível econômico de vazamento em rede de distribuição: estudo de caso na zona baixa de Maceió/AL. Eliana Cris*na de Souza Nélia Henriques Callado

Nível econômico de vazamento em rede de distribuição: estudo de caso na zona baixa de Maceió/AL. Eliana Cris*na de Souza Nélia Henriques Callado Nível econômico de vazamento em rede de distribuição: estudo de caso na zona baixa de Maceió/AL. Eliana Cris*na de Souza Nélia Henriques Callado INTRODUÇÃO O controle de perdas em sistemas de abastecimento

Leia mais

Universidade Federal de Ouro Preto Escola de Minas Departamento de Engenharia Civil CIV 640 Saneamento Urbano

Universidade Federal de Ouro Preto Escola de Minas Departamento de Engenharia Civil CIV 640 Saneamento Urbano Universidade Federal de Ouro Preto Escola de Minas Departamento de Engenharia Civil CIV 640 Saneamento Urbano Reservatórios e Redes de Distribuição de Água Universidade Federal de Ouro Preto Escola de

Leia mais

DIAGNÓSTICO DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DO MUNICÍPIO DE RIACHÃO DO BACAMARTE - PB

DIAGNÓSTICO DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DO MUNICÍPIO DE RIACHÃO DO BACAMARTE - PB UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL CURSO DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL TÁSSIO LEAL RODRIGUES DIAGNÓSTICO DO SISTEMA

Leia mais

BERMAD BRASIL SANEAMENTO. Válvulas redutoras de pressão e suas aplicações no controle de perdas

BERMAD BRASIL SANEAMENTO. Válvulas redutoras de pressão e suas aplicações no controle de perdas BERMAD BRASIL SANEAMENTO Válvulas redutoras de pressão e suas aplicações no controle de perdas Fábrica em Israel Fábrica em Israel 35.000 m2 de área livre 15.000 m2 de área construída 450 Funcionários

Leia mais

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI RICARDO BARBOSA DOS SANTOS PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI RICARDO BARBOSA DOS SANTOS PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI RICARDO BARBOSA DOS SANTOS PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO SÃO PAULO 2008 2 RICARDO BARBOSA DOS SANTOS. PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO

Leia mais

MONTAGEM DE PROGRAMAS DE DESENVOLVIMENTO OPERACIONAL SEMINÁRIO DE GESTÃO ORGANIZACIONAL E INSTRUMENTOS DE PLANEJAMENTO, CONTROLE E AVALIAÇÃO

MONTAGEM DE PROGRAMAS DE DESENVOLVIMENTO OPERACIONAL SEMINÁRIO DE GESTÃO ORGANIZACIONAL E INSTRUMENTOS DE PLANEJAMENTO, CONTROLE E AVALIAÇÃO MONTAGEM DE PROGRAMAS DE DESENVOLVIMENTO OPERACIONAL SEMINÁRIO DE GESTÃO ORGANIZACIONAL E INSTRUMENTOS DE PLANEJAMENTO, CONTROLE E AVALIAÇÃO Eng. Airton Gomes Consultor da AESBE Brasília, 20 de setembro

Leia mais

Audiência Pública. Piedade. 20 de Junho de 2013

Audiência Pública. Piedade. 20 de Junho de 2013 Audiência Pública Piedade 20 de Junho de 2013 Objetivo do Encontro Audiência Pública sobre o Convênio com o Governo do Estado, Contrato de Programa com a Sabesp e Plano Municipal de Saneamento do município

Leia mais

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A TÍTULO: MONITORAMENTO DE ÁREAS DE ABASTECIMENTO COM AVALIAÇÃO TÉCNICA E ECONÔMICA. COMO A SANASA REALIZA? Nome do Autor/Apresentador: Ivan de Carlos Cargo atual: Engenheiro, formação em Engenharia Civil,

Leia mais

I-021 PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO CAMPUS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA

I-021 PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO CAMPUS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA I-021 PERDAS DE ÁGUA NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO CAMPUS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA Evaristo C. Rezende dos Santos 2 José Almir R. Pereira 1 Lindemberg Lima Fernandes 2 Rui Guilherme

Leia mais

ESTUDO DA INFLUÊNCIA DE VAZAMENTOS DE ÁGUA NA REDE COLETORA DE ESGOTOS TEMA I: ÁGUA AUTORES

ESTUDO DA INFLUÊNCIA DE VAZAMENTOS DE ÁGUA NA REDE COLETORA DE ESGOTOS TEMA I: ÁGUA AUTORES ESTUDO DA INFLUÊNCIA DE VAZAMENTOS DE ÁGUA NA REDE COLETORA DE ESGOTOS TEMA I: ÁGUA AUTORES Paulo Sergio Scalize (1) Biomédico formado pela Fac. Barão de Mauá. Engenheiro Civil formado pela Fac. de Engenharia

Leia mais

Aspectos Técnico-Operacionais da Retomada dos Serviços pelo Município

Aspectos Técnico-Operacionais da Retomada dos Serviços pelo Município Aspectos Técnico-Operacionais da Retomada dos Serviços pelo Município Foco na Gestão Comercial e Operacional Estamos vivenciando atualmente, uma profunda transformação no Setor de Saneamento. As Companhias

Leia mais

Utilização de Inversores de Freqüência para Diminuição de Consumo de Energia Elétrica em Sistemas de Bombeamento

Utilização de Inversores de Freqüência para Diminuição de Consumo de Energia Elétrica em Sistemas de Bombeamento VI SEREA Seminário Iberoamericano sobre Sistemas de Abastecimento Urbano de Água EFICIÊNCIA HIDRÁULICA E ENERGÉTICA EM SANEAMENTO Utilização de Inversores de Freqüência para Diminuição de Consumo de Energia

Leia mais

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI CARLOS EDUARDO MENEZES CONTROLE DE PRESSÃO E COMBATE ÀS PERDAS FÍSICAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI CARLOS EDUARDO MENEZES CONTROLE DE PRESSÃO E COMBATE ÀS PERDAS FÍSICAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI CARLOS EDUARDO MENEZES CONTROLE DE PRESSÃO E COMBATE ÀS PERDAS FÍSICAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA SÃO PAULO 2006 CARLOS EDUARDO MENEZES CONTROLE DE PRESSÃO E COMBATE

Leia mais

Os desafios da gestão de recursos hídricos e as ações para redução do potencial de escassez de água

Os desafios da gestão de recursos hídricos e as ações para redução do potencial de escassez de água Os desafios da gestão de recursos hídricos e as ações para redução do potencial de escassez de água Mierzwa, José Carlos Departamento de Engenharia Hidráulica e Ambiental Escola Politécnica da Universidade

Leia mais

Trabalho Definitivo. Título: Indicadores de Perdas através de Sistemas Informatizados. Tema: Abastecimento de Água

Trabalho Definitivo. Título: Indicadores de Perdas através de Sistemas Informatizados. Tema: Abastecimento de Água Trabalho Definitivo Título: Indicadores de Perdas através de Sistemas Informatizados Tema: Abastecimento de Água Autores: Cristina Helena Fukuda, Emy Kikuchi, Cristiane Costrov da Silva, Ivanir Joaquim

Leia mais

Programa Consumo Responsável. Julho 2015

Programa Consumo Responsável. Julho 2015 Programa Consumo Responsável Julho 2015 PORTO ALEGRE - BRASIL População (2014): 1.472.482 habitantes PIB Brasil (2014): R$ 5,52 trilhões PIB Brasil (2012) per capita: R$ 22,6 mil PIB Rio Grande do Sul

Leia mais

Redução de Perdas através de contratos de remuneração por desempenho. Carlos Jose Teixeira Berenhauser

Redução de Perdas através de contratos de remuneração por desempenho. Carlos Jose Teixeira Berenhauser Redução de Perdas através de contratos de remuneração por desempenho Carlos Jose Teixeira Berenhauser Atuação desde 1992 em redução e controle de perdas em sistemas de abastecimento de agua Presença nacional

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO TÉCNICA DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE ITIRAPINA PRESTADOR: DAE DIVISÃO DE ÁGUA E ESGOTO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO TÉCNICA DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE ITIRAPINA PRESTADOR: DAE DIVISÃO DE ÁGUA E ESGOTO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO TÉCNICA DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE ITIRAPINA PRESTADOR: DAE DIVISÃO DE ÁGUA E ESGOTO Relatório R3 Continuação Diagnóstico e Não Conformidades Americana,

Leia mais

IMPACTO DA SETORIZAÇÃO NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM ÁREAS URBANAS

IMPACTO DA SETORIZAÇÃO NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM ÁREAS URBANAS IMPACTO DA SETORIZAÇÃO NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM ÁREAS URBANAS Gilberto Caldeira Barreto 1 ; Daniel Mescoito Gomes; Lucy Anne Cardoso Lobão Gutierrez; José Almir Rodrigues Pereira; Resumo - Avaliação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS - UFPEL CENTRO DE ENGENHARIAS - CENG DISCIPLINA: SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS - UFPEL CENTRO DE ENGENHARIAS - CENG DISCIPLINA: SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS - UFPEL CENTRO DE ENGENHARIAS - CENG DISCIPLINA: SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA Prof. Hugo Alexandre Soares Guedes E-mail: hugo.guedes@ufpel.edu.br

Leia mais

EFICIÊNCIA HIDRÁULICA E ENERGÉTICA EM SANEAMENTO

EFICIÊNCIA HIDRÁULICA E ENERGÉTICA EM SANEAMENTO HEBER PIMENTEL GOMES EFICIÊNCIA HIDRÁULICA E ENERGÉTICA EM SANEAMENTO Análise Econômica de Projetos 2ª Edição Revisada e Ampliada Editora Universitária - UFPB João Pessoa 2009 2ª Edição: 2009 Editora Universitária

Leia mais

Augusto Ribeiro Mendes Filho Assessoria de Comunicação da Elipse Software

Augusto Ribeiro Mendes Filho Assessoria de Comunicação da Elipse Software APLICAÇÃO DO SOFTWARE ELIPSE E3 NAS ESTAÇÕES DE TRATAMENTO E DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA E ESGOTO DO DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS DE PORTO ALEGRE-RS (DMAE) Apresentamos neste case a implantação do

Leia mais

Metas de Infraestrutura - Contrato de Programa - Duque de Caxias

Metas de Infraestrutura - Contrato de Programa - Duque de Caxias PRAZO EXECUÇÃO META A SER EXECUTADA DESCRITIVO DA META FÍSICO EXECUTADO 2008 2009 2010 2011 Ampliação e complementação do sistema de produção de água tratada para as localidades de Imbariê e Taquara, na

Leia mais

I-026 - DATA LOGGER DE RUÍDO, UMA NOVA TECNOLOGIA NO PROCESSO DE DETECÇÃO DE VAZAMENTOS NÃO VISÍVEIS

I-026 - DATA LOGGER DE RUÍDO, UMA NOVA TECNOLOGIA NO PROCESSO DE DETECÇÃO DE VAZAMENTOS NÃO VISÍVEIS 22º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental 14 a 19 de Setembro 2003 - Joinville - Santa Catarina I-026 - DATA LOGGER DE RUÍDO, UMA NOVA TECNOLOGIA NO PROCESSO DE DETECÇÃO DE VAZAMENTOS

Leia mais

SAN.T.IN.PR 143. Projeto e Instalação de Válvulas de Controle e Macromedidores 1. FINALIDADE

SAN.T.IN.PR 143. Projeto e Instalação de Válvulas de Controle e Macromedidores 1. FINALIDADE 1 / 8 SUMÁRIO: 1. FINALIDADE 2. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3. CONCEITOS BÁSICOS 4. PROCEDIMENTOS GERAIS 5. CONSIDERAÇÕES GERAIS 6. REFERÊNCIAS 7. ANEXOS 1. FINALIDADE Este procedimento define diretrizes básicas

Leia mais

INTRODUÇÃO E CONCEPÇÃO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

INTRODUÇÃO E CONCEPÇÃO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS - UFPEL CENTRO DE ENGENHARIAS - CENG DISCIPLINA: SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO INTRODUÇÃO E CONCEPÇÃO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA Prof. Hugo Alexandre Soares

Leia mais

CALIBRAÇÃO E PROPOSIÇÃO DE MELHORIAS DE UM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE UMA PEQUENA LOCALIDADE UTILIZANDO O SOFTWARE EPANET

CALIBRAÇÃO E PROPOSIÇÃO DE MELHORIAS DE UM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE UMA PEQUENA LOCALIDADE UTILIZANDO O SOFTWARE EPANET CALIBRAÇÃO E PROPOSIÇÃO DE MELHORIAS DE UM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE UMA PEQUENA LOCALIDADE UTILIZANDO O SOFTWARE EPANET Ganem, Lívia 1 *;Martinez, Carlos Barreira 2 ; Jacob, Ana Claudia 3 Resumo

Leia mais

LILIANA PEDROSO VICENTINI COMPONENTES DO BALANÇO HÍDRICO PARA AVALIAÇÃO DE PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

LILIANA PEDROSO VICENTINI COMPONENTES DO BALANÇO HÍDRICO PARA AVALIAÇÃO DE PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA LILIANA PEDROSO VICENTINI COMPONENTES DO BALANÇO HÍDRICO PARA AVALIAÇÃO DE PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA São Paulo 2012 LILIANA PEDROSO VICENTINI COMPONENTES DO BALANÇO HÍDRICO PARA AVALIAÇÃO

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Engenheiro Civil pelo Centro de Tecnologia da Universidade Federal de São Carlos- SP, 1985.

CURRICULUM VITAE. Engenheiro Civil pelo Centro de Tecnologia da Universidade Federal de São Carlos- SP, 1985. CURRCULUM VTE NELSON DE PUL MOUSNHO FORMÇÃO PROFSSONL Engenheiro Civil pelo Centro de Tecnologia da Universidade Federal de São Carlos- SP, 1985. EXPERÊNC PROFSSONL -Engenheiro de Projetos (Hidráulica

Leia mais

LEME RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO TÉCNICA DOS SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO DO MUNICÍPIO DE. Relatório R3 Continuação do Diagnóstico e Não Conformidades

LEME RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO TÉCNICA DOS SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO DO MUNICÍPIO DE. Relatório R3 Continuação do Diagnóstico e Não Conformidades RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO TÉCNICA DOS SISTEMAS DE ÁGUA E ESGOTO DO MUNICÍPIO DE LEME PRESTADOR: SAECIL SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTOS DA CIDADE DE LEME Relatório R3 Continuação do Diagnóstico e Não

Leia mais

Pergunta 1: Um datalogger poderá comunicar-se com mais de uma VRP?

Pergunta 1: Um datalogger poderá comunicar-se com mais de uma VRP? PREGÃO ELETRÔNICO N. 2014/262 PROTOCOLO N. 2014/72.368 OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE IMPLANTAÇÃO DE ESTRUTURAS REDUTORAS DE PRESSÃO, COM CONTROLE AUTOMÁTICO DE PRESSÃO, NO MUNICÍPIO DE CAMPINAS, COM

Leia mais

Conservação de Água nos Edifícios. Marina Sangoi de Oliveira Ilha Livre-Docente LEPSIS/FEC/UNICAMP

Conservação de Água nos Edifícios. Marina Sangoi de Oliveira Ilha Livre-Docente LEPSIS/FEC/UNICAMP Conservação de Água nos Edifícios Marina Sangoi de Oliveira Ilha Livre-Docente LEPSIS/FEC/UNICAMP 13% águas superficiais - mundo 34,9% Américas 68 região Norte 6% região Sudeste ~ 9,1 milhões hab. 68%

Leia mais

vista se tratar de Concorrência Pública Internacional regida pelas 1

vista se tratar de Concorrência Pública Internacional regida pelas 1 ICB Nº 001/2014. PROCESSO Nº 005305/2014, CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA ELABORAÇÃO DE ESTUDOS, PROJETOS E OBRAS CIVIS, VISANDO O AUMENTO DA EFICIÊNCIA OPERACIONAL NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO

Leia mais

Sistema de de Gerenciamento, Automação e Economia de Água PROJETO 3T (SCADA + GIS + MODELAGEM) "UM MUNDO NOVO EM SUAS MÃOS"

Sistema de de Gerenciamento, Automação e Economia de Água PROJETO 3T (SCADA + GIS + MODELAGEM) UM MUNDO NOVO EM SUAS MÃOS Sistema de de Gerenciamento, Automação e Economia de de Água ABINEE TEC - Minas Gerais 2006 PROJETO 3T (SCADA + GIS + MODELAGEM) "UM MUNDO NOVO EM SUAS MÃOS" COPASA DIRETORIA METROPOLITANA AGOSTO / 2006

Leia mais

I-025 GESTÃO OPERACIONAL PARA REDUÇÃO DE PERDAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA UNIDADE DE NEGÓCIO NORTE - RMSP

I-025 GESTÃO OPERACIONAL PARA REDUÇÃO DE PERDAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA UNIDADE DE NEGÓCIO NORTE - RMSP I-025 GESTÃO OPERACIONAL PARA REDUÇÃO DE PERDAS NO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA UNIDADE DE NEGÓCIO NORTE - RMSP Mário Alba Braghiroli * Tecnólogo em construção civil na modalidade Obras hidráulicas

Leia mais