SOP - TADS Fundamentos de Sistemas Operacionais

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SOP - TADS Fundamentos de Sistemas Operacionais"

Transcrição

1 SOP - TADS Fundamentos de Sistemas Operacionais Prof. Ricardo José Pfitscher Material cedido por: Prof. Rafael Rodrigues Obelheiro Prof. Maurício Aronne Pillon Revisão Ultima aula O que é um SO Duas visões Características das 4 gerações Tipos de SO Conceitos Processo Deadlock (impasses) Gerenciamento de memória Gerenciamento de Arquivos Chamadas de sistemas 1

2 Cronograma Revisão de Hardware Organização de SO Revisão de Hardware [1/9] Componentes de um Computador 2

3 Revisão de Hardware [2/9] Processador [1/2]: Ciclo: Busca-Decodifica-Executa Buscar a primeira instrução na memória Decodifica para determinar seus operandos e qual operação executar Executa a operação Memória: Acesso lento Uso de registradores Registradores: Propósito geral: Variáveis e resultados temporários Contador de programa: Endereço de memória da próxima instrução a ser buscada Ponteiro de Pilha: Indica o topo da pilha (memória) do programa corrente em execução PSW (Program Status Word): Quais as interrupções habilitadas e qual o modo de operação da CPU Evolução do modo simples (uma instrução por vez) Melhor desempenho (a) Pipeline de três estágios (b) Uma CPU superescalar Revisão de Hardware [3/9] Processador [2/2] Pode trabalhar em dois modos de operação (Em geral, definido no PSW): Modo Núcleo (kernel ou supervisor) A CPU pode executar qualquer instrução A CPU tem acesso a qualquer atributo de seu hardware O SO executa em modo núcleo Modo Usuário Acesso a um subconjunto de instruções Acesso a um subconjunto de atributos Instruções que envolvem E/S e proteção de memória são inacessíveis ao modo usuário Chaveamento entre modos: Trap: usuário núcleo Chamada de sistema:» O Programa solicita ao SO que realize determinada operação Traps de hardware (exceções)» Ex.: Tentativa de dividir por 0, O SO decide o que fazer após o aviso de hardware Instrução: Núcleo Usuário O SO retorna ao programa o controle sobre as instruções 3

4 Revisão de Hardware [4/9] Memória [1/3] Segundo principal componente Idealmente, deveria ser rápida (não atrasando assim a CPU), deveria ser grande e barata Nenhuma tecnologia é capaz de atingir esses requisitos (Simultaneamente) Memória é construída como uma hierarquia de camadas Camada superior: Maior velocidade, menor capacidade, maior custo por bit Revisão de Hardware [5/9] Memória [2/3] Estrutura hierárquica Valores aproximados 4

5 Revisão de Hardware [6/9] Memória [3/3] Disco: Custo por bit é 2 vezes mais barato que a RAM Acesso é 3 vezes mais lento (dispositivo mecânico) Os pratos metálicos giram a uma velocidade determinada (5400, ) As leituras são feitas pelas cabeças em regiões circulares chamadas trilhas. Todas as trilhas de uma posição formam um cilindro Cada trilha é dividida em setores (512 bytes) Revisão de Hardware [7/9] Dispositivos de E/S [1/2] Composto de duas partes: Controlador Chip ou conjunto de chips que controla o dispositivo Registradores de dados, controle, status Dispositivo Interfaces simples Devem ser padronizados Ex.: Qualquer controlador IDE pode controlar qualquer disco IDE Driver de dispositivo Cada controlador é diferente São necessários programas para controlá-los Fornecido pelo fabricante do dispositivo Executam em modo núcleo para ter acesso ao dispositivo Modos de operação E/S Programada Chamada de Sistema, Aguarda o dispositivo terminar a operação Interrupções Aguarda uma interrupção do controlador para sinalizar o término DMA (Direct Memory Access) Chip, controla o fluxo de bits entre memória e controlador sem intervenção constante da CPU 5

6 Revisão de Hardware [8/9] Dispositivos de E/S [2/2] 3. Se estiver preparado, sinaliza à CPU 4. O controlador põe o número do dispositivo no barramento, para que a CPU saiba quem terminou 1. O driver informa ao controlador o que deve ser feito 2. O controlador inicializa o dispositivo, quando ele termina, o controlador sinaliza a) Passos para iniciar um dispositivo de E/S e obter uma interrupção b) Como é feita a interrupção Revisão de Hardware [9/9] Barramentos 528 MB/s 160 MB/s 16,67 MB/s 1,5 a 60 MB/s 6

7 Cronograma Revisão de Hardware Organização de SO Organização de SO [1/8] Como o sistema operacional é organizado internamente Dividido em 4 estruturas clássicas: Monolítico Em camadas Máquinas virtuais Cliente/Servidor 7

8 Organização de SO [2/8] Sistemas Monolíticos [1/2] O SO é visto como um único programa em modo núcleo Composto por uma coleção de rotinas (procedimentos) Invocação Livre: Cada rotina é livre para chamar qualquer outra As rotinas podem visualizar as outras rotinas Confiabilidade Bom desempenho Organização de SO [3/8] Sistemas Monolíticos [2/2] Procedimentos de serviço implementam as chamadas de sistema Procedimentos utilitários realizam tarefas para os procedimentos de serviço, como buscar dados de programas 8

9 Organização de SO [4/8] Sistemas em camadas [1/2] Cada camada é responsável por determinada função Interfaces bem definidas entre camadas Cada camada utiliza dos serviços da camada inferior Necessita suporte do hardware Exemplos: THE, MULTICS Organização de SO [5/8] Sistemas em camadas [2/2] Estrutura do sistema operacional THE (Holandês) O MULTICS era descrito como uma série de anéis, cada anel interno era mais privilegiado que o externo 9

10 Organização de SO [6/8] Máquinas virtuais O MMV fornece uma abstração do hardware para as MVs Isolamento entre MVs Diferentes Sistemas operacionais nas MVs Desempenho depende do suporte do hardware Consolidação de Servidores Organização de SO [7/8] Modelo Cliente-Servidor [1/2] Funcionalidades do núcleo particionadas Micronúcleo (Microkernel) Servidores no espaço de usuário Comunicação por troca de mensagens Algumas (poucas) funções exigem modo núcleo Confiabilidade vs Desempenho 10

11 Organização de SO [8/8] Modelo Cliente-Servidor [2/2] Modelo cliente-servidor pode se adaptar a idéia de sistemas distribuído A Web se enquadra nesta idéia Um cliente solicita uma página, o servidor retorna a página ao cliente Processos Cap. 2.1 Exercícios Fork() Próxima Aula 11

12 Bibliografia Andrew S. Tanenbaum. Sistemas Operacionais Modernos, 3a Edição. Capítulo 1.Pearson Prentice-Hall,

SOP - TADS Processos. Revisão Ultima aula

SOP - TADS Processos. Revisão Ultima aula SOP - TADS Processos Prof. Ricardo José Pfitscher dcc2rjp@joinville.udesc.br Material cedido por: Prof. Rafael Rodrigues Obelheiro Prof. Maurício Aronne Pillon Revisão Ultima aula Revisão de hardware Processador

Leia mais

SOP - TADS Threads. Revisão Ultima aula. Programa em execução Cada processo têm sua própria CPU

SOP - TADS Threads. Revisão Ultima aula. Programa em execução Cada processo têm sua própria CPU SOP - TADS Threads Prof. Ricardo José Pfitscher dcc2rjp@joinville.udesc.br Material cedido por: Prof. Rafael Rodrigues Obelheiro Prof. Maurício Aronne Pillon Revisão Ultima aula Processos [1/3] Conceito:

Leia mais

Introdução. Pedro Cruz. EEL770 Sistemas Operacionais

Introdução. Pedro Cruz. EEL770 Sistemas Operacionais Introdução Pedro Cruz EEL770 Sistemas Operacionais Roteiro Informações úteis Motivação Definições Revisão de arquitetura 2 Contato Site da disciplina www.gta.ufrj.br/~cruz/courses/eel770 Email cruz@gta.ufrj.br

Leia mais

Sistemas Operacionais. Rodrigo Rubira Branco rodrigo@kernelhacking.com rodrigo@fgp.com.br. www.fgp.com.br

Sistemas Operacionais. Rodrigo Rubira Branco rodrigo@kernelhacking.com rodrigo@fgp.com.br. www.fgp.com.br Sistemas Operacionais Rodrigo Rubira Branco rodrigo@kernelhacking.com rodrigo@fgp.com.br Tipos de Sistemas Operacionais De Sistemas Embarcados (PalmOS,WinCE,WinXPEmbbeded,Linux) Hardware simples, especifico

Leia mais

Sistemas de Entrada e Saída

Sistemas de Entrada e Saída Sistemas de Entrada e Saída Eduardo Ferreira dos Santos Ciência da Computação Centro Universitário de Brasília UniCEUB Maio, 2016 1 / 31 Sumário 1 Interrupções 2 Camadas de Software de E/S 2 / 31 Interrupções

Leia mais

Introdução e Conceitos Básicos

Introdução e Conceitos Básicos Universidade Federal do Acre Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Bacharelado em Sistemas de Informação Introdução e Conceitos Básicos Macilon Araújo Costa Neto macilon@ufac.br Capítulo 1 do livro

Leia mais

Sistemas de Entrada e Saída

Sistemas de Entrada e Saída Sistemas de Entrada e Saída Eduardo Ferreira dos Santos Ciência da Computação Centro Universitário de Brasília UniCEUB Maio, 2016 1 / 33 Sumário 1 Dispositivos de E/S 2 Interrupções 3 Software de E/S 2

Leia mais

Revisão Ultimas matérias

Revisão Ultimas matérias SOP - TADS Gerência de Entrada/Saída Prof. Ricardo José Pfitscher dcc2rjp@joinville.udesc.br Material cedido por: Prof. Rafael Rodrigues Obelheiro Prof. Maurício Aronne Pillon Revisão Ultimas matérias

Leia mais

Sistemas Operacionais Aula 3

Sistemas Operacionais Aula 3 Sistemas Operacionais Aula 3 Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@recife.ifpe.edu.br http://dase.ifpe.edu.br/~alsm Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas de Informação Recife - PE O que fazer

Leia mais

Estrutura de Sistemas Operacionais. Capítulo 1: Introdução

Estrutura de Sistemas Operacionais. Capítulo 1: Introdução Estrutura de Sistemas Operacionais 1.1 Silberschatz, Galvin and Gagne 2005 Capítulo 1: Introdução O que faz um sistema operacional? Revisão da organização de um computador Revisão de alguns conceitos de

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Cristina Boeres página do curso: http://www.ic.uff.br/~boeres/so.html boeres@ic.uff.br Sistemas Operacionais O que é um SO?! um gerenciador de recursos?! uma interface?! máquina virtual?

Leia mais

Entrada e Saída e Dispositivos

Entrada e Saída e Dispositivos Entrada e Saída e Dispositivos Uma das funções do Sistema Operacional é: - Gerência de dispositivos de E/S. Operações: - Tratamento de interrupções - Tratamento erros - Interfaceamento entre os dispositivos

Leia mais

Barramento. Prof. Leonardo Barreto Campos 1

Barramento. Prof. Leonardo Barreto Campos 1 Barramento Prof. Leonardo Barreto Campos 1 Sumário Introdução; Componentes do Computador; Funções dos Computadores; Estrutura de Interconexão; Interconexão de Barramentos Elementos de projeto de barramento;

Leia mais

Sistemas Operacionais Estrutura do Sistema Operacional. Arquiteturas do Kernel

Sistemas Operacionais Estrutura do Sistema Operacional. Arquiteturas do Kernel Sistemas Operacionais Estrutura do Sistema Operacional Principais tipos de estruturas: Monolíticos; Em camadas; Máquinas Virtuais; Arquitetura Micro-kernel; Cliente-Servidor; 2 Arquitetura Monolítica Aplicação

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Eduardo Ferreira dos Santos Engenharia de Computação Centro Universitário de Brasília UniCEUB Abril, 2016 1 / 20 Sumário 1 Estrutura dos Sistemas Operacionais 2 System Calls 2 / 20

Leia mais

UFRJ IM - DCC. Sistemas Operacionais I. Unidade IV Gerência de Recursos Entrada e Saída. 02/12/2014 Prof. Valeria M. Bastos

UFRJ IM - DCC. Sistemas Operacionais I. Unidade IV Gerência de Recursos Entrada e Saída. 02/12/2014 Prof. Valeria M. Bastos UFRJ IM - DCC Sistemas Operacionais I Unidade IV Gerência de Recursos Entrada e Saída 02/12/2014 Prof. Valeria M. Bastos 1 ORGANIZAÇÃO DA UNIDADE Gerência de Entrada e Saída Fundamentos Evolução Estrutura

Leia mais

Chamadas de Sistema (SYSCALL)

Chamadas de Sistema (SYSCALL) Chamadas de Sistema (SYSCALL) Eduardo Ferreira dos Santos Engenharia de Computação Centro Universitário de Brasília UniCEUB Abril, 2016 1 / 26 Sumário 1 Estrutura dos Sistemas Operacionais 2 System Calls

Leia mais

Conceitos básicos e serviços dos Sistemas Operacionais

Conceitos básicos e serviços dos Sistemas Operacionais Conceitos básicos e serviços dos Sistemas Operacionais Prof. Marcos Ribeiro Quinet de Andrade Instituto de Ciência e Tecnologia - ICT Universidade Federal Fluminense - UFF Tipos de serviços do S.O. Um

Leia mais

Sistemas Operacionais. Estrutura do Sistema Operacional: Modos de Acesso

Sistemas Operacionais. Estrutura do Sistema Operacional: Modos de Acesso Sistemas Operacionais Estrutura do Sistema Operacional: Modos de Acesso Modos de Acesso Existem certas instruções que não podem ser colocadas diretamente à disposição das aplicações, pois a sua utilização

Leia mais

Estrutura do Sistema Operacional

Estrutura do Sistema Operacional Sistemas Operacionais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Aula 04 Estrutura do Sistema Operacional 2 1 Estrutura do Sistema Operacional

Leia mais

Arquitetura e Organização de Computadores

Arquitetura e Organização de Computadores Arquitetura e Organização de Computadores Estrutura e Função do Processador Material adaptado, atualizado e traduzido de: STALLINGS, William. Arquitetura e Organização de Computadores. 5ª edição Organização

Leia mais

Gerência de Dispositivos. Adão de Melo Neto

Gerência de Dispositivos. Adão de Melo Neto Gerência de Dispositivos Adão de Melo Neto 1 Gerência de Dispositivos Gerência de Dispositivos Dispositivos de E/S Device Drivers Controladores Subsistema de E/S 2 Gerência de Dispositivos A gerência de

Leia mais

Sistemas Operacionais. Entrada/Saída

Sistemas Operacionais. Entrada/Saída Sistemas Operacionais Entrada/Saída Atualizado em 28/02/2014 Como ocorre a comunicação de E/S Aplicação Operações de E/S Chamadas de Sistema S.O. Subsistema de E/S Núcleo (Kernel) Drivers HARDWARE Controladoras

Leia mais

Sistemas de Entrada e Saída

Sistemas de Entrada e Saída Sistemas de Entrada e Saída Eduardo Ferreira dos Santos Ciência da Computação Centro Universitário de Brasília UniCEUB Junho, 2017 1 / 44 Sumário 1 Dispositivos de E/S 2 Interrupções 3 Camadas de Software

Leia mais

Universidade Federal de Campina Grande Unidade Acadêmica de Sistemas e Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação.

Universidade Federal de Campina Grande Unidade Acadêmica de Sistemas e Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação. Universidade Federal de Campina Grande Unidade Acadêmica de Sistemas e Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Organização e Arquitetura de Computadores I Organização e Arquitetura Básicas

Leia mais

Estrutura dos Sistemas Operacionais. Adão de Melo Neto

Estrutura dos Sistemas Operacionais. Adão de Melo Neto Estrutura dos Sistemas Operacionais Adão de Melo Neto 1 Sistema Operacional - Formas de acessar o KERNEL do SISTEMA OPERACIONAL (SO) - A linguagem de comandos faz parte do SO O Sistema Operacional é formado

Leia mais

Sistemas Operacionais (SO)

Sistemas Operacionais (SO) Sistemas Operacionais (SO) Fundamentos Prof. Eduardo Abordagens SO Moderno (importância) Funções básicas Definição Componentes de um SC Objetivos de um SO Serviços de um SO Abstrações Tipos de SO Estudo

Leia mais

SSC0611 Arquitetura de Computadores

SSC0611 Arquitetura de Computadores SSC0611 Arquitetura de Computadores 6ª Aula Entrada e Saída Profa. Sarita Mazzini Bruschi sarita@icmc.usp.br Estrutura da máquina de von Neumann Dispositivos Periféricos Interface com o mundo exterior

Leia mais

SOP - TADS Escalonamento de Processos

SOP - TADS Escalonamento de Processos SOP - TADS Escalonamento de Processos Prof. Ricardo José Pfitscher dcc2rjp@joinville.udesc.br Material cedido por: Prof. Rafael Rodrigues Obelheiro Prof. Maurício Aronne Pillon Cronograma Conceito de Escalonamento

Leia mais

Organização e Arquitetura de Computadores I

Organização e Arquitetura de Computadores I Organização e Arquitetura de Computadores I Entrada e Saída Slide 1 Entrada e Saída Dispositivos Externos E/S Programada Organização e Arquitetura de Computadores I Sumário E/S Dirigida por Interrupção

Leia mais

William Stallings Arquitetura e Organização de Computadores 8 a Edição. Capítulo 12 Estrutura e função do processador

William Stallings Arquitetura e Organização de Computadores 8 a Edição. Capítulo 12 Estrutura e função do processador William Stallings Arquitetura e Organização de Computadores 8 a Edição Capítulo 12 Estrutura e função do processador slide 1 Estrutura da CPU CPU precisa: Buscar instruções. Interpretar instruções. Obter

Leia mais

Fundamentos de Sistemas Operacionais de Arquitetura Aberta. CST em Redes de Computadores

Fundamentos de Sistemas Operacionais de Arquitetura Aberta. CST em Redes de Computadores Fundamentos de Sistemas Operacionais de Arquitetura Aberta CST em Redes de Computadores Introdução Computadores Computadores são compostos, basicamente, de CPU, memória e dispositivos de entrada e saída

Leia mais

Sistemas operacionais INTRODUÇÃO

Sistemas operacionais INTRODUÇÃO Sistemas operacionais INTRODUÇÃO Sistemas Operacionais É um software situado entre o hardware e as aplicações para gerenciar todo os recursos do sistema (memória, processador, disco ) de forma organizada

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO BACHARELADO EM INFORMÁTICA SISTEMAS OPERACIONAIS I 1 0 SEM/05 Teste 1 Unidade I DURAÇÃO: 50 MINUTOS

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO BACHARELADO EM INFORMÁTICA SISTEMAS OPERACIONAIS I 1 0 SEM/05 Teste 1 Unidade I DURAÇÃO: 50 MINUTOS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO BACHARELADO EM INFORMÁTICA SISTEMAS OPERACIONAIS I 1 0 SEM/05 Teste 1 Unidade I DURAÇÃO: 50 MINUTOS Aluno: GABARITO Escore: 1 a Questão (30) Assinale a(s) resposta(s)

Leia mais

Sistemas Operacionais e Introdução à Programação. Módulo 1 Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais e Introdução à Programação. Módulo 1 Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais e Introdução à Programação Módulo 1 Sistemas Operacionais 1 Competências: SOP 1. Compreender as abstrações de um sistema operacional e operar um sistema operacional Unix/Linux como

Leia mais

SOP - TADS Impasses - Deadlock

SOP - TADS Impasses - Deadlock SOP - TADS Impasses - Deadlock Prof. Ricardo José Pfitscher dcc2rjp@joinville.udesc.br Material cedido por: Prof. Rafael Rodrigues Obelheiro Prof. Maurício Aronne Pillon Cronograma Noções de deadlock Modelagem

Leia mais

Arquitetura de Computadores. Revisão Volnys Bernal. Agenda. Revisão: Arquitetura de Computadores. Sobre esta apresentação

Arquitetura de Computadores. Revisão Volnys Bernal. Agenda. Revisão: Arquitetura de Computadores. Sobre esta apresentação 1998-2010 - Volnys Bernal 1 1998-2010 - Volnys Bernal 2 Agenda Revisão: Volnys Borges Bernal volnys@lsi.usp.br http://www.lsi.usp.br/~volnys Arquitetura Geral Espaço de Endereçamento Processador e s Laboratório

Leia mais

Introdução aos Sistemas Operacionais

Introdução aos Sistemas Operacionais Introdução aos Sistemas Operacionais Eleri Cardozo FEEC/Unicamp 1 Definição de Sistema Operacional Um sistema operacional é um gerenciador de recursos de hardware ou uma máquina virtual que oferece uma

Leia mais

Aula 1: Introdução aos Sistemas Operacionais. Instituto Federal da Bahia INF009 - Sistemas Operacionais Profª Flávia Maristela

Aula 1: Introdução aos Sistemas Operacionais. Instituto Federal da Bahia INF009 - Sistemas Operacionais Profª Flávia Maristela Aula 1: Introdução aos Sistemas Operacionais Instituto Federal da Bahia INF009 - Sistemas Operacionais Profª Flávia Maristela Pensando melhor... Porque cursar a disciplina de S.O.? A disciplina é obrigatória!

Leia mais

Estrutura dos Sistemas Operacionais. Adão de Melo Neto

Estrutura dos Sistemas Operacionais. Adão de Melo Neto Estrutura dos Sistemas Operacionais Adão de Melo Neto 1 Sistema Operacional -São partes do SO -São ferramentas de apoio ao usuário -São formas de acessar as rotinas do kernel O Sistema Operacional é formado

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Entrada e Saída Norton Trevisan Roman Marcelo Morandini Jó Ueyama Apostila baseada nos trabalhos de Kalinka Castelo Branco, Antônio Carlos Sementille, Luciana A. F. Martimiano e nas

Leia mais

Hardware: Componentes Básicos. Sistema de Computador Pessoal. Anatomia de um Teclado. Estrutura do Computador. Arquitetura e Organização

Hardware: Componentes Básicos. Sistema de Computador Pessoal. Anatomia de um Teclado. Estrutura do Computador. Arquitetura e Organização Hardware: Componentes Básicos Arquitetura dos Computadores Dispositivos de Entrada Processamento Dispositivos de Saída Armazenamento Marco Antonio Montebello Júnior marco.antonio@aes.edu.br Sistema de

Leia mais

ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DO COMPUTADOR

ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DO COMPUTADOR ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DO COMPUTADOR Prof. Filippo Valiante Filho http://prof.valiante.info Estrutura do Computador Computador CPU (Central Processing Unit) Sistema de Armazenamento (Memórias) Sistema

Leia mais

SUMÁRIO. 1.3 CONCEITOS DE SISTEMA OPERACIONAL Processos Arquivos O shell 42

SUMÁRIO. 1.3 CONCEITOS DE SISTEMA OPERACIONAL Processos Arquivos O shell 42 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 21 1.1 O QUE É O SISTEMA OPERACIONAL? 23 1.1.1 O sistema operacional como uma máquina estendida 23 1.1.2 O sistema operacional como gerenciador de recursos 24 1.2 HISTÓRIA DOS SISTEMAS

Leia mais

CPUs e Barramentos. Sistemas da Computação Prof. Rossano Pablo Pinto, Msc. rossano at gmail com 2 semestre 2007

CPUs e Barramentos. Sistemas da Computação Prof. Rossano Pablo Pinto, Msc. rossano at gmail com 2 semestre 2007 Sistemas da Computação Prof. Rossano Pablo Pinto, Msc. rossano at gmail com 2 semestre 2007 Seção 3.4 do livro do Tanenbaum Copyleft Rossano Pablo Pinto 2 CPUs possuem um conjunto de pinos que servem para

Leia mais

Gerência de Dispositivos. Adão de Melo Neto

Gerência de Dispositivos. Adão de Melo Neto Gerência de Dispositivos Adão de Melo Neto 1 Gerência de Dispositivos Introdução Acesso ao Subsistema de E/S Subsistema de E/S Device Drivers Controladores Dispositivos de E/S Discos Magnéticos Desempenho,

Leia mais

Micro-Arquiteturas de Alto Desempenho. Introdução. Ementa

Micro-Arquiteturas de Alto Desempenho. Introdução. Ementa DCC-IM/NCE UFRJ Pós-Graduação em Informática Micro-Arquiteturas de Alto Desempenho Introdução Gabriel P. Silva Ementa Revisão de Organização de Computadores Hierarquia de Memória Memória Virtual Memória

Leia mais

Cap. 12 Gerência de Dispositivos 1

Cap. 12 Gerência de Dispositivos 1 Arquitetura de Sistemas Operacionais Técnico em Informática MBI-1 e NBI-1 Gerência de Dispositivos Cap. 12 Gerência de Dispositivos 1 Introdução Sumário Acesso ao Subsistema de Entrada e Saída Subsistema

Leia mais

PROCESSADORES Unidade de Controle Unidade Aritmética e Lógica efetua memória de alta velocidade registradores Program Counter Instruction Register

PROCESSADORES Unidade de Controle Unidade Aritmética e Lógica efetua memória de alta velocidade registradores Program Counter Instruction Register PROCESSADORES Um computador digital consiste em um sistema interconectado de processadores, memória e dispositivos de entrada e saída. A CPU é o cérebro do computador. Sua função é executar programas armazenados

Leia mais

ARQUITETURA DE COMPUTADORES. Organização de Sistemas Computacionais. Prof.: Agostinho S. Riofrio

ARQUITETURA DE COMPUTADORES. Organização de Sistemas Computacionais. Prof.: Agostinho S. Riofrio ARQUITETURA DE COMPUTADORES Organização de Sistemas Computacionais Prof.: Agostinho S. Riofrio Agenda 1. Unidade Central de Processamento 2. Organização da CPU 3. Interpretador 4. RISC x CISC 5. Principios

Leia mais

Computadores e Programação (DCC/UFRJ)

Computadores e Programação (DCC/UFRJ) Computadores e Programação (DCC/UFRJ) Aula 3: 1 2 3 Abstrações do Sistema Operacional Memória virtual Abstração que dá a cada processo a ilusão de que ele possui uso exclusivo da memória principal Todo

Leia mais

Prof. Kleber R. Rovai

Prof. Kleber R. Rovai Msn: klrovai@hotmail.com E-mail: Skype: klrovai 2 1 Programa: sequência de instruções com diferentes fluxos de execução comandos condicionais e interativos (entidade passiva); Processo: um programa em

Leia mais

Exercícios Cap I. 1.1, 1.2, 1.3 (somente letras (a), (b) e (c)) , 1.8 e 1.12 IC - UFF

Exercícios Cap I. 1.1, 1.2, 1.3 (somente letras (a), (b) e (c)) , 1.8 e 1.12 IC - UFF Exercícios Cap I 1.1, 1.2, 1.3 (somente letras (a), (b) e (c)) 1.5 1.7, 1.8 e 1.12 Sistemas Operacionais Visão geral e evolução dos SOs Sistema Operacional? Um programa que controla a execução dos programas

Leia mais

Organização Básica de Computadores. Organização Básica de Computadores. Organização Básica de Computadores. Organização Básica de Computadores

Organização Básica de Computadores. Organização Básica de Computadores. Organização Básica de Computadores. Organização Básica de Computadores Ciência da Computação Arq. e Org. de Computadores Processadores Prof. Sergio Ribeiro Composição básica de um computador eletrônico digital: Processador Memória Memória Principal Memória Secundária Dispositivos

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais CAP 2: Conceitos de Hardware e Software Prof. MSc. Diego R. Moraes diegorm@anhanguera.com Download de todo conteúdo da disciplina https://sites.google.com/site/diegorafaelmoraes/downloads

Leia mais

Estrutura do SO. Prof. Paulo Cesar F. de Oliveira, BSc, PhD

Estrutura do SO. Prof. Paulo Cesar F. de Oliveira, BSc, PhD Estrutura do SO Prof. Paulo Cesar F. de Oliveira, BSc, PhD 1 Seção 1.1 Introdução 2 Usuários Aplicações Utilitários Linguagem de Comandos Núcleo do Sistema ou kernel Rotinas do Sistema Operacional Hardware

Leia mais

Conceitos Gerais Definição e Características dos SOs. Na Aula Anterior... Nesta Aula. O Escopo dos SOs 16/08/2016

Conceitos Gerais Definição e Características dos SOs. Na Aula Anterior... Nesta Aula. O Escopo dos SOs 16/08/2016 GSI018 Sistemas Operacionais Compilador Assembler Linker Loader Navegador Web Editor de Texto GDBS Planilha de Cálculo Editor de Imagens 16/08/2016 Conceitos Gerais Definição e Características dos SOs

Leia mais

Arquitetura de Computadores. Professor: Vilson Heck Junior (Material: Douglas Juliani)

Arquitetura de Computadores. Professor: Vilson Heck Junior (Material: Douglas Juliani) Arquitetura de Computadores Professor: Vilson Heck Junior (Material: Douglas Juliani) Agenda Conceitos Componentes Funcionamento ou tarefas Otimização e desempenho Conceitos Componente de Hardware que

Leia mais

Unidade Central de Processamento 2. Registradores

Unidade Central de Processamento 2. Registradores Unidade Central de Processamento 2 Registradores Conceitos Fundamentais Arquitetura da CPU Unidade de Controle Registradores Barramento interno Unidade lógica e Aritmética Registradores Conjunto de unidades

Leia mais

SSC0112 Organização de Computadores Digitais I

SSC0112 Organização de Computadores Digitais I SSC0112 Organização de Computadores Digitais I 3ª Aula Visão Geral e Conceitos Básicos Profa. Sarita Mazzini Bruschi sarita@icmc.usp.br Copyright William Stallings & Adrian J Pullin Tradução, revisão e

Leia mais

Sistemas Operacionais I

Sistemas Operacionais I Sistemas Operacionais I Revisão de conceitos Sistemas Operacionais I Dionisio Gava Junior Componentes básicos Componentes Básicos da Tecnologia da Informação Hardware CPU, Memória e Periféricos de E/S.

Leia mais

AGT0001 Algoritmos Aula 01 O Computador

AGT0001 Algoritmos Aula 01 O Computador AGT0001 Algoritmos Aula 01 O Computador Karina Girardi Roggia karina.roggia@udesc.br Departamento de Ciência da Computação Centro de Ciências Tecnológicas Universidade do Estado de Santa Catarina 2016

Leia mais

Gerência de Entrada e Saída

Gerência de Entrada e Saída Gerência de Entrada e Saída Dispositivos de Entrada e Saída (1) Constituídos de 2 partes: Mecânica Eletrônica Controladora ou Adaptadora Controladora Placa ligada a um slot livre, ou inserida diretamente

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS ABERTOS Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar

SISTEMAS OPERACIONAIS ABERTOS Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar - Aula 1-1. ENTRADAS E SAIDAS Uma das principais funções dos sistemas operacionais é controlar os dispositivos de entrada e saída (E/S ou I/O). O Sistema Operacional (SO) deve ser capaz de enviar comando

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais. Sistemas Operacionais. Aula 19. Sistema de Entrada/Saída

Universidade Federal de Minas Gerais. Sistemas Operacionais. Aula 19. Sistema de Entrada/Saída Aula 19 Sistema de Entrada/Saída Sistema de E/S Por que estudar? Essenciais! Muitos tipos: - mouse - discos - impressora - scanner - rede - modem Cada fabricante complica de um jeito diferente. Tempos

Leia mais

INTRODUÇÃO. Sistemas Operacionais. Vinícius Pádua

INTRODUÇÃO. Sistemas Operacionais. Vinícius Pádua INTRODUÇÃO Sistemas Operacionais Por quê é necessário? Sistema computacional moderno composto por diversos dispositivos Responsável pelo controle? Programador de aplicativos? Necessidade de ter um software

Leia mais

Visão Geral de Sistemas Operacionais

Visão Geral de Sistemas Operacionais Visão Geral de Sistemas Operacionais Sumário Um sistema operacional é um intermediário entre usuários e o hardware do computador. Desta forma, o usuário pode executar programas de forma conveniente e eficiente.

Leia mais

Apresentação. Sistemas Operacionais. Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Prof. Dr. rer. nat. Daniel D.

Apresentação. Sistemas Operacionais. Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Prof. Dr. rer. nat. Daniel D. GSI018 Sistemas Operacionais Apresentação Sistemas Operacionais Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Prof. Dr. rer. nat. Daniel D. Abdala Nesta Aula Motivação acerca da disciplina;

Leia mais

COMPUTADOR. Adão de Melo Neto

COMPUTADOR. Adão de Melo Neto COMPUTADOR Adão de Melo Neto 1 PROGRAMA É um conjunto de instruções LINGUAGEM BINÁRIA INTRODUÇÃO Os caracteres inteligíveis são apenas zero(0) e um (1). É uma linguagem de comunicação dos computadores.

Leia mais

Introdução aos Sistemas Operacionais

Introdução aos Sistemas Operacionais Volnys Bernal 1998-2017 1 Introdução aos Sistemas Operacionais Volnys Borges Bernal volnys@lsi.usp.br Laboratório de Sistemas Integráveis http://www.lsi.usp.br/ Volnys Bernal 1998-2017 2 Sumário Objetivos

Leia mais

Disciplina: Arquitetura de Computadores

Disciplina: Arquitetura de Computadores Disciplina: Arquitetura de Computadores Estrutura e Funcionamento da CPU Prof a. Carla Katarina de Monteiro Marques UERN Introdução Responsável por: Processamento e execução de programas armazenados na

Leia mais

Sistemas Operacionais. Interrupção e Exceção

Sistemas Operacionais. Interrupção e Exceção Sistemas Operacionais Interrupção e Exceção Interrupção e Exceção Durante a execução de um programa podem ocorrer alguns eventos inesperados, ocasionando um desvio forçado no seu fluxo de execução. Estes

Leia mais

Sistemas Operacionais. Visão Geral

Sistemas Operacionais. Visão Geral Sistemas Operacionais P R O F. B R U N O A L B U Q U E R Q U E S C R I G N O L I Visão Geral Organização da Apresentação Introdução Componentes de um Sistema de Computação Conceito de SO Objetivos de um

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS 02

LISTA DE EXERCÍCIOS 02 FACULDADE: CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA UniCEUB CURSO: CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DISCIPLINA: SISTEMAS OPERACIONAIS CARGA HORÁRIA: 75 H. A. ANO/SEMESTRE: 2016/01 PROFESSOR: EDUARDO FERREIRA DOS SANTOS HORÁRIOS:

Leia mais

Apresentação. Ementa da Disciplina. Objetivo da Disciplina. DCA-108 Sistemas Operacionais. Referências Bibliográfica. Referências Bibliográfica

Apresentação. Ementa da Disciplina. Objetivo da Disciplina. DCA-108 Sistemas Operacionais. Referências Bibliográfica. Referências Bibliográfica DCA-108 Sistemas Operacionais Luiz Affonso Guedes www.dca.ufrn.br/~affonso affonso@dca.ufrn.br Apresentação Disciplina básica do curso de Engenharia de Computação Carga-horária: 60h teóricas Associadas

Leia mais

Organização e Arquitetura de Computadores. Leslier S. Corrêa

Organização e Arquitetura de Computadores. Leslier S. Corrêa Organização e Arquitetura de Computadores Leslier S. Corrêa O nome refere-se ao matemático John Von Neumann, que foi considerado o criador dos computadores da forma como são projetados até hoje. Entretanto,

Leia mais

Arquitetura de Computadores

Arquitetura de Computadores Arquitetura de Computadores Prof. Eduardo Simões de Albuquerque Instituto de Informática UFG 1o. Semestre / 2006 Adaptado do material do prof. Fábio Moreira Costa Programa e Introdução Assunto do curso

Leia mais

Organização de Computadores II

Organização de Computadores II Universidade Estácio de Sá Curso de Informática Organização de Computadores II Entrada e Saída Prof. Gabriel P. Silva 24.11.2004 Comunicação com o Processador A comunicação dos periféricos com o processador

Leia mais

Introdução. Introdução aos Sistemas Operacionais Volnys Bernal. Sumário. Introdução aos Sistemas Operacionais. Sobre esta apresentação

Introdução. Introdução aos Sistemas Operacionais Volnys Bernal. Sumário. Introdução aos Sistemas Operacionais. Sobre esta apresentação Volnys Bernal 1998-2016 1 Volnys Bernal 1998-2016 2 Sumário aos Sistemas Operacionais Volnys Borges Bernal volnys@lsi.usp.br Laboratório de Sistemas Integráveis http://www.lsi.usp.br/ Objetivos de um Sistema

Leia mais

COMPUTADOR. Adão de Melo Neto

COMPUTADOR. Adão de Melo Neto COMPUTADOR Adão de Melo Neto 1 Modelo Barramento de Sistema É uma evolução do Modelo de Von Newman Processador = UCP = unidade de controle + unidade lógica aritmética Memória; Barramento (novo elemento):

Leia mais

Exercícios de Sistemas Operacionais 3 B (1) Gerência de Dispositivos de Entrada e Saída

Exercícios de Sistemas Operacionais 3 B (1) Gerência de Dispositivos de Entrada e Saída Nome: Exercícios de Sistemas Operacionais 3 B (1) Gerência de Dispositivos de Entrada e Saída 1. A gerência de dispositivos de entrada e saída é uma das principais e mais complexas funções de um sistema

Leia mais

COMPUTADOR 2. Professor Adão de Melo Neto

COMPUTADOR 2. Professor Adão de Melo Neto COMPUTADOR 2 Professor Adão de Melo Neto Modelo Barramento de Sistema É uma evolução do Modelo de Von Newman. Os dispositivos (processador, memória e dispositivos de E/S) são interligados por barramentos.

Leia mais

Organização de computadores. Prof. Moisés Souto

Organização de computadores. Prof. Moisés Souto Organização de computadores Prof. Moisés Souto Moisés Souto docente.ifrn.edu.br/moisessouto professor.moisessouto.com.br moises,souto@ifrn.edu.br @moises_souto Aula 06 CICLO DE INSTRUÇÕES Unidade Central

Leia mais

Periféricos possuem características diferentes. Periféricos são mais lentos que UCP e Memória Necessita-se de módulos de Entrada/Saída

Periféricos possuem características diferentes. Periféricos são mais lentos que UCP e Memória Necessita-se de módulos de Entrada/Saída Periféricos possuem características diferentes Geram diferentes quantidades de dados Em velocidades diferentes Em formatos diferentes Periféricos são mais lentos que UCP e Memória Necessita-se de módulos

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES CAPÍTULO 6: PROCESSADORES. Prof. Juliana Santiago Teixeira

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES CAPÍTULO 6: PROCESSADORES. Prof. Juliana Santiago Teixeira ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES CAPÍTULO 6: PROCESSADORES Prof. Juliana Santiago Teixeira julianasteixeira@hotmail.com INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO O processador é o componente vital do sistema de computação, responsável

Leia mais

INTRODUÇÃO À ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES. Função e Estrutura. Introdução Organização e Arquitetura. Organização e Arquitetura

INTRODUÇÃO À ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES. Função e Estrutura. Introdução Organização e Arquitetura. Organização e Arquitetura Introdução Organização e Arquitetura INTRODUÇÃO À ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES Eduardo Max Amaro Amaral Arquitetura são os atributos visíveis ao programador. Conjunto de instruções, número

Leia mais

Arquitetura e Organização de Computadores

Arquitetura e Organização de Computadores Arquitetura e Organização de Computadores Conjunto de Instruções Givanaldo Rocha de Souza http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br Material do prof. Sílvio Fernandes - UFERSA

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Apresentação Inst tit ormátic ca - UF FRGS i Introdução Aula 0 INF042 Plano de ensino conforme resolução CEPE /203 Prof. Alexandre CARISSIMI (asc at inf.ufrgs.br) Turma A Objetivos da disciplina Prof.

Leia mais

Arquitetura e organização de computadores

Arquitetura e organização de computadores Arquitetura e organização de computadores 3º. Semestre - Sistemas de informação Prof. Emiliano S. Monteiro Classificação de computadores Grande porte: Supercomputadores e Mainframes Médio porte: Minicomputadores

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES MÓDULO 7

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES MÓDULO 7 ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES MÓDULO 7 Índice 1. A Organização do Computador...3 1.1 Processadores... 3 2 1. A ORGANIZAÇÃO DO COMPUTADOR Um computador digital consiste em um sistema interconectado de processadores,

Leia mais

Pós-Graduação, Maio de 2006 Introdução aos Sistemas Operacionais. Prof. Dr. Ruy de Oliveira CEFET-MT

Pós-Graduação, Maio de 2006 Introdução aos Sistemas Operacionais. Prof. Dr. Ruy de Oliveira CEFET-MT Pós-Graduação, Maio de 2006 Introdução aos Sistemas Operacionais Prof. Dr. Ruy de Oliveira CEFET-MT O que é um Sistema Operacional? Um software que abstrai as complexidades do hardware de um usuário/programador

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES CAMPUS SANTO ANDRÉ CELSO CANDIDO SEMESTRE 2014-1 1 CONCEITOS ASSUNTOS DESTA AULA: Funcionalidades de um computador; Hardware e Software; Componentes de um computador: o CPU

Leia mais

Arquitetura e Organização de Computadores

Arquitetura e Organização de Computadores UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Arquitetura e Organização de Computadores Conjunto de Instruções Prof. Sílvio Fernandes

Leia mais

Fundamentos de Sistemas Operacionais

Fundamentos de Sistemas Operacionais Fundamentos de Sistemas Operacionais Aula 14: Entrada e Saída: Dispositivos e Tipos de Acesso Diego Passos Dispositivos de E/S Operação de E/S É qualquer operação que mova dados do contexto do processador

Leia mais

Estrutura dos Sistemas Operacionais. Adão de Melo Neto

Estrutura dos Sistemas Operacionais. Adão de Melo Neto Estrutura dos Sistemas Operacionais Adão de Melo Neto 1 Sistema Operacional - Formas de acessar o KERNEL do SISTEMA OPERACIONAL (SO) - A linguagem de comandos faz parte do SO O Sistema Operacional é formado

Leia mais

Entrada e Saída (E/S)

Entrada e Saída (E/S) Organização e Arquitetura de Computadores Entrada e Saída (E/S) Givanaldo Rocha de Souza http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br Baseado no material do prof. Sílvio Fernandes

Leia mais

Arquitetura e Organização de Computadores

Arquitetura e Organização de Computadores Arquitetura e Organização de Computadores Unidade Central de Processamento (CPU) Givanaldo Rocha de Souza http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br Baseado nos slides do capítulo

Leia mais

Estrutura e Funcionamento da CPU. Adriano Maranhão

Estrutura e Funcionamento da CPU. Adriano Maranhão Estrutura e Funcionamento da CPU Adriano Maranhão 1 S Relembrando S Compiladores de linguagens ao fazer a conversão da linguagem de alto nível para chegar na fase da linguagem de baixo nível como assembly

Leia mais

SSC510 Arquitetura de Computadores 1ª AULA

SSC510 Arquitetura de Computadores 1ª AULA SSC510 Arquitetura de Computadores 1ª AULA REVISÃO DE ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES Arquitetura X Organização Arquitetura - Atributos de um Sistema Computacional como visto pelo programador, isto é a estrutura

Leia mais

Sistemas Operacionais. Rodrigo Rubira Branco

Sistemas Operacionais. Rodrigo Rubira Branco Sistemas Operacionais Rodrigo Rubira Branco rodrigo@kernelhacking.com rodrigo@fgp.com.br Dispositivos de E/S O acesso aos registradores de dispositivo apresenta se como uma questao do projeto da CPU e

Leia mais