IMPRESSAO A 3D: O FUTURO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IMPRESSAO A 3D: O FUTURO"

Transcrição

1 IMPRESSAO A 3D: O FUTURO

2 GRANDES AVANÇOS NA HUMANIDADE DO SÉCULO XXI Revolução Técnico- Científico ou da Inteligência. A conjugação no século XXI de: Tecnologias de Comunicação e Internet Microelectrónica Energias renováveis Biotecnologia Impressão a 3D

3 Producción industrial Impresión 3D O QUE É A IMPRESSAO A 3D Uma impressora a 3D é uma maquina que pode criar um objecto adicionando capas de material. Até agora criávamos objectos removendo matéria a uma peça maior dando lhe forma As impressoras a 3D só usam o material necessário. Vs

4 O QUE PODEMOS FABRICAR Ao principio só se imprimia com plástico, mas actualmente utilizamse muitos materiais para imprimir a 3D como: metal, resina, cerâmica, cimento, comida Podemos imprimir milhares de coisas: roupas, jóias, caramelos, instrumentos médicos, próteses, implantes, casas, brinquedos, cadeiras e quase tudo o que se vê à nossa volta. A impressão a 3D é mais rápida, mais barata e mais fácil de usar que outros métodos de fabrico.

5 VANTAGENS DA IMPRESSAO A 3D Fabricamos os objectos um a um Produção local: perto de onde vivemos. Sem gastos de transporte nem embalagem. Responsável com o Meio Ambiente: Sem desperdícios. Materiais responsáveis pelo Meio Ambiente: PLA (o plástico mais usado) é de milho, ABS é reciclável, etc. Permite fabricar objectos de geometrias impossíveis que só se consegue com o computador

6 A IMPRESSAO A 3D NO MUNDO ESTÁ A TOMAR FORÇA A Inglaterra anunciou que introduzirá nos colégios públicos a Impressão a 3D como disciplina obrigatória nas aulas do novo ano lectivo de 2014/2015 A partir deste ano lectivo 2014/2015, em Madrid terão uma nova disciplina obrigatória na E.S.O.: Programação, em que se estudará a impressão a 3D. A União Europeia, investiu mais de 4 milhões de dólares no desenvolvimentos de impressoras a 3D para o projecto Performance para criar alimentos adequados para os idosos.

7 A IMPRESSAO A 3D ESTÁ A MELHORAR O MUNDO Projecto Daniel: Mick Ebeling desenvolveu a esperança e a capacidade de Daniel Omar comer sozinho, um menino de 14 anos do Sudão que tinha perdido os seus 2 braços por culpa de uma bomba da Guerra do Sudão. Agora graças ao Projecto Daniel e Not Impossible Labs imprimem-se braços em 3D para as crianças amputadas do Sudão por muito pouco dinheiro. Uma equipa de cirurgiões do Hospital Sant Joan de Déu (Barcelona) utilizou uma reprodução em 3D para planificar a remoção de um tumor a um menino de cinco anos. Andrew Hessel, conhecido investigador cientifico, propõe-se a curar o cancro fabricando em 3D uns vírus capazes de matar só as células infectadas. Científicos dos EUA e China imprimem tumores cancerígenos para conhecer melhor e poder combatê-los.

8 COMO FUNCIONA A IMPRESSAO A 3D As impressoras a 3D imprimem objectos desenhados com programas informáticos. Para imprimir os objectos vão soltando material em todos os pontos do espaço em que o computador lhe disser que está a figura. É como uma impressora normal só que no lugar de tinta utiliza outros materiais e pinta em 3D e não em 2D.

9 TIPOS DE IMPRESSORAS A 3D Existem muitos tipos de impressoras a 3D segundo a tecnologia e materiais que se usam. Estes são alguns desses materiais: TIPO TECNOLOGÍA MATERIALES Extrusão Modelagem por deposição fundida (FDM) Termoplásticos (por exemplo PLA, ABS), HDPE, metais eutécticos, materiais comestíveis Fio Fabricação por feixe de electrões (EBF3) Quase qualquer liga Granulado Sinterizado directo de metal por laser (DMLS) Quase qualquer liga Fusão por feixe de electrões (EBM) Sinterizado selectivo por calor (SHS) Sinterizado selectivo por laser (SLS) Projecção aglutinante (DSPC) Ligas de titânio pós termoplástico Termoplásticos, pós metálicos, pós cerâmicos Gesso Laminado Laminado de capas (LOM) Papel, papel de aluminio, capa de plástico Fotoquímica Estereolitografia (SLA) Fotopolímero Fotopolimerizaçao por luz ultravioleta (SGC) Fotopolímero

10 TIPOS DE IMPRESSORAS A 3D FDM Modelagem por deposição fundida, deposita plástico fundido capa a capa. DLP Processamento de luz digital, solidifica a resina projectando a imagem do objecto capa a capa. SLA Estereolitografia, solidifica uma resina foto-reactiva com um laser UV. Muito preciso. COLORJET PRINTING Desenha capa a capa com aglutinante.

11 TIPOS DE IMPRESORAS 3D MULTIJET PRINTING Injecção de material de construção e material de suporte que se desfaz no forno. Material de propriedades variáveis indicado por escala de cinzentos (de branco sólido a preto flexível). SLS and DMLS Sinterizado laser y Sinterizado laser metal directo. Um laser solidifica pó capa a capa até descobrir um novo objecto. CANETAS 3D Desenha em 3D fundindo plásticotinta. NOVAS IMPRESSORAS Novas impressoras capazes de imprimir cerâmica, comida, fibra de carbono, concreto, imprimir no aire

12 COMO SE CRIAM OS OBJETOS QUE QUEREMOS IMPRIMIR Há 3 formas de entrar no mundo da impressão a 3D: Descarregar um desenho desde a Internet Fazer um scaner de um objecto real Desenhar algo novo

13 REQUISITOS DE DESENHO PARA IMPRIMIR EM 3D À hora de imprimir em 3D é importante ter em conta os seguintes factores: A regra dos 45 graus Tudo aquilo que passe os 45º necessitará de material de suporte. Os desenhadores que imprimem em 3D têm que pensar muito para fazer desenhos mais fáceis de imprimir, e inclusive à vezes que necessitam de criar estruturas de suporte que depois se tiram. 45 Não se podem imprimir objectos em 3D que tenham muito pouca espessura As impressoras em 3D imprimem fundindo um filamento de plástico de mm, assim que a espessura mínima das peças que imprima tenham o dobro da grossura do filamento, quer dizer 0.8-1mm mm

14 APLICAÇOES PRÁCTICAS DA IMPRESSAO A 3D

15

Volume 01. A impressão 3D. Tecnologias de impressão 3D Formatos Softwares. Volume - 01

Volume 01. A impressão 3D. Tecnologias de impressão 3D Formatos Softwares. Volume - 01 Volume 01 A impressão 3D Tecnologias de impressão 3D Formatos Softwares Volume - 01 O que você irá ler. Iremos aprender aqui de uma forma clara e objetiva as principais tecnologias de impressão 3D, aqui

Leia mais

3. Como são classificadas as diversas técnicas de prototipagem rápida?

3. Como são classificadas as diversas técnicas de prototipagem rápida? PROTOTIPAGEM RÁPIDA 1. Introdução Fabricação de protótipos em curto espaço de tempo (horas ou dias contra dias ou meses anteriormente necessários) Protótipo: - modelo em escala real de peças ou produtos

Leia mais

Universidade Federal de Itajubá PROTOTIPAGEM RÁPIDA

Universidade Federal de Itajubá PROTOTIPAGEM RÁPIDA Universidade Federal de Itajubá PROTOTIPAGEM RÁPIDA PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS O QUE É PROTOTIPAGEM RÁPIDA É uma tecnologia inovadora desenvolvida nas últimas duas décadas. Refere-se a uma

Leia mais

Novas Fronteiras da Fabricação: Uma Introdução à Manufatura Aditiva

Novas Fronteiras da Fabricação: Uma Introdução à Manufatura Aditiva Novas Fronteiras da Fabricação: Uma Introdução à Manufatura Aditiva 02-12-2014 POR JOÃO PEDRO BUIARKSEY KOVALCHUK, Eng.Eletricista, UFPR-1998 AGENDA Duração estimada: 1h Considerações Iniciais Um Pouco

Leia mais

Universidade Federal de Itajubá PROTOTIPAGEM RÁPIDA PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS EPR-707 ENGENHARIA DO PRODUTO

Universidade Federal de Itajubá PROTOTIPAGEM RÁPIDA PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS EPR-707 ENGENHARIA DO PRODUTO Universidade Federal de Itajubá PROTOTIPAGEM RÁPIDA PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS EPR-707 ENGENHARIA DO PRODUTO PROTOTIPAGEM NO PDP Mercado Tecnologia PRODUTO Planejamento do Produto Concepções

Leia mais

OBSERVATÓRIO TECNOLÓGICO IMPRESSÃO 3D

OBSERVATÓRIO TECNOLÓGICO IMPRESSÃO 3D SETEMBRO/2012 OBSERVATÓRIO TECNOLÓGICO IMPRESSÃO 3D Este relatório apresenta o conceito de impressão 3D e os benefícios da sua utilização no processo fabril. Adicionalmente traz um panorama do mercado

Leia mais

A Fundição Injectada de Alumínio. Princípios e Desafios

A Fundição Injectada de Alumínio. Princípios e Desafios A Fundição Injectada de Alumínio Princípios e Desafios O Passado... Os primeiros exemplos de fundição por injecção (em oposição à fundição por gravidade) ocorrem em meios do século XIX (1800). A patente

Leia mais

Gestão do Produto. Prof. Dr.-Ing. Klaus Schützer

Gestão do Produto. Prof. Dr.-Ing. Klaus Schützer Gestão do Produto Prof. Dr.-Ing. Klaus Schützer - SCPM Universidade Metodista de Piracicaba - UNIMEP email: schuetzer@unimep.br http://www.unimep.br/scpm Fachgebiet Datenverarbeitung in der Konstruktion

Leia mais

A PROTOTIPAGEM RÁPIDA NA INDÚSTRIA NACIONAL. F. Jorge Lino* e Rui J. Neto**

A PROTOTIPAGEM RÁPIDA NA INDÚSTRIA NACIONAL. F. Jorge Lino* e Rui J. Neto** A PROTOTIPAGEM RÁPIDA NA INDÚSTRIA NACIONAL F. Jorge Lino* e Rui J. Neto** *DEMEGI Departamento de Engenharia Mecânica da FEUP, Rua Dr. Roberto Frias, 4200-465 Porto, Tl: 225081704 (42), falves@fe.up.pt,

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DOS MÉTODOS DE FABRICAÇÃO D PROTÓTIPOS

ANÁLISE COMPARATIVA DOS MÉTODOS DE FABRICAÇÃO D PROTÓTIPOS Faculdade de Tecnologia de Sorocaba DEPARTAMENTO DE PROCESSOS DE PRODUÇÃO ANÁLISE COMPARATIVA DOS MÉTODOS DE FABRICAÇÃO D PROTÓTIPOS RELATÓRIO FINAL DA INICIAÇÃO CIENTÍFICA Aluno: Marcelo Tadeu Tomazela

Leia mais

13-09-2010 MATERIAIS RECICLÁVEIS, PROCESSO DE RECICLAGEM

13-09-2010 MATERIAIS RECICLÁVEIS, PROCESSO DE RECICLAGEM MATERIAIS RECICLÁVEIS, PROCESSO DE RECICLAGEM 1 2 Introdução História da limpeza; Educação Ambiental; Campanhas de Sensibilização, Publicidade; Reciclagem antigamente; Materiais reutilizáveis; Processos

Leia mais

TECNOLOGIAS DA INDÚSTRIA DE EGINEERING & TOOLING COM POTENCIAL DE APLICAÇÃO NA INDÚSTRIA DA SAÚDE

TECNOLOGIAS DA INDÚSTRIA DE EGINEERING & TOOLING COM POTENCIAL DE APLICAÇÃO NA INDÚSTRIA DA SAÚDE DESAFIOS E OPORTUNIDADES EM NOVOS MERCADOS INDUSTRIAIS Indústria da Saúde ( Projecto DiMARKETS ) TECNOLOGIAS DA INDÚSTRIA DE EGINEERING & TOOLING COM POTENCIAL DE APLICAÇÃO NA INDÚSTRIA DA SAÚDE OPEN -

Leia mais

Multiple Perfection 3D Printer

Multiple Perfection 3D Printer Multiple Perfection 3D Printer Resolução de camada de até 25 microns Velocidade de impressão de até 1000mm/s (em modo acelerado) Altura de 700mm, Volume máximo de impressão 41.6l (290X205X700mm) 6 meses

Leia mais

Os microrganismos e suas funções

Os microrganismos e suas funções ós na ala de Aula - Ciências 6º ao 9º ano - unidade 3 essa unidade, as atividades propostas visam colaborar para desenvolver novas perspectivas sobre a fermentação, processo realizado por fungos e bactérias.

Leia mais

DESENHO TÉCNICO AULA 01

DESENHO TÉCNICO AULA 01 DESENHO TÉCNICO AULA 01 INTRODUÇÃO Computação Gráfica A computação gráfica é a área da ciência da computação que estuda a transformação dos dados em imagem. Esta aplicação estende-se à recriação visual

Leia mais

Multiple Perfection 3D Printer

Multiple Perfection 3D Printer Multiple Perfection 3D Printer Resolução de camada de até 25 microns Velocidade de impressão de até 1000mm/s (em modo acelerado) Volume de impressão de 15.1ℓ (290X205X255mm) 6 meses de garantia para peças

Leia mais

R e g r a s b á s i c a s, d i c a s e t r u q u e s

R e g r a s b á s i c a s, d i c a s e t r u q u e s A espessura da parede Na impressão em 3D, a espessura da parede refere-se à distância entre uma superfície do modelo e a superfície oposta. A espessura da parede pode ser uma superfície sólida forte, ou

Leia mais

Extrusão de tubos, cabos e fios

Extrusão de tubos, cabos e fios Sistemas de marcação e codificação Extrusão de tubos, cabos e fios Conhecemos os desafios únicos que você enfrenta em suas linhas de produção Mais que qualquer outro setor, a produção de fios, cabos ou

Leia mais

Falando em CORTE. Corte GRSS

Falando em CORTE. Corte GRSS Falando em CORTE Prof. Alexandre Queiroz Bracarense, PhD Laboratório de Robótica, Soldagem e Simulação Departamento de Engenharia Mecânica Universidade Federal de Minas Gerais Falando em CORTE Métodos

Leia mais

Sistemas de codificação a laser de fibra

Sistemas de codificação a laser de fibra Contraste de marcação superior a uma alta velocidade em matéria plástica e metais robustos Guia de amostra de codificação e marcação Sistemas de codificação a laser de fibra Realizar marcações a laser

Leia mais

WORKSHOPS E MICRO-CURSOS - Inscrições na bilheteira, no próprio dia -

WORKSHOPS E MICRO-CURSOS - Inscrições na bilheteira, no próprio dia - WORKSHOPS E MICRO-CURSOS - Inscrições na bilheteira, no próprio dia - Computação física, electrónica e programação: Littlebits (workshop) Um género de legos electrónicos que se ligam através de ímanes

Leia mais

Forno Solar. Tipos de fornos solares: Caixa. Painel

Forno Solar. Tipos de fornos solares: Caixa. Painel Forno Solar O forno solar é um equipamento que, concentra os raios solares numa zona, permitindo aquecer os alimentos depositados num recipiente fechado, aí colocado. O primeiro forno solar foi criado

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA

CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA 1. ENQUADRAMENTO Nos últimos 3 anos e meio a Câmara Municipal de Lisboa vem desenvolvendo uma estratégia para a valorização económica da cidade e captação de investimento (http://www.cm-lisboa.pt/investir)

Leia mais

OBTENÇÃO DE PROTÓTIPOS METÁLICOS PARA FUNDIÇÃO INJECTADA

OBTENÇÃO DE PROTÓTIPOS METÁLICOS PARA FUNDIÇÃO INJECTADA OBTENÇÃO DE PROTÓTIPOS METÁLICOS PARA FUNDIÇÃO INJECTADA Rui J. Neto 1*, Bártolo Paiva 1*, Ricardo Paiva 1* 1* Técnicos Superiores do INEGI Instituto de Engenharia Mecânica e Gestão Industrial, CETECOFF

Leia mais

Técnico de Laboratório/Protótipos e Fabricação

Técnico de Laboratório/Protótipos e Fabricação UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV Concurso Público para Provimento de Cargo Técnico-Administrativo em Educação Edital nº 190/2015 Data: 15 de novembro de 2015. Duração: das 9:00

Leia mais

Processo de Forjamento

Processo de Forjamento Processo de Forjamento Histórico A conformação foi o primeiro método para a obtenção de formas úteis. Fabricação artesanal de espadas por martelamento (forjamento). Histórico Observava-se que as lâminas

Leia mais

emanuel dimas de melo pimenta 1 9 9 7

emanuel dimas de melo pimenta 1 9 9 7 J A N U S 1 9 9 7 também conferência em CiberFestival Lisboa Exposição Janus Lisboa, Portugal, Janus Emanuel Dimas de Melo Pimenta título: JANUS autor: Emanuel Dimas de Melo Pimenta ano: Arte, estética

Leia mais

Z Series /Série RZ - Guia de referência rápida

Z Series /Série RZ - Guia de referência rápida Z Series /Série RZ - Guia de referência rápida Utilize este guia para operar a impressora diariamente. Para obter informações mais detalhadas, consulte o Guia do usuário. Conteúdo Vista externa...........................................................

Leia mais

Wagner José de Almeida

Wagner José de Almeida UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE ENGENHARIA DE SÃO CARLOS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA OTIMIZAÇÃO ESTRUTURAL DE PROTÓTIPOS FABRICADOS PELA TECNOLOGIA FDM UTILIZANDO O MÉTODO DOS ELEMENTOS FINITOS

Leia mais

Como Plantar Pensando na Renda

Como Plantar Pensando na Renda Como Plantar Pensando na Renda A PERSPECTIVA DE RENDA É UM BOM MOTIVO PARA O AGRICULTOR PRODUZIR É a renda que motiva o agricultor Com que motivação, você agricultor, trabalha a terra? É claro, você também

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DA PRENSA TÉRMICA SUBLIMÁTICA 8X1

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DA PRENSA TÉRMICA SUBLIMÁTICA 8X1 MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DA PRENSA TÉRMICA SUBLIMÁTICA 8X1 1. Identificação dos elementos da prensa 8X1: JTSD72 Antes de ligar a prensa e iniciar seu trabalho é indispensável verificar se a

Leia mais

Especificações Técnicas

Especificações Técnicas Especificações Técnicas TABELA DE ESCOLHA DO TIPO DE FRESA TIPO DE FRESA MATERIAL A SER CORTADO Com geometria de corte N aço com resistência até 80 kg/mm² aço beneficiado até 100 kg/mm² ferro fundido até

Leia mais

FERRAMENTAL RÁPIDO UMA NOVA TECNOLOGIA NO DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS

FERRAMENTAL RÁPIDO UMA NOVA TECNOLOGIA NO DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS FERRAMENTAL RÁPIDO UMA NOVA TECNOLOGIA NO DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS Jean P. Garcia 1, Jonas de Carvalho 2 Escola de Engenharia de São Carlos, Departamento de Engenharia Mecânica (1) jeanpg@bol.com.br,

Leia mais

Jardim Escola Aladdin

Jardim Escola Aladdin Jardim Escola Aladdin Os 4 Rs da Sustentabilidade Rio de janeiro 2016 Objetivo geral Esse projeto tem como objetivo promover o envolvimento dos alunos, professores, pais e comunidade em defesa à sustentabilidade

Leia mais

Um guia para você conhecer o que nós temos de melhor para a sua empresa! A melhor definição em impressos. Portifólio. Objetivos Produtos.

Um guia para você conhecer o que nós temos de melhor para a sua empresa! A melhor definição em impressos. Portifólio. Objetivos Produtos. Um guia para você conhecer o que nós temos de melhor para a sua empresa! A melhor definição em impressos. Portifólio Objetivos Produtos Criações A Empresa A Infotec tem como objetivo a excelência de seus

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM CARRO MOVIDO A ENERGIA SOLAR

DESENVOLVIMENTO DE UM CARRO MOVIDO A ENERGIA SOLAR DESENVOLVIMENTO DE UM CARRO MOVIDO A ENERGIA SOLAR Helio Pekelman hel1217@ig.com.br Instituto Presbiteriano Mackenzie, Faculdade de Engenharia, Departamento de Mecânica Rua da Consolação, 930 Consolação

Leia mais

A PROTOTIPAGEM RÁPIDA NA MODELAÇÃO DE PATOLOGIAS

A PROTOTIPAGEM RÁPIDA NA MODELAÇÃO DE PATOLOGIAS A PROTOTIPAGEM RÁPIDA NA MODELAÇÃO DE PATOLOGIAS Luís Queijo 1, João Rocha 2, Paulo Miguel Pereira 3, Luísa Barreira 4, Manuel San Juan 5, Tiago Barbosa 6 1- Departamento de Tecnologia Mecânica, Escola

Leia mais

Printronix T5000r apoia Iniciativas de Sustentabilidade em conformidade com a ENER GY STAR ENERGY STAR ENERGY STAR e Equipamentos de Imagem

Printronix T5000r apoia Iniciativas de Sustentabilidade em conformidade com a ENER GY STAR ENERGY STAR ENERGY STAR e Equipamentos de Imagem Printronix T5000r apoia Iniciativas de Sustentabilidade em conformidade com a Por Andy Edwards, diretor de desenvolvimento de impressoras Térmicas/RFID, Printronix Sustentabilidade é a palavra da moda

Leia mais

Impressoras. Prof. Rafael Sandim

Impressoras. Prof. Rafael Sandim Impressoras Prof. Rafael Sandim Impressoras É um periférico Pode ser conectado a um computador ou a uma rede de computadores É um dispositivo de saída que tem como função: Imprimir textos Imprimir gráficos

Leia mais

PRENSA DIGITAL PLANA COM AUTO-OPEN

PRENSA DIGITAL PLANA COM AUTO-OPEN PRENSA DIGITAL PLANA COM AUTO-OPEN 1 4 2 3 5 7 6 DESENHO DA MONTAGEM 01. Controlador digital GY-04 02. Botão de ajuste da pressão 03. Eletroímã 04. Interruptor 05. Fusível 06. Cabo de alimentação 07. Base

Leia mais

Professor Ventura Ensina Tecnologia

Professor Ventura Ensina Tecnologia Professor Ventura Ensina Tecnologia Experimento PV001 Maquete com Instalação Elétrica Ensino Fundamental Direitos Reservados = Newton C. Braga 1 Maquete com Instalação Elétrica Você gostaria de aprender

Leia mais

Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT. Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD. Fundação Portugal - África

Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT. Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD. Fundação Portugal - África Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT APOIO: Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD Casa de Cultura da Beira/CCB CERjovem ATENÇAÕ MULHER MENINA! Fundação Portugal - África RESPOSTAS

Leia mais

Neste guia, você encontrará alguns exemplos de aplicações profissionais bem como informações sobre produtos indicados.

Neste guia, você encontrará alguns exemplos de aplicações profissionais bem como informações sobre produtos indicados. Guia de aplicações As ferramentas Dremel são o complemento perfeito para o kit de ferramentas dos profissionais, pois trabalham em situações em que as outras ferramentas (manuais ou elétricas) seriam

Leia mais

Optimização de compras graças ao controlo de produção em tempo real;

Optimização de compras graças ao controlo de produção em tempo real; PARE 1 - Introdução à Automatização e Informática Industrial 1-1 1. AUOMAIZAÇÃO INDUSRIA: MOIVAÇÃO Nos últimos anos os esquemas de produção têm mudado drasticamente. Isto deve-se, por um lado à crescente

Leia mais

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Módulo IV Aula 07 Solda A soldagem é um tema muito extenso. Basicamente a soldagem é a união de materiais, mas existem inúmeros processos totalmente diferentes

Leia mais

Qualidade em Abrasivos. Novo. VSM CERAMICS Produtos de Alta Tecnologia Grão Cerâmico Auto Afiante. Especiais. Produtos. Aplicações

Qualidade em Abrasivos. Novo. VSM CERAMICS Produtos de Alta Tecnologia Grão Cerâmico Auto Afiante. Especiais. Produtos. Aplicações Novo VSM CERAMICS Produtos de Alta Tecnologia Grão Cerâmico Auto Afiante Aplicações Produtos Especiais Campos de Aplicação Nossa solução A VSM oferece produtos de alta tecnologia e qualidade com excelente

Leia mais

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO MECÂNICA II (EM307) 2º Semestre 2005/06. 4. Processamento de Materiais Cerâmicos

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO MECÂNICA II (EM307) 2º Semestre 2005/06. 4. Processamento de Materiais Cerâmicos MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO MECÂNICA II (EM307) 2º Semestre 2005/06 4. Processamento de Materiais Cerâmicos F. Jorge Lino Alves 1 Resumo 4. Processamento de Materiais Cerâmicos Processos utilizados na fabricação

Leia mais

Métodos de marcação direta de peças. Identificação legível de máquina para indústrias automotivas e aeroespaciais

Métodos de marcação direta de peças. Identificação legível de máquina para indústrias automotivas e aeroespaciais Guia técnico Métodos de marcação direta de peças Identificação legível de máquina para indústrias automotivas e aeroespaciais A prática da Marcação Direta de Peças (DPM) é utilizada em muitas indústrias

Leia mais

IMPRIMINDO IDÉIAS: VIABILIZAÇÃO DO USO DE IMPRESSORAS PARA MAQUETES ARQUITETÔNICAS

IMPRIMINDO IDÉIAS: VIABILIZAÇÃO DO USO DE IMPRESSORAS PARA MAQUETES ARQUITETÔNICAS IMPRIMINDO IDÉIAS: VIABILIZAÇÃO DO USO DE IMPRESSORAS PARA MAQUETES ARQUITETÔNICAS Gabriela Celani UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas, FEC - Faculdade de Engenharia civil, Arquitetura e Urbanismo,

Leia mais

Escola Profissional Desenvolvimento Rural de Abrantes. O consumismo de energia

Escola Profissional Desenvolvimento Rural de Abrantes. O consumismo de energia Escola Profissional Desenvolvimento Rural de Abrantes O consumismo de energia Consumo de Energia O consumo da energia no mundo está resumido na sua maioria pelas fontes tradicionais como o petróleo, carvão

Leia mais

Corte Plasma. Processo de corte plasma

Corte Plasma. Processo de corte plasma Corte Plasma Processo de corte plasma CORTE PLASMA Plasma Três estados físicos da matéria: Sólido - Gelo Líquido - Água Gasoso - Vapor A diferença básica: o quanto de energia existe em cada um deles. Gelo

Leia mais

Extrusão de Tubos, Cabos e Fios Sistemas para Marcação e Codificação

Extrusão de Tubos, Cabos e Fios Sistemas para Marcação e Codificação Jato de Tinta. Laser. Transferência Térmica. Etiquetadoras. Sistemas de Rastreamento. Consumíveis. Peças e Assistência Técnica. Extrusão de Tubos, Cabos e Fios Sistemas para Marcação e Codificação Fio

Leia mais

Escolas em Grande Plano

Escolas em Grande Plano Escolas em Grande Plano Integração do Vídeo na Educação e na Escola Trabalho realizado por: Elisa Castro e Fátima Chavarria Mestrado em Educação Tecnologia Educativa Tecnologia do Vídeo Docente: Doutor

Leia mais

Dicas para seu Cartão de Visita

Dicas para seu Cartão de Visita O Cartão de Visita O cartão de visita é um pequeno cartão contendo os dados de contato de uma pessoa ou corporação. Para muitos, ele é a primeira ferramenta de marketing. Após um contato profissional,

Leia mais

>Introdução. 3.1. Construção de cabos para exterior 3.2. Construção de cabos para interior

>Introdução. 3.1. Construção de cabos para exterior 3.2. Construção de cabos para interior 3. Cabos de Fibra Óptica >Objectivo Este módulo tem como objectivo, a introdução às questões relacionadas como desenho de cabos de fibras ópticas, com o sua aplicação em ambientes diversos e com o estudo

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO ADOBE MUSE: CRIE E PUBLIQUE O SEU SITE EDIÇÃO Nº 01/2012

FICHA TÉCNICA DO CURSO ADOBE MUSE: CRIE E PUBLIQUE O SEU SITE EDIÇÃO Nº 01/2012 FICHA TÉCNICA DO CURSO ADOBE MUSE: CRIE E PUBLIQUE O SEU SITE EDIÇÃO Nº 01/2012 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Adobe Muse: crie e publique o seu site 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER Acesso a novas oportunidades:

Leia mais

Materiais em Engenharia. Aula Teórica 6. Ensaios mecânicos (continuação dos ensaios de tracção, ensaios de compressão e de dureza)

Materiais em Engenharia. Aula Teórica 6. Ensaios mecânicos (continuação dos ensaios de tracção, ensaios de compressão e de dureza) Aula Teórica 6 Ensaios mecânicos (continuação dos ensaios de tracção, ensaios de compressão e de dureza) 1 ENSAIO DE TRACÇÃO A partir dos valores da força (F) e do alongamento ( I) do provete obtêm-se

Leia mais

Entrevista com Clínica Maló. Paulo Maló CEO. www.clinicamalo.pt. Com quality media press para LA VANGUARDIA

Entrevista com Clínica Maló. Paulo Maló CEO. www.clinicamalo.pt. Com quality media press para LA VANGUARDIA Entrevista com Clínica Maló Paulo Maló CEO www.clinicamalo.pt Com quality media press para LA VANGUARDIA Esta transcrição reproduz fiel e integralmente a entrevista. As respostas que aqui figuram em linguagem

Leia mais

SOLAR OVEN. Eco-Cook in Mouraria. Introdução à Engenharia Mecânica Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica

SOLAR OVEN. Eco-Cook in Mouraria. Introdução à Engenharia Mecânica Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica SOLAR OVEN Eco-Cook in Mouraria Introdução à Engenharia Mecânica Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica Aluno: Diogo Lucas nº 78044 Aluno: João Ornelas nº 79681 Lisboa, 25 de Novembro de 2013 Introdução

Leia mais

Realizado por: Nuno Barros nº27283 Filipe Gonçalves nº27285 Ângelo Sousa nº28158 André Martins nº28531

Realizado por: Nuno Barros nº27283 Filipe Gonçalves nº27285 Ângelo Sousa nº28158 André Martins nº28531 Realizado por: Nuno Barros nº27283 Filipe Gonçalves nº27285 Ângelo Sousa nº28158 André Martins nº28531 Também conhecido por digitalizador Scanner é um periférico de entrada Leitura de textos e imagens

Leia mais

A MAIS RÁPIDA E MAIS ACESSÍVEL IMPRESSORA 3D COLORIDA > > www.seacam.com.br

A MAIS RÁPIDA E MAIS ACESSÍVEL IMPRESSORA 3D COLORIDA > > www.seacam.com.br A MAIS RÁPIDA E MAIS ACESSÍVEL IMPRESSORA 3D COLORIDA > > www.seacam.com.br DESIGN DE PROTÓTIPOS Tamanho: 3.5 x 2 x 0.7 pol. (9 x 5 x 2 cm) Impresso em 30 minutos EDUCACIONAL Tamanho: 8 x 5 x 2.5 pol.

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação Objetivo da Aula Tecnologia e as Organizações, importância dos sistemas de informação e níveis de atuação dos sistemas de informação Organizações & Tecnologia TECNOLOGIA A razão e a capacidade do homem

Leia mais

Campo de medição: Segurança: Manual de Instruções

Campo de medição: Segurança: Manual de Instruções SAEP067 - Termómetro Profissional de infravermelhos com mira laser Manual de Instruções Características: - Medições precisas, sem necessidade de contacto - Mira laser incorporada - Botão para mudança entre

Leia mais

Tecnologia Mecânica. Programa. Processamento Mecânico de Materiais Metálicos. Fundamentos. Estampagem. Luís Alves. Corte Arrombamento.

Tecnologia Mecânica. Programa. Processamento Mecânico de Materiais Metálicos. Fundamentos. Estampagem. Luís Alves. Corte Arrombamento. Tecnologia Mecânica Programa Processamento Mecânico de Materiais Metálicos Fundamentos Estampagem Luís Alves Corte Arrombamento Forjamento Hydroforming Bárbara Gouveia Tecnologia Mecânica 1 Tecnologia

Leia mais

Pesquisa, desenvolvimento e difusão de novas tecnologias digitais de manufatura, modelagem e captura de superfícies

Pesquisa, desenvolvimento e difusão de novas tecnologias digitais de manufatura, modelagem e captura de superfícies Pesquisa, desenvolvimento e difusão de novas tecnologias digitais de manufatura, modelagem e captura de superfícies Aluno: Marcus Filipe Ribeiro dos Santos Orientador: Jorge Roberto Lopes dos Santos Introdução

Leia mais

Preparação da época de exames

Preparação da época de exames Preparação da época de exames Sugestões para os estudantes Imagem de http://jpn.icicom.up.pt/imagens/educacao/estudar.jpg A preparação para os Exames começa no início do Semestre O ritmo de exposição da

Leia mais

Heraeus Noblelight Aquecimento infravermelho na indústria plástica

Heraeus Noblelight Aquecimento infravermelho na indústria plástica Heraeus Noblelight Aquecimento infravermelho na indústria plástica Freddy Baruch 16 Setembro 2015 Page 1 SAUDAÇÃO BOM DIA! Page 2 APRESENTAÇÃO Page 3 APRESENTAÇÃO Quem somos - Apresentação Pessoal Freddy

Leia mais

PROTOTIPAGEM RÁPIDA TECNOLOGIAS

PROTOTIPAGEM RÁPIDA TECNOLOGIAS PROTOTIPAGEM RÁPIDA TECNOLOGIAS As tecnologias de prototipagem rápida, ao trazer para o processo de criação, a possibilidade de se ter nas mãos os objetos antes mesmo das ferramentas de produção seriada,

Leia mais

REABILITAÇÃO ATRAVÉS DE HÍBRIDA APARAFUSADA.

REABILITAÇÃO ATRAVÉS DE HÍBRIDA APARAFUSADA. LABORATÓRIO Joaquín Madrueño Arranz Direção Técnica em laboratório de prótese dental próprio Formação e Peritagem em próteses dentais (Fotografias clínicas cedidas pelo Dr. Villar) REABILITAÇÃO ATRAVÉS

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5. o ANO/EF - 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5. o ANO/EF - 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC MINAS E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5. o ANO/EF - 2015 Caro (a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

AUDITORIAS TECNOLÓGICAS

AUDITORIAS TECNOLÓGICAS AUDITORIAS TECNOLÓGICAS ÀS EMPRESAS ETF PROCESSO MUITO DISCUTIDO E MUITO ALTERADO EPERIÊNCIAS DE REALIZAÇÃO DE AUDITORIAS TECNOLÓGICAS NO PASSADO SOB O TEMA DA TECNOLOGIA ERA SOLICITADA E TRATADA MUITA

Leia mais

Dica nº 1: Esta dica do manual é relacionada ao bom uso da água!

Dica nº 1: Esta dica do manual é relacionada ao bom uso da água! Dica nº 1: Esta dica do manual é relacionada ao bom uso da água! Fui atrás de dados sobre o seu consumo consciente no site da Sabesp e encontrei ótimas informações. Você sabia que segundo a ONU - Organização

Leia mais

pensamentos para o seu dia a dia

pensamentos para o seu dia a dia pensamentos para o seu dia a dia Israel Belo de Azevedo 1Vida e espiritualidade 1 Adrenalina no tédio O interesse por filmes sobre o fim do mundo pode ser uma forma de dar conteúdo ao tédio. Se a vida

Leia mais

Arquitetura dos ambientes de saúde

Arquitetura dos ambientes de saúde Arquitetura dos ambientes de saúde Todos os olhares do ambiente de saúde A palavra arquitetura não traduz a dimensão do que produzimos nessa área. Nosso trabalho vai além da planta. Aqui, são os fluxos

Leia mais

Curso de Gestão ramo de Gestão de Empresas. U.C. de Gestão da Produção

Curso de Gestão ramo de Gestão de Empresas. U.C. de Gestão da Produção Curso de Gestão ramo de Gestão de Empresas U.C. de Gestão da Produção Nicolau de Almeida Doutor em Gestão (PhD in Management by Technical University of Lisbon) Professor de Gestão e Marketing Coordenador

Leia mais

Planificações 2012/2013. Tecnologias da Informação e Comunicação. 2ºAno. Escola Básica Integrada de Pedome. C E F Apoio à Família e à Comunidade

Planificações 2012/2013. Tecnologias da Informação e Comunicação. 2ºAno. Escola Básica Integrada de Pedome. C E F Apoio à Família e à Comunidade Planificações 2012/2013 Tecnologias da Informação e Comunicação C E F Apoio à Família e à Comunidade 2ºAno Escola Básica Integrada de Pedome Grupo Disciplinar de Informática Planificação a Longo Prazo

Leia mais

Tipos de Computadores

Tipos de Computadores Tipos de Computadores A potência de um computador pessoal é medida Pelo tipo de processador (Pentium IV, Celeron, etc.) Pela dimensão da memória RAM Pela capacidade do disco fixo Pela placa gráfica Pela

Leia mais

PAINEIS SOLARES MEGASUN

PAINEIS SOLARES MEGASUN PAINEIS SOLARES MEGASUN Há mais de uma década a actuar no sector do aquecimento doméstico, a Jaqueciprolar é importador e representante dos Painéis Solares MEGASUN. A MEGASUN é um conceituado fabricante

Leia mais

Manual Prensa Combo 8x1 JD INK JET

Manual Prensa Combo 8x1 JD INK JET Manual Prensa Combo 8x1 JD INK JET JD INK JET Apresentação. O desenvolvimento da prensa JD INK JET, foi criada e acompanhada por engenheiros Coreanos na China, e ao decorrer dos anos fomos aprimorando

Leia mais

Divinópolis, 09 de junho de 20

Divinópolis, 09 de junho de 20 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET-MG CAMPUS V CONTEXTO SOCIAL E PROFISSIONAL ENGENHARIA MECATRÔNICA 1 PERIODO PROF.: RENATO S. DÂMASO Máquinas de Prototipagem Rápida Grupo 8 André Lucas Costa

Leia mais

A opção ideal para imprimir de forma produtiva, versátil, fiável e económica.

A opção ideal para imprimir de forma produtiva, versátil, fiável e económica. 3030 3230 Tamanho A4/B4 Alta velocidade de Impressão Alta qualidade 300dpi X 600dpi Facilidade de uso Conetividade Produtividade, Conetividade, Poupança A opção ideal para imprimir de forma produtiva,

Leia mais

JÚNIOR JOSÉ MACHADO DIORAMA FERRÉO. Esse projeto contém informações simples e obejtivas com intuito de mostrar parte do meu trabalho e conhecimento.

JÚNIOR JOSÉ MACHADO DIORAMA FERRÉO. Esse projeto contém informações simples e obejtivas com intuito de mostrar parte do meu trabalho e conhecimento. JÚNIOR JOSÉ MACHADO DIORAMA FERRÉO Esse projeto contém informações simples e obejtivas com intuito de mostrar parte do meu trabalho e conhecimento. CONCEITO DO PROJETO Esse projeto a ser apresentado foi

Leia mais

PROTOTIPAGEM RÁPIDA POR IMPRESSÃO 3D COM RESINAS FOTOCURÁVEIS: UMA ANALISE SOBRE AS TECNOLOGIAS DISPONIVEIS NO MERCADO NACIONAL

PROTOTIPAGEM RÁPIDA POR IMPRESSÃO 3D COM RESINAS FOTOCURÁVEIS: UMA ANALISE SOBRE AS TECNOLOGIAS DISPONIVEIS NO MERCADO NACIONAL PROTOTIPAGEM RÁPIDA POR IMPRESSÃO 3D COM RESINAS FOTOCURÁVEIS: UMA ANALISE SOBRE AS TECNOLOGIAS DISPONIVEIS NO MERCADO NACIONAL Abstract : Gean V. Salmoria 1, Manoella R. Cardenuto 1, Carlos H. Ahrens

Leia mais

ECOTELHADO. Segundo pesquisador da Lawrence Berkley National Laboratory (CA, EUA), cerca de 25% da superfície de uma cidade consiste de telhados.

ECOTELHADO. Segundo pesquisador da Lawrence Berkley National Laboratory (CA, EUA), cerca de 25% da superfície de uma cidade consiste de telhados. ECOTELHADO Segundo pesquisador da Lawrence Berkley National Laboratory (CA, EUA), cerca de 25% da superfície de uma cidade consiste de telhados. TRANSMISSÃO DE CALOR por condução térmica através de materiais

Leia mais

Suprimentos originais HP

Suprimentos originais HP Suprimentos originais HP Entendendo a função dos suprimentos HP na qualidade e confiabilidade da impressão. Cada vez que você utilizar suprimentos originais HP, terá impressos produzidos por componentes

Leia mais

Aplicações atuais e tendências do uso do plástico na medicina com a impressão 3D

Aplicações atuais e tendências do uso do plástico na medicina com a impressão 3D Aplicações atuais e tendências do uso do plástico na medicina com a impressão 3D Profa. Dra. Maria Elizete Kunkel Universidade Federal de São Paulo 5 a 7 de novembro de 2014 Porto Alegre - RS - Brasil

Leia mais

ANALÓGICA X DIGITAL. Vamos começar essa aula estabelecendo os dois tipos de eletrônica: Eletrônica Analógica. Eletrônica Digital

ANALÓGICA X DIGITAL. Vamos começar essa aula estabelecendo os dois tipos de eletrônica: Eletrônica Analógica. Eletrônica Digital ANALÓGICA X DIGITAL Vamos começar essa aula estabelecendo os dois tipos de eletrônica: Eletrônica Analógica Eletrônica Digital ANALÓGICA X DIGITAL A eletrônica analógica é caracterizada por um sinal que

Leia mais

SOLDAGEM POR ARCO SUBMERSO

SOLDAGEM POR ARCO SUBMERSO SOLDAGEM POR ARCO SUBMERSO Juntas com excelentes propriedades mecânicometalúrgicas Altas taxas de deposição Esquema básico do processo 1 Vantagens do processo Pode-se usar chanfros com menor área de metal

Leia mais

ATIVIDADE II COLÉGIO TIA IVONE - CTI. PROFESSOR: NEW CRISTIAN SÉRIE: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO Aluno(a): 1. Conceitue:

ATIVIDADE II COLÉGIO TIA IVONE - CTI. PROFESSOR: NEW CRISTIAN SÉRIE: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO Aluno(a): 1. Conceitue: COLÉGIO TIA IVONE - CTI DISCIPLINA: QUÍMICA Data: / /2012 PROFESSOR: NEW CRISTIAN SÉRIE: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO Aluno(a): ATIVIDADE II 1. Conceitue: a) Matéria b) Energia 2. Qual a relação entre matéria

Leia mais

CONSTRUÇÃO DE JOGOS: FERRAMENTA ELETRÔNICA PARA ENSINO DA RESOLUÇÃO DO CUBO DE RUBIK

CONSTRUÇÃO DE JOGOS: FERRAMENTA ELETRÔNICA PARA ENSINO DA RESOLUÇÃO DO CUBO DE RUBIK CONSTRUÇÃO DE JOGOS: FERRAMENTA ELETRÔNICA PARA ENSINO DA RESOLUÇÃO DO CUBO DE RUBIK Resumo: César Augusto Goulart Universidade Estadual do Centro-Oeste, bolsista de iniciação cientifica PIBIC/FA goulart.cesaraugusto@gmail.com

Leia mais

Para que possam oferecer a protecção adequada os produtos deverão ser:

Para que possam oferecer a protecção adequada os produtos deverão ser: proteção facial Proteção Facial Porquê o uso de viseiras? As viseiras são concebidas para proteger os olhos e o rosto. A protecção pode ser conferida através de uma rede metálica de malha fina ou em material

Leia mais

Vidro comun ou vidro Float

Vidro comun ou vidro Float Vidros Vidro comun ou vidro Float O vidro comum é a composição básica do vidro, antes de receber qualquer tipo de tratamento. Ele é feito a partir da mistura de sílica (areia), potássio, alumina, sódio

Leia mais

INSTALAÇÃO e MANUTENÇÃO de MICRO COMPUTADORES

INSTALAÇÃO e MANUTENÇÃO de MICRO COMPUTADORES INSTALAÇÃO e MANUTENÇÃO de MICRO COMPUTADORES 2010/2011 1 Equipamentos informáticos Hardware e Software Hardware refere-se aos dispositivos físicos (electrónicos, mecânicos e electromecânicos) que constituem

Leia mais

Ficha Técnica de Produto Rejunta Já! Acrílico Código: RJA001 e RJA101

Ficha Técnica de Produto Rejunta Já! Acrílico Código: RJA001 e RJA101 1. Descrição: O é mais uma solução inovadora, que apresenta praticidade e agilidade para o rejuntamento de pisos, azulejos, pastilhas, porcelanatos em áreas internas, externas, molháveis, molhadas. O principal

Leia mais

INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL Ficha Informativa Nº 6 Disco rígido externo Um disco rígido externo é um suporte de dados móvel, não integrado no computador e que se liga a este por um cabo USB. Os discos rígidos externos são muitas

Leia mais

Unidade II. Quando os homens das cavernas faziam desenhos nas paredes das mesmas, eles já guardavam informações.

Unidade II. Quando os homens das cavernas faziam desenhos nas paredes das mesmas, eles já guardavam informações. Unidade II 2 A TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO A tecnologia de informação existe desde os primórdios da civilização. Quando os homens das cavernas faziam desenhos nas paredes das mesmas, eles já guardavam informações.

Leia mais

Textos de apoio. Ciências. Ensino Fundamental I

Textos de apoio. Ciências. Ensino Fundamental I Textos de apoio Ciências Ensino Fundamental I 1 Latas de aço O mercado para reciclagem No Brasil, assim como no resto do mundo, o mercado de sucata de aço é bastante sólido, pois as indústrias siderúrgicas

Leia mais

Introdução à Arte da Ciência da Computação

Introdução à Arte da Ciência da Computação 1 NOME DA AULA Introdução à Arte da Ciência da Computação Tempo de aula: 45 60 minutos Tempo de preparação: 15 minutos Principal objetivo: deixar claro para os alunos o que é a ciência da computação e

Leia mais

OBI2012 Caderno de Tarefas

OBI2012 Caderno de Tarefas OBI2012 Caderno de Tarefas Modalidade Iniciação Nível 1, Fase 2 2 de maio de 2012 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 2 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2012 1 Instruções LEIA ATENTAMENTE

Leia mais

Canguru Matemático sem Fronteiras 2015

Canguru Matemático sem Fronteiras 2015 anguru Matemático sem Fronteiras 2015 http://www.mat.uc.pt/canguru/ ategoria: Benjamim Destinatários: alunos dos 7. o e 8. o anos de escolaridade ome: Turma: Duração: 1h 30min anguru Matemático. Todos

Leia mais