Orientação Estágio Probatório 2016 Diretores. Diretoria de Ensino Guarulhos Sul

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Orientação Estágio Probatório 2016 Diretores. Diretoria de Ensino Guarulhos Sul"

Transcrição

1 Orientação Estágio Probatório 2016 Diretores Diretoria de Ensino Guarulhos Sul

2 Nos termos de: ESTÁGIO PROBATÓRIO DECRETO /07 DISPÕE SOBRE ESTÁGIO PROBATÓRIO INTEGRANTES DO QUADRO DO MAGISTÉRIO DA SEE DISPÕE ( 3 ANOS) DIAS DE EXERCÍCIO PARA SER CONSIDERADO EFETIVO NO CARGO. 3 BLOCOS DIAS ( 912 DIAS TOTAL) SALDO RESTANTE DE 183 DIAS EQUIVALE AO PERÍODO PARA TRÂMITES ADMINISTRATIVOS E PUBLICAÇÃO. OBS:. NO PERÍODO DO SALDO O SERVIDOR PERMANECE EM PROCESSO DE AVALIAÇÃO.

3 RESOLUÇÃO SE 66/2008 NORMAS COMPLEMENTARES: NORTEIA AS COMISSÕES (UNIDADE ESCOLAR E DIRETORIA REGIONAL DE ENSINO); ESTABELECE TABELA DE ASSIDUIDADE; ESCLARECE OS OBJETIVOS DOS INDICADORES; REITERA OS PRINCÍPIOS DE LEGALIDADE, IMPESSOALIDADE, MORALIDADE, PUBLICIDADE, EFICIÊNCIA, CONTRADITÓRIO E DE AMPLA DEFESA; INDICADORES: I ASSIDUIDADE II - DISCIPLINA III - CAPACIDADE DE INICIATIVA IV - RESPONSABILIDADE V - COMPROMETIMENTO COM A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA VI - EFICIÊNCIA VII - PRODUTIVIDADE

4 RESOLUÇÃO SE 79/2008 ALTERA A RES. 66/08... CÁLCULO DO ÍNDICE DE FREQUÊNCIA: DESCONSIDERANDO FÉRIAS, CASAMENTO, FALECIMENTOS, DOAÇÃO DE SANGUE, TRÂNSITO E SERVIÇOS OBRIGATÓRIOS POR LEI; ( CONFORME /68). LEI COMPLEMENTAR 1.027/2013 DISPÕE SOBRE... CONCURSOS PÚBLICOS REGIONALIZADOS DO QUADRO DO MAGISTÉRIO DA SEE ART. 2º - FICA INSTITUÍDO O CURSO ESPECÍFICO DE FORMAÇÃO PARA O INGRESSANTE EM CARGOS DO QUADRO DO MAGISTÉRIO, COMO PARTE INTEGRANTE DO PERÍODO DE ESTÁGIO PROBATÓRIO COM CARGA HORÁRIA MÍNIMA 360 HORAS.

5 Resolução SE Nº 20/2015 DOE 06/04/2015 Artigo 2º da Lei Complementar 1.207, de , que institui o Curso Específico de Formação para o ingressante em cargos do Quadro do Magistério, como parte integrante do período de estágio probatório.

6 Objetivos do Curso Orientar os ingressantes para o cumprimento das atribuições que lhes são inerentes; Subsidiar a reflexão acerca de seu fazer pedagógico, de sua atuação e prática em sala de aula (Resolução SE nº 20/2015). Público - alvo Professores aprovados no Concurso Público para Provimento de Cargo de Professor Educação Básica I e II SQC II QM, a partir de 2013, nomeados e que tomaram posse na SEE-SP.

7 Atividades Avaliativas Boletins encaminhados às escolas (sextas-feiras); Docentes com pendências; Ciência aos docentes. Emissão de Atestado de Conclusão Será emitido pela EFAP, no formato digital; Em cumprimento ao artigo 9º da Resolução SE nº 20/2015, o atestado emitido não terá validade para evolução funcional pela via não acadêmica.

8 IMPORTANTE... Levantamento efetivo dos docentes em Período probatório na escola e no sistema da escola. Entrar em contato com a escola anterior /atual para trocas de informações e documentações. Avaliação = Processo (participar o docente de sua avaliação) / fomentar o diálogo. Registros e Orientações / Observação de sala de aula.

9 ATENÇÃO... NÃO AGUARDAR TÉRMINO DO PROBATÓRIO PARA SANAR QUESTÕES PREVISTAS EM OUTRAS LEGISLAÇÕES, A EXEMPLO ESTATUTO DO MAGISTÉRIO E DO SERVIDOR PÚBLICO. REGISTRO DE FREQUÊNCIA E IMPARCIALIDADE NOS INDICADORES. CIÊNCIA DO INTERESSADO NOS ANEXOS, INCLUSIVE OS PREENCHIDOS PELA COMISSÃO.

10 COMISSÃO DE AVALIAÇÃO Evitar comissões compostas somente por grupo gestor Apresentar a comissão oficialmente aos interessados Dentro do possível representantes de horários diversificados Diretor presidente (exceto em casos de ingressantes) e mais dois membros titulares de cargo preferencialmente. Alterações deverão ser oficiadas à Diretoria para publicação em D.O.E e inclusão no Sistema GDAE

11 PARECER Docentes afastados nas funções de Professor Coordenador e/ou Vice-Diretor deverão ter suas avaliações efetuadas na escola em que desenvolveram a função ( exercício). As avaliações deverão ser encaminhadas para a escola-sede do cargo.

12 ADEQUAÇÕES PREVISTAS NO SISTEMA... RECALCULAR ( FALTAS). DIRETORIA DE ENSINO EXCLUIR AVALIAÇÃO ( Para retificações ). Especificação de Pendência ( Diretoria / Escola)

13

14

15

16 I - Assiduidade: Índice de frequência anual do servidor ao trabalho, a) 0 faltas = 10 pontos. b) 1 falta = 9 pontos. c) 2 faltas = 8 pontos. d) 3 faltas = 7 pontos. e) 4 faltas = 6 pontos. f) 5 faltas = 5 pontos. g) 6 faltas = 4 pontos. h) 7 faltas = 3 pontos. i) 8 faltas = 2 pontos. j) 9 faltas = 1 ponto. k) 10 e acima de 10 faltas = zero pontos.

17

18

19

20

21

22 OFICIAR... CASOS DE EXONERAÇÃO E FALECIMENTO ; PROBLEMAS ESPECÍFICOS DE SISTEMA QUALQUER DÚVIDA: -Super Cristina Segunda ( manhã) -Super Francisca Quinta ( Tarde) -Super Sonia Cordeiro Quinta ( Tarde) -Super Silvana Sexta ( Tarde )

ESTÁGIO PROBATÓRIO. Quadro Apoio Escolar & Quadro de Servidores da Educação GDAE

ESTÁGIO PROBATÓRIO. Quadro Apoio Escolar & Quadro de Servidores da Educação GDAE ESTÁGIO PROBATÓRIO Quadro Apoio Escolar & Quadro de Servidores da Educação GDAE Tem este o objetivo de orientá-los sobre os procedimentos de inclusão, no sistema GDAE, a avaliação do Estágio Porbatório

Leia mais

Informação 02 Boletim Informativo CGRH 13/06/2016 Assunto: Concurso de Remoção PEB I e PEB II 2016

Informação 02 Boletim Informativo CGRH 13/06/2016 Assunto: Concurso de Remoção PEB I e PEB II 2016 Informação 02 Boletim Informativo CGRH 13/06/2016 Assunto: Concurso de Remoção PEB I e PEB II 2016 Senhores Supervisores de Ensino, Diretores de Escola e Gerentes de Organização Escolar, Segue abaixo Informação

Leia mais

CONTRATAÇÃO DE TEMPORÁRIOS

CONTRATAÇÃO DE TEMPORÁRIOS CONTRATAÇÃO DE TEMPORÁRIOS 1) FUNDAMENTO LEGAL: Lei Complementar 1.093 de 16, publ. no DOE de 17/07/2009. Decreto nº 54.682 de 13, publ. no DOE de 14/08/2009. Instrução Normativa UCRH 2 de 21, publ. no

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Caxias do Sul

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Caxias do Sul DECRETO Nº 10.565, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2001. Aprova o Regulamento do Estágio Probatório a que estão sujeitos os servidores públicos municipais. GILBERTO JOSÉ SPIER VARGAS, Prefeito Municipal de Caxias

Leia mais

Assunto: EVOLUÇÃO FUNCIONAL DO QAE LC 888/2000

Assunto: EVOLUÇÃO FUNCIONAL DO QAE LC 888/2000 1 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL CENTRO DE VIDA FUNCIONAL Assunto: EVOLUÇÃO FUNCIONAL

Leia mais

NORMA DE PESSOAL DOCENTE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE - UFCSPA

NORMA DE PESSOAL DOCENTE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE - UFCSPA NORMA DE PESSOAL DOCENTE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE - UFCSPA Regulamenta a Política de Pessoal Docente da Carreira do Magistério Superior da Universidade Federal de Ciências

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PELOTAS GABINETE DO PREFEITO. REGULAMENTO DO ESTÁGIO PROBATÓRIO (Anexo ao Decreto nº 4.550, 14 de agosto de 2003)

PREFEITURA MUNICIPAL DE PELOTAS GABINETE DO PREFEITO. REGULAMENTO DO ESTÁGIO PROBATÓRIO (Anexo ao Decreto nº 4.550, 14 de agosto de 2003) PREFEITURA MUNICIPAL DE PELOTAS GABINETE DO PREFEITO REGULAMENTO DO ESTÁGIO PROBATÓRIO (Anexo ao Decreto nº 4.550, 14 de agosto de 2003) Art.1º - O presente regulamento disciplina os procedimentos a serem

Leia mais

DESIGNAÇÃO / NOMEAÇÃO PARA FUNÇÃO DE CHEFIA

DESIGNAÇÃO / NOMEAÇÃO PARA FUNÇÃO DE CHEFIA DESIGNAÇÃO / NOMEAÇÃO PARA FUNÇÃO DE CHEFIA Cód.: DFG Nº: 44 Versão: 10 Data: 12/07/2017 DEFINIÇÃO Ato de investidura do servidor no exercício de função de confiança integrante do quadro de chefias da

Leia mais

MANUAL de INSTRUÇÕES. Inscrição/Indicação. Candidatos

MANUAL de INSTRUÇÕES. Inscrição/Indicação. Candidatos MANUAL de INSTRUÇÕES Inscrição/Indicação Candidatos =========== 2015 1- LEGISLAÇÃO: Decreto 60.649/2014, publicado no DOE de 16 de julho de 2014. Decreto nº 55.143, publicado no DOE de 11 de dezembro de

Leia mais

Resolução 016/ Conselho Superior/28/07/2011. Órgão Emissor: Conselho Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense

Resolução 016/ Conselho Superior/28/07/2011. Órgão Emissor: Conselho Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense Resolução 016/2011 - Conselho Superior/28/07/2011. Órgão Emissor: Conselho Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense Ementa: Dispõe sobre a Regulamentação para cursos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CONSELHO SUPERIOR

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO CONSUP nº XX, de ----- de agosto de 2016 Dispõe sobre a avaliação especial de desempenho em Estágio Probatório dos integrantes das carreiras do Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010.

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. EMENTA: Regulamenta a concessão e o pagamento de auxílio funeral no

Leia mais

Prefeitura Municipal de Itiuba-BA

Prefeitura Municipal de Itiuba-BA Edição Nº 030/2912 00091 Quarta-Feira Quit-Feira 0815 de de Março Maio de 2013 2012 1 A Prefeitura Municipal de Itiuba, Estado Da Bahia, Visando a Transparência dos Seus Atos Vem PUBLICAR. INSTRUÇÃO NORMATIVA

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE FARMÁCIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES As atividades complementares são prática acadêmicas obrigatórias

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JATAIZINHO Estado do Paraná

PREFEITURA MUNICIPAL DE JATAIZINHO Estado do Paraná 1 DECRETO Nº 023/2014 SÚMULA: Dispõe sobre a criação e organização da Comissão Permanente de Avaliação de Desempenho. O PREFEITO MUNICIPAL DE JATAIZINHO, ESTADO DO PARANÁ, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense Conselho Superior

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense Conselho Superior RESOLUÇÃO Nº 023 CONSUPER/2017 Dispõe sobre sobre o Regulamento de Cursos Livres de Extensão do Instituto Federal Catarinense. A Presidente do do IFC, professora Sônia Regina de Souza Fernandes, no uso

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento visa normatizar as Atividades Complementares do Curso de História. Parágrafo único As Atividades Complementares

Leia mais

Data: 12/07/2017 Assunto: Concurso Público para Diretor de Escola dúvidas frequentes

Data: 12/07/2017 Assunto: Concurso Público para Diretor de Escola dúvidas frequentes Data: 12/07/2017 Assunto: Concurso Público para Diretor de Escola dúvidas frequentes Prezados Pertinente ao Concurso Público para ingresso de Diretores de Escola esclarecemos que Edital SE nº 01 /2017,

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA DESIGNAÇÃO DE PROFESSOR COORDENADOR

PROCEDIMENTOS PARA DESIGNAÇÃO DE PROFESSOR COORDENADOR GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 1 Rua Faustolo nº 281 Água Branca CEP: 05041-000 São Paulo SP Telefone: 3868-9758 E-mail: dent1crh@educacao.sp.gov.br

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO NORTE DE MINAS GERAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO NORTE DE MINAS GERAIS REGULAMENTO PARA AFASTAMENTO DE SERVIDORES DOCENTES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO NORTE DE MINAS GERAIS PARA QUALIFICAÇÃO EM PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU e PÓS-DOUTORADO.

Leia mais

Estágio Probatório - Legislação

Estágio Probatório - Legislação Estágio Probatório - Legislação Constituição Federal/88 Art. 41. São estáveis após três anos de efetivo exercício os servidores nomeados para cargo de provimento efetivo em virtude de concurso público.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS MANUAL DO SERVIDOR

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS MANUAL DO SERVIDOR Página 1 de 5 AFASTAMENTO PARA PRESTAR COLABORAÇÃO TÉCNICA DEFINIÇÃO Afastamento de servidor estável, ocupante de cargo do Plano de Carreiras e Cargos do Magistério Federal ou do Plano de Carreira dos

Leia mais

ORIENTAÇÕES SOBRE PROCEDIMENTOS EM EDITAIS PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO. 1 Edital Institucional de Extensão Pró-reitoria de Extensão

ORIENTAÇÕES SOBRE PROCEDIMENTOS EM EDITAIS PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO. 1 Edital Institucional de Extensão Pró-reitoria de Extensão ORIENTAÇÕES SOBRE PROCEDIMENTOS EM EDITAIS 1 Edital Institucional de Extensão Pró-reitoria de Extensão a. Abertura de processo com o protocolo de documento oficial (memorando) encaminhado ao Gabinete contendo

Leia mais

A gratificação da função foi implementada pela Lei Complementar nº de 15/10/2007 e pela Lei Complementar nº de 01/07/2013.

A gratificação da função foi implementada pela Lei Complementar nº de 15/10/2007 e pela Lei Complementar nº de 01/07/2013. A Diretora da EE NOSSA SENHORA DOS NAVEGANTES, em Guarujá com fundamento na Resolução SE 75 de 30/12/2014, torna público o processo para seleção de docente para a função gratificada de Professor Coordenador

Leia mais

Solicitamos sua atenção os procedimentos para publicação de Ato Decisório,bem como para as situações que também necessitam de publicação do mesmo:

Solicitamos sua atenção os procedimentos para publicação de Ato Decisório,bem como para as situações que também necessitam de publicação do mesmo: Sr Diretores e GOEs Solicitamos sua atenção os procedimentos para publicação de Ato Decisório,bem como para as situações que também necessitam de publicação do mesmo: 1. Professores afastados, em licença,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS - UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS DA METODOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS - UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS DA METODOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS - UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL RESOLUÇÃO Nº 37/2008-CONSUNI/UFAL, de 11 de junho de 2008. APROVA O PROGRAMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DO

Leia mais

AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO MANUAL 2016

AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO MANUAL 2016 AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO MANUAL 2016 COMUNIDADE FACEBOOK NOVO GOES DA SEE LEGISLAÇÃO: 1. Instituído pela Lei n 7.524, de 28/10/1991; 2. Regulamentada pelo Decreto n 34.064, de 28/10/1991. 3. Comunicado CRHE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS Secretaria Geral de Recursos Humanos Departamento de Desenvolvimento de Pessoal

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS Secretaria Geral de Recursos Humanos Departamento de Desenvolvimento de Pessoal UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS Secretaria Geral de Recursos Humanos Departamento de Desenvolvimento de Pessoal MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO NO PERÍODO DE ESTÁGIO PROBATÓRIO

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL CENTRO DE INGRESSO E MOVIMENTAÇÃO MANUAL DE ACESSO AO

Leia mais

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão 1 EDITAL N.º 07/2015 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para o Curso de Extensão: Instrumentação Cirúrgica. O - TECPUC, mantido pela Associação Paranaense de Cultura, torna pública a abertura do processo

Leia mais

DESIGNAÇÃO / NOMEAÇÃO PARA FUNÇÃO DE CHEFIA

DESIGNAÇÃO / NOMEAÇÃO PARA FUNÇÃO DE CHEFIA DESIGNAÇÃO / NOMEAÇÃO PARA FUNÇÃO DE CHEFIA Cód.: DFG Nº: 44 Versão: 10 Data: 13/07/2016 DEFINIÇÃO Ato de investidura do servidor no exercício de função de confiança integrante do quadro de chefias da

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS NUCLEO ACADÊMICO DE INFORMÁTICA E GESTÃO REGULAMENTO

Leia mais

PORTARIA Nº 021/2016, de 22 de novembro de 2016

PORTARIA Nº 021/2016, de 22 de novembro de 2016 PORTARIA Nº 021/2016, de 22 de novembro de 2016 Dispõe sobre os procedimentos e rotinas referentes ao recadastramento dos aposentados e pensionistas da CAPPS. O Presidente da Caixa de Assistência, Previdência

Leia mais

LUÍS EDUARDO BOVOLATO Vice-reitor, no exercício da Reitoria

LUÍS EDUARDO BOVOLATO Vice-reitor, no exercício da Reitoria UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS CONSELHO UNIVERSITÁRIO - CONSUNI Secretaria dos Órgãos Colegiados Superiores (Socs) Bloco IV, Segundo Andar, Câmpus de Palmas (63) 3232-8067 (63) 3232-8238 socs@uft.edu.br

Leia mais

Resolução nº 02 /DME

Resolução nº 02 /DME Resolução nº 02 /DME De 25 de janeiro de 2017 Dispõe sobre o acúmulo de empregos dos professores integrantes do Quadro do Magistério da Educação Municipal de Américo Brasiliense SP. Artigo 1º - Será considerada

Leia mais

MINUTA 05/12/2013 DO GLED, COM ALTERAÇÕES PROPOSTAS PELA CGRH MINUTA 05/12/2013 DO GLED ESTATUTO DO MAGISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO

MINUTA 05/12/2013 DO GLED, COM ALTERAÇÕES PROPOSTAS PELA CGRH MINUTA 05/12/2013 DO GLED ESTATUTO DO MAGISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO MINUTA 05/12/2013 DO GLED ESTATUTO DO MAGISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO LEI COMPLEMENTAR Nº, DE DE DE 2013 Dispõe sobre o Estatuto e Plano de Carreira do Magistério Público do Estado de São Paulo

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA CLÍNICA ESCOLA DA TERAPIA OCUPACIONAL CETO

REGIMENTO INTERNO DA CLÍNICA ESCOLA DA TERAPIA OCUPACIONAL CETO REGIMENTO INTERNO DA CLÍNICA ESCOLA DA TERAPIA OCUPACIONAL CETO Da Denominação, Sede e Finalidade Art. 1º - A Clínica Escola da Terapia Ocupacional - CETO, constituída no Projeto Político Pedagógico do

Leia mais

DECRETO Nº 1.594/2008

DECRETO Nº 1.594/2008 Súmula: Dispõe sobre as descrições e atribuições dos cargos da Carreira do Magistério Público Municipal constante no Anexo III, da Lei Municipal nº 2.156/2008, de 26 de março de 2008, que trata do Estatuto

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA DESIGNAÇÃO DE GERENTE DE ORGANIZAÇÃO ESCOLAR

PROCEDIMENTOS PARA DESIGNAÇÃO DE GERENTE DE ORGANIZAÇÃO ESCOLAR GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 1 Rua Faustolo nº 281 Água Branca CEP: 05041-000 São Paulo SP Telefone: 3868-9758 E-mail: dent1crh@educacao.sp.gov.br

Leia mais

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO CAPÍTULO I Das Considerações Preliminares Art.1º O presente Regulamento disciplina a oferta, o funcionamento e o registro acadêmico

Leia mais

EJA 2º Semestre de 2014

EJA 2º Semestre de 2014 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO DE CAPIVARI Rua Regente Feijó, 773 Centro CEP. 13.360-000 CAPIVARI SP FONES: (0XX 19) 3491-9200 FAX (0XX19)

Leia mais

SALDO DE AULAS 2017 (PARCIAL) ATUALIZAÇÃO EM TEMPO REAL CLIQUE AQUI

SALDO DE AULAS 2017 (PARCIAL) ATUALIZAÇÃO EM TEMPO REAL CLIQUE AQUI GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE GERAL DA EDUCAÇÃO BÁSICA DE SÃO PAULO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO DE GUARULHOS SUL SALDO DE AULAS 2017 (PARCIAL) ATUALIZAÇÃO

Leia mais

Rua Imaculada Conceição, 1155 Prado Velho Curitiba, Paraná CEP: Fone (41)

Rua Imaculada Conceição, 1155 Prado Velho Curitiba, Paraná CEP: Fone (41) 1 EDITAL N.º 02/2016 DISPÕE SOBRE O PROCESSO DE MATRÍCULA PARA O CURSO LIVRE DE INSTRUMENTAÇÃO CIRÚRGICA O Mário Cristóvão - TECPUC, mantido pela, torna pública a abertura do processo de matrícula para

Leia mais

NORMA DE ESTÁGIO PROBATÓRIO PARA SERVIDOR DOCENTE DA UNIFEI UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ DISPOSIÇÕES GERAIS

NORMA DE ESTÁGIO PROBATÓRIO PARA SERVIDOR DOCENTE DA UNIFEI UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ DISPOSIÇÕES GERAIS NORMA DE ESTÁGIO PROBATÓRIO PARA SERVIDOR DOCENTE DA UNIFEI UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ Normatiza o Estágio Probatório de Docentes no âmbito da Universidade Federal de Itajubá. O CONSELHO DE ENSINO,

Leia mais

sábado, 11 de junho de 2016 Diário Oficial Poder Executivo - Seção I São Paulo, 126 (107) 27

sábado, 11 de junho de 2016 Diário Oficial Poder Executivo - Seção I São Paulo, 126 (107) 27 sábado, 11 de junho de 2016 Diário Oficial Poder Executivo - Seção I São Paulo, 126 (107) 27 Resolução SE 41, de 10-6-2016 Dispõe sobre a instrução de processos de afastamento de servidor para participação

Leia mais

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 16 de dezembro de José Antonio Cruz Duarte, OFM Vice-Reitor no exercício da Presidência

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 16 de dezembro de José Antonio Cruz Duarte, OFM Vice-Reitor no exercício da Presidência RESOLUÇÃO CONSEPE 98/2009 APROVA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ARQUITETURA E URBANISMO, DO CAMPUS DE ITATIBA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Vice-Reitor da Universidade São Francisco, no

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO PARA ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL PARA ATUAÇÃO EM 2017.

EDITAL DE CREDENCIAMENTO PARA ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL PARA ATUAÇÃO EM 2017. GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE CAMPINAS OESTE Rua Candido Mota, 186, Fundação da Casa Popular Campinas/SP CEP 13.031-385 Fone:: (19) 3772-2795/2796/2798

Leia mais

CRONOGRAMA DE ATRIBUIÇÃO DE CLASSE/AULA 2016

CRONOGRAMA DE ATRIBUIÇÃO DE CLASSE/AULA 2016 DA REGIÃO DE JACAREÍ A Comissão de Atribuição de Classes/Aulas, no uso de suas atribuições, divulga orientações e o cronograma para o Processo de Atribuição inicial de classes e aulas/2016: 1. Fundamento

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Programa de Estágio Supervisionado Obrigatório

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Programa de Estágio Supervisionado Obrigatório UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA Programa de Estágio Supervisionado Obrigatório Curso de Licenciatura em Educação Física Ingressantes

Leia mais

CADASTRO EMERGENCIAL PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INTERLOCUTOR DE LIBRAS

CADASTRO EMERGENCIAL PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INTERLOCUTOR DE LIBRAS CADASTRO EMERGENCIAL PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INTERLOCUTOR DE LIBRAS O Dirigente Regional de Ensino da Diretoria de Ensino Região Itapecerica da Serra torna pública a abertura de cadastramento emergencial

Leia mais

Licenciatura em Ciências Exatas Revisão 3 REGULAMENTO DE ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO

Licenciatura em Ciências Exatas Revisão 3 REGULAMENTO DE ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO REGULAMENTO DE ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO O Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Ciências Exatas do Setor Palotina da UFPR prevê a realização de estágios nas modalidades de estágio obrigatório e

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI EDITAL Nº 001/2016

ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI EDITAL Nº 001/2016 ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI DIRETORIA DE ENSINO EDITAL Nº 001/2016 PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA PROJETOS DE EXTENSÃO O Núcleo de Iniciação

Leia mais

PROGRAMA EDUCAÇÃO NAS PRISÕES EDITAL DE CREDENCIAMENTO PARA ATRIBUIÇÃO DE AULAS SEGUNDO SEMESTRE DO ANO LETIVO DE 2017

PROGRAMA EDUCAÇÃO NAS PRISÕES EDITAL DE CREDENCIAMENTO PARA ATRIBUIÇÃO DE AULAS SEGUNDO SEMESTRE DO ANO LETIVO DE 2017 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO VOTORANTIM Rua Sete de Setembro, 311 Parque Bela Vista VOTORANTIM CEP 18110-420 - Fone/Fax (015) 3353-7800 E-mail:

Leia mais

PROGRAMA ENSINO INTEGRAL ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL, ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL E ENSINO MÉDIO EDITAL DE CREDENCIAMENTO 2016/ ATUAÇÃO

PROGRAMA ENSINO INTEGRAL ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL, ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL E ENSINO MÉDIO EDITAL DE CREDENCIAMENTO 2016/ ATUAÇÃO PROGRAMA ENSINO INTEGRAL ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL, ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL E ENSINO MÉDIO EDITAL DE CREDENCIAMENTO 2016/ ATUAÇÃO 2017 O Dirigente Regional de Ensino da Região de Itapecerica

Leia mais

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão-TECPUC

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão-TECPUC EDITAL N.º 01/2016 DISPÕE SOBRE O PROCESSO DE MATRÍCULA PARA OS CURSOS TÉCNICOS, CONCOMITANTES E SUBSEQUENTES AO ENSINO MÉDIO O Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão - TECPUC, mantido pela

Leia mais

SISTEMA GRATIFICAÇÃO DE FUNÇÃO

SISTEMA GRATIFICAÇÃO DE FUNÇÃO SISTEMA GRATIFICAÇÃO DE FUNÇÃO Manual de Instrução MAIO - 2016 Manual de Orientação Centro de Vida Funcional Página 1 Incorporação A Lei Complementar nº 1018, de 15, publicada em 16/10/2007, institui a

Leia mais

REGULAMENTO. Curso Específico de Formação aos Ingressantes nas Classes Docentes do Quadro do Magistério PEB I. Etapa 2 Ensino em Foco 1ª Edição

REGULAMENTO. Curso Específico de Formação aos Ingressantes nas Classes Docentes do Quadro do Magistério PEB I. Etapa 2 Ensino em Foco 1ª Edição REGULAMENTO Curso Específico de Formação aos Ingressantes nas Classes Docentes do Quadro do Magistério PEB I Etapa 2 Ensino em Foco 1ª Edição São Paulo, março de 2017 1 SUMÁRIO A. APRESENTAÇÃO... 3 B.

Leia mais

EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA O CEEJA 2016

EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA O CEEJA 2016 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SANTOS EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA O CEEJA 2016 O Dirigente Regional de Ensino de Santos e os Diretores dos Centros

Leia mais

Portaria Nº 12, de 03 de abril de 2017.

Portaria Nº 12, de 03 de abril de 2017. Portaria Nº 12, de 03 de abril de 2017. Regulamenta o Estágio Supervisionado Obrigatório dos alunos do Curso de Graduação em Engenharia Agronômica da Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas da Unesp

Leia mais

Ensino Fundamental (EMEFs), subordinadas administrativamente á Secretaria Municipal de Educação e Cultura.

Ensino Fundamental (EMEFs), subordinadas administrativamente á Secretaria Municipal de Educação e Cultura. 1/6 LEI COMPLEMENTAR Nº 32/97 DISPÕE SOBRE: "CRIAÇÃO DE ESCOLAS MUNICIPAIS DE ENSINO FUNDAMENTAL, CRIAÇÃO E ALTERAÇÃO DE CARGOS, CRIAÇÃO DE HORÁRIO DE TRABALHO COLETIVO, AUTORIZA A CELEBRAÇÃO DE CONVÊNIOS

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente Regulamento de Estágios visa disciplinar os estágios do curso de Engenharia da Computação,

Leia mais

CONCURSO DE REMOÇÃO DOCENTES 2016 PROCEDIMENTOS DE INSCRIÇÃO/INDICAÇÕES E RELAÇÃO DE VAGAS

CONCURSO DE REMOÇÃO DOCENTES 2016 PROCEDIMENTOS DE INSCRIÇÃO/INDICAÇÕES E RELAÇÃO DE VAGAS Avenida Liberdade, 928-01502-001 - SÃO PAULO - (11) 3340.0500. D.O.E. 13/08/2016 PAG 01 E 02 SUPLEMENTO CONCURSO DE REMOÇÃO DOCENTES 2016 PROCEDIMENTOS DE INSCRIÇÃO/INDICAÇÕES E RELAÇÃO DE VAGAS COMUNICADO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 41/2013/Consup Florianópolis, 25 de outubro de 2013.

RESOLUÇÃO Nº 41/2013/Consup Florianópolis, 25 de outubro de 2013. RESOLUÇÃO Nº 41/2013/Consup Florianópolis, 25 de outubro de 2013. A PRESIDENTE DO DO IFSC no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo Decreto de 15/12/2011, publicado no DOU de 16/12/2011 e atendendo

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU Nº 1.113/2016

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU Nº 1.113/2016 MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU Nº 1.113/2016 Referência : E-mail institucional de 6/4/2016. Assunto Interessado : Pessoal. Rodízio

Leia mais

Resolução SE nº 03, de

Resolução SE nº 03, de Resolução SE nº 03, de 28-1-2011 Dispõe sobre o processo de atribuição de classes, turmas e aulas de Projetos da Pasta aos docentes do Quadro do Magistério e dá providências correlatas Tendo em vista o

Leia mais

Açailândia - Maranhão Instituído pela Lei Municipal nº 441, de 30 de novembro de 2015 PODER EXECUTIVO

Açailândia - Maranhão Instituído pela Lei Municipal nº 441, de 30 de novembro de 2015 PODER EXECUTIVO DIÁRIO OFICIAL Açailândia - Maranhão Instituído pela Lei Municipal nº 441, de 30 de novembro de 2015 PODER EXECUTIVO ANO III, Nº 265, AÇAILÂNDIA,MA, SEXTA-FEIRA, 20 DE JANEIRO DE 2017 EDIÇÃO DE HOJE: 5

Leia mais

EDITAL Nº 05/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA

EDITAL Nº 05/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS ABREU E LIMA CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS ESTRANGEIRAS CELLE EDITAL

Leia mais

Edital Nº 013/16/PSCG - SBS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL PARA INGRESSO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVILLE CAMPUS SÃO BENTO DO SUL

Edital Nº 013/16/PSCG - SBS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL PARA INGRESSO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVILLE CAMPUS SÃO BENTO DO SUL Edital Nº 013/16/PSCG - SBS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL PARA INGRESSO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVILLE CAMPUS SÃO BENTO DO SUL A Pró-Reitora de Ensino da Universidade da Região de Joinville

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E EMPREENDEDORISMO EM SAÚDE NITE SAÚDE CAPÍTULO I DAS FINALIDADES

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E EMPREENDEDORISMO EM SAÚDE NITE SAÚDE CAPÍTULO I DAS FINALIDADES REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E EMPREENDEDORISMO EM SAÚDE NITE SAÚDE CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º. O Núcleo de Inovação Tecnológica e Empreendedorismo em Saúde da Universidade Federal

Leia mais

REGULAMENTO NÚCLEO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL AO DISCENTE FACULDADE CNEC ILHA DO GOVERNADOR

REGULAMENTO NÚCLEO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL AO DISCENTE FACULDADE CNEC ILHA DO GOVERNADOR REGULAMENTO NÚCLEO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL AO DISCENTE FACULDADE CNEC ILHA DO GOVERNADOR Núcleo de Atendimento Educacional ao Discente NAED Regulamento CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS DO NAED Art.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE LETRAS E COMUNICAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 02 DE 18 DE JUNHO DE 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE LETRAS E COMUNICAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 02 DE 18 DE JUNHO DE 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE LETRAS E COMUNICAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 02 DE 18 DE JUNHO DE 2015 Regulamenta a realização dos concursos públicos para a carreira do magistério

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA Nº 01/ VAGAS DO EDITAL 13/2016/PROEX

CHAMADA PÚBLICA Nº 01/ VAGAS DO EDITAL 13/2016/PROEX CHAMADA PÚBLICA Nº 01/2017 - VAGAS DO EDITAL 13/2016/PROEX 1. Tipo de chamada (conforme item 3.2 do edital) Chamada INTERNA, destinada a servidores (efetivos ou substitutos/temporários) e aposentados do

Leia mais

Propostas aprovadas pela categoria nas plenárias e assembléia e não incluídas no PL 001/2012

Propostas aprovadas pela categoria nas plenárias e assembléia e não incluídas no PL 001/2012 Suprimir do item II anos finais JUSTIFICATIVA: Não existe atuação nos anos finais do ensino regular (sexto ao nono ano) no Município de Diadema. Acrescentar item como fundamento da Lei: Definição das diretrizes

Leia mais

Portaria Conjunta CENP/COGSP/ CEI, de

Portaria Conjunta CENP/COGSP/ CEI, de Portaria Conjunta CENP/COGSP/ CEI, de 6 7 2009 Dispõe sobre a Terminalidade Escolar Específica de alunos com necessidades educacionais especiais na área da deficiência mental, das escolas da rede estadual

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO (PAE) ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO

PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO (PAE) ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO CURSOS DE LICENCIATURAS PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO (PAE) ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO 2017.2 5º. PERÍODO Diálogos com a Escola-Campo I / Prática Pedagógica V Observação do Campo de Estágio (com

Leia mais

E MEMBROS DA COMUNIDADE EXTERNA

E MEMBROS DA COMUNIDADE EXTERNA PROJETO UniCEUB ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO NA EJA - 19ª turma EDITAL 1º/ 2016 - SELEÇÃO DE ALUNOS DO UniCEUB, VOLUNTÁRIOS E MEMBROS DA COMUNIDADE EXTERNA A pró-reitora acadêmica do Centro Universitário

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Reorganiza as atribuições gerais e as classes dos cargos da Carreira Policial Federal, fixa a remuneração e dá outras providências.

Leia mais

EDITAL CEAVI/UDESC Nº 001/2013. PROCESSO ELEITORAL SETORIAL CEAVI - PARA ELEIÇÃO DE REPRESENTANTE DOCENTE NO CONSUNI, CONSEPE e CONSAD/UDESC.

EDITAL CEAVI/UDESC Nº 001/2013. PROCESSO ELEITORAL SETORIAL CEAVI - PARA ELEIÇÃO DE REPRESENTANTE DOCENTE NO CONSUNI, CONSEPE e CONSAD/UDESC. EDITAL CEAVI/UDESC Nº 001/2013 PROCESSO ELEITORAL SETORIAL CEAVI - PARA ELEIÇÃO DE REPRESENTANTE DOCENTE NO CONSUNI, CONSEPE e CONSAD/UDESC. Abre inscrições, fixa data, horário e critérios para eleição

Leia mais

PORTARIA 16/2016 DIRETORIA ACADÊMICA ADMINISTRATIVA

PORTARIA 16/2016 DIRETORIA ACADÊMICA ADMINISTRATIVA PORTARIA 16/2016 DIRETORIA ACADÊMICA ADMINISTRATIVA Dispõe sobre a organização pedagógica e o apoio logístico na oferta de cursos de pós-graduação lato sensu. O Diretor Acadêmico Administrativo da Faculdade

Leia mais

Ministério da Educação Fundação Universidade Federal de Rondônia GABINETE REITORIA INSTRUÇÃO NORMATIVA N 011/UNIR/GR/2014 DE 30 DE JUNHO DE 2014.

Ministério da Educação Fundação Universidade Federal de Rondônia GABINETE REITORIA INSTRUÇÃO NORMATIVA N 011/UNIR/GR/2014 DE 30 DE JUNHO DE 2014. INSTRUÇÃO NORMATIVA N 011/UNIR/GR/2014 DE 30 DE JUNHO DE 2014. Estabelece as normas de procedimentos Administrativos para abertura de editais de concurso para carreira do Magistério Superior na Universidade

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE ENSINO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE ENSINO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE ENSINO Orientação Normativa nº. 03/2009-PROEN/IFRN Natal, 15 de outubro de 2009. A PRÓ-REITORA

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria Art. 1º - Entende-se por Monitoria, uma modalidade de ensino e aprendizagem que contribui para a formação integrada

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Matemática Curso de Bacharelado em Estatística

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Matemática Curso de Bacharelado em Estatística Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Matemática Curso de Bacharelado em Estatística RESOLUÇÃO N o 01/2011, DO COLEGIADO DO CURSO DE BACHARELADO EM ESTATÍSTICA Regulamenta a composição, as competências

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 06/2013 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 06/2013 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 06/2013 A Coordenação do Curso de Sistemas de Informação, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

ão Aperfeiçoam ento Atualizaç ão Produção Profissional

ão Aperfeiçoam ento Atualizaç ão Produção Profissional ANEXO a que se refere o artigo 10 do Decreto nº 49.394, de 22 de fevereiro de 2005, atualizado conforme disposto na Lei Complementar nº 1.143/11 Decreto nº 59.850 de 28 de novembro de 2013 - DOE de 29/11/2013,

Leia mais

Edital Nº 011/16/PSCG EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL PARA INGRESSO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVILLE CAMPUS SÃO BENTO DO SUL

Edital Nº 011/16/PSCG EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL PARA INGRESSO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVILLE CAMPUS SÃO BENTO DO SUL Edital Nº 011/16/PSCG EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL PARA INGRESSO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVILLE CAMPUS SÃO BENTO DO SUL A Pró-Reitora de Ensino da Universidade da Região de Joinville UNIVILLE,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 56/2017 Fixa os critérios para pagamento da Gratificação por Encargo de Curso ou Concurso no âmbito da Universidade Federal de Juiz de Fora. O Conselho Superior da Universidade

Leia mais

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Os estágios curriculares no curso de História-Licenciatura

Leia mais

DECRETO Nº 8.546, DE 8 DE MAIO DE 2017 ALTERA O DECRETO Nº 7.813, DE 12 DE MARÇO DE 2014.

DECRETO Nº 8.546, DE 8 DE MAIO DE 2017 ALTERA O DECRETO Nº 7.813, DE 12 DE MARÇO DE 2014. DECRETO Nº 8.546, DE 8 DE MAIO DE 2017 ALTERA O DECRETO Nº 7.813, DE 12 DE MARÇO DE 2014. RUBENS FURLAN, Prefeito do Município de Barueri, usando das atribuições que lhe são conferidas por lei, DECRETA:

Leia mais

CALENDÁRIO ACADÊMICO DOS CURSOS SUPERIORES 2016

CALENDÁRIO ACADÊMICO DOS CURSOS SUPERIORES 2016 CALENDÁRIO ACADÊMICO DOS CURSOS SUPERIORES 2016 JANEIRO/2016 06 Prazo máximo para entrega dos diários da 2ª etapa do período letivo 2015/2 15 Finalização dos Horários para 2016/1 (Coordenações de Cursos

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES Cursos de Bacharelado e Licenciatura 4ª EDIÇÃO AGOSTO DE 2017 CAPÍTULO I DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES E NATUREZA...3 CAPÍTULO II DOS REQUISITOS

Leia mais

LIMITE DE CARGA HORÁRIA (CRÉDITO) POR ATIVIDADE CARGA HORÁRIA (CRÉDITO) POR ATIVIDADE ATIVIDADES DISCIPLINAS

LIMITE DE CARGA HORÁRIA (CRÉDITO) POR ATIVIDADE CARGA HORÁRIA (CRÉDITO) POR ATIVIDADE ATIVIDADES DISCIPLINAS Câmpus de Ilha Solteira INTERESSADO : CONSELHO DE CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL ASSUNTO : Proposta para contagem de créditos para as Atividades Complementares para o Curso de Graduação em Engenharia

Leia mais

CALENDÁRIO ACADÊMICO DOS CURSOS SUPERIORES PÓS-GREVE

CALENDÁRIO ACADÊMICO DOS CURSOS SUPERIORES PÓS-GREVE CALENDÁRIO ACADÊMICO DOS CURSOS SUPERIORES 2015 - PÓS-GREVE 05 a 10 Avaliação de Reposição e Prova Final. 12 JANEIRO/2015 Prazo final para a entrega dos diários de classe da 3ª Etapa 2014/2, Reposição

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Aprovado pelo CONSUNI Nº15 em 24/05/2016 ÍNDICE CAPITULO I Da Constituição,

Leia mais

Licenciatura em Matemática MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Licenciatura em Matemática MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura em Matemática MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2012 APRESENTAÇÃO Este manual tem como objetivo principal auxiliar você a cumprir o estágio supervisionado obrigatório e as Atividades Complementares

Leia mais

Regulamenta o Sistema de Avaliação Periódica de. Art. 1º Fica instituído o Sistema de Avaliação Periódica de

Regulamenta o Sistema de Avaliação Periódica de. Art. 1º Fica instituído o Sistema de Avaliação Periódica de Desempenho Funcional. Regulamenta o Sistema de Avaliação Periódica de Desempenho Funcional. Art. 1º Fica instituído o Sistema de Avaliação Periódica de 1º O Sistema de Avaliação Periódica de Desempenho

Leia mais

UniAGES CENTRO UNIVERSITÁRIO DIRETORIA DE ENSINO INFORMATIVO DO SEMESTRE

UniAGES CENTRO UNIVERSITÁRIO DIRETORIA DE ENSINO INFORMATIVO DO SEMESTRE UniAGES CENTRO UNIVERSITÁRIO DIRETORIA DE ENSINO INFORMATIVO DO SEMESTRE 2016.1 Com o objetivo de fazermos o semestre caminhar com a tranquilidade necessária para o bom andamento dos trabalhos e clareza

Leia mais