Informações Trimestrais 31/03/2016. Localiza Rent a Car S.A. CNPJ/MF: /

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Informações Trimestrais 31/03/2016. Localiza Rent a Car S.A. CNPJ/MF: /"

Transcrição

1 Informações Trimestrais 31/03/2016 Localiza Rent a Car S.A. CNPJ/MF: /

2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração do Fluxo de Caixa 8 Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido DMPL - 01/01/2016 à 31/03/ DMPL - 01/01/2015 à 31/03/ Demonstração do Valor Adicionado 11 DFs Consolidadas Balanço Patrimonial Ativo 12 Balanço Patrimonial Passivo 13 Demonstração do Resultado 15 Demonstração do Resultado Abrangente 16 Demonstração do Fluxo de Caixa 17 Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido DMPL - 01/01/2016 à 31/03/ DMPL - 01/01/2015 à 31/03/ Demonstração do Valor Adicionado 20 Comentário do Desempenho 21 Notas Explicativas 44 Comentário Sobre o Comportamento das Projeções Empresariais 72 Outras Informações que a Companhia Entenda Relevantes 73 Pareceres e Declarações Relatório da Revisão Especial - Sem Ressalva 75

3 Dados da Empresa / Composição do Capital Número de Ações (Mil) Trimestre Atual 31/03/2016 Do Capital Integralizado Ordinárias Preferenciais 0 Total Em Tesouraria Ordinárias Preferenciais 0 Total PÁGINA: 1 de 75

4 Dados da Empresa / Proventos em Dinheiro Evento Aprovação Provento Início Pagamento Espécie de Ação Classe de Ação Provento por Ação (Reais / Ação) Reunião do Conselho de Administração Reunião do Conselho de Administração 10/12/2015 Juros sobre Capital Próprio 28/01/2016 Ordinária 0, /03/2016 Juros sobre Capital Próprio 12/05/2016 Ordinária 0,17015 PÁGINA: 2 de 75

5 DFs Individuais / Balanço Patrimonial Ativo (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Trimestre Atual 31/03/2016 Exercício Anterior 31/12/ Ativo Total Ativo Circulante Caixa e Equivalentes de Caixa Contas a Receber Clientes Tributos a Recuperar Tributos Correntes a Recuperar Despesas Antecipadas Outros Ativos Circulantes Ativos Não-Correntes a Venda Outros Dividendos a receber Outros Instrumentos derivativos - swap Ativo Não Circulante Ativo Realizável a Longo Prazo Créditos com Partes Relacionadas Créditos com Controladas Outros Ativos Não Circulantes Ativos Não-Correntes a Venda Depósitos Judiciais Outros Instrumentos derivativos - swap Investimentos Participações Societárias Participações em Controladas Imobilizado Imobilizado em Operação Imobilizado Arrendado Imobilizado em Andamento Intangível Intangíveis Software em operação Software arrendado PÁGINA: 3 de 75

6 DFs Individuais / Balanço Patrimonial Passivo (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Trimestre Atual 31/03/2016 Exercício Anterior 31/12/ Passivo Total Passivo Circulante Obrigações Sociais e Trabalhistas Obrigações Sociais Obrigações Trabalhistas Fornecedores Fornecedores Nacionais Fornecedores Estrangeiros Obrigações Fiscais Obrigações Fiscais Federais Imposto de Renda e Contribuição Social a Pagar Outros impostos federais Obrigações Fiscais Municipais Empréstimos e Financiamentos Empréstimos e Financiamentos Em Moeda Estrangeira Debêntures Financiamento por Arrendamento Financeiro Outras Obrigações Passivos com Partes Relacionadas Débitos com Controladas Outros Dividendos e JCP a Pagar Outros passivos circulantes Passivo Não Circulante Empréstimos e Financiamentos Empréstimos e Financiamentos Em Moeda Estrangeira Debêntures Financiamento por Arrendamento Financeiro Outras Obrigações Outros Outros passivos não circulantes Tributos Diferidos Imposto de Renda e Contribuição Social Diferidos Provisões Provisões Fiscais Previdenciárias Trabalhistas e Cíveis Provisões Fiscais Provisões Previdenciárias e Trabalhistas Provisões Cíveis Lucros e Receitas a Apropriar Receitas a Apropriar Patrimônio Líquido Capital Social Realizado Reservas de Capital Ágio na Emissão de Ações PÁGINA: 4 de 75

7 DFs Individuais / Balanço Patrimonial Passivo (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Trimestre Atual 31/03/2016 Exercício Anterior 31/12/ Opções Outorgadas Ações em Tesouraria Reservas de Lucros Reserva Legal Reserva Estatutária Lucros/Prejuízos Acumulados PÁGINA: 5 de 75

8 DFs Individuais / Demonstração do Resultado (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta 3.01 Receita de Venda de Bens e/ou Serviços Custo dos Bens e/ou Serviços Vendidos Resultado Bruto Despesas/Receitas Operacionais Despesas com Vendas Despesas Gerais e Administrativas Outras Despesas Operacionais Resultado de Equivalência Patrimonial Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos Resultado Financeiro Receitas Financeiras Despesas Financeiras Resultado Antes dos Tributos sobre o Lucro Imposto de Renda e Contribuição Social sobre o Lucro Corrente Diferido Resultado Líquido das Operações Continuadas Lucro/Prejuízo do Período Lucro por Ação - (Reais / Ação) Lucro Básico por Ação ON 0, , Lucro Diluído por Ação Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ ON 0, ,47917 PÁGINA: 6 de 75

9 DFs Individuais / Demonstração do Resultado Abrangente (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ Lucro Líquido do Período Resultado Abrangente do Período PÁGINA: 7 de 75

10 DFs Individuais / Demonstração do Fluxo de Caixa - Método Indireto (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta 6.01 Caixa Líquido Atividades Operacionais Caixa Gerado nas Operações Lucro líquido do exercício Depreciações e amortizações Valor residual do imobilizado baixado Imposto de renda e contribuição social diferidos Equivalência Patrimonial Outros Variações nos Ativos e Passivos Contas a receber Aquisição de carros, líquida da variação de montadoras de carros Depósitos judiciais Tributos a recuperar Outros ativos circulantes e não circulantes Fornecedores (exceto montadoras) Obrigações sociais e trabalhistas Impostos de Renda e Contribuição Social Juros sobre empréstimos, financiamentos, debêntures e swap pré Prêmios de seguro Outros passivos circulantes e não circulantes Outros Imposto de renda e contribuição social pagos Juros de empréstimos, financiamentos e debêntures pagos Caixa Líquido Atividades de Investimento Dividendos de controladas Aquisições de outros imobilizados Aquisições de ativos intangíveis Caixa Líquido Atividades de Financiamento Empréstimos e financiamentos - amortizações Debêntures - captações Debêntures - amortizações Juros sobre o capital próprio Exercício das opções de ações com ações em tesouraria, líquido Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ Aumento (Redução) de Caixa e Equivalentes Saldo Inicial de Caixa e Equivalentes Saldo Final de Caixa e Equivalentes PÁGINA: 8 de 75

11 DFs Individuais / Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido / DMPL - 01/01/2016 à 31/03/2016 (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Capital Social Integralizado Reservas de Capital, Opções Outorgadas e Ações em Tesouraria Reservas de Lucro Lucros ou Prejuízos Acumulados Outros Resultados Abrangentes Patrimônio Líquido 5.01 Saldos Iniciais Saldos Iniciais Ajustados Transações de Capital com os Sócios Opções Outorgadas Reconhecidas Ações em Tesouraria Vendidas Juros sobre Capital Próprio Resultado Abrangente Total Lucro Líquido do Período Saldos Finais PÁGINA: 9 de 75

12 DFs Individuais / Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido / DMPL - 01/01/2015 à 31/03/2015 (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Capital Social Integralizado Reservas de Capital, Opções Outorgadas e Ações em Tesouraria Reservas de Lucro Lucros ou Prejuízos Acumulados Outros Resultados Abrangentes Patrimônio Líquido 5.01 Saldos Iniciais Saldos Iniciais Ajustados Transações de Capital com os Sócios Opções Outorgadas Reconhecidas Ações em Tesouraria Vendidas Juros sobre Capital Próprio Resultado Abrangente Total Lucro Líquido do Período Saldos Finais PÁGINA: 10 de 75

13 DFs Individuais / Demonstração do Valor Adicionado (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ Receitas Vendas de Mercadorias, Produtos e Serviços Receitas refs. à Construção de Ativos Próprios Provisão/Reversão de Créds. Liquidação Duvidosa Insumos Adquiridos de Terceiros Custos Prods., Mercs. e Servs. Vendidos Materiais, Energia, Servs. de Terceiros e Outros Valor Adicionado Bruto Retenções Depreciação, Amortização e Exaustão Valor Adicionado Líquido Produzido Vlr Adicionado Recebido em Transferência Resultado de Equivalência Patrimonial Receitas Financeiras Valor Adicionado Total a Distribuir Distribuição do Valor Adicionado Pessoal Remuneração Direta Benefícios F.G.T.S Outros Impostos, Taxas e Contribuições Federais Estaduais Municipais Remuneração de Capitais de Terceiros Juros Aluguéis Outras Outros aluguéis Remuneração de Capitais Próprios Juros sobre o Capital Próprio Lucros Retidos / Prejuízo do Período PÁGINA: 11 de 75

14 DFs Consolidadas / Balanço Patrimonial Ativo (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Trimestre Atual 31/03/2016 Exercício Anterior 31/12/ Ativo Total Ativo Circulante Caixa e Equivalentes de Caixa Contas a Receber Clientes Tributos a Recuperar Tributos Correntes a Recuperar Despesas Antecipadas Outros Ativos Circulantes Ativos Não-Correntes a Venda Outros Instrumentos derivativos - swap Outros Ativo Não Circulante Ativo Realizável a Longo Prazo Contas a Receber Clientes Outros Ativos Não Circulantes Ativos Não-Correntes a Venda Depósitos judiciais Outros Instrumentos derivativos - swap Imobilizado Imobilizado em Operação Imobilizado Arrendado Imobilizado em Andamento Intangível Intangíveis Ágio na aquisição de investimentos Software em operação Software arrendado PÁGINA: 12 de 75

15 DFs Consolidadas / Balanço Patrimonial Passivo (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Trimestre Atual 31/03/2016 Exercício Anterior 31/12/ Passivo Total Passivo Circulante Obrigações Sociais e Trabalhistas Obrigações Sociais Obrigações Trabalhistas Fornecedores Fornecedores Nacionais Fornecedores Estrangeiros Obrigações Fiscais Obrigações Fiscais Federais Imposto de Renda e Contribuição Social a Pagar Outros impostos federais Obrigações Fiscais Municipais Empréstimos e Financiamentos Empréstimos e Financiamentos Em Moeda Nacional Em Moeda Estrangeira Debêntures Financiamento por Arrendamento Financeiro Outras Obrigações Outros Dividendos e JCP a Pagar Outros passivos circulantes Passivo Não Circulante Empréstimos e Financiamentos Empréstimos e Financiamentos Em Moeda Nacional Em Moeda Estrangeira Debêntures Financiamento por Arrendamento Financeiro Outras Obrigações Outros Outros passivos não circulantes Tributos Diferidos Imposto de Renda e Contribuição Social Diferidos Provisões Provisões Fiscais Previdenciárias Trabalhistas e Cíveis Provisões Fiscais Provisões Previdenciárias e Trabalhistas Provisões Cíveis Lucros e Receitas a Apropriar Receitas a Apropriar Patrimônio Líquido Consolidado Capital Social Realizado Reservas de Capital Ágio na Emissão de Ações PÁGINA: 13 de 75

16 DFs Consolidadas / Balanço Patrimonial Passivo (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Trimestre Atual 31/03/2016 Exercício Anterior 31/12/ Opções Outorgadas Ações em Tesouraria Reservas de Lucros Reserva Legal Reserva Estatutária Lucros/Prejuízos Acumulados PÁGINA: 14 de 75

17 DFs Consolidadas / Demonstração do Resultado (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta 3.01 Receita de Venda de Bens e/ou Serviços Custo dos Bens e/ou Serviços Vendidos Resultado Bruto Despesas/Receitas Operacionais Despesas com Vendas Despesas Gerais e Administrativas Outras Despesas Operacionais Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos Resultado Financeiro Receitas Financeiras Despesas Financeiras Resultado Antes dos Tributos sobre o Lucro Imposto de Renda e Contribuição Social sobre o Lucro Corrente Diferido Resultado Líquido das Operações Continuadas Lucro/Prejuízo Consolidado do Período Atribuído a Sócios da Empresa Controladora Lucro por Ação - (Reais / Ação) Lucro Básico por Ação ON 0, , Lucro Diluído por Ação Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ ON 0, ,47917 PÁGINA: 15 de 75

18 DFs Consolidadas / Demonstração do Resultado Abrangente (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ Lucro Líquido Consolidado do Período Resultado Abrangente Consolidado do Período Atribuído a Sócios da Empresa Controladora PÁGINA: 16 de 75

19 DFs Consolidadas / Demonstração do Fluxo de Caixa - Método Indireto (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta 6.01 Caixa Líquido Atividades Operacionais Caixa Gerado nas Operações Lucro líquido do exercício Depreciações e amortizações Valor residual do imobilizado baixado Imposto de renda e contribuição social diferidos Outros Variações nos Ativos e Passivos Aquisição de carros, líquida da variação de montadoras de carros Outros ativos ciculantes e não circulantes Fornecedores (exceto montadoras) Obrigações sociais e trabalhistas Imposto de Renda e Contribuição Social Juros sobre empréstimos, financiamentos, debêntures e swap pré Prêmios de seguro Outros passivos circulantes e não circulantes Outros Imposto de renda e contribuição social pagos Juros de empréstimos, financiamentos e debêntures pagos Caixa Líquido Atividades de Investimento Aquisições de outros imobilizados Aquisições de ativos intangíveis Caixa Líquido Atividades de Financiamento Empréstimos e financiamentos - captações Empréstimos e financiamentos - amortizações Debêntures - captações Debêntures - amortizações Juros sobre o capital próprio Exercício das opções de ações com ações em tesouraria, líquido Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ Contas a receber Depósitos judiciais Tributos a recuperar Aumento (Redução) de Caixa e Equivalentes Saldo Inicial de Caixa e Equivalentes Saldo Final de Caixa e Equivalentes PÁGINA: 17 de 75

20 DFs Consolidadas / Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido / DMPL - 01/01/2016 à 31/03/2016 (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Capital Social Integralizado Reservas de Capital, Opções Outorgadas e Ações em Tesouraria Reservas de Lucro Lucros ou Prejuízos Acumulados Outros Resultados Abrangentes Patrimônio Líquido Participação dos Não Controladores Patrimônio Líquido Consolidado 5.01 Saldos Iniciais Saldos Iniciais Ajustados Transações de Capital com os Sócios Opções Outorgadas Reconhecidas Ações em Tesouraria Vendidas Juros sobre Capital Próprio Resultado Abrangente Total Lucro Líquido do Período Saldos Finais PÁGINA: 18 de 75

21 DFs Consolidadas / Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido / DMPL - 01/01/2015 à 31/03/2015 (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Capital Social Integralizado Reservas de Capital, Opções Outorgadas e Ações em Tesouraria Reservas de Lucro Lucros ou Prejuízos Acumulados Outros Resultados Abrangentes Patrimônio Líquido Participação dos Não Controladores Patrimônio Líquido Consolidado 5.01 Saldos Iniciais Saldos Iniciais Ajustados Transações de Capital com os Sócios Opções Outorgadas Reconhecidas Ações em Tesouraria Vendidas Juros sobre Capital Próprio Resultado Abrangente Total Lucro Líquido do Período Saldos Finais PÁGINA: 19 de 75

22 DFs Consolidadas / Demonstração do Valor Adicionado (Reais Mil) Código da Conta Descrição da Conta Acumulado do Atual Exercício 01/01/2016 à 31/03/2016 Acumulado do Exercício Anterior 01/01/2015 à 31/03/ Receitas Vendas de Mercadorias, Produtos e Serviços Receitas refs. à Construção de Ativos Próprios Provisão/Reversão de Créds. Liquidação Duvidosa Insumos Adquiridos de Terceiros Custos Prods., Mercs. e Servs. Vendidos Materiais, Energia, Servs. de Terceiros e Outros Valor Adicionado Bruto Retenções Depreciação, Amortização e Exaustão Valor Adicionado Líquido Produzido Vlr Adicionado Recebido em Transferência Receitas Financeiras Valor Adicionado Total a Distribuir Distribuição do Valor Adicionado Pessoal Remuneração Direta Benefícios F.G.T.S Outros Impostos, Taxas e Contribuições Federais Estaduais Municipais Remuneração de Capitais de Terceiros Juros Aluguéis Outras Outros aluguéis Remuneração de Capitais Próprios Juros sobre o Capital Próprio Lucros Retidos / Prejuízo do Período PÁGINA: 20 de 75

23 Comentário do Desempenho Comentário do Desempenho 1T16 Crescimento com rentabilidade mesmo num cenário macro adverso. Receita líquida Aluguel de Carros (R$ milhões) Receita líquida Gestão de Frotas (R$ milhões) 310,1 339,7 148,9 158,4 1T15 1T16 1T15 1T16 # Carros alugados Aluguel de Carros Evolução da taxa de utilização Aluguel de Carros ,3% 69,0% 70,7% 71,1% 73,4% 1T15 2T15 3T15 4T15 1T16 1T15 2T15 3T15 4T15 1T16 EBIT Consolidado (R$ milhões) Lucro Líquido Consolidado (R$ milhões) 186,3 202,5 100,3 103,0 1T15 1T16 1T15 1T16 PÁGINA: 21 de 75

24 Comentário do Desempenho 1 - Aluguel de Carros Receita líquida (R$ milhões) 802,2 980, , , , ,0 310,1 339, T15 1T16 # Diárias (mil) T15 1T16 No 1T16, a receita líquida da Divisão de Aluguel de Carros apresentou crescimento de 9,5% comparado ao 1T15, devido ao crescimento de 11,3% no volume de diárias que foi parcialmente compensado pela redução de 1,9% na diária média. Evolução do número de diárias (mil) T14 2T14 3T14 4T14 1T15 2T15 3T15 4T15 1T16 PÁGINA: 22 de 75

25 Comentário do Desempenho 1 - Aluguel de Carros A tarifa média é resultado da política de preços por segmento e da participação de cada um no mix de diárias. As políticas de preço visam capturar oportunidades de mercado por meio de inteligência comercial. A inteligência de precificação aliada ao processo de compra e venda dos carros, resultou no crescimento da taxa de utilização da Divisão de Aluguel de Carros, que atingiu 73,4% no 1T16. Evolução da tarifa média Aluguel de Carros Em R$ Evolução da taxa de utilização Aluguel de Carros 73,4% 78,07 79,68 82,36 84,85 87,71 84,56 85,26 83,61 69,1% 68,9% 70,8% 66,8% 69,9% 69,3% 66,3% T15 1T T15 1T16 2 Gestão de Frotas Receita líquida (R$ milhões) 361,1 455,0 535,7 575,9 571,9 608,5 148,9 158, T15 1T16 # Diárias (mil) ,0% T15 1T16 No 1T16, a receita líquida da Divisão de Gestão de Frotas apresentou crescimento de 6,4% quando comparada ao 1T15. O crescimento da receita se deve ao aumento de 5,0% na diária média e às receitas adicionais extraordinárias que não são consideradas para fins de cálculo da diária média. PÁGINA: 23 de 75

26 Comentário do Desempenho 3 Rede de distribuição 3.1 Aluguel de carros # de agências de aluguel de carros (Brasil e exterior) T16 Agências Próprias Brasil Agências Franqueadas - Brasil Agências Franqueadas - Exterior No 1T16 a rede de agências próprias foi ampliada em 3 agências, passando de 320 em 31/12/2015 para 323 em 31/03/2016. Dessa forma, em 31/03/2016, o sistema Localiza possuía 565 agências no Brasil e em outros 7 países da América do Sul. 3.2 Seminovos # de lojas (Brasil) T16 No 1T16 foi inaugurada 1 nova loja da rede de Seminovos. Até o final do ano a rede será ampliada em linha com a necessidade de renovação da frota. PÁGINA: 24 de 75

27 Comentário do Desempenho 4 Frota 4.1 Investimento líquido na frota Aumento da frota * (quantidade) (273) (6.809) (9.359) T15 1T16 * Não considera os carros roubados / sinistrados. Carros Comprados Carros Vendidos * Não considera os carros roubados / sinistrados. Investimento líquido na frota (R$ milhões) 465,0 278,9 233,5 588,5 308,4 98, , , , , , , , , , , , ,9 (194,9) (289,4) 543,9 544,6 349,0 255, T15 1T16 Compras (inclui acessórios) Receita líquida de venda No 1T16, foram comprados carros e vendidos , o que representou um desinvestimento de R$289,4 milhões. A quantidade de carros vendidos no 1T16 foi menor que 1T15, porém foi maior em carros se comparado ao 4T15. O preço de venda de carros no 1T16 permaneceu estável com relação ao 4T15 e maior em 6,8% quando comparado a 1T15. Quantidade de carros vendidos Preço médio carros vendidos Consolidado (R$ mil) ,22 31,10 31,98 33,23 33,34 1T15 2T15 3T15 4T15 1T16 1T15 2T15 3T15 4T15 1T16 PÁGINA: 25 de 75

28 Comentário do Desempenho 4.2 Frota de final de período Frota de final de período (quantidade) T15 1T16 Aluguel de carros Gestão de frotas Franchising A frota da Divisão de Aluguel de Carros foi reduzida em 3,4% com relação ao 1T15 enquanto a quantidade de carros alugados cresceu 9,6%, resultado do aumento da taxa de utilização da frota de 66,3% para 73,4%. 5 Receita líquida - consolidada Receita líquida consolidada (R$ milhões) 3.892, , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,1 543,9 544,6 463,1 502, T15 1T16 Aluguel Seminovos No 1T16, a receita líquida consolidada apresentou crescimento de 4,0%. As receitas líquidas de aluguel apresentaram crescimento de 8,5%, sendo 9,5% de crescimento na receita da Divisão de Aluguel de Carros e 6,4% de aumento na receita da Divisão de Gestão de Frotas. A receita líquida do Seminovos ficou estável no 1T16 quando comparada a 1T15: a queda de 6,3% no volume de venda de carros foi compensada pelo aumento de 6,8% no preço dos carros vendidos. PÁGINA: 26 de 75

29 Comentário do Desempenho 6 EBITDA EBITDA consolidado (R$ milhões) EBITDA consolidado (R$ milhões) 649,5 821,3 875,6 916,5 969,8 934,8 245,0 258, T15 1T16 Divisões 2010* 2011* ** T15 1T16 Aluguel de carros 45,3% 46,9% 40,9% 36,8% 38,7% 31,8% 34,4% 34,5% Gestão de frotas 68,0% 68,6% 66,4% 65,5% 60,0% 62,2% 59,3% 64,5% Aluguel Consolidado 52,3% 53,8% 49,3% 46,5% 45,3% 41,7% 42,5% 44,1% Seminovos 2,6% 2,8% 4,2% 5,7% 6,0% 7,3% 8,8% 6,8% (*) Até 2011, os acessórios e frete para carros novos eram registrados no ativo imobilizado e depreciados durante a vida útil dos carros. A partir de 2012, esses valores passaram a ser registrados diretamente no custo, reduzindo o EBITDA e custos de depreciação. (**) Considera o novo critério de apropriação das despesas do overhead, que passaram a ser apropriadas também para o Seminovos. No 1T16, o EBITDA consolidado totalizou R$258,4 milhões, 5,5% acima do mesmo período do ano anterior. A margem EBITDA na Divisão de Aluguel de Carros ficou em 34,5% no 1T16, estável com relação à margem do 1T15 e aumento de 2,7p.p. com relação à média de Na Divisão de Gestão de Frotas, a margem EBITDA ficou em 64,5% no 1T16, aumento de 5,2p.p. com relação ao 1T15 e aumento de 2,3p.p. com relação a média de 2015 em razão do aumento da tarifa média e eficiência na gestão de custos. A margem EBITDA do Seminovos no 1T16 ficou em 6,8%, queda de 2p.p. com relação a 1T15. A margem acima dos níveis históricos decorre do aumento do preço de venda dos carros seminovos que refletem o aumento no preço dos carros novos. PÁGINA: 27 de 75

30 Comentário do Desempenho 7 Depreciação Depreciação média por carro (R$) Aluguel de Carros Efeito IPI * T16 * Anualizada Depreciação média por carro (R$) Gestão de Frotas Efeito IPI * T16 * Anualizada A depreciação anualizada por carro no 1T16 na Divisão de Aluguel de Carros foi de R$836,0, aumento de 34,4% se comparada à depreciação de 2015 em função do cenário mais desafiador na venda dos carros seminovos em Na Divisão de Gestão de Frotas a depreciação anualizada por carro no 1T16 foi de R$4.175,1, aumento de 6,1% com relação à depreciação de PÁGINA: 28 de 75

31 Comentário do Desempenho 8 EBIT EBIT consolidado (R$ milhões) 482,1 595,7 610,3* 652,1 726,7 735,5 465,8 186,3 202, T15 1T16 *EBIT 2012 foi afetado pela depreciação adicional de R$144,5 milhões relacionada à redução do IPI. Margem EBIT calculada sobre as receitas de aluguel: Divisões T15 1T16 Aluguel de carros 38,5% 38,8% 23,7% 32,8% 36,2% 34,3% 38,7% 35,6% Gestão de frotas 46,2% 45,6% 36,9% 45,1% 44,3% 48,9% 43,3% 50,3% Consolidado 41,0% 41,1% 28,3% 37,1% 38,8% 39,1% 40,2% 40,3% Mesmo no cenário adverso de 2016 a Localiza apresentou aumento de R$16,2 milhões no EBIT no 1T16 quando comparado com o mesmo período do ano anterior. A margem EBIT do 1T16 da Divisão de Aluguel de Carros foi de 35,6% e da Divisão de Gestão de Frotas de 50,3%. PÁGINA: 29 de 75

32 Comentário do Desempenho 9 Lucro líquido consolidado Lucro Líquido Consolidado (R$ milhões) 250,5 291,6 336,3 * 384,3 410,6 402,4 240,9 100,3 103, T15 1T16 * Lucro líquido 2012 pro forma, excluindo o efeito da depreciação adicional relacionada à redução do IPI, deduzida do efeito do imposto de renda. Reconciliação EBITDA x lucro líquido T15 1T16 Var. R$ Var. % EBITDA Consolidado 649,5 821,3 875,6 916,5 969,8 934,8 245,0 258,4 13,4 5,5% Depreciação de carros (146,3) (201,5) (232,4) (229,0) (207,4) (163,6) (49,9) (46,3) 3,6 7,2% Depreciação adicional de carros efeito IPI - - (144,5) Depreciação e amortização de outros imobilizados (21,1) (24,1) (32,9) (35,4) (35,7) (35,7) (8,8) (9,6) (0,8) 9,1% Despesas financeiras, líquidas (130,1) (179,0) (138,7) (110,6) (151,1) (202,7) (48,0) (67,7) (19,7) 41,0% Imposto de renda e contribuição social (101,5) (125,1) (135,3) (157,2) (165,0) (130,4) (38,0) (31,8) 6,2 16,3% Imposto de renda e contribuição social efeito IPI , Lucro líquido do período 250,5 291,6 240,9 384,3 410,6 402,4 100,3 103,0 2,7 2,7% O lucro alcançou R$103,0 milhões no 1T16, aumento de 2,7% com relação ao 1T15, devido principalmente a: - Ao aumento de R$13,4 milhões no EBITDA. - Ao aumento das despesas financeiras líquidas no montante de R$19,7 milhões, em função de: (i) aumento da taxa SELIC que passou de 12,75% (1T15) para 14,25% (1T16); (ii) débito de R$2,1 milhões de PIS/COFINS sobre receita financeira; (iii) aumento de R$278,8 milhões na dívida líquida média; e (iv) débito de R$3,5 milhões na marcação a mercado de contratos de swap. - A queda de R$6,2 milhões no imposto de renda decorre do aumento da TJLP que impactou o valor dos juros sobre o capital próprio e aumento do patrimônio líquido base de cálculo. PÁGINA: 30 de 75

33 Comentário do Desempenho 10 Fluxo de caixa livre (FCL) Caixa livre gerado - R$ milhões T16 EBITDA 649,5 821,3 875,6 916,5 969,8 934,8 258,4 Operações Receita na venda dos carros líquida de impostos (1.321,9) (1.468,1) (1.520,0) (1.747,3) (2.018,2) (2.044,9) (544,6) Custo depreciado dos carros baixados (*) 1.203, , , , , ,1 477,3 (-) Imposto de Renda e Contribuição Social (57,8) (83,0) (100,9) (108,5) (113,1) (110,7) (28,8) Variação do capital de giro 54,5 (83,9) 37,1 2,9 (27,1) (30,0) (8,8) Caixa livre gerado pelas atividades de aluguel 527,5 514,9 652,0 607,4 588,4 518,3 153,5 Receita na venda dos carros líquida de impostos 1.321, , , , , ,3 232,8 Capex - Renovação Investimento em carros para renovação da frota (1.370,1) (1.504,5) (1.563,3) (1.819,7) (2.197,7) (2.278,4) (255,2) Investimento líquido para renovação da frota (48,2) (36,4) (43,3) (72,4) (179,5) (242,1) (22,4) Renovação da frota - quantidade Investimentos, outros imobilizados e intangíveis (50,6) (59,9) (77,8) (47,5) (46,3) (29,7) (5,0) Caixa gerado pela operação, líquido do capex do renovação 428,7 418,6 530,9 487,5 362,6 246,5 126,1 Capex - Crescimento (Investimento) desinvestimento em carros para crescimento da frota (540,3) (272,0) (55,5) (209,4) (286,8) 8,6 311,8 Aumento (redução) na conta de fornecedores de carros 111,3 32,7 (116,9) 89,7 334,4 (121,2) (255,6) Crescimento da frota (429,0) (239,3) (172,4) (119,7) 47,6 (112,6) 56,2 Aumento (redução) da frota quantidade (273) (9.359) A Caixa livre depois crescimento, antes dos juros e da nova sede (0,3) 179,3 358,5 367,8 410,2 133,9 182,3 Capex - Nova sede Investimento para construção da nova sede (0,5) (3,1) (2,4) (6,5) (55,7) (123,3) (3,6) Títulos e valores mobiliários nova sede (92,6) 92,6 - Construção da nova sede (0,5) (3,1) (2,4) (6,5) (148,3) (30,7) (3,6) B Caixa livre gerado antes dos juros (0,8) 176,2 356,1 361,3 261,9 103,2 178,7 (*) Sem a dedução dos descontos técnicos até 2010 (vide Glossário). A A geração de caixa devido à redução de frota em carros após o pico de demanda das férias de verão foi mais que suficiente para compensar os pagamentos feitos às montadoras no período. A compra de carros acompanha a evolução da demanda pelo aluguel ao longo do ano e apresenta sazonalidade. B O investimento líquido na construção da nova sede foi de R$3,6 milhões no 1T16. Esse valor está líquido do crédito de marcação a mercado no montante de R$12,3 milhões do swap contratado relacionado à captação feita para tal construção. Em 2015, o efeito da marcação desse swap no investimento de R$123,3 milhões na sede foi de débito de R$23,8 milhões. PÁGINA: 31 de 75

34 Comentário do Desempenho 11 Dívida 11.1 Movimentação da dívida R$ milhões +58,4 +56,2 (36,8) Redução da frota 311,8 Dívida líquida 31/12/2015 (1.588,6) Caixa gerado pela operação, líquido do capex de renovação 126,1 (67,7) Juros (3,6) Nova Sede (33,2) Dividendos Dívida líquida 31/03/2016 (1.510,8) 11.2 Perfil de amortização da dívida em 31/03/16 Principal R$ milhões 1.604,8 (255,6) Redução na conta de fornecedores de carros 264,1 468,6 252,6 619,5 770,0 672, Caixa 1.610,8 Dívida Taxa contrato Total Debêntures da 6ª Emissão CDI + 0,95% aa 30,0 30,0 120,0 120, ,0 Debêntures da 7ª Emissão 110,95% CDI 37,5 75,0 75,0 75,0 100,0 100,0 462,5 Debêntures da 8ª Emissão 109,5% CDI ,0 250,0 0,0 500,0 Debêntures da 9ª Emissão 109,2% e 113,2%* CDI ,0 150,0 300,0 500,0 Debêntures da 10ª Emissão 113,9% CDI ,0 100,0 200,0 CCBI - Nova Sede 98,8% CDI ,5 95,0 47,5 190,0 Empréstimo em moeda estrangeira c/ SWAP 98,5% e 105,5%** CDI - 225, ,0 Capital de Giro / outros Diversos 196,6 138,6 57,6 77,0 75,0 125,0 669,8 Juros incorridos, líquido dos juros pagos - 74, ,3 Caixa e equivalentes de caixa em 31/03/ (1.610,8) (1.610,8) Dívida Líquida - (1.272,4) 468,6 252,6 619,5 770,0 672, ,8 * A partir de 01/11/2017, a taxa de remuneração é de 113,2% do CDI. ** A partir de 01/04/2016, a taxa de remuneração é de 105,5%% do CDI. 10ª emissão de debêntures Em 08 de janeiro de 2016, a Localiza concretizou a 10ª emissão de debêntures, nos termos da Instrução CVM nº 476, no valor de R$ 200,0 milhões pelo prazo final de cinco anos. Esse valor foi utilizado para reforço do caixa da Companhia. A Companhia continua apresentando forte posição de caixa e confortável perfil de dívida. PÁGINA: 32 de 75

35 Comentário do Desempenho 11.3 Ratios de dívida Dívida líquida x Valor da frota 2.446, , , , , , , , , , , , , , T16 Dívida líquida Valor da frota SALDOS EM FINAL DE PERÍODO 2010(*) T16 Dívida líquida / Valor da frota 52% 51% 48% 48% 40% 44% 45% Dívida líquida / EBITDA (**) 2,0x 1,7x 1,4x 1,5x 1,4x 1,7x 1,5x Dívida líquida / Patrimônio líquido 1,4x 1,2x 0,9x 1,0x 0,8x 0,8x 0,8x EBITDA / Despesas financeiras líquidas 5,0x 4,6x 6,3x 8,3x 6,4x 4,6x 3,8x (*) Em 2010 ratios baseados nas demonstrações financeiras em USGAAP (**) Anualizado Confortáveis ratios de endividamento. 12 Spread (ROIC menos custo da dívida após impostos) SPREAD ROIC 16,9% 17,1% 16,1% 16,5% 17,5% 17,0% 15,9% 9,6p.p. 8,5p.p. 9,5p.p. 9,8p.p. 10,5p.p. 7,5p.p. 5,7p.p. Custo da dívida após impostos 7,3% 8,6% 6,3% 6,0% 8,0% 9,5% 10,2% T16 Anualizado ROIC DE 2010 à 2014 considerando alíquota de IR/CSLL de 30% ROIC de 2015 e 1T16 considerando alíquota efetiva de 2015 e estimada para 2016 de IR/CSLL de 24,5% ROIC de 2012 calculado excluindo a depreciação adicional da frota, que foi tratada como perda de patrimônio, por ser evento extraordinário nãorecorrente, causado por fatores externos (queda do IPI de carros novos), seguindo os conceitos recomendados pela Stern Value Management. A Companhia apresentou spread positivo de 5,7p.p. mesmo em cenário adverso e aumento significativo da taxa de juros. PÁGINA: 33 de 75

36 50,8 25, ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ LOCALIZA RENT A CAR SA Versão : 1 Comentário do Desempenho 13 Dividendos e Juros sobre o capital próprio (JCP) Os dividendos e juros sobre o capital próprio de 2015 foram aprovados como segue: Natureza Data da aprovação Data da posição acionária Data de pagamento Valor (R$ milhões) Valor por ação (em R$) JCP 19/03/ /03/ /05/ ,3 0, JCP 25/06/ /06/ /08/ ,8 0, JCP 30/09/ /09/ /11/ ,5 0, JCP 10/12/ /12/ /01/ ,2 0, Dividendos 28/04/ /04/ /05/ ,7 0, Total 155,5 Os juros sobre o capital próprio de 2016 foram aprovados como segue: Natureza Data da aprovação Data da posição acionária Data de pagamento Valor (R$ milhões) Valor por ação (em R$) JCP 17/03/ /03/ /05/ ,4 0, Total 35,4 No final de 2015 a Administração propôs para deliberação em Assembleia Geral Ordinária a se realizar no dia 29/04/2016 a destinação do montante de R$1,0 milhão para pagamento de dividendos aos acionistas, de forma a complementar o dividendo mínimo de 25% sobre o lucro, considerando o pagamento de juros sobre o capital próprio líquido do imposto de renda retido. 14 RENT3 Em 31/03/2016, a Companhia possuía ações, sendo que ações estavam em tesouraria. No âmbito do programa de ADR nível I, a Companhia possuía ADRs emitidas em 31/03/2016, em comparação a em 31/12/2015. No 1T16, o volume médio diário negociado da RENT3 foi de R$28,7 milhões. Volume médio diário - Até 31/03/2016 (R$ milhões) 16,2 23,2 33,2 40,8 36,5 29,5 28, Sobre as informações financeiras da Companhia: As informações financeiras são auditadas e apresentadas em milhões de Reais, exceto quando indicado o contrário e, a partir de 2011, têm como base os números preparados de acordo com as Normas Internacionais de Relatório Financeiro - IFRS, apresentando reconciliação para as informações financeiras em USGAAP. As informações financeiras referentes ao ano de 2010 são apresentadas em USGAAP e, para fins de comparação com as informações financeiras preparadas de acordo com o IFRS, as receitas líquidas estão apresentadas deduzidas dos impostos sobre receita. PÁGINA: 34 de 75

37 Comentário do Desempenho 15 Resultado por divisão 15.1 Tabela 1 Aluguel de Carros R$ milhões RESULTADO DO ALUGUEL DE CARROS Var. 1T15 1T16 Var. Receita bruta do aluguel de carros (*) 838, , , , , ,9-2,6% 325,0 354,7 9,1% Impostos sobre receita (35,8) (38,7) (38,6) (44,9) (67,7) (58,9) -13,0% (14,9) (15,0) 0,7% Receita líquida do aluguel de carros (**) 802,2 980, , , , ,0-2,1% 310,1 339,7 9,5% Custos do aluguel de carros (317,8) (382,7) (476,6) (536,9) (577,3) (618,1) 7,1% (146,7) (160,4) 9,3% Lucro bruto 484,4 598,0 617,1 626,6 707,1 639,9-9,5% 163,4 179,3 9,7% Despesas operacionais (SG&A) (121,1) (137,7) (170,2) (197,9) (209,7) (239,9) 14,4% (56,6) (62,0) 9,5% Depreciação e amortização de outros imobilizados (15,2) (17,0) (19,9) (22,2) (22,2) (22,3) 0,5% (5,5) (6,1) 10,9% Lucro operacional antes dos efeitos financeiros e IR (EBIT) 348,1 443,3 427,0 406,5 475,2 377,7-20,5% 101,3 111,2 9,8% Despesas financeiras líquidas (1,0) (1,9) (2,7) (1,3) (1,5) (2,0) 33,3% (0,4) (0,4) 0,0% Imposto de renda (101,0) (135,4) (123,8) (119,5) (136,2) (89,9) -34,0% (27,7) (25,2) -9,0% Lucro líquido do período 246,1 306,0 300,5 285,7 337,5 285,8-15,3% 73,2 85,6 16,9% Margem líquida 30,7% 31,2% 27,5% 24,6% 26,3% 22,7% -3,6p.p. 23,6% 25,2% 1,6p.p. EBITDA 363,3 460,3 446,9 428,7 497,4 400,0-19,6% 106,8 117,3 9,8% Margem EBITDA 45,3% 46,9% 40,9% 36,8% 38,7% 31,8% -6,9p.p. 34,4% 34,5% 0,1p.p. RESULTADO DE SEMINOVOS Var. 1T15 1T16 Var. Receita bruta (*) 1.104, , , , , ,2 0,5% 450,6 436,2-3,2% Impostos sobre receita (3,6) (3,6) (3,3) (3,1) (3,5) (2,5) -28,6% (0,8) (0,4) -50,0% Receita líquida (**) 1.101, , , , , ,7 0,5% 449,8 435,8-3,1% Custo depreciado dos carros vendidos (book value) (980,0) (1.092,0) (1.068,5) (1.271,9) (1.428,4) (1.396,3) -2,2% (372,9) (371,6) -0,3% Lucro bruto 121,1 149,1 181,8 211,1 239,5 280,4 17,1% 76,9 64,2-16,5% Despesas operacionais (SG&A) (89,0) (119,1) (125,6) (138,7) (160,7) (178,8) 11,3% (43,4) (39,0) -10,1% Depreciação de carros (65,9) (86,4) (212,7) (85,8) (78,1) (38,9) -50,2% (12,6) (13,4) 6,3% Depreciação e amortização de outros imobilizados (5,1) (6,1) (11,5) (11,7) (11,3) (8,8) -22,1% (2,1) (2,1) 0,0% Lucro (prejuízo) operacional antes dos efeitos financeiros e IR (EBIT) (38,9) (62,5) (168,0) (25,1) (10,6) 53,9-608,5% 18,8 9,7-48,4% Despesas financeiras líquidas (86,1) (121,9) (92,6) (76,6) (106,3) (138,4) 30,2% (33,2) (47,7) 43,7% Imposto de renda 28,1 58,0 83,1 30,3 33,2 17,6-47,0% 3,7 6,7 81,1% Prejuízo líquido do período (96,9) (126,4) (177,5) (71,4) (83,7) (66,9) -20,1% (10,7) (31,3) 192,5% Margem líquida -8,8% -10,2% -14,2% -4,8% -5,0% -4,0% 1,0p.p. -2,4% -7,2% -4,8p.p. EBITDA 32,1 30,0 56,2 72,4 78,8 101,6 28,9% 33,5 25,2-24,8% Margem EBITDA 2,9% 2,4% 4,5% 4,9% 4,7% 6,1% 1,4p.p. 7,4% 5,8% -1,6p.p. TOTAL DO ALUGUEL DE CARROS Var. 1T15 1T16 Var. Receita bruta do aluguel de carros (*) 838, , , , , ,9-2,6% 325,0 354,7 9,1% Receita bruta da venda dos carros p/ renovação da frota (*) 1.104, , , , , ,2 0,5% 450,6 436,2-3,2% Receita bruta total (*) 1.942, , , , , ,1-0,9% 775,6 790,9 2,0% Impostos sobre receita Aluguel de carros (35,8) (38,7) (38,6) (44,9) (67,7) (58,9) -13,0% (14,9) (15,0) 0,7% Venda dos carros para renovação da frota (3,6) (3,6) (3,3) (3,1) (3,5) (2,5) -28,6% (0,8) (0,4) -50,0% Receita líquida do aluguel de carros (**) 802,2 980, , , , ,0-2,1% 310,1 339,7 9,5% Receita líquida de venda dos carros p/ renovação da frota (**) 1.101, , , , , ,7 0,5% 449,8 435,8-3,1% Receita líquida total (**) 1.903, , , , , ,7-0,6% 759,9 775,5 2,1% Custos diretos Aluguel de carros (317,8) (382,7) (476,6) (536,9) (577,3) (618,1) 7,1% (146,7) (160,4) 9,3% Venda dos carros para renovação da frota (book value) (980,0) (1.092,0) (1.068,5) (1.271,9) (1.428,4) (1.396,3) -2,2% (372,9) (371,6) -0,3% Lucro bruto 605,5 747,1 798,9 837,7 946,6 920,3-2,8% 240,3 243,5 1,3% Despesas operacionais (SG&A) Aluguel de carros (121,1) (137,7) (170,2) (197,9) (209,7) (239,9) 14,4% (56,6) (62,0) 9,5% Venda dos carros para renovação da frota (89,0) (119,1) (125,6) (138,7) (160,7) (178,8) 11,3% (43,4) (39,0) -10,1% Depreciação de carros (65,9) (86,4) (212,7) (85,8) (78,1) (38,9) -50,2% (12,6) (13,4) 6,3% Depreciação e amortização de outros imobilizados Aluguel de carros (15,2) (17,0) (19,9) (22,2) (22,2) (22,3) 0,5% (5,5) (6,1) 10,9% Venda dos carros para renovação da frota (5,1) (6,1) (11,5) (11,7) (11,3) (8,8) -22,1% (2,1) (2,1) 0,0% Lucro operacional antes dos efeitos financeiros e IR (EBIT) 309,2 380,8 259,0 381,4 464,6 431,6-7,1% 120,1 120,9 0,7% Despesas financeiras líquidas (87,1) (123,8) (95,3) (77,9) (107,8) (140,4) 30,2% (33,6) (48,1) 43,2% Imposto de renda (72,9) (77,4) (40,7) (89,2) (103,0) (72,3) -29,8% (24,0) (18,5) -22,9% Lucro líquido do período 149,2 179,6 123,0 214,3 253,8 218,9-13,8% 62,5 54,3-13,1% Margem líquida 7,8% 8,1% 5,2% 8,1% 8,6% 7,5% -1,1p.p. 8,2% 7,0% -1,2p.p. EBITDA 395,4 490,3 503,1 501,1 576,2 501,6-12,9% 140,3 142,5 1,6% Margem de EBITDA 20,8% 22,1% 21,5% 18,9% 19,5% 17,1% -2,4p.p. 18,5% 18,4% -0,1p.p. DADOS OPERACIONAIS Var. 1T15 1T16 Var. Frota média operacional ,6% ,1% Frota média alugada ,7% ,6% Idade média da frota (em meses) 6,3 6,8 7,8 7,2 7,2 7,4 2,8% 7,0 8,6 22,9% Frota no final do período ,1% ,4% Número de diárias - em milhares , , , , , ,1 1,0% 3.811, ,3 11,3% Diária média por carro (R$) 78,07 79,68 82,36 84,85 87,71 84,56-3,6% 85,26 83,61-1,9% Depreciação média por carro anualizada (R$) 1.536, , , , ,0 622,1-51,0% 778,4 836,0 7,4% Taxa de utilização 69,1% 68,9% 70,8% 66,8% 69,9% 69,3% -0,6p.p. 66,3% 73,4% 7,1p.p. Número de carros comprados ,4% ,8% Número de carros vendidos ,8% ,3% Idade média dos carros vendidos (em meses) 15,0 13,7 15,7 15,3 14,4 14,9 3,5% 14,4 16,6 15,3% Frota média ,7% ,1% Valor médio da frota - R$/milhões 1.344, , , , , ,9 12,3% 2.076, ,5 12,6% Valor médio por carro no período - R$/mil 26,9 27,2 26,3 26,0 27,7 30,6 10,5% 29,2 33,3 14,0% (*) A receita bruta do aluguel de carros e a receita bruta da venda dos carros desativados para renovação da frota é deduzida dos descontos e cancelamentos. (**) Para fins de comparabilidade com as informações financeiras apresentadas em IFRS a partir de 2011, a receita líquida do aluguel de carros e a receita líquida da venda dos carros desativados para renovação da frota referente ao ano de 2010, apresentada em USGAAP, está demonstrada líquida dos impostos sobre receita. PÁGINA: 35 de 75

2T17. Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17. carros

2T17. Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17. carros 2T17 Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17 carros Divulgação de Resultados 2T17 e 1S17 Frota em 30/06/2017: 151.750 carros Destaques Operacionais Diárias - Aluguel de Carros (mil) Destaques Financeiros Receita

Leia mais

Divulgação de Resultados 3T16 e 9M16

Divulgação de Resultados 3T16 e 9M16 Divulgação de Resultados 3T16 e 9M16 Destaques 3T16 Receita líquida - Aluguel de Carros (R$ milhões) Receita líquida - Gestão de Frotas (R$ milhões) 317,1 362,5 154,1 163,5 3T15 3T16 3T15 3T16 Evolução

Leia mais

Divulgação de Resultados 4T16 e 2016

Divulgação de Resultados 4T16 e 2016 Divulgação de Resultados 4T16 e 2016 Destaques 4T16 e 2016 Diárias - Aluguel de Carros (mil) Receita líquida (R$ milhões) 5.266 4.846 4.242 4.308 3.812 3.780 3.871 4.111 2015 2016 2015 2016 2015 2016 2015

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ LOJAS AMERICANAS SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ LOJAS AMERICANAS SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2 Índice DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 1 Balanço Patrimonial Passivo 2 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração do Fluxo de Caixa 7 Demonstração das Mutações

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Versão : 2. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Versão : 2. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 6 Demonstração do Resultado 9 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS-AMBEV Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS-AMBEV Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ AMBEV S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ AMBEV S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ FRAS-LE SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ FRAS-LE SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1. Balanço Patrimonial Passivo 2 Índice DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 1 Balanço Patrimonial Passivo 2 Demonstração do Resultado 3 Demonstração do Resultado Abrangente 4 Demonstração do Fluxo de Caixa 5 Demonstração das Mutações

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ AMBEV S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ AMBEV S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Divulgação de Resultados do 3T13 e 9M13

Divulgação de Resultados do 3T13 e 9M13 R$ milhões R$ milhões R$ milhões R$ milhões Divulgação de Resultados do 3T13 e 9M13 As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto quando indicado o contrário e, a partir de 2011,

Leia mais

Divulgação de Resultados 4T14 e 2014

Divulgação de Resultados 4T14 e 2014 Divulgação de Resultados 4T14 e 2014 As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto quando indicado o contrário e, a partir de 2011, têm como base os números preliminares preparados

Leia mais

Divulgação de Resultados 1S14 e 2T14

Divulgação de Resultados 1S14 e 2T14 R$ milhões R$ milhões Divulgação de Resultados 1S14 e 2T14 As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto quando indicado o contrário e, a partir de 2011, têm como base os números

Leia mais

Divulgação de Resultados 4T15 e 2015

Divulgação de Resultados 4T15 e 2015 Divulgação de Resultados 4T15 e 2015 2015 foi mais um ano muito negativo para o Brasil: a profunda deterioração do ambiente macroeconômico no país causou uma acentuada queda de confiança nos consumidores

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BANCO BRADESCO S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BANCO BRADESCO S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2016 - BANCO BRADESCO S.A. Versão : 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo

Leia mais

Resultados 2T16. R$ milhões. 22 de julho de 2016

Resultados 2T16. R$ milhões. 22 de julho de 2016 Resultados 2T16 R$ milhões 22 de julho de 2016 Destaques Receita líquida - Aluguel de Carros (R$ milhões) Receita líquida - Gestão de Frotas (R$ milhões) 296,4 327,8 149,9 159,5 2T15 2T16 2T15 2T16 Evolução

Leia mais

Divulgação de Resultados do 2T10 e 1S10

Divulgação de Resultados do 2T10 e 1S10 Divulgação de Resultados do 2T10 e 1S10 As informações financeiras preliminares são apresentadas em milhões de Reais, exceto onde indicado o contrário, e têm como base as demonstrações financeiras preparadas

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ SARAIVA SA LIVREIROS EDITORES Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ SARAIVA SA LIVREIROS EDITORES Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ AES TIETE ENERGIA S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ AES TIETE ENERGIA S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Iochpe-Maxion S.A. e Controladas

Iochpe-Maxion S.A. e Controladas Iochpe-Maxion S.A. e Controladas Informações Contábeis Intermediárias Individuais e Consolidadas Referentes aos Períodos de Três e Nove Meses Findos em 30 de Setembro de 2017 e Relatório sobre a Revisão

Leia mais

Iochpe-Maxion S.A. e Controladas

Iochpe-Maxion S.A. e Controladas Iochpe-Maxion S.A. e Controladas Informações Contábeis Intermediárias Individuais e Consolidadas Referentes aos Períodos de Três e Nove Meses Findos em 30 de Setembro de 2016 e Relatório sobre a Revisão

Leia mais

Localiza Rent a Car S.A.

Localiza Rent a Car S.A. Localiza Rent a Car S.A. Resultados 2T15 e 1S15 R$ milhões 24 de julho de 2015 Divisão de Aluguel de Carros Receita líquida (R$ milhões) 802,2 980,7 1.093,7 1.163,5 1.284,4 628,1 606,4 316,7 296,4 2010

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BRF - BRASIL FOODS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BRF - BRASIL FOODS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CENTRAIS ELETRICAS BRASILEIRAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CENTRAIS ELETRICAS BRASILEIRAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CENTRAIS ELETRICAS BRASILEIRAS SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CENTRAIS ELETRICAS BRASILEIRAS SA Versão : 1. Balanço Patrimonial Ativo 1 Índice DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 1 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 8 Demonstração do Fluxo de Caixa 9 Demonstração das Mutações

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ EMBRAER S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ EMBRAER S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ EMBRAER S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ EMBRAER S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ REIT SECURITIZADORA DE RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS S/A Versão : 1. Composição do Capital 1

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ REIT SECURITIZADORA DE RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS S/A Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ MULTIPLUS SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ MULTIPLUS SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ODONTOPREV S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ODONTOPREV S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013 Elekeiroz S.. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013 Balanço patrimonial tivo Circulante Nota 31 de dezembro de 2013 31 de

Leia mais

https://www.rad.cvm.gov.br/enet/frmprotocolo.aspx?codigoinstituicao=1&numero...

https://www.rad.cvm.gov.br/enet/frmprotocolo.aspx?codigoinstituicao=1&numero... ENET Protocolo Página 1 de 1 https://www.rad.cvm.gov.br/enet/frmprotocolo.aspx?codigoinstituicao=1&numero... 15/08/2011 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ODONTOPREV S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ODONTOPREV S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ CIA DE PARTICIPAÇÕES ALIANÇA DA BAHIA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ CIA DE PARTICIPAÇÕES ALIANÇA DA BAHIA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ PROFARMA DISTRIB. PRODUTOS FARMACEUTICOS Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ PROFARMA DISTRIB. PRODUTOS FARMACEUTICOS Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ EMBRAER EMPR BRAS. DE AERONAUTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ EMBRAER EMPR BRAS. DE AERONAUTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ GUARARAPES CONFECÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ GUARARAPES CONFECÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CENTRAIS ELETRICAS BRASILEIRAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CENTRAIS ELETRICAS BRASILEIRAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ REIT SECURITIZADORA DE RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS S/AVersão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ REIT SECURITIZADORA DE RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS S/AVersão : 1. Composição do Capital 1 DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2015 - REIT SECURITIZADORA DE RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS S/AVersão : 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ALPARGATAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BICICLETAS MONARK SA Versão : 3. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BICICLETAS MONARK SA Versão : 3. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

A Geradora Aluguel de Máquinas S.A.

A Geradora Aluguel de Máquinas S.A. Balanço patrimonial em 31 de dezembro Ativo Passivo e patrimônio líquido Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa (Nota 6) 25.888 67.330 Fornecedores 4.797 8.340 Aplicações financeiras 3.341

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ USINAS SIDERURGICAS DE MINAS GERAIS SA Versão : 3. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ USINAS SIDERURGICAS DE MINAS GERAIS SA Versão : 3. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ UNICASA INDÚSTRIA DE MÓVEIS S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ UNICASA INDÚSTRIA DE MÓVEIS S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ EMBRAER S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ EMBRAER S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2013 E 2012 (Valores expressos em reais)

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2013 E 2012 (Valores expressos em reais) BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2013 E 2012 ATIVO NE 31/12/2013 31/12/2012 PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO NE 31/12/2013 31/12/2012 CIRCULANTE CIRCULANTE Disponibilidades 4 85.142.911 86.881.544

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ ALUPAR INVESTIMENTO S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ ALUPAR INVESTIMENTO S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 E 2010 (Valores expressos em reais)

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 E 2010 (Valores expressos em reais) BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 E 2010 ATIVO Explicativa n o 31/12/2011 31/12/2010 PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO Explicativa n o 31/12/2011 31/12/2010 CIRCULANTE CIRCULANTE Disponibilidades

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BICICLETAS MONARK SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BICICLETAS MONARK SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ JBS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ JBS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ DURATEX S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ DURATEX S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ VULCABRAS AZALEIA S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ VULCABRAS AZALEIA S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ UNICASA INDUSTRIA DE MOVEIS S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ UNICASA INDUSTRIA DE MOVEIS S.A. Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Informações Financeiras Trimestrais Magnesita Refratários S.A.

Informações Financeiras Trimestrais Magnesita Refratários S.A. Informações Financeiras Trimestrais Magnesita Refratários S.A. 30 de junho de 2015 com Relatório dos Auditores Independentes Edifício Phelps Offices Towers Rua Antônio de Albuquerque, 156 11º andar - Savassi

Leia mais

Divulgação de Resultados do 1T13

Divulgação de Resultados do 1T13 R$ milhões R$ milhões R$ milhões Divulgação de Resultados do 1T13 As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto quando indicado o contrário e, a partir de 2011, têm como base

Leia mais

Resultados 4T16 e de fevereiro de 2017

Resultados 4T16 e de fevereiro de 2017 Resultados 4T16 e 2016 06 de fevereiro de 2017 Mensagem do Presidente highlights Disciplina financeira e balanço forte Caixa e perfil da dívida para enfrentar cenário adverso Elevados ratings de crédito

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ RAIADROGASIL SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ RAIADROGASIL SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ TEGMA GESTÃO LOGÍSTICA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ TEGMA GESTÃO LOGÍSTICA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Balanço patrimonial em 31 de dezembro Em milhares de reais

Balanço patrimonial em 31 de dezembro Em milhares de reais Balanço patrimonial em 31 de dezembro Em milhares de reais Ativo 2016 2015 Passivo e patrimônio líquido 2016 2015 Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa (Nota 6) 25.431 27.730 Fornecedores

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ EMBRAER EMPR BRAS. DE AERONAUTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ EMBRAER EMPR BRAS. DE AERONAUTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ SUL AMERICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ SUL AMERICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ TOTVS S.A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ TOTVS S.A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ALUPAR INVESTIMENTO S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ALUPAR INVESTIMENTO S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CIA HERING Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CIA HERING Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ROSSI RESIDENCIAL SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ INDÚSTRIAS ROMI S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ INDÚSTRIAS ROMI S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ COMPANHIA BRASILEIRA DE DISTRIBUIÇÃO Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ COMPANHIA BRASILEIRA DE DISTRIBUIÇÃO Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Fluxo de Caixa

Leia mais

Suzano Papel e Celulose S.A. Informações Trimestrais (ITR) em 30 de setembro de 2016 e relatório de revisão dos auditores independentes.

Suzano Papel e Celulose S.A. Informações Trimestrais (ITR) em 30 de setembro de 2016 e relatório de revisão dos auditores independentes. Suzano Papel e Celulose S.A. Informações Trimestrais (ITR) em 30 de setembro de 2016 e relatório de revisão dos auditores independentes. Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ FIBRIA CELULOSE S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ FIBRIA CELULOSE S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ MARISA LOJAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ MARISA LOJAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ LOJAS AMERICANAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ LOJAS AMERICANAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2015 E 2014 (Valores expressos em reais)

BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2015 E 2014 (Valores expressos em reais) BALANÇOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2015 E 2014 ATIVO NE 31/12/2015 31/12/2014 PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO NE 31/12/2015 31/12/2014 CIRCULANTE CIRCULANTE Disponibilidades 4 90.705.601 82.095.096

Leia mais

A Taxa de Ocupação dos veículos no segmento de Aluguel de Carros RAC (excluindo Franquias) foi de 77,4% no 1T14, 6,9p.p. acima da realizada no 1T13.

A Taxa de Ocupação dos veículos no segmento de Aluguel de Carros RAC (excluindo Franquias) foi de 77,4% no 1T14, 6,9p.p. acima da realizada no 1T13. São Paulo, 02 de Maio de 2014 - A Unidas S.A. ( Companhia ou Unidas ) anuncia os seus resultados do primeiro trimestre de 2014 (). As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ EMBRAER S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ EMBRAER S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ UNIPAR - UNIÃO DE INDS. PETROQUÍMICAS SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ UNIPAR - UNIÃO DE INDS. PETROQUÍMICAS SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 3/6/28 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

EARNINGS RELEASE 3T17

EARNINGS RELEASE 3T17 Recuperação do Lucro Líquido e margem EBITDA crescendo em torno de 10 p.p.. São Paulo, 31 de Outubro de 2017 - A Inbrands S.A. ( Inbrands ou Companhia ), uma empresa brasileira consolidadora e operadora

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ALIANSCE SHOPPING CENTERS S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ALIANSCE SHOPPING CENTERS S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Indústrias Romi S.A. Informações Trimestrais - ITR em 30 de setembro de 2013 e relatório sobre a revisão de informações trimestrais

Indústrias Romi S.A. Informações Trimestrais - ITR em 30 de setembro de 2013 e relatório sobre a revisão de informações trimestrais Indústrias Romi S.A. Informações Trimestrais - ITR em 30 de setembro de 2013 e relatório sobre a revisão de informações trimestrais Relatório sobre a revisão de informações trimestrais Aos Administradores

Leia mais

Dersa Desenvolvimento Rodoviário S.A. Balanços patrimoniais

Dersa Desenvolvimento Rodoviário S.A. Balanços patrimoniais Balanços patrimoniais em 31 de dezembro de 2014 e 2013 Ativo Nota 2014 2013 Passivo Nota 2014 2013 (Ajustado) (Ajustado) Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa 5 48.650 835 Fornecedores 10

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ MARISA LOJAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ MARISA LOJAS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ DURATEX S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ DURATEX S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ GERDAU SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ GERDAU SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE JULHO DE 2013 (Em R$ Mil)

CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE JULHO DE 2013 (Em R$ Mil) CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE JULHO DE 2013 CNPJ 47.902.648/0001-17 ATIVO PASSIVO ATIVO CIRCULANTE PASSIVO CIRCULANTE Caixa e Bancos 314 Fornecedores 36.047 Aplicações Financeiras 2.323 Provisão Férias

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ENERGISA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ ENERGISA SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ BOMBRIL SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ BOMBRIL SA / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 31/3/26 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ BROOKFIELD INCORPORAÇÕES S.A. Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ BICICLETAS MONARK SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/ BICICLETAS MONARK SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Movida - Divulgação de Resultados do 4T16 e 2016

Movida - Divulgação de Resultados do 4T16 e 2016 Índice Movida - Divulgação de Resultados do 4T16 e 2016 1. Aluguel de Carros (RAC) 2. Gestão e Terceirização de Frotas (GTF) 3. Seminovos 4. Resultado Financeiro 5. Lucro Líquido 6. Investimento Líquido

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ OI S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 4

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ OI S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 4 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

Informações trimestrais em 30 de junho de 2014

Informações trimestrais em 30 de junho de 2014 Companhia de Locação das Américas Informações trimestrais em KPDS 93641 Conteúdo Comentário de desempenho do trimestre 3 Relatório sobre a revisão de informações trimestrais - ITR 5 Formulário de informações

Leia mais

CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 28 DE FEVEREIRO DE 2011 (Em R$ Mil)

CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 28 DE FEVEREIRO DE 2011 (Em R$ Mil) CNPJ 47.902.648/0001-17 CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 28 DE FEVEREIRO DE 2011 ATIVO PASSIVO ATIVO CIRCULANTE PASSIVO CIRCULANTE Caixa e Bancos 46 Fornecedores 41.785 Aplicações Financeiras 5.541 Provisão

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ NEOENERGIA S.A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/ NEOENERGIA S.A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 30 DE NOVEMBRO DE 2015 (Em R$ Mil)

CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 30 DE NOVEMBRO DE 2015 (Em R$ Mil) CET - BALANÇO PATRIMONIAL EM 30 DE NOVEMBRO DE 2015 CNPJ 47.902.648/0001-17 ATIVO PASSIVO ATIVO CIRCULANTE PASSIVO CIRCULANTE Caixa e Equivalentes de Caixa 11.859 Fornecedores 40.112 Contas a Receber 77.159

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ ODONTOPREV S.A / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ ODONTOPREV S.A / CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 31/3/27 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ MARISA LOJAS SA Versão : 3. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ MARISA LOJAS SA Versão : 3. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ MARISA LOJAS SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ MARISA LOJAS SA Versão : 2. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CIA HERING Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/ CIA HERING Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 8 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais