REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO"

Transcrição

1 REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO

2 ÍNDICE OBJECTO 3 ÂMBITO 3 CONCEITO 3 COMPETÊNCIAS 4 VALOR DA BOLSA 4 NÚMERO DE BOLSAS A ATRIBUIR 4 DISTRIBUIÇÃO DAS BOLSAS 4 ADMISSÃO 4 CRITÉRIOS DE SERIAÇÃO 5 CANDIDATURA 5 PROCESSO 6 EDITAL 6 DISPOSIÇÕES FINAIS 6 APLICAÇÃO 6

3 INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO Artigo 1º Objecto 1. O presente Regulamento define os critérios, as competências e os procedimentos para atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito no Instituto Politécnico do Porto (IPP). Artigo 2º Âmbito 1. São abrangidos pelo presente Regulamento os estudantes inscritos no Instituto do Politécnico do Porto: a. Num ciclo de estudos de licenciatura; b. Num ciclo de estudos de mestrado; c. Num curso de especialização tecnológica. 2. São abrangidos pelo presente Regulamento os estudantes que, tendo estado inscritos no Politécnico do Porto no ano lectivo imediatamente anterior, estejam também inscritos no ano lectivo a que se reporta a bolsa, num dos cursos a que se refere o número anterior. Artigo 3º Conceitos 1. A Bolsa de Estudo por Mérito é uma prestação pecuniária, de valor fixo, destinada a estudantes que tenham mostrado um aproveitamento escolar excepcional; 2. Considera-se que teve aproveitamento excepcional o estudante que satisfaz, cumulativamente, as seguintes condições: a. No ano lectivo anterior ao da atribuição da bolsa tenha obtido aprovação em todas as unidades curriculares que integram o plano de estudos do ano curricular em que se encontrava inscrito; b. A média ponderada pelos respectivos créditos ECTS das classificações obtidas das unidades curriculares a que se refere a alínea a) não tenha sido inferior a Muito Bom (16). Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito [3 7]

4 Artigo 4º Competências 1. O processo de selecção dos estudantes às Bolsas de Estudo por Mérito desenvolve-se em cada uma das Escolas do Politécnico do Porto, através da aplicação dos critérios definidos no presente Regulamento. 2. A selecção e a elaboração da proposta final de atribuição das bolsas de estudo por mérito é da competência do Presidente de cada Escola, o qual poderá designar uma comissão específica para o coadjuvar no processo. 3. Compete ao Presidente do Politécnico do Porto publicar o Edital de abertura das candidaturas, bem como homologar a lista de atribuição das Bolsas de Estudo por Mérito. Artigo 5º Valor da bolsa 1. A Bolsa de Estudo por Mérito tem um valor anual igual a cinco vezes o valor da retribuição mínima mensal garantida em vigor no início do ano lectivo em que é atribuída. 2. A bolsa de estudo por mérito é suportada integralmente pelo orçamento do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Artigo 6º Número de bolsas a atribuir 1. O número máximo de Bolsas de Estudo por Mérito a atribuir em cada instituição de ensino superior em cada ano lectivo é igual ao resultado da divisão por 500, arredondado por excesso, do número de estudantes inscritos no ano lectivo imediatamente anterior no conjunto dos cursos. 2. No prazo fixado nos termos do artigo 16.º, do Regulamento Geral de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito a Estudantes do Ensino Superior aprovado pelo Despacho n.º 13531/2009 publicado no Diário da Republica, 2ª Série, n.º 111, de 09 de Junho de 2009, a Direcção-Geral do Ensino Superior comunica a cada instituição de ensino superior o número máximo de bolsas de estudo por mérito que podem ser atribuídas nessa instituição, com base na informação estatística oficial fornecida pelo Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Artigo 7º Distribuição das bolsas 1. O número de Bolsas de Estudo por Mérito a atribuir pelo Instituto Politécnico do Porto é distribuído pelas suas Escolas, em número proporcional aos estudantes inscritos no ano lectivo anterior. 2. Com base na distribuição prevista no número anterior, as bolsas sobrantes serão redistribuídas pelas escolas proporcionalmente ao número de candidatos em condições de usufruir da bolsa e não contemplados. Artigo 8º Admissão Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito [4 7]

5 1. São admitidas as candidaturas dos estudantes que reúnam, cumulativamente, as condições seguintes: a. Terem estado inscritos em todas as unidades curriculares do ano curricular anterior àquele em que estão inscritos; b. Terem obtido aprovação, no ano lectivo anterior ao da atribuição da bolsa, em todas as unidades curriculares que integram o plano de estudos do ano curricular em que se encontrava inscrito; c. A média ponderada pelos respectivos créditos ECTS das classificações obtidas das unidades curriculares a que se refere a alínea a) não tenha sido inferior a Muito Bom (16); d. Inscrição na totalidade das unidades do ano curricular actual, não tendo unidades curriculares em atraso; e. Situação de matrícula e inscrição regularizada, à data de candidatura e à data de entrega da bolsa. 2. Serão liminarmente indeferidas as candidaturas que se encontrem nas seguintes condições: a. Não satisfaçam as condições de admissão a concurso; b. Incorrecta ou insuficientemente instruídas; c. Apresentadas fora dos prazos fixados. 3. A prestação de falsas declarações será punida nos termos legais aplicáveis. 4. Se as condições 1.e) não estiverem satisfeitas à data de entrega do prémio a bolsa será entregue ao candidato colocado na lista seriada na posição imediatamente a seguir à do último beneficiado. Artigo 9º Critérios de seriação 1. O critério de seriação será o do maior valor da média ponderada das classificações obtidas das unidades curriculares pelos respectivos créditos ECTS, do ano curricular anterior àquele em que está inscrito, arredondada às centésimas. 2. Em caso de empate servirão sucessivamente como critérios de desempate: a. O menor valor de E: E= n.ºde inscrições (incluindo as verificadas noutras instituições) ano curricular em que se encontra inscrito b. A classificação mais elevada obtida nas unidades curriculares do curso ponderada pelos respectivos créditos ECTS; c. A menor idade. Artigo 10º Candidatura 1. O processo de candidatura é instruído com o Boletim de Candidatura, em anexo, devidamente preenchido. Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito [5 7]

6 2. A candidatura é apresentada no local indicado no respectivo Edital de abertura. Artigo 11º Processo 1. Definido o número de bolsas, o Presidente de cada Escola ou a comissão designada por este para o efeito procede à recolha dos elementos necessários à selecção. 2. Aplicados os critérios previstos no artigo 9.º do presente Regulamento, é afixada em lugar público e publicada no sítio da internet da Escola, a lista organizada por ordem decrescente (do melhor para o pior classificado), na qual constará o nome, curso, ano do estudante, bem como explicitação dos elementos que serviram de base à classificação atribuída. 3. No prazo de dois dias úteis após a afixação da lista, podem ser apresentadas reclamações para o Presidente da Escola, exclusivamente com fundamento na aplicação incorrecta dos critérios definidos para a selecção. 4. Após decisão das reclamações, é organizada a proposta final da atribuição das Bolsas de Estudo por Mérito, acompanhada de um relatório sobre o processo de atribuição, a remeter ao Presidente do Politécnico do Porto. 5. Após homologação, a lista do Politécnico do Porto dos estudantes contemplados com a Bolsa de Estudo por Mérito será divulgada na Escola através de afixação nos locais próprios e no Portal de Informação do IPP na Internet [portal.ipp.pt]. Artigo 12º Edital 1. Do Edital de abertura devem constar, pelo menos, os seguintes elementos: 1.1. Número de bolsas por Escola; 1.2. Local/Forma de obtenção do Boletim de Candidatura; 1.3. Local de entrega de candidaturas; 1.4. Calendário. 2. Sem prejuízo de outras formas de divulgação pública, o Edital será divulgado na Escola através de afixação nos locais próprios e no Portal de Informação do IPP na Internet [portal.ipp.pt]. Artigo 13º Disposições Finais 1. No final de cada ano lectivo poderão ser feitas a este Regulamento as adaptações que a experiência vier a justificar, sob proposta, quer das Escolas, quer das Associações de Estudantes. Artigo 14º Aplicação 1. O presente regulamento aplica-se a partir do ano lectivo , inclusive. Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito [6 7]

7 BOLETIM DE CANDIDATURA BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO ANO LECTIVO 20 /20 * Preencher em Letras Maiúsculas, de forma legível. Nome: Nº de Estudante: Ano Curricular: Curso: Morada: Código Postal: - Telefone: Telemóvel: NIF: NIB: ASSINALAR OS ANEXOS QUE FAZEM PARTE DA PRESENTE CANDIDATURA: Anexos Número de Certidões emitida pela secretaria/serviços académicos da Escola [NOTA: No acto de entrega do presente boletim deverá solicitar na secretaria/serviços académicos, sem custos, a(s) certidão(ões) necessária(s)] Data: / / Assinatura do Estudante: RESERVADO AOS SERVIÇOS: 1. Inscrição na totalidade das unidades curriculares do presente ano curricular SIM NÃO 2. Sem unidades curriculares em atraso SIM NÃO 3. Situação de matrícula e inscrição regularizada SIM NÃO 4. Data de Nascimento / / 5. Número de inscrições no Ensino Superior Registo nº: O funcionário: Data: / /

g uj f DESPACHO N. GR.04/ Aprova o Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito a Estudantes da Universidade do Porto

g uj f DESPACHO N. GR.04/ Aprova o Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito a Estudantes da Universidade do Porto DESPACHO N. GR.04/1212010 Aprova o Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo por Mérito a Estudantes da Universidade do Porto No uso da competência que me é consagrada na alínea o) do n 1 do artigo

Leia mais

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Gabinete do Reitor

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Gabinete do Reitor DESPACHO N.º 2015/R/21 Assunto: Regulamento para atribuição de bolsas de mérito e prémios escolares As Bolsas de Mérito e os Prémios Escolares constituem um importante estímulo para os estudantes como

Leia mais

REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO A ESTUDANTES DE ENSINO SUPERIOR*

REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO A ESTUDANTES DE ENSINO SUPERIOR* REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO A ESTUDANTES DE ENSINO SUPERIOR* *Bolsas de Estudo por Mérito atribuídas pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. 1 Preâmbulo Em

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS. Artigo 1.º Âmbito

REGULAMENTO DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS. Artigo 1.º Âmbito Artigo 1.º Âmbito O presente regulamento1 estabelece o regime de funcionamento dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTSP) ministrados pelas unidades orgânicas do Instituto Politécnico de Saúde

Leia mais

Artigo 1º. Âmbito. a) Os titulares de um curso superior de bacharelato, licenciatura, mestrado ou doutoramento;

Artigo 1º. Âmbito. a) Os titulares de um curso superior de bacharelato, licenciatura, mestrado ou doutoramento; Regulamento do Concurso Especial de Acesso aos Cursos da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para Titulares de Cursos Médios, Superiores e Pós-Secundários Tendo por base o

Leia mais

Regulamento Interno Para Atribuição de Bolsas de Mérito

Regulamento Interno Para Atribuição de Bolsas de Mérito Regulamento Interno Para Atribuição de Bolsas de Mérito Aprovado pelo Conselho Geral em 29/06/09 Nos termos do despacho n.º 13531/2009 (2.ª Série), publicado na II Série do Diário da República n.º 111,

Leia mais

(Preâmbulo) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1.º (Objeto e âmbito)

(Preâmbulo) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1.º (Objeto e âmbito) (Preâmbulo) Conforme disposto no Decreto-Lei nº 113/2014 de 16 de julho, aprova-se o Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior a aplicar no Instituto Superior de Ciências

Leia mais

REGULAMENTO DO MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO,

REGULAMENTO DO MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO, Considerando o disposto da alínea f), do n.º 1, do art. 62.º, dos Estatutos do Instituto Politécnico de Leiria; Com vista a dar cumprimento ao estabelecido no artigo 26º do Decreto-Lei n.º 74/2006, de

Leia mais

Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos concursos especiais de acesso e ingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado

Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos concursos especiais de acesso e ingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos concursos especiais de acesso e ingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado Artigo 1.º Objecto e âmbito O presente regulamento estabelece

Leia mais

EDITAL. (Edição )

EDITAL. (Edição ) EDITAL MESTRADO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL ESPECIALIZAÇÃO EM PROBLEMAS DO DOMÍNIO COGNITIVO E MOTOR (Edição 2017-2019) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/2006, de

Leia mais

Regulamento dos regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso no ano lectivo de 2009/2010

Regulamento dos regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso no ano lectivo de 2009/2010 Regulamento dos regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso no ano lectivo de 2009/2010 Nos termos do artigo 10.º do Regulamento dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO

REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO REGULAMENTO DOS REGIMES DE MUDANÇA DE CURSO, TRANSFERÊNCIA E REINGRESSO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO Nos termos do disposto no artº 10º da Portaria nº 401/2007, de 5 de Abril, é aprovado o Regulamento dos

Leia mais

01 de abril de 2016 Republicação

01 de abril de 2016 Republicação Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição / Curso no Ensino Superior e do Concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores 2016 01 de abril de 2016 Republicação

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM FARMÁCIA - ESPECIALIZAÇÃO EM FARMACOTERAPIA APLICADA (edição )

EDITAL MESTRADO EM FARMÁCIA - ESPECIALIZAÇÃO EM FARMACOTERAPIA APLICADA (edição ) EDITAL MESTRADO EM FARMÁCIA - ESPECIALIZAÇÃO EM FARMACOTERAPIA APLICADA (edição 2016-) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/2006, de 24 de março, com as alterações

Leia mais

Universidade do Minho PROPOSTA DE REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS INTEGRADO CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE

Universidade do Minho PROPOSTA DE REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS INTEGRADO CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE Universidade do Minho PROPOSTA DE REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS INTEGRADO CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE EM ENGENHARIA ELECTRÓNICA INDUSTRIAL E COMPUTADORES 1 Artigo 1º (Natureza e âmbito de aplicação)

Leia mais

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Direito

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Direito UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Direito Regulamento dos regimes de reingresso e de mudança par instituição/curso da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa Nos termos do disposto no

Leia mais

Regulamento do Concurso de Acesso e Ingresso nos Cursos Ministrados pelo ISAVE

Regulamento do Concurso de Acesso e Ingresso nos Cursos Ministrados pelo ISAVE Regulamento do Concurso de Acesso e Ingresso nos Cursos Ministrados pelo Instituto Superior de Saúde do Alto Ave CAPÍTULO I Candidatura Artigo 1º Condições de candidatura aos cursos do 1. Para realizar

Leia mais

Artigo 1.º Objeto e âmbito. Artigo 2.º Avaliação da capacidade para a frequência. Artigo 3.º Provas

Artigo 1.º Objeto e âmbito. Artigo 2.º Avaliação da capacidade para a frequência. Artigo 3.º Provas REGULAMENTO DO CONCURSO LOCAL PARA A CANDIDATURA À MATRÍCULA E INSCRIÇÃO NO CICLO DE ESTUDOS CONDUCENTE AO GRAU DE LICENCIADO EM TECNOLOGIAS DA MÚSICA MINISTRADO PELA ESCOLA SUPERIOR DE MÚSICA DO INSTITUTO

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO E DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO E DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO E DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO (Aprovado pelo Conselho Técnico-Científico em 13 de Junho de 2016) Capítulo I Disposições gerais Artigo 1.º Objecto e âmbito

Leia mais

EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM DIREÇÃO HOTELEIRA DA ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO 1

EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM DIREÇÃO HOTELEIRA DA ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO 1 EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM DIREÇÃO HOTELEIRA DA ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO 1 Delminda Augusta Pinto Lopes, Vice-Presidente, em substituição

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO. (edição )

EDITAL MESTRADO EM SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO. (edição ) EDITAL MESTRADO EM SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO (edição 2016-) Nos termos do Decreto-Lei n.º 42/2005, de 22 de fevereiro, do Decreto-Lei n.º 74/2006 de 24 de março, com as alterações introduzidas pelo

Leia mais

Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição / Curso no Ensino Superior e do Concurso Especial de Acesso para

Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição / Curso no Ensino Superior e do Concurso Especial de Acesso para Regulamento Geral dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição / Curso no Ensino Superior e do Concurso Especial de Acesso para Titulares de Cursos Superiores 2017 20 de março de 2017 ÍNDICE

Leia mais

TRANSFERÊNCIAS - 1.º CICLO - Direito

TRANSFERÊNCIAS - 1.º CICLO - Direito TRANSFERÊNCIAS - 1.º CICLO - Direito PORTARIA N.º 401/2007, DE 5 DE ABRIL, ALTERADA PELA PORTARIA N.º 232-A/2013, DE 22 DE JULHO, E REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO, MUDANÇA DE CURSO E TRANSFERÊNCIA

Leia mais

4. Será necessário o preenchimento e envio/entrega de: a. Formulário de candidatura (disponível em

4. Será necessário o preenchimento e envio/entrega de: a. Formulário de candidatura (disponível em EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO PÓS- GRADUADO EM NUTRIÇÃO CELULAR ATIVA E ORTOMOLECULAR ANO LECTIVO DE 2016/2017 REPUBLICAÇÃO Agostinho Luís da Silva Cruz, Presidente da Escola Superior de Tecnologia da

Leia mais

Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência

Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência Regulamento dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência A Portaria n 401/2007, de 5 de Abril, aprova o Regulamento dos Regimes de Mudança de Curso, Transferência e Reingresso no Ensino

Leia mais

Ano letivo 2015/2016

Ano letivo 2015/2016 EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM GESTÃO DO TURISMO, DA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO DO INSTITUTO POLITÉCNICO DO CÁVADO E DO AVE E DO INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO DO

Leia mais

(Preâmbulo) Artigo 1.º Objecto e âmbito

(Preâmbulo) Artigo 1.º Objecto e âmbito Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e de reingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado (Preâmbulo) A legislação decorrente da

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO APROVADO 19 de Novembro de 2010 O Presidente, (Paulo Parente) ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO REGULAMENTO DE PROPINAS Artigo 1.º Âmbito de aplicação 1) O presente regulamento aplica-se a todos os

Leia mais

EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM DESIGN DA ESCOLA SUPERIOR DE MEDIA ARTES E DESIGN 1

EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM DESIGN DA ESCOLA SUPERIOR DE MEDIA ARTES E DESIGN 1 EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM DESIGN DA ESCOLA SUPERIOR DE MEDIA ARTES E DESIGN 1 Delminda Augusta Pinto Lopes, Vice-Presidente, em substituição da Presidente

Leia mais

Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso nos Ciclos de Estudos de Licenciatura do Instituto Superior de Administração e Gestão

Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso nos Ciclos de Estudos de Licenciatura do Instituto Superior de Administração e Gestão Regulamento dos Concursos Especiais de Acesso e Ingresso nos Ciclos de Estudos de Licenciatura do Instituto Superior de Administração e Gestão Ouvidos os órgãos de gestão do ISAG, nos termos do artigo

Leia mais

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS Página 1 de 5 Capítulo I Disposições Gerais Artigo 1.º (Objeto) O presente regulamento fixa os procedimentos relativos aos concursos especiais para acesso e ingresso no ensino superior, nos termos da lei.

Leia mais

Cursos de Pós-Graduação REGULAMENTO. Elaborado por: Aprovado por: Versão

Cursos de Pós-Graduação REGULAMENTO. Elaborado por: Aprovado por: Versão REGULAMENTO Cursos de Pós-Graduação Elaborado por: Aprovado por: Versão Gabinete Apoio Reitoria Reitor 2.0 (Professor Doutor Rui Oliveira) Revisto e Confirmado por: Data de Aprovação Inicial Secretário-Geral

Leia mais

MESTRADO EM AGRICULTURA BIOLÓGICA Edição

MESTRADO EM AGRICULTURA BIOLÓGICA Edição INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA EDITAL (EDIÇÃO 2016-2018) Nos termos do Decreto-Lei nº42/2005, de 22 de fevereiro e do Decreto-Lei nº74/2006, de 24 de março, com as alterações que lhes foram introduzidas

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM FISIOTERAPIA. ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO DE AVALIAÇÃO E APLICAÇÃO CLÍNICA DO MOVIMENTO (edição )

EDITAL MESTRADO EM FISIOTERAPIA. ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO DE AVALIAÇÃO E APLICAÇÃO CLÍNICA DO MOVIMENTO (edição ) EDITAL MESTRADO EM FISIOTERAPIA ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO DE AVALIAÇÃO E APLICAÇÃO CLÍNICA DO MOVIMENTO (edição -) Nos termos do Decreto-Lei n.º 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei n.º 74/2006 de

Leia mais

TPG PDIit(tflieO di, Gtmrda

TPG PDIit(tflieO di, Gtmrda TPG PDIit(tflieO di, Gtmrda 71 EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR EDIÇÃO 2017/2018 Constantino Mendes Rei, Presidente do Instituto Politécnico

Leia mais

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Regulamento n.º??/2012. do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa dos

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Regulamento n.º??/2012. do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa dos A proposta de Regulamento das Provas de Acesso e Ingresso nos Cursos de Licenciatura do ISEL para maiores de 23 anos ao abrigo do DL 64/2006 é: Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Regulamento n.º??/2012

Leia mais

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO E DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO E DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO REGULAMENTO DOS REGIMES DE REINGRESSO E DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO Artigo 1.º Objeto e âmbito 1. O presente Regulamento regula os regimes de reingresso e de mudança de par instituição/curso, na,

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM FISIOTERAPIA. ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO DE AVALIAÇÃO E APLICAÇÃO CLÍNICA DO MOVIMENTO (edição )

EDITAL MESTRADO EM FISIOTERAPIA. ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO DE AVALIAÇÃO E APLICAÇÃO CLÍNICA DO MOVIMENTO (edição ) EDITAL MESTRADO EM FISIOTERAPIA ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO DE AVALIAÇÃO E APLICAÇÃO CLÍNICA DO MOVIMENTO (edição 2016-) Nos termos do Decreto-Lei n.º 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei n.º 74/2006

Leia mais

REGULAMENTO Acesso e Ingresso nos Ciclos de Estudo Conducentes ao Grau de Doutor

REGULAMENTO Acesso e Ingresso nos Ciclos de Estudo Conducentes ao Grau de Doutor REGULAMENTO Acesso e Ingresso nos Ciclos de Estudo Conducentes ao Grau de Doutor Elaborado por: Aprovado por: Versão Reitor 1.0 (Professor Doutor Rui Oliveira) Revisto e Confirmado por: Data de Aprovação

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM AUDIOLOGIA (edição )

EDITAL MESTRADO EM AUDIOLOGIA (edição ) EDITAL MESTRADO EM AUDIOLOGIA (edição -) Nos termos do Decreto-Lei n.º 42/2005, de 22 de fevereiro, do Decreto-Lei n.º 74/2006 de 24 de março, com as alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 107/2008

Leia mais

REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS INTEGRADO CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE

REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS INTEGRADO CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS INTEGRADO CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE EM ENGENHARIA DE MATERIAIS Artigo 1º (Natureza e âmbito de aplicação) 1. O presente Regulamento dá cumprimento ao estabelecido no

Leia mais

Curso de Mestrado em Ensino de Matemática no 3.º Ciclo do Ensino Básico e no Secundário da Universidade da Madeira. Edital

Curso de Mestrado em Ensino de Matemática no 3.º Ciclo do Ensino Básico e no Secundário da Universidade da Madeira. Edital Curso de Mestrado em Ensino de Matemática no 3.º Ciclo do Ensino Básico e no Secundário da Universidade da Madeira Edital 5 de Setembro de 2008 Curso de Mestrado em Ensino de Matemática no 3.º Ciclo do

Leia mais

DESPACHO N.º 12/2015-IPL

DESPACHO N.º 12/2015-IPL DESPACHO N.º 12/2015-IPL A publicação do Decreto-Lei n.º 43/2014, de 18 de março, que cria os cursos técnicos superiores profissionais, conduziu à necessidade de proceder à revisão do regime jurídico dos

Leia mais

Regulamento Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior

Regulamento Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior Regulamento Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior Titulares de um diploma de técnico superior profissional Artigo 1.º Âmbito São abrangidos pelo concurso especial os titulares de

Leia mais

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E DE INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR NA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE PAULA FRASSINETTI

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E DE INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR NA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE PAULA FRASSINETTI REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E DE INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR NA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE PAULA FRASSINETTI CAPÍTULO I Disposições gerais Artigo 1.º Objeto O presente regulamento

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM SISTEMAS E TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO PARA A SAÚDE. (Edição )

EDITAL MESTRADO EM SISTEMAS E TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO PARA A SAÚDE. (Edição ) EDITAL MESTRADO EM SISTEMAS E TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO PARA A SAÚDE (Edição 2010-2012) Nos termos dos Decretos-Lei nº /2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/200, de 24 de Março, com as alterações

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM RADIOLOGIA - ESPECIALIZAÇÃO OSTEO-ARTICULAR (edição )

EDITAL MESTRADO EM RADIOLOGIA - ESPECIALIZAÇÃO OSTEO-ARTICULAR (edição ) EDITAL MESTRADO EM RADIOLOGIA - ESPECIALIZAÇÃO OSTEO-ARTICULAR (edição 2014-) Nos termos do Decreto-Lei n.º 42/2005, de 22 de fevereiro, do Decreto-Lei n.º 74/2006 de 24 de março, com as alterações introduzidas

Leia mais

Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos

Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos maiores de 23 anos e do Concurso Especial dos Estudantes

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO. (edição )

EDITAL MESTRADO EM SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO. (edição ) EDITAL MESTRADO EM SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO (edição 2014-) Nos termos do Decreto-Lei n.º 42/2005, de 22 de fevereiro, do Decreto-Lei n.º 74/2006 de 24 de março, com as alterações introduzidas pelo

Leia mais

Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa. Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso no Ensino Superior

Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa. Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso no Ensino Superior Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso no Ensino Superior PREÂMBULO Nos termos do disposto no artigo 25º do Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR NOS CURSOS MINISTRADOS NA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR NOS CURSOS MINISTRADOS NA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO REGULAMENTO DOS CONCURSOS ESPECIAIS DE ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR NOS CURSOS MINISTRADOS NA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO TÍTULO I Disposições gerais Artigo 1.º Âmbito O presente

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE MÉRITO A ALUNOS DO ENSINO SECUNDÁRIO

REGULAMENTO MUNICIPAL DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE MÉRITO A ALUNOS DO ENSINO SECUNDÁRIO REGULAMENTO MUNICIPAL DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE MÉRITO A ALUNOS DO ENSINO SECUNDÁRIO PREÂMBULO A Constituição da República Portuguesa estatui, no n.º 2 do artigo 73.º, que o Estado promove a democratização

Leia mais

EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM COMUNICAÇÃO AUDIOVISUAL 1 ANO LETIVO 2016/2017

EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM COMUNICAÇÃO AUDIOVISUAL 1 ANO LETIVO 2016/2017 EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO CONCURSO DE ACESSO AO CURSO DE MESTRADO EM COMUNICAÇÃO AUDIOVISUAL 1 Maria do Rosário Gambôa Lopes de Carvalho, Presidente do Instituto Politécnico do Porto (IPP),

Leia mais

Diploma DRE. Capítulo I. Objecto e âmbito. Artigo 1.º. Objecto

Diploma DRE. Capítulo I. Objecto e âmbito. Artigo 1.º. Objecto Diploma Regulamenta as provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos, previstas no n.º 5 do artigo 12.º da Lei n.º 46/86,

Leia mais

EDITAL. Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico e de Português e História e Geografia de Portugal no 2º Ciclo de Ensino Básico

EDITAL. Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico e de Português e História e Geografia de Portugal no 2º Ciclo de Ensino Básico EDITAL 1. Torna-se publica a abertura de concurso para admissão aos Cursos de mestrado de habilitação para a docência da Escola Superior de Educação (ESE), do Instituto Politécnico de Viana do Castelo

Leia mais

Mestrado em Educação Pré-Escolar

Mestrado em Educação Pré-Escolar ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO Mestrado em Educação Pré-Escolar 24-06-2014 Instituto Politécnico de Setúbal Última atualização: 12/11/2013 Pág. 1 de 5 Mestrado em Educação Pré-Escolar 1. ENQUADRAMENTO DO

Leia mais

Diploma DRE. Capítulo I. Disposições gerais. Artigo 1.º. Objeto

Diploma DRE. Capítulo I. Disposições gerais. Artigo 1.º. Objeto Diploma Regula os concursos especiais para acesso e ingresso no ensino superior e procede à primeira alteração ao Decreto-Lei n.º 64/2006, de 21 de março, e ao Decreto-Lei n.º 36/2014, de 10 de março Decreto-Lei

Leia mais

EDITAL. Concurso de Acesso e Ingresso no Curso de Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho

EDITAL. Concurso de Acesso e Ingresso no Curso de Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho EDITAL Concurso de Acesso e Ingresso no Curso de Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho A Universidade dos Açores faz saber que está aberto concurso de acesso à Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho,

Leia mais

REGULAMENTO. Elaborado por: Aprovado por: Versão. Reitor. Conselho Cientifico 2.1

REGULAMENTO. Elaborado por: Aprovado por: Versão. Reitor. Conselho Cientifico 2.1 REGULAMENTO Provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência dos cursos de licenciatura e mestrado integrado para maiores de 23 anos de idade Elaborado por: Aprovado por:

Leia mais

Projeto de Regulamento dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso na Universidade de Coimbra

Projeto de Regulamento dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso na Universidade de Coimbra Projeto de Regulamento dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso na Universidade de Coimbra Preâmbulo Com a entrada em vigor da Portaria n.º 181-D/2015, de 19 de junho surge a necessidade

Leia mais

Regulamento Geral de Exames

Regulamento Geral de Exames Versão: 01 Data: 14/07/2009 Elaborado: Verificado: Aprovado: RG-PR12-07 Vice-Presidente do IPB Presidentes dos Conselhos Científicos das Escolas do IPB GPGQ Vice-Presidente do IPB Presidentes dos Conselhos

Leia mais

Despacho n.º /2015. Regulamento de Avaliação e Frequência dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais do Instituto Politécnico de Leiria

Despacho n.º /2015. Regulamento de Avaliação e Frequência dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais do Instituto Politécnico de Leiria Despacho n.º /2015 Regulamento de Avaliação e Frequência dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais do Instituto Politécnico de Leiria O Decreto-Lei n.º 43/2014, de 18 de março, procedeu à criação e

Leia mais

Normas regulamentares do Mestrado em Cultura e Comunicação

Normas regulamentares do Mestrado em Cultura e Comunicação Normas regulamentares do Mestrado em Cultura e Comunicação a) Regras sobre a admissão no ciclo de estudos I. Regulamento 1. Condições de natureza académica e curricular Podem candidatar se a este ciclo

Leia mais

REGULAMENTO DA UNIVERSIDADE LUSÍADA NORTE (PORTO)PARA ATRIBUIÇÃO DA BOLSA LUSÍADA PORTO DE CONHECIMENTO

REGULAMENTO DA UNIVERSIDADE LUSÍADA NORTE (PORTO)PARA ATRIBUIÇÃO DA BOLSA LUSÍADA PORTO DE CONHECIMENTO REGULAMENTO DA UNIVERSIDADE LUSÍADA NORTE (PORTO)PARA ATRIBUIÇÃO DA BOLSA LUSÍADA PORTO DE CONHECIMENTO Artigo 1.º Objecto O presente Regulamento prevê as regras para o concurso, apreciação e atribuição

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS NO INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DO OESTE

REGULAMENTO DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS NO INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DO OESTE REGULAMENTO DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS NO INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DO OESTE (Nos termos do Decreto-Lei n.º 74/2006, de 24 de março na redação dada pelo Decreto-Lei n.º 63/2016,

Leia mais

REGULAMENTO DAS PROVAS E CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO DOS MAIORES DE 23 ANOS

REGULAMENTO DAS PROVAS E CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO DOS MAIORES DE 23 ANOS PROVAS E CONCURSO ESPECIAL DE I Âmbito e disposições gerais 1. O presente regulamento estabelece as normas para a realização das provas especialmente adequadas à avaliação da capacidade para a frequência

Leia mais

Regulamento da Candidatura através dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso ou Transferência. Ano Letivo 2013/2014

Regulamento da Candidatura através dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso ou Transferência. Ano Letivo 2013/2014 Regulamento da Candidatura através dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso ou Transferência (Portaria nº401/2007, de 5 de abril) Ano Letivo 2013/2014 A Portaria nº401/2007, de 5 de abril, aprova o

Leia mais

REGIME MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO NO ENSINO SUPERIOR LICENCIATURAS ANO LETIVO 2016/2017

REGIME MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO NO ENSINO SUPERIOR LICENCIATURAS ANO LETIVO 2016/2017 REGIME MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO NO ENSINO SUPERIOR LICENCIATURAS ANO LETIVO 2016/2017 Mudança de par instituição/curso é o ato pelo qual um estudante se matricula e ou inscreve em par instituição/curso

Leia mais

REGULAMENTO DAS PROVAS ESPECIALMENTE ADEQUADAS DESTNADAS A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DE MAIORES DE 23 ANOS.

REGULAMENTO DAS PROVAS ESPECIALMENTE ADEQUADAS DESTNADAS A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DE MAIORES DE 23 ANOS. Regulamento Nos termos da lei e dos estatutos da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCT/UNL), procede-se à atualização do Regulamento das Provas Especialmente Adequadas

Leia mais

INSTITUTO DE GEOGRAFIA E ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO Regulamento dos regimes de Reingresso e Mudança de Par Instituição/ Curso

INSTITUTO DE GEOGRAFIA E ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO Regulamento dos regimes de Reingresso e Mudança de Par Instituição/ Curso INSTITUTO DE GEOGRAFIA E ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO Regulamento dos regimes de Reingresso e Mudança de Par Instituição/ Curso A Portaria nº 181-D/2015, de 19 de junho, aprova o Regulamento Geral dos Regimes

Leia mais

Cursos Técnico Superiores Profissionais

Cursos Técnico Superiores Profissionais Regulamento Cursos Técnico Superiores Profissionais (Regulamento Candidatura e Ingresso) Versão Data Alteração Ratificação 1.0 16-12-2014 Conselho Técnico Científico 2.0 07-11-2014 Adaptação ao D.L. 63/2016,

Leia mais

MESTRADOS. Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Gestão Estratégica das Relações Públicas.

MESTRADOS. Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Gestão Estratégica das Relações Públicas. MESTRADOS REGIME DE FREQUÊNCIA E AVALIAÇÃO GESTÃO ESTRATÉGICA DAS RELAÇÕES PÚBLICAS Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Gestão Estratégica das Relações

Leia mais

EDITAL. Licenciatura em Educação Básica: 4

EDITAL. Licenciatura em Educação Básica: 4 EDITAL Regime Especial de reingresso e mudança de par Instituição/Curso para candidatos aos ciclos de estudos da Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti (ESEPF) para o ano letivo de 2017/2018

Leia mais

EDITAL. CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO DO ESTUDANTE INTERNACIONAL Ano Letivo de 2016/2017

EDITAL. CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO DO ESTUDANTE INTERNACIONAL Ano Letivo de 2016/2017 EDITAL CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO DO ESTUDANTE INTERNACIONAL Ano Letivo de 2016/2017 Por delegação de competências do Presidente do Instituto Politécnico do Cávado e Ave, Agostinha Patrícia

Leia mais

1.º Condições para requerer a inscrição

1.º Condições para requerer a inscrição REGULAMENTO DAS PROVAS ESPECIALMENTE ADEQUADAS DESTINADAS A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DOS CURSOS SUPERIORES DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE VIANA DO CASTELO DOS MAIORES DE 23 ANOS Nos termos do

Leia mais

Regulamento dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais na Escola Superior de Actividades Imobiliárias

Regulamento dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais na Escola Superior de Actividades Imobiliárias Regulamento dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais na Escola Superior de Actividades Imobiliárias Disposições Gerais (Preâmbulo) O Decreto-Lei n.º 43/2014, de 18 de março, alterado pelo Decreto-Lei

Leia mais

EDITAL. 2. Vagas. 1/5 Pólo Maria Fernanda Resende. Serviços Centrais Avenida do Brasil, 53-B LISBOA Tel.: / Fax:

EDITAL. 2. Vagas. 1/5 Pólo Maria Fernanda Resende. Serviços Centrais Avenida do Brasil, 53-B LISBOA Tel.: / Fax: Concurso Especial dos Estudantes Aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos maiores de 23 anos.

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE VISEU REGULAMENTO DOS CURSOS DE LICENCIATURA

INSTITUTO POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE VISEU REGULAMENTO DOS CURSOS DE LICENCIATURA INSTITUTO POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE VISEU REGULAMENTO DOS CURSOS DE LICENCIATURA O artigo 14.º do Decreto-Lei n.º 74/2006, de 24 de março, alterado pelo Decreto-Lei

Leia mais

UNIVERSIDADE DOS AÇORES REITORIA

UNIVERSIDADE DOS AÇORES REITORIA Edital N.º 23/2017 Concurso de Acesso e Ingresso no mestrado em Sociologia A Universidade dos Açores faz saber que está aberto concurso de acesso ao mestrado em Sociologia, no polo de Ponta Delgada. 1.

Leia mais

UNIVERSIDADE DOS AÇORES REITORIA

UNIVERSIDADE DOS AÇORES REITORIA Edital N.º 26/2017 Concurso de Acesso e Ingresso no mestrado em Gestão de Turismo Internacional A Universidade dos Açores faz saber que está aberto concurso de acesso ao mestrado em Gestão de Turismo Internacional,

Leia mais

Normas regulamentares do Mestrado em Estudos Clássicos

Normas regulamentares do Mestrado em Estudos Clássicos a) Regras sobre a admissão no ciclo de estudos Normas regulamentares do Mestrado em Estudos Clássicos I. Regulamento 1. Condições de natureza académica e curricular Podem candidatar se a este ciclo de

Leia mais

3. Os prazos para candidatura, seleção, seriação, matrícula, inscrição e reclamação são os fixados no anexo 1;

3. Os prazos para candidatura, seleção, seriação, matrícula, inscrição e reclamação são os fixados no anexo 1; EDITAL 1. Faz-se público que estão abertas, candidaturas para a admissão ao Curso de Mestrado em Promoção e Educação para a Saúde, a iniciar no 1º semestre do ano letivo de 2016/2017, em organização conjunta

Leia mais

EDITAL CURSOS DE PÓS LICENCIATURA DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENFERMAGEM

EDITAL CURSOS DE PÓS LICENCIATURA DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENFERMAGEM EDITAL CURSOS DE PÓS LICENCIATURA DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENFERMAGEM Nos termos do disposto na Portaria nº 268/2002 publicada em Diário da República, I série-b, nº61 de 13 de março, faz-se público que está

Leia mais

Normas regulamentares do Mestrado em Filosofia

Normas regulamentares do Mestrado em Filosofia a) Regras sobre a admissão no ciclo de estudos Normas regulamentares do Mestrado em Filosofia I. Regulamento 1. Condições de natureza académica e curricular Podem candidatar se a este ciclo de estudos:

Leia mais

Preâmbulo. 1. É aprovado o Regulamento de Bolsa de Estudos do ISPT. 2. O presente Regulamento entra imediatamente em vigor.

Preâmbulo. 1. É aprovado o Regulamento de Bolsa de Estudos do ISPT. 2. O presente Regulamento entra imediatamente em vigor. Preâmbulo Tornando-se necessário regulamentar o processo de atribuição de Bolsas de Estudos à estudantes matriculados no Instituto Superior Politécnico de Tete (ISPT) e, no uso da competência que lhe é

Leia mais

EDITAL ANO LECTIVO 2017/2018 CONCURSOS ESPECIAIS

EDITAL ANO LECTIVO 2017/2018 CONCURSOS ESPECIAIS Publicite-se nos locais de estilo. 27/07/2017 Ana Luísa Fernandes Vice-Presidente do IPBeja EDITAL ANO LECTIVO 2017/2018 CONCURSOS ESPECIAIS Para ingresso em cursos de licenciatura destinados a Estudantes

Leia mais

IREI Politécnico d Guarda r,h,ntnk

IREI Politécnico d Guarda r,h,ntnk IREI Politécnico d Guarda r,h,ntnk EDITAL INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA REINGRESSO E REGIMES DE MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO EDIÇÃO 2016/2017 Constantino Mendes Rei, Presidente do Instituto Politécnico

Leia mais

Despacho N.º 31/2016

Despacho N.º 31/2016 Despacho N.º 31/2016 Assunto: Guia de candidatura das BOLSAS TOP Ouvido o Conselho Científico na sua reunião de 9 de setembro de 2016, foram aprovadas as alterações às bolsas em título e respetivo guia

Leia mais

Reitoria. Despacho RT-03/2017. É revogado o Despacho RT-2/2015, de 6 de janeiro de Publique-se em Diário da República.

Reitoria. Despacho RT-03/2017. É revogado o Despacho RT-2/2015, de 6 de janeiro de Publique-se em Diário da República. Reitoria Despacho RT-03/2017 Nos termos do D.L. nº 40/2007, de 20 de fevereiro, e ao abrigo do disposto no artigo 37º dos Estatutos da Universidade do Minho, aprovados pelo Despacho Normativo nº 14/2016,

Leia mais

Artigo 1.º Objeto e âmbito. Artigo 2.º Avaliação da capacidade para a frequência

Artigo 1.º Objeto e âmbito. Artigo 2.º Avaliação da capacidade para a frequência REGULAMENTO DO CONCURSO LOCAL PARA A MATRÍCULA E INSCRIÇÃO NO CICLO DE ESTUDOS CONDUCENTE AO GRAU DE LICENCIADO EM MÚSICA, MINISTRADO PELA ESCOLA SUPERIOR DE MÚSICA DE LISBOA, DO INSTITUTO POLITÉCNICO

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia e Gestão. Instituto Politécnico de Viseu REGULAMENTO ESPECÍFICO DO CURSO DE

Escola Superior de Tecnologia e Gestão. Instituto Politécnico de Viseu REGULAMENTO ESPECÍFICO DO CURSO DE Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Viseu REGULAMENTO ESPECÍFICO DO CURSO DE MESTRADO EM ENGENHARIA MECÂNICA E GESTÃO INDUSTRIAL 3ª edição 2011-2013 Nos termos do artigo 26.º

Leia mais

REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS CONDUCENTE AO GRAU DE MESTRE EM DESIGN GRÁFICO E PROJECTOS EDITORIAIS

REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS CONDUCENTE AO GRAU DE MESTRE EM DESIGN GRÁFICO E PROJECTOS EDITORIAIS REGULAMENTO DO CICLO DE ESTUDOS CONDUCENTE AO GRAU DE MESTRE EM DESIGN GRÁFICO E PROJECTOS EDITORIAIS Artigo 1º Criação 1- A Universidade do Porto (UP), através da Faculdade de Belas Artes (FBAUP), confere

Leia mais

UNIVERSIDADE DOS AÇORES REITORIA

UNIVERSIDADE DOS AÇORES REITORIA Edital N.º 20/2017 Concurso de Acesso e Ingresso na Pós-Graduação em E-Learning A Universidade dos Açores faz saber que está aberto concurso de acesso à Pós-Graduação em E-Learning, que funcionará totalmente

Leia mais

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Ciências do Desporto

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Ciências do Desporto UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Ciências do Desporto REGULAMENTO DO 2º CICLO DE ESTUDOS CONDUCENTES AO GRAU DE MESTRE EM CIÊNCIAS DO DESPORTO Artigo 1.º Criação A Universidade da Beira Interior,

Leia mais

Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo da Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário CRL - CESPU

Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo da Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário CRL - CESPU Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo da Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário CRL - CESPU SECÇÃO 1 CATEGORIAS E NÚMERO DE BOLSAS DE ESTUDO Artigo 1.º 1. A CESPU, CRL institui

Leia mais

REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO E CREDITAÇÃO DE COMPETÊNCIAS ACADÉMICAS E PROFISSIONAIS

REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO E CREDITAÇÃO DE COMPETÊNCIAS ACADÉMICAS E PROFISSIONAIS Página 1 de 6 Capítulo I Disposições Gerais Artigo 1.º (objeto e âmbito) 1. O presente regulamento fixa os procedimentos relativos à creditação de competências académicas e profissionais, nos termos da

Leia mais

EDITAL CURSO DE MESTRADO EM ENFERMAGEM

EDITAL CURSO DE MESTRADO EM ENFERMAGEM EDITAL CURSO DE MESTRADO EM ENFERMAGEM Nos termos do disposto no Decreto-Lei nº 107/2008 de 25 junho e do Despacho nº 1345/2010 publicado em Diário da República, II Série, Nº 13 de 20 de janeiro, faz-se

Leia mais

Reitoria. Universidade do Minho, 20 de Novembro de O Reitor, A. Guimarães Rodrigues

Reitoria. Universidade do Minho, 20 de Novembro de O Reitor, A. Guimarães Rodrigues Reitoria despacho RT-100/2007 Por proposta do Conselho Académico da Universidade do Minho, é homologado o Regulamento do Ciclo de Estudos Integrado Conducente à Obtenção do Grau de Mestre em Engenharia

Leia mais