Tabela de Procedimentos, OPM e Medicamento do SUS e apresentação. Leandro Manassi Panitz Consultor Técnico MS - Referência Técnica SIA/SUS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tabela de Procedimentos, OPM e Medicamento do SUS e apresentação. Leandro Manassi Panitz Consultor Técnico MS - Referência Técnica SIA/SUS"

Transcrição

1 Secretaria de Atenção à Saúde Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas Coordenação Geral de Sistema de Informação Tabela de Procedimentos, OPM e Medicamento do SUS e apresentação SIA/SUS dos procedimentos VISA Reunião de Trabalho do SNVS Monitoramento de Ações A e Recursos Financeiros de VISA Leandro Manassi Panitz Consultor Técnico MS - Referência Técnica SIA/SUS Maio / 2010

2 Sobre a Coordenação - CGSI Dentre as competências da Coordenação Geral de Sistema de Informação estão a gestão, acompanhamento e avaliação dos seguintes Sistemas de Informação em Saúde: SIGTAP: Sistema de Gerenciamento da Tabela de Procedimentos do SUS; SCNES: Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde; SIA: Sistema de Informações Ambulatoriais; - BPA-Mag: Boletim de Procedimentos Ambulatoriais Magnético. - APAC-Mag: Autorização de Procedimentos Ambulatoriais Magnética. - FPO-Mag: Ficha de Programação Orçamentária Magnética. - DEPARA: Cadastro DE SCNES PARA SIA/SUS SIHD: Sistema de Informações Hospitalares; - SISAIH01: Registro das Internação Hospitalares do SUS; - CIH: Comunicação de Internação Hospitalar; TRANSMISSOR: de Remessas SIA SIH CNES SIAB SAMU

3 TABELA DE PROCEDIMENTOS

4 O SIGTAP O SIGTAP é o Sistema de Gerenciamento da Tabela de Procedimentos, OPM e Medicamentos do SUS. Foi implementada em janeiro de 2008, unificando as tabelas de procedimentos ambulatoriais e hospitalares dos sistemas SIA e SIH. Pode ser acessado no endereço web: Existem duas maneira de consultar os procedimentos cadastrados no SIGTAP: Consulta on-line na página do SIGTAP. Download do SIGTAP Desktop. Aplicativo multi-plataforma que permite a consulta dos procedimentos cadastrados sem necessidade de conexão a internet. Ambos permitem a consulta da Tabela de Procedimentos do SUS por competência desde janeiro de 2008.

5 O SIGTAP Área para baixar o aplicativo Área de consulta On-Line

6 O SIGTAP Módulo de Consulta: Consultando os procedimentos da Vigilância Sanitária Todos Procedimentos iniciados por código

7 O SIGTAP Atualmente os procedimentos da VISA cadastrados na Tabela de Procedimentos do SUS, são: 15 Procedimentos Financiamento: Vigilância em Saúde Sem valor definido no SIGTAP

8 O SIGTAP Exemplo de atributos dos procedimentos da VISA cadastrados no SIGTAP:

9 FLUXO DE APRESENTAÇÃO

10 APRESENTAÇÃO AMBULATORIAL Os procedimentos da VISA serão registrados eletronicamente por meio do aplicativo de captação de atendimentos ambulatoriais: BPA-Mag Boletim de Produção Ambulatorial Magnético. Estes procedimentos serão registrados por meio do BPA-Mag como modalidade de registro BPA-C Boletim de Produção Ambulatorial Consolidado. Esta modalidade permite o registro agregado por procedimento e quantidade realizada, sendo que para muitos procedimentos ambulatoriais exige também a informação de idade e CBO. Posteriormente este BPA-C será exportado para o SIA/SUS Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS. Este é o sistema que processa todas as apresentações ambulatoriais de Atenção Básica, Média e Alta Complexidade gerando arquivo para compor o banco de dados nacional dos atendimentos ambulatoriais.

11 O SIA/SUS Sistema de Informação Ambulatorial (SIA) foi implantado nacionalmente na década de noventa, visando o registro dos atendimentos realizados no âmbito ambulatorial, por meio do Boletim de Produção Ambulatorial (BPA). Ao longo dos anos, o SIA vem sendo aprimorado para ser efetivamente um sistema que gere informações referentes ao atendimento ambulatorial e que possa subsidiar os gestores estaduais e municipais no monitoramento dos processos de planejamento, programação, regulação, avaliação e controle dos serviços de saúde, na área ambulatorial. As informações extraídas do SIA são utilizadas como um importante instrumento de gestão, subsidiando, assim, as ações de planejamento, programação, regulação, avaliação, controle e auditoria da assistência ambulatorial. Além disto: subsidia os processos da Programação Pactuada Integrada (PPI); fornece informações que possibilitem o acompanhamento e a análise da evolução dos gastos referentes à assistência ambulatorial; oferece subsídios para avaliação quantitativa e qualitativa das ações de saúde.

12 FLUXO DE APRESENTAÇÃO

13 FLUXO VISA MUNICIPAL MINISTÉRIO SAÚDE GESTOR DE SAÚDE SIGTAP VIGILÂNCIA SANITÁRIA MUNICIPAL Registro dos procedimentos VISA GESTOR DE SAÚDE MUNICIPAL Processamento tipo PAB ou TOTAL SCNE S FPO MINISTÉRIO SAÚDE DATASUS BDSIA BPA-Mag DEPARA BPA-C SIA/SUS VERSIA DTS BASE NACIONAL

14 FLUXO VISA ESTADUAL MINISTÉRIO SAÚDE GESTOR DE SAÚDE SIGTAP VIGILÂNCIA SANITÁRIA ESTADUAL Registro dos procedimentos VISA GESTOR DE SAÚDE ESTADUAL Processamento tipo MAC SCNE S FPO MINISTÉRIO SAÚDE DATASUS BDSIA BPA-Mag DEPARA BPA-C SIA/SUS VERSIA DTS BASE NACIONAL

15 FLUXO MUNICIPAL ESTADUAL MUNICIPAL ESTADUAL VISA Municipal registrará os procedimentos em BPA e enviará para o Controle Avaliação da SMS. Todas SMS importam BPA mensalmente para processar o SIA municipal, seja processamento PAB ou PAB/MAC. A VISA ou a SMS deverá manter atualizado: - O CNES do gestor com serviço VISA. - A FPO contendo os procedimentos apresentados e seus respectivos quantitativos atualizados, para aprovação no SIA. VISA Estadual e Controle Avaliação da SES devem definir qual o fluxo do BPA registrado. Algumas SES não importam BPA e APAC a nível estadual, apenas consolidam a produção das CRS. A VISA ou a SES deverá manter atualizado: - O CNES do gestor com serviço VISA. - A FPO contendo os procedimentos apresentados e seus respectivos quantitativos atualizados, para aprovação no SIA.

16 PREPARANDO O APLICATIVO BPA-Mag

17 REGISTRO DOS PROCEDIMENTOS ARQUIVOS NECESSÁRIOS PARA APRESENTAÇÃO VISA Tabela de Procedimentos do SUS: contém procedimentos VISA BDSIA (BDSIAaaaammv.EXE) versão mês ano Boletim de Produção Ambulatorial: apresentar os procedimentos VISA BPA-Mag (BPAvvv.EXE) versão

18 Para baixar o BPA-Mag 1) Entrar em 2) Clicar em exibe tela de download 3) Instalar Firebird (como aplicativo) 4) Instalar BPA (em c:\datasus\bpa)

19 Para baixar o BDSIA 1) Entrar em exibe tela de download 2) Clicar em 3) Clicar na versão desejada do BDSIA (salvar em c:\datasus\bpa)

20 PROCESSAMENTO VISA 1) Entrar em c:\datasus\bpa 2) Clicar no BDSIA 3) Teclar Y para todos

21 O BPA Magnético Tela de inicio MESTRE A usuário e senha padrão

22 O BPA Magnético Tela principal BDSIA competência versão

23 INFORMAÇÃO DO GESTOR

24 IMPORTA TABELA SIA

25 REGISTRO DOS PROCEDIMENTOS

26 Formulário de BPA Consolidado

27 Registro dos procedimentos VISA

28 Registro dos procedimentos VISA Código CNES da SES ou SMS Começa em 001 Cod. VISA NÃO NÃO Qnt

29 Exportação para SIA/SUS Encaminha este arquivo para o Controle e Avaliação da SMS ou SES.

30 ORÇAMENTO PARA PROCESSAMENTO NO SIA/SUS

31 FPO Magnética usuário e senha padrão MESTRE A

32 FPO Magnética

33 FPO Magnética

34 FPO Magnética

35 FPO Magnética Estabelecimento de vigilância sanitária

36 PROCESSAMENTO AMBULATORIAL

37 SIA/SUS

38 SIA/SUS

39 MANUAIS: INSTALAÇÃO/OPERAÇÃO NA PÁGINA DO SIA/SUS ESTÃO DISPONÍVEIS OS MANUAIS DE TODOS OS SISTEMAS AMBULATORIAIS. MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL TÉCNICO OPERACIONAL

40 COMO ENCONTRAR OS RESPONSÁVEIS TÉCNICOS SES/SMS SIA E CNES

41 RESPONSÁVEIS TÉCNICOS 1

42 RESPONSÁVEIS TÉCNICOS 2 3

43 RESPONSÁVEIS TÉCNICOS 4

44 DISSEMINAÇÃO DA INFORMAÇÃO SIA/SUS

45 DISSEMINAÇÃO SIA/SUS A disseminação da Informação Ambulatorial SIA/SUS é disponibilizada pelo DATASUS de duas formas: TABWIN: Tabulador de dados para Windows, onde é possível consultar as informações do SIA/SUS ao utilizá-lo com as definições para consulta de produção ambulatorial TABSIA. TABNET: Tabulador de dados para internet, onde pode-se consultar as informações do SIA/SUS sem a necessidade de instalação ou download de arquivos. O acesso é feito na página do DATASUS, onde esta plataforma de tabulação permite a consulta de diversas informações em saúde, indicadores sanitários, informações sociais e demográficas.

46 DISSEMINAÇÃO SIA/SUS

47 DISSEMINAÇÃO SIA/SUS

48 DISSEMINAÇÃO SIA/SUS

49 Secretaria de Atenção à Saúde Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas Coordenação Geral de Sistema de Informação Tabela de Procedimentos, OPM e Medicamento do SUS e apresentação SIA/SUS dos procedimentos VISA Reunião de Trabalho do SNVS Monitoramento de Ações A e Recursos Financeiros de VISA Leandro Manassi Panitz Consultor Técnico MS/Referência Técnica SIA/SUS (61)

Ministério da Saúde. Sistemas de Informação em Saúde

Ministério da Saúde. Sistemas de Informação em Saúde Secretaria de Atenção à Saúde Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas Coordenação Geral de Sistemas de Informação /MS Sistemas de Informação em Saúde Setembro 2011 [ Organograma do

Leia mais

MANUAL TÉCNICO OPERACIONAL SIA/SUS SISTEMA DE INFORMAÇÕES AMBULATORIAIS

MANUAL TÉCNICO OPERACIONAL SIA/SUS SISTEMA DE INFORMAÇÕES AMBULATORIAIS MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL TÉCNICO OPERACIONAL SIA/SUS SISTEMA DE INFORMAÇÕES AMBULATORIAIS

Leia mais

Monitoramento Laboratório Regional de Prótese Dentária

Monitoramento Laboratório Regional de Prótese Dentária MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL Monitoramento Laboratório Regional de Prótese Dentária Passo a Passo: Monitoramento Laboratório

Leia mais

CGSI/DRAC/SAS/MS SISRCA

CGSI/DRAC/SAS/MS SISRCA Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas Coordenação Geral de Sistemas de Informação CGSI/DRAC/SAS/MS SISRCA - Sistema de Regulação,

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA

MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA Versão 1.0 Confeccionado utilizando

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO SIA/SUS SISTEMA DE INFORMAÇÕES AMBULATORIAIS

MANUAL DE INSTALAÇÃO SIA/SUS SISTEMA DE INFORMAÇÕES AMBULATORIAIS MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO SIA/SUS SISTEMA DE INFORMAÇÕES AMBULATORIAIS

Leia mais

Oficinas Estaduais de Monitoramento dos LRPD

Oficinas Estaduais de Monitoramento dos LRPD MINISTÉRIO DA SAÚDE COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL Oficinas Estaduais de Monitoramento dos LRPD Patrícia Tiemi Cawahisa Consultora Técnica MINISTÉRIO DA SAÚDE COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL Oficinas

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO BPA

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO BPA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO BPA Boletim de Produção Ambulatorial MANUAL DE OPERAÇÃO DO

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL. Monitoramento da produção de próteses dentárias

MINISTÉRIO DA SAÚDE COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL. Monitoramento da produção de próteses dentárias MINISTÉRIO DA SAÚDE COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL Monitoramento da produção de próteses dentárias 2015 2004 Política Nacional de Saúde Bucal Ações de promoção, prevenção, recuperação e manutenção da

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA

MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Atenção Domiciliar e Atenção Psicossocial MANUAL DE OPERAÇÃO

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA

MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÃO DO SISTEMA Versão 1.0 BRASÍLIA, DISTRITO

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL NOTA TÉCNICA

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL NOTA TÉCNICA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL NOTA TÉCNICA ASS: Credenciamento e repasse de recursos para os Laboratórios Regionais de

Leia mais

Diário Oficial Imprensa Nacional

Diário Oficial Imprensa Nacional Diário Oficial Imprensa Nacional Nº 228 29/11/11 Seção 1 - p.98 MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE PORTARIA Nº 804, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2011 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL BRASÍLIA - DF

Leia mais

Câmara Técnica de Vigilância em Saúde/Departamento de Vigilância Sanitária Abril 2011.

Câmara Técnica de Vigilância em Saúde/Departamento de Vigilância Sanitária Abril 2011. INSTRUTIVO PARA PREENCHIMENTO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA NO SIA/SUS ADAPTADO PARA O ESTADO DO PARANÁ. Câmara Técnica de Vigilância em Saúde/Departamento de Vigilância Sanitária Abril 2011. 1 1.

Leia mais

Circular 0132/2000 São Paulo, 14 de Abril de 2000.

Circular 0132/2000 São Paulo, 14 de Abril de 2000. [fesehf/cabecalho.htm] Circular 0132/2000 São Paulo, 14 de Abril de 2000. Administrador(a) Faturamento Assunto: PORTARIAS DO MINISTÉRIO DA SAÚDE Prezado(a) Senhor(a), O Ministério da Saúde faz publicar

Leia mais

Passos para importar CNES no Sistema com CDS

Passos para importar CNES no Sistema com CDS e-sus AB Sistema com Coleta de Dados Simplificada - CDS Passos para importar CNES no Sistema com CDS Maio/2013 1 Por que importar o CNES? A importação do CNES deve ser o primeiro passo a ser realizado

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE AÇÕES EM SAÚDE SEÇÃO DE SAÚDE BUCAL

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE AÇÕES EM SAÚDE SEÇÃO DE SAÚDE BUCAL ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE AÇÕES EM SAÚDE SEÇÃO DE SAÚDE BUCAL MANUAL PARA SISTEMA DE INFORMAÇÃO EM SAÚDE BUCAL DO SUS PORTO ALEGRE Julho 2007 1- APRESENTAÇÃO Este

Leia mais

Manual de Operação SISRCA. Módulo Captação do Atendimento

Manual de Operação SISRCA. Módulo Captação do Atendimento Manual de Operação SISRCA Módulo Captação do Atendimento Versão Alfa 1.9 04-04-2013 SUMÁRIO GLOSSÁRIO... 3 1. APRESENTAÇÃO... 4 1.1. INFORMAÇÕES RELEVANTES... 4 2. VISÃO GERAL DO SISTEMA... 5 3. INSTALANDO

Leia mais

MANUAL DA PROGRAMAÇÃO FÍSICO ORÇAMENTÁRIA AMBULATORIAL FPO

MANUAL DA PROGRAMAÇÃO FÍSICO ORÇAMENTÁRIA AMBULATORIAL FPO MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA DO MINISTÉRIO DA SAÚDE/DATASUS Fpomag.exe

Leia mais

Escrito por Joao Doerr Qui, 19 de Dezembro de 2013 14:28 - Última atualização Qui, 19 de Dezembro de 2013 14:30

Escrito por Joao Doerr Qui, 19 de Dezembro de 2013 14:28 - Última atualização Qui, 19 de Dezembro de 2013 14:30 1- Quando será implantado o SISRCA? Resposta: O SISRCA não é um sistema é um conceito de organização dos sistemas do DRAC. Vários sistemas compõem o SISRCA. Os módulos do Cadastro Nacional de Estabelecimentos

Leia mais

CIH01. Comunicação de Internação Hospitar. Manual de Instalação e Administração. Versão do produto: 4.0.1.1. Edição do documento: 1.

CIH01. Comunicação de Internação Hospitar. Manual de Instalação e Administração. Versão do produto: 4.0.1.1. Edição do documento: 1. CIH01 Comunicação de Internação Hospitar Manual de Instalação e Administração Versão do produto: 4.0.1.1 Edição do documento: 1.0 Agosto de 2008 MS - SE - DATASUS CIH01 Comunicação de Internação Hospitar

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR SAF SUL Qd. 02, Bl. E/F, Ed. Premium Torre II Auditório Sala 05 Telefone: (61) 3315 9052

Leia mais

Comunicado aos usuários do TabWin rede SMS 02/08/2010. Conheça as mudanças no TabWin rede SMS

Comunicado aos usuários do TabWin rede SMS 02/08/2010. Conheça as mudanças no TabWin rede SMS Comunicado aos usuários do TabWin rede SMS 02/08/2010 Informamos que o aplicativo para tabulação de dados TabWin, gerenciado e disponibilizado pela SMS/CEInfo desde 2002, está sendo reestruturado e transferido

Leia mais

Assunto: Mudanças trazidas pela Portaria GM/MS 475/2014

Assunto: Mudanças trazidas pela Portaria GM/MS 475/2014 NOTA ORIENTATIVA 01/2014 GCOOR/GGCOF Assunto: Mudanças trazidas pela Portaria GM/MS 475/2014 (Planejamento e Programação, Pactuação, Prestação de Contas e Monitoramento para fins de repasse financeiro)

Leia mais

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2008/prt1559_01_08_2008.html

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2008/prt1559_01_08_2008.html Página 1 de 5 ADVERTÊNCIA Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial da União Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 1.559, DE 1º DE AGOSTO DE 2008 Institui a Política Nacional

Leia mais

Ministério da Saúde. Comunicação de Informação Hospitalar e Ambulatorial CIHA

Ministério da Saúde. Comunicação de Informação Hospitalar e Ambulatorial CIHA Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas Coordenação Geral de Sistemas de Informação CGSI/ Comunicação de Informação Hospitalar e Ambulatorial

Leia mais

Qualidade da Informação no Serviço de Auditoria em Saúde

Qualidade da Informação no Serviço de Auditoria em Saúde Qualidade da Informação no Serviço de Auditoria em Saúde Auditoria e Monitoramento dos Sistemas de Informação do SUS 1- O que é Auditoria 2- Objetivos e formas 3- Base Legal O que é Auditoria É a denominação

Leia mais

Resumo de Auditoria. 1- Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro. - Auditoria realizada em Fevereiro e entrega do Relatório em Maio.

Resumo de Auditoria. 1- Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro. - Auditoria realizada em Fevereiro e entrega do Relatório em Maio. Resumo de Auditoria 1- Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro Inspeção Ordinária nº 565/2014 Objetivo: Avaliação da adequação da contratação de serviços de saúde pela municipalidade ao modelo proposto

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE REGULAÇÃO, AVALIAÇÃO E CONTROLE COORDENAÇÃO-GERAL DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Sistema de Informação do Câncer SISCAN 16 de Setembro 2015

Leia mais

Manual de Operação SISRCA. Módulo Captação do Atendimento

Manual de Operação SISRCA. Módulo Captação do Atendimento Manual de Operação SISRCA Módulo Captação do Atendimento Versão Alfa 1.10 29-07-2013 SUMÁRIO GLOSSÁRIO... 3 1. APRESENTAÇÃO... 4 1.1. INFORMAÇÕES RELEVANTES... 4 2. VISÃO GERAL DO SISTEMA... 5 3. INSTALANDO

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE BRASÍLIA/DF -2006- MANUAL

MINISTÉRIO DA SAÚDE BRASÍLIA/DF -2006- MANUAL MINISTÉRIO DA SAÚDE BRASÍLIA/DF -2006- MANUAL MS/SAS/DRAC/CGSI COORDENAÇÃO GERAL DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Atenção à Saúde - SAS Departamento de Regulação, Avaliação

Leia mais

CMD - Conjunto Mínimo de Dados da Atenção à Saúde

CMD - Conjunto Mínimo de Dados da Atenção à Saúde CMD - Conjunto Mínimo de Dados da Atenção à Saúde MDH - Minimum Dataset Healthcare SISRCA - Sistema de Regulação Controle e Avaliação Projeto para modernização das bases de dados essenciais e dos sistemas

Leia mais

CIHA. CIHA 01 e CIHA 02. Manual de Instalação

CIHA. CIHA 01 e CIHA 02. Manual de Instalação CIHA CIHA 01 e CIHA 02 Manual de Instalação Versão do produto: CIHA 01 1.0.4.3 e CIHA 02 1.0.4.4 Edição do documento: 1.1 Abril de 2015 Série A. Normas e Manuais Técnicos MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria

Leia mais

REGULAÇÃO EM SAÚDE NO SUS. Marília Louvison 2011 mariliacpl@gmail.com

REGULAÇÃO EM SAÚDE NO SUS. Marília Louvison 2011 mariliacpl@gmail.com REGULAÇÃO EM SAÚDE NO SUS Marília Louvison 2011 mariliacpl@gmail.com Regulação em saúde Macro função da gestão Pacto de gestão: Regionalização Colegiado de Gestão Regional Blocos de Financiamento Planejamento

Leia mais

SISTEMAS INTERFACEADOS COM O SISREG

SISTEMAS INTERFACEADOS COM O SISREG SISTEMAS INTERFACEADOS COM O SISREG CADSUS WEB CNES SIGTAP SIA - BPA Médico Regulador Unidade Solicitante Central de Regulação Unidade Executante Secretarias Municipais de Saúde ou similares Estabelecimentos

Leia mais

NOTA TÉCNICA PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DO e-sus AB Outubro/2014

NOTA TÉCNICA PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DO e-sus AB Outubro/2014 NOTA TÉCNICA PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DO e-sus AB Outubro/2014 Recomendações do TelessaúdeRS/UFRGS e SES-RS sobre o uso do SIA, SIAB e/ou SISAB durante o processo de implantação do e-sus AB Atualmente,

Leia mais

REGULAMENTO OPERACIONAL DA CENTRAL DE REGULAÇÃO CENTRAL DE CONSULTAS E EXAMES ESPECIALIZADOS

REGULAMENTO OPERACIONAL DA CENTRAL DE REGULAÇÃO CENTRAL DE CONSULTAS E EXAMES ESPECIALIZADOS REGULAMENTO OPERACIONAL DA CENTRAL DE REGULAÇÃO CENTRAL DE CONSULTAS E EXAMES ESPECIALIZADOS Aprovado através da Resolução nº 06/CMS/2010, de 09 de março de 2010, Ananindeua PA Capítulo I DO CADASTRAMENTO

Leia mais

NOTA TÉCNICA 33 2012

NOTA TÉCNICA 33 2012 NOTA TÉCNICA 33 2012 Proposta de regulamentação da base nacional de dados das ações e serviços do Componente Básico da Assistência Farmacêutica no SUS Assembleia do CONASS de 17 outubro de 2012 Brasília,

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Secretária de Gestão Estratégica e Participativa da Saúde SGEP. Coordenação de Desenvolvimento dos Sistemas de Saúde - CDESS

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Secretária de Gestão Estratégica e Participativa da Saúde SGEP. Coordenação de Desenvolvimento dos Sistemas de Saúde - CDESS MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretária de Gestão Estratégica e Participativa da Saúde SGEP Coordenação de Desenvolvimento dos Sistemas de Saúde - CDESS Departamento de Informática do SUS - DATASUS Manual operacional

Leia mais

Pacientes Permite o cadastro de pacientes seguindo o modelo do Cartão SUS, compartilhando esse registro com o cadastro geral de pessoas.

Pacientes Permite o cadastro de pacientes seguindo o modelo do Cartão SUS, compartilhando esse registro com o cadastro geral de pessoas. Sistema de gestão em saúde para o acompanhamento do atendimento do paciente, pelas unidades básicas, pronto atendimento, estratégia saúde da família e ações ambulatoriais de saúde. Com o isaúde é possível

Leia mais

SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA DE PROCEDIMENTOS, MEDICAMENTOS, ÓRTESES, PRÓTESES E MATERIAIS ESPECIAIS DO SUS - SIGTAP

SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA DE PROCEDIMENTOS, MEDICAMENTOS, ÓRTESES, PRÓTESES E MATERIAIS ESPECIAIS DO SUS - SIGTAP 13º - AUDHOSP SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA DE PROCEDIMENTOS, MEDICAMENTOS, ÓRTESES, PRÓTESES E MATERIAIS ESPECIAIS DO SUS - SIGTAP CAROLINA LUCENA Coordenação Geral dos Sistemas de Informação Departamento

Leia mais

PASSO A PASSO PARA INSTALAÇÃO DO E-SUS E DIGITAÇÃO DAS FICHAS DO PSE

PASSO A PASSO PARA INSTALAÇÃO DO E-SUS E DIGITAÇÃO DAS FICHAS DO PSE ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA PASSO A PASSO PARA INSTALAÇÃO DO E-SUS E DIGITAÇÃO DAS FICHAS DO PSE 1º Passo Acesse o Portal

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO GERAL DE SAÚDE BUCAL

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO GERAL DE SAÚDE BUCAL MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO GERAL DE SAÚDE BUCAL ASS: Cadastro e repasse de recursos para os Laboratórios Regionais de Próteses Dentárias

Leia mais

INFORMAÇÕES RELEVANTES...

INFORMAÇÕES RELEVANTES... SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1. INFORMAÇÕES RELEVANTES... 3 2. VISÃO GERAL DO SISTEMA... 4 2.1. AUTENTICAÇÃO NO SISTEMA... ERROR! BOOKMARK NOT DEFINED. 3. INSTALANDO O MÓDULO RAAS-AD DESKTOP... 6 4.

Leia mais

Guia Operacional Básico do Sistema de Informação da Atenção Básica - SIAB

Guia Operacional Básico do Sistema de Informação da Atenção Básica - SIAB MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO-GERAL DE ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E PARTICIPATIVA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA

Leia mais

Grupo de Trabalho da PPI. Política Estadual para Contratualização de Hospitais de Pequeno Porte HPP

Grupo de Trabalho da PPI. Política Estadual para Contratualização de Hospitais de Pequeno Porte HPP Grupo de Trabalho da PPI Política Estadual para Contratualização de Hospitais de Pequeno Porte HPP 29 de março de 2011 Considerando: O processo de regionalização dos Municípios, que objetiva a organização

Leia mais

TUTORIAL DE USO DO BUSINESS INTELLIGENCE (BI) PARA O HÓRUS-ESPECIALIZADO

TUTORIAL DE USO DO BUSINESS INTELLIGENCE (BI) PARA O HÓRUS-ESPECIALIZADO MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos Departamento de Assistência Farmacêutica Coordenação Geral do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica TUTORIAL

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS RELATÓRIO DE GESTÃO / SARGSUS

PRESTAÇÃO DE CONTAS RELATÓRIO DE GESTÃO / SARGSUS MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E PARTICIPATIVA Departamento de Articulação Interfederativa PRESTAÇÃO DE CONTAS RELATÓRIO DE GESTÃO / SARGSUS Brasília, Julho de 2013 Planejamento do

Leia mais

PASSO A PASSO PARA A EXECUÇÃO DOS PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS ELETIVOS.

PASSO A PASSO PARA A EXECUÇÃO DOS PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS ELETIVOS. PASSO A PASSO PARA A EXECUÇÃO DOS PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS ELETIVOS. Este documento tem por objetivo orientar Estados, Distrito Federal e Municípios como proceder no planejamento dos procedimentos Cirúrgicos

Leia mais

INSTRUTIVO PARA UTILIZAÇÃO DO MÓDULO DE INVESTIGAÇÃO DE MORTE MATERNA

INSTRUTIVO PARA UTILIZAÇÃO DO MÓDULO DE INVESTIGAÇÃO DE MORTE MATERNA INSTRUTIVO PARA UTILIZAÇÃO DO MÓDULO DE INVESTIGAÇÃO DE MORTE MATERNA PARTE I Acesso ao módulo on line Geração de listagens Digitação de fichas com a síntese da investigação I.a Acesso ao SIM: Para acessar

Leia mais

CARTÃO NACIONAL DE SAÚDE

CARTÃO NACIONAL DE SAÚDE CARTÃO NACIONAL DE SAÚDE Apresentação: Maurício Bucciolli Guernelli Coordenador Geral DATASUS/SGEP/MS Ministério da Saúde/SGEP/DATASUS - Brasília/DF CARTÃO NACIONAL DE SAÚDE CADSUS WEB CADSUS Stand Alone

Leia mais

SCNES. Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde. Manual de Instalação e Administração. Versão do produto: 2.2.73

SCNES. Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde. Manual de Instalação e Administração. Versão do produto: 2.2.73 SCNES Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde Manual de Instalação e Administração Versão do produto: 2.2.73 Edição do documento: 3.0 Fevereiro de 2009 SCNES Sistema de Cadastro Nacional

Leia mais

Oficinas Estaduais de Monitoramento dos LRPD

Oficinas Estaduais de Monitoramento dos LRPD MINISTÉRIO DA SAÚDE COORDENAÇÃO-GERAL DE SAÚDE BUCAL Oficinas Estaduais de Monitoramento dos LRPD Patrícia Tiemi Cawahisa Consultora Técnica 2004 Política Nacional de Saúde Bucal Ações de promoção, prevenção,

Leia mais

SIPESQ Sistema de Pesquisas da PUCRS

SIPESQ Sistema de Pesquisas da PUCRS SIPESQ Sistema de Pesquisas da PUCRS Abril de 2014 Versão 1 Página 1 de 17 Apresentação O Sistema de Pesquisas da PUCRS (SIPESQ) tem por objetivo fazer o mapeamento das estruturas e projetos de pesquisa

Leia mais

Apresentação Anterior

Apresentação Anterior Apresentação Anterior Apresentação Anterior Apresentação Anterior CMD - Conjunto Mínimo de Dados da Atenção à Saúde MDH - Minimum Dataset Healthcare Projeto para modernização das bases de dados essenciais

Leia mais

Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Economia da Saúde e Desenvolvimento

Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Economia da Saúde e Desenvolvimento 1 Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Economia da Saúde e Desenvolvimento I Congresso Informação de Custos e Qualidade do Gasto no Setor Público Oficina II Informação de Custo para

Leia mais

CURSO SISTEMA TABWIN APENAS PARA AFILIADOS FEMIPA!!!

CURSO SISTEMA TABWIN APENAS PARA AFILIADOS FEMIPA!!! CURSO SISTEMA TABWIN APENAS PARA AFILIADOS FEMIPA!!! PÚBLICO ALVO: Profissionais na área de saúde: administradores, gestores de saúde e demais profissionais que trabalhem com informações de Saúde. APRESENTAÇÃO:

Leia mais

Prestadores do SUS devem ser contratados;

Prestadores do SUS devem ser contratados; Prestadores do SUS devem ser contratados; Respeitar: Princípios e Diretrizes do SUS : regionalização, pactuação, programação, parâmetros de cobertura assistencial e a universalidade do acesso. Contratualização

Leia mais

Institui o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES).

Institui o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO DOU de 05/10/2015 (nº 190, Seção 1, pág. 669) Institui o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso das atribuições

Leia mais

Ilustração 3 Tela de Acesso ao Sistema - SIG-RHS. Ilustração 4 Tela de Manutenção dos Usuários - Login - SIG-RHS

Ilustração 3 Tela de Acesso ao Sistema - SIG-RHS. Ilustração 4 Tela de Manutenção dos Usuários - Login - SIG-RHS Ilustração 3 Tela de Acesso ao Sistema - SIG-RHS Ilustração 4 Tela de Manutenção dos Usuários - Login - SIG-RHS 32 M A N U A L I N S T R U T I V O D O S S I S T E M A S Q U E C O M P Õ E M O I N F O R

Leia mais

Matérias selecionadas do DOU de 05 de novembro de2007

Matérias selecionadas do DOU de 05 de novembro de2007 Conteúdo: SEÇÃO 1...2 PORTARIA No- 2.831, DE 1o- DE NOVEMBRO DE 2007...2 PORTARIA No- 2.834, DE 1o- DE NOVEMBRO DE 2007...4 PORTARIA No- 2.835, DE 1o- DE NOVEMBRO DE 2007...5 PORTARIA Nº 600, DE 1o- DE

Leia mais

INTEROPERABILIDADE SISTEMAS-SUS. Ministério da Saúde/SGEP/DATASUS - Brasília/DF JULHO 2014

INTEROPERABILIDADE SISTEMAS-SUS. Ministério da Saúde/SGEP/DATASUS - Brasília/DF JULHO 2014 INTEROPERABILIDADE SISTEMAS-SUS Ministério da Saúde/SGEP/DATASUS - Brasília/DF JULHO 2014 Interoperabilidade de Sistemas de Informação Habilidade de distintos sistemas de informação interagirem e intercambiarem

Leia mais

PORTARIA Nº 1.097 DE 22 DE MAIO DE 2006.

PORTARIA Nº 1.097 DE 22 DE MAIO DE 2006. PORTARIA Nº 1.097 DE 22 DE MAIO DE 2006. Define o processo da Programação Pactuada e Integrada da Assistência em Saúde seja um processo instituído no âmbito do Sistema Único de Saúde. O MINISTRO DE ESTADO

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS DE COMO FATURAR PROCEDIMENTOS DE TFD

ORIENTAÇÕES BÁSICAS DE COMO FATURAR PROCEDIMENTOS DE TFD ORIENTAÇÕES BÁSICAS DE COMO FATURAR PROCEDIMENTOS DE TFD Os procedimentos de Tratamento Fora do Domicilio são registrados no sistema de BPA Boletim de Produção Ambulatorial, de forma Individualizada, conforme

Leia mais

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado - Faturamento SUS. 11.8.x. março de 2015. Versão: 2.0

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado - Faturamento SUS. 11.8.x. março de 2015. Versão: 2.0 TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado - Faturamento SUS 11.8.x março de 2015 Versão: 2.0 1 Sumário 1 Objetivos... 4 2 Introdução... 4 3 Cadastros... 5 3.1 Cadastro de Convênio SUS... 5 3.2 Cadastro

Leia mais

CNRAC. Médico Regulador do Hospital Consultor Manual de Operação. Versão do produto: 1.0. Edição do documento: 1.0 Setembro de 2008 MS - SE - DATASUS

CNRAC. Médico Regulador do Hospital Consultor Manual de Operação. Versão do produto: 1.0. Edição do documento: 1.0 Setembro de 2008 MS - SE - DATASUS CNRAC Médico Regulador do Hospital Consultor Manual de Operação Versão do produto: 1.0 Edição do documento: 1.0 Setembro de 2008 CNRAC Médico Regulador do Hospital Consultor Manual de Operação Versão do

Leia mais

O COAP na perspectiva da gestão da Vigilância em Saúde. Sonia Brito Secretaria de Vigilância em Saúde

O COAP na perspectiva da gestão da Vigilância em Saúde. Sonia Brito Secretaria de Vigilância em Saúde O COAP na perspectiva da gestão da Vigilância em Saúde Sonia Brito Secretaria de Vigilância em Saúde Decreto 7.508/11 Regulamenta a Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, para dispor sobre a organização

Leia mais

SECRETARIA DE SAÚDE SECRETARIA EXECUTIVA DE COORDENAÇÃO GERAL DIRETORIA GERAL DE PLANEJAMENTO - GERÊNCIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E PARTICIPATIVA

SECRETARIA DE SAÚDE SECRETARIA EXECUTIVA DE COORDENAÇÃO GERAL DIRETORIA GERAL DE PLANEJAMENTO - GERÊNCIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E PARTICIPATIVA NOTA TÉCNICA 07/13 RELATÓRIO ANUAL DE GESTÃO - RAG ORIENTAÇÕES GERAIS Introdução O Planejamento é um instrumento de gestão, que busca gerar e articular mudanças e aprimorar o desempenho dos sistemas de

Leia mais

AME. Levando mais saúde para o cidadão. Junho 2009. PROCERGS - Centro de Soluções em Governo Eletrônico. Prêmio CONIP de Excelência

AME. Levando mais saúde para o cidadão. Junho 2009. PROCERGS - Centro de Soluções em Governo Eletrônico. Prêmio CONIP de Excelência PROCERGS - Centro de Soluções em Governo Eletrônico AME Levando mais saúde para o cidadão Prêmio CONIP de Excelência Categoria: Administração Pública Eficiente e Eficaz - Aplicações Voltadas para o Cidadão

Leia mais

INFORMAÇÕES RELEVANTES...

INFORMAÇÕES RELEVANTES... SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1. INFORMAÇÕES RELEVANTES... 3 2. VISÃO GERAL DO SISTEMA... 4 3. INSTALANDO O MÓDULO RAAS-AD DESKTOP... 6 4. INSTALANDO O MÓDULO RAAS-AD MOBILE... 7 5. ACESSANDO E UTILIZANDO

Leia mais

Índice. Brasil Profissionalizado SIMEC/DTI/MEC 2

Índice. Brasil Profissionalizado SIMEC/DTI/MEC 2 Índice 1. Prefácio... 2 2. Requisitos Mínimos... 3 3. Como acessar o SIMEC... 4 4. Solicitando cadastro... 5 5. A Estrutura do Módulo... 7 6. Instruções Gerais... 8 6.1. Diagnóstico/BRASIL PROFISSIONALIZADO...9

Leia mais

Apresentação E&L ERP. Agendamento. Interbase. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação E&L ERP. Agendamento. Interbase. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 E&L ERP Gestão da Saúde P Agendamento Interbase Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: Com o crescente número de pessoas que utilizam os serviços de saúde, cresceu também a necessidade

Leia mais

Nova Plataforma Tecnológica. Barramento/Cartão SUS. XXVII CONGRESSO DE SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO 05 a 08 de Março de 2013

Nova Plataforma Tecnológica. Barramento/Cartão SUS. XXVII CONGRESSO DE SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO 05 a 08 de Março de 2013 Nova Plataforma Tecnológica A construção atual feita pelo DATASUS: Barramento/Cartão SUS XXVII CONGRESSO DE SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO 05 a 08 de Março de 2013 Principais ações

Leia mais

CIH01. Comunicação de Internação Hospitalar. Manual de Operação. Versão do produto: 4.0.1.1. Edição do documento: 1.0 Agosto de 2008 MS - SE - DATASUS

CIH01. Comunicação de Internação Hospitalar. Manual de Operação. Versão do produto: 4.0.1.1. Edição do documento: 1.0 Agosto de 2008 MS - SE - DATASUS CIH01 Comunicação de Internação Hospitalar Manual de Operação Versão do produto: 4.0.1.1 Edição do documento: 1.0 Agosto de 2008 CIH01 Comunicação de Internação Hospitalar Manual de Operação Versão do

Leia mais

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário

Portal dos Convênios - SICONV. Inclusão e Envio de Proposta. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - SICONV Inclusão e Envio de Proposta Manual

Leia mais

O e-sus AB no Ceará. COSEMS - Fortaleza 08 de maio de 2015

O e-sus AB no Ceará. COSEMS - Fortaleza 08 de maio de 2015 O e-sus AB no Ceará COSEMS - Fortaleza 08 de maio de 2015 e-saúde e o SUS Reestruturação dos sistemas de informação em saúde do MS em busca de um SUS eletrônico: Cartão Nacional de Saúde e-sus Hospitalar

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL FPO-MAG.

MANUAL OPERACIONAL FPO-MAG. MANUAL OPERACIONAL FPO-MAG. Arquivo : FRM-GESAM-FPO-001-ManualFPOMAG.doc Modelo: FRM-GPSL-PDS-001/004-25/06/2004 Pág.: 1/19 FPO-Magnetico PT SAS/MS no. 496, de 30/06/2006, flexibiliza a Programação Fisico-Orçamentaria

Leia mais

www.aluminiocba.com.br Manual do Usuário Certificação

www.aluminiocba.com.br Manual do Usuário Certificação Manual do Usuário Certificação Manual do Usuário - Certificação Versão 1.0 Página 2 CBA Online Manual do Usuário Certificação Versão 1.1 19 de maio de 2004 Companhia Brasileira de Alumínio Departamento

Leia mais

CADSUS. Simplificado Multiplataforma Manual de Operação. Índice. Versão do produto: 1.0. Edição do documento: 1.0 Maio de 2008 MS - SE - DATASUS

CADSUS. Simplificado Multiplataforma Manual de Operação. Índice. Versão do produto: 1.0. Edição do documento: 1.0 Maio de 2008 MS - SE - DATASUS Índice CADSUS Simplificado Multiplataforma Manual de Operação Versão do produto: 1.0 Edição do documento: 1.0 Maio de 2008 i Índice CADSUS Simplificado Multiplataforma Manual de Operação Versão do produto:

Leia mais

Ajuda da pesquisa acerca da Governança de TI da Administração Pública Federal

Ajuda da pesquisa acerca da Governança de TI da Administração Pública Federal Ajuda da pesquisa acerca da Governança de TI da Administração Pública Federal 1. Há planejamento institucional em vigor? Deverá ser respondido SIM caso o Órgão/Entidade possua um planejamento estratégico

Leia mais

SISAB SISTEMA DE INFORMAÇÃO EM SAÚDE E ATENÇÃO BÁSICA

SISAB SISTEMA DE INFORMAÇÃO EM SAÚDE E ATENÇÃO BÁSICA Manual Prático Resumido de Instalação, Configuração e Uso dos Sistemas e-sus CDS (Coleta de Dados Simplificado), e-sus PEC (Prontuário Eletrônico do Cidadão) e e-sus PEC Centralizador (Centralizador de

Leia mais

SI-AIU SISTEMA DE APURAÇÂO DE IMUNOBIOLÓGICOS UTILIZADOS

SI-AIU SISTEMA DE APURAÇÂO DE IMUNOBIOLÓGICOS UTILIZADOS MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA COORDENAÇÃO GERAL DO PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÕES MS / - Departamento de Informática do SUS SIPPS - Equipe

Leia mais

PORTARIA Nº 196, DE 6 DE FEVEREIRO DE 2012

PORTARIA Nº 196, DE 6 DE FEVEREIRO DE 2012 PORTARIA Nº 196, DE 6 DE FEVEREIRO DE 2012 Aprova a diretriz para acompanhamento e tratamento de pacientes portadores de implantes mamários das marcas PIP (Poly Implants Prothèse) e ROFIL e inclui procedimentos

Leia mais

Inventário dos Sistemas de Informações em Saúde - SUS Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo

Inventário dos Sistemas de Informações em Saúde - SUS Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo SIVVA SIVISA SIASUS SIHSUS SISPRENATAL SINAN CNES TBWeb SISRH Inventário dos Sistemas de Informações em Saúde - SUS Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo GSS SISCOLO SINASC SI-PNI/API CIH Hospub SIOPS

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÃO EM SAÚDE

SISTEMA DE INFORMAÇÃO EM SAÚDE 1 SISTEMA DE INFORMAÇÃO EM SAÚDE Conceito: Como em qualquer outra atividade, no setor saúde a informação deve ser entendida como um redutor de incertezas, um instrumento para detectar focos prioritários,

Leia mais

Nutrição e dietética:

Nutrição e dietética: O sistema permite o cadastro de vários almoxarifados, e controla os estoques separadamente de cada um, bem como o cadastro de grupos de estocagem, visando o agrupamento dos insumos estocáveis, classificados

Leia mais

Sistema Integrado de Planejamento Orçamento e Finanças

Sistema Integrado de Planejamento Orçamento e Finanças Sistema Integrado de Planejamento Orçamento e Índice SIMEC Página 02 de10 Guia Rápido Solicitando Cadastro...4 Alterando a Chave de Acesso...6 Navegação...7 Índice de Figuras Fig. 1 Tela Inicial...4 Fig.

Leia mais

Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde PORTARIA Nº 511, DE 27 DE NOVEMBRO DE 2010

Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde PORTARIA Nº 511, DE 27 DE NOVEMBRO DE 2010 Ministério da Saú Secretaria Atenção à Saú PORTARIA Nº 511, DE 27 DE NOVEMBRO DE 2010 O Secretário Atenção à Saú, no uso suas atribuições, Consirando a Lei Nº 9.434, 04 fevereiro 1997, que dispõe sobre

Leia mais

Como a Tecnologia pode democratizar o acesso à saúde

Como a Tecnologia pode democratizar o acesso à saúde Como a Tecnologia pode democratizar o acesso à saúde Smartcity Business América 2015 Curitiba PR Brazil Maio de 2015 Sociedades Inteligentes e Governaça Airton Coelho, MsC, PMP Secretário de Ciência e

Leia mais

SCP - Sistema de Controle de Processo

SCP - Sistema de Controle de Processo SCP - Sistema de Controle de Processo Módulo PTS Versão do produto: 1.0 Edição do documento: Julho de 2010 Série A. Normas e Manuais Técnicos MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria Executiva Departamento de Informática

Leia mais

MINISTERIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO ESPECIALIZADA COORDENAÇÃO-GERAL DE ATENÇÃO HOSPITALAR

MINISTERIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO ESPECIALIZADA COORDENAÇÃO-GERAL DE ATENÇÃO HOSPITALAR MINISTERIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO ESPECIALIZADA COORDENAÇÃO-GERAL DE ATENÇÃO HOSPITALAR Cartilha A B C do HPP 2005 Ministério da Saúde É permitida a reprodução parcial

Leia mais

1.1 Objetivo 1 1.2 Características 1

1.1 Objetivo 1 1.2 Características 1 Introdução 1. INTRODUÇÃO 1 1.1 Objetivo 1 1.2 Características 1 2. AUTORIZAÇÃO DE ACESSO A SISTEMA 2 2.1 Endereço WEB do SCPA Módulo Sistema 2 2.2 Pré-requisitos para acesso: 2 2.3 Tela inicial: 3 2.4

Leia mais

PORTARIA Nº 876/GM, DE 16 DE MAIO DE 2013. p. DOU, Seção1, de 17.5.2013, págs. 135/136

PORTARIA Nº 876/GM, DE 16 DE MAIO DE 2013. p. DOU, Seção1, de 17.5.2013, págs. 135/136 PORTARIA Nº 876/GM, DE 16 DE MAIO DE 2013 p. DOU, Seção1, de 17.5.2013, págs. 135/136 Dispõe sobre a aplicação da Lei nº 12.732, de 22 de novembro de 2012, que versa a respeito do primeiro tratamento do

Leia mais

Decreto N 7.508 de 28/06/11 Regulamentando a Lei N 8.080 de 19/09/90

Decreto N 7.508 de 28/06/11 Regulamentando a Lei N 8.080 de 19/09/90 Decreto N 7.508 de 28/06/11 Regulamentando a Lei N 8.080 de 19/09/90 Cesar Vieira cesarvieira@globo.com Reunião do CA/IBEDESS 12 de julho de 2011 Principais Conteúdos Organização do SUS Planejamento da

Leia mais

SCNES - Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde

SCNES - Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde Ministério da Saúde Secretária Executiva Departamento de Informática do SUS SCNES - Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde Manual de Operação Versão 1.0 M 01 Rio de Janeiro 2006 GARANTIAS

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 883, DE 5 DE JULHO DE 2010

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 883, DE 5 DE JULHO DE 2010 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 883, DE 5 DE JULHO DE 2010 Regulamenta o Decreto nº 7.082, de 27 de janeiro de 2010, que institui o Programa Nacional de Reestruturação

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA SIGPLAN - ELABORAÇÃO DA FASE QUALITATIVA DO PPA 2008-2011

MANUAL DO SISTEMA SIGPLAN - ELABORAÇÃO DA FASE QUALITATIVA DO PPA 2008-2011 MANUAL DO SISTEMA SIGPLAN - ELABORAÇÃO DA FASE QUALITATIVA DO PPA 2008-2011 O trabalho faz a diferença. Manaus, maio de 2007. Manual de Operação do Sistema de Informações Gerenciais e de Planejamento -

Leia mais

Portal dos Convênios SICONV. Execução Cotação Eletrônica de Preços. Entidades Privadas sem Fins Lucrativos. Manual do Usuário

Portal dos Convênios SICONV. Execução Cotação Eletrônica de Preços. Entidades Privadas sem Fins Lucrativos. Manual do Usuário MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios SICONV Execução Cotação Eletrônica de Preços

Leia mais

i) APRESENTAÇÃO ------------------------------------------------- 03 ii) IMPLANTAÇÃO DO e-sus AB ------------------------------------ 04

i) APRESENTAÇÃO ------------------------------------------------- 03 ii) IMPLANTAÇÃO DO e-sus AB ------------------------------------ 04 VERSÃO 1.3.09 ÍNDICE i) APRESENTAÇÃO ------------------------------------------------- 03 ii) IMPLANTAÇÃO DO e-sus AB ------------------------------------ 04 iii) FICHA DE ATIVIDADE COLETIVA --------------------------------

Leia mais