DIÁRIO OFICIAL Nº de 18/01/2010

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIÁRIO OFICIAL Nº. 31587 de 18/01/2010"

Transcrição

1 DIÁRIO OFICIAL Nº de 18/01/2010 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA AOS SERVIDORES DO ESTADO Republicação da resolução n 04 de 21 de dezembro de 2009 Número de Publicação: RESOLUÇÃO Nº 04 DE 21 DE DEZEMBRO DE O PRESIDENTE CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DO INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES DO ESTADO DO PARÁ IASEP, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E CONSIDERANDO, a análise apontada da Nota Técnica - IASEP, referente ao estudo sobre o reajuste de itens da Lista Referencial do IASEP; CONSIDERANDO, a necessidade do IASEP adotar valores próximos aos praticados no mercado de saúde suplementar no Estado do Pará; CONSIDERANDO, a indicação dos dados do exercício de Janeiro a Outubro de 2009, propício ao realinhamento de preços; CONSIDERANDO a decisão do Conselho de Administração tomada em sua reunião nesta data; R E S O L V E: Art. 1º HOMOLOGAR, em conformidade com o Anexo Único desta Resolução, o reajuste da Lista Referencial do IASEP 2009, com base na disponibilidade orçamentária. Art. 2º RATIFICAR, a execução orçamentária, com homologação da suplementação de orçamento no ano de Art. 4. A presente Resolução entrará em vigor a partir a partir desta data. Wilson Modesto Figueiredo Presidente do Conselho de Administração do IASEP

2 ANEXO ÚNICO Lista Referencial do IASEP 2009 PROCEDIMENTO CONSULTAS MÉDICAS CH/VALOR PRAZO ATENDIMENTO AMBULATORIAL R$ 38,00 01/12/2009 CONSULTAS DE SOBREAVISO R$ 45,00 01/10/2009 CONSULTAS DE URGÊNCIA R$ 30,00 01/10/2009 VISITA HOSPITALAR R$ 35,00 01/11/2009 TRATAMENTO SEQUENCIAL - - FONOTERAPIA R$ 30,00 01/10/2009 PSICOTERAPIA R$ 30,00 01/10/2009 ACUPUNTURA R$ 35,00 01/10/2009 TERAPIA OCUPACIONAL R$ 20,00 01/01/2010 ORIENTAÇÃO NUTRIÇÃO R$ 30,00 01/01/2010 FISIOTERAPIA 0,27 01/10/2009 FISIO REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL R$ 25,00 01/01/2010 HEMODIÁLISE 0,27 01/03/2010 QUIMIOTERAPIA 0,27 01/03/2010 HONORÁRIOS MÉDICOS PARA A REALIZAÇÃO DE - - APOIO DIAGNÓSTICO 0,30 01/12/2009 PROCEDIMENTOS AMBULATORIAIS 0,30 01/12/2009 PROCEDIMENTOS CIRURGICO 0,30 01/05/2010 OUTROS PROCED. HOSPITALAR 0,30 01/05/2010 DIAGNÓSTICO P/ IMAGEM 0,28 01/03/2010 EXAMES LABORATORIAIS - - ANÁLISES CLÍNICAS BÁSICAS 0,28 01/05/2010

3 OUTROS EXAMES DE ANÁLISES CLÍNICAS 0,30 01/05/2010 SERVIÇOS DIÁRIAS % TAXAS % PRAZO DIARIAS E TAXAS GRUPO A 12% 10% 01/11/2009 DIARIAS E TAXAS GRUPO B e B1 16% 8% 01/11/2009 DIARIAS E TAXAS - GRUPO C 20% 6% 01/11/2009 PACOTES PROCEDIMENTOS DE ENDOSCOPIA VALOR (R$) BRONCOSCOPIA AMB. 520,00 BRONCOSCOPIA HOS 493,50 COLANGIOPANCREATOGRAFIA RETROGRADA 2.750,00 COLANGIOPANCREATOGRAFIA RETROGRADA PAPILOTOMIA ENDOSCÓPICA 2.750,00 COLONOSCOPIA C/ BIOPSIA 285,00 COLONOSCOPIA S/ BIOPSIA 245,00 ENDOSCOPIA DIGESTIVA ALTA C/ BIOPSIA 185,00 ENDOSCOPIA DIGESTIVA ALTA S/ BIOPSIA 140,00 PROCEDIMENTOS HISTEROSCÓPICO - HISTEROSCOPIA CIR. C/ RESSECTOSCOPIA P/ MIOMECTOMIA 440,00 HISTEROSCOPIA CIRÚRGICA PARA BIOPSIA 400,00 HISTEROSCOPIA DIAGNOSTICA 253,00 PROCEDIMENTOS UROLÓGICOS - BIOPSIA DE PROSTATA 151,00 BIOPSIA ENDOSCÓPICA 176,00 CISTOLITOTRIPSIA TRANSCISTOSCÓPICA MECÂNICA 1.000,00 CITOSCOPIA E/ OU URETROSCOPIA 61,00

4 CORPO ESTRANHO OU CÁLCULO - EXTRAÇÃO ENDOSCÓPICA 173,00 DILATAÇÃO URETRAL 52,00 DRENAGEM DE ABSCESSO 61,00 ELETROCOAGULAÇÃO DE LESÕES CUTÂNEAS 75,00 ESTUDO URODINAMICO 125,00 EXERESE DE CISTO 90,00 IMPLANTE DE PROTESE URETERAL 425,00 NEFROLITOTRIPSIA EXTERNA P/ONDAS DE CHOQUE (outras sessões) 374,00 NEFROLITOTRIPSIA EXTERNA P/ONDAS DE CHOQUE (sessão inicial) 748,00 POSTECTOMIA 195,00 URETEROLITOTRIPSIA EXTERNA POR ONDAS DE CHOQUE (outras sessões) 374,00 URETEROLITOTRIPSIA EXTERNA POR ONDAS DE CHOQUE (sessão inicial) 748,00 URETEROLITOTRIPSIA TRANSURETEROSCÓPICA P/ONDAS DE CHOQUE (p/ vídeo) 1.000,00 URETROTOMIA INTERNA TEMPO CIRÚRGICO 305,00 URODINAMICA COMPLETA 125,00 PROCEDIMENTOS PARA CIRURGIAS DE VIDEOLAPAROSCÓPICAS - COLECISTECTOMIA COM COLANGIOGRAFIA 986,00 COLECISTECTOMIA SEM COLANGIOGRAFIA 905,00 CIRURGIA DO REFLUXO GASTROESOFÁGICO 986,00 VIDEOARTROSCOPIA SIMPLES 1.533,50 VIDEOARTROSCOPIA COM RECONSTRUÇÃO LIGAMENTAR 2.764,50 PROCEDIMENTOS PARA CIRURGIA OFTALMOLÓGICA VALOR (R$) CALASIO 88,00 CIRUR. PTERIGIO C/ PLAST. CONJUTIVA 310,00 CIRURGIA ANTIGLAUCOMATOSA 660,00 EXERESE DE PTERIGIO 220,00 FACECTOMIA C/ LIO C/ FACOEMULSIFICAÇÃO 1.300,00 FACECTOMIA COM IMPLANTE DE LIO 990,00

5 FACECTOMIA COM IMPLANTE DE LIO + ANTIGLAUCOMATOSA 1.100,00 PROCEDIMENTOS GASTROENTEROLÓGICOS - BIOFEEDBACK (SESSÃO) 86,40 MANOMETRIA ANORETAL 324,00 MANOMETRIA ESOFÁGICA 378,00 PHMETRIA DE UM CANAL 486,00 PHMETRIA DE DOIS CANAIS 810,00 PROCEDIMENTOS PARA CIRURGIA DE OBESIDADE MÓRBIDA - OBSIDADE MÓRBIDA 5.125,00 PROCEDIMENTOS CARDIOLÓGICOS ANGIOPLASTIA CORONARIANA COM DOIS (02) STENT ,00 ANGIOPLASTIA CORONARIANA COM UM (01) STENT 9.180,00 ANGIOPLASTIA CORONARIANA SEM STENT 6.120,00 CATETERISMO DIAGNÓSTICO 1.760,00 ESTUDO ELETROFISIOLÓGICO ABLAÇÃO EXAME TERAPÊUTICO ,00 ESTUDO ELETROFISIOLÓGICO EXAME DIAGNÓSTICO 7.140,00 IMPLANTE DE MARCAPASSO 1.650,00 PROCEDIMENTOS ALÉRGICOS - TESTES ALÉRGICOS CUTÂNEOS IMEDIATOS 132,00 TESTES DE CONTATO 26,40 TESTES DE CONTATO COM FOTOSENSIBILIZAÇÃO 46,20 DEMAIS PROCEDIMENTOS - ANGIO TC 1.000,00 VITRECTOMIA POSTERIOR 5.000,00

6 LISTA REFERENCIAL DO IASEP ASSISTENCIA HOSPITALAR GRUPO A CÓDIGO PROCEDIMENTOS ATENDIMENTO DE URGÊNCIA/EMERGÊNCIA TRATAMENTO CLÍNICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CIRÚRGICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CLÍNICO TRATAMENTO CIRURGICO ELETIVO MATERIAIS MEDICAMENTOS GASOTERAPIA CÓDIGO HONORÁRIOS MÉDICOS UNID VALOR R$ VISITA HOSPITALAR Unid. 35, CONSULTA DE URGÊNCIA Unid. 30,00 CONSULTA DE SOBREAVISO Unid. 45,00 CÓDIGO 1 DIÁRIAS UNID VALOR R$ Enfermaria Dia 110, Meia Diária 12 h 55, U.T.I. Dia 357, Berçário Patológico Dia 0,00 2 TAXAS DE SALA CÓDIGO TAXAS DE SALA - CENTRO CIRÚRGICO UNID VALOR R$ Porte 0 Uso 41, Porte 1 Uso 99, Porte 2 Uso 134, Porte 3 Uso 198,00

7 Porte 4 Uso 221, Porte 5 Uso 250, Porte 6 Uso 396, Porte 7 Uso 489, Sala de Endoscopia c/ Anestesiologista Uso 99,00 CÓDIGO 2.2 OUTRAS TAXAS DE SALA UNID VALOR R$ Sala Ambulatorial/Tratamento Cirúrgico/Gesso Uso 41, Sala de Observação e Repouso 6 h 29, Sala de Endoscopia Sessão 29, Sala de Hemodinâmica Uso 443, Sala de Quimioterapia com Bomba de Infusão Sessão 107, Sala de Diálise Sessão 132,00 CÓDIGO 3 - TAXA DE USO DE EQUIPAMENTO UNID VALOR R$ Bomba de Infusão externo de UTI/C. Cirúrgico Dia 45, Microscópio Cirúrgico Uso 83, Respirador de Pressão/Volume externo de UTI/C. Cirúrgico Uso 4, Equipamento de Laparoscopia Uso 115, Equipamento de Vídeo Uso 145,20 CÓDIGO 4 TAXAS DE SERVIÇOS UNID VALOR R$ Curativo Ambulatorial Pequeno Unid. 7, Curativo Ambulatorial Médio Unid. 9, Curativo Ambulatorial Grande Unid. 13, Curativo Ambulatorial Especial Unid. 15, Fototerapia Dia 33,00

8 Irrigação Contínua Dia 9, Lavagem Gástrica Ambulatorial Sessão 12, Lavagem Intestinal Ambulatorial Sessão 12,10 CÓDIGO 5 - GASOTERAPIA UNID VALOR R$ Aerosol c/ medicação s/ oxigênio Sessão 3, Aerosol c/ medicação c/ oxigênio Sessão 3, Oxigênio sob cateter Hora 8, Oxigênio sob pressão Hora 28, Protóxido de azoto/óxido Nitroso Hora 35,00 Obs: Gás Carbônico/Dióxido de Carbono Uso 30,00 1. CODIGOS ESTABELECIDOS PELO IASEP ; 2 DO FILME R$ 21,70 2. VALOR DO M 3. TAXA DE SALA DE GESSO: será remunerado quando o procedimento realizar-se-á em sala especial e compreende colocação e a retirada do aparelho, utilização de equipamentos e serviços técnicos. 4. Lista Referencial do IASEP: Rol de Procedimentos/Remuneração conforme as Disposições gerais LISTA REFERENCIAL DO IASEP ASSITENCIA HOSPITALAR - GRUPO B CÓDIGO PROCEDIMENTOS ATENDIMENTO DE URGÊNCIA/EMERGÊNCIA TRATAMENTO CLÍNICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CIRÚRGICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CLÍNICO TRATAMENTO CIRURGICO ELETIVO MATERIAIS MEDICAMENTOS

9 GASOTERAPIA CÓDIGO HONORÁRIOS MEDICOS VALOR R$ VISITA HOSPITALAR 35, CONSULTA DE URGÊNCIA 30,00 CONSULTA DE SOBREAVISO 45,00 NOMENCLATURA CÓDIGO 1 - DIÁRIAS Enfermaria Dia 102, Meia Diária 12 h 51, U.T.I. Dia 319, Berçário Patológico Dia 71,05 2 TAXAS DE SALA CÓDIGO TAXAS DE SALA - CENTRO CIRÚRGICO Porte 0 Uso 34, Porte 1 Uso 84, Porte 2 Uso 135, Porte 3 Uso 169, Porte 4 Uso 183, Porte 5 Uso 201, Porte 6 Uso 318, Porte 7 Uso 392, Sala de Endoscopia c/ anestesiologista Uso 97,20 CÓDIGO 2.2 OUTRAS TAXAS DE SALA Sala Ambulatorial/Tratamento Cirúrgico /Gesso Uso 34, Sala de Observação e Repouso 6 h 27, Sala de Endoscopia Sessão 24, Sala de Hemodinâmica Uso 354, Sala de Quimioterapia com Bomba de Infusão Sessão 84, Sala de Diálise Sessão 115,56

10 CÓDIGO 3 - TAXA DE USO DE EQUIPAMENTO Bomba de Infusão externo de UTI e C. Cirúrgico Dia 44, Microscópio Cirúrgico Uso 82, Respirador Pressão/Volume externo de UTI/C. Cirúrgico Uso 4, Equipamento de Laparoscopia Uso 111, Equipamento de Vídeo Uso 140,40 CÓDIGO 4 - TAXA DE SERVIÇOS Curativo Ambulatorial Pequeno Unid. 7, Curativo Ambulatorial Médio Unid. 9, Curativo Ambulatorial Grande Unid. 13, Curativo Ambulatorial Especial Unid. 15, Fototerapia Dia 33, Irrigação Contínua Dia 9, Lavagem Gástrica - Ambulatorial Sessão 12, Lavagem Intestinal - Ambulatorial Sessão 12,10 CÓDIGO 5 - GASOTERAPIA Aerosol c/ medicação s/ oxigênio Sessão 3, Aerosol c/ medicação c/ oxigênio Sessão 3, Oxigênio sob cateter Hora 8, Oxigênio sob pressão Hora 28, Protóxido de azoto/óxido Nitroso Hora 35, Gás Carbônico/Dióxido de Carbono Uso 30,00 Obs: 1. CODIGOS ESTABELECIDOS PELO IASEP 2. VALOR DO M2 DO FILME R$ 21,70 3. TAXA DE SALA DE GESSO: será remunerado quando o procedimento realizar-se-á em sala especial e compreende colocação e a retirada do aparelho, utilização de equipamentos e serviços técnicos. 4. Lista Referencial do IASEP: Rol de Procedimentos/Remuneração conforme as Disposições gerais

11 LISTA REFERENCIAL DO IASEP ASSITENCIA HOSPITALAR - GRUPO B1 CÓDIGO PROCEDIMENTOS ATENDIMENTO DE URGÊNCIA/EMERGÊNCIA TRATAMENTO CLÍNICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CIRÚRGICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CLÍNICO TRATAMENTO CIRURGICO ELETIVO MATERIAIS MEDICAMENTOS GASOTERAPIA CÓDIGO HONORÁRIOS MEDICOS VALOR R$ VISITA HOSPITALAR 35, CONSULTA DE URGÊNCIA 30,00 CONSULTA DE SOBREAVISO 45,00 NOMENCLATURA CÓDIGO 1 - DIÁRIAS Enfermaria Dia 71, Meia Diária 12 h 35, U.T.I. Dia 225, Berçário Patológico Dia 38,28 2 TAXAS DE SALA CÓDIGO TAXAS DE SALA - CENTRO CIRÚRGICO Porte 0 Uso 25, Porte 1 Uso 62, Porte 2 Uso 102, Porte 3 Uso 123, Porte 4 Uso 140,40

12 Porte 5 Uso 157, Porte 6 Uso 247, Porte 7 Uso 303, Sala de Endoscopia c/ anestesiologista Uso 62,64 CÓDIGO 2.2 OUTRAS TAXAS DE SALA Sala Ambulatorial / Tratamento Cirúrgico / Gesso Uso 27, Sala de Observação e Repouso 6 h 18, Sala de Endoscopia Sessão 21, Sala de Hemodinâmica Uso 273, Sala de Quimioterapia com Bomba de Infusão Sessão 62, Sala de Diálise Sessão 101,52 CÓDIGO 3 - TAXA DE USO DE EQUIPAMENTO Bomba de Infusão externo de UTI e C. Cirúrgico Dia 44, Microscópio Cirúrgico Uso 81, Respirador Pressão/Volume externo de UTI/C. Cirúrgico Uso 4, Equipamento de Laparoscopia Uso 111, Equipamento de Vídeo Uso 140,40 CÓDIGO 4 - TAXA DE SERVIÇOS Curativo Ambulatorial Pequeno Unid. 7, Curativo Ambulatorial Médio Unid. 9, Curativo Ambulatorial Grande Unid. 13, Curativo Ambulatorial Especial Unid. 15, Fototerapia Dia 33, Irrigação Contínua Dia 9, Lavagem Gástrica - Ambulatorial Sessão 12, Lavagem Intestinal - Ambulatorial Sessão 12,10 CÓDIGO 5 - GASOTERAPIA

13 Aerosol c/ medicação s/ oxigênio Sessão 3, Aerosol c/ medic13ação c/ oxigênio Sessão 3, Oxigênio sob cateter Hora 8, Oxigênio sob pressão Hora 28, Protóxido de azoto/óxido Nitroso Hora 35, Gás Carbônico/Dióxido de Carbono Uso 30,00 Obs: 1. OS CODIGOS ESTABELECIDOS PELO IASEP 2. VALOR DO M2 DO FILME R$ 21,70 3. TAXA DE SALA DE GESSO: será remunerado quando o procedimento realizar-se-á em sala especial e compreende colocação e a retirada do aparelho, utilização de equipamentos e serviços técnicos. 4. Lista Referencial do IASEP: Rol de Procedimentos/Remuneração conforme as Disposições gerais LISTA REFERENCIAL DO IASEP ASSITENCIA HOSPITALAR - GRUPO C CÓDIGO PROCEDIMENTOS ATENDIMENTO DE URGÊNCIA/EMERGÊNCIA TRATAMENTO CLÍNICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CIRÚRGICO APÓS PRONTO ATENDIMENTO TRATAMENTO CLÍNICO TRATAMENTO CIRURGICO ELETIVO MATERIAIS MEDICAMENTOS GASOTERAPIA CÓDIGO HONORÁRIOS MÉDICOS VALOR R$ VISITA HOSPITALAR 35, CONSULTA DE URGÊNCIA 30,00

14 CONSULTA SOBREAVISO 45,00 CODIGO 1- DIÁRIAS Enfermaria Dia 48, Meia Diaria 12 h 24, UTI Adulto, Pediatria e Neo-natal Dia 147, Berçário Patológico Dia 25,20 2 TAXAS DE SALA CODIGO TAXAS DE SALA - CENTRO CIRÚRGICO Porte 0 Uso 20, Porte 1 Uso 50, Porte 2 Uso 93, Porte 3 Uso 100, Porte 4 Uso 112, Porte 5 Uso 129, Sala de Endoscopia c/ anestesiologista Uso 49,82 CODIGO 2.2 OUTRAS TAXAS DE SALA Sala Ambulatorial / Tratamento /Cirúrgico / Gesso Uso 25, Sala de Observação e Repouso 6h 14, Sala de Endoscopia Uso 19, Sala de Quimioterapia Sessão 49, Sala de Diálise Sessão 80,65 CÓDIGO 3 - TAXAS DE USO DE EQUIPAMENTO Bomba de Infusão externo de UTI e C. Cirúrgico Dia 42,40

15 Microscópio Cirúrgico Uso 77, Respirador Pressão/Volume externo de UTI/C. Cirúrgico Uso 4, Equipamento de Laparoscopia Uso 107, Equipamento de Vídeo Uso 134,62 CÓDIGO 4 TAXAS DE SERVIÇOS Curativo Ambulatorial Pequeno Unid. 7, Curativo Ambulatorial Médio Unid. 9, Curativo Ambulatorial Grande Unid. 13, Curativo Ambulatorial Especial Unid. 15, Fototerapia Dia 33, Irrigação Contínua Dia 9, Lavagem Gástrica - Ambulatorial Sessão 12, Lavagem Intestinal - Ambulatorial Sessão 12,10 CÓDIGO 5- GASOTERAPIA Aerosol c/ medicação s/ oxigênio Sessão 3, Aerosol c/ medicação c/ oxigênio Sessão 3, Oxigênio sob cateter Hora 8, Oxigênio sob pressão Hora 28, Protóxido de azoto/óxido Nitroso Hora 35, Gás Carbônico/Dióxido de Carbono Uso 30,00 Obs: 1. CODIGOS ESTABELECIDOS PELO IASEP 2. VALOR DO M2 DO FILME R$ 21,70 3. TAXA DE SALA DE GESSO: será remunerado quando o procedimento realizar-se-á em sala especial e compreende colocação e a retirada do aparelho, utilização de equipamentos e serviços técnicos. 4. Lista Referencial do IASEP: Rol de Procedimentos/Remuneração conforme as Disposições gerais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DE SANTO ANDRÉ

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DE SANTO ANDRÉ ANEXO I EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO N 008/2014 PARA CREDENCIAMENTO DE HOSPITAIS E CLÍNICAS HABILITADOS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALTA COMPLEXIDADE, ASSIM COMPREENDIDOS OS CENTROS DE INFUSÃO DE IMUNOBIOLÓGICOS;

Leia mais

ANEXO K Anexo ao Edital de Convocação 001/2013

ANEXO K Anexo ao Edital de Convocação 001/2013 ANEXO K Anexo ao Edital de Convocação 001/2013 MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO CMNE 6ª RM 19ª CIRCUNSCRIÇÃO DE SERVIÇO MILITAR (JRS de Aracaju / 1908) Lista Referencial de Procedimentos Hospitalares

Leia mais

Mapeamento de Diárias para Codificação TUSS Diárias

Mapeamento de Diárias para Codificação TUSS Diárias Mapeamento de Diárias para Codificação TUSS Diárias Codigo Nome Cod TUSS Descr 80011063 DIÁRIA DAY CLINIC APARTAMENTO 60000775 DIÁRIA DE HOSPITAL DIA APARTAMENTO 80014003 DIÁRIA DAY CLINIC ENFERMARIA (

Leia mais

PRINCIPAIS CÓDIGOS TUSS UTILIZADOS PELA CASSEB (EXTRAIDOS DOS MANUAIS TISS 3.02 DA ANS) CÓDIGO TUSS DESCRIÇÃO TUSS

PRINCIPAIS CÓDIGOS TUSS UTILIZADOS PELA CASSEB (EXTRAIDOS DOS MANUAIS TISS 3.02 DA ANS) CÓDIGO TUSS DESCRIÇÃO TUSS PRINCIPAIS CÓDIGOS TUSS UTILIZADOS PELA CASSEB (EXTRAIDOS DOS MANUAIS TISS 3.02 DA ANS) DESCRIÇÃO CASSEB CÓDIGO TUSS DESCRIÇÃO TUSS DIÁRIAS ENFERMARIA 60000694 DIÁRIA DE ENFERMARIA DE 3 LEITOS COM BANHEIRO

Leia mais

TABELA DE PREÇOS SISTEMA PACOTE NIPOMED. Diária de Enfermaria... R$ 430,00 Diária de Apartamento... R$ 580,00 Diária de UTI... R$ 1.

TABELA DE PREÇOS SISTEMA PACOTE NIPOMED. Diária de Enfermaria... R$ 430,00 Diária de Apartamento... R$ 580,00 Diária de UTI... R$ 1. ATUALIZADO EM 2011 TABELA DE PREÇOS SISTEMA PACOTE NIPOMED CONSULTA NIPOMED 52,00 CONSULTA PART - 150.00 Pacotes de Diárias Clínicas: Diária de Enfermaria... R$ 430,00 Diária de Apartamento... R$ 580,00

Leia mais

** Relação de Taxas que serão substituídas para adequação a TUSS **

** Relação de Taxas que serão substituídas para adequação a TUSS ** ** Relação de Taxas que serão substituídas para adequação a TUSS ** EXCLUÍDOS 6001001 ACOMPANHANTE-COM REFEICAO(MENORES DE 18 ANOS SO ENFERMARIA) DV DIÁRIA DE ACOMPANHANTE COM REFEIÇÃO COMPLETA - SOMENTE

Leia mais

DESCRIÇÃO ATUAL UNIDADE

DESCRIÇÃO ATUAL UNIDADE TUSS DESCRIÇÃO ATUAL UNIDADE 60000511 APARTAMENTO ESPECIAL DIA 60000519 APARTAMENTO ESPECIAL 60000559 APARTAMENTO TIPO A 60000581 SUÍTE 60000611 BERÇÁRIO OU ALOJAMENTO CONJUNTO 60000635 ENFERMARIA DIA

Leia mais

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS Apresentação Prezado (a) Doutor (a), A fim de padronizar o atendimento de seus pacientes particulares e agilizar a consulta aos preços praticados pelo Hospital Santa Catarina,

Leia mais

CENTRO DIAGNÓSTICO AFONSO PENA

CENTRO DIAGNÓSTICO AFONSO PENA LIS CENTRO DIAGNÓSTICO AFONSO PENA CONSULTAS (HORÁRIO COMERCIAL): R$ 50,00 CONSULTAS À NOITE, FERIADO E FINAL DE SEMANA: R$ 70,00 1.1 Enfermaria 1.2 Apartamento Privativo Padrão 1.3 Apartamento Privativo

Leia mais

DE PARA CÓDIGO PRÓPRIO - TUSS

DE PARA CÓDIGO PRÓPRIO - TUSS DE PARA CÓDIGO PRÓPRIO - TUSS NOMENCLATURA DO PROCEDIMENTO CÓDIGO PRÓPRIO CÓDIGO TUSS NOMENCLATURA DO PROCEDIMENTO TUSS 8001 - DIARIAS DIARIA APARTAMENTO LUXO 80011012 60000511 DIARIA APARTAMENTO SIMPLES/SEMI-PRIVATIVO

Leia mais

PROPOSTA DE PLANO DE SAÚDE ASSUFSM. Santa Maria, 06 de Junho de 2013.

PROPOSTA DE PLANO DE SAÚDE ASSUFSM. Santa Maria, 06 de Junho de 2013. PROPOSTA DE PLANO DE SAÚDE ASSUFSM Santa Maria, 06 de Junho de 2013. INTRODUÇÃO Trata-se de uma proposta de Plano de Saúde no sistema de pré-pagamento para atender os associados da ASSUFSM de Santa Maria/RS,

Leia mais

ADITIVO DE REDUÇÃO MÁXIMA DE CARÊNCIA E DOS PRAZOS PARA INÍCIO DA COBERTURA DE DOENÇAS PREEXISTENTES - CONTRATOS - PESSOA FÍSICA

ADITIVO DE REDUÇÃO MÁXIMA DE CARÊNCIA E DOS PRAZOS PARA INÍCIO DA COBERTURA DE DOENÇAS PREEXISTENTES - CONTRATOS - PESSOA FÍSICA FOLHA 1/5 DO OBJETO Este aditivo tem por finalidade alterar a redução dos prazos de carência e dos prazos para início das coberturas e eventos cirúrgicos, leitos de alta tecnologia e procedimentos de alta

Leia mais

TABELA DE TERMINOLOGIAS

TABELA DE TERMINOLOGIAS Configurações necessárias para envio do arquivo XML: TABELA DE TERMINOLOGIAS O componente de representação de conceitos de saúde é composto pelas tabelas abaixo listadas com seus respectivos s de identificação

Leia mais

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS

PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS PROCEDIMENTOS MÉDICOS GERENCIADOS Apresentação Índice Prezado (a) Doutor (a), A fim de padronizar o atendimento de seus pacientes particulares pelo Hospital Santa Catarina, apresentamos a tabela de Procedimentos

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO

NOTA DE ESCLARECIMENTO NOTA DE ESCLARECIMENTO O MUNICÍPIO DE MARINGÁ informa aos interessados em participar do procedimento licitatório denominado - PROCESSO nº. 01673/2014-PMM, que conforme solicitação da Secretaria Municipal

Leia mais

Remuneração Hospitalar. Modelo com Diária e Atendimento Semi-Global

Remuneração Hospitalar. Modelo com Diária e Atendimento Semi-Global Remuneração Hospitalar Modelo com Diária e Atendimento Semi-Global Sobre a Unimed Vitória UNIMED VITÓRIA / ES 310.000 CLIENTES, SENDO DESTES, 20.000 EM ATENÇÃO PRIMÁRIA; 2.380 MÉDICOS COOPERADOS; 208 PRESTADORES

Leia mais

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 08/2014

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 08/2014 RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 08/2014 A Diretoria Administrativa do Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro - CISNORPI, no uso de suas atribuições legais, resolve: Regulamentar o Credenciamento

Leia mais

OBJETIVOS GERAIS OBJETIVOS ESPECÍFICOS

OBJETIVOS GERAIS OBJETIVOS ESPECÍFICOS OBJETIVOS GERAIS O Programa de Residência Médica opcional de Videolaparoscopia em Cirurgia do Aparelho Digestivo (PRMCAD) representa modalidade de ensino de Pós Graduação visando ao aperfeiçoamento ético,

Leia mais

PLANO EMPRESA. Taxa de cadastro R$ 5,00 por titular

PLANO EMPRESA. Taxa de cadastro R$ 5,00 por titular PLANO EMPRESA Taxa de cadastro R$ 5,00 por titular OS VALORES CONTIDOS AQUI PODERÃO ALTERAR CONFORME REGRAS DAS OPERADORAS, FIQUE ATENTO AOS SEUS EMAILS 46 47 48 49 50 51 Plano Empresa acima de 30 vidas,

Leia mais

RAZ_SOC ESPECIALIDADE I.DESCRICAO '' A.RUA BAIRRO CIDADE ESTADODDD_TELTEL SEMPER S/A SERVIÇO MEDICO PERMANENTE CIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO ALAMEDA

RAZ_SOC ESPECIALIDADE I.DESCRICAO '' A.RUA BAIRRO CIDADE ESTADODDD_TELTEL SEMPER S/A SERVIÇO MEDICO PERMANENTE CIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO ALAMEDA BIOCOR HOSPITAL D C LTDA RADIOLOGIA ALAMEDA DA SERRA, 217 VALE DO SERENO NOVA LIMA MG 31 3289-5000 BIOCOR HOSPITAL D C LTDA RADIOLOGIA ALAMEDA DA SERRA, 217 VALE DO SERENO NOVA LIMA MG 31 3289-5000 BIOCOR

Leia mais

Convênio de reconhecimento de especialidades médicas - Resolução CFM 1666 de 7/5/2003 *****

Convênio de reconhecimento de especialidades médicas - Resolução CFM 1666 de 7/5/2003 ***** Convênio de reconhecimento de especialidades médicas - Resolução CFM 1666 de 7/5/2003 ***** Ementa: Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM n.º 1.634/2002, que celebra o convênio de reconhecimento

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE MATERIAIS INERENTES - SANTA CASA SAÚDE

PADRONIZAÇÃO DE MATERIAIS INERENTES - SANTA CASA SAÚDE 1 - Agulha Punção Biópsia de outros órgãos 01 1/3 2 - Agulha para punção de próstata * (pagar somente quando não cobrar agulha de CHIBA) 3 - Agulha de Chiba * (pagar somente quando não cobrar agulha de

Leia mais

TABELA DO PLANO INDIVIDUAL

TABELA DO PLANO INDIVIDUAL TABELA DO PLANO INDIVIDUAL NÃO TEM TABELA FAMILIAR Plano Premium Premium Platinum Platinum Standard Executivo Standard Executivo Acomodação Enfermaria Apartamento Enfermaria Apartamento Abrangencia Regional

Leia mais

ABRANGÊNCIA DO PLANO EMPRESARIAL HOSPITALAR COM/SEM OBSTETRÍCIA:

ABRANGÊNCIA DO PLANO EMPRESARIAL HOSPITALAR COM/SEM OBSTETRÍCIA: C o b e r t u r a C o n t r a t u a l ABRANGÊNCIA DO PLANO EMPRESARIAL HOSPITALAR COM/SEM OBSTETRÍCIA: -ATENDIMENTO 24 horas; I - AS CONSULTAS DE URGÊNCIA serão realizadas com médico plantonista no HOSPITAL

Leia mais

ANEXO I Termo de Credenciamento Tabela de Diárias, Taxas Hospitalares e Gases Medicinais Instruções 1. Para as Diárias Hospitalares: No valor das diárias estão inclusos: Leito próprio, banheiro privativo,

Leia mais

Módulo Ambulatorial+Hospitalar +Obstetrícia PREZADO ASSOCIADO

Módulo Ambulatorial+Hospitalar +Obstetrícia PREZADO ASSOCIADO Tabela Comercial UNIFAMÍLIA EMPRESARIAL POR ADESÃO COPARTICIPATIVO 50% Módulo Ambulatorial+Hospitalar +Obstetrícia Cobertura de consultas médicas de pré-natal, exames complementares bem como atendimentos

Leia mais

TREINAMENTO TISS. Apresentação:

TREINAMENTO TISS. Apresentação: TREINAMENTO TISS Apresentação: A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para troca de dados entre operadoras de planos privados de assistência à saúde e prestadores

Leia mais

FORMULÁRIOS TISS SUMÁRIO

FORMULÁRIOS TISS SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Formulários Padrão TISS 2. Preenchimento das Guias Padrão TISS Guia de Consulta Guia de Serviço Profissional/Serviço Auxiliar de Diagnóstico e Terapia SP/SADT Guia de Solicitação de Internação

Leia mais

Conhecimentos em Clínica Médica.

Conhecimentos em Clínica Médica. ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA s com Acesso Direto Acupuntura Anestesiologia Cirurgia Geral Dermatologia Infectologia Medicina da Família e Comunidade Medicina Nuclear Neurocirurgia Neurologia Conhecimentos

Leia mais

Manual Específico Unimed-Rio - TISS

Manual Específico Unimed-Rio - TISS UNIME D-RIO Manual Específico Unimed-Rio - TISS Área de Relacionamento com Hospitais Rio 2 PADRONIZAÇÃO DOS NOVOS FORMULÁRIOS QUE SERÃO UTILIZADOS PELOS PRESTADORES PARA ENVIO PARA A UNIMED-RIO. Estes documentos

Leia mais

INSTRUÇÕES DA TABELA DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR

INSTRUÇÕES DA TABELA DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR INSTRUÇÕES DA TABELA DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR 1. DA ASSISTÊNCIA DOMICILIAR: 1.1. A assistência domiciliar caracteriza-se pela prestação de serviços médicos e terapias adjuvantes na residência do paciente

Leia mais

SERVMED SAÚDE MANUAL DE PREENCHIMENTO TISS

SERVMED SAÚDE MANUAL DE PREENCHIMENTO TISS SERVMED SAÚDE MANUAL DE PREENCHIMENTO TISS MAIO/2007 Blumenau-SC, 18 de maio de 2007. À Rede Credenciada Prezados Credenciados: Como é de conhecimento de todos, dia 31 de maio de 2007 é o prazo que a Agência

Leia mais

SISTEMÁTICAS DE REMUNERAÇÃO DOS HOSPITAIS QUE ATUAM NA SAÚDE SUPLEMENTAR: PROCEDIMENTOS GERENCIADOS

SISTEMÁTICAS DE REMUNERAÇÃO DOS HOSPITAIS QUE ATUAM NA SAÚDE SUPLEMENTAR: PROCEDIMENTOS GERENCIADOS SISTEMÁTICAS DE REMUNERAÇÃO DOS HOSPITAIS QUE ATUAM NA SAÚDE SUPLEMENTAR: PROCEDIMENTOS GERENCIADOS GRUPO DE TRABALHO SOBRE REMUNERAÇÃO DOS HOSPITAIS REGRAS GERAIS Outubro de 2012 Associação Brasileira

Leia mais

FAMILIAR Planos IND 200 IND 250 Acomodação Enfer. Apto. 00 a 18 anos 76,35 106,89 19 a 23 anos 76,35 106,89 24 a 28 anos 92,75 129,85

FAMILIAR Planos IND 200 IND 250 Acomodação Enfer. Apto. 00 a 18 anos 76,35 106,89 19 a 23 anos 76,35 106,89 24 a 28 anos 92,75 129,85 Imprimir Voltar http://www.melhoresplanosdesaude.com.br (11 ) 2348-1100 - 3226-3000 MEDICAL HEALTH - MAIO 2014 - Taxa de Adesão : R$ 20,00 INDIVIDUAL Planos IND 200 IND 250 Acomodação Enfer. Apto. 00 a

Leia mais

Plano de Saúde Coletivo por Adesão Ambulatorial +Hospitalar com Obstetrícia Sem Coparticipação

Plano de Saúde Coletivo por Adesão Ambulatorial +Hospitalar com Obstetrícia Sem Coparticipação Plano de Saúde Coletivo por Adesão Ambulatorial +Hospitalar com Obstetrícia Sem Coparticipação Tabela A Entidades Multiprofissionais. Faixa Etária AMIL BLUE 400 AMIL BLUE 500 AMIL BLUE 700 Acomodação Enfermaria

Leia mais

Declaração de Ciência de Regras para Redução de Carências

Declaração de Ciência de Regras para Redução de Carências Esta declaração corresponde ao Contrato de (Proposta) nº VIGÊNCIA MÁXIMA: 15/08/2014 Declaração de Ciência de Regras para Redução de s Eu, portador do RG nº e CPF nº, declaro para os devidos fins de direito,

Leia mais

CONTRATO Nº 06/2015 CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO

CONTRATO Nº 06/2015 CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO CONTRATO Nº 06/2015 Contrato celebrado entre a CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE GARIBALDI/RS, sito na Travessa 31 de Outubro, n.º 59, Centro, Garibaldi/RS, representada por seu presidente Jones Fernando

Leia mais

VAGAS e INSCRITOS por GRUPO 39 85

VAGAS e INSCRITOS por GRUPO 39 85 01 - ÁREAS BÁSICAS COM ACESSO DIRETO 1 ANESTESIOLOGIA - 3 ANOS 15 165 11,0 2 CIRURGIA GERAL - 2 ANOS 46 211 4,6 3 CLÍNICA MÉDICA - 2 ANOS 54 275 5,1 4 DERMATOLOGIA - 3 ANOS 5 88 17,6 5 INFECTOLOGIA - 3

Leia mais

ANEXO 11.6 - PACOTES. Vigência 21/11/2015

ANEXO 11.6 - PACOTES. Vigência 21/11/2015 ANEXO 11.6 - PACOTES Os valores de gases, medicamentos e materiais foram calculados com base na mediana de valores praticados no Estado. No caso dos gases foi calculado o valor mediano entre gases liquido

Leia mais

Pesquisa da relação entre. médicos, dentistas e fisioterapeutas. com planos de saúde

Pesquisa da relação entre. médicos, dentistas e fisioterapeutas. com planos de saúde Pesquisa da relação entre médicos, dentistas e fisioterapeutas Abril / 2013 Objetivo Conhecer a opinião dos médicos especialistas, cirurgiões-dentistas e fisioterapeutas sobre a relação com os planos ou

Leia mais

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.763/05 (Publicada no D.O.U., de 09 Mar 2005, Seção I, p. 189-192)

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.763/05 (Publicada no D.O.U., de 09 Mar 2005, Seção I, p. 189-192) Página 1 de 17 RESOLUÇÃO CFM Nº 1.763/05 (Publicada no D.O.U., de 09 Mar 2005, Seção I, p. 189-192) Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM nº 1.666/2003, que celebra o convênio de reconhecimento

Leia mais

LISTA TELEFÔNICA DO HCE LOCALIZAÇÃO DDD PABX RAMAL RITEX + RAMAL CENTRAL TELEFÔNICA

LISTA TELEFÔNICA DO HCE LOCALIZAÇÃO DDD PABX RAMAL RITEX + RAMAL CENTRAL TELEFÔNICA LISTA TELEFÔNICA DO HCE LOCALIZAÇÃO DDD PABX RAMAL RITEX + RAMAL CENTRAL TELEFÔNICA 21 3891 7000 816+Ramal DIREÇÃO Gabinete do Diretor 21 Tel. Direto 3860-6570 Gabinete do Diretor (FAX) 21 Tel. Direto

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 004 Médico - Alergia e Imunologia

Leia mais

Abrangência. >400.000 conceitos definidos. >1.400.000 relações semânticas

Abrangência. >400.000 conceitos definidos. >1.400.000 relações semânticas Dr. João de Lucena Gonçalves Consultor Técnico da CNS consultoria@ahcrj.com.br () 53-0540 Fonação-audição TROCA Linguagem Palavras SINTAXE Frases Conceitos SEMÂNTICA ANS UMLS SNOMED CT ICD TROCA SINTAXE

Leia mais

LIVRETO EXPLICATIVO DO PLAM MASTER

LIVRETO EXPLICATIVO DO PLAM MASTER LIVRETO EXPLICATIVO DO PLAM MASTER INDIVIDUAL FAMILIAR OPERADORA Plano de Assistência Médica Mineira Ltda PLAM Inscrição na Agência Nacional de Saúde ANS nº 38.228-1 OPERADORA - Plano de Assistência Médica

Leia mais

O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando:

O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando: PORTARIA Nº 3.432/MS/GM, DE 12 DE AGOSTO DE 1998 O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando: a importância na assistência das unidades que realizam tratamento intensivo

Leia mais

MARÇO 2009 Treinamento O IMIP promoveu, no último dia 26 de março, treinamento para novos voluntários, no Auditório Alice Figueira. A abertura foi realizada pela coordenadora do Voluntariado do IMIP, Rejane

Leia mais

Unimed Brasil. A Unimed é a maior experiência cooperativista na área da saúde em todo o mundo e também a maior rede de assistência médica do Brasil:

Unimed Brasil. A Unimed é a maior experiência cooperativista na área da saúde em todo o mundo e também a maior rede de assistência médica do Brasil: Unimed Brasil A Unimed é a maior experiência cooperativista na área da saúde em todo o mundo e também a maior rede de assistência médica do Brasil: Presente em 83% território nacional; 375 cooperativas

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 802 Médico Alergia e

Leia mais

I SEMINÁRIO DE TENDÊNCIAS & RISCOS DA SAÚDE NO BRASIL. O Impacto da TUSS PORTO ALEGRE 19-04-2013. Dr. João de Lucena Gonçalves CNS

I SEMINÁRIO DE TENDÊNCIAS & RISCOS DA SAÚDE NO BRASIL. O Impacto da TUSS PORTO ALEGRE 19-04-2013. Dr. João de Lucena Gonçalves CNS I SEMINÁRIO DE TENDÊNCIAS & RISCOS DA SAÚDE NO BRASIL O Impacto da TUSS PORTO ALEGRE 19-04-2013 Dr. João de Lucena Gonçalves CNS ANS - DIDES COPISS GRUPOS DE TRABALHO CONTEÚDO E ESTRUTURA COMUNICAÇÃO

Leia mais

INSTRUÇÕES GERAIS DA TABELA DE CÓDIGOS E PROCEDIMENTOS

INSTRUÇÕES GERAIS DA TABELA DE CÓDIGOS E PROCEDIMENTOS INTRODUÇÃO ORIENTAÇÕES GERAIS PARA IMPLANTAÇÃO 1. VALORIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS MÉDICOS, CONSULTAS E SERVIÇOS AUXILIARES DIAGNÓSTICOS E TERAPÊUTICOS. Para honorários de procedimentos pagos à pessoa física,

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Município de Caxias do Sul

Estado do Rio Grande do Sul Município de Caxias do Sul DECRETO Nº 17.028, DE 18 DE JUNHO DE 2014. Altera dispositivos do Decreto nº 14.029, de 23 de dezembro de 2008, que regulamenta a Lei Complementar nº 298, de 20 de dezembro de 2007, que trata do Plano

Leia mais

COBERTURAS E CARÊNCIAS:

COBERTURAS E CARÊNCIAS: PLANO REGIONAL E LOCAL UNIVERSITARIO PESSOA FÍSICA Lei 9656/98 ANS Beneficiários que residem em Guaratinguetá, Aparecida, Cunha ou Potim Definições: Unimed: Cooperativa de Trabalho Médico, regida pela

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002 CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002 Dispõe sobre convênio de reconhecimento de especialidades médicas firmado entre o Conselho Federal de Medicina CFM, a Associação

Leia mais

FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA ENFERMARIA COM / SEM COPARTICIPAÇÃO

FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA ENFERMARIA COM / SEM COPARTICIPAÇÃO 30 A 99 VIDAS FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA ENFERMARIA COM / SEM COPARTICIPAÇÃO FAIXA ETÁRIA Nº VIDAS TIPO DE PLANO V. UNIT. V. TOTAL FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA PLUS ENFERMARIA COM/ SEM COPARTICIPAÇÃO FAIXA

Leia mais

PLANOS UNIMED CONVÊNIO ASDEP Contato: convênios@asdep.com.br

PLANOS UNIMED CONVÊNIO ASDEP Contato: convênios@asdep.com.br PLANOS UNIMED CONVÊNIO ASDEP Contato: convênios@asdep.com.br 1. PLANO UNIMAX COLETIVOS POR ADESÃO Características: Apresentam abrangência Nacional, com atendimentos e ampla utilização na rede Unimed, contando

Leia mais

Plano de Saúde C let let vo v o p or o r A des es o

Plano de Saúde C let let vo v o p or o r A des es o Plano de Saúde Coletivo por Adesão UNIMED GRANDE FLORIANÓPOLIS REDE CREDENCIADA 247.000 clientes 1.644 médicos cooperados 43 laboratórios 39 hospitais 257 clínicas 19 municípios cobertos REDE CREDENCIADA

Leia mais

Atualizado em JANEIRO/2009 Informações e tabelas de preços cedidas pela UNIMED Guarapuava

Atualizado em JANEIRO/2009 Informações e tabelas de preços cedidas pela UNIMED Guarapuava A Unimed Guarapuava, tem por objetivo, oferecer sempre as melhores opções, com produtos que supram a necessidade de nossos clientes, garantindo-lhes inúmeras vantagens como: cobertura mais ampla, profissionais

Leia mais

Regulamentação do Contrato. Coberturas Contratuais

Regulamentação do Contrato. Coberturas Contratuais Regulamentação do Contrato Coberturas Contratuais Regulamentação do Contrato Planos Não Regulamentados: Planos antigos que foram contratados antes de 1999, com direitos contratuais restritos em relação

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 167, DE 9 DE JANEIRO DE 2008.

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 167, DE 9 DE JANEIRO DE 2008. RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 167, DE 9 DE JANEIRO DE 2008. Atualiza o Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde, que constitui a referência básica para cobertura assistencial nos planos privados de assistência

Leia mais

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE RESOLUÇÃO CFM Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002 Diário Oficial da União; Poder Executivo, Brasília, DF, n. 81, 29 abr.2002. Seção 1, p. 265-66 Alterada pela Resolução CFM nº 1666/03 (Anexo II) O CONSELHO

Leia mais

COPARTICIPAÇÃO MÉDICA E MELHORIAS NA. Clique para editar os estilos do texto mestre ASSISTÊNCIA

COPARTICIPAÇÃO MÉDICA E MELHORIAS NA. Clique para editar os estilos do texto mestre ASSISTÊNCIA COPARTICIPAÇÃO MÉDICA E MELHORIAS NA ASSISTÊNCIA JULHO/2013 REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE Aumento da Rede credenciada MÊS DE REFERÊNCIA Dez/11 Dez/12 CLINICA 508 653 CLINICA ODONTOLÓGICA 42 41 HOSPITAL 161

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 Médico Alergia

Leia mais

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS FEVEREIRO./2015.02 Proced com finalidade diagnóstica 10.814.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS FEVEREIRO./2015.02 Proced com finalidade diagnóstica 10.814.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS.02 Proced com finalidade diagnóstica 10.814.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia 43.02.01.01 biópsia do colo uterino 1.02.01.01 biópsia de fígado por punção

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 2.918, DE 9 DE JUNHO DE 1998.

MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 2.918, DE 9 DE JUNHO DE 1998. MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 2.918, DE 9 DE JUNHO DE 1998. O Ministro de Estado da Saúde no uso de suas atribuições, considerando: - a importância na assistência das unidades que

Leia mais

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:30 8:45 INTERVALO VISITA AOS EXPOSITORES E PATROCINADORES.

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:30 8:45 INTERVALO VISITA AOS EXPOSITORES E PATROCINADORES. MAPA AUDITÓRIO ÓPERA DE ARAME (200 LUGARES) DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. 8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação. 8:00 8:15 TEMA LIVRE SELECIONADO. 8:15 8:30 TEMA LIVRE SELECIONADO.

Leia mais

Diário Oficial Imprensa Nacional... Nº 7 DOU de 10/01/08

Diário Oficial Imprensa Nacional... Nº 7 DOU de 10/01/08 Diário Oficial Imprensa Nacional... Nº 7 DOU de 10/01/08 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL BRASÍLIA - DF AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR RESOLUÇÃO NORMATIVA No- 167, DE 9 DE JANEIRO DE

Leia mais

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JANEIRO./2015.02 Proced com finalidade diagnóstica 8.946.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JANEIRO./2015.02 Proced com finalidade diagnóstica 8.946.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS.02 Proced com finalidade diagnóstica 8.946.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia 33.02.01.01 biópsia do colo uterino 0.02.01.01 biópsia de fígado por punção

Leia mais

Como solicitar reembolso: Valores de Reembolso: Prévia de Reembolso:

Como solicitar reembolso: Valores de Reembolso: Prévia de Reembolso: Como solicitar reembolso: Você deve preencher o envelope para Solicitação de Reembolso (disponível em qualquer agência bancária do banco Bradesco), anexando os documentos necessários, e enviá-lo por malote

Leia mais

V. CONSIDERAÇÕES FINAIS

V. CONSIDERAÇÕES FINAIS AGENDA I. PERSPECTIVAS DA GESTÃO Trabalhando DA SAÚDE em Redes Cooperativas: Compartilhamento II. ABORDAGENS para DE CUSTEIO SUStentabilidade Case I Apresentação do III. EXPERIÊNCIA DAS SANTAS CASAS DE

Leia mais

Guia de SP/SADT Instrução de Preenchimento Manual

Guia de SP/SADT Instrução de Preenchimento Manual A Guia de Serviço Profissional/Serviço Auxiliar de Diagnóstico e Terapia SP/SADT deverá ser preenchida pelo profissional ou entidade de saúde que mantém compromisso de credenciamento especial firmado com

Leia mais

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JULHO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 15.985.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JULHO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 15.985.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS JULHO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 15.985.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia 107.02.01.01 biópsia de pele e partes moles 39.02.01.01 Biópsia

Leia mais

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS SETEMBRO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 16.443.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia

AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS SETEMBRO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 16.443.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia AMBULATORIAL - PROCEDIMENTOS REALIZADOS SETEMBRO./2014.02 Proced com finalidade diagnóstica 16.443.02.01 Col de mat por meio de punção/biopsia 66.02.01.01 biópsia do colo uterino 4.02.01.01 Biópsia de

Leia mais

FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA PLUS ENFERMARIA SEM COPARTICIPAÇÃO

FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA PLUS ENFERMARIA SEM COPARTICIPAÇÃO PME - 03 a 29 vidas FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA ENFERMARIA SEM COPARTICIPAÇÃO FAIXA ETÁRIA Nº VIDAS TIPO DE PLANO V. UNIT. V. TOTAL 0-18 anos 29-33 anos 34-38 anos FREE LIFE EMPRESARIAL PRATA PLUS ENFERMARIA

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA AO PESSOAL COMISSÃO MISTA PERMANENTE DE CREDENCIAMENTO NA ÁREA DE SAÚDE SCLS

POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA AO PESSOAL COMISSÃO MISTA PERMANENTE DE CREDENCIAMENTO NA ÁREA DE SAÚDE SCLS POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA AO PESSOAL COMISSÃO MISTA PERMANENTE DE CREDENCIAMENTO NA ÁREA DE SAÚDE SCLS 115, Bl. D, Lj. 36 Térreo - Asa Sul CEP 70.385-340 BRASÍLIA-DF

Leia mais

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.01.00

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.01.00 ÍNDICE TÓPICO PAG. 1 Apresentação... 2 2 Definição do Padrão TISS... 3 3 Objetivo do Padrão TISS... 3 4 Guias (formulários) do Padrão TISS... 3 5 Preenchimento das Guias do Padrão TISS... 4 Guia de Consulta...

Leia mais

VOCÊ JÁ CONHECE O PLANO DE SAÚDE DA UNIMED COM O SINTRAM?

VOCÊ JÁ CONHECE O PLANO DE SAÚDE DA UNIMED COM O SINTRAM? PLANO 6531 VOCÊ JÁ CONHECE O PLANO DE SAÚDE DA UNIMED COM O SINTRAM? É com satisfação que lhe apresentamos o UNIPAR 100. Um plano de saúde participativo, regulamentado pela Lei 9656/98, que garante ao

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 006 Médico - Anestesiologia

Leia mais

RESOLUÇÃO CFM Nº 2.116/2015

RESOLUÇÃO CFM Nº 2.116/2015 RESOLUÇÃO CFM Nº 2.116/2015 (Publicada no D.O.U. de 04 de fevereiro de 2015, Seção I, p. 55) Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM nº 2.068/2013, que celebra o convênio de reconhecimento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAPELA DE SANTANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAPELA DE SANTANA ANEXO I CARACTERÍSITCAS DO OBJETO Objeto: Contratação de operadora de plano de assistência médico-hospitalar, compreendendo os serviços clínicos e cirúrgicos, ambulatoriais, internação clínica, cirúrgica

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DEPARTAMENTO DE SISTEMAS E REDES ASSISTENCIAIS ANEXO I

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DEPARTAMENTO DE SISTEMAS E REDES ASSISTENCIAIS ANEXO I MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DEPARTAMENTO DE SISTEMAS E REDES ASSISTENCIAIS ANEXO I DE ACORDO COM O ESTABELECIDO PELA PORTARIA Nº 3432 /GM/MS, DE 12 DE AGOSTO DE 1998, REFERENTE

Leia mais

REDE CREDENCIADA MARÍTIMA SEGURO SAÚDE- MAIO 2014

REDE CREDENCIADA MARÍTIMA SEGURO SAÚDE- MAIO 2014 CATEGORIA_DIVULGAÇÃO ESPECIALIDADE_DIVULGAÇÃO NOME_FANTASIA_PONTO BAIRRO_PONTO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO LABORATORIO / ANATOMIA PATOLOGICA CEDACLIN CENTRO SERVIÇO DE TERAPIA FISIOTERAPIA CEMED IMAGEM CENTRO

Leia mais

A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS, tendo

A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS, tendo Minuta de Resolução Normativa RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº XXX, DE 0XX DE XXXXXXXXX DE 2007. Atualiza o Rol de Procedimentos que constitui a referência básica para cobertura assistencial nos planos privados

Leia mais

98200003 50000446 RPG FISIOTERAPIA R$ 33,35. Avaliação Terapia Ocupacional 98400029 não possui Não possui TERAPIA OCUPACIONAL R$ 42,35 98200143

98200003 50000446 RPG FISIOTERAPIA R$ 33,35. Avaliação Terapia Ocupacional 98400029 não possui Não possui TERAPIA OCUPACIONAL R$ 42,35 98200143 DESCRIÇÃO ANTERIOR CÓDIGO ANTERIOR CÓD. TUSS NOMENCLATURA TUSS SERVIÇO VALOR REAJUSTADO EM 17,65% - (VIGENTE A PARTIR DE 01/04/2015) Avaliação Nutricionista 98800140 não possui não possui NUTRICIONISTA

Leia mais

REDE MEMORIAL. Guia Memorial Saúde

REDE MEMORIAL. Guia Memorial Saúde CAPÍTULO 1 REDE MEMORIAL Guia Memorial Saúde 19 ÍNDICE UNIDADES DE ATENDIMENTO AGÊNCIA DE ATENDIMENTO MEMORIAL SAÚDE (DEL CASTILHO)..... 22 HOSPITAL MEMORIAL FUAD CHIDID... 24 HOSPITAL MEMORIAL INFANTIL

Leia mais

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.02.00

ÍNDICE. - 1 Guia Padrão TISS Versão 3.02.00 ÍNDICE TÓPICO PAG. 1 Apresentação... 2 2 Definição do Padrão TISS... 3 3 Objetivo do Padrão TISS... 3 4 Guias (formulários) do Padrão TISS... 3 5 Preenchimento das Guias do Padrão TISS... 4 Guia de Consulta...

Leia mais

A Gastroenterologia Visão e perspectivas atuais

A Gastroenterologia Visão e perspectivas atuais A Gastroenterologia Visão e perspectivas atuais A opção pela Gastroenterologia 23 Sociedades Federadas Regionais 54 Serviços de Gastroenterologia reconhecidos e aprovadas pelo MEC 1986 Sede do VI Congresso

Leia mais

T E R M O D E R E F E R Ê N C I A

T E R M O D E R E F E R Ê N C I A PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA ESPECIAL DE CONCESSÕES E PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS CDURP COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO DA REGIÃO DO PORTO DO RIO DE JANEIRO T E R M O D E R E F

Leia mais

HOME HOSPITAL ORTOPÉDICO E MEDICINA ESPECIALIZADA LTDA ANEXO 1

HOME HOSPITAL ORTOPÉDICO E MEDICINA ESPECIALIZADA LTDA ANEXO 1 HOME HOSPITAL ORTOPÉDICO E MEDICINA ESPECIALIZADA LTDA ANEXO 1 Lista Referencial de Valores de Diárias, Taxas, Utilização de Equipamentos, Serviços Hospitalares e Gasoterapia 1) LISTA REFERENCIAL DE VALORES:

Leia mais

Sua melhor opção em Planos de Saúde.

Sua melhor opção em Planos de Saúde. A Free Life Saúde é uma empresa genuinamente cearense que atua no mercado desde 1998 combinando o vigor de uma empresa jovem com a experiência de uma intensa atuação no mercado. Completamente amparada

Leia mais

MANUAL DE REEMBOLSO 2 ENDEREÇO PARA ENTREGA DAS SOLICITAÇÕES DE REEMBOLSO

MANUAL DE REEMBOLSO 2 ENDEREÇO PARA ENTREGA DAS SOLICITAÇÕES DE REEMBOLSO MANUAL DE REEMBOLSO 1 - O QUE É REEMBOLSO É a restituição ao beneficiário, das despesas médicas e hospitalares por ele custeadas em atendimento particular, ou seja, por prestador não credenciado à Medial

Leia mais

JANEIRO 2015. Valor Referencial EDA COLONOSCOPIA

JANEIRO 2015. Valor Referencial EDA COLONOSCOPIA JANEIRO 2015 Valor Referencial EDA 2014 COLONOSCOPIA 1 VALOR REFERENCIAL PROCEDIMENTO: ENDOSCOPIA DIGESTIVA ALTA COLONOSCOPIA E CPRE REVISÃO JANEIRO / 2015 2 Governador do Estado RUI COSTA DOS SANTOS Secretário

Leia mais

REQUISITOS E DOCUMENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE CONTRATO P.M.E

REQUISITOS E DOCUMENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE CONTRATO P.M.E REQUISITOS E DOCUMENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE CONTRATO P.M.E REQUISITOS NECESSÁRIOS PARA FORMATAÇÃO DO CONTRATO: - Possuir um CNPJ; - Contrato Social, Contrato Individual ou MEI (Micro Empresa Individual);

Leia mais

TABELA DE TAXAS Página 1 de 8

TABELA DE TAXAS Página 1 de 8 Codigo Taxa Descricao Unidade Tipo 72011001 DIARIA 06 HORAS DE PERMANENCIA DE ENFERMAGEM DIARIA DIARIAS 72011002 DIARIA 12 HORAS DE PERMANENCIA DE ENFERMAGEM DIARIA DIARIAS 72011003 DIARIA 24 HORAS DE

Leia mais

1.25. CBO-S (especialidade) 1312.05 Diretor clínico. 1312.05 Diretor de departamento de saúde. 1312.05 Diretor de divisão médica

1.25. CBO-S (especialidade) 1312.05 Diretor clínico. 1312.05 Diretor de departamento de saúde. 1312.05 Diretor de divisão médica 1.25. CBO-S (especialidade) Código Descrição 1312.05 Diretor clínico 1312.05 Diretor de departamento de saúde 1312.05 Diretor de divisão médica 1312.05 Diretor de serviços de saúde 1312.05 Diretor de serviços

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 44, DE 10 DE JANEIRO DE 2001

MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 44, DE 10 DE JANEIRO DE 2001 MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 44, DE 10 DE JANEIRO DE 2001 DO 9-E, de 12/1/01 O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições, Considerando a Portaria SAS/MS nº 224, de

Leia mais

ANEXO I. Centro de Saúde nº 1 Unidade Mista 508/509 Sul. Ortopedia e Traumatologia. Ortopedia e Traumatologia. Radiologia e Diagnóstico por Imagem

ANEXO I. Centro de Saúde nº 1 Unidade Mista 508/509 Sul. Ortopedia e Traumatologia. Ortopedia e Traumatologia. Radiologia e Diagnóstico por Imagem ANEXO I QUADRO DE VAGAS - Processo Seletivo para Preceptoria dos Programas de Residência Médica Seleção 2014/1 Opção de Vaga Unidade de Saúde/SES Programa de Residência de Cargo Local de execução das atividades

Leia mais

TABELA DE HONORÁRIO AMBULATORIAL ANEXO 11.2 EDITAL 0057/2013

TABELA DE HONORÁRIO AMBULATORIAL ANEXO 11.2 EDITAL 0057/2013 TABELA DE HONORÁRIO AMBULATORIAL ANEXO 11.2 EDITAL 0057/2013 Honorário de Psicologia 1010111 8 Sessao de Psicoterapia / Psicologo - (12 ou ate 40 por ano se cumprir diretriz de utilização definida pelo

Leia mais