Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2016"

Transcrição

1 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2016 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande do Sul nas habilitações de Bacharelado e de Licenciatura - será realizada no Instituto de Artes da UFRGS, Rua Senhor dos Passos, n 248, em sessões não-públicas, e constará de duas etapas subseqüentes e obrigatórias: 1ª Etapa: Prova Prática de Instrumento 2ª Etapa: Teste Teórico-Perceptivo A Prova de Instrumento avalia o desempenho técnico-interpretativo do candidato, com base nos seguintes critérios: Precisão e fluência rítmica (todos os instrumentos e canto) Habilidade técnica, observando os itens: 1. Uso de pedal (piano) 2. Vibrato (canto, violão, violino, viola, violoncelo, contrabaixo de arco) 3. Articulação (canto e todos os instrumentos) 4. Técnica digital (todos os instrumentos) 5. Homogeneidade da coluna de ar (todos os instrumentos de sopro) 6. Sustentação respiratória do fraseado (canto e instrumentos de sopro) 7. Expressividade da execução (canto e todos os instrumentos) 8. Técnica de arco (violino, viola, violoncelo, contrabaixo de arco) 9. Técnica de mão direita e mão esquerda (violão, cavaquinho, bandolim, viola caipira, guitarra elétrica, contrabaixo elétrico) 10. Uso adequado de dinâmica (canto e todos os instrumentos) 11. Afinação (canto e todos os instrumentos) 12. Sonoridade (canto e todos os instrumentos) 13. Postura corporal adequada ao instrumento (canto e todos os instrumentos) Interpretação adequada dos símbolos musicais (canto e todos os instrumentos). Demonstração da compreensão dos significados da partitura, levando em consideração seu contexto histórico e estilístico (canto e todos os instrumentos). Correta leitura à primeira vista ao instrumento, contemplando de modo satisfatório a execução das alturas e a relação dos valores rítmicos e de dinâmica (todos os instrumentos). Correta leitura à primeira vista entoada (solfejo), contemplando de modo satisfatório a manutenção da afinação e a relação dos valores rítmicos e de dinâmica (todos os candidatos). A Prova de Instrumento deve ser prestada nos seguintes instrumentos, de acordo com a Habilitação Específica que o candidato pretende freqüentar: BACHARELADO EM MÚSICA Habilitação e Prova Prática de Instrumento: Canto: canto. Composição: instrumento de livre escolha e piano.

2 2 Cordas ou Sopros: violão, ou violino, ou viola, ou violoncelo, ou contrabaixo, ou flauta doce, ou flauta transversa, ou clarinete, ou saxofone, ou oboé, ou fagote. Música Popular: canto ou instrumento de livre escolha. Regência Coral: instrumento de livre escolha e piano. Teclado: piano ou órgão de tubos. LICENCIATURA EM MÚSICA Se a opção for pelo curso de Licenciatura, o candidato deverá prestar a Prova Prática de Instrumento naquele instrumento que, durante o curso, será o seu Instrumento Principal. Prova Prática de Instrumento: canto, ou piano, ou violão, ou violino, ou viola, ou violoncelo, ou flauta doce, ou flauta transversa, ou clarinete, ou oboé, ou fagote, ou saxofone. II. VIOLINO - PROGRAMA DA PROVA PRÁTICA DE INSTRUMENTO Habilitações: Bacharelado em Cordas ou Sopros ou Licenciatura em Música O candidato deverá trazer seu próprio instrumento para a prova. Todas as peças devem ser executadas sem repetições. O candidato deve providenciar acompanhador para as peças que o necessitarem. A comissão examinadora não fornecerá partituras. 1. Técnica: a) Escalas e arpejos: as escalas de dó maior e lá menor, ré maior e si menor, mi bemol maior e dó menor, si bemol maior e sol menor, na extensão de três oitavas, com os respectivos arpejos. O candidato deverá estar preparado para executar as escalas nos seguintes golpes de arco: legato (em colcheias), martelé (em colcheias), detaché (em tercinas) e spiccato (em semicolcheias), e os arpejos em legato (em tercinas), conforme o modelo disponível em arquivo pdf na página do Instituto de Artes: Ver "Vestibular". As escalas e os arpejos devem ser executados com metrônomo na prova, no andamento de 60 para a semínima (a comissão examinadora fornecerá o metrônomo na prova). b) Estudos: o candidato deverá estar preparado para executar os seguintes estudos (disponíveis em arquivo pdf na página do Instituto de Artes: Ver "Vestibular"): - Heinrich Ernst Kayser: Estudo Op. 20 nº 11. Metrônomo no andamento de 52 para a semínima. Este estudo deve ser executado em detaché. Edição de referência: International Edition. - Heinrich Ernst Kayser: Estudo Op. 20 n 14. Metrônomo no andamento de 104 para a semínima. Este estudo deve ser executado em spiccato. Edição de referência: International Edition. - Franz Wohlfahrt: Estudo Op. 45 n 50. Metrônomo no andamento de 100 para a semínima. Este estudo deve ser executado na metade superior do arco, sendo que as notas com ponto devem ser executadas em martelé. Edição de referência: Schirmer. - Franz Wohlfahrt: Estudo Op. 45 n 42. Metrônomo no andamento de 76 para a semínima. Edição de referência: Schirmer. - Josephine Trott: de "Melodious Double Stops", Estudo n 25. Metrônomo no andamento de 100 para a semínima. Edição de referência: Schirmer. A banca poderá solicitar a execução com metrônomo na prova e poderá selecionar trechos dos estudos acima, a serem executados na prova.

3 3 2. Repertório: a) J.S. Bach: Gigue da Suite I em ré maior, BWV 1007 (transcrição para violino) (disponível em arquivo pdf na página do Instituto de Artes: Ver "Vestibular"); b) Um movimento rápido de concerto, a escolher entre os seguintes compositores: G. B. Viotti, Ch. Beriot, M. Bruch, F. Mendelssohn, D. Kabalevski, H. Sitt (Concertino nº 2, Op.31 OU Concertino nº3, Op.65), F. Seitz (Student Concerto nº 3, Op.12 OU Student Concerto nº 4, Op.15), J. B. Accolay (Concerto nº1); c) Uma peça de livre escolha, para violino e piano ou para violino solo, com duração máxima de cinco minutos, a escolher entre os seguintes compositores: H. Wieniawski, P. de Sarasate (exceto "Playera"), H. Vieuxtemps, Ch. Beriot, N. Paganini ou F. Kreisler (Preludio e Allegro, La Gitana, Caprice Viennois, Tambourin Chinois, Variações sobre um Tema de Corelli, Sicilienne e Rigaudon, La Précieuse ou Schön Rosmarin). 3. Leituras à primeira vista: a) Uma leitura entoada (solfejo): o candidato deverá escolher um dos solfejos apresentados pela banca examinadora. Após examinar a partitura do solfejo escolhido, em silêncio e durante até um minuto, o candidato deverá executá-la. O solfejo será avaliado a partir dos seguintes critérios: I) Melodia: correto solfejo da melodia, utilização correta dos nomes das notas, mantendo afinação e centro tonal estável; II) Ritmo: correta realização dos ritmos, mantendo pulso básico e fluência. b) Leitura ao instrumento: o candidato receberá uma partitura da banca examinadora. Após examinar a partitura em silêncio, durante até um minuto, o candidato deverá executá-la, respeitando os seguintes itens: andamento, dinâmica, execução rítmica correta, tonalidade, marcas de expressão e articulação. III. TESTE TEÓRICO-PERCEPTIVO O candidato fará o Teste Teórico-Perceptivo após ter realizado a Prova de Instrumento, na data determinada pelo Departamento de Música. O Teste Teórico-Perceptivo será feito sem consulta. O Teste Teórico-Perceptivo está dividido em duas partes: Teste de Conhecimentos Musicais Teste Perceptivo No Teste de Conhecimentos Musicais, o candidato será avaliado quanto a conhecimentos sobre conceitos básicos da música e à aplicação desses conceitos. O Teste de Conhecimentos Musicais será escrito e em forma de questões de múltipla escolha. O Teste Teórico-Perceptivo abrange os seguintes conteúdos: Leitura nas claves de sol e fá Leitura de cifras Valores rítmicos e pausas, ligaduras e ponto de aumento Regras de grafia musical Semitom, tom e alterações Classificação dos intervalos (menor, maior, justo, diminuto e aumentado), intervalos simples e compostos, inversão de intervalos, intervalos melódicos e harmônicos, intervalos consonantes e dissonantes Graus da escala

4 4 Escalas nos modos maior e menor, sendo a última nas formas natural, harmônica e melódica Modos litúrgicos Compassos simples e compostos, unidades de tempo e de compasso Quiálteras, síncopes, contratempo Tons vizinhos, tons homônimos e tons relativos Sinais de expressão, sinais de dinâmica Nomenclatura e classificação dos acordes de três e de quatro sons (estado fundamental e inversões) Série harmônica Percepção rítmica, melódica e harmônica No Teste Perceptivo o candidato deverá identificar corretamente quais dos exemplos musicais melódicos, rítmicos e/ou harmônicos, impressos na prova, foram executados e/ou nomeá-los de acordo com os conceitos apresentados. Conteúdos específicos para o Teste Perceptivo: Reconhecimento de intervalos melódicos e harmônicos (2m, 2M, 3m, 3M, 4J, Trítono, 5 J, 6m, 6M, 7m, 7M, 8J) Reconhecimento de pequenas frases melódicas e rítmicas. Reconhecimento de acordes de três sons: maior, menor, diminuto e aumentado. Reconhecimento de fórmulas de compassos simples (2/4, 3/4, 4/4) e compostos (6/8, 9/8 e 12/8) Reconhecimento da escala maior e da menor nas três formas (natural, melódica e harmônica) Reconhecimento dos modos jônico, dórico, frígio, lídio, mixolídio e eólio e de pequenas melodias nesses modos. Reconhecimento dos timbres dos instrumentos musicais (flauta, oboé, clarinete, fagote, trompa, trompete, trombone, violino, viola, violoncello, contrabaixo, cravo, piano, orgão, vibrafone, marimba e tímpano) Para o estudo dos tópicos acima sugerimos a utilização do software livre de percepção musical GNU Solfeje, disponível em: O Teste Teórico será em forma de questões de múltipla escolha. Bibliografia recomendada para o Teste Teórico-Perceptivo: BENNET, Roy. Elementos básicos da música. Rio de Janeiro: Zahar, BENNET, Roy. Forma e estrutura na música. Rio de Janeiro: Zahar, BENNET, Roy. Uma breve história da música. Rio de Janeiro: Zahar, CHEDIAK, Almir. Dicionário de acordes cifrados. São Paulo: Irmãos Vitale, KIEFER, Bruno. Elementos da Linguagem musical. Porto Alegre: Movimento, LACERDA, Osvaldo. Regras de grafia musical. São Paulo: Irmãos Vitale, LACERDA, Osvaldo. Teoria elementar da música. São Paulo: Ricordi, MED, Bohumil. Teoria da música. Brasília: Musimed, PRIOLLI, Maria Luiza de Mattos. Princípios básicos da música para a juventude. 2v. Rio de Janeiro: Casa Oliveira de Músicas, OBSERVAÇÕES GERAIS O candidato deverá comparecer a todas as etapas da Prova de Habilitação Específica munido de comprovante de inscrição no Concurso Vestibular e do seu documento de identidade (RG ou similar), sem os quais não terá acesso às salas de realização das provas. Essa documentação será

5 5 conferida na portaria do prédio do Instituto de Artes ou, se for o caso, em outra sala a ser definida, antes do ingresso do candidato. O candidato será considerado NÃO APTO se não comparecer a qualquer uma das etapas da Prova de Habilitação Específica em Música. Qualquer atraso será imediatamente considerado como ausência; portanto, o candidato deverá estar presente pontualmente no horário e local marcado para o início das provas. Em nenhuma hipótese, o candidato será admitido à prova depois do horário estabelecido para a realização da mesma. O resultado da Prova de Habilitação Específica será dado na forma APTO ou NÃO APTO. A decisão da Banca é soberana.

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular Viola

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular Viola Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 - Viola I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular Violoncelo

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular Violoncelo Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 - Violoncelo I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Música Popular Canto e instrumentos musicais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Música Popular Canto e instrumentos musicais Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Música Popular Canto e instrumentos musicais I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Regência Coral

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Regência Coral Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2015 Regência Coral I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MÚSICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MÚSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MÚSICA Teste de Habilidade Específica (THE) O Teste de Habilidade Específica (THE)

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS O Teste de Conhecimentos Específicos em Música (TCE) tem por objetivo

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA 1 GRUPO DE SOPROS A- Conteúdos programáticos das Provas de Aferição 1.

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2017 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

CURSO DE MÚSICA MANUAL DO CANDIDATO

CURSO DE MÚSICA MANUAL DO CANDIDATO CURSO DE MÚSICA MANUAL DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO DE CERTIFICAÇÃO EM HABILIDADES ESPECÍFICAS UFU 2015-1 EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS 02/2015 Composição da Certificação A Certificação de Habilidades Específicas

Leia mais

CURSO DE MÚSICA MANUAL DO CANDIDATO

CURSO DE MÚSICA MANUAL DO CANDIDATO CURSO DE MÚSICA MANUAL DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO DE CERTIFICAÇÃO EM HABILIDADES ESPECÍFICAS UFU 2015-2 EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS 10/2015 Composição da Certificação A Certificação de Habilidades Específicas

Leia mais

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO - HABILITAÇÃO EM INSTRUMENTO - HABILITAÇÃO EM CANTO PROVA PRÁTICA DE INSTRUMENTO OU CANTO INFORMAÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

INFORMAÇÕES SOBRE A SELEÇÃO PARA O CURSO DE MÚSICA LICENCIATURA

INFORMAÇÕES SOBRE A SELEÇÃO PARA O CURSO DE MÚSICA LICENCIATURA MÚSICA INFORMAÇÕES SOBRE A SELEÇÃO PARA O CURSO DE MÚSICA LICENCIATURA Após as provas da primeira etapa (ENEM 2015), todos os candidatos ao curso de Música - Licenciatura farão o Teste de Habilidade em

Leia mais

Edital 03/FOSPA/2015. 1. DAS INSCRIÇÕES: 1.1. Período de inscrição: de 22 de junho a 03 de julho, de segunda a sextafeira.

Edital 03/FOSPA/2015. 1. DAS INSCRIÇÕES: 1.1. Período de inscrição: de 22 de junho a 03 de julho, de segunda a sextafeira. Edital 03/FOSPA/2015 A Superintendência Artística da Fundação Orquestra Sinfônica de Porto Alegre - FOSPA, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 4º e Incisos, do Decreto Nº 51.484, 15 de maio

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

BACHARELADO EM MÚSICA PROCESSO SELETIVO

BACHARELADO EM MÚSICA PROCESSO SELETIVO FUNDAÇÃO CARLOS GOMES INSTITUTO ESTADUAL CARLOS GOMES BACHARELADO EM MÚSICA PROCESSO SELETIVO PROGRAMA ESPECÍFICO PARA O EXAME HABILITATÓRIO DO CURSO DE BACHARELADO EM MÚSICA Belém Pará 2014 1 PROGRAMA

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

CONCURSO VESTIBULAR 2013 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA

CONCURSO VESTIBULAR 2013 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA CONCURSO VESTIBULAR 2013 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA LOCAL-SALA-SEQ INSCRIÇÃO NOME Assinatura: PROVA COLETIVA 1- A prova está dividida em 4 questões com as seguintes pontuações: Questão

Leia mais

EDITAL 04/2015 ADMISSÃO AO CURSO PREPARATÓRIO PARA O MÓDULO 3 DO CURSO FORMAÇÃO MUSICAL

EDITAL 04/2015 ADMISSÃO AO CURSO PREPARATÓRIO PARA O MÓDULO 3 DO CURSO FORMAÇÃO MUSICAL GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA FUNDAÇÃO ANITA MANTUANO DE ARTES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE MÚSICA VILLA-LOBOS EDITAL 04/2015 ADMISSÃO AO CURSO PREPARATÓRIO

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Título da peça: 2. FAURÉ. G. Uma canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas no Edital de Programa de 2009. Título da peça: Título da peça:

Título da peça: 2. FAURÉ. G. Uma canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas no Edital de Programa de 2009. Título da peça: Título da peça: CANTO 1. BACH, J.S. Uma ária ou canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas no Edital de Programa de 2009. Título da peça: 2. FAURÉ. G. Uma canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas

Leia mais

18. TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA, CAMPUS II CURITIBA

18. TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA, CAMPUS II CURITIBA - Entrevista OBS: A prova poderá ser interrompida a qualquer momento a critério da banca examinadora. Violino Mecanismo em Sol Maior, em três oitavas (escala, os 7 arpejos, terças e cromática) de cor;

Leia mais

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018

Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 1 Prova Específica de Música do Concurso Vestibular 2018 I. INFORMAÇÕES COMUNS A TODAS AS PROVAS A Prova de Habilitação Específica para o Curso de Graduação em Música da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR PROCESSO SELETIVO SERIADO - 2007 MÚSICA INSTRUÇÕES - Ao receber este caderno de prova verifique se contém

Leia mais

ESCOLA DE MÚSICA DO ESTADO DE SÃO PAULO TOM JOBIM Edital de 30 de janeiro de 2015 Processo Seletivo Nº 2 para ingresso de alunos na EMESP em 2015

ESCOLA DE MÚSICA DO ESTADO DE SÃO PAULO TOM JOBIM Edital de 30 de janeiro de 2015 Processo Seletivo Nº 2 para ingresso de alunos na EMESP em 2015 ESCOLA DE MÚSICA DO ESTADO DE SÃO PAULO TOM JOBIM Edital de 30 de janeiro de 2015 Processo Seletivo Nº 2 para ingresso de alunos na EMESP em 2015 ÍNDICE Dispõe sobre o segundo Processo Seletivo para preenchimento

Leia mais

ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA

ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA PARTE I: FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA (Para todos os candidatos ao Bacharelado em Música e Licenciatura em Música). Prova 1 Escrita 1.1.

Leia mais

Teoria Musical. O trecho musical abaixo foi extraído do Adagio da TRIO SONATA Op. 3 nº 2, de Arcangelo Corelli.

Teoria Musical. O trecho musical abaixo foi extraído do Adagio da TRIO SONATA Op. 3 nº 2, de Arcangelo Corelli. Teoria Musical O trecho musical abaixo foi extraído do Adagio da TRIO SONATA Op. 3 nº 2, de Arcangelo Corelli. 01. Com base no trecho musical acima, analise as proposições a seguir. 0-0) As notas Sol sustenido

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED DIRETORIA DE EDUCAÇÃO DE ARACAJU DEA CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SERGIPE

GOVERNO DO ESTADO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED DIRETORIA DE EDUCAÇÃO DE ARACAJU DEA CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SERGIPE B GOVERNO DO ESTADO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED DIRETORIA DE EDUCAÇÃO DE ARACAJU DEA CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SERGIPE PROCESSO DE SELEÇÃO 2011 INFORMATIVO EXAME DE SELEÇÃO PARA O

Leia mais

INST I T U T O G R E G O RI A N O D E L ISB O A

INST I T U T O G R E G O RI A N O D E L ISB O A 1º G R A U ãos, com vista à obtenção de boa sonoridade e afinação rigorosa; a a sua extensão; ª posição, com a utilização de todos os dedos da mão esquerda; lógico e da flexibilidade cognitiva; apacidade

Leia mais

TIPO A TEORIA MUSICAL. As questões 01 a 03 referem-se ao trecho musical a seguir, de Lulli:

TIPO A TEORIA MUSICAL. As questões 01 a 03 referem-se ao trecho musical a seguir, de Lulli: 1 TEORIA MUSICAL As questões 01 a 03 referem-se ao trecho musical a seguir, de Lulli: 1. Observe o trecho musical acima e responda: 0-0) A tonalidade predominante deste trecho musical é Si bemol Maior.

Leia mais

Habilidades Específicas - Música

Habilidades Específicas - Música Habilidades Específicas - Música 1. INTRODUÇÃO As provas de Habilidades Específicas em Música do Vestibular 2014 tiveram por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico.

Leia mais

Noções Básicas de Teoria Musical. por Alessandro Penezzi

Noções Básicas de Teoria Musical. por Alessandro Penezzi Noções Básicas de Teoria Musical por Alessandro Penezzi São Paulo, 1999 1) INTRODUÇÃO...4 a) Som é tudo o que ouvimos....4 b) Música é a arte de combinar sons....4 c) Notas Musicais...4 d) Grau Conjunto...5

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE LETRAS E ARTES INSTITUTO VILLA-LOBOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE LETRAS E ARTES INSTITUTO VILLA-LOBOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PROCESSO SELETIVO DISCENTE THE 2015 CANDIDATOS AOS CURSOS DE MÚSICA Testes de Habilidades Específicas (THE) INFORMATIVO PROVAS E PROGRAMAS Os Testes

Leia mais

ANEXO III CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS CURSOS DE MÚSICA, DANÇA E TEATRO VESTIBULAR 2015

ANEXO III CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS CURSOS DE MÚSICA, DANÇA E TEATRO VESTIBULAR 2015 ANEXO III CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS CURSOS DE MÚSICA, DANÇA E TEATRO VESTIBULAR 2015 O concurso Vestibular para os cursos de Dança, Música e Teatro compreendem, além das

Leia mais

TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO

TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO Componente Curricular OBOÉ FAGOTE FLAUTA TRANSVERSAL Temas respiração, aplicados ao ensino

Leia mais

Apostila de Teoria Musical Básica

Apostila de Teoria Musical Básica Apostila de Teoria Musical Básica Criação e edição: MIGUEL URTADO Distribuição: CÂNONE MUSICAL CÂNONE MUSICAL *Cursos relacionado a música* www.canone.com.br São Carlos Brasil Maio de 2009 ----**---- Para

Leia mais

Edital 03/FOSPA/2015. Viola de Arco turno tarde 1 Violoncelo turno tarde 2 Contrabaixo Acústico tocado com Arco turno tarde

Edital 03/FOSPA/2015. Viola de Arco turno tarde 1 Violoncelo turno tarde 2 Contrabaixo Acústico tocado com Arco turno tarde Edital 03/FOSPA/2015 O PRESIDENTE DA - FOSPA, no uso de suas atribuições legais que lhe confere o art. 17, inciso VII, Decreto nº 51.370, de 10 de abril de 2014, TORNA PÚBLICO A ABERTURA DAS INSCRIÇÕES

Leia mais

FUVEST - VESTIBULAR 2011 PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA

FUVEST - VESTIBULAR 2011 PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE COMUNICAÇÕES E ARTES DEPARTAMENTO DE MÚSICA FUVEST - VESTIBULAR 2011 PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA Curso: ( ) Licenciatura ( ) Canto ( ) Instrumento ( ) Regência ( ) Composição

Leia mais

Escola Básica 2,3/S Dr. Azevedo Neves

Escola Básica 2,3/S Dr. Azevedo Neves Escola Básica 2,3/S Dr. Azevedo Neves 5º e 6º ano Professor Hugo Costa 2009/2010 A Cappella música vocal sem acompanhamento de instrumentos musicais. Accelerando - Aumento gradual do andamento de uma parte

Leia mais

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E M I N A S G E R A I S

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E M I N A S G E R A I S U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E M I N A S G E R A I S CANTO PRÁTICA DE MÚSICA 2 a Etapa Peças a serem executadas: 1 - Cante uma ária de ópera do compositor Wolfgang Amadeus Mozart, originalmente

Leia mais

Música 2. PROGRAMA. Modalidades composição, regência e instrumento

Música 2. PROGRAMA. Modalidades composição, regência e instrumento Aptidão Música 1. INTRODUÇÃO O exame de aptidão em Música tem por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico. Em seu aspecto técnico, o exame avalia o conhecimento

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA

ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA A Secretaria Municipal de Cultura, por intermédio do Departamento do Teatro Municipal, faz saber que estarão abertas inscrições para seleção de novos alunos que deverão cursar

Leia mais

ESCOLA BÁSICA 2º CICLO GASPAR FRUTUOSO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO MUSICAL

ESCOLA BÁSICA 2º CICLO GASPAR FRUTUOSO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO MUSICAL ESCOLA BÁSICA 2º CICLO GASPAR FRUTUOSO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO MUSICAL 2011/2012 5º ANO Timbre: a qualidade do som que permite identificar a sua fonte. Figuras rítmicas: sinais musicais que indicam a duração

Leia mais

FUVEST - Vestibular 2014 Prova de Aptidão em Música GABARITO da PROVA TEÓRICA

FUVEST - Vestibular 2014 Prova de Aptidão em Música GABARITO da PROVA TEÓRICA FUVEST - Vestibular 2014 Prova de Aptidão em Música GABARITO da PROVA TEÓRICA Provas: A B C 1 a 2. Percepção musical 1. Ditado melódico modal a uma voz. O ditado será repetido sete vezes, sempre precedido

Leia mais

EDITAL Nº 02/2013 EXAME DE CLASSIFICAÇÃO DO CONSERVATÓRIO ESTADUAL DE MÚSICA JUSCELINO KUBITSCHEK DE OLIVEIRA- POUSO ALEGRE

EDITAL Nº 02/2013 EXAME DE CLASSIFICAÇÃO DO CONSERVATÓRIO ESTADUAL DE MÚSICA JUSCELINO KUBITSCHEK DE OLIVEIRA- POUSO ALEGRE Conservatório Estadual de Música Juscelino Kubitschek de Oliveira Rua Francisco Salles, nº 116 Telefax- 0XX35-3425-2800 CEP 37.550-000 - Pouso Alegre MG E-mail: cempajko@yahoo.com.br EDITAL Nº 02/2013

Leia mais

Música 1. INTRODUÇÃO 2. PROGRAMA. Instrumentos exigidos: Modalidades composição, regência e instrumento. Teoria Musical.

Música 1. INTRODUÇÃO 2. PROGRAMA. Instrumentos exigidos: Modalidades composição, regência e instrumento. Teoria Musical. Aptidão Música 1. INTRODUÇÃO O exame de aptidão em Música tem por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico. Em seu aspecto técnico, o exame avalia o conhecimento

Leia mais

Você quer se formar em Música?

Você quer se formar em Música? Você quer se formar em Música? Faça um dos cursos de Graduação em Música oferecidos pela Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás (EMAC/UFG)! 1) Quais são os Cursos Superiores

Leia mais

Prova Prática: Curso de Música

Prova Prática: Curso de Música Universidade do Estado de Santa Catarina Vestibular 2014.1 Prova Prática: Curso de Música NOME DO(A) CANDIDATO(A) Instruções Para fazer a prova você usará: este caderno de prova; um cartão-resposta que

Leia mais

A ordem do nome das notas

A ordem do nome das notas Teoria Musical1 Cap.1 Altura dos sons João Carlos Almeida 1 1. ALTURA O SOM tem quatro características principais: Altura sons graves, médios e agudos; Duração sons curtos e longos; Intensidade sons muito

Leia mais

Gramática e Teoria Musical

Gramática e Teoria Musical Gramática e Teoria Musical Hugo L. Ribeiro hugolribeiro@yahoo.com.br 15 de janeiro de 2007 1 Gramática Musical 1.1 Pentagrama É o conjunto de cinco linhas e quatro espaços sobre os quais se escrevem as

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EDITAL 12/2013

PROCESSO SELETIVO EDITAL 12/2013 PROCESSO SELETIVO EDITAL 12/2013 CARGO E UNIDADES: Instrutor de Música (Caicó) Atenção: NÃO ABRA este caderno antes do início da prova. Tempo total para resolução desta prova: 3 (três) horas. Assine no

Leia mais

Universidade Estadual de Maringá Escola de Música da UEM Educação Profissional Av. Colombo 5790 Campus Universitário Tel 44 3011-4383

Universidade Estadual de Maringá Escola de Música da UEM Educação Profissional Av. Colombo 5790 Campus Universitário Tel 44 3011-4383 EDITAL Nº 021/2013- EMU CERTIDÃO Certifico que o presente edital foi afixado em local de costume, nesta Escola e no site http://www.emu.uem.br, no dia 28/08/2013. Elizabeth Bif, Secretária. O Prof. Ms.

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2013 E MÓDULO III DO PISM TRIÊNIO PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA BACHARELADO EM MÚSICA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2013 E MÓDULO III DO PISM TRIÊNIO PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA BACHARELADO EM MÚSICA A questão 01 é acompanhada de um exemplo musical gravado, que será repetido 4 vezes, com um silêncio de 30 segundos entre cada repetição; um som de aviso (quatro toques ) aparecerá antes do extrato musical

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo e Design de Interiores

Arquitetura e Urbanismo e Design de Interiores Arquitetura e Urbanismo e Design de Interiores ATENÇÃO: O candidato deve apresentar-se com 30 minutos de antecedência, munido da cédula de identidade e do seguinte material para realização da prova: -

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MÚSICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MÚSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MÚSICA Teste de Habilidade Específica (THE) O Teste de Habilidade Específica (THE)

Leia mais

VESTIBULAR DE VERÃO 2015/1 PROGRAMA DAS DISCIPLINAS

VESTIBULAR DE VERÃO 2015/1 PROGRAMA DAS DISCIPLINAS COORDENADORIA DE VESTIBULARES E CONCURSOS/COVEST VESTIBULAR DE VERÃO 2015/1 PROGRAMA DAS DISCIPLINAS PROVA OBJETIVA LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA Compreensão e uso adequado da língua Construção

Leia mais

Habilidades Específ icas. Música

Habilidades Específ icas. Música Habilidades Específ icas Música 1. INTRODUÇÃO As provas de Habilidades Específicas em Música do Vestibular 2012 têm por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico.

Leia mais

CONCURSO VESTIBULAR 2014 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Inscrição. Assinatura: PROVA COLETIVA

CONCURSO VESTIBULAR 2014 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Inscrição. Assinatura: PROVA COLETIVA CONCURSO VESTIBULAR 2014 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA Nome do Candidato Inscrição Sala Assinatura: PROVA COLETIVA 1- A prova está dividida em 4 questões com as seguintes pontuações: Questão

Leia mais

Início em Arranjos Musicais

Início em Arranjos Musicais Marcelo Morales Torcato Início em Arranjos Musicais 1ª. Edição Pauliceia Marcelo Morales Torcato 2009 PRIMEIRA AULA. As notas musicais são sete: dó; ré; mi; fá; sol; lá; si. Também podem ser representadas

Leia mais

TEORIA ELEMENTAR DA MÚSICA

TEORIA ELEMENTAR DA MÚSICA Universidade Federal de Santa Maria Centro de Artes e Letras Departamento de Música TEORIA ELEMENTAR DA MÚSICA 2012 Teoria e Percepção Musical Prof. Pablo Gusmão Tópico Página 1 Notas musicais, pauta,

Leia mais

CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO

CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO - CAC CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO Coordenador do Curso: Prof. Rinaldo de Melo Fonseca IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1. Denominação dos Cursos:

Leia mais

1- PROVA OBJETIVA DE TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL (DE MÚLTIPLA ESCOLHA A, B, C, D E E).

1- PROVA OBJETIVA DE TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL (DE MÚLTIPLA ESCOLHA A, B, C, D E E). A Prova de Habilidade Específica em Música compreenderá: a) uma Prova Objetiva de Teoria e Percepção Musical e b) uma Prova Prática, cada uma delas eliminatória e classificatória. As provas versarão sobre

Leia mais

CONSERVATÓRIO BRASILEIRO DE MÚSICA CENTRO UNIVERSITÁRIO CBM-CeU

CONSERVATÓRIO BRASILEIRO DE MÚSICA CENTRO UNIVERSITÁRIO CBM-CeU CONSERVATÓRIO BRASILEIRO DE MÚSICA CENTRO UNIVERSITÁRIO CBM-CeU Fundado em 02 de Abril de 1936 Utilidade Pública EDITAL Nº. 001/2014, DE 15 DE JULHO DE 2013 A Direção do Conservatório Brasileiro de Música

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR VESTIBULAR 2013 MÚSICA INSTRUÇÕES - Ao receber este caderno de prova verifique se contém 30 questões. Caso contrário,

Leia mais

APRENDA MÚSICA Vol I 1. As notas musicais no endecagrama

APRENDA MÚSICA Vol I 1. As notas musicais no endecagrama APRENDA MÚSICA Vol I 1. As notas musicais no endecagrama Devido à grande extensão do teclado e conseqüentemente um grande número de notas, localizadas em diferentes oitavas, precisamos de dois pentagramas.

Leia mais

NORMAS PARA INGRESSO DE PORTADORES DE DIPLOMA DE CURSO SUPERIOR

NORMAS PARA INGRESSO DE PORTADORES DE DIPLOMA DE CURSO SUPERIOR NORMAS PARA INGRESSO DE PORTADORES DE DIPLOMA DE CURSO SUPERIOR Cursos de Educação Artística Licenciatura com Habilitação em Música, Música Bacharelado com Habilitação em Instrumento e Música Bacharelado

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVAS GLOBAIS DE FORMAÇÃO MUSICAL 2014/2015 12.º ANO / 8.º GRAU

INFORMAÇÃO PROVAS GLOBAIS DE FORMAÇÃO MUSICAL 2014/2015 12.º ANO / 8.º GRAU INFORMAÇÃO PROVAS GLOBAIS DE FORMAÇÃO MUSICAL 2014/2015 12.º ANO / 8.º GRAU 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova global do ensino secundário da disciplina de Formação

Leia mais

CONVOCAÇÃO PARA PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES DE MÚSICA

CONVOCAÇÃO PARA PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES DE MÚSICA CONVOCAÇÃO PARA PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES DE MÚSICA Encontram-se abertas, até as 18h do dia 18 de janeiro de 2012, as inscrições para o Processo Seletivo de professores de música para atuar no GURI

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 35/ 2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Música, Modalidade

Leia mais

16. TESTE DE HABILIDADE ESPÉCIFICA - THE

16. TESTE DE HABILIDADE ESPÉCIFICA - THE 16. TESTE DE HABILIDADE ESPÉCIFICA - THE 16.1. TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA (THE), CAMPUS I CURITIBA CURSO DATA LOCAL ENSALAMENTO 12,13 e 14 de novembro de 2014 Edital do Campus ARTES VISUAIS E MÚSICA

Leia mais

VESTIBULAR Caderno para a Prova de Habilidades Específicas. Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Curso de Música Licenciatura

VESTIBULAR Caderno para a Prova de Habilidades Específicas. Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Curso de Música Licenciatura VESTIBULAR 2016 Caderno para a Prova de Habilidades Específicas Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Curso de Música Licenciatura Dezembro de 2015 UFMS Sumário Instruções 3 Bibliografia 4 Partituras

Leia mais

FUVEST - VESTIBULAR 2012 PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA

FUVEST - VESTIBULAR 2012 PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE COMUNICAÇÕES E ARTES DEPARTAMENTO DE MÚSICA FUVEST - VESTIBULAR 2012 PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA Curso: ( ) Licenciatura ( ) Canto ( ) Instrumento ( ) Regência ( ) Composição

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUI SECRETARIA DE EDUCAÇAO E CULTURA FUNDAÇÃO CULTURAL DO PIAUÍ FUNDAC EDITAL Nº 0005/2015 DE 12 DE MARÇO DE 2015

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUI SECRETARIA DE EDUCAÇAO E CULTURA FUNDAÇÃO CULTURAL DO PIAUÍ FUNDAC EDITAL Nº 0005/2015 DE 12 DE MARÇO DE 2015 GOVERNO DO ESTADO DO PIAUI SECRETARIA DE EDUCAÇAO E CULTURA FUNDAÇÃO CULTURAL DO PIAUÍ FUNDAC EDITAL Nº 0005/2015 DE 12 DE MARÇO DE 2015 A Secretaria de Educação e Cultura do Estado do Piauí SEDUC torna

Leia mais

XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES REGULAMENTO

XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES REGULAMENTO XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES 1 DO OBJETIVO REGULAMENTO O XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES, promovido pela FOSPA - Fundação Orquestra

Leia mais

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação CURSO TÉCNICO EM CANTO Obs.: os candidatos inscritos em Canto Lírico realizarão a disciplina de prática de conjunto exclusivamente no Estúdio Ópera;

Leia mais

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação CURSO TÉCNICO EM CANTO Obs.: os candidatos inscritos em Canto Lírico realizarão a disciplina de prática de conjunto exclusivamente no Estúdio Ópera;

Leia mais

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO - HABILITAÇÃO EM INSTRUMENTO OU CANTO PROVA PRÁTICA DE INSTRUMENTO OU CANTO INFORMAÇÕES PRELIMINARES: A Prova

Leia mais

HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre

HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre 2017.2 APRECIAÇÃO MUSICAL OFICINA DE APRECIAÇÃO MUSICAL - A PARTIR DE 18 ANOS Análise de literatura musical e análise de instrumentos (seus timbres,

Leia mais

COMO LER E ESCREVER PARTITURAS - I

COMO LER E ESCREVER PARTITURAS - I COMO LER E ESCREVER PARTITURAS - I ALTURAS Philippe Lobo 03 Introdução Um pouco de História 06 Conhecimentos Preliminares Contextualização Teórica Cordas Soltas + Escala Cromática 08 Entendendo a Pauta

Leia mais

CORAL INFANTIL DO LICEU

CORAL INFANTIL DO LICEU CORAL INFANTIL DO LICEU : BAIRRO: C CEP: RG: ÓRGAO EMISSOR: NATURAL ESCOLAR / / GRUPO DE PRÁTICA DE SOPROS E PERCUSSÃO GPS ALUNO/BOLSISTA MONITOR/ BOLSISTA INSTRUMENTOS OBOÉ TROMPETE FLAUTA TRANSVERSAL

Leia mais

PROVA ESCRITA. 2. Tendo como referencia as escalas maiores abaixo,

PROVA ESCRITA. 2. Tendo como referencia as escalas maiores abaixo, PROVA ESCRITA 1. De acordo com o trecho musical abaixo assinale a alternativa que corresponde as notas escritas em suas devidas alturas, segundo a escala geral. A) Lá3-Sol3-Fá3-Fá4-Sol4-Lá4-Si2-Dó3-Lá2-Sol2-Lá3-Si3-Dó3.

Leia mais

Valores: R$ 21,00 (comerciário/dependente), R$ 37,00 (conveniado) e R$ 48,00 (usuário).

Valores: R$ 21,00 (comerciário/dependente), R$ 37,00 (conveniado) e R$ 48,00 (usuário). CURSOS DE MÚSICA DO SESC (2º Semestre) MODALIDADE INICIANTE 1) VIOLÃO POPULAR Este curso está direcionado ao estudo da música popular com acompanhamento harmônico. Serão praticadas canções do repertório

Leia mais

CONVOCATÓRIA PARA AUDIÇÃO DE MÚSICOS INSTRUMETISTAS E SOLITAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA JOVEM DA PARAÍBA OSJPB TEMPORADA 2015

CONVOCATÓRIA PARA AUDIÇÃO DE MÚSICOS INSTRUMETISTAS E SOLITAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA JOVEM DA PARAÍBA OSJPB TEMPORADA 2015 CONVOCATÓRIA PARA AUDIÇÃO DE MÚSICOS INSTRUMETISTAS E SOLITAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA JOVEM DA PARAÍBA OSJPB TEMPORADA 2015 O Presidente da FUNDAÇÃO ESPAÇO CULTURAL DA PARAÍBA - FUNESC, instituição de direito

Leia mais

Processo Seletivo ª Etapa Teoria Musical

Processo Seletivo ª Etapa Teoria Musical UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO Processo Seletivo 2012.1 2ª Etapa Teoria Musical Candidato (a): Feira de Santana, 27 de fevereiro de 2012. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA

Leia mais

Conteúdos Específicos Professor Ensino Superior - Licenciatura Plena ou Bacharelado - Habilidades Artístico Culturais - Música

Conteúdos Específicos Professor Ensino Superior - Licenciatura Plena ou Bacharelado - Habilidades Artístico Culturais - Música Conteúdos Específicos Professor Ensino Superior - Licenciatura Plena ou Bacharelado - Habilidades Artístico Culturais - Música 31) Em sua primeira fase, a música religiosa era essencialmente vocal, não

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO. Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens

PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO. Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens Ana Estevens, nº 120138001 Trabalho realizado na Unidade Curricular de Processos de Experimentação

Leia mais

INSTITUTO GREGORIANO DE LISBOA CURSOS BÁSICO E SECUNDÁRIO DE MÚSICA PIANO OBJECTIVOS GERAIS

INSTITUTO GREGORIANO DE LISBOA CURSOS BÁSICO E SECUNDÁRIO DE MÚSICA PIANO OBJECTIVOS GERAIS CURSOS BÁSICO E SECUNDÁRIO DE MÚSICA PIANO OBJECTIVOS GERAIS CURSO BÁSICO Desenvolver competências técnicas e artísticas através do estudo de um repertório diversificado. Trabalhar a compreensão do texto

Leia mais

Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa

Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa Sessão de Abertura - Excelentíssimo Senhor Secretário Regional da Educação e Recursos Humanos 10:00 do CEPAM Piano - António Rosado Bandolim - Percussão

Leia mais

Provas de Habilidades Específicas em Música Composição e Licenciatura

Provas de Habilidades Específicas em Música Composição e Licenciatura Provas de Habilidades Específicas em Música Composição e Licenciatura Percepção Ditado Melódico 1: Reconhecimento de notas erradas na partitura (duração da questão 01min 30s). 1. Ouviremos a seguir um

Leia mais

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA GUIGNARD CURSOS: ARTES PLÁSTICAS / BACHARELADO EDUCAÇÃO ARTÍSTICA / LICENCIATURA - HABILITAÇÃO EM ARTES PLÁSTICAS DESENHO O candidato deverá demonstrar

Leia mais

PRÁTICA INSTRUMENTAL AO PIANO

PRÁTICA INSTRUMENTAL AO PIANO PRÁTICA INSTRUMENTAL AO PIANO OBJECTIVOS GERAIS Desenvolver competências técnicas e artísticas através do estudo de um repertório diversificado. Trabalhar a compreensão do texto musical de modo a favorecer

Leia mais

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL 2016 Edital nº 02/2016/PROGRAD-UFAL. Curso INSTRUÇÕES GERAIS

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL 2016 Edital nº 02/2016/PROGRAD-UFAL. Curso INSTRUÇÕES GERAIS Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo

Leia mais

CADERNO DE QUESTÕES VESTIBULAR UNICAMP 2002

CADERNO DE QUESTÕES VESTIBULAR UNICAMP 2002 EXAME DE APTIDÃO EM MÚSICA 1. INTRODUÇÃO O Exame de Aptidão em Música tem por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico. Em seu aspecto técnico, o exame avalia

Leia mais

FORMAÇÃO E ESTRUTURAS DOS ACORDES; ESCALAS:

FORMAÇÃO E ESTRUTURAS DOS ACORDES; ESCALAS: FORMAÇÃO E ESTRUTURAS DOS ACORDES; ESCALAS: CROMÁTICA, DIATÔNICA, NATURAL, GREGAS, MELÓDICAS, HARMÔNICAS, DIMINUTAS, PENTATÔNICAS. SINAIS COMUNS E SÍMBOLOS MUSICAIS NOÇÕES DE IMPROVISAÇÃO: RITÍMICA, BASE

Leia mais

NOTAÇÃO MUSICAL TRADICIONAL: Como se escrever música?

NOTAÇÃO MUSICAL TRADICIONAL: Como se escrever música? NOTAÇÃO MUSICAL TRADICIONAL: Como se escrever música? A música é uma linguagem sonora como a fala. Assim como representamos a fala por meio de símbolos do alfabeto, podemos representar graficamente a música

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA AUDIÇÕES - ORQUESTRA SINFÔNICA CESGRANRIO:

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA AUDIÇÕES - ORQUESTRA SINFÔNICA CESGRANRIO: EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA AUDIÇÕES - ORQUESTRA SINFÔNICA CESGRANRIO: A FUNDAÇÃO CESGRANRIO visando contribuir com o desenvolvimento sociocultural da cidade do Rio de Janeiro, e de acordo com seus objetivos

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO N. o 203 3-9-1998 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-B 4595 mento. Pelo Ministro Adjunto, Fausto de Sousa Correia, Secretário de Estado da Administração Pública e da Modernização Administrativa. A Ministra da

Leia mais