APRESENTAÇÃO SEMINÁRIO EFICIÊNCIA ENERGÉTICA: AS GRANDES OPORTUNIDADES

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "APRESENTAÇÃO SEMINÁRIO EFICIÊNCIA ENERGÉTICA: AS GRANDES OPORTUNIDADES"

Transcrição

1 APRESENTAÇÃO O Jornal água&ambiente organiza o Seminário Eficiência Energética: as grandes oportunidades no próximo dia 26 de Junho de 2012, no Hotel Açores, em Lisboa. Numa altura em que a eficiência energética é apontada como um dos principais eixos políticos, a nível europeu e nacional, e em que é notória a premência da utilização racional da energia, a poupança energética e a progressiva consciencialização ambiental, tudo aponta para uma maior dinâmica e rápido crescimento do mercado dos serviços energéticos em Portugal. Por um lado, as Empresas de Serviços Energéticos (ESE) ganham terreno numa lógica de parcerias onde as melhorias de desempenho e objectivos de eficiência energética passam a assumir uma forma contratual. Por outro, os consumidores, em particular os setores da indústria e dos serviços, que representam 42% do consumo de energia final (DGEG 2010), registam como nunca, objectivos de poupança e necessidades de melhoria dos níveis de eficiência energética a que só as ESE podem dar resposta, pelos investimentos necessários e a exigência de resultados de poupança energética a atingir. É neste contexto que surge o Seminário Eficiência Energética: as grandes oportunidades que terá a recente revisão do Plano Nacional de Ação para a Eficiência Energética (PNAEE) como base para a discussão da nova dinâmica do mercado e do papel das empresas de serviços energéticos, recorrendo a casos práticos, pelos principais players do mercado. Em destaque neste Seminário, estão também a qualidade da energia e a sua influência na eficiência energética, a redução de custos para aumento da competitividade e as mais recentes tendências e soluções, nos setores da indústria e da administração pública. Reunindo as empresas, os organismos e serviços do Estado e os principais decisores do mercado dos serviços energéticos, o Seminário Eficiência Energética: as grandes oportunidades, para além da sua oportunidade e relevância, marca o momento daquele que é novo paradigma energético, onde a eficiência, o investimento e a garantia de resultados marcam o novo modelo de gestão energética em todo o país. 1

2 PÚBLICO-ALVO Gestores e técnicos da administração pública central, regional e local; Empresas de consultoria e prestadoras de serviços energéticos; Empresas, Associações e entidades dos setores da indústria, comércio e serviços; Empresas fornecedoras de equipamentos e serviços para a melhoria da eficiência energética; Agências Regionais e Municipais de Energia; Gestores de Energia; Projetistas, Consultores, Peritos qualificados e técnicos responsáveis pela gestão e manutenção de edifícios; Auditores energéticos e/ou ambientais; Universitários (mestrado e doutoramento) e Investigadores na área da energia. Gestores locais de energia 2

3 PROGRAMA MANHÃ 09h00 Recepção dos Participantes 09h30 A nova orientação política para o setor energético nacional: competitividade e sustentabilidade ambiental José Escada da Costa, Diretor-Geral, DGEG - Direção Geral de Energia e Geologia 10h15 Coffee Break 10h45 Que desenvolvimento para o mercado dos serviços energéticos? Moderador: Ivone Rocha, Departamento de Energia e Ambiente, JPAB - Novas soluções para o mercado energético - Desenvolvimento do modelo de negócio e de mercado das ESE - Novos modelos de gestão de energia - Poupança energética como oportunidade do sector - Ofertas inovadoras de energia elétrica no mercado português - Medição e verificação em contratos de desempenho energético - O crédito bancário para investimento na eficiência energética António Coutinho, EDP Nuno Ribeiro da Silva, Endesa Miguel Matias, SelfEnergy Cláudio Monteiro, SmartWatt Orador a designar, Siemens Orador a designar, Yunit 13h00 Almoço livre 3

4 PROGRAMA TARDE SESSÕES PARALELAS 15h00 GERAR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NA INDÚSTRIA - Soluções para a qualidade da energia elétrica na Indústria Pedro Geirinhas Rocha, Diretor da área de Inovação e Tecnologia, EDP Serviços - Sistemas de Gestão de Energia à luz da nova Norma ISO João Pombo, Responsável Energia, ISQ Instituto de Soldadura e Qualidade - Otimização de soluções nos Planos de Eficiência Energética na Indústria Nuno de Souza e Silva, Diretor-Geral, KEMA 16h20 Coffee-Break 16h40 GERAR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NA INDÚSTRIA (Continuação) - Oportunidades de eficiência energética em força motriz na Indústria Luís Hagatong, Diretor de Eficiência Energética, Schneider Electric - Oportunidades de eficiência energética em sistemas de ar comprimido José Salvador, Diretor, Atlas Copco - Oportunidades de eficiência energética em iluminação 18h00 Encerramento 4

5 PROGRAMA TARDE SESSÕES PARALELAS 15h00 GERAR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA - ECO.AP: da redução de custos ao cluster nacional de eficiência energética Dinis Rodrigues, Direção auditoria e edifícios, Agência para a Energia (ADENE) - Gestão eficiente dos recursos energéticos a nível local Eduardo Oliveira Fernandes, Professor, Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) - Projeto Gestor Remoto: caracterização dos consumos elétricos para a otimização energética 16h20 - Pausa para café 16h40 GERAR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (Continuação) - Soluções inovadoras e descentralizadas para uma maior rentabilidade energética nas cidades José de Melo Bandeira, Administrador Delegado, Dalkia - Monitorização remota de sinais: eficiência energética e redução dos custos de energia José Basílio, Presidente e CEO, ISA Inteligent Sensing Anywhere - Modelos de gestão para a eficiência energética no ensino superior: reduzir consumos, elevar a sustentabilidade Luís Castanheira, Professor, IPP - Instituto Politécnico do Porto 18h00 Encerramento 5

6 Contatos Conferências About Media INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES: Tel.: Fax: PARCERIAS: Tel.: Fax:

Contratos de Desempenho Energético. Jorge Borges de Araújo

Contratos de Desempenho Energético. Jorge Borges de Araújo 0 Contratos de Desempenho Energético Jorge Borges de Araújo 1 Agenda 1. APESE 2. Oportunidades de Eficiência Energética 3. Contratos de desempenho energético (Portugal) 2 1. APESE Associação Portuguesa

Leia mais

Evento EDIFÍCIOS BALANÇO. Rumo ao Impacte Nulo da Construção e Reabilitação nas Cidades. 22 Novembro Museu das Comunicações.

Evento EDIFÍCIOS BALANÇO. Rumo ao Impacte Nulo da Construção e Reabilitação nas Cidades. 22 Novembro Museu das Comunicações. Evento EDIFÍCIOS BALANÇO Rumo ao Impacte Nulo da Construção e Reabilitação nas Cidades PARTICIPE 22 Novembro 2011 Museu das Comunicações Lisboa ORGANIZAÇÃO UMA PUBLICAÇÃO APOIO APRESENTAÇÃO A conferência

Leia mais

Seminário Apoios Comunitários para o Ambiente e Energia

Seminário Apoios Comunitários para o Ambiente e Energia Seminário Apoios Comunitários para o Ambiente e Energia 4 de fevereiro de 2015 Enquadramento: Os Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEEI) para o período de 2014-2020 serão determinantes no

Leia mais

Banca, Centros Financeiros Internacionais e Fiscalidade

Banca, Centros Financeiros Internacionais e Fiscalidade Instituto de Formação Bancária IFB The Portuguese Bank Training Institute Associação Portuguesa de Bancos 06 Julho 2006 Seminário Banca, Centros Financeiros Internacionais e Fiscalidade Pertinência A crescente

Leia mais

EDIFÍCIOS BALANÇO. Rumo ao Impacte Nulo da Construção e Reabilitação nas Cidades. 22 Novembro Museu das Comunicações. Lisboa.

EDIFÍCIOS BALANÇO. Rumo ao Impacte Nulo da Construção e Reabilitação nas Cidades. 22 Novembro Museu das Comunicações. Lisboa. Evento EDIFÍCIOS BALANÇO Rumo ao Impacte Nulo da Construção e Reabilitação nas Cidades PARTICIPE 22 Novembro 2011 Museu das Comunicações Lisboa ORGANIZAÇÃO UMA PUBLICAÇÃO APOIO APRESENTAÇÃO A conferência

Leia mais

Substituição do antigo RSECE (Regulamento dos Sistemas Energéticos de Climatização em Edifícios) (1)

Substituição do antigo RSECE (Regulamento dos Sistemas Energéticos de Climatização em Edifícios) (1) A energia é indispensável para o funcionamento da generalidade das empresas, e em particular para os edifícios de comércio e serviços, responsáveis por mais de 40% do consumo de energia final na Europa.

Leia mais

NOVOS HÁBITOS SUSTENTÁVEIS SEMINÁRIO MINISTÉRIO DO AMBIENTE

NOVOS HÁBITOS SUSTENTÁVEIS SEMINÁRIO MINISTÉRIO DO AMBIENTE NOVOS HÁBITOS SUSTENTÁVEIS SEMINÁRIO MINISTÉRIO DO AMBIENTE Luanda 3 de Fevereiro de 2014 2 Novos Hábitos Sustentáveis Quem deve PARTICIPAR? Adquirir Competências. Partilhar Experiências. Decisores, Directores

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS PÚBLICOS E MODELO DE CONTRATAÇÃO PÚBLICA DAS ESE. (a propósito do Decreto-Lei n.º 29/2011, de 28 de Fevereiro)

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS PÚBLICOS E MODELO DE CONTRATAÇÃO PÚBLICA DAS ESE. (a propósito do Decreto-Lei n.º 29/2011, de 28 de Fevereiro) EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS PÚBLICOS E MODELO DE CONTRATAÇÃO PÚBLICA DAS ESE (a propósito do Decreto-Lei n.º 29/2011, de 28 de Fevereiro) Rui Medeiros Novembro 2011 I. Eficiência energética nos

Leia mais

DIRETIVA DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

DIRETIVA DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DIRETIVA DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA PRIORIDADES PARA PORTUGAL João Bernardo, DGEG Workshop QUERCUS: Eficiência Energética Desafios e Oportunidades para Portugal 6/março/2015 Principais normativos de orientação

Leia mais

16 e 17 de Novembro de 2016

16 e 17 de Novembro de 2016 6 e 7 de Novembro de 06 MAAT - Museu de Arte, Arquitectura e Tecnologia CONCEITO Promover e dignificar a profissão e o setor demonstrando o valor acrescentado que o FM pode representar em Portugal e já

Leia mais

Organização. A 1ª Conferência Internacional sobre Serviço ao Cliente e Contact Center realizada em Moçambique. 1ª Edição PATROCÍNIO GOLD:

Organização. A 1ª Conferência Internacional sobre Serviço ao Cliente e Contact Center realizada em Moçambique. 1ª Edição PATROCÍNIO GOLD: A 1ª Conferência Internacional sobre Serviço ao Cliente e Contact Center realizada em Moçambique 1ª Edição Oradores NUNO CARVALHO ROCHA Administrador e CFO da Contact Moçambique desde Fevereiro de 2013.

Leia mais

PROJECTOS DE EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO

PROJECTOS DE EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 18 / SI / 2009 SISTEMA DE INCENTIVOS À INOVAÇÃO (SI INOVAÇÃO) REFERENCIAL EMPRESAS DE SERVIÇOS DE ENERGIA (ESCO) PROJECTOS DE EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO 1.

Leia mais

Assunto: ABC Mercado Argélia

Assunto: ABC Mercado Argélia CIRCULAR 04/2010 (SF) RF / MS Lisboa, 12 de Janeiro de 2010 Assunto: ABC Mercado Argélia Prezado Associado, A aicep PortugalGlobal, com vista a proporcionar informações e conhecimentos sobre o mercado,

Leia mais

Investimento e financiamento, a relação com a banca. Luís Rêgo, Banco BPI

Investimento e financiamento, a relação com a banca. Luís Rêgo, Banco BPI 0 Investimento e financiamento, a relação com a banca Luís Rêgo, Banco BPI 1 Eficiência Energética Enquadramento Legal (1/2) 2 Mercado de serviços energéticos (Directiva 2006/32/CE, de 05 de Abril*) Metas

Leia mais

SEMINÁRIO A gestão eficiente de energia no setor público

SEMINÁRIO A gestão eficiente de energia no setor público SEMINÁRIO A gestão eficiente de energia no setor público 16 Novembro Teatro Aveirense - Aveiro Os Modelos ESE Sofia Tavares EDP Comercial Agenda 1 2 ESE Empresas de Serviços Energéticos O conceito Eco.AP

Leia mais

SEMINÁRIO ILUSTRAR A TRANSIÇÃO PARA A ISO 9001:2015 E ISO

SEMINÁRIO ILUSTRAR A TRANSIÇÃO PARA A ISO 9001:2015 E ISO SEMINÁRIO ILUSTRAR A TRANSIÇÃO PARA A ISO 9001:2015 E ISO 14001:2015 Datas e Locais PORTO 18 MAIO LISBOA 25 MAIO COIMBRA 24 MAIO Atualmente as organizações deparam-se com um novo paradigma de gestão, alavancado

Leia mais

As Empresas de Serviços Energéticos

As Empresas de Serviços Energéticos As Empresas de Serviços Energéticos Lisboa, Março 2013 Miguel Matias Presidente da APESE Vice-Presidente Self Energy A Eficiência Energética na Cidade oportunidade na Reabilitação Urbana In Smart Grids

Leia mais

Capitalizar a formação técnica. Jorge Barata Marques

Capitalizar a formação técnica. Jorge Barata Marques Capitalizar a formação técnica Jorge Barata Marques Lisboa, 27 setembro 2016 Capitalizar a formação técnica Empregabilidade a nível global Empregabilidade a nível nacional Build Up Skills O papel da ADENE

Leia mais

A Prevenção da Fraude Financeira

A Prevenção da Fraude Financeira Instituto de Formação Bancária IFB The Portuguese Bank Training Institute Associação Portuguesa de Bancos 10 Novembro 2006 Seminário A Prevenção da Fraude Financeira Pertinência Numa era em que as tecnologias

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais.  PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

RISCO DE TESOURARIA. Gestão de Operações e. 2ª Edição Curso Prático. Inscreva-se em OSEUFORMADOR

RISCO DE TESOURARIA. Gestão de Operações e. 2ª Edição Curso Prático. Inscreva-se em OSEUFORMADOR 2ª Edição Curso Prático Gestão de Operações e RISCO DE TESOURARIA SAIBA COMO REALIZAR UMA GESTÃO EFICIENTE, REDUZIR OS RISCOS E CONTROLAR O CASH FLOW OSEUFORMADOR Lisboa, 21, 22 e 23 de Novembro de 2016

Leia mais

A Nova Regulamentação de Eficiência Energética dos Edifícios. Ordem dos Engenheiros, 25 de Fevereiro de 2014

A Nova Regulamentação de Eficiência Energética dos Edifícios. Ordem dos Engenheiros, 25 de Fevereiro de 2014 A Nova Regulamentação de Eficiência Energética dos Edifícios Ordem dos Engenheiros, 25 de Fevereiro de 2014 Filiações Associação empresarial de âmbito nacional Cerca de 170 empresas 9.000 postos de trabalho

Leia mais

PNPOT. Território e Economia Circular. Energia. Gabriela Prata Dias. Lisboa, 27 outubro 2016

PNPOT. Território e Economia Circular. Energia. Gabriela Prata Dias. Lisboa, 27 outubro 2016 PNPOT Território e Economia Circular Energia Gabriela Prata Dias Lisboa, 27 outubro 2016 Temas Eficiência energética em Portugal Energia e economia circular Transição energética para um novo paradigma

Leia mais

CCILF Evento SEMINÁRIO, ALMOÇO E MESAS REDONDAS O MERCADO FRANCÊS DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

CCILF Evento SEMINÁRIO, ALMOÇO E MESAS REDONDAS O MERCADO FRANCÊS DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CCILF Evento A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa apresenta, em parceria com a SEMINÁRIO, ALMOÇO E MESAS REDONDAS O MERCADO FRANCÊS DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO COMO TER ACESSO AO MERCADO? REUNIÕES

Leia mais

II CURSO PÓS-GRADUADO DE ACTUALIZAÇÃO SOBRE DIREITO DOS RESÍDUOS

II CURSO PÓS-GRADUADO DE ACTUALIZAÇÃO SOBRE DIREITO DOS RESÍDUOS II CURSO PÓS-GRADUADO DE ACTUALIZAÇÃO SOBRE DIREITO DOS RESÍDUOS Coordenação científica: Prof. Doutor João Miranda / Prof. Doutor Rui Cunha Marques (IST) Mestre Ana Luísa Guimarães / Mestre Mark Kirkby

Leia mais

ECO.AP. 29 de Março de 2011

ECO.AP. 29 de Março de 2011 ECO.AP 29 de Março de 2011 1 O SUCH como Empresa de Serviços Energéticos 2 Energia Concluído o quadro legislativo aplicável à formatação e execução de contratos de gestão de eficiência energética, a celebrar

Leia mais

5 dezembro 2014 (sexta-feira) Sessões de palestras 3 e 4 dezembro 2014 (quarta e quinta-feira) Cursos de formação PROGRAMA

5 dezembro 2014 (sexta-feira) Sessões de palestras 3 e 4 dezembro 2014 (quarta e quinta-feira) Cursos de formação PROGRAMA 5 dezembro 2014 (sexta-feira) Sessões de palestras 3 e 4 dezembro 2014 (quarta e quinta-feira) Cursos de formação PROGRAMA Abertura Sessão 1: O conhecimento geológico de base Sessão 2: Georrecursos e atração

Leia mais

Aviso E EEA/2010 UTILIZAÇÃO RACIONAL DE ENERGIA E EFICIÊNCIA ENERGETICO- AMBIENTAL EM EQUIPAMENTOS COLECTIVOS

Aviso E EEA/2010 UTILIZAÇÃO RACIONAL DE ENERGIA E EFICIÊNCIA ENERGETICO- AMBIENTAL EM EQUIPAMENTOS COLECTIVOS Aviso E EEA/2010 UTILIZAÇÃO RACIONAL DE ENERGIA E EFICIÊNCIA ENERGETICO- AMBIENTAL EM EQUIPAMENTOS COLECTIVOS Instituições Particulares sem Fins Lucrativos e Associações Desportivas de Utilidade Pública

Leia mais

Fonte:

Fonte: Fonte: www.cm-seixal.pt O Parque Industrial do Seixal PIS 1 Freguesia da Zona Aldeia não de habitacional Paio Pires 3 O Parque Industrial do Seixal PIS 1 4 O Parque Industrial do Seixal PIS 1 Construído

Leia mais

João Mariz Graça,

João Mariz Graça, Formação Para as Renováveis e Eficiência Energética no sector da Construção João Mariz Graça, joao.mariz@lneg.pt Formação Para as Renováveis e Eficiência Energética no sector da Construção 1 O Projecto

Leia mais

Célia Laranjeira Gil Nadais Município de Águeda

Célia Laranjeira Gil Nadais Município de Águeda Célia Laranjeira Gil Nadais Município de Águeda 11 Municípios 1 Comunidade Intermunicipal 1 Projeto de Sustentabilidade A RUCI da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro, visa desenvolver uma estratégia

Leia mais

6ªEd.Lisboa.Porto.Braga.Coimbra

6ªEd.Lisboa.Porto.Braga.Coimbra 6ªEd.Lisboa.Porto.Braga.Coimbra 28 horas de formação teórico-prática 55 horas de formação prática aplicada 7 horas de contacto com fornecedores de software comercial Datas de realização: Lisboa: 8 de Setembro

Leia mais

Etiquetagem Energética de Elevadores ABRIL 2015

Etiquetagem Energética de Elevadores ABRIL 2015 Etiquetagem Energética de Elevadores ABRIL 2015 Conteúdos Os elevadores em Portugal O Sistema de Etiquetagem Energética de Produtos (SEEP) A etiquetagem energética de elevadores Aderir ao SEEP Próximos

Leia mais

Seminário: Eficiência energética no sector Agropecuário e Agroindústrias

Seminário: Eficiência energética no sector Agropecuário e Agroindústrias Seminário: Eficiência energética no sector Agropecuário e Agroindústrias EDP Comercial 30 de Abril de 2014 A EDP tem uma abordagem sectorial para os serviços de energia e eficiência energética, por forma

Leia mais

Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos

Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos SECÇÃO 4 Apoio à eficiência energética, à gestão inteligente da energia e à utilização das energias renováveis nas infraestruturas públicas da Administração Local Objetivos Específicos: Os apoios têm como

Leia mais

Eficiência Energética nos Edifícios da Administração Pública Central

Eficiência Energética nos Edifícios da Administração Pública Central Sessão de Esclarecimentos sobre Aviso Concurso PO SEUR 03-2016-65 Eficiência Energética nos Edifícios da Administração Pública Central João Bernardo Laboratório Nacional de Engenharia Civil 17 de novembro

Leia mais

Governo das Sociedades e Mercado de Capitais

Governo das Sociedades e Mercado de Capitais Instituto de Formação Bancária IFB The Portuguese Bank Training Institute Associação Portuguesa de Bancos 28 Setembro 2006 Seminário Governo das Sociedades e Mercado de Capitais Reforma Legislativa DMIF

Leia mais

28 horas de formação teórico-prática 55 horas de formação prática aplicada 7 horas de contacto com fornecedores de software comercial

28 horas de formação teórico-prática 55 horas de formação prática aplicada 7 horas de contacto com fornecedores de software comercial 4ª Edição - 2016 28 horas de formação teórico- 55 horas de formação aplicada 7 horas de contacto com fornecedores de software comercial Datas de realização: Porto 16 de Setembro a 26 de Novembro de 2016

Leia mais

e Tecnologia da Energia O ENERGYIN e a aposta portuguesa na Energia Offshore Lisboa 14 de Maio de 2010

e Tecnologia da Energia O ENERGYIN e a aposta portuguesa na Energia Offshore Lisboa 14 de Maio de 2010 Pólo da Competitividade e Tecnologia da Energia O ENERGYIN e a aposta portuguesa na Energia Offshore Lisboa 14 de Maio de 2010 LIS-143096080926 Evolução (quase) disruptiva do paradigma energético Formas

Leia mais

Como estamos organizados

Como estamos organizados A nossa missão PROPORCIONAR AOS EMPRESÁRIOS PORTUGUESES E BRASILEIROS INFORMAÇÕES, SERVIÇOS E OPORTUNIDADES DE NETWORKING QUE RESULTEM NO ESTIMULO E CRESCIMENTO DOS NEGÓCIOS ENTRE AS SUAS EMPRESAS. Como

Leia mais

Pensões e Saúde na Banca

Pensões e Saúde na Banca Instituto de Formação Bancária IFB The Portuguese Bank Training Institute Associação Portuguesa de Bancos Seminário Pensões e Saúde na Banca Lisboa, 18 Novembro 2008 Razão de Ser O tema das pensões de

Leia mais

ACÇÕES FUNDAÇÃO AIP EM MOÇAMBIQUE EM 2016

ACÇÕES FUNDAÇÃO AIP EM MOÇAMBIQUE EM 2016 ACÇÕES FUNDAÇÃO AIP EM MOÇAMBIQUE EM 2016 11 a 14 de Maio Expoconstrução Tektónica Moçambique (parceria Fundação AIP com o Ministério da Industria e do Comércio de Moçambique através do Ipex) e apoio da

Leia mais

As políticas e prioridades para a Eficiência Energética e para as Energias Renováveis em Portugal Isabel Soares Diretora de Serviços

As políticas e prioridades para a Eficiência Energética e para as Energias Renováveis em Portugal Isabel Soares Diretora de Serviços As políticas e prioridades para a Eficiência Energética e para as Energias Renováveis em Portugal Isabel Soares Diretora de Serviços Lisboa, 15 de julho de 2016 Ordem dos Engenheiros Oportunidades de Financiamento

Leia mais

A quem se destina. Principais Benefícios. Empresas que pretendam reduzir os seus consumos energéticos localização: Norte Centro

A quem se destina. Principais Benefícios. Empresas que pretendam reduzir os seus consumos energéticos localização: Norte Centro FORMAÇÃO FORMAÇÃO A quem se destina Empresas que pretendam reduzir os seus consumos energéticos localização: Norte Centro Principais Benefícios Conhecimento do perfil energético da empresa; Verificação

Leia mais

CAFÉ COM LEI Cíclo de Palestras Jurídicas dirigidas às PME s

CAFÉ COM LEI Cíclo de Palestras Jurídicas dirigidas às PME s AMORIM TEIXEIRA, COUTO, BORGAS & ASSOCIADOS, SOCIEDADE DE ADVOGADOS, R.L. apresenta CAFÉ COM LEI Cíclo de Palestras Jurídicas dirigidas às PME s OS DESAFIOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DO SECTOR

Leia mais

Ordem dos Engenheiros Encontro Nacional de Engenharia Civil

Ordem dos Engenheiros Encontro Nacional de Engenharia Civil 1 Ordem dos Engenheiros Encontro Nacional de Engenharia Civil Estratégia Nacional de Energia Barragens e Mini-Hídricas Luís Braga da Cruz (FEUP) PORTO 21 de Maio de 2011 2 Índice 1. Estratégia Nacional

Leia mais

Atividade Associativa

Atividade Associativa Atividade Associativa Circular n.º 35/2013 12 de abril de 2013 Assunto: Sessão de Esclarecimento REVITALIZAÇÃO/ RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS Caro Associado, A AICOPA irá promover no próximo dia 23 de abril,

Leia mais

MOTIVAÇÃO PARA A QUALIDADE

MOTIVAÇÃO PARA A QUALIDADE MOTIVAÇÃO PARA A QUALIDADE Irene Szyszka 07/11/2002 Lucem Sistemas Integrados de Gestão - Direitos Reservados 1 O QUE É MOTIVAÇÃO? MOTIVOS PARA AÇÃO??? Segundo Michaelis: Ato de motivar. Espécie de energia

Leia mais

Soluções de Eficiência PME. Iluminação Eficiente

Soluções de Eficiência PME. Iluminação Eficiente A iluminação apresenta uma elevada importância no consumo elétrico A iluminação é um elemento essencial na vida moderna, apresentando um peso relevante no consumo de energia elétrica a nível mundial. Também

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL Teoria em Serviço Social: Os Caminhos (não) Percorridos

SERVIÇO SOCIAL Teoria em Serviço Social: Os Caminhos (não) Percorridos IX Seminário Internacional de SERVIÇO SOCIAL 1917-2017 Teoria em : Os Caminhos (não) Percorridos Pelo Centenário da publicação da obra Diagnóstico Social de Mary Richmond FCH/UCP Lisboa 1 & 2 Junho 2017

Leia mais

Cerca de 30% do consumo eléctrico no Comércio e Serviços

Cerca de 30% do consumo eléctrico no Comércio e Serviços Os motores elétricos apresentam um papel fundamental nas empresas, o que se reflete igualmente num peso elevado nos custos energéticos associados ao seu funcionamento. Cerca de 70% do consumo eléctrico

Leia mais

Unhais da Serra, 9 10 NOV. 2016

Unhais da Serra, 9 10 NOV. 2016 Unhais da Serra, 9 10 NOV. 2016 Programa da Sessão 09:30 Receção dos Participantes 10:00 Sessão de Abertura Helder Pedro Gerente da Valorpneu Carlos Martins Secretário de Estado do Ambiente 10:30 Economia

Leia mais

Formação Para as Renováveis e Eficiência Energética no sector da Construção. João Mariz Graça,

Formação Para as Renováveis e Eficiência Energética no sector da Construção. João Mariz Graça, Formação Para as Renováveis e Eficiência Energética no sector da Construção João Mariz Graça, joao.mariz@lneg.pt Formação Para as Renováveis e Eficiência Energética no sector da Construção 1 O Projecto

Leia mais

e.newsletter Congresso Nacional GS1 Portugal_ CONGRESSO NACIONAL GS1 PORTUGAL 2014 Comissão organizadora Patrocinadores

e.newsletter Congresso Nacional GS1 Portugal_ CONGRESSO NACIONAL GS1 PORTUGAL 2014 Comissão organizadora Patrocinadores CONGRESSO NACIONAL GS1 PORTUGAL 2014 Comissão organizadora.01 Reserve na agenda: 23 de outubro, no Museu do Oriente, em Lisboa. É este o dia e o local do II Congresso Nacional da GS1 Portugal [de] Coding

Leia mais

FINICIA E QREN APOIO AO FINANCIAMENTO DE START-UP

FINICIA E QREN APOIO AO FINANCIAMENTO DE START-UP FINICIA E QREN APOIO AO FINANCIAMENTO DE START-UP Programas de Mercado Programas Programmes para o Along Ciclothe de Business Vida das Life Empresas Cycle FINICIA FINCRESCE FINTRANS FINICIA Financiamento

Leia mais

Negociação para Administradores e Executivos

Negociação para Administradores e Executivos www.pwcacademy.pt Negociação para Administradores e Executivos 15 e 16 de Dezembro de 2011 Academia da PwC Um curso com especial incidência sobre as competências essenciais da negociação para a alta direcção,

Leia mais

Escola SENAI Comendador Santoro Mirone

Escola SENAI Comendador Santoro Mirone Escola SENAI Comendador Santoro Mirone NÚCLEO DE ENERGIA & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA 16 ÁREAS INDUSTRIAIS 22 NÚCLEOS DE TECNOLOGIA ALIMENTOS & BEBIDAS ENERGIA AUTOMAÇÃO & ELETRÔNICA CERÂMICA CONSTRUÇÃO CIVIL

Leia mais

O futuro do mercado dos serviços energéticos. Cláudio Monteiro, SMARTWATT

O futuro do mercado dos serviços energéticos. Cláudio Monteiro, SMARTWATT 0 O futuro do mercado dos serviços energéticos Cláudio Monteiro, SMARTWATT 1 De que depende o futuro de Serviços Energéticos? 2 Depende da valorização da eficiência por parte dos consumidores Depende da

Leia mais

Grupo Portucel Soporcel promove Conferência Internacional As Plantações na Floresta de Amanhã

Grupo Portucel Soporcel promove Conferência Internacional As Plantações na Floresta de Amanhã Grupo Portucel Soporcel promove Conferência Internacional As Plantações na Floresta de Amanhã A Floresta foi o tema central da Conferência Internacional As Plantações na Floresta de Amanhã, que o grupo

Leia mais

REDUZIR O PROBLEMA - UMA MELHOR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

REDUZIR O PROBLEMA - UMA MELHOR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA CONFERÊNCIA O FUTURO ENERGÉTICO EM PORTUGAL REDUZIR O PROBLEMA - UMA MELHOR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS Joaquim Borges Gouveia bgouveia@ua.pt DEGEI UAVEIRO 21 de Abril de 2009 Consumo de Energia

Leia mais

O Operador de Rede de Distribuição como facilitador na promoção da eficiência energética e a implementação no terreno de diferentes projectos

O Operador de Rede de Distribuição como facilitador na promoção da eficiência energética e a implementação no terreno de diferentes projectos O Operador de Rede de Distribuição como facilitador na promoção da eficiência energética e a implementação no terreno de diferentes projectos João Torres EDP Distribuição Coimbra, 8 de Setembro de 2011

Leia mais

A Regulação do Sector Energético

A Regulação do Sector Energético A Regulação do Sector Energético Apresentação realizada na FEUC Vítor Santos 25 de Maio de 2012 Agenda 1. Dimensões estratégicas da liberalização do setor energético 2. Liberalização do sector Energético

Leia mais

14º Encontro de Energia - FIESP

14º Encontro de Energia - FIESP 14º Encontro de Energia - FIESP Aspectos Normativos e Legais da Eficiência Energética A contribuição da norma ISO 50001 para a Eficiência Energética São Paulo, 06 de agosto de 2013 Objetivo Promover a

Leia mais

O Workshop contou com painel de oradores oriundos de várias áreas ver Programa no final.

O Workshop contou com painel de oradores oriundos de várias áreas ver Programa no final. Introdução O Workshop Novas Forças Económicas e Sociais para Vencer a Crise: A Questão do Género no Sector do Turismo inseriu-se no âmbito de um Projecto Internacional de Investigação em curso na Universidade

Leia mais

Agenda Factores de Competitividade

Agenda Factores de Competitividade QREN Agenda Factores de Competitividade 12 Novembro 07 1 Objectivos desenvolvimento de uma economia baseada no conhecimento e na inovação; incremento da produção transaccionável e de uma maior orientação

Leia mais

A IDC Portugal realizou a edição de 2016 do Mobility Forum, no dia 27 de Setembro, no Hotel Pestana Palace, Lisboa.

A IDC Portugal realizou a edição de 2016 do Mobility Forum, no dia 27 de Setembro, no Hotel Pestana Palace, Lisboa. Resumo do Evento APRESENTAÇÃO A IDC Portugal realizou a edição de 2016 do Mobility Forum, no dia 27 de Setembro, no Hotel Pestana Palace, Lisboa. Durante o encontro, foram analisadas as últimas tendências

Leia mais

Quem ouve esquece, quem vê lembra, quem faz aprende.

Quem ouve esquece, quem vê lembra, quem faz aprende. Quem ouve esquece, quem vê lembra, quem faz aprende. 2 ÍNDICE O que é o CASO EMPRESARIAL INTERNACIONAL On-The-Road? Quais as Vantagens Quem pode participar Step by Step Programa Geral de Viagem à Europa

Leia mais

Engineering Solutions Consulting. Consulting

Engineering Solutions Consulting. Consulting Engineering Solutions Consulting Consulting Missão e compromisso A nossa missão é proporcionar uma abordagem inovadora, diferenciadora e que aporte valor, com uma equipa jovem, dedicada, empenhada e qualificada,

Leia mais

CYBERSECURITY FORUM OS DESAFIOS DA SEGURANÇA NA 3ª PLATAFORMA TECNOLÓGICA

CYBERSECURITY FORUM OS DESAFIOS DA SEGURANÇA NA 3ª PLATAFORMA TECNOLÓGICA ORGANIZAÇÃO APOIO CYBERSECURITY FORUM GOLD SILVER PARCEIRO TECNOLÓGICO AGENDA 09h00 SESSÃO DE ABERTURA Representante do Instituto de Estudos Superiores Militares CALM Mário Carmo Durão, Presidente da AFCEA

Leia mais

AUDITORIAS ENERGÉTICAS BENEFÍCIOS PARA A COMPETIVIDADE. CLÁUDIO CASIMIRO

AUDITORIAS ENERGÉTICAS BENEFÍCIOS PARA A COMPETIVIDADE. CLÁUDIO CASIMIRO AUDITORIAS ENERGÉTICAS BENEFÍCIOS PARA A COMPETIVIDADE CLÁUDIO CASIMIRO claudio.casimiro@ceeeta.pt A única coisa que sabemos sobre o futuro é que será diferente Peter Drucker Paradigma Actual - UE Nos

Leia mais

Etiquetagem Energética de Produtos. 11 de novembro Custóias

Etiquetagem Energética de Produtos. 11 de novembro Custóias Etiquetagem Energética de Produtos 11 de novembro Custóias Produtos abrangidos pela diretiva europeia Foco da Comissão Europeia nos produtos que consomem energia Impacto direto no consumo de energia (Produtos

Leia mais

Sessão Nacional de Divulgação e Informação sobre o Programa para o Ambiente e a Ação Climática (LIFE) 2017

Sessão Nacional de Divulgação e Informação sobre o Programa para o Ambiente e a Ação Climática (LIFE) 2017 Sessão Nacional de Divulgação e Informação sobre o Programa para o Ambiente e a Ação Climática (LIFE) 2017 Auditório do LNEC, Lisboa, 25 de janeiro de 2017 Isabel Lico DGA 25/01/2017 Instrumentos Financeiros

Leia mais

Consolidar o universo da energia

Consolidar o universo da energia Consolidar o universo da energia Consolidar o universo da energia O Novo Banco tem vindo a minimizar a pegada ambiental com enfoque na proteção do ambiente e prevenção das alterações climáticas. As principais

Leia mais

Enquadramento. Estratégia Europa 2020: Seminário Energia e Ambiente - Empresas

Enquadramento. Estratégia Europa 2020: Seminário Energia e Ambiente - Empresas Seminário Energia e Ambiente - Empresas Enquadramento Estratégia Europa 2020: Reduzir as emissões de gases com efeito de estufa em pelo menos 20 % relativamente aos níveis 1990 Aumentar para 20 % a quota

Leia mais

Inquérito Global sobre Empresas Familiares 2016

Inquérito Global sobre Empresas Familiares 2016 Inquérito Global sobre Empresas Familiares 2016 w w w. e m p r e s a s f a m i l i a r e s. p t Inquérito Global das Empresas Familiares 2016 -PwC Estudo internacional destaca importância de empresas familiares

Leia mais

PLANO NACIONAL DE ACÇÃO PARA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA RESULTADOS 2010

PLANO NACIONAL DE ACÇÃO PARA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA RESULTADOS 2010 PLANO NACIONAL DE ACÇÃO PARA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA RESULTADOS 2010 0 Execução acima dos objectivos Será superada a meta a 2015, mantendo a actual tendência de crescimento Economias energéticas acumuladas

Leia mais

ÍNDICE. Sistema de Certificação Energética. Revisão da Legislação. Edifícios Sustentáveis. A importância da legislação

ÍNDICE. Sistema de Certificação Energética. Revisão da Legislação. Edifícios Sustentáveis. A importância da legislação Edifícios Sustentáveis. A importância da legislação Congresso LiderA 2011 IST Lisboa, 25 e 26 de Maio de 2011 ADENE Agência para a Energia Nuno Baptista sce@adene.pt ÍNDICE Sistema de Certificação Evolução

Leia mais

VI Conferência Anual da RELOP

VI Conferência Anual da RELOP VI Conferência Anual da RELOP Novos Desafios para a Regulação do Setor Energético Vitor Santos, Presidente da ERSE Luanda, 30 de Maio de 2013 Agenda 1. Dimensões estratégicas da liberalização do sector

Leia mais

A IDC Portugal, em colaboração com um conjunto de parceiros, realizou o CIO SUMMIT 2016 no dia 28 de Junho, no Hotel Dom Pedro Palace, em Lisboa.

A IDC Portugal, em colaboração com um conjunto de parceiros, realizou o CIO SUMMIT 2016 no dia 28 de Junho, no Hotel Dom Pedro Palace, em Lisboa. APRESENTAÇÃO A IDC Portugal, em colaboração com um conjunto de parceiros, realizou o no dia 28 de Junho, no Hotel Dom Pedro Palace, em Lisboa. Naquela que foi já a 6ª edição desta conferência anual, mais

Leia mais

Estratégia do Alto Alentejo

Estratégia do Alto Alentejo Por um Crescimento Sustentável nas Regiões Portuguesas Estratégia do Alto Alentejo TIAGO GAIO Director da AREANATejo Porto, 7 de Junho de 2013 Missão e Objectivos Promover e desenvolver actividades que

Leia mais

Curso de Formação Intensiva: Comunicação com os media

Curso de Formação Intensiva: Comunicação com os media Curso de Formação Intensiva: Comunicação com os media 1. Objetivos gerais Dar a conhecer as especificidades do contexto mediático português e dotar os participantes de capacidades e competências técnicas

Leia mais

A eficiência energética e o Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC)

A eficiência energética e o Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC) A eficiência energética e o Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC) Seminário Eficiência Energética no Setor Agropecuário e Agroindústrias Escola Superior Agrária de Coimbra

Leia mais

13 th practical course

13 th practical course 13 th practical course prostate ultrasound and biopsy 4 th INTERNATIONAL WORKSHOP ON PROSTATE BIOPSY May 31 to June 01, 2012 Hospital Militar Principal Lisbon, Portugal ORGANIZATION HOSPITAL MILITAR PRINCIPAL

Leia mais

VII ENCONTRO INTERNACIONAL DE TURISMO

VII ENCONTRO INTERNACIONAL DE TURISMO VII ENCONTRO INTERNACIONAL DE TURISMO PRAIA / MINDELO / SANTA MARIA / AMADORA 4 a 7 de dezembro de 2016 Sede e Secretariado do Evento, Hotel Oásis Praia Mar PROGRAMA* Cocktail de Boas Vindas Animação artística

Leia mais

Sessão de Negócios Multisetorial Micro e Pequenas Empresas

Sessão de Negócios Multisetorial Micro e Pequenas Empresas Sessão de Negócios Multisetorial Micro e Pequenas Empresas Sessão de Negócios tem como objetivo ser um instrumento de estímulo e fomento de negócios, vindo a atender à necessidade de integração empresarial

Leia mais

Compras Públicas Ecológicas: o papel do consumidor Estado. Paula Trindade LNEG

Compras Públicas Ecológicas: o papel do consumidor Estado. Paula Trindade LNEG Compras Públicas Ecológicas: o papel do consumidor Estado Paula Trindade LNEG Conferência Consumo Sustentável e Alterações Climáticas Alfragide, 26 Novembro 2009 Potencial das Compras Públicas Sustentáveis

Leia mais

BIOLOGIA CELULAR, BIOLOGIA MOLECULAR E GENÉTICA:

BIOLOGIA CELULAR, BIOLOGIA MOLECULAR E GENÉTICA: PÓS-GRADUAÇÃO BIOLOGIA CELULAR, BIOLOGIA MOLECULAR E GENÉTICA: DESENVOLVIMENTOS CIENTÍFICOS RECENTES E NOVAS PERSPECTIVAS DE ENSINO DIRECÇÃO DO CURSO Joana ROBALO Professora Auxiliar, ISPA - Instituto

Leia mais

Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC)

Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC) Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC) Caracterização do PPEC Objetivos e promotores elegíveis O que é o PPEC O PPEC é estabelecido pela ERSE no Regulamento Tarifário do

Leia mais

Crise Social & Crise das Políticas Sociais

Crise Social & Crise das Políticas Sociais V Seminário International do CESSS Crise Social & Crise das Políticas Sociais Lisboa 31Maio & 1 Junho 2012 Sala 121 FCH I. Contexto e Objectivos Este seminário enquadra-se no âmbito do plano de actividades

Leia mais

FÓRUM DO MAR 2013 DESAFIOS DO MAR 2020 ORGANIZAÇÃO: OCEANO XXI E AEP. Proposta de Programa ( )

FÓRUM DO MAR 2013 DESAFIOS DO MAR 2020 ORGANIZAÇÃO: OCEANO XXI E AEP. Proposta de Programa ( ) DESAFIOS DO MAR 2020 ORGANIZAÇÃO: OCEANO XXI E AEP Proposta de Programa (21.03.2013) Dia 29 de maio, quarta-feira Conferência O Mar na Estratégia da UE 2020 09h00: Sessão de Abertura - José António Barros,

Leia mais

Simpósio Brasil-Alemanha Construção sustentável e com baixo consumo de energia. Implementação. - Temas - Cronograma - Relatores - Patrocinadores

Simpósio Brasil-Alemanha Construção sustentável e com baixo consumo de energia. Implementação. - Temas - Cronograma - Relatores - Patrocinadores Simpósio Brasil-Alemanha Construção sustentável e com baixo consumo de energia Implementação - Temas - Cronograma - Relatores - Patrocinadores Objetivos do Simpósio através de informações e discussões,

Leia mais

8, 9 e 10 NOVEMBRO 2011 LISBOA. Novos Mercados Encontro de Sectores INSCREVA-SE JÁ. Especial: MERCADOS INTERNACIONAIS. www.expoenergia2011.about.

8, 9 e 10 NOVEMBRO 2011 LISBOA. Novos Mercados Encontro de Sectores INSCREVA-SE JÁ. Especial: MERCADOS INTERNACIONAIS. www.expoenergia2011.about. 8, 9 e 10 NOVEMBRO 2011 LISBOA Centro de Congressos Univ. Católica Novos Mercados Encontro de Sectores Especial: MERCADOS INTERNACIONAIS ORGANIZAÇÃO PARCEIRO PATROCÍNIO INSCREVA-SE JÁ www.expoenergia2011.about.pt

Leia mais

CIRCULAR Nº 77/ 2010 (G) RF/MS Lisboa, 03 de Outubro de 2011 ASSUNTO: XXXVII CONGRESSO NACIONAL DA APAVT PROGRAMA DO CONGRESSO

CIRCULAR Nº 77/ 2010 (G) RF/MS Lisboa, 03 de Outubro de 2011 ASSUNTO: XXXVII CONGRESSO NACIONAL DA APAVT PROGRAMA DO CONGRESSO CIRCULAR Nº 77/ 2010 (G) RF/MS Lisboa, 03 de Outubro de 2011 ASSUNTO: XXXVII CONGRESSO NACIONAL DA APAVT PROGRAMA DO CONGRESSO A reafirmação do Turismo como prioridade nacional, os novos modelos de relacionamento

Leia mais

Programa-Quadro para a Competitividade e Inovação

Programa-Quadro para a Competitividade e Inovação Programa-Quadro para a Competitividade e Inovação Programa de Apoio às Políticas das Tecnologias da Informação e da Comunicação 2007-2013 AEP - Porto, 12 de Novembro 2011 Ana Ponte UMIC Agência para a

Leia mais

FORÚM DE GESTÃO DE PESSOAS Março / Porto (Portugal)

FORÚM DE GESTÃO DE PESSOAS Março / Porto (Portugal) FORÚM DE GESTÃO DE PESSOAS 29 30 Março / Porto (Portugal) www.highplay.pt INFORMAÇÃO Partilhe, descubra e explore o estado da arte na Gestão e Liderança de Pessoas. Este Fórum irá proporcionarlhe um momento

Leia mais

CARTA de MISSÃO 1. MISSÃO

CARTA de MISSÃO 1. MISSÃO CARTA de MISSÃO 1. MISSÃO Através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 52-A/2015, de 23 de julho, o Governo criou a estrutura de missão designada por Estrutura de Gestão do Instrumento Financeiro

Leia mais

Cuidados Continuados Integrados Perspetivas de Desenvolvimento

Cuidados Continuados Integrados Perspetivas de Desenvolvimento 6 de junho de 2016 Manhã Cuidados Continuados Integrados Perspetivas de Desenvolvimento 08h30 09h30 10h30 11h15 11h45 Receção dos participantes Sessão de abertura José António Vieira da Silva, Ministro

Leia mais

1. FESTIVAL MUNDIAL DO CAJU E EXPO 2015 DA ACA

1. FESTIVAL MUNDIAL DO CAJU E EXPO 2015 DA ACA 1. FESTIVAL MUNDIAL DO CAJU E EXPO 2015 DA ACA Sob lema Criar Padrões Sustentáveis na Indústria do Caju, vai decorrer no Centro Internacional de Conferência Joaquim Chissano, em Maputo de 21 a 24 de Setembro

Leia mais

O MERCADO FRANCÊS DA CONSTRUÇÃO CIVIL : Oportunidades Para As Empresas Portuguesas. Opportunités et partenariats potentiels

O MERCADO FRANCÊS DA CONSTRUÇÃO CIVIL : Oportunidades Para As Empresas Portuguesas. Opportunités et partenariats potentiels O MERCADO FRANCÊS DA CONSTRUÇÃO CIVIL : Oportunidades Para As Empresas Portuguesas Opportunités et partenariats potentiels 23 de Março de 2011 Hotel Mercure Gaia / Porto PARCEIROS OFICIAIS O CONTEXTO Com

Leia mais

Empresas de Serviços Energéticos Listagem DGEG

Empresas de Serviços Energéticos Listagem DGEG Empresas de Serviços Energéticos Listagem DGEG Empresa Contribuinte Morada Estado Nível de Qualificação Acribia, Rua Domingos José de Morais, Projectos e 503506150 nº67, 2º Dtº Desenho 2685-046 Sacavém

Leia mais