SENHOR! DE NADA VALERIA CHEGARMOS AQUI, HOJE, SE NÃO FÔSSEMOS CAPAZES DE AGRADECER A TI, Ó DEUS DAS INTELIGÊNCIAS.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SENHOR! DE NADA VALERIA CHEGARMOS AQUI, HOJE, SE NÃO FÔSSEMOS CAPAZES DE AGRADECER A TI, Ó DEUS DAS INTELIGÊNCIAS."

Transcrição

1 ORAÇÃO DE AGRADECIMENTO SENHOR! DE NADA VALERIA CHEGARMOS AQUI, HOJE, SE NÃO FÔSSEMOS CAPAZES DE AGRADECER A TI, Ó DEUS DAS INTELIGÊNCIAS. AGRADECER-TE PELO DOM DE NOSSAS VIDAS, EXISTÊNCIA DE NOSSOS PAIS, PRESENÇA DOS AMIGOS E PELO DOM DA SABEDORIA DE NOSSOS MESTRES. SERÍAMOS INGRATOS SE NÃO RECONHECÊSSEMOS TUA PRESENÇA, AFETO E CONSOLO; TEU IMENSO AMOR, AMIGO E MESTRE, EM TODOS OS DIAS DE NOSSA FORMAÇÃO ACADÊMICA. NOSSOS AGRADECIMENTOS, Ó DEUS, POR PERMITIR-NOS CELEBRAR - JUNTO CONTIGO E AQUELES A QUEM TANTO AMAMOS, PARTE DE NOSSAS CONQUISTAS NA UNIVERSIDADE. POR TUDO OFERECEMOS A TI, Ó PAI DE BONDADE, UM CANTO DE LOUVOR.

2 LEITURA BÍBLICA LEITURA DO EVANGELHO DE MATEUS, CAPÍTULO 13, VERSÍCULOS DE 3 A 9. Naquele tempo Jesus disse: Um semeador saiu a semear. E, semeando, parte da semente caiu ao longo do caminho; os pássaros vieram e a comeram. Outra parte caiu em solo pedregoso, onde não havia muita terra, e nasceu logo, porque a terra era pouco profunda. Logo, porém, que o sol nasceu, queimou-se, por falta de raízes. Outras sementes caíram entre os espinhos: os espinhos cresceram e as sufocaram. Outras, enfim, caíram em terra boa: deram frutos, cem por um sessenta por um, trinta por um. Aquele que tem ouvidos, ouça. PALAVRA DO SENHOR.

3 CREIO DO ESTUDANTE CREIO NA VIDA,/ NO AMOR/E NO GRANDE AUTOR DE TODAS AS COISAS: DEUS./CREIO NO CHAMADO E NA MISSÃO./ CREIO QUE SOU CAPAZ DE AJUDAR/ A CONSTRUIR UM MUNDO MELHOR, /MAIS ÉTICO/ E SOLIDÁRIO./ CREIO NA ATITUDE PROFISSIONAL/ QUE TRANSFORMA A SOCIEDADE./CREIO NO GESTO QUE HUMANIZA, /NO SORRISO QUE ACOLHE,/ NA DEDICAÇÃO ÀQUELES QUE ME SERÃO CONFIADOS./CREIO NO PODER DO ESPÍRITO SANTO/ QUE ME SANTIFICA,/ ILUMINA/ E PREPARA, /PARA ENFRENTAR OS DESAFIOS /COM CORAGEM E DETERMINAÇÃO/ NO EXERCÍCIO DA PROFISSÃO QUE ESCOLHI./ CREIO NA SABEDORIA QUE EMANA DE TI/ E ME APONTA OS CAMINHOS/ PARA A REALIZAÇÃO DO TEU REINO/NO MEIO DE NÓS.

4 ORAÇÃO PELA PAZ SENHOR! FAZEI DE MIM UM INSTRUMENTO DA VOSSA PAZ. ONDE HOUVER ÓDIO, QUE EU LEVE O AMOR. ONDE HOUVER OFENSA, QUE EU LEVE O PERDÃO. ONDE HOUVER DISCÓRDIA, QUE EU LEVE A UNIÃO. ONDE HOUVER DÚVIDAS, QUE EU LEVE A FÉ. ONDE HOUVER ERRO, QUE EU LEVE A VERDADE./ONDE HOUVER DESESPERO, QUE EU LEVE A ESPERANÇA. ONDE HOUVER TRISTEZA, QUE EU LEVE A ALEGRIA./ONDE HOUVER TREVAS, QUE EU LEVE A LUZ. Ó MESTRE, FAZEI QUE EU PROCURE MAIS: CONSOLAR, QUE SER CONSOLADO; COMPREENDER, QUE SER COMPREENDIDO; AMAR, QUE SER AMADO. POIS É DANDO QUE SE RECEBE. É PERDOANDO QUE SE É PERDOADO. E É MORRENDO QUE SE VIVE PARA A VIDA ETERNA.

5 ORAÇÕES COMUNITÁRIAS F1: Por todas as autoridades Civis, Militares e Eclesiásticas, em especial, pelos líderes de nossas Igrejas e Comunidades de Fé, para que perseverem no serviço à unidade dos cristãos. F2: Pelos diálogos ecumênicos de nossas Igrejas e entre elas, pelas Comunhões e Comunidades de fé, para que as divisões ainda existentes sejam superadas pela sabedoria, caridade e verdade.

6 F3: Senhor nosso DEUS, Pai de Misericórdia, pedimo-lhe pelos que aqui se encontram, e, de maneira especial, por nós que, neste dia, apresentamos os frutos colhidos durante a nossa jornada acadêmica. F4: Pedimo-Lhe, Senhor, de maneira muito particular, por nossos pais, a quem confiou a nossa educação para a vida. Igualmente, rogamos por nossos avós, irmãos, padrinhos, madrinhas, namorados, namoradas, noivos, noivas, cônjuges, vizinhos, familiares, patrões e demais pessoas amigas que ao nosso lado, com palavras de otimismo e ajuda sincera, acompanharam-nos nesta jornada.

7 F1: Rogamos a Deus pelas pessoas dos oficiantes e a missão que cumprem frente a seus Ministérios. F2: Pedimos a Deus pelos nossos professores e funcionários da Instituição que, cotidianamente, participaram da nossa formação. Que o Senhor mantenha-os motivados a prosseguir com seus trabalhos, deixando marcas positivas na trajetória estudantil de tantos outros acadêmicos, tal qual o deixaram em nós.

8 F3: Colocamos na presença do Senhor aqueles que não dispõem de meios para custear seus estudos, bem como aqueles que - depois de formados, não encontram emprego. F4: Solicitamos as bênçãos de Deus aos integrantes da Comissão de Formatura, por todos aqueles que tornaram possível este dia e demais pessoas que vieram compartilhar conosco desta alegria.

Ao Teu Lado (Marcelo Daimom)

Ao Teu Lado (Marcelo Daimom) Ao Teu Lado INTRO: A9 A9 Quero estar ao Teu lado, não me importa a distância Me perdoa a insegurança, tenho muito a aprender E/G# E7 ( F# G#) A9 Mas em meus poucos passos, já avisto a esperança E/G# Também

Leia mais

Evangelho no Lar semanal com Irmãos Menores

Evangelho no Lar semanal com Irmãos Menores Evangelho no Lar semanal com Irmãos Menores Colocar uma garrafinha de água para você para ser fluidificada. Colocar uma garrafinha para seu tutelado tão amado. Prece de Abertura: Fazer a prece de Francisco

Leia mais

Comunicação Definição: A comunicação humana é um processo que envolve a troca de informações e utiliza os sistemas simbólicos como suporte para este f

Comunicação Definição: A comunicação humana é um processo que envolve a troca de informações e utiliza os sistemas simbólicos como suporte para este f Comunicação em Cuidados Paliativos Ana Valeria de Melo Mendes Comunicação Definição: A comunicação humana é um processo que envolve a troca de informações e utiliza os sistemas simbólicos como suporte

Leia mais

Formação para fraternidade: Artigo 4 da Regra - Observar o Evangelho de Jesus Cristo

Formação para fraternidade: Artigo 4 da Regra - Observar o Evangelho de Jesus Cristo Formação para fraternidade: Artigo 4 da Regra - Observar o Evangelho de Jesus Cristo Oração Inicial Autora: Ana Carolina Miranda, OFS OBSERVAR O EVANGELHO DE JESUS CRISTO 4º Artigo da Regra da OFS Onipotente,

Leia mais

CASAMENTO DIA 09/09/17 - DA PARÓQUIA SÃO JOSÉ DE QUELUZ #ROTEIRO DAS MÚSICAS# 01- ENTRADA DO NOIVO:

CASAMENTO DIA 09/09/17 - DA PARÓQUIA SÃO JOSÉ DE QUELUZ #ROTEIRO DAS MÚSICAS# 01- ENTRADA DO NOIVO: CASAMENTO DIA 09/09/17 - DA PARÓQUIA SÃO JOSÉ DE QUELUZ #ROTEIRO DAS MÚSICAS# 01- ENTRADA DO NOIVO: Oração de São Francisco Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz Onde houver ódio que eu leve o amor

Leia mais

Monições Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus. Ano Novo Dia Mundial da Paz

Monições Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus. Ano Novo Dia Mundial da Paz Monição Inicial: Monições Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus Ano Novo 2010 - Dia Mundial da Paz Salvé, Santa Mãe, que destes à luz o Rei do céu e da terra. Este é dia em que te aclamamos Mãe de Deus!

Leia mais

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA - SANTA ROSA 2014

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA - SANTA ROSA 2014 CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA - SANTA ROSA 2014 CANTO DE ENTRADA: E B7 Dentro de mim existe uma luz/ Que me mostra por onde deverei andar F#m B7 E Dentro de mim também mora Jesus/ que me ensina buscar

Leia mais

Solenidade de Santa Maria, Mãe de Deus

Solenidade de Santa Maria, Mãe de Deus Paróquia de Barco Solenidade de Santa Maria, Mãe de Deus Missa com crianças Entrada: Linda noite, Linda noite Linda noite de Natal (bis) Introdução A imagem de Maria está aqui ao lado, porque hoje celebramos

Leia mais

Kênosys. O Engajamento na Missão

Kênosys. O Engajamento na Missão Kênosys O Engajamento na Missão Filipenses 2.5-11 5 Seja a a2tude de vocês a mesma de Cristo Jesus, (...) 7 mas esvaziou- se a si mesmo, vindo a ser servo tornando- se semelhante aos homens. 1 Naquele

Leia mais

Saiu o semeador a semear. As sementes caíram em lugares diversos...

Saiu o semeador a semear. As sementes caíram em lugares diversos... Os três primeiros evangelistas colocam esta parábola em seus evangelhos. Só em João ela não aparece. Marcos coloca logo como primeira parábola, pois quer orientar aqueles que seguem Jesus de perto. Haverá

Leia mais

Material de Palestra Religiões e Preces Palestra 016

Material de Palestra Religiões e Preces Palestra 016 Material de Palestra Religiões e Preces Palestra 016 RELIGIÕES E PRECES 016 WILSON DA CUNHA 1 Todas as religiões recomendam o exercício e a prática em torno da prece. Mas os séculos passam e nós permanecemos

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando.

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando. Celebração de Encerramento PREPARAR 1. Bíblia e velas para a Procissão de Entrada da Palavra 2. Sementes de girassóis para cada catequista depositar num prato com terra diante do altar durante a homilia

Leia mais

2º encontro de pais. 2 de fevereiro de 2016

2º encontro de pais. 2 de fevereiro de 2016 2º encontro de pais 2 de fevereiro de 2016 Oração inicial Sinal da cruz OBJETIVOS Dar conhecimento da caminhada da catequese Levar a entender que o Sacramento da Reconciliação, nos faz vivenciar a misericórdia

Leia mais

CATEQUESE VOCACIONAL PRÉ-EUCARISTIA e EUCARISTIA

CATEQUESE VOCACIONAL PRÉ-EUCARISTIA e EUCARISTIA CATEQUESE VOCACIONAL PRÉ-EUCARISTIA e EUCARISTIA - 2016 ÍNDICE Apresentação...03 Fudamentação para o (a) catequista...04 Primeiro encontro...05 Segundo encontro...07 Terceiro encontro...10 Quarto encontro...12

Leia mais

Discipulado e Missão. Missionários da Eucaristia 2012

Discipulado e Missão. Missionários da Eucaristia 2012 Discipulado e Missão Missionários da Eucaristia 2012 Cidadão do Infinito Padre Zezinho Por escutar uma voz que disse que faltava gente pra semear Deixei meu lar e saí sorrindo e assobiando pra não chorar.

Leia mais

OBJETIVO: Que a criança compreenda que o culto infantil é um momento de adoração a Deus.

OBJETIVO: Que a criança compreenda que o culto infantil é um momento de adoração a Deus. OBJETIVO: Que a criança compreenda que o culto infantil é um momento de adoração a Deus. Caça Palavras Procure as palavras que estão em destaque abaixo: Oração a criança fala com Deus. Louvor a criança

Leia mais

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial Catedral Diocesana de Campina Grande Paróquia nossa Senhora da Conceição II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia Por suas chagas fomos curados, felizes aqueles que crêem sem terem visto.

Leia mais

Musicas Cifradas www.marcelodaimom.com Sequencia 01- Segue o Sol 02- Muito o Que Fazer 03- Navegar é Preciso 04-Tão Simples 05- Mais uma Prece 06- Despertar para o Amor 07- A Voz do Coração 08- Lição de

Leia mais

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL SACRAMENTOS - III (ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL - 1 COMO OS SACRAMENTOS ATUALIZAM A GRAÇA NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DA VIDA 2 1. O QUE ACONTECE NO BATISMO? 3 NO BATISMO, A PESSOA

Leia mais

A SUBLIME ORAÇÃO DE FRANCISCO DE ASSIS

A SUBLIME ORAÇÃO DE FRANCISCO DE ASSIS A SUBLIME ORAÇÃO DE FRANCISCO DE Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz! Onde houver ódio, que Eu leve o amor; Onde houver ofensa, que Eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que Eu leve a união; Onde

Leia mais

Buscar a Deus. Por isso, paul, eu te convido durante 2 dias, fazer uma parada a noite ou pela manhã na sua casa, e fazer as leituras abaixo

Buscar a Deus. Por isso, paul, eu te convido durante 2 dias, fazer uma parada a noite ou pela manhã na sua casa, e fazer as leituras abaixo Buscar a Deus Talvez tudo o que você mais precise na verdade não é um novo amor, uma nova casa, pagar dívidas e nem ganhar na Loteria. Não que isso tudo não seja bom, mas estar com Cristo eu te garanto:

Leia mais

Cânticos para Missa Advento/2016

Cânticos para Missa Advento/2016 Santuário das Almas/Icaraí Cânticos para Missa Advento/2016 Data 17/12 www.oficinademusica.org Procissão de Entrada: Vamos Celebrar Todos reunidos na casa de Deus Com cantos de alegria e grande louvor

Leia mais

Entrada: Vamos Celebrar

Entrada: Vamos Celebrar Entrada: Vamos Celebrar Tom: : Todos reunidos na casa de eus A Com cantos de alegria e grande louvor A Vamos celebrar os feitos do senhor E sua bondade que nunca tem fim Todos reunidos na casa de eus A

Leia mais

Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA:

Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA: Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA: Faz muito tempo, mas parece que foi ontem. Cada criança que nasce é uma mensagem de que Deus acredita nos homens. Deus acreditou em nós e nos deu a alegria e a responsabilidade

Leia mais

1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35

1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35 1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35 Senhor Jesus, Tu tens palavras de vida eterna e Tu revelas-te a nós como Pão da vida

Leia mais

Capela Nª Sª Das Graças

Capela Nª Sª Das Graças Capela Nª Sª Das Graças Santa Missa Dominical 1-Saudação I PR: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. AS: Amém. PR: A vós, irmãos e irmãs, paz e fé da parte de Deus, o Pai, e do Senhor Jesus Cristo.

Leia mais

Foi com um gesto semelhante ao que o nosso Bispo vai utilizar, que os Apóstolos comunicaram aos primeiros cristãos o Espírito de Deus:

Foi com um gesto semelhante ao que o nosso Bispo vai utilizar, que os Apóstolos comunicaram aos primeiros cristãos o Espírito de Deus: CRISTELO 24 de Maio de 2009 Foi com um gesto semelhante ao que o nosso Bispo vai utilizar, que os Apóstolos comunicaram aos primeiros cristãos o Espírito de Deus: Pedro e João impuseram-lhes as mãos e

Leia mais

IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO

IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO IGREJA EM SAÍDA CULTURA DO ENCONTRO comunidade eclesial a V O C A Ç Ã O NASCE, CRESCE na IGREJA; é SUSTENTADA pela IGREJA. Todos os cristãos são constituídos missionários

Leia mais

CEIC Centro Espírita Ildefonso Correia. - Bibliografia Parte 2 INSTRUMENTO DA PAZ. Ecos da mensagem inesquecível de Francisco de Assis

CEIC Centro Espírita Ildefonso Correia. - Bibliografia Parte 2 INSTRUMENTO DA PAZ. Ecos da mensagem inesquecível de Francisco de Assis 1 CEIC Centro Espírita Ildefonso Correia - Parte 2 INSTRUMENTO DA PAZ Ecos da mensagem inesquecível de Francisco de Assis Annibale Carracci, 1560-1609 I - principal: CAMILO (Espírito), TEIXEIRA, J. R.

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A PARÁBOLA DO SEMEADOR Volume 09 Escola: O que aconteceu com cada semente na parábola do semeador? Ligue a primeira coluna com a segunda: Nome : Professor (a): Data :

Leia mais

A criação: sonho de Deus

A criação: sonho de Deus 2ª feira, 27 de outubro de 2014 A criação: sonho de Deus Bom dia. No início de mais uma semana de aulas, somos convidados a confiar e a entregar tudo o que somos e fazemos ao Deus da vida. Ele é criador;

Leia mais

Culto de Ordenação. Liturgia. Ordenandos

Culto de Ordenação. Liturgia. Ordenandos 1 Culto de Ordenação Liturgia Ordenandos Alex Valmor Stahlhöfer Bianca Ferreira Weiss Gizele Zimmermann Grégori Rogê Santos Jaime Jung Joice Aline Klein Ligiane Taiza Müller Fernandes 2 Porto Alegre/RS,

Leia mais

Músicas para missa TSL

Músicas para missa TSL Músicas para missa TSL Músicas antes da entrada Anjos Se acontecer um barulho perto de você é um anjo chegando para receber suas orações e levá-las à Deus. Então abra o coração e comece a louvar, sinta

Leia mais

C. HPD 233 Até aqui nos trouxe Deus

C. HPD 233 Até aqui nos trouxe Deus Prelúdio Coral Dia da Igreja Acolhida / Saudações L. Saudamos os/as conciliares do XXIX Concílio Geral da IECLB, que aqui se reúnem como representantes de toda a igreja no Brasil, dos seus 18 sínodos e

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) 2015-16 3 º ANO Unidade Letiva 1 A Dignidade das Crianças 1. Tomar consciência de que as crianças

Leia mais

ADMA FAMÍLIA Família no carisma de Dom Bosco

ADMA FAMÍLIA Família no carisma de Dom Bosco ADMA FAMÍLIA Família no carisma de Dom Bosco UM CAMINHO NA MEDIDA DE FAMÍLIA Um caminho na medida de família com particular atenção às famílias jovens, é esta a experiência que se vê no seio da Família

Leia mais

Roteiro da celebração. As velas serão acesas quando a celebração começar. Acolhida e introdução ao tema da Semana de Oração

Roteiro da celebração. As velas serão acesas quando a celebração começar. Acolhida e introdução ao tema da Semana de Oração Roteiro da celebração D: Dirigente L: Leitor T: Todos I. Prelúdio/ Preparação As velas serão acesas quando a celebração começar. Acolhida e introdução ao tema da Semana de Oração Um apresentador dá as

Leia mais

Orações Semanais para a Quaresma

Orações Semanais para a Quaresma Orações Semanais para a Quaresma Nesta Quaresma iremos realizar uma pequena oração no inicio ou no fim de cada reunião, pretendendo assim criar o hábito de oração em grupo, mas relembrando sempre que somos

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP-

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- 1 ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- DIA 15.06.2010 MOMENTO ORANTE ECUMÊNICO PELA PASSAGEM DO 59º ANIVERSÁRIO DA ACHUAP (para propiciar momento de silêncio e

Leia mais

Também foram apresentadas sugestões de temáticas para alguns encontros que já fazem parte da vida do movimento nos estados e dioceses:

Também foram apresentadas sugestões de temáticas para alguns encontros que já fazem parte da vida do movimento nos estados e dioceses: O Conselho Nacional da RCCBRASIL, que está reunido em Brasília desde a última quarta-feira, dia 21, discerniu a temática que deverá acompanhar as missões, encontros e ser trabalhada nas reuniões de oração

Leia mais

Regis de Morais. Corações em Luz

Regis de Morais. Corações em Luz Regis de Morais Corações em Luz Campinas-SP 2003 Sumário O QUE É SANTIDADE? (Advertência)...13 PRECE DE SANTO AGOSTINHO (Meditações)...17 Oração de São Francisco de Assis... 19 1. Senhor... 21 2. Fazei

Leia mais

Guião da Lição 25 SOMOS A IGREJA QUE ELE FUNDOU

Guião da Lição 25 SOMOS A IGREJA QUE ELE FUNDOU Guião da Lição 25 SOMOS A IGREJA QUE ELE FUNDOU A família e os nossos amigos mais próximos, que são como uma família, são muito importantes para nós. Tratam-se todos, de uma comunidade de pessoas ligadas

Leia mais

Jornal lápis de escola

Jornal lápis de escola 1 2 Jornal lápis de escola 3 copyright Todos os direitos reservados 4 Autor Jorge Luiz de Moraes 5 6 Edição de agosto de 2012 Relógio Marca as horas e os compromissos. 7 O jornal mais antigo O Acta Diurna

Leia mais

Deus é sempre Aquele que vem te encontrar. Participa da. falará ao teu coração, te alimentará, te inspirará. Este

Deus é sempre Aquele que vem te encontrar. Participa da. falará ao teu coração, te alimentará, te inspirará. Este COMO FAZER? A. Empenha-te a encontrar o Senhor. Contempla com os teus olhos a presença de Deus em todas as coisas, e vê que Deus é sempre Aquele que vem te encontrar. Participa da Celebração Eucarística,

Leia mais

REFRÃO ORANTE LUZ QUE ILUMINA

REFRÃO ORANTE LUZ QUE ILUMINA REFRÃO ORANTE LUZ QUE ILUMINA D Bm G A 7 1. Luz que ilumina os caminhos do amor D Bm G A7 Luz que nos revela a mensagem do Senhor. G A 7 D Bm G A 7 G Luz és Tu, Jesus. Luz és Tu, Senhor. D Bm G A 7 2.

Leia mais

DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A

DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A EIS O CORDEIRO DE DEUS QUE TIRA O PECADO DO MUNDO DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A EUCARISTIA 19H DINAMIZAÇÃO DO 10º ANO DE CATEQUESE IGREJA MATRIZ DE VILA DO CONDE Cântico Inicial: Filho de Deus 1. Somos

Leia mais

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 14 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 14 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 14 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) II CICLO B IDADES: 09/10 1. TEMA: A Parábola do Semeador. PLANO DE AULA 2. OBJETIVO: Levar

Leia mais

Entrada: Deixa a Luz do céu entrar

Entrada: Deixa a Luz do céu entrar Entrada: Deixa a Luz do céu entrar TU ANSEIAS EU BEM SEI POR SALVAÇÃO, TENS DESEJO DE BANIR A ESCURIDÃO ABRE POIS DE PAR EM PAR TEU CORAÇÃO, E DEIXA A LUZ DO CÉU ENTRAR DEIXA A LUZ DO CÉU ENTRAR. (DEIXA

Leia mais

CULTO DE LANÇAMENTO DA CAMPANHA VAI E VEM 2015

CULTO DE LANÇAMENTO DA CAMPANHA VAI E VEM 2015 CULTO DE LANÇAMENTO DA CAMPANHA VAI E VEM 2015 DOMINGO DE PENTECOSTES 24 DE MAIO DE 2015 (Elaborada por Cat. Erli Mansk) LITURGIA DE ENTRADA Ambiente (Providenciar objetos simbólicos que representem projetos

Leia mais

COMUM DOS SANTOS E DAS SANTAS

COMUM DOS SANTOS E DAS SANTAS 279 I rmãs e irmãos: Ao celebrar a solenidade de São N. (de Santa N.), nosso irmão (nossa irmã) na fé e no Baptismo, oremos a Deus Pai todo-poderoso, dizendo (ou: cantando): R. Deus, fonte de toda a santidade,

Leia mais

Entrada: Por sua Morte.. Por sua morte, a morte viu o fim. do sangue derramado a vida renasceu. Seu pé ferido nova estrada abriu

Entrada: Por sua Morte.. Por sua morte, a morte viu o fim. do sangue derramado a vida renasceu. Seu pé ferido nova estrada abriu Entrada: Por sua Morte.. Por sua morte, a morte viu o fim do sangue derramado a vida renasceu. Seu pé ferido nova estrada abriu e neste homem, o homem enfim se descobriu. Meu coração me diz: "o amor me

Leia mais

DISCURSO. Para: Exmo. Sr. SENADOR JARBAS GONÇALVES PASSARINHO. Motivo: Entrega da Comenda Serzedelo Corrêa, Classe A.

DISCURSO. Para: Exmo. Sr. SENADOR JARBAS GONÇALVES PASSARINHO. Motivo: Entrega da Comenda Serzedelo Corrêa, Classe A. DISCURSO Do: Exmo. Sr. CONSELHEIRO IVAN BARBOSA DA CUNHA Para: Exmo. Sr. SENADOR JARBAS GONÇALVES PASSARINHO Motivo: Entrega da Comenda Serzedelo Corrêa, Classe A. Data: Brasília, 17 de maio de 2010. 1

Leia mais

DOCE PRESENÇA VERDADEIRO AMOR

DOCE PRESENÇA VERDADEIRO AMOR DOCE PRESENÇA Ludmila Ferber ISRC BR MKP 0400412 O Espí rito Santo está aqui Sua doce presença Podemos sentir Como brisa suave Em nossos corações Como um rio de graça Amor e perdão Presença que nos cura

Leia mais

CEIC Centro Espírita Ildefonso Correia. - Programa de Estudos Sistematizados INSTRUMENTO DA PAZ. Ecos da mensagem inesquecível de Francisco de Assis

CEIC Centro Espírita Ildefonso Correia. - Programa de Estudos Sistematizados INSTRUMENTO DA PAZ. Ecos da mensagem inesquecível de Francisco de Assis 1 CEIC Centro Espírita Ildefonso Correia - Programa de Estudos Sistematizados INSTRUMENTO DA PAZ Ecos da mensagem inesquecível de Francisco de Assis Annibale Carracci, 1560-1609 I - principal: CAMILO (Espírito),

Leia mais

LITURGIA DOMINICAL III DOMINGO TEMPO COMUM ANO A

LITURGIA DOMINICAL III DOMINGO TEMPO COMUM ANO A LITURGIA DOMINICAL III DOMINGO TEMPO COMUM ANO A INDICAÇÕES PRÁTICAS: Orações próprias do domingo III do Tempo Comum (Missal Romano, p. 397). Oração Eucarística V/D (Missal Romano, p. 1175). Bênção sobre

Leia mais

Entrada: Deixa a Luz do céu entrar

Entrada: Deixa a Luz do céu entrar Entrada: Deixa a Luz do céu entrar TU ANSEIAS EU BEM SEI POR SALVAÇÃO, TENS DESEJO DE BANIR A ESCURIDÃO ABRE POIS DE PAR EM PAR TEU CORAÇÃO, E DEIXA A LUZ DO CÉU ENTRAR DEIXA A LUZ DO CÉU ENTRAR. (DEIXA

Leia mais

Sede felizes! Felizes sereis. Felizes sereis. Felizes sereis. Felizes sereis.

Sede felizes! Felizes sereis. Felizes sereis. Felizes sereis. Felizes sereis. Sede felizes! Combatei a miséria e reparti do que é vosso com os outros. Sede pacientes, tolerantes, dialogantes, humildes. Tende esperança no meio da escuridão, aguardando a aurora. Conservai essa vossa

Leia mais

PLANO DE CURSO OBJETIVO GERAL DA ÁREA DE ENSINO RELIGIOSO

PLANO DE CURSO OBJETIVO GERAL DA ÁREA DE ENSINO RELIGIOSO PLANO DE CURSO OBJETIVO GERAL DA ÁREA DE ENSINO RELIGIOSO O direito fundamental à educação inclui receber, na formação integral, a capacitação necessária ao exercício da cidadania. O Ensino religioso tem

Leia mais

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o futuro com esperança. Como o testemunho de vida da

Leia mais

OBJETIVO: Que a criança compreenda que recebeu de Jesus autoridade para vencer.

OBJETIVO: Que a criança compreenda que recebeu de Jesus autoridade para vencer. OBJETIVO: Que a criança compreenda que recebeu de Jesus autoridade para vencer. VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: É me dado todo o poder no céu e na terra - Mateus 28.18 OBJETIVO: Que a criança aprenda que Jesus

Leia mais

Santificação dos Sacerdotes

Santificação dos Sacerdotes No dia 27 de junho, Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, é celebrado o Dia de Oração pela Santificação dos Sacerdotes. Em preparação para a data, o Arcebispo de Palmas (TO), Dom Pedro Brito Guimarães,

Leia mais

01. SENHOR AMADO (GERMANO GUILHERME) PARA OS TEMPOS QUE ESTAVAS NO MUNDO

01. SENHOR AMADO (GERMANO GUILHERME) PARA OS TEMPOS QUE ESTAVAS NO MUNDO 01. SENHOR AMADO (GERMANO GUILHERME) PARA OS TEMPOS QUE ESTAVAS NO MUNDO MANDARAM TE CHAMAR NA CASA DA MÃE SANTÍSSIMA, PARA TI, PARA TI TE APRESENTAR. SENHORA MÃE SANTÍSSIMA, EU VIM ME APRESENTAR. ATENDER

Leia mais

Planificação Anual 10º ano da catequese

Planificação Anual 10º ano da catequese Finalidade: Descobrir-se Cristão : Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Planificação Anual 10º ano da 1º Creio em Conhecer Confrontar com valores de caridade, amor,

Leia mais

Giovanni Cipriani A GLÓRIA DA CRUZ

Giovanni Cipriani A GLÓRIA DA CRUZ Giovanni Cipriani A GLÓRIA DA CRUZ A BELEZA DE CRISTO NA CRUZ Jesus, na cruz, nos revela a nova beleza e a força do amor. Na atrocidade inaudita da cruz, em que seu corpo aparece aos olhos humanos desfigurado

Leia mais

Salmo - Sl 65. Ah, ah, ah, minha alma glorifica ao Senhor!! Meu espírito exulta em Deus, meu salvador!! Entrada: Quem É Esta Que Avança Como Aurora

Salmo - Sl 65. Ah, ah, ah, minha alma glorifica ao Senhor!! Meu espírito exulta em Deus, meu salvador!! Entrada: Quem É Esta Que Avança Como Aurora Entrada: Quem É Esta Que Avança Como Aurora Quem é esta que avança como aurora Temível como exército em ordem de batalha Brilhante como o sol e como a lua Mostrando o caminho aos filhos seus Ah, ah, ah,

Leia mais

Encontros que transformam Vidas

Encontros que transformam Vidas Encontros que transformam Vidas Programa Anual de Retiros Rede Marista 2015 Coordenação de Vida Consagrada e Laicato Tema Evangelização Lema Encontros que Transformam Vidas Objetivo Geral oportunizar momentos

Leia mais

1. Diálogo com os pais e Padrinhos. 2. Celebração da Palavra de Deus

1. Diálogo com os pais e Padrinhos. 2. Celebração da Palavra de Deus 1. Diálogo com os pais e Padrinhos Que nome dais ao vosso filho? Pais N. Que pedis à Igreja de Deus para N.? Pais - O Baptismo. Caríssimos pais: Pedistes o Baptismo para os vossos filhos. Deveis educá-los

Leia mais

Pe. José Weber, SVD. Cantos do Evangelho. Anos A, B e C & Solenidades e Festas

Pe. José Weber, SVD. Cantos do Evangelho. Anos A, B e C & Solenidades e Festas Cantos do Evangelho Pe. José Weber, SVD Cantos do Evangelho Anos A, B e C & Solenidades e Festas Direção editorial Claudiano Avelino dos Santos Autor de todas as melodias Pe. José Weber, SVD Organização

Leia mais

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português 1º Ano Paroquial e CNE Escutismo Católico Português JESUS GOSTA DE MIM Proporcionar às crianças um bom acolhimento eclesial, pelos catequistas e por toda a comunidade cristã (cf CT 16 e 24). Ajudá-las

Leia mais

Venha nos visitar! IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Pastor: Jones e Missionária: Rosimere

Venha nos visitar! IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Pastor: Jones e Missionária: Rosimere IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sexta-feira da 7ª Semana da Páscoa Ó Deus, pela

Leia mais

Nº 11 A Domingo IV do Tempo Comum Sede felizes!

Nº 11 A Domingo IV do Tempo Comum Sede felizes! Nº 11 A Domingo IV do Tempo Comum-2.2.2014 Sede felizes! Combatei a miséria e reparti do que é vosso com os outros. Sede pacientes, tolerantes, dialogantes, humildes. Tende esperança no meio da escuridão,

Leia mais

1º dia: Ó Consoladora dos Aflitos

1º dia: Ó Consoladora dos Aflitos NOVENA À NOSSA SENHORA DE CARAVAGGIO 1º dia: Ó Consoladora dos Aflitos Vós que consolastes a pobre Joaneta em meio à sua aflição familiar, concedei a graça que tanto necessito, intercedendo junto a Jesus

Leia mais

ADMONIÇÃO INICIAL (ROSA)

ADMONIÇÃO INICIAL (ROSA) ADMONIÇÃO INICIAL (ROSA) Hoje encontramo-nos aqui reunidos para celebrar a Festa das Bem-Aventuranças. Bem Aventurado quer dizer FELIZ e buscar a vontade de Deus é ser Bem-Aventurado. Eis que Jesus, ao

Leia mais

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação.

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação. Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação. 5 Introdução A devoção ao Imaculado Coração de Maria é uma das mais belas manifestações

Leia mais

Deixar tocar 30 segundos do fundo musical - CD Silence III - faixa nº 3

Deixar tocar 30 segundos do fundo musical - CD Silence III - faixa nº 3 03 de Outubro 20011 - segunda- feira manhã: manhã: Sara (9A) e João Luis (8A) tarde: Meyriane (2E) e Adrienne (7D) Bom dia! (Boa Tarde!) Sintamos a paz de Deus em nossos corações, em nossas ações e nesta

Leia mais

FINAL PÁSCOA Opção 01

FINAL PÁSCOA Opção 01 FINL PÁSCO Opção 01 G G7 C G Em 7 1. eus enviou seu filho amado para morrer no meu lugar. G G7 C Cm Na cruz pagou, por meus pecados, G Em m 7 G mas o sepulcro vazio está, porque Ele vive. 7 G G7 C Cm Porque

Leia mais

Desejamos uma ótima Jornada às fraternidades de JUFRA, Mini, Micro e Infância Franciscana. Gleice Francisca Pereira da Silva

Desejamos uma ótima Jornada às fraternidades de JUFRA, Mini, Micro e Infância Franciscana. Gleice Francisca Pereira da Silva CAPA Orientações: Estamos nos aproximando da IV Jornada Franciscana Nacional pelos Direitos Humanos, esse material tem como propósito servir de sugestão para o trabalho com fraternidades de Infância, Micro

Leia mais

PARA A PRIMEIRA PROFISSÃO DE UM RELIGIOSO

PARA A PRIMEIRA PROFISSÃO DE UM RELIGIOSO PRMERA PROFSSÃO DE UM RELGOSO 333 PARA A PRMERA PROFSSÃO DE UM RELGOSO rmãos e irmãs: A nossa família espiritual está hoje em festa por este(s) servo(s) de Deus, que se consagra(consagram) ao serviço de

Leia mais

Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal

Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal 18 de maio - Maria, pronta a servir com amor Hoje lembramos a simplicidade e generosidade de Maria, que logo

Leia mais

Amigos de santa. Júlia

Amigos de santa. Júlia Amigos de santa Júlia - 2011 JÚLIA EM SEU VIVER Júlia, em seu viver, a bondade testemunhou. Simples e firme, o Senhor sempre imitou. Viver, amar, com bondade sem igual. É ser um instrumento revelando que

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA Pe. Lucas - Santa Marta - João 11, 19-27 - EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração João 11, 19-27- SANTA MARTA Ó Deus, sede generoso

Leia mais

Nº 35 A Domingo XXIX do Tempo Comum Dar a Deus o que é de Deus Louvar a Deus Tu és Amor. Tu és Trindade. Tu és Sabedoria. Tu és segurança.

Nº 35 A Domingo XXIX do Tempo Comum Dar a Deus o que é de Deus Louvar a Deus Tu és Amor. Tu és Trindade. Tu és Sabedoria. Tu és segurança. Nº 35 A Domingo XXIX do Tempo Comum-16.10.2011 Dar a Deus o que é de Deus Louvar a Deus Tu és Amor. Tu és Trindade. Tu és Sabedoria. Tu és segurança. Tu és alegria e paz. Tu és beleza Tu és bondade. Tu

Leia mais

ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO

ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO AGOSTO 2016 www.abracandoapalavra.org A Salvação em JESUS CRISTO Um Novo Nascimento De acordo com a Bíblia, O Santo, Eterno, Soberano e Todo

Leia mais

Confira o roteiro de pregações dos Retiros de Carnaval 2016: 1. INTRODUÇÃO

Confira o roteiro de pregações dos Retiros de Carnaval 2016: 1. INTRODUÇÃO Para os retiros de Carnaval, o Conselho Nacional da Renovação Carismática do Brasil preparou um roteiro a fim de orientar as pregações dos Encontros que acontecem na próxima semana em todo o país. As orientações

Leia mais

Paróquia Nsa. Sra. do Sagrado Coração

Paróquia Nsa. Sra. do Sagrado Coração Paróquia Nsa. Sra. do Sagrado Coração Tempo Quaresmal 18/03 A Quaresma é um tempo propício para abrir a porta a cada necessitado e nele reconhecer o rosto de Cristo. Cada um de nós encontra-o no próprio

Leia mais

Wagner Fonseca

Wagner Fonseca 16.06.13 Wagner Fonseca Elementos da Maturidade Introdução Medidor de Maturidade!?! Roupas Linguajar Face Tempo de Igreja Tempo na Igreja 9 E também faço esta oração: que o vosso amor aumente mais e mais

Leia mais

Culto Eucarístico - Encerramento

Culto Eucarístico - Encerramento 1 Convenção Nacional de Ministras e Ministros da IECLB 2013 Tema: Entre alegria e sofrimento: espiritualidade e ética no ministério na IECLB Data: 15 a 17 de outubro de 2013 Culto Eucarístico - Encerramento

Leia mais

ORAÇÃO MISSIONÁRIA #OUTUBRO MÊS MISSIONÁRIO JUVENIL

ORAÇÃO MISSIONÁRIA #OUTUBRO MÊS MISSIONÁRIO JUVENIL ORAÇÃO MISSIONÁRIA Ó Deus Trindade, Pai, Filho e Espirito Santo, nós vos louvamos pela vossa comunhão. Sois o fundamento e inspiração de nossa fraternidade. Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.

Leia mais

Roteiro Celebrativo Mês Diocesano do Dízimo 2017

Roteiro Celebrativo Mês Diocesano do Dízimo 2017 02 de julho de 2017 13º Domingo do Tempo Comum Sejam bem-vindos à celebração eucarística. Convocados pelo Pai, incorporados a Cristo e movidos pelo Espírito Santo, tornamo-nos assembleia celebrativa para

Leia mais

Paróquia S. Salvador do Burgo - Arouca Advento 2015

Paróquia S. Salvador do Burgo - Arouca Advento 2015 1ª Semana de Advento (29 de Novembro a 5 de Dezembro) Catequista responsável: Ana Maria (2º e 7º ano) Palavra da semana: CARIDADE Estás a preparar-te para um caminho que te leva ao Natal. O Natal é um

Leia mais

VI Domingo TC Ano A. Foi dito aos antigos Eu, porém, digo-vos. 12 de Fevereiro de 2017 Eucaristia Dinamizada pelo 6º ano da Catequese

VI Domingo TC Ano A. Foi dito aos antigos Eu, porém, digo-vos. 12 de Fevereiro de 2017 Eucaristia Dinamizada pelo 6º ano da Catequese VI Domingo TC Ano A Foi dito aos antigos Eu, porém, digo-vos 12 de Fevereiro de 2017 Eucaristia Dinamizada pelo 6º ano da Catequese Admonição Inicial - Cântico Inicial - Sou Feliz 1- Sopra o vento de mansinho

Leia mais

D Em A. Em A D. D7 G Gm. Em A D A7. Em A D. 1-Tu anseias, eu bem sei, por salvação. tens desejo de banir a escuridão

D Em A. Em A D. D7 G Gm. Em A D A7. Em A D. 1-Tu anseias, eu bem sei, por salvação. tens desejo de banir a escuridão D Em A 1-Tu anseias, eu bem sei, por salvação Em A D tens desejo de banir a escuridão D7 G Gm Abre, pois, de par em par teu coração D Em A D A7 e deixa a luz do céu entrar D A Deixa a luz do céu entrar

Leia mais

QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA?

QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA? SÉRIE Por que precisamos ser cheios do Espírito Santo mais do que tudo? QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA? Espírito Santo grego: parakletos CONSOLADOR CONSELHEIRO AUXILIADOR AMIGO Aquele que está ao

Leia mais

PRIMEIRO DIA LADAINHA. MEDITAÇÃO Nosso Compromisso: Rede de Comunidades. Animador das primeiras comunidades, Caridoso com os mais empobrecidos,

PRIMEIRO DIA LADAINHA. MEDITAÇÃO Nosso Compromisso: Rede de Comunidades. Animador das primeiras comunidades, Caridoso com os mais empobrecidos, PRIMEIRO DIA LADAINHA São Judas Tadeu, Apóstolo de Cristo, Eleito por Jesus, Seguidor do Evangelho, Testemunha do Ressuscitado, Animador das primeiras comunidades, Fiel pregador do Evangelho, Zeloso ministro

Leia mais

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra);

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra); Uma nova paróquia Introdução DA: Conversão Pastoral Escolha de outro caminho; Transformar a estrutura paroquial retorno a raiz evangélica; Jesus: modelo (vida e prática); Metodologia: Nele, com Ele e a

Leia mais

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html.

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html. Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas ocantinhodasao.com.pt/public_html 12 Ano B ocantinhodasao.com.pt/public_html 1 RITOS INICIAIS Hoje,

Leia mais

Alguém entra (de preferência uma criança), nas mãos um bem-me-quer, mal-me-quer, enquanto entra vai falando e desfolhando a flor:

Alguém entra (de preferência uma criança), nas mãos um bem-me-quer, mal-me-quer, enquanto entra vai falando e desfolhando a flor: Ambientação: Espalhar pela igreja materiais alusivos de outras campanhas ou faixas com o tema desta campanha. O altar, se possível, deverá estar ornamentado com girassóis ou margaridas elas. Se possível,

Leia mais