Relembrando...O Que é Logística? 4 Logistica e Distribuição. Conceito Formal de Logística. Mas quais são as atividades da Logística?

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Relembrando...O Que é Logística? 4 Logistica e Distribuição. Conceito Formal de Logística. Mas quais são as atividades da Logística?"

Transcrição

1 Relembrando...O Que é Logística? Logística e Distribuição A atividade de Transporte 1 2 Conceito Formal de Logística Mas quais são as atividades da Logística? Ballou, 1993 Logística é o processo de planejar, implementar e controlar o fluxo de materiais e informações, desde o ponto de origem até o ponto de consumo, agregando valor aos clientes finais e da forma mais econômica. Esta definição inclui entrada e saída, interna e externa dos movimentos. Fonte :CSCMP Council of Supply Chain Management Professionals,

2 A Modalidade de Transporte O Sistema de Transporte a ser adotado deve atender: Requisitos de Tempos Requisitos de Suporte Requisitos de Custo Característica do Produto Transportado A Atividade de Transporte 5 6 Ballou, 1993 Urgência do problema logístico: 1998 Compaq estimou perda de US$ 1 bilhão por não ter colocado o produto disponível para os clientes quando estes precisavam Refripar: 10% das tampas de vidro dos freezers horizontais, importadas da Suécia quebravam no trajeto entre Cumbica e Curitiba. Primárias Apoio Ainda hoje 30 a 40% do produto agrícola se perde entre as fazendas e a cozinha. Março/2010 custo do transporte da soja no centro oeste representa 38% do preço do produto. 7 8

3 Custos logísticos no Brasil 2004 = 12,1% do PIB 2006 = 11,5% do PIB 2008 = 11,6% do PIB R$ 344 bilhões USA = de 9 a 10% do PIB África = ~20% do PIB Investimentos previstos PAC: previstos investimentos de R$ 132 bilhões Apenas 12,7% serão investidos até dez/2010 Brasil: uma das piores infraestruturas de logística entre as nações do BRIC 9 10 Atividade Logística: Transporte Pesquisa sobre Organização Logística entre grandes corporações de diversos segmentos 1997 nenhuma empresa apresentava área de logística estruturada mais de 50% das grandes empresas contam com um gerente ou diretor de logística. Elo essencial entre empresa e fornecedor e empresa e cliente; as empresas precisam providenciar a movimentação de sua Matéria Prima e Produto Acabado; Representa, em média, de 1/3 a 2/3 dos custos logísticos; Torna possível acessar outros mercados; Agrega valor lugar ao produto

4 Agrega valor lugar ao produto. A utilidade de um produto não depende apenas de sua forma e determinadas características mas também de onde ele está e do fato de lá estar quando for necessário. Qual é a utilidade de um guarda-chuva bom, bonito e barato que está em Pequim se está chovendo em Campinas? Uma geladeira não é uma geladeira se ela está em Curitiba mas é necessária em Mombuca. Funções do Atividade Transporte Facilitar a colocação da carga no meio de transporte; Entregar a carga intacta; Entregar a carga no local de destino; Entregar a carga no prazo contratado; Buscar a redução contínua desses prazos; Facilitar a retirada da carga no destino. Manter os serviços de transporte dentro de preços competitivos Responsabilidades Selecionar o modal de transporte adequado à operação; Decidir entre transporte próprio ou de terceiros; Selecionar transportador; Otimizar a utilização da capacidade dos meios de transporte; Dimensionar a frota; Elaborar o roteiro (roteirização); Controlar custos; Negociar fretes; Auditar atividades terceirizadas. Objetivos a ser atingido pelo Modal de Transporte Entregar a carga intacta; Entregar as mercadorias dentro dos prazos contratados e ou previstos; Entregar as mercadorias no local de destino e de maneira a facilitar o desembarque para o cliente; Buscar sempre estar realizando o transporte de maneira organizada e produtiva; Aprimorar continuamente os processos de gestão visando cada vez mais a melhoria de tempos e prazos; Buscar sempre estar controlando os custos logísticos

5 E como selecionar um modal de transporte? Passos: 1. Modais de transporte disponíveis para a operação; 2. Volume e valor da mercadoria a ser transportada; 3. Necessidades X Desempenho relativo Os Modais de Transporte Rodoviário Ferroviário Aéreo Hidroviário Dutoviário Podemos utilizar apenas um tipo de modal, ou dependendo da necessidade a combinação de modais (Multimodalidade ou Intermodalidade). E quais são os tipos de Transporte disponíveis? Percentual de Participação por Modo de Transporte no Brasil Alto Aéreo Volume e valor como determinantes de transporte Valor Rodoviário Ferroviário Hidroviário Duto Baixo Volume Alto 19 20

6 Panorama Mundial Fonte: Ministério dos Transportes País Rodovia % Hidrovia % Ferrovia % Alemanha 61,21 16,51 22,28 Belgica 65,31 13,69 21,00 Brasil 63,11 21,72 11,72 EUA 32,41 20,37 47,22 França 72,44 3,33 24,23 Holanda 75,49 20,98 3,53 Inglaterra 66,60 35,67 7,73 Itália 88,25,70 10,98 Japão 50,25 44,77 4,98 Polônia 42,65 0,64 56,71 Desempenho Relativo Caracteristica Modal de Transporte Rodo Ferro Aéreo Hidro Duto Velocidade de entrega Confiabilidade de entrega Qualidade Custo Flexibilidade de rota Melhor desempenho = 1 Pior desempenho = Sistema de Transporte Rodoviário Sistema de Transporte Rodoviário É o mais independente dos Transportes Possibilita movimentar uma grande qtde de materiais teoricamente para qualquer destino Altamente flexível Pequenas e Grandes encomendas Curtas e Longas Distâncias Coletas e Entregas Ponto-a-Ponto O modal mais utilizado no BRASIL 23 24

7 Realidade do Brasil Faz a conexão entre os diferentes modos de transportes Conecta diferentes pontos de embarque e desembarque Possui o maior número de empresas especializadas Entrega razoavelmente rápida Possibilita o transporte de pequenos lotes agilidade Possibilita consolidar diferentes lotes em pontos distintos Descrédito nos investimentos de Manutenção da malha rodoviária Ociosidade da Frota bate lata Baixa satisfação com os serviços rodoviários Altos valores de pedágios Sistema de Transporte Ferroviário Vantagens O serviço porta a porta A freqüência e disponibilidade destes tipos de veículos A conveniência e velocidade para o transporte porta a porta A grande quantidade de estradas existentes, ligando cidades, estados e países. Sua eficiência necessita Integração Planejamento Gestão e Controle Característica: Transporte de mercadoria de ponto-a-ponto em equipamentos sobre via férrea. Instalações complexas pátio de manobras Deslocamento lento se comparar por exemplo com o Rodoviário Dimensionamento de Bitolas entre os países não padronizado Muito utilizado no Brasil no transporte de grão e minérios 27 28

8 Serviço de Transporte Ferroviário Trajetos delineados e fixos Menor custo de transporte em relação ao rodoviário Livre de Congestionamento Grande Capacidade de transporte de carga de 25 a 100 T por vagão Em resumo Mais apropriado para produtos com grandes volumes Grãos Derivados de petróleo Minérios Necessita ser revitalizado e reestruturado no Brasil A velocidade média atual é de 23 km/h contra 80 Km/h nos EUA O transportador regular Vende seus serviços para qualquer usuário Regulamentado pelo governo O transportador privado Pertence a apenas um usuário Uso exclusivo Não necessita de regulamentação Necessidade de Integração com os outros modais de transporte 31 32

9 Sistema de Transporte Hidroviário Sistema de Transporte Hidroviário Característica: Utilização de vias aquáticas (rios, mares e lagos) de maneira a transportar mercadorias e pessoas Cabotagem: Entre pontos do próprio país, utilizando via marítima e vias navegáveis interiores Navegação de Longo Curso Realizado entre continentes Utiliza embarcações específicas para cada tipo de Carga Petroleiros, Graneleiros, Porta- Conteiner, Roll-on/Roll-off Regulamentado pela IMO International Maritime Organization Custos do transporte são influenciados pela característica da carga e destinos Volume, fragilidade, tipo de embalagem, distância entre portos Subutilizado no Brasil: considerando nosso potencial hidrográfico Embarcações utilizadas: Balsas, Barcaças e Navios possíveis de navegação Fluvial Frete formado baseado: Tonelada/Quilômetro Por unidade (Conteiners) 35 36

10 Pontos Fortes: Baixo Custo Mais econômico de todos os modais de transporte Grande quantidade de carga por carregamento Baixo Impacto ambiental Pouco Poluente Pontos Fracos: Transporte Regional Influência do Clima Assoriamento dos Rios Falta de Divulgação Subutilizado no Brasil Índices de referência para o modal hidroviário Movimentar um conteiner custa: na Argentina: 10 a 20 dólares de M.O. no Brasil: 40 a 50 dólares de M.O. Porto de Cingapura: movimenta 100 conteiners por hora ao custo de 70 dólares cada um. Porto de Santos: movimenta 40 conteiners por hora ao custo de 250 dólares cada um. Contingente de mão de obra: porto de Roterdâ: funcionários; porto de Vitória: funcionários. (Associação Brasileira dos Terminais Portuários, junho 2007) Tem melhor eficiência energética Tem melhor qualidade para o Meio Ambiente 39 40

11 Capacidade de carga - comparativo Curiosidades!!! O Maior Porta-Container do Mundo

12 Sistema de Transporte Aéreo Sistema de Transporte Aéreo Características: Utilização de aviões para transporte de carga e/ou passageiros Rapidez no Transporte Apropriado para mercadorias com prioridade de entrega urgência Mercadorias com pouco peso/volume e alto valor agregado Transporte aéreo Internacional baseado nas Normas da IATA (International Air Transport Association) Vantagens do Transporte Aéreo: Aeroportos próximos aos grandes centros em todo o mundo Rapidez na utilização de materiais perecíveis Segurança no transporte de pequenos volumes Desvantagens: Restrições a mercadorias magnéticas (necessidade de consulta) Materiais contaminantes Em decomposição Rigor do IATA para cargas perigosas Animais Ferozes e de grande porte 47 48

13 Sistema de Transporte Dutoviário Sistema de Transporte Dutoviário Movimentação de gases, líquidos, grãos e minérios por meio de tubulações. Gasoduto Transporte de Gases Oleoduto Transporte de Derivados do Petróleo. Difícil implantação pelas características físicas por onde os dutos devem passar: Rios, lagos, morros, oceanos etc Transporte Dutoviário de Cargas Produto Toneladas Petróleo, Álcool e derivados Minérios Gás Natural Fonte: Ministério dos Transportes 51 52

14 Multimodalidade Quando o transporte de mercadorias utiliza mais de um modal de transporte para chegar ao seu destino Transporte Multimodal Transpotorte Intermodal Regulamentado no Brasil pela Lei de 19/02/1998 O Serviço Intermodal Utilização da combinação de modais com a finalidade de entrega da mercadoria de forma mais eficiente e eficaz Força direcionadora (Globalização) crescentes transportes internacionais Ministério do Transporte é o orgão regulamentador Livre troca de equipamentos entre modais Necessidade de coordenação entre modais Comprometimento entre os serviços Combinações possíveis para a multimodalidade Ferroviário e Rodoviário Rodoviário e Aquaviário Ferroviário e Aquaviário Rodoviário e Aéreo Aéreo e Ferroviário Estudo de Caso Aquaviário e Aéreo 55 56

15 ESTUDO DE CASO: Netshoes usa o transporte com ferramenta de mercado A Netshoes é uma empresa de venda de artigos esportivos on line que começou a operar em fevereiro de 2000 e hoje é a maior loja do gênero na América Latina. Objetivo: ser o melhor e mais inovador serviço de e-commerce da internet brasileira. Trabalha 24 horas por dia, 7 dias por semana para levar artigos de esporte e lazer para pessoas em todos os cantos do país. As pessoas são o nosso foco e, por isso, somos extremamente transparentes e diretos. Acreditamos que o comprometimento com as promessas feitas aos clientes é o que constrói a nossa reputação. Aliás, para nós não basta resolver. É preciso encontrar e aplicar as soluções de forma rápida e benfeita. Para nossa equipe, bater metas não é o suficiente, é preciso quebrar recordes. MISSÃO Incentivar as pessoas a terem mais tempo para si, com mais esporte, momentos de lazer e saúde em seu cotidiano, disseminando, dessa forma, mais qualidade de vida. Queremos tornar produtos de esporte e lazer acessíveis ao maior número possível de pessoas, em todos os lugares do País, criando, para isso, condições em todas as frentes: loja, call center, aprovação de crédito, logística e distribuição. Por isso, queremos ser o melhor e mais inovador serviço de e- commerce da internet brasileira VISÃO Competitividade: ser rápido e eficiente, prezar pela qualidade e, assim, promover mais lucratividade para a empresa. Simplicidade e agilidade: buscar soluções simples para os desafios nos torna mais ágeis e eficientes. Inovação: nossa força propulsora está na inovação. Por isso, não tememos ousar e experimentar o novo. Espírito de servir: acreditamos que o comprometimento absoluto em realizar o que prometemos para os clientes é o que constrói nossa credibilidade e reputação. Pensar grande com foco nos detalhes: nunca perder a atenção aos detalhes, por maior que seja a dimensão das coisas que fazemos. VALORES Colaboração e parceria: promover a cumplicidade e a participação de todos os profissionais nos desafios da empresa, ouvindo suas opiniões e sendo transparentes com as nossas, no intuito de criar, assim, um ambiente de união no trabalho. Espírito de líder: fazer melhor não basta. É preciso ter em mente sempre a excelência máxima em tudo o que realizamos: garra e perseverança são, nesse sentido, palavras-chave. Integridade: ter atitudes transparentes é o que constrói relações honestas e engajadas entre colaboradores, clientes e fornecedores. Amar o que fazemos: amor pelo esporte, pelo lazer, pela saúde, por satisfazer nossos clientes e pela comunidade na qual estamos inseridos

16 Apresentando ao cliente seu diferencial Baseado nos 4P s de Marketing apresentar: Quais são os diferencias para cada um dos P s? A empresa falha em alguns dos 4 P s? Caso sim existe um modo de cobrir esta falha? Desenvolver a análise em duplas Relembrando os 4 P s 63

SISTEMAS DE TRANSPORTES

SISTEMAS DE TRANSPORTES ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS, PRODUÇÃO E LOGÍSTICA SISTEMAS DE TRANSPORTES TRANSPORTES Transportes, para a maioria das firmas, é a atividade logística mais importante, simplesmente porque ela absorve, em

Leia mais

LOGÍSTICA. O Sistema de Transporte

LOGÍSTICA. O Sistema de Transporte LOGÍSTICA O Sistema de Transporte O TRANSPORTE 1. Representa o elemento mais importante do custo logístico; MODALIDADE (UM MEIO DE TRANSPORTE) MULTIMODALIDADE (UTILIZAÇÃO INTEGRADA DE MODAIS) Tipos de

Leia mais

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Profª Caroline Pauletto Spanhol Cadeia de Abastecimento Conceitos e Definições Elementos Principais Entendendo a Cadeia de Abastecimento Integrada Importância

Leia mais

Fundamentos do Transporte

Fundamentos do Transporte Prof.: Deibson Agnel Livro: Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos/Logística Empresarial Autor: Ronald Ballou Cap. 06 1 A importância de um sistema de transporte eficaz A movimentação de cargas absorve

Leia mais

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 6. Contextualização. Modais de Transporte. Instrumentalização. Modais de Transporte

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 6. Contextualização. Modais de Transporte. Instrumentalização. Modais de Transporte Armazenagem, Controle e Distribuição Aula 6 Contextualização Prof. Walmar Rodrigues da Silva Modais de Transporte Característica Comparações Utilização Instrumentalização Multimodalidade e intermodalidade

Leia mais

PROGRAMA PRÓ CABOTAGEM POTENCIAL DA CABOTAGEM PARA O AGRONEGÓCIO

PROGRAMA PRÓ CABOTAGEM POTENCIAL DA CABOTAGEM PARA O AGRONEGÓCIO AGENDA PROGRAMA PRÓ CABOTAGEM POTENCIAL DA CABOTAGEM PARA O AGRONEGÓCIO O PROGRAMA PROGRAMA PARA DESENVOLVIMENTO DA CABOTAGEMNO BRASIL, COM A PARTICIPAÇÃO DOS ORGÃOS INTERVENIENTES, ATRAVÉS DE UM GRUPO

Leia mais

Por que escolher a Oplay Logística?

Por que escolher a Oplay Logística? Por que escolher a Oplay Logística? Porque a Oplay Logística tem soluções completas e inovadoras que a sua empresa precisa. Porque a Oplay Logística oferece serviços diferenciados desenhados de acordo

Leia mais

Contribuição do custo logístico na formação de preço de venda dos produtos. Prof. Paulo Medeiros

Contribuição do custo logístico na formação de preço de venda dos produtos. Prof. Paulo Medeiros Contribuição do custo logístico na formação de preço de venda dos produtos Prof. Paulo Medeiros Medindo os custos e desempenho da logística Uma vez que o gerenciamento logístico é um conceito orientado

Leia mais

Unidade: Modais de Transporte sob o foco da Logística Internacional e do Comércio Exterior. Revisor Textual: Profa. Esp.

Unidade: Modais de Transporte sob o foco da Logística Internacional e do Comércio Exterior. Revisor Textual: Profa. Esp. Unidade: Modais de Transporte sob o foco da Logística Internacional e do Comércio Exterior Revisor Textual: Profa. Esp. Márcia Ota Papel dos Transportes Modais de Transporte sob o foco da Logística Internacional

Leia mais

LOGÍSTICA Prof. Edwin B. Mitacc Meza

LOGÍSTICA Prof. Edwin B. Mitacc Meza LOGÍSTICA Prof. Edwin B. Mitacc Meza Prova 1 09 de Maio de 2013 Nome: 1ª QUESTÃO (1,0) Segundo os dados divulgados pela ood and Agriculture Organization (AO, 2011) sobre as exportações brasileiras, em

Leia mais

A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira

A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira CARLOS JR. GERENTE DE PLANEJAMENTO INTEGRADO Jun/2013 Jorge Carlos Dória Jr. Votorantim Siderurgia Votorantim Siderurgia O Grupo Votorantim

Leia mais

Modais de Transporte. Aula 1. Contextualização. Objetivos da Logística. Introdução. Custos Logísticos. Prof. Luciano José Pires.

Modais de Transporte. Aula 1. Contextualização. Objetivos da Logística. Introdução. Custos Logísticos. Prof. Luciano José Pires. Modais de Transporte Aula 1 Contextualização Prof. Luciano José Pires Introdução Objetivos da Logística A tarefa transporte é vital em uma cadeia logística, pois nenhuma empresa pode funcionar sem movimentar

Leia mais

Vamos nos conhecer. Avaliações 23/08/2015. Módulo I Introdução à Logistica Empresarial Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc.

Vamos nos conhecer. Avaliações 23/08/2015. Módulo I Introdução à Logistica Empresarial Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc. Módulo I Introdução à Logistica Empresarial Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc. Vamos nos conhecer Danillo Tourinho Sancho da Silva, M.Sc Bacharel em Administração, UNEB Especialista em Gestão da Produção

Leia mais

Professora Danielle Valente Duarte

Professora Danielle Valente Duarte Professora Danielle Valente Duarte TRANSPORTE significa o movimento do produto de um local a outro, partindo do início da cadeia de suprimentos chegando até o cliente Chopra e Meindl, 2006 O Transporte

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM TRANSPORTES

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM TRANSPORTES DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM TRANSPORTES Sistema de Tranporte Sob qualquer ponto de vista econômico, político e militar o transporte é,, inquestionavelmente, a indústria mais importante no mundo. Congresso

Leia mais

Prof. Esp. Romoaldo J S do Carmo E-mail: romoaldo.carmo@hotmail.com Prof.: Romoaldo J S do Carmo

Prof. Esp. Romoaldo J S do Carmo E-mail: romoaldo.carmo@hotmail.com Prof.: Romoaldo J S do Carmo Prof. Esp. Romoaldo J S do Carmo E-mail: romoaldo.carmo@hotmail.com Comércio Exterior UNIPAC Logística Internacional: Conceitos Estratégias Modais Transportes Tendências Logística Internacional CONCEITOS

Leia mais

MBA em Logística. Distribuição e Transportes DTA04 sala 22

MBA em Logística. Distribuição e Transportes DTA04 sala 22 MBA em Logística Distribuição e Transportes DTA04 sala 22 Prof. MBA em Logística Prof. Distribuição e Transportes DTA04 sala 22 NOMENCLATURA DE CARGAS Classificação de Cargas Classes de Cargas Sub-Classes

Leia mais

Evolução da Utilização Multimodal

Evolução da Utilização Multimodal "Sem caminhão, o Brasil pára". Transporte Intermodal de Cargas A intermodalidade, fisicamente, é a mesma coisa, ou seja, o transporte da carga por mais de um modal para alcançar o seu destino. O que diferencia

Leia mais

As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm

As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm ESTUDO DA CNT APONTA QUE INFRAESTRUTURA RUIM AUMENTA CUSTO DO TRANSPORTE DE SOJA E MILHO As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm impacto significativo na movimentação

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva

Unidade II GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva Unidade II GERENCIAMENTO DE TRANSPORTES Prof. Altair da Silva Formas e modais de transportes As formas como nossos produtos são distribuídos em nosso país, depende de vários fatores. Em um país como o

Leia mais

. CONSUMO DE ÓLEO DIESEL

. CONSUMO DE ÓLEO DIESEL TRANSPORTES Os transportes têm como finalidade o deslocamento e a circulação de mercadorias e de pessoas de um lugar para outro. Nos países subdesenvolvidos, cuja economia sempre foi dependente dos mercados

Leia mais

A navegação de cabotagem no Brasil

A navegação de cabotagem no Brasil A navegação de cabotagem no Brasil Um imenso potencial com grandes desafios e barreiras João Guilherme Araujo Diretor de Desenvolvimento de Negócios ILOS - Instituto de Logística e Supply Chain Ultimamente

Leia mais

A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA. vem apresentar à sua empresa um programa completo de suporte às operações de logística, que atende aos

A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA. vem apresentar à sua empresa um programa completo de suporte às operações de logística, que atende aos 2012 Apresentação Luiz José de Souza Neto Union Modal Logística Integrada Rua Teixeira de Freitas, 72, cj. 23 Santos / SP - Tel.: 13 30613387 luiz@unionmodal.com.br A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA.

Leia mais

EMPRESA ESTRUTURA FROTAS MALHA LOGÍSTICA FRANQUIAS SERVIÇOS DIFERENCIAL CONTATO

EMPRESA ESTRUTURA FROTAS MALHA LOGÍSTICA FRANQUIAS SERVIÇOS DIFERENCIAL CONTATO EMPRESA ESTRUTURA FROTAS MALHA LOGÍSTICA FRANQUIAS SERVIÇOS DIFERENCIAL CONTATO Sob o pioneirismo do GRUPO JAD, atuante no mercado logístico há mais de 20 anos, a JADLOG visa disponibilizar um atendimento

Leia mais

Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 5 a 8 de outubro, 2009 131 RESUMOS EXPANDIDOS...132

Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 5 a 8 de outubro, 2009 131 RESUMOS EXPANDIDOS...132 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 5 a 8 de outubro, 2009 131 RESUMOS EXPANDIDOS...132 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 5 a 8 de outubro, 2009 132

Leia mais

Logística. Oliveira, Felipe Flausino de. O48l Logística: modais / Felipe Flausino de Oliveira. Varginha, 2015. 40 slides; il.

Logística. Oliveira, Felipe Flausino de. O48l Logística: modais / Felipe Flausino de Oliveira. Varginha, 2015. 40 slides; il. Logística Oliveira, Felipe Flausino de. O48l Logística: modais / Felipe Flausino de Oliveira. Varginha, 2015. 40 slides; il. Sistema requerido: Adobe Acrobat Reader Modo de Acesso: World Wide Web 1. Logística

Leia mais

Wallenius Wilhelmsen Logistics. Making a Multimodal Brazil

Wallenius Wilhelmsen Logistics. Making a Multimodal Brazil Wallenius Wilhelmsen Logistics Making a Multimodal Brazil Agenda This is Wallenius Wilhelmsen Logistics Multimodal in Brazil Trucking Rail Air Sea Future This is Wallenius Wilhelmsen Logistics A global

Leia mais

Gestão de Fretes 15/09/2011. O transporte no processo logístico. O Sistema de Transporte. Matriz de Transportes O TRANSPORTE

Gestão de Fretes 15/09/2011. O transporte no processo logístico. O Sistema de Transporte. Matriz de Transportes O TRANSPORTE Gestão de Fretes O Sistema de Transporte O TRANSPORTE 1. Representa o elemento mais importante do custo logístico; 2. Tem papel fundamental na prestação do Serviço ao Cliente O transporte no processo logístico

Leia mais

Unidade: Transporte Multimodal. Revisor Textual: Profa. Esp. Márcia Ota

Unidade: Transporte Multimodal. Revisor Textual: Profa. Esp. Márcia Ota Unidade: Transporte Multimodal Revisor Textual: Profa. Esp. Márcia Ota Transporte Multimodal O transporte multimodal se caracteriza pela utilização de mais de um modal de transporte entre a origem e o

Leia mais

DISCIPLINA: DOWNSTREAM TRANSPORTE Prof. Mauro Ferreira

DISCIPLINA: DOWNSTREAM TRANSPORTE Prof. Mauro Ferreira DISCIPLINA: DOWNSTREAM TRANSPORTE Prof. Mauro Ferreira CAPÍTULO I INTRODUÇÃO Iniciaremos aqui mais um desenvolvimento de segmento da Indústria de Petróleo e Gás, DOWNSTREAM TRANSPORTE, no que se refere

Leia mais

A NAVEGAÇÃO DE CABOTAGEM COMO SOLUÇÃO DE LOGÍSTICA COSTEIRA PARA O BRASIL Thiago Gonçalves Maio de 2014

A NAVEGAÇÃO DE CABOTAGEM COMO SOLUÇÃO DE LOGÍSTICA COSTEIRA PARA O BRASIL Thiago Gonçalves Maio de 2014 A NAVEGAÇÃO DE CABOTAGEM COMO SOLUÇÃO DE LOGÍSTICA COSTEIRA PARA O BRASIL Thiago Gonçalves Maio de 2014 SOBRE LOG-IN QUEM SOMOS? Quem Somos Números 96% 96% DE REDUÇÃO EM EMISSÕES DE CO 2 EM RELAÇÃO AO

Leia mais

Navegação de Cabotagem no Brasil. João Guilherme Araujo. Novembro/2013

Navegação de Cabotagem no Brasil. João Guilherme Araujo. Novembro/2013 Navegação de Cabotagem no Brasil João Guilherme Araujo Novembro/2013 Agenda Porque falar de Cabotagem? Cabotagem no Brasil Pontos Favoráveis e Desfavoráveis Números da Cabotagem no Brasil Cabotagem de

Leia mais

Prof. Altair da Silva. Unidade III GERENCIAMENTO DE

Prof. Altair da Silva. Unidade III GERENCIAMENTO DE Prof. Altair da Silva Unidade III GERENCIAMENTO DE TRANSPORTE Transporte aéreo O transporte caracterizado por transporte através de aeronaves. Doméstico internamente; Internacional outros países; Início

Leia mais

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Exportações de açúcar da empresa devem aumentar 86% na safra 2009/2010 A Copersucar completa

Leia mais

Desafio Logístico 2013

Desafio Logístico 2013 1 Desafio Logístico 2013 Índice Introdução 3 A situação O desafio 5 5 Regras gerais 6 2 Introdução O desenvolvimento econômico do Brasil enfrenta inúmeros desafios sendo que um dos mais complexos está

Leia mais

O Transporte Aquaviário como Solução Logística e Ambiental

O Transporte Aquaviário como Solução Logística e Ambiental O Transporte Aquaviário como Solução Logística e Ambiental Missão Rússia Seminário Portos Fernando Fialho Diretor-Geral da ANTAQ Data: 14/05/2010 Local: Hotel Ritz-Carlton Uma breve visão do Brasil Fatos

Leia mais

TMS e Roteirizadores. Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com

TMS e Roteirizadores. Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com TMS e Roteirizadores Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com Definição TMS (Transportation Management System) é um produto para melhoria da qualidade e produtividade de todo o processo de distribuição. Este

Leia mais

Recursos Humanos Prof. Angelo Polizzi. Logística Empresarial e Sistema Integrado. Objetivos do Tema. Logística

Recursos Humanos Prof. Angelo Polizzi. Logística Empresarial e Sistema Integrado. Objetivos do Tema. Logística Recursos Humanos Prof. Angelo Polizzi e Sistema Integrado Objetivos do Tema Apresentar: Uma visão da logística e seu desenvolvimento com o marketing. A participação da logística como elemento agregador

Leia mais

LOGÍSTICA DE OPERAÇÕES INTERNACIONAIS II. Prof. Alessandro Camargo

LOGÍSTICA DE OPERAÇÕES INTERNACIONAIS II. Prof. Alessandro Camargo LOGÍSTICA DE OPERAÇÕES INTERNACIONAIS II Prof. Alessandro Camargo Logística Internacional As principais características das operações logísticas são: - Complexidade: que podem ser desde o produto até a

Leia mais

Aimplementação da estratégia Caminhos da Bahia fundamenta-se no aporte de infraestrutura

Aimplementação da estratégia Caminhos da Bahia fundamenta-se no aporte de infraestrutura PPA 2004-2007 Caminhos da Bahia: Infra-estrutura e Logística Aimplementação da estratégia Caminhos da Bahia fundamenta-se no aporte de infraestrutura nas áreas de transportes e energia, com o objetivo

Leia mais

TRANSPORTES: REDES MATERIAIS

TRANSPORTES: REDES MATERIAIS TRANSPORTES: REDES MATERIAIS TRANSPORTES desenvolvimento da tecnologia e a busca de economia de energia e tempo criação de equipamentos para transportar grandes volumes de carga e menor gasto de energia;

Leia mais

Quem Somos. A FAST BRAZIL é uma empresa 100% brasileira, especializada em agenciamento de cargas e despacho aduaneiro.

Quem Somos. A FAST BRAZIL é uma empresa 100% brasileira, especializada em agenciamento de cargas e despacho aduaneiro. Quem Somos A FAST BRAZIL é uma empresa 100% brasileira, especializada em agenciamento de cargas e despacho aduaneiro. Contamos com profissionais altamente qualificados no comércio internacional e uma rede

Leia mais

Bruno Batista Diretor Executivo da CNT Brasília, Abril de 2009

Bruno Batista Diretor Executivo da CNT Brasília, Abril de 2009 Gargalos no Sistema de Transporte de Cargas no Brasil Bruno Batista Diretor Executivo da CNT Brasília, Abril de 2009 Panorama do Transporte Composição da Matriz de Transportes comparação outros países

Leia mais

A palavra transporte vem do latim trans (de um lado a outro) e portare (carregar). Transporte é o movimento de pessoas ou coisas de um lugar para

A palavra transporte vem do latim trans (de um lado a outro) e portare (carregar). Transporte é o movimento de pessoas ou coisas de um lugar para A palavra transporte vem do latim trans (de um lado a outro) e portare (carregar). Transporte é o movimento de pessoas ou coisas de um lugar para outro. Os transportes podem se distinguir pela possessão:

Leia mais

Bases Tecnológicas do curso de Logística 1991 3º Módulo

Bases Tecnológicas do curso de Logística 1991 3º Módulo Bases Tecnológicas do curso de Logística 1991 3º Módulo III.1 GESTÃO DE TRANSPORTES 1.1. O desenvolvimento econômico e o transporte. 1.2. A geografia brasileira, a infraestrutura dos estados, municípios

Leia mais

CAPÍTULO III MEIOS DE TRANSPORTE TRANSPORTE HIDROVIÁRIO

CAPÍTULO III MEIOS DE TRANSPORTE TRANSPORTE HIDROVIÁRIO CAPÍTULO III MEIOS DE TRANSPORTE TRANSPORTE HIDROVIÁRIO O Transporte Hidroviário é o mais antigo do mundo. Subdivide-se em: - Transporte Marítimo: executado pelos mares, normalmente transportes internacionais

Leia mais

PLATAFORMAS MARÍTIMAS. Aula 13. Logística de transferência de petróleo

PLATAFORMAS MARÍTIMAS. Aula 13. Logística de transferência de petróleo PLATAFORMAS MARÍTIMAS Aula 13 Logística de transferência de petróleo INTRODUÇÃO Logística Colocar-se o produto certo, no local correto, no momento adequado e ao menor preço possível, desde as fontes de

Leia mais

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza edwin@engenharia-puro.com.br www.engenharia-puro.com.br/edwin Gerenciamento Logístico Gerenciamento Logístico A missão do gerenciamento logístico é planejar

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Logística Empresarial

Curso Superior de Tecnologia em Logística Empresarial PRIMEIRA FASE 01 CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL I Funções, gráficos e aplicações; cálculo diferencial e aplicações; funções de duas ou mais variáveis: derivadas parciais e aplicações; aplicação computacional

Leia mais

- Online Curso sob Regulamentação do Decreto 5.622 de 19/12/2005 - MEC

- Online Curso sob Regulamentação do Decreto 5.622 de 19/12/2005 - MEC FORMAÇÃO Analista de Logística em Comércio Exterior - Online Curso sob Regulamentação do Decreto 5.622 de 19/12/2005 - MEC Objetivo: Habilitar o participante para trabalhar com as rotinas da logística

Leia mais

Logística empresarial

Logística empresarial 1 Logística empresarial 2 Logística é um conceito relativamente novo, apesar de que todas as empresas sempre desenvolveram atividades de suprimento, transporte, estocagem e distribuição de produtos. melhor

Leia mais

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Professor: Josiane Vill Disciplina: Geografia Série: 2ª Ano Tema da aula: transporte e Telecomunicação Objetivo da aula:. Entender as principais formas de

Leia mais

Excelência. locações e transporte Ltda. www.excelenciaguindastes.com.br

Excelência. locações e transporte Ltda. www.excelenciaguindastes.com.br www.excelenciaguindastes.com.br A Guindastes e uma empresa de Goiânia Goiás QUEM SOMOS que presta serviço em todo território nacional no segmento de Locação de Guindastes, Locação de Munck, Grupo Geradores,

Leia mais

O TRANSPORTE COMO AGENTE NO COMÉRCIO EXTERIOR.

O TRANSPORTE COMO AGENTE NO COMÉRCIO EXTERIOR. O TRANSPORTE COMO AGENTE NO COMÉRCIO EXTERIOR. JORENTE, Marroni Angélica. Discente da Faculdade de Ciências Jurídicas e Gerenciais/ACEG. E-mail: angelicamarroni@flash.tv.br MICHEL, Murillo. Docente da

Leia mais

Paulista Logística & Supply Chain Pontualidade e excelência.

Paulista Logística & Supply Chain Pontualidade e excelência. Metas propostas Compreender a necessidade do cliente, e atende-lo com sublimidade, sempre utilizando os melhores modelos de gestão, com o objetivo principal solidificar a nossa parceria onde ambos os lados

Leia mais

Setores químico e petroquímico: as características dos produtos determinam a logística correta -

Setores químico e petroquímico: as características dos produtos determinam a logística correta - Setores químico e petroquímico: as características dos produtos determinam a logística correta - Setores onde um erro pode acarretar sérios danos ao meio ambiente, às pessoas e as próprias instalações

Leia mais

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL. Agosto de 2013

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL. Agosto de 2013 QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL Agosto de 2013 PRINCIPAIS CADEIAS PRODUTIVAS Soja, milho e bovinos AGROPECUÁRIA AÇÚCAR E ÁLCOOL Soja, milho e bovinos Cana de açúcar MINERAÇÃO E SIDERURGIA

Leia mais

LOGÍSTICA EMPRESARIAL. Rodolfo Cola Santolin 2009

LOGÍSTICA EMPRESARIAL. Rodolfo Cola Santolin 2009 LOGÍSTICA EMPRESARIAL Rodolfo Cola Santolin 2009 Conteúdo Cadeia de suprimentos Custos Logísticos Administração de Compras e Suprimentos Logística Reversa CADEIA DE SUPRIMENTOS Logística Logística Fornecedor

Leia mais

.2.3 HISTÓRICO... 05. MISSÃO, VISÃO, VALORES E POLíTICA DE QUALIDADE... 06 OPERAÇÃO PORTUÁRIA... 08 ATIVIDADES... 08 QUALIDADE...

.2.3 HISTÓRICO... 05. MISSÃO, VISÃO, VALORES E POLíTICA DE QUALIDADE... 06 OPERAÇÃO PORTUÁRIA... 08 ATIVIDADES... 08 QUALIDADE... HISTÓRICO... 05 MISSÃO, VISÃO, VALORES E POLíTICA DE QUALIDADE... 06 OPERAÇÃO PORTUÁRIA... 08 ATIVIDADES... 08 QUALIDADE... 10 EVOLUIR SEMPRE... 12 ALTA TECNOLOGIA PARA GRANDES RESULTADOS... 15 EQUIPAMENTOS...

Leia mais

São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios

São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios A importância da economia paulista transcende as fronteiras brasileiras. O Estado é uma das regiões mais desenvolvidas de toda a América

Leia mais

Navegação de Cabotagem

Navegação de Cabotagem Reunião Conjunta Câmaras Setoriais da Cadeia Produtiva de Milho e Sorgo e da Cadeia Produtiva de Aves e Suínos Identificação das formas de movimentação dos excedentes de milho no Brasil Navegação de Cabotagem

Leia mais

LOGÍSTICA & BRASIL Artigo

LOGÍSTICA & BRASIL Artigo O artigo aborda relações entre logística, formação profissional e infra-estrutura do país. São debatidas questões sobre a evolução da logística no Brasil, a preparação educacional do profissional de logística

Leia mais

Gestão de Transporte. Gestão do Transporte: Próprio ou Terceiros? Gestão de Transporte Avaliação das modalidades. Que fatores a serem considerados?

Gestão de Transporte. Gestão do Transporte: Próprio ou Terceiros? Gestão de Transporte Avaliação das modalidades. Que fatores a serem considerados? Gestão de Transporte Que fatores a serem considerados? A Atividade de Transporte: Sua Gestão Barco Trem Caminhão Peso Morto por T transportada 350 kg 800kg 700 kg Força de Tração 4.000 kg 500 kg 150 kg

Leia mais

No geral, a Hamburg Süd alcançou um resultado positivo nos serviços marítimos mesmo com as adversidades verificadas no mercado.

No geral, a Hamburg Süd alcançou um resultado positivo nos serviços marítimos mesmo com as adversidades verificadas no mercado. Hamburg Süd encerra 2014 com faturamento de 5,2 bilhões de euros Empresa movimentou, juntamente com a subsidiária Aliança, cerca de 3,4 milhões de contêineres, um aumento de 2% em relação ao período anterior

Leia mais

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 COMUNICADO No: 58 Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 10 de dezembro de 2015 (Genebra) - A International Air Transport Association (IATA) anunciou

Leia mais

UMA SOLUÇÃO DE TRANSPORTE

UMA SOLUÇÃO DE TRANSPORTE TP 15164T UMA SOLUÇÃO DE TRANSPORTE EFICAZ, FIÁVEL E SEGURA www.atlanticgateway.gc.ca A PORTA DO ATLÂNTICO É: Uma rede multimodal protegida, segura e sustentável equipada com instalações especializadas

Leia mais

TRANSPORTE E DISTRIBUIÇÃO DOCENTE: EDUARDO MANGABEIRA

TRANSPORTE E DISTRIBUIÇÃO DOCENTE: EDUARDO MANGABEIRA TRANSPORTE E DISTRIBUIÇÃO DOCENTE: EDUARDO MANGABEIRA TRANSPORTE E DISTRIBUIÇÃO TRANSPORTE TRANSPORTE EM LOGÍSTICA É a movimentação de produtos entre regiões geográficas ou área de comércio, elevando o

Leia mais

DHL OCEAN DIRECT (FCL) A CONFIABILIDADE QUE VOCÊ EXIGE A FLEXIBILIDADE QUE VOCÊ PRECISA

DHL OCEAN DIRECT (FCL) A CONFIABILIDADE QUE VOCÊ EXIGE A FLEXIBILIDADE QUE VOCÊ PRECISA DHL OCEAN DIRECT (FCL) A CONFIABILIDADE QUE VOCÊ EXIGE A FLEXIBILIDADE QUE VOCÊ PRECISA POR QUE ESCOLHER O DHL OCEAN DIRECT (FCL) EXPERIÊNCIA EM LOGÍSTICA PARA NEGÓCIOS DE TODOS OS TAMANHOS Nossa experiência

Leia mais

Unidade IV GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva

Unidade IV GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva Unidade IV GERENCIAMENTO DE TRANSPORTE Prof. Altair da Silva Transporte em area urbana Perceba o volume de caminhões que circulam nas áreas urbanas em nosso país. Quais são os resultados para as empresas

Leia mais

SEGURANÇA E AGILIDADE EM TODAS AS SUAS ENTREGAS

SEGURANÇA E AGILIDADE EM TODAS AS SUAS ENTREGAS SEGURANÇA E AGILIDADE EM TODAS AS SUAS ENTREGAS TNT EFICIÊNCIA EM TRANSPORTES A TNT, uma das líderes mundiais em transporte expresso, possui hoje a maior rede de distribuição expressa rodoviária de toda

Leia mais

O termo logística tem sua origem no meio militar, estando relacionado a atividade de abastecimento de tropas.

O termo logística tem sua origem no meio militar, estando relacionado a atividade de abastecimento de tropas. Logística e Distribuição Professor: Leandro Zvirtes UDESC/CCT Histórico O termo logística tem sua origem no meio militar, estando relacionado a atividade de abastecimento de tropas. A história mostra que

Leia mais

Custeio do Transporte Aquaviário - Ferroviário - Aéreo - Dutoviário de Cargas

Custeio do Transporte Aquaviário - Ferroviário - Aéreo - Dutoviário de Cargas Custeio do Transporte Aquaviário - Ferroviário - Aéreo - Dutoviário de Cargas SUMÁRIO 1. Link Aula Anterior; 2. Conceitos Gerais de Custos de Transporte; 3. Decisões que afetam os custos; 4. Fatores que

Leia mais

CUSTOS LOGÍSTICOS NO BRASIL 2014. Logística, Supply Chain e Infraestrutura. Núcleo de Logística, Supply Chain e Infraestrutura

CUSTOS LOGÍSTICOS NO BRASIL 2014. Logística, Supply Chain e Infraestrutura. Núcleo de Logística, Supply Chain e Infraestrutura CUSTOS LOGÍSTICOS NO BRASIL 2014 Logística, Supply Chain e Infraestrutura Núcleo de Logística, Supply Chain e Infraestrutura Paulo Tarso Vilela de Resende Paulo Renato de Sousa Bolsistas Fapemig Gustavo

Leia mais

Visão dos armadores sobre potencial, investimentos e obstáculos no corredor Centro Norte SINDARPA

Visão dos armadores sobre potencial, investimentos e obstáculos no corredor Centro Norte SINDARPA Visão dos armadores sobre potencial, investimentos e obstáculos no corredor Centro Norte SINDARPA SINDARPA INSTITUCIONAL O Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial e Lacustre e das Agências de Navegação

Leia mais

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas Perguntas e Respostas Índice 1. Qual é a participação de mercado da ALL no mercado de contêineres? Quantos contêineres ela transporta por ano?... 4 2. Transportar por ferrovia não é mais barato do que

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL SOBRE NÓS Fundada em 2003, a Navega Viagens e Turismo atua no mercado de turismo comprometida com a qualidade de atendimento aos clientes e sua consequente satisfação. Nosso

Leia mais

DiskKombi ESPECIALIZADA EM TERCEIRIZAÇÃO DE FROTA

DiskKombi ESPECIALIZADA EM TERCEIRIZAÇÃO DE FROTA 2 1 3 4 5 6 7 8 9 DiskKombi 0 ESPECIALIZADA EM TERCEIRIZAÇÃO DE FROTA A EMPRESA Pioneira efetiva na terceirização de frotas, iniciou suas operações a 25 anos, é precursora dos mais inovadores sistemas

Leia mais

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DE TRANSPORTE DE CARGAS EVOLUÇÃO HISTÓRICA DO ENFOQUE LOGÍSTICO

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DE TRANSPORTE DE CARGAS EVOLUÇÃO HISTÓRICA DO ENFOQUE LOGÍSTICO AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DE TRANSPORTE DE CARGAS EVOLUÇÃO HISTÓRICA DO ENFOQUE LOGÍSTICO Pré-logística: gestão voltada para o custo do transporte (redução do frete de frotas contratadas ou redução dos custos

Leia mais

Infraestrutura: situação atual e investimentos t planejados. Setembro 2011 Paulo Fleury

Infraestrutura: situação atual e investimentos t planejados. Setembro 2011 Paulo Fleury Infraestrutura: situação atual e investimentos t planejados Setembro 2011 Paulo Fleury Agenda Infraestrutura Logística Brasileira PAC: Investimentos e Desempenho PAC: Investimentos e Desempenho Necessidade

Leia mais

Congestionamento de Porto + Desembaraço + Infraestrutura = Impacto no Custo Brasil Fabiana Nakai, Gerente de Soluções para Clientes, Automotivo

Congestionamento de Porto + Desembaraço + Infraestrutura = Impacto no Custo Brasil Fabiana Nakai, Gerente de Soluções para Clientes, Automotivo Congestionamento de Porto + Desembaraço + Infraestrutura = Impacto no Custo Brasil Fabiana Nakai, Gerente de Soluções para Clientes, Automotivo Outubro, 2013 UTi Provedor de Soluções Logísticas Financeiro

Leia mais

NOVEMBRO 2011 IMPORTÂNCIA ESTRATÉGICA PORTO HOJE PLANO ESTRATÉGICO

NOVEMBRO 2011 IMPORTÂNCIA ESTRATÉGICA PORTO HOJE PLANO ESTRATÉGICO NOVEMBRO 2011 IMPORTÂNCIA ESTRATÉGICA PORTO HOJE PLANO ESTRATÉGICO 1 LOCALIZAÇÃO PRIVILEGIADA MUNDIAL Rotterdam (5) (1) (4) Porto do Itaqui (3) (2) Itaqui China (Shangai) (1) Via Canal Panamá ~ 12.000

Leia mais

22/02/2009 LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO POR QUE A LOGÍSTICA ESTÁ EM MODA POSIÇÃO DE MERCADO DA LOGÍSTICA

22/02/2009 LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO POR QUE A LOGÍSTICA ESTÁ EM MODA POSIÇÃO DE MERCADO DA LOGÍSTICA LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO A melhor formação cientifica, prática e metodológica. 1 POSIÇÃO DE MERCADO DA LOGÍSTICA Marketing Vendas Logística ANTES: foco no produto - quantidade de produtos sem qualidade

Leia mais

Ensino Técnico. Plano de Trabalho Docente 2015. ETEC Paulino Botelho ( Extensão Esterina Placco ) Código: 091.01. Município: São Carlos

Ensino Técnico. Plano de Trabalho Docente 2015. ETEC Paulino Botelho ( Extensão Esterina Placco ) Código: 091.01. Município: São Carlos Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC Plano de Trabalho Docente 2015 ETEC Paulino Botelho ( Extensão Esterina Placco ) Ensino Técnico Código: 09101 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão de

Leia mais

de desenvolvimento de uma região ou país sem um sistema

de desenvolvimento de uma região ou país sem um sistema de desenvolvimento de uma região ou país sem um sistema O sistema de transporte é um elemento importante para o crescimento de cidades e de indústrias, para a geração de renda, de emprego e de estabilidade

Leia mais

Introdução à Logística e ao Gerenciamento da Cadeia de Abastecimento CONCEITO DE LOGÍSTICA EVOLUÇÃO

Introdução à Logística e ao Gerenciamento da Cadeia de Abastecimento CONCEITO DE LOGÍSTICA EVOLUÇÃO Introdução à Logística e ao Gerenciamento da Cadeia de Abastecimento CONCEITO DE LOGÍSTICA DÉCADA DE 70 TRANSPORTE, ARMAZENAGEM E DISTRIBUIÇÃO DÉCADA DE 80 SISTEMA INTEGRADO DÉCADAS DE 90 / 00 SERVIÇO

Leia mais

Gestão de Operações Portuárias com Pós Graduação

Gestão de Operações Portuárias com Pós Graduação Gestão de Operações Portuárias com Pós Graduação Objetivo: Capacitar o participante para gerir as rotinas e operações logísticas em um porto ou terminal portuário voltado para a movimentação interna, importação

Leia mais

POR QUE EMBARCAR COM A LOG-IN? Soluções logísticas que integram Brasil e MERCOSUL

POR QUE EMBARCAR COM A LOG-IN? Soluções logísticas que integram Brasil e MERCOSUL POR QUE EMBARCAR COM A LOG-IN? Soluções logísticas que integram Brasil e MERCOSUL SOBRE LOG-IN BENEFÍCIOS MONITORAMENTO 24HS DAS CARGAS Monitoramento de risco e informação de todas as viagens; INTERMODALIDADE

Leia mais

Brochura - Panorama ILOS. Supply Chain Finance Como o Supply Chain pode contribuir no planejamento financeiro das empresas - 2015 -

Brochura - Panorama ILOS. Supply Chain Finance Como o Supply Chain pode contribuir no planejamento financeiro das empresas - 2015 - Brochura - Panorama ILOS Supply Chain Finance Como o Supply Chain pode contribuir no planejamento financeiro das empresas - 2015 - Por que adquirir este Panorama ILOS? O Supply Chain Finance é a forma

Leia mais

Brochura - Panorama ILOS

Brochura - Panorama ILOS Brochura - Panorama ILOS c Custos Logísticos no Brasil - 2014 - Apresentação O tema custos é uma preocupação recorrente dos executivos de logística no Brasil. Por isso, de dois em dois anos, o ILOS vai

Leia mais

PLATAFORMA LOGÍSTICA Instrumento Importante para maior eficiência logística dos Portos Brasileiros O Caso do Porto de Santos

PLATAFORMA LOGÍSTICA Instrumento Importante para maior eficiência logística dos Portos Brasileiros O Caso do Porto de Santos PLATAFORMA LOGÍSTICA Instrumento Importante para maior eficiência logística dos Portos Brasileiros O Caso do Porto de Santos José Newton Barbosa Gama Assessor Especial Dezembro de 2011 SUMÁRIO Problemática

Leia mais

TÍTULO: SIMULAÇÃO DE SISTEMA LOGÍSTICO DE APOIO PARA EXPORTAÇÃO DE PARA-CHOQUES PARA OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

TÍTULO: SIMULAÇÃO DE SISTEMA LOGÍSTICO DE APOIO PARA EXPORTAÇÃO DE PARA-CHOQUES PARA OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: SIMULAÇÃO DE SISTEMA LOGÍSTICO DE APOIO PARA EXPORTAÇÃO DE PARA-CHOQUES PARA OS ESTADOS UNIDOS

Leia mais

TEMA: DESAFIOS LOGÍSTICOS

TEMA: DESAFIOS LOGÍSTICOS Câmara dos Deputados Comissão Especial PL 0037/11 Audiência Pública em 18 de Setembro de 2013 TEMA: DESAFIOS LOGÍSTICOS (Brasília-DF) INSTITUTO BRASILEIRO DE MINERAÇÃO SUMÁRIO 1) A MINERAÇÃO HOJE 2) MINERAÇÃO

Leia mais

A Importância da Logística para o Desenvolvimento Regional Wagner Cardoso

A Importância da Logística para o Desenvolvimento Regional Wagner Cardoso A Importância da Logística para o Desenvolvimento Regional Wagner Cardoso Secretário-Executivo do Conselho de Infraestrutura da Confederação Nacional da Indústria CNI Brasília, 4 de maio de 2011 1 Qualidade

Leia mais

Cidades e Aeroportos no Século XXI 11

Cidades e Aeroportos no Século XXI 11 Introdução Nos trabalhos sobre aeroportos e transporte aéreo predominam análises específicas que tratam, por exemplo, do interior do sítio aeroportuário, da arquitetura de aeroportos, da segurança aeroportuária,

Leia mais

OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL

OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL Estudo realizado com 259 empresas; Faturamento das empresas pesquisadas representando mais de 30% do PIB brasileiro; O objetivo principal é mapear e avaliar a importância

Leia mais

Identificação dos Custos Logísticos

Identificação dos Custos Logísticos Universidade Cruzeiro do Sul www.cruzeirodosul.edu.br Unidade - Identificação dos Custos Logísticos MATERIAL TEÓRICO Responsável pelo Conteúdo: Prof. Esp. Washington Luís Reis Revisão Textual: Profa. Esp.

Leia mais

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS!

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! sdfgdfhfdgfsgfdgfsdg sdfgsdgsfdgfd PRODUTOS PARA VOCÊ PRODUTOS PARA VOCÊ Simples e econômico: com apenas uma apólice, toda sua frota fica segurada.

Leia mais

CONDOMINIO INDUSTRIAL MARITIMO

CONDOMINIO INDUSTRIAL MARITIMO PORTO CENTRAL CONDOMINIO INDUSTRIAL MARITIMO VITORIA, 01/8/2012 Jose Maria Novaes 3-8-2012 Copyright - PORTO CENTRAL - 2012 1 Porto Central Visão Ser um complexo portuário indústrial de águas profundas

Leia mais

SISTEMAS DE TRANSPORTES TT046

SISTEMAS DE TRANSPORTES TT046 SISTEMAS DE TRANSPORTES TT046 Prof. Eduardo Ratton Prof. Garrone Reck Prof a. Gilza Fernandes Blasi Prof. Jorge Tiago Bastos Prof a. Márcia de Andrade Pereira Prof. Wilson Kuster Versão 2015 TRANSPORTE

Leia mais

UNIVERSIDADE CÂNDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE INTEGRADA AVM

UNIVERSIDADE CÂNDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE INTEGRADA AVM 1 UNIVERSIDADE CÂNDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE INTEGRADA AVM LOGÍSTICA E DISTRIBUIÇÃO Por: Daniela Pinheiro dos Santos Orientador Prof. Jorge Tadeu Vieira Lourenço Rio de Janeiro 2011

Leia mais