Manual do Making GW. Digitação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual do Making GW. Digitação"

Transcrição

1 1

2 Manual do Making GW Importante: O sistema GW é um sistema via navegador de internet, que irá substituir o sistema UNIFAT (OFFLINE), o sistema não é mais instalado no computador, não dependendo mais da presença do Analista(técnico da unimed) no local para ser instalado o sistema e sim pode ser acessado de qualquer computador que tenha acesso a internet através do link gw.unimedva.com.br sem o ''www'' antes. Digitação Ao abrir o navegador de internet, digite o endereço gw.unimedva.com.br e em seguida aperte a tecla ENTER no teclado, que irá abrir a página do sistema conforme figura abaixo. Em seguida irá aparecer a tela para ser digitado o login e senha. É o módulo do sistema utilizado pelos prestadores para digitar GUIAS de SP/SADT e de Consultas Médicas no MakingGW. 2

3 Após digitadas e enviadas no sistema, as guias serão Auditadas de forma automática via sistema. Para inciar a a digitação clique no menu DIGITAÇÃO''. 3

4 Após clicar no botão Digitação irá aparecer a tela abaixo: DIGITAÇÃO DE GUIAS DE CONSULTAS Para inciar a digitação de Guias de Consultas selecione o menu GUIA CONSULTA MÉDICA abaixo conforme na figura: 4

5 Após clicar aparecerá a seguinte tela: Em seguida: 1. O primeiro passo é preencher o número do documento que consta na guia de consulta. 2. Data de emissão do documento é a data em que foi realizada a consulta médica. 3. Número do cliente, deve-se colocar o número da carteirinha do usuário, totalizando 15 números no campo, nunca será mais ou menos que essa quantidade. O nome do usuário não irá aparecer no momento que for digitado, somente após ser salvo o processo. 4. O campo número do cartão do SUS, caso tenha deverá ser preenchido. 5. Executante, deve ser preencher o executante da guia. 6. OBS: Nome do Profissional é pra quem será realizado o pagamento da consulta pode ser para Pessoa física ou jurídica. No caso de consulta não precisa preenchido. 7. Deve-se trocar de aba, clicando na aba Atendimento: 5

6 8. Indicador de acidente deve-se preencher conforme a guia de consulta médica. 9. Data do atendimento é a mesma data da emissão do documento 10. Código do procedimento realizado, deve-se colocar o serviço que é a consulta médica, Tipo de Consulta deve-se preencher conforme informado na guia de consulta médica. 12. Tipo de saída deve-se preencher conforme informado na guia de consulta médica. 13. Depois de tudo digitado deve-se clicar em RASCUNHO e depois em GRAVAR COMO RASCUNHO. 14. Em seguida deve-se clicar em Guia e abrirá uma janela com a opção Criticar Guia, deve-se clicar nessa opção. OBS: Em seguida apresentará uma tela mostrando se a guia contém ''erros'' onde será detalhado os mesmos. Caso a guia esteja correta aparecerá na tela informando que a mesma está pronta para ser Importada. 6

7 DIGITAÇÃO DE GUIAS DE SP/SADT 1 - Guia SP/SADT A Guia de SP/SADT (Guia de Serviços Profissionais/ Serviço Auxiliar Diagnóstico e Terapia) é utilizada para serviços profissionais, exames e procedimentos. A consulta de referência deve ser preenchida na Guia de SP/SADT. É dividida nas seguintes seções: Resumo, Atendimento, Serviços (Consultas/Visitas/ Pareceres, Medic. Intens., Proced. Clín./Cirúrg., Análises Clínicas, Procedim. Imagem + Anestesias e Fisioterapia), Taxas, Materiais, Materiais OPMS, Medicamentos e Pacotes. 2- Guia Consulta Médica A Guia de Consulta Médica deve ser utilizada exclusivamente na execução de consultas eletivas sem procedimento, e constitui-se no documento padrão para solicitação do pagamento. É dividida nas seguintes seções: Resumo e Atendimento. Para inciar a digitação de Guias de SP/SADT selecione o menu GUIA SP/SADT abaixo conforme na figura: 7

8 1. O campo que deve ser preenchido é o campo Número da Autorização, deve-se colocar o Número da Senha nesse campo, quando o procedimento necessitar autorização ou tiver sido autorizado pela operadora. 2. Número do documento: O número do documento quando tiver autorização deve ser repetido, caso não haja autorização deve-se informar o número impresso da numeração da guia. 8

9 3. Data da emissão: Deve-se colocar a data de emissão do documento. 4. Número do Cliente: Deve-se colocar o número da carteirinha do usuário, totalizando 15 números no campo, nunca será mais ou menos que essa quantidade (imagem abaixo). O nome do usuário não aparecerá no momento que for digitado, somente após ser salvo o processo. 5. Solicitante da guia: Nesse campo deve-se colocar o solicitante da guia; 6. Executante da guia (Clínica, Hospital, etc.): Esse é o campo que define o pagamento do procedimento, então deve constar o nome da clínica. 7. Salvar guia: Para salvar a guia e as alterações realizadas na mesma deve ser clicar em uma outra aba da guia localizada ao lado esquerdo da tela, como por exemplo a aba Atendimento, Fisioterapias etc. Depois de realizado esse processo é que se deve analisar o nome do usuário (conforme imagem abaixo). 9

10 ABA ATENDIMENTO: 1. Caráter do Atendimento: Preencher conforme campo 22 da guia SP/SADT. 2. Tipo de Atendimento: Preencher conforme campo 46 da guia SP/SADT. 3. Tipo de Saída: Preencher conforme campo 48 da guia SP/SADT. OBS: As próximas telas serão de acordo com o procedimento a ser lançado: Ex: Materiais, Medicamentos, Procedimentos Clínicos/Cirúrgicos, Taxas e outros. 10

11 ABA FISIOTERAPIAS: 1. Incluir serviço: Na tela de Fisioterapia deve-se clicar em INCLUIR SERVIÇO - Esse campo serve para incluir um serviço que foi realizado pelo usuário, clicando nele abrirá uma janela (conforme imagem abaixo). A tela a seguir mostra os campos a serem preenchidos: 1.1.Serviço Realizado: Deve-se colocar o código do procedimento realizado pelo usuário Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o procedimento foi realizado, hora não é necessário. 11

12 1.3.Quantidade: Deve-se colocar a quantidade que o procedimento foi realizado. Após preencher, favor clicar em Enviar e em seguida para sair da tela clique no X da mesma. ABA DE Consultas/Visitas Pareceres 1. Destinado a terapias de profissionais não médicos Serviço Realizado: Deve-se colocar o código do procedimento realizado pelo usuário Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o procedimento foi realizado, hora não é necessário. 12

13 1.3. Quantidade: Deve-se colocar a quantidade que o procedimento foi realizado. Após preencher favor clicar em Enviar e em seguida para sair da tela clique no X da mesma. ABA Procedimentos Clín/Cirúrgicos 1. Destinado a Pequenas Cirurgias 1.1.Serviço Realizado: Deve-se colocar o código do procedimento realizado pelo usuário Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o procedimento foi realizado, hora não é necessário. 13

14 1.3.Quantidade: Deve-se colocar a quantidade que o procedimento foi realizado. Após preencher favor clicar em Enviar e em seguida para sair da tela clique no X da mesma. ABA Análises Clínicas 1. Destinado a Exames Laboratoriais 1.1.Serviço Realizado: Deve-se colocar o código do procedimento realizado pelo usuário Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o procedimento foi realizado, hora não é necessário. 14

15 1.3.Quantidade: Deve-se colocar a quantidade que o procedimento foi realizado. Após preencher favor clicar em Enviar e em seguida para sair da tela clique no X da mesma. ABA Análises Clínicas 1. Destinado Exames Laboratoriais e Anatomia Patológica 1.1.Serviço Realizado: Deve-se colocar o código do procedimento realizado pelo usuário Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o procedimento foi realizado, hora não é necessário. 15

16 1.3.Quantidade: Deve-se colocar a quantidade que o procedimento foi realizado. Após preencher favor clicar em Enviar e em seguida para sair da tela clique no X da mesma. ABA Procedimentos Imagem + Anestesias 1. Destinado aos Exames de Imagem e honorários de anestesias 1.1.Serviço Realizado: Deve-se colocar o código do procedimento realizado pelo usuário Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o procedimento foi realizado, hora não é necessário. 16

17 1.3.Quantidade: Deve-se colocar a quantidade que o procedimento foi realizado. Após preencher favor clicar em Enviar e em seguida para sair da tela clique no X da mesma. ABA de Material Nessa aba deve-ser colocar todos os tipos matérias, exceto os OPMS. Deve-se clicar em Incluir Insumo e preencher os campos necessários para o envio. 17

18 1. Material Utilizado: Deve-se colocar o código do material utilizado pelo usuário. 2. Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o material foi utilizado, hora não é necessário. 3. Quantidade: Deve-se colocar a quantidade do material utilizado. 4. Valor unitário: Deve-se colocar o valor unitário do material utilizado. 5. Redução/Acréscimo: Nesse campo não é necessário preencher. ABA de Medicamento Nessa aba deve-ser colocar todos os tipos medicamentos. Deve-se clicar em Incluir Insumo e preencher os campos necessários para o envio. 18

19 1. Medicamento Utilizado: Deve-se colocar o código do medicamento utilizado pelo usuário. 2. Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o medicamento foi utilizado, hora não é necessário. 3. Quantidade: Deve-se colocar a quantidade do medicamento utilizado. 4. Valor unitário: Deve-se colocar o valor unitário do medicamento utilizado. 5. Redução/Acréscimo: Nesse campo não é necessário preencher. 6. Insumos autorizados: Esse campo não necessita ser utilizado. ABA de Taxa 19

20 Nessa aba deve-ser colocar todos os tipos de taxas. Deve-se clicar em Incluir Insumo e preencher os campos necessários para o envio. 1. Taxa Utilizado: Deve-se colocar o código da taxa utilizada pelo usuário. 2. Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que a taxa foi utilizado, hora não é necessário. 3. Quantidade: Deve-se colocar a quantidade da taxa utilizada. 4. Valor unitário: Deve-se colocar o valor unitário da taxa utilizada. 5. Redução/Acréscimo: Nesse campo não é necessário preencher. 20

21 ABA de Pacotes Nessa aba deve-se colocar todos os tipos de pacotes. Deve-se clicar em Incluir Insumo e preencher os campos necessários para o envio. 1. Pacote Utilizado: Deve-se colocar o código do pacote utilizado pelo usuário. 2. Data/Hora Utilização: Deve-se colocar a data em que o pacote foi utilizado, hora não é necessário. 3. Quantidade: Deve-se colocar a quantidade do pacote utilizado. 4. Valor unitário: Deve-se colocar o valor unitário do pacote utilizado. 5. Redução/Acréscimo: Nesse campo não é necessário preencher. 21

22 Obs: Depois de tudo digitado deve-se clicar em RASCUNHO e depois em GRAVAR COMO RASCUNHO. CRITICAR GUIA: 1. Com o término do processo de digitação deve-se criticar a guia para verificar se algo esta errado. 2. No campo Superior esquerdo da guia tem a opção GUIA, clicando na mesma abrirá uma opção CRITICAR GUIA clique na mesma, para obter as informações da guia. Caso apareça alguma mensagem de ERRO (conforme imagem abaixo), deve-se verificar o motivo e corrigir o mesmo para que possa ser enviada para Unimed Vale do Aço. 22

23 Após a guia ser criticada com sucesso sem erros a guia deverá ser importada para auditoria. O processo de importação de guias deve será feito no menu DIGITACÃO, onde deverá ser mencionado o período de digitação de guias. Logo em seguida deve-se clicar no ícone de pesquisa que informará as guias digitadas no período selecionado. Após aparecer as guias deve-se selecionar as guias que deverão ser importadas no menu GERAR IMPORTAÇÃO. 23

24 Após clicar em GERAR IMPORTAÇÃO deve-se confirmar conforme figura abaixo. 24

25 A guia para ser auditada com sucesso deverá aparecer a situação SUCESSO conforme descrito na figura. Após esse processo a Guia irá para Auditoria. Guia Importada com Erro ou NÃO IMPORTADA 25

26 Na tela abaixo mostrará qual o erro da guia digitada. PROCESSO DE AUDITORIA DE CONTAS No processo de auditoria de contas deverá ser acompanhado pelo prestador e pelos auditores para que as contas sejam auditadas e finalizadas. 26

Solicitação de Autorização Intercâmbio

Solicitação de Autorização Intercâmbio Solicitação de Autorização Intercâmbio Passo a Passo - EQAT AGOSTO/2010 Por: Daniel Toledo 1 PARTE 1 PORTAL UNIMED... 4 1. ACESSO AO SITE... 4 2. SOLICITAÇÃO INTERCÂMBIO NACIONAL E ESTADUAL (EXCETO 0976

Leia mais

e Autorizador Odontológico

e Autorizador Odontológico 1 CONTROLE DE DOCUMENTO Revisor Versão Data Publicação Diego Ortiz Costa 1.0 08/08/2010 Diego Ortiz Costa 1.1 09/06/2011 Diego Ortiz Costa 1.2 07/07/2011 2 Sumário CONTROLE DE DOCUMENTO... 2 1. Informações

Leia mais

NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL

NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL COMO ACESSAR O APLICATIVO SAFE DOC CAPTURE Acesse o aplicativo SAFE-DOC CAPTURE clicando no ícone na sua área de trabalho: SAFE-DOC Capture Digite o endereço do portal que é

Leia mais

Treinamento Hospital

Treinamento Hospital Treinamento Hospital O que é o Projeto SGU? É o projeto de implantação do sistema de gestão de planos de saúde - SGU (Sistema de Gestão Unimed) que irá substituir o Top Saúde. O Módulo SGU-Card é um sistema

Leia mais

Módulo Odontologia. Sumário. Odontologia

Módulo Odontologia. Sumário. Odontologia Módulo Odontologia Sumário Odontologia Este módulo contêm as informações referentes como lançar os dados do atendimento odontológico dos pacientes, bem como a(s) receita(s) a ele fornecidas e o(s) exame(s)

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO TÍTULO: AUTORIZAÇÃO E CANCELAMENTO DE PROCEDIMENTO NO SISTEMA SAFE

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO TÍTULO: AUTORIZAÇÃO E CANCELAMENTO DE PROCEDIMENTO NO SISTEMA SAFE I - CONTROLE 1. Introdução O SAFe é um sistema autorizador de procedimentos médicos on line. Através dele são faturadas as consultas de urgência/emergência realizadas no SMU. 2. Objetivo Autorizar o atendimento

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Acesso ao Sistema Pessoa Física Todos os dados e valores apresentados neste manual são ficticios. Qualquer dúvida consulte a legislação vigente. Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em

Leia mais

Guia de Consulta Rápida

Guia de Consulta Rápida Guia de Consulta Rápida Exportação de dados Modelo de Preenchimento Importar Planilha Modelo de Planilha de Importação Exportação de dados: Relatório Pessoa Planilha de Endereçamento: Na seção Mala Direta,

Leia mais

UNIMED LITORAL MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

UNIMED LITORAL MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIMED LITORAL MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL PORTAL UNIMED AUTORIZAÇÃO Site: www.unimedlitoral.com.br/planodesaude A senha e login será sempre o CPF do Médico Desenvolvido por: Larissa

Leia mais

SafeSign User Edition (x32 e x64)

SafeSign User Edition (x32 e x64) SafeSign 3.0.80 User Edition (x32 e x64) Manual do Usuário Índice O que é o SafeSign?... 03 Instalando o SafeSign... 04 Verificando o Certificado... 07 Troca de Senhas... 10 Sistema Operacional... 12 O

Leia mais

GW Unimed Blumenau. Nunca foi tão fácil enviar sua produção eletronicamente para a Unimed Blumenau.

GW Unimed Blumenau. Nunca foi tão fácil enviar sua produção eletronicamente para a Unimed Blumenau. 2010 GW Unimed Blumenau Nunca foi tão fácil enviar sua produção eletronicamente para a Unimed Blumenau. GW uma ferramenta on-line de auditoria ligada diretamente com o próprio sistema da operadora, o que

Leia mais

BASE DE DADOS ACERVO JUDICIÁRIO DO ARQUIVO NACIONAL

BASE DE DADOS ACERVO JUDICIÁRIO DO ARQUIVO NACIONAL BASE DE DADOS ACERVO JUDICIÁRIO DO ARQUIVO NACIONAL Manual para procedimentos básicos A tela inicial irá apresentar um menu com as seguintes opções: Introdução, Manual, Vocabulário, Consulta e Sair. 1

Leia mais

Versão 8.2C-09. Domínio Atendimento

Versão 8.2C-09. Domínio Atendimento Versão 8.2C-09 Domínio Atendimento Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso,

Leia mais

1 Visão Geral. 2 Instalação e Primeira Utilização. Manual de Instalação do Gold Pedido

1 Visão Geral. 2 Instalação e Primeira Utilização. Manual de Instalação do Gold Pedido Manual de Instalação do Gold Pedido 1 Visão Geral Programa completo para enviar pedidos e ficha cadastral de clientes pela internet sem usar fax e interurbano. Reduz a conta telefônica e tempo. Importa

Leia mais

APOSTILA DE INFORMÁTICA INTERNET E E-MAIL

APOSTILA DE INFORMÁTICA INTERNET E E-MAIL APOSTILA DE INFORMÁTICA INTERNET E E-MAIL Profa Responsável Fabiana P. Masson Caravieri Colaboração Empresa Júnior da Fatec Jales Monitora: Ângela Lopes Manente SUMÁRIO 1. INTERNET... 3 2. ACESSANDO A

Leia mais

Passo a passo para emissão de Nota Fiscal de Produtor Eletrônica NFP-e

Passo a passo para emissão de Nota Fiscal de Produtor Eletrônica NFP-e Passo a passo para emissão de Nota Fiscal de Produtor Eletrônica NFP-e Natureza 86 Simples Remessa Por causa do sigilo fiscal, foram hachurados os dados do contribuinte. Toda NFP-e emitida neste ambiente

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos

GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos Grupo de Banco de IBILCE UNESP GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Controle do Documento Grupo de Banco de Título Nome do Arquivo

Leia mais

Sobre a nova minha UFOP

Sobre a nova minha UFOP Sobre a nova minha UFOP A minha UFOP está com um novo visual. Foi criada uma nova interface, mais bonita, ágil e intuitiva para facilitar a utilização de nossos usuários. Esse tutorial visa mostrar as

Leia mais

TUTORIAL PARA O GESTOR MUNICIPAL

TUTORIAL PARA O GESTOR MUNICIPAL PROGRAMA DE VALORIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DA ATENÇÃO BÁSICA TUTORIAL PARA O GESTOR MUNICIPAL 3º CICLO DA AVALIAÇÃO PELO GESTOR MUNICIPAL PROVAB 2014 Brasília/DF, 30 de dezembro de 2014. 1 APRESENTAÇÃO Senhor(a)

Leia mais

Guia operação site www.atu.com.br

Guia operação site www.atu.com.br Guia operação site www.atu.com.br OBS: as telas no site bem como no sistema de gestão poderão sofrer alguma alteração, com base nos exemplos ilustrativos deste manual. 1. Objetivo Este guia tem como objetivo

Leia mais

Manual do Sistema PUSH

Manual do Sistema PUSH Manual do Usuário Manual do Sistema PUSH PUSH Template Versão 1.1 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Criação de Conta... 4 3. Incluindo Processos... 6 4. Consultar/Excluir Processo... 7 Consulta... 7 Exclusão...

Leia mais

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS Origem: ProUrbano Data de Criação: 22/03/2010 Ultima alteração: Versão: 1.3 Tipo de documento: PRO-V1. 0 Autor: Adriano

Leia mais

VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR. Versão do Manual - 1.00

VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR. Versão do Manual - 1.00 VERSÃO 3.3 - PERFIL PRESTADOR Versão do Manual - 1.00 1 2 Histórico de versões Versão Data 1.00 14/12/07 Atualização Criação do Documento Autor Cayo Prado Créditos Coordenador de Desenvolvimento Marcos

Leia mais

Como Fazer Renegociação de Parcelas (Contas a Pagar)? FS145

Como Fazer Renegociação de Parcelas (Contas a Pagar)? FS145 Como Fazer Renegociação de Parcelas (Contas a Pagar)? FS145 Sistema: Futura Server Caminho: Contas a Pagar>Renegociação de Parcelas Referência: FS145 Versão: 2016.03.15 Como Funciona: Esta tela é utilizada

Leia mais

Agendando um Horário

Agendando um Horário Agendando um Horário Ao acessar a Agenda, escolha primeiramente o médico. Por padrão abrirá a agenda do Médico vinculado ao cadastro do usuário com os horários do dia. Para agendar um horário clique duas

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL Manual de orientação do Sistema de Requisição de Recibos Anuais SRA Versão 1.0 Sumário Apresentação do sistema... 3 Requisitos do sistema... 3 Cadastrar uma senha para acessar

Leia mais

Universidade Federal do Pampa Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação - NTIC 10/09/2013

Universidade Federal do Pampa Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação - NTIC 10/09/2013 2013 Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação - NTIC 10/09/2013 REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho COORDENADOR DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

TUTORIAL BB COBRANÇA. 02. Como baixar o arquivo de configuração

TUTORIAL BB COBRANÇA. 02. Como baixar o arquivo de configuração TUTORIAL BB COBRANÇA O BB disponibiliza gratuitamente o aplicativo BB Cobrança, com ele você pode registrar seus boletos e controlar seus recebimentos de forma fácil e rápida. 01. Como Baixar o Aplicativo

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DA IMPRENSA NACIONAL PESQUISA NOS DIÁRIOS OFICIAIS

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DA IMPRENSA NACIONAL PESQUISA NOS DIÁRIOS OFICIAIS MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DA IMPRENSA NACIONAL PESQUISA NOS DIÁRIOS OFICIAIS Brasília, 18 de setembro de 2012. 1 APRESENTAÇÃO Com a finalidade de suprir as necessidades da Imprensa Nacional, foi desenvolvido

Leia mais

Como usar o SCV Sistema de Controle Vegetal do Indea-MT CADASTRO. Para cadastrar a sua empresa você deve seguir esses passos.

Como usar o SCV Sistema de Controle Vegetal do Indea-MT CADASTRO. Para cadastrar a sua empresa você deve seguir esses passos. Como usar o SCV Sistema de Controle Vegetal do Indea-MT CADASTRO Para cadastrar a sua empresa você deve seguir esses passos. Passo 1: Para a empresa que ainda não tem cadastro no Indea você deve acessar

Leia mais

Caso tenha alguma dificuldade nesta etapa, procure um técnico de informática para auxiliá-lo.

Caso tenha alguma dificuldade nesta etapa, procure um técnico de informática para auxiliá-lo. Preenchimento da SEFIP para gerar a GFIP e imprimir as guias do INSS e FGTS Você, Microempreendedor Individual que possui empregado, precisa preencher a SEFIP, gerar a GFIP e pagar a guia do FGTS até o

Leia mais

Tutorial de Instalação LINUX EDUCACIONAL versão 4.0 Este tutorial foi elaborado a partir do material de autoria de Rafael Nink.

Tutorial de Instalação LINUX EDUCACIONAL versão 4.0 Este tutorial foi elaborado a partir do material de autoria de Rafael Nink. Tutorial de Instalação LINUX EDUCACIONAL versão 4.0 Este tutorial foi elaborado a partir do material de autoria de Rafael Nink. 12 de maio de 2011 Tutorial de Instalação Linux Educacional Este tutorial

Leia mais

Manual de instalação do Microsoft SQL Server 2008 R2 Express no Windows 10

Manual de instalação do Microsoft SQL Server 2008 R2 Express no Windows 10 Manual de instalação do Microsoft SQL Server 2008 R2 Express no Windows 10 1-Antes de iniciar a instalação do SQL é necessário liberar as permissões do usuário para evitar erro, para realizar esse procedimento

Leia mais

Portal dos Prestadores

Portal dos Prestadores Sistema Integrado de Gestão de Assistência Médica Manual de Operação SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 4 2. ACESSO AO SISTEMA...5 3. CRIAÇÃO DE SENHA DE ACESSO (1º ACESSO)...9 3.1. CONSULTAR MATRÍCULA...10 3.2.

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CONFIGURAÇÃO INICIAL INÍCIO

MANUAL DO USUÁRIO CONFIGURAÇÃO INICIAL INÍCIO 3 para guardas MANUAL DO USUÁRIO INÍCIO. Faça uma lista com os nomes dos locais onde os buttons serão fixados, identifique cada button com seu respectivo local. Exemplo: Recepção, Gerência, Reunião, etc....

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE TRAMITAÇÃO DE DOCUMENTOS Versão 3.0

Leia mais

Instituto Federal Minas Gerais - Campus Bambuí Gerência de Tecnologia da Informação. Manual do Web Diário: Módulo do professor

Instituto Federal Minas Gerais - Campus Bambuí Gerência de Tecnologia da Informação. Manual do Web Diário: Módulo do professor Instituto Federal Minas Gerais - Campus Bambuí Gerência de Tecnologia da Informação Manual do Web Diário: Módulo do professor Março de 2009 Sumário Nota de confidencialidade...3 Histórico de revisões...3

Leia mais

IOL Controle de Processo Seletivo Como funciona?

IOL Controle de Processo Seletivo Como funciona? IOL Controle de Processo Seletivo Como funciona? Tela Inicial do IOL http://iol.marista.edu.br/aplicativos/iol/administracao/login/default.asp Esta é a tela inicial do IOL, para acessar o Controle de Processos

Leia mais

ENVIO DE LANCES NO PREGÃO ELETRÔNICO DO SIGA

ENVIO DE LANCES NO PREGÃO ELETRÔNICO DO SIGA Edição 2 16/08/2012 ENVIO DE LANCES NO PREGÃO ELETRÔNICO DO SIGA Para participar do envio de lances de um pregão, o fornecedor deverá ter enviado previamente, dentro do prazo estabelecido pelo edital,

Leia mais

HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos)

HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos) Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos) Manual do Usuário Versão 1.0 Fevereiro, 2014 Índice

Leia mais

Guia de Referência Módulo Ata Eletrônica Funcionalidades Referentes à Ata Eletrônica

Guia de Referência Módulo Ata Eletrônica Funcionalidades Referentes à Ata Eletrônica Guia de Referência Módulo Ata Eletrônica Funcionalidades Referentes à Ata Eletrônica Este guia de referência contém passo a passo com os fluxos e procedimentos necessários para gerenciamento e configurações

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO PDV CAKE - NFCE

MANUAL DE OPERAÇÃO PDV CAKE - NFCE MANUAL DE OPERAÇÃO PDV CAKE - NFCE COMO FAZER O LINK DO PDV No primeiro acesso ao PDV será necessário fazer o link do aplicativo com o Cake Web. Para isso, é preciso fazer login com um usuário administrador

Leia mais

Manual Para Peticionamento Online

Manual Para Peticionamento Online Manual Para Peticionamento Online 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv). 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

Passo a passo para emissão de Nota Fiscal de Produtor Eletrônica NFP-e. Natureza 49 Venda Interestadual para Entrega Futura

Passo a passo para emissão de Nota Fiscal de Produtor Eletrônica NFP-e. Natureza 49 Venda Interestadual para Entrega Futura Passo a passo para emissão de Nota Fiscal de Produtor Eletrônica NFP-e Natureza 49 Venda Interestadual para Entrega Futura Por causa do sigilo fiscal, foram hachurados os dados do contribuinte. Toda NFP-e

Leia mais

SUMÁRIO. Como entrar no Portal de Serviços 02. Solicitar Autenticação do Livro 03. Editar solicitação 14. Assinar Solicitação 15

SUMÁRIO. Como entrar no Portal de Serviços 02. Solicitar Autenticação do Livro 03. Editar solicitação 14. Assinar Solicitação 15 Pré-Requisitos para utilização do Livro Digital: Java e Mozilla Firefox Atualizados; Certificado Digital e-cpf A3, previamente instalado e configurado no computador; Arquivo no formato PDF/A, com o tamanho

Leia mais

DEPARTAMENTO DE RECURSOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DRTI DIVISÃO DE DESENVOLVIMENTO E PROGRAMAÇÃO - DIDP

DEPARTAMENTO DE RECURSOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DRTI DIVISÃO DE DESENVOLVIMENTO E PROGRAMAÇÃO - DIDP DEPARTAMENTO DE RECURSOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DRTI DIVISÃO DE DESENVOLVIMENTO E PROGRAMAÇÃO - DIDP SISTEMA DE AUTOMAÇÃO DE PRODUTIVIDADE - SAP MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.2 Este manual tem por objetivo

Leia mais

Elaborado por: FFA ALINNE BARCELLOS BERND SIPOV/RS. Revisado em: 05/02/2016

Elaborado por: FFA ALINNE BARCELLOS BERND SIPOV/RS. Revisado em: 05/02/2016 Elaborado por: FFA ALINNE BARCELLOS BERND SIPOV/RS Revisado em: 05/02/2016 **Após o deferimento do Registro do Estabelecimento pelo Coordenador Estadual, o RL (Representante Legal) receberá um e-mail informando

Leia mais

CRIPTOGRAFIA E ASSINATURA DIGITAL DE NO GROUPWISE

CRIPTOGRAFIA E ASSINATURA DIGITAL DE  NO GROUPWISE MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CORREDENADORIA DE SUPORTE TÉCNICO DIVISÃO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO CRIPTOGRAFIA E ASSINATURA DIGITAL DE E-MAIL NO GROUPWISE Introdução

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Programa Bolsa Família Manual de Operação Conteúdo Sumário...

Leia mais

Manual de Utilização. Ao acessar o endereço www.fob.net.br chegaremos a seguinte página de entrada: Tela de Abertura do Sistema

Manual de Utilização. Ao acessar o endereço www.fob.net.br chegaremos a seguinte página de entrada: Tela de Abertura do Sistema Abaixo explicamos a utilização do sistema e qualquer dúvida ou sugestões relacionadas a operação do mesmo nos colocamos a disposição a qualquer horário através do email: informatica@fob.org.br, MSN: informatica@fob.org.br

Leia mais

SISTEMA PROVINHA BRASIL GUIA DE USO ESCOLAS DIRETORIA DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA DAEB

SISTEMA PROVINHA BRASIL GUIA DE USO ESCOLAS DIRETORIA DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA DAEB SISTEMA PROVINHA BRASIL GUIA DE USO ESCOLAS DIRETORIA DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA DAEB REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC SECRETARIA EXECUTIVA DO MEC INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv

Portal dos Convênios - Siconv MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Análise, Aprovação de Proposta/Plano

Leia mais

Patrimônio ÍNDICE. ERP ( Controle de Frotas ) 1- Implantação bens móveis simples Implantação Automática 06

Patrimônio ÍNDICE. ERP ( Controle de Frotas ) 1- Implantação bens móveis simples Implantação Automática 06 1 2 Patrimônio ÍNDICE ERP ( Controle de Frotas ) 1- Implantação bens móveis simples 04 1.1- Implantação Automática 06 1.2- Implantação via Nota de Compra 07 2- Transferência de Bens 08 3- Transferência

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. 1) ACESSO AO SISTEMA Digite o endereço www.unimedbh.com.br/consultorio em qualquer computador com acesso à internet. Preencha os campos com o seu usuário e a senha. Para o login, digite as letras ADM,

Leia mais

MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE

MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE PROJETO HAE - WEB www.cpscetec.com.br/hae *NÃO DEVERÃO ser lançados os projetos de Coordenação de Curso, Responsável por Laboratório, Coordenação de Projetos Responsável

Leia mais

APOSTILA PORTAL VERSÃO: EMISSOR

APOSTILA PORTAL VERSÃO: EMISSOR APOSTILA PORTAL VERSÃO: EMISSOR Sumário Sumário... 2 ACESSAR O PORTAL... 4 TELA INICIAL... 4 1º Recurso: BEM VINDO... 5 Altere sua senha... 5 Sair do Sistema... 5 2º Recurso: COMUNICAÇÃO... 5 3º Recurso:

Leia mais

DECOM Digital. Perguntas Frequentes

DECOM Digital. Perguntas Frequentes DECOM Digital Perguntas Frequentes O Sistema DECOM Digital SDD é um sistema de formação de autos digitais que permitirá o envio eletrônico de documentos no âmbito de petições e de processos de defesa comercial,

Leia mais

MANUAL PARA ACESSO AO TSWEB ATRAVÉS DO INTERNET EXPLORER VERSÃO 11

MANUAL PARA ACESSO AO TSWEB ATRAVÉS DO INTERNET EXPLORER VERSÃO 11 Para executar o Sistema de Controle Acadêmico (SCA) sobre o navegador Internet Explorer versão 11, tanto na rede interna ou externa ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará, é necessário

Leia mais

Guia de Uso - Mobile ID

Guia de Uso - Mobile ID Guia de Uso - Mobile ID Sumário 1. Introdução 3 2. Objetivo 3 3. Requisitos 3 4. Instalação e Configuração do Aplicativo MobileID no ios 3 4.1. Instalação do Aplicativo MobileID 3 4.2. Configurando o Aplicativo

Leia mais

Informativo de Versão 19.03

Informativo de Versão 19.03 Informativo de Versão 19.03 Índice ERP Faturamento e Cupom Fiscal - ECF... 2 Emissão de NF-e e Emissão de Cupom Fiscal (Chamado 25717)... 2 Movimento Entrada de Produtos (Chamado 25318)... 7 Emissão e

Leia mais

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar Acesso ao Sistema -Dê dois cliques no ícone do programa -Digite o Usuário: -Digite a Senha: -Clique em Acessar 1 o. Passo Cadastrar os Empregados ou Fornecedores CADASTRAR SEMPRE A CONTA SALÁRIO (OPERAÇÃO

Leia mais

FATURA ELETRÔNICA DO PRESTADOR Layout do Arquivo Texto Versão 1.1.1

FATURA ELETRÔNICA DO PRESTADOR Layout do Arquivo Texto Versão 1.1.1 Orientações gerais: 1. Este layout é destinado a todos os prestadores de serviços de saúde do Ipasgo. Os prestadores pessoas físicas e pessoas jurídicas nas categorias laboratório e clínicas que apresentam

Leia mais

Sumário. CEAD - FACEL Manual do Aluno, 02

Sumário. CEAD - FACEL Manual do Aluno, 02 Manual CEAD - FACEL Sumário 03... Acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem Atualizando seu perfil Esqueceu sua senha de acesso 09... O meu AVA Conhecendo meu AVA Navegando na disciplina Barra de navegação

Leia mais

TUTORIAL DO E-MAIL INSTITUCIONAL

TUTORIAL DO E-MAIL INSTITUCIONAL TUTORIAL DO E-MAIL INSTITUCIONAL CRIAÇÃO: crteldna@gmail.com (43) 3371-1336 (43) 3371-1337 Fevereiro/2008 1 de 12 Sumário 1 Perguntas e respostas sobre o e-mail da SEED...3 2 Como fazer o cadastro no Portal

Leia mais

TCI Sistemas Integrados

TCI Sistemas Integrados TCI Sistemas Integrados Manual Gera arquivo Prefeitura 1 Índice 1 - Cadastros obrigatórios para Gerar Arquivo para Prefeitura...3 2 Gerar Arquivo...8 3 Retorno Arquivo Prefeitura...19 2 1 Cadastros obrigatórios

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA SIMULADOR DA COBRANÇA DO USO DA ÁGUA

MANUAL DO SISTEMA SIMULADOR DA COBRANÇA DO USO DA ÁGUA MANUAL DO SISTEMA SIMULADOR DA COBRANÇA DO USO DA ÁGUA LOGIN: Leia o Manual. Para entrar no sistema é preciso cadastrar o usuário e senha. Para se cadastrar é só clicar em cadastre-se e preencher os dados

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos

GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos IBILCE UNESP 2014 GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Controle do Documento Alteração Feita Responsável Data Atualização do

Leia mais

CONVERJ Execução Folha de Pagamento

CONVERJ Execução Folha de Pagamento 1 CONVERJ Execução Folha de Pagamento Proponente Versão 1.4 Maio/2016 2 Sumário 1 Inclusão de Folha de Pagamento Via Remessa Eletrônica... 3 1.1 Gerenciar Processo de Compra de Folha de Pagamento... 3

Leia mais

DESONERAÇÃO FOLHA (INSS PATRONAL)

DESONERAÇÃO FOLHA (INSS PATRONAL) DESONERAÇÃO FOLHA (INSS PATRONAL) Para que o cálculo do INSS Patronal seja realizado, favor seguir os procedimentos abaixo: 1 - No Módulo de Contabilidade, deverão ser associadas as contas Operacionais

Leia mais

INSTALAÇÃO DO WORKMOTOR FREE

INSTALAÇÃO DO WORKMOTOR FREE INSTALAÇÃO DO WORKMOTOR FREE ATENÇÃO: 1. Sempre utilize a última versão do NET Framework (*) no computador. 2. Desabilite o Antivírus - ANEXO I 3. Desabilite o Firewall - ANEXO II Segue no final deste

Leia mais

SISTEMA QUADRO DE ESTOQUE ON-LINE MANUAL DE OPERAÇÃO

SISTEMA QUADRO DE ESTOQUE ON-LINE MANUAL DE OPERAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÃO Digitador do Quadro de Estoque Última atualização: 22/02/2010 ACESSO AO SISTEMA O acesso ao sistema deve ser feito por meio do endereço de internet: http://estoquedse.edunet.sp.gov.br

Leia mais

02.02.2012 PORTAL JUD

02.02.2012 PORTAL JUD 02.02.2012 PORTAL JUD A ferramenta O Portal Jud tem como objetivo propiciar as autoridades o envio de ordens judiciais ou extrajudiciais e consultar às informações cadastrais de clientes de telefonia móvel

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES MÓDULO DE CADASTRAMENTO DE ATLETAS 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO

MANUAL DE ORIENTAÇÕES MÓDULO DE CADASTRAMENTO DE ATLETAS 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO 1. Entrar no Site Oficial dos Jogos Escolares do Paraná, na aba INSCRIÇÕES / INFORMAÇÕES INSCRIÇÕES ATLETAS. 2. Clicar em para fazer o download. Ao clicar aparecerá

Leia mais

Sistema de Convênios. (SITE) Versão 1.0

Sistema de Convênios. (SITE) Versão 1.0 UNIVERSIDADE FEEVALE Sistema de Convênios (SITE) Versão 1.0 Novo Hamburgo, 26 de junho de 2015 1 SUMÁRIO Sistema de Convênios INTRODUÇÃO... 3 1. EMPRESA NÃO CONVENIADA... 3 2 EMPRESA CONVENIADA... 7 3

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2

Manual SAGe Versão 1.2 Manual SAGe Versão 1.2 Equipe de Pesquisadores do Projeto Conteúdo 1. Introdução... 2 2. Criação da Equipe do Projeto (Proposta Inicial)... 3 2.1. Inclusão e configuração do Pesquisador Responsável (PR)...

Leia mais

SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Cadastro e Habilitação Declaração de Inocorrência

SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Cadastro e Habilitação Declaração de Inocorrência SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras Cadastro e Habilitação Declaração de Inocorrência Sumário ORIENTAÇÕES GERAIS... 3 O que são Pessoas Obrigadas... 4 O que é o SISCOAF... 4 Quem deve

Leia mais

Configuração para Uso do Tablet no GigaChef e Outros Dispositivos

Configuração para Uso do Tablet no GigaChef e Outros Dispositivos Configuração para Uso do Tablet no GigaChef e Outros Dispositivos Birigui SP Setembro - 2013 1. Configurando o Ambiente. Este documento mostra como configurar o ambiente do GigaChef para usar o Tablet

Leia mais

Prefeitura Municipal de Vinhedo. Manual de Orientações Recadastramento Imobiliário

Prefeitura Municipal de Vinhedo. Manual de Orientações Recadastramento Imobiliário Prefeitura Municipal de Vinhedo Manual de Orientações Recadastramento Imobiliário SUMÁRIO Documentos e Dados Necessários... 3 Iniciando o Recadastramento... 4 Identificando o seu Imóvel... 5 Iniciando

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD DEPARTAMENTO DE RECURSOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DRTI

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD DEPARTAMENTO DE RECURSOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DRTI PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD DEPARTAMENTO DE RECURSOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DRTI GUIA DO USUÁRIO COMUNICADOR SPARK INÍCIO O comunicador SPARK

Leia mais

3. SAC. Acessar o Módulo SAC clicando em abrir; Procedimento Operacional Padrão - POP MEDNET ELABORADO POR: FABIULA ROSA APROVADO POR: GRUPO

3. SAC. Acessar o Módulo SAC clicando em abrir; Procedimento Operacional Padrão - POP MEDNET ELABORADO POR: FABIULA ROSA APROVADO POR: GRUPO 3. SAC Acessar o Módulo SAC clicando em abrir; 1 de 52 3.1 SAC MONITOR Para verificar as empresas de um determinado Gestor, clique em SAC MONITOR. Para visualizar todas as Empresas de um determinado Gestor,

Leia mais

Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8. CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Produtos

Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8. CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Produtos Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8 CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Manual do Usuário - Firma Inspetora SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1. Referências... 4 2. COMO ESTÁ ORGANIZADO O

Leia mais

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar Acesso ao Sistema -Dê dois cliques no ícone do programa -Digite o Usuário: -Digite a Senha: -Clique em Acessar 1 o. Passo Cadastrar os Empregados ou Fornecedores PARA O BOLETO NÃO É NECESSÁRIO CADASTRAR

Leia mais

MENU DO USUÁRIO - CONTROLE PATRIMONIAL ATENDIMENTO DIRETO Bens Móveis Simples

MENU DO USUÁRIO - CONTROLE PATRIMONIAL ATENDIMENTO DIRETO Bens Móveis Simples ÍNDICE Compras 1- CONTROLE PATRIMONIAL: Implantação bens móveis simples MENU DO USUÁRIO - CONTROLE PATRIMONIAL ATENDIMENTO DIRETO Bens Móveis Simples Clicar em novo, informar os dados do bem: Para localizar

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO. POP Procedimento Operacional Padrão ATIVIDADE POP N VERSÃO Nº FOLHA N EMISSÃO DE GUIAS DE IMPOSTOS 001 00 1 / 16

SISTEMA DE GESTÃO. POP Procedimento Operacional Padrão ATIVIDADE POP N VERSÃO Nº FOLHA N EMISSÃO DE GUIAS DE IMPOSTOS 001 00 1 / 16 SISTEMA DE GESTÃO EMISSÃO DE GUIAS DE IMPOSTOS 001 00 1 / 16 1. OBJETIVO Orientar os funcionários do Setor Financeiro quanto à emissão de guias de impostos. 2. APLICAÇÃO Setor Financeiro 3. REFERÊNCIAS

Leia mais

Menu Pesquisador. o Inscrição em Novo Projeto. Para Iniciar um novo projeto clique em Inscrição em novo Projeto. A seguinte tela aparecerá:

Menu Pesquisador. o Inscrição em Novo Projeto. Para Iniciar um novo projeto clique em Inscrição em novo Projeto. A seguinte tela aparecerá: Menu Pesquisador o Inscrição em Novo Projeto Para Iniciar um novo projeto clique em Inscrição em novo Projeto A seguinte tela aparecerá: Clique no botão Criar novo Projeto obs: cada pesquisador só poderá

Leia mais

Sistema NetConta I - Guia de Referência Rápida

Sistema NetConta I - Guia de Referência Rápida Sistema NetConta I - Guia de Referência Rápida Dúvidas ou Sugestões: netconta@polimed.com.br Índice Como entrar no sistema NetConta 1?... 3 1. TRABALHANDO COM UMA REMESSA... 3 1.1.Como criar uma nova remessa?...

Leia mais

ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012

ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012 1 ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012 Introdução O material abaixo foi elaborado para orientar de forma objetiva

Leia mais

SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA

SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA O Sistema Caça-Talentos tem o objetivo de aprimorar o negócio e fornecer um controle informatizado dos processos de captação dos alunos. Ele possui

Leia mais

Manual do Usuário - Prestador

Manual do Usuário - Prestador Manual do Usuário - Prestador Agosto/2008 Índice 1. Apresentação e acesso ao sistema 2. Acesso à página de consulta dos relatórios 3. Demonstrativo de Pagamento 4. Demonstrativo de Conta Médica 5. Orientações

Leia mais

Imprimindo e excluindo trabalhos retidos. Reconhecendo quando ocorre erro na formatação. Verificando trabalhos de impressão

Imprimindo e excluindo trabalhos retidos. Reconhecendo quando ocorre erro na formatação. Verificando trabalhos de impressão Ao enviar um trabalho para a impressora, você pode especificar no driver que a impressora deve reter o trabalho na memória. Quando você desejar imprimir o trabalho, vá até a impressora e utilize os menus

Leia mais

DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES DO ESTADO DE MINAS GERAIS- DBV

DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES DO ESTADO DE MINAS GERAIS- DBV DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES DO ESTADO DE MINAS GERAIS- DBV SUMÁRIO 1. CADASTRO INICIAL... 1 2. ACESSO AO SISTEMA... 3 2.1. Preenchimento de Novo Formulário... 4 2.1.1. Declaração de Dependentes... 5 2.1.2

Leia mais

PROCEDIMENTO INSTALAÇÃO SINAI ALUGUEL

PROCEDIMENTO INSTALAÇÃO SINAI ALUGUEL 1º Passo: Baixar o arquivo http://www.sinaisistemaimobiliario.com.br/instalar/instalador_aluguel.rar. 2º Passo: No SERVIDOR ao qual o sistema deverá ser instalado: a) Criar uma pasta, preferencialmente

Leia mais

Emissão Doc Extra de Condomínio Sami ERP ++

Emissão Doc Extra de Condomínio Sami ERP ++ Emissão Doc Extra de Condomínio Sami ERP ++ 1. Baixa de Parcelas Acesse o Módulo CONDOMÍNIO CÁLCULOS DA EMISSÃO BAIXA DE PARCELAS. Este programa efetua a baixa das parcelas dos eventos lançados nas unidades,

Leia mais

Como criar uma conta e a 1ª campanha no Adwords

Como criar uma conta e a 1ª campanha no Adwords Como criar uma conta e a 1ª campanha no Adwords Olá, aqui é o Samuel de Almeida. Este é um dos materiais bônus que você recebeu ao comprar o nosso curso de Vendas Online com o Google Adwords. É um material

Leia mais

COMO CRIAR UM PEDIDO DE COMPRAS

COMO CRIAR UM PEDIDO DE COMPRAS Esse guia considera que o catálogo já esteja atualizado, caso haja dúvidas de como atualizar o catálogo favor consultar o Guia de Atualização do Catálogo. Abra o programa e clique no botão Clique aqui

Leia mais

Instruções para instalação do software ESI[Tronic] + KTS. Figura 2

Instruções para instalação do software ESI[Tronic] + KTS. Figura 2 Instruções para instalação do software ESI[Tronic] + KTS Passo 1 É importante que o KTS esteja conectado ao computador (via porta USB ou serial) e na energia, vide figura 1. Observar também se o LED verde

Leia mais

As implementações efetuadas nos módulos MOV, EST e FIS se referem as especificações da Nota Técnica

As implementações efetuadas nos módulos MOV, EST e FIS se referem as especificações da Nota Técnica Manifestação do Destinatário Eletrônica MD-e Produto : RM Totvs Gestão de Estoque, Compra e Faturamento Bibliotecas RM : 11.52.63 ou superior Processo : Manifesto do Destinatário Eletrônico MD-e Subprocesso

Leia mais

Consultório Online Manual de Utilização do Módulo Operacional. í n dice. Passo 1: Visão geral 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online?

Consultório Online Manual de Utilização do Módulo Operacional. í n dice. Passo 1: Visão geral 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online? í n dice Passo 1: Visão geral 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online? 3 Passo 3: Recursos disponíveis 4 Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4 Pesquisa de histórico

Leia mais

Plano Nacional de Formação de Professores

Plano Nacional de Formação de Professores Plano Nacional de Formação de Professores Professor, se você ainda não é formado em curso de licenciatura ou dá aula de uma matéria diferente de sua área de formação, inscreva-se para uma vaga no Plano

Leia mais