PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA/DESCONTO PARA MEMBROS DO MESMO GRUPO FAMILIAR DA UNIVERSIDADE VALE DO RIO DOCE - UNIVALE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA/DESCONTO PARA MEMBROS DO MESMO GRUPO FAMILIAR DA UNIVERSIDADE VALE DO RIO DOCE - UNIVALE"

Transcrição

1 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA/DESCONTO PARA MEMBROS DO MESMO GRUPO FAMILIAR DA UNIVERSIDADE VALE DO RIO DOCE - UNIVALE APRESENTAÇÃO O Programa Institucional de bolsa/desconto para Membros do Mesmo Grupo Familiar pretende oportunizar aos membros do mesmo grupo familiar a permanecerem inseridos na comunidade acadêmica desta instituição. O presente Programa está vinculado às diretrizes estabelecidas no Regulamento da Política de s para Demanda Social Institucional - BDI e fundamenta-se nos ordenamentos institucionais da UNIVALE enquanto instituição comunitária e filantrópica. PÚBLICO-ALVO Alunos pertencentes ao mesmo grupo familiar matriculados em cursos de graduação na UNIVALE. Entende-se como Grupo familiar a unidade nuclear composta por pai, mãe, cônjuges, filhos e irmãos que contribuam para o rendimento familiar ou tenham suas despesas atendidas por aquela unidade familiar, moradoras ou não em um mesmo domicílio. OBJETIVO DO PROGRAMA Oportunizar aos alunos da UNIVALE, em situação ou não de vulnerabilidade financeira, a possibilidade da formação educacional de seus membros do grupo familiar, permitindo o acesso e a permanência na universidade.

2 DEFINIÇÃO DOS PERCENTUAIS DE BOLSAS/DESCONTOS Para a definição das bolsas/descontos que preconiza este Programa, o grupo familiar deverá submeter-se a uma análise socioeconômica realizada pela equipe de Serviço Social, que definirá o seu enquadramento conforme descrito no quadro abaixo: I - Situação socioeconômica familiar dos alunos que pertencem o mesmo grupo familiar com enquadramento na Lei /2009 em seu artigo 14 1º e 2º alterada pela Lei /2013 Número de alunos estudando na UNIVALE 100% 50% Desconto 25% 02 alunos alunos Acima de 04 alunos II - Situação socioeconômica familiar dos alunos que pertencem o mesmo grupo familiar que NÃO se enquadra na Lei /2009 em seu artigo 14 1 e 2 alterada pela Lei /2013 Número de alunos estudando na UNIVALE 100% 50% Desconto 25% 02 alunos Acima de 03 alunos A bolsa/desconto deverá ser concedida aos alunos em períodos acadêmicos mais adiantados. A continuidade das mesmas ficará condicionada a permanência dos membros do grupo familiar na condição de matriculados, conforme quadro acima.

3 CONDICIONALIDADES DO PROGRAMA MANUTENÇÃO DO BENEFÍCIO a) Análise do aproveitamento acadêmico O estudante beneficiário de desconto ou bolsa parcial, para manter- se neste Programa, deverá ser aprovado em, no mínimo, 75% das disciplinas cursadas em cada período letivo, conforme exemplificação abaixo: Número de disciplinas no último período letivo cursado Número de disciplinas em que deve haver aprovação A análise do aproveitamento acadêmico ocorrerá de acordo com o lançamento das notas pela Divisão de Registro Acadêmico DRA conforme previsto no Calendário Acadêmico da Universidade. No decorrer do monitoramento do rendimento acadêmico, caso sejam constatadas reprovações acima do estabelecido no quadro anterior, a Comissão Tripartite Permanente do Programa de de Estudo para Demanda Social Institucional, poderá analisar as justificativas apresentadas pelo estudante para o rendimento acadêmico insuficiente e autorizar, por uma única vez, a continuidade da bolsa.

4 b) Análise da Regularidade dos compromissos financeiros assumidos no contrato de prestação de serviços educacionais com a instituição A continuidade do benefício estará condicionada à regularidade dos compromissos financeiros da parte devida à instituição, não podendo os alunos beneficiados estar em condição de inadimplente, por mais de 30 dias. A Tesouraria será responsável pela observação desta condicionalidade, identificando e notificando as famílias beneficiárias da situação de irregularidade. c) Verificação da matrícula dos membros do grupo Familiar A verificação da continuidade das bolsas/ descontos dos alunos beneficiários por este programa será realizada a cada início de semestre (após o fechamento das matrículas) pelo Setor de Atendimento ao Estudante. Caso sejam constatadas mudanças na configuração das informações originais, será encaminhado relatório para a Divisão Financeira Contábil/Tesouraria com as observações realizadas. SUSPENSÃO A bolsa/desconto concedida através deste Programa poderá ser suspensa nos seguintes casos: a. Não renovação da bolsa nos prazos definidos pela Tesouraria; b. Em caso de apuração de denúncia por falsidade ou inidoneidade na documentação e nas informações prestadas à Equipe Social.

5 CANCELAMENTO DO BENEFÍCIO Conforme o Regulamento da Política de de Estudo para Demanda Social Institucional BDI / 2014, o benefício poderá ser cancelado, a qualquer tempo, se for constatado que o beneficiário: a. Esteja em gozo de outro benefício de caráter semelhante; b. Tenha usado de falsidade e inidoneidade na documentação e nas informações prestadas; c. Tenha alterado a realidade socioeconômica de seu grupo familiar, a ponto de descaracterizar sua vulnerabilidade, não estando mais em consonância com a Lei /2009 em seu artigo 14 1º e 2º alterada pela Lei /2013; d. Tenha trancado ou cancelado sua matrícula; e. Tenha efetuado transferência interna para outro curso da UNIVALE; f. Já tenha sido autorizada pela Comissão Tripartite Permanente do Programa de de Estudo para Demanda Social Institucional a continuidade de sua bolsa, por uma vez, por motivo de reprovação em mais de 25% das disciplinas cursadas no período letivo anterior; g. Quando o número de alunos estudando na UNIVALE não se enquadrar nos percentuais de bolsas e descontos previstos.

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado:

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado: SISTEMA DE INCLUSÃO EDUCACIONAL ESTUDE JÁ BRASIL REGULAMENTO I DO SISTEMA Art. 1. - O ESTUDE JÁ BRASIL é um sistema de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I incentivar o cadastramento de cidadãos

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DO CENTRO DE ENSINO MÉDIO PASTOR DOHMS E DA FACULDADE DE TECNOLOGIA PASTOR DOHMS

REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DO CENTRO DE ENSINO MÉDIO PASTOR DOHMS E DA FACULDADE DE TECNOLOGIA PASTOR DOHMS REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DO CENTRO DE ENSINO MÉDIO PASTOR DOHMS E DA FACULDADE DE TECNOLOGIA PASTOR DOHMS CAPÍTULO I DO OBJETIVO 1º - O Programa de Bolsas de Estudo faz parte das atividades

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDOS. Faculdade de Direito de Alta Floresta FADAF

REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDOS. Faculdade de Direito de Alta Floresta FADAF REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDOS Faculdade de Direito de Alta Floresta FADAF 2011 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 3 DO PROGRAMA DE BOLSAS... 3 CAPÍTULO II... 3 DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA... 3 CAPÍTULO III... 3 DAS

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL 1. Condição Geral: A Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, daqui por diante designada FUNDAÇÃO, poderá conceder Bolsas de Estudos a alunos regularmente matriculados

Leia mais

1. DESCONTOS COMERCIAIS

1. DESCONTOS COMERCIAIS Resolução nº. 04/2015 Normatiza a Concessão de Descontos Institucionais nas Mensalidades de Graduação e, conforme determinado pela Campanha Nacional de Escolas da Comunidade - CNEC. A Diretora da Faculdade

Leia mais

EDITAL DE BOLSAS N 09/2013

EDITAL DE BOLSAS N 09/2013 EDITAL DE BOLSAS N 09/2013 CRITÉRIOS PARA INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE ESTUDANTES DO(A) INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO IVOTI ÀS BOLSAS DE ESTUDO. A Direção do(a) Instituto Superior de Educação Ivoti, no uso

Leia mais

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS MANUAL DO BOLSISTA Núcleo de Atenção Solidária NAS Sumário 1 - Bolsa de Estudo... 2 2 - Tipos de Bolsas de Estudo... 2 - ProUni... 2 Eventuais Programas de Bolsas de Estudo:... 2 - Vestibular Social....

Leia mais

FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC

FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDO FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC SUMÁRIO CAPÍTULO I... 1 DO PROGRAMA DE BOLSAS... 1 CAPÍTULO II... 1 DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA... 1 CAPÍTULO III...

Leia mais

EDITAL Nº 01/2011 CRITÉRIOS PARA INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE ESTUDANTES DO(A) INSTITUTO DE EDUCAÇÃO IVOTI ÀS BOLSAS DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2011.

EDITAL Nº 01/2011 CRITÉRIOS PARA INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE ESTUDANTES DO(A) INSTITUTO DE EDUCAÇÃO IVOTI ÀS BOLSAS DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2011. Instituição de Formação de Lideranças da IECLB Entidade Mantenedora: ASSOCIAÇÃO EVANGÉLICA DE ENSINO EDITAL Nº 01/2011 CRITÉRIOS PARA INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE ESTUDANTES DO(A) INSTITUTO DE EDUCAÇÃO IVOTI

Leia mais

1.3 Em nenhuma hipótese a Bolsa de Estudos será convertida em dinheiro para o aluno e/ou seu responsável financeiro.

1.3 Em nenhuma hipótese a Bolsa de Estudos será convertida em dinheiro para o aluno e/ou seu responsável financeiro. EDITAL Nº 03, de 17 de dezembro de 2014 A DIRETORA do INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO NOSSA SENHORA DE SION, no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno da instituição, e em conformidade

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008

PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008 1 de 7 02/03/2012 12:09 PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008 Dispõe sobre procedimentos de manutenção de bolsas do Programa Universidade para Todos - ProUni pelas instituições de ensino

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS Cria o Programa Institucional de Bolsas de Graduação e Pós Graduação no âmbito da Faculdade de Castanhal, estabelece normas para concessão e dá outras providências.

Leia mais

FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO INTEGRAL FAEF

FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO INTEGRAL FAEF REGULAMENTO N. 005/2015 REGULAMENTO GERAL DO NÚCLEO DE PESQUISA NUPES DA FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR - GARÇA/SP Vanessa Zappa, Diretora da FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO INTEGRAL FAEF GARÇA/SP,

Leia mais

O período de solicitação de bolsa é anual e ocorre sempre nas duas primeiras semanas de dezembro

O período de solicitação de bolsa é anual e ocorre sempre nas duas primeiras semanas de dezembro 1 O programa de bolsas de estudos é voltado para alunos em situação de carência econômica conforme legislação vigente. É um benefício concedido na forma de desconto parcial ou integral, através da análise

Leia mais

MANUAL DO BOLSISTA FILANTROPICO

MANUAL DO BOLSISTA FILANTROPICO MANUAL DO BOLSISTA FILANTROPICO O programa de bolsas de estudos é voltado para alunos em situação de carência econômica conforme legislação vigente. É um benefício concedido na forma de desconto parcial

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi)

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) O Presidente do CONSUP, no uso de suas atribuições regimentais, artigo 8 inciso

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL

EDITAL Nº 001/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL EDITAL Nº 001/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL A Fundação Educacional de Barretos FEB, faz saber aos interessados que, de acordo com a legislação vigente e com o Programa de Bolsa de Estudo da FEB e

Leia mais

PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VARGINHA REGULAMENTO

PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VARGINHA REGULAMENTO PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VARGINHA REGULAMENTO 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS: 1.1 O presente regulamento, baseado na Resolução nº 1/2006, disciplina o

Leia mais

ASSOCIAÇÃO EDUCATIVA EVANGÉLICA

ASSOCIAÇÃO EDUCATIVA EVANGÉLICA PORTARIA nº. 004 Presidência AEE Biênio 2012-2014, de 27 de abril de 2012. Normatiza concessão da bolsa filantropia e descontos no âmbito da Associação educativa Evangélica. O Presidente da Associação

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FACULDADE SÃO VICENTE CAPITULO I DO PROGRAMA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FACULDADE SÃO VICENTE CAPITULO I DO PROGRAMA FACULDADE SÃO VICENTE Mantenedora: Sociedade Educacional e Assistencial da Paróquia de Pão de Açúcar-Al TEL; FAX 82-3624-1862 E - mail: fasvipa@hotmail.com Portaria Nº 1.766/ 01 /11/2006 REGULAMENTO DO

Leia mais

MANUAL DO BOLSISTA OUTUBRO/2008

MANUAL DO BOLSISTA  OUTUBRO/2008 MANUAL DO BOLSISTA OUTUBRO/2008 Sumário 1. Apresentação 2 2. Coordenação do ProUni na Instituição 3 2.1 Atribuições da coordenação 3 2.2 Coordenador/representante 3 3. SISPROUNI 3 4. A bolsa de estudo

Leia mais

PROJETO EVEREST DAS DECISÕES

PROJETO EVEREST DAS DECISÕES PROJETO EVEREST I- HISTÓRICOS E OBJETIVOS DO PROJETO O Projeto Everest, da FACULDADE DOUTOR LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA - FALEC, através de sua mantenedora, LAR ESCOLA LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA, tem como meta, oportunizar

Leia mais

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO E DESCONTOS CAPÍTULO I Das Políticas para Concessão de Bolsas de Estudo Artigo 1º. As políticas de Concessão de Bolsas das Faculdades Integradas do Vale do

Leia mais

Requerimentos\Desconto em folha.doc 5 Critérios

Requerimentos\Desconto em folha.doc 5 Critérios BOLSA ATLETA 1 - O que é? Bolsa concedida aos alunos do Colégio de Aplicação (CAU) e aos acadêmicos dos Cursos de Graduação da Univali com aptidão e dedicação às diversas modalidades esportivas, onde os

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

SETOR DE ATENDIMENTO AO ALUNO S.A.A. PROGRAMA INTERNO DE BOLSAS DE ESTUDO CARÊNCIA. REGULAMENTO TÍTULO I DOS FINS DA BOLSA

SETOR DE ATENDIMENTO AO ALUNO S.A.A. PROGRAMA INTERNO DE BOLSAS DE ESTUDO CARÊNCIA. REGULAMENTO TÍTULO I DOS FINS DA BOLSA SETOR DE ATENDIMENTO AO ALUNO S.A.A. PROGRAMA INTERNO DE BOLSAS DE ESTUDO CARÊNCIA. REGULAMENTO TÍTULO I DOS FINS DA BOLSA O Conselho Universitário da Universidade do Oeste Paulista UNOESTE, regulamenta

Leia mais

A matrícula será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro de 2015, no horário das 8 às 16 horas.

A matrícula será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro de 2015, no horário das 8 às 16 horas. Perguntas frequentes: 1) Quais os dias de prova do Vestibular Univale 2016? Você pode escolher qual o melhor dia para fazer as provas do Vestibular Univale 2016. 28 de novembro de 2015 (sábado), das 15

Leia mais

ENSINO PROFISSIONALIZANTE, IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS REGULAMENTO

ENSINO PROFISSIONALIZANTE, IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS REGULAMENTO ENSINO PROFISSIONALIZANTE, IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS REGULAMENTO 2014 Regulamento do Programa EDUCA MAIS BRASIL I DO PROGRAMA Art. 1.º - O Programa EDUCA MAIS BRASIL é um programa de INCLUSÃO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELÉM DO SÃO FRANCISCO GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELÉM DO SÃO FRANCISCO GABINETE DO PREFEITO ANEXO II DECRETO MUNICIPAL N. 011, DE 15 DE MARÇO DE 2012 Regulamenta a Lei Municipal Nº. 436/2009, que dispõe sobre a concessão de Bolsas de Estudo pelo Poder Executivo Municipal e dá outras providencias.

Leia mais

MANUAL DO BOLSISTA Prouni

MANUAL DO BOLSISTA Prouni MANUAL DO BOLSISTA Prouni JANEIRO/2013 Sumário 1. Apresentação 2 2. Coordenação do Prouni na Instituição 3 2.1 Atribuições da coordenação 3 2.2 Coordenador/representante 3 3. Sisprouni 3 4. A bolsa de

Leia mais

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012.

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. O Diretor Geral das Faculdades Integradas do Tapajós FIT, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e, CONSIDERANDO que as Faculdades Integradas

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO

PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO O objetivo principal do programa de concessão de bolsas e descontos é proporcionar aos alunos a assistência necessária para a manutenção

Leia mais

1. Destinação das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo

1. Destinação das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo O presente edital tem por objetivo determinar o lançamento do Programa de Concessão de Bolsas de Estudo para o Campus Tijuca, Campus Cabo Frio, Campus Barra da Tijuca e Campus Centro, aos candidatos a

Leia mais

EDITAL Nº 01/2012 PROCESSO DE INSCRIÇÃO PARA SELEÇÃO E CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS

EDITAL Nº 01/2012 PROCESSO DE INSCRIÇÃO PARA SELEÇÃO E CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS EDITAL Nº 01/2012 PROCESSO DE INSCRIÇÃO PARA SELEÇÃO E CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS A ASSOCIAÇÃO NOTRE DAME, pessoa jurídica de direito privado, de fins não econômicos, de caráter beneficente, educacional,

Leia mais

EDITAL Nº 11/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL 2016/1

EDITAL Nº 11/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL 2016/1 EDITAL Nº 11/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL 2016/1 O Diretor da Faculdade São Luiz, Claudio Marcio Piontkewicz, faz saber aos interessados que, de acordo com a legislação vigente e com o Programa de

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral das mensalidades para cursar 1 (um) semestre, por meio de intercâmbio em uma das instituições de Ensino Superior

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA RESOLUÇÃO N o 03/2013, DO CONSELHO DE EXTENSÃO, CULTURA E ASSUNTOS ESTUDANTIS. Dispõe sobre as normas que regulamentam a concessão de Bolsas de Assistência Estudantil (alimentação, moradia e transporte)

Leia mais

EDITAL CONCESSÃO/RENOVAÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2015

EDITAL CONCESSÃO/RENOVAÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2015 EDITAL CONCESSÃO/RENOVAÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2015 1. DISPONIBILIZAÇÃO DOS FORMULÁRIOS A FUNESO, por meio da Comissão de Responsabilidade Social e Filantropia, faz saber aos alunos,

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO POR CARÊNCIA SOCIOECONÔMICA

REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO POR CARÊNCIA SOCIOECONÔMICA REGULAMENTO DE BOLSA DE ESTUDO POR CARÊNCIA SOCIOECONÔMICA TÍTULO I DOS FINS DA BOLSA O Conselho Universitário Consun, do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix regulamenta a concessão de bolsas

Leia mais

Manual do Aluno Bolsista Faculdade Salesiana do Nordeste

Manual do Aluno Bolsista Faculdade Salesiana do Nordeste Manual do Aluno Bolsista Faculdade Salesiana do Nordeste Recife, 2014 Apresentação A Faculdade Salesiana do Nordeste atenta em atender os critérios de concessão e manutenção de Bolsa Social de Estudos,

Leia mais

COMUNICADO. Assunto: Bolsas de Estudos 2015

COMUNICADO. Assunto: Bolsas de Estudos 2015 COMUNICADO Assunto: Bolsas de Estudos 2015 O Colégio Franciscano Santa Clara informa os critérios para concorrer à bolsa de estudos 2015, aos candidatos que cumprirem com as seguintes condições: 1º Requisitos:

Leia mais

TERMO DE CIÊNCIA - PROGRAMA DE DESCONTOS FAMÍLIA 10

TERMO DE CIÊNCIA - PROGRAMA DE DESCONTOS FAMÍLIA 10 TERMO DE CIÊNCIA - PROGRAMA DE DESCONTOS FAMÍLIA 10 Fica aprovado o Regulamento do Sistema de Concessão de Descontos denominado Família 10, destinado aos alunos da UNINOVE e a seus parentes diretos, nas

Leia mais

EDITAL DE ADITAMENTO DO FINANCIAMENTO ESTUDANTIL 2011/2º

EDITAL DE ADITAMENTO DO FINANCIAMENTO ESTUDANTIL 2011/2º EDITAL DE ADITAMENTO DO FINANCIAMENTO ESTUDANTIL 2011/2º Este aditamento refere-se aos contratos efetivados no 1º e 2º semestre de 2010 e 1º semestre de 2011. 1 - DO PROGRAMA O Instituto Mineiro de Educação

Leia mais

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO 1 REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO O Professor Dr. Marcus Vinícius Crepaldi, Diretor Geral da Faculdade de Tecnologia do Ipê FAIPE no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno e, considerando

Leia mais

EDITAL Nº 01/2010 PROCESSO DE INSCRIÇÃO PARA SELEÇÃO E CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS

EDITAL Nº 01/2010 PROCESSO DE INSCRIÇÃO PARA SELEÇÃO E CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS EDITAL Nº 01/2010 PROCESSO DE INSCRIÇÃO PARA SELEÇÃO E CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS A ASSOCIAÇÃO NOTRE DAME, pessoa jurídica de direito privado, de fins não econômicos, de caráter beneficente, educacional,

Leia mais

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 Dispõe sobre as formas de ingresso e sobre o Processo Seletivo para admissão de alunos nos cursos de graduação, na Faculdade de Música do Espírito Santo Maurício de Oliveira. RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 O

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP Nº x.xx.xxx.xx MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Versão Nº 1.0 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP Nº x.xx.xxx.xx MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Versão Nº 1.0 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ 1. Descrição PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP Nº x.xx.xxx.xx MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Versão Nº 1.0 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E AÇOES COMUNITÁRIAS Data da Revisão

Leia mais

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA Diretoria Acadêmica e de Administração fev-2010 Anexo I - PORTARIA Nº 08/2010-DIR Considerando que o melhoramento constante da infra-estrutura física ofertada e a busca

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE CANOINHAS Conselho Municipal de Desenvolvimento Agropecuário

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE CANOINHAS Conselho Municipal de Desenvolvimento Agropecuário PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOINHAS SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL EDITAL DE SELEÇÃO PARA BENEFÍCIÁRIOS DE BOLSA DE ESTUDO DO COLÉGIO AGRÍCOLA CEDUP VIDAL RAMOS 2014. N.º 002/2014 O Prefeito

Leia mais

EDITAL Nº 001/COR - 2016 DO PROGRAMA DE BOLSA SOCIAL - CEBAS

EDITAL Nº 001/COR - 2016 DO PROGRAMA DE BOLSA SOCIAL - CEBAS EDITAL Nº 001/COR - 2016 DO PROGRAMA DE BOLSA SOCIAL - CEBAS CÍRCULO OPERÁRIO RIOGRANDINO, Associação filantrópica, reconhecida de utilidade pública, com sede em Rio Grande, RS, `a Rua Dr. Augusto Duprat

Leia mais

IMA INSTITUTO MARIA AUXILIADORA

IMA INSTITUTO MARIA AUXILIADORA IMA INSTITUTO MARIA AUXILIADORA EDITAL DO PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDOS ANO LETIVO DE 2016 Em conformidade com a Lei 12.101/2009 e suas alterações Lei 12.868 de 15/10/2013 O Instituto Maria Auxiliadora,

Leia mais

Considerando que a excepcionalidade do regime de oferta gera processos de gestão acadêmica e administrativa distintos da rotina institucional;

Considerando que a excepcionalidade do regime de oferta gera processos de gestão acadêmica e administrativa distintos da rotina institucional; RESOLUÇÃO CONSEPE 22/2014 APROVA O REGULAMENTO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS, MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF, PARA TURMAS COM INÍCIO EM

Leia mais

EDITAL GRSF 001/2015 PEDIDO DE BOLSA DE ESTUDO PARA INGRESSANTES GRADUAÇÃO NÃO PROUNISTAS 1º SEMESTRE DE 2015. Unidade: Rio de Janeiro

EDITAL GRSF 001/2015 PEDIDO DE BOLSA DE ESTUDO PARA INGRESSANTES GRADUAÇÃO NÃO PROUNISTAS 1º SEMESTRE DE 2015. Unidade: Rio de Janeiro EDITAL GRSF 001/2015 PEDIDO DE BOLSA DE ESTUDO PARA INGRESSANTES GRADUAÇÃO NÃO PROUNISTAS 1º SEMESTRE DE 2015 Unidade: Rio de Janeiro O Instituto Presbiteriano Mackenzie, por meio da Gerência de Responsabilidade

Leia mais

www.queroserprofessor.

www.queroserprofessor. www.queroserprofessor. Documento Revisado em março de 2011 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 2. O QUE É A MONITORIA? 3. OBJETIVOS DA MONITORIA 4. CONDIÇÕES PARA PARTICIPAR DA MONITORIA 5. INSCRIÇÃO 6. ATRIBUIÇÕES

Leia mais

Manual. O que é o CISNE Finan? Como funciona o CISNE Finan? Qual a abrangência do crédito? Quais os benefícios do CISNE Finan?

Manual. O que é o CISNE Finan? Como funciona o CISNE Finan? Qual a abrangência do crédito? Quais os benefícios do CISNE Finan? Manual O que é o CISNE Finan? É um crédito rotativo estudantil financiado por verbas orçamentárias próprias da CISNE que possibilita ao aluno regularmente matriculado pagar 50% da mensalidade durante seus

Leia mais

PROGRAMA DE CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO FAPEMIG-ESDHC MESTRADO EM DIREITO Primeiro Semestre de 2014

PROGRAMA DE CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO FAPEMIG-ESDHC MESTRADO EM DIREITO Primeiro Semestre de 2014 EDITAL Nº 01/2014 DO CURSO DE MESTRADO Edital de lançamento do PROGRAMA DE CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO CONCEDIDA PELA FAPEMIG e ESCOLA SUPERIOR DOM HELDER CÂMARA, para o ano de 2014 1 Da natureza da Bolsa

Leia mais

EDITAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER EXTENSÃO 001/2012

EDITAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER EXTENSÃO 001/2012 EDITAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER EXTENSÃO 001/2012 O Centro Universitário UNISEB, por meio de sua Reitoria, divulga as informações para o processo de seleção de intercâmbio no Programa

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA Nº 2, DE 31 DE MARÇO DE 2008

PORTARIA NORMATIVA Nº 2, DE 31 DE MARÇO DE 2008 PORTARIA NORMATIVA Nº 2, DE 31 DE MARÇO DE 2008 Dispõe sobre o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior - FIES. DA POLÍTICA DE OFERTA DE FINANCIAMENTO Art. 4º A concessão de financiamento

Leia mais

1 APRESENTAÇÃO... 3 2 DA POLÍTICA DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3 DA SOLICITAÇAO DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3.1 DOS REQUISITOS... 6

1 APRESENTAÇÃO... 3 2 DA POLÍTICA DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3 DA SOLICITAÇAO DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3.1 DOS REQUISITOS... 6 Versãoatualizadaem junho/2015 SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 DA POLÍTICA DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3 DA SOLICITAÇAO DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3.1 DOS REQUISITOS... 6 4 DA RENOVAÇÃO DA BOLSA E DO RECADASTRAMENTO

Leia mais

PROGRAMA RESPONSABILIDADE SOCIAL EDUCAÇÃO. Regulamento do Programa de Bolsas de Educação. Introdução

PROGRAMA RESPONSABILIDADE SOCIAL EDUCAÇÃO. Regulamento do Programa de Bolsas de Educação. Introdução PROGRAMA RESPONSABILIDADE SOCIAL EDUCAÇÃO Regulamento do Programa de Bolsas de Educação Introdução Considerando a importância e oportunidade do Programa de Responsabilidade Social do Comité Olímpico de

Leia mais

ASSITÊNCIA ESTUDANTIL

ASSITÊNCIA ESTUDANTIL ASSITÊNCIA ESTUDANTIL Apoio ao Acadêmico A Assistência Estudantil da FAMEC tem a missão de apoiar o acadêmico na busca de soluções e oportunidades que contribuam para sua permanência na faculdade e conclusão

Leia mais

EDITAL Nº 003/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL

EDITAL Nº 003/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL EDITAL Nº 003/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL A Fundação Educacional Unificada Campograndense FEUC faz saber aos interessados que, de acordo com a legislação vigente e com o Programa de Bolsa de Estudo

Leia mais

EDITAL N.º 02/2016 PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO FILANTRÓPICA 2016

EDITAL N.º 02/2016 PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO FILANTRÓPICA 2016 EDITAL N.º 02/2016 PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO FILANTRÓPICA 2016 O colégio Salesiano Dom Bosco, Instituição educacional, de caráter filantrópico e de Assistência Social, inscrita

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ENSINO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ENSINO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ENSINO Campus Universitário Viçosa MG 36570-000 Telefone: (31)3899-2367 Fax: (31)3899-1236 e:mail: mobilidade.pre@ufv.br

Leia mais

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.br

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.br Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.br EDITAL nº 001/2014 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDOS O Pe. Eduardo

Leia mais

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS REGULAMENTO 1.1 - O presente regulamento objetiva a concessão de Crédito Educativo para estudantes devidamente Matriculados nos cursos

Leia mais

SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 DA POLÍTICA DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3 DA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO... 4. 3.1 Dos Requisitos...

SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 DA POLÍTICA DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3 DA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO... 4. 3.1 Dos Requisitos... SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 DA POLÍTICA DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3 DA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO... 4 3.1 Dos Requisitos... 5 4 DA RENOVAÇÃO DA BOLSA E DO RECADASTRAMENTO DA BOLSA...,,,,,,... 6 4.1

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO DE BOLSA DE ESTUDO 2014

EDITAL PROCESSO SELETIVO DE BOLSA DE ESTUDO 2014 Bolsa de Estudos O Colégio Passionista São Paulo da Cruz oferece Bolsas de Estudos para seus educandos em todos os níveis de escolaridade, da Educação Infantil ao Ensino Médio. As Bolsas são integrais

Leia mais

Edição Número 227 de 21/11/2008 Ministério da Educação Gabinete do Ministro PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008

Edição Número 227 de 21/11/2008 Ministério da Educação Gabinete do Ministro PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008 Edição Número 227 de 21/11/2008 Ministério da Educação Gabinete do Ministro PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008 Dispõe sobre procedimentos de manutenção de bolsas do Programa Universidade

Leia mais

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo aos candidatos aprovados com os 8 (oito) melhores desempenhos

Leia mais

CAPÍTULO I DA BOLSA DE ESTUDO

CAPÍTULO I DA BOLSA DE ESTUDO RESOLUÇÃO Nº 01, de 01 de agosto de 2012 Estabelece procedimentos para o processo seletivo de Bolsas de Estudos do INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO NOSSA SENHORA DE SION. A Diretora do INSTITUTO SUPERIOR

Leia mais

PROGRAMAS DE BOLSAS. Bolsa Carência

PROGRAMAS DE BOLSAS. Bolsa Carência PROGRAMAS DE BOLSAS A FEMA, por possuir caráter público e não ter fins lucrativos, destina seus recursos para a própria Instituição. Uma parte significativa da arrecadação das mensalidades é revertida

Leia mais

PORTARIA GM/MDS Nº 551, DE 09 DE NOVEMBRO DE 2005

PORTARIA GM/MDS Nº 551, DE 09 DE NOVEMBRO DE 2005 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME PORTARIA GM/MDS Nº 551, DE 09 DE NOVEMBRO DE 2005 (Publicada no DOU nº 217, de 11 de novembro de 2005) Regulamenta a gestão das condicionalidades do

Leia mais

REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS DO INSTITUTO CULTURAL BRASIL ESTADOS BELO HORIZONTE

REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS DO INSTITUTO CULTURAL BRASIL ESTADOS BELO HORIZONTE REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS DO INSTITUTO CULTURAL BRASIL ESTADOS BELO HORIZONTE MODALIDADE DE BOLSAS: CURSOS BÁSICO E INTERMEDIÁRIO NA MODALIDADE REGULAR ART 1º - DAS

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO DA FILANTROPIA

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO DA FILANTROPIA REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO DA FILANTROPIA 1- DAS INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 - O presente regulamento disciplina o processo de inscrição e seleção de candidatos para o PROGRAMA DE CONCESSÃO

Leia mais

PROGRAMAS DE BOLSAS DE ESTUDO E BOLSAS DE PESQUISA DO ESTADO DE SANTA CATARINA

PROGRAMAS DE BOLSAS DE ESTUDO E BOLSAS DE PESQUISA DO ESTADO DE SANTA CATARINA PROGRAMAS DE BOLSAS DE ESTUDO E BOLSAS DE PESQUISA DO ESTADO DE SANTA CATARINA DA GARANTIA DOS DIREITOS CONSTITUCIONAIS AO CUMPRIMENTO DE SUAS CONDICIONALIDADES Florianópolis abril 2011 1 Fundamentação

Leia mais

PROGRAMA DE EXTENSÃO DA FASETE - PROESETE Edital de 15 de setembro de 2015.

PROGRAMA DE EXTENSÃO DA FASETE - PROESETE Edital de 15 de setembro de 2015. Conselho de Ensino Pesquisa e Extensão da Faculdade Sete de Setembro PROGRAMA DE EXTENSÃO DA FASETE - PROESETE Edital de 15 de setembro de 2015. Considerando que a extensão universitária constitui um processo

Leia mais

Art. 1º. Normatizar a Concessão da Bolsa Social de Estudo da Fundação Educacional de Oliveira-FEOL.

Art. 1º. Normatizar a Concessão da Bolsa Social de Estudo da Fundação Educacional de Oliveira-FEOL. PORTARIA n.02 /2.005 RESOLVE: Normatiza concessão de Programa de Bolsa Social de Estudo da Fundação Educacional de Oliveira-FEOL. O Presidente da Fundação Educacional de Oliveira-FEOL, no uso de suas atribuições.

Leia mais

Universidade Federal de Pelotas Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis Coordenadoria de Benefícios REGULAMENTAÇÃO DO PROGRAMA AUXILIO ALIMENTAÇÃO

Universidade Federal de Pelotas Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis Coordenadoria de Benefícios REGULAMENTAÇÃO DO PROGRAMA AUXILIO ALIMENTAÇÃO Universidade Federal de Pelotas Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis Coordenadoria de Benefícios REGULAMENTAÇÃO DO PROGRAMA AUXILIO ALIMENTAÇÃO CAPITULO I DO PROGRAMA Art. 1. O Programa Auxílio Alimentação

Leia mais

RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS

RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS 1. BOLSA FAMÍLIA 2. BOLSA EX-ALUNO 3. BOLSA FUNDAÇÃO 4. BOLSA P.B.H. 5. BOLSA SAAE 6. BOLSA SINPRO 7. BOLSA MEDALHA 8. BOLSA CONVENIO 9. DESCONTO ALUNOS MESMA EMPRESA

Leia mais

MANUAL DO BOLSISTA Prouni

MANUAL DO BOLSISTA Prouni MANUAL DO BOLSISTA Prouni MAIO/2011 Sumário 1. Apresentação 2 2. Coordenação do Prouni na Instituição 3 2.1 Atribuições da coordenação 3 2.2 Coordenador/representante 3 3. Sisprouni 3 4. A bolsa de estudo

Leia mais

Colégio Nossa Senhora Auxiliadora CNPJ: 56.012.131/0001-43

Colégio Nossa Senhora Auxiliadora CNPJ: 56.012.131/0001-43 Edital 2016 PROCESSO SELETIVO PARA RENOVAÇÃO E/OU CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO 1. DO PROCESSO SELETIVO ANO LETIVO / 2016 1.1 O Colégio Nossa Senhora Auxiliadora,, por seu representante legal, no uso de

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA PENÍNSULA - GRADUAÇÃO BOLSAS INICIAIS E RENOVAÇÃO 1º SEMESTRE 2016

EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA PENÍNSULA - GRADUAÇÃO BOLSAS INICIAIS E RENOVAÇÃO 1º SEMESTRE 2016 EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA PENÍNSULA - GRADUAÇÃO BOLSAS INICIAIS E RENOVAÇÃO 1º SEMESTRE 2016 A Diretora Executiva do INSTITUTO PENÍNSULA, no uso de suas atribuições e em conformidade com as Regulamentações

Leia mais

RESOLUÇÃO N. 07/2014

RESOLUÇÃO N. 07/2014 RESOLUÇÃO N. 07/2014 Estabelece regras para o Programa de Assistência Educacional em Cursos de Graduação, da Faculdade Palotina. Art. 1º. O Programa de Assistência Educacional da Faculdade Palotina, será

Leia mais

PORTARIA R E S O L V E:

PORTARIA R E S O L V E: 1/6 O Presidente da Faculdade Cathedral de nsino Superior no uso de suas atribuições legais e considerando a necessidade de normatizar as concessões de bolsa/desconto, no âmbito da Instituição, bem como

Leia mais

Processos Seletivos 2015 Graduação Presencial e a Distância Edital de Vestibular de 26 de setembro de 2014

Processos Seletivos 2015 Graduação Presencial e a Distância Edital de Vestibular de 26 de setembro de 2014 Processos Seletivos 2015 Graduação Presencial e a Distância Edital de Vestibular de 26 de setembro de 2014 Aditamento nº 08 Define as normas específicas do Processo Seletivo Time ENEM UnP 2015.1 da graduação,

Leia mais

Candidatos aprovados no Vestibular In Company EAD 2015.2 Provas 17/07/2015 e 18/07/2015 nas seguintes condições:

Candidatos aprovados no Vestibular In Company EAD 2015.2 Provas 17/07/2015 e 18/07/2015 nas seguintes condições: 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa de estudo aos candidatos aprovados com os melhores desempenhos dos cursos de Graduação EAD (exceto cursos Semipresenciais)

Leia mais

Sumário PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO SOCIAL... 2 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS... 2

Sumário PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO SOCIAL... 2 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS... 2 Sumário PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO SOCIAL... 2 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS... 2 PLANO DE ATENDIMENTO AO ALUNO BOLSITA 2014 BOLSA DE ESTUDO... 2 Capítulo I DA NATUREZA... 2 Capítulo

Leia mais

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº 002/2013 DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA A Magnífica Senhora Reitora do CENTRO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL A Diretoria do Sindicato dos Professores e Auxiliares e Administração Escolar de Tubarão e Capivari de Baixo, no uso das atribuições que lhe são conferidas

Leia mais

FIES Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior

FIES Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior FIES Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior Perguntas frequentes 1 O que é o FIES? O Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES) é um programa do Ministério da Educação

Leia mais

EDITAL n.º 01 / 2015 INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE BOLSAS EDUCACIONAIS PARA 2016

EDITAL n.º 01 / 2015 INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE BOLSAS EDUCACIONAIS PARA 2016 EDITAL n.º 01 / 2015 INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE BOLSAS EDUCACIONAIS PARA 2016 O COLÉGIO SÃO BENTO, situado à Rua Santo Antônio, 247 Centro, em Criciúma SC, torna Público, para conhecimento

Leia mais

D O N D O M Ê N I C O

D O N D O M Ê N I C O FACULDADE DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIAS E LETRAS DON DOMÊNICO. REGULAMENTO PARA CONCESSÃO E RENOVAÇÃO DE BOLSAS 2014-1 Art. 1º - Fica instituído o Regulamento para concessão de bolsas de estudo aos alunos da Don

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI EDITAL 03/2014 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI A Pró-reitora de Pesquisa, por meio da Coordenadoria de Pesquisa da Universidade Anhembi Morumbi torna público o

Leia mais

2º EDITAL UNIFICADO PARA ENSINO SUPERIOR PROCESSO DE RENOVAÇÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O 1º SEMESTRE DE 2016.

2º EDITAL UNIFICADO PARA ENSINO SUPERIOR PROCESSO DE RENOVAÇÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O 1º SEMESTRE DE 2016. A UBEC União Brasiliense de Educação e Cultura, Mantenedora das seguintes Instituições de Ensino da Ensino Superior: A) UCB Universidade Católica de Brasília; B) UNILESTE Centro Universitário do Leste

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDIQUE AMIGOS ALUNOS VETERANOS FACULDADES OPET

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDIQUE AMIGOS ALUNOS VETERANOS FACULDADES OPET REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDIQUE AMIGOS ALUNOS VETERANOS FACULDADES OPET OPET - ORGANIZAÇÃO PARANAENSE DE ENSINO TÉCNICO LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 78.231.024/0001-72, com sede na Av. Presidente

Leia mais

1. Natureza das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo

1. Natureza das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo O presente edital tem por objetivo determinar o lançamento do Programa de Concessão de Bolsas de Estudo para o Campus Tijuca, Campus Cabo Frio, Campus Barra da Tijuca e Campus Centro, aos candidatos a

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA

REGULAMENTO DE MONITORIA INSTITUTO EDUCACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO CNPJ: 63.083.869/0001-67 FACULDADE DE TAQUARITINGA REGULAMENTO DE MONITORIA 2015 REGULAMENTO DA FUNÇÃO DE MONITORIA A função de Monitor está previsto no artigo

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA RESOLUÇÃO Nº 06/2013 DO CONSELHO DIRETOR SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL Institui o Programa de Apoio à Qualificação (QUALI-UFU) mediante o custeio de ações de qualificação para os servidores efetivos: docentes

Leia mais

Edital Prograd/Ufop Nº29, de 05 de maio de 2015

Edital Prograd/Ufop Nº29, de 05 de maio de 2015 Edital Prograd/Ufop Nº29, de 05 de maio de 2015 A Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Federal de Ouro Preto (Prograd/Ufop), no uso de suas atribuições, em conformidade com o disposto na Portaria

Leia mais