PESQUISA DE AVALIAÇÃO COM SÓCIOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PESQUISA DE AVALIAÇÃO COM SÓCIOS"

Transcrição

1 PESQUISA DE AVALIAÇÃO COM SÓCIOS Pesquisa desenvolvida com exclusividade para JOCKEY CLUB Outubro /2012 Para falar com a H2R contate: Tel(011)

2 Objetivo, Metodologia e Amostra

3 Objetivos Esta pesquisa teve como objetivos: Conhecer as necessidades e expectativas dos sócios do Jockey Club, principalmente em relação ao estilo de lazer Conhecer a imagem do Jockey Club na visão de seus associados. Traçar um diagnóstico do Jockey e identificar oportunidades de geração de novas receitas PADRÃO DE AÇÃO Os resultados da pesquisa poderão subsidiar o Jockey Club no desenvolvimento e na elaboração do planejamento estratégico e também oferecer elementos para o alinhamento de um plano de ação para revitalização do Jockey Club

4 Metodologia & Técnica Para esta pesquisa foi utilizada a metodologia quantitativa, através de autopreenchimento pela internet A gestão dos ficou sob responsabilidade do Jockey Club, o qual enviou e- mail no dia 14/08 para todos os sócios, informando sobre a pesquisa. No dia 16/08 foi enviado pelo Jockey Club com link para acesso ao questionário e contato para dúvidas na H2R. O envio dos s ficou sob gerência do Jockey Club. Além do disparo inicial foi feito mais um disparo aos associados, solicitando a participação dos que ainda não haviam respondido. Foi desenvolvido um software especialmente para o projeto, com perguntas sem obrigatoriedade de resposta. A pesquisa ficou no ar do dia 16/08/12 ao dia 10/09/12. 4

5 Universo & Amostra O universo foi composto por todos os sócios do Jockey Club. Amostra final 336 sócios responderam a pesquisa* 5 *A gestão dos ficou sob a responsabilidade do Jockey, a H2R teve acesso aos questionários respondidos

6 Observações de Análise O conteúdo a seguir traz os resultados da pesquisa em análise detalhada com observações analíticas e tabelas autoexplicativas. As tabelas estão agrupadas segundo os temas analisados, conforme sumário. Nas tabelas e gráficos, utilizou-se as seguintes convenções: RM = Respostas Múltiplas (perguntas com mais de uma resposta, ou seja o total pode ser igual ou maior que 100%) RU = Resposta Única NA = Número Absoluto (*) = Inferior a 0,5% NDR = Não desejo responder As perguntas e segmentos com base respondente menor que 15 são lidas pelo número 6 absoluto por terem sua leitura prejudicada estatisticamente, em função do provável erro.

7 Observações de Análise Todos os resultados foram cruzadas por: sexo, faixa etária e frequência ao Jockey Durante a análise foi apontada as diferenças entre as leituras quando existiam. Não havia obrigatoriedade de resposta, por isso, para fins de tabulação dos dados foi considerada a base respondente de cada tabela, ou seja, o número absoluto de respostas para cada pergunta, por isso, na maioria das tabelas, as bases não serão as mesmas. 7

8 Estrutura para Análise TEMAS ANALISADOS Perfil demográfico e Estilo de lazer Relacionamento com o Jockey Cavalos e Turfe Identificação com o Jockey Avaliação do Jockey Revitalização Geração de novas receitas SUMÁRIO CONCLUSIVO 8

9 Sumário conclusivo

10 Sumário conclusivo HISTÓRIA IMAGEM PRESENTE FUTURO IMPLANTAÇÃO DE NOVOS PROJETOS O sentimento dos sócios envolve a história e imagem do Jockey Club... 10

11 Sumário conclusivo Público cativo Diferenças dos associados 52% dos sócios frequentam o Jockey nos finais de semana e 39% durante a semana 11% SÃO CATIVOS Jovens São os que mais querem participar Fazem a melhor avaliação do Jockey e dão as melhores notas PERCEPÇÃO HISTÓRICA A faixa etária de 36 a 55 anos é a mais crítica, sendo o grupo que dá as notas mais baixas POTENCIAL Os jovens até 35 anos querem participar e melhorar o Jockey 11

12 Ações imediatas MARKETING INSTITUCIONAL COMUNICAÇÃO E ATENDIMENTO É fundamental levantar mais informações específicas sobre os sócios criadores de cavalos e que possuem ou não cavalos no Jockey... MAIS DIVULGAÇÃO PARTICIPAÇÃO DOS JOVENS 12

13 Sumário conclusivo O sócio de hoje não tem cavalo! Dos que possuem animais, a maioria deixa seus cavalos no Jockey O risco é alto, pois eles não estão satisfeitos e estão procurando novas opções! 13

14 Sumário conclusivo PILARES SOCIAL TURFE 14

15 Sumário conclusivo O lado tangível está devendo, então o intangível perde força... TUDO está deixando a desejar O que eles mais frequentam, que é o restaurante, tem nota abaixo de 7. Será que eles continuarão indo em um restaurante com nota 6? O sentimento em relação ao Jockey é interessante, afetuoso, mas frágil! TRANSACIONAL

16 Sumário conclusivo HÁ UMA GRANDE VALORIZAÇÃO DA HISTÓRIA DO CLUBE, POR ISSO A REVITALIZAÇÃO DO JOCKEY É UMA EXPECTATIVA DOS SÓCIOS 16

17 Sumário conclusivo Construir o futuro ESPORTES GASTRONOMIA SOCIAL SERVIÇOS DIFERENCIADOS CULTURAL TURFE 17

18 Sumário conclusivo OPORTUNIDADES RESPONSABILIDADE AMBIENTAL RESPONSABILIDADE SOCIAL 18

19 Perfil Demográfico e Estilo de Lazer

20 Jockey Club São Paulo O Jockey Club de São Paulo é parte integrante da história da cidade! Quem são seus sócios e o que eles querem?

21 Perfil dos Sócios 8% PERFIL 17% 7% 4% 1% NDR- Não desejo responder 92% 58% 71% Masculino Feminino Base respondente:336 Casado Separado Solteiro Viúvo NDR Base respondente:328 A pesquisa foi respondida predominantemente pelo público masculino (92%), sendo que a maioria está casado. 21

22 Perfil dos Sócios Em % 100 A idade média dos frequentadores de Jockey é 57 anos, sendo que o público feminino é um pouco mais jovem Total 50 Mulheres Homens 0 18 a 35 anos 36 a 55 anos 56 a 65 anos + 65 anos Base respondente:332

23 Estilo de Lazer HOBBIES Os entrevistados apresentam uma grande diversidade de atividades de entretenimento e lazer, as quais são aproveitadas coletivamente e vão desde oportunidades de distração, passatempos, convívio social e também a prática de esportes, porém com diferenças entre as atividades semanais e de fim de semana. Quais os hobbies praticados na semana e final de semana?

24 Estilo de lazer As atividades de entretenimento são muito parecidas, mas com prioridades diferentes entre os dias de semana e final de semana, em especial, com relação ao Jockey. DIAS DE SEMANA FINAIS DE SEMANA Passeios Passeios Família Família Ginástica JOCKEY JOCKEY Viagens Viagens Ginástica

25 Atividades de lazer durante a semana Passeios Família Ginástica JOCKEY Viagens Cinema 53% Ficar em casa 52% Academia 43% Passeio no clube 30% Ir ao interior 21% Ir à casa de amigos 31% Ler em casa 48% Assistir corridas 28% Ir à praia 20% Teatro 28% Base respondente: Shows 18% Durante a semana, as atividades estão relacionadas à família, alguns passeios e ao exercício físico O público jovem é o que mais vai passear no Jockey durante a semana E o público acima de 56 anos é o que mais assiste as corridas

26 Atividades de lazer durante o final da semana Passeios Família JOCKEY Viagens Ginástica Cinema 47% Ficar em casa 50% Passeio no clube 36% Ir ao interior 37% Academia 18% Ir à casa de amigos 38% Ler em casa 40% Assistir corridas 33% Ir à praia 36% Base respondente:308 Shows/Teatro 26% 31 Ir a parques 24% No final de semana, as atividades sociais e a família são prioridades, incluindo o passeio no Jockey Os jovens até 35 anos e as mulheres vão mais ao Jockey para passear no final de semana E os homens independente da idade são os que mais assistem corridas

27 Relacionamento com JOCKEY

28 Relacionamento com JOCKEY Este capitulo visa entender como os sócios se relacionam com o Jockey e com que frequência vão ao Clube. Quais as principais atividades realizadas? O que mais gostam? 35

29 Frequência ao Jockey 3/4 dos entrevistados frequentam o Jockey, sendo que os jovens formam o grupo mais presente Porque não frequenta? 31% FALTA ATRATIVOS 12% MUDANÇA DE ENDEREÇO 11% FALTA DE INTERESSE 32% NÃO DESEJO RESPONDER Base respondente:65 22% 78% FREQUENTA NÃO FREQUENTA Base respondente:306 39% FINAIS DE SEMANA 20% DIAS DE SEMANA 36% AMBOS 5% NÃO DESEJO RESPONDER Base respondente:233

30 Frequência ao Jockey Não frequento Não desejo responder Esporádico Mensal *Semanal Diário * Mais que 1 vez /semana Em % Base respondente:306 40% dos respondentes tem habitualidade em frequentar o Jockey pelo menos 1 vez por semana, principalmente os jovens até 35 anos E ¼ dos entrevistados não frequentam o Jockey, principalmente os mais velhos (mais de 65 anos) 40

31 Atividades Praticadas no Jockey SEDE SOCIAL CORRIDAS CAVALOS ATIVIDADES Restaurante /Sede social 64% Assistir corridas 45% Cuidados com cavalos 13% Cuidados pessoais/estética 19% Jogos 2% Faz apostas 34% Tênis/squash 15% Eventos 1% Futebol 14% 43 As atividades praticadas no Jockey Club estão muito associadas à integração social, como ir ao restaurante, passear na sede para encontrar amigos Num segundo patamar estão as atividades relacionadas às corridas Esportes aquáticos 13% Ativ. aeróbicas 11% Base respondente:271

32 Atividades Praticadas no Jockey Frequência aos eventos e shows 2% 32% 32% dos respondentes vão aos shows. O público jovem até 35 anos é o que mais aproveita os shows e eventos realizados no Jockey Club 66% SIM NÃO NDR 44 Base respondente:271 NDR- Não desejo responder

33 O Que Mais Gostam X O Que Não Gostam 15% - NADA 33% - NDR - Interação social Espaço físico Cavalos Estrutura Administração Cuidados com sócios + 4% - NADA 25% - NDR 47 NDR- Não desejo responder

34 Aspectos Positivos: O que o sócio mais gosta? Eventos 26% Encontro com Amigos 10% Restaurantes 10% Interação social Espaço físico Localização 19% Área verde 9% Áreas de esporte e lazer 4% Ambiente agradável e seguro 4% Ambiente Cavalos Lembrança dos bons tempos 2% Corrida / Turfe / apostas / jogos 9% 48 Base respondente:270

35 Aspectos Negativos: O que o sócio menos gosta? Falta de prioridade com sócios 7% Restaurantes 4% Atendimento 2% Falta de manutenção e sujeira 13% Falta de novas instalações 12% Integração social Espaço físico Ambiente Administração Sensação de decadência 9% Ambiente - Nível dos frequentadores 4% Mensalidades / Acesso na portaria/ falta de controle 4% 50 Base respondente:269

36 Valores Apreciados Os sócios gostam e valorizam os aspectos intangíveis CAMINHOS do Jockey, mas não deixam de fazer algumas críticas aos aspectos operacionais e de administração IMAGEM INTANGÍVEL ESTRUTURA E GESTÃO (+) MARCA OPERAÇÃO (-) 52

37 Cavalos e Turfe

38 Cavalos e Turfe Este capítulo analisa as necessidades dos sócios em relação à estrutura oferecida para os cuidados com os cavalos Identifica a satisfação dos sócios com a estrutura e apresenta também sugestões de melhoria

39 Criação e Propriedade dos cavalos PROPRIEDADE DE ANIMAIS NÚMEROS DE CAVALOS 69 sócios proprietários de cavalos responderam à pesquisa, o que representa 948 cavalos DE 1 A 5 % 46 1% DE 6 A % DE 11 A % 75% DE 21 A MAIS QUE 50 6 SIM NÃO NDR Base respondente:285 NDR- Não desejo responder Base respondente:69

40 Localização dos Animais NÃO DESEJO RESPONDER 27% Os cavalos estão no Jockey Club? AINDA NÃO ESTÃO NA IDADE 27% NÃO SÃO CAVALOS DE CORRIDA 20% 20% 3% TREINAMENTO EM OUTRO LOCAL- 20% 77% QUALIDADE DAS PISTAS 13% Base respondente:15 SIM NÃO NDR Base respondente:69 Não desejo responder Dos que proprietários de cavalos que responderam ao questionário, 53 sócios possuem animais no Jockey, o que totaliza 818 animais

41 Satisfação com a estrutura para os animais 4,8 4,4 4 Os sócios estão divididos quanto à satisfação em relação aos diferentes aspectos da estrutura oferecida para os animais 3,6 3,2 2,8 2,4 2 Acesso ao Prado Veterinários Higiene e limpeza dos cavalos Horário das corridas Posição das cocheiras Infraestrutura para os cavalos Higiene e limpeza das cocheiras Espaço para exercício cavalos Piscina para cavalos Escala de 1 - Péssimo 5- Excelente Base respondente:276

42 Satisfação com a gestão para os animais Muito Satisfeito Nem Satisfeito Nem Insatisfeito Muito Insatisfeito Base: Possuem Cavalos ( 69 ), Possuem cavalos no Jockey ( 54 ), Não possuem cavalos no Jockey ( 15 ) 63

43 Satisfação com a estrutura para os animais Muito Satisfeito 5 4,5 4 3,5 Nem Satisfeito Nem Insatisfeito 3 2,5 2 1,5 Muito Insatisfeito 1 Veterinários Acesso ao Prado Posição das cocheiras Infraestrutura para os cavalos Espaço para os cavalos se exercitarem Piscina para cavalos Média Ifraestrutura Possui Cavalo Possui Cavalo no Jockey Não possui Cavalo no Jockey 64 Base: Possuem Cavalos ( 69 ), Possuem cavalos no Jockey ( 54 ), Não possuem cavalos no Jockey ( 15 )

44 Sugestões para Melhorias COCHEIRAS E CAVALOS NENHUMA 68% GESTÃO 5% NDR 21% TRANSFERIR OUTRO LOCAL 1% A maioria dos entrevistados não considerou nenhuma melhora relativa às cocheiras e aos cavalos, porém os que responderam sugeriram melhorias na gestão, como reavaliar o processo de comodato, aluguel para manutenção dos cavalos, questões de trânsito, entre outros REFORMA 1% OUTROS 3% Reavaliar o processo de comodato Acesso ao prado prejudica o trânsito Premiação desestimulante

45 Sugestões para Melhorias CORRIDAS E APOSTAS NDR 34% DIVULGAÇAO 16% NENHUMA 13% INFRA ESTRUTURA E ATENDIMENTO 11% A divulgação, associada às melhorias na infra-estrutura e ao atendimento são apontados como o tripé para incentivar os sócios a assistirem e apostarem nas corridas. Num segundo patamar, estão as ações voltadas para melhorias da infra-estrutura e do modelo de gestão BENEFÍCIOS- SÓCIOS 10% MODERNIZAR INSTALAÇÕES 8% MUDAR MODELO DE APOSTA 8% Base respondente: 273 NDR- Não desejo responder

46 Identificação com o Jockey

47 Identificação dos Sócios Este item analisa qual a percepção dos sócios em relação ao Jockey Qual a atratividade? Como avaliam o ambiente? 80

48 Identificação dos Sócios MATRIZ DE REQUISITOS GRAU DE CONCORDÂNCIA MÉDIA 7.5 O Jockey Club é um bom lugar para estar com os amigos 4, Tenho vontade de estar no Jockey Club 3, Sinto-me bem integrado no Jockey Club 3, O Jockey Club tem um ambiente familiar 3, O Jockey Club é uma boa opção de lazer para sócios de todas as idades 3, O Jockey Club tem instalações confortáveis e limpas 3, Sempre que podemos, eu e minha família estamos no Jockey Club 2, O Jockey é uma extensão da minha casa 2, O Jockey Club tem uma estrutura moderna 2,19 Base respondente: *Numeração do questionário Escala de 1 Péssimo a 5 - Excelente

49 Identificação dos Sócios Pontos de aderência e simpatia ATRATIVOS AMBIENTE Socialização e integração Falta de estrutura e instalações melhores e mais modernas ESTRUTURA 83

50 Identificação dos Sócios 4,4 4 REQUISITOS GERAIS 3,6 3,2 2,8 2,4 2 AMBIENTE ATRATIVIDADE ESTRUTURA 1,6 Bom lugar para estar com os amigos Tem ambiente familiar Sinto-me bem integrado É uma extensão da minha casa Tenho vontade de estar no Jockey Boa opção de lazer para todas as idades Sempre que podemos, estamos no Jockey Tem instalações confortáveis e limpas Tem uma estrutura moderna Base respondente:287 *Numeração do questionário Escala de 1 Péssimo a 5 - Excelente Mulheres Homens Média geral

51 Identificação dos Sócios 4,4 4 FAIXA ETÁRIA 3,6 3,2 2,8 2,4 2 AMBIENTE ATRATIVIDADE ESTRUTURA 1,6 Bom lugar para estar com os amigos Tenho vontade de estar no Jockey Sinto-me bem integrado Tem ambiente familiar Boa opção de lazer para todas as idades Tem instalações confortáveis e limpas Sempre que podemos, estamos no Jockey É uma extensão da minha casa Tem uma estrutura moderna Base respondente:287 *Numeração do questionário Escala de 1-Péssimo a 5- Excelente 18 a a55 56 a 65 Mais de 65 Média geral

52 Avaliação do Jockey

53 Avaliação do Jockey Detalha a avaliação dos sócios em relação aos diferentes atributos do Jockey Club, no que tange a atividade do turfe e também à estrutura esportiva. 103

54 Avaliação Geral do Jockey Estacionamento Estrutura do Jockey Club/Espaço Atendimento/Funcionários Posição das cocheiras A nota geral do Jockey é 5,7 Eventos/Shows realizados Corridas/Apostas Alimentação/Restaurante Limpeza das cocheiras Estado geral das cocheiras Serviços Limpeza do Jockey Club Banheiros Atividades/Área de lazer Equipamentos Mensalidade Manutenção O Jockey não é bem avaliado por seus sócios. Apenas dois atributos - estacionamento e estrutura/espaço, receberam nota acima de 7. Todos os outros receberam notas abaixo de Mínimo Base respondente:250 Máximo

55 Avaliação Geral do Jockey Máximo Mínimo As mulheres dão notas um pouco mais altas,provavelmente pela imagem Base respondente:250 Total Masculino Feminino 105

56 Avaliação Geral do Jockey SUGESTÕES TOTAL % Não 55 Não desejo responder 18 Melhorias na infra-estrutura (lazer, esportes, social) 12 Abaixar a mensalidade 8 Necessidade de reforma/manutenção 3 Melhorar as áreas de alimentação (restaurantes/bares) 2 Utilizar espaços para gerar receitas (shows/ eventos, etc) 2 Atenção aos sócios 2 Melhorar administração/divulgação 2 Base respondente (250) 106

57 Revitalização do Jockey

58 Revitalização do Jockey Este capítulo apresenta a visão dos sócios em relação às prioridades. Trata das oportunidades de revitalização

59 Revitalização do Jockey Em % Índice de adesão para melhorias Atividades esportivas 54 6% 4% Pista de Cooper Ciclovias Áreas infantis 44 Atividades para cavalos 38 90% Eventos/atividades culturais 35 Estacionamento maior 19 SIM NDR NENHUM Reforma/segurança Profissionalização da gestão 2 4 Base respondente:248 NDR- Não desejo responder Busca de parcerias 1 Base respondente:248 Em média, cada respondente concordou com 3 sugestões indicadas no questionário

60 Revitalização do Jockey 96% dos respondentes é a favor da revitalização do Jockey para melhorar os serviços e atrair mais sócios As principais atividades para revitalização são relacionadas principalmente às atividades sociais, aos esportes, às crianças e aos cavalos Atividades esportivas Atividades sociais Atividades com cavalos Áreas infantis

61 ATIVIDADES ESPORTIVAS Sugestões de Melhoria Academia 41% Quadras poliesportivas 19% Atividades aquáticas 14% Condicionamento físico 13% Ciclovia 9% Tênis e afins 7% O principal foco das atividades esportivas é a academia, porém há uma grande diversidade de opções. Em relação às outras alternativas, uma parte dos entrevistados sugeriram: Ampliação da estrutura atual Readequação dos espaços Usar os espaços atuais para múltiplas finalidades Áreas infantis 5% Golfe 5% Uma estrutura mais completa para se tornar realmente clube esportivo e social. Outros 4% Base respondente:91

62 Sugestões de Melhoria CAVALOS Esportes hípicos (pólo/salto/equitação) 27% Provas hípicas 26% Premiação das provas 3% Outros 3% A atenção aos cavalos é a principal atividade do Jockey, em função disto os sócios sugerem uma reflexão maior... Em relação às outras alternativas para mais atividades relacionadas a cavalos, os entrevistados sugeriram: Restaurar as instalações existentes Modernizar as apostas Abrir espaço para torneios de salto e adestramento, em paralelo ao turfe Promover atividades para crianças Promover atividades como o enduro, competições de polo no peão do prado, etc. Base respondente:70

63 Geração de Novas Receitas para o Jockey

64 alta aceitação Opinião sobre a geração de novas receitas Qual a opinião dos sócios sobre as ações realizadas pelo Jockey para gerar novas receitas? Alternativa de receita necessária 92% Divulga o Jockey de uma forma positiva 83% Tem a ver com Jockey 72% Abre as portas para não sócios e isto é bom 68% Me aproxima do clube 57% 122 Base respondente:249

65 Opinião sobre a geração de novas receitas Os sócios do Jockey estão de acordo com a geração de novas receitas e demonstram uma grande preocupação em gerar receitas associadas com a imagem do Clube Negativo Positivo Abre p/ não sócios, e é bom % Me aproxima mais do Jockey Alternativa de receita necessária 3 97 Divulga o Jockey de forma positiva 8 92 Tem haver com Jockey Base respondente:249

66 Sugestões para geração de receita Sugestão de atividades que se enquadram no perfil do Jockey Club para geração de receita TOTAL % Não fica evidente um objetivo único, mas demonstra a abertura dos sócios para novas opções Não 43 Não desejo responder 15 Investir na corrida/eventos de cavalos 6 Áreas de lazer 6 Aproveitar melhor os espaços 6 Alugar/vender espaços do Jockey 5 Sócios (atrair sócios, beneficios/atenção p/ sócios) 5 O público jovem é mais participativo e a principal sugestão é a academia Shows / eventos 4 Academia / esportes 4 Fazer parcerias / arranjar patrocinadores 2 Golfe 2 Outros 12 Base respondente (249)

67 Sugestões para geração de receita Sugestão de atividades que se enquadram no perfil do Jockey Club para geração de receita TOTAL % Atividades correlacionadas ao Jockey e que podem contribuir para gerar novas receitas Não 43 Não desejo responder 15 Investir na corrida/eventos de cavalos 6 Áreas de lazer 6 Aproveitar melhor os espaços 6 Alugar/vender espaços do Jockey 5 Sócios (atrair sócios, benefícios/atenção p/ sócios) 5 Shows / eventos 4 Academia / esportes 4 Fazer parcerias / arranjar patrocinadores 2 Golfe 2 Outros 12 Base respondente (249)

68 Sumário conclusivo

69 Sumário conclusivo HISTÓRIA IMAGEM PRESENTE FUTURO IMPLANTAÇÃO DE NOVOS PROJETOS O sentimento dos sócios envolve a história e imagem do Jockey Club

70 Sumário conclusivo Público cativo Diferenças dos associados 52% dos sócios frequentam o Jockey nos finais de semana e 39% durante a semana 11% SÃO CATIVOS Jovens São os que mais querem participar Fazem a melhor avaliação do Jockey e dão as melhores notas PERCEPÇÃO HISTÓRICA A faixa etária de 36 a 55 anos é a mais crítica, sendo o grupo que dá as notas mais baixas POTENCIAL Os jovens até 35 anos querem participar e melhorar o Jockey 132

71 Ações imediatas MARKETING INSTITUCIONAL COMUNICAÇÃO E ATENDIMENTO É fundamental levantar mais informações específicas sobre os sócios criadores de cavalos e que possuem ou não cavalos no Jockey... MAIS DIVULGAÇÃO PARTICIPAÇÃO DOS JOVENS 133

72 Sumário conclusivo O sócio de hoje não tem cavalo! Dos que possuem animais, a maioria deixa seus cavalos no Jockey O risco é alto, pois eles não estão satisfeitos e estão procurando novas opções! 134

73 Sumário conclusivo PILARES SOCIAL TURFE 135

74 Sumário conclusivo O lado tangível está devendo, então o intangível perde força... TUDO está deixando a desejar O que eles mais frequentam, que é o restaurante, tem nota abaixo de 7. Será que eles continuarão indo em um restaurante com nota 6? O sentimento em relação ao Jockey é interessante, afetuoso, mas frágil! TRANSACIONAL

75 Sumário conclusivo HÁ UMA GRANDE VALORIZAÇÃO DA HISTÓRIA DO CLUBE, POR ISSO A REVITALIZAÇÃO DO JOCKEY É UMA EXPECTATIVA DOS SÓCIOS 137

76 Sumário conclusivo Construir o futuro ESPORTES GASTRONOMIA SOCIAL SERVIÇOS DIFERENCIADOS CULTURAL TURFE 138

77 Sumário conclusivo OPORTUNIDADES RESPONSABILIDADE AMBIENTAL RESPONSABILIDADE SOCIAL 139

78 PESQUISA DE AVALIAÇÃO COM SÓCIOS Pesquisa desenvolvida com exclusividade para JOCKEY CLUB Outubro /2012 Para falar com a H2R contate: Tel(011)

RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ.

RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ. RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ. Apresentação Este relatório contém os resultados da 1ª pesquisa de Qualidade de Vida na cidade de Aracruz solicitada pela FACE. O objetivo

Leia mais

Análise dos dados da Pesquisa de Clima Relatório

Análise dos dados da Pesquisa de Clima Relatório Recursos Humanos Coordenação de Gestão de Pessoas Pesquisa de Clima Análise dos dados da Pesquisa de Clima Relatório Introdução No dia 04 de Agosto de 2011, durante a reunião de Planejamento, todos os

Leia mais

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional.

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Empresa MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Nossa filosofia e oferecer ferramentas de gestão focadas na

Leia mais

O CLUBE. Uma família chamada Fonte São Paulo

O CLUBE. Uma família chamada Fonte São Paulo M ÍD IA K I T O CLUBE Uma família chamada Fonte São Paulo Tudo começou com um grupo de amigos que se reuniam na piscina e no campo de futebol onde assistiam jogos do Clube Auriverde - hoje Guarani Futebol

Leia mais

Objetivo construção de um cenário

Objetivo construção de um cenário Objetivo Levantar informações junto aos professores de Educação Física e aos diretores / vice diretores das escolas públicas brasileiras, de modo a permitir o mapeamento e a construção de um cenário sobre

Leia mais

MODELO DE QUESTIONÁRIO PROPOSTO PARA A PESQUISA DE CLIMA PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL-FHA. Apresentação

MODELO DE QUESTIONÁRIO PROPOSTO PARA A PESQUISA DE CLIMA PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL-FHA. Apresentação Av. São Paulo 3996 Vila Rosário Ibirité MG CEP:32400-000 Telefone: (31) 3521-9540- Fax: (31) 3521-9534 www.fundacaohantipoff.mg.gov.br MODELO DE QUESTIONÁRIO PROPOSTO PARA A PESQUISA DE CLIMA PESQUISA

Leia mais

Metodologia e Amostra

Metodologia e Amostra Metodologia e Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. Objetivo Geral Levantar o nível de satisfação dos estudantes com relação às FATECs

Leia mais

Resultados Finais da 2ª Pesquisa de Opinião do blog Diário do Verde. Dezembro de 2011 / Janeiro de 2012

Resultados Finais da 2ª Pesquisa de Opinião do blog Diário do Verde. Dezembro de 2011 / Janeiro de 2012 2ª Pesquisa de Opinião - Diário do Verde (Ano de 2011) Veículo de Comunicação Ambiental na Internet - www.diariodoverde.com 30 respostas VISÃO GERAL - PERFIL DOS USUÁRIOS Sexo: Feminino Idade: 26-34 anos

Leia mais

Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing

Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing Oficial Categoria 2 Proposta de Consultoria: Facebook Marketing Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing Nas próximas páginas: Quem é a Dynamo O Que é Possível Com o Facebook Como Podemos Ajudar

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

consulta participativa de opinião

consulta participativa de opinião consulta participativa de opinião Interesses e perspectivas dos jovens da Brasilândia, Cachoeirinha e Freguesia do Ó CONSULTA PARTICIPATIVA DE OPINIÃO: INTERESSES E PERSPECTIVAS DOS JOVENS DA BRASILÂNDIA,

Leia mais

Questionário de entrevista com o Franqueador

Questionário de entrevista com o Franqueador Questionário de entrevista com o Franqueador O objetivo deste questionário é ajudar o empreendedor a elucidar questões sobre o Franqueador, seus planos de crescimento e as diretrizes para uma parceria

Leia mais

social media para bares, restaurantes e afins

social media para bares, restaurantes e afins BARTIPS social media para bares, restaurantes e afins O que buscamos? Divulgar seu estabelecimento para milhares de potenciais consumidores. Fazer você ser parte do dia-a-dia de seu cliente Ter suas novidades,

Leia mais

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais!

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Por Rafael Piva Guia 33 Prático Passos para criar Ideias de Negócio Vencedores! Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Que bom que você já deu um dos

Leia mais

Especificações Técnicas

Especificações Técnicas Especificações Técnicas Metodologia Técnicaeformadecoleta: Quantitativa: survey telefônico, com amostra 2.322 entrevistas, realizadas entre os dias 17 de junho e 07 de julho de 2009, pelo Instituto Vox

Leia mais

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015 V.4 - N.4 - Setembro de 2015 Vilma Lúcia da Silva 05 Assessora de Comunicação do Parque da Cidade Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal Só no mês de setembro o Parque da Cidade recebeu

Leia mais

Sistema para Visualização dos Resultados de Pesquisas de Clima Organizacional. PERSPECTIVA Consultores Associados Ltda.

Sistema para Visualização dos Resultados de Pesquisas de Clima Organizacional. PERSPECTIVA Consultores Associados Ltda. PERSPECTIVA Consultores Associados Ltda. Sistema para Visualização dos Resultados de Pesquisas de Clima Organizacional Manual do Usuário Este documento é de autoria da PERSPECTIVA Consultores Associados

Leia mais

A Aposentadoria Mercado e Seguro o Papel da Auto Previdência

A Aposentadoria Mercado e Seguro o Papel da Auto Previdência A Aposentadoria Mercado e Seguro o Papel da Auto Previdência Agenda Prioridades Financeiras 1 Presença da Aposentadoria Hoje Quando Parar Definitivamente A Previdência Social Composição Estimada da Renda

Leia mais

Proposta para a nova entrada social. -vista da Recepção, administração, salão de festas e restaurante-

Proposta para a nova entrada social. -vista da Recepção, administração, salão de festas e restaurante- Introdução Junto com o crescimento da cidade de são José dos Campos surgiram também novos espaços de convivência, salões de eventos e grandes redes de academias. Os novos condomínios são entregues com

Leia mais

MÉTODOS QUANTITATIVOS EM MARKETING. Prof.: Otávio Figueiredo e-mail: otavio@ufrj.br

MÉTODOS QUANTITATIVOS EM MARKETING. Prof.: Otávio Figueiredo e-mail: otavio@ufrj.br MÉTODOS QUANTITATIVOS EM MARKETING Prof.: Otávio Figueiredo e-mail: otavio@ufrj.br ESTATÍSTICA População e Amostra População Amostra Idéia Principal Resumir para entender!!! Algumas Técnicas Pesquisa de

Leia mais

PESQUISADORES. Pesquisadores

PESQUISADORES. Pesquisadores Pesquisadores Objetivos 2 Conhecer a opinião dos pesquisadores apoiados pela FAPESP sobre o tema Ciência e Tecnologia. 3 Principais resultados Principais resultados 4 Melhores recursos financeiros e credibilidade

Leia mais

Expectativas dos Pequenos Negócios para 2015

Expectativas dos Pequenos Negócios para 2015 Expectativas dos Pequenos Negócios para 2015 Relatório Final Brasília, Novembro/2014 Método Objetivo geral: Levantar as expectativas para 2015 dos pequenos negócios atendidos pelo SEBRAE Método: Pesquisa

Leia mais

Projeto Verão Para Todos

Projeto Verão Para Todos Projeto à Projeto Verão Para Todos O Verão Para Todos visa ser o maior torneio de São Paulo de esportes de praia incluindo modalidades de paradesporto. Levaremos ao litoral diversas competições em um mês

Leia mais

Porque estádios tão vazios? Pt. 3. 17 Motivos para NÃO ir aos Estádios. Fernando Ferreira

Porque estádios tão vazios? Pt. 3. 17 Motivos para NÃO ir aos Estádios. Fernando Ferreira PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Pt. 3 17 Motivos para NÃO ir aos Estádios PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Curitiba-PR Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria

Leia mais

Impasses políticos. Novas tecnologias

Impasses políticos. Novas tecnologias Poder econômico em novos pontos do mundo Impasses políticos Fusões, aquisições e parcerias Mercados voláteis Foco em governança corporativa Mudanças demográficas Operaçõtes + complexas Novas tecnologias

Leia mais

Pesquisa do Perfil do Turista Nacional em Porto Alegre. Outono 2010

Pesquisa do Perfil do Turista Nacional em Porto Alegre. Outono 2010 Pesquisa do Perfil do Turista Nacional em Porto Alegre Outono 2010 Pesquisa realizada pela SMTur, em parceria com a FARGS e com apoio da Infraero e da Veppo. 22 a 28 de abril Aeroporto área de embarque

Leia mais

A PRIMEIRA E MAIS COMPLETA PESQUISA COM ASSESSORIAS ESPORTIVAS DO PAÍS

A PRIMEIRA E MAIS COMPLETA PESQUISA COM ASSESSORIAS ESPORTIVAS DO PAÍS A PRIMEIRA E MAIS COMPLETA COM ASSESSORIAS ESPORTIVAS DO PAÍS OBJETIVO Conhecer o mercado das Assessorias Esportivas de todo o Brasil ANALISAR E AUXILIAR NO DESENVOLVIMENTO DOS NEGÓCIOS E NAS RELAÇÕES

Leia mais

Mobilidade Urbana Urbana

Mobilidade Urbana Urbana Mobilidade Urbana Urbana A Home Agent realizou uma pesquisa durante os meses de outubro e novembro, com moradores da Grande São Paulo sobre suas percepções e opiniões em relação à mobilidade na cidade

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras - SELAM

Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras - SELAM Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras - SELAM PPA 2014 / 2017 Administração 2013 / 2016 Prefeito: Gabriel Ferrato Vice-Prefeito: João Chaddad Secretário de Esportes, Lazer e Atividades Motoras:

Leia mais

14 de dezembro de 2012 MONITORAMENTO DO PROGRAMA APRENDIZ LEGAL/ FUNDAÇÃO ROBERTO MARINHO

14 de dezembro de 2012 MONITORAMENTO DO PROGRAMA APRENDIZ LEGAL/ FUNDAÇÃO ROBERTO MARINHO 14 de dezembro de 2012 MONITORAMENTO DO PROGRAMA APRENDIZ LEGAL/ FUNDAÇÃO ROBERTO MARINHO 1. APRESENTAÇÃO A presente proposta de projeto refere-se ao Monitoramento do Programa Aprendiz Legal idealizado

Leia mais

Indicadores de Percepção da Cidade de São Paulo JANEIRO DE 2009

Indicadores de Percepção da Cidade de São Paulo JANEIRO DE 2009 Indicadores de Percepção da Cidade de São Paulo JANEIRO DE 2009 1 Recortes por região e renda familiar 2 Pertencimento à cidade de São Paulo Numa escala de 1 a, em que 1 significa que para você a cidade

Leia mais

Avaliação de programa governamental: o Micro Empreendedor Individual (MEI) no Estado de Rondônia.

Avaliação de programa governamental: o Micro Empreendedor Individual (MEI) no Estado de Rondônia. CHAMADA MCTI-CNPq/MDS-SAGI Nº 24/2013 DESENVOLVIMENTO SOCIAL Linha temática: Tema 3: Inclusão Produtiva. Critério de Avaliação escolhido: Avaliar o acesso, a implantação e os efeitos de ações do Programa

Leia mais

UMA ANÁLISE SOBRE AS DIVERSAS PAISAGENS DA LAGOA MAIOR EM TRÊS LAGOAS/MS

UMA ANÁLISE SOBRE AS DIVERSAS PAISAGENS DA LAGOA MAIOR EM TRÊS LAGOAS/MS UMA ANÁLISE SOBRE AS DIVERSAS PAISAGENS DA LAGOA MAIOR EM TRÊS LAGOAS/MS Cínthia dos Santos Sêna 1 Esp Luziane Albuquerque 2 RESUMO O presente trabalho visa analisar as diversas paisagens que compõem a

Leia mais

METODOLOGIA & PERFIL

METODOLOGIA & PERFIL Maio2010 JOB 100283 METODOLOGIA & PERFIL Metodologia e Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. Objetivo Geral Levantar um conjunto de informações

Leia mais

Marketing Visão 360º. O nosso objetivo é ter uma visão ampla dos temas de Marketing, abordando os seguintes tópicos.

Marketing Visão 360º. O nosso objetivo é ter uma visão ampla dos temas de Marketing, abordando os seguintes tópicos. Marketing Visão 360º O Mundo do Marketing em parceria com a TNS Research International está realizando pesquisas mensais com profissionais da área de marketing para investigar temas relacionados ao dia-a-dia

Leia mais

VOCÊ SABE O QUE É E-MAIL MARKETING? [[ ][ Aprenda como funciona e quais resultados você pode obter

VOCÊ SABE O QUE É E-MAIL MARKETING? [[ ][ Aprenda como funciona e quais resultados você pode obter VOCÊ SABE O QUE É E-MAIL MARKETING? [[ ][ Aprenda como funciona e quais resultados você pode obter Vivemos a era do conteúdo na Internet. Um e-mail com o conteúdo certo, distribuído às pessoas certas é

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS APRESENTAÇÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS Breve histórico da instituição seguido de diagnóstico e indicadores sobre a temática abrangida pelo projeto, especialmente dados que permitam análise da

Leia mais

CLUB DE REGATAS VASCO DA GAMA

CLUB DE REGATAS VASCO DA GAMA PROGRAMA DE SÓCIOS PROGRAMA DE SÓCIOS CLUB DE REGATAS VASCO DA GAMA DESDE 1898 PROGRAMA DE SÓCIOS - INTRODUÇÃO Um programa de sócios forte e eficiente é atualmente a principal saída dos clubes brasileiros

Leia mais

IQV INDICADORES DE QUALIDADE DE VIDA SUMÁRIO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA JOINVILLE, FLORIANÓPOLIS, BLUMENAU, CHAPECÓ, TUBARÃO

IQV INDICADORES DE QUALIDADE DE VIDA SUMÁRIO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA JOINVILLE, FLORIANÓPOLIS, BLUMENAU, CHAPECÓ, TUBARÃO IQV INDICADORES DE QUALIDADE DE VIDA SUMÁRIO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA JOINVILLE, FLORIANÓPOLIS, BLUMENAU, CHAPECÓ, TUBARÃO Qualidade de vida é ter condições de vida plena, gozar de saúde e respeito,

Leia mais

EVENTOS CORPORATIVOS

EVENTOS CORPORATIVOS EVENTOS CORPORATIVOS EVENTOS CORPORATIVOS A Riviera de São Lourenço A Riviera de São Lourenço é um bairro 100% planejado, a apenas 120 km da Capital do Estado de São Paulo. O Empreendimento conta com o

Leia mais

PROGRAMA DE TRABALHO DA CORRENTE LIBERAL - 2014/2015

PROGRAMA DE TRABALHO DA CORRENTE LIBERAL - 2014/2015 PROGRAMA DE TRABALHO DA CORRENTE LIBERAL - 2014/2015 Legendas aplicadas: T Total de Propostas R Realizadas PR Parcialmente realizadas NP Não percebidas NR Não realizadas PRESIDÊNCIA - Dar continuidade

Leia mais

Metodologia Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais.

Metodologia Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. Espírito Santo Metodologia Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais.!"#$& "' "" ""() *'+#',- &',,,."/ "0112 *"#/3'""45'6'" ')$'"+789#&' &'&*"#" *"',01.

Leia mais

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS Ari Lima Um empreendimento comercial tem duas e só duas funções básicas: marketing e inovação. O resto são custos. Peter Drucker

Leia mais

PESQUISA. Avaliação do BRT TransOeste. Abril 2013

PESQUISA. Avaliação do BRT TransOeste. Abril 2013 PESQUISA Avaliação do BRT TransOeste Abril 2013 1 METODOLOGIA Objetivo: levantar informações sobre as viagens no BRT TransOeste, avaliar a satisfação com este modal, bem como as máquinas de recarga do

Leia mais

Artigo: Um olhar feminino na Internet

Artigo: Um olhar feminino na Internet Artigo: Um olhar feminino na Internet Por Tatiane Pocai Dellapiazza - aluna do primeiro ano do Curso de Comunicação Social - Centro UNISAL - Americana. Introdução: O Brasil chega perto de comemorar seu

Leia mais

Conheça a trajetória da empresa no Brasil através desta entrevista com o Vice- Presidente, Li Xiaotao.

Conheça a trajetória da empresa no Brasil através desta entrevista com o Vice- Presidente, Li Xiaotao. QUEM É A HUAWEI A Huawei atua no Brasil, desde 1999, através de parcerias estabelecidas com as principais operadoras de telefonia móvel e fixa no país e é líder no mercado de banda larga fixa e móvel.

Leia mais

11 Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE NAS INTERNAS. Centro Universitário UNIVATES

11 Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE NAS INTERNAS. Centro Universitário UNIVATES 11 Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE NAS INTERNAS Centro Universitário UNIVATES Apresentação do Projeto - Apresentação da instituição educacional Com sede no município de Lajeado, a Univates também

Leia mais

TOTAL DE RESPONDENTES: 698 entrevistados. DATA DE REALIZAÇÃO: 30 de maio e 01 de junho, nas ruas do centro do Rio de Janeiro.

TOTAL DE RESPONDENTES: 698 entrevistados. DATA DE REALIZAÇÃO: 30 de maio e 01 de junho, nas ruas do centro do Rio de Janeiro. Enquete Um estudo feito por matemáticos da Universidade de Vermont, nos Estados Unidos, mostrou que o dia preferido pelas pessoas é o domingo. Os pesquisadores analisaram 2,4 milhões de mensagens pela

Leia mais

Índice. Introdução. Fase 1 - Participação da população brasileira. Fase 2 - Perfil do voluntário Características do serviço voluntário

Índice. Introdução. Fase 1 - Participação da população brasileira. Fase 2 - Perfil do voluntário Características do serviço voluntário Pesquisa Voluntariado no Brasil - 2011 Índice 1 2 3 4 Introdução Fase 1 - Participação da população brasileira Fase 2 - Perfil do voluntário Características do serviço voluntário Fase 3 - Segmentação 5

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Pesquisa de Opinião Pública Nacional Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Julho de 2008 Roteiro I. Metodologia II. III. IV. Eleições e Política Corrupção eleitoral

Leia mais

Pólos da Paz e Praças da Paz SulAmérica

Pólos da Paz e Praças da Paz SulAmérica A iniciativa O projeto Praças é uma iniciativa do Instituto Sou da Paz, em parceria com a SulAmérica, que promove a revitalização de praças públicas da periferia de São Paulo com a participação da comunidade

Leia mais

A PESQUISA COMO INSTRUMENTO DE SOCIALIZAÇÃO NA FORMULAÇÃO DO PLANO DE CAPACITAÇÃO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO MARANHÃO

A PESQUISA COMO INSTRUMENTO DE SOCIALIZAÇÃO NA FORMULAÇÃO DO PLANO DE CAPACITAÇÃO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO MARANHÃO A PESQUISA COMO INSTRUMENTO DE SOCIALIZAÇÃO NA FORMULAÇÃO DO PLANO DE CAPACITAÇÃO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO MARANHÃO ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA GESTÃO E PREVIDÊNCIA - SEGEP Ceiça

Leia mais

Construindo o Conteúdo da Liderança. José Renato S. Santiago Jr.

Construindo o Conteúdo da Liderança. José Renato S. Santiago Jr. Construindo o Conteúdo da Liderança José Renato S. Santiago Jr. Gestão Estratégica de RH Módulo 1: Alinhando Gestão de Pessoas com a Estratégia da Empresa Módulo 2: Compreendendo e Dinamizando a Cultura

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2012 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 14% da população,

Leia mais

LANÇAMENTO MAGIC VILLAGE RESORT UM MUNDO DE SONHOS MAIS PRÓXIMO E REAL DO QUE VOCÊ IMAGINA.

LANÇAMENTO MAGIC VILLAGE RESORT UM MUNDO DE SONHOS MAIS PRÓXIMO E REAL DO QUE VOCÊ IMAGINA. LANÇAMENTO MAGIC VILLAGE RESORT UM MUNDO DE SONHOS MAIS PRÓXIMO E REAL DO QUE VOCÊ IMAGINA. EMPREENDIMENTO ÚNICO EM ORLANDO: IMAGINE-SE VIZINHO DOS DESTINOS MAIS DESEJADOS DO MUNDO. UM LUGAR FEITO SOB

Leia mais

Meto t d o o d l o og o i g a II. Segm g e m nt n a t ção o do d o me m rcado III. C racte t rização o do d s o ent n r t evi v sta t do d s

Meto t d o o d l o og o i g a II. Segm g e m nt n a t ção o do d o me m rcado III. C racte t rização o do d s o ent n r t evi v sta t do d s Roteiro I. Metodologia II. III. IV. Segmentação do mercado Caracterização dos entrevistados Percepções sobre o turismo no Brasil V. Hábitos e comportamentos sobre turismo VI. VII. VIII. Prioridade de investimento

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CURSO DE TURISMO

AVALIAÇÃO DO CURSO DE TURISMO AVALIAÇÃO DO CURSO DE TURISMO Outubro 2009 ÍNDICE 1. Introdução 3 2. População e Amostra 3 3. Apresentação de Resultados 4 3.1. Opinião dos alunos de Turismo sobre a ESEC 4 3.2. Opinião dos alunos sobre

Leia mais

SONDAGEM NACIONAL JORNALISTAS 2013

SONDAGEM NACIONAL JORNALISTAS 2013 SONDAGEM NACIONAL de JORNALISTAS 2013 Este documento está licenciado via Creative Commons. Você pode baixar, compartilhar, mas sem poder modificar a obra de nenhuma forma, nem utilizá-la para fins comerciais.

Leia mais

BAIRRO PLANEJADO COMPLETO CONDOMÍNIO HORIZONTAL

BAIRRO PLANEJADO COMPLETO CONDOMÍNIO HORIZONTAL BAIRRO PLANEJADO COMPLETO CONDOMÍNIO HORIZONTAL CONDOMÍNIOS HORIZONTAIS EM UM BAIRRO PLANEJADO COMPLETO. O principal projeto imobiliário em desenvolvimento no stado do Pará; Um bairro planejado com mais

Leia mais

Pessoas e negócios em evolução.

Pessoas e negócios em evolução. Silvestre Consultoria Pessoas e negócios em evolução. Silvestre Consultoria desde 2001 Nossos Serviços: Pesquisa de Clima Cargos e Salários Avaliação de Desempenho Recrutamento Especializado Mapeamento

Leia mais

CONSELHO DE CLASSE. A visão dos professores sobre educação no Brasil

CONSELHO DE CLASSE. A visão dos professores sobre educação no Brasil CONSELHO DE CLASSE A visão dos professores sobre educação no Brasil INTRODUÇÃO Especificações Técnicas Data do Campo 19/06 a 14/10 de 2014 Metodologia Técnica de coleta de dados Abrangência geográfica

Leia mais

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade?

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? CAMPANHA DE QUEM É A RESPONSABILIDADE? Início da Campanha outubro de 2009 Objetivo: Implementar a A3P e incentivar os servidores para adoção

Leia mais

Como criar um clube de vantagens para seus clientes

Como criar um clube de vantagens para seus clientes Como criar um clube de vantagens para seus clientes Introdução Adquirir clientes no mundo competitivo atual é cada vez mais difícil e caro. Por este motivo, torna-se muito importante ações que fidelize

Leia mais

Cuidados com o corpo

Cuidados com o corpo Cuidados com o corpo Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado. Cem por cento

Leia mais

UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS

UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS www.empreende.com.br emp@empreende.com.br FAZENDO ACONTECER Programa de ensino de empreendedorismo inovador em nível mundial, desenvolvido

Leia mais

Relatório de Atividades

Relatório de Atividades PROJETO BOLA NA REDE Relatório de Atividades "O Mestre na arte da vida faz pouca distinção entre o seu trabalho e o seu lazer, entre a sua mente e o seu corpo, entre a sua educação e a sua recreação, entre

Leia mais

PARA QUE SERVE O CRM?

PARA QUE SERVE O CRM? Neste mês, nós aqui da Wiki fomos convidados para dar uma entrevista para uma publicação de grande referência no setor de varejo, então resolvemos transcrever parte da entrevista e apresentar as 09 coisas

Leia mais

FACULDADE REDENTOR ITAPERUNA RJ

FACULDADE REDENTOR ITAPERUNA RJ RESULTADOS DA PESQUISA DE PERCEPÇÃO E SATISFAÇÃO DOS CURSOS DE: MBA - GESTÃO ESTRATÉGICA DOS NEGÓCIOS MBA - GESTÃO ESTRATÉGICA COM PESSOAS FACULDADE REDENTOR 2012 ITAPERUNA RJ MODELO DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO

Leia mais

AVALIE ENSINO MÉDIO 2013 Questionário do Estudante

AVALIE ENSINO MÉDIO 2013 Questionário do Estudante AVALIE ENSINO MÉDIO 2013 Questionário do Estudante Caro Estudante, O Projeto Avalie pretende conhecer melhor o perfil do estudante do Ensino Médio da Bahia, por isso a sua participação representa a garantia

Leia mais

Apresentação. Soluções para resolv. Legislação penal. Conclusão

Apresentação. Soluções para resolv. Legislação penal. Conclusão SUMÁRIO Apresentação Introdução Soluções para resolv esolver er a violência e a criminalidade Popularidade de possíveis soluções Políticas sociais x políticas de segurança Redução da maioridade penal Legislação

Leia mais

Esta é a pesquisa de satisfação

Esta é a pesquisa de satisfação Esta é a pesquisa de satisfação dos usuários de saneamento básico realizada entre a categoria residencial dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário regulados pela Agência em 244 municípios

Leia mais

COMO SE TORNAR UM VOLUNTÁRIO?

COMO SE TORNAR UM VOLUNTÁRIO? COMO SE TORNAR UM VOLUNTÁRIO? Apresentação Ir para a escola, passar um tempo com a família e amigos, acompanhar as últimas novidades do mundo virtual, fazer um curso de inglês e praticar um esporte são

Leia mais

Acompanhamento de egressos e criação de oportunidades de formação

Acompanhamento de egressos e criação de oportunidades de formação Acompanhamento de egressos e criação de oportunidades de formação A Universidade de Mogi das Cruzes UMC possui uma política de acompanhamento de egressos que se iniciou em 1998 ao constituir um banco de

Leia mais

Você é comprometido?

Você é comprometido? Você é comprometido? Não, isso não é uma cantada. O que o seu chefe quer saber é se você veste a camisa da organização. Você adora seu trabalho e desempenha suas funções com eficiência, mas não aposta

Leia mais

o encontro da medicina com a conveniência.

o encontro da medicina com a conveniência. o encontro da medicina com a conveniência. O Rio acaba de ganhar um novo Centro Médico, preparado para receber clínicas e consultórios de variadas especialidades. Um lugar único na Zona Sul, com diversas

Leia mais

Pesquisas quantitativas etapas iniciais

Pesquisas quantitativas etapas iniciais A U L A 5 Pesquisas quantitativas etapas iniciais Metas da aula Apresentar as condições para realização de pesquisas quantitativas; estabelecer os procedimentos que norteiam as pesquisas de mercado com

Leia mais

FACETAS DA MULHER BRASILEIRA: INTERESSES, DESEJOS E INFLUÊNCIA NO MERCADO DE CONSUMO

FACETAS DA MULHER BRASILEIRA: INTERESSES, DESEJOS E INFLUÊNCIA NO MERCADO DE CONSUMO FACETAS DA MULHER BRASILEIRA: INTERESSES, DESEJOS E INFLUÊNCIA NO MERCADO DE CONSUMO Fevereiro 2016 PERFIL DA MULHER BRASILEIRA 68,0% das entrevistadas dão nota igual ou maior que SETE para a própria felicidade

Leia mais

EMTI JARDIM NOVO MUNDO Goiânia, 14 de junho de 2013 Tabulação do questionário Assembleia do Estudantes

EMTI JARDIM NOVO MUNDO Goiânia, 14 de junho de 2013 Tabulação do questionário Assembleia do Estudantes EMTI JARDIM NOVO MUNDO Goiânia, 14 de junho de 2013 Tabulação do questionário Assembleia do Estudantes Sim (32) Não (00) Sim (12) Nulo (20) 01 Está gostando das aulas? Estão atendendo suas expectativas?

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013 1 AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO Temas 2 Objetivo e metodologia Utilização dos serviços do plano de saúde e ocorrência de problemas Reclamação ou recurso contra o plano de

Leia mais

VAMOS DAR INICIO A MAIS UMA AULA DO CURSO DE PROPAGANDA E MARKETING- 4 MÓDULO COMO GANHAR DINHEIRO COM MALA DIRETA

VAMOS DAR INICIO A MAIS UMA AULA DO CURSO DE PROPAGANDA E MARKETING- 4 MÓDULO COMO GANHAR DINHEIRO COM MALA DIRETA VAMOS DAR INICIO A MAIS UMA AULA DO CURSO DE PROPAGANDA E MARKETING- 4 MÓDULO COMO GANHAR DINHEIRO COM MALA DIRETA 4 E ÚLTIMO MÓDULO: Como Ganhar dinheiro com Mala Direta APRESENTAÇÃO PESSOAL Edileuza

Leia mais

VIRADA ESPORTIVA 2014

VIRADA ESPORTIVA 2014 A VIRADA ESPORTIVA As 34 horas da Virada Esportiva contaram com mais de 140 modalidades intercaladas com uma das principais características de São Paulo: a garoa. Entre eventos e locais tradicionais, como

Leia mais

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 REALIZAÇÃO TABULAÇÃO Quem Somos A WBI BRASIL é uma empresa especializada em planejamento de marketing digital, que presta

Leia mais

Endomarketing: um estudo de caso em uma agência de uma instituição financeira de Bambuí- MG

Endomarketing: um estudo de caso em uma agência de uma instituição financeira de Bambuí- MG Endomarketing: um estudo de caso em uma agência de uma instituição financeira de Bambuí- MG Bruna Jheynice Silva Rodrigues 1 ; Lauriene Teixeira Santos 2 ; Augusto Chaves Martins 3 ; Afonso Régis Sabino

Leia mais

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Metodologia COLETA Entrevistas domiciliares com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA Município de São Paulo. UNIVERSO moradores de 16 anos ou mais. PERÍODO DE CAMPO de 26 de setembro a 1º de outubro

Leia mais

Como criar um clube de vantagens em sua empresa

Como criar um clube de vantagens em sua empresa Como criar um clube de vantagens em sua empresa Uma publicação Introdução Atrair e reter bons funcionários no mundo competitivo atual é cada vez mais difícil e caro. Por este motivo, torna-se muito importante

Leia mais

25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1

25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 RECURSOS HUMANOS EM UMA ORGANIZAÇÃO HOSPITALAR COM PERSPECTIVA DE DESENVOLVIVENTO DO CLIMA ORGANIZACONAL: O CASO DO HOSPITAL WILSON ROSADO EM MOSSORÓ RN

Leia mais

1. Objetivo 2. Histórico 3. Justificativas 4. Descrição 5. Características 6. Espaço Comunitário 7. Benefícios

1. Objetivo 2. Histórico 3. Justificativas 4. Descrição 5. Características 6. Espaço Comunitário 7. Benefícios 1 1. Objetivo 2. Histórico 3. Justificativas 4. Descrição 5. Características 6. Espaço Comunitário 7. Benefícios 2 Objetivo Apoio do Governo do Estado/Municipal/Federal Petrobras - FERJ para captar patrocínio

Leia mais

Esperamos que sua empresa faça bom aproveito!

Esperamos que sua empresa faça bom aproveito! À medida que mais e mais empresas aderem ao marketing de conteúdo, notamos que as expectativas são por vezes incompatíveis com a realidade quando se trata de um Blog Corporativo B2B. A maioria dos profissionais

Leia mais

Questionário de Qualificação

Questionário de Qualificação Questionário de Qualificação Dados do Cliente: Por favor preencha, e devolva-nos, este questionário o mais cedo possível por fax. Este questionário foi concebido para alcançar duas coisas: 1) para me ajudar

Leia mais

Governança de TI. ITIL v.2&3. parte 1

Governança de TI. ITIL v.2&3. parte 1 Governança de TI ITIL v.2&3 parte 1 Prof. Luís Fernando Garcia LUIS@GARCIA.PRO.BR ITIL 1 1 ITIL Gerenciamento de Serviços 2 2 Gerenciamento de Serviços Gerenciamento de Serviços 3 3 Gerenciamento de Serviços

Leia mais

1. Objetivo. 2. Público-alvo

1. Objetivo. 2. Público-alvo 1. Objetivo Contribuir para um futuro melhor para todos a partir do investimento em desenvolvimento de jovens com potencial para liderança, atuantes em comunidades e/ou entidades sem fins lucrativos, em

Leia mais

PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL UTILIZANDO O MÉTODO SURVEY, COM OS COLABORADORES DE UMA EMPRESA DO RAMO DA CONTRUÇÃO CIVIL

PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL UTILIZANDO O MÉTODO SURVEY, COM OS COLABORADORES DE UMA EMPRESA DO RAMO DA CONTRUÇÃO CIVIL PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL UTILIZANDO O MÉTODO SURVEY, COM OS COLABORADORES DE UMA EMPRESA DO RAMO DA CONTRUÇÃO CIVIL Julia Ferreira de Moraes (EEL-USP) moraes.julia@hotmail.com Everton Azevedo Schirmer

Leia mais

O MELHOR DO VERÃO. Dihego Pansini de Souza

O MELHOR DO VERÃO. Dihego Pansini de Souza O MELHOR DO VERÃO Dihego Pansini de Souza O verão é uma temporada muito esperada para passeios turísticos, férias, viagens e outros atrativos de lazer. O Instituto Futura buscou investigar quais são os

Leia mais

O Marketing Esportivo evoluiu. A Escala também.

O Marketing Esportivo evoluiu. A Escala também. O Marketing Esportivo evoluiu. A Escala também. O número de academias dobrou de 2007 a 2010; O futebol do Brasil é o 6º mais rico do mundo; Se na década de 70 tivemos as primeiras transmissões de eventos

Leia mais

RELATÓRIO MESA DEVOLVER DESIGN (EXTENSÃO) Falta aplicação teórica (isso pode favorecer o aprendizado já que o aluno não tem a coisa pronta)

RELATÓRIO MESA DEVOLVER DESIGN (EXTENSÃO) Falta aplicação teórica (isso pode favorecer o aprendizado já que o aluno não tem a coisa pronta) 1ª RODADA RELAÇÃO PRÁTICA E TEORIA Pouca teoria, muitas oficinas Matérias não suprem as necessidades de um designer Falta aplicação teórica (isso pode favorecer o aprendizado já que o aluno não tem a coisa

Leia mais

Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção.

Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção. estratégias online Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção. serviços consultoria Benchmark Planejamento

Leia mais

apresenta a Copyright 2009 Inrise Consultoria www.inriseconsultoria.com.br

apresenta a Copyright 2009 Inrise Consultoria www.inriseconsultoria.com.br apresenta a 1 Marketing Jurídico 2 O que o Marketing Vende? 3 O que essa imagem vende? 4 O que o Marketing Vende? Imagem Benefício 5 O que essa imagem vende? 6 O que essa imagem vende? 7 Mundos Diferentes

Leia mais

Eduardo J. A. e SILVA 2 Camilla P. BRASILEIRO 3 Claudomilson F. BRAGA 4 Universidade Federal de Goiás, Goiânia, GO

Eduardo J. A. e SILVA 2 Camilla P. BRASILEIRO 3 Claudomilson F. BRAGA 4 Universidade Federal de Goiás, Goiânia, GO Estudo da proporção e o nível de conhecimento dos alunos de graduação do período vespertino do Campus II da UFG sobre o Programa Coleta Seletiva Solidária 1 Eduardo J. A. e SILVA 2 Camilla P. BRASILEIRO

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MARÇO DE 2014 JOB0402 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Avaliar a atual administração do município de Acopiara. Acopiara

Leia mais