Pesquisa de Clima Organizacional

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pesquisa de Clima Organizacional"

Transcrição

1 Pesquisa de Clima Organizacional Não é necessário imprimir este documento. O objetivo é apenas para você tomar conhecimento do conteúdo de pesquisa, poder refletir e estimar o tempo de resposta antes de acessar o sistema. A leitura prévia das questões pode facilitar e agilizar o momento efetivo das respostas, que serão dadas diretamente no sistema, conforme instruções no Passo a Passo. Definição: A Pesquisa de Clima Organizacional é uma ferramenta de estudo e diagnóstico. É um processo estruturado de perguntas importantes para avaliar diversos fatores que interferem na satisfação do trabalhador em relação à organização. É o mapeamento das percepções sobre o ambiente da organização e deve ser utilizada como ponto de partida para mudanças e desenvolvimento organizacional. Considerada uma ferramenta de gestão estratégica das organizações, este material será utilizado como tal na Solver, considerando em primeiro lugar as respostas individuais, mas dando valor relevante as respostas consolidadas, que irão compor a percepção do grupo de colaboradores da empresa. A pesquisa de clima organizacional permite uma ampla análise, que possibilita o acompanhamento e o monitoramento da satisfação e do comprometimento dos colaboradores com a empresa. Essas análises contribuem para o desenvolvimento de estratégias e ações que visam a valorização das pessoas e o ganho de produtividade e qualidade nos serviços prestados. Metodologia: O método adotado é o de aplicação de questionário composto de perguntas objetivas e a marcação de uma única resposta para cada pergunta. As perguntas estão estrategicamente agrupadas em temas e devem ser respondidas com o máximo de certeza. Nenhuma pergunta pode ficar sem resposta.

2 Este questionário deve ser respondido virtualmente. Basta copiá-lo para seus documentos, respondê-lo e enviá-lo por até o dia 10 de janeiro de 2013, para o endereço Confidencialidade: É importante a sua identificação no questionário de resposta, pois pode ocorrer de identificarmos algum ponto de ação direcionado especificamente para você. Somente a Brasil Labore e o nível gerencial da Solver conhecerão suas respostas individuais. Nenhum outro funcionário tomará conhecimento de seu questionário respondido. A consolidação das respostas representará a percepção dos colaboradores sobre a empresa e esta consolidação será divulgada a todos os colaboradores, para que os pontos de ação possam ser tratados durante o ano de 2013, com o devido entendimento. Estrutura do Questionário: O questionário é composto de: - Quatro perguntas para cada tema - Oito temas distintos - Três questões complementares Dicas para responder à Pesquisa de Clima: 1- Reserve 30 minutos na sua agenda para esta tarefa; 2- Esteja em local tranquilo; 3- Não tenha pressa em responder; 4- Pense profundamente em cada pergunta antes de marcar a resposta; 5- Releia toda a pesquisa respondida antes de enviá-la, para avaliar se suas respostas estão fazendo sentido e se refletem o que você deseja transmitir; 6- Lembre-se: este trabalho tem a finalidade de facilitar a gestão, promovendo melhorias, atuando de forma mais próxima e produtiva. 2

3 Questionário - 35 perguntas Nome: Função: Tempo de Empresa: Regime de Trabalho (home office, body shop, escritório): Cidade em que reside (home office): Tema 1: Organização do Trabalho 1.1. Os processos de trabalho que desenvolvo são estruturados: ( ) de forma adequada, prática e simples ( ) de forma inadequada, complicada e de difícil entendimento ( ) a empresa não define processos de trabalho 1.2. A carga de trabalho que tenho é: ( ) adequada a minha capacidade produtiva ( ) está abaixo da minha capacidade produtiva ( ) está acima da minha capacidade produtiva 1.3. A tecnologia disponível é: ( ) adequada aos processos de trabalho ( ) está abaixo do que necessito para executar os processos de trabalho ( ) está acima do que necessito para executar os processos de trabalho 1.4. Minha carga horária de trabalho é: ( ) de até 8 horas por dia ( ) de 8 a 10 horas por dia ( ) acima de 10 horas por dia 3

4 Tema 2: Qualidade dos Serviços Prestados 2.1. Recebo feedback sobre a qualidade dos serviços que presto: ( ) periodicamente ( ) pontualmente, quando algo acontece de diferente ( ) não recebo este tipo de feedback 2.2. Recebo orientações para melhorar ou manter a qualidade dos serviços que presto através: ( ) da empresa ( ) do cliente ( ) não recebo este tipo de orientação 2.3. A qualidade dos serviços que presto poderia melhorar: ( ) se o meu desempenho fosse melhor ( ) se os processos de trabalho fossem mais práticos ( ) se a tecnologia disponível fosse mais ágil 2.4. A minha carga de trabalho está adequada as exigências da empresa quanto a qualidade: ( ) sim ( ) está abaixo das exigências da empresa ( ) está acima das exigências da empresa Tema 3: Foco no Cliente 3.1. Quanto à reputação da empresa junto aos clientes, considero: ( ) que estabelecemos uma excelente reputação ( ) que estabelecemos uma boa reputação ( ) que nossa reputação ainda não se estabeleceu de forma positiva 3.2. O contato com os clientes que atendo: ( ) é fácil e prazeroso ( ) é difícil e requer intervenção da empresa ( ) não estabeleço contato direto com o cliente 4

5 3.3. O contato com os clientes que atendo se faz: ( ) à distância (telefone, , facebook, sms) ( ) presencialmente ( ) não estabeleço contato direto com o cliente 3.4. Meus clientes poderiam ser atendidos mais rapidamente e com maior qualidade: ( ) se eu estivesse mais próximo deles para estreitar relacionamentos, ainda que virtualmente ( ) se a empresa estivesse mais próxima deles, avaliando o atendimento ( ) eles já são atendidos a contento quanto a rapidez e qualidade Tema 4: Supervisão/Gerência 4.1. O meu gestor direto: ( ) me dá uma ideia clara quanto ao que espera de meu desempenho e acompanha os resultados gerados por mim ( ) me deixa trabalhar sem orientação sobre o que espera de meu desempenho, mas acompanha os resultados gerados por mim ( ) me dá uma ideia clara quanto ao que espera do meu desempenho, mas não acompanha os resultados gerados por mim 4.2. A empresa comunica decisões e diretrizes: ( ) formalmente, através de s, intranet, jornal ( ) formalmente, através do gestor direto ( ) informalmente, através de comentários dos colaboradores 4.3. Quando meu gestor percebe mudança na minha produtividade ou na qualidade dos serviços que presto: ( ) ele me parabeniza se a mudança foi para melhor e me aconselha e se mostra parceiro, caso tenha sido para pior ( ) ele me comunica somente ( ) não sei se ele percebe tais mudanças 4.4. Meu gestor mantém a comunicação comigo: ( ) através de canais adequados para o meu modelo de trabalho (home office, body shop, escritório) ( ) através de canais inadequados para o meu modelo de trabalho (home office, body shop, escritório) ( ) não se comunica comigo 5

6 Tema 5: Relacionamento entre os Colaboradores 5.1. Quanto à cooperação: ( ) existe cooperação adequada entre os colaboradores ( ) existe pouca cooperação entre os colaboradores ( ) não existe cooperação entre os colaboradores 5.2. Quanto ao contato: ( ) existe contato virtual frequente entre os colaboradores ( ) existe contato presencial frequente entre os colaboradores ( ) não existe contato entre os colaboradores 5.3. Acredito que o relacionamento entre os colaboradores seja: ( ) necessário, virtualmente e presencialmente ( ) necessário, mas só virtualmente ( ) desnecessário 5.4. Seria bom que a empresa favorecesse e incentivasse: ( ) chats de participações pontuais, debatendo assuntos de interesse geral e reuniões presenciais ( ) chats de participações pontuais ( ) reuniões presenciais Tema 6: Total Compensation (pacote de remuneração e benefícios) 6.1. Considero minha remuneração, considerando a minha produtividade e desempenho: ( ) adequada ( ) abaixo do mercado ( ) acima do mercado 6.2. O modelo de trabalho adotado ( home office, body shop, escritório) me gera: ( ) satisfação, melhor administração do tempo, tempo com a família e possibilidade de cuidados com a saúde ( ) insatisfação, menos tempo disponível para a família e para os cuidados com a saúde ( ) me adapto a qualquer modelo de trabalho e não faz diferença para mim 6

7 6.3. Os benefícios que recebo geram: ( ) diferença significativa na total compensation ( ) pouca diferença na total compensation ( ) não recebo benefícios 6.4. A empresa considera meu desempenho e qualidade dos meus serviços para: ( ) garantir meu ganhos atuais ( ) aumentar meus ganhos atuais ( ) desconheço a lógica adotada Tema 7: Sobre a Empresa 7.1. Percebo oportunidade de crescimento na empresa: ( ) se ela ampliar seus negócios e faturamento ( ) mesmo que ela se mantenha como está hoje, sob o ponto de vista de negócio e faturamento ( ) não vejo possibilidade de crescimento 7.2. A empresa me encoraja a dar soluções para expansão e crescimento do volume de negócios: ( ) formalmente ( ) informalmente ( ) não me encoraja 7.3. Quanto ao mercado de atuação: ( ) considero que somos os melhores ( ) considero que somos medianos ( ) considero que ainda podemos crescer muito 7.4. Quanto a trabalhar na empresa: ( ) Indicaria um amigo para trabalhar na empresa, já que me sinto satisfeito ( ) Indicaria um amigo para trabalhar na empresa, já que me sinto seguro ( ) Não indicaria um amigo para trabalhar na empresa 7

8 Tema 8: Condições Físicas e Psicológicas do Trabalho 8.1. Considero o meu local de trabalho: ( ) Adequado as minhas necessidades e às exigências da empresa ( ) Inadequado, mas estou procurando melhorá-lo ( ) Inadequado por fatores sobre os quais não posso atuar 8.2. Considero os recursos disponíveis: ( ) Adequado às minhas necessidades e às exigências da empresa ( ) Inadequados, mas estou procurando melhorá-los ( ) Inadequados por fatores sobre os quais não posso atuar 8.3. Quanto ao nível de estresse: ( ) Me considero diariamente estressado com o trabalho ( ) Me considero pontualmente estressado com o trabalho ( ) Nunca fico estressado com o trabalho 8.4. Quanto ao equilíbrio psicológico: ( ) O modelo de trabalho adotado pela empresa favorece o meu equilíbrio psicológico ( ) O modelo de trabalho adotado pela empresa prejudica o meu equilíbrio psicológico ( ) Gostaria de conversar com meu gestor sobre o tema, para me explicar melhor Questões Complementares: a) Considerando as perguntas anteriores, o que gostaria de exemplificar, explicar melhor ou sugerir soluções? Fique à vontade quanto ao número de questões. Número da questão: Exemplo, explicação ou sugestão: b) Faça aqui uma breve descrição da sua trajetória profissional, somente citando as funções que ocupou e o que desenvolveu ao longo de sua carreira: 8

9 c) Descreva aqui a sua visão geral sobre a Solver: A Solver agradece a sua participação! 9

Pesquisa de Clima Organizacional

Pesquisa de Clima Organizacional Pesquisa de Clima Organizacional As pessoas representam alto investimento para as organizações. É evidente que o sucesso de um empreendimento não depende somente da competência dos gestores em reconhecer

Leia mais

Além disso, saber onde seus funcionários precisam melhorar vai ajudar e muito na criação de planos de desenvolvimento.

Além disso, saber onde seus funcionários precisam melhorar vai ajudar e muito na criação de planos de desenvolvimento. Este conteúdo faz parte da série: Avaliação de Desempenho Ver 3 posts dessa série O que é Quando o assunto é gestão de pessoas um dos tópicos mais importantes e falados é a avaliação de desempenho. Esse

Leia mais

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR HOME OFFICE MANAGEMENT A MELHOR FORMA DE TRABALHAR www.homeoffice.com.br CONTATO Telefone: (11) 4321-2204 E-mail: contato@homeoffice.com.br /homeofficemanagement /homeofficemanagement /homeofficemanagement

Leia mais

PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL 2015

PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL 2015 PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL 2015 COOPERATIVA GERAL Quantidade de colaboradores: 1146 Quantidade de Respondentes: 835 Percentual de participação: 73% Dr. João Damasceno Porto Diretor Administrativo

Leia mais

Acordo de Acionistas NORMA DE da CPFL Energia S.A. ENGAJAMENTO

Acordo de Acionistas NORMA DE da CPFL Energia S.A. ENGAJAMENTO Acordo de Acionistas NORMA DE da CPFL Energia S.A. ENGAJAMENTO Atual DE Denominação PÚBLICOS Social DE da Draft II Participações INTERESSE S.A. Sumário Introdução 3 Objetivo da Norma 4 Conceitos básicos

Leia mais

ESTUDO DE CASO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Cooperativa vencedora do Prêmio MPE Brasil 2015

ESTUDO DE CASO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Cooperativa vencedora do Prêmio MPE Brasil 2015 >> Para que um(a) empresário(a) possa aprender com o exemplo de outras empresas, o importante não é saber onde a empresa de sucesso chegou, mas como ela chegou. E é essa a missão do estudo de caso: explicar

Leia mais

Análise da Pesquisa de Satisfação dos Clientes ano base 2014

Análise da Pesquisa de Satisfação dos Clientes ano base 2014 Análise da Pesquisa de Satisfação dos Clientes ano base 2014 Pesquisa de Satisfação dos Clientes - 2014 Pontos fortes do escritório apontados pelos clientes Pesquisa de Satisfação dos Clientes - 2014 Pontos

Leia mais

Ouvidoria - Geral da União. Objetivo 6. Produzir informações estratégicas para subsidiar as tomadas de decisões do Presidente da República.

Ouvidoria - Geral da União. Objetivo 6. Produzir informações estratégicas para subsidiar as tomadas de decisões do Presidente da República. Ouvidoria - Geral da União Objetivo 6. Produzir informações estratégicas para subsidiar as tomadas de decisões do Presidente da República. Produzir dados quantitativos e qualitativos acerca da satisfação

Leia mais

TRATAMENTO E ACOMPANHAMENTO DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DOS CLIENTES

TRATAMENTO E ACOMPANHAMENTO DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DOS CLIENTES TRATAMENTO E ACOMPANHAMENTO DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DOS CLIENTES José Luis Costa (1) Administrador formado pela faculdade IPEP e Graduado em Tecnólogo em Gestão Pública, ingressou na Sanasa em 1994,

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. OBJETO DE CONTRATAÇÃO A presente especificação tem por objeto a contratação de empresa Especializada de Consultoria para Planejamento da Estrutura Funcional e Organizacional

Leia mais

gente bonita de verdade qualidadedevida é cuidar-se por inteiro

gente bonita de verdade qualidadedevida é cuidar-se por inteiro gente bonita de verdade na comunidade qualidadedevida é cuidar-se por inteiro r a z ã o d e s e r nossa Razão de Ser é criar e comercializar produtos e serviços que promovam o bem- estar/ estar bem bem-estar

Leia mais

INTRODUÇÃO À METODOLOGIA GRUPOSER PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL

INTRODUÇÃO À METODOLOGIA GRUPOSER PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL INTRODUÇÃO À METODOLOGIA GRUPOSER PARA PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL O que é Clima mesmo? Clima é a percepção coletiva que as pessoas têm da empresa, através da vivência de práticas, políticas, estrutura,

Leia mais

.:. Aula 6.:. Levantamento de Necessidades de Treinamento. Profª Daniela Cartoni

.:. Aula 6.:. Levantamento de Necessidades de Treinamento. Profª Daniela Cartoni .:. Aula 6.:. Levantamento de Necessidades de Treinamento Profª Daniela Cartoni daniela_cartoni@yahoo.com.br T,D&D Antes: somente conceito de treinamento Hoje: ampliação para desenvolvimento e educação

Leia mais

Governança e Gestão em Saúde: Encontro com o Controle Externo Edição CE

Governança e Gestão em Saúde: Encontro com o Controle Externo Edição CE Governança e Gestão em Saúde: Encontro com o Controle Externo Edição CE 1 Equipe do TCE-CE Jocyrregia Maria Peixoto Alves Daniel do Vale Dantas 2 Cooperação entre os Tribunais de Contas do Brasil (27 dos

Leia mais

11/04/2017. Aula 9. Gestão de Recursos Humanos. Agenda. Seminário 7. Gestão de RH

11/04/2017. Aula 9. Gestão de Recursos Humanos. Agenda. Seminário 7. Gestão de RH Aula 9 Gestão de Recursos Humanos Agenda Seminário 7 Gestão de RH 2 1 Gestão de RH Gestão de Recursos Humanos O conjunto de políticas, práticas e programas que tem por objetivo atrair, selecionar, socializar,

Leia mais

Relatório de Satisfação e Clima

Relatório de Satisfação e Clima Relatório de Satisfação e Clima 2014 Divisão de Gestão de Recursos Humanos 2 Motivação é a arte de fazer as pessoas fazerem o que você quer que elas façam porque elas o querem fazer. (Dwight Eisenhower)

Leia mais

Procedimento Geral. Denominação: Procedimento Geral de Comunicação Interna e Externa. Emissão: 29/10/2014 Revisão : 14/11/2016.

Procedimento Geral. Denominação: Procedimento Geral de Comunicação Interna e Externa. Emissão: 29/10/2014 Revisão : 14/11/2016. Denominação: Procedimento de Comunicação Interna e Externa Dono do Processo: Tipo do Doc. Emissão: 29/10/2014 Revisão : 14/11/2016 Empresa Área Numero Rev: 01 Controle de alterações Revisão Data Local

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAMBIENTAL

RESPONSABILIDADE SOCIAMBIENTAL PRSA 2ª 1 / 7 ÍNDICE 1. OBJETIVO... 2 2. ALCANCE... 2 3. ÁREA GESTORA... 2 3.1 ATRIBUIÇÕES E RESPONSABILIDADES... 2 3.1.1 DIRETOR RESPONSÁVEL - RESOLUÇÃO 4.327/14... 2 3.1.2 COORDENADOR ESPONSÁVEL PRSA

Leia mais

EXPANSÃO DAS OPERAÇÕES INTERNACIONAIS

EXPANSÃO DAS OPERAÇÕES INTERNACIONAIS EXPANSÃO DAS OPERAÇÕES INTERNACIONAIS A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos

Leia mais

A Grow RH. êxito, qualidade e agilidade, garantindo a

A Grow RH. êxito, qualidade e agilidade, garantindo a A Grow RH Oriunda de um dos maiores grupos de RH do Brasil, a Grow RH atua há 13 anos na área de consultoria em Recursos Humanos. Temos como clientes empresas e profissionais de diversos segmentos e portes,

Leia mais

Rio de Janeiro 16/08/2011. Modelo de Excelência da Gestão (MEG) para Micro e Pequenas Empresas. Francisco Teixeira Neto

Rio de Janeiro 16/08/2011. Modelo de Excelência da Gestão (MEG) para Micro e Pequenas Empresas. Francisco Teixeira Neto Rio de Janeiro 16/08/2011 Modelo de Excelência da Gestão (MEG) para Micro e Pequenas Empresas Francisco Teixeira Neto Só gerencia quem mede! O que é o MPE Brasil? Ferramenta de Gestão para medir o grau

Leia mais

PROGRAMA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS APEX-BRASIL

PROGRAMA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS APEX-BRASIL PROGRAMA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS APEX-BRASIL O QUE É? Um conjunto de soluções técnicas para a internacionalização de empresas, customizadas de acordo com os objetivos e interesses dos clientes.

Leia mais

10 Ferramentas de Gestão em Excel Essenciais para Negócios

10 Ferramentas de Gestão em Excel Essenciais para Negócios Uma empresa que está começando, ou até algumas mais maduras, sempre possuem dúvidas sobre quais ferramentas de gestão implementar para garantir eficiência no controle e execução de processos. Algumas tentam

Leia mais

Treinamento e Desenvolvimento

Treinamento e Desenvolvimento Treinamento e Desenvolvimento Agenda 1 2 T&D e Estratégia de RH Treinamento & Desenvolvimento 3 4 Coaching & Mentoring Desenvolvimento de Lideranças 1 T&D e Estratégia de RH Relembrando... Os processos

Leia mais

Estudo Home Office 2016

Estudo Home Office 2016 Estudo Home Office 2016 maio/ 2016 - Apresentação Evento de Lançamento Soluções em Remuneração SAP Consultores Associados SAP Consultoria iniciou as suas atividades em Abril de 1993 e atua no desenvolvimento

Leia mais

PORQUE FAZER UMA PESQUISA DE CLIMA?

PORQUE FAZER UMA PESQUISA DE CLIMA? Introdução PORQUE FAZER UMA PESQUISA DE CLIMA? Algumas pessoas que comandam organizações, ainda são muito resistentes a Pesquisas De Clima Organizacional; acreditam que é perda de tempo, e que esta pesquisa

Leia mais

Santa Casa da Misericórdia de Pombal

Santa Casa da Misericórdia de Pombal Manual de Políticas Santa Casa da Misericórdia de Pombal Índice 1. Política da Qualidade 2. Politica de Apoio Social 3. Politica de Recursos Humanos 4. Politica de Ética 5. Politica de Envolvimento Ativo

Leia mais

Talentos Administrativos

Talentos Administrativos Programa de Desenvolvimento dos Administrativos Talentos Administrativos Turma 2015/16 Talentos Administrativos 1 Objetivo Geral Desenvolver os Assistentes e Auxiliares Administrativos de forma a prepará-los

Leia mais

AULA 13 GESTÃO DE PESSOAS III PROF. PROCÓPIO

AULA 13 GESTÃO DE PESSOAS III PROF. PROCÓPIO AULA 13 GESTÃO DE PESSOAS III PROF. PROCÓPIO ETEC SÃO MATEUS - 13-05-2016 Não fique sem o conteúdo, acesse: www.professorprocopio.com OTreinamento É um processo que promove a aquisição de habilidades,

Leia mais

Gestão da Qualidade Viabilidade Financeira

Gestão da Qualidade Viabilidade Financeira Gestão da Qualidade Viabilidade Financeira Case: Instituto de Nefrologia de Mogi das Cruzes e Instituto de Nefrologia de Suzano Silvana Kesrouani XI Encontro Paulista de Nefrologia 2007 Campos do Jordão

Leia mais

Administração e Gestão de Pessoas

Administração e Gestão de Pessoas Administração e Gestão de Pessoas Aula Clima Organizacional Prof.ª Marcia Aires www.marcia aires.com.br mrbaires@gmail.com Clima Organizacional Funcionário Feliz = Lucro maior Mais qualidade de vida no

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO DE LÍDERES

PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO DE LÍDERES PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO DE LÍDERES CONQUISTE A LIDERANçA INSCRIÇÕES ABERTAS Prepare-se para novos desafios e seja o destaque no mercado de trabalho. Muitas vezes, a liderança não sabe quais

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA DEPARTAMENTO REGIONAL DE MATO GROSSO REGULAMENTO DA OUVIDORIA SESI - MT

SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA DEPARTAMENTO REGIONAL DE MATO GROSSO REGULAMENTO DA OUVIDORIA SESI - MT SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA DEPARTAMENTO REGIONAL DE MATO GROSSO REGULAMENTO DA OUVIDORIA SESI - MT Art. 1º A Ouvidoria do SESI/MT é um elo de ligação entre a comunidade interna ou externa e as instâncias

Leia mais

Como o Dynamics 365 Operations pode ajudar a gerir melhor o seu negócio. Novo produto da Microsoft surgiu para facilitar o dia a dia dos gestores

Como o Dynamics 365 Operations pode ajudar a gerir melhor o seu negócio. Novo produto da Microsoft surgiu para facilitar o dia a dia dos gestores Como o Dynamics 365 Operations pode ajudar a gerir melhor o seu negócio Novo produto da Microsoft surgiu para facilitar o dia a dia dos gestores Índice INTRODUÇÃO...1 O QUE É O DYNAMICS 365...4 QUAIS OS

Leia mais

3) Qual é o foco da Governança de TI?

3) Qual é o foco da Governança de TI? 1) O que é Governança em TI? Governança de TI é um conjunto de práticas, padrões e relacionamentos estruturados, assumidos por executivos, gestores, técnicos e usuários de TI de uma organização, com a

Leia mais

ESTUDO DE CASO. Empresa vencedora do Prêmio MPE Brasil Como desenvolver a cultura de inovação na empresa? CLINICENTER SERVIÇOS DE SAÚDE

ESTUDO DE CASO. Empresa vencedora do Prêmio MPE Brasil Como desenvolver a cultura de inovação na empresa? CLINICENTER SERVIÇOS DE SAÚDE >> Para que um(a) empresário(a) possa aprender com o exemplo de outras empresas, o importante não é saber onde a empresa de sucesso chegou, mas como ela chegou. E é essa a missão do estudo de caso: explicar

Leia mais

Benefício do Coaching para Escritórios de Advocacia

Benefício do Coaching para Escritórios de Advocacia Benefício do Coaching para Escritórios de Advocacia Por que Coaching para Escritórios de Advocacia? Os escritórios são, nos dias de hoje, uma empresa e isso não tem mais volta. Assim, não dá para o advogado

Leia mais

CURSO DE ATUALIZAÇÃO

CURSO DE ATUALIZAÇÃO CURSO DE ATUALIZAÇÃO Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde DESENVOLVIMENTO DA GESTÃO DO TRABALHO E SAÚDE DO TRABALHADOR DA SAÚDE Adryanna Saulnier Bacelar Moreira Márcia Cuenca

Leia mais

Resultados da Pesquisa de Clima Organizacional 2010

Resultados da Pesquisa de Clima Organizacional 2010 Resultados da Pesquisa de Clima Organizacional 2010 População e amostra da pesquisa 350 300 População Amostra 294 250 219 200 150 100 50 75 52 100 152 0 Técnicoadministrativos (69%) Docentes (46%) Geral

Leia mais

7.1 Contribuições para a teoria de administração de empresas

7.1 Contribuições para a teoria de administração de empresas 7 Conclusões Esta tese teve por objetivo propor e testar um modelo analítico que identificasse como os mecanismos de controle e as dimensões da confiança em relacionamentos interorganizacionais influenciam

Leia mais

A ferramenta Virtual de educação a distância TelEduc como apoio pedagógico gico na educação presencial. Anair Altoé Jamile Santinello

A ferramenta Virtual de educação a distância TelEduc como apoio pedagógico gico na educação presencial. Anair Altoé Jamile Santinello A ferramenta Virtual de educação a distância TelEduc como apoio pedagógico gico na educação presencial Anair Altoé Jamile Santinello poio pedagógico gico na educação presencial O ambiente TelEduc Elaborado

Leia mais

Regime de Avaliação do Plano de Formação

Regime de Avaliação do Plano de Formação Centro Centro de Formação da Associação de Escolas Bragança Norte Regime de Avaliação do Plano de Formação Escola-Sede: Escola Secundária Abade de Baçal Avenida General Humberto Delgado 5300-167 Bragança

Leia mais

HISTÓRICO DAS REVISÕES

HISTÓRICO DAS REVISÕES Página 1 de 7 HISTÓRICO DAS REVISÕES REVISÃO DATA DESCRIÇÃO 00 06/02/2015 Emissão inicial 1. OBJETIVO Criar uma sistemática de produção e disseminação de notícias institucionais para os diversos públicos

Leia mais

ENCADEAMENTO PRODUTIVO Oportunidade para as pequenas empresas Bom negócio para as grandes

ENCADEAMENTO PRODUTIVO Oportunidade para as pequenas empresas Bom negócio para as grandes ENCADEAMENTO PRODUTIVO Oportunidade para as pequenas empresas Bom negócio para as grandes ENCADEAMENTOS PRODUTIVOS COMPETITIVIDADE SUSTENTABILIDADE INOVAÇÃO PRODUTIVIDADE CADEIA DE VALOR APRESENTAÇÃO O

Leia mais

GUIA PRÁTICO: COMO E POR QUE APLICAR ANÁLISE SWOT NO SEU NEGÓCIO

GUIA PRÁTICO: COMO E POR QUE APLICAR ANÁLISE SWOT NO SEU NEGÓCIO GUIA PRÁTICO: COMO E POR QUE APLICAR ANÁLISE SWOT NO SEU NEGÓCIO SUMÁRIO Introdução - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Leia mais

Programa de Integridade Conversa Ética da Raia Drogasil

Programa de Integridade Conversa Ética da Raia Drogasil Programa de Integridade Conversa Ética da Raia Drogasil Não existe lapso de integridade sem importância Tom Peters Programa de Integridade O que é: é um Programa de Compliance para prevenção, detecção,

Leia mais

Formulário de Avaliação de Desempenho UNIMED CAMPINA GRANDE. Registro funcional: Diretoria / Gerencia: Data da Avaliação:

Formulário de Avaliação de Desempenho UNIMED CAMPINA GRANDE. Registro funcional: Diretoria / Gerencia: Data da Avaliação: Formulário de Avaliação de Desempenho UNIMED CAMPINA GRANDE Nota Final: Para uso do RH Nome do Avaliado: Cargo: Registro funcional: Diretoria / Gerencia: Data da Avaliação: Nome do Avaliador: Cargo: ASSIDUIDADE

Leia mais

Relatório Global da Avaliação de Satisfação realizada em 2011

Relatório Global da Avaliação de Satisfação realizada em 2011 No período compreendido entre 05-12-2011 e 30-01-2012 foi realizada a Avaliação de Satisfação referente ao ano de 2011, tendo sido inquiridas todas as partes interessadas. No total foram enviados / entregues

Leia mais

Hospital Privado Capital Fechado com fins lucrativos Geral e de Médio Porte Selado Qualidade Programa CQH desde 2008 Média e alta complexidade 96

Hospital Privado Capital Fechado com fins lucrativos Geral e de Médio Porte Selado Qualidade Programa CQH desde 2008 Média e alta complexidade 96 Hospital Privado Capital Fechado com fins lucrativos Geral e de Médio Porte Selado Qualidade Programa CQH desde 2008 Média e alta complexidade 96 leitos 19 leitos de UTI 5 Salas Cirúrgicas 300 Cirurgias/mês

Leia mais

Pré-requisitos Para integrar o Programa MACAL de Estágio Supervisionado, o candidato precisa atender os seguintes requisitos:

Pré-requisitos Para integrar o Programa MACAL de Estágio Supervisionado, o candidato precisa atender os seguintes requisitos: Prezados Senhores: A MACAL - Soluções em Nutrição, desde 2003 desenvolve o programa de Estágio Supervisionado que consiste em um intensivo programa para a preparação de novos profissionais, tendo como

Leia mais

Utilização de Critérios de Excelência como Referência no Desenvolvimento da Gestão de Águas do Paraíba

Utilização de Critérios de Excelência como Referência no Desenvolvimento da Gestão de Águas do Paraíba Utilização de Critérios de Excelência como Referência no Desenvolvimento da Gestão de Águas do Paraíba Viviane Lanunce Paes Supervisora da Gestão Integrada - CAP Carlos Eduardo Tavares de Castro Superintendente

Leia mais

BALANCED SCORECARD. Prof. Dr. Adilson de Oliveira Doutor em Engenharia de Computação Poli USP Mestre em Ciência da Informação PUCCAMP

BALANCED SCORECARD. Prof. Dr. Adilson de Oliveira Doutor em Engenharia de Computação Poli USP Mestre em Ciência da Informação PUCCAMP BALANCED SCORECARD Prof. Dr. Adilson de Oliveira Doutor em Engenharia de Computação Poli USP Mestre em Ciência da Informação PUCCAMP Gestão Estratégica e BSC Balanced Scoredcard GESTÃO ESTRATÉGICA GESTÃO

Leia mais

A implantação de uma consultoria interna de RH pelo TCMSP, em cooperação com outros órgão municipais

A implantação de uma consultoria interna de RH pelo TCMSP, em cooperação com outros órgão municipais A implantação de uma consultoria interna de RH pelo TCMSP, em cooperação com outros órgão municipais Luiza Correia Hruschka Gestora das Relações do Trabalho e Professora da Escola de Contas SET/2015 luiza.correia@tcm.sp.gov.br

Leia mais

PROGRAMA DE INDICADORES DE DESEMPENHO COMÉRCIO E SERVIÇOS SEBRAETEC

PROGRAMA DE INDICADORES DE DESEMPENHO COMÉRCIO E SERVIÇOS SEBRAETEC CHAMADA PÚBLICA 52/2015 ORIENTAÇÃO METODOLÓGICA A Gerência de Credenciados do SEBRAE/RS convida os profissionais credenciados para prestação de serviços de instrutoria e consultoria, através do Edital

Leia mais

POLÍTICA DE RISCO OPERACIONAL DOS FUNDOS E CARTEIRAS GERIDOS PELO SICREDI

POLÍTICA DE RISCO OPERACIONAL DOS FUNDOS E CARTEIRAS GERIDOS PELO SICREDI POLÍTICA DE RISCO OPERACIONAL DOS FUNDOS E CARTEIRAS GERIDOS PELO SICREDI Versão: outubro/2016 1. OBJETIVO Em concordância com as diretrizes da Política de Gerenciamento de Riscos dos Fundos e Carteiras

Leia mais

Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional

Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional Excelência na Gestão Desafio dos Pequenos Negócios INSTITUCIONAL SEBRAE MISSÃO Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia

Leia mais

ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DO RISCO OPERACIONAL

ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DO RISCO OPERACIONAL ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DO RISCO OPERACIONAL I. INTRODUÇÃO: O Risco Operacional pode ser entendido como a possibilidade de ocorrência de perdas resultantes de falhas, deficiência ou inadequação de processos

Leia mais

Questionário de Pesquisa. Prezado Participante,

Questionário de Pesquisa. Prezado Participante, Questionário de Pesquisa Prezado Participante, Meu nome é Renata Moreira, sou aluna de doutorado do Centro de Informática da Universidade Federal de Pernambuco e consultora da SWQuality. Gostaria da sua

Leia mais

Captação de Parcerias

Captação de Parcerias Captação de Parcerias 1. Importância Uma Empresa Júnior deve ser capaz de suprir todas suas necessidades por meio da captação de projetos, de recursos, de pessoas, de treinamentos e todos os itens que

Leia mais

Excelência na Gestão

Excelência na Gestão Mapa Estratégico 2012-2014 Visão Até 2014, ser referência no atendimento ao público, na fiscalização e na valorização das profissões tecnológicas, reconhecido pelos profissionais, empresas, instituições

Leia mais

Clima Organizacional

Clima Organizacional slide 1 Clima Organizacional Maria Cristina Bohnenberger cristin@feevale.br Conceitos de Clima organizacional É a qualidade ou propriedade do ambiente organizacional que é percebida ou experimentada pelos

Leia mais

Treinamento e Desenvolvimento

Treinamento e Desenvolvimento Aula 8 Treinamento e Desenvolvimento Agenda 1 2 Seminário T&D e Estratégia de RH 3 4 Treinamento & Desenvolvimento Desenvolvimento de Lideranças 1 Seminário 3 The Young and the Clueless Bunker, K. A.;

Leia mais

Índice METODOLOGIA DA PESQUISA... 2 UTILIZANDO OS DADOS DA PESQUISA... 4 COMPONDO A ESTRATIFICAÇÃO PARA CARGOS COM COMPLEXIDADE NÍVEL TÉCNICO...

Índice METODOLOGIA DA PESQUISA... 2 UTILIZANDO OS DADOS DA PESQUISA... 4 COMPONDO A ESTRATIFICAÇÃO PARA CARGOS COM COMPLEXIDADE NÍVEL TÉCNICO... Índice METODOLOGIA DA PESQUISA... 2 UTILIZANDO OS DADOS DA PESQUISA... 4 COMPONDO A ESTRATIFICAÇÃO PARA CARGOS COM COMPLEXIDADE NÍVEL TÉCNICO... 5 METODOLOGIA DA PESQUISA A pesquisa salarial é um instrumento

Leia mais

CRIATIVIDADE Relatório de Consultoria

CRIATIVIDADE Relatório de Consultoria ELBI ELÉTRICA LTDA Betim/MG Proposta_ELBI-Betim-7_2015_((Criatividade))_rev.B Este relatório contem um resumo das atividades desenvolvidas na ELBI Betim/MG desde o início das atividades de consultoria

Leia mais

Contratação de Agente Comercial no Exterior

Contratação de Agente Comercial no Exterior Unidade de Projetos Termo de Referência sobre Contratação de Agente Comercial no Exterior REVISTO E ATUALIZADO Março de 2013 Elaborado por: Apex-Brasil Pág: 1 GESTOR DE PROJETO Richard Sabah COORDENADOR

Leia mais

Como a comunicação interna nas empresas viabiliza o home-office

Como a comunicação interna nas empresas viabiliza o home-office Como a comunicação interna nas empresas viabiliza o home-office ebook Guias completos e gratuitos www.socialbase.com.br Índice 1. Introdução 2. Que tipo de empresa pode apostar no home-office 3. Por que

Leia mais

1. DADOS DA EMPRESA. Nome do contato: do contato: Telefone do contato: Nome da Empresa: Endereço: Cidade: CEP:

1. DADOS DA EMPRESA. Nome do contato:  do contato: Telefone do contato: Nome da Empresa: Endereço: Cidade: CEP: PANORAMA DO TREINAMENTO NO BRASIL - 2015 Dados, informações, fatos, análises. Este questionário em PDF é para auxiliar na coleta de dados. As perguntas devem ser respondidas no link: www.cmpesquisa.com.br/t&d

Leia mais

Projeto Descrição de Cargos 2016

Projeto Descrição de Cargos 2016 Projeto Descrição de Cargos 2016 Sumário 1. Objetivos do Projeto; 2. Etapas do Projeto; 3. Conceitos para Descrição de Cargos; 4. Acesso ao Sistema; 5. O Formulário. OBJETIVOS DO PROJETO Principais objetivos

Leia mais

Perspectivas da Gestão Estratégica de Pessoas para as Organizações Públicas

Perspectivas da Gestão Estratégica de Pessoas para as Organizações Públicas Perspectivas da Gestão Estratégica de Pessoas para as Organizações Públicas Aleksandra Pereira dos Santos Doutora em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações UnB Coordenadora-Geral de RH Previc

Leia mais

Gestão de Processos. Gestão de Processos na Saúde. Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos

Gestão de Processos. Gestão de Processos na Saúde. Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos Gestão de Processos na Saúde Marcelo.Aidar@fgv.br 1 Gestão de Processos Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos 2 O Ambiente de Negócios e os Stakeholders AMBIENTE DE AÇÃO INDIRETA

Leia mais

Objetivos. Pilares de Engajamento Seguros Unimed

Objetivos. Pilares de Engajamento Seguros Unimed Pilares de Engajamento Seguros Unimed Objetivos Cuidar de pessoas é o valor mais importante da Seguros Unimed e isso começa dentro de casa. Gestão de Pessoas é um dos pilares estratégicos da Seguradora,

Leia mais

Marcelo Henrique dos Santos

Marcelo Henrique dos Santos Marcelo Henrique dos Santos Mestrado em Educação (em andamento) MBA em Marketing e Vendas (em andamento) Especialista em games Bacharel em Sistema de Informação Email: marcelosantos@outlook.com TECNOLOGIA

Leia mais

Plataforma da Informação. Fundamentos da Excelência

Plataforma da Informação. Fundamentos da Excelência Plataforma da Informação Fundamentos da Excelência Modelo de Excelência em Gestão Fundamentos da Excelência O Modelo de Excelência em Gestão estimula e apoia as organizações no desenvolvimento e na evolução

Leia mais

Processos Gerenciais Inovação e Criatividade. Curso de Comércio Exterior Professora: Elisangela Lima

Processos Gerenciais Inovação e Criatividade. Curso de Comércio Exterior Professora: Elisangela Lima Processos Gerenciais Inovação e Criatividade Curso de Comércio Exterior Professora: Elisangela Lima lislimas@hotmail.com Centro Universitário Padre Anchieta Processos Gerenciais 22.09.2010 Conceito...

Leia mais

SERVIÇOS DE CONSULTORIA

SERVIÇOS DE CONSULTORIA SERVIÇOS DE CONSULTORIA Apresentação Ao longo de 16 anos de atuação no mercado, viemos acompanhando a evolução das necessidades de evolução dos negócios de nossos clientes, e a evolução das necessidades

Leia mais

A Mongeral Aegon é a seguradora mais antiga do Brasil em atividade contínua;

A Mongeral Aegon é a seguradora mais antiga do Brasil em atividade contínua; QUEM SOMOS A Mongeral Aegon é a seguradora mais antiga do Brasil em atividade contínua; Especializada em Vida e Previdência, possui portfólio completo para assegurar nossos clientes e seus familiares dos

Leia mais

AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011

AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011 NATAL/RN MARÇO/2012

Leia mais

UWU CONSULTING - O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA 2

UWU CONSULTING - O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA 2 UWU CONSULTING - O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA 2 O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA COMO MEDI-LA E COMO AUMENTÁ-LA? O relógio do escritório marcava 21h17. Por hoje já chega! pensou Nuno.

Leia mais

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Agenda Objetivos da G. Desempenho Conceitos estruturantes O Modelo concebido para o grupo Águas do Brasil Relato da Experiência e dos Resultados

Leia mais

1º SEMESTRE DE 2009.

1º SEMESTRE DE 2009. SISTEMA DE GESTÃO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL SIGMAPLASTH 2009 Apresentamos a seguir para os nossos parceiros, clientes e demais partes interessadas, o desempenho do Sistema de Gestão de Responsabilidade

Leia mais

Os 7 Melhores Modelos de COACHING em GRUPO

Os 7 Melhores Modelos de COACHING em GRUPO Os 7 Melhores Modelos de COACHING em GRUPO Olá, aqui é o Wilton Neto tudo bem?! E... Coaching em Grupo é muito divertido! Parabéns e obrigado por baixar do Manual com os 7 Melhores Modelos de Coaching

Leia mais

TESTE DE MARCA PESSOAL COMO VOCÊ SE DESTACA?

TESTE DE MARCA PESSOAL COMO VOCÊ SE DESTACA? TESTE DE MARCA PESSOAL NUM DIA BOM Vamos encarar os fatos: ser um empreendedor e tocar o seu próprio negócio nem sempre é divertido e glamouroso como deveria ser. Poder ser desafiador, estressante e extremamente

Leia mais

Programa FIC+Feliz. Maio/2016 Belo Horizonte - MG. Maria Lúcia Rezende Milhorato

Programa FIC+Feliz. Maio/2016 Belo Horizonte - MG. Maria Lúcia Rezende Milhorato Programa FIC+Feliz Maio/2016 Belo Horizonte - MG Maria Lúcia Rezende Milhorato CONTEXTO A Credicom foi piloto no projeto do Índice de Felicidade Interna do Cooperativismo FIC, promovido pelo SESCOOP Nacional

Leia mais

Relatório de Estágio Supervisionado II Diagnóstico organizacional da Empresa Criativa Publicidade

Relatório de Estágio Supervisionado II Diagnóstico organizacional da Empresa Criativa Publicidade Faculdade Luciano Feijão Luís Gustavo de Andrade Frederico Relatório de Estágio Supervisionado II Diagnóstico organizacional da Empresa Criativa Publicidade Sobral/2015 Faculdade Luciano Feijão Luís Gustavo

Leia mais

AUTOAVALIAÇÃO DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FIGUEIRA NORTE FIGUEIRA NORTE: A CONSTRUIR UM CAMINHO!

AUTOAVALIAÇÃO DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FIGUEIRA NORTE FIGUEIRA NORTE: A CONSTRUIR UM CAMINHO! AUTOAVALIAÇÃO DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FIGUEIRA NORTE FIGUEIRA NORTE: A CONSTRUIR ANO LETIVO 2015-2016 Nota introdutória O nosso Agrupamento, durante o presente ano letivo, vai implementar um processo

Leia mais

ESCRITÓRIO DE PRIORIDADES ESTRATÉGICAS

ESCRITÓRIO DE PRIORIDADES ESTRATÉGICAS ESCRITÓRIO DE PRIORIDADES ESTRATÉGICAS Evolução dos modelos de gestão III Encuentro de la Red de Monitoreo y Evaluación de Política Pública en Colombia GOVERNO DE MINAS GERAIS Evolução constante 3 GERAÇÕES,

Leia mais

Ricardo Augusto Bordin Guimarães Auditoria Administrativa Hospitalar ricardo@rgauditoria.com.br (51) 9841.7580 www.rgauditoria.com.br www.twitter.com/ricardorgaud Qualidade e Gestão em Saúde através da

Leia mais

Guia VOCÊ S/A As Melhores Empresas para Você Trabalhar

Guia VOCÊ S/A As Melhores Empresas para Você Trabalhar Guia VOCÊ S/A As Melhores Empresas para Você Trabalhar - 2013 Instruções para preenchimento: ESSE FORMULÁRIO NÃO DEVE SER EM HIPÓTESE ALGUMA ENTREGUE AO RH OU PARA QUALQUER FUNCIONÁRIO DA ÁREA DE RECURSOS

Leia mais

P-58 T&D E O ALINHAMENTO DE DISCURSOS E PRÁTICAS GUSTAVO G. BOOG E MARCELO BOOG

P-58 T&D E O ALINHAMENTO DE DISCURSOS E PRÁTICAS GUSTAVO G. BOOG E MARCELO BOOG P-58 T&D E O ALINHAMENTO DE DISCURSOS E PRÁTICAS GUSTAVO G. BOOG E MARCELO BOOG www.boog.com.br Estejam prontos, vamos ficar em pé, já vamos começar Fonte: Primeast e Autodescoberta Divertida 2 Diga seu

Leia mais

Para o participante: desenvolver suas competências de educador para a melhora do processo de monitoria como recurso de desenvolvimento de pessoas.

Para o participante: desenvolver suas competências de educador para a melhora do processo de monitoria como recurso de desenvolvimento de pessoas. OBJETIVOS Desenvolver em supervisores, coordenadores e monitores de CallCenter a percepção para uma escuta qualitativa, aperfeiçoando suas habilidades de audição ativa e criativa no processo de monitoria.

Leia mais

Capítulo 8 Avaliação e Gerenciamento do Desempenho

Capítulo 8 Avaliação e Gerenciamento do Desempenho Capítulo 8 Avaliação e Gerenciamento do Desempenho slide 1 Objetivos de aprendizagem 1. Explicar o propósito da avaliação de desempenho. 2. Responder à pergunta: Quem deve fazer a avaliação?. 3. Discutir

Leia mais

Clima Organizacional. Responsável pelo Conteúdo: Profa. Ms. Gisele de Lima Fernandes. Revisão Textual: Profa. Esp. Alessandra Fabiana Cavalcante

Clima Organizacional. Responsável pelo Conteúdo: Profa. Ms. Gisele de Lima Fernandes. Revisão Textual: Profa. Esp. Alessandra Fabiana Cavalcante Gestão de Pessoas Clima Organizacional Responsável pelo Conteúdo: Profa. Ms. Gisele de Lima Fernandes Revisão Textual: Profa. Esp. Alessandra Fabiana Cavalcante Unidade Clima Organizacional Nesta unidade,

Leia mais

Questionário Grau de Satisfação dos Docentes 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e Secundário

Questionário Grau de Satisfação dos Docentes 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e Secundário 93 Questionário Grau de Satisfação dos Docentes 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e Secundário Pretende-se, com este questionário, fazer o levantamento de alguns aspetos que o GAP considera relevantes para

Leia mais

MANUAL DO CLIENTE. Certificado NBR ISO 9001

MANUAL DO CLIENTE. Certificado NBR ISO 9001 MANUAL DO CLIENTE Certificado NBR ISO 9001 SEJA BEM VINDO À PRATIKA Prezado cliente, este é o Manual do Cliente Prátika, que apresenta o nosso compromisso com a qualidade e o respeito por quem se relaciona

Leia mais

PLANO DE TRABALHO

PLANO DE TRABALHO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO REITORIA PLANO DE TRABALHO Ouvidoria Institucional- Apresentação, Análise Estratégica e Mapeamento Estratégico de sua Implantação. 2013-2014

Leia mais

empowering talents WWW.CASLEADER.COM.BR UM PRODUTO:

empowering talents WWW.CASLEADER.COM.BR UM PRODUTO: empowering talents WWW.CASLEADER.COM.BR UM PRODUTO: "VIMOS A TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, E A NECESSIDADE DE MELHOR ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE APRENDIZAGEM, E ENTÃO SABÍAMOS QUE ERA PRECISO CRIAR O CASLEADER".

Leia mais

CURSO ONLINE: PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO

CURSO ONLINE: PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO CURSO ONLINE: PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO 2 Desde os tempos primitivos, a humanidade depara-se com uma tarefa vital: o trabalho. As sociedades primitivas satisfaziam suas necessidades de vida

Leia mais

Pesquisa de Satisfação. Uso Estratégico na Entidade

Pesquisa de Satisfação. Uso Estratégico na Entidade Pesquisa de Satisfação Uso Estratégico na Entidade RESPOSTAS São cruciais para o crescimento e sustentabilidade de qualquer negócio. Como saber o que quer e o que pensa o Participante? Como saber se está

Leia mais

Otimize seu tempo e acelere os resultados. Organizando o seu negócio

Otimize seu tempo e acelere os resultados. Organizando o seu negócio Otimize seu tempo e acelere os resultados Organizando o seu negócio http://www.youtube.com/watch?v=pmoinjige3o Falta de tempo é desculpa daqueles que perdem tempo por falta de métodos. (ALBERT EINSTEIN)

Leia mais

O Que São Indicadores de RH? Os Melhores Indicadores para Medir a Eficiência da sua Equipe

O Que São Indicadores de RH? Os Melhores Indicadores para Medir a Eficiência da sua Equipe O que são: Os melhores indicadores para medir a eficiência da sua equipe, normalmente estão ligados à área de recursos humanos (RH) e englobam itens como número de treinamentos, eventos, admissões/demissões,

Leia mais