Brasília, 27 de abril de 2011

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Brasília, 27 de abril de 2011"

Transcrição

1 Rede Nacional do Governo Federal para o PNBL Brasília, 27 de abril de

2 Programa Nacional de Banda Larga 2

3 Rede Nacional Abrangência 27 capitais municípios Quantidade de Estações 322 Pontos de Presença (POPs) Extensão km Norte Sul Cemig Nordeste Sudeste Mapeando 3

4 Topologia POP TELEBRÁS Backhaul Fibra Óptica Cobertura Local de Atendimento Estação TELEBRÁS Sede do Provedor Município A Backhaul Rádio Cobertura Local de Atendimento Fibra Óptica Backbone Estação TELEBRÁS Sede do Provedor Município B 4

5 Resumo dos Pregões Contratações/Pregões Abrangência das Atas de Registro de Preços Extensão das fibras ópticas (km) Quantitativo de Municípios até 2012 Pontos de Presença Municípios Potenciais (distância do backbone ) até 50 km entre 50 e 100 km Total de Municípios Anel Sudeste Anel Nordeste Anel Sul Rede Norte Total

6 Principais Pregões Pregão Infraestrutura DWDM Rede IP (Core) Rede IP (Borda e Acesso) Rede IP (Sistemas Auxiliares) Rádio Enlaces Integração e Fiscalização Aquisição de Sites Rede de Fibras Ópticas Saída Internet Descrição Contêineres, gabinetes e materiais necessários para o funcionamento e proteção dos equipamentos ópticos, rádio e IP, a serem utilizados na rede nacional de telecomunicações Equipamento de transmissão óptico com alta capacidade de banda Equipamentos de comutação de dados (roteadores), servidores e softwares para o Backbone Equipamentos de comutação de dados (roteadores), servidorese softwares para o atendimento das Cidades Solução de autenticação, controle de domínios e switchs de gerência Sistemas compostos de equipamento de radiocomunicação, sistema irradiante, torres, postes, sistema de gerência Contratação de empresa terceirizada para prestação de serviços de integração, fiscalização e acompanhamento da aceitação da implantação Contratação de empresa terceirizada para realizar a aquisição de locais para implantação de sites Contratação de empresas para fornecimento de cabos ópticos e implantação de redes de fibras ópticas. Contratação de serviços de provimento de enlace de comunicação e trânsito para acesso à Internet 6

7 Primeiras Contratações Pregão Data de Abertura Data do Primeiro Contrato Valores dos Contratos Infraestrutura 25/10/10 24/11/10 R$ 62,9 milhões DWDM 27/10/10 12/11/10 R$ 23,5 milhões Rede IP (Borda e Acesso) 24/11/10 16/02/11 R$ 15,0 milhões Rede IP (Core) 25/11/10 09/02/11 R$ 24,3 milhões Rede IP (Sistemas Auxiliares) 26/11/10 13/04/11 R$ 18,8 milhões Rádio Enlaces (Torres e Postes) 01/12/10 03/03/11 R$ 35,6 milhões Rádio Enlaces (Sistema Irradiante) 01/12/10 13/04/11 R$ 17,2 milhões Aquisição de Sites 25/02/11 16/03/11 R$ 4,6 milhões Integração e Fiscalização 03/02/11 27/04/11 R$ 5,5 milhões TOTAL R$ 207,4 milhões 7

8 Rede Nacional Etapa Inicial Abrangência 19 Estados Quantidade de Estações 152 Pontos de Presença (POPs) Extensão km 8

9 Implantação Trecho Inicial Pirineus (GO) Samambaia (DF) 62 km 27 km 98 km Brasília Geral (DF) Bandeirantes (GO) 120 km 70 km Morrinhos (GO) Itumbiara (GO) Trecho Brasília Itumbiara (Anel Sudeste) Total de estações: 6 Total de 277 km 9

10 Estação Brasília Geral (ONS) Contêiner Base para o gerador Caixa de fibra óptica Caixa p/ alimentação do container 2ª caixa de energia Chave que alimentará o QDCA 10

11 Estação Samambaia Contêiner Banco de baterias e fonte (600A) Ar condicionado (3TR cada) Transformador de 75 KVA Quadro do container Gerador de 75 KVA 11

12 Estação Pirineus Vista geral do site Base do contêiner Quadro em andamento Quadro em andamento Gabinete externo Rua recomposta 12

13 Estação Bandeirantes Base do gabinete Caixa do CFTV em andamento Caixas de fibra e energia Acabamento das caixas Disjuntor reservado para a Telebrás Espaço reservado para a Telebrás 13

14 Implantação Próximas Etapas Trecho Itumbiara Belo Horizonte (Anel Sudeste) Total de estações: 8 6 estações - Previsão de início: 02/05/11 Trecho Brasília Paraíso do Tocantins (Anel Nordeste) Total de estações: 8 5 estações em andamento 3 estações - Previsão de início: 02/05/11 Demais frentes - Previsão de início: 30/06/11 CHESF: 17 estações Eletronorte: 7 estações Próprias: 14 estações 14

15 Projeto de atendimento da Região Norte Detalhamento junto aos Estados 15

16 Obrigado Rogério Santanna Presidente 16

Assunto: Avaliação da documentação de Habilitação Técnica enviada pela empresa GIMP Engenharia participante do Pregão 02/2011 TB

Assunto: Avaliação da documentação de Habilitação Técnica enviada pela empresa GIMP Engenharia participante do Pregão 02/2011 TB NOTA TÉCNICA Nº /2011/Telebrás Assunto: Avaliação da documentação de Habilitação Técnica enviada pela empresa GIMP Engenharia participante do Pregão 02/2011 TB Elaboração: Gerência de Projetos Diretoria

Leia mais

Entraves existentes ao desenvolvimento regional no Brasil: como vetor de desenvolvimento. Brasília, junho 2011

Entraves existentes ao desenvolvimento regional no Brasil: como vetor de desenvolvimento. Brasília, junho 2011 Entraves existentes ao desenvolvimento regional no Brasil: Inclusão digital i A Telebrás Tlbá como vetor de desenvolvimento. Brasília, junho 2011 O Desenvolvimento Desenvolvimento, em termos conceituais,

Leia mais

Telebras Institucional

Telebras Institucional Telebras Institucional Ibirubá-RS, Setembro 2011 A Telebrás Quem somos A TELEBRAS é uma S/A de economia mista, vinculada ao Ministério das Comunicações, autorizada a usar e manter a infraestrutura e as

Leia mais

Cristiane Lima Guadagnin Cardoso Eduardo Grizendi

Cristiane Lima Guadagnin Cardoso Eduardo Grizendi IMPLANTAÇÃO DA REDE NACIONAL DE SUPORTE AO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL A IMPORTÂNCIA DAS INICIATIVAS DE REDES DOS ENTES FEDERADOS E MUNICÍPIOS Cristiane Lima Guadagnin Cardoso Eduardo Grizendi

Leia mais

O direito à tecnologia da informação: perspectivas e desafios. Prof. José Carlos Vaz EACH-USP

O direito à tecnologia da informação: perspectivas e desafios. Prof. José Carlos Vaz EACH-USP O direito à tecnologia da informação: perspectivas e desafios Prof. José Carlos Vaz EACH-USP 1 1. A importância da democratização do acesso à TI A desigualdade no acesso à tecnologia é um fator adicional

Leia mais

CGC: 00.336.701/0001-04 Mês: JUNHO ANO: 2013. Aquisição de cota de patrocínio para a participação no 5º ISP.

CGC: 00.336.701/0001-04 Mês: JUNHO ANO: 2013. Aquisição de cota de patrocínio para a participação no 5º ISP. Contrato Nº 45/2013/4300 PROCESSO Nº 138/2013 Data de Assinatura 10/06/13 Data de Publicação no D.O.U. 10/06/13 Aquisição de cota de patrocínio para a participação no 5º ISP. Fundamento Legal Art. 25,

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga 18 meses depois

Programa Nacional de Banda Larga 18 meses depois Programa Nacional de Banda Larga 18 meses depois Caio Bonilha Telebras 1 Câmara dos Deputados, 06/12/2011 Mercado de Banda Larga no Brasil Conexões Banda Larga por região 9% 2% 17% 63% 9% Norte Nordeste

Leia mais

Contratação de empresa especializada para DA PLANTA DA REDE NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES DE SUPORTE AO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL

Contratação de empresa especializada para DA PLANTA DA REDE NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES DE SUPORTE AO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL TERMO DE REFERÊNCIA Anexo XX do Edital do Pregão Eletrônico para Registro de Preços n XX/2012-TB Contratação de empresa especializada para OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DA PLANTA DA REDE NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS Vinculada ao Ministério das Comunicações

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS Vinculada ao Ministério das Comunicações ANEXO II FORMAÇÃO DA PLANILHA DE PREÇOS PREGÃO Nº XX/2011 PROVIMENTO DE ENLACE E TRANSITO INTERNET 1 Instruções de Preenchimento 1.1 Este Anexo tem por objetivo servir de instrumento por meio do qual a

Leia mais

CGC: 00.336.701/0001-04 Mês: MARÇO ANO: 2013

CGC: 00.336.701/0001-04 Mês: MARÇO ANO: 2013 Contrato Nº 10/2013/3500 PROCESSO Nº 407/2012 Data de Assinatura 07/03/13 Data da Publicação no D.O.U 07/03/13 Operação integral do NOC na telebras Fundamento Legal Decreto Lei 5.450/2005 e Lei 8.666/93

Leia mais

Desafios para a construção" de uma rede de telecomunicações governamental no Estado

Desafios para a construção de uma rede de telecomunicações governamental no Estado Desafios para a construção" de uma rede de telecomunicações governamental no Estado Cristiane Lima Guadagnin Cardoso I Semana Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação - TIC Maio 2015. 1 AGENDA

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA. No. 003/2010-TB. Diretoria Técnica TERMO DE REFERÊNCIA

CONSULTA PÚBLICA. No. 003/2010-TB. Diretoria Técnica TERMO DE REFERÊNCIA CONSULTA PÚBLICA No. 003/2010-TB Diretoria Técnica TERMO DE REFERÊNCIA Aquisição de enlaces de rádios digitais compostos de equipamento de radiocomunicação, sistema irradiante, torres, postes, sistema

Leia mais

A Telebras no estado do Mato Grosso

A Telebras no estado do Mato Grosso A Telebras no estado do Mato Grosso Cuiabá 26/02/2015 1 História da Telebras Decreto Nº 7.175, 12 de Maio de 2010 1967 1972 1998 2010 2013 Holding - Monopólio das telecomunicações Desativada em 1998 após

Leia mais

Plano Nacional. de Banda Larga. Brasília, 05 de maio de 2010

Plano Nacional. de Banda Larga. Brasília, 05 de maio de 2010 Plano Nacional de Banda Larga Brasília, 05 de maio de 2010 Sumário 1. Importância Estratégica 2. Diagnóstico 3. Objetivos e Metas 4. Ações 5. Investimento 6. Governança e Fórum Brasil Digital 2 1. Importância

Leia mais

A Telebras no estado do Espirito Santo. Vitória 08/04/2015 1

A Telebras no estado do Espirito Santo. Vitória 08/04/2015 1 A Telebras no estado do Espirito Santo Vitória 08/04/2015 1 História da Telebras Decreto Nº 7.175, 12 de Maio de 2010 1967 1972 1998 2010 2013 Holding - Monopólio das telecomunicações Desativada em 1998

Leia mais

REPNBL: implantação e modernização da Infraestrutura de telecomunicações no Brasil

REPNBL: implantação e modernização da Infraestrutura de telecomunicações no Brasil Ministério das Comunicações REPNBL: implantação e modernização da Infraestrutura de telecomunicações no Brasil SMART GRID FÓRUM/2013 São Paulo SP 28/11/2013 Ministério das Comunicações Objetivos do PNBL

Leia mais

Banda Larga Políticas Públicas e Regulação

Banda Larga Políticas Públicas e Regulação Banda Larga Políticas Públicas e Regulação Rogério Santanna dos Santos Brasília, 29 de Setembro de 2009 Mercado Banda Larga - Operadoras Empresas 2007 (x1000) 2008 (x1000) % Crescimento Ano 2007 Telefonica

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SOBRESSALENTE PARA GRUPO MOTOR GERADOR DE ESTAÇÂO DE TELECOMUNICAÇÕES

TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SOBRESSALENTE PARA GRUPO MOTOR GERADOR DE ESTAÇÂO DE TELECOMUNICAÇÕES TERMO DE REFERÊNCIA nº 002A /3500/2014 AQUISIÇÃO DE SOBRESSALENTE PARA GRUPO MOTOR GERADOR DE ESTAÇÂO DE TELECOMUNICAÇÕES 140127_TR02A_Carregador Bateria GMG Pág. 1/11 140127_TR02A_Carregador Bateria GMG

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga

Programa Nacional de Banda Larga Programa Nacional de Banda Larga Metas e eixos de ação Comissão de Ciência e Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática Senado Federal Brasília, 31 de agosto de 2011 Dados de acesso à Internet em

Leia mais

Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática

Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática Audiência Pública 30/03/2010 Plenário 13 Requerimento 217/2009 - Deputada Luiza Erundina Tema: Discutir os efeitos, as implicações e a viabilidade

Leia mais

SECRETARIA DE FAZENDA - DF SISTEMA DE COMUNICAÇÃO DE DADOS, VOZ E IMAGENS VIA RÁDIO.

SECRETARIA DE FAZENDA - DF SISTEMA DE COMUNICAÇÃO DE DADOS, VOZ E IMAGENS VIA RÁDIO. SECRETARIA DE FAZENDA - DF SISTEMA DE COMUNICAÇÃO DE DADOS, VOZ E IMAGENS VIA RÁDIO. 1 Marcelo Herbert de Lima Chefe do Núcleo de Controle da Produção DADOS, VOZ E IMAGENS VIA RÁDIO. 2 1 Roteiro A Secretaria

Leia mais

CIDADE DIGITAL E COPA DO MUNDO: ASPECTOS TECNOLÓGICOS E ESTRATÉGICOS

CIDADE DIGITAL E COPA DO MUNDO: ASPECTOS TECNOLÓGICOS E ESTRATÉGICOS CIDADE DIGITAL E COPA DO MUNDO: ASPECTOS TECNOLÓGICOS E ESTRATÉGICOS Prefeitura Municipal de Fortaleza Coordenadoria de Tecnologia da Informação Cristiano Therrien Motivação Prover conectividade em alta

Leia mais

Apresentação de resultados. Algar Telecom 3T10

Apresentação de resultados. Algar Telecom 3T10 Apresentação de resultados Algar Telecom Destaques do Lucro Líquido consolidado de R$ 32,8 milhões, 49,5% maior que o do. Margem de 8,6% no, ante 6,2% no. Algar Telecom inicia oferta de varejo (voz, banda

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga: principais ações e resultados Brasília, novembro de 2014

Programa Nacional de Banda Larga: principais ações e resultados Brasília, novembro de 2014 Programa Nacional de Banda Larga: principais ações e resultados Brasília, novembro de 2014 Meta do PNBL Se pacote PNBL de 1 Mbps for ofertado por R$ 15 em todos os municípios Se pacote PNBL de 1 Mbps for

Leia mais

Resultados da Lei de Informática - Uma Avaliação. Parte 4 - Programas Prioritários em Informática

Resultados da Lei de Informática - Uma Avaliação. Parte 4 - Programas Prioritários em Informática Resultados da Lei de Informática - Uma Avaliação Parte 4 - Programas Prioritários em Informática Rede Nacional de Pesquisa Ministério da Ciência e Tecnologia Resultados da Lei de Informática - Uma Avaliação

Leia mais

Caio Bonilha 10 out 2012

Caio Bonilha 10 out 2012 Caio Bonilha 10 out 2012 1. Banda Larga no Brasil Cobertura do Mercado de Banda Larga Conexões Banda Larga por Região 62% 17% 8% 3% 10% Centro-Oeste Nordeste Norte Sudeste Sul Fonte: Anatel SICI Junho/2012

Leia mais

XXSNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA

XXSNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA XXSNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA Versão 1.0 XXX.YY 22 a 25 Novembro de 2009 Recife - PE GRUPO XV GRUPO DE ESTUDO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO PARA

Leia mais

Audiência Pública CFFC - Comissão de Fiscalização Financeira e Controle

Audiência Pública CFFC - Comissão de Fiscalização Financeira e Controle Audiência Pública CFFC - Comissão de Fiscalização Financeira e Controle Brasília, 17 de abril de 2012 Visão Geral AC Rio Branco Venezuela Boa Vista Manaus AM Hub Satélite RR Porto Velho Rede de fibra ótica

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS PÁG. 1 DE 13 PRÁTICA DE SERVIÇO DE BANDA LARGA REQUISITOS MÍNIMOS PARA OS PRESTADORES DE SERVIÇO DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL Sumário 1.OBJETIVO... 2 2.CAMPO DE APLICAÇÃO... 2 3.DEFINIÇÕES...

Leia mais

CGC: 00.336.701/0001-04 Mês: ABRIL ANO: 2013. Mídia Impressa e Mídia Impressa Digital EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S.A. - EBC

CGC: 00.336.701/0001-04 Mês: ABRIL ANO: 2013. Mídia Impressa e Mídia Impressa Digital EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S.A. - EBC Contrato Nº 018/1100/2013 PROCESSO Nº 498/2012 Data de Assinatura 20/03/13 Data de Publicação no D.O.U. 20/03/13 Mídia Impressa e Mídia Impressa Digital Fundamento Legal Art. 24, inciso II, 8.666/93 Modalidade

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO: 2100-411/2013 LICITAÇÃO: Pregão Presencial em âmbito Internacional

Leia mais

Folha de S. Paulo. O Estado de S. Paulo. Oi faz aumentos de capital para acomodar Portugal Telecom

Folha de S. Paulo. O Estado de S. Paulo. Oi faz aumentos de capital para acomodar Portugal Telecom Folha de S. Paulo Oi faz aumentos de capital para acomodar Portugal Telecom O grupo de telecomunicações Oi anunciou nesta segunda-feira operações de aumento de capital, previstas na parceria estratégica

Leia mais

PROJETO BÁSICO. Serviço de Comunicação Multimídia

PROJETO BÁSICO. Serviço de Comunicação Multimídia PROJETO BÁSICO Serviço de Comunicação Multimídia xxxxxxxxxx, xx de xxxxx de 2009 PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. n 272 da Anatel - SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) O B J E T O SOLICITAÇÃO DE

Leia mais

Solicitação de Propostas. Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais

Solicitação de Propostas. Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais Solicitação de Propostas Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais RNP/DIV/0085 SDP 01/2002 Solicitação de Propostas Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais

Leia mais

PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. nº 272 da Anatel SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) OBJETO

PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. nº 272 da Anatel SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) OBJETO PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. nº 272 da Anatel SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) OBJETO OUTORGA DE SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA SCM sendo um serviço fixo de telecomunicações de interesse

Leia mais

Apresentação de resultados. Algar Telecom 2T10

Apresentação de resultados. Algar Telecom 2T10 Apresentação de resultados Algar Telecom 2T10 Destaques do 2T10 A Algar ficou com a 6 melhor colocação no setor de Telecomunicações e a 1ª no ranking de rentabilidade, conforme publicado pela Revista Exame

Leia mais

Redes de Computadores I Conceitos Básicos

Redes de Computadores I Conceitos Básicos Redes de Computadores I Conceitos Básicos Prof. Luís Rodrigo lrodrigo@lncc.br http://lrodrigo.lncc.br 2011/2 v3 2011.07.27 (baseado no material de Jim Kurose e outros) Histórico da Evolução das Redes Histórico

Leia mais

A EMPRESA. A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia.

A EMPRESA. A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia. A EMPRESA A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia. A experiência da Future Technology nas diversas áreas de TI disponibiliza aos mercados público

Leia mais

Tecnologias disponíveis e as possíveis parcerias com a RNP

Tecnologias disponíveis e as possíveis parcerias com a RNP Tecnologias disponíveis e as possíveis parcerias com a RNP Encontro Provedores Regionais Rio de Janeiro Julho/2014 Agenda Tecnologias e tendências em redes ópticas; Oportunidades de negócio com a RNP.

Leia mais

RC e a Internet. Prof. Eduardo

RC e a Internet. Prof. Eduardo RC e a Internet Prof. Eduardo Conceitos A Internet é a rede mundial de computadores (rede de redes) Interliga milhões de dispositivos computacionais espalhados ao redor do mundo. A maioria destes dispositivos

Leia mais

AÇÕES GOVERNAMENTAIS DE FOMENTO PARA O SETOR DE TI NA BAHIA

AÇÕES GOVERNAMENTAIS DE FOMENTO PARA O SETOR DE TI NA BAHIA AÇÕES GOVERNAMENTAIS DE FOMENTO PARA O SETOR DE TI NA BAHIA PARQUE TECNOLÓGICO DA BAHIA ÁREAS DE ATUAÇÃO BIOTECNOLOGIA E SAÚDE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ENERGIAS E ENGENHARIAS TECNOCENTRO

Leia mais

A rede Multiserviços da AcessoLINE Introdução ao MPLS

A rede Multiserviços da AcessoLINE Introdução ao MPLS 2015 1 A rede Multiserviços da AcessoLINE Introdução ao MPLS Marcelo Balbinot marcelo@alt.net.br Acessoline Telecom Agenda 2 Apresentação. A Empresa. Evolução do backbone. A tecnologia MPLS. Os serviços

Leia mais

Apresentação institucional CTBC 1T07

Apresentação institucional CTBC 1T07 Apresentação institucional CTBC 1T07 1 Visão geral Empresa integrada de telecomunicações - há mais de 53 anos no mercado de telecom - portfolio completo de serviços - forma de atuação regional (proximidade

Leia mais

terá a capacidade inicial de 32Mb, com possibilidade de expansão mínima de até 128Mb.

terá a capacidade inicial de 32Mb, com possibilidade de expansão mínima de até 128Mb. MEMORIAL DESCRITIVO Objeto 1.1 O objeto do presente Termo de Referência (TR) é a contratação de empresa, ou consórcio de empresas, para o provimento de serviço de acesso à rede Internet no município SANTO

Leia mais

Jovino Francisco Filho Secretaria de Telecomunicações

Jovino Francisco Filho Secretaria de Telecomunicações GOVERNO FEDERAL AÇÕES PÚBLICAS PARA IMPLEMENT TAÇÃO DE BANDA LARGA BRASIL. Jovino Francisco Filho Secretaria de Telecomunicações BANDA LARGA INFRAESTRUTURA PARA REDUÇÃO DAS DISPA ARIDADES REGIO ONAIS BANDA

Leia mais

Esclarecimentos no Pregão 19/2014 (prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à Internet):

Esclarecimentos no Pregão 19/2014 (prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à Internet): Esclarecimentos no Pregão 19/2014 (prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à Internet): PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS 4 (OI) E RESPOSTAS: TRT- TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 3ª REGIÃO, EM

Leia mais

PROJETO DE ENLACE RADIO COMUNICAÇÃO DIGITAL

PROJETO DE ENLACE RADIO COMUNICAÇÃO DIGITAL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE LOGÍSTICA E FINANÇAS DIVISÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SEÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA PROJETO DE ENLACE RADIO COMUNICAÇÃO DIGITAL FLORIANÓPOLIS JULHO

Leia mais

Associação Alphaville Residencial 11

Associação Alphaville Residencial 11 ESCOPO Adequação tecnológica da área de segurança Objetivo:Modernização da área de segurança do SAR11 dentro da melhor tecnologia disponível no mercado para melhoria dos serviços prestados na área de segurança,

Leia mais

COMUNICAÇÃO A RÁDIO PARA PEQUENAS CIDADES

COMUNICAÇÃO A RÁDIO PARA PEQUENAS CIDADES REDES CONVERGENTES DE ALTA VELOCIDADE COMUNICAÇÃO A RÁDIO PARA PEQUENAS CIDADES autores Daniel Policarpo dpaguia@yahoo.com.br Fábio Bolandim fabiobolandim@hotmail.com Rodrigo Adriano rodriggoadriano@gmail.com

Leia mais

INCLUSÃO DIGITAL COMO FORMA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL CANELA - RS

INCLUSÃO DIGITAL COMO FORMA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL CANELA - RS INCLUSÃO DIGITAL COMO FORMA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL CANELA - RS DADOS ESTATÍSTICOS População 2010: 39.238 Área da unidade territorial (km²): 254 EMEF: 12 EMEE: 1 EMEI: 10 UBS: 7 Parques Municipais:

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 06 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL Nº 20140001/METROFOR/CCC

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 06 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL Nº 20140001/METROFOR/CCC NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 06 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL Nº 20140001/METROFOR/CCC OBJETO: LICITAÇÃO DO TIPO TÉCNICA E PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE FORNECIMENTO E SERVIÇOS DE PROJETO, INSTALAÇÃO E MONTAGEM

Leia mais

PROJETO DE DIMENSIONAMENTO DE ENLACE DE RÁDIO

PROJETO DE DIMENSIONAMENTO DE ENLACE DE RÁDIO PROJETO DE DIMENSIONAMENTO DE ENLACE DE RÁDIO Diego de Brito Piau, Gilberto Arantes Carrijo Universidade Federal de Uberlândia, Faculdade de Engenharia Elétrica, Uberlândia-MG diegopiau@yahoo.com.br, gilberto@ufu.br

Leia mais

Primeiro Técnico. Comunicão na Internet Prof. Cesar

Primeiro Técnico. Comunicão na Internet Prof. Cesar Primeiro Técnico Comunicão na Internet Prof. Cesar 1 A Internet é freqüentemente comparada a um sistema interestadual de estradas. 2 * Permitem alta-velocidade aos viajantes (para os dadosecarros); 3 *

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA n 01/2013 PERGUNTAS FREQUENTES

CHAMADA PÚBLICA n 01/2013 PERGUNTAS FREQUENTES CHAMADA PÚBLICA n 01/2013 PERGUNTAS FREQUENTES 1. Como identificar na cidade onde esta a torre, caixa e fibra? Resposta: No Site do governo do Estado(www.ceara.gov.br) ou no link direto http://cinturao.etice.ce.gov.br/cinturao/public/zabix.jsf,

Leia mais

Projeto RuralMAX. Soluções para massificação do acesso à Internet em Banda Larga para Áreas Rurais

Projeto RuralMAX. Soluções para massificação do acesso à Internet em Banda Larga para Áreas Rurais Projeto RuralMAX Soluções para massificação do acesso à Internet em Banda Larga para Áreas Rurais Rural Connectivity Forum 2011 15 a 17/11 - Maputo - Moçambique NEGER Tecnologia e Sistemas Fundada em 1987

Leia mais

Sugestão de Política Pública para o Atendimento Rural via Satélite

Sugestão de Política Pública para o Atendimento Rural via Satélite Sugestão de Política Pública para o Atendimento Rural via Satélite Sindicato Nacional das Empresas de Telecomunicações por Satélite SINDISAT Suporte: TELECO - Inteligência em Telecomunicações Brasília,

Leia mais

Testes e Experiência do CPqD em Sistemas PLC

Testes e Experiência do CPqD em Sistemas PLC Testes e Experiência do CPqD em Sistemas PLC Rogério Botteon Romano Pesquisador Maio/2007 www.cpqd.com.br PLC no CPqD Projeto P&D ANEEL - ciclo 2001/2002 - CPFL - ELETROPAULO - BANDEIRANTE - ELEKTRO (São

Leia mais

REDUÇÃO DOS PREÇOS DE INTERNET EM BANDA LARGA EM FUNÇÃO DO LANÇAMENTO DO PNBL. Lilian Barbara Bender Portugal

REDUÇÃO DOS PREÇOS DE INTERNET EM BANDA LARGA EM FUNÇÃO DO LANÇAMENTO DO PNBL. Lilian Barbara Bender Portugal REDUÇÃO DOS PREÇOS DE INTERNET EM BANDA LARGA EM FUNÇÃO DO LANÇAMENTO DO PNBL Lilian Barbara Bender Portugal Painel 43/154 Os desafios do Programa Nacional de Banda Larga REDUÇÃO DOS PREÇOS DE INTERNET

Leia mais

ABRANGÊNCIA: atendimento a no mínimo 60% dos municípios 853 mineiros conforme padrões Anatel

ABRANGÊNCIA: atendimento a no mínimo 60% dos municípios 853 mineiros conforme padrões Anatel Comentários MINUTA TERMO DE REFERENCIA Lote 9A ABRANGÊNCIA: atendimento a no mínimo 60% dos municípios 853 mineiros conforme padrões Anatel Resposta: Fica mantido o texto da minuta do TR. 2.2 O provimento

Leia mais

Rede Corporativa. Tutorial 10 mar 2009 Fabio Montoro. Introdução

Rede Corporativa. Tutorial 10 mar 2009 Fabio Montoro. Introdução Tutorial 10 mar 2009 Fabio Montoro Rede Corporativa Introdução Rede corporativa é um sistema de transmissão de dados que transfere informações entre diversos equipamentos de uma mesma corporação, tais

Leia mais

Investimentos brasileiros para melhoria da qualidade da banda larga e para a proteção de dados no País

Investimentos brasileiros para melhoria da qualidade da banda larga e para a proteção de dados no País Ministério das Comunicações Investimentos brasileiros para melhoria da qualidade da banda larga e para a proteção de dados no País Artur Coimbra Diretor do Departamento de Banda Larga Ministério das Comunicações

Leia mais

PNBL e deficiências na transmissão de dados via internet Região Norte. Bruno de Carvalho Ramos Superintendente de Serviços Privados Anatel

PNBL e deficiências na transmissão de dados via internet Região Norte. Bruno de Carvalho Ramos Superintendente de Serviços Privados Anatel PNBL e deficiências na transmissão de dados via internet Região Norte Bruno de Carvalho Ramos Superintendente de Serviços Privados Anatel Agenda Região Norte Ações da Anatel* Anuência Prévia Oi-BrT Projeto

Leia mais

Tecnologias Atuais de Redes

Tecnologias Atuais de Redes Tecnologias Atuais de Redes Aula 3 VPN Tecnologias Atuais de Redes - VPN 1 Conteúdo Conceitos e Terminologias Vantagens, Desvantagens e Aplicações Etapas da Conexão Segurança Tunelamento Protocolos de

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito - Anéis Ópticos em Backbone www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Introdução Em 1980 foi formado o grupo de trabalho ANSI X3T9.5 com a finalidade de desenvolver

Leia mais

Autor: Patrick Freitas Fures

Autor: Patrick Freitas Fures FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS TÉCNICO EM INFORMÁTICA Conectividade WIMAX Autor: Patrick Freitas Fures Relatório Técnico apresentado ao Profº. Nataniel Vieira com requisito parcial para obtenção

Leia mais

Pós-Graduação em Segurança da Informação Exercícios de Redes de Alta Velocidade Professor : Marco Antônio C. Câmara - 15/03/2014. Aluno(a) : Gabarito

Pós-Graduação em Segurança da Informação Exercícios de Redes de Alta Velocidade Professor : Marco Antônio C. Câmara - 15/03/2014. Aluno(a) : Gabarito Aluno(a) : Gabarito 1 a. Questão : Com base no estudo dos aspectos de segurança de redes que afetam a performance, para cada uma das afirmações abaixo, assinale (C)erto ou (E)rrado. No caso da opção estar

Leia mais

5.2 MAN s (Metropolitan Area Network) Redes Metropolitanas

5.2 MAN s (Metropolitan Area Network) Redes Metropolitanas MÓDULO 5 Tipos de Redes 5.1 LAN s (Local Area Network) Redes Locais As LAN s são pequenas redes, a maioria de uso privado, que interligam nós dentro de pequenas distâncias, variando entre 1 a 30 km. São

Leia mais

Oferta Pública de Interconexão. Classe V

Oferta Pública de Interconexão. Classe V SAMM - Sociedade de Atividades em Multimídia Ltda. Oferta Pública de Interconexão Classe V Oferta Pública de Interconexão de Redes OPI apresentada ao mercado nos termos do Regulamento Geral de Interconexão

Leia mais

Plano Nacional. de Banda Larga. Brasília, 07 de maio de 2010

Plano Nacional. de Banda Larga. Brasília, 07 de maio de 2010 Plano Nacional de Banda Larga Brasília, 07 de maio de 2010 1 Sumário 1. Importância Estratégica 2. Diagnóstico 3. Objetivos e Metas 4. Ações 5. Investimentos 6. Governança e Fórum Brasil Digital 2 1. Importância

Leia mais

Estação Telecom: Construir ou Alugar?

Estação Telecom: Construir ou Alugar? Estação Telecom: Construir ou Alugar? O conteúdo deste tutorial foi obtido do artigo de autoria do Marcos Macias Martinez para a etapa de classificação do I Concurso Teleco de Trabalhos de Conclusão de

Leia mais

Rede PLC da Restinga Primeira Etapa do Projeto

Rede PLC da Restinga Primeira Etapa do Projeto Primeira Etapa do Projeto Transferência de sinal da rede elétrica do prédio para cabo ou wireless e vice-versa D Repetidores e extratores de sinal para baixa tensão (220V/127V) e vice-versa C B Injeção

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DE ACESSO À TECNOLOGIA DE INFORMAÇÕES COM INCLUSÃO SOCIAL E DIGITAL

IMPLANTAÇÃO DE ACESSO À TECNOLOGIA DE INFORMAÇÕES COM INCLUSÃO SOCIAL E DIGITAL IMPLANTAÇÃO DE ACESSO À TECNOLOGIA DE INFORMAÇÕES COM INCLUSÃO SOCIAL E DIGITAL Assunto: Implantação de Acesso à Tecnologia de Informações com Inclusão Social e Digital Objetivo: Objetiva pelo desenvolvimento

Leia mais

Documento de Projeto Piloto GT em Configuração de Redes. Plano de Implantação

Documento de Projeto Piloto GT em Configuração de Redes. Plano de Implantação Documento de Projeto Piloto GT em Configuração de Redes Plano de Implantação Lisandro Zambenedetti Granville Clarissa Cassales Marquezan Rodrigo Sanger Alves Ricardo Lemos Vianna Augusto Bueno Peixoto

Leia mais

Evento Huawei Águas de São Pedro Cidade Digital e Inteligente

Evento Huawei Águas de São Pedro Cidade Digital e Inteligente Evento Huawei Águas de São Pedro Cidade Digital e Inteligente São Paulo, 2 de Julho de 2015 Eduardo Koki Iha Smart Cities & Inovação IoT eduardo.iha@telefonica.com - @kokiiha 1 Por que Cidades Inteligentes?_

Leia mais

Secretaria para Assuntos Estratégicos

Secretaria para Assuntos Estratégicos Secretaria para Assuntos Estratégicos DO DESAFIO A REALIDADE Nosso desafio: 399 municípios conectados por uma internet rápida, que oportuniza a aproximação da gestão pública com o cidadão. O projeto Rede399

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. VINCULADA AO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2011

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. VINCULADA AO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2011 TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. VINCULADA AO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2011 BRASÍLIA - 2012 0 TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. VINCULADA AO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES

Leia mais

Painel III - Alternativas para Universalização da Banda Larga

Painel III - Alternativas para Universalização da Banda Larga Painel III - Alternativas para Universalização da Banda Larga Secretaria de Telecomunicações Roberto Pinto Martins 29-09-2009 i Banda Larga no Cenário Internacional Contexto da Banda Larga Banda Larga

Leia mais

Distribuição de antenas de telefonia móvel pessoal na cidade do Rio de Janeiro

Distribuição de antenas de telefonia móvel pessoal na cidade do Rio de Janeiro ISSN 1984-7203 C O L E Ç Ã O E S T U D O S C A R I O C A S Distribuição de antenas de telefonia móvel pessoal na cidade do Rio de Janeiro Nº 20091101 Novembro - 2009 Fabiana Mota da Silva, Lúcia Helena

Leia mais

Encontro Provedores Regionais Recife PAINEL 1 - Políticas públicas, tecnologias e financiamento.

Encontro Provedores Regionais Recife PAINEL 1 - Políticas públicas, tecnologias e financiamento. Encontro Provedores Regionais Recife PAINEL 1 - Políticas públicas, tecnologias e financiamento. Tecnologias disponíveis e as possíveis parcerias com a RNP possíveis parcerias com a RNP Eduardo Grizendi

Leia mais

GERÊNCIA INFRAESTRUTURA Divisão Intragov - GIOV INTRAGOV Rede IP Multisserviços

GERÊNCIA INFRAESTRUTURA Divisão Intragov - GIOV INTRAGOV Rede IP Multisserviços GERÊNCIA INFRAESTRUTURA Divisão Intragov - GIOV INTRAGOV Rede IP Multisserviços Julho 2013 Milton T. Yuki Governo Eletrônico (e-gov) Público Alvo Cidadão/Sociedade Órgãos de Governo Serviços e-gov para

Leia mais

Você pode não perceber, mas nós estamos sempre presentes

Você pode não perceber, mas nós estamos sempre presentes Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina Você pode não perceber, mas nós estamos sempre presentes Missão Marco Legal Atuação do CIASC Sistemas Data Center Rede Governo Responsabilidade

Leia mais

Projeto e-caixa NOVA ARQUITETURA DE TELECOMUNICAÇÕES DA CAIXA CENÁRIOS, DESAFIOS, RESULTADOS

Projeto e-caixa NOVA ARQUITETURA DE TELECOMUNICAÇÕES DA CAIXA CENÁRIOS, DESAFIOS, RESULTADOS Projeto e-caixa NOVA ARQUITETURA DE TELECOMUNICAÇÕES DA CAIXA CENÁRIOS, DESAFIOS, RESULTADOS 80,2Milhões de Clientes 154 Anos Mil Empregados 100,0 Tamanho R$ 1,08 trilhão Ativos Administrados R$ 968 bilhões

Leia mais

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA GTL 02 14 a 17 Outubro de 2007 Rio de Janeiro - RJ GRUPO XVI GRUPO DE ESTUDO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO PARA SISTEMAS

Leia mais

Revisão dos Contratos de Concessão. O PGMU. Desafio do Backhaul 390 Encontro Tele.Síntese

Revisão dos Contratos de Concessão. O PGMU. Desafio do Backhaul 390 Encontro Tele.Síntese Revisão dos Contratos de Concessão. O PGMU. Desafio do Backhaul 390 Encontro Tele.Síntese Mario Dias Ripper F&R Consultores Brasília, 02 de setembro de 2014. PGMU III Geografia Características do Brasil

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga PNBL Situação em junho de 2014

Programa Nacional de Banda Larga PNBL Situação em junho de 2014 Programa Nacional de Banda Larga PNBL Situação em junho de 2014 Estrutura da apresentação Concepção do PNBL Objetivos do PNBL Meta do PNBL Evolução recente de indicadores de banda larga Principais ações

Leia mais

Serviço de Comunicação Multimídia - SCM

Serviço de Comunicação Multimídia - SCM Serviço de Comunicação Multimídia - SCM Carlos Evangelista Gerência de Outorga e Licenciamento de Estações - ORLE Superintendência de Outorga e Recursos à Prestação - SOR Agência Nacional de Telecomunicações

Leia mais

Nasceu para atendimento demanda interna comunicação de dados usinas e telefonia. Anos 70, 80 - comunicação por rádio. Anos 90 - Sistema UHF/microondas

Nasceu para atendimento demanda interna comunicação de dados usinas e telefonia. Anos 70, 80 - comunicação por rádio. Anos 90 - Sistema UHF/microondas Sobre a COPEL Telecom Nasceu para atendimento demanda interna comunicação de dados usinas e telefonia 1970 - inicialmente uma Divisão subordinada ao Departamento de Engenharia da Copel Anos 70, 80 - comunicação

Leia mais

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações Sumário 1. Perfil do país 2. Dados Setoriais 3. Programa Nacional de Banda Larga 4. Marco Civil da Internet Perfil do País 30,0% Taxa de analfabetismo (população com mais de 15 anos de idade) 20,0% 10,0%

Leia mais

PRÁTICA REQUISITOS MÍNIMOS PARA AS EMPRESAS PRESTADORAS DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES PARTICIPANTES DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL

PRÁTICA REQUISITOS MÍNIMOS PARA AS EMPRESAS PRESTADORAS DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES PARTICIPANTES DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL PÁG. 1 DE 8 PRÁTICA REQUISITOS MÍNIMOS PARA AS EMPRESAS PRESTADORAS DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES PARTICIPANTES DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL ITEM SUMÁRIO PÁG. 1. OBJETIVO... 2 2. CAMPO

Leia mais

Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado Federal. JOÃO REZENDE Presidente da Anatel Anatel

Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado Federal. JOÃO REZENDE Presidente da Anatel Anatel Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado Federal JOÃO REZENDE Presidente da Anatel Anatel Brasília/DF Maio/2013 15 anos de LGT Em 1997, na corrida pelo usuário, a

Leia mais

Projeto Cidades do Futuro Convênio D423 Cemig D

Projeto Cidades do Futuro Convênio D423 Cemig D Projeto Cidades do Futuro Convênio D423 Cemig D Tadeu Batista Coordenador Projeto Cidades do Futuro tbatista@cemig.com.br cidadesdofuturo@cemig.com.br www.cemig.com.br/smartgrid facebook.com/cemig.energia

Leia mais

09/06/2011. Profª: Luciana Balieiro Cosme

09/06/2011. Profª: Luciana Balieiro Cosme Profª: Luciana Balieiro Cosme Revisão dos conceitos gerais Classificação de redes de computadores Visão geral sobre topologias Topologias Barramento Anel Estrela Hibridas Árvore Introdução aos protocolos

Leia mais

18º Encontro Provedores Regionais BAURU/SP, 17/11/2015

18º Encontro Provedores Regionais BAURU/SP, 17/11/2015 18º Encontro Provedores Regionais BAURU/SP, 17/11/2015 Ministério das Comunicações POLÍTICAS PÚBLICAS DE INCENTIVO À BANDA LARGA O Programa Nacional de Banda Larga PNBL META 2014 35 MILHÕES DE DOMICÍLIOS

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIVISÃO DE TELECOMUNICAÇÕES

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIVISÃO DE TELECOMUNICAÇÕES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIVISÃO DE TELECOMUNICAÇÕES Procedimento 08206.000881/2012-14 PE/SRP 04/2013-CGTI/DPF Interessado

Leia mais

Trabalhamos em função do cliente apresentando uma gama de soluções chave na mão de forma a garantir: Satisfação Eficácia Continuidade Inovação

Trabalhamos em função do cliente apresentando uma gama de soluções chave na mão de forma a garantir: Satisfação Eficácia Continuidade Inovação Trabalhamos em função do cliente apresentando uma gama de soluções chave na mão de forma a garantir: Satisfação Eficácia Continuidade Inovação Fidelização PRINCIPAIS CLIENTES A anglobal atende a mais de

Leia mais

DOCUMENTAÇAO DA INFRA-ESTRUTURA DE REDE

DOCUMENTAÇAO DA INFRA-ESTRUTURA DE REDE DOCUMENTAÇAO DA INFRA-ESTRUTURA DE REDE 1 Sumário INTRODUÇÃO... 3 ESTATÍSTICAS DA INFRA-ESTRUTURA... 3 TOPOLOGIA DE REDE... 4 Diagrama de Topologia Lógica... 4 Vlans... 5 Diagrama de Topologia Física...

Leia mais

QUEM SOMOS MISSÃO VISÃO

QUEM SOMOS MISSÃO VISÃO QUEM SOMOS A TOP BAHIA ASSESSORIA MUNICIPAL é uma empresa baiana que atua no mercado com profissionais capacitados, prestando um serviço de excelência, fornecendo aos nossos clientes soluções completas

Leia mais

Graduação Tecnológica em Redes de Computadores. Infraestrutura de Redes de Computadores

Graduação Tecnológica em Redes de Computadores. Infraestrutura de Redes de Computadores Graduação Tecnológica em Redes de Computadores Infraestrutura de Redes de Computadores Euber Chaia Cotta e Silva euberchaia@yahoo.com.br Graduação Tecnológica em Redes de Computadores Administração Euber

Leia mais

I Simpósio de Ciência e Tecnologia COMCIT. Rede GigaNatal: uma Rede Metropolitana de Alta Velocidade. Sergio Vianna Fialho, D.Sc.

I Simpósio de Ciência e Tecnologia COMCIT. Rede GigaNatal: uma Rede Metropolitana de Alta Velocidade. Sergio Vianna Fialho, D.Sc. I Simpósio de Ciência e Tecnologia COMCIT : uma Rede Metropolitana de Alta Velocidade Sergio Vianna Fialho, D.Sc. CG- RN / PoP- RN Agosto de 2008 Agenda A RNP e as iniciativas do Governo federal Rede Ipê

Leia mais

Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga para Implantação de Redes de Telecomunicações (REPNBL-Redes)

Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga para Implantação de Redes de Telecomunicações (REPNBL-Redes) Ministério das Comunicações Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga para Implantação de Redes de Telecomunicações (REPNBL-Redes) Objetivos do PNBL Objetivo Geral Expandir a infraestrutura

Leia mais