EDUCAÇÃO FÍSICA Conteúdo de prova 5ª etapa 6º ano Fundamental

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDUCAÇÃO FÍSICA Conteúdo de prova 5ª etapa 6º ano Fundamental"

Transcrição

1 EDUCAÇÃO FÍSICA Conteúdo de prova 5ª etapa 6º ano Fundamental

2 ATLETISMO - Corridas A prática das corridas envolvem basicamente o bom condicionamento físico do atleta. Nas provas oficiais as corridas dividem-se em curta, média e longa distância. A velocidade do atleta, nestas provas, são inversamente proporcionais a distância. Corridas de velocidade / curta distância 100 metros metros metros Corridas de média distância Entre 800 a 3000 metros Corridas de longa distância a partir dos 3000m chegando até a maratona 42,195 km

3 ATLETISMO - Corridas As corridas são, também, realizadas de acordo com a existência ou não de barreiras colocados no percurso. Corridas com barreiras 100 metros com barreiras feminino 110 metros com barreiras masculino 400 metros com barreiras Corridas de revezamento: 4x100 metros - 4x400 metros. Bloco de saída: É usado nas corridas de curta distância para proporcionar maior impulso e velocidade ao arranque do corredor.

4 ATLETISMO - Saltos As provas podem ser divididas em salto vertical e de salto horizontal. Os atletas tomam impulsos objetivando o melhor resultado. Dentre as provas de salto vertical, temos o salto com vara e o salto em altura. As provas de salto horizontal envolvem o salto em distância e o salto triplo.

5 ATLETISMO - Arremessos e Lançamentos Arremesso do peso O objetivo é arremessar o mais longe possível uma bola de metal maciço. Para os homens, o peso tem 7,260 kg; para as mulheres, 4 kg. No arremesso, o atleta mantém o braço flexionado, apoiando o peso junto ao pescoço. Deve permanecer dentro de um círculo com 2,1 metros de diâmetro. Lançamento do Dardo O dardo tem comprimento e peso diferentes para homens (mínimo de 2,60 metros e 800 g) e mulheres (mínimo de 2,20 m e 600 g). Na prova, os atletas, sempre com o braço totalmente estendido, devem lançar o dardo o mais longe possível, sempre dentro de um espaço delimitado por duas linhas marcadas no campo.

6 Aremessos e Lançamentos Lançamento do Martelo Lançamento do disco Na prova, o atleta tem de lançar o mais longe possível um conjunto formado por uma bola de metal semelhante ao peso presa a um cabo de aço com uma empunhadura na outra extremidade. Em uma "gaiola" e em cima de um círculo de 2,13 m de diâmetro, o atleta faz o martelo girar até ganhar velocidade e o solta. O martelo tem de cair dentro de uma área delimitada no campo. O disco também é lançado de dentro de uma "gaiola". Para os homens, pesa 2 kg e mede entre 21,9 e 22,1 cm. Para as mulheres, o peso é de 1 kg, com diâmetro entre 18 cm e 18,2 cm. O atleta deve segurar o disco contra o antebraço do lado do lançamento, girar sobre si mesmo e fazer o lançamento, estendendo o braço.

7 Algumas Regras do HANDEBOL A equipe é formada por 7 jogadores, 6 na linha e 1 no gol (mais 07 substitutos). O manejo de bola é atirar, agarrar, parar, empurrar, bater ou segurar a bola por um máximo de 3 segundos. É permitido dar no máximo 3 passos com a bola. Pode haver quantas substituições forem necessárias, contanto que dentro da zona de substituição (espera o companheiro sair totalmente depois entra), se houver erro, neste caso, a punição são dois minutos com um jogador a menos. É permitido o goleiro fazer gol estando na sua área. O goleiro não pode sair da sua área com posse de bola. Saindo sem a bola vira jogador comum de linha, com os mesmos direitos e deveres. Não é permitido nenhum jogador pisar na linha do goleiro, cobra-se um tiro de meta e a bola é do goleiro. Apenas o goleiro pode tocar na bola com o pé. Jogadores de linha são penalizados com falta se este lance for proposital. É permitido fazer gol cobrando-se um lateral

8 Algumas Regras do HANDEBOL Os jogadores podem invadir a área do goleiro pelo ar, mas devem arremessar a bola antes de pisar na área. Não é permitido recuar a bola para o goleiro quando este se encontrar dentro de sua área. Na cobrança do lateral deve-se pisar na linha. Tiro de lateral: é marcado quando a bola tiver cruzado completamente a linha lateral, ou quando um jogador de quadra da equipe defensora foi o último a tocar na bola antes que ela cruze a linha de fundo de sua equipe. O tiro lateral é executado do ponto onde a bola cruzou a linha lateral ou, se ela cruzou a linha de fundo, da intersecção entre a linha lateral e linha de fundo daquele lado. O executante deve permanecer com um pé sobre a linha lateral até que a bola tenha saído de sua mão. Tiro de 7 metros: É marcado quando a defesa faz falta no jogador no momento do arremesso, prejudicando o possível gol. Na cobrança o jogador deve permanecer com pé no chão, podendo somente movimentá-lo após o arremesso.

9 Posições dos jogadores de Handebol Goleiro: Joga no Gol e pode usar até os pés para defender a bola. Pontas: Tem dois, um esquerdo e outro direito. Os pontas jogam bem no canto da quadra, para atrair e puxar a marcação para eles. Deixando a defesa do adversário mais aberta. Meias: Também são dois e ficam um pouco mais para o meio da quadra do que o ponta. São responsáveis por armação das jogadas e principais arremessadores do tiro direto para o gol. Armador central: É o armador da equipe, praticamente todas as bolas passam pela mão dele. Espera-se ser o mais habilidoso. Pivô: Joga infiltrado na defesa do adversário, fazendo bloqueios no meio da defesa para os companheiros. Tem sua principal característica, muito ágil(veloz).

10 . Lutas

11 As lutas são disputas em que o(s) oponente(s) deve(m) ser subjugado(s), mediante técnicas e estratégias de desequilíbrio, contusão, imobilização ou exclusão de um determinado espaço na combinação de ações de ataque e defesa. Caracterizam-se por uma regulamentação específica, a fim de punir atitudes de violência e de deslealdade. Podem ser citados como exemplo de lutas desde as brincadeiras de cabo-de-guerra e braço-deferro até as práticas mais complexas da capoeira, do judô e do karatê

12 Lutas É um dos esportes competitivos mais antigos do mundo, aparecendo em pinturas no Egito com mais de 5000 anos. Com o passar do tempo, os combates que originaram a luta olímpica perderam sua forma violenta e deram lugar a desafios que não geravam risco aos atletas. Existem várias modalidades de lutas, entre elas: Boxe, Capoeira, Judô, Karatê, Sumô, Jiu- jitsu, Muay thai, taekwondo etc. Algumas modalidades são consideradas olímpicas. Com a luta desenvolvemos habilidades como: lateralidade, equilíbrio, força, domínio, atenção, percepção. Na escola algumas atividades são trabalhadas para desenvolver essas habilidades, como: mocinho e o bandido, luta do saci, equilíbrio da bola, costas no chão, a toca do urso, briga de jacaré, briga de galo, virar a lagartixa, dentre outras.

13 Taekwondo Boxe Capoeira Muay thai Karatê Sumô

14 Lutas - Três habilidades motoras são comuns na maioria das modalidades EQUILIBRIO FORÇA RESISTÊNCIA

15 A dança na Escola A Dança é considerada uma arte, sendo a mais antiga manifestação artística criada pelo homem.

16 A dança na Escola A dança nas escolas acontece, normalmente em festividades e eventos comemorativos. A Dança é um conteúdo das aulas de Educação Física e nestas ocasiões, professores preparam uma coreografia para os alunos apresentarem, ensaiam por um período e no dia da festa o "show" acontece. A criatividade é fundamental e importante nesta proposta de trabalho. Com o envolvimento e ideias os alunos, se expressam através dos seus movimentos e é, também, um exercício de cidadania. A partir disto, alunos exercitam o respeito entre seus colegas, a capacidade de organização e escolha de figurinos, e assim, vivenciam a formação do espírito democrático.

17 Folclore Brasileiro O folclore brasileiro é rico em danças que representam as tradições e a cultura de uma determinada região. Estão ligadas aos aspectos religiosos, festas, lendas, fatos históricos, acontecimentos do cotidiano e brincadeiras. São transmitidas de geração em geração. Muitas danças exigem pares, outras são executadas em roda, às vezes se colocam em fileiras ou até mesmo em uma apresentação individual. Caracterizam-se pelas músicas animadas, figurinos e cenários representativos.

18 Entre as danças que encontramos na escola, a dança folclórica é uma das mais comuns. Trata-se de uma forma tradicional de dança recreativa do povo. Muitas das danças folclóricas tem origens anônimas e foram passadas de geração para geração durante um longo período de tempo. São exemplos : Maracatu Baião Quadrilhas Pau de fita

19 CRÉDITOS PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA: Bruno Volney, Daniela Abreu, Gabriel Cunha, Lucas Léo, Maria Julia, Marcela, Rafael Silva, Vinícius. SUPERVISÃO DE Educação Física Prof. Cintia Rodrigues Links para consulta

Conteúdo de prova 2ª etapa 6º ano Fundamental

Conteúdo de prova 2ª etapa 6º ano Fundamental Conteúdo de prova 2ª etapa 6º ano Fundamental Jogos Populares Os jogos populares buscam resgatar jogos culturais e tradicionais de várias regiões do mundo. Vários costumes e acontecimentos na antiguidade

Leia mais

adolescente, jovem...

adolescente, jovem... O ALUNO: criança, a, pré-adolescente, adolescente, jovem... A construção histórica do conceito de criança: História social da criança e da família, Philippe Ariés. Rio de Janeiro: LTC, 1981. As idades

Leia mais

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo.

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo. V O L E I B O L A quadra de jogo A quadra de voleibol mede 18 x 9 metros e é demarcada por linhas de 5 centímetros de espessura. Possui uma linha central que divide a quadra em duas áreas com 9 x 9 metros.

Leia mais

Prof. Mst. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol

Prof. Mst. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol Prof. Mst. Sandro de Souza Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol Desenhe um campo de Futebol com as suas dimensões e marcações. Qual o número mínimo de jogadores, em um time, para iniciar

Leia mais

Atletismo O LANÇAMENTO DO DARDO

Atletismo O LANÇAMENTO DO DARDO Atletismo O LANÇAMENTO DO DARDO A história do lançamento do dardo, pode ter sua origem na pré-história. Empregado, inicialmente na caça e, posteriormente na guerra, como arma de combate. É uma das provas

Leia mais

IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO ESPECÍFICO. Módulo Competitivo

IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO ESPECÍFICO. Módulo Competitivo PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES, RECREAÇÃO E LAZER IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO

Leia mais

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO XV JOGOS ARI DE SÁ Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO ABERTURA 1. DIA: 26/09/2015 ( Sábado ) 9h 2. LOCAL: Manhã Ginásio 2.1 - Concentração Manhã: galeria do Ensino Fundamental I 2.2 - Desfile de abertura

Leia mais

VOLEIBOL. 11. O Jogador que executa o saque, deve estar em qual posição? 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997. a) posição número 6.

VOLEIBOL. 11. O Jogador que executa o saque, deve estar em qual posição? 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997. a) posição número 6. VOLEIBOL 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997 b) 2007 c) 1996 d) 1975 e)1895 2. Quem inventou o voleibol? a) William G. Morgan b) Pelé c) Roberto Carlos d) Ronaldinho Gaúcho e) Michael Jackson

Leia mais

REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I I MACEIÓ-AL, 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO Art. 1º - O esporte é considerado um fenômeno cultural da humanidade capaz de propiciar inúmeros benefícios aos seus praticantes.

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL COORDENADORA SANDRA MARA KUCHNIR

ENSINO FUNDAMENTAL COORDENADORA SANDRA MARA KUCHNIR ENSINO FUNDAMENTAL COORDENADORA SANDRA MARA KUCHNIR 2014 EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA PRODUÇÃO CULTURAL DA SOCIEDADE EXPRESSADA ATRAVÉS DO MOVIMENTO EDUCAÇÃO FÍSICA CONTEÚDOS EDUCAÇÃO FÍSICA EIXOS ESPORTE

Leia mais

ATLETISMO. Osvaldo Tadeu da Silva Junior

ATLETISMO. Osvaldo Tadeu da Silva Junior ATLETISMO Osvaldo Tadeu da Silva Junior OBJETIVO DA DISCIPLINA Conhecer, compreender e analisar os processos de ensino aprendizagem e treinamento das corridas; Conhecer, compreender e analisar os processos

Leia mais

ITS / CTA. Autores Ademir Alonso & Alberto Carlos

ITS / CTA. Autores Ademir Alonso & Alberto Carlos ITS / CTA Escola Técnica Volume Simonsen I Capítulo I Autores Ademir Alonso & Alberto Carlos 1 ITS / CTA Sumário SUMÁRIO Volume I Capítulo I Unidade I Capítulo I - Beneficios da Educação Física Capítulo

Leia mais

AS REGRAS DO BASQUETEBOL

AS REGRAS DO BASQUETEBOL AS REGRAS DO BASQUETEBOL A BOLA A bola é esférica, de cabedal, borracha ou material sintéctico. O peso situa-se entre 600 g e 650g e a circunferência deve estar compreendida entre 75 cm e 78 cm. CESTOS

Leia mais

DESPORTO ESCOLAR ATLETISMO CURSO DE JUIZES DE ESCOLA

DESPORTO ESCOLAR ATLETISMO CURSO DE JUIZES DE ESCOLA DESPORTO ESCOLAR ATLETISMO CURSO DE JUIZES DE ESCOLA DESPORTO ESCOLAR CURSO DE JUIZES DE ESCOLA ATLETISMO O ATLETISMO É COMPOSTO POR PROVAS DE PISTA, ESTRADA E CORTA- MATO AS PROVAS DE PISTA ESTÃO DIVIDIDAS

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA SÉRIE: 7º ANO PROFESSORA:

Leia mais

PLANIFICAÇÃO EDUCAÇÃO FÍSICA. Secundário Andebol

PLANIFICAÇÃO EDUCAÇÃO FÍSICA. Secundário Andebol Secundário Andebol Conhecer o objectivo e campo do jogo; Conhecer as seguintes regras do jogo: duração do jogo, constituição das equipas, golo, lançamento de saída, guarda-redes, área de baliza, violação

Leia mais

Regras básicas e fudamentos do volei

Regras básicas e fudamentos do volei Regras básicas e fudamentos do volei História do volei O criador do voleibol foi o americano William George Morgan. Isto ocorreu em 9 de fevereiro de 1895. O volei foi criado com o intuito de ser um esporte

Leia mais

APOSTILA DE VOLEIBOL

APOSTILA DE VOLEIBOL APOSTILA DE VOLEIBOL O voleibol é praticado em uma quadra retangular dividida ao meio por uma rede que impede o contato corporal entre os adversários. A disputa é entre duas equipes compostas por seis

Leia mais

Experimentação Esportiva

Experimentação Esportiva Experimentação Esportiva Aula 3 A categorização dos esportes Olímpicos e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Compreender a categorização dos esportes Olímpicos e por similaridade de movimentos, ações ou local

Leia mais

1. História do Voleibol. 2. Caracterização do Voleibol. 2. Regras do Voleibol. Documento de Apoio de Voleibol VOLEIBOL

1. História do Voleibol. 2. Caracterização do Voleibol. 2. Regras do Voleibol. Documento de Apoio de Voleibol VOLEIBOL VOLEIBOL 1. História do Voleibol O Voleibol foi criado em 1885, em Massachussets, por William G. Morgan, responsável pela Educação Física no Colégio de Holyoke, no Estado de Massachussets, nos Estados

Leia mais

Aula 10.2 Conteúdo: Os esportes indígenas na cultura não indígena. DINÂMICA LOCAL INTERATIVA APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA

Aula 10.2 Conteúdo: Os esportes indígenas na cultura não indígena. DINÂMICA LOCAL INTERATIVA APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA A A Aula 10.2 Conteúdo: Os esportes indígenas na cultura não indígena. 2 A A Habilidades: Reconhecer os jogos com heranças indígenas. 3 A A O esporte indígena na cultura não indígena: A cultura brasileira

Leia mais

ATLETISMO. Alyne Rayane

ATLETISMO. Alyne Rayane ATLETISMO Alyne Rayane O QUE É ATLETISMO? O atletismo é um conjunto de esportes constituído por três modalidades: corrida, lançamentos e saltos. ATLETISMO QUANDO SURGIU? Atletismo tempo dos ancestrais;

Leia mais

Regras de Futebol de Campo

Regras de Futebol de Campo Curso de Educação Física Futebol - Fundamentos Regras de Futebol de Campo Leandro Tibiriçá Burgos Regra 1: Campo de jogo Partidas Nacionais Comprimento: de 90m a 120 metros; Largura: de 45m a 90 metros.

Leia mais

Educação Física: Futsal

Educação Física: Futsal FUTSAL Apresentação do Plano de Trabalho História e evolução do futebol de salão Regras Oficiais Métodos de Ensino Progressivo Repetitivo/Parcial Situacional/Global Fundamentos Técnicos Controle Proteção

Leia mais

AS REGRAS DO VOLEIBOL

AS REGRAS DO VOLEIBOL AS REGRAS DO VOLEIBOL NÚMERO DE JOGADORES Cada equipa é composta, no máximo, por 12 jogadores inscritos no boletim de jogo. Apenas 6 jogadores ocupam o terreno de jogo ( 6 efectivos e 6 suplentes ). O

Leia mais

JOGOS UNIVERSITÁRIOS CAMILIANOS - JUCAM 2013

JOGOS UNIVERSITÁRIOS CAMILIANOS - JUCAM 2013 REGULAMENTO PARA O VOLEIBOL EQUIPES Uma equipe é formada por 10 jogadores. E somente 6 jogadores podem participar do jogo tendo como obrigatoriedade 3 homens e 3 mulheres em quadra para condições de jogo.

Leia mais

Nome: Turma : N.º. Grupo 1 (24 %) Basquetebol (Cada questão 3%)

Nome: Turma : N.º. Grupo 1 (24 %) Basquetebol (Cada questão 3%) Teste Escrito 1 Educação Física 3º CEB 1.º Período 2011/2012 Nome: Turma : N.º O Professor Encarregado de Educação Avaliação Lê atentamente as afirmações e as opções de resposta. De seguida, assinala na

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: PROFESSOR NÍVEL III EDUCAÇÃO FÍSICA CADERNO DE PROVAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: PROFESSOR NÍVEL III EDUCAÇÃO FÍSICA CADERNO DE PROVAS CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

DATA: VALOR:20 pontos NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 2ª EM TURMA: NOME COMPLETO:

DATA: VALOR:20 pontos NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 2ª EM TURMA: NOME COMPLETO: DISCIPLINA: Educação Física PROFESSORES: Isabel Terra/Marcelo Paiva DATA: VALOR:20 pontos NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 2ª EM TURMA: NOME COMPLETO: Nº: QUESTÃO 01 O sedentarismo já

Leia mais

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil APOSTILA DE FUTSAL 6º, 7º, 8º e 9º ANO HISTÓRICO No Brasil O Futebol de Salão tem duas versões sobre o seu surgimento, como em outros esportes, há divergências quanto a sua invenção. Há uma versão que

Leia mais

JOGOS DE OPOSIÇÃO. Jogos de Oposição. Desenvolvimento integral do aluno 15/02/2012 OS CONTEÚDOS DE ENSINO OS CONTEÚDOS DE ENSINO

JOGOS DE OPOSIÇÃO. Jogos de Oposição. Desenvolvimento integral do aluno 15/02/2012 OS CONTEÚDOS DE ENSINO OS CONTEÚDOS DE ENSINO JOGOS DE OPOSIÇÃO PROF. ESP. THIAGO MONTES FIDALE Os têm as mesmas características dos esportes de combate praticados desde o início das civilizações. Os aqui abordados tem como característica o ato de

Leia mais

HISTÓRIA DO VOLEIBOL

HISTÓRIA DO VOLEIBOL VOLEIBOL HISTÓRIA DO VOLEIBOL O voleibol foi criado em 9 de Fevereiro de 1895 pelo americano William George Morgan, diretor de educação física da Associação Cristã de Moços (ACM), na cidade de Holyoke,

Leia mais

VELOCIDADE, AGILIDADE, EQUILÍBRIO e COORDENAÇÃO VELOCIDADE

VELOCIDADE, AGILIDADE, EQUILÍBRIO e COORDENAÇÃO VELOCIDADE 1 VELOCIDADE, AGILIDADE, EQUILÍBRIO e COORDENAÇÃO VELOCIDADE - É a capacidade do indivíduo de realizar movimentos sucessivos e rápidos, de um mesmo padrão, no menor tempo possível. Força; Fatores que influenciam

Leia mais

PLANEJAMENTO DE AULA 2010 EDUCAÇÃO FÍSICA PROFESSOR MARCIO LUIZ DALMOLIN

PLANEJAMENTO DE AULA 2010 EDUCAÇÃO FÍSICA PROFESSOR MARCIO LUIZ DALMOLIN COLÉGIO ESTADUAL PEDRO ARAUJO NETO PLANEJAMENTO DE AULA 2010 EDUCAÇÃO FÍSICA PROFESSOR MARCIO LUIZ DALMOLIN GENERAL CARNEIRO 2010 OBJETIVOS GERAIS DA DISCÍPLINA Proporcionar ao aluno a cultura corporal

Leia mais

Regras e Regulamentos IPC-Atletismo 2014-2015. 16-11-2014 Federação Portuguesa de Atletismo 1

Regras e Regulamentos IPC-Atletismo 2014-2015. 16-11-2014 Federação Portuguesa de Atletismo 1 Regras e Regulamentos IPC-Atletismo 2014-2015 Federação Portuguesa de Atletismo 1 Atletismo para pessoas com Deficiência Federação Portuguesa de Atletismo 2 Jogos Paralímpicos A modalidade está no programa

Leia mais

Como acontece em vários esportes, há divergências no que se refere à história de origem do futsal. Alguns acreditam que o mesmo tenha se originado na

Como acontece em vários esportes, há divergências no que se refere à história de origem do futsal. Alguns acreditam que o mesmo tenha se originado na FUTSAL O futebol de salão conhecido apenas como futsal é uma prática adaptada do futebol. Em uma quadra esportiva são formados times de cinco jogadores e assim como no futebol, o principal objetivo é colocar

Leia mais

O que é o Bitoque-rugby

O que é o Bitoque-rugby O que é o Bitoque-rugby O rugby é uma modalidade desportiva que envolve contacto físico entre os seus praticantes, sendo assim é de primordial importância que os praticantes joguem de acordo com as regras

Leia mais

COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO

COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO Corridas Especialidades Velocidade Meio-Fundo Fundo Barreiras Estafetas Provas 60m, 100m, 200m, 400m 800m, 1500m,

Leia mais

Catálogo de Perguntas e Repostas (IHF)

Catálogo de Perguntas e Repostas (IHF) Catálogo de Perguntas e Repostas (IHF) IHF CATÁLOGO DE PERGUNTAS SOBRE AS REGRAS DE JOGO BASEADO NO LIVRO DE REGRAS EDIÇÃO: 1º DE JULHO DE 2010 Muitas perguntas têm mais de uma resposta correta! 1. Que

Leia mais

COLETIVO VOLEIBOL e FUTSAL ESPORTE AVALIAÇÃO CONTEÚDO BÁSICO CONTEÚDOS ESPECÍFICOS CONTEÚDOS ESTRUTURAN TES METODOLÓGICO E RECURSOS DIDÁTICOS

COLETIVO VOLEIBOL e FUTSAL ESPORTE AVALIAÇÃO CONTEÚDO BÁSICO CONTEÚDOS ESPECÍFICOS CONTEÚDOS ESTRUTURAN TES METODOLÓGICO E RECURSOS DIDÁTICOS PLANO DE TRABALHO DOCENTE (PTD) Professora: PAULA LUÍZA SCHAFER KARPINSKI Disciplina: Educação Física Ano: 2015 Período: 1ºTRIMESTRE Série: 9º Ano C e D ESTRUTURAN TES CONTEÚDO BÁSICO ESPECÍFICOS JUSTIFICATIVA

Leia mais

SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR

SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR UNIDADE POLIVALENTE MODELO VASCO DOS REIS EDUCAÇÃO

Leia mais

É constituída por 12 jogadores: -6 jogadores efetivos -6 jogadores suplentes -Até 2 líberos

É constituída por 12 jogadores: -6 jogadores efetivos -6 jogadores suplentes -Até 2 líberos Regras básicas de vôlei Vôlei é um desporto praticado numa quadra dividida em duas partes por uma rede, possuindo duas equipes de seis jogadores em cada lado. O objetivo da modalidade é fazer passar a

Leia mais

Caracterização. Objetivo

Caracterização. Objetivo VOLEIBOL Caracterização O voleibol é um jogo desportivo coletivo praticado por duas equipas, cada uma composta por seis jogadores efetivos e, no máximo, seis suplentes, podendo um ou dois destes jogadores

Leia mais

JOGOS INTERNOS 2012. Eu faço parte desta história! Regulamento. Colégio Santa Dorotéia BH.

JOGOS INTERNOS 2012. Eu faço parte desta história! Regulamento. Colégio Santa Dorotéia BH. Colégio Santa Dorotéia BH. Departamento de Educação Física e Artes DEFA SEGMENTO: 6ª a 8ª séries Ensino Fundamental JOGOS INTERNOS 2012 Eu faço parte desta história! Regulamento Colégio Santa Dorotéia

Leia mais

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015 REGULAMENTO 2015 1º Torneio Bancário Society de Clubes Paulista 2015, é uma promoção da Secretaria de Esporte do Sindicato dos Bancários, e tem por finalidade efetuar o congraçamento entre os bancários

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA SÉRIE: 6º ANO PROFESSORA:

Leia mais

A Proposta da IAAF 03. Campeonato para 13-15 anos de idade 03. Formato da Competição 04. Organização da Competição 05.

A Proposta da IAAF 03. Campeonato para 13-15 anos de idade 03. Formato da Competição 04. Organização da Competição 05. Índice: A Proposta da IAAF 03 Campeonato para 3-5 anos de idade 03 Formato da Competição 04 Organização da Competição 05 Resultados 06 Arbitragem necessária para o Evento 07 Preparação do Equipamento Necessário

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA Bateria de Exercícios Voleibol NÚCLEO DE ESTÁGIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA 2000.2001 VOLEIBOL BATERIA DE EXERCÍCIOS Este documento pretende acima de tudo fornecer ao professor uma

Leia mais

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão III

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão III Questões COVEST Física Mecânica Prof. Rogério Porto Assunto: Cinemática em uma Dimensão III 1. Um atleta salta por cima do obstáculo na figura e seu centro de gravidade atinge a altura de 2,2 m. Atrás

Leia mais

APOSTILA 2015 EDUCAÇÃO FÍSICA PROFESSOR: BRUNO. EDUCAÇÃO FÍSICA ENSINO MÉDIO 2º ANO - 2015 Página 1

APOSTILA 2015 EDUCAÇÃO FÍSICA PROFESSOR: BRUNO. EDUCAÇÃO FÍSICA ENSINO MÉDIO 2º ANO - 2015 Página 1 APOSTILA 2015 EDUCAÇÃO FÍSICA PROFESSOR: BRUNO EDUCAÇÃO FÍSICA ENSINO MÉDIO 2º ANO - 2015 Página 1 Sumário TEORIA E PRÁTICA DO VOLEIBOL...6 HISTÓRIA DO VOLEI...6 CARACTERÍSTICAS DO JOGO:...6 ÁREA DE JOGO...7

Leia mais

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas.

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas. 1 Análise de comparação dos resultados dos alunos/atletas do Atletismo, categoria infanto, nos Jogos Escolares Brasiliense & Olimpíadas Escolares Brasileira. Autora: Betânia Pereira Feitosa Orientador:

Leia mais

OS SINAIS DO ÁRBITRO. Entender o árbitro para entender o jogo. Tradução : Xavier Vouga & Pierre Paparemborde

OS SINAIS DO ÁRBITRO. Entender o árbitro para entender o jogo. Tradução : Xavier Vouga & Pierre Paparemborde OS SINAIS DO ÁRBITRO Entender o árbitro para entender o jogo. Tradução : Xavier Vouga & Pierre Paparemborde Os 49 sinais do árbitro têm como objetivo facilitar a comunicação com os jogadores e o público

Leia mais

INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ANO LETIVO: 2013/2014

INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ANO LETIVO: 2013/2014 INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ANO LETIVO: 2013/2014 ENSINO BÁSICO 6º ANO DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA CÓDIGO 28 MODALIDADE PROVA ESCRITA E PROVA PRÁTICA INTRODUÇÃO: O presente documento

Leia mais

Esportes de Combate. Aula 1. Judô e taekwondo

Esportes de Combate. Aula 1. Judô e taekwondo Esportes de Combate Aula 1 Judô e taekwondo Objetivos 1 Apresentar dois esportes da categoria de COMBATE e suas principais regras. 2 Conhecer a história desses esportes e sua entrada para os Jogos Olímpicos

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA 6ª PROVA 5º ANO 2016

EDUCAÇÃO FÍSICA 6ª PROVA 5º ANO 2016 EDUCAÇÃO FÍSICA 6ª PROVA 5º ANO 2016 Handebol Devido ao fato do esporte ter sido desenvolvido por um professor de educação física, o handebol ganhou grande aceitação nas escolas e colégios de muitos países,

Leia mais

AS ATIVIDADES RÍTMICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

AS ATIVIDADES RÍTMICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL AS ATIVIDADES RÍTMICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL Profª Doutora Daisy Barros Especialização em Ginástica Rítmica e Dança Ritmo é vida e está particularmente ligado à necessidade do mundo moderno. Cada indivíduo,

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Tomar, 5 de Agosto de 2007 ÉPOCA 2007/2008

Leia mais

Diagrama das dimensões de uma quadra oficial Diagrama das dimensões de uma tabela oficial Equipe - Existem duas equipes que são compostas por 5

Diagrama das dimensões de uma quadra oficial Diagrama das dimensões de uma tabela oficial Equipe - Existem duas equipes que são compostas por 5 Basquetebol O basquetebol é um desporto colectivo inventado em 1891 pelo professor de Educação Física canadense James Naismith, na Associação Cristã de Moços de Springfield (Massachusetts), EUA. É jogado

Leia mais

REGRAS OFICIAIS. 1.3. De cada lado deste quadrado será demarcada, à 7 metros da rede e paralela a esta, uma linha denominada linha da área de saque.

REGRAS OFICIAIS. 1.3. De cada lado deste quadrado será demarcada, à 7 metros da rede e paralela a esta, uma linha denominada linha da área de saque. REGRAS OFICIAIS 1. A QUADRA 1.1. A área de jogo trata-se de um retângulo de 10 metros de largura por 20 metros de comprimento. 1.2. Este retângulo será dividido na sua metade por uma rede, formando em

Leia mais

PROGRAMAÇÃO OFICIAL ATLETISMO

PROGRAMAÇÃO OFICIAL ATLETISMO PROGRAMAÇÃO OFICIAL ATLETISMO SESSÃO TÉCNICA DATA:17/07/2015 SEXTA-FEIRA HORÁRIO: 16:00 LOCAL: GINÁSIO DE ESPORTES COL. EST. NILO CAIRO ENDEREÇO: RUA PROF ERASTO GAERTNER - CENTRO INÍCIO DA COMPETIÇÃO

Leia mais

PROJETO E REGULAMENTO GERAL

PROJETO E REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADAS DO INSTITUTO EDUCACIONAL NOVOS TEMPOS PROJETO E REGULAMENTO GERAL Ensino Fundamental II e Médio OUTUBRO DE 2015 APRESENTAÇÃO: As Olimpíadas do Instituto Educacional Novos Tempos (OLIENT), visam

Leia mais

CONSELHO DE ARBITRAGEM

CONSELHO DE ARBITRAGEM CONSELHO DE ARBITRAGEM Avaliação Época 2014/2015 Setúbal, 20 de Setembro de 2014 Observadores Distritais TESTE ESCRITO (a) 1. Identifique o comportamento e sinalética que estão estabelecidos numa situação

Leia mais

VOLLEYBALL Voleibol. Escola Dr. Costa Matos 2013/14. Ana Fernandes 8ºD

VOLLEYBALL Voleibol. Escola Dr. Costa Matos 2013/14. Ana Fernandes 8ºD VOLLEYBALL Voleibol Escola Dr. Costa Matos 2013/14 Ana Fernandes 8ºD REFERÊNCIAS HISTÓRICAS Origem REFERÊNCIAS HISTÓRICAS Origem Criado por William Morgan (Professor EF do Springfield College of the YMCA

Leia mais

COMPETIÇÕES DE VOLEIBOL ETAPA ESCOLAR

COMPETIÇÕES DE VOLEIBOL ETAPA ESCOLAR COMPETIÇÕES DE VOLEIBOL ETAPA ESCOLAR INTRODUÇÃO O Atleta na Escola tem como premissas a democratização do acesso ao esporte e o incentivo da prática esportiva na escola. Neste ano, o Programa de Formação

Leia mais

III FESTIVAL DE ATLETISMO ESCOLAR DE SANTARÉM

III FESTIVAL DE ATLETISMO ESCOLAR DE SANTARÉM PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTARÉM SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E DESPORTO SEMED ASSESSORIA DE ESPORTE E LAZER Av. Borges Leal, n o 2.561D CEP 68.040-080 Santarém-PA Fone: (93) 3522-2594 CGC 05.182.233/0010-67

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA SÉRIE: 7º ANO PROFESSORA:

Leia mais

AEC Atividade Física e Desportiva. Orientações pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico

AEC Atividade Física e Desportiva. Orientações pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 AEC Atividade Física e Desportiva Orientações pedagógicas 1.º Ciclo do Ensino Básico A proposta de trabalho que se segue resulta de uma adaptação

Leia mais

Regulamento da Olimpíada Santo Inácio

Regulamento da Olimpíada Santo Inácio Colégio Antônio Vieira Regulamento da Olimpíada Santo Inácio A Olimpíada Santo Inácio de Loyola é um conjunto de atividades esportivas, destinada aos alunos do 6º ano EF, 6ª, 7ª e 8ª série do Ensino Fundamental

Leia mais

FAZ UM SMASH À ROTINA! REGRAS OFICIAIS WWW.AROUNDTHEFUTURE.PT

FAZ UM SMASH À ROTINA! REGRAS OFICIAIS WWW.AROUNDTHEFUTURE.PT FAZ UM SMASH À ROTINA! REGRAS OFICIAIS WWW.AROUNDTHEFUTURE.PT REGRAS OFICIAIS 1. O CAMPO 1.1. A área de jogo é um rectângulo de 10 metros de largura por 20 metros de comprimento. 1.2. Este rectângulo será

Leia mais

A VIVÊNCIA DO JUDÔ NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOB A ÓTICA DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO

A VIVÊNCIA DO JUDÔ NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOB A ÓTICA DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO V Encontro Mineiro Sobre Investigação na Escola 1 A VIVÊNCIA DO JUDÔ NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOB A ÓTICA DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO João Filipe Alfenas da Silva 1, Elisa Cardoso Parolini Alfenas

Leia mais

8º. ANO APOSTILA ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO DOM PEDRO II

8º. ANO APOSTILA ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO DOM PEDRO II COLÉGIO DOM PEDRO II APOSTILA ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA 8º. ANO 2013 Professores responsáveis: Marta Cristina Thompson Valkiria S. Takahashi Vladimir Antônio da Fonseca 1 1 º trimestre handebol basquetebol

Leia mais

Reis do Drible. Realização: 20 de Dezembro de 2015 Local: Rio de Janeiro

Reis do Drible. Realização: 20 de Dezembro de 2015 Local: Rio de Janeiro Reis do Drible Realização: 20 de Dezembro de 2015 Local: Rio de Janeiro As Regras para o evento Reis do Drible, foram formatadas e adaptadas a partir das regras originais do Futsal Brasileiro. ÍNDICE 01

Leia mais

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PARECER DOS RECURSOS

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PARECER DOS RECURSOS 13) Acerca do conceito de corporeidade descrito na Proposta Curricular de Santa Catarina, assinale a alternativa correta. A Corporeidade é presença no esporte, via corpo, que age e que, ao expressar-se,

Leia mais

Informação Exame de Equivalência. à disciplina de: EDUCAÇÃO FÍSICA

Informação Exame de Equivalência. à disciplina de: EDUCAÇÃO FÍSICA Informação Exame de Equivalência à disciplina de: EDUCAÇÃO FÍSICA 3º Ciclo do Ensino Básico Ano letivo de 2011/12 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de exame de

Leia mais

REGULAMENTO II Maratona Voleibol do Nordeste (4x4)

REGULAMENTO II Maratona Voleibol do Nordeste (4x4) REGULAMENTO II Maratona Voleibol do Nordeste (4x4) CAPÍTULO I Instalações e Materiais Terreno de Jogo - Cada campo terá 13 metros de comprimento por 6,5 metros de largura. 1) Linhas de marcação - O campo

Leia mais

Corrida de Barreiras. José Carvalho. Federação Portuguesa de Atletismo

Corrida de Barreiras. José Carvalho. Federação Portuguesa de Atletismo Corrida de Barreiras José Carvalho F P A Federação Portuguesa de Atletismo CORRIDAS DE BARREIRAS José Carvalho Objectivo Ser capaz de realizar uma corrida com barreiras - ritmada em velocidade máxima.

Leia mais

1 Regras dos Esportes de Verao da Special Olympics Basketball BASQUETEBOL

1 Regras dos Esportes de Verao da Special Olympics Basketball BASQUETEBOL 1 BASQUETEBOL As Regras Oficiais da Special Olympics devem governar todas as competições de Basquete da Special Olympics. Como um programa de esportes internacional, a Special Olympics criou estas regras

Leia mais

V. REGULAMENTAÇÃO RELATIVA À HOMOLOGAÇÃO DE RECORDES DE PORTUGAL, RECORDES NACIONAIS E RECORDES NACIONAIS DE ESTRADA

V. REGULAMENTAÇÃO RELATIVA À HOMOLOGAÇÃO DE RECORDES DE PORTUGAL, RECORDES NACIONAIS E RECORDES NACIONAIS DE ESTRADA V. REGULAMENTAÇÃO RELATIVA À HOMOLOGAÇÃO DE RECORDES DE PORTUGAL, RECORDES NACIONAIS E RECORDES NACIONAIS DE ESTRADA A. Homologação de Recordes de Portugal 1. GENERALIDADES Para que uma marca possa ser

Leia mais

Cartilha das Brincadeiras

Cartilha das Brincadeiras Cartilha das Brincadeiras Amarelinha (academia, escada, macaca, sapata) Primeiro desenhe no chão um diagrama como este aí ao lado. Quem for jogar fica no inferno e lança uma pedra, mirando no número 1.

Leia mais

PROVAS INTERNAS. Provas Internas - Período: 04 de maio de 2013. Pontuação Geral das Provas Internas: PROVA TIPO 1º 2º

PROVAS INTERNAS. Provas Internas - Período: 04 de maio de 2013. Pontuação Geral das Provas Internas: PROVA TIPO 1º 2º 1ª Etapa PROVAS INTERNAS Provas Internas - Período: 04 de maio de 2013 Pontuação Geral das Provas Internas: PROVA TIPO 1º 2º 1. Desfile de Abertura Prévia 3000 2800 2. Grito de Guerra na Gincana Prévia

Leia mais

Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Treino com Jovens - Jogos Lúdicos

Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Treino com Jovens - Jogos Lúdicos Escola Superior de Desporto de Rio Maior Treino com Jovens - Jogos Lúdicos Docentes: António Graça Paulo Paixão Miguel Discentes: Turma 1 e 2 da UC de Teoria e Metodologia do Treino Rio Maior, 2009_10

Leia mais

Bitoque Râguebi. Criação do Bitoque Râguebi. História

Bitoque Râguebi. Criação do Bitoque Râguebi. História Bitoque Râguebi História A lenda da criação do râguebi teve início por William Webb Ellis, um estudante de Londres. Foi dito que, durante uma partida de futebol em Novembro de 1823 na Rugby School, o tal

Leia mais

ATLETISMO SE APRENDE NA ESCOLA: O PROJETO DO NÚCLEO DE ENSINO DA UNESP/RIO CLARO 2003

ATLETISMO SE APRENDE NA ESCOLA: O PROJETO DO NÚCLEO DE ENSINO DA UNESP/RIO CLARO 2003 ATLETISMO SE APRENDE NA ESCOLA: O PROJETO DO NÚCLEO DE ENSINO DA UNESP/RIO CLARO 2003 Sara Quenzer MATTHIESEN 1 Adriano Percival CALVO, Augusto César Lima e SILVA, Flórence Rosana FAGANELLO 2 Resumo: Este

Leia mais

Aula: 01. 7 Ano Ensino Fundamental Handebol. Prof.º Leonardo Delgado

Aula: 01. 7 Ano Ensino Fundamental Handebol. Prof.º Leonardo Delgado 7 Ano Ensino Fundamental Handebol Aula: 01 Prof.º Leonardo Delgado ASPECTOS HISTÓRICOS DO HANDEBOL O estudo do aspecto histórico do handebol será dividido em: história geral do handebol, história do handebol

Leia mais

JOGOS LÚDICOS PARA AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA

JOGOS LÚDICOS PARA AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA JOGOS LÚDICOS PARA AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA VOLUME 2 1 NOME DO JOGO: JOGOS DOS DEZ PASSES CONTEÚDOS: Passe ESPECIFICIDADE EM: Andebol; Basquetebol; Corfebol. MATERIAL NECESSÁRIO: Bolas; coletes OBJECTIVO

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

O esporte no PST: estímulo e prática prazerosa para um futuro

O esporte no PST: estímulo e prática prazerosa para um futuro O esporte no PST: estímulo e prática prazerosa para um futuro esportivo emancipado O Esporte como meio pedagógico... Por que? O Que? COMO? Ensinar Onde? Quando? Quem? Perguntas que definem o método: Incidental

Leia mais

PROJETO JOGOS DA BOA EDUCAÇÃO PROFESSOR FERNANDO GIANNANGELO DE OLIVEIRA CEASLAS

PROJETO JOGOS DA BOA EDUCAÇÃO PROFESSOR FERNANDO GIANNANGELO DE OLIVEIRA CEASLAS PROJETO JOGOS DA BOA EDUCAÇÃO PROFESSOR FERNANDO GIANNANGELO DE OLIVEIRA CEASLAS SÃO PAULO 2012 Jogos La Salle da Boa Educação O projeto dos jogos da Boa Educação surgiu em 2009 com o objetivo de atender

Leia mais

Colégio Adventista de Rio Preto Educação Física BASQUETEBOL. Basquetebol 8º ano. basquetebol

Colégio Adventista de Rio Preto Educação Física BASQUETEBOL. Basquetebol 8º ano. basquetebol Colégio Adventista de Rio Preto Educação Física BASQUETEBOL Basquetebol 8º ano Basquetebol Origem e Evolução: Estados Unidos - 1891 Prof. James Naismith Universidade Springfield - USA Ginástica - inverno

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES 1º ao 5º ANO EDUCAÇÃO FÍSICA

DIRETRIZES CURRICULARES 1º ao 5º ANO EDUCAÇÃO FÍSICA CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN ENSINO FUNDAMENTAL 2014 DIRETRIZES CURRICULARES 1º ao 5º ANO EDUCAÇÃO FÍSICA OBJETIVO GERAL Favorecer o desenvolvimento corporal e mental harmônicos, consolidar hábitos

Leia mais

AS LEIS DO TÊNIS DE MESA Capítulo 2

AS LEIS DO TÊNIS DE MESA Capítulo 2 AS LEIS DO TÊNIS DE MESA Capítulo 2 2.1 A MESA 2.1.1 A parte superior da mesa, chamada superfície de jogo, deve ser retangular, com 2,74 m de comprimento por 1,525 m de largura, e situar-se em um plano

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC Curso de Educação Física

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC Curso de Educação Física EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS Disciplina: BIOLOGIA Características gerais dos seres vivos. Química da célula. Citologia. Microscopia. Divisão celular. Formas de reprodução. Histologia. Disciplina: ANATOMIA

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência EDUCAÇÃO FÍSICA

Informação Prova de Equivalência à Frequência EDUCAÇÃO FÍSICA Informação Prova de Equivalência à Frequência EDUCAÇÃO FÍSICA Prova 311 2015 Prova Escrita e Prática Curso científico humanístico Ensino Secundário /12º Ano Decreto Lei n.º 139/2012 de 5 de julho O presente

Leia mais

O Movimento Paralímpico. Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1

O Movimento Paralímpico. Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1 O Movimento Paralímpico Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1 Objetivos 1 2 Apresentar a classificação funcional dos esportes Paralímpicos. Conhecer os seguintes esportes Paralímpicos: atletismo, halterofilismo,

Leia mais

LUTAS, CAPOEIRA E PRÁTICAS CORPORAIS DE AVENTURA

LUTAS, CAPOEIRA E PRÁTICAS CORPORAIS DE AVENTURA LUTAS, CAPOEIRA E PRÁTICAS CORPORAIS DE AVENTURA LUTAS CONCEITO... Práticas corporais com importância histórica e social. Objetivo: oposição entre indivíduos. Foco: corpo da outra pessoa, a partir de ações

Leia mais

DISCIPLINA: PESO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

DISCIPLINA: PESO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PESO 220 DISCIPLINA: PESO DOMÍNIO DAS TÉCNICAS (LANÇADORES DESTROS) FASE III APERFEIÇOAMENTO TÉCNICO B FASES / NÍVEIS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS - Adquirir noções gerais do lançamento do peso, através de

Leia mais

APOSTILA DE RUGBY O RUGBY BRASILEIRO

APOSTILA DE RUGBY O RUGBY BRASILEIRO APOSTILA DE RUGBY O RUGBY BRASILEIRO História do Rugby no Brasil -O RUGBY chegou ao BRASIL no século retrasado. -Charles Miller teria organizado em 1895 o primeiro time de rugby brasileiro, em São Paulo.

Leia mais

EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017

EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 INTRODUÇÃO OBSERVAÇÕES SOBRE AS REGRAS DO JOGO AS REGRAS DO JOGO EXPLICADAS AS MUDANÇAS ÀS REGRAS PARA 2016/17 - TEXTO ANTIGO -

Leia mais

Atividades Extraclasse

Atividades Extraclasse Atividades Extraclasse No Marista Ipanema, o estudante também aprende e desenvolve habilidades além da sala de aula. As turmas das Atividades Extraclasse, para cada modalidade, são divididas de acordo

Leia mais