Reparo de Transformador de Potência da Linha 1 do METRÔ-SP

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Reparo de Transformador de Potência da Linha 1 do METRÔ-SP"

Transcrição

1 Reparo de Transformador de Potência da Linha 1 do METRÔ-SP Avaliação Técnica x Custos x Experiências Adquiridas GERSON DIAS

2 Mapa da Rede Metropolitana

3 S/E Primária Cambuci - YCI

4 Atuação do relé de presença de Gás (BUCHHOLZ) do TRAFO 3 Brown Boveri /14,4 MVA 88 kv / 22 kv

5 Manutenções Preventivas / Preditivas Termografia Análise de óleo

6 Levantamento de Dados pós Falha Ensaios Elétricos Resistência Elétrica dos Enrolamentos Este ensaio tem como objetivo verificar as condições dos condutores das bobinas e os contatos dos comutadores. Resistência de Isolamento Este ensaio tem como objetivo identificar as condições do isolamento entre enrolamentos e também entre enrolamentos e as partes aterradas. Relações de Tensões Este ensaio tem por objetivo identificar eventual curto-circuito ou ruptura de condutores dos enrolamentos e também pode indicar soltura de algum terminal ou conexão da parte ativa. Fator de Potência do Isolamento Objetivo deste ensaio é fazer uma avaliação mais precisa do isolamento da parte ativa, acompanhando com o passar dos anos a degradação dos materiais isolantes.

7 Levantamento de Dados pós Falha Análise de Óleo Análise Físico-Química Acidez (mgkoh/g), Tensão interfacial (mn/m), Cor, Rigidez dielétrica (kv), Teor de água (ppm), Inibidor (%) e Teor de PCB (a)(b). Não foi encontrada nenhuma anormalidade. Análise de Gases Dissolvidos Gases combustíveis: Hidrogênio (H2), Monóxido de Carbono (CO), Metano (CH4), Acetileno (C2H2), Etileno (C2H4) e Etano (C2H6); Gases não combustíveis: Oxigênio (O2), Nitrogênio (N2), Dióxido de Carbono (CO2). Nesta análise foram encontrados alguns valores acima do especificado que através de métodos de diagnóstico indicavam para uma falha com corrente de circulação no tanque e no núcleo e conexões.

8 Análise/Diagnóstico - VERIFICAÇÃO INTERNA DO TRANSFORMADOR Retirada do óleo isolante do Trafo

9 Inspeção interna do Trafo ó é é Análise/Diagnóstico - VERIFICAÇÃO INTERNA DO TRANSFORMADOR Verificado as conexões do comutador e dos cabos da parte ativa do transformador. Não foi encontrada nenhuma anormalidade.

10 Análise/Diagnóstico - VERIFICAÇÃO INTERNA DO TRANSFORMADOR Inspeção interna do Trafo Verificado cabos, núcleo do transformador, buchas de alta e média tensão, e encontrado lâminas do aterramento do núcleo estava partida e com sinais de aquecimento a sua volta, e o núcleo apresentava grande quantidade de bolhas na parte superior devido ao sobreaquecimento.

11 Análise/Diagnóstico - VERIFICAÇÃO INTERNA DO TRANSFORMADOR Pressurização do Tanque do Trafo Após o fechamento das tampas de inspeção o transformador foi pressurizado com gás super seco para que a parte ativa não absorva umidade.

12 Análise/Diagnóstico DIAGNÓSTICO CONCLUSIVO Consultoria Técnica para Diagnóstico Medição de isolamento das fitas de aterramento do núcleo, constatando baixa isolação das fitas de aterramento do núcleo entre fitas e entre o aterramento

13 Análise/Diagnóstico DIAGNÓSTICO CONCLUSIVO Remoção da Parte Ativa Desmontagem dos acessórios do Transformador

14 Análise/Diagnóstico DIAGNÓSTICO CONCLUSIVO Remoção da Parte Ativa Içamento da parte ativa

15 Análise/Diagnóstico DIAGNÓSTICO CONCLUSIVO Identificação do defeito - Tirantes de fixação

16 Representação do ponto de defeito Curto circuito (tirante x núcleo) As fitas 3, 4 e 5 do aterramento do núcleo estavam com baixa isolação entre si e também com o aterramento. As fitas 1 e 2 estavam isoladas em relação ao aterramento e entre as demais fitas. Devido a perda da isolação deste tirante com o núcleo de chapas de ferrosilício foi gerada uma corrente circulante no núcleo que causou o aquecimento excessivo, levando a formação dos gases que sensibilizou o relé Buchholz.

17 Reparo Recomposição da isolação de separação do pacote de chapas

18 Reparo Recomposição da isolação do tirante de fixação do pacote do núcleo Recomposição da fita de aterramento do pacote do núcleo

19 Reparo Substituição das vedações para recolocação da parte ativa Içamento e recolocação da parte ativa na caixa do transformador Recolocação dos acessórios do transformador Pressurização do tanque do transformador com gás super seco

20 Restabelecer o transformador para a Operação URSI UMIDADE RELATIVA DA SUPERFÍCIE DA ISOLAÇÃO Método de transferência da umidade da parte sólida para o gás (super seco), com medição de ponto de orvalho do gás. URSI inicial 5,1% (não recomendado a sua energização) SECAGEM DA ISOLAÇÃO SÓLIDA Vácuo e pressurização com gás super seco URSI final 2,9% (valor adequado para recolocação do óleo no tanque)

21 Restabelecer o transformador para a Operação TRATAMENTO DO ÓLEO ISOLANTE DOS TANQUES EXTERNOS Análise do óleo dos tanques (físico-química e cromatografia gasosa) Tratamento através de Termovácuo Reanálise do óleo

22 Restabelecer o transformador para a Operação RECOLOCAÇÃO DO ÓLEO ISOLANTE NO TANQUE DO TRANSFOMADOR -Vácuo no tanque principal -Bombeado para o tanque principal do transformador Vácuo Filtragem do óleo Desaeração das buchas de Alta Tensão e do relé Buchholz TRATAMENTO DO ÓLEO ISOLANTE DO TANQUE DO TRANSFORMADOR -Análise do óleo dos tanques Físico-química Cromatografia gasosa -Tratamento através de Termovácuo -Reanálise do óleo

23 Restabelecer o transformador para a Operação ENSAIOS ELÉTRICOS FINAIS Resistência Elétrica dos Enrolamentos Resistência de Isolamento Relação de Tensões Fator de Potência do Isolamento (FP) ENERGIZAÇÃO EM VAZIO Corrente Temperatura - Ruído - Vibração ENERGIZAÇÃO EM CARGA LIBERAÇÃO PARA A OPERAÇÃO E ACOMPANHAMENTO Análise de Oléo Corrente Temperatura - Ruído - Vibração

24 Avaliação Final CUSTOS DO REPARO Proposta de Diagnóstico Empresa A U$ ,00 Empresa B U$ ,00 Reparo por Empresa Contratada (estimado) Transporte U$ ,00 Armazenamento do óleo/tratamento do óleo U$ ,00 Reparo do núcleo + Ensaios Elétricos U$ ,00 TOTAL U$ ,00 Reparo pelo METRÔ-SP Locação dos Tanques U$ 4.000,00 Consultoria Técnica para Diagnóstico U$ 8.000,00 Custos internos (materiais+mão de obra) U$ 8.000,00 TOTAL U$ ,00

25 Avaliação Final EXPERIÊNCIAS ADQUIRIDAS Planejamento/Pesquisa - Normas / Literaturas - Comprometimento - Análise dos Riscos Execução - Formação Técnica - Desmistificação Documentação e Perpetuação do Aprendizado - Procedimento de medição de URSI - Procedimento de montagem de Buchas de AT/MT - Procedimento de execução de Vácuo - Relatório Técnico do Reparo Cuidados Futuros/Acompanhamento - Gases - Umidade do Óleo

26 Colaboradores Ricardo Novaes Hildo Klein Junior Luis do Nascimento Pereira Junior Rubens Martins Antonio Augusto Fernandes Neto Marcelo Azevedo Brandão Gracias por su atención Grato pela atenção Gerson Dias Engenharia de Manutenção de Equipamentos Fixos Sistema de Alimentação Elétrica

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA MANUTENÇÃO CORRIVA EM TRANSFORMADORES DE SUMÁRIO CONTEÚDO PG. 1. OBJIVO 02 2. ÂMBITO 02 3. CONCEITOS 02 4. NORMAS E LEGISLAÇÃO APLICÁVEIS 02 5. INSTRUÇÕES GERAIS 02 5.1. Local da Realização dos Serviços

Leia mais

PERÍCIAS DE ENGENHARIA ELÉTRICA

PERÍCIAS DE ENGENHARIA ELÉTRICA PERÍCIAS DE ENGENHARIA ELÉTRICA PERICIAS NAS DIVERSAS ÁREAS DA ENGENHARIA ELÉTRICA 1. PERICIAS EM TRANSFORMADORES Transformadores a óleo e transformadores a seco; Verificação de seus componentes; Ensaios

Leia mais

APRESENTAÇÃO TÉCNICA DADOS CADASTRAIS

APRESENTAÇÃO TÉCNICA DADOS CADASTRAIS APRESENTAÇÃO TÉCNICA DADOS CADASTRAIS Razão Social: M Energia Com. de Transformadores LTDA-ME Logradouro: Osvaldo Tonini Número: 763 CEP: 13820-000 Cidade: Jaguariúna-SP CNPJ: 14.813.805/0001-69 IE: 395.032.246.110

Leia mais

GRUPO DE ESTUDO DE TRANSFORMADORES, REATORES, MATERIAIS ETECNOLOGIAS EMERGENTES- GTM

GRUPO DE ESTUDO DE TRANSFORMADORES, REATORES, MATERIAIS ETECNOLOGIAS EMERGENTES- GTM XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA Versão 1.0 XXX.YY 22 a 25 Novembro de 2009 Recife - PE Grupo XIII GRUPO DE ESTUDO DE TRANSFORMADORES, REATORES, MATERIAIS ETECNOLOGIAS

Leia mais

APRESENTAÇÃO TÉCNICA. CONTATO COMERCIAL Erika Castro Tel: +55 (19) 9.9760-4433 E-mail: erika.castro@menergia.br.com Site: www.menergia.br.

APRESENTAÇÃO TÉCNICA. CONTATO COMERCIAL Erika Castro Tel: +55 (19) 9.9760-4433 E-mail: erika.castro@menergia.br.com Site: www.menergia.br. APRESENTAÇÃO TÉCNICA DADOS CADASTRAIS Razão Social: M Energia Com. de Transformadores LTDA-ME Logradouro: Osvaldo Tonini Número: 763 CEP: 13820-000 Cidade: Jaguariúna-SP CNPJ: 14.813.805/0001-69 IE: 395.032.246.110

Leia mais

23/02/2011 CABINE PRIMÁRIA. CONJUNTOS DE MANOBRA E CONTROLE PARA TENSÕES DE 1,0 kv até 36,2kV. Introdução.

23/02/2011 CABINE PRIMÁRIA. CONJUNTOS DE MANOBRA E CONTROLE PARA TENSÕES DE 1,0 kv até 36,2kV. Introdução. CABINE PRIMÁRIA CONJUNTOS DE MANOBRA E CONTROLE PARA TENSÕES DE 1,0 kv até 36,2kV Introdução. Os consumidores que necessitam de uma potência instalada superior a 75 kw e demanda igual ou inferior a 2500

Leia mais

Manual Técnico. Transformadores de potência. Revisão 5 ÍNDICE

Manual Técnico. Transformadores de potência. Revisão 5 ÍNDICE Página 1 de 10 Manual Técnico Transformadores de potência Revisão 5 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO...2 2 RECEBIMENTO...2 3 INSTALAÇÃO...3 3.1 Local de instalação...3 3.2 Ligações...3 3.3 Proteções...7 4 MANUTENÇÃO...9

Leia mais

Procedimento Prático Para Manutenção de Cabine Introdução Manutenção preventiva Manutenção corretiva Procedimento, verificações e ensaios

Procedimento Prático Para Manutenção de Cabine Introdução Manutenção preventiva Manutenção corretiva Procedimento, verificações e ensaios Procedimento Prático Para Manutenção de Cabine Introdução Nos equipamentos elétricos se faz necessária a manutenção, para que os mesmo possam estar sempre disponível, prolongando sua vida útil, Esta manutenção

Leia mais

Treinamento em transformadores- Programa 1

Treinamento em transformadores- Programa 1 Treinamento em transformadores- Programa 1 Módulo 1: Núcleo Caminho de passagem da energia magnética Perdas a vazio Corrente de excitação Nível de ruído Descargas parciais Gás-cromatografia Chapas de M4

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SUMÁRIO CONTEÚDO PG. 1. OBJIVO 02 2. ÂMBITO 02 3. CONCEITOS 02 4. NORMAS, LEGISLAÇÃO APLICÁVEIS E DOCUMENTOS COMPLEMENTARES 02 5. INSTRUÇÕES GERAIS 03 5.1. Local da realização dos serviços 03 5.2. Condições

Leia mais

TRANSFORMADORES MOLDADOS EM RESINA

TRANSFORMADORES MOLDADOS EM RESINA MODELO TAM TRANSFORMADORES - TIPO TAM Os transformadores a seco moldados em resina epóxi são indicados para operar em locais que exigem segurança, os materiais utilizados em sua construção são de difícil

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TRAFO 145kV - ENERGIZADO SUMÁRIO CONTEÚDO PG. 1. OBJIVO 02 2. ÂMBITO 02 3. CONCEITOS 02 4. NORMAS E LEGISLAÇÃO APLICÁVEIS 02 5. INSTRUÇÕES GERAIS 03 5.1. Local da Realização dos Serviços 03 5.2. Condição

Leia mais

9. MANUTENÇÃO DE TRANSFORMADORES:

9. MANUTENÇÃO DE TRANSFORMADORES: 9. MANUTENÇÃO DE TRANSFORMADORES: 9.1 OTIMIZAÇÃO E MONITORAMENTO DA OPERAÇÃO DOS TRANSFORMADORES Os transformadores são máquinas estáticas que transferem energia elétrica de um circuito para outro, mantendo

Leia mais

Ensaio de resistência de isolamento

Ensaio de resistência de isolamento 56 Capítulo VII Ensaios de resistência de isolamento e de rigidez dielétrica Por Marcelo Paulino* A avaliação do sistema isolante consiste em uma das principais ferramentas para determinar a condição operacional

Leia mais

MANUTENÇÃO PREDITIVA EM TRANSFORMADORES UTILIZANDO O CRITÉRIO DE ROGERS NA ANÁLISE DE GASES DISSOLVIDOS EM ÓLEO ISOLANTE

MANUTENÇÃO PREDITIVA EM TRANSFORMADORES UTILIZANDO O CRITÉRIO DE ROGERS NA ANÁLISE DE GASES DISSOLVIDOS EM ÓLEO ISOLANTE MANUTENÇÃO PREDITIVA EM TRANSFORMADORES UTILIZANDO O CRITÉRIO DE ROGERS NA ANÁLISE DE GASES DISSOLVIDOS EM ÓLEO ISOLANTE JOÃO LUIS REIS E SILVA (1) resumo O critério de Rogers é uma metodologia científica

Leia mais

TTL TRANSFORMADORES TUPÃ LTDA É a primeira fábrica de transformadores da Amazônia Oriental, desde 1992 energizando o Norte do país.

TTL TRANSFORMADORES TUPÃ LTDA É a primeira fábrica de transformadores da Amazônia Oriental, desde 1992 energizando o Norte do país. PORTFÓLIO TTL TRANSFORMADORES TUPÃ LTDA É a primeira fábrica de transformadores da Amazônia Oriental, desde 1992 energizando o Norte do país. São 20 anos de parceria com nossos clientes, fornecedores e

Leia mais

ANEXO XII ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO XII ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO XII ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA, TERMOGRAFIA E MANUTENÇÃO CORRETIVA EM SUBESTAÇÕES TRANSFORMADORAS DE PRÉDIOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE 1. OBJETO: Serviços de manutenção

Leia mais

Diagnóstico de Equipamentos de Alta tensão. Documento didático preparado por: Alain François S. Levy DVLA / CEPEL Julho 1998

Diagnóstico de Equipamentos de Alta tensão. Documento didático preparado por: Alain François S. Levy DVLA / CEPEL Julho 1998 Diagnóstico de Equipamentos de Alta tensão. Documento didático preparado por: Alain François S. Levy DVLA / CEPEL Julho 1998 Filosofia O diagnóstico de equipamentos pode ser entendido como o conhecimento

Leia mais

FIEE Elétrica 2007 Ferramentas para o Monitoramento da Vida Útil de Transformadores

FIEE Elétrica 2007 Ferramentas para o Monitoramento da Vida Útil de Transformadores Ferramentas para o Monitoramento da Vida Útil de Transformadores. Power Transmission and Distribution O transformador é o componente mais crítico de uma subestação Page 2 Abril -2007 Alaor Scardazzi Número

Leia mais

SPDA (Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas) É PROIBIDA a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização.

SPDA (Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas) É PROIBIDA a reprodução, total ou parcial, do texto e de todo o conteúdo sem autorização. SPDA (Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas) Desenvolvimento de projetos Instalação de sistema de proteção (SPDA) Manutenção do sistema de SPDA Laudo Técnico Medição da resistividade do solo

Leia mais

Anormalidades em transformadores de potência

Anormalidades em transformadores de potência 5 Capítulo III Anormalidades em transformadores de potência Por Marcelo Paulino* As principais avarias em transformadores dizem respeito a deficiências dos enrolamentos sejam por má compactação das bobinas,

Leia mais

-Transformadores Corrente de energização - inrush

-Transformadores Corrente de energização - inrush -Transformadores Corrente de energização - inrush Definição Corrente de magnetização (corrente de inrush) durante a energização do transformador Estas correntes aparecem durante a energização do transformador,

Leia mais

DIAGNOSE DO ESTADO DA ISOLAÇÃO SÓLIDA DE TRANSFORMADORES ATRAVÉS DO ENSAIO DE ÍNDICE DE POLARIZAÇÃO (RVM)

DIAGNOSE DO ESTADO DA ISOLAÇÃO SÓLIDA DE TRANSFORMADORES ATRAVÉS DO ENSAIO DE ÍNDICE DE POLARIZAÇÃO (RVM) DIAGNOSE DO ESTADO DA ISOLAÇÃO SÓLIDA DE TRANSFORMADORES ATRAVÉS DO ENSAIO DE ÍNDICE DE POLARIZAÇÃO (RVM) 1 Jayme L. Nunes Jr. EPTE Emp. Paulista de Transmissão de Energia Elétrica S.A. 1. INTRODUÇÃO Antonio

Leia mais

Resultados recentes da despolarização seletiva Experiência da TAESA

Resultados recentes da despolarização seletiva Experiência da TAESA Resultados recentes da despolarização seletiva Experiência da TAESA Gabriel Mussi Moraes Engenharia de Transmissão - TAESA Visão Geral da Transmissora Aliança A Transmissora Aliança é um dos maiores grupos

Leia mais

MANUTENÇÃO PREVENTIVA EM SUBESTAÇÕES DE MÉDIA E ALTA TENSÃO 13,8kV

MANUTENÇÃO PREVENTIVA EM SUBESTAÇÕES DE MÉDIA E ALTA TENSÃO 13,8kV MANUTENÇÃO PREVENTIVA EM SUBESTAÇÕES DE MÉDIA E ALTA TENSÃO 13,8kV EQUIPAMENTOS CONSTANTES: 1.0 CABINE SEMI-ENTERRADA (MECANICA) 13,8 kv - GENÉRICA 1.1.1 Disjuntor de Alta Tensão (classe tensão 15 KV);

Leia mais

Chegou Kwara. para o Brasil brilhar cada vez mais

Chegou Kwara. para o Brasil brilhar cada vez mais Chegou Kwara. para o Brasil brilhar cada vez mais Chegou Kwara, uma nova geração em energia. Uma empresa de eficiência energética que presta serviços especializados de manutenção em plantas de geração

Leia mais

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA.

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. TRANSFORMADORES MONOFÁSICOS DE ISOLAÇÃO COM BLINDAGEM APLICAÇÃO Os transformadores monofásicos de isolação com blindagens, magnética e eletrostática, foram desenvolvidos

Leia mais

AULA 02 REVISÃO DE EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS TRANSFORMADORES DE MEDIDAS DISJUNTORES DE POTÊNCIA

AULA 02 REVISÃO DE EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS TRANSFORMADORES DE MEDIDAS DISJUNTORES DE POTÊNCIA AULA 02 REVISÃO DE EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS TRANSFORMADORES DE MEDIDAS DISJUNTORES DE POTÊNCIA ENE095 Proteção de Sistemas Elétricos de Potência Prof. Luís Henrique Lopes Lima 1 TRANSFORMADORES DE MEDIDAS

Leia mais

AVALIAÇÃO PRELIMINAR NA MEDIÇÃO AUTOMATIZADA DA CONCENTRAÇÃO DE GASES DISSOLVIDOS EM ÓLEO ISOLANTE DE MÚLTIPLOS TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA

AVALIAÇÃO PRELIMINAR NA MEDIÇÃO AUTOMATIZADA DA CONCENTRAÇÃO DE GASES DISSOLVIDOS EM ÓLEO ISOLANTE DE MÚLTIPLOS TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA METROSUL IV IV Congresso Latino-Americano de Metrologia A METROLOGIA E A COMPETITIVIDADE NO MERCADO GLOBALIZADO 09 a 12 de Novembro, 2004, Foz do Iguaçu, Paraná BRASIL Rede Paranaense de Metrologia e Ensaios

Leia mais

Igor Schuwenck Ligeiro

Igor Schuwenck Ligeiro Análise de Condições de Operação de Equipamentos Elétricos de Alta Tensão em uma Subestação Abaixadora Através de Técnicas Preditivas Igor Schuwenck Ligeiro Projeto de Graduação apresentado ao Curso de

Leia mais

Definição de Transformador. Funcionamento básico e principais partes

Definição de Transformador. Funcionamento básico e principais partes Definição de Transformador Funcionamento básico e principais partes O que é o transformador? Certa vez fui procurar no Google a respeito do assunto do trabalho... Transformer History Adivinhem o que achei?

Leia mais

Figura 8.1 Representação esquemática de um transformador.

Figura 8.1 Representação esquemática de um transformador. CAPÍTULO 8 TRANSFORMADORES ELÉTRICOS 8.1 CONCEITO O transformador, representado esquematicamente na Figura 8.1, é um aparelho estático que transporta energia elétrica, por indução eletromagnética, do primário

Leia mais

TEMA DA AULA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA

TEMA DA AULA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA TEMA DA AULA EQUIPAMENTOS ELÉTRICAS DE SUBESTAÇÕES PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA TRANSFORMADORES Um transformador (ou trafo) é um dispositivo destinado a transmitir energia elétrica ou potência

Leia mais

MISTURADOR SUBMERSO RÁPIDO MSR

MISTURADOR SUBMERSO RÁPIDO MSR Indústria e Comércio de Bombas D Água Beto Ltda Manual de Instruções MISTURADOR SUBMERSO RÁPIDO MSR Parabéns! Nossos produtos são desenvolvidos com a mais alta tecnologia Bombas Beto. Este manual traz

Leia mais

EXPERIÊNCIA COM SISTEMA DE MONITORAMENTO PREDITIVO DE TRANSFORMADORES DE ALTA TENSÃO EM PLANTAS DA BRASKEM

EXPERIÊNCIA COM SISTEMA DE MONITORAMENTO PREDITIVO DE TRANSFORMADORES DE ALTA TENSÃO EM PLANTAS DA BRASKEM EXPERIÊNCIA COM SISTEMA DE MONITORAMENTO PREDITIVO DE TRANSFORMADORES DE ALTA TENSÃO EM PLANTAS DA BRASKEM José Rafael dos Santos (2) 2 Silas Sampietri Costa (3) 3 Gilberto Amorim Moura (4) 4 Daniel Pedrosa

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET-104/2007 R-01 SERVIÇOS DE RECUPERAÇÃO EM TRANSFORMADOR DE POTÊNCIA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET-104/2007 R-01 SERVIÇOS DE RECUPERAÇÃO EM TRANSFORMADOR DE POTÊNCIA ET-04/2007 R-0 DOCUMENTO NORMATIVO ET-04 I APRESENTAÇÃO Este documento estabelece critérios, procedimentos e recomendações a serem considerados na elaboração de Contrato de Prestação de serviços de reparo

Leia mais

12ª Conferência sobre Tecnologia de Equipamentos

12ª Conferência sobre Tecnologia de Equipamentos 12ª Conferência sobre Tecnologia de Equipamentos COTEQ2013-340 DETECÇÃO E CONTROLE DE POLUIÇÃO EM ISOLADORES DE ALTA TENSÃO ATRAVÉS DE TERMOGRAFIA Laerte dos Santos 1, Marcelo O. Morais Filho 2, Rodolfo

Leia mais

Manual de Instalação e Manutenção para Transformadores a Óleo

Manual de Instalação e Manutenção para Transformadores a Óleo FOLHA: 1 de Sumário 1. Finalidade... 3 2. Normas e/ou documentos complementares... 3 3. Instruções Básicas... 3 3.1. Instruções gerais... 3 3.2. Recebimento... 3 3.2.1. Inspeção de chegada... 4 3.2.2.

Leia mais

Capítulo XII. Uso de monitoramento on-line de transformadores para avaliação da condição do ativo. Manutenção de transformadores.

Capítulo XII. Uso de monitoramento on-line de transformadores para avaliação da condição do ativo. Manutenção de transformadores. 38 Capítulo XII Uso de monitoramento on-line de transformadores para avaliação da condição do ativo Por Marcelo Paulino* Diante das necessidades do sistema elétrico, as atividades de manutenção tendem

Leia mais

Sistemas de monitoramento on-line aplicados aos diversos segmentos do sistema elétrico. Brasil

Sistemas de monitoramento on-line aplicados aos diversos segmentos do sistema elétrico. Brasil Sistemas de monitoramento on-line aplicados aos diversos segmentos do sistema elétrico David Scaquetti Siemens Ltda. Danilo Santos Siemens Ltda. Brasil RESUMO As mudanças impostas à filosofia de operação

Leia mais

Instruções de Operação. Sistema de avaliação para sensores de fluxo VS3000

Instruções de Operação. Sistema de avaliação para sensores de fluxo VS3000 Instruções de Operação Sistema de avaliação para sensores de fluxo VS3000 Conteúdo Instruções de segurança... pág. 03 Função e características... pág. 04 Montagem... pág. 04 Conexão elétrica... pág. 05

Leia mais

MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA EM MÉDIA TENSÃO

MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA EM MÉDIA TENSÃO MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA EM MÉDIA TENSÃO TECNOLOGIA, QUALIDADE E ENERGIA A SERVIÇO DA ECONOMIA. Engelétrica Indústria, Comércio e Serviços Elétricos Ltda. Rua Xavier da Rocha, 10 Vila Prudente

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO MOTORES ELÉTRICOS DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS DE ALTA E BAIXA TENSÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO MOTORES ELÉTRICOS DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS DE ALTA E BAIXA TENSÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO MOTORES ELÉTRICOS DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS DE ALTA E BAIXA TENSÃO PREFÁCIO O motor elétrico! WEG INDUSTRIAS S.A. - MÁQUINAS ---- IMPORTANTE ---- LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES

Leia mais

TEMA DA AULA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA

TEMA DA AULA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA TEMA DA AULA TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA Transformadores são máquinas de operação estática que transferem energia elétrica de um circuito

Leia mais

ANEXO 2 PLANO DE MANUTENÇÃO

ANEXO 2 PLANO DE MANUTENÇÃO CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 007/2006 1 ANEXO I ESPECIFICAÇÕES D:\_LICITAÇÕES\_LICITAÇÕES\CONCORRÊNCIA\EDITAIS\2006\CP06007-AnexoI-Anexo2- PlanoManutençãoEdBrasília.odt CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 007/2006 2

Leia mais

Transistores de Efeito de Campo, Tiristores, relés e conectores: falhas e métodos de verificação de defeitos

Transistores de Efeito de Campo, Tiristores, relés e conectores: falhas e métodos de verificação de defeitos Transistores de Efeito de Campo, Tiristores, relés e conectores: falhas e métodos de verificação de defeitos Transistores de Efeito de Campo FET Tipos Gate por Junção (JFET) Gate Isolado (MOSFET de Depleção)

Leia mais

Servoacionamento série CuiDADoS E PrECAuÇÕES

Servoacionamento série CuiDADoS E PrECAuÇÕES A U T O M A Ç Ã O Servoacionamento série CuiDADoS E PrECAuÇÕES Recomendamos a completa leitura deste manual antes da colocação em funcionamento dos equipamentos. 1 Sumário Garantia Estendida Akiyama 3

Leia mais

Nota Técnica 001/2010

Nota Técnica 001/2010 Nota Técnica 001/2010 Produto: Sistema Zyggot Temperatura Aplicação: Termografia sem Contato em Painéis Elétricos de Baixa Tensão Serão discutidos os tópicos a seguir: 1) Conceito de Termografia; 2) Análise

Leia mais

Detalhamento técnico-operacional dos itens de verificação. Criticidade da Verificação. índice 1 Título 1 índice 2 Título 2

Detalhamento técnico-operacional dos itens de verificação. Criticidade da Verificação. índice 1 Título 1 índice 2 Título 2 Detalhamento técnico-operacional dos itens de verificação índice 1 Título 1 índice 2 Título 2 Criticidade da Verificação 2 MEIO AMBIENTE 6 2.1 Licenças ambientais de operação - LO 3 2.2 Licenciamento Nuclear

Leia mais

Introdução ENERGIA ELÉTRICA: GERAÇÃO, TRANSMISSÃO E DISTRIBUIÇÃO.

Introdução ENERGIA ELÉTRICA: GERAÇÃO, TRANSMISSÃO E DISTRIBUIÇÃO. ENERGIA ELÉTRICA: GERAÇÃO, TRANSMISSÃO E DISTRIBUIÇÃO. Introdução A energia elétrica que alimenta as indústrias, comércio e nossos lares é gerada principalmente em usinas hidrelétricas, onde a passagem

Leia mais

CAPACITORES IMPREGNADOS X CAPACITORES IMERSOS (PPM) EM BT

CAPACITORES IMPREGNADOS X CAPACITORES IMERSOS (PPM) EM BT CAPACITORES IMPREGNADOS X CAPACITORES IMERSOS (PPM) EM BT 1 - Objetivos: Este trabalho tem por objetivo apresentar as principais características técnicas dos capacitores convencionais do tipo imerso em

Leia mais

RICARDO BECHARA ANÁLISE DE FALHAS DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA

RICARDO BECHARA ANÁLISE DE FALHAS DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA RICARDO BECHARA ANÁLISE DE FALHAS DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA SÃO PAULO 2010 RICARDO BECHARA ANÁLISE DE FALHAS DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA Dissertação apresentada à Escola Politécnica da Universidade

Leia mais

www.pratil.com.br Infraestrutura Elétrica AT (69kW) UNIFOR PROPOSTA COMERCIAL Fortaleza, 16 de Abril de 2014

www.pratil.com.br Infraestrutura Elétrica AT (69kW) UNIFOR PROPOSTA COMERCIAL Fortaleza, 16 de Abril de 2014 Infraestrutura Elétrica AT (69kW) UNIFOR PROPOSTA COMERCIAL Fortaleza, 16 de Abril de 2014 Eduardo Guimarães E-mail.: eduguimarães@pratil.com.br Cel.: (85) 9635-2993 Tel.: (85) 3133-9404 Rua Vicente Linhares,

Leia mais

Transformadores Secos. Motores Automação Energia Tintas

Transformadores Secos. Motores Automação Energia Tintas Motores Automação Energia Tintas www.weg.net Em um Transformador Seco WEG, há mais de 40 anos de experiência na fabricação de motores elétricos, mais de 25 anos na fabricação de transformadores e toda

Leia mais

MONITORAMENTO DE SUBESTAÇÕES - A EXPERIÊNCIA CESP

MONITORAMENTO DE SUBESTAÇÕES - A EXPERIÊNCIA CESP GSE/ 2 17 à 22 de outubro de 1999 Foz do Iguaçu Paraná - Brasil GRUPO VIII SUBESTAÇÕES E EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS (GSE) MONITORAMENTO DE SUBESTAÇÕES - A EXPERIÊNCIA CESP Antônio Carlos T. Diogo (*) Manabu

Leia mais

TRANSFORMADOR A SECO Geafol de 75 a 25.000 kva

TRANSFORMADOR A SECO Geafol de 75 a 25.000 kva Com a linha Geafol, obteve-se um transformador com excelentes características elétricas, mecânicas e térmicas que, adicionalmente, ainda é ecológico. São produzidos sob certificação DQS, ISO 9001 e ISO

Leia mais

Tipos de Atividades com Descrição

Tipos de Atividades com Descrição Tipos de s com Código 36 47 37 57 44 41 40 48 45 1 Inspeção Termográfica a Infravermelho Obtensão de imagens fotográficas utilizando câmeras sensíveis a comprimendo de onda na faixa de infravermelho, para

Leia mais

FUNÇÕES DOS ÓLEOS ISOLANTES: Os transformadores são máquinas elétricas estáticas constituídas pelos seguintes componentes básicos, do ponto de vista

FUNÇÕES DOS ÓLEOS ISOLANTES: Os transformadores são máquinas elétricas estáticas constituídas pelos seguintes componentes básicos, do ponto de vista FUNÇÕES DOS ÓLEOS ISOLANTES: Os transformadores são máquinas elétricas estáticas constituídas pelos seguintes componentes básicos, do ponto de vista do material: - Núcleo: Construído com chapas superpostas

Leia mais

CABINES METÁLICAS PRÉ-FABRICADAS DESTINADAS À MEDIÇÃO,PROTEÇÃO E TRANSFORMAÇÃO DE ENERGIA

CABINES METÁLICAS PRÉ-FABRICADAS DESTINADAS À MEDIÇÃO,PROTEÇÃO E TRANSFORMAÇÃO DE ENERGIA CABINES METÁLICAS PRÉ-FABRICADAS DESTINADAS À MEDIÇÃO,PROTEÇÃO E TRANSFORMAÇÃO DE ENERGIA ROMAGNOLE Produtos Elétricos S.A. 1 2 ROMAGNOLE Produtos Elétricos S.A. A energia é o núcleo dos acontecimentos,

Leia mais

Acessórios Desconectáveis 200A

Acessórios Desconectáveis 200A 200A APLICAÇÃO Os Acessórios da Prysmian possuem uma concepção de projeto baseada no sistema plugue - tomada, porém para tensões, permitindo fácil conexão e desconexão de um cabo de potência, de um equipamento,

Leia mais

Springer - Carrier. Índice

Springer - Carrier. Índice Índice Página 1 - Diagnóstico de Defeitos em um Sistema de Refrigeração... 8 1.1 - Falha: Compressor faz ruído, tenta partir, porém não parte... 8 1.2 - Falha: Compressor funciona, porém não comprime...

Leia mais

Semana de Atividades Científicas 2012 Associação Educacional Dom Bosco Faculdade de Engenharia de Resende Engenharia Elétrica Eletrônica

Semana de Atividades Científicas 2012 Associação Educacional Dom Bosco Faculdade de Engenharia de Resende Engenharia Elétrica Eletrônica Semana de Atividades Científicas 2012 Associação Educacional Dom Bosco Faculdade de Engenharia de Resende Engenharia Elétrica Eletrônica UTILIZAÇÃO DA ANÁLISE DE GASES DISSOLVIDOS EM ÓLEO MINERAL ISOLANTE

Leia mais

Comunicação de Ocorrência em Instalações de Geração - COIG Usina / Agente Proprietário:

Comunicação de Ocorrência em Instalações de Geração - COIG Usina / Agente Proprietário: Comunicação de Ocorrência em Instalações de Geração - COIG Usina / Agente Proprietário: UG / Potência Nominal: UHE Furnas / Eletrobras Furnas UG 08 / 164 MW Data e hora da ocorrência: 14/04/2014 16h28min

Leia mais

Transformadores de Corrente

Transformadores de Corrente Transformadores de Corrente Uso externo Isolado a óleo JOF (24 550) kv Descrição geral Os TCs to tipo JOF são utilizados em sistemas de alta tensão entre 24 e 550 kv. Eles transformam níveis elevados de

Leia mais

2 MANUTENÇÃO PREDITIVA DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA

2 MANUTENÇÃO PREDITIVA DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA 20 2 MANUTENÇÃO PREDITIVA DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA Este capítulo tem o objetivo de posicionar o leitor sobre a manutenção preditiva de transformadores, objetivos e expectativas de resultados. Para

Leia mais

Filtros e Bombas. A Piscina dos seus Sonhos.

Filtros e Bombas. A Piscina dos seus Sonhos. Dúvidas Filtros e Bombas A Piscina dos seus Sonhos. - Filtros Água vazando para o esgoto. Nas opções filtrar e recircular, observo através do visor de retrolavagem que a água continua indo para o esgoto

Leia mais

Serviços de Média Tensão LCS PPMV Portifólio. ABB Group 6 de março de 2013 Slide 1

Serviços de Média Tensão LCS PPMV Portifólio. ABB Group 6 de março de 2013 Slide 1 Serviços de Média Tensão LCS PPMV Portifólio ABB Group 6 de março de 2013 Slide 1 PPMV Service Escopo Upgrade & Retrofit Retrofit Cubículo MT Retrofit Disjuntores MT Retrofit Contatores MT Retrofit de

Leia mais

REPARAR OU ADQUIRIR UM TRANSFORMADOR NOVO

REPARAR OU ADQUIRIR UM TRANSFORMADOR NOVO REPARAR OU ADQUIRIR UM TRANSFORMADOR NOVO. Autor: Bernardo Paula Lima Salum Siemens - Transformadores Copyright Siemens Ltda. All rights reserved. Unidades fabris no mundo Trois Riv ières Canada Sabugo

Leia mais

Manual de instruções e operação

Manual de instruções e operação Manual de instruções e operação LEIA ATENTAMENTE ESTE MANUAL BEM COMO OS TERMOS GERAIS DA GARANTIA (ITEM VIII) ANTES DA INSTALACAO E OPERACAO Fabricação e Garantia de C.N.P.J. 58.812.421/0001-05 Ind. Brasileira

Leia mais

2.0 - AS SUBESTAÇÕES E TRANSFORMADORES MONITORADOS

2.0 - AS SUBESTAÇÕES E TRANSFORMADORES MONITORADOS XXIII SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA FI/GMI/11 18 a 21 de Outubro de 2015 Foz do Iguaçu - PR GRUPO XII GRUPO DE ESTUDO DE ASPECTOS TÉCNICOS E GERENCIAIS DE MANUTENÇÃO

Leia mais

Geradores Trifásicos Para PCH s

Geradores Trifásicos Para PCH s Geradores Trifásicos Para PCH s Geradores Trifásicos para PCH s - 2-1. CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS Carcaça de aço laminado e soldada eletricamente. As suas dimensões são determinadas com o propósito de

Leia mais

MANUAL. TRANSFORMADOR A ÓLEO ATÉ 4000kVA

MANUAL. TRANSFORMADOR A ÓLEO ATÉ 4000kVA MANUAL TRANSFORMADOR A ÓLEO ATÉ 4000kVA INDICE 1. INTRODUÇÃO...5 2. INSTRUÇÕES BÁSICAS...6 2.1. INSTRUÇÕES GERAIS...6 2.2. FORNECIMENTO...6 2.2.1. Local de Recebimento...6 2.2.2. Inspeção de Recebimento...7

Leia mais

Tecnologia Preditiva no Transformador de Potência da Johnson&Johnson

Tecnologia Preditiva no Transformador de Potência da Johnson&Johnson Tecnologia Preditiva no Transformador de Potência da Johnson&Johnson Luiz B. S. Chacon (1) 1 Murilo Armelin Toledo (2) 2 Lucas Pavan Fritoli (3) 3 Hirokazu T. B. Ito (4) 4 RESUMO A energia elétrica é um

Leia mais

Análise de Métodos de Secagem de Transformadores de Potência

Análise de Métodos de Secagem de Transformadores de Potência GUSTAVO ALVES ANTONELLI Análise de Métodos de Secagem de Transformadores de Potência São Carlos 2013 GUSTAVO ALVES ANTONELLI Análise de Métodos de Secagem de Transformadores de Potência Trabalho de Conclusão

Leia mais

Proteção contra motorização e correntes desbalanceadas, falha de disjuntor e energização inadvertida Por Geraldo Rocha e Paulo Lima*

Proteção contra motorização e correntes desbalanceadas, falha de disjuntor e energização inadvertida Por Geraldo Rocha e Paulo Lima* 30 Capítulo VI Proteção contra motorização e correntes desbalanceadas, falha de disjuntor e energização inadvertida Por Geraldo Rocha e Paulo Lima* Proteção contra motorização e correntes desbalanceadas

Leia mais

Comutador de Taps sob Carga Tipo V

Comutador de Taps sob Carga Tipo V www.reinhausen.com Comutador de Taps sob Carga Tipo V Instruções de Serviço BA 081/04 2 Índice Índice 1 Dados Gerais 5 1.1 Instruções de segurança 5 1.2 Aplicações específicas 5 2 Design 6 3 Fornecimento

Leia mais

DECISÃO: REPARAR OU ADQUIRIR TRANSFORMADOR NOVO. Bernardo Paula Lima Salum SIEMENS São Paulo

DECISÃO: REPARAR OU ADQUIRIR TRANSFORMADOR NOVO. Bernardo Paula Lima Salum SIEMENS São Paulo V WORKSPOT- INTERNATIONAL WORKSHOP ON POWER TRANSFORM ERS BELÉM, PA 15 A 18 DE ABRIL DE 2008 DECISÃO: REPARAR OU ADQUIRIR TRANSFORMADOR NOVO Bernardo Paula Lima Salum SIEMENS São Paulo 1 SUMÁRIO Neste

Leia mais

Enumere as grandezas físicas com suas respectivas unidades e assinale a sequência correta da coluna da direita, de cima para baixo.

Enumere as grandezas físicas com suas respectivas unidades e assinale a sequência correta da coluna da direita, de cima para baixo. Questão 21 Conhecimentos Específicos - Técnico em Eletromecânica Os condutores devem apresentar características de: A. alta condutibilidade, baixa elasticidade, grande peso. B. baixa elasticidade, pequeno

Leia mais

TRANSFORMADOR A ÓLEO - FORÇA MANUAL DE INSTRUÇÕES

TRANSFORMADOR A ÓLEO - FORÇA MANUAL DE INSTRUÇÕES TRANSFORMADOR A ÓLEO FORÇA MANUAL DE INSTRUÇÕES MI0004 MAR/11 1/28 ÍNDICE DESCRIÇÃO PÁGINA 1. INTRODUÇÃO... 04 2. INSTRUÇÕES BÁSICAS... 04 2.1. Instruções gerais... 04 2.2. Recebimento... 04 2.2.1. Inspeção

Leia mais

A N E X O V I I I M Ó D U L O S C O N S T R U T I V O S D E L I N H A S E R E D E S D E D I S T R I B U I Ç Ã O S U B M E R S A S

A N E X O V I I I M Ó D U L O S C O N S T R U T I V O S D E L I N H A S E R E D E S D E D I S T R I B U I Ç Ã O S U B M E R S A S A N E X O V I I I M Ó D U L O S C O N S T R U T I V O S D E L I N H A S E R E D E S D E D I S T R I B U I Ç Ã O S U B M E R S A S C A T Á L O G O R E F E R E N C I A L DE M Ó D U L O S P A D R Õ E S D

Leia mais

on-line para transformadores de potência baseados em uma arquitetura descentralizada Por Marcos E. G. Alves e Vagner Vasconcellos*

on-line para transformadores de potência baseados em uma arquitetura descentralizada Por Marcos E. G. Alves e Vagner Vasconcellos* Aula Prática 114 O Setor Elétrico / Setembro de 2009 Especificação de sistemas de monitoração on-line para transformadores de potência baseados em uma arquitetura descentralizada Por Marcos E. G. Alves

Leia mais

Características & Interligação. Módulo APGV. Módulo Ponte Graetz com Ventilação Forçada. Revisão 00 de 13/05/10

Características & Interligação. Módulo APGV. Módulo Ponte Graetz com Ventilação Forçada. Revisão 00 de 13/05/10 Características & Interligação Módulo APGV Módulo Ponte Graetz com Ventilação Forçada Revisão 00 de 13/05/10 Direitos Reservados à Todas as informações contidas neste manual são de uso exclusivo da Equipamentos

Leia mais

Manual Técnico. Transformadores de Potência. Versão: 5

Manual Técnico. Transformadores de Potência. Versão: 5 Manual Técnico Transformadores de Potência Versão: 5 Índice 2 8 Página 1 1 INTRODUÇÃO Este manual fornece instruções referentes ao recebimento, instalação e manutenção dos transformadores de potência a

Leia mais

VIDA ÚTIL DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA: COMO DOBRAR PARA 60 ANOS. José Mak* Armando Bassetto Filho Saburo Aita

VIDA ÚTIL DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA: COMO DOBRAR PARA 60 ANOS. José Mak* Armando Bassetto Filho Saburo Aita 1 VIDA ÚTIL DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA: COMO DOBRAR PARA 60 ANOS José Mak* Armando Bassetto Filho Saburo Aita COMPANHIA PAULISTA DE FORÇA E LUZ - CPFL RESUMO A eficiência limitada do sistema de preservação

Leia mais

MONITORAÇÃO ON-LINE DE TRANSFORMADOR REGULADOR EM ITAIPU NA SE MARGEM DIREITA. M. E. G. ALVES* Treetech Sistemas Digitais Ltda.

MONITORAÇÃO ON-LINE DE TRANSFORMADOR REGULADOR EM ITAIPU NA SE MARGEM DIREITA. M. E. G. ALVES* Treetech Sistemas Digitais Ltda. Décimo Tercer Encuentro Regional Iberoamericano de CIGRÉ Puerto Iguazú, Argentina - 24 al 28 de Mayo de 2009 MONITORAÇÃO ON-LINE DE TRANSFORMADOR REGULADOR EM ITAIPU NA SE MARGEM DIREITA M. E. G. ALVES*

Leia mais

14 COMBUSTÍVEIS E TEMPERATURA DE CHAMA

14 COMBUSTÍVEIS E TEMPERATURA DE CHAMA 14 COMBUSTÍVEIS E TEMPERATURA DE CHAMA O calor gerado pela reação de combustão é muito usado industrialmente. Entre inúmeros empregos podemos citar três aplicações mais importantes e frequentes: = Geração

Leia mais

GEAFOL - Transformadores a seco de 75 a 25.000 kva. Transformadores encapsulados em resina. Power Transmission and Distribution

GEAFOL - Transformadores a seco de 75 a 25.000 kva. Transformadores encapsulados em resina. Power Transmission and Distribution GEAFOL - Transformadores a seco de 5 a 5.000 kva Transformadores encapsulados em resina Power Transmission and Distribution Aplicações e Características Transformadores a seco Geafol de 5 a 5.000 kva Confiabilidade

Leia mais

MANUTENÇÃO CENTRADA NA CONFIABILIDADE DE SUBESTAÇÕES

MANUTENÇÃO CENTRADA NA CONFIABILIDADE DE SUBESTAÇÕES Comitê de Estudo B3 Subestações Força Tarefa - Manutenção Centrada na Confiabilidade MANUTENÇÃO CENTRADA NA CONFIABILIDADE DE SUBESTAÇÕES Comutadores de tap INTRODUÇÃO Os comutadores de tap são utilizados

Leia mais

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância Monitoramento de Transformadores de Potência Gerenciamento de Dados para o Monitoramento e Avaliação da Condição Operativa de Transformadores Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Leia mais

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão Transformando energia em soluções Motores de Alta Tensão Motores de alta tensão A WEG desenvolveu em conjunto com consultoria internacional especializada uma linha de motores de carcaça de ferro fundido

Leia mais

Aplicação de uma nova metodologia para detecção de descargas parciais em transformadores de potência

Aplicação de uma nova metodologia para detecção de descargas parciais em transformadores de potência Aplicação de uma nova metodologia para detecção de descargas parciais em transformadores de potência Cacilda de Jesus Ribeiro 1 Cláudio Henrique B. Azevedo 2 André Pereira Marques 2,3 1 Universidade Federal

Leia mais

ANEXO AO ADITAMENTO N. 003 LISTA DE DOCUMENTOS NOVOS / ATUALIZADOS

ANEXO AO ADITAMENTO N. 003 LISTA DE DOCUMENTOS NOVOS / ATUALIZADOS ANEXO AO ADITAMENTO N. 003 LISTA DE DOCUMENTOS NOVOS / ATUALIZADOS Arquivo Revisão Descrição 0803-PE-DE-200-00-002 C GERAL ARRANJO GERAL PLANTA 0803-PE-DE-230-00-001 B GERAL DIAGRAMA UNIFILAR GERAL SIMPLIFICADO.

Leia mais

Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações

Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações Avaliação do Sistema de Transformação em Subestações e Painéis de Média Tensão - Operação, Manutenção e Ensaios Eng. Marcelo Paulino Subestações

Leia mais

Medidor de Resistência de Isolamento Analógico Modelo ITMG 800. Manual do Usuário

Medidor de Resistência de Isolamento Analógico Modelo ITMG 800. Manual do Usuário Medidor de Resistência de Isolamento Analógico Modelo ITMG 800 Manual do Usuário 1. Sumário O novo estilo de Verificador de Resistência de Isolamento Analógico é IT801A. Seu design é moderno e conta com

Leia mais

TEMA DA AULA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA

TEMA DA AULA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA TEMA DA AULA TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA PROFESSOR: RONIMACK TRAJANO DE SOUZA TRANSFORMADORES - PERDAS EM VAZIO Potência absorvida pelo transformador quando alimentado em tensão e frequência nominais,

Leia mais

Manual Técnico. Autotransformadores para Chave Compensadora. Revisão 3.0. Índice

Manual Técnico. Autotransformadores para Chave Compensadora. Revisão 3.0. Índice Página 1 de 6 Manual Técnico Autotransformadores para Chave Compensadora Revisão 3.0 Índice 1 Introdução...2 2 Recebimento...2 3 Instalação...3 3.1 Local de instalação...3 3.2 Ligações...3 4 Manutenção...5

Leia mais

Versão 1.01- Fevereiro 2008 (a cores)

Versão 1.01- Fevereiro 2008 (a cores) Acessórios e Componentes Eletromecânicos para Transformadores de Potência e Distribuição Relé Detector de Gás Tipo Buchholz Versão 1.01- Fevereiro 2008 (a cores) Idioma: Português / Brasil Versão para

Leia mais

COMUNICADO TÉCNICO Nº 60

COMUNICADO TÉCNICO Nº 60 Página 1 de 15 COMUNICADO TÉCNICO Nº 60 ALTERAÇÃO DE TENSÃO SECUNDÁRIA DE NOVOS EMPREENDIMENTOS NO SISTEMA RETICULADO SUBTERRÂNEO (NETWORK) Diretoria de Engenharia e Serviços Gerência de Engenharia da

Leia mais

8. MANUTENÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS

8. MANUTENÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS 8. MANUTENÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS 8.1 INTRODUÇÃO Os motores elétricos são responsáveis por grande parte da energia consumida nos segmentos onde seu uso é mais efetivo, como nas indústrias, onde representam

Leia mais

MANUAL TRANSFORMADORES SECO

MANUAL TRANSFORMADORES SECO MANUAL TRANSFORMADORES SECO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. INSTRUÇÕES BÁSICAS...4 2.1. Instruções Gerais...4 2.2. Fornecimento...4 2.2.1. Local de recebimento............5 2.2.2. Descarregamento e manuseio......5

Leia mais