REPRESENTAÇÃO COMERCIAL

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REPRESENTAÇÃO COMERCIAL"

Transcrição

1 REPRESENTAÇÃO COMERCIAL

2 Copyright Ody & Keller Advocacia e Assessoria Empresarial, Todos os direitos reservados. Versão: 01 (outubro de 2014) Este material tem caráter informativo, e não deve ser utilizado isoladamente para tomada de decisões. Aconselhamento específico poderá ser prestado por um de nossos consultores. O papel do representante comercial é fundamental para a manutenção e crescimento das empresas, pois ele é um prestador de serviços que atua como uma extensão da empresa no mercado, servindo como a identidade da empresa junto aos seus clientes. O desempenho de suas vendas é de fundamental importância para definições estratégicas das empresas. A boa relação entre representante comercial e representada é o termômetro para o sucesso deste modelo de vendas. Por isso, elaboramos esta cartilha para ajudá-lo a entender a relação e quais os direitos e deveres de cada parte, a fim de contribuir para a manutenção de uma relação sadia e de sucesso. 2

3 1 Quais as principais vantagens de ter um representante comercial no meu negócio? Por prestar serviço sob comissionamento, o representante comercial costuma ter um maior comprometimento com a sua performance de vendas, visando uma maior rentabilidade. Os representantes comerciais, em regra, tem grande proximidade com os clientes, fato que facilita a entrada de seu produto no mercado. Outra vantagem para a empresa é não ter o custo fixo com vendedores, sob o regime CLT, pois como a remuneração do representante comercial se dá em percentual sobre as vendas, em épocas de crise no setor ou na economia a rentabilidade da empresa não é afetada. 2 Como faço para contratar um representante comercial? Para contratar um representante comercial, a empresa deve tomar algumas precauções e exigir os seguintes requisitos: - Pessoa jurídica constituída na forma de sociedade limitada; - Registro no Conselho Regional de Representantes Comerciais do seu Estado CORE; - Certidões negativas de impostos; - Caso o representante comercial tenha prepostos, exigir o contrato de sub-representação entre ele e seus sub-representantes. Após o preenchimento de tais requisitos, as partes devem firmar um Contrato de Representação Comercial, Serviços Correlatos e outras avenças, elaborado por profissional especializado na área. 3

4 3 Quais as principais atribuições de um representante comercial? As atribuições do representante comercial envolvem todo o processo pré e pós venda, dentre elas: promover a venda dos produtos da representada devendo observar as políticas comerciais por esta estabelecidas, cabendo-lhe, igualmente, monitorar as vendas realizadas até a entrega dos produtos; fornecer relatórios sobre o andamento de todos negócios a seu cargo; cumprir as metas definidas pela representada; divulgar e promover os produtos; realizar pesquisas de mercado; visitar regularmente clientes efetivos e potenciais; realizar a cobrança dos valores devidos por clientes; entregar-lhes os comprovantes de quitação e documentos necessários ao cancelamento de protestos; providenciar a remoção das mercadorias devolvidas pelos clientes, acompanhada da nota fiscal; prestar outros serviços inerentes à representação comercial; entre outras. 4 Posso cobrar metas de um representante comercial? Sim, a empresa representada pode estabelecer e cobrar metas de vendas aos seus representantes, de acordo com o potencial da região de atuação. 4

5 5 As amostras dos produtos devem ser fornecidas pela empresa ou vendidas ao representante comercial? As amostras dos produtos são instrumentos de trabalho do representante comercial, por isso, podem lhe ser vendidas. Este assunto gera muita discussão em processos judiciais envolvendo representantes e representadas, porém, o judiciário já pacificou o entendimento de que a amostra do produto é um custo administrativo do representante comercial. 6 Quando o representante comercial adquire o direito ao recebimento de comissões? O representante comercial adquire o direito às comissões quando do pagamento dos pedidos efetuados, ou seja, na liquidação das vendas, podendo as partes estabelecer de forma diversa. 7 Para negociações especiais, em volumes maiores, pode haver redução no percentual de comissões do representante comercial? Sim, para conclusão de vendas em volumes maiores ou para clientes estratégicos as partes podem pactuar redução do percentual de comissão do representante, naquele pedido específico, para conceder ao cliente um percentual maior de desconto. 5

6 8 Posso ter mais de um representante comercial no mesmo território? Sim, cabe à representada determinar o formato de distribuição de área de atuação de seus representantes, podendo estabelecer atuação por região, cidades ou clientes específicos. 9 Quais as hipóteses de rescisão de contrato de representação comercial? O contrato de representação comercial pode ser rescindido: PELA REPRESENTADA - Por justo motivo: neste caso o representante não tem direito à qualquer indenização, podendo a representada reter comissões devidas ao representante, com o fim de ressarcir-se de danos por este causados ou à título de compensação; - Sem justo motivo: o representante comercial tem direito à indenização e aviso prévio. PELO REPRESENTANTE - Por justo motivo: neste caso o representante adquire o direito ao recebimento de indenização; - Sem justo motivo: a representada tem direito ao aviso prévio. 6

7 10 Quais as formas jurídicas para rescisão de contrato de representação comercial? O contrato pode rescindido das seguintes formas: UNILATERAL Por simples notificação extrajudicial. BILATERAL Distrato por instrumento particular ou por escritura pública (recomendável). 11 Como se calcula a indenização devida ao representante comercial em caso de rescisão contratual pela representada, sem justo motivo? A indenização prevista no art. 27, j da Lei 4.886/65 é calculada na razão de 1/12 (um doze avos) do total da retribuição auferida pelo representante comercial durante o tempo em que exerceu a representação. 7

8 Para mais informações sobre este assunto, entre em contato com nossos especialistas. Será um prazer ajudá-lo. (51) Rua Gal. Emílio Lúcio Esteves, 1082 Centro Taquara/RS

CONTRATO DE REPRESENTAÇÃO COMERCIAL, que entre sim fazem, como. Representada...,e como REPRESENTANTE...,QUALIFICADOS NA FORMA

CONTRATO DE REPRESENTAÇÃO COMERCIAL, que entre sim fazem, como. Representada...,e como REPRESENTANTE...,QUALIFICADOS NA FORMA MODELO DE CONTRATO DE REPRESENTAÇÃO COMERCIAL CONTRATO DE REPRESENTAÇÃO COMERCIAL, que entre sim fazem, como Representada...,e como REPRESENTANTE...,QUALIFICADOS NA FORMA ABAIXO: Pelo presente instrumento

Leia mais

JUSTA CAUSA POR EXCESSO DE FALTAS INJUSTIFICADAS OU REITERADOS ATRASOS

JUSTA CAUSA POR EXCESSO DE FALTAS INJUSTIFICADAS OU REITERADOS ATRASOS JUSTA CAUSA POR EXCESSO DE FALTAS INJUSTIFICADAS OU REITERADOS ATRASOS Copyright Ody & Keller Advocacia e Assessoria Empresarial, 2014. Todos os direitos reservados. Versão: 01 (outubro de 2014) Este material

Leia mais

Pelo presente instrumento, são partes, de um lado

Pelo presente instrumento, são partes, de um lado CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA, CONSULTORIA E INTERMEDIAÇÃO Pelo presente instrumento, são partes, de um lado LOCADORA DE VEICULOS LTDA. LOCADORA RENT, pessoa jurídica de direito privado,

Leia mais

Modelo de contrato pronto para impressão.

Modelo de contrato pronto para impressão. Modelo de contrato pronto para impressão. DELO DE CONTRATO ESCRITO DE REPRESENTAÇÃO COMERCIAL Pelo presente instrumento particular de contrato de representação comercial, impresso em duas vias, e devidamente

Leia mais

Boletim Extraordinário. Novo Regulamento de Intermediários da FIFA

Boletim Extraordinário. Novo Regulamento de Intermediários da FIFA Boletim Extraordinário Novo Regulamento de Intermediários da FIFA Nos últimos dias 10 e 11 de junho de 2014 foi realizado na cidade de São Paulo o 64 Congresso da FIFA, em que foram aprovadas as alterações

Leia mais

Conselho Regional dos Representantes Comerciais no Estado de Pernambuco CORE - PE

Conselho Regional dos Representantes Comerciais no Estado de Pernambuco CORE - PE 1. O QUE É O CORE-PE? O Conselho Regional dos Representantes Comerciais no Estado de Pernambuco CORE- PE, é uma autarquia Federal criada por lei, responsável pela fiscalização e regulamentação da profissão

Leia mais

CONTRATO Nº 054/05/FMS/PSF CONTRATO ADMINISTRATIVO DE ADMISSÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

CONTRATO Nº 054/05/FMS/PSF CONTRATO ADMINISTRATIVO DE ADMISSÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE CONTRATO Nº 054/05/FMS/PSF CONTRATO ADMINISTRATIVO DE ADMISSÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Pelo presente instrumento de contrato, o FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE IBICARÉ, Município

Leia mais

ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE

ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE Foi publicada no Diário Oficial da União - DOU de 11/11/16 a RN 412/16 que dispõe sobre a solicitação de cancelamento do contrato do

Leia mais

PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA

PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA 1. DOS SERVIÇOS PRESTADOS O Escritório de Advocacia DALCIN E COUTINHO ADVOGADOS ASSOCIADOS devidamente registrada na OAB, Seção do Distrito Federal, sob o n.º 2.388/14 RS

Leia mais

M.S PRESTADORA DE SERVIÇOS EM POÇOS ARTESIANOS

M.S PRESTADORA DE SERVIÇOS EM POÇOS ARTESIANOS CONTRATO 172/2014 CREDOR VALOR 32.010,00 DATA 23.10.2014 M.S PRESTADORA DE SERVIÇOS EM POÇOS ARTESIANOS CONTRATO FIRMADO ENTRE O MUNICÍPIO DE ÁGUA BOA MT E A EMPRESA M.S PRESTADORA DE SERVIÇOS EM POÇOS

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 024/17, DE 25 DE ABRIL DE 2017.

PROJETO DE LEI Nº 024/17, DE 25 DE ABRIL DE 2017. PROJETO DE LEI Nº 024/17, DE 25 DE ABRIL DE 2017. Autoriza o Município de Floriano Peixoto - RS, através do Poder Executivo, a celebrar Convênio com a Associação Beneficente dos Receptores de Sangue de

Leia mais

CONTRATOS COM O MESMO GRUPO BB SEGURIDADE PARTICIPAÇÕES S/A

CONTRATOS COM O MESMO GRUPO BB SEGURIDADE PARTICIPAÇÕES S/A CONTRATOS COM O MESMO GRUPO BB SEGURIDADE PARTICIPAÇÕES S/A Conforme divulgado na cessão 16 Transações com Partes Relacionadas do Formulário de Referência - 2013 da BB Seguridade Participações S/A, os

Leia mais

ICMS SÃO PAULO. Livro EXCELL.indd 44 10/04/14 17:11

ICMS SÃO PAULO. Livro EXCELL.indd 44 10/04/14 17:11 ICMS SÃO PAULO Livro EXCELL.indd 44 10/04/14 17:11 INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPRA E VENDA DE CREDITOS DE ICMS - ESTADO DE SÃO PAULO DE FORMA ONEROSA contratante, CNPJ. Endereço, cidade, estado, na cidade

Leia mais

ATO CONSTITUTIVO DE SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA (MODELO)

ATO CONSTITUTIVO DE SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA (MODELO) ATO CONSTITUTIVO DE SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA (MODELO) Pelo presente instrumento, - [Nome do Advogado], [nacionalidade], [estado civil], advogado (a), inscrito(a) na OAB/RN sob n. [...], inscrito(a)

Leia mais

DESPACHO DE HOMOLOGAÇÃO E DE ADJUDICAÇÃO. O PREFEITO MUNICIPAL DE CAAPIRANGA, no uso de suas atribuições legais.

DESPACHO DE HOMOLOGAÇÃO E DE ADJUDICAÇÃO. O PREFEITO MUNICIPAL DE CAAPIRANGA, no uso de suas atribuições legais. DESPACHO DE HOMOLOGAÇÃO E DE ADJUDICAÇÃO O PREFEITO MUNICIPAL DE CAAPIRANGA, no uso de suas atribuições legais. CONSIDERANDO, os documentos acostados no PROCESSO ADMINISTRATIVO DO TERMO CONTRATO N. 016/2016,

Leia mais

Rede de Parcerias Nacionais PMC

Rede de Parcerias Nacionais PMC Rede de Parcerias Nacionais PMC Rede de Parcerias Nacionais PMC A PMConsultores, desde 2009 que se especializou no serviço de assessoria à gestão, com especial foco nas áreas de recuperação, reestruturação

Leia mais

ATO CONSTITUTIVO DE SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA

ATO CONSTITUTIVO DE SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA ATO CONSTITUTIVO DE SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA Pelo presente instrumento, - [Nome do Advogado], [nacionalidade], [estado civil], advogado(a), inscrito(a) na OAB/Ba sob n. [...], inscrito(a) no CPF/MF

Leia mais

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Questões Comentadas Segue às questões da Vunesp do concurso de procurador municipal, devidamente comentada. Cargo de confiança 1) A determinação do empregador para que

Leia mais

Contrato de Mediação de Exportação

Contrato de Mediação de Exportação Contrato de Mediação de Exportação IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES CONTRATANTE: (Nome da Contratante), com sede em (xxx), na Rua (xxx), nº (xxx), bairro (xxx), Cep (xxx), no Estado (xxx), inscrita

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 412, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2016

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 412, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2016 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 412, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2016 Dispõe sobre a solicitação de cancelamento do contrato do plano de saúde individual ou familiar, e de exclusão de beneficiário de contrato coletivo

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA REALIZAÇÃO DE EVENTO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA REALIZAÇÃO DE EVENTO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA REALIZAÇÃO DE EVENTO Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado o signatário do presente, as PARTES abaixo qualificadas: (a) COMPLETAR COM O NOME

Leia mais

- Termos sem assinatura ou parcialmente preenchidos não serão considerados como válidos;

- Termos sem assinatura ou parcialmente preenchidos não serão considerados como válidos; INFORMAÇÕES: - O presente Termo será firmado entre o SINDINFOR e a empresa que aderir ao Projeto; - O presente Termo deve ser assinado pelo Representante Legal da empresa, carimbado e rubricado em todas

Leia mais

CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTABILIDADE

CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTABILIDADE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTABILIDADE CONTRATO DE GESTÃO IGAM/ABHA N 002/2009 = TERMO DE REFERÊNCIA = REPETIÇÃO DE PROCESSO PROCESSO SELETIVO 004-A/2012 ARAGUARI - MG ABRIL / 2012 1. INTRODUÇÃO 1.1.

Leia mais

USUCAPIÃO EXTRAJUDICIAL - CONCEITO E FUNDAMENTOS

USUCAPIÃO EXTRAJUDICIAL - CONCEITO E FUNDAMENTOS USUCAPIÃO EXTRAJUDICIAL - CONCEITO E FUNDAMENTOS 1. A usucapião consiste em uma forma de aquisição originária de propriedade. Da própria análise da etimologia do termo usus capere extrai-se a ideia de

Leia mais

CUSTEIO SINDICAL: ENTENDA SOBRE SUAS POSSÍVEIS FONTES

CUSTEIO SINDICAL: ENTENDA SOBRE SUAS POSSÍVEIS FONTES CUSTEIO SINDICAL: ENTENDA SOBRE SUAS POSSÍVEIS FONTES O Direito Coletivo do Trabalho tem como figura principal o sindicato, cuja finalidade é a defesa dos direitos e interesses coletivos ou individuais

Leia mais

http://www.econeteditora.com.br/boletim_imposto_renda/ir-08/irpj_consorcio_empresas.php

http://www.econeteditora.com.br/boletim_imposto_renda/ir-08/irpj_consorcio_empresas.php Page 1 of 5 IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA CONSÓRCIO DE EMPRESAS Considerações Gerais 1. INTRODUÇÃO 2. PROIBIÇÃO PARA A FORMAÇÃO DE CONSÓRCIOS 3. PERSONALIDADE JURÍDICA E RESPONSABILIDADE TRIBUTÁRIA

Leia mais

Institucional. Possui escritórios correspondentes e departamentos jurídicos de empresas em diversas cidades do Estado e do território Nacional.

Institucional. Possui escritórios correspondentes e departamentos jurídicos de empresas em diversas cidades do Estado e do território Nacional. Institucional Gomes & Aguiar Advogados Associados, fundada em 2001, é uma sociedade de advogados sediada no centro histórico da cidade de Porto Alegre. Possui uma moderna infra estrutura e é integrada

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE QUITANDINHA

CÂMARA MUNICIPAL DE QUITANDINHA Prestação de Serviços de Publicação, do Processo de Dispensa de Licitação 002/2015. I DAS PARTES: A) CÂMARA MUNICIPAL DE QUITANDINHA, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ/MF sob

Leia mais

CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO VIVO DDD 15

CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO VIVO DDD 15 CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO VIVO DDD 15 Por este instrumento, em que fazem parte de um lado, TELEFÔNICA BRASIL S.A., Prestadora do Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC, inscrita no CNPJ/MF sob

Leia mais

Documentos do vendedor Pessoa Jurídica. Certidão Simplificada do Registro da Empresa na Junta Comercial.

Documentos do vendedor Pessoa Jurídica. Certidão Simplificada do Registro da Empresa na Junta Comercial. Documentos do vendedor Pessoa Jurídica Certidão Simplificada do Registro da Empresa na Junta Comercial. Cópia do Contrato Social ou Estatuto Social, registrado na Junta Comercial e respectivas alterações

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2010

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2010 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2010 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ESTANTES E ARMÁRIOS DE AÇO ATRAVÉS DE REGISTRO DE PREÇOS, QUE ENTRE SI FAZEM A DE PRIMEIRO GRAU E A EMPRESA PROCESSO Nº /2010-EOF A DE PRIMEIRO

Leia mais

Diferenciais. Oportunidades. Quem Somos. One time shopping Provemos a assessoria completa e gratuita no processo de aquisição do imóvel.

Diferenciais. Oportunidades. Quem Somos. One time shopping Provemos a assessoria completa e gratuita no processo de aquisição do imóvel. Quem Somos A ALKINVEST é uma empresa norte-americana, especializada em investimentos de, voltada para estrangeiros que ainda não conhecem as oportunidades e as facilidades de investimento para a compra

Leia mais

Procuradoria da Dívida Ativa - PG-05

Procuradoria da Dívida Ativa - PG-05 Procuradoria da Dívida Ativa - PG-05 Ano UFIR-RJ* 2006 67.495.595,72 2007 50.486.636,57 2008 65.476.580,85 2009 231.174.347,46 2010 421.467.819,04 2011 144.707.862,62 2012 357.340.649,83 2013 367.528.368,78

Leia mais

RESOLUÇÃO nº. 02/2011, de 31 de janeiro de /2010 e dá outras providencias.

RESOLUÇÃO nº. 02/2011, de 31 de janeiro de /2010 e dá outras providencias. RESOLUÇÃO nº. 02/2011, de 31 de janeiro de 2011. Dispõe sobre o regulamento do RDC, revoga a Res. COOPUS 03/2010 e dá outras providencias. O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO da Cooperativa de Economia e Crédito

Leia mais

CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO

CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO Contrato individual de trabalho é o acordo, tácito ou expresso, correspondente à relação de emprego. Relação de emprego entre EMPREGADOR e EMPREGADO. DEFINIÇÃO LEGAL: O

Leia mais

16. OPERAÇÕES COM O ESTRANGEIRO (OUTROS CLIENTES)

16. OPERAÇÕES COM O ESTRANGEIRO (OUTROS CLIENTES) 16.1. Remessas documentárias Cobranças e descontos de exportação 1. Comissão - Remessas à cobrança 0,26% (67,50 / 270,00) 2. Comissão - Remessas descontadas c/ documentos 0,26% (67,50 / 270,00) 3. Comissão

Leia mais

ª ALTERAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO CONTRATO SOCIAL DA SOCIEDADE DE ADVOGADOS

ª ALTERAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO CONTRATO SOCIAL DA SOCIEDADE DE ADVOGADOS ª ALTERAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO CONTRATO SOCIAL DA SOCIEDADE DE ADVOGADOS...(nome da Sociedade)... [Nota: os instrumentos de alteração contratual devem conter o número de registro da sociedade no CNPJ e

Leia mais

Regulamento do Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157

Regulamento do Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157 Regulamento do Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157 1- Denominação do Fundo: O Bradesco Fundo de Investimento em Quotas de Fundo de Investimento em Ações 157,

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA PODER EXECUTIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE ROLIM DE MOURA SECRETARIA MUNICIPAL DE COMPRAS E LICITAÇÕES

ESTADO DE RONDÔNIA PODER EXECUTIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE ROLIM DE MOURA SECRETARIA MUNICIPAL DE COMPRAS E LICITAÇÕES Processo número: 114/2014 Licitação: Pregão Eletrônico nº 52/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS 14/2014 VALIDADE DA ATA: 12.07.15 Objeto: FORMALIZAÇÃO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

Leia mais

LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL. Professor Rodrigo Francelino

LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL. Professor Rodrigo Francelino LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL Professor Rodrigo Francelino 1.4 LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL (3 QUESTÕES) Título I Dos Fundamentos da Organização dos Poderes e do Distrito Federal. Título II Da

Leia mais

Código de Ética. Diante dos Vendedores Diretos e entre Empresas

Código de Ética. Diante dos Vendedores Diretos e entre Empresas Código de Ética Diante dos Vendedores Diretos e entre Empresas (Texto em conformidade com as deliberações da Assembléia Geral Extraordinária da ABEVD - Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas

Leia mais

Termo Aditivo ao Contrato de Abertura, Movimentação e Manutenção de Conta de Depósito à Vista.

Termo Aditivo ao Contrato de Abertura, Movimentação e Manutenção de Conta de Depósito à Vista. Termo Aditivo ao Contrato de Abertura, Movimentação e Manutenção de Conta de Depósito à Vista. Adesão aos Serviços de Custódia de Títulos do Agronegócio e Outras Avenças CONTA CORRENTE (uso exclusivo do

Leia mais

CREA-SP CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DE SÃO PAULO

CREA-SP CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DE SÃO PAULO 01 CREA-SP CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DE SÃO PAULO 02 No Brasil, existem profissões: Regulamentadas E não regulamentadas O Estado regulamenta uma profissão se entender que

Leia mais

45 CONVENÇÃO ESTADUAL DO COMÉRCIO LOJISTA BLUMENAU/SC

45 CONVENÇÃO ESTADUAL DO COMÉRCIO LOJISTA BLUMENAU/SC 45 CONVENÇÃO a ESTADUAL DO COMÉRCIO LOJISTA 23 a 25 de maio de 2013 BLUMENAU/SC INTRODUÇÃO O presente Manual do Expositor estabelece os direitos e deveres da Promotora, da Organizadora e do Expositor e

Leia mais

HOMOLOGAÇÃO DA RESCISÃO CONTRATUAL DIREITO DO TRABALHO II. Aula 9 Homologação da terminação do. Maria Inês Gerardo

HOMOLOGAÇÃO DA RESCISÃO CONTRATUAL DIREITO DO TRABALHO II. Aula 9 Homologação da terminação do. Maria Inês Gerardo Aula 9 Homologação da terminação do contrato de trabalho Maria Inês Gerardo www.mariainesgerardo.com.br Facebook: Maria Inês Gerardo Conteúdo Programático desta aula Homologação da terminação do contrato

Leia mais

Diário Oficial do LEGISLATIVO

Diário Oficial do LEGISLATIVO Quarta-feira SUMÁRIO QR CODE CÂMARA MUNICPAL... 2 LICITAÇÕES E CONTRATOS... 2 DISTRATO (CONTRATO Nº 04/2017)... 2 ERRATA (DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 05/2017)... 3 EXTRATO (CONTRATO Nº 012/2017)... 4 EXTRATO

Leia mais

REGULAMENTO DUX COWORKING E FREELANCER PARCERIA PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS São Paulo, 03 de dezembro de TÍTULO I GENERALIDADES

REGULAMENTO DUX COWORKING E FREELANCER PARCERIA PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS São Paulo, 03 de dezembro de TÍTULO I GENERALIDADES REGULAMENTO DUX COWORKING E FREELANCER PARCERIA PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS São Paulo, 03 de dezembro de 2012. TÍTULO I GENERALIDADES CONSIDERANDO a intenção de atender, com excelência, as demandas do

Leia mais

Lei de Criação 372 13/02/1992

Lei de Criação 372 13/02/1992 CONTRATO N. º 002/CMM/2014 Estado de Rondônia Câmara Municipal de Ministro Andreazza Lei de Criação 372 13/02/1992 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM, DE UM LADO A CÂMARA MUNICIPAL DE MINISTRO ANDREAZZA RO, E

Leia mais

2.4. Os EMPREGADOS demitidos por justa causa, não farão jus à participação nos lucros ou resultados.

2.4. Os EMPREGADOS demitidos por justa causa, não farão jus à participação nos lucros ou resultados. CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO E DA VIGÊNCIA 1.1 O presente Acordo tem por objeto estabelecer as regras para a participação dos EMPREGADOS nos lucros ou resultados da EMPRESA, na forma disposta na Lei 10.101,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE GESTÃO DE PESSOAS

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE GESTÃO DE PESSOAS REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE GESTÃO DE PESSOAS APROVADO EM RCA DE 27/07/2016 CAPÍTULO I DO COMITÊ DE GESTÃO DE PESSOAS Art. 1º. O Comitê de Gestão de Pessoas ( Comitê ) é um órgão não estatutário, subordinado

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O Nº 108/2000-CAD/UNICENTRO

R E S O L U Ç Ã O Nº 108/2000-CAD/UNICENTRO R E S O L U Ç Ã O Nº 108/2000-CAD/UNICENTRO Celebra Termo de Convênio de Cooperação Técnica, Administrativa, Científica, Educacional, Social, Esportiva e Cultural, firmado entre a UNICENTRO e o SINTESU,

Leia mais

CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO VIVO DDD 15

CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO VIVO DDD 15 CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO VIVO DDD 15 Por este instrumento, em que fazem parte de um lado, TELEFÔNICA BRASIL S.A., STFC, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 02.558.157/0001-62, com sede na Av. Engenheiro

Leia mais

POLÍTICA DE PREVENÇÃO À LAVAGEM DE DINHEIRO E COMBATE À CORRUPÇÃO

POLÍTICA DE PREVENÇÃO À LAVAGEM DE DINHEIRO E COMBATE À CORRUPÇÃO POLÍTICA DE PREVENÇÃO À LAVAGEM DE DINHEIRO E COMBATE À CORRUPÇÃO > VERSÃO 2 / 8 1. INTRODUÇÃO A Política de Prevenção à Lavagem de Dinheiro e Combate à Corrupção ( Política ) visa promover a adequação

Leia mais

Conjuntos de suporte para caixa trifásica metal p/ 3 2 poste quadrado 14,00 28,00

Conjuntos de suporte para caixa trifásica metal p/ 3 2 poste quadrado 14,00 28,00 CONTRATO Nº 072/2011 CONTRATO REFERENTE À CARTA CONVITE Nº 028/2011, VISANDO A AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DIVERSOS PARA A ILUMINAÇÃO E MATERIAL ELÉTRICO DO MUNICÍPIO. CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SANTA TEREZA,

Leia mais

1º SIMULADO XXI EXAME DE ORDEM 2ª FASE

1º SIMULADO XXI EXAME DE ORDEM 2ª FASE 2ª FASE 1º SIMULADO XXI EXAME DE ORDEM 1 2 1º SIMULADO - 2ª FASE XXI EXAME DE ORDEM DIREITO DO TRABALHO A resolução em vídeo do Simulado estará disponível na área de Transmissões no app do OAB de Bolso

Leia mais

CONTRATO DE PARCERIA DE NEGÓCIOS MEMBROS ASSOCIADOS DE CURSOS EAD

CONTRATO DE PARCERIA DE NEGÓCIOS MEMBROS ASSOCIADOS DE CURSOS EAD MEMBROS ASSOCIADOS DE CURSOS EAD 2016 CONTRATO NÚMERO: Pelo presente instrumento particular, de um lado: PORTAL EAD BRASIL, pessoa jurídica de direito privado, com sede estabelecida à, devidamente inscrita

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº. /2015 CAPEAMENTO ASFÁLTICO Pelo presente instrumento particular de prestação de serviços, o MUNICÍPIO

MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº. /2015 CAPEAMENTO ASFÁLTICO Pelo presente instrumento particular de prestação de serviços, o MUNICÍPIO MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº. /2015 CAPEAMENTO ASFÁLTICO Pelo presente instrumento particular de prestação de serviços, o MUNICÍPIO DE IBIRAPUITÃ, pessoa jurídica de direito público interno,

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação. Aula 7- Novas Tecnologias de Sistemas nos negócios

Administração de Sistemas de Informação. Aula 7- Novas Tecnologias de Sistemas nos negócios Aula 7- Novas Tecnologias de Sistemas nos negócios Conteúdo Programático desta aula Conhecer os conceitos básicos de Sistemas Especialistas; e identificar os Impactos Éticos e Sociais causados pelo uso

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como é calculada a contribuição previdenciária sobre a remuneração paga ao transportador autônomo de veículo

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como é calculada a contribuição previdenciária sobre a remuneração paga ao transportador autônomo de veículo Como é calculada a contribuição previdenciária sobre a remuneração paga ao transportador 30/06/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação...

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 78/2015

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 78/2015 CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 78/2015 AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS SEM LICITAÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR O MUNICÍPIO DE NÃO-ME-TOQUE, pessoa jurídica de direito público, com

Leia mais

VIX LOGÍSTICA S/A COMITÊ DE GOVERNANÇA CORPORATIVA E GESTÃO DE PESSOAS

VIX LOGÍSTICA S/A COMITÊ DE GOVERNANÇA CORPORATIVA E GESTÃO DE PESSOAS VIX LOGÍSTICA S/A COMITÊ DE GOVERNANÇA CORPORATIVA E GESTÃO DE PESSOAS 1. Objetivo O Comitê de Governança Corporativa e Gestão de Pessoas é um órgão acessório ao Conselho de Administração (CAD) da VIX

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA. Marco Antonio Bregonci FHMSC Sup Executivo

CHAMADA PÚBLICA. Marco Antonio Bregonci FHMSC Sup Executivo CHAMADA PÚBLICA A FUNDAÇÃO HOSPITAL MATERNIDADE SÃO CAMILO FHMSC, entidade filantrópica de natureza privada, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica sob nº. 27.108.380/0001-39, com sede institucional

Leia mais

TRATAMOS DO ARRENDAMENTO E DA GESTÃO DO SEU IMÓVEL ZELAMOS E VALORIZAMOS O SEU INVESTIMENTO ESPECIALISTAS EM SOLUÇÕES IMOBILIÁRIAS

TRATAMOS DO ARRENDAMENTO E DA GESTÃO DO SEU IMÓVEL ZELAMOS E VALORIZAMOS O SEU INVESTIMENTO ESPECIALISTAS EM SOLUÇÕES IMOBILIÁRIAS TRATAMOS DO ARRENDAMENTO E DA GESTÃO DO SEU IMÓVEL ZELAMOS E VALORIZAMOS O SEU INVESTIMENTO REDE SOLUÇÕES IDEAIS GARANTIA DE SATISFAÇÃO GESTÃO DE ARRENDAMENTOS - SERVIÇO GESTÃO DE ARRENDAMENTOS Numa altura

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS Gabinete do Prefeito

PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS Gabinete do Prefeito Of. GP/CM/462/2009 Canoas, 22 de outubro de 2009. Senhor Presidente, Vimos respeitosamente encaminhar a essa Egrégia Casa Legislativa a minuta de Convênio que celebram entre si o Município de Canoas e

Leia mais

Documentos do vendedor Pessoa Física. Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado;

Documentos do vendedor Pessoa Física. Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado; Documentos do vendedor Pessoa Física Cópia da Carteira de Identidade com o nome correto, conforme comprovante de estado civil atualizado; Nota: caso o proponente for casado(a), enviar também os documentos/certidões

Leia mais

Lauro de Freitas DECRETO Nº DE 20 DE JANEIRO DE 2015.

Lauro de Freitas DECRETO Nº DE 20 DE JANEIRO DE 2015. 2 - Ano III - Nº 291 Decretos DECRETO Nº 3.824 DE 20 DE JANEIRO DE 2015. Institui a Certidão de Regularidade Fiscal da Construção Civil CRFCC. O PREFEITO MUNICIPAL DE LAURO DE FREITAS, Estado da Bahia,

Leia mais

POLÍTICA E PROCEDIMENTOS. Nome da Política: Política de Faturação e Cobrança por Auto Pagamento 10/2000, 10/2002, 10/2008, 06/2016

POLÍTICA E PROCEDIMENTOS. Nome da Política: Política de Faturação e Cobrança por Auto Pagamento 10/2000, 10/2002, 10/2008, 06/2016 Política # GA-018- Nome da Política: Política de Faturação e Cobrança por Auto Página 1 de 6 Manual: Administrativo Geral Patrocinador: Vice Presidente Financeiro/Tesoureiro Aprovador: Seção: Serviços

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 198/2007-CAD/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 198/2007-CAD/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 198/2007-CAD/UNICENTRO Celebra Convênio firmado entre a UNICENTRO e a BV FINANCEIRA S.A Crédito, Financiamento e Investimento. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO:

Leia mais

CADERNO DE DESCRIÇÕES DE CARGOS JURÍDICO

CADERNO DE DESCRIÇÕES DE CARGOS JURÍDICO CADERNO DE DESCRIÇÕES DE CARGOS JURÍDICO REVISÃO DOS DADOS 04 RELAÇÃO DE CARGOS Advogado Analista Jurídico IDENTIFICAÇÃO DO CARGO Título do Cargo: Advogado Departamento/Setor: Jurídico Subordinação Diretor

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO DO WEBSITE SANTA CASA CHALLENGE CONCURSO DE INOVAÇÃO SOCIAL DIGITAL

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO DO WEBSITE SANTA CASA CHALLENGE CONCURSO DE INOVAÇÃO SOCIAL DIGITAL TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO DO WEBSITE SANTA CASA CHALLENGE CONCURSO DE INOVAÇÃO SOCIAL DIGITAL 1. DEFINIÇÕES 1.1. Para efeitos dos presentes termos e condições entende-se por: i) Santa Casa Challenge

Leia mais

ENERGIA ELÉTRICA. Serviços Essenciais: Defesa do Consumidor

ENERGIA ELÉTRICA. Serviços Essenciais: Defesa do Consumidor Serviços Essenciais: ENERGIA ELÉTRICA Saiba o que são os serviços públicos essenciais e conheça seus direitos enquanto consumidor. Núcleo Especializado de Defesa do Consumidor O que são os serviços públicos

Leia mais

EDITAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO ANO LETIVO 2016

EDITAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO ANO LETIVO 2016 EDITAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO ANO LETIVO 2016 1 DAS INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 O presente regulamento, baseado na Lei 12.868, de 15/10/2013 e no Decreto 8242, de 26/05/2014, disciplina o processo

Leia mais

FUNDAÇÃO PROCON SÃO PAULO

FUNDAÇÃO PROCON SÃO PAULO APRESENTAÇÃO No ano em que o Código de Defesa do Consumidor completa 21 anos e o Procon-SP comemora seus 35, lançamos este CDC de bolso para que os consumidores possam ter sempre à mão os temas usualmente

Leia mais

Quais as vantagens da contratação de um escritório específico para empresas?

Quais as vantagens da contratação de um escritório específico para empresas? Quais as vantagens da contratação de um escritório específico para empresas? Trata-se da criação do departamento jurídico da empresa sem qualquer ônus inicial. Empresas que já utilizam os nossos serviços:

Leia mais

Guia Trabalhista: Aspectos trabalhistas dos empregados vendedores

Guia Trabalhista: Aspectos trabalhistas dos empregados vendedores Guia Trabalhista: Aspectos trabalhistas dos empregados vendedores Resumo: Analisaremos no presente Roteiro de Procedimentos os aspectos trabalhistas dos empregados vendedores, viajantes ou pracistas. Para

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DOS REPRESENTANTES COMERCIAIS NO ESTADO DA BAHIA CORE-BA. Relação de Serviços e Prazos de Atendimento

CONSELHO REGIONAL DOS REPRESENTANTES COMERCIAIS NO ESTADO DA BAHIA CORE-BA. Relação de Serviços e Prazos de Atendimento Relação de Serviços e Prazos de Atendimento Registros Presencial: 02-dias (certidão) e 15 dias (carteirinha ou certificado). Certidões Imediata Alteração contratual 05 dias úteis Cancelamento de Registro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO BOM Estado do Paraná

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO BOM Estado do Paraná CONTRATO Nº 49/2014 CONTRATO, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE RIO BOM E A EMPRESA A P DE OLIVEIRA SERVIÇOS, NA FORMA ABAIXO: Pelo presente instrumento particular de contrato, de um lado, a PREFEITURA

Leia mais

Projeto Na Medida MICROEMPRESA. Palestra de sensibilização Na Medida PARA MICROEMPRESÁRIOS. Competências Gerais. Modalidade. Formato.

Projeto Na Medida MICROEMPRESA. Palestra de sensibilização Na Medida PARA MICROEMPRESÁRIOS. Competências Gerais. Modalidade. Formato. Projeto Na Medida PARA MICROEMPRESÁRIOS Palestra de sensibilização Na Medida Compreender a relevância do papel dos micro e pequenos empresários na economia brasileira e a necessidade da adoção das melhores

Leia mais

Renda Fixa. Nota Promissória. Renda Fixa

Renda Fixa. Nota Promissória. Renda Fixa Renda Fixa O produto A (NP), também conhecida como nota comercial ou commercial paper, é um título emitido por companhias com o objetivo de captar recursos, geralmente para financiar seu capital de giro.

Leia mais

LL.C. em Direito Empresarial

LL.C. em Direito Empresarial LL.C. em Direito Empresarial Pós-graduação lato sensu Programa do Curso Índice Apresentação... 3 Estrutura do programa... 4 Processo seletivo... 10 No atual mundo complexo, incerto e multidisciplinar em

Leia mais

Domingos de Torre Primeira PARTE

Domingos de Torre Primeira PARTE ALGUNS ASPECTOS SOBRE CONTRIBUIÇÃO CONFEDERATIVA E SINDICAL Domingos de Torre 09.03.2011 Primeira PARTE (A) - A CONTRIBUIÇÃO CONFEDERATIVA, A SINDICAL E OS APOSENTADOS Contribuição Confederativa A Contribuição

Leia mais

Produtos Aquisição Residencial e Comercial

Produtos Aquisição Residencial e Comercial Negócios Imobiliários São Paulo, Março de 2016 Produtos Aquisição Residencial e Comercial Leilão de Imóveis Guia Rápido Condições Produtos de Crédito Imobiliário Residenciais Condições gerais do produto

Leia mais

2.1. Serão avaliados projetos com realização nos municípios de Catalão e Ouvidor, no Estado de Goiás; e Cubatão, no Estado de São Paulo.

2.1. Serão avaliados projetos com realização nos municípios de Catalão e Ouvidor, no Estado de Goiás; e Cubatão, no Estado de São Paulo. MANUAL PARA APOIO A PROJETOS SOCIAIS - SELEÇÃO 2016/2017 NEGÓCIOS NIÓBIO E FOSFATOS 1. APRESENTAÇÃO 1.1. Iniciativas sociais são parte do compromisso dos negócios de Nióbio e Fosfatos com as comunidades

Leia mais

ORGANISATION DES NATIONS UNIES POUR L ALIMENTATION ET L AGRICULTURE ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO

ORGANISATION DES NATIONS UNIES POUR L ALIMENTATION ET L AGRICULTURE ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO ET L - 1 - ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº XXX Entre a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, no âmbito do Projeto UTF/BRA/XXX/BRA,

Leia mais

FACULDADE DE HORTOLÂNDIA Ato de Recredenciamento: Port. 673, 25/05/2011, D.O.U, de 26/05/2011, Seção 1, págs. 18/19

FACULDADE DE HORTOLÂNDIA Ato de Recredenciamento: Port. 673, 25/05/2011, D.O.U, de 26/05/2011, Seção 1, págs. 18/19 INSTITUTO EDUCACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO Faculdade de Hortolândia REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Hortolândia 2015 1 TRABALHO DE CONCLUSÃO DO

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/ SELEÇÃO DE PROPOSTA PARA ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DE ESTUDOS

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/ SELEÇÃO DE PROPOSTA PARA ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DE ESTUDOS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2016 - SELEÇÃO DE PROPOSTA PARA ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DE ESTUDOS E RECOMENDAÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DE UM PORTFÓLIO DE SERVIÇOS ( SMART CAMPUS ) PARA

Leia mais

Termos e condições gerais de venda

Termos e condições gerais de venda Termos e condições gerais de venda I. GERAL 1. Os presentes termos e condições gerais de venda aplicam-se a todos os contratos de venda celebrados entre a TITAN FIRE LIMITED (o vendedor) e o cliente. Estes

Leia mais

Contratos Administrativos

Contratos Administrativos Contratos Administrativos Principais Características do Contrato Administrativo Cláusulas Exorbitantes Duração dos Contratos Extinção do Contrato Rescisão e Anulação RAD 2601 Direito Administrativo Professora

Leia mais

N o 8.949, DE 26 DE AGOSTO DE D E C R E T A: Seção I Das Disposições Gerais

N o 8.949, DE 26 DE AGOSTO DE D E C R E T A: Seção I Das Disposições Gerais D E C R E T O N o 8.949, DE 26 DE AGOSTO DE 2013 DISCIPLINA O PARCELAMENTO DOS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS E NÃO TRIBUTÁRIOS, INSCRITOS OU NÃO EM DÍVIDA ATIVA, DO MUNICÍPIO DE ANGRA DOS REIS, DE SUAS AUTARQUIAS

Leia mais

RESOLUÇÃO N.º 2/2016 ATUALIZA A POLÍTICA DE ADMINISTRAÇÃO DA LOJA ESCOTEIRA DA UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL

RESOLUÇÃO N.º 2/2016 ATUALIZA A POLÍTICA DE ADMINISTRAÇÃO DA LOJA ESCOTEIRA DA UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL RESOLUÇÃO N.º 2/2016 ATUALIZA A POLÍTICA DE ADMINISTRAÇÃO DA LOJA ESCOTEIRA DA UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL a) Considerando a necessidade da União dos Escoteiros do Brasil ter uma Política Comercial

Leia mais

Orientações Consultoria de Segmentos. Atraso no pagamento das verbas rescisórias (Art. 477, 8º- CLT)

Orientações Consultoria de Segmentos. Atraso no pagamento das verbas rescisórias (Art. 477, 8º- CLT) Atraso no pagamento das verbas rescisórias (Art. 477, 8º- CLT) 29/03/2017 Sumário 1 Questão... 3 2 Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3 Análise da Consultoria... 4 4 Conclusão... 5 5 Informações Complementares...

Leia mais

Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul Sistema Cofen/Conselhos Regionais - Autarquia Federal criada pela Lei Nº 5.

Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul Sistema Cofen/Conselhos Regionais - Autarquia Federal criada pela Lei Nº 5. TERMO DE REFERÊNCIA 1. Objeto Prestação de serviços de seguro, para o imóvel locado para a Subseção do Conselho Regional de Enfermagem Coren/MS, localizado em Dourados/MS, bem como o acervo de bens, compreendidos

Leia mais

Celso Americano do Brasil

Celso Americano do Brasil 1 2 3 Celso Americano do Brasil 4 6 8 24 26 Core-GO conquista isenção do ICMS para a categoria no Estado de Goiás PROGRAMA DE TRABALHO PARA 2012 27 28 10 30 12 14 32 15 16 33 36 20 38 5 Reunião Plenária

Leia mais

Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA. Profa. Soraya Ferreira Habr

Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA. Profa. Soraya Ferreira Habr Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA Profa. Soraya Ferreira Habr O que é CIPA? Comissão Interna de Prevenção de Acidentes. CIPA Conceito COMISSÃO: Grupo de pessoas conjuntamente encarregadas

Leia mais

Cheque administrativo ou cheque bancário ou cheque tesouraria (art.9º, III)

Cheque administrativo ou cheque bancário ou cheque tesouraria (art.9º, III) 1 Títulos de Crédito Sala 207 UNIP Títulos de Crédito VIII 29 de outubro Modalidades de Cheque Cheque visado (art.7º) - é o cheque em que o banco sacado a pedido do emitente ou do portador legitimado,

Leia mais

Código de Ética Elaborado em Janeiro de 2016 Atualizado em Junho de 2016 1. INTRODUÇÃO Este Código de Ética estabelece as regras e princípios que nortearão os padrões éticos e de conduta profissional,

Leia mais

Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais FIEMG

Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais FIEMG Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais FIEMG Vídeo: A Força de quem FAZ O SISTEMA FIEMG A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais representa as indústrias do Estado e atua na defesa

Leia mais

2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 22 dias do mês de fevereiro de 2013.

2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 22 dias do mês de fevereiro de 2013. CONTRATO Nº. 04/2013 CONVITE N. 04/2013 PROCESSO N.º 07/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM A PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÇARIGUAMA E CATANESE E MURTA SOCIEDADE DE ADVOGADAS, para a Contratação de Escritório

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1 - Têm direito à Assistência Social, os associados e seus dependentes, nas condições previstas neste Regulamento.

REGULAMENTO. Art. 1 - Têm direito à Assistência Social, os associados e seus dependentes, nas condições previstas neste Regulamento. www.securitariosp.org.br SINDICATO DOS SECURITÁRIOS DO ESTADO DE SÃO PAULO REGULAMENTO Art. 1 - Têm direito à Assistência Social, os associados e seus dependentes, nas condições previstas neste Regulamento.

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SIAFI EDUCACIONAL

MINISTÉRIO DA FAZENDA SIAFI EDUCACIONAL MINISTÉRIO DA FAZENDA SIAFI EDUCACIONAL Outubro/2010 PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIAFI EDUCACIONAL 2 1 - APRESENTAÇÃO O SIAFI Educacional é a denominação atribuída ao ambiente de treinamento do Sistema

Leia mais