QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 21 RELAÇÕES NUMÉRICAS FUNDAMENTAIS - PARTE 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 21 RELAÇÕES NUMÉRICAS FUNDAMENTAIS - PARTE 1"

Transcrição

1 QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 21 RELAÇÕES NUMÉRICAS FUNDAMENTAIS - PARTE 1

2 Unidade de massa atômica (u)

3 Como pode cair no enem (CESGRANRIO) Um elemento X tem massa atômica 63,5 e apresenta os isótopos 63 X e 65 X. A abundância do isótopo 63 no elemento X é: a) 25% b) 63% c) 65% d) 75% e) 80%

4 Fixação 1) O alumínio tem número atômico igual a 13 e é constituído por um único isótopo, contendo 14 nêutrons. Com base nessa informação, podemos afirmar que: I) A massa atômica do alumínio é 27 u. II) O átomo de alumínio pesa 27 vezes mais que 1/12 do átomo de 12 C. III) O átomo de alumínio pesa 2,25 vezes mais que o átomo de 12 C. IV) 12 átomos de alumínio pesam tanto quanto 27 átomos de 12 C. Estão corretas somente as afirmações: a) I e IV d) I, II e III b) II, III e IV e) I, II, III e IV c) I, II e IV

5 Fixação 2) Dadas as afirmações: I) A unidade de massa atômica pode ser representada por u. II) A unidade de massa atômica é 1/12 da massa de um átomo de carbono. III) A unidade de massa atômica é 1/12 da massa do átomo de carbono de número de massa igual a 12. IV) A massa atômica de um átomo é um número muito próximo de seu número de massa. São corretas: a) Todas b) Nenhuma c) Somente I, II e III d) Somente I, II e IV e) Somente I, III e IV

6 ixação ) (CESGRANRIO) Um elemento genérico X tem massa atômica 75,2 u e apresenta os isóopos X 74, X 75 e X 76. Sabendo-se que a ocorrência do isótopo 75 é de 40%, a ocorrência do d sótopo 76 é de: ( ) 10% a ) 20% b ) 40% c ) 45% d ) 50% e

7 Fixação 4) (MACKENZIE) O óxido de vanádio é constituído de moléculas V 2 O y. Se a massa molecular do V 2 O y é 182 u, então, y é igual a: (Massas atômicas: V = 51; O = 16) a) 1 b) 3 c) 7 d) 5 e) 4

8 Fixação 5) (UFF) Feromônios são compostos orgânicos secretados pelas fêmeas de muitos insetos para determinadas funções, dentre as quais a de acasalamento. Um determinado feromônio, utilizado com esta finalidade, tem fórmula molecular C 19 H 38 O e, normalmente, a quantidade secretada é cerca de 1,0x10 12 g. Pode-se afirmar que o número de moléculas existentes nessa massa é: a) 6,0 x b) 1,7 x c) 2,1 x 10 9 d) 4,3 x e) 1,7 x 10 2

9 Fixação 6) (MACKENZIE) A massa total de uma mistura formada por 15,0g de água e 0,25 mol de glicose (C 6 H 12 O 6 ) será: a) 15,25g b) 75g c) 60g d) 195g e) 735g

10 Fixação 7) (UERJ) Toda a matéria orgânica ou inorgânica é constituída por átomos e a massa dos átomos é praticamente igual à massa do núcleo atômico. Baseando-se no conceito de massa molar, o número de prótons e nêutrons existentes em um indivíduo adulto de 70 kg pode ser estimado em: a) b) c) d)

11 Fixação 8) (ENEM) Aspartame é um edulcorante artificial (adoçante dietético) que apresenta potencial adoçante 200 vezes maior que o açúcar comum, permitindo seu uso em pequenas quantidades. Muito usado pela indústria alimentícia, principalmente nos refrigerantes diet, tem valor energético que corresponde a 4 calorias/grama. É contraindicado a portadores de fenilcetonúria, uma doença genética rara que provoca acúmulo da fenilalanina no organismo, causando retardo mental. O IDA (índice diário aceitável) desse adoçante é 40 mg/kg de massa corpórea. (Disponível em; Acesso em: 27 fev ) Com base nas informações do texto, a quantidade máxima recomendada de aspartame, em mol, que uma pessoa de 70 kg de massa corporal pode ingerir por dia é mais próxima de: Dado: massa molar do aspartame = 294 g/mol a) 1,3 x 10 4 b) 9,5 x 10 3 c) 4 x 10 2 d) 2,6 e) 823

12 Fixação 9) (UNICAMP) Entre os vários íons presentes em 200 mililitros de água de coco há aproximadamente 320 mg de potássio, 40 mg de cálcio e 40 mg de sódio. Assim, ao beber água de coco, uma pessoa ingere quantidades diferentes desses íons, que, em termos de massa, obedecem à sequência: potássio > sódio = cálcio. No entanto, se as quantidades ingeridas fossem expressas em mol, a sequência seria: Dados de massas molares em g/mol: cálcio = 40, potássio = 39 e sódio = 23. a) potássio > cálcio = sódio. b) cálcio = sódio > potássio. c) potássio > sódio > cálcio. d) cálcio > potássio > sódio.

13 Proposto 1) (UNIFOR) Para tomar um cafezinho, em geral, usam-se duas colheres de açúcar, contendo 3,5g de C 12 H 22 O 11 (fórmula do açúcar comum). A quantidade de matéria em mols de açúcar misturada ao cafezinho é, aproximadamente: a) 1,0 x 10-2 d) 4,0 x 10-2 b) 2,0 x 10-2 e) 5,0 x 10-2 c) 3,0 x 10-2

14 Proposto 2) (UNIRIO) Em 100 g de um certo leite em pó infantil existe 0,500g de cálcio na forma de um determinado sal apropriado ao consumo. Assinale a opção que indica o número de mols de átomos de cálcio existentes em uma lata que contém 400 g do leite em pó: a) 1,25 x 10-2 d) 1,0 b) 5,00 x 10-2 e) 2,0 c) 0,1

15 Proposto 3) Em uma amostra de 4,3g de hexano (C 6 H 14 ) encontramos, aproximadamente: a) 6,00 x moléculas e 1,20 x átomos b) 3,00 x moléculas e 6,00 x átomos c) 3,00 x moléculas e 6,00x átomos d) 1,50 x moléculas e 3,00 x átomos e) 1,50 x moléculas e 3,00 x átomos

16 Proposto P 4) (PUC) Para a prevenção da cárie dentária, recomenda--se a adição de fluoreto à água po-tável ou a fluoretação do sal de cozinha. Há necessidade de acrescentar cerca de 1,8 x 10-3 g 2 de fluoreto à dieta diária. Que quantidade de íons, em mol, há nessa massa de fluoreto? a a) 1 x 10-2 b b) 1 x 10-3 c c) 1 x 10-4 d d) 1 x 10-5 e e) 1 x 10-6

17 roposto ) (PUC) Uma amostra contendo 4,8 x átomos de um elemento Y possui massa igual a 4 mg. A massa molecular da substância Y 4 é: ) 15 u ) 120 u ) 30 u ) 240 u ) 150 u

18 roposto P ) Calcule a massa atômica de um elemento X, constituído dos isótopos A, B e C, cuja ocor-ência e respectivas massas atômicas estão indicadas na tabela abaixo: g Isótopo Ocorrência (%) Massas atômicas A 60 80u B 20 84u C 20 88u

19 roposto ) De um cilindro de 640 mg de gás metano (CH 4 ) foram retiradas 12 x moléculas desse ás. Quantas moléculas e quantos mols de metano restaram no cilindro?

20 roposto ) Considere as massas das substâncias a seguir: ) 80,00 g de NaOH I) 49,00 g de H 2 SO 4 II) 37,25 g de KCl V) 56,50 g de AgNO 3 Demonstre, por intermédio de cálculos, que massas correspondem a um mesmo número e mols.

21 Proposto 9) (UFRJ) Os motores a diesel lançam na atmosfera diversos gases, entre eles o anidrido sulfuroso e o monóxido de carbono. Uma amostra dos gases emitidos por um motor a diesel foi recolhida; observou-se que ela continha 0,1 mol de anidrido sulfuroso e 0,5 mol de monóxido de carbono. a) Determine a massa, em gramas, de monóxido de carbono contido nessa amostra. b) Quantos átomos de oxigênio estão presentes na amostra recolhida?

22 Proposto 10) O efeito estufa é um fenômeno de graves consequências climáticas que se deve a altas concentrações de CO 2 no ar. Considere que, num dado período, uma indústria contribuiu para o efeito estufa, lançando 88 toneladas de CO 2 na atmosfera. Calcule o número de moléculas do gás lançado no ar, naquele período.

23 Proposto 11) (UERJ) O perigo oculto das embalagens Alumínio, chumbo e materiais plásticos como o polipropileno são substâncias que estão sob suspeita de provocar intoxicações no organismo humano. (O Globo, 13/07/97) Considerando uma embalagem de creme dental que contenha 0,207 g de chumbo, o número de mols de átomos desse elemento químico corresponde a: a) 1,00 x 10-3 b) 2,07 x 10-3 c) 1,20 x d) 6,02 x 10 23

24 Proposto P 12) (UFRRJ) Um balão de oxigênio contendo 3,01 x átomos foi completamente utilizado 1 por uma equipe médica durante uma cirurgia. Admitindo-se que havia apenas gás oxigênio g neste balão, a massa utilizada do referido gás foi equivalente a: t a) 8,0 kg a b) 4,0 kg b c) 12,0 kg c d) 16,0 kg d e) 10,0 kg e

25 roposto 3) Quando bebemos água, normalmente a tomamos na forma de goles. Sabendo-se que 1 ole de água ocupa em média o volume de 18 cm 3 e que a densidade da água é 1g/cm 3 na emperatura em que foi bebida, qual o número de moléculas de água inferidas de cada vez? ) 0,18 x moléculas ) 8,36 x moléculas ) 20,4 x moléculas ) 6,02 x moléculas ) 16,7 x moléculas

EXTENSIVO SUPERMED 2016

EXTENSIVO SUPERMED 2016 EXTENSIVO SUPERMED 2016 LISTA DE EXERCÍCIOS DE QUÍMICA Prof.º Marcelo Cardoso 1. (Uerj 2016) No solo da floresta amazônica, são encontradas partículas ricas em fósforo, 1 trazidas pelos ventos, com velocidade

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 22 RELAÇÕES NUMÉRICAS FUNDAMENTAIS - PARTE 2

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 22 RELAÇÕES NUMÉRICAS FUNDAMENTAIS - PARTE 2 QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 22 RELAÇÕES NUMÉRICAS FUNDAMENTAIS - PARTE 2 Fixação 1) (UNESP) O volume de uma massa fixa de gás ideal, a pressão constante, é diretamente proporcional à: a) concentração do gás.

Leia mais

Lista de Exercícios - Professor facebook.com/profrodrigoartuso. Grandezas Químicas e Estequiometria

Lista de Exercícios - Professor facebook.com/profrodrigoartuso. Grandezas Químicas e Estequiometria Grandezas Químicas e Estequiometria Criando base 1 - Em 100 gramas de alumínio, quantos átomos deste elemento estão presentes? Dados: M(Al) = 27 g/mol 1 mol = 6,02 x 10 23 átomos a) 3,7 x 10 23 b) 27 x

Leia mais

Solvente: partículas responsáveis pela dissolução do soluto;

Solvente: partículas responsáveis pela dissolução do soluto; Aula 18 20/ago Marcelo 2º Semestre Estudo das Soluções: Soluções: sinônimo de mistura homogênea. Componentes de uma solução: Soluto: partículas que são dissolvidas; Solvente: partículas responsáveis pela

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 21 EQUILÍBRIO IÔNICO: CONSTANTE DO PRODUTO DE SOLUBILIDADE

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 21 EQUILÍBRIO IÔNICO: CONSTANTE DO PRODUTO DE SOLUBILIDADE QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 21 EQUILÍBRIO IÔNICO: CONSTANTE DO PRODUTO DE SOLUBILIDADE V d V p 80 40 Fixação 1) (UFRRJ) A solubilidade do cloreto de chumbo (PbC 2) é 1,6 x 10-2 M a 25ºC. Sabendo-se que o

Leia mais

RELAÇÕES DE MASSA E MOL

RELAÇÕES DE MASSA E MOL RELAÇÃO DE MASSA E MOL A relação entre massa e quantidade Em uma gota de água de 0,05 ml há 1,67 sextilhão (1,67 x 10 21 ) de moléculas de água. A relação entre massa e quantidade A unidade de massa atômica

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 03 SOLUÇÕES: INTRODUÇÃO - PARTE 3

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 03 SOLUÇÕES: INTRODUÇÃO - PARTE 3 QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 03 SOLUÇÕES: INTRODUÇÃO - PARTE 3 Fixação 1) (PUC) No preparo de solução alvejante de tinturaria, 521,5g de hipoclorito de sódio são dissolvidos em água suficiente para 10,0 litros

Leia mais

Química. 01. Quantos prótons há na espécie química (A) 2 (D) 32 (B) 28 (E) 60 (C) 30

Química. 01. Quantos prótons há na espécie química (A) 2 (D) 32 (B) 28 (E) 60 (C) 30 Química 01. Quantos prótons há na espécie química (A) 2 (D) 32 (B) 28 (E) 60 (C) 30 02. Para que um átomo de número atômico 55 e número de massa 137 seja eletricamente neutro, ele deverá ter, necessariamente:

Leia mais

Unidades de Concentração

Unidades de Concentração Unidades de Concentração Material de Apoio para Monitoria 1. (PUC -RS-2006) O Ministério da Saúde recomenda, para prevenir as cáries dentárias, 1,5 ppm (mg/l) como limite máximo de fluoreto em água potável.

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 25 ESTEQUIOMETRIA: TIPOS DE FÓRMULA

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 25 ESTEQUIOMETRIA: TIPOS DE FÓRMULA QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 25 ESTEQUIOMETRIA: TIPOS DE FÓRMULA Fixação 1) (PUC) A água oxigenada é uma solução de peróxido de hidrogênio (H 2 O 2 ) fortemente antis éptica por liberar O 2. Os percentuais,

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA Folha 01 João Roberto Mazzei

ESTEQUIOMETRIA Folha 01 João Roberto Mazzei 01. (UFC 2009) O principal componente da cal, importante produto industrial fabricado no Ceará, é o óxido de cálcio (CaO). A produção de CaO se processa de acordo com a seguinte reação química: CaCO 3(s)

Leia mais

QUÍMICA 1 1º ANO RELAÇÕES DE MASSA

QUÍMICA 1 1º ANO RELAÇÕES DE MASSA QUÍMICA 1 1º ANO RELAÇÕES DE MASSA PROFª ELAINE CRISTINA 1. UNIDADE DE MASSA ATÔMICA A escala de massas atômicas está baseada no isótopo do carbono com número de massa igual a 12, ao qual foi atribuída

Leia mais

QUÍMICA. 1. (FMTM-MG) Uma bisnaga de xilocaína a 2%, de massa total 250g, apresenta quantos gramas de solvente? a) 0,5g. c) 24,5g.

QUÍMICA. 1. (FMTM-MG) Uma bisnaga de xilocaína a 2%, de massa total 250g, apresenta quantos gramas de solvente? a) 0,5g. c) 24,5g. QUÍMICA Prof. Jorge Luis Lista de exercícios de soluções: Concentrações. 1. (FMTM-MG) Uma bisnaga de xilocaína a 2%, de massa total 250g, apresenta quantos gramas de solvente? a) 0,5g c) 24,5g e) 240g

Leia mais

Lista de Exercícios 1 Química Geral I Licenciatura em Química Prof. Udo Sinks

Lista de Exercícios 1 Química Geral I Licenciatura em Química Prof. Udo Sinks 1. Qual parte da descrição de um composto ou de uma substância elementar se refere às suas propriedades físicas e qual se refere às suas propriedades químicas? (a) O líquido incolor etanol queima no ar.

Leia mais

gás ou sólido (soluto)

gás ou sólido (soluto) AULA 12 Soluções SOLUÇÃO Qualquer mistura homogênea é uma solução. A solução é formada pela união do soluto e do solvente. Soluto: é a substância que está sendo dissolvida. Solvente: é a substância que

Leia mais

Química. Resolução das atividades complementares. Q13 Massa molar e mol

Química. Resolução das atividades complementares. Q13 Massa molar e mol Resolução das atividades complementares 1 Química Q13 Massa molar e mol p. 75 1 (Univali-SC) A urina apresenta 5% de água e 5% de substâncias orgânicas e inorgânicas dissolvidas. Em um litro de urina,

Leia mais

Revisão Específicas. Química Monitores: Luciana Lima e Rafael França 02-08/11/2015. Material de Apoio para Monitoria

Revisão Específicas. Química Monitores: Luciana Lima e Rafael França 02-08/11/2015. Material de Apoio para Monitoria Revisão Específicas 1. As conchas marinhas não se dissolvem apreciavelmente na água do mar, por serem compostas, na sua maioria, de carbonato de cálcio, um sal insolúvel cujo produto de solubilidade é

Leia mais

AULA 05: Isso significa que 1 átomo de hidrogênio pesa 1/12 da massa do carbono-12.

AULA 05: Isso significa que 1 átomo de hidrogênio pesa 1/12 da massa do carbono-12. SETOR 2306 Turma de Maio/Manhã Aulas 05 e 06 Resolução dos eercícios de sala AULA 05: EXERCÍCIO 1) (discutido em sala) Hidrogênio (MA = 1,0 u). Isso significa que 1 átomo de hidrogênio pesa 1/12 da massa

Leia mais

Cálculos Químicos. Mol, massa molar, Constante de Avogadro

Cálculos Químicos. Mol, massa molar, Constante de Avogadro Cálculos Químicos Mol, massa molar, Constante de Avogadro Massa atômica Medidas massa (Kg SI) 1 Kg 1000 g Grama 1 g Massa átomo? Unidade? Unidade de massa atômica 1 u massa de 1/12 do átomo de carbono

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 04 ESTUDO DO ÁTOMO

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 04 ESTUDO DO ÁTOMO QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 04 ESTUDO DO ÁTOMO 11 p 11 e 11 p 10 e 16 p 16 e 16 p 18 e Fixação 1) (UFRRJ) Mattel anuncia recall de 18,6 milhões de brinquedos. Após 15 dias recolhendo brinquedos por excesso

Leia mais

Ligações Químicas Folha 01 Prof.: João Roberto Mazzei

Ligações Químicas Folha 01 Prof.: João Roberto Mazzei www.professormazzei.com Ligações Químicas Folha 01 Prof.: João Roberto Mazzei 01. (UFRJ 2009) a) O elemento X, que aparece no balão II, está localizado no 2º período, grupo 14. Um de seus isótopos apresenta

Leia mais

TB DE RECUPERAÇÃO DE QUÍMICA 2ºTRIMESTRE DE 2016 PROF: LUCIA SÉRIE: 2º EM TURMA: A-B-C LEVE ESTA FOLHA PARA A AULA DE RECUPERAÇÃO- 29/08/2016

TB DE RECUPERAÇÃO DE QUÍMICA 2ºTRIMESTRE DE 2016 PROF: LUCIA SÉRIE: 2º EM TURMA: A-B-C LEVE ESTA FOLHA PARA A AULA DE RECUPERAÇÃO- 29/08/2016 TB DE RECUPERAÇÃO DE QUÍMICA 2ºTRIMESTRE DE 2016 PROF: LUCIA SÉRIE: 2º EM TURMA: A-B-C LEVE ESTA FOLHA PARA A AULA DE RECUPERAÇÃO- 29/08/2016 OBS: a) O trabalho deverá ser entregue no dia da prova de recuperação(8/09/2016)

Leia mais

3ªHumanas e Master - Química Prof os João Lins e Alexandre Estevão

3ªHumanas e Master - Química Prof os João Lins e Alexandre Estevão 3ªHumanas e Master - Química Prof os João Lins e Alexandre Estevão 1) Um sistema heterogêneo, S, é constituído por uma solução colorida e um sólido branco. O sistema foi submetido ao seguinte esquema de

Leia mais

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 26 SOLUÇÕES EXERCÍCIOS

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 26 SOLUÇÕES EXERCÍCIOS QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 26 SOLUÇÕES EXERCÍCIOS Como pode cair no enem A eutrofização é um processo em que rios, lagos e mares adquirem níveis altos de nutrientes, especialmente fosfatos e nitratos, provocando

Leia mais

Cálculos Químicos. Mol, massa molar, Constante de Avogadro

Cálculos Químicos. Mol, massa molar, Constante de Avogadro Cálculos Químicos Mol, massa molar, Constante de Avogadro Medidas massa (Kg SI) 1 Kg 1000 g Grama 1 g Massa átomo? Unidade? Massa atômica Unidade de massa atômica 1 u massa de 1/12 do átomo de carbono

Leia mais

IME º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2003 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Química Questão 01 Uma fonte de vanádio é o mineral vanadinita, cuja fórmula é Pb 5 (VO 4 ) 3 Cl. DETERMINE: A) A porcentagem em massa de vanádio

Leia mais

01- (FGV 2000) Em um recipiente contendo 200g de água (H O) foram dissolvidos 15g de

01- (FGV 2000) Em um recipiente contendo 200g de água (H O) foram dissolvidos 15g de 01- (FGV 2000) Em um recipiente contendo 200g de água (H O) foram dissolvidos 15g de sacarose (C 1 H O 11 ). Considerando as massas molares do carbono=12g.mol, hidrogênio=1g.mol e oxigênio=16g.mol, os

Leia mais

VII Olimpíada Catarinense de Química Etapa I - Colégios

VII Olimpíada Catarinense de Química Etapa I - Colégios VII Olimpíada Catarinense de Química 2011 Etapa I - Colégios Fonte: Chemistryland Segunda Série 1 01 200 ml de uma solução de hidróxido de alumínio são diluídos em água destilada até a sua concentração

Leia mais

12 GAB. 1 1 o DIA PASES 1 a ETAPA TRIÊNIO QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30

12 GAB. 1 1 o DIA PASES 1 a ETAPA TRIÊNIO QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30 12 GAB. 1 1 o DIA PASES 1 a ETAPA TRIÊNIO 2005-2007 QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30 21. A hemoglobina das células vermelhas do sangue contém o complexo de ferro com uma porfirina. Sabendo que um indivíduo

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA Folha 02 João Roberto Mazzei

ESTEQUIOMETRIA Folha 02 João Roberto Mazzei 01. (CFT MG 2008) Cada mililitro de um medicamento antiácido contém 0,06 g de hidróxido de alumínio. A massa de ácido clorídrico do suco gástrico que é neutralizada pela ingestão de 26 ml desse medicamento

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 14 FUNÇÕES INORGÂNICAS: ÓXIDOS

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 14 FUNÇÕES INORGÂNICAS: ÓXIDOS QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 14 FUNÇÕES INORGÂNICAS: ÓXIDOS Fixação 1) O nióbio é um metal encontrado em jazidas naturais, principalmente na forma de óxidos. Em uma jazida que contenha nióbio com número de

Leia mais

Lista de Exercício. Professor: Cassio Pacheco Disciplina: Química 2 Ano Data de entrega: 04/03/2016. Concentração Comum

Lista de Exercício. Professor: Cassio Pacheco Disciplina: Química 2 Ano Data de entrega: 04/03/2016. Concentração Comum Professor: Cassio Pacheco Disciplina: Química 2 Ano Data de entrega: 04/03/2016 Lista de Exercício Concentração Comum 1- Num balão volumétrico de 250 ml adicionam-se 2,0g de sulfato de amônio sólido; o

Leia mais

Questão 10: Sobre as moléculas de CO 2 e SO 2, cujas estruturas estão representadas a seguir, é CORRETO afirmar que: S O O C O

Questão 10: Sobre as moléculas de CO 2 e SO 2, cujas estruturas estão representadas a seguir, é CORRETO afirmar que: S O O C O QUESTÕES OBJETIVAS Questão 9: Nitrogênio e fósforo são elementos essenciais para a nutrição das plantas e por isso alguns de seus compostos são utilizados na maioria dos fertilizantes. Sobre esses elementos

Leia mais

QUÍMICA 2 Prof Emanuele

QUÍMICA 2 Prof Emanuele QUÍMICA 2 Prof Emanuele LISTA DE EXERCÍCIOS 1 RELAÇÕES DE MASSA E ESTUDO DOS GASES 1) Se um dentista usou em seu trabalho 30 mg de amálgama de prata, cujo teor em prata é de 72% (em massa), o número de

Leia mais

Pb 2e Pb E 0,13 v. Ag 2e Ag E +0,80 v. Zn 2e Zn E 0,76 v. Al 3e Al E 1,06 v. Mg 2e Mg E 2,4 v. Cu 2e Cu E +0,34 v

Pb 2e Pb E 0,13 v. Ag 2e Ag E +0,80 v. Zn 2e Zn E 0,76 v. Al 3e Al E 1,06 v. Mg 2e Mg E 2,4 v. Cu 2e Cu E +0,34 v QUÍMICA 1ª QUESTÃO Umas das reações possíveis para obtenção do anidrido sulfúrico é a oxidação do anidrido sulfuroso por um agente oxidante forte em meio aquoso ácido, como segue a reação. Anidrido sulfuroso

Leia mais

Solubilidade, estequiometria, misturas e gases

Solubilidade, estequiometria, misturas e gases Solubilidade, estequiometria, misturas e gases 1) O cientista italiano Amedeo Avogadro, na tentativa de compreender relações de volumes nas reações dos gases, propôs uma hipótese, estabelecendo que (CNTP

Leia mais

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS RECUPERAÇÃO SEMESTRAL 3º Ano do Ensino Médio Disciplina: Química 1. Um átomo do elemento químico X, usado como corante para vidros, possui número de massa igual a 79 e número de nêutrons

Leia mais

Exercícios: gases (2)

Exercícios: gases (2) Química Ficha 8 2 os anos Rodrigo abril/12 Nome: Nº: Turma: Exercícios: gases (2) 1) (Unicamp) Após a limpeza do banheiro, Rango foi à sala e removeu todos os móveis e, de tão feliz e apaixonado, começou

Leia mais

COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR

COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR ASSESSORIA TÉCNICA Processo Avaliativo Recuperação - 3º Bimestre/2015 Disciplina: QUÍMICA 3ª série EM A/B Nome do aluno Nº Turma A Recuperação deve ser entregue no dia 08/09/2015.

Leia mais

01- (UFRRJ 2001) O hidróxido de lítio (LiOH), usado na produção de sabões de lítio para a

01- (UFRRJ 2001) O hidróxido de lítio (LiOH), usado na produção de sabões de lítio para a 01- (UFRRJ 2001) O hidróxido de lítio (LiOH), usado na produção de sabões de lítio para a fabricação de graxas lubrificantes a partir de óleos, é obtido pela reação do carbonato de lítio (Li COƒ) com o

Leia mais

O que você deve saber sobre

O que você deve saber sobre O que você deve saber sobre Podemos conhecer as grandezas que regem a quantificação dos fenômenos químicos identificando o comportamento da massa, do número de partículas e do volume de diferentes substâncias.

Leia mais

REVISIONAL DE QUÍMICA 1º ANO PROF. RICARDO

REVISIONAL DE QUÍMICA 1º ANO PROF. RICARDO REVISIONAL DE QUÍMICA 1º ANO PROF. RICARDO 1- Um aluno de química, ao investigar as propriedades de gases, colocou uma garrafa plástica (PET), contendo ar e devidamente fechada, em um freezer e observou

Leia mais

9- (UFC) O número de átomos de H, em 2,02 g de H 2, é: A) 12,046 x 10 23 B) 18,069 x 10 23 C) 6,023 x 10 23 D) 3,012 x 10 23 E) 24,092 x 10 23

9- (UFC) O número de átomos de H, em 2,02 g de H 2, é: A) 12,046 x 10 23 B) 18,069 x 10 23 C) 6,023 x 10 23 D) 3,012 x 10 23 E) 24,092 x 10 23 CÁLCULOS QUÍMICOS 1- (CESGRANRIO) Sabendo-se que: X ++ íon isoeletrônico do gás nobre do 3º período da tabela periódica Q halogênio mais eletronegativo O número de mols contido em 3,90g do composto XQ

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 19 EQUILÍBRIO IÔNICO - PARTE 1

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 19 EQUILÍBRIO IÔNICO - PARTE 1 QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 19 EQUILÍBRIO IÔNICO - PARTE 1 H O 2 + H + 2 - H - 2 O + 2 - H + - H O 2 2 + H + - Como pode cair no enem (PUC) A tabela abaixo se refere a dados de forças relativas de ácidos

Leia mais

Número atômico de A = número atômico de B = 18

Número atômico de A = número atômico de B = 18 61 e QUÍMICA O elemento químico B possui 20 nêutrons, é isótopo do elemento químico A, que possui 18 prótons, e isóbaro do elemento químico C, que tem 16 nêutrons Com base nessas informações, pode-se afirmar

Leia mais

Meu Deus, ajude me a passar na prova de Química. Amém. a) 0,9. b) 1,3. c) 2,8. d) 5,7. e) 15.

Meu Deus, ajude me a passar na prova de Química. Amém. a) 0,9. b) 1,3. c) 2,8. d) 5,7. e) 15. Meu Deus, ajude me a passar na prova de Química. Amém LISTA DE EXERCÍCIOS DE QUÍMICA - 2 ANO 01. A concentração de íons fluoreto em uma água de uso doméstico é de 5,0 10 5 mol/litro. Se uma pessoa tomar

Leia mais

Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Departamento de Química. Programa do 10º ano e do 11º ano de Química do Ensino Secundário

Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Departamento de Química. Programa do 10º ano e do 11º ano de Química do Ensino Secundário Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Departamento de Química Programa da Prova de Acesso de Química (2016): Exemplos de exercícios 1.Indique a afirmação correcta. Programa do 10º ano e do 11º

Leia mais

SIMULADO EXTENSIVO QUÍMICA

SIMULADO EXTENSIVO QUÍMICA P R É - V E S T I B U L A R 04.09 QUÍMICA QUESTÃ 49 jornal Folha de São Paulo publicou, em 19/06/07, matéria sobre empresas norte-americanas que estavam falsificando suco de laranja. produto, vendido como

Leia mais

BIMESTRAL QUÍMICA - 1ºBIMESTRE

BIMESTRAL QUÍMICA - 1ºBIMESTRE BIMESTRAL QUÍMICA - 1ºBIMESTRE Série: 3ªEM Gabarito Questão 01) O vapor obtido pela ebulição das seguintes soluções: I. água e sal II. água e açúcar III. água e álcool é constituído de água pura apenas:

Leia mais

QUÍMICA Exercícios de revisão resolvidos

QUÍMICA Exercícios de revisão resolvidos 9. (ENEM 2013) A produção de aço envolve o aquecimento do minério de ferro, junto com carvão (carbono) e ar atmosférico em uma série de reações de oxirredução. O produto é chamado de ferro-gusa e contém

Leia mais

Estequiometria I. Estequiometria I Monitor: Gabriel dos Passos 10/04/2014. Material de apoio para Monitoria

Estequiometria I. Estequiometria I Monitor: Gabriel dos Passos 10/04/2014. Material de apoio para Monitoria 1. (UFSM-RS) O ácido fosfórico, usado em refrigerantes do tipo cola e possível causador da osteoporose, pode ser formado a partir da equação não-balanceada: Ca3(PO4)2 + H2SO4 ----> H3PO4 + CaSO4 Partindo-se

Leia mais

química química na abordagem do cotidiano

química química na abordagem do cotidiano Capítulo 3 Mol e massa molar na na abordagem Respostas dos exercícios essenciais a) uma dúzia b) quatro dúzias c) cinco dúzias 2 a) um mol b) quatro mols c) cinco mols 3 a) N 2 H 4 b) c) Em 32 g de hidrazina

Leia mais

LABORATÓRIO DE QUÍMICA QUI126 1ª LISTA DE EXERCÍCIOS

LABORATÓRIO DE QUÍMICA QUI126 1ª LISTA DE EXERCÍCIOS 1. Soluções básicas servem para a dissolução de gorduras sólidas que obstruem tubulações das cozinhas. O hidróxido de sódio é um exemplo, pois reage com gorduras e gera produtos solúveis. Qual a massa

Leia mais

1ª Parte: Questões resolvidas

1ª Parte: Questões resolvidas ANÁLISE ELEMENTAR QUANTITATIVA DISCIPLINA: QUÍMICA GERAL / TURMA: 1º ano Ensino Médio 1ª Parte: Questões resolvidas Nota: A massa molecular de um composto, pode ser calculada em função da densidade de

Leia mais

QUÍMICA. A Ciência Central 9ª Edição. Capítulo 3 Estequiometria: cálculos com fórmulas e equações químicas. Prof. Kleber Bergamaski.

QUÍMICA. A Ciência Central 9ª Edição. Capítulo 3 Estequiometria: cálculos com fórmulas e equações químicas. Prof. Kleber Bergamaski. QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 3 Estequiometria: cálculos com fórmulas e equações químicas Prof. Kleber Bergamaski Equações químicas 1789, lei da conservação da massa A massa total de uma

Leia mais

COLÉGIO SÃO JOSÉ. Gabarito - TAREFÃO DE CIÊNCIAS 9º Ano nº 1

COLÉGIO SÃO JOSÉ. Gabarito - TAREFÃO DE CIÊNCIAS 9º Ano nº 1 Gabarito - TAREFÃO DE CIÊNCIAS 9º Ano nº 1 1. Se você escolher alguns materiais do ambiente, como uma laranja, uma moeda, uma rolha, entre outros, e colocá-los em um recipiente contendo água, vai notar

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2015

ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2015 ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2015 2º ano Nome Nº Turma Data Nota Disciplina QUÍMICA Prof. ORLANDO Valor TRABALHO DE ESTUDOS INDEPENDENTES DE RECUPERAÇÃO -2ºANO 01. (UNIVALI-SC) O

Leia mais

FORMULÁRIO DE DIVULGAÇÃO DO CONTEÚDO DA PROVA FINAL E RECUPERAÇÃO FINAL

FORMULÁRIO DE DIVULGAÇÃO DO CONTEÚDO DA PROVA FINAL E RECUPERAÇÃO FINAL FORMULÁRIO DE DIVULGAÇÃO DO CONTEÚDO DA PROVA FINAL E RECUPERAÇÃO FINAL A) SÉRIE/ANO: 2º Ano Médio B) DISCIPLINA: Química - Enio C) CONTEÚDO A SER EXIGIDO/ORIENTAÇÃO PARA O ESTUDO: SOLUÇÕES: Coeficiente

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CAMPUS MOSSORÓ PROFESSOR: ALBINO DISCIPLINA: QUÍMICA II

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CAMPUS MOSSORÓ PROFESSOR: ALBINO DISCIPLINA: QUÍMICA II INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CAMPUS MOSSORÓ PROFESSOR: ALBINO DISCIPLINA: QUÍMICA II ESTRUTURA DA MATÉRIA O termo matéria refere-se a todos os materiais

Leia mais

9º Ano/Turma: Data / / ) Observe os sistemas onde as esferas representam átomos. Sobre esses sistemas, a afirmação incorreta é:

9º Ano/Turma: Data / / ) Observe os sistemas onde as esferas representam átomos. Sobre esses sistemas, a afirmação incorreta é: Estudante: Educadora: Daiana Araújo 9º Ano/Turma: Data / /2015 C.Curricular: Ciências/ Química 1) Observe os sistemas onde as esferas representam átomos. Sobre esses sistemas, a afirmação incorreta é:

Leia mais

VII OSEQUIM Olimpíada Sergipana de Química 1ª. Etapa Modalidade B

VII OSEQUIM Olimpíada Sergipana de Química 1ª. Etapa Modalidade B Bom dia aluno! Está é a prova da primeira etapa da OSEQUIM, Olimpíada Sergipana de Química 2013, modalidade B, para alunos que se encontram cursando o 2º. Ano do ensino médio em 2013. Confira se a sua

Leia mais

CONCEITOS FUNDAMENTAIS

CONCEITOS FUNDAMENTAIS CONCEITOS FUNDAMENTAIS EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 (UNIRIO-RJ) O átomo X é isóbaro do 40 Ca e isótopo do 36 Ar. Assinale o número de nêutrons do átomo X. Dados: Número atômicos: Ar = 18; Ca = 20 a) 4 b)

Leia mais

Projeto de Recuperação Semestral - 1ª Série (EM)

Projeto de Recuperação Semestral - 1ª Série (EM) Projeto de Recuperação Semestral - 1ª Série (EM) QUÍMICA 1 MATÉRIA A SER ESTUDADA Obs.: Fascículo1 A matéria e suas propriedades e Fascículo 2 Teoria Atômico-Molecular. Fascículo Capítulo páginas Exercícios

Leia mais

(a) Calcule a percentagem de urânio na carnotita. (b) Que massa de urânio pode ser obtida a partir de 1350 g de carnotita.

(a) Calcule a percentagem de urânio na carnotita. (b) Que massa de urânio pode ser obtida a partir de 1350 g de carnotita. Cálculos com fórmulas e equações químicas 3. 3.1 A análise de uma pequena amostra de Pb 3 (PO 4 ) 2 apresentou a quantidade de 0,100 g de chumbo. Responda os itens abaixo usando estes dados e as massas

Leia mais

QUESTÕES OBJETIVAS. a) b) +110 c) -55 d) -110 e) -676

QUESTÕES OBJETIVAS. a) b) +110 c) -55 d) -110 e) -676 QUESTÕES OBJETIVAS Questão 9: O óxido de cálcio, conhecido como cal virgem, é comumente utilizado na construção civil. Sobre essa substância é INCORRETO afirmar que: a) pode ser obtida pelo aquecimento

Leia mais

Plantão de dúvidas - Lista 12 2 os anos Danilo mai/12. Nome: Nº: Turma: Titulação, ppm, densidade e volumes

Plantão de dúvidas - Lista 12 2 os anos Danilo mai/12. Nome: Nº: Turma: Titulação, ppm, densidade e volumes Química Plantão de dúvidas - Lista 12 2 os anos Danilo mai/12 Nome: Nº: Turma: Titulação, ppm, densidade e volumes 1. (Unesp) Um analista químico de uma indústria de condimentos analisa o vinagre produzido

Leia mais

Olimpíada Mineira. de Química. Tabela de Respostas das Questões 1 a a b c d

Olimpíada Mineira. de Química. Tabela de Respostas das Questões 1 a a b c d Olimpíada Mineira Nome: Escola: Instruções: 1 Esta prova contém 12 questões de múltipla escolha e duas questões abertas, abrangendo um total de 11 páginas. 2 Antes de iniciar a prova, confira se todas

Leia mais

TERMOQUÍMICA Folha 3.2 Prof.: João Roberto Mazzei 01- (ufrs-2004) Considere as seguintes reações, na temperatura de 25 C.

TERMOQUÍMICA Folha 3.2 Prof.: João Roberto Mazzei 01- (ufrs-2004) Considere as seguintes reações, na temperatura de 25 C. 01- (ufrs-2004) Considere as seguintes reações, na temperatura de 25 C. H (g) + 1/2 O (g) ë H O(Ø) (ÐH) H (g) + 1/2 O (g) ë H O(s) (ÐH) A diferença entre os efeitos térmicos, (ÐH) - (ÐH), é igual a) a

Leia mais

Gabarito das Questões

Gabarito das Questões II OLIMPÍADA BAIANA DE QUÍMICA 19 DE MAIO DE 2007 Gabarito das Questões Para cada questão de 1 a 5, marque com um X a alternativa correta e justifique porque as outras duas estão erradas. QUESTÃO 1 a)

Leia mais

Grupo I 1. Os rótulos seguintes dizem respeito a alguns produtos alimentares.

Grupo I 1. Os rótulos seguintes dizem respeito a alguns produtos alimentares. Escola Básica e Secundária Gonçalves Zarco Física e Química A, 10º ano Ano lectivo 2007 / 2008 Correcção do teste de avaliação sumativa Nome: N.º aluno: Turma: Classificação : Professor: Grupo I 1. Os

Leia mais

MATERIAL DE MONITORIA- 2015/1

MATERIAL DE MONITORIA- 2015/1 Segunda monitoria 2015/1. Assuntos: PROPRIEDADES DOS MATERIAIS/ INTRODUÇÃO À ESTEQUIOMETRIA/ MODELOS ATÔMICOS/ CONFIGURAÇÕES ELETRÔNICAS/ PERIODICIDADE QUÍMICA/ LIGACÕES QUÍMICAS. QUESTÕES: 01- (Ufac)

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 14 CINÉTICA QUÍMICA: LEI DA VELOCIDADE

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 14 CINÉTICA QUÍMICA: LEI DA VELOCIDADE QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 14 CINÉTICA QUÍMICA: LEI DA VELOCIDADE V V [ A ] [ B ] Como pode cair no enem Considerem-se a reação A + B C e as informações contidas no quadro abaixo: Experimentos [A] (mol/l)

Leia mais

P R O V A D E Q U Í M I C A I I

P R O V A D E Q U Í M I C A I I 20 P R V A D E Q U Í M I C A I I QUESTÃ 46 Na fabricação de pães, a glicose contida na massa se transforma em álcool etílico e gás carbônico com a ajuda da enzima zimase, de acordo com a seguinte reação,

Leia mais

1º Questão: Escreva a distribuição eletrônica dos elementos abaixo e determine o número de valência de cada elemento: a) Fe (26):.

1º Questão: Escreva a distribuição eletrônica dos elementos abaixo e determine o número de valência de cada elemento: a) Fe (26):. FOLHA DE EXERCÍCIOS CURSO: Otimizado ASS.: Exercícios de Conteúdo DISCIPLINA: Fundamentos de Química e Bioquímica NOME: TURMA: 1SAU 1º Questão: Escreva a distribuição eletrônica dos elementos abaixo e

Leia mais

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 01. A corrosão de um metal é a sua destruição ou deterioração, devida à reação com o meio ambiente. O enferrujamento é o nome dado à corrosão do ferro: Fe(s)

Leia mais

Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Pré- Vestibular

Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Pré- Vestibular Colégio Drummond Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Pré- Vestibular MATERIAL DE QUÍMICA PROF.: CARLINHOS CURSINHO 2+ efeito estufa é o monóxido de carbono CO2, este é liberado principalmente

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM QUÍMICA. Exame de Seleção para o Mestrado em Química-2011.

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM QUÍMICA. Exame de Seleção para o Mestrado em Química-2011. UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Exame de Seleção para o Mestrado em Química-2011.2 PROVA DE QUÍMICA CÓDIGO do CANDIDATO: INSTRUÇÕES: Confira o caderno

Leia mais

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 07 LIGAÇÕES QUÍMICAS

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 07 LIGAÇÕES QUÍMICAS QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 07 LIGAÇÕES QUÍMICAS O C Na Cl + - Na Cl Mg Cl Cl 2+ Mg Cl - 2 F Al F Al F F +x -y B y x Fórmula Eletrônica ou de Lewis Fórmula Estrutural Fórmula Molecular 2 s O O O O s O O O

Leia mais

Classificação das Soluções Aquosas e Coeficiente de Solubilidade

Classificação das Soluções Aquosas e Coeficiente de Solubilidade Classificação das Soluções Aquosas e Coeficiente de Solubilidade 1. (UERJ) O gráfico a seguir, que mostra a variação da solubilidade do dicromato de potássio na água em função da temperatura, foi apresentado

Leia mais

Atividade extra. Questão 1 Cecierj Questão 2 Cecierj Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química

Atividade extra. Questão 1 Cecierj Questão 2 Cecierj Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química Atividade extra Questão 1 Cecierj - 2013 Desenhe uma esfera de ferro e outra de chumbo que tenham massas iguais. Para isso, considere as seguintes densidades: densidade do ferro = 7,9 g/cm3 densidade do

Leia mais

T.D. de Química 28/03/2015. Prof. Victor Henrique

T.D. de Química 28/03/2015. Prof. Victor Henrique T.D. de Química 28/03/2015 Prof. Victor Henrique 01) Qual é a molalidade de uma solução que contém 34,2 g de sacarose, C 12 H 22 O 11, dissolvidos em 200 g de água? Dados: C = 12; H = 1; O = 16 a) 0,1

Leia mais

PROVA DE QUÍMICA 2 o BIMESTRE DE 2012 PROF. MARCOS

PROVA DE QUÍMICA 2 o BIMESTRE DE 2012 PROF. MARCOS PROVA DE QUÍMICA 2 o BIMESTRE DE 2012 PROF. MARCOS Boa Prova NOME N o 1 a SÉRIE A compreensão do enunciado faz parte da questão. Não faça perguntas ao examinador. A prova deve ser feita com caneta azul

Leia mais

SUBSTÂNCIAS /SEPARAÇÃO DE MISTURAS/ MASSA ATÔMICA E MOLECULAR / MOL 2016

SUBSTÂNCIAS /SEPARAÇÃO DE MISTURAS/ MASSA ATÔMICA E MOLECULAR / MOL 2016 1. (UERJ ) No solo da floresta amazônica, são encontradas partículas ricas em fósforo, 1 trazidas pelos ventos, com velocidade constante de 0,1m s, desde o deserto do Saara. Admita que uma das partículas

Leia mais

XIII OLIMPÍADA MINEIRA DE QUÍMICA (OMQ2010) PROVA PARA O PRIMEIRO ANO

XIII OLIMPÍADA MINEIRA DE QUÍMICA (OMQ2010) PROVA PARA O PRIMEIRO ANO PROVA PARA O PRIMEIRO ANO Questão 1 Considere a equação química de decomposição do óxido de mercúrio (II), HgO: Assinale a alternativa CORRETA 2HgO(s) 2Hg(l) + O 2 (g) a) A massa molar do HgO é igual a

Leia mais

Química Básica: Átomo. Profa. Alessandra Barone

Química Básica: Átomo. Profa. Alessandra Barone Química Básica: Átomo Profa. Alessandra Barone www.profbio.com.br Átomo Fermions: formam a matéria Bósons: intermedeiam forças Quarks e leptons - Glúon e fóton Partículas Quark up Quark down Quark charmoso

Leia mais

QUÍMICA CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS

QUÍMICA CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS QUÍMICA CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS Os cálculos estequiométricos correspondem aos cálculos de massa, de quantidade de matéria e em alguns casos, de volumes das substâncias envolvidas

Leia mais

Atividade extra de Química sobre o vírus influenza A (H 1 N 1 ) e a ação do álcool-gel

Atividade extra de Química sobre o vírus influenza A (H 1 N 1 ) e a ação do álcool-gel Atividade extra de Química sobre o vírus influenza A (H 1 N 1 ) e a ação do álcool-gel 1) Fatec/jun-09O alcoolismo é um grave problema de saúde pública no Brasil, assim como em vários outros países. Estima-se

Leia mais

QUÍMICA. A distribuição eletrônica para o mercúrio elementar é. a) [Kr] 4d 10 5p 6. b) [Ar] 3d 10 4p 4. c) [Rn] 5f 14 6d 6. d) [Xe] 6s 2 4f 14 5d 10.

QUÍMICA. A distribuição eletrônica para o mercúrio elementar é. a) [Kr] 4d 10 5p 6. b) [Ar] 3d 10 4p 4. c) [Rn] 5f 14 6d 6. d) [Xe] 6s 2 4f 14 5d 10. QUÍMICA 01 A toxicidade do mercúrio (Hg) já é conhecida de longa data, e não se tem notícia de que ele seja essencial ao organismo humano. Devido ao elevado teor desse metal em lâmpadas fluorescentes,

Leia mais

- ATOMÍSTICA Folha 03 João Roberto Mazzei

- ATOMÍSTICA Folha 03 João Roberto Mazzei 01- (UFRJ 2005) Um professor decidiu decorar seu laboratório com um "relógio de Química" no qual, no lugar das horas, estivessem alguns elementos, dispostos de acordo com seus respectivos números atômicos,

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 10 TERMOQUÍMICA - PARTE 1

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 10 TERMOQUÍMICA - PARTE 1 QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 10 TERMOQUÍMICA - PARTE 1 H (kcal/mol) Hmax Hr Hp A- +B Complexo ativo Ea H AB Caminho da reação H (kcal/mol) Hmax Complexo ativo Hp Hr A + B Ea AB H Caminho da reação H(kJ) 100,0

Leia mais

12 GAB. 1 1 o DIA PASES 2 a ETAPA TRIÊNIO QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30

12 GAB. 1 1 o DIA PASES 2 a ETAPA TRIÊNIO QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30 12 GAB. 1 1 o DIA PASES 2 a ETAPA TRIÊNIO 2004-2006 QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30 21. Os solos brasileiros são na sua maioria ácidos, de modo que para cultiválos muitas vezes é necessária a aplicação de

Leia mais

RELAÇÕES NUMÉRICAS E CALCULOS QUIMICOS I

RELAÇÕES NUMÉRICAS E CALCULOS QUIMICOS I Prof. Edson Cruz RELAÇÕES NUMÉRICAS E CALCULOS QUIMICOS I Podemos conhecer as grandezas que regem a quantificação dos fenômenos químicos identificando o comportamento da massa, do número de partículas

Leia mais

DATA: Nº de ordem GRAU: PROVA: TURMA MATRÍCULA: Estudo Independente

DATA: Nº de ordem GRAU: PROVA: TURMA MATRÍCULA: Estudo Independente FOLHA DE QUESTÕES CURSO: ASS.: Engenharia de Produção DISCIPLINA: NOME: Química Geral DATA: Nº de ordem GRAU: PROVA: TURMA MATRÍCULA: Estudo Independente 5PRD31A 01) O grupo de átomos que é encontrado

Leia mais

Resolução UNIFESP 2015

Resolução UNIFESP 2015 Resolução UNIFESP 2015 1-Utilizando o aparato indicado na figura, certo volume de solução aquosa de sulfato de cobre(ii) hidratado foi colocado dentro do béquer. Quando o plugue foi conectado à tomada

Leia mais

Modelos Atômicos. Niels Bohr propôs um modelo baseado em postulados:

Modelos Atômicos. Niels Bohr propôs um modelo baseado em postulados: Modelos Atômicos Niels Bohr propôs um modelo baseado em postulados: Os elétrons giram, ao redor do núcleo, somente em determinadas órbitas permitidas e com energia quantizada. ONDAS ELETROMAGNÉTICAS Os

Leia mais

EXERCÍCIOS DE REVISÃO P/ Avaliação 01/06

EXERCÍCIOS DE REVISÃO P/ Avaliação 01/06 Tema do Ano: Eu e o outro construindo um mundo mais solidário Projeto Interdisciplinar da 2 a Série do Ensino Médio: Segunda metade do século XX e início do século XXI: movimentos, conflitos e desenvolvimento.

Leia mais

QUÍMICA. Qual será o efeito na velocidade desta reação no caso de triplicarmos a concentração molar de ácido clorídrico?

QUÍMICA. Qual será o efeito na velocidade desta reação no caso de triplicarmos a concentração molar de ácido clorídrico? NÚMER DE INSRIÇÃ! - QUÍMIA QUESTÃ 11 Ao expressarmos uma equação de velocidade para a reação, Al(H) 3 + 3 Hl All 3 + 3H 2 Qual será o efeito na velocidade desta reação no caso de triplicarmos a concentração

Leia mais

1. (Unesp) Pbƒ(SbO ) é um pigmento alaranjado empregado em pinturas a óleo.

1. (Unesp) Pbƒ(SbO ) é um pigmento alaranjado empregado em pinturas a óleo. 1. (Unesp) Pbƒ(SbO ) é um pigmento alaranjado empregado em pinturas a óleo. a) Escreva o nome oficial do pigmento e indique a classe de compostos a que pertence. b) Escreva a equação química balanceada

Leia mais

NOME: ANO: 2º ENSINO: MÉDIO TURMA: DATA: / / PROF(ª).: Luciano Raposo Freitas EXERCÍCIOS TERMOQUÍMICA QUÍMICA II (2º BIM)

NOME: ANO: 2º ENSINO: MÉDIO TURMA: DATA: / / PROF(ª).: Luciano Raposo Freitas EXERCÍCIOS TERMOQUÍMICA QUÍMICA II (2º BIM) NOME: ANO: 2º ENSINO: MÉDIO TURMA: DATA: / / PROF(ª).: Luciano Raposo Freitas EXERCÍCIOS TERMOQUÍMICA QUÍMICA II (2º BIM) 1. Nos motores de explosão existentes hoje em dia utiliza-se uma mistura de gasolina

Leia mais

SÉRIE: 1 Ano. ALUNO (a): NOTA: LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO SEMESTRAL

SÉRIE: 1 Ano. ALUNO (a): NOTA: LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO SEMESTRAL GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: Taynara Oliveira DISCIPLINA: Química SÉRIE: 1 Ano ALUNO (a): NOTA: No Anhanguera você é + Enem LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO SEMESTRAL 01. X é isótopo de 20 41 Ca e isótono

Leia mais