ODP TC. Observatório da Despesa Pública. Manual de Identidade Visual

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ODP TC. Observatório da Despesa Pública. Manual de Identidade Visual"

Transcrição

1 ODP TC Manual de Identidade Visual

2 Apresentação O é a unidade de produção de informações estratégicas para o Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União - CGU e tem como principal objetivo a antecipação de situações para encaminhamento preventivo de soluções por meio do monitoramento e da construção de conhecimento que subsidiem a tomada de decisão dos gestores públicos com foco na gestão dos processos de controle interno do governo federal. O ODP gera informações analíticas consolidadas sobre a QUALIDADE DO GASTO PÚBLICO, por meio de indicadores, com o objetivo de SUBSIDIAR os Tribunais de Contas na tomada de decisões e na autuação de processos para responsabilização dos agentes e acionar Gestores para que tomem as providências necessárias. A marca do ODP foi desenvolvida com base no conceito de troca de informações, bem como em um tripé de elementos essenciais à atividade: metodologia, capital humano e tecnologia. Sendo o ODP.TC um desmembramento do ODP, a marca seguiu essa mesma linha, acrescentando-se apenas o termo TCE, TCDF ou TCM e o nome do estado, do distrito federal e do município. 2

3 Guia de Aplicação da Marca Este Manual de Identidade Visual é um documento técnico, contendo as recomendações, especificações e normas essenciais para a utilização da marca do -ODP, com o objetivo de preservar suas propriedades visuais e facilitar a correta propagação, percepção, identificação e memorização da marca. Neste manual são detalhados os procedimentos a serem seguidos pelas unidades integrantes da Rede do -ODP no âmbito dos Tribunais de Contas. O documento tem como objetivo estabelecer e consolidar a identidade visual do ODP.TC, garantindo a unicidade do processo comunicativo, seja na produção de documentos, seja na criação de peças gráficas de comunicação institucional. Todas as peças gráficas ou audiovisuais produzidas para divulgação institucional do presente nos TCs devem ser assinadas com os elementos gráficos apropriados e seguir as normas e orientações deste Manual de Identidade Visual. Mais que um conjunto de sinais e normas gráficas, este documento é de extrema importância para reforçar a imagem institucional da Rede ODP junto aos seus diversos públicos, uma vez que as regras nele contidas visam garantir que a marca, uma das principais vias de reconhecimento de uma instituição, seja aplicada sempre de forma correta e consistente. 3

4 Cores utilizadas C 100 M 60 Y 0 K 6 C 84 M 50 Y 0 K 5 C 0 M 0 Y 60 K 80 C 30 M 0 Y 0 K 80 Todos os elementos em preto foram compostos na seguinte especificação: C 0 M 0 Y 0 K 100 4

5 Tipografia Impact Atenção! Quando citado em texto corrido, o termo ODP.TCE (ou ODP.TCM ou ODP.TCDF) deve ser escrito com a designação em itálico. Deve também apresentar o nome do estado em itálico, por extenso, ex: ODP.TCE Ceará. Esta medida visa preservar o conceito desenvolvido para a marca. É uma forma de destacar a existência da identidade visual quando ela não se fizer presente. AvantGarde LT ExtraLight 5

6 Reserva de Integridade e limite de redução 5 cm 2 cm 2x x 2x Orienta-se manter uma distância mínima de 2x de outros elementos, sendo x equivalente à largura da letra minúscula utilizada na sentença Observatório da Despesa Pública, conforme demonstrado acima. Há duas opções para o limite de redução da marca. Quando acompanhada da sentença Observatório da Despesa Pública a redução máxima permitida é de 5 cm. Quando utilizado somente o símbolo pode-se reduzir a marca até 2 cm de largura. 6

7 ADAPTAÇÃO PARA OS TCEs A logo é adaptada à realidade local de cada TCE. Neste caso, a unidade poderá utilizar a estrutura apresentada a seguir, com o estado indicado na logo, alinhado à direita. Quando o termo for citado em textos comuns, a expressão TCE e nome do estado devem estar em itálico. Santa Catarina Acre Santa Catarina Santa Catarina Acre Acre São Paulo Mato Grosso do Sul São Paulo São Paulo Mato Grosso do Sul Mato Grosso do Sul 7

8 ADAPTAÇÃO PARA O TCDF A logo é adaptada à realidade do TCDF. Quando o termo for citado em textos comuns, as expressões TCDF e Distrito Federal devem estar em itálico. ODP TCDF Distrito Federal ODP TCDF Distrito Federal ODP TCDF Distrito Federal 8

9 ADAPTAÇÃO PARA OS TCMs A logo é adaptada à realidade de cada Tribunal. Neste caso, a unidade poderá utilizar a estrutura apresentada a seguir, com o município ou o estado indicado na logo, alinhado à direita. Quando o termo for citado em textos comuns, a expressão TCM e nome do estado ou do município devem estar em itálico. Goiás Bahia Goiás Goiás Bahia Bahia Pará Rio de Janeiro Pará Pará Rio de Janeiro Rio de Janeiro 9

10 Aplicação em positivo, negativo e tons de cinza Nome do estado Nome do estado Nome do estado Nome do estado Nome do estado Nome do estado Para garantir uma boa visibilidade e leitura nos materiais com fundo claro, use a marca na versão em positivo. Nos materiais com fundo escuro, use a versão em negativo. Uma outra possibilidade, dependendo do fundo, é utilizar a marca em tons de cinza. 10

11 Aplicações da marca As Unidades de Informações Estratégicas devem, obrigatoriamente, apresentar o selo de certificação do ODP.TC. Isso deve ser feito com uma placa em pvc ou adesivo (modelo a seguir) na porta de entrada da sala. Características do peça: 1. tamanho: 30x12 cm. 2. a placa deve ser posicionada na porta de acordo com a figura ao lado. Posicionada à 1,80 m do chão, junto à margem direita da porta. 3. Solicitamos contactar a unidade do Observatório em Brasília para solicitar o arquivo digital (será enviado em formato PDF.X1A). Santa Catarina 1,80 m Santa Catarina 11

12 Aplicações da marca São Paulo Mousepad. Fundo de tela criado para estações de trabalho. 12

13 Exemplos de aplicações erradas Logo distorcida na vertical ou horizontal Aplicação sobre fundo colorido que não permite o contraste apropriado com a marca. Nesse caso o ideal é utilizar a marca toda em branco. O Não se deve alterar o posicionamento padrão dos elementos da marca. 13

14 Produção de peças do kit básico O Tribunal de Contas poderá produzir peças do kit básico. A unidade central em Brasília disponibilizará os arquivos digitais das peças para produção. As peças que compõem o kit disponibilizado pela unidade central estão listadas a seguir. Todas as peças a imprimir serão disponibilizadas em arquivo pdf/x1-a, formato adequado para impressão. 1. Identidade visual na entrada/acesso ao ODP.TC a. Placa em pvc ou adesivo na porta tamanho padrão 30x12 cm 2. Banner 2x1m 3. Material para reuniões a. Pasta padrão tamanho A4 b. Bloco padrão tamanho A5 c. Caneta (dois modelos) 4. Peças eletrônicas a. Mousepad padrão b. Fundo de tela 2 dimensões (Resolução de Tela): 1600 x 900 e 1280 x 720; c. Slide mestre para Power Point serão fornecidos no formato wide e padrão 5. Folder com conteúdo padrão MINISTÉRIO DA TRANSPARÊNCIA, FISCALIZAÇÃO E CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO

APRESENTAÇÃO. A identidade visual da Virada da Saúde foi desenvolvida para expressar o conceito do evento.

APRESENTAÇÃO. A identidade visual da Virada da Saúde foi desenvolvida para expressar o conceito do evento. APRESENTAÇÃO A identidade visual da Virada da foi desenvolvida para expressar o conceito do evento. urbanidade e saúde qualidade de vida do homem sustentabilidade como promoção de saúde protagonismo pertencimento

Leia mais

manual de identidade visual

manual de identidade visual manual de identidade visual manual-perpart2.indd 1 índice 02 03 Apresentação A Marca 20 Papelaria Institucional Cartão de Visita I 04 A Marca 21 Cartão de Visita II 05 Logotipo 22 Envelope Ofício 06 Símbolo

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 5 Apresentação da Marca A marca completa, com slogan, deve ser a versão utilizada preferencialmente. Já a versão marca simplificada, sem o slogan, só será utilizada quando não

Leia mais

Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 1

Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 1 Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 1 1 Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 2 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL UNIVERSIDADE F U M E C 2 Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 3 O maior patrimônio

Leia mais

embria Manual de identidade visual Normas e padrões de utilização

embria Manual de identidade visual Normas e padrões de utilização emia Manual de identidade visual Normas e padrões de utilização Índice 01 Navegue: Pag. 2 - A marca Pag. 3 - Utilizações incorretas da marca Pag. 4 - Reserva de integridade Pag. 5 - Versão quadricromia,

Leia mais

Administração Vinculada DEPARTAMENTO DE TRANSPORTES RODOVIÁRIOS ATO DO PRESIDENTE

Administração Vinculada DEPARTAMENTO DE TRANSPORTES RODOVIÁRIOS ATO DO PRESIDENTE Administração Vinculada DEPARTAMENTO DE TRANSPORTES RODOVIÁRIOS ATO DO PRESIDENTE PORTARIA DETRO/PRES. No 505 DE 23 DE MAIO DE 2000. Estabelece os procedimentos para a exploracao de mensagens publicitarias

Leia mais

Manual de Identidade Visual Cotrijuc

Manual de Identidade Visual Cotrijuc Manual de Identidade Visual Cotrijuc Índice Padrão cromático Monocromia Negativo e Positivo Tons de cinza PB Malha Construtiva Dimensionamentos Limite de redução Aplicações sobre fundos Margem de segurança

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL. Versão 04 - publicado em 12/junho/2013.

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL. Versão 04 - publicado em 12/junho/2013. MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Versão 04 - publicado em 12/junho/2013. Marca Introdução A marca da nossa empresa tem vida: ela reflete nossos valores, cultura e imagem. Por isso, o respeito na aplicação da

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE MANUAL DE APLICAÇÕES GRÁFICAS DA LOGOMARCA DO PROGRAMA BRASIL SORRIDENTE

MINISTÉRIO DA SAÚDE MANUAL DE APLICAÇÕES GRÁFICAS DA LOGOMARCA DO PROGRAMA BRASIL SORRIDENTE MINISTÉRIO DA SAÚDE MANUAL DE APLICAÇÕES GRÁFICAS DA LOGOMARCA DO PROGRAMA BRASIL SORRIDENTE Introdução 01 Logotipo / Modulação 1.1 Slogan 1.2 Redução 1.3 Versão 3D 1.4 Construção Modular 1.5 Logotipo

Leia mais

Introdução. Identificação da Empresa. Desenvolvimento do Projeto Gráfico

Introdução. Identificação da Empresa. Desenvolvimento do Projeto Gráfico Introdução A Identidade Visual de uma empresa é um de seus principais patrimônios. É por meio dela que uma instituição transmite visualmente seus valores, sua filosofia, torna-se visível e reconhecida

Leia mais

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA FAPERJ

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA FAPERJ MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA FAPERJ ÍNDICE A marca FAPERJ 01 Malha de construção geométrica 02 Cor institucional 03 Cores monocromáticas 04 Versão preto e branco/negativo 05 Fonte tipográfica padrão 06

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual IMPORTANTE Na impossibilidade de resolver de antemão todos os possíveis problemas relativos ao universo de aplicações da marca Golfran, cabe a este manual fornecer o máximo

Leia mais

PMR RELATÓRIO DE PROGRESSO 2º SEMESTRE DE 2010. Quadro V Execução Física por Subcomponentes Nacionais e Locais "Progress Monitoring Report"

PMR RELATÓRIO DE PROGRESSO 2º SEMESTRE DE 2010. Quadro V Execução Física por Subcomponentes Nacionais e Locais Progress Monitoring Report Componentes / Subcomponentes / Produtos PMR RELATÓRIO DE PROGRESSO 2º SEMESTRE DE 200 "Progress Monitoring Report" Projetos (TCs) Até o º Semestre de 200 (resultado acumulado) Até o 2º Semestre 200 (resultado

Leia mais

manual de normas gráficas UNIVERSIDADE LUSÓFONA

manual de normas gráficas UNIVERSIDADE LUSÓFONA manual de normas gráficas UNIVERSIDDE LUSÓFON manual normas Os valores centrais da nossa Marca No início deste ano lectivo de 2014/2015, a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias renova a sua

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Objetivos Este manual estabelece as formas de comunicação e aplicação da marca Balada Segura para aumentar o seu reconhecimento e consistência para o público. A aplicação das

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Logomarca da CBC / Logo de Formação de Atletas Comunicação & Marketing Índice 1 Logomarca da CBC 1.1 Elementos da Logomarca 1.2 Significado 1.3 A Marca 1.4 Variantes de cor

Leia mais

FORA DA ESCOLA NÃO PODE. Cada criança e adolescente tem o direito de aprender. Manual de Aplicação de Marcas

FORA DA ESCOLA NÃO PODE. Cada criança e adolescente tem o direito de aprender. Manual de Aplicação de Marcas NÃO PODE Cada criança e adolescente tem o direito de aprender Manual de Aplicação de Marcas Sumário p1 Apresentação p15 Banners p2 Assinatura Principal p19 Faixa p3 Variações da Marca p20 Outdoor p4 Cores

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 02 ÍNDICE Introdução Elementos Básicos Logotipo 2. Slogan 3. Logomarca 4. Aplicações 5. Aplicações não aceitáveis 6. Versão Horizontal 7. Limites 8. Redução 9. Alfabeto Padrão

Leia mais

Manual de Identidade Visual RIO +20

Manual de Identidade Visual RIO +20 Manual de Identidade Visual RIO +20 ÍNDICE Introdução 1. O selo 2. Aplicação principal 2.1. Construção 2.2. Aplicação em cores sólidas 2.3. Tons de cinza 2.4. Versões monocromáticas 2.5. Redução máxima

Leia mais

A marca de uma empresa é construída ao longo de sua existência e inclui seu nome, sua logomarca e identidade visual, suas peças de comunicação, seu

A marca de uma empresa é construída ao longo de sua existência e inclui seu nome, sua logomarca e identidade visual, suas peças de comunicação, seu A marca de uma empresa é construída ao longo de sua existência e inclui seu nome, sua logomarca e identidade visual, suas peças de comunicação, seu relacionamento com todos os públicos de interesse, seus

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA Manual de Us (Para Detentres de Bens) Infrmações adicinais n Prtal da Crdenaçã de Patrimôni: www.cpa.unir.br 2013 Cnteúd O que papel Detentr de Bem pde fazer?... 2 Objetiv...

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Manual de identidade 2013 - Solidariedade

Manual de Identidade Visual. Manual de identidade 2013 - Solidariedade Manual de Identidade Visual Manual de identidade 2013 - Solidariedade É com muita satisfação que apresentamos, neste Guia, a nova identidade visual do Solidariedade, contendo o logotipo e suas aplicações,

Leia mais

Manual de Identidade Visual da Marca Fiat

Manual de Identidade Visual da Marca Fiat Manual de Identidade Visual da Marca Fiat Conceito A construção de um logo...é Em última instância o reflexo da integração da empresa que simboliza. Seu efeito depende consideravelmente da sua exposição

Leia mais

Sumário. conceito... apresentação... paleta de cores... escala de cinza... traço (p/b)... traço (cor)... tipologia... grid... redução máxima...

Sumário. conceito... apresentação... paleta de cores... escala de cinza... traço (p/b)... traço (cor)... tipologia... grid... redução máxima... manual da marca Sumário conceito... apresentação... paleta de cores... escala de cinza... traço (p/b)... traço (cor)... tipologia... grid... redução máxima... assinatura conjunta... aplicação sobre fundo

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual sumário Manual de Identidade Visual EBSERH Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares 3 a marca 4 malha construtiva 5 cores institucionais 6 aplicações em fundo colorido 7

Leia mais

Manual de Identidade Visual do Instituto Federal do Rio Grande do Sul

Manual de Identidade Visual do Instituto Federal do Rio Grande do Sul Manual de Identidade Visual do Instituto Federal do Rio Grande do Sul 2ª Edição Bento Gonçalves, 2 de setembro de 2013. 1 Dilma Vana Roussef Presidenta da República Aloizio Mercadante Ministro da Educação

Leia mais

SUMÁRIO. Apresentação... 03. O Manual... 04. Elementos básicos da Identidade Visual... 05. Marca... 06

SUMÁRIO. Apresentação... 03. O Manual... 04. Elementos básicos da Identidade Visual... 05. Marca... 06 SUMÁRIO Apresentação... 03 O Manual... 04 Elementos básicos da Identidade Visual... 05 Marca... 06 Versões da marca / Versão sólida com assinatura - preferencial... 07 Versões da marca / Versão sólida

Leia mais

MANUAL APLICAÇÃO LOGOTIPO LINTEC

MANUAL APLICAÇÃO LOGOTIPO LINTEC SUMÁRIO INTRODUÇÃO 03 APRESENTAÇÃO 04 VERSÃO INSTITUCIONAL 05 VERSÃO VERTICAL E HORIZONTAL 06 PRETO E BRANCO 07 PADRÕES CROMÁTICOS 08 MALHA CONSTRUTIVA 09 ÁREA DE PROTEÇÃO 10 REDUÇÃO MÁXIMA 11 APLICAÇÕES

Leia mais

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa, através dos tempos, portar-se institucionalmente de um

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa, através dos tempos, portar-se institucionalmente de um Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa, através dos tempos, portar-se institucionalmente de um modo que justifique e reafirme o seu lugar na vanguarda.

Leia mais

Anexo II. Modelo de totem. Modelo de placa com letra vazada e iluminação interna MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

Anexo II. Modelo de totem. Modelo de placa com letra vazada e iluminação interna MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Anexo I Lote 1 Item 01 Marca do MPF MPF - Letra caixa em chapa galvanizada medindo 2,83x1,25m, profundidade 7cm, na cor azul (Pantone 281C) Item 02 - Brasão da República letra caixa em chapa galvanizada,

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA MARCA

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA MARCA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA MARCA APRESENTAÇÃO E JUSTIFICATIVA A identidade visual é um importante instrumento para a construção e consolidação da imagem de uma instituição perante o público. É através dela

Leia mais

Manual de Uso da Marca do Governo Federal Patrocínio

Manual de Uso da Marca do Governo Federal Patrocínio Manual de Uso da Marca do Governo Federal Patrocínio SECOM / PR - 2011 Manual de uso da marca do Governo Federal Introdução...3 Assinatura de marcas do Governo Federal em patrocínios...4 Reserva de integridade...6

Leia mais

27 CBM E EXPOMAN 2012 CATÁLOGO DE MERCHANDISING

27 CBM E EXPOMAN 2012 CATÁLOGO DE MERCHANDISING ANTES DO EVENTO BANNER NO EMAIL MARKETING Desperte interesse do seu cliente! Banner em campanhas de e-mail marketing focadas no público profissional e qualificado do evento. Uma maneira rápida e interativa

Leia mais

MATERNAL BABY MATERIAL ESCOLAR 2015 PRIMEIRO SEMESTRE

MATERNAL BABY MATERIAL ESCOLAR 2015 PRIMEIRO SEMESTRE MATERNAL BABY 01 brinquedo pedagógico 05 placas de E.V.A. (nas cores: amarela, laranja, azul escuro, branca e preta) 04 folhas de color set (nas cores: amarela, marrom, azul escuro e verde escuro) 04 folhas

Leia mais

Manual de Identidade Junho de 2011

Manual de Identidade Junho de 2011 Manual de Identidade Junho de 2011 Índice Identidade Visual... 2 O que é a Identidade Visual... 2 Objectivos do Manual de Identidade Visual... 2 Marca... 3 Versão Preferencial... 4 Versão Auxiliar... 4

Leia mais

Manualde. Identidade. Guia para Orientação e Aplicação da Identidade Visual - 2011

Manualde. Identidade. Guia para Orientação e Aplicação da Identidade Visual - 2011 Manualde Identidade demarca Guia para Orientação e Aplicação da Identidade Visual - 2011 Sumário Manual de Identidade de Marca Editorial: Cliente: Grupo Baratão Mercado: Nacional Agência: Is Branding Results

Leia mais

1 / 48 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

1 / 48 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 1 / 48 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL sumário 2 / 48 Conceito 3 conceito da marca 4 assinatura principal 9 grid de construção 10 área de reserva 11 moldura 12 redução 13 tipografia institucional 14 tabela

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual ÍNDICE 1. Marca 1.1 Apresentação 1.2 Versões de assinatura 1.2.1 Recomendações 1.3 Negativo e positivo 1.4 Escala de cinza 1.5 Versão não cromia 1.6 Área de proteção 1.7 Redução

Leia mais

Manual de Uso da Marca do Governo Federal Patrocínio. SECOM / PR - Janeiro de 2015

Manual de Uso da Marca do Governo Federal Patrocínio. SECOM / PR - Janeiro de 2015 Manual de Uso da Marca do Governo Federal Patrocínio SECOM / PR - Manual de uso da marca do Governo Federal 1.1 Introdução 1.2 Assinatura de marcas do Governo Federal em patrocínios 1.3 Reserva de integridade

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE CORPORATIVA Da APA, S.A.

MANUAL DE IDENTIDADE CORPORATIVA Da APA, S.A. MANUAL DE IDENTIDADE CORPORATIVA Da APA, S.A. Manual de Identidade Corporativa da APA, S.A. Versão Controlada 0 Página 1 de 26 1. NORMAS BÁSICAS 1.1. Logotipo DESCRIÇÂO O Logotipo da Administração do Porto

Leia mais

TECNICO EM INFORMATICA PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO

TECNICO EM INFORMATICA PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO (s15h PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO Curso: 500446 - TECNICO EM INFORMATICA Nivel: Tecnico Area Profissional: 0042 - COMERCIO-TEC Area de Atuacao: 0440 - BANCO DADOS/COMERCIO-TEC

Leia mais

TABELA DE PREÇO REGIÃO SUL - PRODUTOS PARA ACESSIBILIDADE - ANO 2013

TABELA DE PREÇO REGIÃO SUL - PRODUTOS PARA ACESSIBILIDADE - ANO 2013 TABELA DE PREÇO REGIÃO SUL - PRODUTOS PARA ACESSIBILIDADE - ANO 2013 SINALIZAÇÃO TÁTIL HORIZONTAL PISOS TÁTEIS 1 PISO TÁTIL BRASIL BORRACHA SINTÉTICA ALERTA E DIRECIONAL 250X250X5MM AZUL, AMARELO, VERMELHO,

Leia mais

Caio Macedo. Manual de Uso da Marca

Caio Macedo. Manual de Uso da Marca Caio Macedo Manual de Uso da Marca INTRODUCAO O objetivo deste Manual é definir um padrão para a marca, tanto para futuras edições quanto para qualquer trabalho ou press release futuro; e para qualquer

Leia mais

IT- MKT-001-COM Data: 28/01/2015 versão: 04. Manual de aplicação da marca

IT- MKT-001-COM Data: 28/01/2015 versão: 04. Manual de aplicação da marca Manual de aplicação da marca IT- MKT-001-COM Data 15/08/2014 versão 02 SumárioApresentação 3 A marca 4 Memorial descritivo... 5 Versão preferencial... 6 Padrões cromáticos... 7 Versões positiva/negativa...

Leia mais

MANUAL DE ACESSIBILIDADE

MANUAL DE ACESSIBILIDADE - LIC 71.3.8 - Índice 1. Elementos de Arquitetura 1.1 Passeio 1.2 Vagas de estacionamento - demarcação 1.3 Vagas de estacionamento - sinalização 1.4 Rampas 1.5 Escadas e seus componentes 1.6 Aproximação

Leia mais

CURSOS OFERECIDOS COMUNICAÇÂO, ARTES E DESIGN

CURSOS OFERECIDOS COMUNICAÇÂO, ARTES E DESIGN CURSOS OFERECIDOS COMUNICAÇÂO, ARTES E DESIGN Bacharelado em Design Habilitação em Comunicação Visual Bacharelado em Publicidade e Propaganda Bacharelado em Audiovisual Horário: de segunda a sexta-feira,

Leia mais

2013: Ano da Contabilidade no Brasil. Manual de aplicação da marca

2013: Ano da Contabilidade no Brasil. Manual de aplicação da marca Apresentação A profissão contábil é um ofício antigo, que evoluiu e continua evoluindo, mas a sociedade não tem consciência dessa visão histórica, nem mesmo da importância dessa profissão para os dias

Leia mais

LED. Laboratório de Educação a Distância ORIENTAÇÕES PARA VIDEOAULA

LED. Laboratório de Educação a Distância ORIENTAÇÕES PARA VIDEOAULA LED Laboratório de Educação a Distância ORIENTAÇÕES PARA VIDEOAULA Videoaula Visite o Portfólio do LED Professor A aula inicial é o primeiro contato do aluno com você e sua disciplina. Por isso, é importante

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Índice Aplicações Papelaria Cartão de Visita Envelope Papel Carta Pasta Publicidade Banners Anúncios Eventos Conjuntos Sinalização Placa Tótem Uniforme Camiseta Boné Material

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 1. Versão preferencial com decodificador 1.1 Versão padrão Versão de uso preferencial. Deve-se usar a logomarca na cor apresentada sobre fundo branco. No caso do fundo totalmente

Leia mais

Manual de uso da marca da 1ª Conferência Nacional sobre Transparência e Controle Social

Manual de uso da marca da 1ª Conferência Nacional sobre Transparência e Controle Social Manual de uso da marca da 1ª Conferência Nacional sobre Transparência e Controle Social Manual de uso da marca da 1ª Conferência Nacional sobre Transparência e Controle Social Apresentação... 3 Marca e

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual S Ã O C A R L O S ELEMENTOS INSTITUCIONAIS A Marca............................... 03 Limite de Redução........................ 03 Padrão Cromático......................... 04

Leia mais

Apresentação. FHE e POUPEX são as nossas marcas. Elas são o nosso principal ativo. É com elas que nosso público nos reconhece.

Apresentação. FHE e POUPEX são as nossas marcas. Elas são o nosso principal ativo. É com elas que nosso público nos reconhece. Apresentação A marca é o somatório de representações que caracterizam, identificam e diferenciam uma empresa. É a expressão visual e verbal que a distingue de todas as outras empresas. FHE e POUPE são

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº /

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº / ANEXO IV APÊNDICE VII COMUNICAÇÃO VISUAL PÁGINA 1 DE 28 SUMÁRIO PARTE I DA LOGOMARCA... 4 1. COMPOSIÇÃO:... 4 2. MARCA:... 4 3. TIPOLOGIA:... 5 4. CORES:... 6 5. APLICAÇÕES:... 6 6. MALHA DE CONSTRUÇÃO:...

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Japan Karate Shotofederation - Brasil

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Japan Karate Shotofederation - Brasil MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Japan Karate Shotofederation - Brasil Introdução Este manual tem como objetivo padronizar o uso da marca Japan Karate Shotofederation na República Federativa do Brasil, bem

Leia mais

RECOMENDAQA0 PROURB N 04/2014

RECOMENDAQA0 PROURB N 04/2014 MINISTERIO PUBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITORIOS PROMOTORIA DE JUSTIcA DE DEFESA DA ORDEM URBANISTICA RECOMENDAQA0 PROURB N 04/2014 Recomenda ao Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Distrito Federal

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Universidade Federal de Santa Maria Santa Maria - RS

Manual de Identidade Visual. Universidade Federal de Santa Maria Santa Maria - RS Manual de Identidade Visual Faculdade de Informática Santa Maria - RS Sumário Sumário I Memorial descritivo... 04 1. A Marca Apresentação da marca... Padrão cromático... Padrão tipográfico... Marca em

Leia mais

Guia de Uso DAMARCA V1.0 - Maio. 2011

Guia de Uso DAMARCA V1.0 - Maio. 2011 Guia de Uso DAMARCA V1.0 - Maio. 2011 Apresentação 3 Elementos da marca 4 Versões de uso preferencial 5 Cores 6 Aplicação em substrato metalizado 7 Versão degradê 8 Versões em P&B 9 Área de não interferência

Leia mais

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa portar-se institucionalmente, através dos tempos, de um

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa portar-se institucionalmente, através dos tempos, de um Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa portar-se institucionalmente, através dos tempos, de um modo que justifique e reafirme o seu lugar na vanguarda.

Leia mais

Âmbito do Documento. Modelo de Comunicação. Modelo de Comunicação. Prescrição Eletrónica Médica - Aplicação

Âmbito do Documento. Modelo de Comunicação. Modelo de Comunicação. Prescrição Eletrónica Médica - Aplicação Mdel de Cmunicaçã Prescriçã Eletrónica Médica - Aplicaçã Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes da aplicaçã de Prescriçã Eletrónica Médica

Leia mais

manual de identidade visual instituto fonte

manual de identidade visual instituto fonte manual de identidade visual instituto fonte por quê um manual de identidade visual é importante para o instituto fonte? Por uma razão de sentido. Faz sentido para nós conseguir comunicar, em um conjunto

Leia mais

Planejar, administrar, desenvolver e implementar banco de dados e sistemas integrados de informacao.

Planejar, administrar, desenvolver e implementar banco de dados e sistemas integrados de informacao. PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO Curso: 000053 - ENGENHARIA DA COMPUTACAO Nivel: Superior Area Profissional: INFORMATICA Area de Atuacao: BANCO DE DADOS/INFORMATICA Planejar, administrar,

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual ÍNDICE 1. MARCA Apresentação... 04 Cores Institucionais... 05 Família Tipográfi ca... 06 Construção... 07 Versões... 08 Fantasia... 09 Grayscale... 10 Uma Cor... 11 Assinaturas...

Leia mais

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA ÍNDICE 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 APRESENTAÇÃO DEFESA DA MARCA FAMÍLIA TIPOGRÁFICA PADRÃO CROMÁTICO APLICAÇÕES E VERSÕES LIMITES DE REDUÇÃO

Leia mais

Padrões da Marca de Bandeira Maestro

Padrões da Marca de Bandeira Maestro ORIENTAÇÕES DA MARCA Padrões da Maestro Versión 8.0 Abril 2015 Maestro A Maestro pode aparecer apenas nas versões aprovadas. A escolha da versão depende da aplicação, das restrições orçamentárias, das

Leia mais

SOFTWARE JCLIC. Para abrir o JCLIC - clique em Aplicativos JCLIC AUTHOR

SOFTWARE JCLIC. Para abrir o JCLIC - clique em Aplicativos JCLIC AUTHOR SOFTWARE JCLIC Para abrir o JCLIC - clique em Aplicativos JCLIC AUTHOR 1- Para iniciar o projeto clique em ficheiro novo projeto digite o nome do projeto OK Preencha as opções: Descrição (clique no + e

Leia mais

Manual de uso da marca do Governo Federal. SECOM / PR Janeiro de 2015

Manual de uso da marca do Governo Federal. SECOM / PR Janeiro de 2015 Manual de uso da marca do Governo Federal SECOM / PR Manual de uso da marca do Governo Federal 1.1 Introdução 3 1.2 Logomarca do Governo Federal 4 1.3 Proporções e medições 5 1.4 Zona de eclusão 6 1.5

Leia mais

Manual de utilização da marca

Manual de utilização da marca Manual de utilização da marca Manual de utilização da marca Caatinga Cerrado O sertão é o mundo Guimarães Rosa Grande Sertão Veredas A logomarca Caatinga Cerrado foi concebida sob o signo da vegetação

Leia mais

Forest Stewardship Council. Guia rápido de marcas para Portadores de Certificado

Forest Stewardship Council. Guia rápido de marcas para Portadores de Certificado Forest Stewardship Council Guia rápido de marcas para Portadores de Certificado Sobre as marcas do FSC e este guia rápido As marcas do FSC são a principal ferramenta de comunicação dos portadores de certificados

Leia mais

TABELA DE PREÇO REGIÃO SUL - PRODUTOS PARA ACESSIBILIDADE - ANO 2015 Atualizada em Setembro/2015 - Valores validos até 31/01/2016

TABELA DE PREÇO REGIÃO SUL - PRODUTOS PARA ACESSIBILIDADE - ANO 2015 Atualizada em Setembro/2015 - Valores validos até 31/01/2016 TABELA DE PREÇO REGIÃO SUL - PRODUTOS PARA ACESSIBILIDADE - ANO 2015 Atualizada em Setembro/2015 - Valores validos até 31/01/2016 SINALIZAÇÃO TÁTIL HORIZONTAL COM PISOS TÁTEIS 1 PISO TÁTIL BRASIL BORRACHA

Leia mais

PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO. Curso: 000026 - COMUNICACAO SOCIAL - PUBLICIDADE E PROPAGANDA Nivel: Superior

PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO. Curso: 000026 - COMUNICACAO SOCIAL - PUBLICIDADE E PROPAGANDA Nivel: Superior PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO Curso: 000026 - COMUNICACAO SOCIAL - PUBLICIDADE E PROPAGANDA Nivel: Superior Area Profissional: COMUNICACAO Area de Atuacao: EDITORACAO/COMUNICACAO

Leia mais

1 Assinatura 2 Cores 3 Tipografia 4 Estacionário

1 Assinatura 2 Cores 3 Tipografia 4 Estacionário 1 Assinatura 2 Cores 3 Tipografia 4 Estacionário 1 Assinatura A imagem corporativa/imagem global de todos os materias que têm a imagem da empresa registam uma primeira impressão sobre a empresa, quer perante

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Um Manual de Identidade Visual apresenta diretrizes e orientações que visam consolidar o padrão visual da RGB do Brasil no sentido de assegurar consistência e uniformidade nos

Leia mais

Manual da marca. Rede Nacional Primeira Infância

Manual da marca. Rede Nacional Primeira Infância Manual da marca Rede Nacional Primeira Infância Índice Apresentação Assinaturas de parceiros, apoiadores e colaboradores Uso do selo de parceiro da RNPI 3 4 8 2 Este manual foi desenvolvido com o objetivo

Leia mais

Guia - Apresentações de Slides

Guia - Apresentações de Slides Guia - Apresentações de Slides Recomendações O guia a seguir tem o objetivo de auxiliar na criação e design de apresentações de Slides Procure seguir as instruções desse guia para garantir que seu projeto

Leia mais

Leandro N.Alem 1351/53 -(1871)- Dock Sud Buenos Aires - Argentina T.E.:4201-5316 / 4222-9821 FAX:4222-9821 Web:www.ingecozs.

Leandro N.Alem 1351/53 -(1871)- Dock Sud Buenos Aires - Argentina T.E.:4201-5316 / 4222-9821 FAX:4222-9821 Web:www.ingecozs. Leandr N.Alem 1351/53 -(1871)- Dck Sud Buens Aires - Argentina T.E.:4201-5316 / 4222-9821 FAX:4222-9821 Web:www.ingeczs.cm ALM1 N480-I MANUAL DE OPERAÇÃO ÍNDICE 1. INSTALAÇÃO...3 1.1 MONTAGEM EM PAINEL...3

Leia mais

MANUAL DE SINALIZAÇÃO PREDIAL

MANUAL DE SINALIZAÇÃO PREDIAL MANUAL DE SINALIZAÇÃO PREDIAL ÍNDICE 2 INTRODUÇÃO 3 BRASÃO DO ESTADO 4 MARCAS DO MPSP 5 PLACA DE INAUGURAÇÃO 6 PLACA SINALIZAÇÃO EMERGÊNCIA 7 PLACA PORTA 8 PLACA PVC USO INTERNO 9 PORTA AVISOS 10 TOTEM

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário Identificação... Justificativa... Padrão Cromático... Malha Construtiva... Redução Máxima e Área de Proteção... Tipografia... Uso da Marca... Aplicações em Fundo Colorido...

Leia mais

Número de cédula profissional (se médico); Nome completo; 20/06/2014 1/7

Número de cédula profissional (se médico); Nome completo; 20/06/2014 1/7 Mdel de Cmunicaçã Sistema Nacinal de Vigilância Epidemilógica Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes d Sistema Nacinal de Vigilância Epidemilógica.

Leia mais

ELEMENTOS DE APOIO À APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES

ELEMENTOS DE APOIO À APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES ELEMENTOS DE APOIO À APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES O objectivo destes elementos é o de auxiliar os autores que vão apresentar as suas comunicações durante o 8º Congresso Nacional de Geotecnia. Após a preparação

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS CONTEÚDOS 01 RENOVAÇÃO DA MARCA 02 CONSTRUÇÃO DA MARCA 03 DIMENSÕES MÍNIMAS MARGEM MÍNIMA DE SEGURANÇA 04 05 06 CORES COMPORTAMENTOS SOBRE FUNDOS TIPOGRAFIA E RESPETIVOS ESTILOS

Leia mais

RELAÇÃO MENSAL DAS COMPRAS

RELAÇÃO MENSAL DAS COMPRAS FUNDO DE ASSISTENCIA DE CURITIBANOS Folha: 1/5 RELAÇÃO MENSAL DAS COMPRAS De acordo com o Artigo 16 da Lei Nr. 8.666, de 21 de Junho de 1993, alterada pela Lei Nr. 8.883, de 08 de Junho de 1994, esta é

Leia mais

PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO. Curso: 000023 - COMUNICACAO SOCIAL - JORNALISMO Nivel: Superior

PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO. Curso: 000023 - COMUNICACAO SOCIAL - JORNALISMO Nivel: Superior PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO Curso: 000023 - COMUNICACAO SOCIAL - JORNALISMO Nivel: Superior Area Profissional: 0006 - COMUNICACAO Area de Atuacao: 0110 - EDITORACAO/COMUNICACAO

Leia mais

Manual de Aplicação de Marca. Distribuidora de Filmes S/A - RioFilme

Manual de Aplicação de Marca. Distribuidora de Filmes S/A - RioFilme Manual de Aplicação de Marca Distribuidora de Filmes S/A - RioFilme INSERÇÃO E APROVAÇÃO DA MARCA A marca da RioFilme consta obrigatoriamente em todo material de qualquer projeto apoiado, incentivado ou

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Introdução A logomarca Rio+20 - Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável - e o material de campanha foram desenhados pela Graphic Design Unit, nas Nações

Leia mais

Solicitação de Proposta Comercial N 014/2011

Solicitação de Proposta Comercial N 014/2011 Solicitação de Proposta Comercial N 014/2011 A Fundação Assis Chateaubriand, inscrita no CNPJ sob o n 03.657.848/0001-86, com sede no SIG/SUL Quadra 02, Nº 340, Bloco 01, Térreo, Brasília/DF, torna pública

Leia mais

Aula 3. Word Administrativo. Solicitamos que guarde seus arquivos, para o projeto final do módulo

Aula 3. Word Administrativo. Solicitamos que guarde seus arquivos, para o projeto final do módulo Aula 3 Solicitamos que guarde seus arquivos, para o projeto final do módulo Microsoft Word Tema da aula: Criando um Papel Timbrado Características do Papel Timbrado 1. Nome da empresa no cabeçalho 2. Design

Leia mais

Dicas de como montar sua apresentação

Dicas de como montar sua apresentação Dicas de como montar sua apresentação NãomudeolayoutdoPPT Desenvolvemos algumas opções de layout para que a sua apresentação fique dinâmica e reforce a identidade do Sistema Fiep. É um para cada casa e

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário Apresentação 3 Logotipo - Versões Cromáticas 4 Diagrama de Construção, Área de Reserva e Redução 5 Convivência com Outras Marcas 6 Patrocínio 7 Aplicações sobre Fundos 8 Aplicações Incorretas 9

Leia mais

Maximize sua Participação no SALÃO DO AUTOMÓVEL com as Ferramentas de Merchandising

Maximize sua Participação no SALÃO DO AUTOMÓVEL com as Ferramentas de Merchandising Líder Mundial na Organização de Eventos Qualquer que seja o setor de atuação......criamos contatos, conteúdos e comunidades com o poder de transformar seus negócios. Maximize sua Participação no SALÃO

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Normas e padrões de utilização

Manual de Identidade Visual. Normas e padrões de utilização Manual de Identidade Visual Normas e padrões de utilização Introdução A CROMA - Centro de reabilitação oral Marcelo Augusto vem através deste documento consolidar o bem mais valioso que uma instituição

Leia mais

Manual de Identidade Visual 5/2014. acessibilidade. comunicacional

Manual de Identidade Visual 5/2014. acessibilidade. comunicacional Manual de Identidade Visual 5/2014 acessibilidade comunicacional 01 Selo de acessibilidade Conceito acessibilidade comunicacional Ao unir as iniciais a e c com os elementos gráficos, o selo forma um rosto

Leia mais

Manual de Comunicação

Manual de Comunicação Manual de Comunicação ZAPe! não é sigla, é pegada! É sacada! É mais atitude que nome. BEM-VINDO! Sonho Visão e Ideia Projeto de Vida e Autorrealização Neste manual você verá todas as peças do programa

Leia mais

Manual de Comunicação do Fazcultura Identidade Visual

Manual de Comunicação do Fazcultura Identidade Visual Manual de Comunicação do Fazcultura Identidade Visual SUMáRIO 03 04 07 08 17 Apresentação Orientações Gerais Fazcultura Aplicações Assinaturas 2 Apresentação Este manual foi desenvolvido para orientar

Leia mais

Prezado Expositor, Entenda a Legenda. Conheça os principais benefícios de utilizar as Ferramentas de Merchandising* disponíveis para a MOVIMAT 2012 :

Prezado Expositor, Entenda a Legenda. Conheça os principais benefícios de utilizar as Ferramentas de Merchandising* disponíveis para a MOVIMAT 2012 : Prezado Expositor, Entenda a Legenda Que tipo de Mídia? Conheça os principais benefícios de utilizar as Ferramentas de Merchandising* disponíveis para a MOVIMAT 2012 : Maximizar sua ação de marketing no

Leia mais

Manual de Uso da Marca do Governo Federal. SECOM / PR Novembro de 2011

Manual de Uso da Marca do Governo Federal. SECOM / PR Novembro de 2011 SECOM / PR 1.1 Introdução 3 1.2 Logomarca do Governo Federal 4 1.3 Proporções e medições 5 1.4 Zona de eclusão 6 1.5 Reduções mínimas 7 1.6 Variantes de cor 8 1.7 Cores da logomarca 9 1.8 Aplicação sobre

Leia mais

Assessoria de Comunicação I ASCOM. Padronização da marca de Bio-Manguinhos

Assessoria de Comunicação I ASCOM. Padronização da marca de Bio-Manguinhos Manual da MARCA Assessoria de Comunicação I ASCOM Padronização da marca de Bio-Manguinhos EXPEDIENTE Presidente Paulo Gadelha Diretor Artur Roberto Couto Vice-diretora de Qualidade Maria da Luz Fernandes

Leia mais

Manual de uso da marca do Governo Federal

Manual de uso da marca do Governo Federal Manual de uso da marca do Governo Federal SECOM / PR - 2011 Manual de uso da marca do Governo Federal 1.1 2.2 Introdução Logomarca Governo Federal 2.1.1 Reduções Mínimas 2.1.2 Variantes do Logo 2.1.3 Cores

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS Este Manual, visa estabelecer e consolidar a identidade das marcas das empresas do GRUPO NETT, através de um conjunto de recomendações e especificações de normas essenciais. Seguir

Leia mais

Blocos de aferição. Os Blocos de Aferição

Blocos de aferição. Os Blocos de Aferição Blocos de aferição Os Blocos de Aferição São indicados em circuitos onde se requer a inserção de instrumentos do tipo amperímetro, voltímetro, etc., como também operações de seccionamento elétrico, além

Leia mais