3. Controle de Estoque

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "3. Controle de Estoque"

Transcrição

1 3. Controle de Estoque O controle de estoque é uma ferramenta essencial para gerir, registrar e fiscalizar a entrada e saída de produtos. Iniciando o módulo de controle de estoque Start Controle de Estoque 3.1 Tabelas Gerais Começaremos com o preenchimento das Tabelas Gerais, essas tabelas são os cadastros necessários para andamento dos processos de estoque Acesso a Parâmetros Gerais Os Parâmetros Gerais serão utilizados no processo de decisões, onde para cada campo o usuário irá definir o conteúdo informado, são eles: Os parâmetros são indispensáveis para o bom funcionamento do ERP Brascomm. 1

2 Controle de Estoque Tabelas Gerais Parâmetros Gerais Todos os movimentos realizados pelo ERP Brascomm gera um documento de entrada ou saída. Esses documentos serão controlados através da descrição definidas neste parâmetro: Movimento de Entrada: Informar aqui a descrição que será criada para os movimentos de entradas. Movimento de Saída: de saída. Informar aqui a descrição que será criada para os movimentos Dias para Considerar Lote Vencido: Informar a quantidade de dias que deseja ser avisado antes de um lote vencer. Permite Produtos iguais na Entrada: Selecionar esta opção para permitir lançar produtos iguais no mesmo documento de entrada de produtos. Se não selecionado o ERP Brascomm irá bloquear a digitação de produtos iguais no mesmo documento. Controla Número de Série do Produto : Selecionar esta opção se deseja controlar os produtos informando numero de série. Obs: Esta opção não será aplicada em produtos que já estiverem quantidades em estoque, se necessário for então deve-se zerar o estoque do produto informado e fazer nova entrada controlando numero de série. Pode também controlar o numero de série apenas na entrada, selecionando a opção Apenas na Entrada. Número de série numérico: Selecionar esta opção para bloquear a digitação de letras no campo série do equipamento. Documento Automático de Saída: Definir um tipo de documento para movimentos de saída 2

3 Documento Automático de Entrada: Definir um tipo de documento para movimentos de entrada. Exige Localização de Produtos na Entrada: Se selecionada esta opção, será obrigatório informar a localização (corredor, prateleira, etc) do produto quando realizado um procedimento de entrada em estoque. Processa Pedidos Faltantes logo após a Entrada no Estoque: O sistema verifica se tem pedido em aberto com o produto e preenche o pedido para ser liberado. Gerar Nota de Crédito Automática na Devolução: No processo de devolução o sistema gera uma nota de crédito ao cliente, a ser abatida futuramente Natureza de Operação Esta tela define toda operação fiscal que será utilizada no ERP Brascomm. Aqui será definido o CFOP, impostos, entradas e saídas. Controle de Estoque Tabelas Gerais Natureza de Operação O código e descrição são livres para digitação. Operação : Possui opção já fixas pelo ERP Brascomm. Impostos (IPI, ICMS, PIS/COFINS) : Informar se serão tributados, isento ou outros. 3

4 CFO : Pode-se atribuir até 3 CFOPs para a operação cadastrada. Zona Franca : Informar código para zona franca. PRODEPE : Incentivo Fiscal. Inativo : Selecionar esta opção para inativar a natureza desejada. Quantidade de Casas Decimais no Preço Unitário nos Pedidos : Informar a quantidade de casas decimais mostradas depois da vírgula. Atualizações: Essas atualizações irão comandar as operações realizadas. O usuário deve selecionar as opções que deseja que esta natureza de operação realize, por exemplo: se for uma natureza utilizada no faturamento, então selecione a opção Faturamento Unidade de Produto Cadastrar as unidades de medidas que serão utilizadas no cadastro do produto. Controle de Estoque Tabelas Gerais Acesso a Unidade de Produto O código e a descrição são campos livres para digitação. Casas Decimais: Quantidade de casas decimais que irá aparecer Fator de Conversão Converte a unidade de medida informada considerando o fator de multiplicação indicado. Essa conversão se aplica para entrada em estoque. Ex.: O pedido de compra foi feito em caixas, mas a entrada no estoque será convertido para unidade. 4

5 Controle de Estoque Tabelas Gerais Fator de Conversão Classificação Fiscal Cadastro de classificação fiscal do produto. Controle de Estoque Tabelas Gerais Classificação Fiscal Grupo de Produtos Cadastrar um grupo que será atribuído no cadastro do produto. Obs: Antes de cadastrar o produto acabado, a criação do grupo precisa ser finalizada. 5

6 Controle de Estoque Tabelas Gerais Grupo de Produtos Grupo de Produto II Este grupo é utilizado como um complemento ao Grupo de Produtos, para categorias onde o produto possua dois níveis de grupo. É visualizado nos relatórios de controle de estoque. Controle de Estoque Tabelas Gerais Grupo de Produtos Acesso a Embalagem Cadastrar os tipos de embalagens que poderão ser utilizados nos processos necessários. Controle de Estoque Tabelas Gerais Acesso a Embalagem 6

7 3.1.9 Produto x Embalagem Vincular o produto e quantidade a uma embalagem. Sempre que tiver uma movimentação deste produto o ERP Brascomm utilizará a embalagem e a quantidade informada nesta tela. Ex: Movimentações do produto CANETA, sempre CAIXA com 50 unidades. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produto x Embalagem Fonte de fornecimento A fonte de fornecimentos define qual o fornecedor Máster, ou seja de onde a mercadoria destina-se: Controle de Estoque Tabelas Gerais Acesso a Fonte de Fornecimento 7

8 Grade Informação de grade de produtos para definir tamanho. Pode-se definir até 8 variações para o produto. Controle de Estoque Tabelas Gerais Grade Substituição Tributária Preencher os campos destinados a serem calculados nas operações de substituição tributária. As informações estarão sempre atreladas a Classificação Fiscal informada. Nesta tela define-se também as alíquotas para Estados destinos. 8

9 Controle de Estoque Tabelas Gerais Acesso a Substituição Tributária Características dos Produtos Cadastrar características a serem atribuídas ao produtos. Controle de Estoque Tabelas Gerais Características dos Produtos 9

10 Produto: Dados Gerais Cadastrar todos os produtos a serem utilizados pela empresa. O cadastro influencia em todas as operações em que for utilizado, por isso requer maiores detalhes. Código : poder ser sequencial ou livre para digitação. Descrição : Livre para digitação: Descrição Curta : Livre para digitação (sai na NF?) Referencia no Fornecedor : Informar se esse produto possui um código (referencia) do fornecedor. Grupo : Informar o grupo a qual este produto irá pertencer. Grupo 2 : Informar o grupo 2 que este produto irá pertencer. Fonte de Fornecimento : Informar a fonte de fornecimento que este produto pertence. Localização no Estoque : Informar qual a localização deste produto no estoque. Se preenchido, esta informação poderá ser utilizada em listagens e relatórios. Embalagem: Informar a embalagem utilizada para este produto. Esta embalagem estará amarrada a ente produto nas movimentações de estoque. Código Tributação : Selecionar a opção a ser utilizada na operação fiscal deste produto. Unidade de Estoque : Informar qual a unidade de medida utilizada no estoque para este produto. Peso líquido e Peso Bruto: Informações que se preenchidas irão compor na nota fiscal deste produto. Largura, Comprimento e Espessura: São campos apenas informativos, não terão impacto em nenhum processo. Classificação Fiscal : Informar a classificação fiscal do produto cadastrado. Texto NF : São textos padronizados e pré-cadastrados para serem utilizados na nota fiscal, cadastrados em: Impostos (IPI, ICMS): Os impostos aqui definidos serão utilizados nas movimentações do produto cadastrado. Sempre que houver informações fiscais envolvendo este produto o sistema buscará automaticamente neste cadastrado as bases para calculo dos impostos (o cadastro principal para impostos é nesta tela). Tipo do Produto : Informar o tipo do produto (acabado, matéria prima, mão de obra, serviços). Forma de Produção : Informações utilizadas no processo de produção do produto cadastrado. Cada opção refere-se a um tipo de ordem produção a ser realizada. Sem produção: Quando não tem produção; Produzido com estoque: Produzir para estoque. Produzido conforme pedido de venda: Produzir conforme a quantidade de venda. Produção: Toner Produção: Jato de Tinta Produção: Flexível 10

11 Quantidade Máxima e Quantidade Mínima: Informar qual a quantidade máxima e mínima desse produto no estoque, esta informação será útil no processo de controle do estoque critico e relatórios. Unidade de Produção: Informar a unidade de medida que este produto pode ser produzido. Controle de Número de Série : Selecionar esta opção se este produto controlar numero de série. Digita Obs. Pedidos: Abre campo para digitação no momento de incluir um pedido. Controle de Lote: Selecionar esta opção para produtos que irão controlar lotes. Não Permitir Venda Sem Estoque: Não permite vender sem ter o produto no estoque. Anexar imagem do Produto: Imagem do produto. Inativo: Selecionar quando o produto se tornar inativo Descontinuado: Selecionar para considerar produto descontinuado. Integrado ao Módulo de Contratos: Selecionar esta opção para produtos que irão servir de instrumento em um contrato. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Dados Gerais 11

12 Especificação Técnica Digitação extra de especificação técnica referente ao produto. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Especificação Técnica Produtos Alternativos Entende-se por produtos alternativos, os que contêm as mesmas especificações técnicas e podem substituir ou suprir a falta do produto acabado. Informar abaixo o produto principal e qual o seu produto alternativo. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Acesso a Códigos Alternativos de Produtos Acesso a código de barras Cadastrar o código de barras referente ao produto informado. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Acesso ao Código de Barras dos Produtos 12

13 Acesso a Alíquota Diferenciada ICMS Cadastro de alíquota para o Estado destino. A alíquota cadastrada nesta tela será utilizada como base de cálculo nas movimentações fiscais atreladas ao produto e código de tributação aqui informada. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Acesso a Aliq. Diferenciada ICMS Acesso a Alíquota Diferenciada IPI Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Acesso a Aliq. Diferenciada IPI 13

14 Troca Código de Produto Processo que permite trocar o código de um produto. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Troca Código de Produto Especificação PA Digitar texto para importação Etiqueta dos Produtos 14

15 Impressão de etiquetas de produtos. Preencher os filtros com as informações e quantidades de etiquetas necessárias e visualizar impressão. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Etiquetas dos Produtos Etiquetas de Produtos PDF Realiza a impressão de etiqueta de produto, visualização em PDF. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos Etiquetas dos Produtos PDF Acesso a localização do Produto Controle para verificar o local de estoque e a localização do produto dentro do estoque. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produto 15

16 Acesso a localização do Produto Reajusta quantidade mínima e máxima Preencher os filtros necessários para reajustar as quantidades. 16

17 O resultado apresenta o fator de multiplicação: Acesso a quantidade mínima e máxima por local CFOP s x Produtos Cria um vinculo entre o CFOP e o produto, onde toda transação para este produto utilizará o CFOP informado. Controle de Estoque Tabelas Gerais Produtos CFOP s x Produtos 17

18 3.2 LISTAGEM Natureza de Operação Lista as naturezas de operações cadastradas no sistema. Controle de Estoque Listagem Natureza de Operação Etiqueta por Lote Imprime etiquetas dos lotes existentes. Informa o lote inicial e o final. 18

19 Controle de Estoque Listagem Etiquetas de Lotes Listagem de Produtos Lista os produtos cadastrados, com informações a serem definidas no filtro do relatório. Controle de Estoque Listagem Listagem de Produtos Produtos Por Status Lista os produtos por status do produto: Ativos ou Inativos. 19

20 3.2.5 Listagem de Produto por Subst. Tribut. E Classificação Fiscal Lista o percentual definido para cada Estado Listagem da Classificação Fiscal A listagem de classificação fiscal mostra o código, descrição e % de cada classificação fiscal cadastrada no sistema Listagem de Grupo de Produto 20

21 Mostra uma listagem de todos os grupos cadastrados no sistema. 3.3 Digitação de Entradas Digitação de Entrada As entradas de notas fiscais devem ser realizadas através do processo de Digitação de Entrada. Para utilizar o modo automática de entrada com nota do fornecedor, também pode ser utilizado o processo de Leitura xml-entrada no estoque e recebimento de compra, que veremos a frente. Controle de Estoque Movimento Entradas Digitação de Entrada de Documento Local : Informar o local para entrada. Número do Documento : Informar o numero da nota do fornecedor. Fornecedor : Informar o código do fornecedor. O CNPJ será carregado automaticamente. Abas Auxiliares 21

22 Geral Esta aba indica as informações da nota fiscal. Espécie/Série : Informar qual a série da NF informada. Tipo de Movimento : Informar o tipo de movimento dessa entrada. Tipo de Documento : Informar o tipo de documento a ser gerado no contas a pagar. Modelo : Informar qual o modelo de NF utilizada; Data de Entrada : Informar a data para entrada no estoque; Data de Emissão : Informar a data de emissão da nota; Data de Referencia : Data do dia. Fiscal Esta aba indica as informações fiscais. Natureza da Operação : Informar qual a natureza da operação realizada. Centro de Custo : Informar qual o centro de custo utilizado para esta entrada. Condição de Pagamento : Informar a condição de pagamento a ser gerada no documento a pagar. Tipo de Despesa 1 : Informar qual a despesa dessa operação. Valor Despesa : Informar o valor total da nota. Obs: Este valor não pode ser diferente do valor da aba cobrança e da aba valores. 22

23 Valores Informar os valores nos campos correspondentes. Lembrando que o valor informado aqui deve bater com o total da nota informado na Aba Fiscal. Frete Transportadora : Informar a transportadora utilizada. Tipo de Frete : Informar a opção de frete. Peso liquido e bruto : Informar o peso descrito na NF. Cobrança Informar aqui a data e os valores dos documentos a pagar. 23

24 Se a condição de pagamento informada for de parcelamento, as parcelas devem ser digitadas aqui para que gere os documentos a pagar corretamente. Obs: Os documentos a pagar gerados pela entrada de documentos não precisam ser atualizados, esses documentos já integram o contas a pagar diretamente. Lembrando que o valor aqui informado tem que ser igual ao valor total da nota, informado na Aba Fiscal. Guias de Arrecadação A guia de arrecadação pode ser informada nesta aba. Outros Informação da chave de acesso da NF-e quando efetua entrada do xml. Formação do Custo Informar se soma ou subtrai os valores de impostos na composição do custo do produto. 24

25 3.3.2 Liberação de Documentos Digitados Todo documento digitado, seja ele uma Entrada de Documentos Digitados, uma Entrada de Produção ou Recebimento de Compra, precisam ser liberadas para constar como uma entrada de fato. Para fazer a liberação do documento acessar em: Controle de Estoque Movimentos Liberação de Documentos Digitados Obs.: Os documentos que estiverem em vermelho possuem inconsistências que precisam ser verificadas no ícone que aparece como um ponto de interrogação. Depois de corrigidas as inconsistências o documento fica disponível para ser liberado novamente. Selecionar o documento desejado e processar. O documento depois de liberado efetiva a entrada no estoque e gera o documento a pagar para o fornecedor Listagem de Histórico de Entradas Utilizado para visualizar o histórico das entradas. Deve-se selecionar o documento desejado e clicar no ícone para processar o sistema irá abrir uma visualização com os detalhes do documento. Controle de Estoque Movimento Entrada Listagem do Histórico de Entradas 25

26 Visualização da Listagem Relação de Histórico de Entradas Selecionar nos filtros as opções que deseja consultar, e o sistema mostram nesta relação o histórico resumido da entrada. Controle de Estoque Movimento Entradas Relação de Histórico de Entradas Emissão de Entrada para Conferência 26

27 O sistema imprime uma relação dos produtos lançados no documento de entrada, para então auxiliar o usuário a realizar uma contagem/conferência física. Visualização desta relação Recebimento de Compra O processo efetua a entrada no estoque utilizando um pedido de compra que já foi registrado e liberado para compra. O usuário deve então informar o numero da NF e selecionar o numero do pedido de compra que estará recebendo. Controle de Estoque Movimento Entradas Recebimento de Compra Documento/Seqüência : Informar o numero da nota fiscal do fornecedor. Gera Recebimento : Selecionar o pedido de compra a ser recebido. Ao selecionar o pedido e salvar, o sistema abre uma relação dos itens do pedido de compra para que o usuário digite as quantidades recebidas: 27

28 Informar as quantidades recebidas Selecionar o item que será recebido e informar as quantidades reais que vão entrar no estoque. O sistema permite que receba o pedido parcialmente, nestes casos o pedido ficará disponível para ser recebido novamente, por isso deve-se informar as quantidades reais. Depois de salvar, o sistema encaminha o usuário para a tela de digitação de entradas: A tela de digitação já traz as informações do pedido de compra. É necessário apenas que o usuário informe nas abas, os dados da nota fiscal e os dados do documento a pagar que será gerado. Depois de preenchido, o documento precisa ser liberado através do processo de Liberação de Documentos Digitados, já descrito acima. Processo concluído. 28

29 3.3.7 Boletim - Recebimento de Mercadoria Este processo auxilia o usuário a realizar uma alteração física no estoque. Para posteriormente lançar no sistema. Controle de Estoque Movimento Entradas Boletim - Recebimento de Mercadorias Visualização do Boletim Leitura XML Entrada Estoque Processo utilizado para realizar a entrada no estoque informando o arquixo xml do fornecedor. Importar o arquivo, e 3.4 Entrada de Produção 29

30 As entradas de produção são entradas que não exigem vínculos com fornecedores Digitação de Entradas de Produção Processo para realizar entrada de produtos em estoque. Controle de Estoque Movimentos Entradas de Produção Digitação de Entradas de Produção Preencher os campos: Local : Informar o local do estoque. Número do Documento : Número seqüencial, o sistema gera automaticamente. Tipo de Movimento : Informar o tipo de movimento que será utilizado na entrada. Data Emissão : Informar a data de realização do movimento. Centro de Custo : Informar o centro de custo para este movimento. Natureza de Operação : Informar qual a natureza de operação para este movimento de entrada. Observações : Campo para digitação livre. Depois de Salvar, o sistema abre a tela para informar os itens (produtos): 30

31 Preencher os campos: Produto : Informar o código do produto. Quantidade : Informar a quantidade do produto nessa entrada. Lote : Se o produto controlar lote, deve-se informar o número do lote para entrada. Data de Validade e Fabricação : Informação referente ao lote. Custo Unitário : Informar o custo unitário (o sistema já carrega o custo definido no parâmetro). Qtde Disponível : Mostra a quantidade que tenho disponível no estoque. Depois de informar os itens e salvar, a entrada precisa ser liberada. O processo de liberação de documentos para entradas de produção está em: Controle de Estoque Movimento Entrada de Produção Liberação de Documentos Digitados Selecionar o documento de entrada desejado e salvar. O processo esta concluído. 31

32 3.4.2 Consulta Documentos Digitados de Entrada Esta consulta permite que o usuário visualize as entradas realizadas em uma faixa de data, ou as entradas em um único local de estoque. Controle de Estoque Movimento Entrada de Produção Consulta Documentos Digitados de Entrada Para os filtros, preencher: Local : Informar o local de estoque que será verificado as entradas. Da Data A Data : Informar a data inicial e final que deseja consultar as entradas. Tipo de Movimento : Informar o tipo de movimento que foi utilizado na entrada e que deseja consultar. 3.5 Transferências Processo de transferências de produtos entre locais de estoque. Todas as transferências precisam ser atualizadas para que gere a efetiva movimentação do estoque Transferência dos Saldos dos Lotes Permite transferir o saldo de um lote para outro local de estoque. Informar no filtro de exibição o local de origem e o local Destino, selecionar o lote desejado e clicar em Processar. Após isso atualizar a transferência. 32

33 Controle de Estoque Movimentos Transferência Transferência dos Saldos dos Lotes Local de Origem : Informar o local do estoque de origem do lote. Local Destino : Informar o local do estoque de destino do lote. Dias para considerar Lote Vencido : Informação automática, já preenchida nos parâmetros gerais do estoque, e é utilizada para montar a coluna Dias Transferência de Produtos entre Estoque Transferência utilizada para transferir produtos de um estoque para outro. Após salvar, atualizar a transferência. Controle de Estoque Movimento Transferência Transferência de Produtos entre Estoque 33

34 Número do Documento : Número Seqüencial gerado automaticamente. Data de Emissão : Informar a data de emissão da transferência. Tipo de Movimento : Informar o tipo de movimento. Local Origem : Informar o local de estoque de origem. Local Destino : Informar o local de estoque de destino. Transfere todos os produtos : Selecionar esta opção se deseja transferir todo os produtos. Produto : Informar o código do produto. Lotes Disponíveis : Se o produto controla lote, informar aqui o numero do lote. Quantidade : Informar a quantidade a ser transferida. Valor Movimento : O valor pode ser digitado e se definido nos parâmetros. Observação : Campo livre para digitação. Data Atualização : Carrega a data automaticamente do movimento Atualização das Transferências A atualização das transferências valida o processo de transferência já realizado. A movimentação do estoque somente será realizada após a atualização das transferências. Controle de Estoque Movimentos Transferências Atualização das Transferências 34

35 Selecionar o movimento desejado e clicar no botão Processar. E o processo está concluído. 3.6 Inventário Processo para organizar o estoque de forma eficaz onde realiza-se uma contagem física dos produtos, que será digitada ou importada para o ERP Brascomm. Em seguida, faz-se uma conferência da contagem no sistema, essa conferencia pode ser parametrizada para ser realizada apenas uma vez, ou para até três vezes nos casos de divergência entre as contagens. Somente se dá por encerrado o processo de inventário quando o lote for atualizado. Parâmetros envolvidos: Acesso a Parâmetros da Filial, do Faturamento: somente 1ª Contagem no Inventário Seleção de Produtos a inventariar O usuário vai iniciar o inventário abrindo um lote e digitando os produtos que serão inventariados. Numero do lote: Sequencial gerado automaticamente. Local: Informar o local de estoque. Produto e Descrição: Informar Código do produto. 35

36 Controle de Estoque Movimento Inventário Seleção de Produtos a inventariar Depois de lançar todos os produtos, visualizar a listagem de produtos digitados Listagem de Produtos Contados Nesta listagem constam os produtos digitados na tela anterior. Selecionar o lote desejado e clicar no ícone para processar, o sistema abre uma visualização dos produtos. Controle de Estoque Movimento Inventário Listagem de Produtos a Inventariar Depois de visualizar esta listagem, pode imprimi-la através do caminho: Controle de Estoque Movimento Inventário Impressão de Ficha de Produtos. Visualização da Ficha de Produtos 36

37 Terminada a contagem física, o sistema já pode receber as informações dos produtos contados Lançamento das Contagens Nesta tela serão digitadas as quantidades dos produtos contados. Obs.: Para casos de divergência entre as contagens, o sistema pode ser parametrizado para abrir recontagem (até 3 vezes). Controle de Estoque Movimento Inventário Lançamento de Contagem de Quantidades Depois de lançar contagem, o usuário pode emitir um relatório de produtos sem contagem (produtos que não foram contados e serão zerados) e um relatório de diferenças (que mostra a relação entre o estoque real e a contagem) Atualização de Estoque A Atualização é o processo que finaliza o inventário, atualizando todo o estoque de acordo com as contagens lançadas. Selecionar o lote e clicar no ícone para processar. 37

38 Controle de Estoque Movimento Inventario Atualização de Estoque Emissão de Livro Fiscal de Inventário Relatório referente ao valor movimentado quando realizado processo de inventário no estoque. Controle de Estoque Movimento Inventário Emissão de Livro Fiscal de Inventário Visualização do Documento 38

39 3.8 Controle de Lote Processo utilizado por empresas que necessitam controlar seus produtos através de um número de lote. O número de lote é atribuído ao produto no momento de sua entrada, e acompanha todos os processos por onde ele passar. Os parâmetros envolvidos ao processo de controle de lote são: Cadastro de Produto (controla lote); Parâmetros Gerais, do estoque (dias para lote vencido); Parâmetros da Filial, do Faturamento: (controle de lote); Consulta Lotes dos Produtos Processo utilizado para consultar o lote atribuído ao produto. Utilizando os filtros para procura, o usuário consegue consultar o lote, a validade e a quantidade de produtos vinculados a este lote. Controle de Estoque Movimento Consulta de Lote Consulta Lote dos Produtos 39

40 3.8.2 Troca Lote de Produtos Este processo permite que o usuário troque o nome de um lote já existente. No exemplo abaixo, o lote ccc já existente no sistema esta sendo renomeado para lote 001, esse processo não altera os produtos e quantidades do lote. Controle de Estoque Movimento Controle de Lote Troca Lote de Produtos Rastreabilidade dos Produtos Processo que rastreia o produto e o lote que movimentou. Na tela abaixo, o usuário informa o produto e seleciona o lote disponível e que deseja consultar. 40

41 Controle de Estoque Movimento Controle de Lote Rastreabilidade do Produto O sistema mostra as operações envolvendo o lote selecionado: Visualização: Posição de estoque de Validade de Lotes Relatório que mostra a quantidade de lotes a vencer dentro do período apresentado: No exemplo abaixo, o produto tem 152 peças no estoque, onde, 150 peças pertencem a um lote que vence no período de 60 dias e 2 peças a um lote que vence no período de 120 dias. Visualização do Relatório 3.9 Controle de Número de Série O sistema atribui um número de série único para identificação do produto, esse número pode ser uma combinação de números, ou números e letras. Parâmetros envolvidos: Cadastro do Produto (Controle de Número de Série) Parâmetros Gerais, do Estoque: (Controla número de série do Produto) 41

42 Parâmetros Gerais, do Estoque: (Apenas na entrada e numero de Serie Numérico) Consulta Número de Série Realiza uma consulta dos produtos, número de série e se houver, movimentos de entradas e saídas. Preencher os filtros necessários para a consulta desejada e clicar no ícone para processar. Visualização da Consulta Troca de Número de Série Processo que permite substituir o número de série de um produto. Informar o número de série já existente e pertencente a um produto, e no campo N. Série Efetivo informar o numero que irá substituir. No exemplo abaixo, o numero de série 456, será substituído pelo numero de série: Controle de Estoque Movimento Controle de Numero de Série Troca Numero de Série 42

43 3.9.3 Consulta Número de Série de Produtos Essa consulta baseia-se a uma data de emissão informada nos filtros, essa data é a de emissão do documento fiscal. Tem três opções para realizar a consulta: Por Fornecedor: Ordenado pelo código do fornecedor. Por Cliente: Ordenado pelo código do cliente; Por Produto: Ordenado pelo código do produto. Visualização da Consulta 3.10 Consultas Consulta Movimentação de Produtos Permite consultar todas as movimentações referentes a um único produto ou todos. As informações podem ser visualizadas por três tipos: 43

44 Normal: Visualização no formato de relatório; Normal Link para o Documento: Visualização no formato de relatório com um link para o documento. Mod 1 Cat : Visualização no formato para portaria Preencher os filtros conforme as informações que deseja e clicar em processar. Datas: Informar um período de para o sistema consultar. Somente com movimento: Se selecionar esta opção, o sistema mostra apenas produtos que possuem movimentação de estoque. Tipo de movimentação: Selecionar a opção desejada para ver uma movimentação especifica, para trazer todas não selecione nenhuma. Clicar no link (cor azul) para abrir o histórico do documento: Visualização da Consulta: 44

45 Consulta Custo Médio do Produto Permite consultar o custo médio do produto, tendo como referencia os movimentos de entrada e saída Consulta Ficha Kardex de Produto Consulta para conferir detalhes das movimentações de entrada e saída. A ficha kardex pode ser consultada por tipo de produto e por um período informado. Preencher os filtros com as informações necessárias e clicar no ícone para processar. Controle de Estoque Consulta Consulta Ficha Kardex de Produto Consulta Permanência de Produtos no Estoque Com base nas movimentações, essa consulta mostra a quantidade de dias que o produto ficou em estoque. Controle de Estoque Consultas Consulta Permanência de Produtos no Estoque 45

46 Consulta Preços Entrada/Saída de Produtos Consulta para verificar o preço unitário do produto em cada movimentação. Os movimentos de entrada e saída podem ser consultados juntos, ou separadamente, os quais serão detalhados conforme o filtro informado. Preencher os campos com os dados que necessita consultar e clicar no ícone para processar. Controle de Estoque Consultas Consulta Preço Entrada e Saída de Produtos 3.11 Relatórios Posição de Estoque 46

47 O relatório de posição do estoque, mostra detalhadamente as movimentações de cada produto no estoque. Oferece ao usuário maiores opções de filtros facilitando o controle da administração do estoque, veja os filtros: Controle de Estoque Relatório Posição de Estoque Local: Informar o local de estoque a consultar. Grupo: Informar o grupo ou deixar em branco para consultar todos. Produto: Informar uma faixa de produto, ou deixar em branco para consultar todos. Fonte de Fornecimento: Informar uma fonte, ou deixar em branco para consultar todos. Exibir estoque: Opção de listar apenas produtos com ou sem estoque, ou todos para as duas situações: - Com estoque: lista produtos que possuem qualquer movimentação realizada ou prevista para entrar no estoque (verifica a coluna: Estoque Real). - Sem estoque: lista produtos zerados em todas as situações. Somente com Estoque Físico: Opção de listar apenas produtos que tenham estoque físico, assim o sistema vai ignorar os produtos que esteja com o estoque físico zerado. Quantidade Faltante: Detalhe de numero de série: Opção para listar os produtos e os números de séries respectivos. Somente com saída em processamento: Lista produtos pertencentes a processos que estão pendentes de atualização ou faturamento, ou seja ainda não saíram do estoque. Seleção: Opção para separar os produtos inativos. 47

48 Tipo: Esse relatório pode ser montado pelos seguintes tipos: Peso Líquido: monta uma coluna com o peso liquido e outra coluna totalizando o peso x quantidade. Consolidado por Local: mostra as quantidades em cada local de estoque. Saldo em Pedidos: Detalhamento dos pedidos de venda, veja exemplo: Relação de Itens com Movimento Relatório mostra uma lista dos produtos que tiveram movimentação dentro do período informado nos filtros. Também consultar apenas um produto, para saber qual a sua movimentação dentro do período indicado. Controle de Estoque Relatórios Relação de Produtos com Movimento Relação de Itens sem Movimento 48

49 Relação de produtos que não tiveram movimentação dentro do período informado no filtro. No exemplo abaixo, o relatório mostra todos os produtos que não tiveram movimentação no período de 01/10/2013 a 31/10/2014. Controle de Estoque Relatório Relação de Produtos sem Movimento Valor de Estoque Relatório apresenta a quantidade em estoque x o valor (R$) definido. Esse valor pode ser o ultimo valor de compra, o valor da tabela de preços ou o valor de reposição (valor definido na tela de custo sobre produto). Nos filtros também tem a opção de informar grupo, fonte de fornecimento, produto e somente os produtos com saldo em estoque. Controle de Estoque Relatório Valor de Estoque 49

50 Quebra por : A quebra é como o relatório será apresentado, seguintes opções: Por Grupo de produtos: Separa os produtos nos grupos que pertencem. Por Maior Valor: Apresentado em ordem decrescente de valor. Por Fonte de Fornecimento: Agrupa por fonte de fornecimento informada na compra Inventario do Sped: Gera um arquivo, onde os dados são importados para planilha excell. 50

51 Ranking de Entrada de Produtos Relatório apresenta um ranking de quantidades dos produtos. A ordenação do relatório pode ser por calssificação fiscal ou por fornecedores. Controle de Estoque Relatórios Ranking de Entrada de Produtos Relação de Itens Inativos Relatório lista os produtos que estão inativos. Produtos Inativos : São produtos que foram inativados pelo cadastro de produto. Controle de Estoque Relatórios Relação de Itens Inativos 51

52 Relação de Estoque Mínimo e Máximo Relatório para verificar valores de estoque mínimo e máximo. O relatório traz os produtos que estão abaixo do valor minimo ou os produtos que estão acima do valor maximo informado. Controle de Estoque Relatórios Relação de Itens com Estoque Fora d o Estipulado Livro Registro de Controle de Produção e do Estoque Relatório para controle contabil das movimentações de estoque e produção. O relatório pode ser consultado informando o produto ou por um periodo desejado. Controle de Estoque Relatórios Livro Registro de Produção e Estoque Visualização Relatório de Localização do Produto no Estoque Relatório utilizado para verificar a localização fisica do produto no estoque. 52

53 Esta localização já foi informada no momento do cadastrodo produto, ou através da tela de Aceeo a Localização do Produto. O usuario tem a opção de consultar os produtos que estão com quantidades faltantes e somente o que tem saldo no estoque. Controle de Estoque Relatórios Relação de Localização dos Produtos Obs.: A coluna Referencia, indica o codigo do produto no fornecedor. 53

ERP BRASCOMM Sistema de Gestão Empresarial 100% Web. Manual do Usuário. Módulo de CRM Gestão de Relacionamento com o Cliente

ERP BRASCOMM Sistema de Gestão Empresarial 100% Web. Manual do Usuário. Módulo de CRM Gestão de Relacionamento com o Cliente ERP BRASCOMM Sistema de Gestão Empresarial 100% Web Manual do Usuário Módulo de CRM Gestão de Relacionamento com o Cliente O módulo de CRM possui ferramentas práticas para auxiliar no atendimento ao cliente

Leia mais

FS12. Sistema: Futura Server. Caminho: Cadastros>Estoque>Produto. Referência: FS12. Versão:

FS12. Sistema: Futura Server. Caminho: Cadastros>Estoque>Produto. Referência: FS12. Versão: Como FS12 Cadastrar Produto? - Sistema: Futura Server Caminho: Cadastros>Estoque>Produto Referência: FS12 Versão: 2015.12.2 Como funciona: O menu Cadastro de Produto é utilizado para registrar os produtos

Leia mais

Entrada de Mercadoria

Entrada de Mercadoria Entrada de Mercadoria Para cadastrar ou gerenciar uma Entrada de Mercadoria acesse o menu: Compras > Entrada de Mercadoria. Em seguida clique no botão 1 / 23 Dados da entrada No campo Fornecedor informe

Leia mais

Manual Emissor Legal Atualizado 10/08/2016. Cadastro de Clientes

Manual Emissor Legal Atualizado 10/08/2016. Cadastro de Clientes Manual Emissor Legal Atualizado 10/08/2016 1.0 Menu superior Para utilizar o menu superior, clique com o mouse em cima da palavra que deseja abrir. No exemplo acima foi clicado na palavra cadastros, assim

Leia mais

Cadastro de Produtos/Serviços. Índice. 1. Cadastrar Produtos/Serviços

Cadastro de Produtos/Serviços. Índice. 1. Cadastrar Produtos/Serviços Cadastro de Produtos/Serviços Faça a gestão de seu cadastro de produtos em apenas um lugar e conte com uma Estrutura de Produtos (Kits), Estoque, Impostos Parametrizados, Fotos e Etiquetas. Índice 1. Cadastrar

Leia mais

1 Dados Cadastrais... 3. 1.1.1 Cadastro de Produto Acabado... 3. 1.1.2 Cadastro de Matéria Prima... 4. 1.1.3 Níveis de Estoque... 5. 2 Processos...

1 Dados Cadastrais... 3. 1.1.1 Cadastro de Produto Acabado... 3. 1.1.2 Cadastro de Matéria Prima... 4. 1.1.3 Níveis de Estoque... 5. 2 Processos... Conteúdo 1 Dados Cadastrais... 3 1.1.1 Cadastro de Produto Acabado... 3 1.1.2 Cadastro de Matéria Prima... 4 1.1.3 Níveis de Estoque... 5 2 Processos... 10 2.1 Inventário de Estoques... 10 2.2 Entradas...

Leia mais

TUTORIAL SIMPLES REMESSA BAIXANDO ESTOQUE

TUTORIAL SIMPLES REMESSA BAIXANDO ESTOQUE Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 1 2. Emitir Nota Fiscal Simples Remessa com Baixa no Estoque:... 2 2.1 Gerando Contas a Receber... 2 2.3 Sem Gerar Contas a Receber... 5 Apresentação

Leia mais

Prazos Sistema Elotech já liberado para acesso. Notas e declarações serão pré-convertidas para conferência de dados até dia 26/06. Ideal é que todos e

Prazos Sistema Elotech já liberado para acesso. Notas e declarações serão pré-convertidas para conferência de dados até dia 26/06. Ideal é que todos e Nota Eletrônica Prazos Sistema Elotech já liberado para acesso. Notas e declarações serão pré-convertidas para conferência de dados até dia 26/06. Ideal é que todos estejam cadastrados (usuário e atualização

Leia mais

Procedimento para Gerar Pedido de Devolução

Procedimento para Gerar Pedido de Devolução Procedimento para Gerar Pedido de Devolução O procedimento a seguir irá demonstrar como gerar um pedido a partir de uma devolução do cliente e assim gerar também uma nota de crédito para o cliente. 1º

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MÓDULO DE ENTRADA DE NOTAS FISCAIS VIA B2B ONLINE

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MÓDULO DE ENTRADA DE NOTAS FISCAIS VIA B2B ONLINE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MÓDULO DE ENTRADA DE NOTAS FISCAIS VIA B2B ONLINE Versão 2.0 01/2006 ÍNDICE 1. Objetivo...3 2. Como acessar o Sistema...3 3. Cadastro de Notas...4 3.1. A digitação da Nota Fiscal

Leia mais

Inventário Rotativo (Coletor de Dados)

Inventário Rotativo (Coletor de Dados) Inventário Rotativo (Coletor de Dados) Inventario Rotativo com coletor Conceito O conceito do inventário rotativo no WinThor, é atualizar as quantidades do estoque no sistema por filiais (estoque lógico)

Leia mais

MANUAL DO PCP (VENECCIA)

MANUAL DO PCP (VENECCIA) MANUAL DO PCP (VENECCIA) Para cadastrar um produto devemos ter um grupo e um ou mais subgrupos cadastrados observar nas figuras 1 e 2. figura 1 Código: Campo Obrigatório a ser preenchido o número não é

Leia mais

MÓDULO DE CONTROLE DE COMISSÃO

MÓDULO DE CONTROLE DE COMISSÃO MANUAL DO SISTEMA Versão 6.08 Configurações Gerais...2 Configurações para Serviços...2 Configurações para Peças...5 Configurando o Módulo...7 Perfil de Comissões...7 Perfil de Comissão de Veículos...7

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA MÓDULO FINANCEIRO PIRACICABA, 15 DE NOVEMBRO DE 2016 VERSÃO 1.1 BETA

MANUAL DO SISTEMA MÓDULO FINANCEIRO PIRACICABA, 15 DE NOVEMBRO DE 2016 VERSÃO 1.1 BETA MANUAL DO SISTEMA MÓDULO FINANCEIRO PIRACICABA, 15 DE NOVEMBRO DE 2016 VERSÃO 1.1 BETA 1 Índice Pág. Características Técnicas... 3 Atalho Módulo Financeiro... 4 Contas à Pagar... 5 Contas à Receber...

Leia mais

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão VERSÃO 008.017 NOVID AD ES E MELHORIAS E107A9 Jéssica Pinheiro 20/01/2016 2/24 NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION Versão 008.017 1. Envio de cópia de e-mail.... 3 2. Bloqueio de emissão de cupom fiscal com

Leia mais

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS Origem: ProUrbano Data de Criação: 22/03/2010 Ultima alteração: Versão: 1.3 Tipo de documento: PRO-V1. 0 Autor: Adriano

Leia mais

RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS

RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS DEPÓSITO DE TROCAS RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio e varejo.

Leia mais

Manual de Utilização Logicorp Phoenix ERP. Pedido de Vendas. ML-01 Versão 4_7_3. ERP Estoque Rafael Marin 30/08/2012 ML01_04 Luis Perim

Manual de Utilização Logicorp Phoenix ERP. Pedido de Vendas. ML-01 Versão 4_7_3. ERP Estoque Rafael Marin 30/08/2012 ML01_04 Luis Perim Manual de Utilização Logicorp Phoenix ERP Pedido de Vendas ML-01 Versão 4_7_3 Departamento: Módulo: Coordenador de Projetos: Data: Número de Controle: Desenvolvido por: ERP Estoque Rafael Marin 30/08/2012

Leia mais

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão VERSÃO 008.018 NOVID AD ES E MELHORIAS E112A9 Jessica Pinheiro 16/05/2016 2/18 NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION Versão 008.018 1. Configuração de situação cadastral padrão para novos clientes.... 3 2.

Leia mais

Informativo de Versão 19.07

Informativo de Versão 19.07 Informativo de Versão 19.07 Índice Resulth Start... 2 Movimento PDV (Chamado 28079)... 2 ERP Receber... 3 Consultas de Vencimentos (Chamado 27491)... 3 Resulth Business... 5 Importação de XML de Conhecimento

Leia mais

Inventario Saldo Inicial FS111

Inventario Saldo Inicial FS111 Inventario Saldo Inicial FS111 Sistema: Futura Server Caminho: Fiscal>Inventario>Inventario Saldo Inicial Referência: FS111 Versão: 2015.12.2 Como Funciona: Esta tela é utilizada para inserir o saldo e

Leia mais

Como Realizar o Cadastro de Comandas Extraviadas? FGS17

Como Realizar o Cadastro de Comandas Extraviadas? FGS17 Como Realizar o Cadastro de Comandas Extraviadas? FGS17 Sistema: Gourmet Server Caminho: Cadastros>Restaurante>Comandas Extraviadas Referência: FGS17 Versão: 2016.04.11 Como funciona: A tela de Comandas

Leia mais

Este manual contém as principais funcionalidades e explicações a respeito do funcionamento do portal de vendas PULVITEC.

Este manual contém as principais funcionalidades e explicações a respeito do funcionamento do portal de vendas PULVITEC. Este manual contém as principais funcionalidades e explicações a respeito do funcionamento do portal de vendas PULVITEC. É recomendado a utilização do browser Google Chrome e Firefox por questões de compatibilização

Leia mais

ATUALIZAÇÃO DA VERSAO Abaixo constam as alterações referentes aversão do dia 03/05/2013:

ATUALIZAÇÃO DA VERSAO Abaixo constam as alterações referentes aversão do dia 03/05/2013: ATUALIZAÇÃO DA VERSAO 06.01.00 Abaixo constam as alterações referentes aversão 06.01.00 do dia 03/05/2013: ATENÇÃO: Versões intermediarias não são de atualização obrigatório para todos os clientes, apenas

Leia mais

MANUAL PARA CADASTRO DE PRODUTOS

MANUAL PARA CADASTRO DE PRODUTOS MANUAL PARA CADASTRO DE PRODUTOS Este manual tem o objetivo de orientar o procedimento de cadastro de Produtos. Sempre que se fizer um destes procedimentos, os passos abaixo devem ser seguidos. AS CORES

Leia mais

UNLOCK SISTEMAS Há 26 anos desenvolvendo soluções criativas.

UNLOCK SISTEMAS Há 26 anos desenvolvendo soluções criativas. UNLOCK SISTEMAS Há 26 anos desenvolvendo soluções criativas. GESTOR COMERCIAL Objetivos do Sistema O Gestor Comercial é a ferramenta de administração e controle de seu comercio. Registra todas as vendas

Leia mais

PLATIN INFORMÁTICA. SIAD SNGPC Sistema Integrado de Automação de Drogarias Módulo Gestão de Medicamentos Controlado e Antimicrobianos

PLATIN INFORMÁTICA. SIAD SNGPC Sistema Integrado de Automação de Drogarias Módulo Gestão de Medicamentos Controlado e Antimicrobianos PLATIN INFORMÁTICA SIAD SNGPC Sistema Integrado de Automação de Drogarias Módulo Gestão de Medicamentos Controlado e Antimicrobianos Manual do Usuário CADASTROS DCB's Distribuidoras Laboratórios Medicamentos

Leia mais

Manual. Sistema Vênus 2.0. (Módulo Estoques)

Manual. Sistema Vênus 2.0. (Módulo Estoques) Manual Do Sistema Vênus 2.0 (Módulo Estoques) O principal objetivo do módulo Estoque é cadastrar todos os itens de estoque, fazer operações de estoque (entrada e saída), efetuar movimentação entre unidades

Leia mais

Cordilheira Escrita Fiscal 2.102a SPED PIS/COFINS

Cordilheira Escrita Fiscal 2.102a SPED PIS/COFINS LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

Cordilheira Recursos Humanos 2.101b

Cordilheira Recursos Humanos 2.101b LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

Minuta de Despacho? FS153

Minuta de Despacho? FS153 Como Imprimir Layout de Minuta de Despacho? FS153 Sistema: Futura Server Caminho: Impressos > Minuta de Despacho Referência: FS153 Versão: 2016.04.11 Como Funciona: Esta tela é utilizada para fazer a impressão

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA INVENTÁRIO

ORIENTAÇÕES PARA INVENTÁRIO AMBC Consultoria e Desenvolvimento de Sistemas Ltda. 1/5 Procedimentos Corporate Systems ORIENTAÇÕES PARA INVENTÁRIO Versão 1.0 11/05/2016 São Paulo AMBC Consultoria e Desenvolvimento de Sistemas Ltda.

Leia mais

Importação XML NFE. Obs.: Se já realizava a importação pelo leitor do código de barras ignore o 1º Passo.

Importação XML NFE. Obs.: Se já realizava a importação pelo leitor do código de barras ignore o 1º Passo. Método: Pesquisa do arquivo xml. Importação XML NFE. Obs.: Se já realizava a importação pelo leitor do código de barras ignore o 1º Passo. Obs.: Este processo é para ser feito de CFOP para CFOP e não de

Leia mais

CÁLCULO DO INVENTÁRIO NO ATHENAS3000

CÁLCULO DO INVENTÁRIO NO ATHENAS3000 CÁLCULO DO INVENTÁRIO NO ATHENAS3000 Revisado 12/2015 1 ALGUMAS CONSIDERAÇÕES Antes de mostrar como é calculado o inventário no sistema Athenas3000, deve ser levando em conta algumas considerações. Leia

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES SOBRE O MODULO FISCAL

MANUAL DE ORIENTAÇÕES SOBRE O MODULO FISCAL MANUAL DE ORIENTAÇÕES SOBRE O MODULO FISCAL VITÓRIA 2016 SUMÁRIO CADASTROS GERAIS... 3 Cadastro de Empresas... 3 Cadastro de Autônomos e Sócios... 6 Cadastro de Participantes... 7 Cadastro de Itens (Produtos)...

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Centro de Custos Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Permissões de Usuário... 3 3.2... 4 3.3 Empresas... 5 3.4 Motivos de Movimentação... 6

Leia mais

Manual de Utilização Logicorp Phoenix ERP

Manual de Utilização Logicorp Phoenix ERP Manual de Utilização Logicorp Phoenix ERP Fórmulas Fiscais ML-01 Versão 5_5_1 Departamento: Módulo: Coordenador de Projetos: Data: Número de Controle: Desenvolvido por: ERP Fiscal Rafael Marin 06/05/2013

Leia mais

SAÚDE CONNECT FATURAMENTO ODONTOLOGIA

SAÚDE CONNECT FATURAMENTO ODONTOLOGIA SAÚDE CONNECT 3.010 FATURAMENTO ODONTOLOGIA FATURAMENTO ODONTOLOGIA... 3 1. DIGITAR GUIAS... 3 1.1 GUIA DE TRATAMENTO ODONTOLÓGICO... 4 1.2 CONSULTAR OU ALTERAR GUIA... 5 2. LOTE DE GUIAS... 7 2.1 ENVIAR

Leia mais

ITQ InForm Recebimentos

ITQ InForm Recebimentos 7 ITQ InForm Recebimentos Manual do Usuário Atualizado em: 27/02/2012 http://www.itquality.com.br Sumário Introdução...2 O ITQ InForm Recebimentos...3 Características do Sistema...3 Antes de Instalar...3

Leia mais

1 Criação do Manual 15/07/2011 Edilson J. Martins. 2 Revisão do Manual 01/10/2012 Raruana Freitas

1 Criação do Manual 15/07/2011 Edilson J. Martins. 2 Revisão do Manual 01/10/2012 Raruana Freitas 0ESTOQUE Versão Observação Data Modificação Responsável 1 Criação do Manual 15/07/2011 Edilson J. Martins 2 Revisão do Manual 01/10/2012 Raruana Freitas Página 1 ÍNDICE 1 Estoque... 3 2 Aferições... 3

Leia mais

TUTORIAL DEVOLUÇÃO DE CLIENTE

TUTORIAL DEVOLUÇÃO DE CLIENTE Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Realizar Devolução de Cliente... 3 2.1 Geração Nota Fiscal Própria.... 3 2.2 Utilizando uma Nota de Devolução Enviada pelo Cliente.... 4 2.3

Leia mais

COMPLEMENTO DE ORDEM DE FABRICAÇÃO

COMPLEMENTO DE ORDEM DE FABRICAÇÃO COMPLEMENTO DE ORDEM DE FABRICAÇÃO Explicação: No sistema, é possível consumir ou estornar componentes de uma determinada Ordem de Fabricação, durante o processo de produção do produto que está sendo fabricado,

Leia mais

BASCODE CLOUD BUSINESS APPLICATIONS

BASCODE CLOUD BUSINESS APPLICATIONS CLOUD BUSINESS APPLICATIONS Sistema de Gestão Empresarial Emissão Notas Fiscais Eletrônicas (Fornecedor/Consumidor) Controle de Estoque Emissão de Pedidos / Serviços Fluxo de Caixa / A Pagar e A Receber

Leia mais

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Versão do Manual: 2.4 Versão do Aplicativo: 2.17.2 Conteúdo 1. Instalação do AFV...03 2. Configurações...04 3. Recebendo as tabelas...05

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Manifestação do Destinatário Sumário 1 CONCEITO... 3 1.1 Determinação Legal... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Permissões... 3 3.2 Configurar NF-e... 5 3.3 Processador

Leia mais

SAESC SISTEMA DE GESTÃO DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

SAESC SISTEMA DE GESTÃO DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Recebimentos SAESC SISTEMA DE GESTÃO DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Nota Fiscal de Fornecedor Esta tela serve para armazenar as notas fiscais de Fornecedores. São três telas que compõe a nota. A primeira é chamada

Leia mais

Manual Programa 832 Cadastro de entrada de mercadoria sem ordem de compra

Manual Programa 832 Cadastro de entrada de mercadoria sem ordem de compra Manual Programa 832 Cadastro de entrada de mercadoria sem ordem de compra Guia Dados da Nota Quadro Nota Fiscal Código de aviso no momento que é gravado a nota de entrada o código do aviso é gerado automaticamente

Leia mais

Tutorial Financeiro Acessando o módulo Financeiro

Tutorial Financeiro Acessando o módulo Financeiro Sumário Acessando o módulo Financeiro... 2 Configuração de Categoria e Conta para Contrato... 4 Movimentações... 5 A confirmar... 7 Aprovar... 9 Extrato... 10 Recebimentos... 14 Pagamentos... 15 Agrupar...

Leia mais

SSPlus (9.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 9.0 1

SSPlus (9.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 9.0 1 REA SSPlus 9.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (9.0) Autor: Controle de Qualidade Criado em 24/01/2017 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 9.0.40a REA SSPlus

Leia mais

TUTORIAL LISTA DE PRESENTES

TUTORIAL LISTA DE PRESENTES Apresentação A lista de presentes é utilizada para o cadastro de listas de Chá de Cozinha, Chá de Bebê, Lista de Presentes, Chá de Casa Nova, Lista de Casamento e outras conforme o tipo de evento. Este

Leia mais

Emissão de Nota Fiscal Simplificada

Emissão de Nota Fiscal Simplificada Emissão de Nota Fiscal Simplificada Apresentação: Esta nova rotina foi desenvolvida para facilitar a emissão de notas fiscais simples e que se tornam uma tarefa repetitiva. Objetivo: Facilitar e agilizar

Leia mais

Farmácia Manipulação. Manual de Uso

Farmácia Manipulação. Manual de Uso Farmácia Manipulação Manual de Uso Objetivo Permitir gerenciar formulações, controlar o estoque de substâncias, embalagens, recipientes. Sendo possível a emissão da ficha de pesagem, emissão de rótulos

Leia mais

Guia de Implantação Bluesoft ERP Tesouraria Menu Rápido

Guia de Implantação Bluesoft ERP Tesouraria Menu Rápido Guia de Implantação Bluesoft ERP Tesouraria Menu Rápido O objetivo deste guia é fornecer um roteiro para a implantação módulo Menu Rápido do sistema Bluesoft ERP. O que é Tesouraria Menu Rápido? Tesouraria

Leia mais

Módulo Administrativo enota NFS-e

Módulo Administrativo enota NFS-e Módulo Administrativo enota NFS-e Sistema Administrativo de NFS-e do Município Manual do Administrador Criado por: Informática Educativa Índice 1. Sistema Administração... 03 2. Prestadores... 04 3. RPS...

Leia mais

Service Center Manual para Envio de Documentos Fiscais de Serviços

Service Center Manual para Envio de Documentos Fiscais de Serviços Service Center Manual para Envio de Documentos Fiscais de Serviços (01/09/2016) 1 2 Introdução Envio de Documentos Fiscais Objetivo O envio de documentos fiscais de serviços, através do Service Center,

Leia mais

TUTORIAL IMPORTAÇÃO XML NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE ENTRADA

TUTORIAL IMPORTAÇÃO XML NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE ENTRADA TUTORIAL IMPORTAÇÃO XML NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE ENTRADA Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO TUTORIAL DE IMPORTAÇÃO DO XML NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE ENTRADA A importação do

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO UNIDADES DE MEDIDA E FATORES DE CONVERSÃO

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO UNIDADES DE MEDIDA E FATORES DE CONVERSÃO BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO UNIDADES DE MEDIDA E FATORES DE CONVERSÃO Efetuadas alterações no Cordilheira Escrita Fiscal, para que seja possível cadastrar as unidades de medida dos itens, bem como os fatores

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO CORDILHEIRA GESTÃO WEB - 2.5B

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO CORDILHEIRA GESTÃO WEB - 2.5B BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO CORDILHEIRA GESTÃO WEB - 2.5B 1 - Logomarca da empresa na tela principal Alterada a tela principal do sistema para exibir a logomarca da empresa no lugar do atalho para acesso

Leia mais

Manual de Usuário. Módulo Acerto Viagens

Manual de Usuário. Módulo Acerto Viagens Manual de Usuário Módulo Acerto Viagens MÓDULO DOS ACERTOS DE VIAGENS DOS MOTORISTAS. Este módulo permite registrar, acompanhar e calcular os valores envolvidos nas viagens dos motoristas ou agregados

Leia mais

Documentação do processo de Balanço de Estoque

Documentação do processo de Balanço de Estoque Documentação do processo de Balanço de Estoque Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Pré-requisitos para o balanço de estoque... 3 Diminuir ao

Leia mais

Manual de Usuário. Módulo Estoque

Manual de Usuário. Módulo Estoque Manual de Usuário Módulo Estoque MÓDULO DE ESTOQUE OU CONTROLE DE MATERIAIS. A base do controle de estoque são os itens (peças e acessórios, lubrificantes, combustíveis, etc) que devidamente codificados

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Desagregação e Reclassificação de Produtos Sumário 1 CONCEITO... 3 2 CONFIGURAÇÕES... 3 2.1 Natureza de Operação... 3 2.2 Cadastrar Produtos Compostos... 4 3 FUNCIONALIDADES...

Leia mais

MANUAL DE CONFIGURAÇÕES MÓDULO CONTABIL I

MANUAL DE CONFIGURAÇÕES MÓDULO CONTABIL I MANUAL DE CONFIGURAÇÕES MÓDULO CONTABIL I SUMÁRIO COMO CADASTRAR UM PLANO DE CONTAS... 3 COMO CADASTRAR CENTROS DE CUSTO... 7 CADASTRO DE HISTÓRICOS PADRÕES... 9 COMO CADASTRAR LANÇAMENTOS PADRÕES... 12

Leia mais

EASETE SISTEMAS LTDA ME. SPACE - ERP - SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA Manual do Usuário. v

EASETE SISTEMAS LTDA ME. SPACE - ERP - SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA Manual do Usuário. v EASETE SISTEMAS LTDA ME SPACE - ERP - SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA Manual do Usuário v2016.01 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. PRIMEIRO ACESSO COMO ADMINISTRADOR... 4 3. CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 ALTERAR SENHA...

Leia mais

COMO FAZER UM PEDIDO PARA FORNECEDOR?

COMO FAZER UM PEDIDO PARA FORNECEDOR? COMO FAZER UM PEDIDO PARA FORNECEDOR? A-1 - OPERAÇÕES COMPRAS - PEDIDO DE COMPRA (RETAGUARDA) Como fazer um pedido para um fornecedor. Primeiro clique em NOVO. 03-Indique o nome do fornecedor, que já deve

Leia mais

Lançamentos de NF e de Compras Caminho: Menu > Cadastros > Compras > NF e > Lançamentos

Lançamentos de NF e de Compras Caminho: Menu > Cadastros > Compras > NF e > Lançamentos 1 Lançamentos de NF e de Compras Caminho: Menu > Cadastros > Compras > NF e > Lançamentos Definição Na rotina Lançamentos de NF e Compras você poderá Lançar NF e de Compras. Nesta Funcionalidade você poderá

Leia mais

Fábio Figueiredo Supervisor. Suporte

Fábio Figueiredo Supervisor. Suporte Olá! Bem Vindo! Fábio Figueiredo Supervisor Suporte Fabio.figueiredo@grupopc.com.br Agenda do dia: Custos e precificação Importação do XML na entrada de mercadoria Entendendo a precificação de Produtos

Leia mais

c 2010 Executtive - Todos os direitos reservados.

c 2010 Executtive - Todos os direitos reservados. Aqui você encontra dicas e informações para aproveitar ao máximo todas as funcionalidades oferecidas pelo sistema. e S o f t w a r e J u r í d i c o S o f t w a r e J u r í d i c o ÍNDICE SECRETÁRIA...01

Leia mais

Importação de Sped Contribuições

Importação de Sped Contribuições Importação de Sped Contribuições Para fazer a importação de Sped Contribuições Acesse: Menu utilitários, Importação, Importação padrão, Sped Pis e Confins Nesta opção do sistema, deverá ser informada a

Leia mais

Volpe ERP Módulo Financeiro Versão 3.7. Sumário

Volpe ERP Módulo Financeiro Versão 3.7. Sumário Sumário 1. Introdução... 3 1.1 O que fazer primeiro?... 3 2. Lançamento de produto... 4 2.1 Gerando relatórios de lançamento por títulos... 4 3. Posição contábil... 7 3.1 Gerando relatório de reposição

Leia mais

Tela de acesso a Controles Financeiros, Contas a Pagar lançamento de Notas. Tela de lançamentos de Notas 1ª Parte.

Tela de acesso a Controles Financeiros, Contas a Pagar lançamento de Notas. Tela de lançamentos de Notas 1ª Parte. Lançamentos de Notas de Entrada: Tela de acesso a Controles Financeiros, Contas a Pagar lançamento de Notas. 2º: Contas a Pagar 3º: Lançamento 1º: Controles Financeiros Tela de lançamentos de Notas 1ª

Leia mais

Configurações de Metas. Como cadastrar a Meta:

Configurações de Metas. Como cadastrar a Meta: Comissões Avançadas O módulo Comissões Avançadas permite o cálculo de comissões diferenciadas com várias possibilidades de filtros e configurações sobre os valores das vendas ou dos recebimentos de contas

Leia mais

Manual. Sistema Venus 2.0. (Módulo Financeiro)

Manual. Sistema Venus 2.0. (Módulo Financeiro) Manual Do Sistema Venus 2.0 (Módulo Financeiro) 1 Tela Principal: Esta é a tela principal do módulo financeiro, aqui trabalhamos com: Contas a Receber, Contas a Pagar, Controle de cheques recebidos, vendas

Leia mais

Para mais informações, verifique o manual Tela para De/Para de ICMS CST nas Devoluções/Retorno.

Para mais informações, verifique o manual Tela para De/Para de ICMS CST nas Devoluções/Retorno. Release 3.133 Resumo das alterações Gerais Livros Fiscais ERP-29782 SPED Fiscal SPED Fiscal - Geração dos Registros D510 e D590 1. De acordo com o entendimento do departamento fiscal da Ti9 a geração dos

Leia mais

Manual. Sistema Venus 2.0. (Faturamento)

Manual. Sistema Venus 2.0. (Faturamento) Manual Do Sistema Venus 2.0 (Faturamento) 1 O Objetivo do módulo Faturamento é cadastrar pedidos de venda, fazer orçamentos, emitir notas fiscais, faturar e controlar pedidos de clientes, enfim toda a

Leia mais

SMART CADASTRO DE EMPRESA

SMART CADASTRO DE EMPRESA SMART CADASTRO DE EMPRESA -> Cadastros/ Parâmetros/ Empresa O objetivo principal é cadastrar dados relacionados a Empresa (razão social da empresa, fantasia, alíquotas para cálculo de custos) conforme

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

Sistema Integrado de Secretarias Acadêmicas. Para que seja possível gerenciar alunos e cursos no sistema, alguns passos são necessários:

Sistema Integrado de Secretarias Acadêmicas. Para que seja possível gerenciar alunos e cursos no sistema, alguns passos são necessários: SISA Sistema Integrado de Secretarias Acadêmicas Essa é a visualização do SISA para o Secretário Acadêmico: PASSOS: Para que seja possível gerenciar alunos e cursos no sistema, alguns passos são necessários:

Leia mais

Como Cadastrar Produto no Futura Cash? - FCSH04

Como Cadastrar Produto no Futura Cash? - FCSH04 Como Cadastrar Produto no Futura Cash? - FCSH04 Sistema: Futura Cash Caminho: Cadastros>Estoque>Produto Referência: FCSH04 Versão: 2015.5.4 Como funciona: O menu Cadastro de Produto é utilizado para registrar

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SIGA Versão 3.6A Manual de Operação Conteúdo 1. Sumário Erro!

Leia mais

Sistema de Gestão de reservas Online

Sistema de Gestão de reservas Online Sistema de Gestão de reservas Online Sumário 1. Objetivo... 2. Fluxo processo...... 2.1 Planejamento... 2.2 Logística... 3. Sistema de Gestao de reservas... 3.1 Acesso planejamento... 3.2 Radar... 3.3

Leia mais

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão VERSÃO 008.017 NOVID AD ES E MELHORIAS E109A9 Jéssica Pinheiro 01/04/2016 2/11 NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION Versão 008.017 1. Parâmetro para controle do saldo na geração de pedido de compra de venda

Leia mais

S i a g r i Sistemas de Gestão Evidence Assessoria & Treinamentos Custos Siagri Agribusiness

S i a g r i Sistemas de Gestão Evidence Assessoria & Treinamentos Custos Siagri Agribusiness CUSTO REPOSIÇÃO Custo da ultima Nota de entrada. Data Quantidade Custo Unitário Valor Total 12/07/2007 50 10,00 500,00 15/07/2007 150 12,50 1.875,00 Custo Reposição = 12,50 Atualização do Custo (Reposição).

Leia mais

Nota Fiscal de Serviços

Nota Fiscal de Serviços Nota Fiscal de Serviços Para emitir ou gerenciar suas Notas Fiscais de Serviços acesse o menu: Serviços > Notas Fiscais. Em seguida clique no botão 1 / 13 Dados da Nota Fiscal No campo Cliente basta iniciar

Leia mais

CADASTRO DE EXCEÇÕES PIS/COFINS

CADASTRO DE EXCEÇÕES PIS/COFINS Apresentação Este tutorial descreve sobre o processo para cadastro de exceções de tributação de PIS/COFINS e orientações gerais de execução da rotina 1000 Processamentos Fiscais para o recálculo de PIS/COFINS.

Leia mais

1 Visão Geral. 2 Instalação e Primeira Utilização. Manual de Instalação do Gold Pedido

1 Visão Geral. 2 Instalação e Primeira Utilização. Manual de Instalação do Gold Pedido Manual de Instalação do Gold Pedido 1 Visão Geral Programa completo para enviar pedidos e ficha cadastral de clientes pela internet sem usar fax e interurbano. Reduz a conta telefônica e tempo. Importa

Leia mais

Prefeitura Municipal De Morro Redondo/RS. Manual Contribuinte Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-e

Prefeitura Municipal De Morro Redondo/RS. Manual Contribuinte Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-e Prefeitura Municipal De Morro Redondo/RS Manual Contribuinte Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-e Fly e-nota Importante: Antes de iniciar o manual cabe lembrar que em todos esses processos existe a

Leia mais

[TREINAMENTO BÁSICO]

[TREINAMENTO BÁSICO] [TREINAMENTO BÁSICO] Sumário Módulo administrativo... 3 Gerência do Estoque... 3 Cadastro de produtos... 3 Entrada no estoque... 4 Controle de Contas... 4 Baixa de contas a receber... 4 Baixa de contas

Leia mais

CONTROLE DE ORÇAMENTOS

CONTROLE DE ORÇAMENTOS CONTROLE DE ORÇAMENTOS MÓDULO DE AQUISIÇÕES 1 1. ORÇAMENTO Para iniciar o processo de orçamento, clique em orçamento.. Serão apresentadas as funcionalidades do 1.1 Novo orçamento Para incluir um novo orçamento,

Leia mais

Importar e Receber NF-e

Importar e Receber NF-e Importar e Receber NF-e Procedimentos prévios para importar: 1. Caso ainda não tenha sido criada, criar na área de trabalho o atalho para a pasta RECEBER. Para isso vá no SGL e clique no menu CADASTRO

Leia mais

Grupos de Serviços Tipos de Serviços Serviços Eventuais Recorrentes

Grupos de Serviços Tipos de Serviços Serviços Eventuais Recorrentes Grupos de Serviços Tipos de Serviços Serviços Eventuais Recorrentes Desenvolvimento do Conteúdo Grupos de Serviços Centralizam todos os serviços que pertencem a determinado grupo e que serão vinculados

Leia mais

Escrito por: Bruno Geronimo da Silva. Integrando XML usando o Icarus

Escrito por: Bruno Geronimo da Silva. Integrando XML usando o Icarus Escrito por: Bruno Geronimo da Silva Integrando XML usando o Icarus Sumário Enviando o XML para Leitura s e Alertas durante a Integração s Não foi selecionado nenhum arquivo Só são permitidos arquivos

Leia mais

relacionada ao Banco informada anteriormente. relaciona ao Banco e a Agência informada anteriormente.

relacionada ao Banco informada anteriormente. relaciona ao Banco e a Agência informada anteriormente. CADASTRO AUXILIARES CADASTROS > CADASTRO AUXILIARES CADASTRO DE BANCOS, CAIXAS, SITUAÅÇO TRIBUTÉRIA (ST), NATUREZA DA OPERAÅÇO (CFOP), CLASSIFICAÅÇO FISCAL (NCM), FORMA DE RECEBIMENTO, LOCAL PARA COBRANÅA,

Leia mais

PLATIN INFORMÁTICA. SIAD SNGPC Sistema Integrado de Automação de Drogarias Módulo Gestão de Medicamentos Controlado e Antimicrobianos

PLATIN INFORMÁTICA. SIAD SNGPC Sistema Integrado de Automação de Drogarias Módulo Gestão de Medicamentos Controlado e Antimicrobianos PLATIN INFORMÁTICA SIAD SNGPC Sistema Integrado de Automação de Drogarias Módulo Gestão de Medicamentos Controlado e Antimicrobianos Manual do Usuário Procedimentos para Inventário Inicial Versão 1.0.3.97

Leia mais

Como exportar os arquivos NFP via Web-Service - FS127

Como exportar os arquivos NFP via Web-Service - FS127 Como exportar os arquivos NFP via Web-Service - FS127 Sistema: Futura Server Caminho: Fiscal> NFP Web-service>Exportação de arquivos Referência: FS127 Versão: 2016.2.15 Como Funciona: Esta tela é utilizada

Leia mais

COMO DAR ENTRADA DE NOTAS NO SISTEMA

COMO DAR ENTRADA DE NOTAS NO SISTEMA AMBC Consultoria e Desenvolvimento de Sistemas Ltda. 1/15 Procedimentos Corporate Systems COMO DAR ENTRADA DE NOTAS NO SISTEMA Versão 1.0 14/12/2016 São Paulo AMBC Consultoria e Desenvolvimento de Sistemas

Leia mais

Manual Pessoa Jurídica DATAPROM DATAPROM. Sistema de Bilhetagem Eletrônica. Revisão 01 / Março Manual de Pessoa Jurídica. Pág.

Manual Pessoa Jurídica DATAPROM DATAPROM. Sistema de Bilhetagem Eletrônica. Revisão 01 / Março Manual de Pessoa Jurídica. Pág. Manual de Pessoa Jurídica Sistema de Bilhetagem Eletrônica DATAPROM Manual Pessoa Jurídica DATAPROM Revisão 01 / Março 2015 www.dataprom.com Pág. 1 Índice Introdução... 3 1. Login, Senha e Cadastro...

Leia mais

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Diário.

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Diário. Relatório Diário Produto : TOTVS Gestão Contábil 12.1.1 Processo : Relatórios Subprocesso : Diário Data publicação da : 05/02/2014 Migração do relatório Diário para.net com base no relatório já existente

Leia mais

AC FISCAL IMPORTAÇÃO ARQUIVO SPED ICMS/IPI

AC FISCAL IMPORTAÇÃO ARQUIVO SPED ICMS/IPI AC FISCAL IMPORTAÇÃO ARQUIVO SPED ICMS/IPI Esse manual tem por objetivo mostrar o que deve estar cadastrado no AC Fiscal para que a importação do arquivo do SPED ICMS seja processada de forma correta.

Leia mais

Cordilheira Sistema Contábil 2.85a Conciliação Contábil

Cordilheira Sistema Contábil 2.85a Conciliação Contábil LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais