HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO"

Transcrição

1 HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO

2 I - A ORIGEM DO PECADO 1. Em relação a Deus. Em Seu plano permitiu que suas criaturas (anjos e homens) tivessem a liberdade (livre arbítrio) de viver em amor e obediência em um relacionamento com Ele. Portanto o pecado foi criado? Jó Is.45.7

3 2. Em relação a Satanás. O pecado foi achado em Satanás (Ez 28: 15). No caso de Satanás não houve tentação externa e sim a rebelião em seu íntimo, o qual exteriorizou e iniciou o pecado na história da criação.

4 3. Em relação aos anjos. Seguiram a Satanás em seu pecado, rebelando-se contra Deus. 4. Em relação ao homem. Na história da humanidade, vemos biblicamente que o pecado originou-se no Éden com Adão e Eva (Gn. 3).

5 II A DEFINIÇÃO DE PECADO 1) Conceitos errôneos : a) O pecado é uma ilusão. Esta idéia (errônea) assume várias formas de expressões; em geral, nossa falta de conhecimento é a razão pela qual temos a ilusão do pecado; ou, quando a evolução tiver tempo suficiente para nos ajudar a progredir, a ilusão do pecado desaparecerá. b) O pecado é o eterno princípio do dualismo. Sendo o mal uma entidade externa a Deus e independente d Ele.

6 c) O pecado é egoísmo. Esta é a definição ouvida com maior freqüência. Seus defensores procuram apoiar-se na Bíblia, no entanto esta definição é incompleta e deficiente hermeneuticamente. d) O pecado é a violação da Lei. Esta afirmação também é bíblica mas insuficiente, a não ser que o conceito de lei seja entendido de modo a compreender todo o caráter de Deus.

7 2. Conceitos corretos: a) Pecado é qualquer coisa contrária ao caráter de Deus. É um ato voluntário de transgressão das leis de Deus. b) Estado de Degradação. Pecado é o estado de degradação decorrente da queda no qual todo homem se encontra (Rm. 3:23; Rm 1: 18-3: 20; 7: 14 24; II Co 4: 4; Ef 4: 18) c) É a desobediência voluntária às leis reveladas por Deus em sua Palavra.

8 III PECADO PESSOAL a) Definição. O pecado é cometido por indivíduos. Podem ser pecados deliberados ou pecados por ignorância. Errar o alvo também implica em atingir o alvo errado. O indivíduo não pode lançar a culpa no: diabo, sociedade, circunstâncias, pessoas e etc. (Tg 1:13-15) O homem não é uma vítima inocente (Rm 2). b) Conseqüência. Perda de comunhão; Absoluta falta de mérito do homem perante Deus e Morte espiritual.

9 c) Solução - Perdão retira a culpa produzida pelo pecado; Justificação declaração da atribuição da justiça de Cristo ao pecador que crê e é perdoado; Redenção, que nos concede nova natureza (regeneração) e uma nova capacidade de servir a Cristo; O poder do Espírito que habita o crente para dar vitória sobre a natureza pecaminosa, que já foi julgada. d) Transmissão da natureza pecaminosa. Dos pais para os filhos (Sl 51: 5 ).

10 V PECADO IMPUTADO 1. Significado. O resultado da participação de cada homem no pecado original de Adão. 2. Texto chave. Toda a humanidade estava em Adão, participando de seu pecado e assumindo a culpa resultante dele (Rm 5: 12). 3. Transmissão do pecado imputado. Transmitido diretamente de Adão a cada membro da raça. 4. Conseqüência. Morte física e espiritual. 5. Solução. A justiça imputada de Cristo (2 Co 5: 21).

11 VI - O PECADO NA VIDA DO CRENTE 1. O fato do pecado na vida do crente. ( I Jo. 1: 8 10). 2. O padrão para o crente. Andar na luz. (I Jo. 1: 7). O crente não vive na prática do pecado (I Jo 3: 9). 3. A prevenção do pecado na vida do crente. a) Através da palavra de Deus (Sl 119: 11). b) A intercessão de Cristo (Jo 17: 15). c) O Espírito Santo que habita nele (Jo. 7: 37-39).

12 4. Conseqüência do pecado não confessado na vida dos discípulos de Cristo. a) Perda da comunhão com Deus (1 Jo. 1: 6). b) Exclusão da igreja local ( 1 Co. 5: 4 5). c) Disciplina de Deus (Hb. 12: 6). d) As vezes morte física (1 Co. 11: 30). Obs.: Nem sempre, doenças, pobreza e provações são conseqüências de pecado (Jo. 9: 2, 3).

13 e) A solução para o pecado na vida dos discípulos de Cristo. e.1) Arrependimento e.2) Confissão (1 Jo. 1: 9). e.3) Crer no sacrifício de Cristo na cruz (Hb 10: 10 14; Rm 5: 12-21). e.4) Dependêcia de Deus, santificação (Espírito Santo) (Jo.15; Rm. 12:1,2; Gl. 5:22 25).

14 SOTERIOLOGIA: DOUTRINA DA SALVAÇÃO

15 I - ELEIÇÃO E VOCAÇÃO Por eleição entendemos o ato soberano de Deus em graça, pelo qual Ele escolheu em Jesus Cristo a salvação, onde todo o que crer será salvo, o que não crer será condenado, porque preferiu viver no seu velho estado. Salva-se quem aceita a Cristo e se converte a Ele; perde-se quem rejeita a graça de Deus e rejeita a misericórdia divina oferecida em Cristo. Portanto, a graça é livre em tudo e livre para todos, o que significa dizer que é distribuída gratuitamente por Deus a cada pessoa.

16 1- Vocação Podemos definir o chamado de Deus como o ato da graça pelo qual Ele convida os homens a aceitarem pela fé a salvação providenciada por Cristo. As Escrituras indicam que a salvação é oferecida a todos. É oferecida a Todos indistintamente (Rm 8:30; Mt 11:28) a todo aquele que crê (Jo. 3:15,16), aos confins da terra (Mt ), e a quantos encontrardes (Mt. 22.9)

17 II - SALVAÇÃO 1- A Base da Salvação A salvação do homem é baseada tão somente na graça de Deus, Seu amor providencial e sacrificial. Este amor foi amplamente revelado na morte expiatória de Jesus Cristo ( Rm. 5.8; Jo. 3.16; Ef. 2.8,9). A morte de Jesus, é portanto, a única base em que Deus perdoa e aceita o homem em Sua presença (1 Tm. 2.5,6).

18 2- As condições da Salvação Deus providenciou uma completa e perfeita salvação para o homem através de Seu Filho, Jesus Cristo e o homem apropria-se desta redenção mediante os seguintes passos: Arrependimento e Fé.

19 a) Arrependimento (Mc. 1.14,15; At. 2.38; 3.19) Arrependimento é definido como uma sendo uma sincera e completa mudança de mente e disposição com relação ao pecado, envolvendo um senso de culpa e desamparo, apreensão da misericórdia de Deus, um forte desejo de escapar ou ser salvo do pecado e abandono voluntário dele

20 b) Fé (Jo. 1.11,12; 5.24; At 16.31; Rm. 5.1; Ef. 2.8) Confiança em Cristo. Depois do arrependimento, o passo seguinte é este: Confiar em Jesus Cristo, recebendo-o como Salvador e Senhor.

21 3- Aspectos Básicos da Salvação a) Perdão E o fato de Deus nos absolver do pecado, cancelando a punição que nos era devida (Cl. 2:13,14). b) Justificação E o fato de Deus nos imputar a justiça de Jesus Cristo nos declarando justos (Rm. 3.26; 5.1; 2 Co. 5.21)

22 d) Santificação E aquele aspecto da salvação que envolve nossa separação do mundo, nossa dedicação a Deus a pureza de nossa vida e a retidão de nossa conduta (Ez. 36:25; 1 Co. 6:11; 2 Ts. 2:13; 1 Pe. 2:9; 1 Jo. 3:3).

23 e) Glorificação: É o clímax da salvação, o qual será alcançado no arrebatamento da igreja (1 Ts. 4) É a redenção de nosso corpo, a vitória sobre a dor, a tristeza, a corrupção e a morte (Rm. 8.23; 1 Co. 15:42-58; Fl. 3.21; 1 Jo 3.2; Ap ). A glorificação implica mais ainda em plenitude de conhecimento (1 Co ).

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO ETERNIDADE DEUS PAI LOGUS ESPIRITO SANTO A TRINDADE 1Jo.5.7 LOGUS QUER DIZER PALAVRA OU VERBO SE REFERE AO FILHO NA ETERNIDADE I - SUA PRÉ-EXISTÊNCIA 1 - SUA EXISTÊNCIA

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO DECLARAÇÃO DE FÉ Pr Josemeire Ribeiro CRM PR 2015 O que é credo? É o que eu creio. PLANO DE SALVAÇÃO QUEDA REDENÇÃO RESTAURAÇÃO Declaração de Fé da IEQ foi compilada por sua fundadora Aimeé Semple McPherson,

Leia mais

E CONHECEREIS A VERDADE, E A VERDADE VOS LIBERTARÁ

E CONHECEREIS A VERDADE, E A VERDADE VOS LIBERTARÁ ADIVINHOS: O que a Bíblia diz sobre eles? Lv 19. 31; Dt 18. 10; Is 8. 19-20; At 16.16-19 CASAMENTO: Posso casar com uma pessoa desigual na fé? II Co 6. 14 18 CARNE DE PORCO: È proibido comer ou não? Col

Leia mais

Através dos tempos, os batistas se têm notabilizado pela defesa destes princípios:

Através dos tempos, os batistas se têm notabilizado pela defesa destes princípios: INTRODUÇÃO Os discípulos de Jesus Cristo que vieram a ser designados pelo nome batista se caracterizavam pela sua fidelidade às Escrituras e por isso só recebiam em suas comunidades, como membros atuantes,

Leia mais

IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM BRASIL ESTUDO BÍBLICO QUARTA-FEIRA REV. HELIO SALES RIOS

IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM BRASIL ESTUDO BÍBLICO QUARTA-FEIRA REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM BRASIL ESTUDO BÍBLICO QUARTA-FEIRA REV. HELIO SALES RIOS INTRODUÇÃO Culto é um serviço Espiritual oferecido a Deus. Expressão mais profunda do nossos sentimentos de adoração

Leia mais

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Introdução Almejamos uma nova compreensão da espiritualidade, que nos impulsione a realizar o projeto integral de Deus, expressando assim genuína adoração (Jo 4.23-24).

Leia mais

Uma Visão Panorâmica da ANTROPOLOGIA

Uma Visão Panorâmica da ANTROPOLOGIA Uma Visão Panorâmica da ANTROPOLOGIA (Pr. Eudes Lopes Cavalcanti) 1) Etimologia Anthropos = homem; logos (logia) = estudo, tratado 2) Conceito Antropologia é a parte da Teologia Sistemática que estuda

Leia mais

CONFISSÃO DE FÉ DA IGREJA PRESBITERIANA RENOVADA DO BRASIL

CONFISSÃO DE FÉ DA IGREJA PRESBITERIANA RENOVADA DO BRASIL CONFISSÃO DE FÉ DA IGREJA PRESBITERIANA RENOVADA DO BRASIL Capítulo 1: De Deus e da Santíssima Trindade Cremos na existência de um Deus Trino, Todo Poderoso, vivo e verdadeiro, sem corpo, membros ou paixões,

Leia mais

CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO. APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07

CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO. APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07 CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07 A trindade sempre existiu, mas se apresenta com maior clareza com vinda de Cristo e a redação do Novo Testamento. Por exemplo,

Leia mais

A Bíblia utiliza muitas palavras, tanto em hebraico como em grego, para definir o conceito de pecado:

A Bíblia utiliza muitas palavras, tanto em hebraico como em grego, para definir o conceito de pecado: O CONCEITO BIBLICO DE PECADO Qualquer que comete pecado, também comete iniquidade; porque o pecado é iniquidade. 1 João 3:4 A Bíblia utiliza muitas palavras, tanto em hebraico como em grego, para definir

Leia mais

O Discipulado e a Vida da Igreja

O Discipulado e a Vida da Igreja Série Estudo Bíblico Nº 06 O Discipulado e a Vida da Igreja Um Estudo Bíblico Sobre Adoração e Louvor Ademir Ifanger E s t u d o s B í b l i c o s P á g i n a 2 Índice Introdução... 03 1. Definindo Adoração

Leia mais

No entanto, devemos evitar tratar destas coisas como se fossem separadas. O homem deve ser visto como um ser completo, um todo indivisível.

No entanto, devemos evitar tratar destas coisas como se fossem separadas. O homem deve ser visto como um ser completo, um todo indivisível. 1 Aula 02 A CRIAÇÃO DO HOMEM À IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS Depois de haver feito as outras criaturas, Deus criou o homem, macho e fêmea, com almas racionais e imortais, e dotou-as de inteligência, retidão

Leia mais

Discipulado Intensivo -I-

Discipulado Intensivo -I- www.admissao.net Assembleia de Deus - Ministério Missão do Pará Templo Central: Rua Quatorze de Dezembro Nº484 St. Dom Orione CNPJ:08.229.493/0001-48 / (63) 9106 6080 / 8142-2272 / 9985 1805 E-mail:elsonrlima@hotmail.com

Leia mais

SUA SEGURANÇA COM DEUS

SUA SEGURANÇA COM DEUS SUA SEGURANÇA COM DEUS Deus deseja que você tenha convicções em sua vida espiritual. Seu pai celestial não quer que você viva com dúvidas e inseguranças acerca de sua condição espiritual e relacionamento

Leia mais

CONFISSÃO BATISTA DE NEW HAMPSHIRE

CONFISSÃO BATISTA DE NEW HAMPSHIRE CONFISSÃO BATISTA DE NEW HAMPSHIRE A Confissão de Fé de New Hampshire foi redigida pelo Rev. John Newton Brown (1803-1868), no Estado de New Hampshire, EUA, por volta de 1833, e publicada por uma comissão

Leia mais

Dicionário da Bíblia de Easton

Dicionário da Bíblia de Easton 1 Dicionário da Bíblia de Easton Por M.G. Easton M.A., D.D. Tradução: Felipe Sabino de Araújo Neto / felipe@monergismo.com A lista abaixo não é uma tradução completa do Dicionário da Bíblia de Easton.

Leia mais

CAPÍTULO 2. O Propósito Eterno de Deus

CAPÍTULO 2. O Propósito Eterno de Deus CAPÍTULO 2 O Propósito Eterno de Deus Já falamos em novo nascimento e uma vida com Cristo. Mas, a menos que vejamos o objetivo que Deus tem em vista, nunca entenderemos claramente o porque de tudo isso.

Leia mais

Modulo I. Objetivo: ESTUDO DA BÍBLIA

Modulo I. Objetivo: ESTUDO DA BÍBLIA ESTUDO DA BÍBLIA Modulo I As Anotações selecionadas para este Primeiro Módulo, são frutos de Estudos e Pesquisas feitas por irmãos em Cristo Jesus. Objetivo: Levar o conhecimento da Palavra de Deus a todos

Leia mais

fé, a esta graça na qual estamos firmes; e gloriamo-nos na esperança da glória de Deus.

fé, a esta graça na qual estamos firmes; e gloriamo-nos na esperança da glória de Deus. ACESSO A DEUS Texto Base: Rm 5.2 =... pôr intermédio de quem obtivemos igualmente acesso, pela fé, a esta graça na qual estamos firmes; e gloriamo-nos na esperança da glória de Deus. Introdução: Ter acesso

Leia mais

Série A armadura de Deus Estudo 1

Série A armadura de Deus Estudo 1 Estudo 1 Esta série, com 9 estudos, traz inicialmente 5 estudos sobre as armas espirituais e depois mais 4 estudos sobre a armadura de Deus. Tema: As armas espirituais O Nome de Jesus Cristo Texto Base:

Leia mais

ALICERCES DE NOSSA FÉ

ALICERCES DE NOSSA FÉ ALICERCES DE NOSSA FÉ E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Jo 8.32 Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida.. Jo 14.6 Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Permanecei, pois, firmes

Leia mais

Escola da Bíblia Rua Rio Azul, 200, Boa Viagem CEP: 51.030-050 Recife PE

Escola da Bíblia Rua Rio Azul, 200, Boa Viagem CEP: 51.030-050 Recife PE AS GRANDES DOUTRINAS DA BÍBLIA LIÇÃO 07 O QUE A BÍBLIA DIZ A RESPEITO DA SALVAÇÃO INTRODUÇÃO Chegamos ao que pode ser o tópico mais importante desta série: a salvação. Uma pessoa pode estar equivocada

Leia mais

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO 1 ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO LIÇÃO Nº 01 DIA 16/06/2014 INTRODUÇÃO: Vamos começar uma nova série de estudos em nossas células. Esta será uma série muito interessante

Leia mais

TIPOS DE BATISMO. Existem historicamente três formas de Batismo: por imersão, por afusão (derramamento) e por aspersão.

TIPOS DE BATISMO. Existem historicamente três formas de Batismo: por imersão, por afusão (derramamento) e por aspersão. TIPOS DE BATISMO Existem historicamente três formas de Batismo: por imersão, por afusão (derramamento) e por aspersão. A forma praticada no Novo Testamento era por imersão, conforme vemos: A palavra grega

Leia mais

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER INTRODUÇÃO: Qualquer que seja meu objetivo, ler é a atividade básica do aprendizado. Alguém já disse: Quem sabe ler, pode aprender qualquer coisa. Se quisermos estudar a Bíblia,

Leia mais

REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA JD. BRASIL ESTUDO QUARTA FEIRA

REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA JD. BRASIL ESTUDO QUARTA FEIRA REV. HELIO SALES RIOS IGREJA PRESBITERIANA JD. BRASIL ESTUDO QUARTA FEIRA INTRODUÇÃO A oração genuína e total nada mais é do que amor Agostinho Segundo O. Hallesby, a essência da nossa oração é abrirmos

Leia mais

Estudos sobre o livro de Gênesis LIÇÃO Nº 4 A QUEDA DA RAÇA HUMANA

Estudos sobre o livro de Gênesis LIÇÃO Nº 4 A QUEDA DA RAÇA HUMANA Estudos sobre o livro de Gênesis LIÇÃO Nº 4 A QUEDA DA RAÇA HUMANA ONa sequência dos estudos sobre o livro de Gênesis, estudaremos hoje o capítulo 3. OO salário do pecado é a morte Slide 2 O Homem e mulher

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

Introdução à 26/05/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Divindade de Cristo O que a história da igreja fala sobre o assunto? A Igreja Primitiva No início do século II, o cristianismo era uma

Leia mais

DISCIPULADO PARA OS NOVOS CONVERTIDOS

DISCIPULADO PARA OS NOVOS CONVERTIDOS O novo nascimento é o início da vida com Deus. A nova vida recebida de Deus precisa ser desenvolvida. Recebemos a salvação pela graça de Deus. A vida cristã também só pode ser vivida pela graça de Deus.

Leia mais

2º Aquele que não pratica (não pratica a Lei), mas crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é

2º Aquele que não pratica (não pratica a Lei), mas crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é Muitos, ao ouvirem que o cristão não precisa praticar as obras da Lei, como: guarda do sábado, sacrifício de jejum, uso do véu, devolução de dízimo, etc., logo fazem a seguinte pergunta: A Lei de Deus

Leia mais

CURSO DE TEOLOGIA MÓDULO XI. Estudo do Velho Testamento

CURSO DE TEOLOGIA MÓDULO XI. Estudo do Velho Testamento MÓDULO XI Estudo do Velho Testamento 1 Copyright 2010 by editora FATEC Faculdade de Teologia e Ciências Educando para transformar vidas Diretor Geral Prof. Dr. Marcos Palácio Diretor Técnico Executivo

Leia mais

O INVESTIMENTO. 4 pontos principais para apresentar a mensagem do Evangelho a qualquer pessoa:

O INVESTIMENTO. 4 pontos principais para apresentar a mensagem do Evangelho a qualquer pessoa: Lição 5 O INVESTIMENTO QUEBRA GELO: Compartilhe qual foi o maior investimento que você fez em sua vida. Por que você investiu? O que lhe garantiu o sucesso? VERSO DA SEMANA: Estejam sempre preparados para

Leia mais

ARTIGOS DE FÉ. I. Deus Trino

ARTIGOS DE FÉ. I. Deus Trino ARTIGOS DE FÉ As referências bíblicas apoiam os Artigos de Fé e são aqui inseridas por acção da Assembleia Geral de 1976, mas não devem ser consideradas como parte do texto da Constituição. I. Deus Trino

Leia mais

MINISTÉRIO PESSOAL (1) TEXTO BASE 1PEDRO 4:10-11. Rev. Helio Sales Rios Igreja Presbiteriana do Jardim Brasil Estudo Bíblico Quartas-Feiras

MINISTÉRIO PESSOAL (1) TEXTO BASE 1PEDRO 4:10-11. Rev. Helio Sales Rios Igreja Presbiteriana do Jardim Brasil Estudo Bíblico Quartas-Feiras MINISTÉRIO PESSOAL (1) TEXTO BASE 1PEDRO 4:10-11 Rev. Helio Sales Rios Igreja Presbiteriana do Jardim Brasil Estudo Bíblico Quartas-Feiras INTRODUÇÃO O grande problema que a igreja enfrenta hoje, para

Leia mais

O Que Deus Realmente Quer

O Que Deus Realmente Quer Livrinho 2 Pàgina 19 Lição Três O Que Deus Realmente Quer Muitas pessoas ficam confusas acerca da verdadeira natureza do seu relacionamento com Deus. Esta confusão resulta dum conceito errado da natureza

Leia mais

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19 1 Todos Morrem! Pessoas morrem diariamente, seja por acidente ou de câncer, ataque cardíaco, acidente vascular cerebral, ou como vítimas de quaisquer das numerosas outras doenças. Alguns chegam a morrer

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CONSELHEIROS BÍBLICOS (ABCB)

DECLARAÇÃO DE FÉ ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CONSELHEIROS BÍBLICOS (ABCB) DECLARAÇÃO DE FÉ ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CONSELHEIROS BÍBLICOS (ABCB) A Igreja de Jesus Cristo está comprometida somente com o Antigo e Novo Testamentos como a única autoridade escrita de fé e conduta.

Leia mais

UM NOVO ANO, UMA NOVA CHANCE

UM NOVO ANO, UMA NOVA CHANCE ESTUDOS Fevereiro/14-2ª SEMANA CÉLULA FAMILIAR UM NOVO ANO, UMA NOVA CHANCE Texto Bíblico: João 8:3-11 Tem um dito popular que diz que errar é humano. Normalmente nos lembramos desse dito, e gostamos de

Leia mais

8º Capítulo. Petros Os Dons Pilares 1ª Parte

8º Capítulo. Petros Os Dons Pilares 1ª Parte 8º Capítulo Petros Os Dons Pilares 1ª Parte O texto de I Co 12:7-11 fala sobre os dons espirituais, aqui chamados de carismáticos; O texto de Ef 4:11 fala sobre os dons ministeriais, aqui chamados de dons

Leia mais

A Justificação em Paulo e Tiago George Knight III

A Justificação em Paulo e Tiago George Knight III 1 A Justificação em Paulo e Tiago George Knight III Nas cartas do apóstolo Paulo, a doutrina da justificação é o maravilhoso ensino bíblico de que Deus nos aceita como justos em Cristo e perdoa nossos

Leia mais

Quão perfeito é perfeito? Pode o cristão ser perfeito? Edward Heppenstall

Quão perfeito é perfeito? Pode o cristão ser perfeito? Edward Heppenstall Quão perfeito é perfeito? Pode o cristão ser perfeito? Edward Heppenstall Estar em uma posição/condição correta para com Deus é a coisa mais importante da vida. Acima de tudo que fazemos, de tudo que temos,

Leia mais

O ministério na Igreja

O ministério na Igreja Igreja Nova Apostólica Internacional O ministério na Igreja Desde os seus primórdios que a Igreja Nova Apostólica se define como uma Igreja do ministério. O artigo que se segue contém informações acerca

Leia mais

Apostila Fundamentos. Batismo nas Águas. batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19

Apostila Fundamentos. Batismo nas Águas. batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19 Apostila Fundamentos Batismo nas Águas batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19 B a t i s m o n a s Á g u a s P á g i n a 2 Batismo nas Águas Este é outro passo que está

Leia mais

O que é o batismo nas águas? Por que o fazemos? Como deve ser ministrado, quando e para quem?

O que é o batismo nas águas? Por que o fazemos? Como deve ser ministrado, quando e para quem? O Batismo nas Águas O que é o batismo nas águas? Por que o fazemos? Como deve ser ministrado, quando e para quem? É UMA ORDENANÇA DE JESUS O batismo é uma ordenança clara de Jesus para todo aquele que

Leia mais

4. A IMPORTÂNCIA DE SER BATIZADO

4. A IMPORTÂNCIA DE SER BATIZADO 4. A IMPORTÂNCIA DE SER BATIZADO O batismo nas águas é um dos passos importantes nos primeiros princípios da doutrina de Cristo. Ele não é apenas uma forma ou cerimônia sem sentido, mas uma experiência

Leia mais

1º. Pregação: Tema: Desde o pecado de Adão e Eva somos curados por Deus

1º. Pregação: Tema: Desde o pecado de Adão e Eva somos curados por Deus SEMINÁRIO DE VIDA NO ESPÍRITO Tema geral: Cura Interior Autor: Pe. Fernando PREGAÇÃO: Tema: Curados para Amar Senhor se queres podes me curar Mt. 8, 1-4 1º. Pregação: Tema: Desde o pecado de Adão e Eva

Leia mais

Estudo do livro de Filipenses (caps. 1 4)

Estudo do livro de Filipenses (caps. 1 4) Estudo do livro de Filipenses (caps. 1 4) Capítulo 1 Prefácio e saudação O amor de Paulo para com os filipenses, pelo motivo da sua fidelidade ao evangelho A prisão de Paulo contribui para proveito do

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

ÍNDICE. Prefácio... 1. TEXTO BÍBLICO (EFÉSIOS 4:17 a 5:2)... 3 1. FALAR A VERDADE... 7 2. PERDOAR SEMPRE... 10 3. TRABALHAR E ABENÇOAR...

ÍNDICE. Prefácio... 1. TEXTO BÍBLICO (EFÉSIOS 4:17 a 5:2)... 3 1. FALAR A VERDADE... 7 2. PERDOAR SEMPRE... 10 3. TRABALHAR E ABENÇOAR... ÍNDICE Prefácio... 1 TEXTO BÍBLICO (EFÉSIOS 4:17 a 5:2)... 3 1. FALAR A VERDADE... 7 2. PERDOAR SEMPRE... 10 3. TRABALHAR E ABENÇOAR... 13 4. EDIFICAR COM GRAÇA... 16 Comunidade Presbiteriana Chácara Primavera

Leia mais

Capítulo Vinte e Três (Chapter Twenty-Three) Os Sacramentos (The Sacraments)

Capítulo Vinte e Três (Chapter Twenty-Three) Os Sacramentos (The Sacraments) Capítulo Vinte e Três (Chapter Twenty-Three) Os Sacramentos (The Sacraments) Jesus só deu à Igreja dois sacramentos: batismo nas águas (veja Mt. 28:19) e a Santa Ceia (veja 1 Co. 11:23-26). Estudaremos

Leia mais

Muitos descrentes ao observarem a obra da cruz em sua visão natural pensam que tal gesto praticado por Jesus parece ser de derrota e não de vitória.

Muitos descrentes ao observarem a obra da cruz em sua visão natural pensam que tal gesto praticado por Jesus parece ser de derrota e não de vitória. 1 A OBRA DA CRUZ Mas longe esteja de mim gloriar-me, senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim, e eu, para o mundo. Gálatas 6.14 OBJETIVO. Este sermão tem

Leia mais

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015 1 QUEM É JESUS Jo 1 26 Respondeu João: Eu batizo com água, mas entre vocês está alguém que vocês não conhecem. 27 Ele é aquele que vem depois de mim, e não sou digno de desamarrar as correias de suas sandálias

Leia mais

BATISMO COM ESPÍRITO SANTO

BATISMO COM ESPÍRITO SANTO 1 BATISMO COM ESPÍRITO SANTO 1 Cantai de júbilo a Deus, força nossa; celebrai o Deus de Jacó.2 Salmodiai e fazei soar o tamboril, a suave harpa com o saltério.3 Tocai a trombeta na Festa da Lua Nova, na

Leia mais

Catecismo de Heidelberg (1563)

Catecismo de Heidelberg (1563) Catecismo de Heidelberg (1563) por Zacarias Ursino e Gaspar Oleviano DOMINGO 1 1. Qual é o seu único fundamento, na vida e na morte? O meu único fundamento é meu fiel Salvador Jesus Cristo (l). A Ele pertenço,

Leia mais

O significado salvífico da morte de Jesus

O significado salvífico da morte de Jesus Igreja Nova Apostólica Internacional O significado salvífico da morte de Jesus 2.ª parte Depois da interpretação da morte de Jesus, na Epístola Aos Hebreus, seguem-se explanações sobre o que Jesus representa

Leia mais

SEMEADOR NITERÓI, 2004

SEMEADOR NITERÓI, 2004 SEMEADOR NITERÓI, 2004 Seminário Evangélico para o Aperfeiçoamento de Discípulos e Obreiros do Reino - SEMEADOR Supervisão Editorial: Pr. Luiz Cláudio Flórido Projeto Gráfico, Edição e Impressão: Mídia

Leia mais

CURSO DE TEOLOGIA MÓDULO XI. Estudo do Velho Testamento

CURSO DE TEOLOGIA MÓDULO XI. Estudo do Velho Testamento MÓDULO XI Estudo do Velho Testamento 1 Copyright 2010 by editora FATEC Faculdade de Teologia e Ciências Educando para transformar vidas Diretor Geral Prof. Dr. Marcos Palácio Diretor Técnico Executivo

Leia mais

Evangelho: a verdade da Bíblia!

Evangelho: a verdade da Bíblia! Evangelho: a verdade da Bíblia! Primeiramente o evangelho começa com Deus Toda a questão está voltada para a natureza de Deus. Deus é Puro. Deus é Santo. Deus não pode violar Seus atributos. Ele não pode

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

P.2. O que é que você precisa saber para viver e morrer nessa consolação?

P.2. O que é que você precisa saber para viver e morrer nessa consolação? O CATECISMO DE HEIDELBERG O Catecismo de Heidelberg, o segundo dos padrões doutrinários das Igrejas Reformadas, foi escrito em Heidelberg a pedido do Eleitor Frederico III, governador, entre 1559 e 1576,

Leia mais

ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus

ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus LEMA E VISÃO 2012.2015 ADORAÇÃO IRRESISTÍVEL Adoradores quebrantados movendo o coração de Deus Por Pr. Amadilson de Paula Diretor

Leia mais

ESTUDOS NO EVANGELHO DE JOÃO

ESTUDOS NO EVANGELHO DE JOÃO ESTUDOS NO EVANGELHO DE JOÃO ESTUDO 1 NOVA VIDA O presente curso ajudará você a descobrir fatos da Palavra de Deus, fatos os quais você precisa para viver a vida em toda a sua plenitude. Por este estudo

Leia mais

EBD ADU 2011. Aulas sobre o Espírito Santo e você. Prefácio

EBD ADU 2011. Aulas sobre o Espírito Santo e você. Prefácio Aulas sobre o Espírito Santo e você. EBD ADU 2011 Prefácio 1. Quem é o Espírito Santo? 2. Os símbolos do Espírito Santo 3. O Espírito Santo e as Escrituras 4. Da criação até o nascimento de Jesus 5. Do

Leia mais

ESCATOLOGIA O MILÊNIO

ESCATOLOGIA O MILÊNIO PATMOS O MILÊNIO: INTERPRETAÇÕES Pr Luiz Sayão ESCATOLOGIA O MILÊNIO A ESCATOLOGIA BÍBLICA DIFERE DA ESCATOLOGIA SISTEMÁTICA - Existe tensão - O já e o ainda não - É prática e pouco curiosa ESCATOLOGIA

Leia mais

Tema 03 - Dimensão da Mística (Processo Teológico-espiritual. Qual é o sentido da minha vida? ). Introdução à Teologia da Espiritualidade Cristã.

Tema 03 - Dimensão da Mística (Processo Teológico-espiritual. Qual é o sentido da minha vida? ). Introdução à Teologia da Espiritualidade Cristã. Tema 03 - Dimensão da Mística (Processo Teológico-espiritual. Qual é o sentido da minha vida? ). Titulo 01 - Introdução à Teologia da Espiritualidade Cristã. NEI DE SÁ (Ms. Teologia Pastoral PUC-SP) Introdução

Leia mais

Igreja Batista Fundamental Taguatinga/DF. Aula 5 - Justiça e Justificação

Igreja Batista Fundamental Taguatinga/DF. Aula 5 - Justiça e Justificação Domingo, 29/03/2009 Autor: Fábio Ramos A Recapitulação Igreja Batista Fundamental Taguatinga/DF Aula 5 - Justiça e Justificação 1 Visão Geral I) somos servos que servem evangelizando II) perdidos estão

Leia mais

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade.

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. Secretaria de Espiritualidade Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. O que é liturgia? Roteiro do Culto; Ordem do Culto; Levar as pessoas a disposição

Leia mais

CURSO BÍBLICO DE DISCIPULADO NOME: DATA: / /

CURSO BÍBLICO DE DISCIPULADO NOME: DATA: / / ESTUDO Nº 01 O AMOR E O PLANO DE DEUS Este é o primeiro de uma série de Estudos sobre o PLANO DE DEUS EM SUA VIDA. Todas as passagens que você vai examinar nesta série de lições são encontradas no Evangelho

Leia mais

OS CINCO PONTOS DO CALVINISMO

OS CINCO PONTOS DO CALVINISMO OS CINCO PONTOS DO CALVINISMO (Tradução livre e adaptada do livro The Five Points of Calvinism - Defined, Defended, Documented, de David N. Steele e Curtis C. Thomas, Partes I e II, [Presbyterian & Reformed

Leia mais

Igreja Batista Renovada de Boituva www.igrejabatista.boituvasp.com.br

Igreja Batista Renovada de Boituva www.igrejabatista.boituvasp.com.br 34 Lição 5 A Quem deve ser batizado? Antes de subir ao céu, o Senhor Jesus Cristo ordenou aos seus discípulos: E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o Evangelho a toda a criatura. Quem crê e for batizado

Leia mais

JESUS, ANUNCIADO NO TEMPLO 1Reis 6.1-38

JESUS, ANUNCIADO NO TEMPLO 1Reis 6.1-38 Apoio didático Lição 1 JESUS, ANUNCIADO NO TEMPLO 1Reis 6.1-38 Davi não pôde construir o templo, mas juntou muito material necessário para a construção dele. A Salomão seu filho coube essa imensa e honrosa

Leia mais

SANTIFICADO SEJA TEU NOME : SANTIDADE DE DEUS & SANTIDADE DO HO- MEM. COSTA, Hermisten Maia Pereira da (Universidade Presbiteriana Mackenzie)

SANTIFICADO SEJA TEU NOME : SANTIDADE DE DEUS & SANTIDADE DO HO- MEM. COSTA, Hermisten Maia Pereira da (Universidade Presbiteriana Mackenzie) SANTIFICADO SEJA TEU NOME : SANTIDADE DE DEUS & SANTIDADE DO HO- MEM. COSTA, Hermisten Maia Pereira da (Universidade Presbiteriana Mackenzie) Introdução: A idéia bíblica de santo e santidade é de se separação.

Leia mais

Amor o fruto da maturidade

Amor o fruto da maturidade Amor o fruto da maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO I Coríntios 13.1-10 1 - Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. 2

Leia mais

STOTT, John R. W. Batismo e plenitude do Espírito Santo. São Paulo: Vida Nova, 1966.

STOTT, John R. W. Batismo e plenitude do Espírito Santo. São Paulo: Vida Nova, 1966. Azusa Revista de Estudos Pentecostais 1 STOTT, John R. W. Batismo e plenitude do Espírito Santo. São Paulo: Vida Nova, 1966. Josias Novak 1 1 A promessa do Espírito Em sua exposição Stott afirma que a

Leia mais

Ungidos Para Servir. Continua sendo um déficit entre o povo de Deus, o discernimento de seus ministérios e o entendimento do propósito da unção.

Ungidos Para Servir. Continua sendo um déficit entre o povo de Deus, o discernimento de seus ministérios e o entendimento do propósito da unção. Ungidos Para Servir Apesar dos esforços teológicos, a história cristã avançou dois mil anos e não conseguiu, em sua trajetória, evitar a má interpretação sobre o chamado ministerial dos santos e sobre

Leia mais

A cruz e a ressurreição de Jesus: perdão na família

A cruz e a ressurreição de Jesus: perdão na família Lição 1 A cruz e a ressurreição de Jesus: perdão na família Princípio de construção A base de transformação e de restauração da família é o perdão da cruz e o poder da ressurreição de Cristo. Objetivos

Leia mais

raramente são confessados. Conclui-se com facilidade que eles não são marcas de rebelião e desobediência de mandamentos do Senhor que precisam ser

raramente são confessados. Conclui-se com facilidade que eles não são marcas de rebelião e desobediência de mandamentos do Senhor que precisam ser Introdução O professor Daniel Fuller escreveu uma obra importante: a Unidade da Bíblia. Esse professor teve uma influência muito marcante na vida e no pensamento de John Piper. No livro ele fala de dez

Leia mais

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10 ELABORAÇÃO UMA LITURGIA Adoração e Louvor Aula 10 Os cânticos e hinos devem ser previamente escolhidos conforme o tema do culto, a mensagem e o momento litúrgico. Exemplo Prático: Liturgia do dia 01-12-2013

Leia mais

ANTROPOLOGIA BÍBLICA Algumas considerações sobre a imagem e semelhança de Deus no homem

ANTROPOLOGIA BÍBLICA Algumas considerações sobre a imagem e semelhança de Deus no homem 1 Introdução ANTROPOLOGIA BÍBLICA Algumas considerações sobre a imagem e semelhança de Deus no homem João Pedro da Silva 1 Neste trabalho irei abordar diferentes posições teológicas acerca do entendimento

Leia mais

MISSÃO E CRESCIMENTO DA IGREJA IGREJA: CORPO VIVO DE CRISTO. Estudo Bíblico

MISSÃO E CRESCIMENTO DA IGREJA IGREJA: CORPO VIVO DE CRISTO. Estudo Bíblico MISSÃO E CRESCIMENTO DA IGREJA IGREJA: CORPO VIVO DE CRISTO Estudo Bíblico Bispo Luiz Vergílio / Caxias do Sul/RS Abril de 2009 Ministerial de Pastores e Pastoras 1 MISSÃO DA IGREJA E CRESCIMENTO I. IGREJA

Leia mais

SEMANA 1 DIA 1 4 5 SEMANA 1 DIA 1. Leitura Bíblica

SEMANA 1 DIA 1 4 5 SEMANA 1 DIA 1. Leitura Bíblica SEMANA 1 DIA 1 4 DIA 1 At Responderam eles: Crê no Senhor Jesus, e serás 16:31 salvo Jo Mas a todos quantos O receberam, deu-lhes a 1:12-13 autoridade para se tornarem filhos de Deus: aos que creem no

Leia mais

Fé: única condição para que sejamos salvos? Sola fides e nada mais?

Fé: única condição para que sejamos salvos? Sola fides e nada mais? Fé: única condição para que sejamos salvos? Sola fides e nada mais? Objetivo: O grupo procura, neste artigo, esclarecer que os versículos mencionados pelos fundamentalistas têm de ser interpretados sistematicamente,

Leia mais

Sendo Discipulado para Fazer Discípulos

Sendo Discipulado para Fazer Discípulos PIPR Curso de Discipulado II Sendo Discipulado para Fazer Discípulos Treinamento para Formadores de Discípulos O que de minha parte você ouviu [aprendeu]... transmita fielmente a outras pessoas para que

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

ESTUDOS SOBRE A SALVAÇÃO

ESTUDOS SOBRE A SALVAÇÃO 1 ESTUDOS SOBRE A SALVAÇÃO QUEDA DO HOMEM Por que a necessidade da Salvação? todos pecaram e foram condenados Gn 2.17 Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que

Leia mais

O chamado de Jesus ao discipulado

O chamado de Jesus ao discipulado Lição 3 12 a 19 de janeiro O chamado de Jesus ao discipulado Sábado à tarde Ano Bíblico: Gn 37 39 VERSO PARA MEMORIZAR: "Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

É possível vender a alma ao diabo?

É possível vender a alma ao diabo? É possível vender a alma ao diabo? Como bem sabemos, o diabo é o pai da mentira e a especialidade dele é enganar os incautos. Ora, todos os homens estão perdidos por serem descendentes de Adão, porém,

Leia mais

Jesus pode mudar a sua vida João 4.46-47 e 49-53. Ao longo da vida passamos por muitas mudanças.

Jesus pode mudar a sua vida João 4.46-47 e 49-53. Ao longo da vida passamos por muitas mudanças. Jesus pode mudar a sua vida João 4.46-47 e 49-53 Ao longo da vida passamos por muitas mudanças. Pr. Fernando Fernandes Penápolis, 20/10/2012 3º Cristo na Praça Dia Municipal do Evangélico 1 Mudanças sociais,

Leia mais

Diz respeito ao que vamos realizar em Cristo, pelo poder do Espírito Santo para cumprir a nossa missão:

Diz respeito ao que vamos realizar em Cristo, pelo poder do Espírito Santo para cumprir a nossa missão: II) NOSSA VISÃO Diz respeito ao que vamos realizar em Cristo, pelo poder do Espírito Santo para cumprir a nossa missão: A) Adorar a Deus em espírito e verdade Queremos viver o propósito para o qual Deus

Leia mais

Lição Oito. Amando aos Outros. (Desenvolvendo um Estilo Compassivo de Vida)

Lição Oito. Amando aos Outros. (Desenvolvendo um Estilo Compassivo de Vida) Livrinho 2 Pàgina 60 Lição Oito Amando aos Outros (Desenvolvendo um Estilo Compassivo de Vida) O amor fica ao centro real do Cristianismo. Ele resume numa só palavra a própria essência da fé cristã. Foi

Leia mais

O Catequista. re-visitar o caminho pessoal de encontro com Jesus Cristo

O Catequista. re-visitar o caminho pessoal de encontro com Jesus Cristo O Catequista É chamado, no Ano da Fé, a: re-visitar o itinerário de fé «Atravessar a porta da fé implica embrenhar-se num caminho que dura a vida inteira. Este caminho tem início no Batismo (cf. Rm 6,

Leia mais

VIGÍLIA DE LOUVOR JOVEM

VIGÍLIA DE LOUVOR JOVEM VIGÍLIA DE LOUVOR JOVEM Se espera de uma v i g í l i a jo v e m um bom planejamento, divulgação, objetivo e um tema definido acertando em cheio o objetivo proposto no planejamento da vigília. Em uma vigília

Leia mais

Todos Batizados em um Espírito

Todos Batizados em um Espírito 1 Todos Batizados em um Espírito Leandro Antonio de Lima Podemos ver os ensinos normativos a respeito do batismo com o Espírito Santo nos escritos do apóstolo Paulo, pois em muitas passagens ele trata

Leia mais

FÉ SALVAÇÃO BAPTISMO - COMUNHÃO CEIA ORAÇÃO - MEDITAÇÃO

FÉ SALVAÇÃO BAPTISMO - COMUNHÃO CEIA ORAÇÃO - MEDITAÇÃO FÉ SALVAÇÃO BAPTISMO - COMUNHÃO CEIA ORAÇÃO - MEDITAÇÃO Samuel Pereira 2005 1-SIGNIFICADO DA PALAVRA A fé envolve disposição para confiar noutra pessoa. CAPITULO I FÉ A Fé difere de credulidade, porque

Leia mais

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado LIÇÃO 1 - EXISTE UM SÓ DEUS 18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado A Bíblia diz que existe um único Deus. Tiago 2:19, Ef. 4 1- O Deus que Criou Todas as coisas, e que conduz a sua criação e

Leia mais

Se Jesus ressuscitou, onde estão as testemunhas?

Se Jesus ressuscitou, onde estão as testemunhas? Se Jesus ressuscitou, onde estão as testemunhas? 1 Coríntios 15.1-11 1. Irmãos, quero lembrar-lhes o evangelho que lhes preguei, o qual vocês receberam e no qual estão firmes. 2. Por meio deste evangelho

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais