SEXUALIDADE - definição

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SEXUALIDADE - definição"

Transcrição

1 A sexualidade

2 SEXUALIDADE - definição É uma energia que nos motiva a procurar o amor, contacto, ternura, intimidade; que se integra no modo como nos sentimos, movemos, tocamos, e somos tocados; é ser-se sensual e ao mesmo tempo sexual; ela influencia pensamentos, sentimentos, acções e interacções e, por isso, influencia também a nossa saúde física e mental.

3 De Sexual + idade São características morfológicas, fisiológicas e psicológicas relacionadas com o sexo. É, contudo, muito mais do que uma relação sexual. É também uma relação com ele/a próprio/a e com outras pessoas. Implica sentimentos e vínculos especiais.

4 Trata-se de um complemento entre duas pessoas que se amam; Uma forma de transmitir afecto, ternura, confiança e, além disso, a percepção de dar e receber prazer.

5 O seu papel fundamental é: Na identidade: é a sexualidade que nos faz sentir biopsico-socialmente mulheres ou homens; Na reprodução: é através das relações sexuais que um homem e uma mulher podem ter um filho;

6 O seu papel fundamental é: Na relação amorosa: a sexualidade é uma forma de expressão física do nosso amor e reforça a relação amorosa; No desejo e no prazer: a sexualidade é responsável por desejos extremamente intensos e um prazer muito grande acompanha normalmente os pensamentos e actividades sexuais.

7 A importância da relação sexual

8 Para um homem e uma mulher adultos, as relações sexuais são uma escolha consciente e inserem-se no denso entrançado das relações humanas.

9 O coito é uma realidade funcional para a reprodução e tem um desenvolvimento semelhante para todos os mamíferos.

10 Nos mamíferos o macho acasala apenas quando sente um sinal de chamamento que se manifesta quando a fêmea está fecunda. (tem um ovócito maduro)

11 Entre um homem e uma mulher isto é possível mesmo quando a mulher não está fecunda, porque amor, emoções, sentimentos e paixão entre duas pessoas são pelo menos tão importantes como os aspectos físicos.

12 Explicaram à Sílvia e ao Luís, em casa e na escola, em que consiste uma relação sexual, mas descrita desta maneira acharamna um pouco estranha e embaraçante.

13 A Sílvia e o Luís têm razão: As relações sexuais são um aspecto da vida de casal que exige reserva e intimidade. São complexas de descrever vistas de fora, porque se trata de uma realidade a viver ou a não viver como protagonistas.

14 Cada relação sexual filmada ou mostrada dá uma ideia falsa da realidade: Introduz espectadores indiscretos e mostra apenas os aspectos exteriores e não os interiores: o amor, a emoção, a ternura e as sensações que um homem e uma mulher adultos e conscientes podem experimentar enquanto fazem amor.

15 Quando tudo funciona, o cérebro empenha-se e põe a circular as hormonas que se difundem por todo o corpo, dando uma grande segurança e um agradável e emocionante sentimento de irrealidade.

16 Neste caso geralmente uma relação sexual termina com uma sensação intensa de prazer, quer para o homem quer para a mulher (orgasmo), à qual se segue uma grande paz.

17 As experiências prematuras não só são muito frequentemente frustrantes, mas transmitem sentimentos de culpa, angústia, medo de ser ridicularizado e ansiedade pelas consequências.

18 De todas as relações sexuais pode nascer um filho, mas nem todas as relações sexuais resultam numa gravidez... Uma mulher não sabe quando é que um óvulo amadurece numa das suas trompas (ovulação)

19 Marido e mulher podem decidir, de comum acordo, quando querem ser pai e mãe, de modo a cuidar e educar os filhos da melhor forma. Também no período em que um casal decidiu não ter filhos é importante a concórdia, a colaboração e o amor.

20 Os métodos para ter relações sexuais sem ter filhos chamam-se contraceptivos e consistem em evitar que os espermatozóides encontrem um óvulo maduro.

21 Não esqueças! As relações sexuais são a forma mais íntima de comunicar entre um homem e uma mulher. Têm o valor que vem da dignidade da pessoa e o significado que cada um lhes atribui: negativo ou positivo. Uma grande responsabilidade.

22 Afinal quando posso ter a primeira relação sexual?

23 Quando cada um se tiver aceite a si próprio e tiver confiança nas suas capacidades e nas capacidades dos outros. Nesse momento as relações sexuais parecer-vos-ão aceitáveis e positivas, porque serão adultos no corpo, no coração e na mente.

24 A primeira relação sexual

25 Atitudes de ambos os sexos perante a sexualidade As raparigas querem o amor, se possível sem sexo! Os rapazes querem o sexo, se possível sem amor!

26 Dúvidas da primeira vez...

27 Rapazes - Será que ela vai gostar? É muito importante que penses naquilo que a outra pessoa pode sentir. Esta pergunta significa, muitas vezes, nervosismo e insegurança. Muitos rapazes concentram-se no resultado da relação sexual, porque querem impressionar. No entanto, esquecem-se que só impressiona quem sabe exactamente o que quer.

28 Raparigas - Será que vai doer? Se estiveres muito nervosa, tensa e contraída, poderá doer. Isto acontece sempre que a vagina não fica excitada e lubrificada, tornando a penetração do pénis mais difícil. Se te estiver a doer muito podes sempre pedir à pessoa que pare. Talvez fosse melhor se falassem sobre o que está a acontecer e apostassem um pouco mais nos preliminares.

29 Raparigas - E se a minha mãe descobrir? A tua mãe só descobre se tu lhe contares. Se calhar até iria compreender! Afinal de contas, o sexo é uma necessidade como outra qualquer. Tens é de saber descobrir a altura certa.

30 A saber: A relação sexual deve ser vivida a dois e não a 1+1. Desta forma, será mais fácil compreender e aceitar as inseguranças e diferenças de cada pessoa.

31 Alguns pontos em torno da primeira vez... e seguintes: Aprendam a falar sobre o que gostaram e o que não gostaram. As relações sexuais podem ser melhoradas, desde que ambos se habituem a falar delas sem receio de magoar o outro; Não queiram ser melhor do que os "vizinhos" - na sexualidade não há vencedores nem derrotados. Se as coisas correrem mal pensem que certamente surgirão outras oportunidades; Usem contraceptivos, sempre como um recurso e não como meio.

32 Não esqueças! As relações sexuais são a forma mais íntima de comunicar entre um homem e uma mulher. Têm o valor que vem da dignidade da pessoa e o significado que cada um lhes atribui: negativo ou positivo. São uma grande responsabilidade.

ADOLESCÊNCIA SEXUALIDADE

ADOLESCÊNCIA SEXUALIDADE ADOLESCÊNCIA E SEXUALIDADE Adolescência É o período de transição entre a infância e a idade adulta. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS),o período da adolescência situa-se entre os 10 e os 20 anos.

Leia mais

Eu e a minha sexualidade. 2 de Fevereiro de 2009

Eu e a minha sexualidade. 2 de Fevereiro de 2009 Eu e a minha sexualidade Enf.ª Nádia Gonçalves 2 de Fevereiro de 2009 O QUE É A ADOLESCÊNCIA? É a transição entre a infância e a idade adulta; Etapa essencial da vida que permite ao ser humano conquistar

Leia mais

Caixa de dúvidas Núcleo de Estágio de Ciências Físico-Químicas FCT-UNL

Caixa de dúvidas Núcleo de Estágio de Ciências Físico-Químicas FCT-UNL Caixa de dúvidas Núcleo de Estágio de Ciências Físico-Químicas FCT-UNL Algumas das dúvidas colocadas Eu gostava de saber o que é a virgindade. Ser virgem é algo sentido individualmente, é um conceito muito

Leia mais

EDUCAÇÃO SEXUAL E AFETIVA

EDUCAÇÃO SEXUAL E AFETIVA Nome: N.º: Ano/Turma: A. Lê o texto da página 3, A adolescência, e assinala verdadeiro ou falso. 1. A puberdade é marcada pela entrada em funcionamento dos órgãos sexuais. 2. Os rapazes entram mais cedo

Leia mais

SENSUALIDADE E SEXUALIDADE NA ADOLESCÊNCIA. Sexualidade X Sensualidade

SENSUALIDADE E SEXUALIDADE NA ADOLESCÊNCIA. Sexualidade X Sensualidade SENSUALIDADE E SEXUALIDADE NA ADOLESCÊNCIA A adolescência é uma fase de transição, mudança da infância para a vida adulta. Nesse momento acontecem várias modificações no corpo, surgem várias dúvidas, medo,

Leia mais

Depressão pós-parto um guia para mães, familiares e amigos

Depressão pós-parto um guia para mães, familiares e amigos Depressão pós-parto um guia para mães, familiares e amigos Depressão pós-parto O que é? Há três tipos principais de alteração de humor pós-parto: Baby blues, Psicose puerperal e Depressão pós-parto. Baby

Leia mais

Conversando com os pais

Conversando com os pais Conversando com os pais Motivos para falar sobre esse assunto, em casa, com os filhos 1. A criança mais informada, e de forma correta, terá mais chances de saber lidar com sua sexualidade e, no futuro,

Leia mais

CONTRACEPÇÃO HORMONAL PÍLULA

CONTRACEPÇÃO HORMONAL PÍLULA CONTRACEPÇÃO HORMONAL PÍLULA A Pílula é o método contraceptivo hormonal mais utilizado, pelas mulheres em todo o mundo. O QUE É? Um método contraceptivo que contém hormonas sintéticas que são semelhantes

Leia mais

Exposição Sexo... e então?! Guião de Visita

Exposição Sexo... e então?! Guião de Visita Exposição Sexo... e então?! Guião de Visita O que é estar apaixonado(a)?... no quarto de Titeuf: O amor é difícil de explicar, mesmo para os mais crescidos. Temos amigos e amigas e isso é bom. E, de repente,

Leia mais

Escola Secundária com 3º CEB de Coruche EDUCAÇÃO SEXUAL

Escola Secundária com 3º CEB de Coruche EDUCAÇÃO SEXUAL Escola Secundária com 3º CEB de Coruche 0 EDUCAÇÃO SEXUAL INTRODUÇÃO A Educação da sexualidade é uma educação moral porque o ser humano é moral. É, também, uma educação das atitudes uma vez que, com base

Leia mais

A vivência na conjugalidade é todo um processo que engloba outros processos como a intimidade, a vida sexual, o trabalho, a procriação, a partilha

A vivência na conjugalidade é todo um processo que engloba outros processos como a intimidade, a vida sexual, o trabalho, a procriação, a partilha Existe um facto para o qual também devemos dar atenção: o agressor poderá estar numa posição de solidão. Poucos serão os agressores que terão a consciência do problema que têm, a agressividade que não

Leia mais

REPRODUÇÃO HUMANA MÉTODOS CONTRACEPTIVOS OU ANTICONCEPCIONAIS. Prof. Me. Cristino Rêgo 8º Ano Ensino Fundamental II

REPRODUÇÃO HUMANA MÉTODOS CONTRACEPTIVOS OU ANTICONCEPCIONAIS. Prof. Me. Cristino Rêgo 8º Ano Ensino Fundamental II REPRODUÇÃO HUMANA MÉTODOS CONTRACEPTIVOS OU ANTICONCEPCIONAIS Prof. Me. Cristino Rêgo 8º Ano Ensino Fundamental II Métodos Contraceptivos ou Anticoncepcionais 1 Coito Interrompido (Onanismo): Consiste

Leia mais

EQUIPAS DE JOVENS DE NOSSA SENHORA O PAPEL DO CASAL ASSISTENTE

EQUIPAS DE JOVENS DE NOSSA SENHORA O PAPEL DO CASAL ASSISTENTE EQUIPAS DE JOVENS DE NOSSA SENHORA O PAPEL DO CASAL ASSISTENTE A experiência de um casal cristão que acompanha a equipa traz aos seus membros uma riqueza complementar à que caracteriza a presença do padre.

Leia mais

COMO MONTAR UM PLANO DE VIDA E REALIZAR SONHOS

COMO MONTAR UM PLANO DE VIDA E REALIZAR SONHOS COMO MONTAR UM PLANO DE VIDA E REALIZAR SONHOS Mensagem de Reflexão Quem não sabe o que quer, corre o risco de não entender o que encontra. Primeiro: defina o que você quer. Segundo: decida o quanto você

Leia mais

Informe Público - Out/2010 Santa Maria / RS. www.labpasteursm.com.br SEXUALIDADE E CONTRACEPÇÃO

Informe Público - Out/2010 Santa Maria / RS. www.labpasteursm.com.br SEXUALIDADE E CONTRACEPÇÃO SEXUALIDADE E CONTRACEPÇÃO O início da vida sexual é um momento marcante na adolescência. São tantas dúvidas, medos preconceitos e mitos, que as vezes ficamos confusos! O exercício da sexualidade exige

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA PERSONALIDADE

DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA PERSONALIDADE Rede7 Mestrado em Ensino do Inglês e Francês no Ensino Básico ÁREAS DE DESENVOLVIMENTO: DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DA PERSONALIDADE Teorias Psicodinâmicas A Psicanálise de Sigmund Freud A perspectiva de

Leia mais

PRINCÍPIOS PARA VOCÊ LEVAR SUA VIDA AO PRÓXIMO NÍVEL LUIZ FELIPE CARVALHO

PRINCÍPIOS PARA VOCÊ LEVAR SUA VIDA AO PRÓXIMO NÍVEL LUIZ FELIPE CARVALHO 6 PRINCÍPIOS PARA VOCÊ LEVAR SUA VIDA AO PRÓXIMO NÍVEL LUIZ FELIPE CARVALHO Súmario Introdução 03 #1 Desenvolva-se Pessoalmente 05 #2 Pratique Autoconhecimento 07 #3 Seja Líder de Si Mesmo 08 #4 Controle

Leia mais

MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE

MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE A Fertilidade é o termo empregado para categorizar a capacidade de produzir vida. Ao longo do tempo o Homem tem vindo a demonstrar interesse em controlá-la, arranjando para isso

Leia mais

OFICINAS. A venda é feita nas oficinas, em exposições, no quiosque de O Ninho, etc.

OFICINAS. A venda é feita nas oficinas, em exposições, no quiosque de O Ninho, etc. Espaço de treino e aprendizagem ao trabalho onde as estagiárias (designa-se por estágio o tempo de permanência na Instituição) adquirem hábitos de trabalho e cooperação, imprescindíveis para a sua integração

Leia mais

Planificação anual de Ciências Naturais 9º Ano de escolaridade 2013 / 14

Planificação anual de Ciências Naturais 9º Ano de escolaridade 2013 / 14 Departamento de Ciências Experimentais Grupo de recrutamento 520 - Biologia e Geologia Planificação anual de Ciências Naturais 9º Ano de escolaridade 2013 / 14 1 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO

Leia mais

O Princípio do Foco. Texto Base

O Princípio do Foco. Texto Base O Princípio do Foco Texto Base Há uma lei universal invariável determinando que todas as coisas fluem para a direção da sua atenção. Ou seja: onde estiver seu foco, estarão ali, sua energia, sua fé, sua

Leia mais

Descubra quando você está ovulando

Descubra quando você está ovulando 1 Descubra quando você está ovulando O maior segredo para engravidar logo é saber exatamente quando você está ovulando, ou seja, quando um de seus dois ovários está liberando um óvulo. Pense neste óvulo

Leia mais

GAPsi - FCUL CONFRONTAR UM AMIGO

GAPsi - FCUL CONFRONTAR UM AMIGO CONFRONTAR UM AMIGO A amizade é algo de muito importante para a maioria das pessoas. É sempre bom ter alguém com quem podemos desabafar, alguém que nos ouve, alguém com quem podemos rir, chorar, partilhar

Leia mais

Unidade 1 - REPRODUÇÃO E MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE

Unidade 1 - REPRODUÇÃO E MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE Que modificações ocorrem no organismo feminino após a nidação? A nidação e as primeiras fases de gestação encontram-se sob estreito controlo hormonal. A hormona hcg estimula o corpo lúteo a produzir hormonas,

Leia mais

Sim. Principalmente se a mulher estiver no período fértil.

Sim. Principalmente se a mulher estiver no período fértil. É legal saber! Gravidez Transar uma única vez, pode engravidar? Sim. Principalmente se a mulher estiver no período fértil. Minha menstruação na desceu. Estou grávida? Depende. É importante cada mulher

Leia mais

Perpetuando a vida - 2

Perpetuando a vida - 2 A U A UL LA Acesse: http://fuvestibular.com.br/ Perpetuando a vida - 2 Atenção - Maria, olhe só o resultado do exame: positivo para gonadotrofina coriônica! Alberto e Maria olharam um para o outro, sem

Leia mais

Mas por que só pode entrar um espermatozóide no óvulo???

Mas por que só pode entrar um espermatozóide no óvulo??? Mas por que só pode entrar um espermatozóide no óvulo??? Lembre-se que os seres humanos só podem ter 46 cromossomos, sendo um par sexual, por exemplo: se dois espermatozóides com cromossomo sexual X e

Leia mais

14 Dicas para Acabar com a Ansiedade e Depressão Despertar do Amor http://www.despertardoamor.com.br

14 Dicas para Acabar com a Ansiedade e Depressão Despertar do Amor http://www.despertardoamor.com.br 14 Dicas para Acabar com a Ansiedade e Depressão Despertar do Amor Este e-book é um dos BÔNUS que fazem parte do Processo Despertar do Amor. Para saber mais sobre este trabalho, acesse: INTRODUÇÃO O grande

Leia mais

cartões de bolso serié 2 SEXO SEGURO

cartões de bolso serié 2 SEXO SEGURO cartões de bolso serié 2 SEXO SEGURO 1 O que quer dizer sexo seguro? Sexo seguro quer dizer, práticas sexuais responsáveis sem riscos de engravidar, ou de contrair uma infecção transmitida sexualmente,

Leia mais

1 Narcóticos Anónimos (Texto Básico, página 17).

1 Narcóticos Anónimos (Texto Básico, página 17). Serei um adicto? Tradução de literatura aprovada pela Irmandade de NA. Copyright 1994 by Narcotics Anonymous World Services, Inc. Todos os direitos reservados. Só tu podes responder a esta pergunta. Isto

Leia mais

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto. Mateus 4, 1-11 Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.». Este caminho de 40 dias de jejum, de oração, de solidariedade, vai colocar-te

Leia mais

MÉTODOS CONTRACEPTIVOS

MÉTODOS CONTRACEPTIVOS MÉTODOS CONTRACEPTIVOS MÉTODOS CONTRACEPTIVOS 1. MÉTODOS COMPORTAMENTAIS Os métodos contraceptivos são utilizados por pessoas que têm vida sexual ativa e querem evitar uma gravidez. Além disso, alguns

Leia mais

Vivência Holística da Gravidez e Parto

Vivência Holística da Gravidez e Parto Vivência Holística da Gravidez e Parto Preparação para o Nascimento Acreditamos que existem outras formas de olhar para a chegada de um novo Ser, de vivenciar a gravidez e de experienciar o parto de forma

Leia mais

AMOR, SEXUALIDADE E AS ETAPAS DA VIDA Dimas Calegari

AMOR, SEXUALIDADE E AS ETAPAS DA VIDA Dimas Calegari 1 AMOR, SEXUALIDADE E AS ETAPAS DA VIDA Dimas Calegari Vamos falar do amor infantil, do amor adolescente, do amor adulto e do amor maduro e vamos falar da sexualidade ligada a essas formas de amor. Vamos

Leia mais

M t é o t d o os o Contraceptivos

M t é o t d o os o Contraceptivos Métodos Contraceptivos São meios utilizados para evitar a gravidez quando esta não é desejada, permitindo a vivência da sexualidade de forma responsável. Permitem o planeamento familiar. 2 Como se classificam

Leia mais

Métodos contraceptivos

Métodos contraceptivos Métodos contraceptivos O que são métodos contraceptivos? São processos que permitem evitar uma gravidez não desejada. Todas as pessoas usam o mesmo método contraceptivo? Existem vários métodos contraceptivos.

Leia mais

Curso de Desenvolvimento Pessoal - PERCEPÇÃO EM METAMORFOSE -

Curso de Desenvolvimento Pessoal - PERCEPÇÃO EM METAMORFOSE - Curso de Desenvolvimento Pessoal - PERCEPÇÃO EM METAMORFOSE - OBJECTIVOS GERAIS - Promover a reciclagem, a actualização ou o aperfeiçoamento pessoal através do desenvolvimento das suas competências técnicas,

Leia mais

MULHER MAGNÉTICA VANESSA DE OLIVEIRA 30 DIAS PARA TRANSFORMAR A SUA VIDA COM

MULHER MAGNÉTICA VANESSA DE OLIVEIRA 30 DIAS PARA TRANSFORMAR A SUA VIDA COM MULHER MAGNÉTICA 30 DIAS PARA TRANSFORMAR A SUA VIDA COM VANESSA DE OLIVEIRA parte I VOCÊ É UMA MULHER PODEROSA (DIAS 1 A 10) Introdução ao curso Mulher Magnética: 30 Dias Para Transformar A Sua Vida DIA

Leia mais

Milagre do Nascimento

Milagre do Nascimento Milagre do Nascimento A ciência colabora com o sonho de casais que não poderiam ter filhos por métodos tradicionais. Por Viviane Bittencourt A inseminação artificial é um dos métodos da reprodução assistida

Leia mais

Professor Fernando Stuchi

Professor Fernando Stuchi REPRODUÇÃO Aulas 2 a 5 1º Bimestre Professor Fernando Stuchi Seres Vivos Segundo a Teoria Celular, todos os seres vivos (animais e vegetais) são constituídos por células (exceção dos vírus que não possuem

Leia mais

E X P E D I E N T E. GIV Grupo de Incentivo à Vida Rua Capitão Cavalcanti, 145 Vila Mariana São Paulo Fone: 5084-0255 giv@giv.org.br www.giv.org.

E X P E D I E N T E. GIV Grupo de Incentivo à Vida Rua Capitão Cavalcanti, 145 Vila Mariana São Paulo Fone: 5084-0255 giv@giv.org.br www.giv.org. 1 2 E X P E D I E N T E GIV Grupo de Incentivo à Vida Rua Capitão Cavalcanti, 145 Vila Mariana São Paulo Fone: 5084-0255 giv@giv.org.br www.giv.org.br Diretoria: Gilvane Casimiro Edson Arata Luiz Donizete

Leia mais

Gravidez Semana a Semana com Bruna Galdeano

Gravidez Semana a Semana com Bruna Galdeano Desde o momento em que o óvulo é fecundado pelo espermatozoide, seu futuro bebê começa uma aventura extraordinária dentro de sua barriga, assim passando de um aglomerado de células a um perfeito ser humano.

Leia mais

Mordidas e agressões na escola

Mordidas e agressões na escola Mordidas e agressões na escola É muito comum que nas escolas de educação infantil, mais especificamente nas turmas de maternal, de crianças com aproximadamente dois anos de idade; aconteçam as mordidas

Leia mais

Projeto de Educação Sexual

Projeto de Educação Sexual Agrupamento de Escolas Joaquim de Araújo Projeto de Educação para a Saúde - Projeto de Educação Sexual 6º Ano Projeto de Educação Sexual 6ºAno Área Temática Conteúdos Pressupostos essenciais Recurso Tempo

Leia mais

IBH Transtorno de personalidade dependente. Dra. Lislie Schoenstatt

IBH Transtorno de personalidade dependente. Dra. Lislie Schoenstatt IBH Transtorno de personalidade dependente Dra. Lislie Schoenstatt Transtorno de Personalidade Dependente - TPD É uma necessidade invasiva e excessiva de ser cuidado, que leva a um comportamento submisso

Leia mais

Hereditariedade ligado ao X

Hereditariedade ligado ao X 12 Porto: Instituto de Genética Médica Tel.: (+351).22.607.03.00 Email: genetica@igm.min-saude.pt www.igm.min-saude.pt Hereditariedade ligado ao X Centro de Genética Preditiva e Preventiva IBMC, Univ.

Leia mais

Escola Básica Vasco da Gama de Sines A REPRODUÇÃO HUMANA

Escola Básica Vasco da Gama de Sines A REPRODUÇÃO HUMANA Página1 A REPRODUÇÃO HUMANA Reprodução sexuada e dimorfismo sexual A reprodução é uma função dos seres vivos que permite dar origem a outros seres da mesma espécie. Reprodução sexuada Na espécie humana

Leia mais

Oque nós queremos da vida? Viver e ser felizes.

Oque nós queremos da vida? Viver e ser felizes. Você Pode Mudar sua Vida Oque nós queremos da vida? Viver e ser felizes. Isso parece tão simples, mas por que todos não o conseguem, vivem insatisfeitos, infelizes, reclamando, dando-se mal uns com os

Leia mais

TRABALHANDO OS GIGANTES DA ALMA PARA SER UM EMPREENDEDOR. SILVIA PIRES

TRABALHANDO OS GIGANTES DA ALMA PARA SER UM EMPREENDEDOR. SILVIA PIRES TRABALHANDO OS GIGANTES DA ALMA PARA SER UM EMPREENDEDOR. SILVIA PIRES Quais são os gigantes da alma? É na infância que se constrói o caráter, para você ser um adulto de valor! ROTINA Vivemos numa sociedade

Leia mais

Pai. Deus. Espírito Santo. Filho

Pai. Deus. Espírito Santo. Filho Pai Deus Filho Espírito Santo Existe um único Deus que subsiste em três pessoas: O Pai, criador de todas as coisas visíveis e invisíveis; O Filho, que foi concebido por obra do Espírito Santo, e nasceu

Leia mais

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE Espiritualidade Apostólica Marista Ir. José Milson de Mélo Souza Ano de Deus Pai LADAINHA DE SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT (Ir. José Milson) V. Senhor, tende piedade de nós.

Leia mais

Nome: Mónica Algares. Ano: 9º Turma: B Nº 17

Nome: Mónica Algares. Ano: 9º Turma: B Nº 17 Nome: Mónica Algares Ano: 9º Turma: B Nº 17 Métodos contraceptivos naturais Método do calendário Se a menstruação ocorre de 28 em 28 dias, a ovulação ocorrerá por volta do 14º dia. Assim, o período fértil

Leia mais

O sexo e o casamento. Por isso o homem deixará pai e mãe e se unirá a sua mulher, e os dois serão uma só carne Gen.2:24 e Efes.

O sexo e o casamento. Por isso o homem deixará pai e mãe e se unirá a sua mulher, e os dois serão uma só carne Gen.2:24 e Efes. Por isso o homem deixará pai e mãe e se unirá a sua mulher, e os dois serão uma só carne Gen.2:24 e Efes.5:31 Se o sexo é tão bom por que Deus limita a atividade sexual exclusivamente ao Casamento? 1.

Leia mais

Anexo 1 - Pedido de Autorização às Escolas

Anexo 1 - Pedido de Autorização às Escolas Anexo 1 - Pedido de Autorização às Escolas Exmo. Senhor(a), Presidente do Conselho Diretivo da Escola Eu, Sara Alexandra Melo Mendes, no âmbito da minha dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica estou

Leia mais

Apresentação do Serviço de Psicologia. Roberta de Siqueira Meloso (coordenadora Psicologia CRI-Norte) Mário Amore Cecchini (Psicólogo CRI-Norte)

Apresentação do Serviço de Psicologia. Roberta de Siqueira Meloso (coordenadora Psicologia CRI-Norte) Mário Amore Cecchini (Psicólogo CRI-Norte) Sejam bem vindos no Apresentação do Serviço de Psicologia Roberta de Siqueira Meloso (coordenadora Psicologia CRI-Norte) Mário Amore Cecchini (Psicólogo CRI-Norte) CRI Norte C.R.I. - Centro de Referencia

Leia mais

Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO

Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO ORIENTAÇÕES GERAIS Bem-vindos à nova estação dos GFs: a estação do evangelismo! Nesta estação queremos enfatizar pontos sobre nosso testemunho de vida

Leia mais

O que são as ilusões, afinal?

O que são as ilusões, afinal? Ilusão e Realidade O que são as ilusões, afinal? 01 Define-se Ilusão, como sendo aquilo que pensamos, mas que não corresponde à nossa realidade. 02 São percepções que nos distanciam da nossa verdade. Existem

Leia mais

e) O indivíduo X é o esporófito proveniente da multiplicação celular mitótica.

e) O indivíduo X é o esporófito proveniente da multiplicação celular mitótica. Aula n ọ 05 01. A meiose é um processo de divisão celular que ocorre na natureza e que visa à produção de esporos ou gametas. Esta divisão celular produz células-filhas com a metade dos cromossomos da

Leia mais

Sistema Límbico. Norma M. S. Franco

Sistema Límbico. Norma M. S. Franco Sistema Límbico Norma M. S. Franco Sistema Límbico O sistema é de extrema importância pois controla comportamentos ligados a nossa sobrevivência. O sistema límbico é a unidade responsável pelas emoções.

Leia mais

#38. FeedForward. O e a caminho de Ser. Ser Feliz. Márcia Pinho COACH e Fundadora da believe IN (ICC 10410)

#38. FeedForward. O e a caminho de Ser. Ser Feliz. Márcia Pinho COACH e Fundadora da believe IN (ICC 10410) O e a caminho de Ser. Ser Feliz. Alexandra Lemos International Executive Coach Coach Trainer da ICC para Portugal www.mindcoach.pt O e a caminho de Ser. Ser Feliz. E de repente estava tudo errado. A minha

Leia mais

Muito além do arco íris

Muito além do arco íris Muito além do arco íris amor, sexo e relacionamentos na terapia homoafetiva Klecius Borges muito Além do arco-íris Amor, sexo e relacionamentos na terapia homoafetiva Copyright 2013 by Klecius Borges Direitos

Leia mais

Fecundação, desenvolvimento embrionário e gestação. Isabel Dias CEI Biologia 12

Fecundação, desenvolvimento embrionário e gestação. Isabel Dias CEI Biologia 12 Fecundação, desenvolvimento embrionário e gestação Formação de um novo ser encontro do oócito II com espermatozóides Fecundação formação de um ovo desenvolvimento contínuo e dinâmico, com a duração em

Leia mais

O seu bem-estar emocional

O seu bem-estar emocional Your Emotional Wellbeing in pregnancy and beyond- Portuguese O seu bem-estar emocional na gravidez e períodos seguintes Breve guia 1 O seu bem-estar emocional na gravidez e períodos seguintes 2 Gravidez

Leia mais

Psicanálise. Boa Tarde! Psicanálise 26/09/2015. Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica Prof.ª Ms.

Psicanálise. Boa Tarde! Psicanálise 26/09/2015. Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica Prof.ª Ms. Boa Tarde! 1 Psicanálise Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia Jurídica Prof.ª Ms. Otília Loth Psicanálise Fundada por Sigmund Freud, é uma teoria que estabelece uma complexa estrutura mental

Leia mais

Manual prático sobre Relacionamentos Afetivos com base no Tantra

Manual prático sobre Relacionamentos Afetivos com base no Tantra Manual prático sobre Relacionamentos Afetivos com base no Tantra O intuito de escrever esse manual prático é trazer uma fórmula simples e rápida para que as pessoas possam se encontrar e relacionarem-se

Leia mais

..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..

..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-.. RESUMO A auto-estima, segundo a Programação Neurolinguística é uma impressão objetiva e favorável que temos de nós mesmos. Alguns autores afirmam que ela é a base para paz de espírito e satisfação pessoal,

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 660/X ESTABELECE O REGIME DE APLICAÇÃO DA EDUCAÇÃO SEXUAL EM MEIO ESCOLAR

PROJECTO DE LEI N.º 660/X ESTABELECE O REGIME DE APLICAÇÃO DA EDUCAÇÃO SEXUAL EM MEIO ESCOLAR PROJECTO DE LEI N.º 660/X ESTABELECE O REGIME DE APLICAÇÃO DA EDUCAÇÃO SEXUAL EM MEIO ESCOLAR Exposição de Motivos A garantia da saúde sexual e reprodutiva na sociedade contemporânea é condição necessária

Leia mais

Nome Nº Turma Data / /20. Avaliação NS S SB EX

Nome Nº Turma Data / /20. Avaliação NS S SB EX Teste Avaliação Ciências Naturais 9º Ano Nome Nº Turma Data / /20 Classificação Competências Conhecimento Raciocínio Comunicação (Língua Materna) Avaliação NS S SB EX Cotação % Professor(a) Enc. de Educação

Leia mais

Eu to confiando: a prática contraceptiva de implantes subcutâneos na cidade de Porto Alegre/RS.

Eu to confiando: a prática contraceptiva de implantes subcutâneos na cidade de Porto Alegre/RS. XXVII Congreso de la Asociación Latinoamericana de Sociología. Asociación Latinoamericana de Sociología, Buenos Aires, 2009. Eu to confiando: a prática contraceptiva de implantes subcutâneos na cidade

Leia mais

Aqui estão algumas dicas, diretrizes, e questões a considerar para pessoas que estão iniciando no mundo poli.

Aqui estão algumas dicas, diretrizes, e questões a considerar para pessoas que estão iniciando no mundo poli. Então você quer experimentar o poliamor Ginny Brown, 7 de abril de 2014, Everyday Feminism http://everydayfeminism.com/2014/04/so-you-want-to-try-polyamory/ Então você tem lido sobre poliamor e decidiu

Leia mais

Mitos e crenças sobre aspectos ligados à sexualidade

Mitos e crenças sobre aspectos ligados à sexualidade Centro de Formação de Associação das Escolas de Matosinhos Mitos e crenças sobre aspectos ligados à sexualidade C441. A Educação Sexual em Meio Escolar: Metodologias de Abordagem/Intervenção Formadoras:

Leia mais

Sinopse. Teria sido uma noite como qualquer outra, se ele não tivesse aparecido. E se eu

Sinopse. Teria sido uma noite como qualquer outra, se ele não tivesse aparecido. E se eu 1 Sinopse Teria sido uma noite como qualquer outra, se ele não tivesse aparecido. E se eu não estivesse completamente sozinha. Com um estranho em um Penhasco e sem lembrar de como fui parar ali. Me assustei

Leia mais

Reprodução humana. Aula 01. Sistema genital masculino Sistema genital feminino Gametogênese. Espermatogênese Ovogênese UNIDADE 3 ESPÉCIE HUMANA

Reprodução humana. Aula 01. Sistema genital masculino Sistema genital feminino Gametogênese. Espermatogênese Ovogênese UNIDADE 3 ESPÉCIE HUMANA Reprodução humana UNIDADE 3 ESPÉCIE HUMANA Sistema genital masculino Sistema genital feminino Gametogênese CAPÍTULO 11 Espermatogênese Ovogênese Aula 01 1. SISTEMA GENITAL MASCULINO ÓRGÃOS DO SISTEMA GENITAL

Leia mais

Jovens ADICTOS, para. Jovens ADICTOS

Jovens ADICTOS, para. Jovens ADICTOS [ De ADICTOS, para Jovens Jovens ADICTOS ] [viver] Este folheto foi escrito por jovens membros de Narcóticos Anônimos que ficaram limpos e descobriram uma nova maneira de viver. Jovens adictos em todo

Leia mais

Mediação: processo comunicacional não violento

Mediação: processo comunicacional não violento Mediação: processo comunicacional não violento Desde que comecei a escrever nessa coluna, preocupo-me em deixar muito claro do que se trata a mediação. Assim, a mediação é um processo conversacional pacífico,

Leia mais

As Emoções e sua relação com os nossos orgãos.

As Emoções e sua relação com os nossos orgãos. As Emoções e sua relação com os nossos orgãos. Deva Shabdam Janete O Fígado Ele é responsável por desmoronar e armazenar e reconstruir a matéria. Se a vida de uma pessoa desmorona, e não consegue realizar

Leia mais

Os avós e o círculo familiar mais amplo: compreendendo a importância dos relacionamentos com outros parentes para as crianças e os pais

Os avós e o círculo familiar mais amplo: compreendendo a importância dos relacionamentos com outros parentes para as crianças e os pais Compreendendo a infância Os avós e o círculo familiar mais amplo: compreendendo a importância dos relacionamentos com outros parentes para as crianças e os pais Compreendendo a infância é uma série de

Leia mais

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH Distúrbio Bipolar, também conhecido como mania e depressão, é uma desordem do cérebro que causa mudanças não previstas no estado mental da pessoa,

Leia mais

EMOTIONAL BUSINESS ACADEMY PROPOSTA FORMAÇÃO FORÇAS DE SEGURANÇA

EMOTIONAL BUSINESS ACADEMY PROPOSTA FORMAÇÃO FORÇAS DE SEGURANÇA EMOTIONAL BUSINESS ACADEMY PROPOSTA FORMAÇÃO FORÇAS DE SEGURANÇA EMOTIONAL BUSINESS ACADEMY MASTER NEGOCIAÇÃO & VENDAS DURAÇÃO: 8H HORÁRIOS: Laboral e Pós Laboral ESTRUTURA DA PROPOSTA 1. Designação das

Leia mais

Religião e Espiritualidade

Religião e Espiritualidade Religião e Espiritualidade Há mais coisas entre o céu e a terra do que sonha vossa vã filosofia. Shakespeare A Mudança de Modelos Mentais O que é Religião? O que é espiritualidade? O que é Meditação? Como

Leia mais

Rota de Aprendizagem 2015/16 6.º Ano

Rota de Aprendizagem 2015/16 6.º Ano Ciências Naturais Projeto 1 Os alimentos como veículo de nutrientes. Tempo Previsto: 3 quinzenas do 1ºPeríodo 1.ª Fase: Alimentação saudável e segura 2.ª Fase: O Processo digestivo de ser humano 3.ª Fase:

Leia mais

Clinicamente o autismo é considerado uma perturbação global do desenvolvimento.

Clinicamente o autismo é considerado uma perturbação global do desenvolvimento. Autismo: Definição Causas Conceitos centrais Diagnóstico O QUE É O AUTISMO? O autismo é uma disfunção no desenvolvimento cerebral que tem origem na infância e persiste ao longo de toda a vida. Pode dar

Leia mais

SOLUÇÃO PARA A INFERTILIDADE

SOLUÇÃO PARA A INFERTILIDADE Revista: Carta Capital 28 de Agosto de 2002 SOLUÇÃO PARA A INFERTILIDADE DOIS ESPECIALISTAS DIZEM O QUE É CIÊNCIA E O QUE É MITO, ESCLARECEM AS POSSÍVEIS CAUSAS DO PROBLEMA E AS MELHORES ALTERNATIVAS PARA

Leia mais

Blá blá Nick blá Nick blá blá de blá de NICK!

Blá blá Nick blá Nick blá blá de blá de NICK! primeiro passo eles também existem Durante os primeiros anos da tua vida, brincaste descontraidamente com os rapazes, nos anos que se seguiram evitaste estes fede lhos chatos que nem uma carraça e agora,

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 05/06 PLANIFICAÇÃO ANUAL º CICLO EDUCAÇÃO MORAL RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC)- 6ºANO. Documento(s) Orientador(es): Programa de EMRC de 8 junho de 04;

Leia mais