CLASSIFICAÇÃO DOS INTERVALOS MUSICAIS. Ex.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CLASSIFICAÇÃO DOS INTERVALOS MUSICAIS. Ex."

Transcrição

1 LIÇÃO - 01 INTERVALO MUSICAL As notas musicais indicam as diferentes alturas do som. Assim sendo, entre estas diferentes alturas sonoras, obviamente, cria-se uma distância entre elas, a qual chamamos de intervalo musical. CLASSIFICAÇÃO DOS INTERVALOS MUSICAIS Classificamos os intervalos musicais de acordo com a quantidade, a altura, a execução e a proximidade entre as notas que o compõem. a) Quanto à altura das notas musicais, os intervalos podem ser: ASCENDENTE OU DESCENDENTE. No intervalo ascendente a primeira nota musical é mais grave do que a segunda nota. Já no intervalo descendente ocorre o contrário. b) Quanto à proximidade entre as notas musicais, os intervalos podem ser: SIMPLES OU COMPOSTO; CONJUNTO OU DISJUNTO. No intervalo simples a distância entre as notas vai até ao limite de uma oitava, enquanto que, no intervalo composto esta distância ultrapassa o limite de uma oitava. O intervalo conjunto é formado por notas consecutivas, enquanto que, o intervalo disjunto é formado por notas alternadas. c) Quanto ao modo de execução das notas musicais, os intervalos podem ser: MELÓDICO OU HARMÔNICO. No intervalo melódico executa-se uma nota após a outra, enquanto que, no intervalo harmônico as notas musicais são executadas simultaneamente. d) Quanto ao número de notas musicais, os intervalos podem ser: de primeira ou uníssona; de segunda; de terceira; de quarta; de quinta; de sexta; de sétima; de oitava; etc. 1

2 LIÇÃO 02 TIPOS DE INTERVALO MUSICAL Considerando a nota DÓ como som inicial, os intervalos de primeira, de quarta, de quinta e de oitava são denominados JUSTOS e compõem-se cada um, das seguintes quantidades de tons e/ou semitons. Assim, todo intervalo de primeira justa ou uníssono, é um intervalo NULO. Já o intervalo de quarta justa é composto por dois tons e meio. O intervalo de quinta justa por três tons e meio e o intervalo de oitava justa por cinco tons e dois semitons. Todavia, se acrescentarmos ou subtrairmos aos intervalos JUSTOS, através de uma alteração musical, a distância de meio tom, os mesmos tornar-se-ão AUMENTADOS OU DIMINUTOS, respectivamente. De igual modo, considerando a nota DÓ como som inicial, os intervalos de segunda, de terceira, de sexta e de sétima são denominados MAIORES e compõem-se cada um, das seguintes quantidades de tons e/ou semitons. Assim, todo intervalo de segunda maior é composto por um tom. Já os intervalos de terceira maior por dois tons; de sexta maior e de sétima maior por quatro tons e meio e cinco tons e meio, respectivamente. Se, porém, acrescentarmos ou subtrairmos aos intervalos maiores, através de uma alteração musical, a distância de meio tom, os mesmos tornar-se-ão AUMENTADOS OU MENORES, respectivamente. O intervalo MENOR, obviamente, decrescido de meio tom, torna-se DIMINUTO. INTERVALOS MUSICAIS Justo + Semitom = Aumentado Justo - Semitom = Diminuto Maior + Semitom = Aumentado Maior - Semitom = Menor Menor - Semitom = Diminuto 2

3 LIÇÃO 03 INVERSÃO DOS INTERVALOS MUSICAIS Inverter um intervalo musical consiste em transportar sua nota inicial, uma oitava acima ou abaixo. Assim, na inversão, o intervalo ascendente torna-se descendente e vice-versa. De outro modo, para se encontrar a inversão de um intervalo, basta subtraí-lo do número 9. a) 9 2ª = 7ª ; b) 9 6ª = 3ª c) 9 5ª = 4ª Só se invertem intervalos SIMPLES. Na inversão, os intervalos JUSTOS permanecem JUSTOS, enquanto que os AUMENTADOS tornam-se DIMINUTOS e os MAIORES tornam-se MENORES. 01. Explique o que é um intervalo musical. 02. Faça a diferença entre um intervalo melódico e um intervalo harmônico. 03. Explique o que é um intervalo composto. 04. Faça a diferença entre um intervalo conjunto e um intervalo disjunto. 05. Na inversão, os intervalos JUSTOS: ( ) tornam-se maiores ( ) permanecem justos ( ) tornam-se menores ( ) tornam-se diminutos 06. Ao acrescentarmos meio tom ao intervalo maior, o mesmo torna-se: ( ) menor ( ) diminuto ( ) aumentado ( ) justo 07. Em que consiste a inversão de um intervalo? 08. Cite os nomes dos intervalos justos. 09. Identifique os intervalos abaixo: 10. Transforme os intervalos abaixo em aumentados e/ou diminutos. 3

4 LIÇÃO 04 ACORDE MUSICAL À execução de duas notas musicais cantadas ou tocadas de forma sucessiva ou simultânea denominamos de Intervalo Musical. Já, a combinação sonora produzida por três notas musicais, separadas por intervalos de terça, cantadas ou tocadas simultaneamente ou arpejada, chamamos de Acorde Musical. Assim, Acorde Musical é o conjunto de três notas alternadas, por intervalos de terça, cantadas ou tocadas simultaneamente ou arpejada. DENOMINAÇÃO DAS NOTAS DE UM ACORDE A nota musical que dá origem ao acorde denomina-se FUNDAMENTAL. Considerada como a nota mais importante é ela que dá nome ao acorde. Já a segunda nota formadora do acorde denomina-se TERÇA, enquanto que, à terceira nota do acorde chamamos de QUINTA, dada a sua relação interválica com a Fundamental. 01. Explique o que é um acorde musical. 02. Construa os acordes abaixo, a partir da nota indicada. 03. Cite os nomes das notas de um acorde 04. Qual a nota mais importante de um acorde? 05. Faça a diferença entre um acorde e um intervalo musical. LIÇÃO 05 CLASSIFICAÇÃO DOS ACORDES Os acordes recebem os nomes de suas fundamentais e se classificam de acordo com os intervalos existentes entre suas notas em: MAIOR, MENOR, AUMENTADO OU DIMINUTO. ACORDE PERFEITO MAIOR É o acorde formado por dois intervalos de terças consecutivas, sendo a primeira terça maior e a segunda terça menor. ACORDE PERFEITO MENOR É o acorde formado por dois intervalos de terças consecutivas, sendo a primeira terça menor e a segunda terça maior. 4

5 A soma de duas terças diferentes (maior/menor) resulta num intervalo de 5ª justa. Assim, podemos afirmar, também, que um acorde maior ou menor é formado por um intervalo de terça maior ou menor mais uma quinta justa. ACORDE AUMENTADO OU ACORDE DE 5ª AUMENTADA É o acorde formado por dois intervalos de terças maiores. A soma de tais intervalos resulta num intervalo de 5ª aumentada. ACORDE DIMINUTO OU ACORDE DE 5ª DIMINUTA É o acorde formado por dois intervalos de terças menores. A soma de tais intervalos resulta num intervalo de 5ª diminuta. REPRESENTAÇÃO DOS ACORDES - Os acordes são representados por letras maiúsculas denominadas CIFRAS. Quando menores acrescenta-se à letra respectiva o m minúsculo. Já, aos acordes aumentados ou diminutos indica-se junto à cifra o intervalo de 5ª respectivo. NOTAS DÓ RÉ MI FÁ SOL LÁ SI CIFRAS C D E F G A B 01. Identifique os acordes abaixo. 02. Elabore os acordes solicitados. 03. Elabore os acordes de acordo com os graus solicitados. 5

6 LIÇÃO 06 ESTADO DOS ACORDES O estado de um acorde depende da nota desse acorde que se encontra na voz mais grave. Assim, os acordes podem apresentar-se de três formas diferentes: no estado fundamental, na primeira inversão ou na segunda inversão. ESTADO FUNDAMENTAL O acorde encontra-se no estado fundamental quando a sua nota mais grave é a própria fundamental. PRIMEIRA INVERSÃO O acorde está na primeira inversão quando a sua nota mais grave é a terça. SEGUNDA INVERSÃO Quando a quinta do acorde passa a ser a sua nota mais grave, o mesmo está em segunda inversão. LIÇÃO 07 FORMAÇÃO DAS ESCALAS MAIORES E SUAS ARMADURAS O antigo modo Jônico, atualmente escala de Dó Maior, considerada a escala modelo para se construir qualquer outra escala maior, possui todas suas notas musicais naturais, e, conseqüentemente, apresenta os seguintes intervalos entre as referidas notas: Tom, Tom, Semitom, Tom, Tom, Tom, semitom. Desta forma, como a Escala de Dó Maior não possui notas musicais alteradas, a sua armadura, também não possui qualquer acidente musical. As demais escalas maiores, construídas de acordo com a estrutura intervalar da escala modelo, possuem uma ou mais notas musicais alteradas, conforme a escala que se queira construir, a partir de qualquer nota musical. Assim, a armadura de clave, ou seja, a armadura das demais escalas maiores, exceto a de Dó, consiste na quantidade de acidentes musicais fixados no Pentagrama, logo após a Clave, na ordem de aparecimento dos mesmos. Escala de Sol Maior Armadura de Clave 6

7 Escala de Fá Maior Armadura de Clave 01. Construa as Escalas Maiores abaixo e suas respectivas armaduras: Sib Maior Lá Maior Ré Maior Mib Maior Si Maior 02. Encontre as armaduras de clave das seguintes tonalidades: DÓ, SOL, MIb, RÉ, SI, DÓ# e LÁ. LIÇÃO 08 O CICLO DAS QUINTAS E AS ESCALAS MAIORES Na formação das escalas maiores, as notas musicais aparecem alteradas na seguinte ordem: a) Com sustenido: FÁ, DÓ, SOL, RÉ, LÁ, MI, SI; ou seja, por intervalo de 5ª justa ascendente; b) Com bemol: SI, MI, LÁ, RÉ, SOL, DÓ FÁ; ou seja, por intervalo de 5ª justa descendente. 7

Intervalo é a diferença de altura entre sons. Na pauta musical é a diferença de altura entre notas musicais.

Intervalo é a diferença de altura entre sons. Na pauta musical é a diferença de altura entre notas musicais. INTERVALO S INTERVALOS Intervalo é a diferença de altura entre sons. Na pauta musical é a diferença de altura entre notas musicais. INTERVALO UNÍSSONO Quando duas notas têm a mesma altura e são simultâneas,

Leia mais

TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA

TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA THE 2010 MÚSICA CONQUISTE ESTA VITÓRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE Centro de Humanidades Coordenação do Curso de Bacharelado e Licenciatura em Música THE 2010

Leia mais

CADERNO DE PROVA (Manhã)

CADERNO DE PROVA (Manhã) Universidade do Estado de Santa Catarina Vestibular 2013.1 CADERNO DE PROVA (Manhã) Conhecimentos Musicais 30 questões NOME DO(A) CANDIDATO(A) Instruções Para fazer a prova você usará: este caderno de

Leia mais

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL Curso INSTRUÇÕES GERAIS

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL Curso INSTRUÇÕES GERAIS Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo

Leia mais

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco IFPE Campus Belo Jardim DATA 09/11/2014

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco IFPE Campus Belo Jardim DATA 09/11/2014 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco IFPE Campus Belo Jardim Exame de Seleção / VESTIBULAR IFPE 2015 Curso Superior de Licenciatura em Música Avaliação Específica em Música

Leia mais

Escalas Armadura de Clave (Revisão) Profa. Kadja Emanuelle

Escalas Armadura de Clave (Revisão) Profa. Kadja Emanuelle Escalas Armadura de Clave (Revisão) Profa. Kadja Emanuelle www.aulademusika.com Escada ou Escala Escada ou Escala? https://www.youtube.com/watch?v=tlqkc5yf5oy Veja mais https://g1.globo.com/ac/cruzeiro-do-sulregiao/noticia/no-interior-do-ac-escolatransforma-escadaria-em-piano-e-homenageiaeducadores-em-muro.ghtml

Leia mais

I- Música É a arte dos sons. É constituída de melodia, ritmo e harmonia. II- Representação violão ou guitarra Gráfica do braço do

I- Música É a arte dos sons. É constituída de melodia, ritmo e harmonia. II- Representação violão ou guitarra Gráfica do braço do I- Música É a arte dos sons. É constituída de melodia, ritmo e harmonia. a) Melodia É uma sucessão de sons musicais combinados b) Ritmo É a duração e acentuação dos sons e pausas c) Harmonia é a combinação

Leia mais

TEORIA MUSICAL. 01. Os tons vizinhos de Ré Maior são: 02. Classifique os intervalos abaixo:

TEORIA MUSICAL. 01. Os tons vizinhos de Ré Maior são: 02. Classifique os intervalos abaixo: TEORIA MUSICAL 01. Os tons vizinhos de Ré Maior são: 0-0) si m - sol m - Lá M - mi m - fá# m 1-1) si m - Sol M - Lá M - mi m - fá# m 2-2) ré m - Sol M - Lá M - mi m - fá # m 3-3) si m - Sol M - lá m -

Leia mais

Teoria Musical. 01. Na primeira linha das claves de sol e de fá, tem-se, respectivamente, as notas : 02. A respeito do termo VALOR, pode-se dizer que:

Teoria Musical. 01. Na primeira linha das claves de sol e de fá, tem-se, respectivamente, as notas : 02. A respeito do termo VALOR, pode-se dizer que: Teoria Musical 01. Na primeira linha das claves de sol e de fá, tem-se, respectivamente, as notas : 0-0) mi e mi. 1-1) sol e mi. 2-2) sol e sol. 3-3) mi e sol. 4-4) mi e si. Resposta: FFFVF A clave de

Leia mais

Teoria da Música I. Altura do som e aspectos melódicos. António José Ferreira. Meloteca 2009

Teoria da Música I. Altura do som e aspectos melódicos. António José Ferreira. Meloteca 2009 Teoria da Música I Altura do som e aspectos melódicos António José Ferreira Meloteca 2009 III - Intervalos O intervalo é a distância entre dois sons. É um elemento melódico e harmónico de grande importância.

Leia mais

42. Construa a escala maior e indique os tetracordes de cada uma das tonalidades indicadas abaixo:

42. Construa a escala maior e indique os tetracordes de cada uma das tonalidades indicadas abaixo: Escalas Exercícios 42. Construa a escala maior e indique os tetracordes de cada uma das tonalidades indicadas abaixo: A. SOL maior B. LA maior C. SI maior D. FA maior E. MI maior F. RE maior 89 43. Construa

Leia mais

Segunda Etapa SEGUNDO DIA 2ª ETAPA TEORIA MUSICAL COMISSÃO DE PROCESSOS SELETIVOS E TREINAMENTOS

Segunda Etapa SEGUNDO DIA 2ª ETAPA TEORIA MUSICAL COMISSÃO DE PROCESSOS SELETIVOS E TREINAMENTOS Segunda Etapa SEGUNDO DIA 2ª ETAPA TEORIA MUSICAL COMISSÃO DE PROCESSOS SELETIVOS E TREINAMENTOS 01. A barra dupla indica: 0-0) fim de um trecho musical. 1-1) mudança de compasso. 2-2) mudança de modo.

Leia mais

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL 2017 Edital N. 09/2017/PROGRAD-UFAL. Curso INSTRUÇÕES GERAIS

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL 2017 Edital N. 09/2017/PROGRAD-UFAL. Curso INSTRUÇÕES GERAIS Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo

Leia mais

Prof. Juarez Barcellos

Prof. Juarez Barcellos ou Notação Musical A teoria serve para que o músico organize a aplicação de sua técnica. Ela é o intelecto, a compreensão da arte. É através dela que as composições rompem os séculos com uma linguagem

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2013 E MÓDULO III DO PISM TRIÊNIO PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA BACHARELADO EM MÚSICA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2013 E MÓDULO III DO PISM TRIÊNIO PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA BACHARELADO EM MÚSICA A questão 01 é acompanhada de um exemplo musical gravado, que será repetido 4 vezes, com um silêncio de 30 segundos entre cada repetição; um som de aviso (quatro toques ) aparecerá antes do extrato musical

Leia mais

001. Prova de Conhecimento e Habilidade em Música

001. Prova de Conhecimento e Habilidade em Música vestibular 2014 001. Prova de Conhecimento e Habilidade em Música presencial Confira seus dados impressos neste caderno. Esta prova contém 30 questões objetivas e terá duração total de 2 horas. Para cada

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE CONCURSO VESTIBULAR 2010 E MÓDULO III DO PISM - TRIÊNIO 2007/2009

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE CONCURSO VESTIBULAR 2010 E MÓDULO III DO PISM - TRIÊNIO 2007/2009 PROVA DE PERCEPÇÃO E TEORIA (HABILIDADE ESPECÍFICA IAD/UFJF 2010) Parte I: PERCEPÇÃO Instruções: Cada uma das questões de 1 a 5 é acompanhada de um exemplo musical gravado; cada exemplo musical será repetido

Leia mais

Teoria Musical. Prof. Rodrigo Faleiros. Prof. Rodrigo Faleiros. blog: rodfaleiros.wordpress.com

Teoria Musical. Prof. Rodrigo Faleiros. Prof. Rodrigo Faleiros.   blog: rodfaleiros.wordpress.com Teoria Musical Prof. Rodrigo Faleiros Prof. Rodrigo Faleiros e-mail: rodfaleiros@gmail.com blog: rodfaleiros.wordpress.com 2 Aula 1 Ritmo Ritmo é a sucessão de tempos fortes e fracos que se alternam com

Leia mais

O básico da Guitarra - Aula 21 J. Junior. Hoje teremos a revisão sobre partitura e também sobre Escala Maior. Então é isso!!!!! Um Abraço. J.

O básico da Guitarra - Aula 21 J. Junior. Hoje teremos a revisão sobre partitura e também sobre Escala Maior. Então é isso!!!!! Um Abraço. J. O básico da Guitarra - Aula 21 Hoje teremos a revisão sobre partitura e também sobre Escala Maior. Então é isso!!!!! Um Abraço O básico da Guitarra - Aula 8 REVISÃO Notação Musical - Partitura A partitura

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto, Violoncelo e Piano)

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto, Violoncelo e Piano)

Leia mais

VIOLÃO 7 CORDAS CURSO BÁSICO

VIOLÃO 7 CORDAS CURSO BÁSICO VIOLÃO 7 CORDAS CURSO BÁSICO NOTAS MUSICAIS: Existem sete notas musicais: DÓ, RÉ, MI, FÁ, SOL, LÁ, SI. De uma nota para a outra, seguindo a seqüência natural, existe um tom de distância, exceto de MI para

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto Erudito, Piano, Violino

Leia mais

Escola de Música. Manual de teoria musical. Salomé Fidalgo

Escola de Música. Manual de teoria musical. Salomé Fidalgo Escola de Música Manual de teoria musical Salomé Fidalgo Índice: Matéria nº1: - Escalas...p.3 - Ciclo das quintas (Com relativas)...p.5 - Exercícios teóricos...p.9 Matéria nº2 - Acordes...p.10 - Arpejos...p.10

Leia mais

01. Assinale CORRETAMENTE a alternativa que corresponde às possibilidades de tonalidades apresentadas na sequência a seguir.

01. Assinale CORRETAMENTE a alternativa que corresponde às possibilidades de tonalidades apresentadas na sequência a seguir. 01. Assinale CORRETAMENTE a alternativa que corresponde às possibilidades de tonalidades apresentadas na sequência a seguir. Mi menor, Ré b maior, Sol maior Mi Maior, Ré bemol Maior, Lá Maior Sol# Maior,

Leia mais

TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE LICENCIATURA EM MÚSICA INSTRUÇÕES E INFORMAÇÕES. 1 ESCREVA seu nome com letra de forma apenas no quadro acima.

TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE LICENCIATURA EM MÚSICA INSTRUÇÕES E INFORMAÇÕES. 1 ESCREVA seu nome com letra de forma apenas no quadro acima. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA COORDENADORIA DE PROCESSOS DE SELEÇÃO VESTIBULAR DE VERÃO 2016 PROCESSO SELETIVO SERIADO PSS 2016 TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE LICENCIATURA EM MÚSICA NOME

Leia mais

LICENCIATURA EM MÚSICA

LICENCIATURA EM MÚSICA Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Curso de Música Licenciatura com ênfase em Educação Musical, Instrumento ou Canto TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA

Leia mais

Escala Maior Natural

Escala Maior Natural EXERCÍCIOS PARA FIXAÇÃO - ESCALAS 1. Escreva a Escala Maior nas tonalidades relacionadas abaixo. Siga o modelo com a seqüência de tons e semitons acrescentando acidentes (# ou b) quando necessário para

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEE ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEE ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEE ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS 2013-14 SOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE TEORIA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto Erudito, Piano, Violino

Leia mais

Intervalos Lista de exercícios 1

Intervalos Lista de exercícios 1 Teoria musical 1 Intervalos Lista de exercícios 1 Assista a aula completa em: http://www.youtube.com/watch?v=x-hkueowgly Elaboração e diagramação: Philippe Lobo Intervalos Exercícios Respostas na última

Leia mais

Introdução 11 Sobre este Livro 11 Para quem é este livro? 11 Como está organizado este livro 12 Para onde ir a partir daqui 13 PARTE I 15 Ritmo 15

Introdução 11 Sobre este Livro 11 Para quem é este livro? 11 Como está organizado este livro 12 Para onde ir a partir daqui 13 PARTE I 15 Ritmo 15 Introdução 11 Sobre este Livro 11 Para quem é este livro? 11 Como está organizado este livro 12 Para onde ir a partir daqui 13 PARTE I 15 Ritmo 15 Capítulo 1 16 O que é a Teoria musical afinal? 16 Como

Leia mais

Prova de Teoria Musical e Percepção melódica e rítmica

Prova de Teoria Musical e Percepção melódica e rítmica UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto Erudito, Canto Popular,

Leia mais

Apostila de Teoria Musical I

Apostila de Teoria Musical I Apostila de Teoria Musical I 2009 Índice I Propriedades Físicas do Som...03 II O que é Música?...04 III Representação gráfica do pentagrama...05 IV Notação Musical...06 V Figuras e Valores das e pausas...07

Leia mais

Intervalos. Classificação numérica. Classificação de dimensão

Intervalos. Classificação numérica. Classificação de dimensão Intervalos Um intervalo é a distância entre duas notas ou sons diferentes, sendo ascendente ou descendente em função da direção melódica que adotar. Estão sujeitos às seguintes classificações: Classificação

Leia mais

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL 2016 Edital nº 02/2016/PROGRAD-UFAL. Curso INSTRUÇÕES GERAIS

TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL 2016 Edital nº 02/2016/PROGRAD-UFAL. Curso INSTRUÇÕES GERAIS Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA TESTE ESPECÍFICO - PROVA ESCRITA Processo Seletivo

Leia mais

Processo Seletivo UFAL 2013 Curso

Processo Seletivo UFAL 2013 Curso CADERNO DE QUESTÕES Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes ICHCA TESTE ESPECÍFICO PROVA ESCRITA Processo

Leia mais

C-FSG-MU/2014 CÓD. 11

C-FSG-MU/2014 CÓD. 11 1) Em relação aos conhecimentos sobre Escalas Cromáticas, analise as afirmativas abaixo como sendo falsas (F) ou verdadeiras (V) e marque a alternativa correta. I Na descida de uma escala cromática maior,

Leia mais

Prova de Teoria Musical e Percepção melódica e rítmica

Prova de Teoria Musical e Percepção melódica e rítmica UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto Erudito, Canto Popular,

Leia mais

Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes ICHCA

Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes ICHCA Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes ICHCA TESTE ESPECÍFICO PROVA ESCRITA Processo Seletivo UFAL

Leia mais

Prova (1º Módulo) Nome do Aluno: data / /

Prova (1º Módulo) Nome do Aluno: data / / Prova (1º Módulo) Nome do Aluno: data / / 1. O que é música? 2. Qual elemento (a matéria) mais importante da música que sem ele, a mesma não existiria? 3. O que é som? 4. Existem duas espécies de sons.

Leia mais

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO MARIO SALES SANTOS TREINOS COM TRÊS DEDOS E OS PRIMEIROS ACORDES PARA TOCAR AS PRIMEIRAS MÚSICAS São Paulo 2013 SUMARIO OBJETIVO DA AULA... 02 TREINOS A SEREM EXECUTADOS...

Leia mais

Apostila de Ensino Teoria Musical Noções Gerais

Apostila de Ensino Teoria Musical Noções Gerais Apostila de Ensino Teoria Musical Noções Gerais Edição 2016 APRESENTAÇÃO Esta apostila reúne uma compilação de estudos embasados nas devidas referências bibliográficas, notações complementares e exercícios

Leia mais

MÚSICA. 1ª QUESTÃO A tonalidade relativa de Mi Bemol Maior é. A) Sol Menor. B) Ré Sustenido Maior. C) Dó Menor. D) Dó Maior. E) Mi Bemol Menor.

MÚSICA. 1ª QUESTÃO A tonalidade relativa de Mi Bemol Maior é. A) Sol Menor. B) Ré Sustenido Maior. C) Dó Menor. D) Dó Maior. E) Mi Bemol Menor. MÚSICA 1ª QUESTÃO A tonalidade relativa de Mi Bemol Maior é A) Sol Menor. B) Ré Sustenido Maior. C) Dó Menor. D) Dó Maior. E) Mi Bemol Menor. 2ª QUESTÃO A tonalidade de Si Maior tem, em sua armadura convencional,

Leia mais

Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS, COMUNICAÇÃO E ARTES ICHCA

Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS, COMUNICAÇÃO E ARTES ICHCA CADERNO DE QUESTÕES Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS, COMUNICAÇÃO E ARTES ICHCA TESTE ESPECÍFICO PROVA ESCRITA Processo

Leia mais

Para responder à questão 1, ouça atentamente o trecho musical I.

Para responder à questão 1, ouça atentamente o trecho musical I. Nas questões de 1 a 10, responda de acordo com o comando de cada uma delas. As questões 1 e 8 exigem respostas a serem construídas; a questão 2 é de associação. A resposta a essa questão deverá ser transcrita

Leia mais

Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS, COMUNICAÇÃO E ARTES ICHCA

Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS, COMUNICAÇÃO E ARTES ICHCA CADERNO DE QUESTÕES Serviço Público Federal UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS, COMUNICAÇÃO E ARTES ICHCA TESTE ESPECÍFICO PROVA ESCRITA Processo

Leia mais

CONCURSO VESTIBULAR 2015 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA

CONCURSO VESTIBULAR 2015 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA CONCURSO VESTIBULAR 2015 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA Nome do Candidato: Inscrição: Assinatura: PROVA COLETIVA 1- A prova está dividida em 4 questões com as seguintes pontuações: Questão

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS 2017-18 SOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE MÚSICA QUESTÃO:

Leia mais

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL Esta prova de Teoria e Percepção Musical é constituída de 30 questões de múltipla escolha. * As questões de 1 a 10 são acompanhadas de um áudio gravado que será tocado 4 vezes.

Leia mais

INTERVALO MUSICAL. Nota.: Os intervalos são contados em semitom, que é o menor intervalo entre duas notas, no sistema musical ocidental.

INTERVALO MUSICAL. Nota.: Os intervalos são contados em semitom, que é o menor intervalo entre duas notas, no sistema musical ocidental. 1 Definição: INTERVALO MUSICAL Intervalo é a distância entre duas notas. São numerados segundo a ordem natural das notas musicais. Ex: Do, Re, Mi, Fa, Sol, La, Si, Do... Como as notas musicais sâo teoricamente

Leia mais

EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS SOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE TEORIA MUSICAL

EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS SOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE TEORIA MUSICAL MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DETMil ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS 2012-13 SOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE

Leia mais

Ao compreendê-la bem, você sentirá muito mais segurança ao tocar o seu instrumento musical.

Ao compreendê-la bem, você sentirá muito mais segurança ao tocar o seu instrumento musical. 1 Apresentação A Teoria Musical existe para nos ajudar. Acredite nisso! Ao compreendê-la bem, você sentirá muito mais segurança ao tocar o seu instrumento musical. E com o objetivo de estimular o aprendizado,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA. Assinatura: PROVA COLETIVA PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016 PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA CURSO DE MÚSICA Nome do Candidato: Inscrição: Assinatura: PROVA COLETIVA 1- A prova está dividida em 4 questões com as seguintes pontuações:

Leia mais

=========================================================== 1) A um melodioso grupo de notas cantado numa única sílaba dá-se o nome de

=========================================================== 1) A um melodioso grupo de notas cantado numa única sílaba dá-se o nome de 1) A um melodioso grupo de notas cantado numa única sílaba dáse o nome de (A) voz organal. (B) organum paralelo. (C) melisma. (D) cantochão. (E) textura. 2) A Escala formada exclusivamente por intervalos

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS 2017-18 SOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE MÚSICA Em se

Leia mais

VESTIBULAR PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA AGUARDE A ORDEM DO FISCAL PARA ABRIR ESTE CADERNO DE QUESTÕES. INSTRUÇÕES

VESTIBULAR PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA AGUARDE A ORDEM DO FISCAL PARA ABRIR ESTE CADERNO DE QUESTÕES. INSTRUÇÕES VESTIBULAR 2007 003. PROVA DE APTIDÃO EM MÚSICA INSTRUÇÕES VOCÊ RECEBEU SUA FOLHA DE RESPOSTAS E ESTE CADERNO CONTENDO 30 QUESTÕES OBJETIVAS. CONFIRA SEU NOME E NÚMERO DA CARTEIRA NA CAPA DESTE CADERNO.

Leia mais

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO MARIO SALES SANTOS ESCALAS E ACORDES São Paulo 2013 SUMARIO ALTURA MUSICAL... 02 INTERVALO... 02 POSIÇÃO DAS NOTAS MUSICAIS... 02 ESCALA MAIOR... 03 MONTAGEM DE ACORDES...

Leia mais

NÚMERO DE INSCRIÇÃO: ===========================================================

NÚMERO DE INSCRIÇÃO: =========================================================== 1) Segundo o professor Bohumil Med, o aspecto vertical da linguagem musical chamase: Acorde. Harmonia. Contraponto. Melodia. Homofonia. 2) Segundo o professor Bohumil Med, a harmonia que classifica os

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR DEPARTAMENTO DE MÚSICA VESTIBULAR 2018 MÚSICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR DEPARTAMENTO DE MÚSICA VESTIBULAR 2018 MÚSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR DEPARTAMENTO DE MÚSICA VESTIBULAR 2018 MÚSICA INSTRUÇÕES Ao receber este caderno de prova verifique se contém

Leia mais

UEL Prova de Habilidades Específicas. Vestibular. M Ú S I C A 2 5 / 0 9 / M a t u t i n o P r o v a C o l e t i v a.

UEL Prova de Habilidades Específicas. Vestibular. M Ú S I C A 2 5 / 0 9 / M a t u t i n o P r o v a C o l e t i v a. Prova de Habilidades Específicas M Ú S I C A 2 5 / 0 9 / 2 0 1 6 M a t u t i n o P r o v a C o l e t i v a Nome do Candidato: Inscrição: Assinatura: PROVA COLETIVA 1- A prova está dividida em 4 questões

Leia mais

Síntese de conceitos da Harmonia

Síntese de conceitos da Harmonia Prof. Dr. Paulo de Tarso Disciplina: Harmonia I Síntese de conceitos da Harmonia Integrantes Débora Júlia Leonardo Leonardo Lucas Luccas Jefferson Natan Samuel Victoria Á. Coutinho 1. Introdução Harmonia

Leia mais

C-FSG-MU/2017 CÓDIGO - 11

C-FSG-MU/2017 CÓDIGO - 11 1) São considerados como andamentos médios: (A) Vivo e Adágio. (B) Adagio e Andante. (C) Maestoso e Allegro. (D) Stretto e Animato. (E) Andantino e Sostenuto. 2) Qual o nome do ornamento grafado na pauta

Leia mais

LINGUAGEM E ESTRUTURAÇÃO MUSICAL

LINGUAGEM E ESTRUTURAÇÃO MUSICAL LINGUAGEM E ESTRUTURAÇÃO MUSICAL 1ª QUESTÃO Sobre as fórmulas de compasso 3/4 e 9/8, analise as afirmativas a seguir: I. As fórmulas de compasso 3/4 e 9/8 são exemplos de compassos ternários. II. As fórmulas

Leia mais

T E O R I A E P E R C E P Ç Ã O M U S I C A L

T E O R I A E P E R C E P Ç Ã O M U S I C A L T E O R I A E P E R C E P Ç Ã O M U S I C A L QUESTÃO 1 Assinale, dentre as escalas abaixo, aquela que corresponde à escala de Fá Menor harmônica: QUESTÃO 5 Qual destas tríades corresponde, em Fá Menor,

Leia mais

VESTIBULAR MÚSICA

VESTIBULAR MÚSICA 0 UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ - REITORIA DE ENSINO COMISSÃO DE PROCESSOS VESTIBULARES UNIDADE ACADEMICA DE ARTE E MÍDIA VESTIBULAR 2015.2 TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA MÚSICA CONQUISTE

Leia mais

VESTIBULAR MÚSICA

VESTIBULAR MÚSICA 0 UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ - REITORIA DE ENSINO COMISSÃO DE PROCESSOS VESTIBULARES UNIDADE ACADEMICA DE ARTE E MÍDIA VESTIBULAR 2014.2 TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA MÚSICA CONQUISTE

Leia mais

1.1. CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES

1.1. CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES VIOLÃO 1. O QUE SÃO CIFRAS 1.1. CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES A Cifra é um símbolo usado para representar um acorde de uma forma prática. A Cifra é composta de letras, números e sinais.

Leia mais

Para responder à questão 1, ouça atentamente o trecho musical I.

Para responder à questão 1, ouça atentamente o trecho musical I. Nas questões de 1 a 10, responda de acordo com o comando de cada uma delas. As questões 1, 3 e 8 exigem respostas a serem construídas; as questões 2, 7, 9 e 10 são de associação. As respostas a essas questões

Leia mais

- MATRIZES DAS DISCIPLINAS -

- MATRIZES DAS DISCIPLINAS - - MATRIZES DAS DISCIPLINAS - FORMAÇÃO MUSICAL Anexo II Matrizes das Disciplinas Admissões 2015/2016 Página 30 de 80 1. DITADOS RÍTMICOS FORMAÇÃO MUSICAL ACESSO AO 2º GRAU PROVA ESCRITA 1.1. Duas frases

Leia mais

PROVA ESCRITA. 2. Tendo como referencia as escalas maiores abaixo,

PROVA ESCRITA. 2. Tendo como referencia as escalas maiores abaixo, PROVA ESCRITA 1. De acordo com o trecho musical abaixo assinale a alternativa que corresponde as notas escritas em suas devidas alturas, segundo a escala geral. A) Lá3-Sol3-Fá3-Fá4-Sol4-Lá4-Si2-Dó3-Lá2-Sol2-Lá3-Si3-Dó3.

Leia mais

Universidade Metodista de Piracicaba Processo Seletivo 2013 Prova de Aptidão Curso Música Licenciatura Prova 1

Universidade Metodista de Piracicaba Processo Seletivo 2013 Prova de Aptidão Curso Música Licenciatura Prova 1 INSTRUÇÕES A prova de aptidão musical constitui-se de três partes: Universidade Metodista de Piracicaba Processo Seletivo 2013 Prova de Aptidão Curso Música Licenciatura Prova 1 1. HISTÓRICO MUSICAL Você

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD Escola Técnica de Artes - ETA Prova de Teoria Musical e Percepção Melódica e Rítmica Curso Técnico em Música (Canto, Piano, Violoncelo,

Leia mais

SÉRIE HARMÔNICA. As notas do contraponto são formadas com intervalos de repouso e/ou tensão,

SÉRIE HARMÔNICA. As notas do contraponto são formadas com intervalos de repouso e/ou tensão, 1 SÉRIE HARMÔNICA Texto: Prof. Dirso Anderle SESC/2001 As notas do contraponto são formadas com intervalos de repouso e/ou tensão, consonantes e/ou dissonantes entre as linhas (vozes) da melodia e as linhas

Leia mais

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL 2 a Etapa TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL Vestibular CADERNO 1 SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente o CARTAZ sobre ELIMINAÇÃO AUTOMÁTICA, afixado na parede da sala, à sua frente, e as instruções que

Leia mais

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL 2 a Etapa TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL Vestibular CADERNO 2 SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente o CARTAZ sobre ELIMINAÇÃO AUTOMÁTICA, afixado na parede da sala, à sua frente, e as instruções que

Leia mais

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL

TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL 2 a Etapa TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL Vestibular CADERNO 4 SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente o CARTAZ sobre ELIMINAÇÃO AUTOMÁTICA, afixado na parede da sala, à sua frente, e as instruções que

Leia mais

Projeto Escola para Musicistas Iniciantes. Metal Essência Orquestra Ebenézer. Daniel Colhado - Moisés Cezário - Samuel Barreto Reginaldo Freitas

Projeto Escola para Musicistas Iniciantes. Metal Essência Orquestra Ebenézer. Daniel Colhado - Moisés Cezário - Samuel Barreto Reginaldo Freitas Projeto Escola para Musicistas Iniciantes Metal Essência Orquestra Ebenézer Daniel Colhado - Moisés Cezário - Samuel Barreto Reginaldo Freitas APOSTILA Conteúdo CAPÍTULO I... 2 NOTAS... 3 PENTAGRAMA...

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR VESTIBULAR 2017 MÚSICA INSTRUÇÕES - Ao receber este caderno de prova verifique se contém 30 questões. Caso contrário,

Leia mais

C-FSG-MU/2015 CÓDIGO - 11

C-FSG-MU/2015 CÓDIGO - 11 1) Em relação à escala cromática, ao analisarmos a origem das notas cromáticas podese dizer que estas devem pertencer aos tons afastados da escala diatônica que lhe corresponde. não devem pertencer aos

Leia mais

MATERIAL DE REFORÇO PARA USO DO PROFESSOR

MATERIAL DE REFORÇO PARA USO DO PROFESSOR MATERIAL DE REFORÇO PARA USO DO PROFESSOR 1. PROPRIEDADES DO SOM 1.1. Preencher os espaços com a propriedade correta: a)... : é a propriedade de o som ser agudo ou grave. b)... : é o tempo que o som permanece

Leia mais

UFPE PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR Cursos Licenciatura, Música/Canto Bacharelado/Instrumento Bacharelado, Música Licenciatura TEORIA MUSICAL

UFPE PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR Cursos Licenciatura, Música/Canto Bacharelado/Instrumento Bacharelado, Música Licenciatura TEORIA MUSICAL UFPE PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2019 Cursos Licenciatura, Música/Canto Bacharelado/Instrumento Bacharelado, Música Licenciatura TEORIA MUSICAL LEIA COM ATENÇÃO 01. Só abra este caderno após ler todas

Leia mais

APOSTILA DE TEORIA MUSICAL 01

APOSTILA DE TEORIA MUSICAL 01 EMT - Ranildo Lopes - Teoria Musical IMAIL: ranildope@bol.com.br 1 ESCOLA DE MÚSICA DE TERESINA DIREÇÃO PROF. AURÉLIO MELO COORD. ADMINISTRATIVA - LUCINEIDE COORD. PEDAGÓGICA PAULO DANTAS ORGANIZADOR PROF.

Leia mais

II NOTAÇÃO MUSICAL. NOTAS NATURAIS São 7 (sete) as notas naturais DÓ - RÉ - MI - FA - SOL - LA - SI

II NOTAÇÃO MUSICAL. NOTAS NATURAIS São 7 (sete) as notas naturais DÓ - RÉ - MI - FA - SOL - LA - SI I MÚSICA Música é a arte de combinar os sons, seguindo as variações da altura, proporção, duração e ordenados por afinidades comuns. É através da música que o músico demonstra seus diversos sentimentos,

Leia mais

TEORIA. Atividades de teoria e treinamento auditivo para adolescentes. Hannelore Bucher. volume 5 1.ª edição. Vitória ES 2017.

TEORIA. Atividades de teoria e treinamento auditivo para adolescentes. Hannelore Bucher. volume 5 1.ª edição. Vitória ES 2017. TEORIA Atividades de teoria e treinamento auditivo para adolescentes volume 5 1.ª edição Hannelore Bucher Vitória ES 2017 Edição do Autor Hannelore Bucher.Teoria Teen 5-1 - copyright MMXVII Hannelore Bucher.Teoria

Leia mais

Conhecimentos Específicos

Conhecimentos Específicos PROCESSO SELETIVO 2017 Edital 24/2016 - NC Prova: 28/11/2016 INSCRIÇÃO TURMA NOME DO CANDIDATO ASSINO DECLARANDO QUE LI E COMPREENDI AS INSTRUÇÕES ABAIXO: CÓDIGO ORDEM INSTRUÇÕES Conhecimentos Específicos

Leia mais

Para responder às questões 1 e 2, ouça atentamente o trecho musical 1 e considere o exemplo musical I, que corresponde a esse trecho musical.

Para responder às questões 1 e 2, ouça atentamente o trecho musical 1 e considere o exemplo musical I, que corresponde a esse trecho musical. Nas questões de 1 a 10, responda de acordo com o comando de cada uma delas. A questão 1 exige resposta a ser construída pelo próprio candidato; as questões 3, 4, 9 e 10 são de associação ou complementação.

Leia mais

VESTIBULAR MÚSICA

VESTIBULAR MÚSICA 0 UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ - REITORIA DE ENSINO COMISSÃO DE PROCESSOS VESTIBULARES UNIDADE ACADEMICA DE ARTE E MÍDIA VESTIBULAR 2013.2 TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA MÚSICA CONQUISTE

Leia mais

Juarez Barcellos OS ACORDES MAIS USADOS NO VIOLÃO

Juarez Barcellos OS ACORDES MAIS USADOS NO VIOLÃO Juarez Barcellos OS ACORDES MAIS USADOS NO VIOLÃO EDIÇÃO 2015 ACORDES MAIORES EM TRÍADES TRÊS NOTAS Estes são os desenhos de acordes maiores mais usados de maneira geral. São tríades (acordes com três

Leia mais

Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido Teclado, violão, etc ÍNDICE 1 OBJETIVO NOTAS MUSICAIS INTERVALOS...

Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido Teclado, violão, etc ÍNDICE 1 OBJETIVO NOTAS MUSICAIS INTERVALOS... ÍNDICE 1 OBJETIVO... 02 2 NOTAS MUSICAIS... 02 3 INTERVALOS... 02 4 ACIDENTES... 02 5 FORMAÇÃO DOS ACORDES... 03 6 ESTUDO DAS ESCALAS... 04 7 INVERSÃO DE ACORDES... 10 8 TIRANDO E TOCANDO AS MÚSICAS DE

Leia mais

1º Módulo. 1. O Que é Musica? 2. Qual o elemento (a matéria) mais importante da musica que sem ele, a mesma não. existiria? 3. O que é Som?

1º Módulo. 1. O Que é Musica? 2. Qual o elemento (a matéria) mais importante da musica que sem ele, a mesma não. existiria? 3. O que é Som? 0 *Complementação Teórica Melodia é a Combinação de sons sucessivos (sons tocados um após o outro). Harmonia é a Combinação de sons simultâneos (Conjunto de vários sons tocando ao mesmo tempo). MÚSICA

Leia mais

MATRIZ DA PROVA ESCRITA DE APTIDÃO MUSICAL CANDIDATOS AO 1º GRAU EM MÚSICA

MATRIZ DA PROVA ESCRITA DE APTIDÃO MUSICAL CANDIDATOS AO 1º GRAU EM MÚSICA MATRIZ DA PROVA ESCRITA DE APTIDÃO MUSICAL CANDIDATOS AO 1º GRAU EM MÚSICA O,6 X NOTA APTIDÃO MUSICAL + O,4 X NOTA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL IDENTIFICAÇÃO DE TRECHOS MUSICAIS IDENTIFICAR E ASSINALAR FRASES

Leia mais

SEÇÃO ESCRITA. 1- Escrever as armaduras das seguintes tonalidades (0,1 ponto cada subitem): a) Mi Maior d) Fá# menor. b) Si menor e) Mib menor

SEÇÃO ESCRITA. 1- Escrever as armaduras das seguintes tonalidades (0,1 ponto cada subitem): a) Mi Maior d) Fá# menor. b) Si menor e) Mib menor 1 SEÇÃO ESCRITA 1- Escrever as armaduras das seguintes tonalidades (0,1 ponto cada subitem): a) Mi Maior d) Fá# menor b) Si menor e) Mib menor c) Réb Maior 2- Dadas as tonalidades, escrever a armadura

Leia mais

Apostila de Ensino Teclado (Módulo I)

Apostila de Ensino Teclado (Módulo I) Apostila de Ensino Teclado (Módulo I) Edição 2015 APRESENTAÇÃO Esta apostila reúne uma compilação de estudos embasados nas devidas referências bibliográficas, notações complementares e exercícios práticos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR VESTIBULAR 2014 MÚSICA INSTRUÇÕES - Ao receber este caderno de prova verifique se contém 30 questões. Caso contrário,

Leia mais

Prova Prática: Curso de Música

Prova Prática: Curso de Música Universidade do Estado de Santa Catarina Vestibular 2014.1 Prova Prática: Curso de Música NOME DO(A) CANDIDATO(A) Instruções Para fazer a prova você usará: este caderno de prova; um cartão-resposta que

Leia mais

Por: Marcio Magalhães

Por: Marcio Magalhães 1 Por: Marcio Magalhães 2 Teoria musical Conceito de escala A escala musical é o conjunto de todas as notas musicais incluindo os sustenidos e (ou) bemóis, organizadas de forma crescente do grave para

Leia mais

Conteúdo {Curso Básico}

Conteúdo {Curso Básico} Conteúdo {Curso Básico} Dicas para comprar um bom instrumento Tipos de Palhetas Segurando a palheta Posição da mão esquerda Posição para pestana Afinador Digital Metrônomo Afinando do Cavaquinho Intervalos

Leia mais